EQUIPAMENTOS E MATERIAIS DO LABORATÓRIO DE MATERIAIS E COMPONENTES ELÉTRICOS - LAMCE Coordenador: Prof. Dr. Adalberto José Batista Em 30/03/2004

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EQUIPAMENTOS E MATERIAIS DO LABORATÓRIO DE MATERIAIS E COMPONENTES ELÉTRICOS - LAMCE Coordenador: Prof. Dr. Adalberto José Batista Em 30/03/2004"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA E DE COMPUTAÇÃO Praça Universitária S/N, Goiânia GO, Brasil, Fone/Fax: EQUIPAMENTOS E MATERIAIS DO LABORATÓRIO DE MATERIAIS E COMPONENTES ELÉTRICOS - LAMCE Coordenador: Prof. Dr. Adalberto José Batista Em 30/03/2004 Equipamentos Item/ Origem Descrição Qtde /N Microcomputador modelo Dell Optiplex GX240 SD com kit suporte 2 2/N Microcomputador Pentium III, 550 Mhz, memória 96 Mb, HD 2 Gb, com gravadora e leitora de CD e zip drive de 00 Mb 3/N Micomputador Pentium 4,.6 GHz, memória 256 Mb, HD, com leitora de CD 4/N Impressora modelo HP 950C com cabos, manuais, e CD 2 5/N Impressora modelo HP 850C com cabos, manuais, e CD 6/N Scanner modelo HP 4400C com cabos, manuais, e CD 7/N Estabilizador modelo SMS Revolution II 2 8/N Estabilizador modelo Max solution 9/I Interface GPIB modelo National Instruments com software em CD 2 0/I Cabo GPIB modelo National Instruments /I Placa de aquisição de dados, modelo National Instruments PCI MIO 6E com software em CD v /I Bloco blindado de conectores, modelo National Instruments SCB-68 (emprestado para Prof. Lisita) 3/I Cabo blindado de 2 m, modelo National Instruments SH6868-EP 4/I Módulo condicionador de sinal, modelo National Instruments SCXI-25, com disquete SCXI Application Examples v..0 5/I Bloco de conectores com atenuação de 00:, modelo National Instruments SCXI-327 6/I Cabo blindado de 0 m, modelo National Instruments SCXI-349 de 0 m 7/I Chassi para acondicionamento, modelo National Instruments SCXI-000 8/I Conjunto de cabos coaxiais de fase casada modelo IW-Microwave /I Cabo modelo IW-Microwave 80 20/I Osciloscópio digital modelo Tektronix TDS460A/XL 2/I Ponteira diferencial de tensão modelo Tektronix P5200 com manual 4 22/I Gerador de funções programáveis modelo Agilent 3320A, com software Intuilink em CD 23/I Unidade de aquisição de dados modelo Fluke Hydra 2620A, com Hydra Starter Software v. 3. ( disquete), Trend Link Demonstration Software (5 disquetes), Hydra Logger Demonstration Software (2 disquetes)

2 24/I Fonte de potência programável modelo Elgar SW5250A 2 3 2, com software Smart Wave Control Suíte v..5.3 (este software não funciona) 25/I Medidor V-A-W de amostragem modelo Clarke-Hess /I Câmara térmica modelo Thermotron S-8C /I Amplificador de potência modelo Krohn-Hite /N Sistema de aquisição de dados em rack 29/I Analisador de impedância modelo Agilent 4294A 30/I Ponteira de impedância modelo Agilent 4294A com manual 3/I Terminal adaptador modelo Agilent 42942A com manual 32/I Acessório para teste de materiais magnéticos modelo Agilent 6454A com manual 33/I Acessório para teste de materiais dielétricos modelo Agilent 645B com manual 34/I Ponteira de 2 m com conectores BNC modelo Agilent 6048H com manual 35/N Estação de solda modelo Weller EC2002M-2 com manual 36/I Quadro de Epstein de 25 cm modelo LDJ EF /N Balança eletrônica modelo Marte MB50K 38/N Paquímetro modelo Starrett série 23 39/N Micrômetro modelo Starrett V23MXRLZ 40/I Transdutor de corrente, modelo LEM CT T 3 4/I Transdutor de corrente, modelo LEM CT 5 T 3 42/I Transdutor de corrente modelo LEM CT 0 T 3 43/I Transdutor de corrente modelo LEM CT 50 T 6 44/I Transdutor de tensão, modelo LEM CV /I Transdutor de tensão, modelo LEM CV /N Furadeira manual para placa de CI Programas Computacionais /I Programa LabVIEW Full Development System v. 6. 2/I Programa Maxwell 3D v. 9.0 (2D e 3D, CD) + Optimetrics v. 2.5 ( CD), v. 8.0 (2D, 2 CDs), v. 6.0 (3D, 2 CDs), Optimetrics v. 2.0 (2 CDs) 3/I Programa PExprt v. 5.0 ( CD) e v ( CD) 4/I Programa RMxprt v. 4.0 ( CD) e v. 3.0 (2 CDs) 5/I Programa DELPHI Professional (0 licenças) 6/I Impedance Analyzer: Sample Program Rev.A ( disquete) Normas, Manuais e Outros Documentos /I Normas ASTM A34, A343, A348, A697, A772, A804, A889, A92, A927, A932, A03, e A /N Normas ABNT NBR 56, 5380, 5356, 5440, 546, 3297, 7037, 7036, 7570, 9369, 9368, e /I Normas NEMA TP e TP 2 2 4/I Normas JIS C 2550, C 2556, e H /I Normas IEC , , e /I LabVIEW Release Notes 7/I Getting Started with LabVIEW 8/I LabVIEW User Manual

