Destaques do 1T12: Mensagem da Administração

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Destaques do 1T12: Mensagem da Administração"

Transcrição

1 Vigor registra Receita Líquida de R$ 314,1 milhões e EBITDA de R$ $24,9 milhões, representando um crescimento de 8,2% e 167,9%, respectivamente, quando comparado com igual período do ano anterior Destaques do 1T12: A Receita Líquida foi de R$ 314,2 milhões, 8,2% superior ao 1T11; O EBITDA foi de R$ 24,9 milhões, com uma margem EBITDA de 7,9%, representando acréscimo de 167,9% em relação ao 1T11; O Lucro Líquido do período foi de R$ 22,4 milhões; O Resultado Operacional de R$ 33,8 milhões no período contribuiu para a Geração de Caixa Operacional de R$ 9,9 milhões; O volume comercializado pela Companhia foi de 91,4 mil/ton no período, praticamente estável comparado com o ano anterior; A Companhia encerrou o trimestre com R$ 280,0 milhões em caixa, equivalente a 159,2% da dívida de curto prazo; Dívida Financeiraa Liquida da Companhia foi de R$12,2 milhões no período. Mensagem da Administração O início do ano de 2012 foi marcante para a Vigor Alimentos S.A. com o reposicionamento das marcas da Companhia, principalmente Vigor, começando com uma ampla revisão de portfólio de produtos, incluindo: (i) profundo conhecimentoo do consumidor; e (ii) adequação das embalagens dos produtos a nova identidade da marca. Ainda durante o 1T12 a companhia terminou a reformulação do seu time de gestão com a inclusão de novos colaboradores em áreas importantes para a Companhia para sustentar o plano de crescimento desenhado para os próximos anos. Nesse sentido, iniciamos o ano com total alinhamento das ações da Companhia com o Plano Estratégico de Longo Prazo, aprovado pelo Conselho de Administração no 3T11, incluindo: Foco nas categorias de maior valor agregado; Início da revisão do modelo de atendimento ao mercado; Aplicação, após profundo estudo, de reposicionamento de preços nos diferentes produtos; 1

2 Construção e aumento de valor das principais marcas da Companhia; Foco na excelência na gestão. Os resultados obtidos no período, principalmente quando observados nas principais categorias da Companhia, demonstram que o primeiro passo já foi dado e que os resultados começam a aparecer. O EBITDA da Companhia de R$24,9 milhões no 1T12 representa um crescimento de 167,9% em relação a igual período de Atenciosamente, Gilberto Meirelles Xandó Baptista CEO Demonstrativo de Resultados (em R$ mil) 1 (Em R$ mil) 1T12 4T11 Var. % 1T11 Var. % Receita Líquida Custo dos produtos vendidos ,6% ,2% ,7% ,8% Lucro bruto ,9% ,8% Margem Bruta 28,8% 26,5% - 26,4% - Despesas com Vendas Despesas Adm. e Gerais Resultado Financeiro Líquido ,0% ,6% ,6% ,7% ,2% ,5% Outras Receitas (Despesas) ,1% ,1% Resultado Operacional IR e Contribuição Social ,2% ,5% ,3% ,6% Lucro Líquido/Prejuízo EBITDA ,5% ,3% ,4% ,0% Margem EBITDA 7,9% 5,9% - 3,2% - 1. Os dados comparativos do 1T12 são da Companhia estão sendo comparados com as informações da S.A. Fábrica de Produtos Alimentícios Vigor no 1T11 ao longo de todo este documento. 2

3 Análise dos resultados da Vigor Volume Comercializado e Receita Líquida O faturamento comercializado no 1T12 segue a estratégia de maior participação em produtos de alto valor agregado, com destaque para a redução do volume do leite UHT (em Outros ). Segue abaixo Receita categorias: Operacional Líquida comercializada nas diferentes 1T12 Lácteos Gordurosos Outros Total Receita Operacional Líquida 1T11 Var. % ,4% ,8% ,2% ,2% A Receita Líquida consolidada da Vigor no 1T12 totalizou R$ 314,2 milhões, aumento de 8,2% em relação ao valor verificado em 1T11, R$ 290,3 milhões. A expansão da receita deve-se, principalmente, à melhora do mix de produtos, e do aumento nos preços. Lucro Bruto Os principais impactos no aumento do Lucro Bruto foram: Melhoria de Mix de Produto; Aumento de Preço de Venda; Iniciativas para redução do custo do produto. Principais indicadores Volume Vendido Receita Líquida Custo dos Produtos Vendidos Lucro Bruto R$ mil ,8% R$ mil ,8% Margem bruta % 28,80% 26,40% 8,9% Receita Líquida /Volume CPV/Volume 1T12 1T11 Var. % ton ,4% R$ mil ,2% R$/ton ,7% R$/ton ,2% 3

4 EBITDA (em R$ mil) Receita Líquida EBITDA Margem EBITDA (%) 1T12 4T11 Var.% 1T11 Var. % ,6% ,2% ,2% ,,0% 7,9% 5,9% - 3,20% - Receita Líquida (R$ Mil) T11 1T11 1T12 Lucro Bruto (R$ Mil) T11 1T11 1T12 EBITDA (R$ Mil) e Margem EBITDA (%) ,9% 5,9% ,2% 4T11 1T11 1T12 10,00% 0,00% 4

