TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA"

Transcrição

1 TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Registro de Preços para Contratação de empresa para a prestação de serviços técnicos especializados e fornecimento de subscrição de produtos, incluindo suporte técnico e atualização de versão JUNHO 2014 Versão /06/2014 1

2 Anexo II Aspectos Gerais 1 OBJETO Registro de Preços para a contratação de empresa para a prestação de serviços técnicos especializados, treinamentos e fornecimento de subscrição de produtos, incluindo suporte técnico e atualização de versão conforme descrito no Termo de Referência, item 2 DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS. 2 - DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS Objetivo da Contratação Contratação de empresa especializada na execução de serviços continuados (presenciais e não presenciais), com fornecimento de produtos, na área de tecnologia da informação, compreendendo: Subscrição da plataforma de gerenciamento de conteúdo Liferay Enterprise Edition (EE) Platinum por 24 (vinte e quatro) meses, bem como instalação, configuração e suporte técnico, englobando atualização de versão e assistência técnica 24/7 (vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana); Treinamento nas tecnologias Liferay Enterprise Edition; Especificação, desenvolvimento Java/JEE, implantação e manutenção de portais e sítios na plataforma Liferay (EE); Manutenção dos portais e sítios legados e Migração e editoração de conteúdo para a plataforma Liferay EE. 2.1 Quantidade estimada para cada item: LOTE ITEM MÉTRICA QTDE DESCRIÇÃO 1 10 Aquisição de Subscrição do software Liferay Enterprise Edition Platinum para ambiente de Produção com até 8 (oito) núcleos por 24 (vinte e quatro) meses. 1 2 Unidade 10 Aquisição de Subscrição do software Liferay Enterprise Edition Platinum para ambiente de homologação com até 8 (oito) núcleos por 24 (vinte e quatro) meses Aquisição de Subscrição do software Liferay Enterprise Edition Platinum para ambiente de desenvolvimento com até 8 (oito) núcleos por 24 (vinte e quatro) meses. 2

3 LOTE ITEM MÉTRICA QTDE DESCRIÇÃO 4 Serviço 30 Serviço de instalação e configuração da plataforma Liferay Enterprise Edition Platinum com até 8 (oito) processadores Serviços de especificação, diagramação, layout, temas de Portais na plataforma Liferay Enterprise Edition. 2 UST Ponto de 7 Função (PF) Serviços Técnicos de Desenvolvimento Java/JEE nãotransacionais e Manutenção de portais e sítios na plataforma Liferay Enterprise Edition. Serviços Técnicos de Desenvolvimento Java/JEE de componentes e portlets transacionais e manutenção de Portlets e Componentes na plataforma Liferay Enterprise Edition 8 Página Implantada (PI) Serviços de Construção de páginas dinâmicas e migração de conteúdo (textos e informações) para o ambiente de gestão de conteúdo da plataforma Liferay Enterprise Edition 9 Hora 1000 Serviço de suporte técnico na plataforma Liferay. LOTE ITEM MÉTRICA QTDE DESCRIÇÃO Serviço de treinamento oficial ou similar em Liferay Portal Administrator Training Aluno Serviço de treinamento oficial ou similar em Liferay System Administrator Training Serviço de treinamento oficial ou similar em Liferay Developer Training Serviço de treinamento oficial ou similar em Liferay Advanced Developer Training Serviço de treinamento oficial ou similar em Liferay Building Themes Training 2.2 Especificação dos serviços: LOTE 1 Itens 1, 2 e 3 Aquisição de Subscrição do software Liferay Enterprise Edition Platinum para ambientes de produção, homologação e desenvolvimento com até 8 (oito) núcleos por 24 (vinte e quatro) meses; e Serviço de suporte técnico Platinum incluindo: Estabilidade de longo prazo do software. 3

4 Número de registro de incidentes: Ilimitado. Suporte via web: 24 x 7, 365 dias/ano. Tempo máximo de resposta: 1 dia útil, contado a partir do registro do chamado de suporte aberto via web. Suporte via Telefone: 24 x 7, 365 dias/ano. Tempo máximo de resposta via telefone: 2 horas, contadas a partir do registro do chamado aberto via telefone..tempo máximo de resposta emergencial: 1 hora, contada a partir do registro do chamado emergencial aberta via web. Autorização de recebimento upgrades regulares, os quais deverão ser disponibilizados para a CONTRATANTE em até 60 dias de sua disponibilização pelo fabricante. Solução configurada para ambientes corporativos que requerem suporte para redundância, tolerância a falhas e balanceamento de carga para garantir o uptime. Gerenciamento de memória melhorada e suporte que permite escalar o sistema eficientemente à medida que seu número de usuários cresce. Solução otimizada com os mais importantes servidores de aplicação e bancos de dados para um rendimento ideal sob qualquer carga de trabalho. Garantia de estabilidade para os clientes corporativos, pois nenhuma nova funcionalidade é adicionada ao portal Liferay Enterprise Edition sem testes prévios, eliminando a possibilidade de que defeitos sejam introduzidos a cada release. Recebimento de Patch Updates, Service Packs consolidados e Hot Fixes emergenciais. Acesso ao Portal do Cliente, repositório de updates, alerta de updates, rastreamento de incidentes via web e suporte na resolução de incidentes. Os serviços de instalação e configuração da plataforma Liferay, nos servidores de desenvolvimento, homologação e produção, consideram clusterização quando necessário; e serviços técnicos especializados em suporte à infraestrutura do IplanRio para a manutenção e sustentação dos mesmos. Download do Liferay Enterprise Edition na versão de maior porte, bem como todos os elementos de software associados e documentação que se fizerem necessários para a correta atualização no ambiente da CONTRATANTE. LOTE 2 Item 4 Serviço de Instalação e configuração da plataforma Liferay Enterprise Edition Platinum com até 8 (oito) processadores.; Item 5 Serviços de especificação, diagramação, layout, temas de Portais na plataforma Liferay Enterprise Edition, contemplando análise, dimensionamento, planejamento e cronograma de execução. 4

5 Como atividades não transacionais, não são passíveis de mensuração por Pontos de Função, será utilizada a métrica por Unidade de Serviço Técnico (UST). Contemplarão as atividades: Construção de documentação técnica de estrutura do portal; Construção de documentação técnica de padrão visual do portal; Criação de Múltiplos Layouts baseados nos padrões definidos pelo IplanRio; Construção de documentação técnica de padrões de Temas para os portais Liferay Enterprise Edition; Criação dos Temas; Aplicação dos Temas em ambientes de homologação e produção; Os serviços, quando não passíveis de contagem por Pontos de Função, serão prestados através de Ordem de Serviço e quantificados usando a métrica UST. Cada Unidade de Serviço Técnico (UST) equivale a uma hora de trabalho de profissional com a qualificação constante neste Termo de Referência. Item 6 Serviços Técnicos de Desenvolvimento Java/JEE não-transacionais e Manutenção de portais e sítios na plataforma Liferay Enterprise Edition, não são passíveis de mensuração por Pontos de Função, será utilizada a métrica por UST. Construção e Manutenção de portais e sítios na plataforma Liferay Enterprise Edition, contemplando análise, dimensionamento, planejamento e cronograma de execução. Desenvolvimento de especificação de Portais na plataforma Liferay Enterprise Edition, contemplando análise, dimensionamento, planejamento e cronograma de execução. Cada Unidade de Serviço Técnico (UST) equivale a uma hora de trabalho de profissional com a qualificação constante neste Termo de Referência. Item 7 Para os serviços técnicos de desenvolvimento de soluções transacionais em Java/JEE e manutenção de portlets e componentes na plataforma Liferay a Métrica a ser empregada será a contagem de Pontos de Função (PF) definida no Manual de Práticas e Contagens versão 4.3 (Counting Practices Manual - Release 4.3), publicado pelo IFPUG (International Function Point Users Group). Um pré-requisito para que a CONTRATADA execute os serviços deste item, é que as documentações técnicas tenham sido desenvolvidas e aprovadas pela CONTRATANTE. De maneira complementar e quando necessário, deverá ser utilizado o Roteiro de Métricas de Software do SISP (Sistema de Informática do Serviço Público Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão SLTI/MP) versão