3 9/I LabVIEW Measurements Manual 0/I SCXI Chassis User Manual /I Getting Started with SCXI 2/I SCXI-25 User Manual 3/I Getting Started: A 2D Electrostatic Problem (Maxwell) ( CD fev/02, 2 CDs 4/I Getting Started: A 2D Magnetostatic Problem (Maxwell) ( CD fev/02, 2 CDs 5/I Getting Started: A 2D Transient Linear Motion Problem (Maxwell) ( CD fev/02, 2 CDs 6/I Getting Started: A 2D Parametric Problem (Maxwell) ( CD fev/02, 2 CDs 7/I Getting Started: A 3D Magnetic Force Problem (Maxwell) ( CD out/02, 2 CDs 8/I Getting Started: A 3D Magnetostatic Optimetrics Problem (Maxwell) ( CD dez/02, CD 9/I Maxwell Installation Guide ( CD out/02, 2 CDs mar/0) 20/I Introduction to the ANSOFT Macro Language Maxwell 2D ( CD fev/02) 2/I Introduction to the ANSOFT Macro Language Maxwell 3D ( CD mar/02, 2 CDs jan/0) 22/I Getting Started: A Transformer Design Example (PExprt) ( CD set/02) 23/I Getting Started: A Inductor Design Example (PExprt) ( CD set/02) 24/I Getting Started: A Magnetic Modeling Example (PEmag) (2 CDs jun/0) 25/I Getting Started: A Planar Transformer Example (PEmag) (2 CDs jun/0) 26/I Getting Started: A Solenoid Motion Problem (EMSS) (2 CDs 27/I Operation Manual, impresso e em CD (Analisador de Impedância Agilent 4294A) 28/I Programming Manual (Analisador de Impedância Agilent 4294A) 29/I Instrument BASIC Users Handbook (Analisador de Impedância Agilent 4294A) 30/I Operation Manual (Analisador de Impedância Agilent 4294A) 3/I Users Guide (Gerador de funções Agilent 3320A) 32/I Service Guide (Gerador de funções Agilent 3320A) 33/I User Manual (Osciloscópio Tektronix TDS460A) 34/I Programmer Manual (Osciloscópio Tektronix TDS460A) 35/I Technical Reference (Osciloscópio Tektronix TDS460A) 36/I Operation Manual (Fonte programável Elgar SW5250A) 37/I SCPI Specification (Fonte programável Elgar SW5250A) 38/I Instruction Manual (Medidor V-A-W Clarke-Hess 2330) 39/I Phase Calibration Standards & Phase Measurement Technics (Clarke-Hess) 40/I Users Manual (Fluke Hydra 2620A) 4/N Manual do Usuário (Balança Eletrônica Marte MB50K) 42/I Instruction Manual for Epstein Iron Loss Test Set (LDJ EF-3266) 43/I Operating & Maintenance Manual (Krohn-Hite 7500) 44/I Instruction Manual (Thermotron S-8C-7800) 45/I Proper Thermal Design Guidelines (Caddock) 46/I General Catalog 26 th Edition (Caddock) 2

4 Materiais /I Divisor de tensão resistivo de precisão modelo Caddock 776-C /I Resistor sensor de corrente modelo Caddock MP % 5 3/I Resistor de alta tensão modelo Caddock TG93-9M-% 4 4/N Capacitor ajustável modelo Philips /N Carretéis para SSTs segundo ASTM e IEC 6 6/N Chapas de aço ao silício para construção de SSTs - 7/I Resistor padrão de 00 ohm (acessório do Agilent 4294A) 8/I Teclado (acessório do Agilent 4294A) 9/I Núcleo toroidal ZR-4809-TC (Magnetics Inc.) 5 0/I Núcleo toroidal ZF TC (Magnetics Inc.) 5 /I Núcleo toroidal ZP TC (Magnetics Inc.) 5 2/I Núcleo OF-4307-UG (Magnetics Inc.) 4 3/I Núcleo OF-4266-UG (Magnetics Inc.) 4 4/I Núcleo SF-4309-UG (Magnetics Inc.) 8 5/I Núcleo OF-48-UG (Magnetics Inc.) 4 6I Núcleo NF-4236-UG (Magnetics Inc.) 8 7/N Núcleo toroidal NT 23/4/8 (Thornton) 5 8/N Núcleo toroidal NT 45/9/6 (Thornton) 5 9/N Núcleo toroidal NT 35/22/5 (Thornton) 5 20/N Núcleo toroidal NT 27/6/2 (Thornton) 4 2/I Núcleo toroidal (AlliedSignal, amostras de diferentes materiais) 3 22/I Núcleo toroidal (Micrometals, amostras) 6 23/N Núcleo pote NP 42/ (Thornton) 8 24/N Núcleo pote NP 30/ (Thornton) 0 25/N Carretel CE 65/33/26 (Thornton) 5 26/N Carretel CE 55/28/2 (Thornton) 5 27/N Carretel CE 42/2/20 (Thornton) 5 28/N Carretel CE 42/2/5 (Thornton) 5 29/N Carretel CNP 42/29 (Thornton) 4 30/N Carretel CNP 30/9 (Thornton) 5 3/N Carretel PCB-309- (Magnetics Inc.) 2 32/N Carretel PCB (Magnetics Inc.) 2 33/N Carretel PCB-266- (Magnetics Inc.) 2 34/N Carretel PCB-8- (Magnetics Inc.) 2 35/N Amostras de aço ao silício ACESITA E70 (Doador: WEG) 24 36/N Amostras de aço ao silício ACESITA E230 (Doador: WEG) 24 37/N Percloreto de ferro anidro (250 g) - 38/N Abraçadeiras de plástico 2 39/N Placa para CI 0x20 mm 5 40/N Caneta para confecção de placa de CI 2 4/N Fita adesiva RS ( em uso) 0 42/N Fita crepe (em uso) 2 43/N Tubo de pasta térmica ( em uso) 3 44/N Rolo de solda 2 45/N Fusível antisurto 250 ma 6,3x32 mm 9 46/N Fusível antisurto 5 A 47/N Fusível antisurto 2,5 A 4

5 48/N Fusível antisurto 250 ma 5x20 mm 0 49/N Adesivo estrutural Loctite 326 (4 usados) 00 50/N Ativador N Loctite 7649 (2 usados) 5 5/N Chapas de aço ao silício para montagem de SSTs - 52/N Fios e cabos diversos - 53/N Termopar tipo K (rolinho) - 54/N Terminal para termopar 7 55/N CI PWM /N Terminais RS /N Terminais tipo garfo RS /N Conector N socket square RS /N Conector N clamp socket RG58 RS /N Conector N socket round RS /N Conector N R32 6/N Conector N P29 6/N Conector N R0 62/N Conectores e adaptadores diversos (soltos, i.e., não montados) 37 63/N Conector BNC socket 2x4 mm banana plug RS Materiais do LABMETRO no LAMCE Item/ Origem Descrição Qtde /N Alicate, bico chato, 5 ½, cabos isolados 2/N Alicate, bico meia-cana curvo, com corte, 7 ½, cabos isolados 3/N Alicate, corte diagonal, 6 ¼, cabos isolados 4/N Alicate, corte diagonal, 5, cabos isolados 5/N Chave Philips, n 0 0 6/N Chave Philips, n 0 7/N Chave de fenda, /8 x5 8/N Chave de fenda, 3/6 x6

