Smarter Execution. A Execução através da Gestão de Projectos. Adopção de Modelos de Gestão de Projectos em: Caderno de Apresentação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Smarter Execution. A Execução através da Gestão de Projectos. Adopção de Modelos de Gestão de Projectos em: Caderno de Apresentação"

Transcrição

1 Smarter Execution A Execução através da Gestão de Projectos Adopção de Modelos de Gestão de Projectos em: Execução e Implementação Estratégica Caderno de Apresentação Versão: SE/Cad_Ap/03 Data: Optimização de Execução Operacional Sistemas Organizacionais de Gestão de Projectos Maturidade Organizacional (OPM3) I n i c i a ti v a S m a r t e r E x e c u ti o n w w w. s m a r t e r e x e c u ti o n. b l o g s p o t. p t U m a p a r c e r i a : L T M C o n s u l t o r i a N o v o s C a n a i s D a l e C a r n e g i e T r a i n i n g w w w. l t m. p t ; w w w. n o v o s c a n a i s. c o m ; w w w. d a l e c a r n e g i e. p t

2 Smarter Execution Índice Execução 3 Proposta de Valor 4 Casos & Soluções 5 Competências 6 - Áreas de Competência 6 - Pessoas 7 - Processos 9 - Tecnologia 11 Soluções para Industrias de Bens Duradouros 12 - Sinais 13 - Formação 14 - Serviços 15 Projectos & Iniciativas Internas 16 - Quantas Iniciativas? 17 - Formação 18 - Serviços 19 Contactos 20 2

3 Smarter Execution Execução A gestão de projectos é uma área de saber que se tem vindo a desenvolver fortemente ao longo dos últimos 30 anos. Há, hoje, um conjunto de boas práticas transformadas em Body of Knowledge, já na sua 5ª edição. Essas práticas suportam associações globais, sendo a de maior projecção o Project Management Institute (PMI ). Sendo encarada como uma profissão, a área de saber desenvolveu certificações e qualificações de pessoas e processos, de destacar a Project Management Professional (PMI ) e o Certified Scrum Master (Scrum Alliance). As técnicas de gestão de projectos enquanto corpo disciplinar começaram por ter aplicação em diversos ramos da engenharia, com destaque para a informática e a civil. A fazer fé nos últimos dados (trends survey, PMI, 2012) aproximadamente 2/3 dos projectos são geridos em conformidade com o âmbito e as restrições. Na génese deste corpo de saber está a INCERTEZA. Os projectos têm técnicas específicas de gestão de forma a ser possível lidar com o efeito desse factor no equilíbrio entre tempo/custo/qualidade e âmbito. A evolução da envolvente contextual e a resposta ao nível dos modelos de negócio tem vindo a destacar a utilidade da gestão de projectos na EXE- CUÇÃO estratégica e operacional. Esta é uma tendência mais recente, mas que nos últimos cinco anos tem vindo a conquistar cada vez mais organizações de topo. 80% dos executivos à escala global acreditam que praticar a gestão de projectos como competência core os ajuda a manter competitivos durante a recessão economist intelligence report. Iniciativa Smarter Execution Antes de tudo a Abordagem Smarter Execution é uma iniciativa de pessoas com experiência na aplicação e ensino da gestão e da gestão de projectos. O foco orienta-se para levar as empresas a reflectirem sobre formas de serem mais eficazes e/ou eficientes na EXECUÇÃO, quer estratégica quer operacional. Queremos ajudar a IMPLEMENTAR. 3

4 Smarter Execution Proposta de Valor Esse apoio à adopção de melhores práticas na implementação consubstancia-se numa proposta de valor de grande simplicidade; Partir o desafio aos bocados! Mostrem-nos o todo a estratégia, os resultados a atingir que nós ajudamos a colocar cada iniciativa no verde sucesso! Levando a que para cada projecto sejam adoptadas as práticas adequadas. Uma Parceria abrangente Para garantir que somos capazes de, em cada situação, apoiar o cliente na adopção da solução mais adequada criamos uma parceria. Assim não temos preferência por aconselhar a solução A ou B, pois dispomos de competências que permitem seleccionar realmente a melhor opção. Quem Somos Coordenação de Luís Melo, PMP. Com 20 anos de experiência como líder de projectos, programas e portfolios, particularmente em ambiente industrial, implementou diversas metodologias, nomeadamente EVM e modelos de gestão risco. Professor do ensino universitário leccionando disciplinas de gestão de projectos LTM Consultoria Criada em 1995 Lisboa, Porto 11 full time, 70 formadores/ consultores, 12 em exclusividade Serviços e formação em Hard skills e técnicas de Gestão de Projecto NovosCanais Criada em 1998 Implementação Microsoft e outros Tecnologia Desenvolvimento à medida Dale Carnegie Training Portugal Em Portugal desde 2009, 83 países 5 full time, 5 formadores/consultores exclusivos R.E.P. PMI Soft skills e serviços em gestão de pessoas 4

5 Smarter Execution Casos e Soluções Podemos ajudar? Cliente: Grande Empresa, Portugal Indústria: Componentes Automóvel Intervenção: Desenvolvimento de Sistema Organizacional de Gestão de Projectos Cliente e Informatização Cliente: PME Portugal Indústria: Metalo-Mecânica ROI : Redução do custo directo de produção em 20%, criação de rede comercial num país estrangeiro, optimização da gama e linhas de produto Cliente: Grande Empresa, Portugal Indústria: Automóvel Intervenção: Projecto com 50% do tempo e 70% do orçamento ROI: projecto concluído com zero desvio de custo Cliente: Empresa Pública Indústria: Ordenamento Urbano Intervenção: Criação de modelo de avaliação (scoring) de selecção de projectos ROI: Projectos implementados em parceria com privados Cliente: Grande Empresa Multinacional, Portugal Indústria: Engenharia e Construção Proposta de Valor : um problema. Soluções priorizadas com implementação faseada (3) ROI : Análise de risco em produção; redução da variabilidade de tempo em 16% Cliente: Multinacional, Portugal Indústria: Saúde Intervenção: Plataforma de gestão de imagiologia na 3º tentativa falhada. Intervenção em gestão de projecto ROI: Plataforma produzida dentro do orçamento 5

6 Competências Em termos de implementação, consoante a vontade da organização e as características da situação, a Abordagem Smarter Execution pode contribuir em: Smarter Execution F (Competências) = f (Pessoas, Processos, Sistemas) Áreas de Competência Smarter Execution apoia o desenvolvimento das organizações em: PESSOAS assessments, cursos e programas de formação com relevo na performance em gestão de projectos Smarter Execution PROCESSOS serviços de consultoria orientados ao diagnóstico, concepção e implementação de processos e sistemas de gestão de projectos e portfólios TECNOLOGIA desenho, desenvolvimento e implementação de soluções tecnológicas em gestão de projectos e portfólio 6