5 Lucro Líquido / Prejuízo O lucro no 1T12 foi de R$ 22,3 milhões, frente a um prejuízo no 1T11de R$ 309,0 mil. Geração de Caixa A Companhia encerrou o 1T12com uma geração de caixa operacional antes de investimentos de R$ 9,9 milhões. Dispêndio de Capital No 1T12, o valor total dos dispêndios de capital da Vigor em bens, e equipamentos foi de R$ 15,8 milhões, 240,0% superior ao 1T11. Os principais investimentos foram concentrados na melhoria da produtividade das unidades, renovação de máquinas e ampliação da capacidade produtiva. Endividamento Financeiro A relação dívida líquida / EBITDA da Vigor, ficou em 0,20x no 1T12, contra 0,05x no 1T11. (Em R$ mil) Dívida Bruta (+) Curto prazo (+) Longo prazo (-) Disponibilidades Dívida Líquida EBITDA 1 1T12 1T11 Var. % ,5% ,9% ,0% ,9% ,8% Dívida Líquida/ EBITDA (1) 0,20 (1) EBITDA dos últimos 12 meses findos em 31 de março Posição de Caixa A Companhia encerrou o 1T11 com R$ 280,0 milhões em caixa, equivalente a 159,0% da dívida de curto prazo, aproximadamente. 5

6 Demonstrativo por Segmentos O comportamento dos segmentos da Vigor estão representados abaixo 6

7 Custo do Produto Vendido (CPV) Segue abaixo, a abertura das principais matérias primas e gastoss gerais de fabricação, que compõem o custo do produto vendido no 1T12. Custo do Produto Vendido 1T12 GGF 22% EMBALAGENS 20% OUTRAS MP 18% LEITE 20% ÓLEO 20% 7

A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13

A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13 A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13 São Paulo, 12 de novembro de 2013 - A Vigor Alimentos S.A. (BM&FBovespa: VIGR3) anuncia hoje os resultados do terceiro trimestre de 2013 (3T13). As

Leia mais

Vigor Day. Dezembro, 2013

Vigor Day. Dezembro, 2013 Vigor Day Dezembro, 2013 2 Apresentadores Gilberto Xandó CEO, Vigor Alimentos S.A. Anne Napoli Diretora de Marketing Luis Henrique Gennari Diretor Comercial Maurício Hasson CFO e Diretor de Relações com

Leia mais

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO DA COMPANHIA NO TRIMESTRE

COMENTÁRIO DE DESEMPENHO DA COMPANHIA NO TRIMESTRE COMENTÁRIO DE DESEMPENHO DA COMPANHIA NO TRIMESTRE As informações a seguir estão apresentadas de forma consolidada. Os valores estão apresentados de acordo com as normas expedidas pela CVM Comissão de

Leia mais

Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014

Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014 Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014 Aumento da eficiência operacional resultou em EBITDA de R$4,9 bilhões no acumulado do ano, 56,4% superior ao de 2013 São Paulo, 26 de

Leia mais

CAMBUCI S.A. Resultado do 1º trimestre de Destaques Financeiros 1T Comentários da Administração

CAMBUCI S.A. Resultado do 1º trimestre de Destaques Financeiros 1T Comentários da Administração Resultado do 1º trimestre de 2016 São Paulo, 22 de junho de 2016 A CAMBUCI (BM&FBOVESPA: CAMB4), divulga o resultado acumulado em 1º trimestre de 2016. A s informações são apresentadas de forma consolidada

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T16. 6 de maio de Magazine Luiza

Teleconferência de Resultados 1T16. 6 de maio de Magazine Luiza Teleconferência de Resultados 6 de maio de 2016 Magazine Luiza Destaques Vendas E-commerce Margem Bruta EBITDA e Lucro Líquido Capital de Giro Endividamento Luizacred Aumento da receita bruta de 3% totalizando

Leia mais

Receita Bruta de R$ 103,6 milhões. Variação negativa de 2,5% na comparação com o 3T09;

Receita Bruta de R$ 103,6 milhões. Variação negativa de 2,5% na comparação com o 3T09; Apresentação Aviso Importante Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira

Leia mais

Resultados 4T de Março de 2011

Resultados 4T de Março de 2011 Resultados 4T10 22 de Marçode 2011 1 AGENDA DESTAQUES Providência USA RESULTADOS PERSPECTIVAS 2 DESTAQUES Conclusão do projeto da primeira planta da Companhia nos Estados Unidos, com uma linha de produção

Leia mais

2T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras. Grupo Copobras

2T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras. Grupo Copobras Destaques Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 23 de julho de 2014 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do segundo trimestre de 2014. O Grupo Copobras compreende as empresas

Leia mais

4T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras

4T14 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números. Resultados. Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 16 de janeiro de 2015 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do quarto trimestre de 2014. O Grupo Copobras compreende as empresas abaixo: - Copobras S/A Indústria

Leia mais

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T16 UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T16 UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS São Paulo, 12 de Maio de 2016 RESULTADOS CONSOLIDADOS 2 DESTAQUES CONSOLIDADOS DO RECEITA LÍQUIDA (R$ MILHÕES) LUCRO BRUTO (R$ MILHÕES)

Leia mais

2T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras

2T15 RELEASE TRIMESTRAL. Destaques. Grandes Números Copobras. Resultados. Grupo Copobras Grupo Copobras São Ludgero, 15 de julho de 2015 O Grupo Copobras, apresenta seus resultados não auditados do segundo trimestre de 2015. O Grupo Copobras compreende as empresas abaixo: - Copobras S/A Indústria

Leia mais

Souza Barros Fique por dentro. Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant. Ricardo Pansa Presidente e DRI. Maio de 2013

Souza Barros Fique por dentro. Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant. Ricardo Pansa Presidente e DRI. Maio de 2013 Souza Barros Fique por dentro Apresentação dos Resultados 1T13 Nutriplant Ricardo Pansa Presidente e DRI Maio de 2013 Nutriplant: opção de investimento em insumos diferenciados para o agronegócio brasileiro.

