Estudo de Caso. Universidade Electrônica do Paraná (UEP) BRAZIL. Distribuindo programas de educação à distância no Estado do Paraná

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Estudo de Caso. Universidade Electrônica do Paraná (UEP) BRAZIL. Distribuindo programas de educação à distância no Estado do Paraná"

Transcrição

1 Estudo de Caso Universidade Electrônica do Paraná (UEP) BRAZIL Distribuindo programas de educação à distância no Estado do Paraná Teresa deonis Diretora, América Latina Julho 2001 Bright Ideas from The Video over IP Company

2 Contexto A Universidade Eletrônica do Paraná (UEP) é um provedor logístico de ensino localizado em Curitiba, a capital do estado do Paraná no sul do Brasil. A universidade focaliza a implementação de recursos técnicos para capacitar e oferecer programas de educação à distância em outras instituições. A universidade não produz conteúdo, mas deixa essa responsabilidade com universidades e outras instituições de educação existentes, tendo um papel consultor com relação à oferta técnica desse conteúdo. A Lei de Fundamentos da Educação do Brasil exige que até 2007 todos os professores no Brasil concluam o curso superior. Apenas no estado do Paraná há mais de professores do primeiro e segundo graus em 399 cidades que não têm atualmente esse certificado. A necessidade de uma solução usando videoconferência O Estado do Paraná precisou resolver três problemas principais: (1) Cumprimento das leis federais sobre educação. Como poderia o estado do Paraná cumprir a lei federal que exige que o estado certifique mais de professores dispersos em 399 cidades? Não se pode pretender que os professores deixem seus trabalhos e suas famílias para viajar ou morar onde o curso é oferecido. Nem o estado poderia investir os recursos necessários para construir universidades estaduais em todas as 399 cidades. (2) Desenvolvimento econômico continuado. O Estado do Paraná está se tornando rapidamente uma espécie de "Vale do Silício" brasileiro e precisava de novos cursos e programas técnicos para sustentar essa posição de liderança e dar continuidade ao esforço de desenvolvimento econômico nessa área. (3) Acesso à educação e a programas. O Brasil é um país muito extenso (maior que os Estados Unidos continental) que tem poucas universidades de boa qualidade. Somente uma pequena parcela da população tem acesso a essas instituições. O Estado do Paraná precisava oferecer a seus cidadãos acesso aos melhores cursos das melhores universidades do país. Em Junho de 2000, após uma visita ao ITESM de clientes de ensino superior da VCON (Monterrey Tech) no México, o Estado do Paraná decidiu que a videoconferência poderia resolver seus problemas. O Secretário de Ciência e Tecnologia do estado, Ramiro Wahrhaftig, seu consultor Ataíde Moacyr Ferrazza, e o coordenador de projeto Reinaldo Borba decidiram implementar e viabilizar o projeto. Jean Nerone, o gerente de suporte tecnológico da UEP, ficou responsável pelo projeto da rede e pela escolha do fornecedor dos serviços de videoconferência. 2

3 Por que a VCON? De acordo com Nerone, a decisão de implementar o projeto de videoconferência usando IP foi fácil. Essa é a tendência. Tudo pode e deve se basear em IP afirmou Nerone. Até recentemente, o custo da largura de banda [no Brasil] era um grande obstáculo para se implementar vídeo sobre IP. Mas os custos estão caindo e continuarão em queda a médio prazo e no futuro. Nerone também cita o uso da Internet como fator determinante na escolha de IP em vez de ISDN para o projeto: Pela maneira com que os cursos foram estruturados pode-se prever que os estudantes vão precisar ter acesso a sites na web específicos para concluir seus estudos. Poder usar uma única plataforma para videoconferência e acesso à Internet reduz o custo dos sistemas e de manutenção da rede. A Embratel foi a empresa de comunicações escolhida para implementar a rede no formato estrela. Foram instalados links IP de 256 Kbps (192 Kbps para vídeo, 64 Kbps para acesso à Internet), roteadores foram habilitados para multicast e a central de operações da rede foi instalada em Curitiba. Nerone avaliou os projetos de videoconferência da VCON, Polycom e PictureTel. A TES, revendedora da VCON no Brasil, patrocinou uma visita à sede da VCON Inc. em Austin, no Texas, para exibir sua tecnologia em primeira mão. Nerone escolheu a VCON devido ao desempenho do sistema na rede IP e ao aplicativo Interactive Multicast da VCON. A experiência da TES em videoconferência, além de sua capacidade de atendimento e suporte, também asseguraram a Nerone que ele teria serviços e suporte técnico pós-vendas completos. Dois meses depois da visita de Nerone à Austin, a UEP montou a rede IP e instalou os primeiros sistemas de videoconferência. Interactive Multicast. Nerone escolheu a VCON devido ao seu único e exclusivo recurso de Interactive Multicast. O Interactive Multicast possibilita aos estudantes a utilização de vídeo interativo. Ele dá aos instrutores a habilidade de difundir áudio e vídeo aos participantes usando pontos finais VCON ou visualizadores de multicast somente de software, enquanto também permite a qualquer participante usando ponto final VCON interagir plenamente durante a conferência. Em essência, a fonte de multicast pode ser passada entre os participantes VCON, criando um efeito de palanque virtual. Outro benefício do Interactive Multicast é a eficiência de sua largura de banda. Como ele usa multicast padrão, somente um fluxo está presente na rede, não importando quantos usuários estejam participando. Este foi um fator decisivo para Nerone, que só tinha 192 Kbps à sua disposição a ainda assim precisava fornecer vídeo interativo aos usuários. PacketAssist. Como a UEP precisava hospedar várias transmissões simultâneas e videoconferências interativas na mesma rede que também suportaria o acesso à Internet, Nerone escolheu a VCON devido ao seu alto desempenho em IP. A arquitetura PacketAssist da VCON oferece inúmeros recursos de QoS incluindo o ordenamento dos pacotes, a correção de flutuação e o ajuste de sincronia labial. Esses recursos, junto com a precedência de IP habilitada na rede da UEP, se combinam para oferecer uma conferência com a maior qualidade e o maior desempenho possíveis. Além disso, o recurso de ajuste da largura de banda adaptável permite ao ponto final VCON ajustar automaticamente a taxa de dados da conferência com base na capacidade e no desempenho da rede. 3

