As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações"

Transcrição

1 WORKSHOP ASPECTOS RELEVANTES DA PRÁTICA EMPRESARIAL EM GESTÃO AMBIENTAL CAMPINAS, 17 DE ABRIL 2010 As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações Profa. Josilene T.V.Ferrer

2 Estado de São Paulo 40 milhões de habitantes (22% do Brasil) PIB US$250 milhões (31% Brasil) 68 milhões t CO 2, setor energético (2005) 1.69 t CO 2 /hab (2005)

3

4 Mudanças do Passado: VOSTOK e estimativas do IPCC Extraído da palestra apresentada à ABC /RJ Palestra proferida pelo professor Jefferson Simões/UFRGS Rio Grande do Sul br/.

5 GEE NA ATMOSFERA DO PLANETA CO 2 and CH 4 Concentrations Past, Present and Future

6

7 Precipitação Temperatura Slide do Prof. Dr. Joly - Unicamp

8 Fonte: Revista Veja, Maio 2004 Elevação do nível do mar na praia da Boa Viagem, Recife Nivel do mar em 2100 Nivel do mar em 1950 Slide de Paulo Artaxo, USP Necessidade de projeções de elevação do nível no mar de uma forma mais quantitativa com estimações da incerteza

9 Contribuições históricas para o aquecimento global: áreas proporcionais às 2 emissões históricas de CO 2 pela queima de combustíveis fósseis entre 1900 e 1999, comparação com mapa menor em escala real Slide utilizado pelo Prof. Oswaldo Lucon (SMA, 2010)

10 GASES DE EFEITO ESTUFA CONTROLADOS PELO PROTOCOLO DE KYOTO Dióxido id de Carbono CO 2 Metano CH 4 Óxido Nitroso N 2 O Hidrofluorcarbonos HFCs Perfluorcarbonos - PFCs Hexafluoreto de Enxofre SF 6

11 Emissões de CO Queima de Combustíveis Indústria 7% Queima de Combustíveis Transporte 9% Queima de Combustíveis Outros Setores 6% Emissões Fugitivas 1% Processos Industriais 2% Mudança no Uso da Terra e Florestas 75% Total: Gg Fonte MCT, 1994

12 Emissões de CH Mudança no Uso da Terra e Florestas 14% Resíduos 6% Queima de Combustíveis 2% Emissões Fugitivas 1% Resíduos Agrícolas 1% Cultura de Arroz 2% Manejo de Dejetos 3% Fermentação Entérica Outros Animais 3% Fermentação Entérica Gado Bovino 68% Total: Gg Fonte: MCT, 1994

13 Emissões de N 2 O Dejetos de Animais 6% LUCF 2% Resíduos 2% Processos Industriais 2% Energia 2% Fertilizantes Sintéticos 4% Fixação Biológica 5% Emissões Indiretas de Solos 24% Resíduos Agrícolas 9% Solos Orgânicos 4% Animais em Pastagem 40% Total: 550 Gg Fonte: 1994

14 Estimativa preliminar - CO 2 76,10% Energia 21,81% Processos industriais i i Emissão CO (química) Mudança no uso da Terra e florestas 2,09% 73,86% Energia 24,26% Processos industriais Emissão CO (química) 1,88% Mudança no uso da Terra e florestas Fonte: MCT, 2009

15 Estimativa preliminar CH 4 75,08% Energia Processos industriais (química) 12,56% Agropecuária Mudança no uso da Terra e florestas Tratamento de resíduos Emissão CH ,02% 3,42% 8,92% 74,60% Energia 13,03% Processos industriais (química) Agropecuária Emissão CH ,02% 2,74% 9,62% Mudança no uso da Terra e florestas Tratamento de resíduos Fonte: MCT, 2009

16 Estimativa preliminar - N O 2 91,48% 2,26% Energia (queima de combustíveis) Processos industriais (química) Agropecuária Emissão N 2 O Mudança no uso da Terra e florestas 2,36% Tratamento de resíduos 1,81% (esgoto doméstico) 2,10% 91,02% 2,24% Energia (queima de combustíveis) Processos industriais (química) Agropecuária Emissão N 2 O ,92% 2,22% 1,61% Mudança no uso da Terra e florestas Tratamento t de resíduos (esgoto doméstico) Fonte: MCT, 2009

17 Conclusões da Conferência Vista geral dos Delegados em Sessão Plenária

18 LEI ESTADUAL /2009 PEMC - ESP Política Estadual de Mudanças Climáticas

19 COMUNICAÇÃO ESTADUAL inventário de emissões de gases estufa por setores (energia, uso do solo, resíduos, indústrias, agropecuária, mudança no uso do solo etc.) plano de ação específico (prevenção, mitigação e adaptação)

20 REGISTRO PÚBLICO DE EMISSÕES inventários de emissões por empresas privadas adoção de critérios mensuráveis e transparentes auxílio na definição de estratégias para aumento de eficiência e produtividade proteção da linha de base de emissões adesão voluntária

21 AÇÕES SETORIAIS disciplinamento do uso do solo produção, comércio e consumo licenciamento e controle ambiental transporte sustentável recursos hídricos resíduos e efluentes planejamento emergencial contra catástrofes educação, capacitação e informação Instrumentos t econômicos articulação e operacionalização, metas e prazos

