CONDIÇÕES GERAIS. ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONDIÇÕES GERAIS. ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR"

Transcrição

1 ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR ENTRE: JAPRAC Rent-a-Car, Aluguer de Automóveis, Lda., com sede na Rua Central de Mouriz, n.º 464, Mouriz Paredes, matriculada na Conservatória do Registo Comercial de Paredes, sob o número de pessoa colectiva , titular do alvará n.º 01/1983 para o exercício da Indústria de Aluguer de Veículos ligeiros de passageiros sem condutor e alvará n.º 36/1989 para o exercício da Indústria de Aluguer de Veículos ligeiros de mercadorias sem condutor, doravante designada por JAP Rent-a-Car, neste acto representado por Amândio Lima, na qualidade de Gestor de Conta, E ASFIC Associação Sindical dos Funcionários de Investigação Criminal da Policia Judiciaria, com sede na Rua Assis Vaz, nº 113, Porto, pessoa colectiva n.º , doravante designada por CLIENTE, aqui representado por Miguel Sousa na qualidade de Presidente da ASFIC Norte. PREÂMBULO JAP Rent-a-Car concederá ao CLIENTE, a tarifa especial conforme tabela anexa a) O CLIENTE poderá efectuar a reserva responsabilizando-se integralmente pela liquidação da mesma assim como respectivos danos e franquias. b) Ou, poderá efectuar a reserva responsabilizando-se somente pela liquidação desta. Danos, combustível e eventuais franquias serão da responsabilidade do utilizador da viatura pelo que a JAP Rent-a-Car solicitará ao referido utilizador depósito de caução/garantia exigível através de cartão de crédito, de acordo com as condições gerais de aluguer que poderão ser consultadas na web page com o endereço c) As reservas só serão aceites mediante o preenchimento da requisição disponibilizada pela ASFIC onde deverão estar preenchidos os campos obrigatórios: nome do condutor; grupo da viatura, período de aluguer (dia/hora/local/inicio e final do aluguer). d) As condições aqui mencionadas são extensíveis a todos os funcionários da ASFIC devidamente identificados e nos seguintes termos: O colaborador efectuara a reserva mediante o preenchimento da requisição disponibilizada para o efeito, mencionando na mesma que a liquidação desse aluguer será da sua responsabilidade. Neste caso, a JAPRAC Rent-a-Car, pedirá ao utilizador o pagamento antecipado do aluguer, acrescido de um depósito de caução/garantia exigível através de cartão de crédito, de acordo com as condições gerais de aluguer que poderão ser consultadas na web page com o endereço 1 Para os efeitos indicados nos pontos anteriores o CLIENTE, enviará à JAP Rent-a-Car requisição do serviço onde antecipadamente indicará uma das opções mencionadas nos pontos anteriores, sendo que em caso omisso assume-se a alínea a). CONDIÇÕES GERAIS 1. OO PREÇOS DE ALUGUER SÃO CONSTANTES do ANEXO I e incluem de base: 1.1. SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL Seguro cuja cobertura cobre danos físicos e materiais causados a terceiros até ao limite mínimo legal obrigatório de 3,25 milhões de euros;

2 1.2. CDW Seguro de danos próprios que garante protecção em caso de acidente - choque, colisão ou capotamento, permitindo reduzir a responsabilidade até ao valor da franquia. Os valores de franquia variam consoante o grupo ou categoria do veículo alugado e estão descritas no ANEXO I, constando do ANEXO II os custos caso o CLIENTE requeira a sua redução para valor mínimo. Esta protecção exclui actos de vandalismo, pneumáticos e jantes, pára-brisas, parte superior ou inferior da viatura sem colisão, utilização incorrecta e/ou negligência, ou incumprimento do código da estrada TP Seguro de Roubo - Esta cobertura garante protecção em caso de roubo da viatura (exclui componentes) permitindo reduzir a responsabilidade até ao valor da franquia. Para accionar esta protecção é necessária apresentação da participação de roubo junto das autoridades e chave original da viatura Assistência em Viagem 24 horas por dia por avaria ou acidente do veículo alugado. Este serviço proporciona a desempanagem ou o reboque do veículo alugado e transporte dos ocupantes para os parques centrais. O número telefónico de contacto da assistência em viagem está disponível na Carta Verde de seguro no folder colocado no veículo Manutenção do Veículo O CLIENTE ou os condutores por este autorizados são responsáveis pelo uso do veículo e pela observância das normas de utilização preconizadas pelos fabricantes. Todas as despesas de reparação, manutenção ou reposição de óleos e fluídos que não excedam o valor de 25,00 serão reembolsadas mediante a apresentação da respectiva venda a dinheiro em nome da JAP Rent-a-Car, número de identificação fiscal n.º As despesas de valor superior estão contempladas e serão suportadas pela JAP Rent-a-Car desde que cumpridas as especificação de utilização anteriormente indicadas mas, deverá ser solicitada autorização prévia Veículo de Substituição Sempre que o veículo alugado não poder ser utilizado por avaria e ou sinistro, a JAP Rent-a-Car disponibilizará de imediato um veículo de substituição, devendo o mesmo ser levantado na estação de aluguer mais próxima. No ANEXO II constam os preços dos Seguros e Produtos Complementares, genericamente designados por EXTRAS DE ALUGUER que o CLIENTE adicionalmente poderá contratar de acordo e ao preço indicado. As opções, Seguros e Produtos Complementares mencionadas no referido ANEXO II como Incluído fazem parte integrante e contempladas na tarifa de aluguer. Os preços constantes do ANEXO I e ANEXO II poderão ser alteradas a qualquer momento, com fundamento nas alterações profundas e oscilações bruscas nas condições de mercado, desde que comunicadas ao CLIENTE com pré-aviso de 15 dias. 2. ENTREGA E DEVOLUÇÃO DO VEÍCULO ALUGADO - As viaturas deverão ser levantadas e devolvidas nas nossas estações durante o horário normal de funcionamento Entregas e recolhas efectuadas fora do horário normal de funcionamento encontram-se sujeitas a taxa adicional de acordo com preçário constante no Anexo II Entregas e recolhas em locais fora das estações JAP Rent-a-Car solicitados pelo CLIENTE, estão incluídas e desde que solicitadas com um período de antecedência de 24 horas, caso contrário ficarão condicionadas á entrega do local pretendido. Em caso de urgência poderão ser levantadas nos balcões JAP Rent-a-Car Não é permitido com esta tarifa a entrega ou recolha da viatura fora do país A CIRCULAÇÃO FORA DE PORTUGAL CONTINENTAL carece de autorização escrita por parte da JAP Rent-a-Car e encontra-se sujeita a taxa adicional de acordo com preçário constante no Anexo II.

