JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO"

Transcrição

1 Protocolo: 0383/2015 Processo: PREGÃO PRESENCIAL SESI/SENAI - PR Nº 157/2015 Objeto: Abertura: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE VIDEOCONFERÊNCIA E LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS. 08/04/ Suspensa Sine Die Impugnantes: Impugnada: TOTAL PRESENCE e SEAL TELECOM COMÉRCIO E SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA COMISSÃO DE LICITAÇÕES DO SESI/SENAI-PR. DA TEMPESTIVIDADE 1. É tempestiva a impugnação formulada pela empresa TOTAL PRESENCE enviada em meio digital no dia 02/04/2015 às 10h26min e pela empresa SEAL TELECOM COMÉRCIO E SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA enviada em meio digital no dia 06/04/2015 às 16h46min. DAS RAZÕES Trata-se impugnação apresentada pela empresa TOTAL PRESENCE, sob o fundamento de que ao verificar as especificações técnicas constatou que: 1) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.1 Visão Geral, "O acesso pelo Microsoft Lync 2013 ou superior poderá ser utilizado internamente e externamente à rede corporativa do SESI/SENAI. Se o dispositivo (microcomputador ou desktop) não possuir o Microsoft Lync instalado, o mesmo poderá ser conectado através de plug-in (LyncWebApp) para que possa acompanhar do próprio navegador web, sem a necessidade de instalação de programa específico. Através do Microsoft Lync 2013 ou superior, deve ser possível o envio de conteúdo para a videoconferência na qual estará conectado. Também deverá haver o recebimento de conteúdo gerado através da sala de videoconferência. *Entende-se que toda a solução do Microsoft Lync 2013 necessária para realização de chamadas internas e externas, inclusive através do LyncWebApp, já está instalado e em pleno funcionamento no SESI/SENAI, não cabendo ao vencedor do pregão realizar a instalação e configuração do mesmo, sendo que somente caberá ao vencedor a integração da nova solução implementada, com o Microsoft Lync 2013 existente. Está correto o entendimento? Se sim, é necessário que 2. seja detalhada toda a topologia da solução Lync existente, para que seja feito o correto dimensionamento do esforço técnico necessário para tal integração. *A funcionalidade de transmissão de conteúdo bidirecional, entre a videoconferência e o MS Lync 2013, não está disponível para a grande maioria das soluções existentes no mercado de videoconferência. Esta característica limita muito a concorrência e o princípio da isonomia necessário para um processo licitatório desta monta. Sendo assim, entende-se que uma solução que consiga transmitir conteúdo em apenas uma das direções (Lync para Videoconferência ou Videoconferência para Lync) atenda integralmente o edital. Está correto o entendimento? 2) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.3 Suportar os seguintes recursos operacionais, Permitir a transmissão on-line do conteúdo, por streaming, na velocidade especificada pelo CONTRATANTE, que poderá ser 128, 256, 384 ou 768 Kbps, através da INFOVIA PARANA e da Internet, para os usuários autorizados pelo CONTRATANTE, que, de forma não-interativa, participarão das sessões de videoconferência. *Entende-se que um streaming inferior a 320kbps reflete na baixa qualidade de visualização e disponibilizamos quatro versões de streaming 768kbps 512kbps 384kbps e 320kbps sendo a última focada em visualização através de dispositivos de baixa resolução, isto é, smartphones. A solução oferece streaming de alta e baixa qualidade e portanto atende aos requisitos do edital de modo a fornecer melhores características. Entende-se que serão aceitos as quatro versões de streaming apresentadas, está 1 / 7

2 correto o entendimento? 3) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.5 Requisitos do sistema, Com relação à interconexão do Microsoft Lync com as salas de videoconferência, o Contratado deve realizar a configuração das conexões e deixar o serviço em funcionamento, sem custos adicionais ao Contratante. Com relação à interconexão do Cisco Call Manager com as salas de videoconferência, o Contratado deve realizar a configuração das conexões e deixar o serviço em funcionamento, sem custos adicionais ao Contratante. *Entende-se que toda a solução do Microsoft Lync e o Cisco Call Manager já está instalado e em pleno funcionamento, que o escopo do vencedor se restringe a interconexão dos mesmos com a nova solução de videoconferência, através de um SIP Trunk entre as soluções e que o SESI/SENAI irá disponibilizar uma equipe própria ou de terceiros, que tenha todo acesso de administração de tais plataformas, para que permita esta interconexão. Está correto o entendimento? Se sim, é necessário o detalhamento e diagrama da solução atual instalada, para o correto dimensionamento do esforço técnico necessário para tal integração. 4) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.5 Requisitos do sistema, Equipamentos que sejam necessários para ligar a MCU do CONTRATADO à INFOVIA PARANÁ e à Rede Pública de Telefonia. O licenciamento dos softwares necessários para a implantação da MCU e demais serviços deve estar contemplada no projeto por responsabilidade do Contratado. *Entende-se que, para esta interligação, será necessário somente o uso de cabos de rede padrão e que toda a infraestrutura de rede necessária (Switches, Roteadores, Firewalls, etc.) já está disponível no local de instalação. O entendimento está correto? Caso negativo, solicitamos um detalhamento do status atual da rede. 5) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.6 Requisitos técnicos mínimos da MCU, Com configuração redundante que permita assegurar durante a contingência, no mínimo, 50% da capacidade total requerida e de acordo com o SLA descritos no item Acordo de Nível de Serviço deste anexo. *Entendese que, se utilizarmos duas MCU's, cada uma com capacidade para suportar pelo menos 50% da necessidade total, mesmo em caso de falha de uma delas, o item acima será plenamente atendido. Está correto o entedimento? Caso negativo, favor detalhar a necessidade. 6) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.4 Requisitos de desempenho: O CONTRATADO deverá ter recursos suficientes para atender, sob demanda dos CONTRATANTES e sem nenhuma degradação de qualidade de áudio ou de vídeo, com a capacidade abaixo em uma única videoconferência: No mínimo 6 usuários via telefone (somente áudio); Através da INFOVIA PARANÁ, no mínimo 50 salas, sendo, no mínimo, 7 salas em HD 720p a 30fps e o restante em no mínimo 4CIF/4SIF 30fps em uma mesma conferência com gravação; Transmissão ao vivo por streaming, a 128 kbps, pela Internet, para um total de até 250 usuários; No mínimo 100 usuários através do Microsoft Lync conectados; Esta é a conferência máxima suportada. E subitem 5.6 Requisitos técnicos mínimos da MCU: Deve suportar simultaneamente a conexão de 20 salas em HD 1080p a 30fps; Deve suportar simultaneamente a conexão de 40 salas em HD 720p a 30fps; Deve suportar simultaneamente a conexão de 80 salas em 4CIF a 30fps; Ter capacidade de expansão de até 120 participantes na modalidade de presença contínua, sem a necessidade de hardware adicional, na resolução HD 720p/30fps sobre a mesma plataforma. O fornecedor poderá utilizar quantos chassis forem necessários, desde que o agendamento e a utilização das portas sejam transparentes para o usuário final, não sendo considerado as portas para utilização do Microsoft Lync e Cisco Jabber, desde que mantidos os requisitos de desempenho, qualidade, espaço no rack e pontos disponíveis no Data Center descritos neste Termo de Referência. *As capacidades máximas a que se referem o subitem 5.4 não estão condizentes com os requisitos de MCU do item 5.6. Pedimos maior clareza da definição das capacidades da MCU. *Para as conexões através do Microsoft Lync não foi detalhado qual a qualidade desta conexão (FullHD, HD ou 4CIF). Pedimos maior clareza desta funcionalidade. *Nos requisitos da MCU há a afirmação 2 / 7