22 META DO ESTADO DE SP DE REDUÇÃO DE GEE 20% de REDUÇÃO DE GASES DE EFEITO ESTUFA - GEE, ANO BASE: 2005

23 INVENTÁRIO CORPORATIVO

24 INVENTÁRIO CORPORATIVO p geesp/docs/ghg/ghg1.pdf

25 Gestão de Aterros no Estado INADEQUADO CONTROLADO ADEQUADO

26

27 Fomento à Captura e Uso Energético do Biogás 2 programas, estimativa de emissão de biogá coletânea página na internet

28 pg p p p p _ clima.htm

29 Muito grata pela atenção!

MUDANÇAS CLIMÁTICAS, PROGRAMA DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO ESP - PROCLIMA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS, PROGRAMA DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO ESP - PROCLIMA MUDANÇAS CLIMÁTICAS, PROGRAMA DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO ESP - PROCLIMA Josilene Ticianelli Vannuzini Ferrer PROCLIMA - CETESB, 2010 SP, a Agenda Climática e a CETESB 40 milhões de habitantes 18 milhões

Leia mais

Gestão da Sustentabilidade: Políticas Publicas e Mudanças Climáticas no Estado de São Paulo

Gestão da Sustentabilidade: Políticas Publicas e Mudanças Climáticas no Estado de São Paulo Gestão da Sustentabilidade: Políticas Publicas e Mudanças Climáticas no Estado de São Paulo Fernando Rei Presidente da CETESB Sustentabilidade Conceito sistêmico relacionado com a continuidade dos aspectos

Leia mais

Participação dos Setores Socioeconômicos nas Emissões Totais do Setor Energia

Participação dos Setores Socioeconômicos nas Emissões Totais do Setor Energia INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DE MINAS GERAIS ANO BASE 2005 O Governo do Estado, por meio da Fundação Estadual de Meio Ambiente FEAM, entidade da Secretaria Estadual de Meio

Leia mais

INVENTÁRIO BRASILEIRO DAS EMISSÕES E REMOÇÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA. INFORMAÇÕES GERAIS E VALORES PRELIMINARES (30 de novembro de 2009)

INVENTÁRIO BRASILEIRO DAS EMISSÕES E REMOÇÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA. INFORMAÇÕES GERAIS E VALORES PRELIMINARES (30 de novembro de 2009) INVENTÁRIO BRASILEIRO DAS EMISSÕES E REMOÇÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA INFORMAÇÕES GERAIS E VALORES PRELIMINARES (30 de novembro de 2009) INFORMAÇÕES IMPORTANTES O Inventário Nacional de Emissões

Leia mais

Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE. Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima

Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE. Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima HISTÓRICO UNFCCC IPCC Comunicação Nacional do Brasil Política Nacional sobre

Leia mais

Resumo Aula-tema 02: Panorama mundial e nacional mudanças climáticas e políticas públicas emergentes.

Resumo Aula-tema 02: Panorama mundial e nacional mudanças climáticas e políticas públicas emergentes. Resumo Aula-tema 02: Panorama mundial e nacional mudanças climáticas e políticas públicas emergentes. As mudanças nos ecossistemas, causadas pelo modelo de desenvolvimento econômico atual, trazem impactos

Leia mais

Empresas e as mudanças climáticas

Empresas e as mudanças climáticas Empresas e as mudanças climáticas O setor empresarial brasileiro, por meio de empresas inovadoras, vem se movimentando rumo à economia de baixo carbono, avaliando seus riscos e oportunidades e discutindo

Leia mais

EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010)

EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010) EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010) Sumário Executivo De acordo com a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), adotada em 1992, as mudanças

Leia mais

Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo

Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo 1º Período de compromisso do Protocolo de Quioto (2008-2012) (Data final de coleta de dados: 12/02/2014) O

Leia mais

estufa para setores agropecuários

estufa para setores agropecuários Simpósio de Mercado de Carbono pós COP15 e Código Florestal para o Sistema Cooperativista Inventário de gases de efeito fi estufa para setores agropecuários Inventário de gases de efeito estufa para setores

Leia mais

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Apoio Organização Realização Política de clima e inventário de GEE de

Leia mais

INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3. Uma visão geral dos requisitos da norma

INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3. Uma visão geral dos requisitos da norma INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3 Uma visão geral dos requisitos da norma FORTALECEMOS PROCESSOS, SISTEMAS E PESSOAS SGS é líder mundial em inspeções, testes, certificações

Leia mais

Sustentabilidade Empresarial

Sustentabilidade Empresarial Política de Sustentabilidade como Instrumento de Competitividade São Paulo Out/2010 Laercio Bruno Filho 1 Desenvolvimento Sustentável 2 Aquecimento Global Word Population WORLD GDP 3 Questões Críticas

Leia mais

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 UNIDADE DE NEGÓCIO CARBONO - UNICAR Efluentes e Resíduos Inventários

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Gases de Efeito Estufa Inventário de Gases de Efeito Estufa Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Nicole Celupi - Three Phase Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Institucional A Three Phase foi criada em