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA ANEXO I - PLANILHA DE QUANTIDADES E S 1 un 150,00 2 un 25,00 Microcomputador com a seguinte configuração mínima: Placa mãe Asus P5K-seProcessador socket 775 C2D E67502 pentes de memória DDR2 800 Mhz de

Leia mais

Estimativa. Unioeste 30809/2010 Cod. Fornecedor ClassificaçãoVlr.Un. Total. Setor Processo Item edital

Estimativa. Unioeste 30809/2010 Cod. Fornecedor ClassificaçãoVlr.Un. Total. Setor Processo Item edital Filtrado por ( : = '' ) E ( em haver: >= 1 ) E (Imprimir quantidades por setor de consumo = Sim) 06/05/2014:17:06 Página 1 de 1 Fornecedor ClassificaçãoVlr.Un. 23 7023 Backup - Agente Aplicação Exchange

Leia mais

ETIQUETADOR 351 CATÁLOGO DE PEÇAS CP-351

ETIQUETADOR 351 CATÁLOGO DE PEÇAS CP-351 ETIQUETADOR 35 CATÁLOGO DE PEÇAS CP-35 RE: 05-07-000 INTRODUÇÃO 0-07 - 000 CP - 35 0/ 8 PEÇAS ORIGINAIS TOLEDO ASSEGURAM O BOM DESEMPENHO E CONFIABILIDADE AO SEU EQUIPAMENTO A Toledo mantém Centros de

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO E TESTE DE MÓDULOS PARA UM SISTEMA EM CHIP CMOS

CARACTERIZAÇÃO E TESTE DE MÓDULOS PARA UM SISTEMA EM CHIP CMOS CARACTERIZAÇÃO E TESTE DE MÓDULOS PARA UM SISTEMA EM CHIP CMOS Rafael R. P. Soares, Wellington A. do Amaral, Hélder H. Guimarães, José C. da Costa Universidade de Brasília Departamento de Engenharia Elétrica

Leia mais

Electrónica Industrial

Electrónica Industrial XIX CAMPEONATO REGIONAL DAS PROFISSÕES E l e c t r ó n i c a I n d u s t r i a l Índice 1. Equipamentos/ferramentas 2. Matriz da prova E l e c t r ó n i c a I n d u s t r i a l 1. Equipamentos/ferramentas

Leia mais

Ata Parcial. Item 0001

Ata Parcial. Item 0001 Ata Parcial Às 09:00 horas do dia 19 de junho de 2012, reuniu-se o Pregoeiro Oficial da Prefeitura Municipal de Palmas e respectivos membros da Equipe de apoio, designados pela portaria 027/2012-GAB/SEFIN

Leia mais

Ata Final. Item 0001

Ata Final. Item 0001 Ata Final Às 09:00 horas do dia 19 de junho de 2012, reuniu-se o Pregoeiro Oficial da Prefeitura Municipal de Palmas e respectivos membros da Equipe de apoio, designados pela portaria 027/2012-GAB/SEFIN

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS ESTADO DO PARÁ

TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS ESTADO DO PARÁ 1. Dados Gerais da Licitação Número do Processo Licitatório 1469450 Status Exercício 2016 Modalidade Registro de Preços Originário de Pregão Eletrônico Tipo Menor Preço Objeto AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE

Leia mais

Introdução a Informática. Colégio "Serrano Guardia" Módulo I Informática Básica William Andrey de Godoy

Introdução a Informática. Colégio Serrano Guardia Módulo I Informática Básica William Andrey de Godoy Introdução a Informática 1 Colégio "Serrano Guardia" Módulo I Informática Básica Introdução a Informática São conjuntos de métodos e equipamentos através do quais podemos armazenar e manipular informações

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência Santa Maria, 11 de março de 2014. RETIFICAÇÃO DE EDITAL CONCORRENCIA Nº 2015/5040001- A Comissão de Licitações, no uso de suas atribuições legais, torna publico a seguinte retificação ao edital supracitado,

Leia mais

Projeto Copy Mech Security

Projeto Copy Mech Security Projeto Copy Mech Security João Gabriel Ribeiro - gabriel@ribeirorepres.com.br João Paulo Mella Bacchmi - joao_@sulbbs.com.br João Pedro Antunes Fontes - joaopedro_fontes@yahoo.com.br Mauricio Mendez Ribeiro

Leia mais

Item Especificação Unid Med. Marca Fornecedor Preço Máx. Preço cotado ACOSTA QUADRI & CIA LTDA 45,75 24,00

Item Especificação Unid Med. Marca Fornecedor Preço Máx. Preço cotado ACOSTA QUADRI & CIA LTDA 45,75 24,00 Prefeitura Municipal de Pinhalão Estado do Paraná C.N.P.J/M.F. 76.167.71/0001-94 Rua Domingos Calixto, 483 - Fone: 43 3569-1179 prefeitura@pinhalao.pr.gov.br http://www.pinhalao.com.br PINHALÃO - CEP 84.925-000

Leia mais

Manual de funcionamento Esteira transportadora

Manual de funcionamento Esteira transportadora Manual de funcionamento Esteira transportadora Sumário 1. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 2 2. ITENS DO SISTEMA... 3 2.1. PLACA DE COMANDO... 3 2.1.1. Sinalizador... 3 2.1.2. Botão pulsador... 3 2.1.3. Chave comutadora...

Leia mais

Retificação do Termo de Referencia do pregão nº 45/2014, que passam a ter a seguinte redação para os itens 01.01 e 01.02:

Retificação do Termo de Referencia do pregão nº 45/2014, que passam a ter a seguinte redação para os itens 01.01 e 01.02: Retificação do Termo de Referencia do pregão nº 45/2014, que passam a ter a seguinte redação para os itens 01.01 e 01.02: Descrições mínimas de cada equipamento e ser licitado. ITEM 01.01 MICROCOMPOUTADOR

Leia mais

BALANÇA ELETRÔNICA INDUSTRIAL TOLEDO 3400 LCD BATERIA

BALANÇA ELETRÔNICA INDUSTRIAL TOLEDO 3400 LCD BATERIA BALANÇA ELETRÔNICA INDUSTRIAL TOLEDO 300 LCD BATERIA CATÁLOGO DE PEÇAS CP-300 BATERIA RE: 00--06 INTRODUÇÃO 00 - - 06 / 6 PEÇAS ORIGINAIS TOLEDO ASSEGURAM O BOM DESEMPENHO E CONFIABILIDADE AO SEU EQUIPAMENTO