7 Competências Pessoas Qualquer que seja o processo, em actividades de elaboração progressiva e com elevado nível de incerteza a maestria e conhecimento pessoal das técnicas e dos comportamentos é critica para o sucesso dos projectos. Ajudamos as pessoas a desenvolverem competências técnicas em diferentes metodologias. Este desenvolvimento técnico pode ser do tipo básico e então a aprendizagem assenta nas variadas frameworks e áreas de conhecimento ou avançado e nessa situação os casos adoptados resultam do levantamento prévio realizado com a organização. A formação e o coaching contribuem para que os indivíduos recolham unidades de crédito (PDUs) para acesso à certificação profissional internacional da área (PMP ou outras). O acesso e a manutenção da certificação enquanto gestor de projecto (ou similar) obriga à obtenção de PDUs. No PMI a formação por nós ministrada atribui PDUs de categoria A e B no caso da Dale Carnegie Training (R.E.P. do PMI ) e de categoria B no caso da LTM Consultoria. O Nosso Desafio! Workshop Smarter Execution Atreva-se a reflectir connosco se a Smarter Execution pode ajudar a sua organização! Casos de sucesso, boas práticas, framework, PMBoK, áreas de conhecimento, avaliação de risco, métodos ágeis, base de conhecimento, práticas de reporte, etc. Um workshop com a equipa de gestão! Doze horas divididas em duas sessões, com o espaçamento de algumas semanas. Pensar e reflectir fora da caixa sobre execução! Nesse interregno, se pretender, podemos junto da sua organização procurar exemplos de retorno com a adopção de Práticas de Gestão de Projecto Smarter Execution, documenta-los e levar-lhe os verdes e vermelhos para a segunda sessão. 7

8 Exemplos de Estruturas de Formação Smarter Exe c u t i o n Competências Pessoas Formação Técnica Básica e de Certificação Profissional Curso: Preparação intensiva para exame de Certificação PMP Carga horaria em sala: 40 horas Participantes: 10 PDUs: 40 de cat B Observ.: Possibilidade realização de testes de preparação on-line Curso: Planeamento e Controlo à actividade com uso de MS Project Carga Horaria em sala: 14 horas Participantes: 8 PDU s: 14 de cat B Curso: Introdução Framework PMBoK Carga horária em sala: 12 horas Participantes: 16 PDU s: 12 de cat B Formação Técnica Avançada Curso: Processos e Práticas de Gestão do Risco Carga horaria em sala: 16 horas Participantes: 12 PDUs: 12 de cat B Curso: Monitorização e Controlo: EVM na Gestão de Projectos Carga Horaria em sala: 14 horas Participantes: 10 PDU s: 14 de cat B Curso: Gestão de Projectos de acordo com o seu Ciclo de Vida Carga horária em sala: 32 horas Participantes: 14 PDU s: 32 de cat B Curso: Iniciativas de gestão Ágil Carga horária em sala: 12 Carga em reuniões de GP: 20 Participantes: 8 / 10 PDU s: 6 de Cat B Formação Comportamental Curso: Leadership Training for Managers Carga horaria em sala: 21horas Participantes: 14 PDUs: 18de cat A Curso: Dale Carnegie Course Effective Communication & Human Relations Carga Horaria em sala: 42horas Participantes: 16 PDU s: 36 de cat A Curso: High Impact Presentations Carga horária em sala: 21 horas Participantes: 12 PDU s: 16 de cat A Programas e Seminários on line em inglês em formatos 4 sessões de 3 horas síncronas; Time Management, How to communicate with diplomacy and tact, etc 12 PDU cat A. Seminários on line de 3 horas com 3 PDU cat A cada 8

9 Competências Processos Na essência o que fazemos na área de processo é a fundamentação e apoio aos decisores sobre técnicas e metodologias a adoptar em função da situação organizacional, objectivos organizacionais e standards e referenciais internacionais. Em conformidade com as decisões tomadas e prioridades definidas apoiamos a organização na transferência de boas práticas para o seu interior, através da formulação e implementação de processos de gestão de projectos e portfólio. Possuímos um forte domínio dos referenciais desenvolvidos pelo Project Management Institute (quer standards quer practical standards) e experiência no seu uso e implementação. É esta a base de trabalho que ajudamos as organizações a adoptarem. 9

10 Competências Processos Todas as empresas que operam através de projectos têm práticas de gestão de projecto. Pelo que o que fazemos é ajuda-las a rever os seus resultados e as práticas usando como benchmark standards internacionais. Seria muito arriscado qualquer organização fazer tábua rasa do seu conhecimento e adoptar de forma genérica e em simultâneo as melhores práticas internacionais. A abordagem que preconizamos obriga as organizações a estabelecerem prioridades de forma a que seja promovida uma adopção faseada. A clareza do âmbito e dos objectivos a atingir facilita a obtenção de resultados. Project Management Office e OPM3 O OPM3 é um modelo de maturidade organizacional em Gestão de Projectos do PMI. Possibilita que as organizações identifiquem o seu domínio dos processos de gestão de projecto de acordo com as várias áreas criticas identificadas. O resultado do assessment possibilita a definição de um caminho de melhoria que sustenta o desenvolvimento da performance da organização. Habitualmente este caminho é implementado pelo Project Management Office (PMO), enquanto grupo ou divisão organizacional responsável pela manutenção das práticas internas de gestão de projectos. 10

11 Competências Tecnologia A profissionalização da gestão de projectos, nomeadamente em organizações que cujo sistema de produção é ao projecto, passa muitas vezes pela adopção de ferramentas informáticas que possibilitem criar práticas homogéneas e reforçar a eficiência. A nossa oferta não compreende o licenciamento ou a instalação de programas. Não temos preferência pela solução A ou B. No entanto, como pessoas experimentadas nesta área possuímos experiência com várias soluções, designadamente SAP e Microsoft. Quando as organizações pretendem informatizar práticas, quer pelo desenvolvimento ou customização da sua plataforma quer pela adopção de novas ferramentas, podemos ajuda-las em: Identificação dos processos a integrar Requisitos Elaboração de cadernos de encargos Apoio na selecção de fornecedores Gestão de contrato de fornecimento e acompanhamento técnico da implementação Implementação Desenvolvimento à medida Teste Na medida do necessário colocamo -nos na posição de gestor de projecto da organização ou apoiamos enquanto consultor técnico o gestor do projecto. 11

12 Smarter Execution A Execução através da Gestão de Projectos p/indústria de Soluções Bens Duradouros automóvel, aviação, equipamento... I n i c i a ti v a S m a r t e r E x e c u ti o n w w w. s m a r t e r e x e c u ti o n. b l o g s p o t. p t U m a p a r c e r i a : L T M C o n s u l t o r i a N o v o s C a n a i s D a l e C a r n e g i e T r a i n i n g w w w. l t m. p t ; w w w. n o v o s c a n a i s. c o m ; w w w. d a l e c a r n e g i e. p t 12