3 de que para as capacidades descritas não devem ser consideradas as portas utilizadas para o MS Lync e Cisco Jabber. Isso nos leva ao entendimento de que, além das capacidades descritas (20 portas FullHD, 40 HD ou 80 4CIF), devemos considerar ainda outras 100 portas para conexão com Lync, conforme descrito nos requisitos de desempenho do subitem 5.4? Caso não seja este o entendimento, favor esclarecer em detalhes. *É solicitado que o Hardware da MCU tenha capacidade para expansão de até 120 portas em HD. O entedimento é que, pelo fato de ser uma contratação como serviço e não como compra de Hardware, este item é totalmente dispensável, pois irá encarecer o projeto e o equipamento não será patrimoniado para o SESI/SENAI ao final do contrato. Por este motivo, entende-se que uma solução que atenda as capacidades descritas neste edital como sendo mínimas, mas que permitam o aumento da capacidade com adição de Hardware e/ou Software futuramente, atendem integralmente a necessidade do SESI/SENAI. Está correto o entendimento? 7) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.6 Requisitos técnicos mínimos da MCU, "Deve suportar os seguintes protocolos de áudio: G.711, G.722, G.722.1, G.729, G Anexo C. *Os produtos que a empresa oferece para o SESI/SENAI suportam o padrão G.722 Anexo C que em suma abrange, simplifica e substitiui todos os padrões de áudio e taxas de compressão aprovadas pelo ITU (International Telecommunications Union), tais protocolos são: G.722.1, G.722,G.711, G.728, G.729/G.729A, G O padrão G Anexo C (ou G.722.1C) é um modo de baixa complexidade criado como extensão para G.722.1, que dobra o algoritmo para permitir chamadas a partir de 14 khz de largura de banda de áudio usando uma taxa de amostragem de áudio de 32 khz, em 24, 32 e 48 kbit / s. Sendo assim o padrão G.722 Anexo C é hoje o mais atual e abrangente em termos taxas de compressão de áudio e está totalmente comtemplado em nossa solução ofertada. Entende-se que o equipamento que ofertaremos, conforme descrito acima, atende integralmente às necessidades do SESI/SENAI, sendo completamente aceito, está correto o entendimento? 8) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.6 Requisitos técnicos mínimos da MCU, "Deve suportar protocolo de áudio de alta fidelidade a, no mínimo, 20KHz". *De acordo com vários estudos amplamente divulgados, o ouvido humano adulto tem a capacidade de audição de no máximo 14KHz, sendo que qualquer frequência acima desta será automaticamente descartada pelo célebro. Além deste fator fisiológico, há ainda um fator mercadológico onde cada fabricante seguiu um caminho diferente quando da implementação de protocolos de áudio de alta qualidade (acima de 14KHz), sendo que alguns, inclusive, desenvolveram protocolos proprietários para isso, como é o caso da Polycom. Tendo isso em vista, entendese que uma solução que suporte qualidade de até 16KHz, desde que tais protocolos não sejam proprietários, atenda integralmente as necessidades do SESI/SENAI e serão aceito para cumprimento deste item, está correto o entendimento? 9) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.7 Requisitos do sistema de gestão e controle de chamadas, "Deve ser compatível com os protocolos SIP, H.323 e TIP". *O protocolo TIP foi desenvolvido pela Cisco ( para que fosse possível a integração de Salas Imersivas de Telepresença, porém este protocolo não é padrão de mercado, apesar de ser aberto, sendo que apenas os fabricantes que tenham Salas Imersivas de Telepresença tenham implementados esta interoperabilidade. Porém o presente edital não contempla salas de Telepresença Imersiva, nem tão pouco cita a existência deste tipo de sala, ficando portanto totalmente dispensável a obrigatoriedade deste protocolo, principalmente por causar um direcionamento técnico para apenas poucos fabricantes. Entendese que soluções que não sejam compatíveis com protocolos TIP atenderão plenamente as especificações deste Termo de Referência, está correto o entendimento? 10) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.5 Requisitos do sistema, "Suportar, no mínimo, 25 conexões externas.", subitem 5.7 Requisitos do sistema de gestão e controle de chamadas, "Deve prover 3 / 7

4 funcionalidades de travessia de firewall sobre SIP e H.323, com capacidade para pelo menos 25% das chamadas simultâneas requeridas;" e Questionamento 6 acima, que fala das capacidades do sistema. *Quando cruzamos as informações destes três itens, não fica claro qual a capacidade total de chamadas externas, ou via Internet. Pedimos maiores esclarecimentos para o correto dimensionamento da solução e preços. 11) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.8 Requisitos da plataforma de gravação em alta definição, "Deve utilizar recomendações para codificação de áudio compatíveis com todos os outros sistemas fornecidos neste processo, com taxas entre 3kHz e 20kHz". *De acordo com vários estudos amplamente divulgados, o ouvido humano adulto tem a capacidade de audição de no máximo 14KHz, sendo que qualquer frequência acima desta será automaticamente descartada pelo célebro. Além deste fator fisiológico, há ainda um fator mercadológico onde cada fabricante seguiu um caminho diferente quando da implementação de protocolos de áudio de alta qualidade (acima de 14KHz), sendo que alguns, inclusive, desenvolveram protocolos proprietários para isso, como é o caso da Polycom. Tendo isso em vista, entende-se que uma solução que suporte qualidade de até 16KHz, desde que tais protocolos não sejam proprietários, atenda integralmente as necessidades do SESI/SENAI e serão aceito para cumprimento deste item, está correto o entendimento? 12) Termo de Referência, item 5. REQUISITOS TÉCNICOS E FUNCIONAIS, subitem 5.8 Requisitos da plataforma de gravação em alta definição, "Deve permitir o streaming ao vivo para até 500 usuários;" e subitem 5.4 Requisitos de desempenho: O CONTRATADO deverá ter recursos suficientes para atender, sob demanda dos CONTRATANTES e sem nenhuma degradação de qualidade de áudio ou de vídeo, com a capacidade abaixo em uma única videoconferência: No mínimo 6 usuários via telefone (somente áudio); Através da INFOVIA PARANÁ, no mínimo 50 salas, sendo, no mínimo, 7 salas em HD 720p a 30fps e o restante em no mínimo 4CIF/4SIF 30fps em uma mesma conferência com gravação; Transmissão ao vivo por streaming, a 128 kbps, pela Internet, para um total de até 250 usuários; No mínimo 100 usuários através do Microsoft Lync conectados; Esta é a conferência máxima suportada. *De acordo com os dois subitens acima, não está claro qual a quantidade de transmissão ao vivo pela Internet, devemos considerar 250 ou 500 como total? 13) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem 6.3 Caracterização do terminal de Videoconferência de Sala, "Permitir que apareça status de presença no Lync 2013 com status de disponibilidade. Os serviços e licenças necessários para essa funcionalidade devem ser fornecidos, caso necessário." e item Funcionalidades do Codec Tipo 1 e Codec Tipo 2, "Suportar registro e status de presença no Microsoft Lync Caso demande infraestrutura para esta funcionalidade o CONTRATADO deve fornecer software e licenças necessárias. * A integração dos Terminais de Videoconferência de Sala com a plataforma Microsoft Lync ocorre, na grande maioria dos fabricantes, através da MCU, que é responsável pela transcodificação dos protocolos de áudio e vídeo entre as soluções. Com pouquíssimas exceções, o Terminal de Videoconferência não se registra diretamente na plataforma MS Lync, por isso não sendo possível esta funcionalidade de presença. Entende-se que serão aceitas soluções que não tenham esta integração de presença, desde que permita a total compatibilidade de chamadas entre as duas soluções. Está correto o entendimento? 14) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem 6.5 Requisitos Técnicos mínimos do Codec High Definition tipo 1 e subitem 6.6 Requisitos Técnicos mínimos do Codec High Definition tipo 2, "Padrões de áudio: G.711, G.722, G e um padrão adicional para áudio de alta fidelidade a, no mínimo, 20KHz". *De acordo com vários estudos amplamente divulgados, o ouvido humano adulto tem a capacidade de audição de no máximo 14KHz, sendo que qualquer frequência acima desta será automaticamente descartada pelo célebro. Além deste fator fisiológico, há ainda um fator mercadológico onde cada fabricante seguiu um caminho diferente quando da implementação de protocolos de áudio de alta 4 / 7