Leia mais

Projeto de uma Fonte de Tensão Ajustável

Projeto de uma Fonte de Tensão Ajustável Eletrônica Geral 1 Introdução Projeto de uma Fonte de Tensão Ajustável O projeto de uma fonte de tensão tem como principal objetivo o exercício de montagem prática, colocando o aluno face aos conceitos

Leia mais

Discrete Automation & Motion. CLP Controlador Lógico Programável Linha AC500-eCO

Discrete Automation & Motion. CLP Controlador Lógico Programável Linha AC500-eCO Discrete Automation & Motion CLP Controlador Lógico Programável Linha AC500-eCO CPUs AC500-eCO Tipo I/Os na base ED/SD/EA/AS I/O digital I/O analógico Tensão de Entrada Saída Entrada Saída alimentação

Leia mais

REQUISITOS MÍNIMOS HARDWARE E PERIFÉRICOS

REQUISITOS MÍNIMOS HARDWARE E PERIFÉRICOS REQUISITOS MÍNIMOS HARDWARE E PERIFÉRICOS Introdução Este documento oferece uma visão geral dos requerimentos e necessidades de infra-estrutura para a implantação dos produtos: Bematech Loja light, Bematech

Leia mais

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO)

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) Há vários tipos de sistemas de gravações digitais. Os mais baratos consistem de uma placa para captura de vídeo, que

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA KIT DE COMPONENTES DE MICROINFORMÁTICA P/ MONTAGEM DE TERMINAL DE AUTOATENDIMENTO PARA O SISTEMA GEST Controle de Revisões Elaborador: Adriano José Cunha de Aguiar Validador: Luiz

Leia mais

CONTROLO VISUAL DE UM TAPETE ROLANTE

CONTROLO VISUAL DE UM TAPETE ROLANTE CONTROLO VISUAL DE UM TAPETE ROLANTE José Fernandes; José Silva; Nuno Vieira; Paulo Sequeira Gonçalves Curso de Engenharia Industrial Escola Superior de Tecnologia de Castelo Branco Av. do Empresário,

Leia mais

ONDE LEIA SE: LOTE 01

ONDE LEIA SE: LOTE 01 Divinolândia, 21 de Setembro de 2011 Prezados senhores interessados, Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alteração feita no Edital

Leia mais

Retificação PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS N 004 2008 CEL 02 SETUL AQUISICAO COMPUTADORES SOFTWARE

Retificação PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS N 004 2008 CEL 02 SETUL AQUISICAO COMPUTADORES SOFTWARE Retificação PREGAO POR REGISTRO DE PRECOS N 004 2008 CEL 02 SETUL AQUISICAO COMPUTADORES SOFTWARE A COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO CEL 02 comunica aos interessados que o Pregão Por Registro de Preços acima

Leia mais

PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO

PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO MANUAL DE PROGRAMAÇÃO E INSTALAÇÃO DUALINE Bem-vindo! Obrigado por adquirir o GRAVADOR DE CHAMADAS mono canal. Antes de instalar e acionar o equipamento, leia atentamente as instruções deste manual. Acessórios

Leia mais

Bens Selecionados - Ordenado por Patrimônio

Bens Selecionados - Ordenado por Patrimônio 1 00011097 MICROCOMPUTADOR DESKTOP - PROCESSADOR: DUAL CORE - CAPACIDADE DE 2 00011100 MICROCOMPUTADOR DESKTOP - PROCESSADOR: DUAL CORE - CAPACIDADE DE 3 00011555 MICROCOMPUTADOR DESKTOP - PROCESSADOR:

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ITEM ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DESCRIÇÃO MATERIAL ÓRGÃO LICITANTE UASG DATA 19/2012 25 ADAPTADOR, TENSÃO NOMINAL 127/220 V, CONEXÃO TOMADA MACHO NBR14136 PARA TOMADAFÊMEA 2P + T, CORRENTE NOMINAL

Leia mais

Relatório de Inventário Geral por Patrimônio

Relatório de Inventário Geral por Patrimônio 00012803 MONITOR DE VIDEO POLICROMATICO - TIPO: LCD - POLEGADAS: 17" - DESCRICAO 16/05/07 00:00 ANTI ECONÔMICO 659,70 COMPLEMENTAR: 9227-AC1 - MARCA: LENOVO - MODELO: THINKVISION L171 - SERIE: V2M8840

Leia mais

2 computadores de mesa (desktop):

2 computadores de mesa (desktop): Levantamento dos ativos de infraestrutura de TI utilizados em uma empresa. Especificação técnica e localização dos equipamentos que podem ser patrimoniados. As empresas dependem da infraestrutura de TI

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CERTIFICADO DE GARANTIA

MANUAL DO USUÁRIO CERTIFICADO DE GARANTIA Prazer em dirigir. MANUAL DO USUÁRIO CERTIFICADO DE GARANTIA www.edrive.ind.br Prazer em dirigir. PARABÉNS PELA AQUISIÇÃO DE SEU E-DRIVE! A manutenção e os cuidados corretos ajudarão a otimizar a durabilidade

Leia mais

Robot Soccer. Hustle 3000

Robot Soccer. Hustle 3000 Robot Soccer Hustle 3000 Rodrigo Abel de Bona - Alessandro Kiyoshi Tulio - João Luís Pompeu da Silva - Professores Orientadores: Profº Gil Marcos Jess - Física - gltjessj@terra.com.br Profº Afonso Ferreira

Leia mais

Automatização de Ensaios Apresentação do Projeto

Automatização de Ensaios Apresentação do Projeto FELIPE ANTONIO MONTAGNERI LUCCHINI MARCELO PORTO TREVIZAN Automatização de Ensaios Apresentação do Projeto SÃO CAETANO DO SUL 2009 FELIPE ANTONIO MONTAGNERI LUCCHINI MARCELO PORTO TREVIZAN Automatização

Leia mais

Emulando Equipamentos Obsoletos com Instrumentos Definidos por Software

Emulando Equipamentos Obsoletos com Instrumentos Definidos por Software Emulando Equipamentos Obsoletos com Instrumentos Definidos por Software Marcela Trindade Engenheira de Vendas Pesquisa rápida Alguém tem que manter sistemas de teste em funcionamento por mais de 10 anos?

Leia mais

D I N A T E S T E INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. ASSISTÊNCIA TÉCNICA DE MÁQUINAS DE ENSAIOS E MEDIDORES DE DUREZA.

