ATA DA 217ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ATA DA 217ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ."

Transcrição

1 910 ATA DA 217ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 22 dias do mês de Julho de 2008, às 16h, realizou-se, na Sede da Agência, a 217ª Reunião Ordinária da Diretoria da ANTAQ, com as presenças dos Srs. Fernando Antonio Brito Fialho Diretor-Geral, Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa Diretor, Aristarte Gonçalves Leite Júnior Procurador-Geral, e, como convidados, Aguinaldo José Teixeira Chefe de Gabinete Substituto, José Alex Botelho de Oliva Superintendente de Navegação Interior, Newton José de Moura Gerente de Fiscalização Portuária da Superintendência de Portos, Ana Maria Pinto Canellas Superintendente de Navegação Marítima e de Apoio e José Soares de Souza Superintendente de Administração e Finanças Substituto. Constaram da Ordem do Dia os seguintes assuntos: I)Processo nº / EMPRESA DE NAVEGAÇÃO SOUZA LTDA. - ME. Outorga de Autorização para operar como EBNI. Relator: Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa; II) Processo nº / SIDARTA CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA. - Processo Administrativo Disciplinar. Relator: Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa; III) Processo nº / JASMART SERVIÇOS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS LTDA. - ME. - Renúncia à Outorga para operar como EBN. Relator: Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa; IV) Processo nº / MASSEG ENGENHARIA E ASSESSORIA LTDA. - Outorga de Autorização. Relator: Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa; V) Processo nº / SUPERINTENDÊNCIA DA NAVEGAÇÃO INTERIOR-SNI. - Proposta de Norma para a Navegação Interior de Percurso Transversal. Relator: Murillo de Moraes Rego Corrêa Barbosa; VI) Processo nº / EMPRESA FLUVIAL SÃO PEDRO LTDA. - Outorga de Autorização. Relator: Fernando Antonio Brito Fialho; VII) Processo nº / RIO INTERPORT CONSULT ENGENHARIA LTDA. - Outorga de Autorização. Relator: Fernando Antonio Brito Fialho; VIII) Processo nº /2003 SUBSEA 7 DO BRASIL SERVIÇOS LTDA. - Renúncia, exclusivamente à classe de navegação de apoio portuário. Relator: Fernando Antonio Brito Fialho; IX) Processo nº / THYSSENKRUPP CSA COMPANHIA SIDERÚRGICA DO ATLÂNTICO Outorga de Autorização. Relator: Fernando Antonio Brito Fialho; X) Processo nº / GRL - GERÊNCIA DE RECURSOS LOGÍSTICOS Contratação de empresa especializada no fornecimento de passagens; XI) MEMO/Nº 054-SNI-08 de 08/07/2008 Solicita cessão do servidor JALBAS AIRES MANDUCA da Companhia Nacional de Abastecimento-CONAB, para exercer função nesta Agência; XII) MEMO/Nº 002-CE- PORT , de 08/07/2008 Recondução da Comissão Especial, CE-PORT 031/DG, de 22/02/2008, por 60 (sessenta) dias, referente ao Processo Administrativo Contencioso nº / ; XIII) MEMO/Nº 004-CE-PORT de 07/07/2008 Recondução da Comissão Especial, CE-PORT 040/DG, de 11/03/2008, por 60 (sessenta) dias, referente ao Processo Administrativo Contencioso nº / ; XIV) MEMO/Nº 0002-CE-PORT , de 18/07/2008 Prorrogação de prazo por 60 (sessenta) dias da Portaria nº 036/DG, de 27/02/2008, e reconstituída pela Portaria nº 093/DG, de 26/05/ Comissão Especial, referente ao Processo Adminstrativo Contencioso nº / ; XV) MEMO/Nº CE-PORT , de 14/07/ Prorrogação de prazo por 60 (sessenta) dias da Portaria nº 035/DG, de 27/02/2008 Comissão Especial, referente ao Processo

2 911 Administrativo Contencioso nº / ; XVI) MEMO/Nº 057-SNI-08, de 11/07/2008 Indicação do Gerente de Fiscalização da Navegação Interior Luiz Eduardo da Silva Alves, para proferir palestras no Seminário Internacional sobre Desarrollo de Puertos Fluviales e Hidrovias Organizado por Autoridades Portuárias Nacional do Peru (APN) e pela Comissão Interamericana de Portos (CIP), no período de 12 a 15 de Agosto de 2008, na cidade de Iquitos no Peru; XVII) Ad Referendum Portaria nº 115/DG, de 04/07/ Prorrogar por mais 30 (trinta) dias, o prazo para a conclusão dos trabalhos da Comissão Especial, constituída pela Portaria nº 166/2007- DG, de 30 de agosto de 2007, para apurar em Processo Administrativo Contencioso nº / ; XVIII) Ad Referendum Portaria nº 119/DG, de 17/07/2008 Designar o Procurador Federal, EDUARDO DA COSTA LIMA CALDAS MACHADO, para substituir o Coordenador de Contencioso Judicial e Administrativo, da Procuradoria-Geral da ANTAQ, no período de 21/07/2008 a 30/07/2008. Inicialmente, o Diretor-Geral, Fernando Fialho passou a palavra ao Diretor Murillo Barbosa que relatou o Processo nº / da EMPRESA DE NAVEGAÇÃO SOUZA LTDA. - ME., que solicita Outorga de Autorização para operar como empresa brasileira de navegação, na prestação de serviços de transporte misto, na navegação interior de percurso longitudinal interestadual. O assunto foi examinado pela área técnica da Superintendência de Navegação Interior que analisou a documentação apresentada pela empresa na fl. 55, e pela Procuradoria-Geral, que emitiu Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 320/2008-MLGA, manifestando-se pelo atendimento do pleito. Em seguida o Relator votou:..., pela expedição do competente Termo de Autorização para que a EMPRESA DE NAVEGAÇÃO SOUZA LTDA-ME;..., para operar como empresa brasileira de navegação interior, de percurso longitudinal interestadual, no transporte de passageiros e de serviço misto, na Bacia Amazônica, entre os municípios de Santarém/PA e Santana/AP e Santarém/PA e Manaus/AM, cumpridas as disposições da Resolução nº 912/ANTAQ, de 23/11/2007., de acordo com o voto das fls. 67 e 68 do referido Processo que integra a presente Ata como se nela estivesse transcrito. O Diretor-Geral, Fernando Fialho acompanhou o voto do Relator. Continuando, o Diretor Murillo Barbosa apresentou o Processo de Sindicância nº / , para apurar irregularidades no encerramento do Contrato de prestação de serviços de mensageria, celebrado com a empresa SIDARTA CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA, em face da liberação da caução sem a prévia comprovação da quitação de todos os encargos trabalhistas, referente aos empregados que prestam serviços nas dependências da ANTAQ. Ademais não houve consulta prévia à PRG desta Agência, referente a regularidade do procedimento. A Diretoria-Geral em sua 211ª Reunião Ordinária de 24/04/2008, aprovou a instauração de Procedimento Administrativo, designado pela Portaria nº 080/DG, de 07/05/2008. A Comissão concluiu que não houve irregularidades no encerramento do Processo, não existindo, por consegüinte, a materialidade de infrações nos fatos apurados, conforme se depreende do disposto nos autos do Processo nº / , como consequência, inexistindo a participação de qualquer servidor de forma desidiosa, opinando pelo arquivamento do feito. A Corregedoria analisou a matéria e solicitou o encaminhamento do Processo à Procuradoria-Geral para emissão de parecer jurídico, acerca da matéria elencada, com posterior envio à Diretoria para julgamento, à fl O Procurador Federal Carlos Afonso Rodrigues, em 09/06/2008, emitiu Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 281/2008-CARG, opinando no sentido de o processo encontra-se apto para receber a apreciação da Diretoria Colegiada, não se verificando qualquer vício de ordem processual nos trabalhos da Comissão Processante, podendo, motivadamente, acompanhar a

