CLC de setembro de 2014 INSTRUÇÕES AOS ALUNOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CLC 2014. 17 de setembro de 2014 INSTRUÇÕES AOS ALUNOS"

Transcrição

1 CLC 2014 COLÉGIO LEMOS DE CASTRO Simulado Turma: de setembro de 2014 Você receberá do fiscal: a) um CADERNO DE QUESTÕES e b) um CARTÃO DE RESPOSTAS. INSTRUÇÕES AOS ALUNOS No CADERNO DE QUESTÕES, você encontrará um conjunto de páginas numeradas sequencialmente, contendo questões das disciplinas. ATENÇÃO! 1. Confira o material, verificando se a paginação e a numeração das questões estão corretas. 2. Leia atentamente cada questão objetiva (dia correspondente) e assinale, no CARTÃO DE RESPOSTAS, a alternativa que mais adequadamente responde a cada uma das mesmas. 3. Observe as seguintes instruções relativas ao CARTÃO DE RESPOSTAS: * O CARTÃO não deve ser dobrado, amassado, rasurado, manchado ou conter qualquer registro fora dos locais destinados às respostas. Nele você deverá preencher seu nome, número, turma e data. * A maneira correta de marcação das respostas no CARTÃO é cobrir fortemente, com caneta preta ou azul o espaço correspondente à letra a ser assinalada. * Outras formas de marcação diferentes implicarão a rejeição do CARTÃO. 4. Ao final da prova, entregue ao fiscal apenas o CARTÃO DE RESPOSTAS, levando com você o Caderno de Questões. 5. Você dispõe de 04 (quatro) horas para fazer esta prova. Faça-a com tranquilidade, mas controle seu tempo.

2 01- (Questão Retirada do Portal Positivo sobre Globalização) Observe o mapa: Com base nas informações contidas no mapa, analise as afirmativas a seguir: I. A maioria dos tecnopolos localiza-se nos países desenvolvidos, principalmente nos Estados Unidos e na União Europeia. II. Alguns tecnopolos estão presentes em alguns países emergentes, embora de menos importância que os localizados nos países desenvolvidos. III. O mapa demonstra que a inovação da tecnologia está associada ao grau de desenvolvimento e consequentemente ao elevado padrão de vida da população. IV. É possível observar a homogeneidade de desenvolvimento tecnológico entre os países do continente europeu. Estão corretas as afirmativas: Respostas alternativas: (A) I, II e IV. (B) II, III e IV. (C) II, III. (D) I, II e III. (E) Todas. 02- (Questão Corrigida em Sala de Aula Apostila 03) (UNCISAL) Competições, concorrências, vencedores, vencidos, ricos, pobres, abandonados à própria sorte: termos que exprimem as modalidades e os resultados do funcionamento de um sistema mundial assimilado então ao desenvolvimento do capitalismo. Nunca na história da humanidade houve tamanha concentração e diferença no interior da comunidade humana. Oliver Dolfus, Geopolítica do Sistema-mundo. O fenômeno descrito revela: a) O fluxo de informações; b) A revolução Industrial; c) A formação dos blocos econômicos; d) Os efeitos da globalização;