Leia mais

A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras

A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras Emilio Lèbre La Rovere Coordenador, CentroClima/LIMA/PPE/COPPE/UFRJ 2º Encontro dos Secretários

Leia mais

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO

PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO PLANO DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CIDADE DE SÃO PAULO Balanço dos cinco anos da Política Municipal de Mudança do Clima de São Paulo Rede Nossa São Paulo 20/05/2014 Plano de Metas da PMSP

Leia mais

Padrões de produção e consumo

Padrões de produção e consumo INDICADORES AMBIENTAIS DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO 113 Padrões de produção e consumo Recicloteca da COMLURB - Gávea 114 INDICADORES AMBIENTAIS DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO ÁGUA ATMOSFERA SOLO BIODIVERSIDADE

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE - DMA/FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP

DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE - DMA/FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP Inventário GEE- São Paulo MAIO - 2014 Sumário - Base Legal Inventário - Sugestão para elaboração de inventário 2/40 Base Legal Lei 13.798 de 09 de

Leia mais

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3.1. Metodologia Neste capítulo, com base na Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro, é apresentada a metodologia utilizada para as estimativas de emissões de

Leia mais

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas:

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas: Relatório de Emissões de Carbono Camarote Expresso 2222 Carnaval Salvador 2010 Introdução As atividades da humanidade têm aumentado como nunca visto a concentração de gases poluidores na atmosfera. Alguns

Leia mais

Entre no Clima, Faça sua parte por. um MUNDO melhor.

Entre no Clima, Faça sua parte por. um MUNDO melhor. Entre no Clima, Faça sua parte por um MUNDO melhor. Aquecimento Global Conheça abaixo os principais gases responsáveis pelo aquecimento global: MUDANÇAS CLIMÁTICAS E O AQUECIMENTO GLOBAL Desde a revolução

Leia mais

Programa ABC. Agricultura de Baixo Carbono. Programa para redução da Emissão de Gases de Efeito Estufa na Agricultura

Programa ABC. Agricultura de Baixo Carbono. Programa para redução da Emissão de Gases de Efeito Estufa na Agricultura Programa ABC Agricultura de Baixo Carbono Programa para redução da Emissão de Gases de Efeito Estufa na Agricultura Emissões globais de GEEs Participação dos diferentes setores nas emissões de GEE, 2004

Leia mais

Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono. Fórum Permanente "Meio Ambiente e Sociedade"

Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono. Fórum Permanente Meio Ambiente e Sociedade Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono Fórum Permanente "Meio Ambiente e Sociedade" São Paulo, Brasil 15 de Outubro de 2013 Sumário MDL & Créditos de Carbono Panorama do Mercado

Leia mais

Entenda as questões sobre Mudanças Climáticas e suas Negociações Internacionais Profa Josilene Ticianelli Vannuzini Ferrer PROCLIMA/CETESB

Entenda as questões sobre Mudanças Climáticas e suas Negociações Internacionais Profa Josilene Ticianelli Vannuzini Ferrer PROCLIMA/CETESB Entenda as questões sobre Mudanças Climáticas e suas Negociações Internacionais Profa Josilene Ticianelli Vannuzini Ferrer PROCLIMA/CETESB SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE Mini Curso: Entenda as questões sobre

Leia mais

ESTUDO DA VALORAÇÃO DO SEQUESTRO DE CARBONO PARA A LITOSFERA

ESTUDO DA VALORAÇÃO DO SEQUESTRO DE CARBONO PARA A LITOSFERA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CIENAM CENTRO INTERDISCIPLINAR DE ENERGIA E AMBIENTE www.cienam.ufba.br ESTUDO DA VALORAÇÃO DO SEQUESTRO DE CARBONO PARA A LITOSFERA Qual o custo para reduzir 1 % da concentração

Leia mais

Mudanças do clima, mudanças no campo

Mudanças do clima, mudanças no campo Mudanças do clima, mudanças no campo Sumário executivo do relatório escrito por Jessica Bellarby, Bente Foereid, Astley Hastings e Pete Smith, da Escola de Ciências Biológicas da Universidade de Aberdeen

Leia mais

2 Documento de Referência CarbonOk

2 Documento de Referência CarbonOk 2 Documento de Referência CarbonOk SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 5 2 PROGRAMA CARBONOK... 6 2.1 Missão... 6 2.2 Objetivos... 6 2.3 Valores... 7 2.4 Metodologia... 7 2.5 Atuação... 8 2.6 Responsável... 9 3

Leia mais

DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS

DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS CONTEÚDO CRITÉRIO I - POLÍTICA... 2 INDICADOR 1: COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO... 2 CRITÉRIO II GESTÃO... 3 INDICADOR 2: RESPONSABILIDADES... 3 INDICADOR 3: PLANEJAMENTO/GESTÃO

Leia mais

ESTIMATIVAS ANUAIS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO BRASIL. 2 a Edição

ESTIMATIVAS ANUAIS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO BRASIL. 2 a Edição ESTIMATIVAS ANUAIS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO BRASIL 2 a Edição MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO ESTIMATIVAS ANUAIS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO BRASIL 2 a Edição