3 912 proposição da Comissão, para determinar o arquivamento do presente processo, ou determinar, mediante constituição de nova comissão, a instauração de procedimento administrativo disciplinar, conforme previsto na Lei nº 8.112/90, art Todavia alega em seu Parecer à necessidade de nova apreciação, pela Diretoria Colegiada, no que pertine à determinação de novo procedimento, destinado ao prosseguimento nas apurações ou pela deliberação de arquivamento do feito. O Relator em suas considerações tece os seguintes comentários: a) O Processo de Sindicância ocorreu tendo em vista a necessidade de apurar reclamação trabalhista proposta em face da interessada e a ANTAQ, por funcionários demitidos pela empresa contratada para prestação dos serviços de mensageria pela aludida empresa, tudo levando em consideração as irregularidades apontadas pela PRG-ANTAQ, conforme Parecer- PRG/ANTAQ/Nº 75/2008-CARG, de 15/02/2008; b) A Superintendência de Administração e Finanças, em face de irregularidades no cumprimento das obrigações contratuais e legais passou a reter os pagamentos das faturas apresentadas pela empresa. Em razão disso a SIDARTA impetrou Mandado de Segurança nº , objeto de liminar e sentença, em face das autoridades coatoras da ANTAQ, no qual ficou determinado a esta Agência que se abstivesse de reter o pagamento da fatura vencida, bem como as vincendas, caso o único óbice fosse a não comprovação de regularidade junto ao SICAF e a não apresentação de CND/INSS, na fl A ANTAQ, em cumprimento à decisão, e por orientação da Procuradoria-Geral, providenciou imediatamente o pagamento, objeto do litígio; c) O Relator entendeu que não houve desídia, nem tampouco má-fé dos servidores responsáveis pela fiscalização do contrato. Não comprovada qualquer mácula na conduta da fiscalização, não há que se perquirir responsabilidades; d) O parecerista desta disputa permanece opinando no feito, mesmo em oposição aos fatos apurados; e) Sendo assim, com base no princípio da impessoalidade, legalidade, entre outros, o Processo deveria ter sido distribuído à outros Procuradores; f) As exigências de garantias para a execução do Contrato devem ser sopesadas de forma a buscar maior eficiência para o interesse público, posto que tais valores dos títulos de crédito, adquiridos no mercado financeiro, são embutidos na proposta do licitante, como forma de garantir o adimplemento da avença. Conquanto, a garantia apresentada pela empresa não seja um título causal, cuja necessidade de comprovação está diretamente vinculada a uma causa específica, tal título de crédito foi indicado em decorrência de um processo licitatório, portanto, a ele vinculado. Sendo assim, após o encerramento do contrato esta apólice deve ser restituída à empresa, salvo se houver inadimplência da contratada. Não foi o que ocorreu no caso em discussão. Por tudo isso, considerando a necessidade de melhor posicionamento da Procuradoria-Geral da ANTAQ, observando, por analogia, a manifestação da área jurídica constante no Processo nº /2006-5, para que o Colegiado desta Agência possa indicar seu entendimento, o Diretor-Relator votou: 1) pelo arquivamento do processo de sindicância, em face da ausência de materialidade das infrações, por inexistência de participação de qualquer servidor de forma desidiosa; 2) pela recomendação à PRG para manifestação acerca da regularidade do feito, antes da assinatura de termo de encerramento do contrato; 3) pela recomendação ao Procurador-Geral para que as distribuições dos autos sejam feitas, visando a atender os princípios da impessoalidade e da isonomia, aleatoriamente, bem como, a imparcialidade dos posicionamentos; 4) por fim, sugiro que o Procurador-Geral deverá manifestar-se pessoalmente, podendo distribuir o Processo a outro Procurador, para que opine sobre os fatos, com a finalidade de evitar que o parecerista que opinou sobre situações contraditórias venha manifestar-se novamente., de acordo com o voto da fl.

4 do referido Processo que integra a presente Ata como se nela estivesse transcrito. O Diretor-Geral, Fernando Fialho acompanhou o voto do Relator. Prosseguindo, o Diretor Murillo Barbosa apresentou o Processo nº / , no qual a empresa JASMART SERVIÇOS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS LTDA. - ME, solicita renúncia da Autorização para operar como empresa brasileira de navegação na exploração de serviços de transportes na navegação de apoio portuário, à luz do que dispõe o Termo de Autorização nº 64, publicado no DOU de 15/10/2003. A JASMART solicitou a renúncia da autorização anteriormente concedida, evitando, por conseguinte sanções previstas em lei, conforme Processo de Fiscalização e posterior instauração de procedimento administrativo contencioso, do Processo em apenso nº / A Gerência de Outorga analisou a matéria e opinou pelo atendimento da solicitação, o que foi ratificado pela Superintendente de Navegação Marítima e de Apoio, na fl.160. A Procuradoria-Geral, no Parecer-PRG-ANTAQ/Nº 346/2008-NAC, entendeu terem sido observadas todas as formalidades legais, cabendo ser declarada a extinção da autorização por renúncia. Após apreciar a matéria, o Relator votou:..., pelo deferimento do pleito, concedendo a extinção da autorização, face a renúncia exibida, formulada pela empresa JASMART SERVIÇOS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS LTDA,..., extinguindo-se o Termo de Autorização nº 64, para explorar serviços de transportes na navegação de apoio portuário, nos termos do que dispõe a Subseção IV, da Seção, do Capítulo VI da Lei nº , de 05/06/2001., nos termos do voto da fls.147 do Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor-Geral acompanhou o voto do Relator. Continuando com a palavra, o Diretor Murillo Barbosa reportou-se ao Processo nº / , em que a empresa MASSEG ENGENHARIA E ASSESSORIA LTDA; solicita Autorização para operar como empresa brasileira de navegação interior, de percurso longitudinal interestadual, na prestação de serviços de transporte de resíduos, tipo borras oleosas, gerado nas usinas termelétricas e em navios, na Bacia Amazônica, nos trechos interestaduais de Manaus-AM a Porto Velho-RO e a Belém- PA, de competência da União. A área técnica da SNI examinou a matéria e verificou com base na documentação acostada ao Processo que a interessada cumpriu todas as exigências para a obtenção da Outorga, o que foi ratificado pela SNI em seu Despacho da fl. 90. A Procuradoria Jurídica no Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 341/2008-MLGA, considerou cumpridas as disposições da Resolução nº 356/ANTAQ, manifestando-se pela autorização pleiteada. Após tecer as considerações o Relator votou: pela expedição do competente Termo de Autorização para que a MASSEG TRANSPORTES E ASSESSORIA LTDA,..., para operar como empresa brasileira de navegação interior, de percurso longitudinal interestadual, na prestação de serviços de transporte de resíduos, tipo borras oleosas, gerado nas usinas termelétricas e em navios, na Bacia Amazônica, nos trechos interestaduais de Manaus-AM a Porto Velho-RO e a Belém- PA, cumpridas as disposições da Resolução nº 356-ANTAQ, de 20/12/2004., nos termos do voto da fl. 99 do Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor Fernando Fialho acompanhou o voto do Relator. Por último, o Diretor Murillo Barbosa reportou-se ao Processo nº / , da ANTAQ, versando sobre Proposta de Norma que tem por objeto estabelecer critérios e procedimentos que autoriza a prestação de serviços de transporte de passageiros, veículos e cargas, na navegação interior de travessia interestadual, internacional ou em diretriz de rodovia ou ferrovia federal. A matéria foi analisada pela Gerência de Desenvolvimento e Regulação da Navegação Interior que manifestou-se favorável à minuta de Resolução em questão, o que foi ratificado pela SNI à fl. 42 e opinou pelo