3 e) O fluxo de mercadorias. 03- (Questão Corrigida em Sala de Aula Apostila 03) (ENEM) Em 2006, foi realizada uma conferência das Nações Unidas em que se discutiu o problema do lixo eletrônico, também denominado e-waste. Nessa ocasião, destacou-se a necessidade de os países em desenvolvimento serem protegidos das doações nem sempre bem-intencionadas dos países mais ricos. Uma vez descartados ou doados, equipamentos eletrônicos chegam a países em desenvolvimento com o rótulo de mercadorias recondicionadas, mas acabam deteriorando-se em lixões, liberando chumbo, cádmio, mercúrio e outros materiais tóxicos. Internet: <g1.globo.com> (com adaptações). A discussão dos problemas associados ao e-waste leva à conclusão de que: a) Os países que se encontram em processo de industrialização necessitam de matérias-primas recicladas oriundas dos países mais ricos; b) O objetivo dos países ricos, ao enviarem mercadorias recondicionadas para os países em desenvolvimento, é o de conquistar mercados consumidores para seus produtos; c) O avanço rápido do desenvolvimento tecnológico, que torna os produtos obsoletos em pouco tempo, é um fator que deve ser considerado em políticas ambientais; d) O excesso de mercadorias recondicionadas enviadas para os países em desenvolvimento é armazenado em lixões apropriados; e) As mercadorias recondicionadas oriundas de países ricos melhoram muito o padrão de vida da população dos países em desenvolvimento. 04- (Questão Corrigida em Sala de Aula Apostila 03) (UFPR) A economia mundial influencia outros setores da sociedade. Sobre esse tema, considere as seguintes afirmativas: 1- O atual modelo assumido pela economia mundial coloca países subdesenvolvidos e desenvolvidos em um mesmo patamar socioeconômico e cultural. 2- A presença da rede McDonald s em países como Índia e a China mostra a eficácia dos modelos de consumo ocidentais difundidos pela ruptura de barreiras comerciais. 3- Cuba é um dos poucos países do mundo ocidental que se mantém fora do circuito mundial do comércio, da informação e da comunicação, embora na atualidade se verifiquem algumas mudanças na participação cubana nesses setores. 4- A abertura econômica da China tem sido acompanhada por um acelerado processo de democratização do país. Assinale a alternativa correta: a) Somente a afirmativa 1 é verdadeira. b) Somente as afirmativas 2 e 3 são verdadeiras. c) Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras. d) Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras. e) Somente as afirmativas 1, 3 e 4 são verdadeiras. 05- (Questão originada de explicações de Sala de Aula Segundo Bimestre Questão copiada do Simulado do Segundo Bimestre) Em relação à questão da Fiat do Brasil; marque a opção que corresponda a representação cartográfica que melhor identifica o local de origem dessa importante empresa do setor automobilístico internacional:

4 (a) (b) (c) (d) (e) 06- (Questão originada de explicações de sala de aula Primeiro Bimestre Questão copiada do Simulado do Primeiro Bimestre) O termo homem forte (utilizado desde Lenin até Michael Gorbachev), era utilizado na antiga União das repúblicas Socialistas Soviéticas - URSS, quando o secretário geral do Partido comunista também ocupava o cargo de: a) Presidente da Rússia b) Presidente da Ucrânia c) Presidente dos EUA d) Presidente do PC e) Presidente da associação comercial da ilha de Paquetá 07- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Várias variáveis precisam ser analisadas para que possamos diagnosticar um país como desenvolvido ou subdesenvolvido. Porém, uma dessas variáveis, deve ser tratada com imensa atenção: A Taxa de Crescimento Vegetativo. Sobre ela, recaem algumas curiosidades, como por exemplo, a impressionante resposta que ela, quando em um país subdesenvolvido, nos dá quando são aplicados nele, remédios objetivando o desenvolvimento. Nesta situação, ela inicialmente dispara para cima, propondo uma primeira impressão de aumento do subdesenvolvimento. Marque a opção que corresponda ao melhor esclarecimento e que explique as razões geográficas dessa resposta, aparentemente antagônica ao resultado esperado: a) Com o melhor nível de informações, as famílias de países desenvolvidos percebem a necessidade de maior número de filhos para assim aumentarem o potencial humano de seu país; por consequência, aumentando repentinamente a taxa de crescimento vegetativo. b) Com o desenvolvimento, a qualidade de vida apresenta uma acentuada melhora, propiciando as famílias serem mais numerosas.

5 c) Com o desenvolvimento, a qualidade dos serviços hospitalares melhoram acentuadamente, proporcionando uma maior segurança nas maternidades de todo o país, justificando o aumento da fecundidade. d) Estando o nível da qualidade da alimentação diretamente ligado ao grau de fecundidade, torna-se esta variável exclusiva explicação para o aumento do crescimento vegetativo nos países que receberam os referidos remédios para atingirem o desenvolvimento. e) Os referidos remédios para o desenvolvimento, apresentam respostas na diminuição da taxa de natalidade, somente a médio e longo prazo, devido a necessidade da conscientização; enquanto, que saneamento básico e campanhas de vacinação da população, fazem com que a taxa de mortalidade responda em curto prazo, caindo, e explicando com a diferença maior para a taxa de natalidade, o grande e imediato aumento na taxa de crescimento vegetativo, a qual, a manter-se os remédios, começará a demonstrar queda, podendo vir a atingir características de desenvolvimento. 08- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Analise as afirmativas a seguir sobre as políticas demográficas chinesas e seus reflexos e marque a opção correspondente, de acordo com a veracidade das mesmas: I - A chamada Política do Filho Único, tenta controlar o crescimento vegetativo do país, copiado com êxito das políticas do Japão, Bangladesh e dos territórios mais povoados da Rússia. II A chamada Política do Filho único vem provocando e escondendo assassinatos de meninas recém-nascidas chinesas, por pais que temem um futuro sem amparo. III- A previdência chinesa é bastante caótica, o que levou o governo central a determinar que os filhos, independente do sexo, sejam responsáveis pelos pais na velhice. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. e) Se todas as afirmativas estiverem corretas. 09- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Marque a opção correspondente, de acordo com a veracidade das mesmas, sobre migrações internacionais: I - É histórica a numerosa e constante migração que ocorre do Norte da Ásia para o Sul da Europa, quando registra-se que o principal motivo é a busca por mercado de trabalho. II Grande parte da população dos países europeus (em especial os do Sul do Continente), que recebem imigrantes de países menos desenvolvidos, vem desenvolvendo certa xenofobia, principalmente devido à preocupação com os seus postos de trabalho. Um dos países que se destacam nesta condição, até com certa agressividade, é a França. III- É marcante que os valores, resultantes de seus trabalhos, enviados para as famílias dos imigrantes, nos locais de origem, já registram uma das parcelas mais importantes das receitas financeiras desses países, ainda considerados geograficamente, como periféricos ou subdesenvolvidos. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. e) Se todas as afirmativas estiverem corretas.