6 Quando imprescindível, a realização de contagens de forma estimada e indicativa pela CONTRATADA, deverá ser utilizada a técnica definida pelo NESMA (Netherlands Software Metrics Users Association). Para efeito das contagens realizadas, de acordo com a metodologia de contagem de Pontos de Função, não será aplicado o fator de ajuste. Sendo assim, toda contagem deverá resultar em Pontos de Função Brutos PFB, ou não ajustados. Nas divergências de até 5% (cinco) porcento entre a contagem dos pontos de função da CONTRATANTE e da CONTRATADA será considerada a contagem da CONTRATANTE. Se a divergência for maior que 5 (cinco) porcento e não houver acordo, a CONTRATANTE apresentará à CONTRATADA 3 (três) nomes de profissionais especializados em contagem utilizando a técnica de ponto de função, para mediação da contagem anterior realizada pelas partes - a CONTRATADA escolherá e contratará um desses profissionais propostos, e o resultado da medição desse profissional será acatado pela CONTRATADA e pela CONTRATANTE, ficando as despesas decorrentes dessa ação de responsabilidade da CONTRATADA; Qualquer decisão que implique em aumento do número de Pontos de Função deverá ser aprovada pela CONTRATANTE e pela IPLANRIO; Nos artefatos que forem exigidos contagens de Ponto de Função Bruto (ou não ajustado), deve-se indicar, no mínimo, as funcionalidades, o tipo da função (ALI, AIE, EE, SE e CE), a quantidade de registros lógicos e itens de dados, o nível de complexidade (Simples, Médio e Complexo) e a quantidade de PF. Será permitida a reutilização de software, quer seja proprietário ou de código aberto, ou ainda trechos de código da CONTRATANTE ou da CONTRATADA. Nos casos onde as demandas contenham requisitos não funcionais, estes não são passíveis de contagem por Pontos de Função, assim serão aplicadas o modelo de Unidade de Serviço Técnico (UST), tais como: o Usabilidade; o Multi Idiomas; o Tela e Campos sensíveis ao contexto; o Aplicação de recursos de Análises (Ex: Google Analitcs); o Acessibilidade; o Customização para melhoria de Performance; o Interoperabilidade (e-ping); o Análises de impactos e mudanças; Referência de contagem para os serviços deste item: Atualização de Versão Browser (SISP ) o Nesta categoria encontram-se as demandas de atualização de aplicações Web para executar em novas versões de um mesmo browser e para suportar a execução em mais de um browser. É importante destacar que este tipo de procedimento usualmente é realizado quando é necessário resolver algum problema de incompatibilidade. As funções de dados não devem ser contadas. Estas demandas devem ser dimensionadas de acordo com a fórmula abaixo. PF_ATUALIZAÇÃO_VERSÃO_BROWSER = PF_ALTERADO x 0,30 6

7 o O PF_ALTERADO deve considerar apenas as funcionalidades impactadas. o Essas atualizações podem implicar em manutenções em componentes específicos da plataforma utilizada. Nesse caso, a demanda deve ser contada como componente interno reusável, descrita na seção 4.15 do SISP 2.0. o Recomenda-se enfaticamente a realização da análise de impacto das mudanças propostas para efeito de determinação do percentual adequado. Por exemplo, para sistemas que já atendem ao padrão W3C (World Wide Web Consortium). Mudança de Plataforma - Linguagem de Programação (SISP ) o Nesta categoria encontram-se as demandas de re-desenvolvimento de sistemas em outra linguagem de programação. Como os projetos legados, frequentemente, não possuem documentação, devem ser considerados como novos projetos de desenvolvimento. Assim, será utilizada a fórmula de projetos de desenvolvimento do CPM 4.3. o Caso não exista mudança nas funções de dados, ou seja, o banco de dados da aplicação seja mantido, as funções de dados não devem ser contadas. No entanto, nesse caso, deve ser realizada a contagem das funções de dados a fim de compor a documentação da contagem final do projeto. Desenvolvimento, Manutenção e Publicação de Páginas Estáticas de Intranet, Internet ou Portal (SISP ) o Nesta seção são tratados desenvolvimentos e manutenções específicas em páginas estáticas de portais, intranets ou websites. As demandas desta seção abrangem a publicação de páginas Web com conteúdo estático. Por exemplo: criação de página HTML, atualização de menu estático, atualização de texto ou banner estáticos em páginas HTML existentes. o Caso o desenvolvimento de páginas estáticas esteja contido em um projeto de desenvolvimento, então elas serão contabilizadas no projeto de desenvolvimento e não devem ser mensuradas em separado. Ou seja, se aplica quando ocorrer a demanda exclusivamente para o desenvolvimento ou manutenção de páginas estáticas. o Estas demandas são consideradas como desenvolvimento de consultas. Nestes casos, considera-se 20% dos pontos de função das consultas desenvolvidas. Cada página é contada como uma consulta. As consultas são consideradas consultas externas simples (3 PF). Ou seja, 0,2 PF por cada página desenvolvida ou mantida, de acordo com a fórmula abaixo: PF_PUBLICAÇÃO = 0,2 PF x Quantidade de Páginas Alteradas ou Incluídas Estimativa de Prazo de Projetos de Software (SISP ) o As estimativas de prazo não são lineares com o tamanho do projeto. O melhor tempo de desenvolvimento (onde há uma melhor relação custo x benefício de alocação de recursos e menor prazo de desenvolvimento, dado o tamanho de um projeto específico), conforme fórmula descrita abaixo, é sugerido e utilizado nas estimativas de prazo deste roteiro. o Jones [Jones, 2007] propõe uma fórmula para o cálculo do melhor tempo de desenvolvimento, denominado Td e de Região Impossível (RI) de desenvolvimento. 7

8 o O método utilizado para estimar o prazo dos projetos (Td) é baseado na fórmula de Capers Jones [Jones, 2007]. Esta estima o prazo, baseando-se no tamanho do projeto em pontos de função, da seguinte maneira: o Expoente t por tipo de Projeto Caso o projeto seja menor que 100 PF, o prazo deve ser obtido por meio da definição de prazo máximo por tamanho funcional com base em dados históricos, conforme a Tabela abaixo: Observação: Para os projetos de baixa complexidade foi considerada a produtividade de 7 hh/pf. Para projetos de média complexidade foi considerada a produtividade de 12 hh/pf, 8