D I N A T E S T E INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. ASSISTÊNCIA TÉCNICA DE MÁQUINAS DE ENSAIOS E MEDIDORES DE DUREZA. UPGRADE - Model SR2 Upgrade - Digital - Página 1 de 5 1288 São Paulo, 14 de maio de 2008 P/: AT: Faculdade de Engenharia - UFJF Juiz de Fora MG Profº Flávio Barbosa Depto.de Estruturas Tel: 32-9103- 0906

Leia mais

Desenvolva aplicações mais eficientes de teste estrutural e bancos de teste

Desenvolva aplicações mais eficientes de teste estrutural e bancos de teste Desenvolva aplicações mais eficientes de teste estrutural e bancos de teste Alisson Kokot Engenheiro de Vendas - National Instruments Arquiteturas de medição condicionada Centralizada Distribuída Sala

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULO FRONTIN ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: 7/2014. Página: 1/5

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULO FRONTIN ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: 7/2014. Página: 1/5 Página: 1/5 11 Computador com as configurações mínimas: o Processador: com no mínimo 6 MB de memória cache e velocidade de 3,10GHZ, frequência maxima turbo 3.3GHz, com 4 núcleos e 4 threads, soquete 1150,

Leia mais

ADS2002IP. Sistema de Aquisição de Dados Integrado, compacto e modular

ADS2002IP. Sistema de Aquisição de Dados Integrado, compacto e modular ADS2002IP Sistema de Aquisição de Dados Integrado, compacto e modular Imagem ilustrativa do ADS2002IP-B-3 (SF2034) Versatilidade ³ O ADS2002IP é um sistema de aquisição de dados modular e compacto da série

Leia mais

Integrando Tecnologias para Criar Soluções

Integrando Tecnologias para Criar Soluções Triex Sistemas Sistemas de Testes, Supervisão e Controle Integrando Tecnologias para Criar Soluções Multiplexador de Canais Em aplicações onde se deseja inspecionar por ultra-som grandes áreas em pouco

Leia mais

Performance e Qualidade em Medição de Alta Precisão

Performance e Qualidade em Medição de Alta Precisão Performance e Qualidade em Medição de Alta Precisão A PACE Electronics, fundada em 1995, tem seu maior diferencial na busca pela alta tecnologia e qualidade em seus produtos com a satisfação plena de seus

Leia mais

Revisão de Fontes Lineares

Revisão de Fontes Lineares Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina Departamento Acadêmico de Eletrônica Projeto de Fontes Chaveadas Revisão de Fontes Lineares Projeto de Magnéticos Projeto Térmico PCBs

Leia mais

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISUTEC DISCIPLINA: INTRODUÇÃO A COMPUTAÇÃO PROF.: RAFAEL PINHEIRO DE SOUSA ALUNO: Exercício 1. Assinale a opção que não corresponde a uma atividade realizada em uma Unidade

Leia mais

IMPRESSOR TÉRMICO PARA CÓDIGO DE BARRAS 451

IMPRESSOR TÉRMICO PARA CÓDIGO DE BARRAS 451 IMPRESSOR TÉRMICO PARA DE BARRAS 45 CATÁLOGO DE PEÇAS CP-45 RE: 03-04-006 CP - 45 INTRODUÇÃO 03-04 - 006 0 / 8 PEÇAS ORIGINAIS TOLEDO ASSEGURAM O BOM DESEMPENHO E CONFIABILIDADE AO SEU EQUIPAMENTO A Toledo

Leia mais

Lote 1. A comissão classifica os bens acima como antieconômicos, pelo desempenho precário, em virtude do uso prolongado.

Lote 1. A comissão classifica os bens acima como antieconômicos, pelo desempenho precário, em virtude do uso prolongado. Lote 1 Seq. Patrimônio Descrição 1 343 ARMÁRIO ROUPEIRO 1 PORTA DE VIDRO Nº SÉRIE: MARCA: MODELO: EM ACO FORNECEDOR: 2 1118 ARMÁRIO ROUPEIRO 1 PORTA DE VIDRO Nº SÉRIE: MARCA: MODELO: EM ACO FORNECEDOR:

Leia mais

ENSAIOS DE CAPACITORES EM POLIPROPILENO METALIZADO COM RESISTÊNCIA EXTERNA DE DESCARGA

ENSAIOS DE CAPACITORES EM POLIPROPILENO METALIZADO COM RESISTÊNCIA EXTERNA DE DESCARGA RELATÓRIO DE ENSAIO N o 64801 Página: 1 de 14 INTERESSADO: Potencial Equipamentos Elétricos Ltda Rua Rodolfo Vieira Pamplona, 3200. Gaspar Mirim Gaspar, SC ORDEM DE SERVIÇO: 44167 DATA DE EMISSÃO: 30/04/07

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE

TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA KIT TELESSAÚDE Quantidade Especificação Técnica Valor Estimado 01 Microcomputador multimídia R$ 2.200,00 Core I5, memória de 4Gb, disco rígido de 500GB SATA, gravador e leitor de DVD,

Leia mais

MODULO II - HARDWARE

MODULO II - HARDWARE MODULO II - HARDWARE AULA 01 O Bit e o Byte Definições: Bit é a menor unidade de informação que circula dentro do sistema computacional. Byte é a representação de oito bits. Aplicações: Byte 1 0 1 0 0

Leia mais

ATAS DE REGISTRO DE PREÇO

ATAS DE REGISTRO DE PREÇO ATAS DE REGISTRO DE PREÇO FORNECEDOR: CNPJ: 07.072.493/0001-14 ENDEREÇO: Rua Maranhão, nº 835 loja. BAIRRO: Lins de Vasconcelos TEL: (21) 2289-5853 / (21) 7892-0248 CIDADE: Rio de Janeiro UF: Rio de Janeiro

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE A CRIAÇÃO DE PLACA IHL (INTERFACE DE HARDWARE LIVRE) ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO 1º SEMESTRE

RELATÓRIO SOBRE A CRIAÇÃO DE PLACA IHL (INTERFACE DE HARDWARE LIVRE) ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO 1º SEMESTRE RELATÓRIO SOBRE A CRIAÇÃO DE PLACA IHL (INTERFACE DE HARDWARE LIVRE) ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO 1º SEMESTRE Albert Cruz Loyanne Lemos Matheus Carvalho Pricilla Brandão Salvador Dezembro - 2010 Albert Cruz,

Leia mais

Projeto de um Controlador de Temperatura Proporcional, Analógico, com Sensor de Temperatura Usando Transistor Bipolar