4 Instalação e operação Nerone escolheu o MediaConnect 8000, o sistema de conferência para grupos de trabalho da VCON de alto desempenho para ser o sistema instrutor. Cada um dos quatro MC8000 está localizado no centro da estrela em uma sala tipo estúdio onde fica sentado o instrutor. O instrutor envia um multicast interativo a partir do MC8000 para três ou quatro salas de aula remotas em outras cidades. As salas de aula são equipadas com sistemas MediaConnect 6000 compactos e fáceis de usar da VCON. Durante o multicast, um dos estudantes (professores) pode fazer perguntas ou comentários e requisitar a palavra usando o recurso de participante do Interactive Multicast do VCON no MC6000. O instrutor pode conceder a palavra para essa sala de aula com um simples clique do mouse. Essa sala de aula torna-se então a origem do multicast e o benefício resultante é que todos podem ver e ouvir esse estudante. Ao terminar, o instrutor pode retomar a palavra e continuar a conferência. A UEP gerencia a administra a rede de videoconferência de IP com o Media Xchange Manager (MXM) (gerente de troca de mídia). O MXM é um conjunto de aplicativos e serviços cliente/servidor integrados que fornecem a Nerone as ferramentas para administrar, configurar e monitorar todo o vídeo sobre IP nos pontos finais da rede a partir de uma central em Curitiba. Montado e funcionando Em 11 de setembro de 2000, a Universidade Eletrônica do Paraná começou a resolver seu principal problema para certificar seus professores do primeiro e segundo graus inaugurando os cursos Normal Superior. O primeiro curso Normal Superior está sendo oferecido pela Universidade Estadual de Ponta Grossa a 900 professores localizados nas cidades de Curitiba, Iratí, Ponta Grossa e Francisco Beltrão. Há 50 instrutores dando 40 aulas diferentes de 7:30 da manhã até às 22:30 da noite e de segunda à sexta-feira. Até o momento em que este documento era redigido, mais onze cidades estavam entrando on-line. Lições aprendidas De acordo com Nerone, como o projeto foi implementado muito rapidamente (dois meses), ocorreram alguns desafios que foram prontamente resolvidos. Nerone comentou, A maioria dos problemas tinham a ver, basicamente, com a infra-estrutura subjacente (comunicações de dados, centrais e configurações de roteadores). Do lado da videoconferência, o desafio principal era fazer os instrutores aprenderem a usar os sistemas. 4

5 Com um olho no futuro Os quatro estúdios de instrutores e as quinze salas de aula desenvolvidos para implementar os cursos Normal Superior no Estado do Paraná são apenas o início. Nerone planeja adicionar dois estúdios para instrutores e quinze novas salas de aula antes do final de Agora que a tecnologia foi implementada, as idéias estão fluindo e os assuntos a seguir serão desenvolvidos pela rede de vídeo em 2001: A Universidade do Estado de Ponta Grossa irá certificar professores antes do final de 2001 através do curso Normal Superior. A Universidade Federal do Paraná irá oferecer educação contínua na área da saúde. Cursos sobre Tecnologias da Informação serão ministrados a mais de estudantes em 15 cidades. Os seguintes programas de educação à distância também estão em desenvolvimento: Curso de Mestrado em Estatística em conjunto com a Universidade Federal de Santa Catarina. Mestrado em Redes de Comunicação com a UNB Mestrado em Engenharia Biomédica (3 cursos) Mestrado em Tecnologias de Informação na Saúde (2 cursos) Mestrado em Ciências Agrônomas com a UEM e a UEL Grau profissional para Treinar os Treinadores Mestrado em Administração Hospitalar Nerone planeja usar o Kit de Desenvolvimento da VCON, que é um conjunto completo de controles personalizados OCX de 32 bits, para integrar facilmente a comunicação visual da VCON nos aplicativos de educação à distância feitos sob encomenda. Ele também planeja implementar um gateway para ligar a rede da UEP com outras redes de vídeo de outros estados a fim de desenvolver projetos de educação à distância e programas com outras instituições. Uma unidade de conferência multiponto também será desenvolvida nesse período para habilitar videoconferências interativas com mais de duas instituições remotas simultaneamente. UEP: Uma história de sucesso A UEP é um estudo de caso claro de como a videoconferência pode resolver grandes problemas de governos encarregados de promover a educação de seus cidadãos. A videoconferência tem democratizado a educação no Estado do Paraná, afirma Nerone. Para estudantes das cidades distantes das maiores cidades do Paraná seria impossível fazer e concluir cursos avançados. Com as tecnologias da videoconferência, o Estado do Paraná está dando um grande passo no sentido de desenvolver nossa comunidade, oferecendo a todos os cidadãos do estado acesso a uma educação de qualidade. 5

