Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13 Figura 4 Navegação no portal Fonte: Intranet da Itaipu Binacional Figura 5 Página do roteiro de um processo Fonte: Intranet da Itaipu Binaciona l

14 Figura 6 Página de um roteiro do processo Fonte: Intranet da Itaipu Binacional 6 CONSIDERAÇÕES FINAIS O conteúdo aqui abordado, possibilita a criação de uma visão que apresenta a importância que a gestão conhecimento pode representar dentro de uma empresa, principalmente uma empresa de grande porte que necessita de operação técnica altamente qualificada. Sistematizar conhecimento é um processo que requer comprometimento da equipe para com as atividades que são necessárias para o êxito no projet o. Portanto, pode -se observar, com os resultados apresentados, que a equipe da Superintendência de Manutenção obteve sucesso ao propor um projeto de aplicação de gestão do conhecimento em um caso de extrema complexidade (manutenção de geradores). Além disso, o conteúdo do artigo serve para expor um caso onde se coloca em prática o conceito proposto pela espiral do conhecimento, que indica as fases de externalização e compartilhamento do conhecimento que cada um dos responsáveis possui, tornando válida o método apresentado, além de trazer à prática o conceito proposto pela teoria dos sistemas que são, segundo Bertalanffy (1977, p. 84), um complexo de elementos em interação. Ao final, nota -se que a gestão do conhecimento é um ponto importante e fundamental d entro das empresas, que deve ser incentivado e posta em prática para que, cada vez mais, se obtenha bons resultados no que tange a manutenção benéfica do capital intelectual que a empresa possui.

15

Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional

Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional I Simpósio de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciência da Informação Universidade Estadual de Londrina - UEL Londrina 06 de março de 2010

Leia mais

PROJETO DE INOVAÇÃO E MELHORIA

PROJETO DE INOVAÇÃO E MELHORIA PROJETO DE INOVAÇÃO E MELHORIA 1. Introdução A apresentação dos Projetos de Inovação e Melhoria - PIM pelos Escalões/Divisões possui os seguintes objetivos: a. Estimular os Escalões e Divisões do Cmdo

Leia mais

PARCERIA FAMÍLIA E ESCOLA NO ENSINO DE HISTÓRIA: LIMITES E POSSIBILIDADES DESTA RELAÇÃO

PARCERIA FAMÍLIA E ESCOLA NO ENSINO DE HISTÓRIA: LIMITES E POSSIBILIDADES DESTA RELAÇÃO PARCERIA FAMÍLIA E ESCOLA NO ENSINO DE HISTÓRIA: LIMITES E POSSIBILIDADES DESTA RELAÇÃO RESUMO Kelce Lanis Lira da Silva¹ Maria Claudia da Silva Madeira² O texto pretende contribuir para uma futura melhoria

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM AMBIENTE DE GESTÃO BASEADO NA WEB PARA UMA PEQUENA EMPRESA. Ismael Eggers Orientador: Henrique Freitas

DESENVOLVIMENTO DE UM AMBIENTE DE GESTÃO BASEADO NA WEB PARA UMA PEQUENA EMPRESA. Ismael Eggers Orientador: Henrique Freitas DESENVOLVIMENTO DE UM AMBIENTE DE GESTÃO BASEADO NA WEB PARA UMA PEQUENA EMPRESA Ismael Eggers Orientador: Henrique Freitas 1 Roteiro Introdução Definição do problema Justificativa Objetivos Metodologia

Leia mais

Programa de prevenção aos efeitos causados pelas mudanças e variabilidade climáticas.

Programa de prevenção aos efeitos causados pelas mudanças e variabilidade climáticas. Programa de prevenção aos efeitos causados pelas mudanças e variabilidade climáticas. 1 Introdução O aumento na ocorrência dos eventos críticos - secas intensas, fortes tempestades, enchentes frequentes

Leia mais

Eixo 3: Distribuição de Conteúdos

Eixo 3: Distribuição de Conteúdos : Distribuição de Conteúdos Criação de um órgão responsavel pela assessoria e planejamento de projetos de distribuição de conteúdos culturais. Criação de polos de distribuição da produção cultural por

Leia mais

As informações e opiniões contidas neste trabalho são de exclusiva responsabilidade do autor.

As informações e opiniões contidas neste trabalho são de exclusiva responsabilidade do autor. INFORMATIZAÇÃO DO CONTROLE DA QUALIDADE DAS SOLDAS DURANTE A IMPLANTAÇÃO DAS UNIDADES ADICIONAIS DA USINA HIDRELÉTRICA DA ITAIPU BINACIONAL Marco Aurélio Escobar ITAIPU BINACIONAL Trabalho apresentado

Leia mais

Experiência: Sistema PIER e Gestão por Resultados (Painel de Indicadores Estratégicos)

Experiência: Sistema PIER e Gestão por Resultados (Painel de Indicadores Estratégicos) Experiência: Sistema PIER e Gestão por Resultados (Painel de Indicadores Estratégicos) SERPRO - Serviço Federal de Processamento de Dados Ministério da Fazenda Responsável: Adinilson Martins da Silva Técnico

Leia mais

VANTAGEM ESTRATÉGICA. Assunto: Administração do Conhecimento

VANTAGEM ESTRATÉGICA. Assunto: Administração do Conhecimento 1 VANTAGEM ESTRATÉGICA Assunto: Administração do Conhecimento Objetivos do capítulo: 1. Explicar como os sistemas de administração do conhecimento podem ajudar na iniciativa de construir uma empresa geradora