Leia mais

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados

Apresentação dos Resultados do 1T10. Teleconferência de Resultados Apresentação dos Resultados do 1T10 Teleconferência de Resultados Visão Geral do 1T10 2 Destaques A Companhia Alcançou Resultados Operacionais Positivos e Concluiu Plano de Capitalização Plano de Capitalização

Leia mais

2º SEMINÁRIO DE GOVERNANÇA CORPORATIVA REALIZAÇÃO :

2º SEMINÁRIO DE GOVERNANÇA CORPORATIVA REALIZAÇÃO : 2º SEMINÁRIO DE GOVERNANÇA CORPORATIVA REALIZAÇÃO : QUEM SOMOS HISTÓRIA DA FORNO DE MINAS Fundação da empresa em julho/1990, por D. Dalva e seus filhos Hélida e Helder Início da produção em uma pequena

Leia mais

Operadora: Indicadores econômico-financeiros

Operadora: Indicadores econômico-financeiros Número 02 São Paulo, 24 de julho de 2013 Operadora: Indicadores econômico-financeiros RESUMO Maior empresa de telecomunicações no segmento de telefonia móvel pré-paga no Brasil, e segundo lugar no mercado

Leia mais

Teleconferência Resultados 3T07

Teleconferência Resultados 3T07 Teleconferência Resultados 3T07 Destaques no trimestre Crescimento orgânico da receita bruta de 31,4% no 3T07 e 36,6% nos12 mesesatésetembrode 2007 Impulsionado pelo crescimento de vendas no MI de 58,4%

Leia mais

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO TRIMESTRE ENCERRADO EM 31 DE MARÇO DE 2012

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO TRIMESTRE ENCERRADO EM 31 DE MARÇO DE 2012 COMENTÁRIO DO DESEMPENHO TRIMESTRE ENCERRADO EM 31 DE MARÇO DE 2012 DESEMPENHO ECONÔMICO FINANCEIRO No trimestre encerrado em 31 de março de 2012, a Nutriplant apresentou uma retração no faturamento alcançando

Leia mais

Apresentação dos Resultados do 4T14 e de março de 2015

Apresentação dos Resultados do 4T14 e de março de 2015 Apresentação dos Resultados do 4T14 e 2014 12 de março de 2015 Disclaimer Fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais

ReuniãoAPIMEC. São Paulo, 8 de dezembro, 2010

ReuniãoAPIMEC. São Paulo, 8 de dezembro, 2010 ReuniãoAPIMEC São Paulo, 8 de dezembro, 2010 Visão geral da Companhia QUEM SOMOS Líder mundial na fabricação de produtos têxteis de cama e banho para o lar Fundada em 1967 Líder no mercado brasileiro de

Leia mais

Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006

Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006 Confab Anuncia Resultados para o Segundo Trimestre de 2006 São Paulo, 03 de agosto de 2006. Confab Industrial S.A. (BOVESPA:CNFB4), uma empresa Tenaris, anunciou hoje os resultados correspondentes aos

Leia mais

JBS S.A. (BVM&FBOVESPA: JBSS3; OTCQX: JBSAY) São Paulo, 11 de maio de Resultados do 1T16

JBS S.A. (BVM&FBOVESPA: JBSS3; OTCQX: JBSAY) São Paulo, 11 de maio de Resultados do 1T16 JBS S.A. (BVM&FBOVESPA: JBSS3; OTCQX: JBSAY) São Paulo, 11 de maio de 2016 Resultados do JBS encerra o trimestre com receita líquida de R$43,9 bilhões e EBITDA de R$2,1 bilhões A JBS S.A. reporta receita

Leia mais

Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16

Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16 Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16 1 Nota Importante As declarações a respeito de perspectivas futuras sobre os negócios e projeções de resultados operacionais e financeiros da

Leia mais

Apresentação dos Resultados 2T16

Apresentação dos Resultados 2T16 Apresentação dos Resultados 2T16 O Mercado Preço das Commodities e Dólar 2 140 Queda de 9,8% do dólar no 2T16 Alta de 29,0% no preço da soja no 2T16 Alta de 7,5% no preço do algodão no 2T16 Alta de 2,1%

Leia mais

Divulgação dos resultados do segundo trimestre de 2013

Divulgação dos resultados do segundo trimestre de 2013 Divulgação dos resultados do segundo trimestre de 2013 Fortaleza CE, 8 de agosto de 2013 A J.Macêdo S.A. ( J. Macêdo ), Companhia líder nacional nos mercados de farinhas para uso doméstico e misturas para