13 Sinais... Antes do inicio da produção em série, há o desenvolvimento de protótipos, de meios de produção e de controlo, de processos, formulações, testes, pré séries, industrialização do processo..alterações! Derrogações! E mais alterações!!!! Qualquer projecto contempla duas tipologias de processos; processos orientados ao produto e processos de gestão de projecto. Em industrias de bens duradouros, nomeadamente na industria automóvel, os processos orientados ao produto em etapa de projecto estão previstos no APQP. E onde andam os processos de gestão de projecto? Qualquer que seja a posição do fornecedor face ao TIER anterior ou ao OEM, verifica-se que a restrição gerida é o tempo. E se a peça sai com mais peso, o processo com índices mais altos de não qualidade e com velocidade inferior? Quando se resolvem? E a que custo? Pela natureza industrial destas organizações e pela intervenção do cliente os processos de gestão de projectos podem apresentar muita variabilidade e, eventualmente um nível de maturidade baixo ou intermédio quando comparados com benchmarks. O uso de ferramentas não normalizadas, o abuso de folhas excel, a dificuldade em identificar categorias de projectos, a indefinição sobre o inicio e fim de projecto, a ausência de métricas de monitorização de performance em projecto, a dificuldade em obter informação sistematizada sobre portfólio, o atraso no encerramento do projecto por motivos documentais ou aprovações internas, a própria identificação do âmbito do projecto e das atribuições do gestor, são algumas das características que podem servir de alerta para as organizações reflectirem sobre suas práticas de gestão de projecto. Temos a experiência e uma oferta alargada de soluções. Talvez possamos ajudar! 13

14 Formação Formação Técnica Básica e de Certificação Profissional Estruturas de formação orientadas para dotar os participantes de conhecimentos estruturais em gestão de projectos. Adequados para qualificação de pessoas Curso: Preparação intensiva para exame de Certificação PMP Carga horaria em sala: 44 horas Participantes: 10 PDUs: 44 de cat B Observ.: Possibilidade realização de testes de preparação on-line Curso: Iniciação ao uso de MS Project em conformidade com PMBoK Carga Horaria em sala: 14 horas Participantes: 8 PDU s: 14 de cat B Reflexão Interna Estruturas desenhadas para permitir facilitar ou promover processos de reflexão nas organizações Sessão: Gestão de Projectos com APQP e PMBoK Carga horaria em sala: 4 horas Participantes: 12 Sessão: Monitorização e Indicadores de projecto e portfólio Carga horaria em sala: 4 horas Participantes: 12 Técnicas e Ferramentas Workshop: Smarter Execution levantamento de práticas prévio 1,5dias (entrevistas e recolha de dados sobre práticas e ferramentas de projectos e portfólio) Carga horária em sala: 12 horas Participantes: 14 Estruturas de desenvolvimento específico técnico e de forma de estar Curso: Dale Carnegie Immersion Seminar Carga Horaria em sala: 21horas Participantes: 16 PDU s: 21 de cat A Curso: Gestão e Monitorização com EVM Carga horária em sala: 12horas Participantes: 12 PDU s: 12 de cat B Curso: FMEA concepção & aplicação Carga horária em sala: 14horas Participantes: 12 Curso: Sistemas Organizacionais de Gestão de Projectos Carga Horaria em sala: 14horas Participantes: 8 PDU s: 9 de cat A 14

15 Serviços Consultoria e Tecnologia Apoiamos as equipas das organizações desde o levantamento da situação à implementação da solução. Passando pelo apoio à tomada de decisão e desenho ou redesenho de práticas e fluxos de processos. Os nossos serviços de consultoria englobam, quando adequado, a componente de desenvolvimento tecnológico e informático e são suportados nos vários standards do PMI sendo o mais relevante o PMBoK e nos referenciais sectoriais, nomeadamente no APQP A nossa oferta está centrada em: Criação e implementação de Sistemas Organizacionais de Gestão de Projectos (projectos, programas e portfólio) Identificação de grau de Maturidade Organizacional em Gestão de Projectos. Assessment Análise e Redefinição de Práticas por Área de Conhecimento. Mais comum; gestão do risco e gestão do tempo Informatização de processos de gestão de projectos e portfólio; nomeadamente adopção de soluções Microsoft baseadas em MS Project ou desenvolvimentos à medida. Criação e implementação de modelos de reporte e medição da performance Assessoria directa e acompanhamento aos gestores de projecto Em serviços com componente tecnológica trabalhamos com a nossa equipa, com a equipa de cliente ou de terceira parte. Abordagem Em desenvolvimento da proposta comercial trabalhamos na empresa para dispor de um nível de conhecimento da organização que nos possibilite partir o desafio aos bocados. Identificamos as várias áreas de desenvolvimento que depois são priorizadas e estruturadas em actividades alocadas a diferentes etapas, criando uma visão geral quer do tempo quer dos recursos envolvidos. Assim cada etapa não ultrapassa os seis meses, com entregas perfeitamente verificáveis e com adjudicação autónoma. 15

16 Smarter Execution A Execução através da Gestão de Projectos Projectos & Iniciativas Internas I n i c i a ti v a S m a r t e r E x e c u ti o n w w w. s m a r t e r e x e c u ti o n. b l o g s p o t. p t U m a p a r c e r i a : L T M C o n s u l t o r i a N o v o s C a n a i s D a l e C a r n e g i e T r a i n i n g w w w. l t m. p t ; w w w. n o v o s c a n a i s. c o m ; w w w. d a l e c a r n e g i e. p t 16

17 Quantas iniciativas? Tem a sua empresa que segurar Ao analisar como a organização persegue as metas do scorecard estratégico verifica que grande parte dos eixos estratégicos se traduzem em medidas e que estas são na sua maioria projectos. A abertura de um novo mercado é um projecto passando de seguida ao estádio de operação, da mesma forma que a revisão do lay out fabril é um projecto. É evidente que as técnicas de gestão de projecto não devem ser as mesmas, mas na verdade estamos, em ambos os casos, em situações de esforços temporários coordenados e exclusivos de natureza progressiva com vista à obtenção de um produto, serviço ou resultado único. As características de esforço temporário tem um inicio e um fim; elaboração progressiva em função de circunstâncias e conhecimento progressivo; e resultado único a combinação de entregas; são características de grande parte das iniciativas de gestão, pelo menos das que buscam resultados novos para a organização 17