Leia mais

Edital para Seleção de Trabalhos para o II Seminário de Boas Práticas na Gestão de Unidades de Conservação

Edital para Seleção de Trabalhos para o II Seminário de Boas Práticas na Gestão de Unidades de Conservação MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE Edital para Seleção de Trabalhos para o II Seminário de Boas Práticas na Gestão de Unidades de Conservação 1. APRESENTAÇÃO

Leia mais

Processo Controle de Documentos e Registros

Processo Controle de Documentos e Registros Dono do Processo Kelly Vitoriny Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado criticamente por Representante da Direção Substituto: Wilker Bueno 1. OBJETIVOS: Descrever a forma como é efetuado o controle

Leia mais

INSTITUTO MARCA BRASIL. www.marcabrasil.org.br

INSTITUTO MARCA BRASIL. www.marcabrasil.org.br INSTITUTO MARCA BRASIL www.marcabrasil.org.br PROJETO INVESTIMENTOS EM HOSPITALIDADE MERCADO IMOBILIÁRIO TURÍSTICO DESCRITIVO Apoio aos empreendedores nacionais na apresentação de projetos para investidores

Leia mais

FATEGÍDIO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

FATEGÍDIO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FATEGÍDIO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL T. OTONI, DEZEMBRO DE 2010 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 4 2 METODOLOGIA DA PESQUISA... 9 3 FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO...12 4 CONCLUSÃO...

Leia mais

Ambiente Regulatório e Atração de Recursos Internacionais. IV Conferência Anual da RELOP Brasília DF 30/06/11

Ambiente Regulatório e Atração de Recursos Internacionais. IV Conferência Anual da RELOP Brasília DF 30/06/11 Energia para Novos Tempos Ambiente Regulatório e Atração de Recursos Internacionais IV Conferência Anual da RELOP Brasília DF 30/06/11 Sinval Zaidan Gama Superintendente de Operações no Exterior Atuacão

Leia mais

ALINHANDO A GESTÃO DO CONHECIMENTO COM A ESTRATÉGIA EMPRESARIAL: FUNDAMENTOS PARA A GESTÃO DA MUDANÇA NO MODELO DE GESTÃO DA ITAIPU BINACIONAL

ALINHANDO A GESTÃO DO CONHECIMENTO COM A ESTRATÉGIA EMPRESARIAL: FUNDAMENTOS PARA A GESTÃO DA MUDANÇA NO MODELO DE GESTÃO DA ITAIPU BINACIONAL ALINHANDO A GESTÃO DO CONHECIMENTO COM A ESTRATÉGIA EMPRESARIAL: FUNDAMENTOS PARA A GESTÃO DA MUDANÇA NO MODELO DE GESTÃO DA ITAIPU BINACIONAL Miguel Augusto Zydan Soria, Edson Pinheiro de Lima, Jaime

Leia mais

Micro-Química Produtos para Laboratórios Ltda.

Micro-Química Produtos para Laboratórios Ltda. Micro-Química Produtos para Laboratórios Ltda. Resumo Com a globalização e os avanços tecnológicos, as empresas estão operando num ambiente altamente competitivo e dinâmico. As organizações que quiserem

Leia mais

GESTÃO DO CONHECIMENTO: PRÁTICAS QUE CRIAM VALOR

GESTÃO DO CONHECIMENTO: PRÁTICAS QUE CRIAM VALOR GESTÃO DO CONHECIMENTO: PRÁTICAS QUE CRIAM VALOR Área: ADMINISTRAÇÃO Categoria: EXTENSÃO Francielle Cwikla Fundação Getulio Vargas, Rua Canafistula 96 Vila B, francwikla@gmail.com Resumo A gestão do conhecimento

Leia mais

João Bosco Senra. MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - Brasil Secretaria de Recursos HídricosH

João Bosco Senra. MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - Brasil Secretaria de Recursos HídricosH Fevereiro de 2007 Proposta de Estratégia Comum entre os Países da América Latina e Caribe para o Gerenciamento da Água João Bosco Senra MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - Brasil Secretaria de Recursos HídricosH

Leia mais

Política Ambiental janeiro 2010

Política Ambiental janeiro 2010 janeiro 2010 5 Objetivo Orientar o tratamento das questões ambientais nas empresas Eletrobras em consonância com os princípios da sustentabilidade. A Política Ambiental deve: estar em conformidade com

Leia mais

Tema de Trabalho : Desenvolvimento com Eqüidade e Responsabilidade Ambiental

Tema de Trabalho : Desenvolvimento com Eqüidade e Responsabilidade Ambiental Desde 2003 o Brasil é membro efetivo da Associação Internacional de Conselhos Econômicos e Sociais e Instituições Similares (AICESIS), e em junho de 2007 assumiu a sua presidência para um mandato de dois

Leia mais

1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS

1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS 1 1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS 1.ACESSANDO O SITE DA FEOL 1.1 Endereço do Site O endereço para acessar o site da Fundação Educacional de Oliveira é: www.feol.com.br Obs: experimente digitar apenas feol.com.br

Leia mais

II.1. O presente TERMO DE USO é parte integrante do CADASTRO do SERVIÇO.