Leia mais

Reunião Apimec. Souza Cruz

Reunião Apimec. Souza Cruz Reunião Apimec Souza Cruz 2015 Líder em mais de 60 países 13% de market share 44 fábricas de cigarros (em 39 países) QUEM É A SOUZA CRUZ? A Souza Cruz faz parte da BAT (British American Tobacco) o mais

Leia mais

UNIPAR CARBOCLORO ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14

UNIPAR CARBOCLORO ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14 UNIPAR CARBOCLORO ANUNCIA OS RESULTADOS DO 1T14 São Paulo, 15 de maio de 2014 A UNIPAR CARBOCLORO S.A. (BM&FBOVESPA: UNIP3, UNIP5 e UNIP6), empresa brasileira líder de mercado na Região Sudeste na fabricação

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO A Vigor Alimentos S.A., ( Vigor ou Companhia ) apresenta, a seguir, seu Relatório da Administração e as demonstrações contábeis do exercício social findo em 31 de dezembro de

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T14

Teleconferência de Resultados 3T14 Teleconferência de Resultados 3T14 André B. Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO André Pires de Oliveira Dias Vice-Presidente e Diretor de RI Construção de planta de perfis estruturais no México

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Senhores acionistas, A CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A., ( CVC ou Companhia ) apresenta a seguir seu Relatório da Administração e as informações contábeis intermediárias

Leia mais

Release de Resultados 1T de abril de 2016

Release de Resultados 1T de abril de 2016 Release de Resultados 1T16 27 de abril de 2016 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO André Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Osvaldo B. Schirmer Vice-Presidente Executivo de Finanças e Controladoria

Leia mais

Resultados 2T12 10 de agosto de 2012

Resultados 2T12 10 de agosto de 2012 Resultados 2T12 10 de agosto de 2012 Resumo do trimestre Resultados Expansão de 19,7% a.a. no EBITDA. A margem EBITDA se elevou para 20,2% neste trimestre, aumento de 4 p.p. em relação ao 2T11 Receita

Leia mais

1T06 ETERNIT REGISTRA LUCRO LÍQUIDO DE R$ 7 MM E MARGEM EBITDA DE 21% NO 1T06. Cotação (31/03/2006) Quantidade de Ações.

1T06 ETERNIT REGISTRA LUCRO LÍQUIDO DE R$ 7 MM E MARGEM EBITDA DE 21% NO 1T06. Cotação (31/03/2006) Quantidade de Ações. ETERNIT REGISTRA LUCRO LÍQUIDO DE R$ 7 MM E MARGEM EBITDA DE 21% NO 1T06 São Paulo, 10 de maio de 2006 A Eternit S.A., (BOVESPA: ETER3, ETER4) com mais de 66 anos de atividade e líder de mercado na fabricação

Leia mais

Resultados do 1T de Maio de 2011

Resultados do 1T de Maio de 2011 Resultados do 12 de Maio de 2011 Destaques de Receita Bruta de R$ 254 milhões, contra R$ 228 milhões no, crescimento de 11,4%; Margem Bruta de 30,4% no, contra 33,1% no mesmo período em 2010; EBITDA de

Leia mais

A GRU Airport anuncia EBITDA ajustado de R$ 218,2 milhões com margem de 55,3% no 2T16.

A GRU Airport anuncia EBITDA ajustado de R$ 218,2 milhões com margem de 55,3% no 2T16. A GRU Airport anuncia EBITDA ajustado de R$ 218,2 milhões com margem de 55,3% no 2T16. São Paulo, 10 de agosto de 2016 As informações trimestrais (2TR) e as demonstrações financeiras padronizadas (DFP)

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2015

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2015 Resultados 1º Trimestre de 2015 8 de Maio de 2015 Receita líquida avança 14,8%, com sólido crescimento orgânico Cnova Receita líquida: +14,8% Vendas mesmas lojas: +4,0% EBITDA (1) : R$ 1,057 bilhão Margem

Leia mais

3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy

3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy 3º Trimestre de 2015 Resultados Tupy São Paulo, 13 de novembro de 2015 1 DISCLAIMER Esta Apresentação pode conter declarações prospectivas, as quais estão sujeitas a riscos e incertezas, pois foram baseadas

Leia mais

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Destaques do Período Geração de caixa. Geração de caixa no semestre de R$ 82 milhões (proporcional) e R$ 64 milhões (IFRS). Redução de alavancagem no semestre. Dívida

Leia mais

IRANI apresenta EBITDA ajustado de R$ 34,6 milhões no 2T14, 10,3% superior em relação ao do 2T13

IRANI apresenta EBITDA ajustado de R$ 34,6 milhões no 2T14, 10,3% superior em relação ao do 2T13 COMENTÁRIO DO DESEMPENHO DA COMPANHIA NO 2 TRIMESTRE DE 2014 As informações a seguir estão apresentadas de forma consolidada. Os valores estão apresentados de acordo com as normas expedidas pela CVM Comissão

Leia mais

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições.

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições. 1 Considerações Gerais Considerações referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas de crescimento da B2W, eventualmente expressas neste

Leia mais

Aviso. atualmente disponíveis para a Companhia.