6 Para mais informações, entre em contato com: VCON, Inc. Universidade Eletrônica do Paraná Boyer Blvd., Suite 300 Rua Dr. Correa Coelho, 767 Austin, TX EUA 3775, CIC Tel: Curitiba, Paraná - BRASIL Fax: Tel: Contato: Teresa de Onís Contato: Jean Carlo Nerone TES Rod. Anhanguera SP-330, Km 296 Cravinhos SP BRASIL Tel: Fax: Contato: Decio Luiz Rigotto The Video over IP Company

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Visão geral do Serviço Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Os Serviços de gerenciamento de dispositivos distribuídos ajudam você a controlar ativos

Leia mais

2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA

2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA 2 ALGUMAS PLATAFORMAS DE ENSINO A DISTÂNCIA Neste capítulo faremos uma breve descrição de algumas plataformas para ensino a distância e as vantagens e desvantagens de cada uma. No final do capítulo apresentamos

Leia mais

FileMaker Pro 12. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o

FileMaker Pro 12. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 12 Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 12 2007 2012 FileMaker Inc. Todos os direitos reservados. FileMaker Inc. 5201 Patrick Henry Drive Santa Clara,

Leia mais

Operadora de serviços móveis agiliza o lançamento no mercado para Soluções inovadoras de relacionamento social

Operadora de serviços móveis agiliza o lançamento no mercado para Soluções inovadoras de relacionamento social Plataforma Windows Azure Soluções para clientes - Estudo de caso Operadora de serviços móveis agiliza o lançamento no mercado para Soluções inovadoras de relacionamento social Visão geral País ou região:

Leia mais

Módulo II - Aula 3 Comunicação

Módulo II - Aula 3 Comunicação Módulo II - Aula 3 Comunicação O surgimento da comunicação entre as pessoas por meio de computadores só foi possível após o surgimento das Redes de Computadores. Na aula anterior você aprendeu sobre a

Leia mais

Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications

Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications 09 de março de 2011 Mainstay Partners LLC 901 Mariners Island Blvd Suite

Leia mais

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC RESUMO EXECUTIVO O PowerVault DL2000, baseado na tecnologia Symantec Backup Exec, oferece a única solução de backup em

Leia mais

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Versão 1.4 3725-03261-003 Rev.A Dezembro de 2014 Neste guia, você aprenderá a compartilhar e visualizar conteúdo durante uma conferência

Leia mais

FileMaker Pro 14. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 14

FileMaker Pro 14. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 14 FileMaker Pro 14 Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 14 2007-2015 FileMaker, Inc. Todos os direitos reservados. FileMaker Inc. 5201 Patrick Henry Drive Santa Clara,

Leia mais

Um White Paper da Websense Web Security Gateway: A Web 2.0 Protegida e Simplificada

Um White Paper da Websense Web Security Gateway: A Web 2.0 Protegida e Simplificada Um White Paper da Websense Web Security Gateway: A Web 2.0 Protegida e Simplificada Visão Geral do Mercado Embora o uso dos produtos da Web 2.0 esteja crescendo rapidamente, seu impacto integral sobre

Leia mais

Programa Intel Educar Tutorial: Ferramenta de Classificação Visual

Programa Intel Educar Tutorial: Ferramenta de Classificação Visual Copyright 2008, Intel Corporation. Todos os direitos reservados. Página 1 de 17 TUTORIAL: FERRAMENTA DE CLASSIFICAÇÃO VISUAL ÍNDICE 1. Acessando a ferramenta... 3 2. Como se cadastrar... 4 3. Usando a

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? As ofertas de nuvem pública proliferaram, e a nuvem privada se popularizou. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS Se todos os computadores da sua rede doméstica estiverem executando o Windows 7, crie um grupo doméstico Definitivamente, a forma mais

Leia mais

Soluções de Segurança de Infraestrutura Crítica OPÇÕES DE SEGURANÇA INTEGRADAS E EM CAMADAS. Sua Escolha em Segurança

Soluções de Segurança de Infraestrutura Crítica OPÇÕES DE SEGURANÇA INTEGRADAS E EM CAMADAS. Sua Escolha em Segurança Soluções de Segurança de Infraestrutura Crítica OPÇÕES DE SEGURANÇA INTEGRADAS E EM CAMADAS Sua Escolha em Segurança Honeywell Um legado de excelência Durante mais de duas décadas, as soluções de segurança

Leia mais

Capítulo 1 - Introdução 14

Capítulo 1 - Introdução 14 1 Introdução Em seu livro Pressman [22] define processo de software como um arcabouço para as tarefas que são necessárias para construir software de alta qualidade. Assim, é-se levado a inferir que o sucesso

Leia mais

WEBCAST GUIA DE ACESSO. Índice

WEBCAST GUIA DE ACESSO. Índice WEBCAST GUIA DE ACESSO Índice REQUISITOS MÍNIMOS DE TECNOLOGIA...2 WEB CAST...3 ACESSANDO O WEB CAST (AULA AO VIVO)...4 ACESSANDO O WEB CAST (VIDEO TAPE)...6 CONFIGURANDO O MAC (APPLE) PARA ACESSO AO WEB

Leia mais

itunes U Diretrizes Como montar o seu curso Visão geral

itunes U Diretrizes Como montar o seu curso Visão geral Conteúdo Visão geral 1 Primeiros passos 2 Edição e organização do conteúdo 4 Comunicados, tarefas e material 6 Melhores práticas 7 Como gerenciar as inscrições 8 Visão geral Com itunes U é muito fácil

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência Pregão Conjunto nº 27/2007 VIDEOCONFERÊNCIA ANEXO I Termo de Referência Índice 1. Objetivo...3 2. Requisitos técnicos e funcionais...3 2.1.