3 3. As RESERVAS ESTÃO SEMPRE SUJEITAS A CONFIRMAÇÃO de disponibilidade por parte da JAP Rent-a-Car, podendo os modelos de veículos indicados nos grupos de aluguer constantes do ANEXO I ser substituídos por veículos similares, não existindo assim qualquer garantia quanto à marca, modelo, cor ou equipamento dos veículos reservados. 4. O PERÍODO MÍNIMO DE ALUGUER é de 24 horas a contar da data e da hora da entrega do veículo Os PROLONGAMENTOS DOS ALUGUERES encontram-se sujeitos a disponibilidade e autorização por parte da JAP Rent-a-Car e deverão ser solicitados pelo CLIENTE directamente ao balcão onde o aluguer foi iniciado ou, alternativamente mediante FAX ou dirigido à central de reserva da JAP Rent-a-Car 4.2. O PERÍODO DE TOLERÂNCIA: Todos os alugueres terão um período de tolerância gracioso de 2 (duas) horas; após este prazo será cobrado mais um dia de aluguer. 5. Em CASO DE ACIDENTE E/OU SINISTRO, ROUBO (total ou de componentes) da viatura ou DANOS CAUSADOS POR TERCEIROS, é da responsabilidade do CLIENTE, o pagamento dos danos ou dos valores de perda da viatura à JAP Rent-a- Car até ao montante da franquia, valores conforme tabela constante do ANEXO I, desde que não exista um terceiro culpado e devidamente identificado. 6. No entanto o CLIENTE é sempre responsável pelo pagamento da franquia mencionada no ponto anterior pois esta será sempre accionada independentemente de quem for a responsabilidade do acidente e/ou sinistro. Posteriormente, e após peritagem e parecer das companhias seguradoras envolvidas, é que a JAPRAC Rent-a-Car poderá reembolsar o valor da franquia ao CLIENTE se vier a verificar que a culpa é do terceiro. 7. Em CASO DE ACIDENTE e/ou SINISTRO o CLIENTE ou os condutores por este indicado e autorizados obriga-se a: 7.1. Participar e a exigir a presença da autoridade policial para o devido registo da ocorrência, 7.2. Tirar nomes e moradas das partes envolvidas e testemunhas e a preencher a declaração amigável de acidente, 7.3. Não admitir culpa ou responsabilidade, 7.4. Não abandonar o veículo sem tomadas as providências necessárias de participação e protecção, 7.5. Comunicar JAP Rent-a-Car num prazo não superior a 48 horas a ocorrência, mesmo tratando-se de pequenos danos O CLIENTE SERÁ AINDA RESPONSÁVEL, com exclusão dos alugueres efectuados ao abrigo da alínea b) do preâmbulo, perante a JAP Rent-a-Car por todos os prejuízos e danos que esta sofra caso os condutores indicados e autorizados pelo CLIENTE utilizem o veículo para fins diferentes do que se destina, designadamente, 8.1. Para o transporte de mercadorias com violação dos regulamentos alfandegários, ou em qualquer actividade de carácter ilegal, 8.2. Para provas desportivas ou outras actividades que implique desgaste no veículo que não seja uso normal e prudente, 8.3. Para transporte de ocupantes ou mercadorias que impliquem serviço remunerado, 8.4. Para mover qualquer veículo ou reboque, 8.5. Com combustíveis ou lubrificantes que possuam características e qualidade diferente das mencionadas pelo fabricante. 9. Considera-se causa de INCUMPRIMENTO DO CONTRATO DE ALUGUER, violado quando o veículo for conduzido por condutor indicado pelo CLIENTE: 9.1. De forma imprópria, imprudente ou negligente, 9.2. Em flagrante desrespeito às leis de trânsito, 9.3. Após a ingestão de bebidas alcoólicas acima dos limites permitidos por lei, de barbitúricos, drogas, alucinogénios, calmantes

4 ou quaisquer outros medicamentos que limitem ou reduzem as capacidades de reflexo. 10. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO: A JAP Rent-a-Car logo que aprovada e efectuada a abertura de crédito, enviará ao CLIENTE as facturas decorrentes da utilização dos nossos serviços, obrigando-se o CLIENTE a liquidar as mesmas num prazo superior a 30 dias após a data de emissão A JAP Rent-a-Car poderá suspender a facilidade de crédito sempre que se encontrem vencidas e não pagas qualquer factura ou sempre que o plafond de crédito estabelecido seja ultrapassado O não pagamento dentro dos prazos acordados reserva ainda o direito à JAP Rent-a- Car de debitar juros moratórios de acordo com o n.º 4 do Art.º 102 do C. Com., bem como o débito de outras despesas incorridas com a aludida cobrança. Este acordo terá data de início em 01/04/2012, é valido pelo período de 9 meses, e será renovado automaticamente por iguais e sucessivos períodos caso nenhuma das partes manifeste desejo contrário, com antecedência mínima de 15 dias, por carta registada com aviso de recepção. Para os casos omissões e/ou condições não regulados neste ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR serão aplicadas as condições gerais de aluguer JAPRAC Rent-a-Car disponíveis para consulta nos balcões ou na web page com o endereço O CLIENTE, compromete-se a não divulgar as condições desta tarifa especial. Para dirimir qualquer conflito emergente deste ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR fica estabelecido o foro da comarca de Paredes com expressa renúncia a qualquer outro. 4 Por comum acordo prescindem as partes do reconhecimento notarial das assinaturas apostas no presente ACORDO COMERCIAL para PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ALUGUER AUTOMÓVEL SEM CONDUTOR, pelo que renunciam ao direito de invocar qualquer vínculo contratual resultante de tal dispensa. É assinado por ambas as partes, celebrado em duplicado, Lisboa, 01 de Abril de 2012 P JAP Rent-a-Car Nome Completo: Amândio Alberto Pereira Lima