9 sendo o limite 110 dias úteis, equivalentes a 5 meses, que é o resultado da fórmula de Capers Jones para projetos de 100 PF - Td = 100 0,35 = 5 meses. No caso de sistemas ou serviços com complexidade alta, deve haver uma avaliação em conjunto entre a CONTRATANTE e a CONTRATADA. Item 8 Construção de páginas dinâmicas e migração de conteúdo (textos e informações) dos ambientes legados, para o ambiente de gestão de conteúdo da plataforma Liferay Enterprise Edition, deverão considerar: Deverão ser geradas evidências com base na contabilidade de páginas e conteúdos criados e/ou migrados através de relatório de análise de base de dados e/ou file system; A definição de política de migração de conteúdo será definido e aprovado pela IplanRio. Item 9 Serviço de suporte técnico na plataforma Liferay. A CONTRATADA deverá disponibilizar central de atendimento remoto, seja por internet ou telefone, a qual deverá registrar, informar o número do chamado à CONTRATANTE e iniciar a solução dos chamados. Toda a comunicação deverá ser sem ônus para a CONTRATANTE. O tempo de solução dos chamados dependerá de sua severidade, conforme a TABELA II e sempre iniciará a contagem a partir do registro do chamado. Severidade Baixa Média Alta Característica para classificação de severidade Correção de funcionalidade ou de configuração de ambiente. Correção de funcionalidade ou de configuração de ambiente. Paralisação ou grave comprometimento do ambiente operacional, que não venham a ser resolvidos pela central de atendimento remoto em até uma hora corrida. TABELA II Tempo de Solução A combinar com a CONTRATANTE, em até 48 horas. A combinar com a CONTRATANTE, em até 24 horas. Até 4 horas. 9

10 A CONTRATADA deverá disponibilizar suporte on-site, nas dependências da CONTRATANTE, para os casos de severidade Alta, mesmo que seja fora do horário de expediente. Ao término do atendimento, a CONTRATADA fornecerá Relatório de Atendimento, com a concordância e assinatura de um técnico da CONTRATANTE. O relatório deverá conter os seguintes dados: a) identificação do chamado (número); b) indicação da Severidade chamado; c) data e hora de abertura; d) data e hora de registro; e) data e hora de solução; f) identificação do técnico; g) descrição do problema e da solução; h) descrição de eventuais pendências; LOTE 3 Itens 10, 11, 12, 13, 14 Treinamento oficial ou similar em Liferay Portal Administrator Training; treinamento oficial ou similar em Liferay Portal Administrator Training; treinamento oficial ou similar em Liferay Developer Training; treinamento oficial ou similar em Liferay Advanced Developer Training; treinamento oficial ou similar em Liferay Building Themes Training. Os treinamentos acima são parte integrante da estratégia de independência em relação à CONTRATADA, capacitando funcionários da CONTRATANTE para gerenciar, dar continuidade às suas atividades ou transferi-las para terceiros. 1 - Treinamento: Liferay Portal Administrator Training Installing Liferay Portal Getting Started With Liferay Sites and Organizations Users and Roles Page Management Introduction to Assets Creating Content Displaying Content Documents and Media Collaboration Tools Social Suite Remote Services and Feeds Asset Framework Custom Fields Workflow Dynamic Data Lists 10

11 Additional EE Features 2 - Treinamento: Liferay System Administrator Training What is Liferay? Building a Portal on Liferay Installing and Configuring a Liferay Bundle for the Enterprise Installing Liferay Manually on an Existing Application Server Basic Liferay Administration Plugin Management Creating a Plugin Repository Configuring Liferay Services Oriented Architecture Creating a Liferay Cluster Cluster Design Principles of Liferay Clustering Configuring Quartz Configuring EHCache and Hibernate Configuring Document and Image Gallery Configuring Search Index Tomcat Clustering Load Balancing with Apache Deploying Plugins to a Cluster Workflow Performance Tuning WSRP Liferay Monitoring Backing Up A Liferay Installation Log Levels Upgrading Liferay 3 - Treinamento: Liferay Developer Training Introduction Introduction to Plugins Installing Liferay Developer Studio Set up a Liferay bundle Developing Portlet Plugins Introduction to Portlets Java Standard Portlets Inter-Portlet Communication Developing Portlet Plugins (Continued) Portlets and Web Application Frameworks MVC Portlets Design Approach Service Builder Liferay Search Container Portlet Permissions Feedback, Validation and Localization 11

12 Control Panel Portlets Developing Theme and Layout Template Plugins Liferay Theme Overview and Exercise Liferay Layout Template Overview and Exercise Advanced Theme, Layout Topics, and Best Practices Developing Hook Plugins Customizing Properties Adding a Post Login Action Customizing Language Keys Customizing Core Liferay JSPs Developing EXT Plugins EXT Plugin Overview Extending User Management Overriding Struts Actions Advanced Topics Using Liferay's Web Services Spring in Liferay Development Strategy 4 - Treinamento: Liferay Advanced Developer Training Alloy UI o Alloy Overview o Alloy UI Widgets o Alloy UI Events and Ajax o Alloy UI Best Practices Liferay s Social API o Introduction to Social API o Social Relationships o Social Activities Liferay s Collaboration API o Introduction to Liferay Collaboration o Assets o Workflow-enabling your applications o Tags and Categories o Discussions and Ratings Advanced Service Builder o Remote Entities o Accessing Legacy (existing) Databases with Service Builder o Custom SQL Finders o Custom SQL Joins o Dynamic Query Liferay APIs o Messaging and Scheduler o Indexing and Search Liferay APIs (continued) o Friendly URLs 12

13 o Portlet Data Handlers Rapid Application Development with Liferay CMS o RAD in the CMS overview o CMS Structures o Velocity Templates o Service Locator o Expando Modelling o Custom Velocity Variables o Integrating Alloy 5 - Treinamento: Liferay Building Themes Training Anatomia do Tema Construindo um Tema Configurações de Tema Esquema de Cores Modificando o Dockbar Velocity Templates Layout Templates Sass e Compass Layouts Responsivos Visão geral do Alloy Boas Práticas Revisão As apostilas dos cursos deverão ser fornecidas pela CONTRATADA até o primeiro dia do curso. A CONTRATADA, deverá encaminhar, ao término de cada dia de aula, a lista de presença dos alunos à CONTRATANTE. A CONTRATADA deverá emitir e encaminhar à CONTRATANTE, ao término de cada dia de aula, a lista de presença dos alunos alunos. A CONTRATADA deverá emitir e encaminhar à CONTRATANTE, antes do aceite do serviço, o certificado dos alunos. É necessário que os técnicos da CONTRATANTE adquiram conhecimento suficiente para o gerenciamento e continuação das atividades desenvolvidas pela CONTRATADA. Os participantes farão avaliação do curso com atribuição de grau, conforme indicado abaixo: I (Insatisfatório) 0 a 25% R (Regular) 26 a 50% B (Bom) 51 a 75% O (Ótimo) 76 a 100% Os cursos somente serão aceitos pela Comissão de Fiscalização se no mínimo 60% das avaliações do treinamento, preenchidas pelos servidores da CONTRATANTE, indicarem o conceito BOM ou "ÓTIMO". Tal procedimento visa garantir que a 13

14 CONTRATADA efetivamente transfira para os profissionais da CONTRATANTE, as informações necessárias para a aplicação do conhecimento. 2.3 ORDEM DE SERVIÇO OS Todos os serviços constantes de itens devem ser solicitados com o preenchimento de uma Ordem de Serviço (OS), que deverá ser validada por assinatura de servidor da IplanRio indicado no Diário Oficial do Município para essa função. Após a validação irá gerar um contrato. As seguintes informações deverão constar em tal documento: Data de solicitação; Nome do Órgão solicitante; Nome e matrícula do responsável no Órgão solicitante; Estimativa de horas para conclusão do serviço; Número de meses estimados para conclusão do serviço, sempre considerando o menor número inteiro possível para conclusão; Prazo máximo para conclusão do serviço estimado em dias; Número do(s) item(ns) constante(s) dos serviço(s) disponibilizado(s) neste Termo de Referência solicitados; Após a emissão e validação de qualquer OS e antes da celebração de um contrato deve obrigatoriamente ser agendada reunião com a presença de representante da CONTRATADA e da CONTRATANTE para definição do serviço a ser contratado e eliminação de quaisquer dúvidas a respeito. A reunião deve ser registrada em ata a ser produzida pela CONTRATADA e validada pela CONTRATANTE. Todas as Ordens de Serviço deverão ser anexadas aos Contratos. 3 PRAZOS O prazo de execução dos serviços será de 24 (vinte e quatro) meses, contados da assinatura do contrato, resultante da OS - Ordem de Serviço emitida para este fim, podendo ser acrescido e prorrogado por igual período, na forma dos artigos 57, inciso II, e 65, da Lei Federal n.º 8.666/93. Em relação ao Lote 3 (TREINAMENTOS), o prazo de execução dos serviços será de 180 (cento e oitenta) dias, contados da assinatura do contrato, podendo ser acrescido e prorrogado por igual período, na forma dos artigos 57, 1º e 65, da Lei Federal n.º 8.666/93. O prazo da garantia técnica dos serviços será o mesmo referente à execução dos serviços, o qual se iniciará com o aceite provisório do produto entregue. 4 - REQUISITOS DE SEGURANÇA Todas as implementações executadas pela Contratada deverão estar aderentes à Política de Segurança da Informação da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, estabelecida 14