Leia mais

PECUÁRIA DE CORTE. Impactos ambientais e emissões de gases efeito estufa (GEE)

PECUÁRIA DE CORTE. Impactos ambientais e emissões de gases efeito estufa (GEE) PECUÁRIA DE CORTE Impactos ambientais e emissões de gases efeito estufa (GEE) Equipe Técnica Daniela Bartholomeu Bacchi doutora em economia aplicada, especialista em economia de recursos naturais CEPEA/ESALQ/USP;

Leia mais

Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE

Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE Secretaria de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento X Convenção do Clima UNFCCC é um tratado ambiental

Leia mais

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE Roberto Strumpf 01.06.2011 Mensuração e Gestão de GEE Conteúdo A economia de baixo carbono Mensuração de emissões Programa Brasileiro GHG Protocol Gestão de emissões Plataforma Empresas Pelo Clima Economia

Leia mais

INVENTÁRIO RIO DE JANEIRO DE EMISSÕES DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO RESUMO EXECUTIVO

INVENTÁRIO RIO DE JANEIRO DE EMISSÕES DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO RESUMO EXECUTIVO INVENTÁRIO DE EMISSÕES IN DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO DO EFEIT RIO DE JANEIRO RESUMO EXECUTIVO RI Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Cidade do Rio de Janeiro Prefeito da

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013]

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] INVENTÁRIO: X Completo INVENTÁRIO VERIFICADO POR: X Terceira parte Data: 10/03/2014 Preparador de Relatório: EGGEE/Quimicryl Simone

Leia mais

Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono

Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono Temas abordados 1. Quem somos 2. Efeito estufa e aquecimento global 3. Marco regulatório 4. O inventário de emissões

Leia mais

PECUÁRIA DE CORTE BRASILEIRA: IMPACTOS AMBIENTAIS E EMISSÕES DE GASES EFEITO ESTUFA (GEE)

PECUÁRIA DE CORTE BRASILEIRA: IMPACTOS AMBIENTAIS E EMISSÕES DE GASES EFEITO ESTUFA (GEE) PECUÁRIA DE CORTE BRASILEIRA: IMPACTOS AMBIENTAIS E EMISSÕES DE GASES EFEITO ESTUFA (GEE) I EQUIPE DE TRABALHO Prof. Dr. Sergio De Zen Professor Doutor do Departamento de Economia, Administração e Sociologia

Leia mais

"Economia Verde: Serviços Ambientais" - Desafios e Oportunidades para a Agricultura Brasileira -

Economia Verde: Serviços Ambientais - Desafios e Oportunidades para a Agricultura Brasileira - "Economia Verde: Serviços Ambientais" - Desafios e Oportunidades para a Agricultura Brasileira - Maurício Antônio Lopes Diretor Executivo de Pesquisa e Desenvolvimento Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Leia mais

Disciplina Construção de Edifícios - Engenharia Civil - UFJF. Prof. Pedro Kopschitz Xavier Bastos

Disciplina Construção de Edifícios - Engenharia Civil - UFJF. Prof. Pedro Kopschitz Xavier Bastos Disciplina Construção de Edifícios - Engenharia Civil - UFJF Prof. Pedro Kopschitz Xavier Bastos Uso irresponsável dos recursos naturais: Erosão do solo Contaminação de lençóis de água Extinção de espécies

Leia mais

Painel Créditos de Carbono: emissão, comercialização e tratamento contábil. Maisa de Souza Ribeiro

Painel Créditos de Carbono: emissão, comercialização e tratamento contábil. Maisa de Souza Ribeiro Painel Créditos de Carbono: emissão, comercialização e tratamento contábil Maisa de Souza Ribeiro Objetivos do Protocolo de Quioto Desenvolvimento Social, Ambiental e Econômico Países Poluidores PROTOCOLO

Leia mais

Marcio Halla marcio.halla@fgv.br

Marcio Halla marcio.halla@fgv.br Marcio Halla marcio.halla@fgv.br POLÍTICAS PARA O COMBATE ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA AMAZÔNIA Programa de Sustentabilidade Global Centro de Estudos em Sustentabilidade Fundação Getúlio Vargas Programa de

Leia mais

A Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro publica a seguinte lei: Capítulo I Das Disposições Preliminares

A Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro publica a seguinte lei: Capítulo I Das Disposições Preliminares Projeto de lei n. Institui a Política Estadual sobre Mudança do Clima e fixa seus princípios, objetivos, diretrizes e instrumentos. A Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro publica a seguinte

Leia mais

A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas. Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015

A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas. Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015 A Água da Amazônia irriga o Sudeste? Reflexões para políticas públicas Carlos Rittl Observatório do Clima Março, 2015 servatório(do(clima( SBDIMA( (( Sociedade(Brasileira( de(direito( Internacional(do(

Leia mais

1. Mudanças climáticas : Aumento da temperatura da Terra. Fonte: IPCC, 2000)

1. Mudanças climáticas : Aumento da temperatura da Terra. Fonte: IPCC, 2000) Novas Tecnologias para o desenvolvimento sustentável: a viabilidade da produção de gás natural à partir do armazenamento geológico de CO 2 na Jazida de Charqueadas Letícia Hoppe Agenda 1. Contextualização