Projeto de um Controlador de Temperatura Proporcional, Analógico, com Sensor de Temperatura Usando Transistor Bipolar Projeto de um Controlador de Temperatura Proporcional, Analógico, com Sensor de Temperatura Usando Transistor Bipolar Introdução O objetivo deste Laboratório de EE-641 é proporcionar ao aluno um ambiente

Leia mais

Trânsito Inteligente

Trânsito Inteligente Trânsito Inteligente Adriano de Miranda - floric_adm@yahoo.com Marcio José Stedile - marciostedile@aol.com Samuel Alessandro Camargo - mirindauva@ig.com.br 1. Abstract The objective of the project was

Leia mais

Capítulo 1 Energia Elétrica; Capítulo 2 Montagem; Capítulo 3 Configuração; Capítulo 4 Manutenção; Capítulo 5 Redes;

Capítulo 1 Energia Elétrica; Capítulo 2 Montagem; Capítulo 3 Configuração; Capítulo 4 Manutenção; Capítulo 5 Redes; Capítulo 1 Energia Elétrica; Capítulo 2 Montagem; Capítulo 3 Configuração; Capítulo 4 Manutenção; Capítulo 5 Redes; 1 Colégio Serrano Guardia Módulo I Informática Básica Hardware O hardware é a parte física

Leia mais

Objetivo A presente prática tem por objetivo verificar na prática os diferentes modos de disparo dos TRIACs.

Objetivo A presente prática tem por objetivo verificar na prática os diferentes modos de disparo dos TRIACs. Universidade Federal do Paraná Curso de Engenharia Elétrica Laboratório de Engenharia Elétrica V TE067 Prof. James Alexandre Baraniuk Equipe: Data: / / EXPERIMENTO PRÁTICO COM TRIAC Objetivo A presente

Leia mais

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO DEPENDÊNCIA: PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS - PM CANOAS - LICITACOES - (RS) LICITAÇÃO: (Ano: 2007/ PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS / Nº Processo: 224/2007) Às 14:53:30 horas

Leia mais

CM ELETRICISTA MONTADOR PLANO DE CURSO

CM ELETRICISTA MONTADOR PLANO DE CURSO CM ELETRICISTA MONTADOR PLANO DE CURSO Categoria e Atribuições Executar a montagem de painéis e quadro de distribuição, caixas de fusíveis e outros instrumentos de comandos, encaixando e ajustando as peças

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO

INSTRUÇÕES PARA O PREENCHIMENTO FOLHAS DE DADOS Todas as folhas de dados para os equipamentos mencionados deverão ser devidamente preenchidas conforme determinado a seguir. Deverá ser preenchida uma folha de dados para cada tipo de equipamento

Leia mais

PREGÃO 056/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 058/2013

PREGÃO 056/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 058/2013 PREGÃO 056/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 058/2013 Aos dezessete dias do mês de dezembro do ano de 2013 a Prefeitura Municipal de João Pessoa, através da Comissão Especial de Registro de Preços, designada

Leia mais

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu Onde lê-se: LOTE III Aviso aos interessados em participar do Pregão Presencial Nº 08/2016 do termo de referencia do referido edital 3. Estabilizador 3.1. Configuração única 5 unidades Leia-se: LOTE III

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAUCÁRIA CNPJ: 76.105.535/0001-99

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAUCÁRIA CNPJ: 76.105.535/0001-99 RESULTADO DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 5524/2012 - PREGÃO Nº 098/2012 TIPO MENOR PREÇO OBJETO: "Aquisição de centrais de alarmes e conjuntos de acessórios necessários para instalação de alarmes

Leia mais

Bens Selecionados - Ordenado por Descrição

Bens Selecionados - Ordenado por Descrição 1 24001112 PB000740 BASTIDOR COM PAINEL LATERAL REMOVIVEL OCIOSO 23/12/1998 850,00 2 24001763 PB001515 BASTIDOR COM PAINEL LATERAL REMOVIVEL OCIOSO 20/12/2004 895,52 3 24001388 PB000741 BASTIDOR COM PAINEL

Leia mais

Informática Arquitetura de Computadores. Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa lessavaleria@gmail.com Valeria-lessa@uergs.edu.br

Informática Arquitetura de Computadores. Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa lessavaleria@gmail.com Valeria-lessa@uergs.edu.br Arquitetura de Computadores Profª. Me. Valéria Espíndola Lessa lessavaleria@gmail.com Valeria-lessa@uergs.edu.br 1 Arquitetura do Computador 1 Monitor 2 Placa mãe 3 Processador (CPU) 4 Memória RAM 5 Placas

Leia mais

AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL. Sistema Integrado de Teste em Umbilicais

AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL. Sistema Integrado de Teste em Umbilicais BI AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL Sistema Integrado de Teste em Umbilicais Objetivos da Apresentação Demonstrar a Arquitetura de hardware e software da National Instruments utilizada na solução; Discutir

Leia mais

DIGIREP. Registro Eletrônico de Ponto

DIGIREP. Registro Eletrônico de Ponto DIGIREP Registro Eletrônico de Ponto DigiREP é um equipamento para Registro Eletrônico de Ponto, com impressão das marcações, atendendo à Portaria 1510 do Ministério do Trabalho e Emprego - MTE. A Digicon

Leia mais

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles:

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles: RESUMO Um sistema de informação é composto de três componentes, Hardware, Software e Peopleware. Para quantificar a memória do equipamento é utilizado um sistema de medida, ou seja, o byte, que significa

Leia mais

Circuitos Elétricos. Elementos de Circuitos Parte 1

Circuitos Elétricos. Elementos de Circuitos Parte 1 Circuitos Elétricos Elementos de Circuitos Parte 1 Resistor Um elemento de dois terminais (bipolo) é chamado resistor se, a qualquer instante t, sua tensão v(t) e sua corrente i(t) satisfizerem uma relação

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação Componentes Sistema Informação Hardware - Computadores - Periféricos Software - Sistemas Operacionais - Aplicativos - Suítes Peopleware - Analistas - Programadores - Digitadores

Leia mais

QUALIFICAÇÃO TÉCNICA EM HARDWARE

QUALIFICAÇÃO TÉCNICA EM HARDWARE OPORTUNIDADE Estamos diante de um fato: o computador está presente em estabelecimentos dos mais diversos ramos e em muitos lares brasileiros. Sem dúvida este dado revela uma grande oportunidade no mercado

Leia mais

Encoder Magnético. Contexto Social e Profissional da Engenharia Mecatrônica. Grupo 8: Danilo Zacarias Júnior. Leonardo Maciel Santos Silva

Encoder Magnético. Contexto Social e Profissional da Engenharia Mecatrônica. Grupo 8: Danilo Zacarias Júnior. Leonardo Maciel Santos Silva Encoder Magnético Contexto Social e Profissional da Engenharia Mecatrônica Grupo 8: Danilo Zacarias Júnior Leonardo Maciel Santos Silva Yuri Faria Amorim Índice Resumo... 03 1. Introdução... 04 2. Desenvolvimento...