II.1. O presente TERMO DE USO é parte integrante do CADASTRO do SERVIÇO. Termos e Condições de Uso do Serviço Star Wars As disposições abaixo regulam a utilização do serviço STAR WARS ( SERVIÇO ), comercializado por NEXTEL, doravante denominada "NEXTEL" ao CLIENTE, o qual,

Leia mais

Gestão do Conhecimento: Uma Visão Geral Para Business Intelligence

Gestão do Conhecimento: Uma Visão Geral Para Business Intelligence Gestão do Conhecimento: Uma Visão Geral Para Business Intelligence Banco de Dados para BI: José Roberto Escodeiro 10/10/2011 1. Linha do Tempo 2. Era do Conhecimento Índice 3. Ativos Tangíveis e intangíveis

Leia mais

CARTA EMPRESARIAL PELA CONSERVAÇÃO E USO SUSTENTÁVEL DA BIODIVERSIDADE

CARTA EMPRESARIAL PELA CONSERVAÇÃO E USO SUSTENTÁVEL DA BIODIVERSIDADE CARTA EMPRESARIAL PELA CONSERVAÇÃO E USO SUSTENTÁVEL DA BIODIVERSIDADE A Organização das Nações Unidas declarou 2010 como o Ano Internacional da Biodiversidade, com o objetivo de trazer ao debate público

Leia mais

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS ASSISTENTE

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS ASSISTENTE COMPETÊNCAS ESPECÍFCAS SSTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS - SEBRAE / TO UNDADE: GESTÃO ESTRATÉGCA PROCESSO: GESTÃO DO CONHECMENTO COMPETÊNCAS ESPECÍFCAS 1. Desenvolvimento da gestão do no 2. Promoção de estratégias

Leia mais

PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA. CASE: Previdência sem Blá Blá Blá SulAmérica

PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA. CASE: Previdência sem Blá Blá Blá SulAmérica 2012 PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA CASE: Previdência sem Blá Blá Blá SulAmérica FUNCIONÁRIOS: Fabiano Lima, Adriana Nannini, Renata Soares, Natalia Pisani e Ana Claudia Lobato CATEGORIA:

Leia mais

ADILSON PASINI PLANO DE TRABALHO APRESENTAÇÃO

ADILSON PASINI PLANO DE TRABALHO APRESENTAÇÃO ADILSON PASINI Unioeste Direção Geral do Campus de Foz do Iguaçu PLANO DE TRABALHO 2016 / 2019 APRESENTAÇÃO O Campus de Foz do Iguaçu é uma unidade que precisa se fortalecer no âmbito da Unioeste e da

Leia mais

Indicadores de Rendimento do Voluntariado Corporativo

Indicadores de Rendimento do Voluntariado Corporativo Indicadores de Rendimento do Voluntariado Corporativo Avaliação desenvolvida por Mónica Galiano e Kenn Allen, publicado originalmente no livro The Big Tent: Corporate Volunteering in the Global Age. Texto

Leia mais

Categoria: Inovação em Modelo de Negócio

Categoria: Inovação em Modelo de Negócio Prêmio Nacional de Inovação Edição 2014/2015 Anexo IV Categoria: Inovação em Modelo de Negócio Prêmio Nacional de Inovação - Ciclo 2014/2015 Questões para a Autoavaliação na categoria Modelo de Negócio

Leia mais

PORTAL DE SERVIÇOS RH ONLINE. Desenvolvido por DTI Departamento de Tecnologia da Informação

PORTAL DE SERVIÇOS RH ONLINE. Desenvolvido por DTI Departamento de Tecnologia da Informação PORTAL DE SERVIÇOS RH ONLINE Desenvolvido por DTI Departamento de Tecnologia da Informação Objetivos: - Disponibilizar a todos os servidores diversos serviços prestados pela Coordenadoria de Gestão de

Leia mais

Status: Ativo. Natureza: Aberto. Revisado por: GCMIG. Organização Para Cópias. Unidades da Estrutura Organizacional do INPE (TQ-001)

Status: Ativo. Natureza: Aberto. Revisado por: GCMIG. Organização Para Cópias. Unidades da Estrutura Organizacional do INPE (TQ-001) Referência: CPA-079-2008 Versão: 1.0 Status: Ativo Data: 09/julho/2008 Natureza: Aberto Número de páginas: 14 Origem: GCMIG e GEOPI Revisado por: GCMIG Aprovado por: GCMIG Título: Proposta de Modernização

Leia mais

5 Conclusão. FIGURA 3 Dimensões relativas aos aspectos que inibem ou facilitam a manifestação do intraempreendedorismo. Fonte: Elaborada pelo autor.

5 Conclusão. FIGURA 3 Dimensões relativas aos aspectos que inibem ou facilitam a manifestação do intraempreendedorismo. Fonte: Elaborada pelo autor. 5 Conclusão Este estudo teve como objetivo a análise dos diversos fatores que influenciam tanto de maneira positiva quanto negativa no exercício do papel dos gerentes e também dos elementos que facilitam

Leia mais

Martina Rillo Otero A importância do processo de avaliação. Existem muitas definições para avaliação, não existe uma única.