Leia mais

Diretivas do programa

Diretivas do programa Valued partner program América Latina Diretivas do programa www.datamax-oneil.com Valued Partner Program (VPP) da Datamax-O Neil Visão geral do programa O Valued Partner Program da Datamax-O Neil é um

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE AQUISIÇÕES

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE AQUISIÇÕES MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE AQUISIÇÕES BANCO INTERAMERICANO DE DESENVOLVIMENTO REPRESENTAÇÃO NO BRASIL SOLICITAÇÃO DE MANIFESTAÇÃO DE

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Há mais de 10 anos ajudando igrejas de todo o Brasil a se fortalecer, crescer e cumprir sua missão. Marcos Antonio Bassoli

Há mais de 10 anos ajudando igrejas de todo o Brasil a se fortalecer, crescer e cumprir sua missão. Marcos Antonio Bassoli Informatize sua igreja com a Gileade Sistemas! A empresa A Gileade Sistemas busca o que há de melhor em tecnologia para oferecer às igrejas soluções que auxiliem na organização administrativa e que possam,

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

Projeto de Ensino Via Satélite

Projeto de Ensino Via Satélite Projeto de Ensino Via Satélite O Instituto Edumed Associação de pesquisa, desenvolvimento e educação, sem fins lucrativos, estabelecida em Campinas, junho de 2000 Formada por pesquisadores e professores

Leia mais

FileMaker Pro 13. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 13

FileMaker Pro 13. Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 13 FileMaker Pro 13 Utilização de uma Conexão de Área de Trabalho Remota com o FileMaker Pro 13 2007-2013 FileMaker Inc. Todos os direitos reservados. FileMaker Inc. 5201 Patrick Henry Drive Santa Clara,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E TERMINAL SERVICES) Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E TERMINAL SERVICES) Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E O que é roteamento e acesso remoto? Roteamento Um roteador é um dispositivo que gerencia o fluxo de dados entre segmentos da rede,

Leia mais

Manual do usuário sobre o WebEx Meeting Center com as Salas de Reuniões de Colaboração (Nuvem CMR)

Manual do usuário sobre o WebEx Meeting Center com as Salas de Reuniões de Colaboração (Nuvem CMR) Manual do usuário sobre o WebEx Meeting Center com as Salas de Reuniões de Colaboração (Nuvem CMR) Primeira publicação: 2014 Última modificação: Americas Headquarters Cisco Systems, Inc. 170 West Tasman

Leia mais

Symantec University para Parceiros Perguntas freqüentes

Symantec University para Parceiros Perguntas freqüentes Symantec University para Parceiros Perguntas freqüentes Sumário INFORMAÇÕES GERAIS... 1 SYMANTEC UNIVERSITY PARA PARCEIROS... 1 TREINAMENTO... 2 SERVIÇO DE INFORMAÇÕES... 4 COLABORAÇÃO... 5 Informações

Leia mais

Manual de Instalação do Linux Educacional 1.0

Manual de Instalação do Linux Educacional 1.0 2007 Manual de Instalação do Linux Educacional 1.0 Por: Rafael Nink de Carvalho Web site: 2 Manual de Instalação do Linux Educacional 1.0 Por: Rafael Nink de Carvalho Machadinho D Oeste RO Agosto 2007

Leia mais

Índice. Para encerrar um atendimento (suporte)... 17. Conversa... 17. Adicionar Pessoa (na mesma conversa)... 20

Índice. Para encerrar um atendimento (suporte)... 17. Conversa... 17. Adicionar Pessoa (na mesma conversa)... 20 Guia de utilização Índice Introdução... 3 O que é o sistema BlueTalk... 3 Quem vai utilizar?... 3 A utilização do BlueTalk pelo estagiário do Programa Acessa Escola... 5 A arquitetura do sistema BlueTalk...

Leia mais

Laboratório - Mapeamento da Internet

Laboratório - Mapeamento da Internet Objetivos Parte 1: Testar a conectividade de rede usando o ping Parte 2: Rastrear uma rota para um servidor remoto usando o tracert do Windows Parte 3: Rastrear uma rota para um servidor remoto usando

Leia mais

Rede GlobalWhitepaper

Rede GlobalWhitepaper Rede GlobalWhitepaper Janeiro 2015 Page 1 of 8 1. Visão Geral...3 2. Conectividade Global, qualidade do serviço e confiabilidade...4 2.1 Qualidade Excepcional...4 2.2 Resiliência e Confiança...4 3. Terminais

Leia mais

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet.