15 pelo DECRETO Nº de 30 de maio de 2008, e regulamentada pela PORTARIA N Nº 123 de 28 de maio de Esses dois documentos encontram-se anexos. 5 - CONDIÇÕES DE ACEITE A aceitação provisória do(s) serviço(s) previsto(s) no item 2 DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS se dará mediante a avaliação de Comissão de Fiscalização composta por três servidores da CONTRATANTE que verificarão se o serviço atende todas as especificações contidas neste TR. A CONTRATANTE emitirá um Termo de Aceitação Provisório em até 30 (trinta) dias corridos após a conclusão de cada atividade prevista. A Aceitação Definitiva será feita pela Comissão de Fiscalização após o integral cumprimento do contrato. Na recusa de qualquer aceitação, por não atenderem às exigências do TR, o fornecedor deverá executar novamente os serviços qualitativamente inferiores, passando a contar o prazo para pagamento e demais compromissos da CONTRATANTE a partir da data da efetiva aceitação. A CONTRATANTE deverá registrar nos documentos de Aceitação as supostas falhas ou considerações sobre o(s) Produto(s) entregue(s), para que a CONTRATADA possa avaliar os problemas e tomar as providências necessárias para a sua correção. 6 - QUALIFICAÇÃO TÉCNICA Considerando a criticidade das soluções que serão afetadas pela prestação dos serviços e com o objetivo de eliminar ou minimizar riscos para a Administração Pública, exige-se da empresa proponente o atendimento aos requisitos dos itens ou e dos técnicos a serem alocados o atendimento aos requisitos do itens 6.2.1, conforme o LOTE a ser atendido: Requisitos de Capacitação e Experiência do proponente: Para o LOTE Apresentar atestado emitido por pessoa jurídica de direito público ou privado, comprovando a realização de serviços de gerenciamento de projetos de desenvolvimento de portais baseados nos padrões de gerenciamento de projetos estabelecidos pelo PMI Project Management Institute; Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de Montagem de Ambientes Operacionais de Homologação e Produção do Liferay Enterprise Edition, contemplando requisitos de alta disponibilidade; Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de Migração de Versão da Plataforma Liferay, em caráter de atualização de versão; 15

16 Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de Migração de conteúdos, documentos, usuários e outros metadados correlatos da Plataforma, em caráter de atualização de versão; Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviços especializados em desenvolvimento de sistemas Web, utilizando tecnologias Java (JSR 168 portlets), HTML, CSS, JavaScript e JQuery, compreendendo montagem de ambientes, manutenções corretivas e evolutivas; Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de suporte especializado na ferramenta Liferay Portal, compreendendo manutenção corretiva e evolutiva das funcionalidades do portal; Construção de temas customizados; Construção de funcionalidades específicas baseadas em portlets; customização de portlets nativos do Liferay Portal; Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de Suporte ao Ambiente de Produção Liferay Portal; Para o LOTE Atestado ou declaração de capacidade técnica, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove o fornecimento de serviço de Treinamento, a título de passagem de conhecimento e tecnologia, ao longo da execução dos serviços; Qualificação das equipes técnicas: Para o LOTE 2 A licitante deverá apresentar declaração de que, à época da assinatura do contrato, alocará na prestação de serviços, profissionais que possuam as certificações e os perfis descritos para o LOTE 2, nos itens ao das OBRIGAÇÕES DA CONTRADADA. 7 - GARANTIAS TÉCNICAS DO SERVIÇO A CONTRATADA deverá garantir, para todos os Produtos entregues ao longo do contrato, que durante 24 (doze) meses após o Aceite Provisório, conforme especificado no item 5 - CONDIÇÕES DE ACEITE, todas correções decorrentes de erros ou falhas cometidos na realização dos produtos contratados não terão ônus adicionais para a CONTRATANTE. 8 - PROPRIEDADE, SIGILO E RESTRIÇÕES Todos os produtos resultantes dos serviços desenvolvidos pela CONTRATADA deverão ser entregues à CONTRATANTE, a qual terá direito patrimonial e intelectual sobre os 16

17 mesmos, inclusive códigos fonte, documentação, componentes básicos e bibliotecas utilizados nos ajustes realizados no software ou ambiente. A CONTRATADA obriga-se a tratar como "segredos comerciais e confidenciais", quaisquer informações, dados, processos, fórmulas, códigos, fluxogramas, diagramas lógicos, dispositivos e modelos relativos aos serviços ora contratados, utilizando-os apenas para as finalidades previstas neste ajuste, não podendo revelá-los ou facilitar a sua revelação a terceiros. A CONTRATADA obriga-se a manter o Serviço Contratado em completo sigilo, e a não retirar ou destruir qualquer indicação dele constante, referente à propriedade da CONTRATANTE. Compromete-se ainda a tomar todas as medidas cabíveis para que seus empregados cumpram estritamente a obrigação por ela assumida. Salvo para fins de segurança back-up a CONTRATADA não extrairá cópias, não permitindo que o façam, nem reproduzirá qualquer parte do Serviço Contratado, sob qualquer forma, sem o prévio consentimento, por escrito, da CONTRATANTE. 17

18 TERMO DE REFERÊNCIA ASPECTOS GERAIS Registro de Preços para Contratação, de empresa para a prestação de serviços técnicos especializados e fornecimento de subscrição de produtos, incluindo suporte técnico e atualização de versão JUNHO

19 Anexo II - Aspectos Gerais 1 MODALIDADE: PREGÃO ELETRÔNICO 1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO POR LOTE. 2 - DEVERES E RESPONSABILIDADES 2.1 OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE Fornecer acesso remoto à CONTRATADA, restrito somente aos ambientes de Desenvolvimento e Homologação. Para tal será necessário o preenchimento de um termo de confidencialidade e responsabilidade que será fornecido pela IplanRio. Não há custo quanto a este acesso remoto. O termo de confidencialidade deverá ser entregue à IplanRio com antecedência mínima de 5 dias úteis do fornecimento do acesso. Disponibilizar os servidores a serem capacitados; Designar seus profissionais para as reuniões de trabalho agendadas e validação de informações. Caberá à CONTRATANTE prover os recursos básicos de trabalho para que o(s) profissionais da CONTRATADA execute(m) o serviço, tais como sala, mesas e cadeiras, além de 01 (um) microcomputador. Caberá à CONTRATANTE providenciar a liberação de acesso do(s) profissional(is) às instalações nos horários cuja presença for solicitada. 2.2 OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA LOTE A CONTRATADA deverá ser responsável pela execução das atividades, conforme descrito no item 2.2 Especificação dos serviços ; LOTE A CONTRATADA deverá ter escritório no município do Rio de Janeiro de modo que, durante a vigência do contrato: Tenha-se acesso imediato aos gerentes e técnicos responsáveis pela prestação do serviço e; Possa ser realizada vistoria de suas instalações a qualquer momento A CONTRATADA deverá ser responsável pela execução das atividades, conforme descrito no item 2.2 Especificação dos serviços ; A CONTRATADA deverá documentar todos os produtos e todas as ocorrências e suas respectivas soluções. A aceitação dos serviços somente ocorrerá após a entrega da mencionada documentação; Entregar a documentação dos produtos intermediários; Apresentar à CONTRATANTE, em até 10 dias úteis após a assinatura do contrato, a metodologia de trabalho que será adotada no cumprimento do trabalho necessário ao atendimento dos serviços previstos A CONTRATADA deverá disponibilizar celular(es) ou rádio(s) ao(s) 19