5 qualidade (acima de 14KHz), sendo que alguns, inclusive, desenvolveram protocolos proprietários para isso, como é o caso da Polycom. Tendo isso em vista, entende-se que uma solução que suporte qualidade de até 16KHz, desde que tais protocolos não sejam proprietários, atenda integralmente as necessidades do SESI/SENAI e serão aceito para cumprimento deste item, está correto o entendimento? 15) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem 6.5 Requisitos Técnicos mínimos do Codec High Definition tipo 1 e subitem 6.6 Requisitos Técnicos mínimos do Codec High Definition tipo 2, "Suportar ativação de licença para habilitar a resolução 1080p a 60fps;" e "Utilizar no máximo 768Kbps para chamadas em HD 720p a 30 quadros por segundo e 2,5 Mbps em High Definition 1080p a 60 quadros por segundo" e "Suportar resoluções em HP 720p 30fps e HP 1080p 60fps" em confronto com subitem 6.2 Descrições gerais do serviço a ser contratado, "Os terminais de videoconferência devem possuir opção para funcionar em HD 1080p a 30 quadros por segundo. O CONTRATADO deve prever, no mínimo, três licenças para uso em HD 1080p a 30 quadros por segundo", subitems e Câmera do equipamento compatível com as seguintes características, "Resolução mínima suportada de 1080p a 30fps". *Entende-se que houve um engano na digitação dos requisitos dos Terminais de Videoconferência, pois citam a resolução 1080p 60fps, mas quando fala da Descrição geral do serviço e das características da câmera e também toda a descrição da infraestrutura, é claramente citado a resolução 1080p 30fps. Tendo em vista a ampla concorrência e os padrões de mercado, entende-se que serão aceitas soluções com resolução 1080p 30fps, está correto o entendimento? 16) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem Câmera do equipamento compatível com as seguintes características, "Zoom óptico de, no mínimo, 4x". *Para o próprio benefício do SESI/SENAI, com o intuito de diminuição do preço final, entende-se que serão aceitos Terminais de Videoconferência de Sala Tipo 1 com câmera que possua zoom óptico de 3X, desde que além disso tenha zoom digital combinado com no mínimo 4X de zoom total. O entendimento está correto? 17) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitens e Acessórios mínimos, "Extensor de cabo HDMI (caso o cabo HDMI que acompanha o codec seja inferior a 2 metros)". *Entende-se que este Extersor de cabo HDMI deva ter no mínimo 2 metros de comprimento, está correto o entendimento? 18) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem Saídas/Entradas de vídeo, "2 x Saídas de vídeo, sendo: 2xHDMI para monitores primário e secundário". *Entende-se que será aceito, alternativamente, que estas saídas HDMI sejam no padrão DVI-I, que permite a conexão em monitores e projetores HDMI (digital) e VGA (analógico), está correto o entendimento? 19) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitens e Conexão de rede, "1 x Porta de rede LAN 10/100/1000 Base T". *Entende-se que para equipamentos dedicados para videoconferência onde a utilização máxima é de 6Mbps não é necessário um throughput de rede maior que o throughput do equipamento em si. Portanto entende-se que equipamentos que possuam uma interface de 10/100 Base T é suficiente para esta solução, está correto o entendimento? 20) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem Saídas/Entradas de vídeo, "3 x Saídas de vídeo: 2 x Saídas em alta definição para monitores principal e secundário, suportando HD720p e permitindo HD1080p por ativação de licença opcional e 1 x Saída em alta definição para gravação ou terceiro monitor". *No mercado de videoconferência mundial existem poucas alternativas de equipamentos que possuem 3 saídas de vídeo, o que restringe a concorrência e direciona, no conjunto das especificações, para um ou dois fabricantes, no máximo. Como a solução de gravação será centralizada, como solicitado neste Termo de Referência, entende-se que um Terminal de Videoconferência que possua duas saídas de vídeo atendam integralmente as necessidades do SESI/SENAI. Entende-se ainda que, caso seja imprescindível a 5 / 7