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet. Olá! Você está recebendo as informações iniciais para utilizar o GEM (Software para Gestão Educacional) para gerenciar suas unidades escolares. O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar

Leia mais

Desenvolvimento da ReMAV-Curitiba Perspectivas Novos parceiros e alianças Institucionalização

Desenvolvimento da ReMAV-Curitiba Perspectivas Novos parceiros e alianças Institucionalização ,,:RUNVKRS :RUNVKRSGD513 %HOR+RUL]RQWHGHPDLRGH 5(0$9&XULWLED ([SHULPHQWRVGH*HVWmRH$SOLFDo}HV HP5HGHVGH$OWD9HORFLGDGH &HQWUR,QWHUQDFLRQDOGH7HFQRORJLDGH6RIWZDUH &HQWUR)HGHUDOGH(GXFDomR7HFQROyJLFDGR3DUDQi,QVWLWXWRGH7HFQRORJLDGR3DUDQi

Leia mais

MAXPRO. em Nuvem SERVIÇOS DE VÍDEO HOSPEDADO EM NUVEM PARA PROTEGER SEUS NEGÓCIOS. Vídeo a qualquer momento, em qualquer lugar

MAXPRO. em Nuvem SERVIÇOS DE VÍDEO HOSPEDADO EM NUVEM PARA PROTEGER SEUS NEGÓCIOS. Vídeo a qualquer momento, em qualquer lugar MAXPRO em Nuvem SERVIÇOS DE VÍDEO HOSPEDADO EM NUVEM PARA PROTEGER SEUS NEGÓCIOS Vídeo a qualquer momento, em qualquer lugar VIGILÂNCIA DE VÍDEO HOSPEDADO Vídeo em Nuvem 2 A qualquer momento, em qualquer

Leia mais

Soluções em Videoconferência Case - TJDFT. A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br

Soluções em Videoconferência Case - TJDFT. A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br Soluções em Videoconferência Case - TJDFT A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br Introdução A A.Telecom participou da licitação de soluções de videoconferência para o TJDFT (Tribunal de Justiça

Leia mais

FleetBroadband. O referencial em comunicações móveis via satélite

FleetBroadband. O referencial em comunicações móveis via satélite FleetBroadband O referencial em comunicações móveis via satélite A toda velocidade para um futuro com banda larga FleetBroadband é o primeiro serviço de comunicações marítimas a fornecer voz e dados em

Leia mais

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Satélite Manual de instalação e configuração CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Índice Índice 1.Informações gerais 1.1.Sobre este manual 1.2.Visão geral do sistema 1.3.História

Leia mais

Introdução a Computação

Introdução a Computação Introdução a Computação Aula 03 Profissões de TI Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http:// Papéis... Um papel é uma definição abstrata de um conjunto de atividades executadas e dos respectivos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO Santa Maria, 10 de Outubro de 2013. Revisão aula anterior Documento de Requisitos Estrutura Padrões Template Descoberta

Leia mais

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti. TI Aplicada Aula 02 Áreas e Profissionais de TI Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http:// Papéis... Um papel é uma definição abstrata de um conjunto de atividades executadas e dos

Leia mais

SUMÁRIO 1. AULA 6 ENDEREÇAMENTO IP:... 2

SUMÁRIO 1. AULA 6 ENDEREÇAMENTO IP:... 2 SUMÁRIO 1. AULA 6 ENDEREÇAMENTO IP:... 2 1.1 Introdução... 2 1.2 Estrutura do IP... 3 1.3 Tipos de IP... 3 1.4 Classes de IP... 4 1.5 Máscara de Sub-Rede... 6 1.6 Atribuindo um IP ao computador... 7 2

Leia mais

Manual de Utilização Moodle

Manual de Utilização Moodle Manual de Utilização Moodle Perfil Professor Apresentação Esse manual, baseado na documentação oficial do Moodle foi elaborado pela Coordenação de Tecnologia de Informação CTI do câmpus e tem como objetivo

Leia mais

SISTEMA DE MONITORAMENTO DE CONDIÇÕES CLIMÁTICAS

SISTEMA DE MONITORAMENTO DE CONDIÇÕES CLIMÁTICAS SISTEMA DE MONITORAMENTO DE CONDIÇÕES CLIMÁTICAS SUMÁRIO 1 Introdução...5 2 Sistema de monitoramento climático Ressonare...7 2.1 A rede de monitoramento...8 2.2 A coleta, o armazenamento e o acesso aos

Leia mais

acesse: vouclicar.com

acesse: vouclicar.com Transforme como sua empresa faz negócios, com o Office 365. Vouclicar.com A TI chegou para as pequenas e médias empresas A tecnologia é hoje o diferencial competitivo que torna a gestão mais eficiente,

Leia mais

Instalação do software e de opções da Série Polycom RealPresence Group e acessórios. Visão geral

Instalação do software e de opções da Série Polycom RealPresence Group e acessórios. Visão geral Instalação do software e de opções da Série Polycom RealPresence Group e acessórios Visão geral Quando você atualiza o software Polycom ou adquire opções adicionais do sistema, sua organização pode continuar

Leia mais

SMART Sync 2010 Guia prático

SMART Sync 2010 Guia prático SMART Sync 2010 Guia prático Simplificando o extraordinário Registro do produto Se você registrar o seu produto SMART, receberá notificações sobre novos recursos e atualizações de software. Registre-se

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 06 PROFª BRUNO CALEGARO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 06 PROFª BRUNO CALEGARO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 06 PROFª BRUNO CALEGARO Santa Maria, 27 de Setembro de 2013. Revisão aula anterior Desenvolvimento Ágil de Software Desenvolvimento e entrega

Leia mais

ERRATA. 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência;