5 P CLIENTE (Carimbo e Assinatura) Nome Completo de quem assina: 5

Acordo Preferencial para Prestação de Serviços de Aluguer de Automóveis sem Condutor

Acordo Preferencial para Prestação de Serviços de Aluguer de Automóveis sem Condutor PROTOCOLO COMERCIAL Acordo Preferencial para Prestação de Serviços de Aluguer de Automóveis sem Condutor ENTRE, com sede em Lj. 11 e 12 4760-014 V.N. Famalicão, pessoa colectiva 507 591 682, neste acto

Leia mais

PROPOSTA DE ACORDO DE SERVIÇOS DE ALUGUER DE AUTOMÓVEIS SEM CONDUTOR AMCPN ASSOCIAÇÃO DE MORADORES E COMERCIANTES DO PARQUE DAS NAÇÕES

PROPOSTA DE ACORDO DE SERVIÇOS DE ALUGUER DE AUTOMÓVEIS SEM CONDUTOR AMCPN ASSOCIAÇÃO DE MORADORES E COMERCIANTES DO PARQUE DAS NAÇÕES PROPOSTA DE ACORDO DE SERVIÇOS DE ALUGUER DE AUTOMÓVEIS SEM CONDUTOR AMCPN ASSOCIAÇÃO DE MORADORES E COMERCIANTES DO PARQUE DAS NAÇÕES 14 DE NOVEMBRO DE 2011 IMP.DC.02 - Revisão: 1 16.01.2011 1 PROPOSTA

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES. 2.3. O Cliente não poderá utilizar ou permitir o uso do veículo nas seguintes circunstâncias:

TERMOS E CONDIÇÕES. 2.3. O Cliente não poderá utilizar ou permitir o uso do veículo nas seguintes circunstâncias: TERMOS E CONDIÇÕES 1. ESTADO DO AUTOMÓVEL E DEVOLUÇÃO 1.1. O Cliente desde já declara e reconhece que o Automóvel objecto do presente Aluguer encontra-se em bom estado de funcionamento e sem defeitos aparentes,

Leia mais

SEGURO AUTOMÓVEL. Qual a importância do Seguro Automóvel?

SEGURO AUTOMÓVEL. Qual a importância do Seguro Automóvel? SEGURO AUTOMÓVEL Qual a importância do Seguro Automóvel? O proprietário ou o condutor de um veículo são responsáveis pelos prejuízos que este possa causar e, em caso de acidente, podem incorrer em graves

Leia mais

Termos & Condições. 1. Objeto

Termos & Condições. 1. Objeto Termos & Condições 1. Objeto VDL Car Hire, Unipessoal, Lda. (adiante designada VDL Car Hire ), número de contribuinte 513151419, aluga ao cliente o veículo descrito no Contrato de Aluguer, sujeito a todos

Leia mais

uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor

uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor segurtrade motor Segurtrade - Motor é uma solução de protecção para a sua empresa, direccionada para pequenas e médias

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES. 1. Introdução 2. Termos e definições 3. Condições Gerais da BLUEALLIANCE

TERMOS E CONDIÇÕES. 1. Introdução 2. Termos e definições 3. Condições Gerais da BLUEALLIANCE TERMOS E CONDIÇÕES Aplicáveis a partir de 01 de Setembro de 2013 1. Introdução 2. Termos e definições 3. Condições Gerais da BLUEALLIANCE 3.1. Condições Gerais 3.1.1. Idade do Condutor 3.1.2. Carta de

Leia mais

01 MOTORBIKE COLLECTION BMW

01 MOTORBIKE COLLECTION BMW Hertz Ride 2013 01 MOTORBIKE COLLECTION BMW BMW F 700 GS Y6 IYMN BMW R 1200 GS Y6 IYMN R6 SYMN BMW F 800 GS BMW R 1200 RT Z6 LYMN 02 MOTORBIKE COLLECTION TARIFA NACIONAL MOTAS Grupo Acriss Modelo BMW 1

Leia mais

Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do Banco Credibom, S.A., contém o Folheto de e Despesas (que

Leia mais

O presente Contrato de Aluguer respeita exclusivamente ao(s) equipamento(s) descrito(s) na cláusula 1ª das Condições Particulares deste Contrato.

O presente Contrato de Aluguer respeita exclusivamente ao(s) equipamento(s) descrito(s) na cláusula 1ª das Condições Particulares deste Contrato. CONDIÇÕES GERAIS DE ALUGUER BOOM LIFT CLÁUSULA 1ª - OBJECTO DO CONTRATO O presente Contrato de Aluguer respeita exclusivamente ao(s) equipamento(s) descrito(s) na cláusula 1ª das Condições Particulares

Leia mais

Preçário. Banco Cofidis, S.A.