20 Anexo II - Aspectos Gerais profissionais para acionamento, assim como s. O fornecimento e custeio destes equipamentos ficarão a cargo da CONTRATADA A relação trabalhista e empregatícia com os técnicos é de total responsabilidade da empresa CONTRATADA A CONTRATADA deverá arcar com os custos de deslocamento do(s) seus empregados Comprovar, no momento da assinatura do contrato, que os profissionais alocados ao atendimento deste LOTE 2 possuem as certificações e os perfis abaixo descritos: Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Certificação válida Java Programmer Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Atestado de prestação de serviços utilizando a tecnologia Apache; Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Certificado válido em System Administrator Oficial da Liferay Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Atestado de prestação de serviços utilizando a tecnologia Solr Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Certificado válido em Portal Administration Oficial da Liferay Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Certificado válido em Portal Developer Oficial da Liferay Um ou mais funcionários que participarão ativamente do projeto deverá possuir Certificado válido em Liferay Building Themes Oficial da Liferay A CONTRATADA deverá utilizar a metodologia de gerenciamento de projetos utilizada na CONTRATANTE. Essa metodologia baseia-se nas melhores práticas do PMBOK e os produtos obrigatórios gerados por essa metodologia estão disponíveis na Iplanet (intranet da IplanRio) LOTE A CONTRATADA deverá ser responsável pela execução das atividades, conforme descrito no item 2.2 Especificação dos serviços ; A relação trabalhista e empregatícia com os instrutores é de total responsabilidade da empresa CONTRATADA A CONTRATADA deverá arcar com os custos de deslocamento do(s) seus empregados. 3 - ACOMPANHAMENTO O controle das atividades de execução dos serviços e de coordenação será exercido através de reuniões de acompanhamento de projeto, eventos estes registrados em atas produzidas pela CONTRATADA e validadas pela CONTRATANTE. A periodicidade das reuniões, se semanal ou quinzenal, será definida ao longo do projeto pela CONTRATANTE. A supervisão das atividades exercidas pela CONTRATADA será feita por um representante indicado pela CONTRATANTE. A CONTRATADA deverá utilizar a metodologia de gerenciamento de projetos utilizada na 20

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS DE MEDIÇÕES EM PONTOS DE FUNÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS DE MEDIÇÕES EM PONTOS DE FUNÇÃO Termo de Referência TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS DE MEDIÇÕES EM PONTOS DE FUNÇÃO Agosto 2014 Página 2 de 14 1. OBJETO...

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA Registro de Preços para prestação de serviço de atualização de licenças de uso do produto Citrix Xenapp, aquisição de novas licenças, subscrição e suporte ao software Citrix e suporte

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Contratação de empresa para fornecimento de atualização de licenças de uso do produto Citrix Xenapp, aquisição de novas licenças, subscrição e suporte ao software

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DISTRIBUIÇÃO, LICENCIAMENTO, ATUALIZAÇÃO E TREINAMENTO DE PRODUTOS MICROSOFT. 1 1 - OBJETO Registro de Preços para contratação

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA Outubro de 2013 1 1 OBJETO Prestação de Serviço de Manutenção da licença

Leia mais

Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware.

Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware. TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware. Maio/2012 1 - OBJETO O presente termo tem

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO 1.1. Prestação de serviços de suporte técnico em sistema de colaboração ZIMBRA. 2. DESCRIÇÃO GERAL DOS SERVIÇOS

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA EGISTRO DE PREÇOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE LICENCIAMENTO DE SOLUÇÃO DE ANTIVÍRUS COM ENGENHEIRO RESIDENTE

TERMO DE REFERÊNCIA EGISTRO DE PREÇOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE LICENCIAMENTO DE SOLUÇÃO DE ANTIVÍRUS COM ENGENHEIRO RESIDENTE TERMO DE REFERÊNCIA EGISTRO DE PREÇOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE LICENCIAMENTO DE SOLUÇÃO DE ANTIVÍRUS COM ENGENHEIRO RESIDENTE 1. Objeto Registro de Preços para contratação de serviços de empresa credenciada

Leia mais

Serviço Público Estadual GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária COMISSÃO DE PREGÃO BANCO MUNDIAL - BIRD

Serviço Público Estadual GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária COMISSÃO DE PREGÃO BANCO MUNDIAL - BIRD BANCO MUNDIAL - BIRD PROJETO DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL EM MICROBACIAS HIDROGRÁFICAS RIO RURAL EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 019/2013 PROCESSO N.º E-02/001/00583/2013 ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA

Leia mais

Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0

Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0 Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0 Claudia Hazan claudia.hazan@serpro.gov.br claudia.hazan@serpro.gov.br 1 Objetivos Definir a Métrica Pontos de Função

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR

TERMO DE REFERÊNCIA - TR TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico - RP nº 012/2010 ANEXO 1 1 DO OBJETO 1.1 - Registro de Preços por 12 (doze) meses, para prestação de serviços, sob demanda, de desenvolvimento de sistemas e/ou

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Prestação de serviços de licenciamento, atualização, suporte técnico, serviço técnico especializado de integração, monitoramento e treinamento do software

Leia mais

ANEXO 2 CONDIÇÕES PARA HABILITAÇÃO

ANEXO 2 CONDIÇÕES PARA HABILITAÇÃO 1 1 INSTRUÇÕES GERAIS ANEXO 2 CONDIÇÕES PARA HABILITAÇÃO 1.1 A habilitação do licitante classificado em primeiro lugar será verificada on line, durante a sessão pública, no Sistema de Cadastro Unificado

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix, e, atualização de novas versões e das vulnerabilidades detectáveis.

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA - ESCLARECIMENTOS DAS CONTRIBUIÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO REGISTRO DE PREÇOS

CONSULTA PÚBLICA - ESCLARECIMENTOS DAS CONTRIBUIÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO REGISTRO DE PREÇOS CONSULTA PÚBLICA - ESCLARECIMENTOS DAS CONTRIBUIÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO REGISTRO DE PREÇOS Em reposta a Consulta Pública abaixo indicada, prestamos os seguintes esclarecimentos às contribuições apresentadas:

Leia mais

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO 1. Introdução 1.1. Descrição do serviço Este documento disciplina a cessão de uso permanente da solução de software para Gestão

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT Termo de Referência Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Termo de Referência Aquisição de Servidores Tipo 1A-1B para camada de Banco de Dados / Alta Disponibilidade RQ DEPI nº 11/2009

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 014/2014

TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 014/2014 1 OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 014/2014 Anexo I 1.1 Registro de Preços RP, por 12 (doze) meses, de produtos e serviços SAP Business Objects (BO) e SAP Sybase, a saber: Lote 1 - Licenças

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008 EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008 ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO: 1.1 - O presente Termo de Referência tem por objeto a contratação de empresa especializada em: a) desenvolvimento de software

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 CENTRO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 Anexo II 1 DO OBJETO 1.1 - Prestação de serviços de suporte técnico assistido

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto 1.1. Contratação de empresa especializada em auditoria de tecnologia da informação e comunicações, com foco em segurança da informação na análise de quatro domínios: Processos

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº

TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº 1 TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº 02/2014 2 Equipe FIP- Programa Minas sem Lixões (MSL) - Termo de Parceria 022/2008 Coordenação Geral Magda Pires de Oliveira e Silva Coordenação Técnica

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA Anexo I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA REGISTRO DE PREÇOS SELEÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS E SERVIÇOS ORACLE 1 1 - OBJETO Registro de Preços para contratação de empresas credenciadas

Leia mais

Termo de Referência. Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos

Termo de Referência. Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos Termo de Referência Prestação de Serviços de Treinamento na área de Gerenciamento de Projetos Maio/2012 Índice 1. OBJETO... 3 2. ESCOPO... 3 3. PRAZO... 7 4. LOCAL DE TREINAMENTO... 7 5. HORÁRIO DE TREINAMENTO...