ERRATA. 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; ERRATA Este documento tem por objetivo retificar: 1. Item 4.1.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; 2. Item 7.9.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO

Leia mais

Sistemas para internet e software livre

Sistemas para internet e software livre Sistemas para internet e software livre Aula 3 - Plataformas e sistemas para e- commerce Image: FreeDigitalPhotos.net E-commerce: Por onde começar? Projeto de e-commerce Plataforma de TI Treinamento de

Leia mais

MPLS MultiProtocol Label Switching

MPLS MultiProtocol Label Switching MPLS MultiProtocol Label Switching Cenário Atual As novas aplicações que necessitam de recurso da rede são cada vez mais comuns Transmissão de TV na Internet Videoconferências Jogos on-line A popularização

Leia mais

Protocolos Sinalização

Protocolos Sinalização Tecnologia em Redes de Computadores Fundamentos de VoIP Professor: André Sobral e-mail: alsobral@gmail.com São protocolos utilizados para estabelecer chamadas e conferências através de redes via IP; Os

Leia mais

PROTEÇÃO PERIMETRAL COMPROVADA NOVO SIMPLICIDADE DE PLATAFORMA ÚNICA.

PROTEÇÃO PERIMETRAL COMPROVADA NOVO SIMPLICIDADE DE PLATAFORMA ÚNICA. SISTEMAS DE DETECÇÃO PERIMETRAL MAIS INTELIGENTES MicroPoint II Sistema de Detecção em Cercas MicroTrack II Sistema de Detecção de Cabo Enterrado MicroWave 330 Barreira de Microondas Digital PROTEÇÃO PERIMETRAL

Leia mais

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal?

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal? Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL O que é Marketing Multicanal? Uma campanha MultiCanal integra email, SMS, torpedo de voz, sms, fax, chat online, formulários, por

Leia mais

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO 01. O QUE É? O Curso de Desenvolvimento de Websites é um curso de graduação tecnológica de nível superior com duração de dois anos e meio. Este curso permite a continuidade dos estudos em nível de bacharelado

Leia mais

Trabalho 3 Scratch na Escola

Trabalho 3 Scratch na Escola Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade de Coimbra Departamento de Matemática Trabalho 3 Scratch na Escola Meios Computacionais de Ensino Professor: Jaime Carvalho e Silva (jaimecs@mat.uc.pt)

Leia mais

Área: Ensino a Distância. 1. Introdução. 2. A Ferramenta de Co-autoria para EAD

Área: Ensino a Distância. 1. Introdução. 2. A Ferramenta de Co-autoria para EAD 1. Introdução Co-Autoria de Aulas na Rede Metropolitana de Alta Velocidade de Recife Juliana Regueira Basto Diniz Barros, Lorena de Sousa Castro, Carlos André Guimarães Ferraz E-mail: {jrbd,lsc2,cagf}@cin.ufpe.br

Leia mais

e- SIC Manual do Cidadão

e- SIC Manual do Cidadão e- SIC Manual do Cidadão Sumário Introdução 3 O e-sic 4 Primeiro acesso 5 Cadastrando-se no e-sic 6 Acessando o e-sic 7 Funções do e-sic 8 Envio de avisos por e-mail pelo e-sic 9 Como fazer um pedido de

Leia mais

Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper

Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper Forefront Server Security Management Console: Gerenciamento Simplificado da Segurança para Mensagens e Colaboração White Paper Outubro de 2007 Resumo Este white paper explica a função do Forefront Server

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br @ribeirord Pesquisa e Propagação do conhecimento: Através da Web, é possível

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE I

ENGENHARIA DE SOFTWARE I ENGENHARIA DE SOFTWARE I Prof. Cássio Huggentobler de Costa [cassio.costa@ulbra.br] Twitter: www.twitter.com/cassiocosta_ Agenda da Aula (002) Metodologias de Desenvolvimento de Softwares Métodos Ágeis

Leia mais

O TRAFip é uma poderosa ferramenta de coleta e caracterização de tráfego de rede IP, que vem resolver esse problema de forma definitiva.

O TRAFip é uma poderosa ferramenta de coleta e caracterização de tráfego de rede IP, que vem resolver esse problema de forma definitiva. Não há dúvida de que o ambiente de rede está cada vez mais complexo e que sua gestão é um grande desafio. Nesse cenário, saber o que está passando por essa importante infraestrutura é um ponto crítico

Leia mais

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul Planejamento Estratégico de TIC da Justiça Militar do Estado do Rio Grande do Sul MAPA ESTRATÉGICO DE TIC DA JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO (RS) MISSÃO: Gerar, manter e atualizar soluções tecnológicas eficazes,

Leia mais

Manual do Sistema "Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line" Editorial Brazil Informatica I Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line Conteúdo Part I Introdução 2 1 Fala Comigo -... Sistema de Atendimento

Leia mais

Estudo de caso. Varejo/Atacado Força de vendas Estudo de caso comercial

Estudo de caso. Varejo/Atacado Força de vendas Estudo de caso comercial Estudo de caso Representantes de vendas da Diarco otimizam o sistema de pedidos em mais de 50.000 lojas em todo o país com a Mobile Empresa: Diarco é a principal empresa de comércio atacadista de auto-atendimento

Leia mais

Apresentação do Professor. Ferramentas de Software para Gestão de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini 20/11/2013