Leia mais

Manual de Instalação Corporate

Manual de Instalação Corporate Manual de Instalação Corporate Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Imobiliária21

Leia mais

Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída

Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída Classificação dos dispositivos (ou periféricos) ricos) Entrada Teclado Rato, touchpad, pointing device, track ball Scanner Câmaras digitais (fotográficas

Leia mais

CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS OPENLAB

CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS OPENLAB CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS OPENLAB Este sistema é formado pelos seguintes elementos, compatíveis entre si e especialmente projetados para o estudo de máquinas elétricas. Código

Leia mais

De ponta a ponta com você.

De ponta a ponta com você. R De ponta a ponta com você. R CABOS COAXIAIS, PARES TRANÇADOS E ACESSÓRIOS Os cabos especiais da RFS (coaxiais e pares trançados) são reconhecidos pelo mercado como sinônimo de qualidade e confiabilidade.

Leia mais

Noções de Hardware. André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com)

Noções de Hardware. André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Hardware André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Gerações de hardware Tipos de computadores Partes do Microcomputador Periféricos Armazenamento de

Leia mais

ANEXO I RELAÇÃO DE PRODUTOS

ANEXO I RELAÇÃO DE PRODUTOS ANEXO I RELAÇÃO DE PRODUTOS Item Qtde. Unidade Descrição 01 2 Unidade Computador tipo Desktop Slim com as características mínimas a seguir: Processador: baseado na Arquitetura de núcleos Intel Core I5

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Manobra de Capacitores

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Manobra de Capacitores Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Contatores para Manobra de Capacitores Manobras de Capacitores para Correção do Fator de Potência A linha de contatores especiais CWMC

Leia mais

Descrição e dimensões dos itens elétricos

Descrição e dimensões dos itens elétricos Descrição e dimensões dos itens elétricos Item 2 2.1 Condutivímetro (Kit 01 Química - Compostos Iônicos) Lâmpada miniatura rosca. Voltagem 6 volts. Corrente 150 ma à 250 ma Diâmetro 9,5 mm e altura 22

Leia mais

sobre Hardware Conceitos básicos b Hardware = é o equipamento.

sobre Hardware Conceitos básicos b Hardware = é o equipamento. Conceitos básicos b sobre Hardware O primeiro componente de um sistema de computação é o HARDWARE(Ferragem), que corresponde à parte material, aos componentes físicos do sistema; é o computador propriamente

Leia mais

Fontes de Alimentação CC Programáveis de Alta Potência Série PVS

Fontes de Alimentação CC Programáveis de Alta Potência Série PVS Especificações Técnicas As fontes de alimentação CC programáveis PVS10005, PVS60085 e PVS60085MR fornecem potências de até 5,1kW, excelente regulação e características que permitem rápidas transições de

Leia mais

TOMADAS E INTERRUPTORES

TOMADAS E INTERRUPTORES BORNES COM CONEXÃO AUTOMÁTICA 6110 11 6110 21 6120 11 6120 16 Interruptores Interruptores simples 20 6110 10 1 módulo borne automático 1 20 6110 00 1 módulo 1 10 6110 20 1 módulo com luz (1) 1 10 6120

Leia mais

CONDICIONADORES DE SINAIS

CONDICIONADORES DE SINAIS Condicionadores de Sinais de Montagem em Trilho DIN A/IN A/OUT Série DRG-SC U Modelos disponíveis para termopares, RTDs, tensão e corrente CC, frequência, ponte do sensor de deformação/tensão, tensão e

Leia mais

Material apresentado exclusivamente aos alunos da disciplina, com conteúdo referenciado da literatura e disponível na www NÃO CIRCULAR

Material apresentado exclusivamente aos alunos da disciplina, com conteúdo referenciado da literatura e disponível na www NÃO CIRCULAR Coletor automático de dados (datalogger) e sensores elétricos Disciplina ACA 221 Instrumentos Meteorológicos e Métodos de Observação Humberto Ribeiro da Rocha, Helber Freitas, Eduardo Gomes apoio à Aula

Leia mais

ANEXO 3 FOLHA DE DADOS

ANEXO 3 FOLHA DE DADOS PROJETO BÁSICO DOF 001 / 2010 ANEXO 3 FOLHA DE DADOS EQUIPAMENTO: Medidores de Faturamento SE ABUNÃ - FOLHA DE DADOS Quantidade: 8 (oito) Fabricante Modelo FUNCIONAIS Compatibilidade com IEC 687 Classe

Leia mais

Sendo só para o momento, aproveito a oportunidade para renovar-lhe protestos de estima e consideração.

Sendo só para o momento, aproveito a oportunidade para renovar-lhe protestos de estima e consideração. Ofício Circular n.º 15/98 - AI São Paulo, 16 de junho de 1998. Prezado(a) Senhor (a) Devido às constantes evoluções na tecnologia de recursos de informática, o parque de equipamentos de informática da

Leia mais

ANEXO VI MODELO DE PROPOSTA (PAPEL TIMBRADO DA EMPRESA)

ANEXO VI MODELO DE PROPOSTA (PAPEL TIMBRADO DA EMPRESA) ANEXO VI MODELO DE PROPOSTA (PAPEL TIMBRADO DA EMPRESA) Ao, Excelentíssimo Senhor, Prefeito Municipal de Três de Maio Apresentamos abaixo nossa proposta para fornecimento de equipamentos de informática

Leia mais

3. Cite o nome e características do ponto mais alto e do ponto mais baixo de uma onda?

3. Cite o nome e características do ponto mais alto e do ponto mais baixo de uma onda? Exercícios: 1. Sobre:Ondas Responda: a. O que é a Natureza de Ondas? b. O que origina as Ondas Mecânicas? c. As Ondas Mecânicas se propagam no vácuo? Explique a sua resposta. d. Quais são os elementos

Leia mais

Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização

Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 07/2011 Sumário 3 1 Configuração padrão Marca e modelo do equipamento deverão constar da HCL - Lista

Leia mais

Soluções em. Teste & Medição. Getrotech Global Electrotechincal Solution Distribuindo soluções com tecnologia de ponta!