5 914 encaminhamento à Procuradoria-Geral para apreciação das novas alterações incorporadas. A Procuradoria-Geral emitiu Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 297/2008-FT, manifestando-se pela necessidade de incorporação de algumas normas, no que tange a extinção de outorga, necessidade de observância de tratados internacionais, adequação ao Novo Código Civil, entre outras. Posteriormente a GDR atendendo as orientações da PRG, submeteu a sugestão da norma ora indicada para manifestação do Superintendente de Navegação Interior, à fl. 92, no qual posicionou-se pelo encaminhamento ao Procurador-Geral. A Procuradoria-Geral, em seu Despacho da fl. 96, opinou pela regularidade da minuta de norma acima citada. Por tratar-se de Proposta de Norma, convocou-se a presença do Ouvidor, para manifestar-se sobre o assunto, o qual informou que a referida Proposta atende à expectativa da Ouvidoria da Agência. A Diretoria agradeceu a presença do Senhor Paulo Rodrigues Vieira que, ato contínuo, retirou-se. A Proposta de Norma acima citada, será submetida a audiência pública, por um prazo de 30 (trinta) dias para manifestação dos interessados. Após análise da matéria o Relator votou: pela aprovação de proposta de resolução para disciplinar a outorga de autorização para prestação de serviços de transporte de passageiros, veículos e cargas na navegação interior de travessia, e pelo deferimento de encaminhamento desta à audiência pública, pelo prazo de 30 (trinta) dias, à luz do que dispõe a Lei nº de 2001 e demais normas pertinentes ao caso., nos termos do voto da fl. 95 do Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor-Geral, Fernando Fialho acompanhou o voto do Relator. Dando prosseguimento, o Diretor-Geral, Fernando Fialho relatou o Processo nº / da EMPRESA FLUVIAL SÃO PEDRO LTDA; que trata de solicitação de autorização para operar como empresa brasileira de navegação, na navegação interior de travessia, na exploração de serviço de transporte de passageiros e cargas (incluso veículos) sobre o rio São Francisco, Bacia do São Francisco, entre os municípios de Neópolis-SE e de Penedo-AL. O assunto foi examinado pela Gerência de Outorga e Afretamento da Navegação Interior à fl. 88, manifestando-se pelo atendimento da Outorga pleiteada, uma vez que a referida empresa cumpre todas as disposições da Norma em vigor, o que foi ratificado pela SNI em seu Despacho da fl. 89 e pela Procuradoria-Geral no Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 343/2008-MLGA. Ao término de seu relatório votou: pelo acolhimento da sugestão da SNI, referendada pela PRG, pela emissão de termo de outorga de autorização para operar como empresa brasileira de navegação interior-ebni, explorando serviços de travessia, na exploração de serviços de transporte de passageiros e cargas (incluso veículos) sobre o Rio São Francisco, Bacia do Rio São Francisco, entre os municípios de Neópolis-SE e de Penedo-AL, à EMPRESA FLUVIAL SÃO PEDRO LTDA;..., por cumprir com as exigências estabelecidas na Portaria/MT nº 214, de 27/05/1998., de acordo com o voto da fl. 98 do referido Processo que integra a presente Ata como se nela estivesse transcrito. O Diretor Murillo Barbosa acompanhou o voto do Relator. Em seguida, foi relatado pelo Diretor-Geral o Processo nº / , no qual a empresa RIO INTERPORT CONSULT ENGENHARIA LTDA-EPP, solicita Outorga de Autorização para operar como Empresa Brasileira de Navegação de Apoio Portuário, operando exclusivamente embarcações sem propulsão ou com potência de até 800HP. Conforme análise da Gerência de Outorgas a empresa acima citada cumpre as exigências da Resolução nº 843/ANTAQ, o que foi corroborado pela SNM em seu Despacho na fl. 93 e pela Procuradoria-Geral no Parecer-PRG/ANTAQ Nº 319/2008- MLGA. O Relator votou: pela emissão de Termo de Autorização para operar como empresa brasileira de navegação prestando serviços na navegação de apoio portuário,

6 915 operando exclusivamente embarcações sem propulsão ou com potência de até 800HP, outorgando-o à empresa RIO INTERPORT CONSULT ENGENHARIA LTDA-EPP,..., neste ato representada, por seu sócio administrador Sr. Eduardo Guedes Figueiredo., de acordo com o voto da fl. 102 do Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor Murillo Barbosa acompanhou o voto do Relator. Em continuidade, o Diretor-Geral Fernando Fialho referiu-se ao Processo nº /2003 da empresa SUBSEA 7 DO BRASIL SERVIÇOS LTDA, que versa sobre o Pedido de Renúncia da Outorga para operar como EBN na modalidade de apoio portuário, permanecendo a autorização para operar na navegação de apoio marítimo. A empresa está autorizada a operar como EBN, na navegação de Apoio Marítimo e de Apoio Portuário, de acordo com a Resolução nº 096-ANTAQ e Termo de Autorização nº 043-ANTAQ, ambos publicados no DOU de 03/07/2003. A SNM em seu Despacho na fl. 766 e a Procuradoria-Geral em seu Parecer-PRG/ANTAQ Nº 185/2008-HRBJ, opinaram pelo deferimento do pedido, no sentido de ser extinta, por renúncia da empresa SUBSEA 7 DO BRASIL SERVIÇOS LTDA; a outorga de autorização para operar como EBN na modalidade Apoio Portuário, permanecendo apenas a autorização para operar na navegação de Apoio Marítimo. Em seguida, o Relator votou: pelo deferimento do aditamento de forma a excluir do Termo de Autorização da empresa SUBSEA 7 DO BRASIL SERVIÇOS LTDA,..., à modalidade de Navegação de Apoio Portuário, permanecendo somente sua autorização para operar na navegação de Apoio Marítimo., nos termos do voto da fl. 774 do Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor Murillo Barbosa acompanhou o voto do Relator. Em sequência, o Diretor-Relator apresentou o seu relatório concernente ao Processo nº / , tratando de solicitação pela empresa THYSSENKRUPP CSA - COMPANHIA SIDERÚRGICA, no sentido de que a ANTAQ se manifeste quanto à Autorização excepcional, para proceder o desembarque de 2 (dois) guindastes para movimentação de carvão em seu terminal portuário. A empresa THYSSENKRUPP CSA - COMPANHIA SIDERÚRGICA, detém Autorização da ANTAQ, por meio do Termo de Autorização nº 352-ANTAQ, e Resolução nº 781-ANTAQ, para a construção e exploração de terminal portuário de uso privativo misto, localizado em Santa Cruz, no Estado do Rio de Janeiro. Foi realizada vistoria no local por técnicos da SPO e da UARRJ, conforme relatório de fls. 505/514, onde se conclui pela possibilidade de que esta Agência autorize em caráter excepcional o desembarque dos guindastes pela TKCSA, condicionada à liberação do tráfego marítimo do canal e bacia de evolução pela autoridade marítima local. Após exame da documentação apresentada nas fls. 517/526 e dos entendimentos havidos com a alfândega e a Capitania dos Portos, a SPO em seu Despacho da fl. 527, manifestou-se favorável ao atendimento do pleito, o que foi corroborado pela Procuradoria-Geral no Parecer-PRG/ANTAQ/Nº 362-AGLJ, de 22/07/2008. Após apreciar a matéria o Relator votou: pelo deferimento do pedido da empresa THYSSENKRUPP CSA COMPANHIA SIDERÚRGICA,..., autorizando em caráter extraordinário, de acordo com o art. 49 da Lei nº de 2001, para a operação de descarga dos referidos guindastes em seu terminal autorizado e em construção, condicionada à liberação do tráfego marítimo do canal da bacia de evolução pela autoridade marítima local.", de acordo com o voto da fl. 532 do referido Processo que integra a presente Ata independentemente de transcrição. O Diretor Murillo Barbosa votou como segue: Acompanho o voto do Relator. Em continuidade, o Diretor-Geral, Fernando Fialho referiu-se ao Processo n / da Gerência de Recursos Logísticos, referente à contratação de empresa especializada para emissão