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL - TSE SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI ESCRITÓRIO DE PROJETOS EP PROJETO BÁSICO

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL - TSE SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI ESCRITÓRIO DE PROJETOS EP PROJETO BÁSICO PROJETO BÁSICO 1. OBJETO Contratação de serviços de atualização da Ferramenta Corporativa de Antivírus atualmente instalada na plataforma da Justiça Eleitoral, com 27.182 licenças para microcomputadores.

Leia mais

Guia de Contagem. Pontos de Função ANEXO XI. Última atualização em: 11/06/2015

Guia de Contagem. Pontos de Função ANEXO XI. Última atualização em: 11/06/2015 ANEXO XI Pontos de Função Guia de Contagem Última atualização em: 11/06/2015 Praça dos Açorianos, s/n - CEP 90010-340 Porto Alegre, RS 0 -XX - 51-3210-3100 http:\\www.procergs.com.br Sumário 1. Apresentação...

Leia mais

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO 1. LICENCIAMENTO 1.1. Todos os componentes da solução devem estar licenciados em nome da CONTRATANTE pelo período de 36 (trinta e seis) meses; 1.2. A solução deve prover suporte técnico 8 (oito) horas

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013. 1.1.1 - A garantia de renovação das licenças deverá ser de 36 (trinta e seis) meses.

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013. 1.1.1 - A garantia de renovação das licenças deverá ser de 36 (trinta e seis) meses. Anexo I 1 DO OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013 1.1 Prestação de serviços de renovação, para atualização de 32 (trinta e duas) licenças, do software de virtualização VMware vsphere

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA IMPLANTAÇÃO DE SOFTWARE PÚBLICO COM MEDIÇÃO POR HOMEM / HORA

TERMO DE REFERÊNCIA PARA IMPLANTAÇÃO DE SOFTWARE PÚBLICO COM MEDIÇÃO POR HOMEM / HORA TERMO DE REFERÊNCIA PARA IMPLANTAÇÃO DE SOFTWARE PÚBLICO COM MEDIÇÃO POR HOMEM / HORA 1. DO OBJETO Prestação de serviços técnicos especializados para a implantação, manutenção e suporte assistido dos módulos

Leia mais

CEP 2 100 99010-640 0 (XX) 54 3316 4500 0 (XX)

CEP 2 100 99010-640 0 (XX) 54 3316 4500 0 (XX) ANEXO 2 INFORMAÇÕES GERAIS VISTORIA 1. É obrigatória a visita ao hospital, para que a empresa faça uma vistoria prévia das condições, instalações, capacidade dos equipamentos, migração do software e da

Leia mais

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.1

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.1 Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.1 Presidenta da República Dilma Vana Rousseff Ministro do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson Barbosa Secretário de Logística e Tecnologia

Leia mais

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Empresa Municipal de Informática S.A. - IplanRio Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Leia mais

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.0

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.0 Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.0 Presidenta da República Dilma Vana Rousseff Ministra do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Aparecida Belchior Secretário de Logística

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

Boas práticas, vedações e orientações para contratação de serviços de desenvolvimento e manutenção de software (Fábrica de Software)

Boas práticas, vedações e orientações para contratação de serviços de desenvolvimento e manutenção de software (Fábrica de Software) MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Tecnologia da Informação Departamento de Infraestrutura e Serviços de Tecnologia da Informação Departamento de Governança e Sistemas de Informação

Leia mais

Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal

Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal Ricardo Gaspar, CFPS (21) 2172-8078 ricardo.gaspar@bndes.gov.br 29 de Novembro

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO Nº 1931-09.00/14-0

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO Nº 1931-09.00/14-0 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO Nº 1931-09.00/14-0 Contrato AJDG Nº 064/2014 Das Partes: CONTRATANTE: O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

PESQUISA DE PREÇOS 01/2014

PESQUISA DE PREÇOS 01/2014 PESQUISA DE PREÇOS 01/2014 Considerando a necessidade de aquisição de software integrado de gestão, para atender as necessidades desta Prefeitura Municipal de Porto Alegre, solicitamos que as empresas

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux.

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux. DIT/GIS TR ARP Licenças de Software Sistema Operacional Linux.doc 1/ 6 TERMO DE

Leia mais

ANEXO 6 Critérios e Parâmetros de Pontuação Técnica

ANEXO 6 Critérios e Parâmetros de Pontuação Técnica 449 ANEXO 6 Critérios e Parâmetros de Pontuação Técnica A. Fatores de Pontuação Técnica: Critérios Pontos Peso Pontos Ponderados (A) (B) (C) = (A)x(B) 1. Qualidade 115 1 115 2. Compatibilidade 227 681.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Registro de Preços para contratação de Empresa para a prestação de serviços técnicos especializados para elaboração e execução de projetos de automatização de

Leia mais

PESQUISA DE PREÇOS 03/2014

PESQUISA DE PREÇOS 03/2014 PESQUISA DE PREÇOS 03/2014 Considerando a necessidade de aquisição de software integrado de gestão, para atender as necessidades desta Prefeitura Municipal de Porto Alegre, solicitamos que as empresas

Leia mais

ANEXO 8 Planilha de Pontuação Técnica

ANEXO 8 Planilha de Pontuação Técnica 491 ANEXO 8 Planilha de Pontuação Técnica Nº Processo 0801428311 Licitação Nº EDITAL DA CONCORRÊNCIA DEMAP Nº 09/2008 [Razão ou denominação social do licitante] [CNPJ] A. Fatores de Pontuação Técnica:

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA SEGURO DE VIDA

TERMO DE REFERÊNCIA SEGURO DE VIDA TERMO DE REFERÊNCIA SEGURO DE VIDA 1- Objeto da Licitação: Prestação de serviço para contratação de seguro de vida em grupo para os empregados da Empresa Municipal de Informática S.A - IplanRio, visando

Leia mais

ANEXO III ORDEM DE EXECUÇÃO DE SERVIÇOS CONCORRÊNCIA IPLANRIO / SRP Nº XXXX/20XX. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS IPLANRIO Nº XXXX/20XX.