Soluções em. Teste & Medição. Getrotech Global Electrotechincal Solution Distribuindo soluções com tecnologia de ponta! 2015 Soluções em Teste & Medição Getrotech Global Electrotechincal Solution Distribuindo soluções com tecnologia de ponta! Apresentação A Getrotech Global Electrotechincal Solution, fundada em julho de

Leia mais

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA.

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. TRANSFORMADORES MONOFÁSICOS DE ISOLAÇÃO COM BLINDAGEM APLICAÇÃO Os transformadores monofásicos de isolação com blindagens, magnética e eletrostática, foram desenvolvidos

Leia mais

ANEXO I DO OJETO. Descritivo: Cabo de Rede 04 Pares Trançados blindados que contenham malha de proteção interna.

ANEXO I DO OJETO. Descritivo: Cabo de Rede 04 Pares Trançados blindados que contenham malha de proteção interna. ANEXO I DO OJETO O objeto desta licitação é AQUISIÇÃO DE SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA, com entrega conforme necessidade da FUSAM conforme especificação descrita abaixo: 1- Mouses - 15 UNIDADES Com sensor

Leia mais

Programa Trainee 2012 Módulo 3 Projeto de Placas de Circuito Impresso

Programa Trainee 2012 Módulo 3 Projeto de Placas de Circuito Impresso Programa Trainee 2012 Módulo 3 Projeto de Placas de Circuito Impresso Conteúdo 05 Confecção da Placa de Circuito Impresso Mayara de Sousa Prof. Leandro Schwarz Tempo Estimado 4 h.a. Sumário Equipamentos

Leia mais

Informática. Aulas: 01 e 02/12. Prof. Márcio Hollweg. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.

Informática. Aulas: 01 e 02/12. Prof. Márcio Hollweg. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM. Informática Aulas: 01 e 02/12 Prof. Márcio Hollweg UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO

Leia mais

Modulador e demodulador PWM

Modulador e demodulador PWM Modulador e demodulador PWM 2 ATENÇÃO O autor não se responsabiliza pelo uso indevido das informações aqui apresentadas. Danos causados a qualquer equipamento utilizado juntamente com os circuitos aqui

Leia mais

Quadros Afortec. LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p)

Quadros Afortec. LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p) LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p) A Lousa Digital Multimídia é um sistema desenvolvido para Escolas, Empresas, e Órgãos do Governamentais que precisam de uma solução prática contendo

Leia mais

ANEXO 1 CONCORRÊNCIA PÚBLICA DE Nº 007/2007 Aquisição de Equipamentos Servidores de Rede para a Gerência e Manutenção da Rede RAAP/UFAM

ANEXO 1 CONCORRÊNCIA PÚBLICA DE Nº 007/2007 Aquisição de Equipamentos Servidores de Rede para a Gerência e Manutenção da Rede RAAP/UFAM 1 Estação de Monitoramento da Rede incluindo: Processador Tecnologia: core duo Front Side Bus de 800MHz Clock: GHz Cache L: de 1 MB Socket: LGA775 GB DDR 667MHz 40 pinos, com as seguintes especificações:

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA Departamento Informática Disciplina Sistemas de Instrumentação Engenharia de Sistemas e 1 Ano Curso Ano 2º Semestre Informática º Lectivo Aulas TeóricoPráticas Ficha de Trabalho N.º5 2005/2006 Título Sistemas

Leia mais

Hardware 2. O Gabinete. Unidades Derivadas do BYTE. 1 KB = Kilobyte = 1024B = 2 10 B. 1 MB = Megabyte = 1024KB = 2 20 B

Hardware 2. O Gabinete. Unidades Derivadas do BYTE. 1 KB = Kilobyte = 1024B = 2 10 B. 1 MB = Megabyte = 1024KB = 2 20 B 1 2 MODULO II - HARDWARE AULA 01 OBiteoByte Byte 3 Definições: Bit é a menor unidade de informação que circula dentro do sistema computacional. Byte é a representação de oito bits. 4 Aplicações: Byte 1

Leia mais

4.1 - Sistema de I/O. CEFET-RS Curso de Eletrônica. Organização de Computadores. Profs. Roberta Nobre & Sandro Silva

4.1 - Sistema de I/O. CEFET-RS Curso de Eletrônica. Organização de Computadores. Profs. Roberta Nobre & Sandro Silva CEFET-RS Curso de Eletrônica 4.1 - Sistema de Profs. Roberta Nobre & Sandro Silva robertacnobre@gmail.com e sandro@cefetrs.tche.br Sistema de Interface ou Controladora Periféricos Portas Unidade 04.1.2

Leia mais

1 R$ 3.090,00 R$ 3.090,00 PROPESP Back digital de 50 megapixels compatível com a câmera Hasselblad H3DII, dispositivo de conexão GPS, viewfinder 17

1 R$ 3.090,00 R$ 3.090,00 PROPESP Back digital de 50 megapixels compatível com a câmera Hasselblad H3DII, dispositivo de conexão GPS, viewfinder 17 PROJETO 351-PU-07 TRDB nº Descrição dos Bens Quant Valor Unitário Valor Total Local 14 1 R$ 94.100,00 R$ 94.100,00 PROPESP 1 R$ 34.250,00 R$ 34.250,00 PROPESP 1 R$ 17.550,00 R$ 17.550,00 PROPESP 1 R$ 3.090,00

Leia mais

NEWERA PDV ELGIN. Solução completa composto por: PC Newera E3 slim + CCD BS 300 + Monitor LCD ELGIN 14.1" + Impressora FIT 1E + Gaveta.

NEWERA PDV ELGIN. Solução completa composto por: PC Newera E3 slim + CCD BS 300 + Monitor LCD ELGIN 14.1 + Impressora FIT 1E + Gaveta. NEWERA PDV ELGIN Solução completa composto por: PC Newera E3 slim + CCD BS 300 + Monitor LCD ELGIN 14.1" + Impressora FIT 1E + Gaveta. NEWERA E3 Slim Projetado para utilização na Automação Comercial, ideal

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Group Folha no servidor...6

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO. Item 0001

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO. Item 0001 TERMO DE HOMOLOGAÇÃO Às 16:11 horas do dia 06 de dezembro de 2011, após analisados todos os atos processuais do Pregão Pregão Eletrônico 401/2011, referente ao processo 22522/11, o Sr(a). Francisco Robalo

Leia mais