6 colocação de um terceiro monitor, será permitido a oferta de um divisor de sinal externos para esta funcionalidade. O entendimento está correto? 21) Termo de Referência, Item 6. REQUISITOS TÉCNICOS TERMINAL DE VIDEOCONFERÊNCIA, subitem Saídas/Entradas de áudio: 5 x Entradas de áudio: o 1 x RCA; 2 x Saídas de áudio: o 1 x RCA. *Conforme especificado no item 6.5.6, do Terminal de Videoconferência Tipo 1, ao invés da interface RCA serão aceitas também as interfaces de 3,5mm, que tem as mesmas especificações técnicas, porém com pinagem diferente. Está correto o entendimento?. Trata-se impugnação apresentada pela empresa SEAL TELECOM COMÉRCIO E SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA, sob o fundamento de que ao verificar as especificações técnicas constatou que: 1) Referente ao item 5.5: Somente o fabricante CISCO pode garantir total conectividade com a plataforma Cisco Call Manager, direcionando o certame para um único fabricante e impedindo a tão desejada concorrência. 2) Referente ao item 5.6: Requisitos técnicos mínimos da MCU. Mais uma vez, somente o fabricante CISCO atende ao exigido, impedindo a tão desejada concorrência. 3) Referente ao item 5.7: O TIP é um protocolo desenvolvido pelo fabricante CISCO com objetivo de comunicar sistemas de telepresença CISCO. Em nenhum momento do edital foi mencionado o uso do sistema de telepresença CISCO. Além disso, os sistemas de telepresença de outros fabricantes não necessitam desse protocolo para se comunicarem, direcionando o certame para o fabricante CISCO e impedindo a tão desejada concorrência. DO RELATÓRIO Referente aos questionamentos realizados pela empresa TOTAL PRESENCE: 1) O Sistema Microsoft Lync 2013 já encontra-se em operação no SESI/SENAI-PR, cabendo à contratada somente a integração de sua solução com o mesmo. Já referente a funcionalidade de transmissão de conteúdo bidirecional o Microsoft Lync 2013 já encontra-se em operação no SESI/SENAI-PR, é necessário que a transmissão do conteúdo seja bidirecional, conforme consta no item 5.1 do Edital. 2) Devido à abrangência do projeto, deverão ser ofertadas soluções que permitam a transmissão online por streaming nas velocidades especificadas no item. 3) Os sistemas Microsoft Lync 2013 e Cisco Call Manager já encontram-se em operação no SESI/SENAI- PR. 4) O edital indica claramente que todos os itens necessários para tal interligação deverão ser fornecidos pela Contratada. 5) Conforme o item 5.6, a redundância deve suportar, no mínimo, 50% da capacidade total requerida. 6) O item 5.4 define uma conferência hipotética, considerando a quantidade mínima de participantes por característica de conexão. O item 5.6 define única e exclusivamente a capacidade mínima da MCU a ser ofertada no processo. São mantidas as solicitações do termo de referência. Para as conexões através do Microsoft Lync a qualidade desta conexão deve ser suportada: Chamadas em HD. O item 5.4 define uma conferência hipotética, considerando a quantidade mínima de participantes por característica de conexão. O item 5.6 define única e exclusivamente a capacidade mínima da MCU a ser ofertada no processo. Devido ao planejamento de espaço físico, o hardware fornecido deve suportar apenas a adição de software/licenças para ampliação. 7) A fim de permitir a compatibilidade ampla com os sistemas de videoconferência presentes no mercado e buscando a preservação do investimento ora realizado, o sistema deverá suportar todos os protocolos de áudio solicitados. 8) Encontramos referências de mais de um fabricante oferecendo suporte a protocolos padronizados internacionalmente com taxa de amostragem de 20khz ou superior. 9) O TIP é um protocolo aberto suportado internacionalmente pelo IMTC (The International Multimedia Telecommunications Consortium). A fim de permitir a compatibilidade ampla com os sistemas de videoconferência presentes no mercado e buscando a preservação do investimento ora realizado, a solução deverá ser compatível com os protocolos solicitados. 10) O sistema ofertado deverá suportar, no mínimo, 25 (vinte e cinco) conexões externas simultâneas. 11) A fim de permitir a 6 / 7

7 compatibilidade ampla com os sistemas de videoconferência presentes no mercado e buscando a preservação do investimento ora realizado, o sistema deverá suportar no mínimo o solicitado neste termo de referência. 12) O sistema de streaming ao vivo deve permitir até 500 visualizadores, conforme item 5.8. O item 5.4 refere-se a uma conferência hipotética que deverá ser minimamente suportada. 13) O Microsoft Lync 2013 já está em operação no SESI/SENAI-PR e é necessário que a solução ofereça suporte às características mínimas solicitadas pelo item 6.3. A integração pode ser realizada através de elementos na infra-estrutura fornecida com a solução. 14) A fim de permitir a compatibilidade ampla com os sistemas de videoconferência presentes no mercado e buscando a preservação do investimento ora realizado, o sistema deverá suportar no mínimo todos os protocolos de áudio solicitados nos itens 6.5 e 6.6 do Edital. 15) Serão aceitas soluções com resolução de 1080p a 30fps. 16) A solução ofertada deverá oferecer suporte às características mínimas solicitadas pelo item uma vez que o zoom digital pode degradar a qualidade da imagem. 17) Caso o cabo HDMI fornecido não possua ao mínimo comprimento de 2m, devem ser fornecidos extensores e todos os acessórios necessários para a interligação nesta distância mínima. 18) Os sinais presentes em conexões HDMI não são os mesmos de conexões DVI-I. 19) Equipamentos que possuam uma interface de 10/100 Base T não atende às exigências dos itens e do Edital. 20) Cada uma das saídas possui um objetivo específico, não permitindo o uso de divisores de sinal. 21) Será aceito o uso de adaptador para este item desde que não haja prejuízo de qualidade e/ou capacidade na entrega do cabeamento ao equipamento final. Referente aos questionamentos realizados pela empresa SEAL TELECOM COMÉRCIO E SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA: 1) O acesso à plataforma através de cliente Cisco Jabber ocorrerá à partir de integração com o Cisco Call Manager já instalado no SESI/SENAI. 2) A solução solicitada é suportada por outros fornecedores, não direcionando o certame e deverá oferecer compatibilidade para o acesso dos clientes Cisco Jabber, cuja plataforma já encontra-se instalada no SESI/SENAI. 3) O TIP é um protocolo aberto suportado internacionalmente pelo IMTC (The International Multimedia Telecommunications Consortium). A fim de permitir a compatibilidade ampla com os sistemas de videoconferência presentes no mercado e buscando a preservação do investimento ora realizado, o sistema deverá suportar no mínimo o solicitado no termo de referência. 3. DA CONCLUSÃO Diante das considerações acima, a Comissão Permanente de Licitações do SESI/SENAI-PR conhece as Impugnações, eis que tempestivas, e no seu mérito julga IMPROCEDENTES, mantendo os critérios contidos no instrumento editalício. Curitiba, 09 de abril de Atenciosamente, COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO SISTEMA SESI/SENAI 7 / 7

Joel Viana Rabello Junior

Joel Viana Rabello Junior Joel Viana Rabello Junior De: Fábio Mazelli Fruch Enviado em: quinta-feira, 2 de abril de 2015 10:26 Para: Joel Viana Rabello Junior Cc: Charles Rodrigo Assunto: Questionamento

Leia mais

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 157/2015

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 157/2015 ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 157/2015 O SESI/SENAI-PR, através de sua Comissão de Licitação, torna público o ESCLARECIMENTO referente ao edital de licitação acima relacionado, conforme

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência Pregão Conjunto nº 27/2007 VIDEOCONFERÊNCIA ANEXO I Termo de Referência Índice 1. Objetivo...3 2. Requisitos técnicos e funcionais...3 2.1.