Aviso. atualmente disponíveis para a Companhia. Aviso Eventuais declarações que possam ser feitas durante esta apresentação, relativas às perspectivas de negócios da Companhia, projeções e metas operacionais e financeiras, constituem se em crenças e

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Highligts i. Geração de caixa. Geração de caixa nos nove primeiros meses de R$ 169,0 milhões (proporcional) e de R$ 86,9 milhões no trimestre, crescimento significativo

Leia mais

Destaques Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões

Destaques Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões Reunião Pública com APIMEC - SP Resultados 2010 e 4T10 06 de Abril de 2011 Destaques 2010 Abertura de Capital, 100% primária e listagem no Novo Mercado, com captação bruta de R$ 477,9 milhões Receita Bruta

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 3T16

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 3T16 1) VISÃO GERAL DA COMPANHIA A Iochpe- é uma companhia global, líder mundial na produção de rodas automotivas, um dos principais produtores de componentes estruturais automotivos nas Américas e também líder

Leia mais

Divulgação Resultados 1T09. Conference Call 2T12

Divulgação Resultados 1T09. Conference Call 2T12 Divulgação Resultados 1T09 Conference Call 2T12 Agenda Highlights Overview Iguatemi Projetos em Andamento- Resultados Guidance 2 Destaques Gerais 2T 2012 EBITDA de R$ 82,4 milhões com margem de 84,9% (+

Leia mais

GPA e Viavarejo 18/10/2013 RESULTADOS 3T13

GPA e Viavarejo 18/10/2013 RESULTADOS 3T13 GPA e Viavarejo 18/10/2013 RESULTADOS 3T13 GPA Consolidado Destaques: Foco na expansão: abertura de 20 novas lojas no 3T13. Nos 9M13, foram abertas 78 lojas, o que representou 2,8% de aumento de área de

Leia mais

Receita Líquida Consolidada (R$ Bilhões) Lucro Bruto Consolidado (R$ Milhões) EBITDA Consolidado (R$ Milhões)

Receita Líquida Consolidada (R$ Bilhões) Lucro Bruto Consolidado (R$ Milhões) EBITDA Consolidado (R$ Milhões) Destaques do 2T14 Receita Líquida Consolidada (R$ Bilhões) 32,1% 21.9 24.2 27.2 26.4 29.0 Receita líquida de R$29,0 bilhões, expansão de R$7,0 bilhões, ou 32,1% superior ao 2T13. 2T13 3T13 4T13 1T14 2T14

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A.

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. MD&A - ANÁLISE DOS RESULTADOS CONSOLIDADOS Primeiro Trimestre 2012 (1) Informações financeiras selecionadas: (R$ milhões) 1º Tri 12 1º Tri 11 4º Tri 11 Variação 1T12 X 1T11 Variação 1T12 X 4T11 Receita

Leia mais

Teleconferência Resultados 3T16 11/11/2016

Teleconferência Resultados 3T16 11/11/2016 Teleconferência Resultados 3T16 11/11/2016 Aviso Importante Declarações contidas nesta apresentação relativas às perspectivas dos negócios da Companhia, projeções de resultados operacionais e financeiros,

Leia mais

PRESS RELEASE 3º Trimestre de 2011

PRESS RELEASE 3º Trimestre de 2011 PRESS RELEASE 3º Trimestre de 2011 BOMBRIL DIVULGA RESULTADO DO TERCEIRO TRIMESTE DE 2011 A Bombril S/A (Bovespa: BOBR4), com 63 anos de atividade, atuando no segmento de indústria de higiene e limpeza,

Leia mais

O Mercado Drivers de Demanda

O Mercado Drivers de Demanda Apresentação dos Resultados 4T12 15/03/2013 O Mercado Drivers de Demanda Crescimento Populacional (bilhões de indivíduos) Soja (Milhões de toneladas) China 6,5 6,9 7,7 8,3 8,8 9,3 Urbana Rural 187,6%*

Leia mais

Renar atinge R$4,7 milhões de EBITDA no 1S14 (+R$8,3mm vs. 1S13), e Revisa Guidance 2014

Renar atinge R$4,7 milhões de EBITDA no 1S14 (+R$8,3mm vs. 1S13), e Revisa Guidance 2014 Renar atinge R$4,7 milhões de EBITDA no 1S14 (+R$8,3mm vs. 1S13), e Revisa Guidance 2014 Resultado do 1S14 é o melhor dos últimos 10 anos Fraiburgo, 13 de agosto de 2014 A Renar Maçãs (BM&FBovespa: RNAR3)

Leia mais

Resultados do Terceiro Trimestre de 2005

Resultados do Terceiro Trimestre de 2005 Resultados do Terceiro Trimestre de 2005 28 de outubro de 2005 Mensagem do Panorama do Mercado Resultados Financeiros Ambiente Regulatório Conclusão Mensagem do A TIM Participações está crescendo em um

Leia mais

ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS. Aula 9- Unidade II - A análise tradicional das demonstrações contábeis. Prof.

ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS. Aula 9- Unidade II - A análise tradicional das demonstrações contábeis. Prof. ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS Aula 9- Unidade II - A análise tradicional das demonstrações contábeis Prof.: Marcelo Valverde Unidade II. Análise tradicional das demonstrações contábeis 2.4. Análise

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T06 e José Carlos Grubisich Carlos Fadigas

Teleconferência de Resultados 4T06 e José Carlos Grubisich Carlos Fadigas Teleconferência de Resultados e 2006 José Carlos Grubisich Carlos Fadigas Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos,

Leia mais

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS fg 2º TRIMESTRE DE 2016 Retomada do crescimento de vendas totais e mesmas lojas, aliada a ganho consistente de market share no mercado total a. A receita líquida totalizou R$4,3 bilhões no 2T16, com retomada

Leia mais

Resultados do 3T13. 7 de Novembro de 2013

Resultados do 3T13. 7 de Novembro de 2013 Resultados do 7 de Novembro de 2013 2 Grupo Eucatex Destaques Gerais do Receita Líquida R$ 292,9 milhões, crescimento de 17,5% EBITDA Recorrente R$ 60,7 milhões, aumento de 22,9% Margem EBITDA 20,7%, elevação

Leia mais

Comentário do Desempenho

Comentário do Desempenho Gerdau S.A. Comentário do Desempenho Controladora 1T16 Desempenho no 1º trimestre Controladora A Gerdau S.A. é uma sociedade anônima de capital aberto, com sede no Rio de Janeiro, capital. A Companhia

Leia mais

V I G O R A L I M E N T O S 4T15

V I G O R A L I M E N T O S 4T15 V I G O R A L I M E N T O S 4T15 São Paulo, 15 de março de 2016 - A Vigor Alimentos S.A. (BM&FBovespa: VIGR3) divulga seus resultados do quarto trimestre de 2015 (4T15) e ano de 2015. As informações completas

Leia mais

7. Análise da Viabilidade Econômica de. Projetos

7. Análise da Viabilidade Econômica de. Projetos 7. Análise da Viabilidade Econômica de Projetos 7. Análise da Viabilidade Econômica de Terminologia em Custos: Gasto Investimento Custo Despesa Perda Desembolso 1 7. Análise da Viabilidade Econômica de

Leia mais

TECTOY S/A COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO ITR Mar 13

TECTOY S/A COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO ITR Mar 13 Considerações Gerais: A partir do segundo semestre de 2012, a Companhia adotou uma série de medidas no intuito de aumentar a sua rentabilidade. Uma destas medidas foi o início da mudança do line up, migrando

Leia mais

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 Brasil Pharma Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 2 Destaques 2T16 Destaques: Margem Bruta Margem bruta de 30,0%, com crescimento de 1,6 p.p. em relação ao 1T16 e 2,4 p.p. em relação ao

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A.

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. (BOVESPA:UGPA4/NYSE: UGP) INFORMAÇÕES E RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2006 (São Paulo, Brasil, 10 de maio de 2006) Diversas iniciativas gerenciais de contenção de custos

Leia mais

JBS reporta EBITDA de R$3,6 bilhões e receita líquida de R$38,9 bilhões no 2T15

JBS reporta EBITDA de R$3,6 bilhões e receita líquida de R$38,9 bilhões no 2T15 JBS S.A. (BVM&FBOVESPA: JBSS3; OTCQX: JBSAY) São Paulo, 13 de agosto de 2015 JBS reporta EBITDA de R$3,6 bilhões e receita líquida de R$38,9 bilhões no A JBS S.A. divulga seus resultados para o segundo

Leia mais

Resultados 3º Trimestre de de Outubro de 2016

Resultados 3º Trimestre de de Outubro de 2016 Resultados 3º Trimestre de 2016 28 de Outubro de 2016 3T16: Receita líquida: R$ 15,1 bilhões EBITDA ajustado (1) : R$ 619 milhões Número de lojas: 2.089 (2) Inclui R$ 1.824 milhões de recebíveis de cartão

Leia mais

Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day

Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day SEÇÃO 1 Visão Geral da Companhia História de Empreendedorismo e Crescimento 2015/16 1993 Fundação com 16 carros 2008 PRIVATE EQUITY Maior disciplina financeira

Leia mais

Resultados do 1T13. 02 de Maio de 2013

Resultados do 1T13. 02 de Maio de 2013 Resultados do 02 de Maio de 2013 2 Grupo Eucatex Fundada em 1951 Segmentos Indústria Moveleira, Revenda, Construção Civil e Exportação Subsidiária em Atlanta EUA 72 Fazendas de Eucalipto Total de 45,8

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2016

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2016 Resultados 1º Trimestre de 2016 11 de Maio de 2016 Receita líquida atinge R$ 17,8 bilhões, com crescimento de 10,9% no segmento alimentar 1T16: Receita líquida: R$ 17,8 bilhões EBITDA (1) : R$ 484 milhões

Leia mais

Nivelamento de Conceitos Contábeis

Nivelamento de Conceitos Contábeis Nivelamento de Conceitos Contábeis Demonstrações Contábeis Balanço Patrimonial - BP Demonstração de Resultado do Exercício - DRE Demonstração dos Fluxos de Caixa DFC Substituiu a Demonstração das Origens

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO CONTEXTO OPERACIONAL

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO CONTEXTO OPERACIONAL RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO CONTEXTO OPERACIONAL O cenário do mercado brasileiro de brinquedos não teve grandes alterações em relação ao ocorrido em 2010. A Associação dos Fabricantes de Brinquedos ABRINQ,

Leia mais

Contabilidade CRISE. Planejamento Financeiro 25/08/2016. Escreve, oficializa É a ciência que registra os