18 Formação Formação Técnica Básica e de Certificação Profissional Estruturas de formação orientadas para dotar os participantes de conhecimentos estruturais em gestão de projectos. Adequados para qualificação de pessoas Curso: Preparação intensiva para exame de Certificação PMP Carga horaria em sala: 44 horas Participantes: 10 PDUs: 44 de cat B Observ.: Possibilidade realização de testes de preparação on-line Curso: Técnicas e Metodologias ágeis de Gestão de Projecto Carga Horaria em sala: 14 horas Participantes: 8 Curso: Uso de MS Project e Planos Tipo Carga horaria em sala: 21 horas Participantes: 8 PDU s: 10,5 de cat B Curso: Balanced Scorecard como Mapa de Medidas Carga horaria em sala: 14 horas Participantes: 12 Reflexão Interna Estruturas desenhadas para permitir facilitar ou promover processos de reflexão nas organizações Sessão: Requisitos Mínimos de Gestão de Projectos e Iniciativas Carga horaria em sala: 4 horas Participantes: 12 Curso: Processos de Gestão de Projecto e Portfólio Apresentação Carga horaria em sala: 14 horas Participantes: 10 Técnicas e Ferramentas Estruturas de desenvolvimento específico técnico e de forma de estar Curso: Dale Carnegie Immersion Seminar Carga Horaria em sala: 21horas Participantes: 16 PDU s: 21 de cat A Curso: Sistemas Organizacionais de Gestão de Projectos Carga Horaria em sala: 14horas Participantes: 8 PDU s: 9 de cat A 18

19 Serviços Consultoria e Tecnologia PMO Departamental Alguns departamentos pela sua natureza operam em modelo organizacional de projecto. Tipicamente Divisões de Manutenção, Departamentos de Obras, Direcções Informáticas, entre outras. Há um balanceamento de recursos entre operações correntes e projectos, por vezes com equipas dedicadas. Os modelos de gestão de projectos e portfólio nestas situações apresentam grande variabilidade técnica, com origem, essencialmente, na área de actuação da Direcção e no enquadramento dos programas de projectos. A adopção de técnicas ágeis é muitas vezes aconselhada Projectos Transversais A organização lança periodicamente projectos com âmbitos e sponsorização distinta. Naturalmente são projectos com impacto organizacional muito distinto. É comum que situações deste tipo levem a que os projectos sejam geridos usando diferentes metodologias, variando entre abordagens ágeis e visuais até modelos tradicionais suportados em ferramentas informáticas. Abordagem Em desenvolvimento da proposta comercial trabalhamos na empresa para dispor de um nível de conhecimento da organização que nos possibilite partir o desafio aos bocados. Identificamos as várias áreas de desenvolvimento que depois são priorizadas e estruturadas em actividades alocadas a diferentes etapas, criando uma visão geral quer do tempo quer dos recursos envolvidos. Assim cada etapa não ultrapassa os seis meses, com entregas perfeitamente verificáveis e com adjudicação autónoma. 19

20 Smarter Execution A Execução através da Gestão de Projectos Smarter Execution, é uma iniciativa de LTM Consultoria em parceria com NovosCanais e Dale Carnegie Training Portugal, que visa apoiar as organizações no desenvolvimento da performance na disciplina de EXECUÇÃO através da adopção de práticas de gestão de projectos Coordenação: Luís Melo (l m e l l t m. p t ) Lisboa Porto R. Sousa Aroso, 556, 4ºesq Matosinhos

AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto

AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto 22 de Dezembro de 2014 AERLIS Programa de boas práticas de gestão de projeto Hugo Cartaxeiro PMP BECOME WINNERS TOGETHER. WINNING Management Consulting Foco na produtividade e previsibilidade dos projetos

Leia mais

PMO Implantação e Operação do Escritório de Projetos.

PMO Implantação e Operação do Escritório de Projetos. PMO Implantação e Operação do Escritório de Projetos. Objetivo O que leva as organizações a criarem um PMO (Project Management Office)? De alguns anos para cá, o estudo da teoria sobre Gerenciamento de

Leia mais

Documento de apresentação Software de Gestão e Avaliação da Formação

Documento de apresentação Software de Gestão e Avaliação da Formação Documento de apresentação Software de Gestão e Avaliação da Janeiro-2010 Para a boa gestão de pessoas, as empresas devem elevar o RH à posição de poder e primazia na organização e garantir que o pessoal

Leia mais

Selling Tools. Dale Carnegie Training Portugal www.dalecarnegie.pt customerservice@dalecarnegie.pt

Selling Tools. Dale Carnegie Training Portugal www.dalecarnegie.pt customerservice@dalecarnegie.pt Dale Carnegie Training Portugal www.dalecarnegie.pt customerservice@dalecarnegie.pt Enquadramento As vendas têm um ambiente próprio; técnicas e processos específicos. A forma de estar, o networking, os

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Especialização em Gestão de Projectos Nível 1 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Este curso constitui

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, CSPO, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Controlo de Gestão. 2ª Edição. Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013. www.pwc.pt/academia. Academia da PwC. 2ª edição

Controlo de Gestão. 2ª Edição. Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013. www.pwc.pt/academia. Academia da PwC. 2ª edição www.pwc.pt/academia Controlo de Gestão 2ª Edição Lisboa, 8 e 15 de Maio de 2013 Academia da PwC 2ª edição Este curso permite-lhe compreender melhor os princípios do controlo de gestão, com especial enfoque

Leia mais

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos Orientações para o Projeto, Implantação, Gerenciamento e Avaliação de Maturidade do Escritório de Projetos Objetivo O que leva as

Leia mais

Os Nossos Serviços. Learning is Changing! Project Management PMI

Os Nossos Serviços. Learning is Changing! Project Management PMI Learning is Changing! A actualidade apresenta-nos desafios constantes, que exigem novas respostas e soluções inovadoras, para um Futuro de Crescimento e Competitividade. Learning is Changing! reflecte

Leia mais

FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION

FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION FORMAÇÃO PROJECT MANAGEMENT CERTIFICATION Formação Project Management Certification: Esta formação tem como objectivo a preparação para a certificação. A certificação é crucial, uma vez que reconhece os

Leia mais

Oficina de Gestão de Portifólio

Oficina de Gestão de Portifólio Oficina de Gestão de Portifólio Alinhando ESTRATÉGIAS com PROJETOS através da GESTÃO DE PORTFÓLIO Gestão de portfólio de projetos pode ser definida como a arte e a ciência de aplicar um conjunto de conhecimentos,

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS

APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS Versão 1 2010 A SIX SIGMA BRASIL apresenta a seguir seu portfolio de capacitação e consultoria de serviços de gerenciamento de projetos, processos (lean e seis sigma)

Leia mais

B U S I N E S S I M P R O V E M E N T

B U S I N E S S I M P R O V E M E N T BUSINESS IMPROVEMENT A I N D E V E QUEM É A Indeve é uma empresa especializada em Business Improvement, composta por consultores com uma vasta experiência e com um grande conhecimento do mundo empresarial

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA QUALIDADE PLANO CURRICULAR

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA QUALIDADE PLANO CURRICULAR PLANO CURRICULAR UNIDADES CURRICULARES CARGA HORÁRIA ECTS Controlo Estatístico do Processo Doutora Florbela Correia 32 4 Gestão da Qualidade Mestre José Carlos Sá 24 4 Informática Aplicada a Qualidade

Leia mais

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO.