Preçário. Banco Cofidis, S.A. Preçário Banco Cofidis, S.A. BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor do Folheto e Despesas: 05-out-2015 Data de Entrada em vigor do

Leia mais

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 4ª Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 1. Os serviços prestados pela LeasePlan em conformidade

Leia mais

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com Prime Soluções Empresariais SEDE: Rua de Entrecampos, 28, 1749-076 Lisboa Nº de Pessoa Colectiva 502 M 757 - N' de Matricula 08537 C.R.C.L Capital Social de EUR.; 30 000 000. I/ -I- CONTRATO DE PRESTAÇÃO

Leia mais

CONTRATO DE UTILIZADOR

CONTRATO DE UTILIZADOR CONTRATO DE UTILIZADOR Entre: a) Ecopilhas Sociedade Gestora de Resíduos de Pilhas e Acumuladores, Lda., sociedade comercial por quotas, com sede na Praça Nuno Rodrigues dos Santos, n.º 7, 1.º andar sala

Leia mais

Preçário GE CONSUMER FINANCE, I.F.I.C., INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA. Instituição Financeira de Crédito

Preçário GE CONSUMER FINANCE, I.F.I.C., INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA. Instituição Financeira de Crédito Preçário GE CONSUMER FINANCE, I.F.I.C., INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA Instituição Financeira de Crédito Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de O Preçário completo da GE Consumer Finance,

Leia mais

REGULAMENTO DE CEDÊNCIA E UTILIZAÇÃO TEMPORÁRIAS DA VIATURA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DO COMITÉ PARALÍMPICO DE PORTUGAL

REGULAMENTO DE CEDÊNCIA E UTILIZAÇÃO TEMPORÁRIAS DA VIATURA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DO COMITÉ PARALÍMPICO DE PORTUGAL REGULAMENTO DE CEDÊNCIA E UTILIZAÇÃO TEMPORÁRIAS DA VIATURA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DO COMITÉ PARALÍMPICO DE PORTUGAL CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objeto 1. O presente Regulamento estabelece

Leia mais

Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 01-Jan-2014 O Preçário completo do Banque

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho) A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING

NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING NORMAS E CONDIÇÕES GERAIS DE FUNCIONAMENTO LOW COST PARKING 1ª) DEFINIÇÕES 1) Para todos os efeitos as partes acordam as seguintes definições A) Empresa: Low Cost, Estacionamos por Si Lda. B) Parque Low

Leia mais

Condições Gerais.03 .03 .03 .03 .03 .03 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .05 .05

Condições Gerais.03 .03 .03 .03 .03 .03 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .05 .05 ÍNDICE Condições Gerais.03 Artigo 1º Definições.03 Artigo 2º Objecto do Contrato.03 Artigo 3º Garantias do Contrato.03 Artigo 4º Âmbito Territorial.03 Artigo 5º Exclusões.03 Artigo 6º Início e Duração

Leia mais

Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos.

Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos. Ficha técnica 1. TOMADOR DO SEGURO / SEGURADO Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos. São considerados familiares directos: - o cônjuge, desde que viva em

Leia mais

ARTº 1º - UTILIZAÇÃO DO VEÍCULO

ARTº 1º - UTILIZAÇÃO DO VEÍCULO CONDIÇÕES CONTRATUAIS DO ALUGUER DE VEÍCULOS AUTOMÓVEIS SEM CONDUTOR DA SMALL RENT, LDA O PRESENTE CONTRATO REGULA-SE PELAS CONDIÇÕES CONTRATUAIS ESPECIAIS E GERAIS CONSTANTES DO MESMO, AS QUAIS SÃO DO

Leia mais

MILINHA VITOR P. GOMES, UNIPESSOAL, LDA

MILINHA VITOR P. GOMES, UNIPESSOAL, LDA CONDIÇÕES GERAIS E PARTICULARES DE VENDA ON-LINE As presentes CONDIÇÕES GERAIS E PARTICULARES DE VENDA ON-LINE são acordadas livremente e de boa-fé entre Vitor Pereira Gomes, Unipessoal, Lda. com sede

Leia mais

Artigo 3º. Condições para o exercício de serviços admitidos no Aeroporto

Artigo 3º. Condições para o exercício de serviços admitidos no Aeroporto ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO do exercício de serviços de rent-a-car por empresas sem instalações no domínio público aeroportuário e com reserva devidamente comprovada (Aeroporto de Lisboa) Considerando que:

Leia mais

Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANQUE PSA FINANCE (SUCURSAL EM PORTUGAL) SUCURSAL Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 02-fev-2015 O Preçário completo do Banque

Leia mais

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS Artigo Preliminar... 03 Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões Artigo 1.º - Definições... 03 Artigo 2.º - Objecto do contrato...

Leia mais

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor do Folheto de e Despesas: 01-set-2015 Data de Entrada em vigor do

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL (ao abrigo do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de Junho) A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Regulamento de Uso de Veículos. Secção I Disposições Gerais

Regulamento de Uso de Veículos. Secção I Disposições Gerais Regulamento de Uso de Veículos Secção I Disposições Gerais Artigo 1.º Objecto Nos termos do n.º 2 do artigo 11.º do Decreto-Lei n.º 170/2008, de 26 de Agosto, que define o novo regime jurídico do Parque

Leia mais

Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS

Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Entrada em vigor: 1-out-2015

Leia mais

Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS

Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Preçário SOFINLOC - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO O Preçário completo da Sofinloc

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS PARA ALUGUEL DE MOTOCICLETA

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS PARA ALUGUEL DE MOTOCICLETA TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS PARA ALUGUEL DE MOTOCICLETA Estes Termos e Condições de aluguel são destinadas a regular o contrato a ser firmado entre a A&K Motos e Turismo Ltda. EPP (A&K Motorcycle Rentals)

Leia mais

M U N I C Í P I O D E V A L E N Ç A C ÂMARA MUNICIPAL

M U N I C Í P I O D E V A L E N Ç A C ÂMARA MUNICIPAL NORMAS DE FUNCIONAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DA COROADA As zonas de estacionamento da Coroada, adiante designadas por parques ou Parques da Coroada, são parte integrante das áreas de estacionamento