ANEXO III ORDEM DE EXECUÇÃO DE SERVIÇOS CONCORRÊNCIA IPLANRIO / SRP Nº XXXX/20XX. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS IPLANRIO Nº XXXX/20XX. ANEXO III ORDEM DE EXECUÇÃO DE SERVIÇOS CONCORRÊNCIA IPLANRIO / SRP Nº XXXX/20XX. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS IPLANRIO Nº XXXX/20XX. ORDEM DE EXECUÇÃO DE SERVIÇO Nº À Empresa: Endereço: CNPJ: Telefone: Fax:

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA. Prestação de Serviços de Treinamento para Atendimento a Usuários de TIC

TERMO DE REFERENCIA. Prestação de Serviços de Treinamento para Atendimento a Usuários de TIC TERMO DE REFERENCIA Prestação de Serviços de Treinamento para Atendimento a Usuários de TIC 1. OBJETO Contratação de empresa para prestação de serviço(s) de treinamento para os servidores da área de atendimento

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea 1. OBJETO: 1.1. Contratação de empresa para prestação de serviços de projeto, desenvolvimento e implantação do novo sistema de cadastros para o CREA-RS, denominado

Leia mais

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2011 1 DO OBJETO 1.1 - Contratação de empresa para o fornecimento de licenças de uso de software SAP, BusinessObjects Enterprise - BOE, com manutenção

Leia mais

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 1.0

Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 1.0 Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 1.0 Brasília, 29 de novembro de 2010. Roteiro de Métricas de Software do SISP 2 Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministério do Planejamento,

Leia mais

PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015.

PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015. PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015. Atualiza o macroprocesso da fase de Gestão de Contratos de Tecnologia da Informação e Comunicações, instituído no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados Termo de Referência Contratação de serviços de desenvolvimento de sistemas informatizados para implementar o portal online para a

Leia mais

Lucas Nascimento Santos

Lucas Nascimento Santos Lucas Nascimento Santos Mobile Application Developer lucassantoos56@gmail.com Resumo Lucas Nascimento Santos (@ll_ucasn), engenheiro de software. Estudante de Ciência da Computação na Universidade Salvador

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL)

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Versão 2.0 Escritório de Gerenciamento de Projetos - EGP Superintendência da Gestão Técnica da Informação SGI Agência Nacional de Energia Elétrica

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº. 004/2014. Respostas às Dúvidas e Sugestões

AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº. 004/2014. Respostas às Dúvidas e Sugestões AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº. 004/2014 Respostas às Dúvidas e Sugestões Referência: Considerações apresentadas pela empresa xxx 1) Questões do Lote 01: 1.1 - Dúvidas 1.1.1 - Haja vista a lista apresentada no Catálogo

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Contratação de empresa para prestação de serviços de treinamento em Information Technology Infrastructure Library (ITIL)V3.

TERMO DE REFERÊNCIA. Contratação de empresa para prestação de serviços de treinamento em Information Technology Infrastructure Library (ITIL)V3. TERMO DE REFERÊNCIA Contratação de empresa para prestação de serviços de treinamento em 1. OBJETO Contratação de empresa para prestação de serviços de treinamento em conceitos da biblioteca ITIL V3 - Infrastructure

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9 TÍTULO: ASSUNTO: GESTOR: TERMO DE REFERÊNCIA Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD DITEC/GECOQ Gerência de Controle e Qualidade ELABORAÇÃO: PERÍODO: GECOQ Gerência de Controle e

Leia mais

Roteiro de Métricas de Software da ANEEL - v1.0

Roteiro de Métricas de Software da ANEEL - v1.0 Roteiro de Métricas de Software da ANEEL - v1.0 Brasília DF Controle de Versão Data Versão Descrição Autor Revisor Aprovado por 24/09/2012 1.0 Emissão Inicial João Celestino 2 Sumário 1 Introdução... 4

Leia mais

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Título do Projeto Fortalecimento do Controle de Precursores Químicos

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Título do Projeto Fortalecimento do Controle de Precursores Químicos Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD TERMO DE REFERÊNCIA 1. Título do Projeto Fortalecimento do Controle de Precursores Químicos 2. Número do Projeto UNODC/AD/BRA/98/D33 3. Objetivo Contratação

Leia mais

Empresa de Informática e Informação de Belo Horizonte S/A PRODABEL. Diretoria de Sistemas. UR Unidade de relacionamento. Termo de Referência

Empresa de Informática e Informação de Belo Horizonte S/A PRODABEL. Diretoria de Sistemas. UR Unidade de relacionamento. Termo de Referência Empresa de Informática e Informação de Belo Horizonte S/A PRODABEL Diretoria de Sistemas UR Unidade de relacionamento Autor: Eduardo Starling Lopes Belo Horizonte, agosto de 2011 Sumário 1 Introdução...

Leia mais

PESQUISA DE PREÇOS 02/2014

PESQUISA DE PREÇOS 02/2014 PESQUISA DE PREÇOS 02/2014 Considerando a necessidade de aquisição de software integrado de gestão, para atender as necessidades desta Prefeitura Municipal de Porto Alegre, solicitamos que as empresas

Leia mais

Projeto Básico - Prestação de Serviços

Projeto Básico - Prestação de Serviços Diretoria de Tecnologia Gerência de Fornecimento de TI Projeto Básico - Prestação de Serviços 1. Objeto: 1.1 Contratação de empresa para prestação de serviços especializados de escuta de gravações e monitoração

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO / ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS / QUANTIDADE Registro de Preços para aquisição e/ou subscrição de licenças de uso de softwares da plataforma

Leia mais

ANEXO I Termo de Referência. Sumário

ANEXO I Termo de Referência. Sumário Pregão eletrônico BRB 00X/2011 - Anexo I Termo de Referência ANEXO I Termo de Referência Sumário 1. Objeto...13 1.1. LOTE 01 Desenvolvimento de novos sistemas e manutenção de 64 (sessenta e quatro) sistemas,

Leia mais

ANEXO II - TERMO DE REFERÊNICA EDITAL Nº 05373/2009

ANEXO II - TERMO DE REFERÊNICA EDITAL Nº 05373/2009 ANEXO II - TERMO DE REFERÊNICA EDITAL Nº 05373/2009 OBJETO: Contratação de serviços de desenvolvimento de software para criar o Website da Sudam, utilizando a linguagem de programação PHP, com o Banco

Leia mais

Serviço de mensageria SMS

Serviço de mensageria SMS Termo de Referência Serviço de mensageria SMS Agosto/2014 1 1 OBJETO 1.1 Prestação de serviços de envio de até 1.680.000 (Um milhão seiscentos e oitenta mil) Mensagens de Texto SMS (Short Message Service)

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA GERENCIA EXECUTIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 RELAÇÃO DE ITENS ASSUNTOS 1. OBJETIVO... 1 2. DO OBJETO... 2 3. DA MOTIVAÇÃO... 2 4. DA JUSTIFICATIVA DO OBJETO... 3 5. DOS RESULTADOS A SEREM ALCANÇADOS...

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa.

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. Termo de Referência Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. CGAD/COAR - Gerenciamento de Impressão Plataforma Baixa / RQ DSAO nº xxx/2009 1/8 Termo de Referência Aquisição

Leia mais

Manual de Métricas de Software do Análise de Pontos de Função

Manual de Métricas de Software do <SISP> Análise de Pontos de Função Manual de Métricas de Software do Análise de Pontos de Função Histórico de Versões Data Versão Descrição Autor Revisor Aprovado por 11/07/10 1 Manual para auxílio na contagem de pontos de função

Leia mais

Gestão de contratos de Fábrica de Software. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Gestão de contratos de Fábrica de Software. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Gestão de contratos de Fábrica de Software Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Agenda Diretriz (Método Ágil); Objeto de contratação; Volume de serviços estimado; Plataformas de Desenvolvimento;

Leia mais

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS EMPRESA: ILION SOLUÇÕES EM INTERNET LTDA. 1 DO PRAZO: item 5.2 f) Prestação de serviços: 5 (cinco) meses, contados a partir da data da Ordem de Serviço. g) Prazo para desenvolvimento:

Leia mais

ACEITAÇÃO DO TERMO APRESENTAÇÃO

ACEITAÇÃO DO TERMO APRESENTAÇÃO ACEITAÇÃO DO TERMO O CONTRATANTE que pretenda utilizar os serviços da TREVISAN TECNOLOGIA deverá aceitar os termos e condições gerais do contrato e todas as políticas e os princípios que o regem. Caso

Leia mais

Documentação significa as especificações, a documentação do usuário, os manuais e os guias técnicos entregues com o software da CA.