Apresentação do Professor. Ferramentas de Software para Gestão de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini 20/11/2013 Apresentação do Professor Ferramentas de Software para Gestão de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini Formação Acadêmica: Bacharel em Sistemas de Informação Pós graduado em Didática e Metodologia para

Leia mais

Curso de ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

Curso de ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Curso de ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO ÁREA DO CONHECIMENTO: Engenharia. NOME DO CURSO: Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, especialização em Engenharia de Produção. PERFIL PROFISSIONAL: Este

Leia mais

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Aula 1 Conceitos da Computação em Nuvem A computação em nuvem ou cloud computing

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II. Primeiro Trabalho

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II. Primeiro Trabalho UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II Primeiro Trabalho Descrição do trabalho: Escrever um Documento de Visão. Projeto: Automatização do sistema que

Leia mais

ArcSoft MediaConverter

ArcSoft MediaConverter ArcSoft MediaConverter User Manual Português 1 201004 Índice Índice... 2 1. Índice... 3 1.1 Requisitos do sistema... 4 1.2 Extras... 4 2. Convertendo arquivos... 7 2.1 Passo1: Selecionar mídia... 7 2.1.1

Leia mais

O IDEC é uma organização não governamental de defesa do consumidor e sua missão e visão são:

O IDEC é uma organização não governamental de defesa do consumidor e sua missão e visão são: 24/2010 1. Identificação do Contratante Nº termo de referência: TdR nº 24/2010 Plano de aquisições: Linha 173 Título: consultor para desenvolvimento e venda de produtos e serviços Convênio: ATN/ME-10541-BR

Leia mais

Cobit e ITIL. Cobit. Planejamento e organização; Aquisição e implementação; Entrega e suporte; Monitoração.

Cobit e ITIL. Cobit. Planejamento e organização; Aquisição e implementação; Entrega e suporte; Monitoração. Cobit e ITIL GOVERNANÇA, GP - RISCO, GP PROJETOS - PMP, SEGURANÇA DAIANA BUENO OUTUBRO 20, 2010 AT 8:00 3.496 visualizações Atualmente, as empresas estão com seus processos internos cada vez mais dependentes

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - QoS e Engenharia de Tráfego www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Introdução Em oposição ao paradigma best-effort (melhor esforço) da Internet, está crescendo

Leia mais

Requisitos de business intelligence para TI: O que todo gerente de TI deve saber sobre as necessidades reais de usuários comerciais para BI

Requisitos de business intelligence para TI: O que todo gerente de TI deve saber sobre as necessidades reais de usuários comerciais para BI Requisitos de business intelligence para TI: O que todo gerente de TI deve saber sobre as necessidades reais de usuários comerciais para BI Janeiro de 2011 p2 Usuários comerciais e organizações precisam

Leia mais

Sistema Web de Ensino Voltado aos Conteúdos da Física

Sistema Web de Ensino Voltado aos Conteúdos da Física Sistema Web de Ensino Voltado aos Conteúdos da Física Fábio Luiz P. Albini 1 Departamento de Informática, Instituto Federal do Paraná (IFPR) Curitiba, Paraná 81520-000, Brazil. fabio.albini@ifpr.edu.br

Leia mais

Cursos Online. Universidade do Corretor Alta Performance em Vendas de Alto Valor. Guia de Boas Vindas Primeiros passos. www.andrevinicius.

Cursos Online. Universidade do Corretor Alta Performance em Vendas de Alto Valor. Guia de Boas Vindas Primeiros passos. www.andrevinicius. Cursos Online Universidade do Corretor Alta Performance em Vendas de Alto Valor Guia de Boas Vindas Primeiros passos www.andrevinicius.com/ead Universidade do Corretor Olá! Tudo bem? É com imenso prazer

Leia mais

Pós Graduação Engenharia de Software

Pós Graduação Engenharia de Software Pós Graduação Engenharia de Software Ana Candida Natali COPPE/UFRJ Programa de Engenharia de Sistemas e Computação FAPEC / FAT Estrutura do Módulo Parte 1 QUALIDADE DE SOFTWARE PROCESSO Introdução: desenvolvimento

Leia mais

1 - HUGHES PROPRIETARY

1 - HUGHES PROPRIETARY PROJETO SEDUC-AMAZONAS 1 - HUGHES PROPRIETARY O CLIENTE O CLIENTE SEDUC-AM Secretaria de Educação do Estado do Amazonas Maior estado Brasileiro 1,5 milhões de km² Estado coberto pela floresta amazônica

Leia mais

Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc.

Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc. CRIANDO UMA CAMPANHA Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc. O primeiro passo é adicionar uma lista, as lista basicamente são grupos

Leia mais

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário

Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Polycom RealPresence Content Sharing Suite Guia rápido do usuário Versão 1.2 3725-69877-001 Rev.A Novembro de 2013 Neste guia, você aprenderá a compartilhar e visualizar conteúdos durante uma conferência

Leia mais

DLB TECNOLOGIA. Educação Corporativa on-line

DLB TECNOLOGIA. Educação Corporativa on-line DLB TECNOLOGIA Educação Corporativa on-line A EDUCAÇÃO CORPORATIVA As empresas tem procurado melhorar sua mão de obra para aumentar seus ganhos de produtividade e economizar tempo em seus processos internos