Contabilidade CRISE. Planejamento Financeiro 25/08/2016. Escreve, oficializa É a ciência que registra os CRISE Contabilidade Escreve, oficializa É a ciência que registra os Possuem denominador financeiro comum acontecimentos verificados no patrimônio de uma entidade Conjunto de bens direitos e obrigações

Leia mais

FRAS-LE ANUNCIA OS RESULTADOS DO QUARTO TRIMESTRE DE 2013

FRAS-LE ANUNCIA OS RESULTADOS DO QUARTO TRIMESTRE DE 2013 Caxias do Sul RS, 12 de março de 2014. A Fras-le S.A., listada no Nível 1 de Segmentos Especiais de Listagem da BM&FBovespa (FRAS3), é uma das integrantes das Empresas Randon e destaca-se por ser o maior

Leia mais

Resultados 3T11. * Os dados da ANFAVEA não incluem mais os números da exportação de veículos desmontados (CKD).

Resultados 3T11. * Os dados da ANFAVEA não incluem mais os números da exportação de veículos desmontados (CKD). 1) DESTAQUES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2011 Receita operacional líquida consolidada de R$ 827,0 milhões, um aumento de 35,3% em relação ao terceiro trimestre de 2010; Geração bruta de caixa (EBITDA) de

Leia mais

Divulgação de Resultado 1T15

Divulgação de Resultado 1T15 Divulgação de Resultado 1T15 1 Dados de mercado em 07/05/2015 Cotação: R$2,35 Valor de Mercado: R$155.302.955,40 T e l e c o n f e r ê n c i a 1T15 Teleconferência em português 08 de maio de 2015 Sexta-feira,

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 1º trimestre de 2015 Teleconferência / Webcast 18 de Maio de 2015 1 AVISOS Estas apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas

Leia mais

Balanço Patrimonial. Circulante Compreende obrigações exigíveis que serão liquidadas até o final do próximo exercício social.

Balanço Patrimonial. Circulante Compreende obrigações exigíveis que serão liquidadas até o final do próximo exercício social. Demonstrações Financeiras Demonstrações Financeiras Professor: Roberto César Balanço Patrimonial ATIVO Circulante Compreende contas que estão constantemente em giro - em movimento, sua conversão em dinheiro

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T de Novembro de 2016 Relações com Investidores

Teleconferência de Resultados 3T de Novembro de 2016 Relações com Investidores Teleconferência de Resultados 11 de Novembro de 2016 Relações com Investidores 1 Disclaimer Este material constitui uma apresentação de informações gerais sobre a Marfrig Global Foods S.A. e suas controladas

Leia mais

Companhia Brasileira de Distribuição

Companhia Brasileira de Distribuição Companhia Brasileira de Distribuição Grupo Pão de Açúcar ABAMEC São Paulo Novembro Visão do Mercado Mercado de Varejo Alimentício: R$67bi CBD 14,1% Carrefour 14,1% Bompreço 4,5% Sonae 4,5% Outros 59,2%

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 1T16

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 1T16 1) VISÃO GERAL DA COMPANHIA A Iochpe-Maxion é uma companhia global, líder mundial na produção de rodas automotivas, um dos principais produtores de componentes estruturais automotivos nas Américas e também

Leia mais

CONTABILIDADE DE CUSTOS. Aula 3 - UNIDADE 2 - CUSTOS PARA AVALIAÇÃO DE ESTOQUES: CUSTEIO POR ABSORÇÃO. 2.1 Custos diretos e custos indiretos

CONTABILIDADE DE CUSTOS. Aula 3 - UNIDADE 2 - CUSTOS PARA AVALIAÇÃO DE ESTOQUES: CUSTEIO POR ABSORÇÃO. 2.1 Custos diretos e custos indiretos CONTABILIDADE DE CUSTOS Aula 3 - UNIDADE 2 - CUSTOS PARA AVALIAÇÃO DE ESTOQUES: CUSTEIO POR ABSORÇÃO 2.1 Custos diretos e custos indiretos Prof.: Marcelo Valverde CUSTOS Em relação a unidade produzida

Leia mais

1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN. Janeiro a Março/2013

1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN. Janeiro a Março/2013 1. ANÁLISE DE DESEMPENHO OPERACIONAL DA AUTOBAN Janeiro a Março/2013 As informações financeiras e operacionais abaixo são apresentadas de acordo com a Legislação Societária e as comparações são referentes

Leia mais

Conference Call Resultados 4T13 e 2013

Conference Call Resultados 4T13 e 2013 Conference Call Resultados 4T13 e 2013 1 Juros 2013 Inflação * : Geral: 5,91% Serviços: 8,75% Desvalorização do Real Em um ano complexo para os negócios, especialmente para calçados, a Alpargatas cresce

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T16

Teleconferência de Resultados 2T16 Teleconferência de Resultados 2T16 Relações com Investidores São Paulo, 5 de Agosto de 2016 RESSALVA SOBRE DECLARAÇÕES FUTURAS Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são

Leia mais

MUDANÇAS ESTRUTURAIS

MUDANÇAS ESTRUTURAIS BRF RESULTADOS 2014 MUDANÇAS ESTRUTURAIS Em 2014, tivemos melhoras significativas em nossas margens operacionais. DA OPERAÇÕES CONTINUADAS +126% +56% 21,9% 15,6% 12,8% 13,7% 10,4% 1.762 781 856 961 1.130