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. Crescer, Desenvolver, Multiplicar-se. Nossos melhores sonhos começam assim.

Leia mais

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure resultados superiores do seu time de projetos e dos executivos com o coaching e mentoring exclusivo da Macrosolutions.

Leia mais

CURSOS GERENCIAIS 20/12/2010 Antonio Roberto Grazzia, MBA, PMP

CURSOS GERENCIAIS 20/12/2010 Antonio Roberto Grazzia, MBA, PMP CURSOS GERENCIAIS 20/12/2010 Antonio Roberto Grazzia, MBA, PMP Em um ambiente de negócios competitivo, a condução de projetos de forma eficiente e sem desperdícios é um grande diferencial para o sucesso.

Leia mais

DESIGNING YOUR ACHIEVEMENT PRODUTOS E SERVIÇOS

DESIGNING YOUR ACHIEVEMENT PRODUTOS E SERVIÇOS DESIGNING YOUR ACHIEVEMENT PRODUTOS E SERVIÇOS Gestão de Tempo e Produtividade Pessoal HIGHER LEVELS OF ACHIEVEMENT MORE MEANINGFUL RESULTS BETTER BALANCED LIFE-STYLE NEM SEMPRE A CAPACIDADE DE REALIZAÇÃO

Leia mais

Desenvolvimento Sustentável da Inovação Empresarial

Desenvolvimento Sustentável da Inovação Empresarial Desenvolvimento Sustentável da Inovação Empresarial Inovar para Ganhar Paulo Nordeste Portugal tem apresentado nos últimos anos casos de sucesso em inovação; como novos produtos, serviços e modelos de

Leia mais

Ambientação nos conceitos

Ambientação nos conceitos Ambientação em Gestão de Projetos Maria Lúcia Almeida Ambientação nos conceitos Gestão de áreas funcionais e gestão de projetos Qualquer um pode ser gerente de projetos? Qual a contribuição da gestão de

Leia mais

Indice. Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos. Introdução... 1

Indice. Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos. Introdução... 1 r Indice Introdução.......................................... 1 Parte I - Um Modelo de Gestão de Projectos 1- Características da Gestão de Projectos 11 1.1 Definição de Projecto 11 1.2 Projectos e Estratégia

Leia mais

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS

ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS PMO PROJETOS PROCESSOS MELHORIA CONTÍNUA PMI SCRUM COBIT ITIL LEAN SIX SIGMA BSC ESCRITÓRIO RIO DE PROJETOS DESAFIOS CULTURAIS PARA IMPLANTAÇÃO DANIEL AQUERE DE OLIVEIRA, PMP, MBA daniel.aquere@pmpartner.com.br

Leia mais

Traduzindo Estratégia em Resultado

Traduzindo Estratégia em Resultado Traduzindo Estratégia em Resultado O Gerenciamento de Portfólio e a Nova Fronteira de Maturidade nas Organizações Thiago Regal, MSc., PfMP, PMP Situação dos projetos Assunto do momento Algumas estimativas

Leia mais

CATÁLOGO DE FORMAÇÃO project management - management personal effectiveness

CATÁLOGO DE FORMAÇÃO project management - management personal effectiveness CATÁLOGO DE FORMAÇÃO project management - management personal effectiveness 2015 Rua Bombarda 58 Santa Joana 3810-013 Aveiro, Portugal emete@emete.com 1 ÍNDICE PREPARAÇÃO PARA A CERTIFICAÇÃO PMP...4 GESTÃO

Leia mais

METODOLOGIA HSM Centrada nos participantes com professores com experiência executiva, materiais especialmente desenvolvidos e infraestrutura tecnológica privilegiada. O conteúdo exclusivo dos especialistas

Leia mais

Finanças para Não Financeiros

Finanças para Não Financeiros www.pwc.pt/academy Finanças para Não Financeiros Academia da PwC Este curso permite-lhe compreender melhor as demonstrações financeiras, os termos utilizados e interpretar os principais indicadores sobre

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON ITIL V3 HAND S ON Apresentação Executiva 1 Os treinamentos de ITIL Hand s On, abordam os processos da gestão de serviços de TI do ITIL v3 e são recomendados e necessários, para quem quer ser tornar um

Leia mais

1 Serviços de Planeamento e Transformação Empresarial Os Serviços de Planeamento e Transformação Empresarial da SAP incluem:

1 Serviços de Planeamento e Transformação Empresarial Os Serviços de Planeamento e Transformação Empresarial da SAP incluem: Descrição de Serviços Serviços de Planeamento e Empresarial Os Serviços de Planeamento e Empresarial fornecem serviços de consultoria e prototipagem para facilitar a agenda do Licenciado relativa à inovação

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 1 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

Balanced Scorecard e a

Balanced Scorecard e a Sessões de Trabalho Balanced Scorecard e a Execução Estratégica Programa de 3 dias de Treino Inscrições até 31/Março = 375 + IVA Inscrições até 11/Abril = 750 + IVA Local: Armazém SYV (em Lisboa, na Junqueira)

Leia mais

Consultoria Estratégica. PMSolution Consultoria

Consultoria Estratégica. PMSolution Consultoria PMSolution Consultoria Nossa Atuação Cliente Governança Corporativa Governança de TI Áreas de Conhecimento Consultoria Estratégica Gerenciamento de Projetos e Portfólio Tecnologia Capacitação Confidencial

Leia mais

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA Líderes eficazes devem encontrar maneiras de melhorar o nível de engajamento, compromisso e apoio das pessoas, especialmente durante os períodos

Leia mais

Gerenciamento de Projetos de TI

Gerenciamento de Projetos de TI Gerenciamento de Projetos de TI Práticas do PMBOK v4 e controles do COBIT v4.1 aplicados à Tecnologia da Informação. Objetivo Este curso tem como objetivo consolidar conhecimentos sobre as melhores práticas

Leia mais

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada.