Documentação significa as especificações, a documentação do usuário, os manuais e os guias técnicos entregues com o software da CA. Política e Termos de Suporte da CA 1. Visão Geral O Suporte para softwares da CA consiste em assistência operacional e suporte técnico oferecidos pela CA, a seu critério razoável, durante o prazo estabelecido

Leia mais

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.:

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.: MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq DAD/CGADM/COINF/SERVIÇO DE LICITAÇÃO SELIC SEPN 507, Bloco B, Ed. Sede CNPq, Sala 211, CEP: 70.740-901,

Leia mais

PROJETO BÁSICO ANEXO 1A. Especificações Técnicas

PROJETO BÁSICO ANEXO 1A. Especificações Técnicas 25 PROJETO BÁSICO Especificações Técnicas 1. Objeto 1.1 Disposições gerais 1.1.1 O objeto desta licitação é a prestação de serviços técnicos de informática de desenvolvimento e sustentação de sistemas

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA até 28/08/2009. até a data acima mencionada

CONSULTA PÚBLICA até 28/08/2009. até a data acima mencionada CONSULTA PÚBLICA O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social BNDES está preparando processo licitatório para contratação de serviços de consultoria técnica especializada, conforme detalhado

Leia mais

Padrões de Contagem de Pontos de Função

Padrões de Contagem de Pontos de Função Padrões de Contagem de Pontos de Função Contexto Versão: 1.0.0 Objetivo O propósito deste documento é apresentar os padrões estabelecidos para utilização da técnica de Análise de Pontos de Função no ambiente

Leia mais

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO Este documento descreve os serviços que devem ser realizados para a Implantação da Solução de CRM (Customer Relationship Management), doravante chamada SOLUÇÃO, nos ambientes computacionais de testes,

Leia mais

Minuta de Contrato Administrativo n. ***/2013 CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO:

Minuta de Contrato Administrativo n. ***/2013 CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO: Minuta de Contrato Administrativo n. ***/2013 Compromisso celebrado entre [nome da CONTRATANTE], localizada à [inserir endereço completo], inscrita no [caso Administração indireta inserir número do CNPJ],

Leia mais

Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009. termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO:

Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009. termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO: Ref: Edital da Concorrência nº. 01/2009 Empresa interessada no certame solicitou PEDIDO DE ESCLLARECI IMENTTO,, aos termos do edital, pelas razões a seguir: 1º PEDIDO DE ESCLARECIMENTO: 1) Com relação

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET)

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET) ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET) IplanRio Empresa Municipal de Informática Janeiro 2012 1. OBJETO Registro de preço para aquisição de Dispositivos Móveis do tipo,

Leia mais

Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD

Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD Ricardo Gaspar (21) 2172-8078 ricardo.gaspar@bndes.gov.br 10 de Junho de 2013 Agenda Contextualização Diretrizes de Contagem

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA. d) Certificação CERTICS informar se o software possui a referida certificação.

CONSULTA PÚBLICA. d) Certificação CERTICS informar se o software possui a referida certificação. CONSULTA PÚBLICA O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES está preparando procedimento licitatório visando a aquisição de software comparador de documentos do tipo texto, compreendendo

Leia mais

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses.

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência [OBJETO] 1 Termo de Referência Serviço de envio de mensagens

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto)

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) 1 1 - OBJETO 1.1 Registro de Preços para prestação de

Leia mais

Guia de Contagem APF Versão 1.00

Guia de Contagem APF Versão 1.00 Versão 1.00 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 20/11/2010 1.00 Criação do Guia de Contagem APF Célio Santana / Gustavo Santos Guia de Contagem APF ATI www.ati.pe.gov.br Pág. 2 de 65 SUMÁRIO

Leia mais

Contrato Comercial. Objetivo: Setup - Plataforma de E-commerce. Cliente... : Aos cuidados de... : Data de Emissão...

Contrato Comercial. Objetivo: Setup - Plataforma de E-commerce. Cliente... : Aos cuidados de... : Data de Emissão... Contrato Comercial Objetivo: Setup - Plataforma de E-commerce Cliente... : Aos cuidados de... : Data de Emissão... : Emitido por: 0 Contrato Comercial Pelo presente instrumento, firma-se o acordo comercial

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. REQUISITOS MÍNIMOS OBRIGATÓRIOS 1.1. ASPECTOS GERAIS ATRIBUTO 1.1.1 Documentação Técnica e Acessórios 1.1.2 Garantia CARACTERÍSTICAS MÍNIMAS EXIGIDAS a) Deverá ser entregue pela CONTRATADA a Documentação

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA. Prestação de Serviços de Treinamento Profissional em Teste de Software

TERMO DE REFERENCIA. Prestação de Serviços de Treinamento Profissional em Teste de Software TERMO DE REFERENCIA Prestação de Serviços de Treinamento Profissional em Teste de Software Novembro 2012 1. OBJETO Contratação de empresa para prestação de serviço(s) de treinamento de em Teste de Software

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA LOTE ITEM UN DESCRIÇÃO QUANTIDADE ENVIO DE MENSAGENS SHORT MESSAGE. no N

TERMO DE REFERÊNCIA LOTE ITEM UN DESCRIÇÃO QUANTIDADE ENVIO DE MENSAGENS SHORT MESSAGE. no N TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ENVIO DE MENSAGENS SMS SHORT MESSAGE SERVICE PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Responsável: Superintendência Central de Governança Eletrônica Objeto LOTE ITEM

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA

MINISTÉRIO DA FAZENDA MINISTÉRIO DA FAZENDA Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional PGFN Departamento de Gestão Corporativa - DGC Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação - CTI CATÁLOGO DE SERVIÇOS DE TECNOLOGIA Infraestrutura

Leia mais

ANEXO 1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO 1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1 OBJETO ANEXO 1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1.1 O objeto da contratação é a prestação de serviços técnicos para desenvolvimento e sustentação de produtos de software com as linguagens Java, JavaScript e.net,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR

TERMO DE REFERÊNCIA - TR TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 014/2009 ANEXO II 1. OBJETO 1.1. Prestação de serviços de suporte técnico assistido ao PRODERJ, sob demanda, para o desenvolvimento e implantação de soluções

Leia mais

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA Documento elaborado pelo Grupo de Trabalho da Comissão de Normas

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº, de abril de 2008.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº, de abril de 2008. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº, de abril de 2008. Dispõe sobre a contratação de serviços de Tecnologia da Informação pela Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional. O SECRETÁRIO DE LOGÍSTICA

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Serviço de envio e recebimento de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, incluídos os serviços de gerenciamento e licenciamento de uso de plataforma, aplicativos,

Leia mais

ANÁLISE DE VIABILIDADE. PLANEJAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE TI Contratações de Serviços de Desenvolvimento de Sistemas

ANÁLISE DE VIABILIDADE. PLANEJAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE TI Contratações de Serviços de Desenvolvimento de Sistemas PLANEJAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE TI Contratações de Serviços de Desenvolvimento de Sistemas 1 Índice 1. Apresentação...3 2. Avaliação da Necessidade...3 3. Especificação de Requisitos pela Área

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa

TERMO DE REFERÊNCIA. Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa Março/2013 1. OBJETO 1.1. O presente termo tem por finalidade a

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Aquisição de licenças de Suite Integrada de Servidor de Aplicação para o ambiente de processamento central da Dataprev - Plano de Modernização Tecnológica. Termo de Referência Suíte

Leia mais