Martina Rillo Otero A importância do processo de avaliação. Existem muitas definições para avaliação, não existe uma única. Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial Avaliação, Monitoramento e Impacto no Programa de Voluntariado Empresarial: Teoria e Prática 25/11/14 Martina Rillo Otero A importância do processo de avaliação

Leia mais

RECRUTAMENTO E SELEÇÃO: RECURSOS HUMANOS DESENVOLVENDO O CAPITAL HUMANO CONSCRIPTION AND SELECTION: HUMAN RESOURCES DEVELOPING THE HUMAN CAPITAL

RECRUTAMENTO E SELEÇÃO: RECURSOS HUMANOS DESENVOLVENDO O CAPITAL HUMANO CONSCRIPTION AND SELECTION: HUMAN RESOURCES DEVELOPING THE HUMAN CAPITAL RECRUTAMENTO E SELEÇÃO: RECURSOS HUMANOS DESENVOLVENDO O CAPITAL HUMANO CONSCRIPTION AND SELECTION: HUMAN RESOURCES DEVELOPING THE HUMAN CAPITAL Fabiana Custódio e Silva * Murilo Sérgio Vieira Silva **

Leia mais

Política Ambiental do Sistema Eletrobrás

Política Ambiental do Sistema Eletrobrás Política Ambiental do Sistema Eletrobrás POLÍTICA AMBIENTAL DO SISTEMA ELETROBRÁS 5 OBJETIVO Orientar o tratamento das questões ambientais nas empresas do Sistema Eletrobrás em consonância com os princípios

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 1º ANO DE ATIVIDADES WWW.INSTITUTOJNG.ORG.BR RIO DE JANEIRO RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 CRIAÇÃO DO INSTITUTO JNG O Instituto JNG é entidade reconhecida como OSCIP

Leia mais

Mensagem ao Leitor. Água. informativo

Mensagem ao Leitor. Água. informativo 1 Mensagem ao Leitor Prezados Ao firmar convênio com duas renomadas instituições Itaipu Binacional e Fundação Parque Tecnológico Itaipu, a Agência Nacional de s segue em sua missão de implementar e coordenar

Leia mais

Utilizando a ferramenta de criação de aulas

Utilizando a ferramenta de criação de aulas http://portaldoprofessor.mec.gov.br/ 04 Roteiro Utilizando a ferramenta de criação de aulas Ministério da Educação Utilizando a ferramenta de criação de aulas Para criar uma sugestão de aula é necessário

Leia mais

PROJETO DE RECUPERAÇÃO EM MATEMÁTICA Manual do Professor Módulo 2 Números Racionais, Operações e Resolução de Problemas

PROJETO DE RECUPERAÇÃO EM MATEMÁTICA Manual do Professor Módulo 2 Números Racionais, Operações e Resolução de Problemas PROJETO DE RECUPERAÇÃO EM MATEMÁTICA Manual do Professor Módulo 2 Números Racionais, Operações e Resolução de Problemas Prezado(a) Professor(a) Este manual de orientações tem a finalidade de sugerir um

Leia mais

Teste de assinatura do certificado digital

Teste de assinatura do certificado digital Teste de assinatura do certificado digital Internet Explorer 7 Internet Explorer 8 Sistemas Operacionais: Microsoft Windows XP SP3 Microsoft Windows Vista 32bits/64 bits Microsoft Windows 7 32bits/64 bits

Leia mais

TRABALHO COLABORATIVO NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE MATEMÁTICA

TRABALHO COLABORATIVO NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE MATEMÁTICA TRABALHO COLABORATIVO NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE MATEMÁTICA Sheila Salles 1 Unesp/Rio Claro shesalles@hotmail.com Dr. Laurizete Ferragut Passos 2 Unesp/Rio Claro laurizet@terra.com.br Público Alvo

Leia mais

COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR. Saber, Honra e Disciplina É POSSÍVEL...

COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR. Saber, Honra e Disciplina É POSSÍVEL... COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR Saber, Honra e Disciplina É POSSÍVEL... MANUAL DE ORIENTAÇÕES EDUCAÇÃO INFANTIL A 2ª SÉRIE EM MANUAL DA FEIRA CULTURAL - 2015 2 MANUAL DA FEIRA CULTURAL - 2015 Tema gerador É

Leia mais

Como conseqüência, durante a Visita foram assinados os seguintes instrumentos bilaterais:

Como conseqüência, durante a Visita foram assinados os seguintes instrumentos bilaterais: DECLARAÇÃO CONJUNTA DOS SENHORES PRESIDENTES DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E DA REPÚBLICA ARGENTINA Buenos Aires, 16 de outubro de 2003. A convite do Presidente da República Argentina, Néstor Kirchner,

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO TERMO DE USO PORTAL POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO TERMO DE USO (PORTAL) Bem vindo à Capesesp. Ao utilizar nosso serviço, o usuário concorda com este Termo de Uso, que poderá ser modificado periodicamente.

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 006 /2007

ATO NORMATIVO Nº 006 /2007 ATO NORMATIVO Nº 006 /2007 Dispõe sobre os cargos em comissão do Ministério Público do Estado da Bahia, e dá outras providências. O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA, no uso das atribuições

Leia mais

Plenária II O Profissional Arquivista e a Gestão do Conhecimento: demandas contemporâneas nas organizações.