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. Anexo A Estrutura de intervenção As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. 1. Plano de ação para o período 2016

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação Pesquisa realizada com os participantes do de Apresentação O perfil do profissional de Projetos Pesquisa realizada durante o 12 Seminário Nacional de, ocorrido em 2009, traça um importante perfil do profissional

Leia mais

CONCORRÊNCIA E COMPETITIVIDADE

CONCORRÊNCIA E COMPETITIVIDADE CONCORRÊNCIA E COMPETITIVIDADE Capítulo 7 Balanced Scorecard ÍNDICE 7.1 O que é o Balanced Scorecard 7.2 Indicadores de Ocorrência 7.3 O Método 7.4 Diagramas de Balanced Scorecard Capítulo 7 - BALANCED

Leia mais

Implantação do Gerenciamento de Projetos no Processo de Expansão de Alta Tensão da CEMIG-D: Os Desafios da Mudança Cultural

Implantação do Gerenciamento de Projetos no Processo de Expansão de Alta Tensão da CEMIG-D: Os Desafios da Mudança Cultural Implantação do Gerenciamento de Projetos no Processo de Expansão de Alta Tensão da CEMIG-D: Os Desafios da Mudança Cultural Júlio César Marques de Lima Agenda O Processo de Expansão AT da CEMIG-D. Cronograma

Leia mais

Programa Avançado 2010 LISBOA Inicio a 26 Março 2010 PORTO Inicio a 26 Março 2010 LEIRIA Inicio a 26 Março 2010 A formação em Gestão de Projectos tem vindo a assumir uma importância cada vez maior em todo

Leia mais

CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015

CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015 LUANDA PROGRAMA AVANÇADO PARA DECISORES CONCURSOS INTERNACIONAIS COMO OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO Skyna Hotel 22 de Junho de 2015 2.ª EDIÇÃO Inscrições e mais informações em: www.ambienteonline.pt/luanda-concursos-internacionais-2015

Leia mais

Gestão Ágil de Projetos e a certificação PMI-ACP

Gestão Ágil de Projetos e a certificação PMI-ACP Gestão Ágil de Projetos e a certificação PMI-ACP Apresentação Roberto Gil Espinha Mais de 15 anos de experiência em Projetos Bacharel em Administração de Empresas pela UNIVILLE Pós-Graduado em Gestão Empresarial

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas

Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas Como adquirir aptidões e Skills de gestão de projetos para ganhar e conducir negócios complexos Gestão de Projetos para Profissionais de Vendas Lisboa, 19 e 20 de Abril de 2016 Identificar a correta estratégia

Leia mais

www.plathanus.com.br

www.plathanus.com.br www.plathanus.com.br A Plathanus Somos uma empresa com sede na Pedra Branca Palhoça/SC, especializada em consultoria e assessoria na criação e desenvolvimento de estruturas e ambientes especializados com

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão do Instituto Politécnico de Portalegre. Joaquim Mourato Conferência Inovação no Ensino Superior - Évora 23/01/2007

Sistema Integrado de Gestão do Instituto Politécnico de Portalegre. Joaquim Mourato Conferência Inovação no Ensino Superior - Évora 23/01/2007 Sistema Integrado de Gestão do Instituto Politécnico de Portalegre Joaquim Mourato Conferência Inovação no Ensino Superior - Évora 23/01/2007 Objectivos e Metodologia Sistema Integrado de Gestão Análise

Leia mais

Training Manager. Certificação PwC. 7, 14 e 21 de março. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC

Training Manager. Certificação PwC. 7, 14 e 21 de março. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC www.pwc.pt/academy Training Manager Certificação PwC 7, 14 e 21 de março Academia da PwC As empresas líderes analisam quais as competências necessárias para o desempenho dos seus colaboradores, implementam

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 2 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

OBJETIVO PÚBLICO ALVO

OBJETIVO PÚBLICO ALVO PMO Implantação e Operação do Escritório de Projetos. n Instrutor Luis Claudio, M.Sc. PMP, ITIL, COBIT DIFERENCIAIS Avaliação prévia das necessidades de cada participante para customização do conteúdo;

Leia mais

Qpoint Rumo à Excelência Empresarial

Qpoint Rumo à Excelência Empresarial 2 PRIMAVERA BSS Qpoint Rumo à Excelência Empresarial Numa era em que a competitividade entre as organizações é decisiva para o sucesso empresarial, a aposta na qualidade e na melhoria contínua da performance

Leia mais

Carlos Henrique Santos da Silva

Carlos Henrique Santos da Silva GOVERNANÇA DE TI Carlos Henrique Santos da Silva Mestre em Informática em Sistemas de Informação UFRJ/IM Certificado em Project Management Professional (PMP) PMI Certificado em IT Services Management ITIL

Leia mais

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure melhores resultados em seus projetos com uma estrutura de comunicação simples, efetiva,

Leia mais

Workshop. Maturidade da Governação e Gestão de TI em Portugal. Inquérito Nacional 2011. Mário Lavado itsmf Portugal 11-10-2011

Workshop. Maturidade da Governação e Gestão de TI em Portugal. Inquérito Nacional 2011. Mário Lavado itsmf Portugal 11-10-2011 Workshop Maturidade da Governação e Gestão de TI em Portugal Inquérito Nacional 2011 Mário Lavado itsmf Portugal 11-10-2011 Agenda Apresentação dos resultados do estudo de maturidade do ITSM & ITGovervance

Leia mais

A NORMA PORTUGUESA NP 4427 SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS REQUISITOS M. Teles Fernandes

A NORMA PORTUGUESA NP 4427 SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS REQUISITOS M. Teles Fernandes A NORMA PORTUGUESA NP 4427 SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS REQUISITOS M. Teles Fernandes A satisfação e o desempenho dos recursos humanos em qualquer organização estão directamente relacionados entre

Leia mais

Balanced Scorecard e a Gestão por Competências

Balanced Scorecard e a Gestão por Competências Balanced Scorecard e a Gestão por Competências ELEVUS O QUE FAZEMOS *Áreas de actuação: *Recrutamento e Selecção *Outplacement *Formação e Desenvolvimento Pessoal *Assessment Centre *Consultoria ELEVUS

Leia mais

Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional!

Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional! MBA EM GESTÃO DE PROJECTOS IMOBILIÁRIOS Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional! Introdução A ESAI é a única escola que se dedica exclusivamente ao ensino das actividades imobiliárias

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS

IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS Claudio Oliveira Aplicações de CRM Claudio Oliveira Apresentação Claudio Oliveira (cloliveira@usp.br) Professor da Fundação Vanzolini

Leia mais

ASSISTIR AS PME NAS ESTRATÉGIAS DE CRESCIMENTO

ASSISTIR AS PME NAS ESTRATÉGIAS DE CRESCIMENTO ASSISTIR AS PME NAS ESTRATÉGIAS DE CRESCIMENTO O papel da Assistência Empresarial do IAPMEI António Cebola Sines, 11 de Dezembro de 2009 MISSÃO DO IAPMEI Promover a inovação e executar políticas de estímulo

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão. Evento IDC PME 24.set.2008. Carlos Neves

Sistema Integrado de Gestão. Evento IDC PME 24.set.2008. Carlos Neves Sistema Integrado de Gestão Evento IDC PME 24.set.2008 Carlos Neves Agradecimentos Carlos Neves - 24.Set.08 2 Sumário 1. Oportunidades e desafios para as PME 2. Os projectos SI/TI e a Mudança 3. Perspectivas

Leia mais

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE A LINK THINK AVANÇA COM PROGRAMA DE FORMAÇÃO PROFISSONAL PARA 2012 A LINK THINK,

Leia mais

Proposta. ITIL V3 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ITIL V3 2011 - Fundamentos