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E O PROTOCOLO DE QUIOTO: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA E APLICABILIDADE DOS MECANISMOS DE DESENVOLVIMENTO LIMPO

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E O PROTOCOLO DE QUIOTO: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA E APLICABILIDADE DOS MECANISMOS DE DESENVOLVIMENTO LIMPO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E O PROTOCOLO DE QUIOTO: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA E APLICABILIDADE DOS MECANISMOS DE DESENVOLVIMENTO LIMPO Letícia Hoppe Ms. Economia do Desenvolvimento Síntese do Mini curso

Leia mais

Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa Inventário de de Gases de Efeito Estufa Projeto Coral Vivo Priscila G. C. Sette Moreira CREA 49.354/D Inventário de de Gases de Efeito Estufa 1 Introduça o A variação do clima é um fenômeno natural que

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das de Gases de Efeito Estufa SADIA S/A 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 01/04/2010 Preparador

Leia mais

Seminário Soluções Técnicas e Financeiras para Cidades Sustentáveis Banco Mundial Brasília. 08 e 09 de Junho 2010

Seminário Soluções Técnicas e Financeiras para Cidades Sustentáveis Banco Mundial Brasília. 08 e 09 de Junho 2010 Seminário Soluções Técnicas e Financeiras para Cidades Sustentáveis Banco Mundial Brasília 08 e 09 de Junho 2010 No Programa de Governo Gestão 2009-2012 está previsto o Programa Biocidade e neste o Plano

Leia mais

Capítulo 21 Meio Ambiente Global. Geografia - 1ª Série. O Tratado de Kyoto

Capítulo 21 Meio Ambiente Global. Geografia - 1ª Série. O Tratado de Kyoto Capítulo 21 Meio Ambiente Global Geografia - 1ª Série O Tratado de Kyoto Acordo na Cidade de Kyoto - Japão (Dezembro 1997): Redução global de emissões de 6 Gases do Efeito Estufa em 5,2% no período de

Leia mais

ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS EMISSÕES DE GASES COM EFEITO DE ESTUFA (GEE)

ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS EMISSÕES DE GASES COM EFEITO DE ESTUFA (GEE) ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS EMISSÕES DE GASES COM EFEITO DE ESTUFA (GEE) SECTOR AGRO-PECUÁRIO 2009 Ficha Técnica: Relatório elaborado por Luís de Freitas, no âmbito do estágio profissional ao abrigo do PEPAC

Leia mais

Problemas Ambientais

Problemas Ambientais Problemas Ambientais Deflorestação e perda da Biodiversidade Aquecimento Global Buraco na camada de ozono Aquecimento Global - Efeito de Estufa Certos gases ficam na atmosfera (Troposfera) e aumentam

Leia mais

White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa

White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa O que você precisa saber? Inventário de Gases de Efeito Estufa O que você precisa saber? Sumário Objetivo... 2 Parte 1 - Entendendo o Inventário de Gases

Leia mais

Mercado de Créditos de Carbono Fases dos Projetos MDL

Mercado de Créditos de Carbono Fases dos Projetos MDL Mercado de Créditos de Carbono Fases dos Projetos MDL BRITCHAM SP 18/08/06 São Paulo samuel barbosa 3 DET NORSKE VERITAS Introdução FUNDAÇÃO - Fundação independente estabelecida na Noruega em 1864. OBJETIVO

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007 1º Seminário Estadual sobre Mudanças Climáticas e Saneamento Diretoria de Tecnologia, Empreendimentos e Meio Ambiente T Superintendência

Leia mais

Indicadores de Sustentabilidade Ambiental. Roberta Bruno S. Carneiro Monsanto Mariana R. Sigrist - BASF

Indicadores de Sustentabilidade Ambiental. Roberta Bruno S. Carneiro Monsanto Mariana R. Sigrist - BASF Indicadores de Sustentabilidade Ambiental Roberta Bruno S. Carneiro Monsanto Mariana R. Sigrist - BASF Indicadores de Sustentabilidade Ambiental Grupo de Trabalho: Fernanda - Solvay Lorena Oxiteno Luis

Leia mais

Estimativas anuais de emissões de gases de efeito estufa no Brasil

Estimativas anuais de emissões de gases de efeito estufa no Brasil Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI Secretaria de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento SEPED Coordenação Geral de Mudanças Globais de Clima CGMC anuais de emissões de gases

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Companhia Energética de São Paulo - CESP 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira

Leia mais

Carbon Disclosure Project Supply Chain CDP na cadeia de suprimentos

Carbon Disclosure Project Supply Chain CDP na cadeia de suprimentos w Gestão Ambiental na Sabesp Workshop Carbon Disclosure Project Supply Chain CDP na cadeia de suprimentos Sup. Wanderley da Silva Paganini São Paulo, 05 de maio de 2011. Lei Federal 11.445/07 Lei do Saneamento

Leia mais

MÓDULO I: Mudança do Clima e Acordos Internacionais. Efeito Estufa. Fontes de Emissões. Impactos. Acordos Internacionais

MÓDULO I: Mudança do Clima e Acordos Internacionais. Efeito Estufa. Fontes de Emissões. Impactos. Acordos Internacionais MÓDULO I: Mudança do Clima e Acordos Internacionais Efeito Estufa Fontes de Emissões Impactos Acordos Internacionais Fontes de Emissões Antropogênicas Fonte: Quarto Relatório de Avaliação do IPCC, 2007.