Plenária II O Profissional Arquivista e a Gestão do Conhecimento: demandas contemporâneas nas organizações. Plenária II O Profissional Arquivista e a Gestão do Conhecimento: demandas contemporâneas nas organizações. Profa. Dra. Maria do Rocio F. Teixeira Salvador, 2013 Conhecimento Organizacional 2 A Produção

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA OUTUBRO/2007

CÓDIGO DE ÉTICA OUTUBRO/2007 OUTUBRO/2007 ÍNDICE Página 1. APRESENTAÇÃO 1 2. OBJETIVOS 1 3. NORMAS, PRINCÍPIOS E VALORES ÉTICOS 2 4. CONFLITOS DE INTERESSES 5 5. CONFIDENCIALIDADE 6 6. DÚVIDAS COM A APLICAÇÃO DO CÓDIGO DE ÉTICA 6

Leia mais

Procedimento para Adequações às Mudanças Tecnológicas do Módulo Autorizador

Procedimento para Adequações às Mudanças Tecnológicas do Módulo Autorizador Procedimento para Adequações às Mudanças Tecnológicas do Módulo Autorizador Página 1 Índice Introdução... 3 Novo Portal da Farmácia... 4 Padronização do Cupom Vinculado... 5 Módulo de segurança GBAS...

Leia mais

Valor Pedagógico da Exposição Geodiversidade na Educação da UEPG. Gisele Pidhorodecki Antonio Liccardo

Valor Pedagógico da Exposição Geodiversidade na Educação da UEPG. Gisele Pidhorodecki Antonio Liccardo Valor Pedagógico da Exposição Geodiversidade na Educação da UEPG Gisele Pidhorodecki Antonio Liccardo Laboratório Didático de Geologia da UEPG - L12 atende 8 cursos Uso do intenso do laboratório pelos

Leia mais

Módulo III Objetos de Aprendizagem ALFABETIZAÇÃO

Módulo III Objetos de Aprendizagem ALFABETIZAÇÃO ALFABETIZAÇÃO Guia do professor Introdução A leitura e a escrita são instrumentos que auxiliam a promoção da inclusão social. Sendo assim, a alfabetização é um processo relevante e imprescindível para

Leia mais

Gestão do Conhecimento e Governo Como sensibilizar os órgãos governamentais para implementarem a GC

Gestão do Conhecimento e Governo Como sensibilizar os órgãos governamentais para implementarem a GC Gestão do Conhecimento e Governo Como sensibilizar os órgãos governamentais para implementarem a GC Elisabeth Gomes elisabeth.gomes@sbgc.org.br Diretora de relações com o governo - SBGC 2º Fórum de Gestão

Leia mais

COLABORE. Um mundo novo de possibilidades

COLABORE. Um mundo novo de possibilidades COLABORE Um mundo novo de possibilidades LUIZ HENRIQUE PROHMANN 24 de Março de 2009 Quem somos nós O Grupo HSBC no mundo A maior empresa do planeta / revista Forbes 2008 A marca mais valiosa do setor bancário

Leia mais

Sigra Uma ferramenta de atuação dinâmica em gestão integrada de meio ambiente, saúde e segurança

Sigra Uma ferramenta de atuação dinâmica em gestão integrada de meio ambiente, saúde e segurança Sigra Uma ferramenta de atuação dinâmica em gestão integrada de meio ambiente, saúde e segurança Deborah Cristina Santos Barbosa (UFJF) dcsbarbosa@bol.com.br José Eduardo Modesto do Patrocínio (CREA-MG)

Leia mais

O modelo inovador do CorretorVIP tem como base duas plataformas tecnológicas complementares, explicadas a seguir:

O modelo inovador do CorretorVIP tem como base duas plataformas tecnológicas complementares, explicadas a seguir: Apresentação 2014 Idealizado em 2007 por experientes profissionais dos setores imobiliário e de tecnologia da informação, o CorretorVIP oferece uma grande variedade de serviços gratuitos a você corretor

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO PLANO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TRIÊNIO /2015 DSI/CGU-PR Publicação - Internet 1 Sumário 1. RESULTADOS

Leia mais

SAÚDE PÚBLICA UMA NOVA AMBIÇÃO PARA A SAÚDE PÚBLICA

SAÚDE PÚBLICA UMA NOVA AMBIÇÃO PARA A SAÚDE PÚBLICA SAÚDE PÚBLICA UMA NOVA AMBIÇÃO PARA A SAÚDE PÚBLICA Documento estratégico para apreciação e discussão pública Direção-Geral de Saúde, 6 de abril de 2016 1 Índice RESUMO EXECUTIVO... 3 INTRODUÇÃO... 5 1.

Leia mais

Teste técnico do certificado digital

Teste técnico do certificado digital Teste técnico do certificado digital Internet Explorer 9 Sistemas Operacionais: Microsoft Windows Vista 32bits/64 bits Microsoft Windows 7 32bits/64 bits Abril/2012 Proibida a reprodução total ou parcial.

Leia mais

b) integração de área(s) de concentração, linhas de pesquisa, projetos de pesquisa, produção intelectual e estrutura curricular de modo tal que:

b) integração de área(s) de concentração, linhas de pesquisa, projetos de pesquisa, produção intelectual e estrutura curricular de modo tal que: 1. Dentro do padrão de qualidade adotado na área, considera-se que a proposta do programa é um quesito básico de garantia para a obtenção de resultados, não podendo haver diferença notável aqui entre os

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DA PLATAFORMA VOXY

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DA PLATAFORMA VOXY TERMOS E CONDIÇÕES DE USO DA PLATAFORMA VOXY 1. ACEITAÇÃO DOS TERMOS E CONDIÇÕES DE USO O uso do website VOXY, que é um programa de curso de inglês online oferecido pela UNIVERSIDADE DO VALE DO PARAÍBA

Leia mais

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO REGULAMENTO 1. O RECONHECIMENTO PÚBLICO DE OLHO NOS PLANOS 1.1. O Reconhecimento Público é uma ação da iniciativa De Olho nos Planos, composta pelos seguintes parceiros: Ação Educativa, UNICEF, Campanha

Leia mais

Esse tutorial visa apresentar as principais funcionalidades do Editor de Roteiro de Aprendizagem do Portal Clickideia.