Proposta. ITIL V3 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ITIL V3 2011 - Fundamentos ITIL V3 2011 Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de ITIL V3 Foundations, tem como premissa capacitar o aluno a entender a aplicação da metodologia do ITIL e contato com as suas principais

Leia mais

Soluções com valor estratégico

Soluções com valor estratégico Soluções com valor estratégico Contexto O ambiente económico e empresarial transformou-se profundamente nas últimas décadas. A adesão de Portugal à U.E., a adopção do euro e o mais recente alargamento

Leia mais

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004)

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) por António Jorge Costa, Presidente do Instituto de Planeamento

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos PMI, PMP e PMBOK PMI (Project Management Institute) Estabelecido em 1969 e sediado na Filadélfia, Pensilvânia EUA, o PMI é a principal associação mundial, sem fins lucrativos,

Leia mais

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos Orientações para o Projeto, Implantação, Gerenciamento e Avaliação de Maturidade do Escritório de Projetos Objetivo O estudo da teoria

Leia mais

A concatenação de profissionais experientes, percepções modernas do mercado e ferramentas avançadas de gestão fazem com que a Menchën ofereça ao seu

A concatenação de profissionais experientes, percepções modernas do mercado e ferramentas avançadas de gestão fazem com que a Menchën ofereça ao seu A concatenação de profissionais experientes, percepções modernas do mercado e ferramentas avançadas de gestão fazem com que a Menchën ofereça ao seu cliente um produto final mais completo e robusto, que

Leia mais

Perto de si, mudamos consigo! www.wechange.pt

Perto de si, mudamos consigo! www.wechange.pt Hotel Alvalade LUANDA 16 a 27 de RH Os Ciclos de RH, consistem em planos de desenvolvimento de competências no domínio da gestão de Recursos Humanos, nomeadamente ao nível das áreas de Selecção, Formação

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 16º Seminário Nacional de Gestão de Projetos APRESENTAÇÃO

Pesquisa realizada com os participantes do 16º Seminário Nacional de Gestão de Projetos APRESENTAÇÃO Pesquisa realizada com os participantes do de APRESENTAÇÃO O perfil do profissional de projetos Pesquisa realizada durante o 16 Seminário Nacional de, ocorrido em Belo Horizonte em Junho de, apresenta

Leia mais

Business Process Management

Business Process Management 1 Business Process Management O imperativo da eficiência operacional Na constante busca pelo aumento da eficiência operacional e diminuição dos custos, as organizações procuram optimizar os seus processos

Leia mais

O controlo de gestão nas unidades de saúde: o Balanced Scorecard

O controlo de gestão nas unidades de saúde: o Balanced Scorecard O controlo de gestão nas unidades de saúde: o Balanced Scorecard P o r C a r l o s M a n u e l S o u s a R i b e i r o O Balanced Scorecard apresenta-se como alternativa viável aos tradicionais sistemas

Leia mais

TPM. José Pedro A. R. Silva

TPM. José Pedro A. R. Silva CICLOS DE FORMAÇÃO EMPRESARIAL Metodologias Avançadas para a Indústria e Serviços TPM José Pedro A. R. Silva 1 CICLOS DE FORMAÇÃO EMPRESARIAL Ciclo de formação e treino em Lean TPM Ciclo de formação e

Leia mais

Gestão da Formação. > Formação Pedagógica Inicial de Formadores 101. > Formação Pedagógica Contínua de Formadores 102

Gestão da Formação. > Formação Pedagógica Inicial de Formadores 101. > Formação Pedagógica Contínua de Formadores 102 > Formação Pedagógica Inicial de Formadores 101 > Formação Pedagógica Contínua de Formadores 102 > Diagnóstico de Necessidades de Formação 103 > Avaliação da Formação 104 Gestão da Formação 99 Calendário

Leia mais

PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas

PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas PMO - Project Management Office (Escritório de Projetos) 16 horas As organizações precisam mudar de um enfoque funcional para um enfoque orientado a projetos, o que demanda mudanças na estrutura organizacional

Leia mais

Quem Somos. Na área de Gestão da Produção e Processos, somos membros da Apics Educational Society for Resource Management nos EUA.

Quem Somos. Na área de Gestão da Produção e Processos, somos membros da Apics Educational Society for Resource Management nos EUA. Portfolio de Atividades Prof. João Carlos Boyadjian, PMP, MBA, MSc Quem Somos A CPLAN CONSULTORIA E PLANEJAMENTO LTDA é uma empresa que atua há 25 anos no mercado em consultoria e treinamento em Gestão

Leia mais

HR Scorecard Linking Strategy, People and Performance

HR Scorecard Linking Strategy, People and Performance www.pwc.pt/academy Linking Strategy, People and Performance Lisboa, 8 e 9 de abril de 2013 Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as tendências e melhores práticas de alinhamento da estratégia com

Leia mais

Contributo do Balanced Scorecard para Competitividade Sustentável das Organizações

Contributo do Balanced Scorecard para Competitividade Sustentável das Organizações Contributo do Balanced Scorecard para Competitividade Sustentável das Organizações Rita Almeida Dias 18 Setembro de 2012 2012 Sustentare Todos os direitos reservados Anterior Próximo www.sustentare.pt

Leia mais

Seminário CNIS - APCER QUALIDADE - Pressuposto de Diferenciação. Sistemas de Gestão

Seminário CNIS - APCER QUALIDADE - Pressuposto de Diferenciação. Sistemas de Gestão Seminário CNIS - APCER QUALIDADE - Pressuposto de Diferenciação Sistemas de Gestão 27 de Outubro de 2007 Dora Gonçalo Directora de Certificação e de Auditores www.apcer.pt Agenda Desafios e Organizações

Leia mais

CIRCULAR. Assunto: Avaliação na Educação Pré- Escolar

CIRCULAR. Assunto: Avaliação na Educação Pré- Escolar CIRCULAR Data: 11/04/2011 Circular nº.: 4 /DGIDC/DSDC/2011 Assunto: Avaliação na Educação Pré- Escolar Para: Inspecção-Geral de Educação Direcções Regionais de Educação Secretaria Regional Ed. da Madeira

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos Em conformidade com a metodologia PMI 1 Apresentações Paulo César Mei, MBA, PMP Especialista em planejamento, gestão e controle de projetos e portfólios, sempre aplicando as melhores

Leia mais

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge)

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) Governança de TI AULA 08 2011-1sem Governança de TI 1 Introdução ao Gerenciamento de Projetos HISTÓRIA PMI Project Management Institute: Associação

Leia mais

SESSÃO DE ENCERRAMENTO DO VENTURE CAPITAL IT 2006

SESSÃO DE ENCERRAMENTO DO VENTURE CAPITAL IT 2006 SESSÃO DE ENCERRAMENTO DO VENTURE CAPITAL IT 2006 Jaime Andrez Presidente do CD do IAPMEI 10 de Maio de 2006 Minhas Senhoras e meus Senhores, 1. Em nome do Senhor Secretário de Estado Adjunto, da Indústria

Leia mais

Edição 2010 Estágios Curriculares

Edição 2010 Estágios Curriculares Edição 2010 Estágios Curriculares Direcção de Auditoria Crédito Descrição Sumária do Projecto 01/24 Desenvolvimento de metodologias de análise dos critérios de validação técnica dos modelos de rating de

Leia mais

Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança)

Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança) Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança) 1 - Apresentação Grau Académico: Mestre Duração do curso: : 2 anos lectivos/ 4 semestres Número de créditos, segundo o Sistema

Leia mais

Sem o recurso às tecnologias disponibilizadas pela Microsoft, a solução criada seria difícil de obter num tão curto espaço de tempo.