Leia mais

Inventário de emissões de gases do efeito estufa da cidade do Rio de Janeiro- resumo executivo

Inventário de emissões de gases do efeito estufa da cidade do Rio de Janeiro- resumo executivo ISSN 1984-7203 C O L E Ç Ã O E S T U D O S C A R I O C A S Inventário de emissões de gases do efeito estufa da cidade do Rio de Janeiro- resumo executivo Nº 20100801 Agosto - 2010 Coordenação: SMAC/Prefeitura

Leia mais

Gestão Ambiental. Disciplina Ciências do Ambiente Profa Elizete A Checon de Freitas Lima

Gestão Ambiental. Disciplina Ciências do Ambiente Profa Elizete A Checon de Freitas Lima Gestão Ambiental Disciplina Ciências do Ambiente Profa Elizete A Checon de Freitas Lima Gestão Ambiental Ato de administrar o ambiente natural ou antrópico (PHILIPPI Jr e BRUNA, 2004). Gestão Ambiental

Leia mais

Unidade IV Ser Humano e saúde. Aula 17.1

Unidade IV Ser Humano e saúde. Aula 17.1 Unidade IV Ser Humano e saúde. Aula 17.1 Conteúdo: O efeito estufa. Habilidade: Demonstrar uma postura crítica diante do uso do petróleo. REVISÃO Reações de aldeídos e cetonas. A redução de um composto

Leia mais

O DIREITO AMBIENTAL DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS E O MERCADO DE CARBONO

O DIREITO AMBIENTAL DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS E O MERCADO DE CARBONO O DIREITO AMBIENTAL DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS E O MERCADO DE CARBONO UNESP-S.J do Rio Preto RAFAEL AZEREDO DE OLIVEIRA Mudanças Climáticas e Aquecimento Global FORMAÇÃO DO IPCC Criado pela ONU Organização

Leia mais

Título. Mudanças Climáticas. Programa Corporativo de Gestão das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Título. Mudanças Climáticas. Programa Corporativo de Gestão das Emissões de Gases de Efeito Estufa Mudanças Climáticas Título Programa Corporativo de Gestão das Emissões de Gases de Efeito Estufa Wanderley da Silva Paganini Superintendente de Gestão Ambiental - Sabesp São Paulo, 13 de junho de 2013.

Leia mais

Mudança do Clima. Luiz Gylvan Meira Filho

Mudança do Clima. Luiz Gylvan Meira Filho SABESP São Paulo, 12 de novembro de 2008 Mudança do Clima Luiz Gylvan Meira Filho Pesquisador Visitante Instituto de Estudos Avançados Universidade de São Paulo A terra recebe energia do sol na forma de

Leia mais

Mudanças Climáticas na Vale

Mudanças Climáticas na Vale 30/09/2011 Mudanças Climáticas na Vale Gerência de Nova Economia e Mudanças Climáticas Departamento de Desenvolvimento Sustentável Política de Sustentabilidade Operador Sustentável Legado Econômico, Social

Leia mais

COP 21 INDC BRASILEIRA

COP 21 INDC BRASILEIRA COP 21 Vinte e três anos após a assinatura da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), a 21 a Conferência das Partes (COP21), que será realizada em Paris (entre os dias 30 novembro

Leia mais

Linha Economia Verde

Linha Economia Verde Linha Economia Verde QUEM SOMOS Instituição Financeira do Estado de São Paulo, regulada pelo Banco Central, com inicio de atividades em Março/2009 Instrumento institucional de apoio àexecução de políticas

Leia mais

Seminário FIESP. Política Estadual de Mudanças Climáticas

Seminário FIESP. Política Estadual de Mudanças Climáticas Seminário FIESP Política Estadual de Mudanças Climáticas Coordenadoria de Planejamento Ambiental SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE Casemiro Tércio Carvalho São Paulo, 4 de maio de 2010 Novo Paradigma Princípios,

Leia mais

The Carbon Disclosure Project

The Carbon Disclosure Project The Carbon Disclosure Project Agosto 2012 Ciclo do Carbono O ciclo do carbono é uma sucessão de transformações que sofre ao longo do tempo. Umas das principais fontes de carbono: CO2 atmosférico CO2 atm

Leia mais

PLANO NACIONAL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA - PNMC - Versão para Consulta Pública Setembro, 2008

PLANO NACIONAL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA - PNMC - Versão para Consulta Pública Setembro, 2008 GOVERNO FEDERAL COMITÊ INTERMINISTERIAL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA Decreto nº 6.263 de 21 de novembro de 2007 PLANO NACIONAL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA - PNMC - Versão para Consulta Pública Setembro, 2008 Casa