Esse tutorial visa apresentar as principais funcionalidades do Editor de Roteiro de Aprendizagem do Portal Clickideia. 1 Introdução Esse tutorial mostrará as funções básicas e metodologia do Editor de Roteiro de Aprendizagem do Portal Educacional Clickideia. Ele foi elaborado para auxiliar professores e alunos nas atividades

Leia mais

Soluções em Previdência Complementar & Serviços Atuariais

Soluções em Previdência Complementar & Serviços Atuariais Aon Hewitt Soluções em Previdência Complementar & Serviços Atuariais Facilidade e segurança para o RH e os colaboradores Risk. Reinsurance. Human Resources. Soluções em Previdência Complementar & Serviços

Leia mais

SUPERCOPA TRANSAMÉRICA DE FUTSAL GRUPAMENTO

SUPERCOPA TRANSAMÉRICA DE FUTSAL GRUPAMENTO SUPERCOPA TRANSAMÉRICA DE FUTSAL GRUPAMENTO GRUPO A 1º CATARATAS DO IGUAÇU S. A. 2º EMBALAGENS PARANA/RADIADORES FERRARI 3º MERCADO MONTANARI 4º SAPÉ CALÇADOS/CAIA 5º TR1 F. C. GRUPO B 1º COLISEU FUTSAL

Leia mais

Conheça a nova solução de servidor que ajuda pequenas empresas a fazer mais Com menos.

Conheça a nova solução de servidor que ajuda pequenas empresas a fazer mais Com menos. Conheça a nova solução de servidor que ajuda pequenas empresas a fazer mais Com menos. O papel de um servidor Introdução à rede básica Sua empresa tem muitas necessidades recorrentes, tais como organizar

Leia mais

USO DE JOGOS NAS AULAS DE INFORMÁTICA PARA IDOSOS: Relatos de Experiência

USO DE JOGOS NAS AULAS DE INFORMÁTICA PARA IDOSOS: Relatos de Experiência USO DE JOGOS NAS AULAS DE INFORMÁTICA PARA IDOSOS: Relatos de Experiência Lucas Santiago Rodrigues Graduando em Sistemas de Informação na UFMS Natália Fernanda de Castro Meira Graduanda em Engenharia de

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA

PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA MANUAL DE PROCEDIMENTOS SIA MPR/SIA-006-R01 PROCEDIMENTOS PARA PRODUÇÃO DE NOTA TÉCNICA NO ÂMBITO DA SUPERINTENDÊNCIA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA Ed. Parque Cidade Corporate, Torre A Setor Comercial

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores A PESQUISA COMO ESTRATÉGIA DIDÁTICA Caroline Vieira De Souza Costa Eixo 2 - Projetos e práticas

Leia mais

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA AMÉRICA LATINA. Seminário Internacional Interconexões e Negócios em Geração e Transmissão

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA AMÉRICA LATINA. Seminário Internacional Interconexões e Negócios em Geração e Transmissão 1 MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA INTEGRAÇÃO ENERGÉTICA NA AMÉRICA LATINA Seminário Internacional Interconexões e Negócios em Geração e Transmissão José Coimbra Chefe de Gabinete do Ministro de Estado de

Leia mais

NUVEM HÍBRIDA: DEIXE AS PREOCUPAÇÕES COM SEGURANÇA NO PASSADO.

NUVEM HÍBRIDA: DEIXE AS PREOCUPAÇÕES COM SEGURANÇA NO PASSADO. NUVEM HÍBRIDA: DEIXE AS PREOCUPAÇÕES COM SEGURANÇA NO PASSADO. Muitas empresas brasileiras estão interessadas nas vantagens proporcionadas pela computação em nuvem, como flexibilidade, agilidade e escalabilidade,

Leia mais

Soluções de Negócios On Demand. Apresentando o IBM Workplace Services Express

Soluções de Negócios On Demand. Apresentando o IBM Workplace Services Express Soluções de Negócios On Demand Apresentando o IBM Workplace Services Express Obtenha Get flexible Acesso access Flexível to documents a Documentos and business e Aplicativos applications de Negócios O

Leia mais

OBJETOS DE APRENDIZAGEM

OBJETOS DE APRENDIZAGEM MEDs e METADADOS OBJETOS DE APRENDIZAGEM O que é um objeto de aprendizagem? Segundo Wiley, D.A.,2000 Qualquer entidade DIGITAL que pode ser usada, reusada ou referenciada durante um processo de aprendizagem

Leia mais

PROJETO AUTOBIOGRAFIAS.