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ JBS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 3

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/ JBS SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 3 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 5 Demonstração do Resultado Abrangente 6 Demonstração

Leia mais

2T15. Comentários de Desempenho. DESTAQUES FINANCEIROS E OPERACIONAIS 2T15 e 1S15

2T15. Comentários de Desempenho. DESTAQUES FINANCEIROS E OPERACIONAIS 2T15 e 1S15 São Paulo, 03 de Agosto de 2015 - A Unidas S.A. ( Companhia ou Unidas ) anuncia os seus resultados do segundo trimestre de 2015 (2T15) e do primeiro semestre de 2015 (1S15). As informações financeiras

Leia mais

Electro Aço Altona S/A 1T2013

Electro Aço Altona S/A 1T2013 Electro Aço Altona S/A 1T2013 Blumenau, 25 de abril de 2013. A Electro Aço Altona S/A (BM&FBovespa EALT3 e EALT4) Controlada pela Companhia Werner S/A Agricultura e Comércio, atua no seguimento de fundição

Leia mais

Reunião Pública Anual com Investidores, Analistas e Profissionais de Mercado

Reunião Pública Anual com Investidores, Analistas e Profissionais de Mercado Reunião Pública Anual com Investidores, Analistas e Profissionais de Mercado Dezembro 2011 Nota de Ressalva E s t a a p r e s e n t a ç ã o pode i n c l u i r d e c l a r a ç õ e s que p o d e m r e p

Leia mais

Antecipar o Problema

Antecipar o Problema INDICADORES Antecipar o Problema Mudar o Comportamento Informação Fidedigna Entendimento do Resultado Manter a Rotina de Controle Vendas da Farmácia Ticket Médio Lucro Despesas fixas Mercado Ticket Médio

Leia mais

Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado

Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado Reunião com Analistas, Investidores e Profissionais do Mercado Dezembro 2005 www.cyrela.com.br Time Cyrela Brazil Realty Diretor Financeiro e de RI Luis Largman Diretor de Controle e Planej. Financeiro

Leia mais

MRS Logística. Negócios nos Trilhos. Nov

MRS Logística. Negócios nos Trilhos. Nov MRS Logística Negócios nos Trilhos Nov - 2011 Quem somos Concessionária Pública de Transporte Ferroviário, que interliga os três principais centros industriais do país: São Paulo, Rio de Janeiro e Minas

Leia mais

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores Apresentação dos Resultados 4T13 e 2013 Relações com Investidores Índice Abertura e Planejamento Estratégico: Leonardo Nogueira Diniz CEO Desempenho Operacional: Rodrigo Martins Diretor Comercial Desempenho

Leia mais

Resultados do 4T15 e 2015

Resultados do 4T15 e 2015 Resultados do 4T15 e 2015 Rogério Melzi Presidente Virgílio Gibbon Diretor Financeiro e DRI Destaques 2015 Crescimento base de alunos (+15,2%) e Receita Líquida Recorrente (+23,4%) Crescimento sustentável

Leia mais

Positivo Informática. Reunião Pública APIMEC Resultados 3T de Dezembro de 2012

Positivo Informática. Reunião Pública APIMEC Resultados 3T de Dezembro de 2012 Positivo Informática Reunião Pública APIMEC Resultados 3T12 21 de Dezembro de 2012 Seção I Destaques 3T12 e 9M12 Positivo Informática registra receita líquida¹ de R$ 528,3 milhões no 3T12, crescimento

Leia mais

F. RAMADA INVESTIMENTOS, S.G.P.S.,S.A. Sociedade Aberta

F. RAMADA INVESTIMENTOS, S.G.P.S.,S.A. Sociedade Aberta F. RAMADA INVESTIMENTOS, S.G.P.S.,S.A. Sociedade Aberta Sede: Rua do General Norton de Matos, 68, r/c Porto NIF 508 548 527 Capital social: 25.641.459 Euros Informação financeira de 2009 1 A F. Ramada

Leia mais

Informações Consolidadas

Informações Consolidadas METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas Desempenho da Gerdau no 2 o trimestre As Demonstrações Financeiras Consolidadas da Metalúrgica Gerdau S.A. são apresentadas em conformidade com as normas

Leia mais

Resultado do 3 o Trimestre de 2016

Resultado do 3 o Trimestre de 2016 Resultado do 3 o Trimestre de 2016 Teleconferência - 11/11/2016 João Silveira - CEO Marcus Martino - CFO e Diretor de RI Disclaimers Esta apresentação contém informações sobre os negócios da Par Corretora,

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T16

Apresentação de Resultados 3T16 Estação de Tratamento de Esgoto Arrudas Apresentação de Resultados 3T16 11 de Novembro de 2016 AVISO Eventuais declarações que possam ser feitas durante esta apresentação, relativas às perspectivas de

Leia mais

Conference Call Resultados 2T12. 8 de agosto de 2012

Conference Call Resultados 2T12. 8 de agosto de 2012 Conference Call Resultados 2T12 8 de agosto de 2012 Márcio Utsch 2 2T12: Crescimento em linha com o Plano Estratégico VOLUME DE VENDAS 1) Volume consolidado foi 10,9% maior: Mercado doméstico: cresceu

Leia mais