Leia mais

ERRATA. 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência;

ERRATA. 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; ERRATA Este documento tem por objetivo retificar: 1. Item 4.1.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; 2. Item 7.9.2.1 do ANEXO I - Minuta do Termo de Referência; 3. Item 7.9.2.2 e 7.9.2.2.1 do ANEXO

Leia mais

Serviços Prestados Infovia Brasília

Serviços Prestados Infovia Brasília Serviços Prestados Infovia Brasília Vanildo Pereira de Figueiredo Brasília, outubro de 2009 Agenda I. INFOVIA Serviços de Voz Softphone e Asterisk INFOVIA MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO INFOVIA MINISTÉRIO

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL EDITAL SESI/SENAI

PREGÃO PRESENCIAL EDITAL SESI/SENAI Aos vinte e cinco dias do mês de junho do ano de dois mil e quinze às 10h30min, na sede do Serviço Social da Indústria e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, em Curitiba/PR, o Pregoeiro e sua Equipe

Leia mais

Objeto: Sistema de Vídeo-conferência para a Hemorrede de Santa Catarina, incluindo:

Objeto: Sistema de Vídeo-conferência para a Hemorrede de Santa Catarina, incluindo: Termo de Referência: Objeto: Sistema de Vídeo-conferência para a Hemorrede de Santa Catarina, incluindo: Item Descrição Qtdade 1 MCU Dedicada 1 2 Terminal de Vídeo-conferência para salas de médio porte

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO SR. PRESIDENTE DA COMISSÃO GERAL DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ Nesta

ILUSTRÍSSIMO SR. PRESIDENTE DA COMISSÃO GERAL DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ Nesta Belém - PA, 9 de Dezembro de 2013 ILUSTRÍSSIMO SR. PRESIDENTE DA COMISSÃO GERAL DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ Nesta Ass.: CARTA DE IMPUGNAÇÃO Ref. : PREGÃO ELETRÔNICO nº. 073/TJPA/2013

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação. Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação. Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007 VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Pregão Conjunto nº 27/2007 Processo n 11554/2007 Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007 ITEM QUE ALTERA O EDITAL: Pergunta n o 1: Entendemos que, pelo fato do protocolo

Leia mais

Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais

Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais Módulo 1: Etapas de Projeto e Dimensionamento do Sistema INATEL Competence Center treinamento@inatel.br Tel: (35) 3471-9330 Etapas de projeto e dimensionamento

Leia mais

Soluções em Videoconferência Case - TJDFT. A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br

Soluções em Videoconferência Case - TJDFT. A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br Soluções em Videoconferência Case - TJDFT A.TELECOM TELEINFORMÁTICA LTDA www.atelecom.com.br Introdução A A.Telecom participou da licitação de soluções de videoconferência para o TJDFT (Tribunal de Justiça

Leia mais

A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14:

A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14: Senhores, A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14: Questionamento 1: 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMCAS No que diz respeito ao subitem 2.1.2, temos a seguinte

Leia mais

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 015/2011

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 015/2011 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 015/2011 1. Quantos feixes digitais do tipo E1 R2MFC, deverão ser fornecidos? RESPOSTA: De acordo com a área técnica solicitante dos serviços, deverão

Leia mais

É solicitada fonte de 400Watts e volume máximo de 13.000cm3.

É solicitada fonte de 400Watts e volume máximo de 13.000cm3. Florianópolis, 14 de outubro de 2015. Para que todos tenham o mesmo entendimento, abaixo questionamentos formulados por empresa interessada no certame, bem como os esclarecimentos por parte do Senac/SC.

Leia mais

Funcionalidade Escalabilidade Adaptabilidade Gerenciabilidade

Funcionalidade Escalabilidade Adaptabilidade Gerenciabilidade Projeto de Redes Requisitos Funcionalidade -- A rede precisa funcionar. A rede precisa permitir que os usuários desempenhem os seus deveres profissionais. A rede precisa oferecer conectividade de usuário-para-usuário

Leia mais

1 de 6 25/08/2015 10:22

1 de 6 25/08/2015 10:22 1 de 6 25/08/2015 10:22 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria Executiva Subsecretaria de Planejamento e Orçamento Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano Termo de Adjudicação

Leia mais

Sony lança PCS-HG90, o novo modelo de videoconferência no mercado

Sony lança PCS-HG90, o novo modelo de videoconferência no mercado Sony lança PCS-HG90, o novo modelo de videoconferência no mercado Objectivo A Sony possui um leque muito variado de equipamentos de videoconferência que abrange praticamente todas as necessidades do Mercado.

Leia mais

ESCLARECIMENTO nº 01

ESCLARECIMENTO nº 01 ESCLARECIMENTO nº 01 PROCESSO Nº 149/2010 PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2010 Segue esclarecimento formulado por licitante e a respectiva resposta, com base na informação prestada pela área gestora (DETIN):

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações PREGÃO ELETRÔNICO Nº 3/2015 PROCESSO Nº 04300.002982/2013-73 COMPLEMENTAÇÃO

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 26430 - INST.FED.DE EDUC.,CIENC.E TEC.S.PERNAMBUCANO 158149 - INST.FED.EDUC.CIENC.E TEC.SERTãO PERNAMBUCANO RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 1 - Itens da Licitação 1 - EQUIPAMENTO

Leia mais

Brasília, 19/09/2013. A Rede Nacional do Ministério Público Federal Ref.: Projeto Básico e Especificações Técnicas

Brasília, 19/09/2013. A Rede Nacional do Ministério Público Federal Ref.: Projeto Básico e Especificações Técnicas Brasília, 19/09/2013. A Rede Nacional do Ministério Público Federal Ref.: Projeto Básico e Especificações Técnicas Prezados, A Telemar Norte Leste S/A, pessoa jurídica de direito privado, prestadora de

Leia mais

Protocolos Sinalização

Protocolos Sinalização Tecnologia em Redes de Computadores Fundamentos de VoIP Professor: André Sobral e-mail: alsobral@gmail.com São protocolos utilizados para estabelecer chamadas e conferências através de redes via IP; Os

Leia mais

H.323: Visual telephone systems and equipment for local area networks which provide a nonguaranteed

H.323: Visual telephone systems and equipment for local area networks which provide a nonguaranteed UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ H.323: Visual telephone systems and equipment for local area networks which provide a nonguaranteed quality of service Resumo para a disciplina de Processamento Digital de

Leia mais

Rede GlobalWhitepaper

Rede GlobalWhitepaper Rede GlobalWhitepaper Janeiro 2015 Page 1 of 8 1. Visão Geral...3 2. Conectividade Global, qualidade do serviço e confiabilidade...4 2.1 Qualidade Excepcional...4 2.2 Resiliência e Confiança...4 3. Terminais

Leia mais

Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais

Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais Guia Técnico Inatel Guia das Cidades Digitais Módulo 3: VoIP INATEL Competence Center treinamento@inatel.br Tel: (35) 3471-9330 As telecomunicações vêm passando por uma grande revolução, resultante do

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações PREGÃO ELETRÔNICO Nº 3/2015 PROCESSO Nº 04300.002982/2013-73 OBJETO: Registro

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA SOCIAL COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO RELATÓRIO DE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO: 2100-411/2013 LICITAÇÃO: Pregão Presencial em âmbito Internacional

Leia mais

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA)

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) Código do Serviço: 3005001 Nome do Serviço: Data de Publicação: 30/04/2013 Entrada em Vigor: SAN AUTENTICAÇÃO 01/06/2013 Versão: 1.0000 Status: Publicado

Leia mais

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br Câmeras Internas IP WIRELESS FOSCAM FI9821W A câmera IP FOSCAM FI9821W é uma solução para clientes que procuram um equipamento de alto desempenho, com compressão de imagem H.264 e resolução Megapixel.