Leia mais

Mais clima para todos

Mais clima para todos Mais clima para todos 1 Mais clima para todos Na União Europeia, entre 1990 e 2011, o setor dos resíduos representou 2,9% das emissões de gases com efeito de estufa (GEE), e foi o 4º setor que mais contribuiu

Leia mais

I - Energia - indústria de energia, indústria de manufatura, transportes, comércio, setor público, residências, agropecuária e emissões fugitivas;

I - Energia - indústria de energia, indústria de manufatura, transportes, comércio, setor público, residências, agropecuária e emissões fugitivas; Decreto Nº 43216 DE 30/09/2011 (Estadual - Rio de Janeiro) Data D.O.: 03/10/2011 Regulamenta a Lei nº 5.690, de 14 de abril de 2010, que dispõe sobre a Política Estadual sobre Mudança Global do Clima e

Leia mais

Anexo III da Resolução n o 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima

Anexo III da Resolução n o 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima Anexo III da Resolução n o 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima Contribuição da Atividade de Projeto para o Desenvolvimento Sustentável I Introdução O Projeto Granja São Roque de redução

Leia mais

Sumário Executivo do Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa do Estado do Espírito Santo

Sumário Executivo do Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa do Estado do Espírito Santo Sumário Executivo do Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa do Estado do Espírito Santo sumário 05 07 1. Introdução 2. Setor Energia 3. Setor Processos industriais e uso de produtos 4. Setor Agricultura,

Leia mais

Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil

Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Plano Agrícola Primeiro e Pecuário Relatório de Avaliação Nacional PAP 2013/2014 sobre Mudanças Climáticas ROSEMEIRE SANTOS Superintendente Técnica Nelson

Leia mais

Crédito de carbono: uma moeda ambiental como fator de motivação econômica

Crédito de carbono: uma moeda ambiental como fator de motivação econômica Crédito de carbono: uma moeda ambiental como fator de motivação econômica Luci Inês Bassetto (UTFPR) luciines@cefetprp.br Tanatiana Ferreira Guelbert (UTFPR) guelbert@cefetpr.br João Luiz Kovaleski (UTFPR-PG)

Leia mais

Parágrafo único. Os programas e ações do Governo Federal que integram o Plano Plurianual deverão observar o previsto no caput.

Parágrafo único. Os programas e ações do Governo Federal que integram o Plano Plurianual deverão observar o previsto no caput. DECRETO Nº 7.390, DE 9 DE DEZEMBRO DE 2010. Regulamenta os arts. 6o, 11 e 12 da Lei no 12.187, de 29 de dezembro de 2009, que institui a Política Nacional sobre Mudança do Clima - PNMC, e dá outras providências.

Leia mais

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa 2011 Inventário de GEE Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa Evento: -Super 9k Montevérgine -Prova Ciclística 9 de Julho 0 Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Leia mais

Legislações Federal e Estadual de Mudança do Clima. Roberto de Aguiar Peixoto

Legislações Federal e Estadual de Mudança do Clima. Roberto de Aguiar Peixoto Legislações Federal e Estadual de Mudança do Clima Roberto de Aguiar Peixoto Sumário da Apresentação Contexto e Objetivos das Leis sobre Mudanças do Clima Breve Histórico: PNMC, PEMC Metas e Principais

Leia mais

VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas

VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas 2 Sumário CRITÉRIO I POLÍTICA... 3 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO...

Leia mais

EMISSÃO DE GASES DO EFEITO ESTUFA NA CAFEICULTURA. Carlos Clemente Cerri

EMISSÃO DE GASES DO EFEITO ESTUFA NA CAFEICULTURA. Carlos Clemente Cerri EMISSÃO DE GASES DO EFEITO ESTUFA NA CAFEICULTURA Carlos Clemente Cerri Conteúdo Conceitos e Definições Aquecimento Global Potencial de aquecimento global Feedback Inventário dos GEE (Gases do Efeito Estufa)

Leia mais

Estimativas anuais de emissões de gases de efeito estufa no Brasil

Estimativas anuais de emissões de gases de efeito estufa no Brasil Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI Secretaria de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento SEPED Coordenação Geral de Mudanças Globais de Clima CGMC anuais de emissões de gases

Leia mais

Estimativas de Emissõ es e Remõçõ es de Gases de Efeitõ Estufa dõ Estadõ de Minas Gerais - Anõ base 2010

Estimativas de Emissõ es e Remõçõ es de Gases de Efeitõ Estufa dõ Estadõ de Minas Gerais - Anõ base 2010 Estimativas de Emissõ es e Remõçõ es de Gases de Efeitõ Estufa dõ Estadõ de Minas Gerais - Anõ base 2010 Gerência de Energia e Mudanças Climáticas Fundação Estadual do Meio Ambiente LISTA DE FIGURAS Figura

Leia mais

Inovação da Gestão em Saneamento IGS

Inovação da Gestão em Saneamento IGS Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento PNQS Inovação da Gestão em Saneamento IGS GESTÃO DE GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) Ciclo 2013 2 Organograma Simplificado Organograma simplificado da OC, com ênfase

Leia mais

Normatização e legislação aplicada: diretrizes e parâmetros de licenciamento e controle no estado de São Paulo