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE VEÍCULO

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE VEÍCULO CONTRATO DE LOCAÇÃO DE VEÍCULO 1 DA LOCAÇÃO: 1.1 O Veículo objeto da presente locação, inclusive acessórios, devidamente caracterizado no anverso, está sendo entregue em perfeitas condições de funcionamento

Leia mais

ficha de produto automóvel 2Rodas

ficha de produto automóvel 2Rodas ficha de produto automóvel 2Rodas O que é? O Seguro auto 2Rodas é um seguro que visa garantir o pagamento de indemnizações dos prejuízos sofridos em consequência direta das coberturas e com os limites

Leia mais

PME Investe VI. Linha de Crédito Micro e Pequenas Empresas

PME Investe VI. Linha de Crédito Micro e Pequenas Empresas PME Investe VI Linha de Crédito Micro e Pequenas Empresas Objectivos Esta Linha de Crédito visa facilitar o acesso ao crédito por parte das micro e pequenas empresas de todos os sectores de actividade,

Leia mais

Preçário BBVA, INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA. Instituição Financeira de Crédito

Preçário BBVA, INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA. Instituição Financeira de Crédito Preçário BBVA, INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, SA Instituição Financeira de Crédito Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do(a) BBVA,

Leia mais

Preçário MERCEDES-BENZ FINANCIAL SERVICES PORTUGAL - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO

Preçário MERCEDES-BENZ FINANCIAL SERVICES PORTUGAL - INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO Preçário MERCEDESBENZ FINANCIAL SERVICES PORTUGAL INSTITUICAO FINANCEIRA DE CREDITO, SA INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Leia mais

Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade. Das Welt Auto. 24 horas

Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade. Das Welt Auto. 24 horas Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade Das Welt Auto 24 horas Serviço Mobilidade Das Welt Auto 24 horas * Nos termos da lei nº 67/98, de 26.10, a base de dados com todos os clientes desta

Leia mais

Preçário RCI BANQUE SUCURSAL PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário RCI BANQUE SUCURSAL PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário RCI BANQUE SUCURSAL PORTUGAL BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo da RCI Banque Sucursal Portugal, contém o Folheto

Leia mais

proposta de adesão ao serviço facturação repartida (vpn)

proposta de adesão ao serviço facturação repartida (vpn) proposta de adesão ao facturação repartida (vpn) postal - Entre a TMN - Telecomunicações Móveis, S.A., e o cliente vigora um acordo de prestação de telefónico móvel, a que corresponde o cartão do plano

Leia mais

REGULAMENTO. Considerando que:

REGULAMENTO. Considerando que: REGULAMENTO Considerando que: do exercício de serviços de rent-a-car por empresas sem instalações no domínio público aeroportuário e com reserva devidamente comprovada (Aeroporto Francisco Sá Carneiro)

Leia mais

ficha de produto automóvel

ficha de produto automóvel ficha de produto automóvel O que é? O Seguro de Automóvel é um seguro que visa garantir o pagamento de indemnizações dos prejuízos sofridos em consequência direta das coberturas e com os limites de indemnização

Leia mais

Liberty Responsabilidade Civil Titulares de Licença para Uso e Porte de Armas e sua Detenção

Liberty Responsabilidade Civil Titulares de Licença para Uso e Porte de Armas e sua Detenção Titulares de Licença para Uso e Porte de Armas e sua Detenção Condições gerais 1070314-05.2010 Liberty Responsabilidade Civil Titulares de Licença para Uso e Porte de Armas ou sua Detenção ÍNDICE Condições

Leia mais

Preçário BANCO BNP PARIBAS PERSONAL FINANCE, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO BNP PARIBAS PERSONAL FINANCE, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO BNP PARIBAS PERSONAL FINANCE, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 08jun2015 O Preçário completo do Banco BNP

Leia mais

SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA

SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA O seguro que paga a conta do seu cartão emitido pela Unicre nos momentos em que mais precisa, com todo o conforto e segurança. Quando se pergunta porquê ter um plano

Leia mais

(1) Inclui o capital de Responsabilidade Civil Obrigatória: 6.000.000 (Danos Materiais/Danos Corporais).

(1) Inclui o capital de Responsabilidade Civil Obrigatória: 6.000.000 (Danos Materiais/Danos Corporais). 1 FICHA DE PRODUTO Produtos Automóvel A N Seguros tem à sua disposição coberturas que são realmente indispensáveis para a segurança do seu Automóvel, construindo uma proteção à sua medida. Esta ficha de

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada em Matéria de Crédito aos Consumidores, em Caso de Contratação à Distância - Geral. Informação pré-contratual

Ficha de Informação Normalizada em Matéria de Crédito aos Consumidores, em Caso de Contratação à Distância - Geral. Informação pré-contratual A. Elementos de Identificação 1. Identificação da instituição de crédito Ficha de Informação Normalizada em Matéria de Crédito aos Consumidores, em Caso de Contratação à Distância - Geral Informação pré-contratual

Leia mais

Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO CREDIBOM, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do Banco Credibom, S.A., contém o Folheto de e Despesas (que

Leia mais

DIVISÃO ADMINISTRATIVA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DE VEICULOS MUNICIPAIS

DIVISÃO ADMINISTRATIVA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DE VEICULOS MUNICIPAIS CAPTÍULO I DISPOSIÇÕES GERAIS 1 - Objecto O Regulamento de Utilização de Viaturas do Município de Setúbal, de ora em diante designado por Regulamento, visa definir as regras para utilização dos veículos

Leia mais

I OBJECTO II GARANTIAS DE ENTREGA

I OBJECTO II GARANTIAS DE ENTREGA TRANSPORTA TRANSPORTES PORTA A PORTA, S.A. CONDIÇÕES GERAIS I OBJECTO As presentes condições gerais têm como objecto a prestação de serviços de recolha e transporte de remessas do expedidor até aos destinatários

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO REGULAMENTO DE USO DE VEÍCULOS