PROJETO AUTOBIOGRAFIAS. Experiências significativas no desenvolvimento de Projetos Sociais. PROJETO AUTOBIOGRAFIAS. Gabriela Junqueira De Marco. Faculdade de Educação, Ciências e Artes Dom Bosco de Monte Aprazível-SP. Alfsolidaria@faeca.com.br

Leia mais

A receita do mais do mesmo não funciona

A receita do mais do mesmo não funciona 1 A receita do mais do mesmo não funciona A receita do mais do mesmo não funciona. Muitas vezes, são necessárias mudanças profundas nos instrumentos de gestão. O problema da incoerência entre a oferta

Leia mais

Quatro caminhos para abordar a construção de um portal e o caminho do meio. Roberto Francisco de Souza

Quatro caminhos para abordar a construção de um portal e o caminho do meio. Roberto Francisco de Souza Quatro caminhos para abordar a construção de um portal e o caminho do meio Roberto Francisco de Souza No início era simples... Mas as necessidades mudam... SOA veio para ajudar com padrões, escalabilidade

Leia mais

Connections with Leading Thinkers

Connections with Leading Thinkers Instituto de Alta Performance Connections with Leading Thinkers O especialista em inovação Bruno Moreira analisa as dificuldades que impedem um maior nível de colaboração por parte das empresas brasileiras

Leia mais

Projeto de aprimoramento tecnológico no monitoramento do Canal da Piracema

Projeto de aprimoramento tecnológico no monitoramento do Canal da Piracema Projeto de aprimoramento tecnológico no monitoramento do Canal da Piracema Pesquisadores: Gustavo R. Valiati Luis I. Valdes Thiago R. M. Bitencourt Douglas B. Gatti (Tradutor) Roteiro Quem somos? Problema

Leia mais

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC Incentivar a inovação em processos funcionais Aprendizagem e conhecimento Adotar práticas de gestão participativa para garantir maior envolvimento e adoção de soluções de TI e processos funcionais. Promover

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO

RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO Documento 7.1 RESUMO EXECUTIVO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICIPIOS DO ESTADO DA BAHIA TCM-BA SALVADOR BAHIA MARÇO / 2010 1/10 1. Introdução Este documento faz parte do escopo do

Leia mais

EGC Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação

EGC Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação EGC Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação Resenha Crítica: Qual a relação entre competitividade, gestão do conhecimento e tecnologia da informação? Paulo Fernando da Silva Para discutirmos a relação

Leia mais

PUBLICADO EM 01/08/2015 VÁLIDO ATÉ 31/07/2020

PUBLICADO EM 01/08/2015 VÁLIDO ATÉ 31/07/2020 PUBLICADO EM 01/08/2015 VÁLIDO ATÉ 31/07/2020 INDICE POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL 1. Objetivo...2 2. Aplicação...2 3. implementação...2 4. Referência...2 5. Conceitos...2 6. Políticas...3

Leia mais

NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA DA COMPANHIA DE JESUS. Nome da instituição executante: Associação Nóbrega de Educação e Assistencia Social-ANEAS.

NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA DA COMPANHIA DE JESUS. Nome da instituição executante: Associação Nóbrega de Educação e Assistencia Social-ANEAS. NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA DA COMPANHIA DE JESUS Nome da instituição executante: Associação Nóbrega de Educação e Assistencia Social-ANEAS. Nome do responsável pelo projeto: GERALDO LACERDINE AMÉRICO,SJ.

Leia mais

Programa de Gestão do Conhecimento: O conhecimento em nossas mãos.

Programa de Gestão do Conhecimento: O conhecimento em nossas mãos. Programa de Gestão do Conhecimento: O conhecimento em nossas mãos. Natal, 2014 2 Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte Gerência de Desenvolvimento Humano Unidade de Administração e Desenvolvimento

Leia mais

Destaque da CICI2014: Curitiba será piloto de cidade inteligente no Brasil

Destaque da CICI2014: Curitiba será piloto de cidade inteligente no Brasil VEÍCULO: Difundir PÁGINA: EDITORIA: DATA: 09/05/14 Destaque da CICI2014: Curitiba será piloto de cidade inteligente no Brasil Sandro Vieira: "Ação promove o empreendedorismo e a inovação" / Priscilla Fiedler/Central

Leia mais

GESTÃO DA MANUTENÇÃO E DO CONHECIMENTO COMO ESTRATÉGIA NA INSTALAÇÃO DE UNIDADES GERADORAS DE ENERGIA ELÉTRICA

GESTÃO DA MANUTENÇÃO E DO CONHECIMENTO COMO ESTRATÉGIA NA INSTALAÇÃO DE UNIDADES GERADORAS DE ENERGIA ELÉTRICA GESTÃO DA MANUTENÇÃO E DO CONHECIMENTO COMO ESTRATÉGIA NA INSTALAÇÃO DE UNIDADES GERADORAS DE ENERGIA ELÉTRICA Enon Laércio Nunes 1 Angelise Valladares 2 RESUMO Em um contexto altamente turbulento, novas

Leia mais

INTRODUÇÃO A PORTAIS CORPORATIVOS

INTRODUÇÃO A PORTAIS CORPORATIVOS INTRODUÇÃO A PORTAIS CORPORATIVOS Conectt i3 Portais Corporativos Há cinco anos, as empresas vêm apostando em Intranet. Hoje estão na terceira geração, a mais interativa de todas. Souvenir Zalla Revista

Leia mais

Divulgação de Tecnologias

Divulgação de Tecnologias Divulgação de Tecnologias Marcus Julius Zanon Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior SETI Instituto de Tecnologia do Paraná - TECPAR Núcleo de Inovação Tecnológica do Paraná - NITPAR Coordenado

Leia mais

A GESTÃO DE INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO DE MANEIRA SISTÊMICA EM MPE S

A GESTÃO DE INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO DE MANEIRA SISTÊMICA EM MPE S 335 A. A. V. FERNANDES PUC Minas campus Poços de Caldas 25 e 26 de Setembro de 2012 Revista Gestão & Conhecimento ISSN 1808-6594 EDIÇÃO ESPECIAL Nov/2012 A GESTÃO DE INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO DE MANEIRA