7 916 de passagens aéreas, terrestres, fluviais e marítimas, em âmbito nacional e internacional, para atendimento das necessidades de viagem de servidores e colaboradores da ANTAQ, em conformidade com a SCDP Sistema de Concessão de Diárias e Passagens, instituído no âmbito do Governo Federal através do Decreto nº 6.258, de 19/11/2007. A Gerência de Recursos Logísticos elaborou o Termo de Referência, as minutas de Edital e de Contrato, bem como seus anexos, foi também adicionadas na Minuta de Edital as alíneas e e f, relativas ao atestado de capacidade técnica, e a alínea g, relativa ao comprovante de cadastramento no Ministério do Turismo. A Diretoria Colegiada apreciou e aprovou o Termo de Referência e as Minutas acima citadas, com a orientação à SAF, de que o mesmo seja encaminhado para análise na Procuradoria-Geral da inclusão, no Termo de Referência, do seguro-viagem para as viagens internacionais, tendo em vista a exigência em alguns países, principalmente na Europa. Ainda na Ordem do Dia, foi apresentado pelo Diretor-Geral o MEMO/Nº 054/SNI, de 08/07/2008, no qual solicita autorizar a requisição do servidor da CONAB, JALBAS AIRES MANDUCA para exercer função nesta Agência, o que foi aprovado pela Diretoria Colegiada. Prosseguindo, apresentou também os Memos a seguir a) MEMO/Nº 002-CE-PORT , de 08/07/2008, que trata da recondução da Comissão Especial, CE-PORT , de 22/02/2008, por 60 (sessenta) dias, referente ao Processo Administrativo Contencioso nº / ; b) MEMO/Nº 004-CE-PORT de 07/07/200, que trata da recondução da Comissão Especial, CE-PORT 040/DG, de 11/03/2008, por 60 (sessenta) dias, referente ao Processo Administrativo Contencioso nº / ; c) MEMO/Nº 0002-CE-PORT , de 18/07/2008, referente prorrogação de prazo por 60 (sessenta) dias da Portaria nº 036/DG, de 27/02/2008, e reconstituída pela Portaria nº 093/DG, de 26/05/2008, da Comissão Especial, referente ao Processo Adminstrativo Contencioso nº / ; d) MEMO/Nº CE-PORT , de 14/07/2008, que trata da prorrogação de prazo por 60 (sessenta) dias da Portaria nº 035/DG, de 27/02/2008, da Comissão Especial, referente ao Processo Administrativo Contencioso nº / A Diretoria Colegiada, após apreciar o assunto, aprovou os Memorandos acima citados. Em seguida, o Diretor-Geral apresentou o MEMO/Nº 057/SNI, de 11/07/2008, que versa sobre a indicação do Gerente de Fiscalização da Navegação Interior, Luiz Eduardo da Silva Alves, para proferir palestras no Seminário Internacional sobre Desarrollo de Puertos Fluviales e Hidrovias Organizado por Autoridades Portuárias Nacional do Peru (APN) e pela Comissão Interamericana de Portos (CIP), no período de 12 a 15 de Agosto de 2008, na cidade de Iquitos no Peru, ficando assim, aprovado pela Diretoria Colegiada. Extrapauta, foi aprovada pela Diretoria Colegiada a indicação do servidor HERBERT KOEHNE DE CASTRO para participar do MEDITERRANEAN DAYS OF COASTAL AND PORT ENGINEERING a ser realizado nos dias 6, 7, 8 e 9 de outubro de 2008, em Palermo na Itália. Por último, foi ratificado pela Diretoria Colegiada as Portarias aprovadas ad referendum da Diretoria a seguir: a) Portaria Nº 115/2008-DG, de 04/07/2008, que prorrogou por mais 30 (trinta) dias, o prazo para a conclusão dos trabalhos da Comissão Especial, constituída pela Portaria nº 166/2007-DG, de 30 de agosto de 2007, para apurar em Processo Administrativo Contencioso, supostas irregularidades, considerando o que consta do Processo nº / ; b) Portaria Nº 119/2008-DG, de 17/07/2008, que designou o Procurador Federal, Eduardo da Costa Lima Caldas Machado, matrícula Siape nº , para substituir o Coordenador de Contencioso Judicial e Administrativo, da Procuradoria-Geral da ANTAQ, no período de 21/07/2008 a 30/07/2008.

8 917 Nada mais havendo a tratar, o Diretor-Geral deu por encerrado os trabalhos, convocando os Senhores Diretores para nova Reunião a realizar-se na Sede da Agência, em dia e hora a confirmar posteriormente. E, para constar, foi lavrada a presente Ata que, depois de lida e julgada conforme, vai assinada pelos Senhores Diretores e por mim, Secretário-Geral. FERNANDO ANTONIO BRITO FIALHO Diretor-Geral MURILLO DE MORAES REGO CORRÊA BARBOSA Diretor AGUINALDO JOSÉ TEIXEIRA Secretário-Geral

ATA DA 216ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ.

ATA DA 216ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. 902 ATA DA 216ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 03 dias do mês de Julho de 2008, às 10h, realizou-se, na Sede da Agência, a 216ª Reunião Ordinária

Leia mais

ATA DA 239ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ.

ATA DA 239ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. 1131 ATA DA 239ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos treze dias do mês de abril de 2009, às 16h, realizou-se, na Sede da Agência, a 239ª Reunião Ordinária

Leia mais

ATA DA 175ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ.

ATA DA 175ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. 599 ATA DA 175ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos dezoito dias do mês de janeiro de 2007, às 14:00h, realizou-se, na Sede da Agência, a 175ª Reunião

Leia mais

ATA DA 232ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ.

ATA DA 232ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. 1088 ATA DA 232ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos doze dias do mês de fevereiro de 2009, às 15h, realizou-se, na Sede da Agência, a 232ª Reunião

Leia mais

21 ATA DA 303ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte dias do mês de outubro de 2011, às 10h,

21 ATA DA 303ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte dias do mês de outubro de 2011, às 10h, 21 ATA DA 303ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte dias do mês de outubro de 2011, às 10h, realizou-se, na Sede da Agência, a 303ª Reunião Ordinária

Leia mais

Agência Nacional de Transportes Aquaviários ANTAQ Relação de Serviços

Agência Nacional de Transportes Aquaviários ANTAQ Relação de Serviços Agência Nacional de Transportes Aquaviários ANTAQ Relação de Serviços SUPERINTENDÊNCIA DE FISCALIZAÇÃO 1. FISCALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DAS ADMINISTRAÇÕES PORTUÁRIAS E DOS SERVIÇOS PRESTADOS NO ÂMBITO DOS

Leia mais

104 ATA DA 311ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos quinze dias do mês de março de 2012, às 15h,

104 ATA DA 311ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos quinze dias do mês de março de 2012, às 15h, 104 ATA DA 311ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos quinze dias do mês de março de 2012, às 15h, realizou-se, na Sede da ANTAQ, a 311ª Reunião Ordinária

Leia mais

36 ATA DA 326ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 31º dia do mês de outubro de 2012, às 11h,

36 ATA DA 326ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 31º dia do mês de outubro de 2012, às 11h, 36 ATA DA 326ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 31º dia do mês de outubro de 2012, às 11h, realizou-se, na Sede da ANTAQ, a 326ª Reunião Ordinária

Leia mais

2 ATA DA 323ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 2º dia do mês de outubro de 2012, às 11h,

2 ATA DA 323ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 2º dia do mês de outubro de 2012, às 11h, 2 ATA DA 323ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Ao 2º dia do mês de outubro de 2012, às 11h, realizou-se, na Sede da ANTAQ, a 323ª Reunião Ordinária de

Leia mais

Agência Nacional de Transportes Aquaviários PRÁTICAS REGULADORAS NOS TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS

Agência Nacional de Transportes Aquaviários PRÁTICAS REGULADORAS NOS TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS Agência Nacional de Transportes Aquaviários PRÁTICAS REGULADORAS NOS TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS ESPEDITO SALES e CLELIA MAROUELLI Especialista em Regulação A AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS Criada

Leia mais

10 ATA DA 302ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte e nove dias do mês de setembro de 2011,

10 ATA DA 302ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte e nove dias do mês de setembro de 2011, 10 ATA DA 302ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos vinte e nove dias do mês de setembro de 2011, às 15h, realizou-se, na Sede da Agência, a 302ª Reunião

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1021-ANTAQ, DE 24 DE ABRIL DE 2008.