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO REGULAMENTO DE USO DE VEÍCULOS APROVADO 25 de Junho de 2010 O Presidente, ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DO PORTO (Paulo Parente) REGULAMENTO DE USO DE VEÍCULOS Capítulo I Disposições gerais Artigo 1.º Objecto Nos termos do n.º 2 do

Leia mais

Preçário FCE BANK PLC BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 23-set-2015

Preçário FCE BANK PLC BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 23-set-2015 Preçário FCE BANK PLC BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo da FCE BANK PLC, contém o Folheto de Comissões e Despesas (que incorpora

Leia mais

3. Suspensão do Serviço Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo 1. Objecto

3. Suspensão do Serviço Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo 1. Objecto Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico acessível ao público num local fixo da PT PRIME-Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., com sede na Av. Fontes Pereira de Melo, n.º

Leia mais

SOS LIGHT E BASE CONDIÇÃO ESPECIAL ASSISTÊNCIA EM VIAGEM. www.ipronto.pt

SOS LIGHT E BASE CONDIÇÃO ESPECIAL ASSISTÊNCIA EM VIAGEM. www.ipronto.pt www.ipronto.pt CLÁUSULA PRELIMINAR - DISPOSIÇÕES APLICÁVEIS Na parte não especificamente regulamentada, aplicam-se a esta Condição Especial as Condições Gerais do Seguro Automóvel Facultativo. CLÁUSULA

Leia mais

SEGURO DE CARTÕES DE CRÉDITO CAIXA WOMAN DA CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS CONDIÇÕES GERAIS - 221 APÓLICE N.º AG62635782. 808 29 39 49 fidelidade.

SEGURO DE CARTÕES DE CRÉDITO CAIXA WOMAN DA CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS CONDIÇÕES GERAIS - 221 APÓLICE N.º AG62635782. 808 29 39 49 fidelidade. PROTEÇÃO PESSOAL E FAMILIAR SEGURO DE CARTÕES DE CRÉDITO CAIXA WOMAN DA CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS CONDIÇÕES GERAIS - 221 APÓLICE N.º AG62635782 808 29 39 49 fidelidade.pt Fidelidade - Companhia de Seguros,

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) 25032010 INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DOS PORTADORES DE ARMAS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE Seguros Gerais S. A. Sede Social:

Leia mais

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor do Folheto de e Despesas: 20-abr-2015 Data de Entrada em vigor do

Leia mais

ACORDO DE PARALISAÇÃO 2000

ACORDO DE PARALISAÇÃO 2000 ACORDO DE PARALISAÇÃO 2000 Entre a Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias, Pessoa Colectiva nº 500948470, com sede em Lisboa, na Rua Dr. António Cândido, nº 8, 2º andar,

Leia mais

Apólice N.º AG50001063 SEGURO DE CARTÕES DE DÉBITO PARA NÃO RESIDENTES DA CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS CONDIÇÕES GERAIS - 205

Apólice N.º AG50001063 SEGURO DE CARTÕES DE DÉBITO PARA NÃO RESIDENTES DA CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS CONDIÇÕES GERAIS - 205 ARTIGO PRELIMINAR Entre a FIDELIDADE - COMPANHIA DE SEGUROS, S.A., adiante designada por Segurador, e a Caixa Geral de Depósitos, S.A., adiante designada por Tomador do Seguro, estabelece-se o presente

Leia mais

Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online

Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online Índice Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online Informação de Gestão Elementos de Personalização

Leia mais

protec ligeiros INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS (nos termos do Decreto-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril)

protec ligeiros INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS (nos termos do Decreto-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) protec ligeiros INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS (nos termos do Decreto-Lei n.º 72/2008, de 16 de Abril) Entidade de Supervisão Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões, com sede na Av. da República,

Leia mais

Plano Empresas Reforma

Plano Empresas Reforma Plano Empresas Reforma Condições gerais e especiais 1110599-01.20104 Pela protecção dos valores da vida. Liberty Seguros, S.A. - Av. Fontes Pereira de Melo, n.º 6 1069-001 Lisboa Telef. 808 243 000 - Fax

Leia mais

Manual de Regularização de Sinistros

Manual de Regularização de Sinistros Manual de Regularização de Sinistros Participação de Sinistro Abertura de Processo Peritagem Enquadramento e Definição de Responsabilidades Prazos de Regularização Veículo de substituição Perda Total Participação

Leia mais

Morada: Código Postal: - Morada: Código Postal: - Morada: Código Postal: - N.º de Sinistros com nos Últimos 5 anos: Tomador do seguro/ Segurado

Morada: Código Postal: - Morada: Código Postal: - Morada: Código Postal: - N.º de Sinistros com nos Últimos 5 anos: Tomador do seguro/ Segurado AUTOMÓVEL MÓBIS PROPOSTA DE SEGURO Seguro Novo Alteração Apólice Sucursal Colaborador Mediador 207074605 Banco Comercial Português SA TOMADOR DO SEGURO Morada: Código Postal: Data de Nascimento: Sexo:

Leia mais

Seguro Moto. Condições Gerais, Especiais e Particulares

Seguro Moto. Condições Gerais, Especiais e Particulares Seguro Moto Condições Gerais, Especiais e Particulares ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS PARTE I TUDO SOBRE A COBERTURA DE RESPONSABILIDADE CIVIL OBRIGATÓRIA E, NOS CASOS EXPRESSAMENTE ASSINALADOS, ALGO SOBRE AS

Leia mais

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário BANCO PRIMUS, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor do Folheto de e Despesas: 01-set-2015 Data de Entrada em vigor do

Leia mais

CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO COM PENHOR

CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO COM PENHOR CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO COM PENHOR Entre: 1. BANCO DE INVESTIMENTO GLOBAL, S.A., com sede em Lisboa, na Av. 24 de Julho nº 74 a 76, com o capital social de EUR 104.000.000 (cento e quatro milhões

Leia mais

Preçário INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 11-09-2014

Preçário INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS. Data de Entrada em vigor: 11-09-2014 Preçário INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Data de Entrada em vigor: 11-09-2014 Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 03-08-2015 O Preçário

Leia mais

FAQ s GENÉRICO. 1. O que é o Renting/AOV?