Leia mais

PRÁTICA PEDAGÓGICA INOVADORA, PARADIGMA DA FUNCIONALIDADE E PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO NO CURSO DE FISIOTERAPIA

PRÁTICA PEDAGÓGICA INOVADORA, PARADIGMA DA FUNCIONALIDADE E PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO NO CURSO DE FISIOTERAPIA PRÁTICA PEDAGÓGICA INOVADORA, PARADIGMA DA FUNCIONALIDADE E PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO NO CURSO DE FISIOTERAPIA Eliani de Souza Arruda PUCPR. Paulo R. Alcântara - PUCPR. Vera Lúcia Israel - PUCPR. Resumo

Leia mais

PROGRAMA : 104 - Educação Superior no Século XXI ÓRGÃOS PARTICIPANTES

PROGRAMA : 104 - Educação Superior no Século XXI ÓRGÃOS PARTICIPANTES Governo do Estado da Bahia Seplan / SPO Cadastro do PPA PPA 22 25 Valores Iniciais Parametrização: Órgão Coordenador Órgão Responsável Órgão Orçamentário 3.11.640 Universidade Estadual de Santa Cruz PROGRAMA

Leia mais

FACULDADE CAPIXABA DA SERRA RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO PLANO DE AÇÃO 2015 RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO PLANO DE AÇÃO

FACULDADE CAPIXABA DA SERRA RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO PLANO DE AÇÃO 2015 RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DO PLANO DE AÇÃO FACULDADE CAPIXABA DA SERRA Situação Real/Reclamações Professores O índice de insatisfação vem diminuindo em relação ao apresentado desde 2011. - Permanece sendo realizado o processo de seleção: edital;

Leia mais

OBSERVATÓRIO ESCOLAR 2008

OBSERVATÓRIO ESCOLAR 2008 OBSERVATÓRIO ESCOLAR 2008 ANUALMENTE A ETEC PASSA POR UMA REFLEXÃO A RESPEITO DE SEU TRABALHO, REGISTRADA EM UM INDICADOR DENOMINADO OBSERVATÓRIO ESCOLAR. ESTE É REPRESENTADO POR SETE ASPECTOS CONTIDOS

Leia mais

Cartilha do ALUNO EMPREENDEDOR POLITÉCNICA

Cartilha do ALUNO EMPREENDEDOR POLITÉCNICA 1 Cartilha do ALUNO EMPREENDEDOR POLITÉCNICA Diretor Acadêmico: Edison de Mello Gestor do Projeto: Prof. Marco Antonio da Costa 2 1. APRESENTAÇÃO Prepare seus alunos para explorarem o desconhecido, para

Leia mais

TF096767 Projeto Políticas para o Cerrado e Monitoramento do Bioma - Iniciativa Cerrado Sustentável - MMA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2013.0122.

TF096767 Projeto Políticas para o Cerrado e Monitoramento do Bioma - Iniciativa Cerrado Sustentável - MMA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2013.0122. TF096767 Projeto Políticas para o Cerrado e Monitoramento do Bioma - Iniciativa Cerrado Sustentável - MMA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 2013.0122.00028-2 OBJETO: CONTRAÇÃO DE CONSULTORIA INDIVIDUAL PARA DIAGNÓSTICO,

Leia mais

Portaria n. 1018, de 13 de maio de 2008.

Portaria n. 1018, de 13 de maio de 2008. O Presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO que o uso adequado dos recursos de tecnologia da informação visa à garantia da continuidade

Leia mais

CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2014

CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2014 CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2014 A Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais anuncia a Edição 2014 do Concurso

Leia mais

Prêmio Nacional P. Inovação. Caderno de Avaliação. Categoria. Inovação Tecnológica

Prêmio Nacional P. Inovação. Caderno de Avaliação. Categoria. Inovação Tecnológica Prêmio Nacional de Inovação P 0 Caderno de Avaliação Categoria Projeto: Inovação Tecnológica Inovação MPE Solução: Esta dimensão avalia as características qualitativas do solução proposta o entendimento

Leia mais

GERENCIAMENTO DE IRRIGAÇÃO VIA WEB

GERENCIAMENTO DE IRRIGAÇÃO VIA WEB FIELDNET GERENCIAMENTO DE IRRIGAÇÃO VIA WEB NOV O! BASEADO NA WEB APLICATIVOS DE CELULAR COMANDO DE BOMBA FIELDNET PRO LND_0019_14_catalogo_fieldnet_215,9x279,4mm.indd 1 Se for remotamente possível, o

Leia mais

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLEMENTAÇÃO DA A3P. Cidade UF CEP DDD/Telefone

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLEMENTAÇÃO DA A3P. Cidade UF CEP DDD/Telefone PLANO DE TRABALHO PARA IMPLEMENTAÇÃO DA A3P 1. DADOS CADASTRAIS Órgão CNPJ/MF Endereço Cidade UF CEP DDD/Telefone Nome do Responsável CPF CI/Órgão Exp. Endereço CEP 2. DESCRIÇÃO DO PROJETO Título do Projeto

Leia mais

Análise SWOT seguindo a metodologia do BMG

Análise SWOT seguindo a metodologia do BMG Análise SWOT seguindo a metodologia do BMG Análise SWOT (abreviatura das palavras em inglês Strong, Weakness, Opportunities e Threats) é uma análise ambiental que consiste em levantar pontos internos e

Leia mais