RESOLUÇÃO Nº 1021-ANTAQ, DE 24 DE ABRIL DE 2008. RESOLUÇÃO Nº 1021-ANTAQ, DE 24 DE ABRIL DE 2008. ALTERA O REGIMENTO INTERNO DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ, APROVADO PELA RESOLUÇÃO Nº 646-ANTAQ, DE 06 DE OUTUBRO DE 2006, E DÁ OUTRA

Leia mais

PORTARIA MME Nº 349, DE 28 DE NOVEMBRO DE 1997

PORTARIA MME Nº 349, DE 28 DE NOVEMBRO DE 1997 PORTARIA MME Nº 349, DE 28 DE NOVEMBRO DE 1997 Aprova o regimento interno da Agência Nacional de Energia Elétrica ANEEL. (com anexo) O MINISTRO DE ESTADO DE MINAS E ENERGIA, no uso da atribuição que lhe

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 3681 - ANTAQ, DE 6 DE OUTUBRO DE 2014.

RESOLUÇÃO Nº 3681 - ANTAQ, DE 6 DE OUTUBRO DE 2014. RESOLUÇÃO Nº 3681 - ANTAQ, DE 6 DE OUTUBRO DE 2014. APROVA A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL E OS PROCEDIMENTOS DE ASSESSORAMENTO E CONSULTORIA JURÍDICA DA PROCURADORIA FEDERAL JUNTO À AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES

Leia mais

CAPÍTULO I DEFINIÇÕES. Art. 2º Para os fins desta portaria, considera-se:

CAPÍTULO I DEFINIÇÕES. Art. 2º Para os fins desta portaria, considera-se: Estabelece regras e procedimentos para a transferência de controle societário ou de titularidade e para a alteração do nome empresarial de contrato de concessão de porto organizado ou de arrendamento de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA UNILA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA UNILA CONSELHO UNIVERSITÁRIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA UNILA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N 025/2014 DE 09 DE JULHO DE 2014 Dispõe sobre as atribuições e designações dos procedimentos

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 4.190-ANTAQ, DE 24 DE JUNHO DE 2015.

RESOLUÇÃO Nº 4.190-ANTAQ, DE 24 DE JUNHO DE 2015. RESOLUÇÃO Nº 4.190-ANTAQ, DE 24 DE JUNHO DE 2015. APROVA A PROPOSTA DE NORMA QUE DISPÕE SOBRE O PARCELAMENTO E A RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS ADMINISTRADOS PELA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS ANTAQ.

Leia mais

GENILDO LINS DE ALBUQUERQUE NETO

GENILDO LINS DE ALBUQUERQUE NETO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 126, DE 25 DE JUNHO DE 2014 O MINISTRO DE ESTADO DAS COMUNICAÇÕES Interino, no uso das atribuições que lhe confere o inciso II do parágrafo

Leia mais

Seminário Internacional sobre Hidrovias

Seminário Internacional sobre Hidrovias Seminário Internacional sobre Hidrovias Estação de Transbordo de Cargas ETC Instalação Portuária Pública de Pequeno Porte IP4 Navegação Interior Navegação Marítima e Apoio Portuário Esfera de atuação ANTAQ

Leia mais

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO RESOLUÇÃO N 6, DE 10 DE MARÇO DE 2004 O Conselho de Administração do DNIT Departamento Nacional

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.557 - ANTAQ, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2009.

RESOLUÇÃO Nº 1.557 - ANTAQ, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2009. RESOLUÇÃO Nº 1.557 - ANTAQ, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2009. APROVA A PROPOSTA DE NORMA PARA DISCIPLINAR O CRITÉRIO REGULATÓRIO PARA A COMPROVAÇÃO DA OPERAÇÃO COMERCIAL DE EMBARCAÇÕES PELA EMPRESA BRASILEIRA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 001/2010

RESOLUÇÃO Nº 001/2010 RESOLUÇÃO Nº 001/2010 ALTERA O REGIMENTO INTERNO DA OUVIDORIA DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS. O COLÉGIO DE PROCURADORES DE JUSTIÇA, no uso das atribuições conferidas pelo artigo 18, inciso XVII,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO CAPÍTULO I - CONCEITO E FINALIDADE Art. 1º O Conselho de Administração é o órgão de orientação geral dos negócios e serviços da Caixa Econômica Federal, responsável

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO RELATOR - CONSELHEIRO ANTONIO ROQUE CITADINI 12ª SESSÃO ORDINÁRIA DA SEGUNDA CÂMARA, DIA 06/05/2014 ITENS: 35 e 36 Processo: TC-006335/026/10 Representante(s): Albatroz Segurança e Vigilância Ltda., por

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURENTINO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE COMAM REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURENTINO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE COMAM REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE PREFEITURA MUNICIPAL DE LAURENTINO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE COMAM REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE APRESENTADO PARA SER DISCUTIDO E APROVADO na reunião do Conselho CAPÍTULO

Leia mais

ATA DA 1521ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA

ATA DA 1521ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA 2561 ATA DA 1521ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA Às onze horas do dia dezoito do mês de janeiro do ano de dois mil e doze,

Leia mais

BOLETIM ADMINISTRATIVO Nº 020 DE 12 a 16/05/14

BOLETIM ADMINISTRATIVO Nº 020 DE 12 a 16/05/14 Leia-se:...Art. 1º DELEGAR COMPETÊNCIA e as responsabilidades decorrentes ao Superintendente Regional do DNIT nos estados de Goiás e Distrito Federal para Lavrar o Termo Aditivo de Prorrogação de prazo,

Leia mais

COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS - CEUA REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS - CEUA REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAPÍTULO I DA NATUREZA Art. 1 - A Comissão de Ética no Uso de Animal da Universidade Federal do Pampa (Unipampa/CEUA),

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57 PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57 TC-039329/026/12 Contratante: Empresa de Transporte Coletivo de Diadema ETCD. Contratada: Ipiranga Produtos de Petróleo S/A. Autoridade Responsável pela Abertura

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO GRUPO TÉCNICO DE PADRONIZAÇÃO DE RELATÓRIOS. CAPÍTULO I Da Natureza e Finalidade

REGIMENTO INTERNO DO GRUPO TÉCNICO DE PADRONIZAÇÃO DE RELATÓRIOS. CAPÍTULO I Da Natureza e Finalidade MINISTÉRIO DA FAZENDA REGIMENTO INTERNO DO GRUPO TÉCNICO DE PADRONIZAÇÃO DE RELATÓRIOS CAPÍTULO I Da Natureza e Finalidade Art. 1º O Grupo Técnico de Padronização de Relatórios, instituído pela Portaria

Leia mais

CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS. Art. 2º Para os efeitos desta Norma, considera-se:

CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS. Art. 2º Para os efeitos desta Norma, considera-se: ANEXO DA RESOLUÇÃO Nº 858-ANTAQ, DE 23 DE AGOSTO 2007. NORMA SOBRE A FISCALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELA ADMINISTRAÇÃO PORTUÁRIA NA EXPLORAÇÃO DE PORTOS PÚBLICOS. (Alterada pela Resolução nº

Leia mais

Ata da 572ª Reunião da Diretoria

Ata da 572ª Reunião da Diretoria Ata da 572ª Reunião da Diretoria Aos 11 (onze) dias do mês de fevereiro do ano de 2014 (dois mil e quatorze), às 16h35min (dezesseis horas e trinta e cinco minutos), em sua Sede, Sala de Reunião da Diretoria-

Leia mais

FUNCASAL REGIMENTO INTERNO CONSELHO FISCAL

FUNCASAL REGIMENTO INTERNO CONSELHO FISCAL FUNCASAL REGIMENTO INTERNO CONSELHO FISCAL dezembro/2008 Capítulo I Da competência do Conselho Fiscal Art. 1º Como órgão de controle interno da EFPC, compete ao Conselho Fiscal, na forma estabelecida no

Leia mais

INDEXAÇÃO Representação; Licitação; INPI; Concorrência; Edital; Capacidade Técnica; Atestado; Prestação de Serviços; Assistência Médica;

INDEXAÇÃO Representação; Licitação; INPI; Concorrência; Edital; Capacidade Técnica; Atestado; Prestação de Serviços; Assistência Médica; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-1027-47/00-P Identidade do documento: Decisão 1027/2000 - Plenário Ementa: Representação formulada por licitante. Possíveis irregularidades praticadas

Leia mais

ANEXO REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CAPÍTULO I DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

ANEXO REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CAPÍTULO I DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL ANEXO REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CAPÍTULO I DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Art. 1º Comissão de Ética do Ministério da Educação MEC, constituída pela Portaria nº de 623

Leia mais

INFORMATIVO DA PROCURADORIA FEDERAL JUNTO À ANTAQ

INFORMATIVO DA PROCURADORIA FEDERAL JUNTO À ANTAQ INFORMATIVO DA PROCURADORIA FEDERAL JUNTO À ANTAQ Procurador Geral: Glauco Alves Cardoso Moreira Subprocurador Geral: Fábio Gustavo Alves de Sá Adjunto Geral: Prudêncio Alves da Silva Adjunta de Ações

Leia mais

PORTARIA Nº 486, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2012

PORTARIA Nº 486, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2012 Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Gabinete da Presidência PORTARIA Nº 486, DE 29 DE NOVEMBRO DE 2012 Aprova o Regimento Interno do Conselho Consultivo do Patrimônio

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CMC/ IFAM CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA FORNECIMENTO DE PASSAGENS AÉREAS, FLUVIAIS E TERRESTRES.