Normatização e legislação aplicada: diretrizes e parâmetros de licenciamento e controle no estado de São Paulo Normatização e legislação aplicada: diretrizes e parâmetros de licenciamento e controle no estado de São Paulo João Wagner Silva Alves Assessor da Presidência da CETESB SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE Normatização

Leia mais

Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte. João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com

Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte. João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com Sobre a WayCarbon 7 anos no mercado sul-americano de consultoria em mudanças climáticas Portifólio de projetos

Leia mais

Alterações Climá/cas baixo carbono e adaptação

Alterações Climá/cas baixo carbono e adaptação Portugal e Alterações Climá/cas baixo carbono e adaptação Outubro de 2011 Comissão para as Alterações Climá/cas Comité Execu3vo Em 200 anos, emitimos a quantidade de carbono que havia sido emitida nos

Leia mais

Econergy International PLC. Projetos de MDL

Econergy International PLC. Projetos de MDL Econergy International PLC. Projetos de MDL São Paulo, 18 de agosto de 2006 Econergy Escritórios rios Ireland Boulder (CO) Washington D.C. Monterrey São Paulo Buenos Aires Nossa Missão é Agregar Valor

Leia mais

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Inventário Corporativo de Gases do Efeito Estufa 2011 Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Gerente do Projeto: Iris Gobato Gercov Consultora: Adriane Elise de Assunção Flausino Consultor:

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO GEOGRAFIA. Aula 18.2 Conteúdo.

CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO GEOGRAFIA. Aula 18.2 Conteúdo. A A Aula 18.2 Conteúdo Mudanças globais 2 A A Habilidades Perceber as mudanças globais que estão ocorrendo no Brasil e no mundo. 3 A A Conferências e protocolos Preocupados com os problemas relacionados

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa. Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa. Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011 2011 Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. A GREEN CO 2.... 3 2.1. VISÃO.... 3 2.2. MISSÃO.... 3 2.3. OBJETIVOS.... 3 2.4. VALORES....

Leia mais

CGD. Relatório de Compensação de Emissões de GEE

CGD. Relatório de Compensação de Emissões de GEE CGD 1 RELATÓRIO DE COMPENSAÇÃO DE EMISSÕES DE GEE CGD S.A. 2014 2 CGD Relatório de Compensação de Emissões de GEE - CGD S.A. 2014 1.1 Introdução O Programa de Baixo Carbono, pioneiro no setor da banca

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Ford Nome fantasia: Ford - CNPJ: 03.470.727/0001-20 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias de transformação

Leia mais

O Estado de São Paulo, Mudanças Climáticas e Estratégias para o Desenvolvimento Sustentável

O Estado de São Paulo, Mudanças Climáticas e Estratégias para o Desenvolvimento Sustentável O Estado de São Paulo, Mudanças Climáticas e Estratégias para o Desenvolvimento Sustentável Principais pontos de abordagem: Legislação Paulista que aborda Mudanças Climáticas; Estratégias para o Desenvolvimento

Leia mais

Proposta metodológica para cálculo de emissões de gases de efeito estufa e de plano de mitigação em eventos realizados no estado de Minas Gerais

Proposta metodológica para cálculo de emissões de gases de efeito estufa e de plano de mitigação em eventos realizados no estado de Minas Gerais Nota Técnica Nº 1/2013 GEMUC/DPED/FEAM Proposta metodológica para cálculo de emissões de gases de efeito estufa e de plano de mitigação em eventos realizados no estado de Minas Gerais Maio 2013 Carolina

Leia mais

Economia de Baixo de Carbono, onde estamos? para onde vamos?

Economia de Baixo de Carbono, onde estamos? para onde vamos? Seminário sobre Sustentabilidade no Setor Elétrico Brasileiro Economia de Baixo de Carbono, onde estamos? para onde vamos? 21 de novembro de 2014 Aneel Brasília O conteúdo deste relatório foi produzido

Leia mais

Estudo da emissão veicular de Gases de Efeito Estufa (GEE) em veículos movidos à DIESEL. Prof. Dr. Ariston da Silva Melo Júnior

Estudo da emissão veicular de Gases de Efeito Estufa (GEE) em veículos movidos à DIESEL. Prof. Dr. Ariston da Silva Melo Júnior Estudo da emissão veicular de Gases de Efeito Estufa (GEE) em veículos movidos à DIESEL Prof. Dr. Ariston da Silva Melo Júnior INTRODUÇÃO Durante milhões de anos a Terra passou por ciclos naturais de aquecimento

Leia mais

O DESAFIO ENERGÉTICO NOS GRANDES CENTROS:

O DESAFIO ENERGÉTICO NOS GRANDES CENTROS: O DESAFIO ENERGÉTICO NOS GRANDES CENTROS: CIDADES SUSTENTÁVEIS OU COLAPSO ANUNCIADO? Mudanças Climáticas e o Papel das Cidades Mudanças Climáticas e o Papel das Cidades Cidades são parte do Problema Atividades

Leia mais

Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil

Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil Relatório de Emissões Relatório Nacional de Emissões de Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil Alexandre Filizola NEPA/SAR São José dos Campos, Junho de 2010 Objetivo Apresentar o trabalho que tem sido

Leia mais