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento Referência: Pregão Eletrônico n. 45/2014 Data: 06/3/2015 Objeto: Registro de Preços para fornecimento de equipamentos, componentes de solução de rede local, incluindo instalação

Leia mais

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos)

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos.

Leia mais

Fundamentos de Hardware

Fundamentos de Hardware Fundamentos de Hardware Curso Técnico em Informática SUMÁRIO PLACAS DE EXPANSÃO... 3 PLACAS DE VÍDEO... 3 Conectores de Vídeo... 4 PLACAS DE SOM... 6 Canais de Áudio... 7 Resolução das Placas de Som...

Leia mais

1) QUANTIDADE E DETALHAMENTO DE ESPECIFICAÇÕES DE EQUIPAMENTOS. O item 1.1.1.2 das Condições Gerais do Objeto dispõe o seguinte:

1) QUANTIDADE E DETALHAMENTO DE ESPECIFICAÇÕES DE EQUIPAMENTOS. O item 1.1.1.2 das Condições Gerais do Objeto dispõe o seguinte: 1) QUANTIDADE E DETALHAMENTO DE ESPECIFICAÇÕES DE EQUIPAMENTOS. O item 1.1.1.2 das Condições Gerais do Objeto dispõe o seguinte: 1.1.1.2 Nos CSR, os quais executarão ações comandadas pelo CM e supervisionarão

Leia mais

À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER

À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER Ref. Impugnação ao Edital de licitação Pregão presencial nº 021/2010 COMPANHIA DE INFORMATICA DE JUNDIAÍ CIJUN, neste

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034.001954/2008-11 JULGAMENTO DE RECURSO Trata-se de contratação, mediante

Leia mais

Soluções de Videoconferência AVer Reuniões colaborativas fáceis e acessíveis

Soluções de Videoconferência AVer Reuniões colaborativas fáceis e acessíveis Soluções de Videoconferência AVer Reuniões colaborativas fáceis e acessíveis Aperfeiçoe a sua forma de realizar reuniões a distância com as soluções de videoconferência AVer. Equipes colaborativas interconectadas

Leia mais

ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel

ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel Comentários MINUTA TERMO DE REFERENCIA Lote 9A ABRANGÊNCIA: atendimento a no mínimo 60% dos municípios 853 mineiros conforme padrões Anatel Resposta: Fica mantido o texto da minuta do TR. 2.2 O provimento

Leia mais

RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO FORMULADO POR EMPRESA INTERESSADA NO CERTAME.

RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO FORMULADO POR EMPRESA INTERESSADA NO CERTAME. RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO FORMULADO POR EMPRESA INTERESSADA NO CERTAME. Brasília, 10 de fevereiro de 2010. Pregão n 062/2009 Lote 1: Lote 2: Operação, Gerenciamento de Redes, Servidores, Storage & Archive,

Leia mais

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 Encaminhado por: Razão Social : Altas Networks e Telecom

Leia mais

Evolução na Comunicação de

Evolução na Comunicação de Evolução na Comunicação de Dados Invenção do telégrafo em 1838 Código Morse. 1º Telégrafo Código Morse Evolução na Comunicação de Dados A evolução da comunicação através de sinais elétricos deu origem

Leia mais

ESCLARECIMENTO Nº 02 Segue abaixo, solicitações formuladas por empresas participantes da licitação supra e as respectivas respostas de FURNAS:

ESCLARECIMENTO Nº 02 Segue abaixo, solicitações formuladas por empresas participantes da licitação supra e as respectivas respostas de FURNAS: ESCLARECIMENTO Nº 02 Segue abaixo, solicitações formuladas por empresas participantes da licitação supra e as respectivas respostas de FURNAS: 1. Pergunta: Item 7.1. do Edital: O PROPONENTE poderá inspecionar

Leia mais

ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006

ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES COORDENAÇÃO-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO GERAL ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006 Ref. Processo nº 50600.009513/2006-99 OBJETO:

Leia mais

RESPOSTAS DO QUESTIONAMENTO DA SENHORA CRISTILAINE MEDEREIROS

RESPOSTAS DO QUESTIONAMENTO DA SENHORA CRISTILAINE MEDEREIROS AOS CUIDADOS DA SRª PREGOEIRA RESPOSTAS DO QUESTIONAMENTO DA SENHORA CRISTILAINE MEDEREIROS 1 -no item 4.4.3 pede a câmera com lente 4.2mm logo a baixo no item 4.4.3.3 tenho a solicitação de lente 2.8mm

Leia mais

Pedido de Esclarecimento 01 PE 12/2011

Pedido de Esclarecimento 01 PE 12/2011 Pedido de Esclarecimento 01 PE 12/2011 Questionamento 1 : 20.1.1.2 - Sistema de telefonia IP ITEM 04 - Deve ser capaz de se integrar e gerenciar os gateways para localidade remota tipo 1, 2 e 3 e a central

Leia mais

Anexo VI Edital nº 03361/2008. Projeto de Integração das informações de Identificação Civil. 1. Definições de interoperabilidade adotadas pela SENASP

Anexo VI Edital nº 03361/2008. Projeto de Integração das informações de Identificação Civil. 1. Definições de interoperabilidade adotadas pela SENASP Anexo VI Edital nº 03361/2008 Projeto de Integração das informações de Identificação Civil 1. Definições de interoperabilidade adotadas pela SENASP A Senasp procura adotar os padrões de interoperabilidade

Leia mais

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A PREGÃO PRESENCIAL N. 2010/169 OBJETO: AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE ARMAZENAMENTO EXTERNO - STORAGE E TAPE LIBRARY. Ref.: Esclarecimentos A unidade de Tape Library será instalada em servidor dedicado a

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS Ofício nº 137/2006/CPL/SAA/SE/MEC REFERÊNCIA: Pregão nº 44/2006 Brasília, 12 de dezembro de 2006. ASSUNTO: QUESTIONAMENTOS

Leia mais

Treinamento Sala de Telepresença OTX 300

Treinamento Sala de Telepresença OTX 300 Treinamento Sala de Telepresença OTX 300 Programação Apresentação do OTX 300 Componentes da solução e características funcionais Operação dos recursos Diagnóstico do sistema APRESENTAÇÃO DO OTX 300 Definição

Leia mais

Pregão Eletrônico 51/12 1. SOFTWARE ONE: Questionamento 1 - Duvida: RESPOSTA Questionamento 2 - Duvida: RESPOSTA Questionamento 3 - Duvida: RESPOSTA

Pregão Eletrônico 51/12 1. SOFTWARE ONE: Questionamento 1 - Duvida: RESPOSTA Questionamento 2 - Duvida: RESPOSTA Questionamento 3 - Duvida: RESPOSTA Disponibilizamos, para o conhecimento das interessadas, a resposta da área técnica deste TRT, acerca dos questionamentos aos termos do Edital do Pregão Eletrônico 51/12, formulados pelas seguintes empresas:

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015 TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO ESCLARECIMENTOS AOS QUESTIONAMENTOS APRESENTADOS PELAS EMPRESAS INTERESSADAS País: BRASIL Nome do Projeto: PLANO

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de imagem via celular (isic) para sistema operacional BlackBerry

MANUAL DO USUÁRIO. Software de imagem via celular (isic) para sistema operacional BlackBerry MANUAL DO USUÁRIO Software de imagem via celular (isic) para sistema operacional BlackBerry Software de imagem via celular para sistema operacional BlackBerry Parabéns, você acaba de adquirir um produto

Leia mais

KX-VC600 Videoconferência IP Full HD

KX-VC600 Videoconferência IP Full HD Quebrando as barreiras da distância A Unidade de videoconferência IP FullHD Panasonic KX-VC600, foi projetada para diminuir a distância, e agilizar reuniões e atividades em grupos, ajudando a diminuir

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS Esclarecimento I PERGUNTA 1: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS 7.5.3. documentação técnica do fabricante dos componentes cotados, incluindo partes de manuais e catálogos, que comprovem o atendimento

Leia mais

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 10/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece:

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 10/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 10/2015 - BNDES Prezado(a) Senhor(a), Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: 1.Termo de Referência, item 4.12.5. Considerando

Leia mais

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia.

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A EMPRESA A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A experiência da Future Technology nas diversas áreas de TI disponibiliza aos mercados público

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA EXPANSÃO DA SOLUÇÃO DE VÍDEOCONFERÊNCIA

TERMO DE REFERÊNCIA EXPANSÃO DA SOLUÇÃO DE VÍDEOCONFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA EXPANSÃO DA SOLUÇÃO DE VÍDEOCONFERÊNCIA 1 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO Registro de preços de hardware e software para expansão da solução de videoconferência para atender a Prefeitura

Leia mais

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO 02/2015

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO 02/2015 RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO 02/2015 Trata-se de resposta ao pedido de esclarecimento ao Edital de Licitação do Pregão Eletrônico nº 03/2015- que tem por objeto AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS, SISTEMAS

Leia mais

Pregão Eletrônico N.º: 09/2015

Pregão Eletrônico N.º: 09/2015 Pregão Eletrônico N.º: 09/2015 Respondendo ao pedido feito tempestivamente ao edital do Pregão Eletrônico supracitado, segue abaixo os esclarecimentos. EMPRESA 01 QUESTIONAMENTO 01: Na Especificação Técnica

Leia mais

A Lei 12.527/2011 (Lei de Acesso a Informação LAI) determina:

A Lei 12.527/2011 (Lei de Acesso a Informação LAI) determina: ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA INOVAÇÃO - SECTI INSTITUTO DE TECNOLOGIA EM INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO DO ESTADO DE ALAGOAS ITEC GABINETE DA PRESIDÊNCIA Diante da solicitação

Leia mais

Rede Corporativa. Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro. Introdução

Rede Corporativa. Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro. Introdução Tutorial 10 mar 2009 Fabio Montoro Rede Corporativa Introdução Rede corporativa é um sistema de transmissão de dados que transfere informações entre diversos equipamentos de uma mesma corporação, tais

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO A Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo, por intermédio da Pregoeira Substituta designada pelo Ato da Mesa Diretora nº 923, publicado no Diário do Poder Legislativo de

Leia mais

Serviço HP IMC EAD Implementation

Serviço HP IMC EAD Implementation Serviço HP IMC EAD Implementation Dados técnicos O serviço HP IMC EAD Implementation tem o objetivo de fornecer a personalização do módulo Endpoint Admission Defense de acordo com as necessidades do Cliente

Leia mais

a) O edital especifica em seu item 11.1.13.3, transcrito abaixo:

a) O edital especifica em seu item 11.1.13.3, transcrito abaixo: ILUSTRISSIMO SENHOR PREGOEIRO DA EMPRESA MARANHENSE ADMINISTRAÇÃO PORTUÁRIA DE 1 PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS REF: EDITAL PARA PREGÃO PRESENCIAL N. 23/2015. A Telemar Norte Leste S A inscrita no CNPJ sob

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas Gerenciamento do Tráfego de Internet Edital de Licitação PREGÃO PRESENCIAL Nº 34/2010 Processo SAP nº 4180/2010 Perguntas e Respostas Página 1 /15 Pergunta n o 1: Os dispositivos de filtro de conteúdo

Leia mais

Esclarecimento: As versões dos navegadores a serem utilizadas pelo PSIM estão descrito no item 2.4.1.12 do projeto básico.

Esclarecimento: As versões dos navegadores a serem utilizadas pelo PSIM estão descrito no item 2.4.1.12 do projeto básico. 1 Dúvida: Por favor, nos explique alguns casos tipicos de uso para o monitoramento central? Esclarecimento: Recepção e tratamento de eventos provenientes da central de alarme, validação de ocorrências

Leia mais

Homologação de Clientes de Videoconferência: Roteiro principal

Homologação de Clientes de Videoconferência: Roteiro principal Homologação de Clientes de Videoconferência: Roteiro principal Jean Carlo Faustino Felipe Tocchetto Janeiro de 2009 Este documento apresenta o roteiro de implantação do plano de homologação dos clientes

Leia mais

Roteamento e Comutação

Roteamento e Comutação Roteamento e Comutação Design de Rede Local Design Hierárquico Este design envolve a divisão da rede em camadas discretas. Cada camada fornece funções específicas que definem sua função dentro da rede

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas;

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas; ATA DE REUNIÃO CONSULTA PÚBLICA PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO WEB-EDI Troca Eletrônica de Dados. Local Dataprev Rua Cosme Velho nº 06 Cosme Velho Rio de Janeiro / RJ. Data: 06/03/2009 10:30 horas. Consolidação

Leia mais

Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet):

Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet): Esclarecimentos no Pregão 19/2014 (prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à Internet): PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS 4 (OI) E RESPOSTAS: TRT- TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 3ª REGIÃO, EM

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA DEPARTAMENTO MINISTERIAL DE PRODUÇÃO - DEMPRO

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA DEPARTAMENTO MINISTERIAL DE PRODUÇÃO - DEMPRO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA DEPARTAMENTO MINISTERIAL DE PRODUÇÃO - DEMPRO Folha de Informações e Despachos À CPL/SRP Seguem os esclarecimentos dos itens levantados

Leia mais

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ FECOMÉRCIO/PR SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL SENAC/PR SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO SESC/PR

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ FECOMÉRCIO/PR SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL SENAC/PR SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO SESC/PR FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ FECOMÉRCIO/PR SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL SENAC/PR SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO SESC/PR INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO DE LICITAÇÃO SENAC/PE/06/2014 OBJETO: CONTRATAÇÃO

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TELECOMUNICAÇÕES As telecomunicações referem -se à transmissão eletrônica de sinais para as comunicações, incluindo meios como telefone, rádio e televisão. As telecomunicações

Leia mais

TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION. Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE. Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada

TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION. Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE. Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada Julho-2012 Objetivo Apresentar a experiência da operadora privada LIG-MÓBILE,