TERMO DE REFERÊNCIA CMC/ IFAM CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA FORNECIMENTO DE PASSAGENS AÉREAS, FLUVIAIS E TERRESTRES. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DOAMAZONAS CAMPUS MANAUS CENTRO - CMC DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 3285 -ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2014.

RESOLUÇÃO Nº 3285 -ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2014. RESOLUÇÃO Nº 3285 -ANTAQ, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2014. APROVA A NORMA PARA OUTORGA DE AUTORIZAÇÃO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, VEÍCULOS E CARGAS NA NAVEGAÇÃO INTERIOR DE TRAVESSIA

Leia mais

PORTARIA Nº 281, DE 16 DE JUNHO DE 2015

PORTARIA Nº 281, DE 16 DE JUNHO DE 2015 PORTARIA Nº 281, DE 16 DE JUNHO DE 2015 Aprova o anexo Regimento Interno do Fórum Permanente para o Transporte Rodoviário de Cargas. O SECRETÁRIO-EXECUTIVO, SUBSTITUTO, DO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES, no

Leia mais

CAPÍTULO III - DA ORGANIZAÇÃO Art. 3º. - O CEMACT funciona através do Plenário, das Câmaras Técnicas, comissões e Secretaria Administrativa.

CAPÍTULO III - DA ORGANIZAÇÃO Art. 3º. - O CEMACT funciona através do Plenário, das Câmaras Técnicas, comissões e Secretaria Administrativa. REGIMENTO DO CEMACT REGIMENTO INTERNO DO CEMACT CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. - Este Regimento estabelece as formas de organização e funcionamento do conselho Estadual de Meio Ambiente,

Leia mais

1 ATA DA 357ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 27 dias do mês de fevereiro de 2014, às 16h,

1 ATA DA 357ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 27 dias do mês de fevereiro de 2014, às 16h, 1 ATA DA 357ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 27 dias do mês de fevereiro de 2014, às 16h, realizou-se, na Sede da ANTAQ, a 357ª Reunião Ordinária

Leia mais

Art. 2º O Anexo de que trata o Art. 1º não entrará em vigor, devendo ser submetido à audiência pública.

Art. 2º O Anexo de que trata o Art. 1º não entrará em vigor, devendo ser submetido à audiência pública. RESOLUÇÃO No- 1.314-ANTAQ, DE 26 DE MARÇO DE 2009 Aprova a proposta de norma para disciplinar o afretamento de embarcação por empresa brasileira de navegação para o transporte de carga no tráfego de longo

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO ESCOLA MUNICIPAL DE GOVERNO

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO ESCOLA MUNICIPAL DE GOVERNO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO ESCOLA MUNICIPAL DE GOVERNO SÃO CARLOS 2011 SUMÁRIO TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º a 3º... 3 Capítulo I Da Natureza (art. 1º)... 3 Capítulo II Da Finalidade

Leia mais

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Gabinete do Ministro. PORTARIA nº 3.746, de 17 de dezembro de 2004.

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Gabinete do Ministro. PORTARIA nº 3.746, de 17 de dezembro de 2004. PORTARIA nº 3.746, de 17 de dezembro de 2004. Institui o programa de transparência do Ministério da Justiça e estabelece medidas internas para aperfeiçoar os instrumentos preventivos de controle da atividade

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DO MARAJÓ BREVES FACULDADE DE MATEMÁTICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DO MARAJÓ BREVES FACULDADE DE MATEMÁTICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CAMPUS UNIVERSITÁRIO DO MARAJÓ BREVES FACULDADE DE MATEMÁTICA REGIMENTO INTERNO DA FACULDADE DE MATEMÁTICA, CAMPUS UNIVERSITÁRIO DO MARAJÓ BREVES, UFPA.

Leia mais

PORTARIA Nº 488, DE 22 DE MAIO DE 2012

PORTARIA Nº 488, DE 22 DE MAIO DE 2012 PORTARIA Nº 488, DE 22 DE MAIO DE 2012 Business Online Comunicação de Dados Disciplina a distribuição da competência para licitação e contratação entre a Administração Central e as respectivas Superintendências

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 38/2013/Consup Florianópolis, 07 de outubro de 2013.

RESOLUÇÃO Nº 38/2013/Consup Florianópolis, 07 de outubro de 2013. RESOLUÇÃO Nº 38/2013/Consup Florianópolis, 07 de outubro de 2013. A PRESIDENTE DO DO IF-SC no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo Decreto de 15/12/2011, publicado no DOU de 16/12/2011 e atendendo

Leia mais

A Regulação em proveito da Segurança e da Qualidade dos Serviços de Transporte Fluvial de Passageiros

A Regulação em proveito da Segurança e da Qualidade dos Serviços de Transporte Fluvial de Passageiros Agência Nacional de Transportes Aquaviários I Simpósio da Amazônia de Segurança no Transporte Regional Fluvial A Regulação em proveito da Segurança e da Qualidade dos Serviços de Transporte Fluvial de

Leia mais

ATO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO: RC - Resolução do CONSAD. Resolução n. 65, de 19 de maio de 2015.

ATO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO: RC - Resolução do CONSAD. Resolução n. 65, de 19 de maio de 2015. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO Avenida Presidente Tancredo Neves, 2501 Terra Firme Cep: 66077-530 - Belém/Pará Tel.: (91)3210-5165/3210-5166

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. PORTARIA Nº CF-POR-2012/00116 de 11 de maio de 2012

PODER JUDICIÁRIO. PORTARIA Nº CF-POR-2012/00116 de 11 de maio de 2012 PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL CONSELHO DA JUSTIÇA FEDERAL PORTARIA Nº CF-POR-2012/00116 de 11 de maio de 2012 Dispõe sobre a composição, o funcionamento e as atribuições dos Comitês Gestores do Código

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CONSELHO DE AUTORIDADE PORTUÁRIA PORTOS DE SALVADOR E ARATU SUMÁRIO

REGIMENTO INTERNO CONSELHO DE AUTORIDADE PORTUÁRIA PORTOS DE SALVADOR E ARATU SUMÁRIO REGIMENTO INTERNO CONSELHO DE AUTORIDADE PORTUÁRIA SUMÁRIO CAPÍTULO I - COMPETÊNCIA ART. 1º CAPÍTULO II - COMPOSIÇÃO ART. 2º a 4º CAPÍTULO III - REQUISITOS E IMPEDIMENTOS ART. 5º a 6º CAPÍTULO IV - DEVERES

Leia mais

MINUTA FUNDAÇÃO DE APOIO A SERVIÇOS TÉCNICOS, ENSINO E FOMENTO A PESQUISAS REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS

MINUTA FUNDAÇÃO DE APOIO A SERVIÇOS TÉCNICOS, ENSINO E FOMENTO A PESQUISAS REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS MINUTA FUNDAÇÃO DE APOIO A SERVIÇOS TÉCNICOS, ENSINO E FOMENTO A PESQUISAS REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS Art. 1º A FUNDAÇÃO DE APOIO A SERVIÇOS TÉCNICOS, ENSINO E FOMENTO A PESQUISAS -