FAQ s GENÉRICO. 1. O que é o Renting/AOV? FAQ s GENÉRICO 1. O que é o Renting/AOV? "Renting" é uma palavra de origem inglesa que significa "Aluguer a Longo Prazo". O Renting ou Aluguer Operacional de Viaturas (AOV) é uma solução de financiamento

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques 1. Localização e lotação dos parques 2. Horários de utilização 3. Acesso aos parques 4. Inscrição para acesso

Leia mais

Qual a importância do seguro automóvel?

Qual a importância do seguro automóvel? Qual a importância do seguro automóvel? O proprietário ou o condutor de um veículo são responsáveis pelos prejuízos que este possa causar e em caso de acidente podem ter de pagar indemnizações elevadas.para

Leia mais

ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7

ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7 ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7 IDENTIFICAÇÃO (Denominação Social) (Denominação Abreviada) Residente Sim Não ( da Sede) (Localidade) (Código Postal) (País) (1º Telefone Empresa) (2º Telefone Empresa)

Leia mais

1. Prestação do serviço de reboque ao abrigo da cobertura de assistência em viagem

1. Prestação do serviço de reboque ao abrigo da cobertura de assistência em viagem Estimado(a) Cliente, É com grande satisfação que a Açoreana Seguros, S.A. lhe dá as boas-vindas ao Pontual Auto. Estamos seguros que o nosso serviço vai fazer toda a diferença. Junto encontra a informação

Leia mais

CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S)

CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S) CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S) ENTRE ALTAVISA GESTÃO DE PATRIMÓNIOS, S.A., pessoa colectiva n.º 507 309 189, com sede em Matosinhos, na Rua Roberto Ivens, n.º 1280, 1.º andar sala 6 4450 251 Matosinhos,

Leia mais

BASES DO CONTRATO...3

BASES DO CONTRATO...3 UNIT LINKED DB VIDA Condições Gerais...2 1. DEFINIÇÕES...2 2. BASES DO CONTRATO...3 3. INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO...4 4. ÂMBITO DA COBERTURA...4 5. GESTÃO DAS UNIDADES DE PARTICIPAÇÃO...4 6. PRÉMIOS...6

Leia mais

PROTOCOLO. 1. A Fidelidade Mundial é uma entidade legalmente autorizada a desenvolver a actividade seguradora em Portugal;

PROTOCOLO. 1. A Fidelidade Mundial é uma entidade legalmente autorizada a desenvolver a actividade seguradora em Portugal; PROTOCOLO Entre Sindicato dos Educadores e Professores Licenciados pelas Escolas Superiores de Educação e Universidades, pessoa colectiva número 503 902233, com sede em Lisboa, na Avenida de Paris, nº

Leia mais

PROTOCOLO. 1ª - REPSOL PORTUGAL COMERCIO DE PETROLEOS E DERIVADOS, LDA, sociedade

PROTOCOLO. 1ª - REPSOL PORTUGAL COMERCIO DE PETROLEOS E DERIVADOS, LDA, sociedade PROTOCOLO Entre: 1ª - REPSOL PORTUGAL COMERCIO DE PETROLEOS E DERIVADOS, LDA, sociedade por quotas, com o capital social de 43.450.000,01, com sede na Rua Mario Dionisio, nº 2, 2º e 3º andares, 2799-558

Leia mais

Condições Gerais do Serviço BIC Net Empresas

Condições Gerais do Serviço BIC Net Empresas Entre o Banco BIC Português, S.A., Sociedade Comercial Anónima, com sede na Av. António Augusto de Aguiar, nº132 1050-020 Lisboa, pessoa colectiva nº 507880510, matriculada na Conservatória do Registo

Leia mais

Regulamento do controle de acesso automóvel à área pedonal da cidade Braga

Regulamento do controle de acesso automóvel à área pedonal da cidade Braga 1 Regulamento do controle de acesso automóvel à área pedonal da cidade Braga Preâmbulo As condições, sem adequado controle, em que se processa o acesso à vasta área pedonal da cidade de Braga, impõem a

Leia mais

DELIBERAÇÃO. Assim, o conselho diretivo do IMT, I.P., em reunião ordinária, realizada em 22 de fevereiro de 2013, delibera o seguinte:

DELIBERAÇÃO. Assim, o conselho diretivo do IMT, I.P., em reunião ordinária, realizada em 22 de fevereiro de 2013, delibera o seguinte: DELIBERAÇÃO CONTRATO DE GESTÃO DE CENTRO DE INSPEÇÃO DE VEÍCULOS A Lei n.º 11/2011, de 26 de abril, que estabelece o regime jurídico de acesso e permanência na atividade de inspeção técnica a veículos

Leia mais

Regulamento Geral. das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada

Regulamento Geral. das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada Regulamento Geral das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada Capitulo I Dos Princípios Gerais Artigo 1º Lei Habilitante O presente Regulamento é elaborado e aprovado ao abrigo das competências conferidas

Leia mais

Manual de Procedimentos. AIG Mission. Mission

Manual de Procedimentos. AIG Mission. Mission Manual de Procedimentos AIG 1 Apólice Procedimentos em caso de Sinistro (Todo o mundo) Sempre que se torne necessário activar as garantias da apólice e, especialmente, em caso de emergência, as Pessoas

Leia mais

SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL Titulares de Órgãos de Administração e Fiscalização de Sociedades Comerciais

SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL Titulares de Órgãos de Administração e Fiscalização de Sociedades Comerciais SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL Titulares de Órgãos de Administração e Fiscalização de Sociedades Comerciais O Seguro de Responsabilidade Civil Titulares de Órgãos de Administração e Fiscalização de Sociedades

Leia mais

"Contrato Volkswagen Complete - Manutenção"

Contrato Volkswagen Complete - Manutenção "Contrato Volkswagen Complete - Manutenção" Condições Gerais Cláusula 1.ª - OBJECTO 1. Por via deste contrato as partes, Lease Plan e Cliente, regulam a prestação dos serviços seguidamente discriminados,

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA.

TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA. TERMOS E CONDIÇÕES DE TRANSPORTE DA XBS LOG, LDA. 1. Noções Para efeitos dos presentes termos e condições que regulam o Contrato de Transporte celebrado entre a XBS e o Cliente, os termos abaixo indicados

Leia mais

CONTRATO DE PRODUTOR N.º [...]/11

CONTRATO DE PRODUTOR N.º [...]/11 CONTRATO DE PRODUTOR N.º [...]/11 Entre: G.V.B. - GESTÃO E VALORIZAÇÃO DE BATERIAS, LDA., sociedade comercial por quotas, com sede na Rua da Junqueira, n.º 39, 2.º Piso, Edifício Rosa, 1300-307 Lisboa,

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO PARA O USO DA VIATURA DO CCD PM CASCAIS

REGULAMENTO INTERNO PARA O USO DA VIATURA DO CCD PM CASCAIS REGULAMENTO INTERNO PARA O USO DA VIATURA DO CCD PM CASCAIS 2014 Regulamento Interno para o uso da viatura do CCD PM Cascais Página 1 Artigo 1º Objeto O presente regulamento interno estabelece as normas

Leia mais

Endereço Internet: www.millenniumbcp.pt. Cartão de crédito.

Endereço Internet: www.millenniumbcp.pt. Cartão de crédito. FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA EM MATÉRIA DE CRÉDITO AOS CONSUMIDORES GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL Cartões de Crédito Gémeos TAP Gold VISA/American Express A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO. Regulamento de Uso de Veículos

INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO. Regulamento de Uso de Veículos INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO Regulamento de Uso de Veículos Aprovado em Plenário de CG de 11 de Abril de 2013 1 INDICE Índice - Regulamento de Uso de Veículos 2 Secção I Disposições Gerais Artigo 1.º Objecto.

Leia mais

Contrato de Mediação Imobiliária

Contrato de Mediação Imobiliária Contrato de Mediação Imobiliária (Nos termos da Lei n.º 15/2013, de 08.02) Entre: ESTAMO PARTICIPAÇÕES IMOBILIÁRIAS, S.A., com sede na Av. Defensores de Chaves, n.º 6 4.º, em Lisboa, matriculada na Conservatória

Leia mais

Preçário DE LAGE LANDEN INTERNATIONAL, B.V. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL

Preçário DE LAGE LANDEN INTERNATIONAL, B.V. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL Preçário DE LAGE LANDEN INTERNATIONAL, B.V. - SUCURSAL EM PORTUGAL SUCURSAL Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 19-Jan-2015 O Preçário

Leia mais

ACORDO DE COLABORAÇÃO

ACORDO DE COLABORAÇÃO ACORDO DE COLABORAÇÃO ENTRE: Primeira outorgante: ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGEM E TURISMO, pessoa colectiva nº 500 910 839 com sede na Rua Duque de Palmela, nº 2 1º Dtº - 1250 098 LISBOA,

Leia mais

1.TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos.

1.TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos. Ficha técnica 1.TOMADOR DO SEGURO/ SEGURADO Poderão contratar este seguro os colaboradores, incluindo os seus familiares directos. São considerados familiares directos: - o cônjuge, desde que viva em carácter

Leia mais

Responsabilidade Civil dos Titulares de Licença para uso e porte de armas ou sua detenção. Condições Gerais

Responsabilidade Civil dos Titulares de Licença para uso e porte de armas ou sua detenção. Condições Gerais Responsabilidade Civil dos Titulares de Licença para uso e porte de armas ou sua detenção Condições Gerais Cláusula Preliminar Entre a Zurich Insurance PLC Sucursal em Portugal, adiante designada por Zurich,

Leia mais

Autoridade Bancária e de Pagamentos de Timor-Leste

Autoridade Bancária e de Pagamentos de Timor-Leste Autoridade Bancária e de Pagamentos de Timor-Leste Banking and Payments Authority of Timor-Leste Av a Bispo Medeiros, PO Box 59, Dili, Timor-Leste Tel. (670) 3 313 718, Fax. (670) 3 313 716 RESOLUÇÃO DO

Leia mais

A SOLUÇÃO CONTRA OS IMPREVISTOS

A SOLUÇÃO CONTRA OS IMPREVISTOS peugeot.pt A SOLUÇÃO CONTRA OS IMPREVISTOS AVARIA & ACIDENTE 8 ANOS DE ASSISTÊNCIA EM VIAGEM GRATUITA 800 206 366 24h/DIA 7DIAS/semana ServiÇO Peugeot, Olhamos pelo seu Peugeot como ninguém ANEXO1 CONDIÇÕES

Leia mais

Abertura de cliente - Empresas Caixa Económica de Cabo Verde

Abertura de cliente - Empresas Caixa Económica de Cabo Verde AMC.FM.001.00 2011.10.17 1/2 Abertura de cliente - Empresas Caia Económica de Cabo Verde Agência Nº de cliente Empresa titular Tomei (ámos) conhecimento das condicões de depósito em vigor na Caia Económica

Leia mais

Condições Gerais de Prestação de Serviços

Condições Gerais de Prestação de Serviços Índice Art.º 1 - Objectivo e definições...2 Art.º 2 Pedidos de Orçamento para os serviços de Transporte...2 Art.º 3 - Seguros...3 Art.º 4 - Execução das prestações...3 Art.º 5 Itinerário de Transporte...3

Leia mais