Leia mais

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel BGAN Transmissão global de voz e dados em banda larga Banda larga para um planeta móvel Broadband Global Area Network (BGAN) O firm das distâncias O serviço da Rede Global de Banda Larga da Inmarsat (BGAN)

Leia mais

DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP. Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá

DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP. Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá 1. ALTA RESOLUÇÃO Câmeras baseadas em IP não estão restritas à baixa resolução das câmeras

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Curso Tecnológico de Redes de Computadores Disciplina: Infraestrutura de Redes de Computadores - 1º período Professor: José Maurício S. Pinheiro AULA 01 Conceitos

Leia mais

Plataforma Interativa de Vídeo

Plataforma Interativa de Vídeo Plataforma Interativa de Vídeo Milonga DWM Soluções em Comunicação e Tecnologia Interativa, empresa do Grupo Ciclotron. Desenvolvemos soluções com foco na experiência do usuário, implantado um novo conceito

Leia mais

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos)

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Guia do Usuário Copyright 2006 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft e Windows são marcas registradas da Microsoft Corporation nos

Leia mais

Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA

Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA TETRA ASSOCIATION Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA Objetivo Compartilhar a experiência da LIG-MÓBILE, operadora brasileira de serviços

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

Planejamento e Projeto de Redes de Computadores. Eduardo Barrére

Planejamento e Projeto de Redes de Computadores. Eduardo Barrére Planejamento e Projeto de Redes de Computadores Eduardo Barrére Aula Presencial Projeto Físico Eduardo Barrére eduardo.barrere@ice.ufjf.br O projeto deve considerar Seleção de tecnologias (conforme o projeto

Leia mais

RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS - IV

RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS - IV Conselho Federal de Contabilidade CPL - Comissão Permanente de Licitação SAS Quadra 05 - Bloco J Edifício CFC CEP: 70070-920 - Brasília-DF E-mail: cpl@cfc.org.br RESPOSTAS DE QUESTIONAMENTOS - IV PREGÃO

Leia mais

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 24/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece:

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 24/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 24/2015 - BNDES Prezado Senhor, Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: 1. Item 1.1.2 - Onde podemos encontrar os procedimentos,

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2014-EMAP

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2014-EMAP PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2014-EMAP O Pregoeiro da Empresa Maranhense de Administração Portuária - EMAP, designado pela Portaria nº 149/2013-PRE, de 29 de agosto de 2013, em razão de solicitação da empresa

Leia mais

Data) 31/08/2015. Empresa) Motorola. Questionamento 01. Questionamentos sobre itens do Projeto Básico. 1. Consoles de Despacho - CeCoCo

Data) 31/08/2015. Empresa) Motorola. Questionamento 01. Questionamentos sobre itens do Projeto Básico. 1. Consoles de Despacho - CeCoCo Questionamentos RDC 1/2015 Data) 31/08/2015 Empresa) Motorola Questionamento 01 Questionamentos sobre itens do Projeto Básico 1. Consoles de Despacho - CeCoCo 4.3 Instalação do Centro de Controle A maioria

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Questionamento 1: Ministério da Educação ESCLARECIMENTO I No anexo I deste edital no item 1 (DESCRIÇÃO DETALHADA DO OBJETO E ORÇAMENTO DESKTOP PADRÃO 876 UNIDADES) é solicitado no item Monitor de Vídeo:

Leia mais

ANEXO I-a ARQUITETURA DA REDE INFOSUS II

ANEXO I-a ARQUITETURA DA REDE INFOSUS II ANEXO I-a ARQUITETURA DA REDE INFOSUS II 1. Descrição da rede INFOSUS II A Rede INFOSUS II, Infovia Integrada do Sistema Único de Saúde (SUS), consistirá em infra-estrutura de telecomunicações, a ser utilizada

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

WHITEPAPER. Guia de compra para câmeras IP: tudo o que você precisa saber antes de adquirir a sua solução digital

WHITEPAPER. Guia de compra para câmeras IP: tudo o que você precisa saber antes de adquirir a sua solução digital WHITEPAPER Guia de compra para câmeras IP: tudo o que você precisa saber antes de adquirir a sua solução digital Câmera IP ou câmera analógica? Se você está em dúvida sobre a aquisição de uma solução analógica

Leia mais

CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB. Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação

CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB. Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA UNIPAMPA NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NTIC CARTILHA DO

Leia mais

Questionamento 3. Ano. Série. Nome do Aluno. Escola

Questionamento 3. Ano. Série. Nome do Aluno. Escola Questionamento 3 Pergunta 1: Conforme página 3 do TR existe a necessidade de cadastro em sistema de gestão documental informatizado, conforme requisitos abaixo listados: Ano Série Nome do Aluno Escola

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para infraestrutura de redes de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO DE REQUISITOS

Leia mais

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS Nº 01/2015

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS Nº 01/2015 Serviço Social do Comércio Departamento Regional Minas Gerais Processo nº 11999/14 Folha nº Informações e/ou despachos RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS Nº 01/2015 Licitação: Pregão Eletrônico 0053/2015.

Leia mais

Nome da Empresa Sistema digitalizado no almoxarifado do EMI

Nome da Empresa Sistema digitalizado no almoxarifado do EMI Nome da Empresa Documento Visão Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 23/02/2015 1.0 Início do projeto Anderson, Eduardo, Jessica, Sabrina, Samuel 25/02/2015 1.1 Correções Anderson e Eduardo

Leia mais

Ref.: Consulta Pública Solução Educacional

Ref.: Consulta Pública Solução Educacional Belo Horizonte, 11 de junho de 2013 À Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais Rod. Pref. Américo Gianetti, Serra Verde - Prédio Minas, 11º andar 31.630-900 Belo Horizonte Minas Gerais Ref.: Consulta

Leia mais

INTELIG TELECOMUNICAÇÕES LTDA

INTELIG TELECOMUNICAÇÕES LTDA ILMO (A). SR.(A) PREGOEIRO (A) DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO MINISTÉRIO DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE RE URSOS LOGÍSTICOS

Leia mais

ESCLARECIMENTO IV EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº. 883/2014

ESCLARECIMENTO IV EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº. 883/2014 ESCLARECIMENTO IV EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº. 883/2014 O SESI/SENAI-PR, através de sua Comissão de Licitação, torna público o ESCLARECIMENTO IV referente ao edital de licitação acima relacionado,

Leia mais

Caso de sucesso. A implementação de infraestrutura Cisco garante à MGR maior eficiência e qualidade nos serviços de Supply Chain. Impacto no Negócio

Caso de sucesso. A implementação de infraestrutura Cisco garante à MGR maior eficiência e qualidade nos serviços de Supply Chain. Impacto no Negócio Alta disponibilidade e segurança para a indústria automotiva A implementação de infraestrutura Cisco garante à MGR maior eficiência e qualidade nos serviços de Supply Chain. Caso de sucesso A Empresa Impacto

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS PÁG. 1 DE 13 PRÁTICA DE SERVIÇO DE BANDA LARGA REQUISITOS MÍNIMOS PARA OS PRESTADORES DE SERVIÇO DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL Sumário 1.OBJETIVO... 2 2.CAMPO DE APLICAÇÃO... 2 3.DEFINIÇÕES...

Leia mais