Sem o recurso às tecnologias disponibilizadas pela Microsoft, a solução criada seria difícil de obter num tão curto espaço de tempo. Caso de Sucesso Microsoft Finsolutia cria solução completa de suporte ao negócio com.net Framework 3.5 Sumário País: Portugal Indústria: Banking&Finance Perfil do Cliente A Finsolutia é uma joint venture

Leia mais

Moçambique. Agenda EVENTOS 2013 NEW!! INSCREVA-SE EM. Também in Company. inscrip@iirportugal.com. VISITE www.iirportugal.com

Moçambique. Agenda EVENTOS 2013 NEW!! INSCREVA-SE EM. Também in Company. inscrip@iirportugal.com. VISITE www.iirportugal.com Moçambique Agenda EVENTOS 2013 NEW!! Também in Company INSCREVA-SE EM inscrip@iirportugal.com VISITE www.iirportugal.com INOVAÇÃO Estimado cliente, Temos o prazer de lhe apresentar em exclusiva o novo

Leia mais

RECURSOS HUMANOS. Gestão Estratégica de. RH Management Series. www.iirangola.com LUANDA. Planificação Estratégica de Recursos Humanos

RECURSOS HUMANOS. Gestão Estratégica de. RH Management Series. www.iirangola.com LUANDA. Planificação Estratégica de Recursos Humanos RH Management Series Advanced Training for Strategic Advantage CICLO DE FORMAÇÃO EM Gestão Estratégica de RECURSOS HUMANOS Planificação Estratégica de Recursos s SEMINÁRIO Recrutamento, Selecção & Entrevista

Leia mais

Gerenciamento de TI. Paulo César Rodrigues

Gerenciamento de TI. Paulo César Rodrigues Gerenciamento de TI Paulo César Rodrigues *Analista de Sistemas; *Tutor do curso de graduação em Tecnologia em Sistemas de Computação (UFF/Cederj); * Professor do curso Técnico em Informática da Prefeitura

Leia mais

ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL

ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL 1 SUMÁRIO DIAGNÓSTICO GERAL...3 1. PREMISSAS...3 2. CHECKLIST...4 3. ITENS NÃO PREVISTOS NO MODELO DE REFERÊNCIA...11 4. GLOSSÁRIO...13 2 DIAGNÓSTICO GERAL Este diagnóstico é

Leia mais

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) por António Jorge Costa, Presidente do Instituto de Planeamento

Leia mais

Planeamento Serviços Saúde

Planeamento Serviços Saúde Planeamento Serviços Saúde Estrutura Organizacional João Couto Departamento de Economia e Gestão Universidade dos Açores Estrutura Organizacional É o sistema de organização de tarefas onde se estabelecem

Leia mais

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas Informática Aula 3 Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação Comunicação Empresarial 2º Ano Ano lectivo 2003-2004 Introdução aos Sistemas A Teoria dos Sistemas proporciona um meio poderoso

Leia mais

FACILITIES MANAGEMENT

FACILITIES MANAGEMENT MINI MBA Potencialize a sua qualificação profissional Incremente a eficácia e rentabilidade da sua unidade de trabalho Eficiência operacional e redução de custos em FACILITIES MANAGEMENT Mini MBA Mais

Leia mais

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005.

Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. Cooperação empresarial, uma estratégia para o sucesso Nota: texto da autoria do IAPMEI - UR PME, publicado na revista Ideias & Mercados, da NERSANT edição Setembro/Outubro 2005. É reconhecida a fraca predisposição

Leia mais

GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177

GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177 GESTÃO, PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO, PROJETOS E RESULTADOS. EMPRESA REGISTRADA 13-0177 TECHNIQUE A Technique atua desde 1997 nas áreas de infraestrutura, construção civil e industrial, através de consultoria

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO JOOMLA NA GESTÃO DA INFORMAÇÃO PEDAGÓGICA. Razões justificativas da acção: Problema/Necessidade de formação identificado

A IMPORTÂNCIA DO JOOMLA NA GESTÃO DA INFORMAÇÃO PEDAGÓGICA. Razões justificativas da acção: Problema/Necessidade de formação identificado A IMPORTÂNCIA DO JOOMLA NA GESTÃO DA INFORMAÇÃO PEDAGÓGICA Razões justificativas da acção: Problema/Necessidade de formação identificado O Plano Tecnológico da Educação (PTE), aprovado pela Resolução de

Leia mais

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva Apresentação Executiva 1 O treinamento de BPM e BPMN tem como premissa capacitar o aluno a captar as atividades relativas a determinado processo da empresa, organizá-las, gerando um fluxograma de atividades/processos,

Leia mais

INOVAÇÃO E SOLUÇÃO INTEGRADA

INOVAÇÃO E SOLUÇÃO INTEGRADA INOVAÇÃO E SOLUÇÃO INTEGRADA A Formação no ISQ A actividade de Formação do ISQ tem sido uma forte aposta enquanto factor determinante para o desenvolvimento e melhoria de desempenho dos sectores tecnológicos

Leia mais

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos COBIT Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de Cobit Fundamentos tem como premissa capacitar o participante a compreender e controlar os riscos associados, mantendo o equilíbrio entre os investimentos

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA ABERTURA A People & Skills foi criada para responder às necessidades de um mercado cada vez mais apostado em desenvolver e consolidar competências que

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Desde Janeiro 2006 Responsável pela Unidade de Negócios da Lisboagás para Lisboa e Amadora.

CURRICULUM VITAE. Desde Janeiro 2006 Responsável pela Unidade de Negócios da Lisboagás para Lisboa e Amadora. CURRICULUM VITAE Nome: Nuno Miguel de Campos Matos Vaz Neto Morada: Rua João de Oliveira Miguens, 5-5º C Código Postal e Localidade: 1350-187 Lisboa Nacionalidade: Portuguesa Telefone: +351917765911 E-mail:

Leia mais

Reengenharia de Processos

Reengenharia de Processos Reengenharia de Processos 1 Enquadramento 2 Metodologia 3 Templates 1 Enquadramento 2 Metodologia 3 Templates Transformação da Administração Pública É necessário transformar a Administração Pública de

Leia mais