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 021/2007 DO CONSELHO SUPERIOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG

RESOLUÇÃO Nº 021/2007 DO CONSELHO SUPERIOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas. UNIFAL-MG Comissão Permanente de Propriedade Intelectual RESOLUÇÃO Nº 021/2007 DO CONSELHO SUPERIOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG

Leia mais

Entidade: Órgão de Origem: Secretaria do Estado da Justiça e Cidadania de Santa Catarina

Entidade: Órgão de Origem: Secretaria do Estado da Justiça e Cidadania de Santa Catarina Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0776-48/99-P Identidade do documento: Decisão 776/1999 - Plenário Ementa: Inspeção. Secretaria de Justiça de Santa Catarina. Pedido de reexame de decisão

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO - CTIC

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO - CTIC REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO - CTIC APROVAÇÃO: Resolução DIREX nº 110/2013, de 08/07/2013 REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO

Leia mais

PROCESSO PGT/CCR/PP/N. INTERESSADO 3: GULF MARINE SERVIÇOS MARÍTIMOS DO BRASIL LTDA. ASSUNTO: JORNADA DE TRABALHO AQUAVIÁRIOS. JORNADA DE TRABALHO

PROCESSO PGT/CCR/PP/N. INTERESSADO 3: GULF MARINE SERVIÇOS MARÍTIMOS DO BRASIL LTDA. ASSUNTO: JORNADA DE TRABALHO AQUAVIÁRIOS. JORNADA DE TRABALHO PROCESSO PGT/CCR/PP/N. 10242/2009 ORIGEM: PROCURADORIA REGIONAL DE CABO FRIO PROCURADOR OFICIANTE: BRENO DA SILVA MAIA FILHO INTERESSADO 1: PROCURADORIA REGIONAL DE CABO FRIO INTERESSADO 2: AGÊNCIA MARÍTIMA

Leia mais

Resolução nº 194 RESOLUÇÃO Nº 194-ANTAQ, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2004.

Resolução nº 194 RESOLUÇÃO Nº 194-ANTAQ, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2004. RESOLUÇÃO Nº 194-ANTAQ, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2004. APROVA A NORMA PARA A HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO OPERACIONAL ENTRE EMPRESAS BRASILEIRAS E ESTRANGEIRAS DE NAVEGAÇÃO PARA TROCA DE ESPAÇOS NO TRANSPORTE MARÍTIMO

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010.

INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010. AUDITORIA GERAL DO ESTADO ATOS DO AUDITOR-GERAL INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010. Estabelece normas de organização e apresentação das prestações de contas de convênios que impliquem

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DA NATUREZA E MISSÃO

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DA NATUREZA E MISSÃO Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DA NATUREZA E MISSÃO Art. 1º O CENTRO BRASILEIRO DE PESQUISA EM AVALIAÇÃO E SELEÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS (CEUA) DO CENTRO NACIONAL DE PESQUISA EM ENERGIA E MATERIAIS - CNPEM

REGULAMENTO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS (CEUA) DO CENTRO NACIONAL DE PESQUISA EM ENERGIA E MATERIAIS - CNPEM REGULAMENTO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS (CEUA) DO CENTRO NACIONAL DE PESQUISA EM ENERGIA E MATERIAIS - CNPEM CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADE Art. 1º A CEUA Comissão de Ética no Uso de Animais

Leia mais

Art. 1º Fica aprovado, na forma do Anexo, o Regimento Interno do Conselho Nacional de Arquivos - CONARQ. JOSÉ EDUARDO CARDOZO ANEXO

Art. 1º Fica aprovado, na forma do Anexo, o Regimento Interno do Conselho Nacional de Arquivos - CONARQ. JOSÉ EDUARDO CARDOZO ANEXO PORTARIA Nº 2.588, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2011 Aprova o Regimento Interno do Conselho Nacional de Arquivos O MINISTRO DE ESTADO DA JUSTIÇA, no uso de suas atribuições previstas nos incisos I e II do parágrafo

Leia mais

Universidade Positivo Resolução n o 04 de 16/04/2010 Normas Acadêmicas do Stricto Sensu

Universidade Positivo Resolução n o 04 de 16/04/2010 Normas Acadêmicas do Stricto Sensu RESOLUÇÃO N o 04 de 16/04/2010 - CONSEPE Dispõe sobre as normas das atividades acadêmicas dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu da Universidade Positivo. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão,

Leia mais

RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015

RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015 RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015 Altera o Regimento Interno da Comissão Própria de Avaliação (CPA) das Faculdades Ponta Grossa. A Presidente do Conselho Superior de Administração das Faculdades

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS

AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS PORTARIA ANP Nº 251, DE 7.11.2000 - DOU 8.11.2000 - REPUBLICADA DOU 4.2.2002 E 7.2.2002 Estabelece critérios para o livre acesso, por terceiros

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS. CAMPUS DE SOUSA LTDA.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS. CAMPUS DE SOUSA LTDA. UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS. CAMPUS DE SOUSA CONTRATO N 13/2013. PROCESSO n 23096.002834/13-65 CONTRATO N 13/2013 QUE ENTRE SI CELEBRAM O CENTRO DE CIÊNCIAS

Leia mais

á Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

á Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos á Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.465, DE 8 DE JUNHO DE 2015 Regulamenta o 1º do art. 62 da Lei nº 12.815, de 5 de junho de 2013, para dispor sobre os

Leia mais

PROCESSO: 0000108-40.2010.5.01.0482 - RTOrd A C Ó R D Ã O 4ª Turma

PROCESSO: 0000108-40.2010.5.01.0482 - RTOrd A C Ó R D Ã O 4ª Turma Multa de 40% do FGTS A multa em questão apenas é devida, nos termos da Constituição e da Lei nº 8.036/90, no caso de dispensa imotivada, e não em qualquer outro caso de extinção do contrato de trabalho,

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES PROCESSO Nº: UNIDADE GESTORA: RESPONSÁVEIS: INTERESSADO: ASSUNTO: RELATÓRIO REINSTRUÇÃO: DE ELC-14/00549369

Leia mais

Formulário de Cadastro da Empresa Brasileira de Navegação

Formulário de Cadastro da Empresa Brasileira de Navegação Requerimento de outorga de autorização para a prestação de serviço de transporte de passageiros e de serviço de transporte misto na navegação interior de percurso longitudinal interestadual e internacional.

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0025626-79.2012.4.03.0000/SP

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0025626-79.2012.4.03.0000/SP AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0025626-79.2012.4.03.0000/SP 2012.03.00.025626-2/SP RELATOR AGRAVANTE ADVOGADO AGRAVADO ORIGEM No. ORIG. : Juiz Convocado PAULO DOMINGUES : VPK PARTICIPACOES E SERVICOS PORTUARIOS

Leia mais

ATA DA 1625ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA

ATA DA 1625ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA 2974 ATA DA 1625ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA EXECUTIVA DA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA Às onze horas do dia doze do mês de dezembro do ano de dois mil e treze,

Leia mais

1 ATA DA 352ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 20 dias do mês de novembro de 2013, às 16h,

1 ATA DA 352ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 20 dias do mês de novembro de 2013, às 16h, 1 ATA DA 352ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRETORIA DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS-ANTAQ. Aos 20 dias do mês de novembro de 2013, às 16h, realizou-se, na Sede da ANTAQ, a 352ª Reunião Ordinária

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO PEGUNTAS E RESPOSTAS

TERCEIRIZAÇÃO PEGUNTAS E RESPOSTAS TERCEIRIZAÇÃO PEGUNTAS E RESPOSTAS 1 - Quem é o responsável pelo ateste das faturas de serviços continuados? O fiscal do contrato ou o gestor do contrato? R - Quem atesta as faturas é o gestor do contrato,

Leia mais

MENSAGEM Nº, de 2008.