Leia mais

O protocolo H.323 UNIP. Renê Furtado Felix. rffelix70@yahoo.com.br

O protocolo H.323 UNIP. Renê Furtado Felix. rffelix70@yahoo.com.br UNIP rffelix70@yahoo.com.br Este protocolo foi projetado com o intuito de servir redes multimídia locais com suporte a voz, vídeo e dados em redes de comutação em pacotes sem garantias de Qualidade de

Leia mais

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel BGAN Transmissão global de voz e dados em banda larga Banda larga para um planeta móvel Broadband Global Area Network (BGAN) O firm das distâncias O serviço da Rede Global de Banda Larga da Inmarsat (BGAN)

Leia mais

Plataforma na nuvem do CA AppLogic para aplicativos corporativos

Plataforma na nuvem do CA AppLogic para aplicativos corporativos FOLHA DE PRODUTOS: CA AppLogic Plataforma na nuvem do CA AppLogic para aplicativos corporativos agility made possible O CA AppLogic é uma plataforma de computação na nuvem pronta para o uso que ajuda a

Leia mais

Tecnologia e Sistemas de Informações ERP e CRM

Tecnologia e Sistemas de Informações ERP e CRM Universidade Federal do Vale do São Francisco Tecnologia e Sistemas de Informações ERP e CRM Prof. Ricardo Argenton Ramos Aula 6 ERP Enterprise Resource Planning Sistemas Integrados de Gestão Empresarial

Leia mais

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Versão 4.10 PDF-CIT-D-Rev1_PT Copyright 2011 Avigilon. Todos os direitos reservados. As informações apresentadas estão sujeitas a modificação

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

POLÍTICA DE PRIVACIDADE POLÍTICA DE PRIVACIDADE Este site é propriedade da Johnson & Johnson Limitada. Esta Política de Privacidade foi concebida para o informar das nossas regras no que respeita à recolha, utilização e divulgação

Leia mais

sentinela A plataforma completa para segurança corporativa LINHA Interceptação Monitoração Gravação Relatórios Gestão Tarifação

sentinela A plataforma completa para segurança corporativa LINHA Interceptação Monitoração Gravação Relatórios Gestão Tarifação LINHA sentinela Interceptação Monitoração Gravação Relatórios LINHA sentinela Gestão Tarifação A plataforma completa para segurança corporativa O Sentinela é uma plataforma de segurança voltada para telefonia

Leia mais

Introdução ao Aplicativo de Programação LEGO MINDSTORMS Education EV3

Introdução ao Aplicativo de Programação LEGO MINDSTORMS Education EV3 Introdução ao Aplicativo de Programação LEGO MINDSTORMS Education EV3 A LEGO Education tem o prazer de trazer até você a edição para tablet do Software LEGO MINDSTORMS Education EV3 - um jeito divertido

Leia mais

Maximizar o seu plano de sucesso Premier

Maximizar o seu plano de sucesso Premier Maximizar o seu plano de sucesso Premier Objetivos da Sessão Revise os recursos e benefícios do seu Plano de Sucesso Premier Programas de sucesso e recursos Treinamento Suporte técnico Serviços de administração

Leia mais

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) dynam publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca Av. Carlos Gomes 141 Suite 411 - Porto Alegre. RS Tel. +55(11) 3522-5950 / (51)

Leia mais

Acesso direto aos benefícios da Assinatura Perguntas e respostas para os clientes da Autodesk

Acesso direto aos benefícios da Assinatura Perguntas e respostas para os clientes da Autodesk Acesso direto aos benefícios da Assinatura Perguntas e respostas para os clientes da Autodesk O acesso aos benefícios da Assinatura do software da Autodesk está mais fácil e mais conveniente do que nunca.

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 1 OBJETIVOS 1. O que é a nova infra-estrutura informação (TI) para empresas? Por que a conectividade é tão importante nessa infra-estrutura

Leia mais

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Marketing Digital de resultado para Médias e Pequenas Empresas Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados

Leia mais

Guia de Instalação Rápida. Guia de Instalação Rápida. Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150. Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150

Guia de Instalação Rápida. Guia de Instalação Rápida. Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150. Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150 Guia de Instalação Rápida Guia de Instalação Rápida Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150 Encore Electronics, Inc. Todos os direitos reservados. CAPA Adaptador PCI-E Sem Fio N300/N150 Encore Electronics, Inc.

Leia mais

Configurações de Campanha

Configurações de Campanha Guia rápido sobre... Configurações de Campanha Neste guia... Aprenda a criar campanhas e a ajustar as configurações para otimizar os resultados. Índice 1. Criar Nova Campanha! 4 1.1 Dar um nome à campanha!

Leia mais

INTRODUÇÃO AO MICROSOFT DYNAMICS AX 4.0 FINANCEIRO I

INTRODUÇÃO AO MICROSOFT DYNAMICS AX 4.0 FINANCEIRO I Introdução INTRODUÇÃO AO MICROSOFT DYNAMICS AX 4.0 FINANCEIRO I E-Learning O treinamento é um componente vital para a retenção do valor de investimento do seu Microsoft Dynamics. Um treinamento de qualidade,

Leia mais

Sistemas Integrados de Gestão Empresarial

Sistemas Integrados de Gestão Empresarial Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 05 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

Instituto de Computação Universidade Federal Fluminense

Instituto de Computação Universidade Federal Fluminense Gerência da tutoria - o diferencial em uma plataforma on-line Luiz Valter Brand Gomes* Rosângela Lopes Lima* Filipe Ancelmo Saramago* Rodrigo Telles Costa* Instituto de Computação Universidade Federal

Leia mais