MENSAGEM Nº, de 2008. MENSAGEM Nº, de 2008. = Tenho a honra de submeter à elevada consideração de Vossas Excelências o projeto de Lei anexo, que objetiva criar o Conselho Municipal Antidrogas COMAD. Um dos mais graves problemas

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS E DA SAÚDE DE JUIZ DE FORA. SUPREMA. Regimento Interno da Comissão de Ética no Uso de Animais CEUA CAPÍTULO I

FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS E DA SAÚDE DE JUIZ DE FORA. SUPREMA. Regimento Interno da Comissão de Ética no Uso de Animais CEUA CAPÍTULO I FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS E DA SAÚDE DE JUIZ DE FORA. SUPREMA Regimento Interno da Comissão de Ética no Uso de Animais CEUA CAPÍTULO I Da Natureza e Finalidade Art.1º A Comissão de Ética no Uso de

Leia mais

ARSAM Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Estado do Amazonas

ARSAM Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Estado do Amazonas ATA DA DÉCIMA PRIMEIRA REUNIÃO ORDINÁRIA ADMINISTRATIVA REGULATÓRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE REGULAÇÃO E CONTROLE DOS SERVIÇOS PÚBLICOS CONCEDIDOS DO ESTADO DO AMAZONAS. Aos onze dias do mês de setembro

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES RESOLUÇÃO Nº 637, DE 24 DE JUNHO DE 2014

AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES RESOLUÇÃO Nº 637, DE 24 DE JUNHO DE 2014 AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES RESOLUÇÃO Nº 637, DE 24 DE JUNHO DE 2014 Aprova o Regulamento de Parcelamento de Créditos Não Tributários Administrados pela Agência Nacional de Telecomunicações Anatel

Leia mais

Sindicato dos Corretores de Planos de Saúde Médicos e Odontológicos - SINCOPLAN Interessado 2:

Sindicato dos Corretores de Planos de Saúde Médicos e Odontológicos - SINCOPLAN Interessado 2: MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL DO TRABALHO GABINETE DA SUBPROCURADORA-GERAL DO TRABALHO IVANA AUXILIADORA MENDONÇA SANTOS Processo PGT/CCR/PP 6105/2014 Origem: PRT 2ª Região Interessado

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR SÃO CARLOS 2011 SUMÁRIO TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º a 3... 3 Capítulo I Da Natureza (art. 1º)... 3 Capítulo II

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85 PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 17/03/2015 ITEM 85 TC-001670/006/13 Contratante: Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto. Contratada: CODERP Companhia de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Preto. Autoridade

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 11.127, DE 09 DE FEVEREIRO DE 1998. (atualizada até a Lei nº 12.239, de 19 de janeiro de 2005) Institui o Sistema

Leia mais

Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013

Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013 Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 01/2013 Objeto: Contratação de empresa(s) cadastrada junto ao Ministério do Turismo (Cadastur), para prestação de serviços de agenciamento,

Leia mais

Regimento Interno do Conselho Municipal do Idoso de Passo Fundo COMUI Capitulo I Da Natureza e Finalidade

Regimento Interno do Conselho Municipal do Idoso de Passo Fundo COMUI Capitulo I Da Natureza e Finalidade Regimento Interno do Conselho Municipal do Idoso de Passo Fundo COMUI Capitulo I Da Natureza e Finalidade Art. 1º - O Conselho Municipal do Idoso de Passo Fundo COMUI- possui atribuições de caráter propositivo

Leia mais

RESOLUÇÃO N. TC-0109/2015

RESOLUÇÃO N. TC-0109/2015 RESOLUÇÃO N. TC-0109/2015 Dispõe sobre o procedimento de reconstituição e restauração dos autos de processos do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina e dá outras providências. O TRIBUNAL DE CONTAS

Leia mais

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 446, DE 2008

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 446, DE 2008 MEDIDA PROVISÓRIA Nº 446, DE 2008 (MENSAGEM Nº 865, DE 2009) Dispõe sobre a certificação das entidades beneficentes de assistência social, regula os procedimentos de isenção de contribuições para a seguridade

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA GERÊNCIA EXECUTIVA DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO Conselho Municipal de Educação

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA GERÊNCIA EXECUTIVA DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO Conselho Municipal de Educação PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA GERÊNCIA EXECUTIVA DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO Conselho Municipal de Educação REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO MUNICIPAL DE EDUDAÇÃO SUMÁRIO:

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL RESOLUÇÃO N 25, DE 25 DE ABRIL DE 2008.

AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL RESOLUÇÃO N 25, DE 25 DE ABRIL DE 2008. -0> AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL RESOLUÇÃO N 25, DE 25 DE ABRIL DE 2008. Dispõe sobre o processo administrativo para a apuração de infrações e aplicação de penalidades, no âmbito da competência da

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O Nº 002/88

R E S O L U Ç Ã O Nº 002/88 R E S O L U Ç Ã O Nº 002/88 CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA UFPI Aprova o Regimento do Conselho de Administração da UFPI. O Reitor da Universidade Federal do Piauí e Presidente do Conselho de Administração,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CONSELHO DE GRADUAÇÃO R E G I M E N T O I N T E R N O CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CONSELHO DE GRADUAÇÃO R E G I M E N T O I N T E R N O CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CONSELHO DE GRADUAÇÃO R E G I M E N T O I N T E R N O CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1. Este Regimento dispõe sobre a composição, competências e funcionamento

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 17/9/2009, Seção 1, Pág. 26. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 17/9/2009, Seção 1, Pág. 26. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 17/9/2009, Seção 1, Pág. 26. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Ministério Público Federal/Procuradoria da

Leia mais

EXCELENTÍSSIMA SENHORA PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO. Objeto: Prestação de Serviço de Manutenção Predial

EXCELENTÍSSIMA SENHORA PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO. Objeto: Prestação de Serviço de Manutenção Predial EXCELENTÍSSIMA SENHORA PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO Pregão Presencial nº. 003/2008 Objeto: Prestação de Serviço de Manutenção Predial EMENTA: AUSÊNCIA DE COMPROVAÇÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I. Da Finalidade

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I. Da Finalidade REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I Da Finalidade Art. 1ª Fica instituído o Regimento Interno da da Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF, em conformidade com o Decreto nº. 6.029 de 1º de fevereiro

Leia mais

Discute-se no presente a jornada de trabalho dos empregados da denunciada, que integram a categoria profissional dos aquaviários, haja vista as

Discute-se no presente a jornada de trabalho dos empregados da denunciada, que integram a categoria profissional dos aquaviários, haja vista as CÂMARA DE COORDENAÇÃO E REVISÃO PROCESSO PGT/CCR/PP/N. 10245/2009 ORIGEM: PRT 1ª REGIÃO (PTM DE CABO FRIO) PROCURADORA OFICIANTE: DRA. ISABELA MAUL MIRANDA DE MENDONÇA INTERESSADO 1: PROCURADORIA REGIONAL

Leia mais

ES FADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DF JUSI IÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho

ES FADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DF JUSI IÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ' ES FADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DF JUSI IÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ACÓRDÃO MANDADO DE SEGURANÇA n'.999.2007.000498-4 00 RELATOR: Des. Genésio Gomes Pereira Filho IMPETRANTE:

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS - ANTAQ RESOLUÇÃO Nº 1.284, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2009 - IP4

AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS - ANTAQ RESOLUÇÃO Nº 1.284, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2009 - IP4 Senhores, Envio a minha contribuição para o processo de formulação da Resolução de Normatização do IP4,ela está desenvolvida como esta na resolução, por tema com pequena explanação. AGÊNCIA NACIONAL DE

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO CONSUN Nº 07/2010 Define e regulamenta o funcionamento dos programas de pós-graduação stricto sensu O Conselho Universitário da Universidade

Leia mais

Entidade: Órgão de Origem: Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região/PB

Entidade: Órgão de Origem: Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região/PB Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0414-27/01-P Identidade do documento: Decisão 414/2001 - Plenário Ementa: Representação formulada pela Procuradoria Regional do Trabalho 13ª Região PB.

Leia mais

O SENADO FEDERAL resolve:

O SENADO FEDERAL resolve: PROJETO DE RESOLUÇÃO DO SENADO Nº 27, DE 2015 Altera o inciso II do caput do art. 383 do Regimento Interno do Senado Federal para disciplinar, no âmbito das comissões, a arguição pública dos indicados

Leia mais