6 10- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Marque a opção correspondente, de acordo com a veracidade das mesmas, sobre migrações internacionais: I - As principais migrações internacionais que ocorrem dos países muito pobres para os países muito ricos, são para os oriundos desses países centrais trabalharem em funções, não especializadas, que não estão sendo ocupadas pela população local. II Os principais postos de trabalhos ocupados pelas populações de países muito pobres nos países muito ricos são, por exemplo, ascensorista, babás, auxiliares na construção civil, ou seja, postos que em tese, não necessitam de estudos de graduação. III- A xenofobia registrada frequentemente pelos alemães, são temporária, pois eles sabem que a ocupação desses postos de trabalho, no continente europeu, é sazonal. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas I e II estiverem corretas. e) Se todas as afirmativas estiverem corretas. 11- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Analise cada sistema migratório apresentado no quadro abaixo, e marque a única opção que apresente uma correlação ERRADA, sobre a classificação migratória e uma característica geográfica a ela concernente: OPÇÃO MIGRAÇÃO CARACTERÍSTICA A Pendular Ligado à necessidade de trabalhar nos centros urbanos e a dificuldade econômica que o leva a morar na periferia. B Êxodo Rural O Estatuto do Trabalhador Rural e a mecanização do campo aparecem como entre os principais causadores desse processo migratório. C Hinterland A interiorização de um determinado contingente demográfico, só pode ser assim classificada se ocorrer dentro do mesmo país. D Transumância Relacionada ao fator climatológico, é caracterizada pela sempre presente proposta de retorno ao local de origem. E Sazonal Relacionada ao fator climatológico, muitas vezes aparece acompanhado de uma análise do calendário agrícola. Principalmente no que se refere à época de plantio e colheita. 12- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Analise as afirmativas a seguir sobre a reunião dos BRICS, ocorrida em julho de 2014, que deu origem a Declaração de Fortaleza e marque a opção correspondente de acordo com a veracidade das mesmas:

7 I - Neste encontro, participaram 14 países. Destes, 05 eram signatários e 09 eram mandatários. II Os 05 países signatários, que participaram desta reunião em Fortaleza, foram Brasil, Argentina, África do Sul, China e Rússia. III- Neste encontro foram discutidos vários assuntos pertinentes aos interesses do grupo, mas um em especial, chamou a atenção do mundo, principalmente dos Latino Americanos, a criação de um Banco (em alternativa ao FMI e ao Banco Mundial), com um saldo inicial de $ ,00 (cinquenta bilhões de dólares). a) Se somente a alternativa I estiver correta. b) Se somente a alternativa II estiver correta. c) Se somente a alternativa III estiver correta. d) Se somente as alternativas I e III estiverem corretas. e) Se todas as alternativas estiverem corretas. 13- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Analise o pequeno texto apresentado a seguir e logo após, marque a alternativa correspondente, de acordo com a veracidade das afirmativas que serão propostas sobre o Sahel: A vida humana está quase sempre relacionada às características locais meteorológicas que por determinante de suas médias anuais permitem a classificação do tipo climático. Assim, o Deserto do Sahara não é uma exceção, apresentando e provocando deslocamentos humanos de acordo com alterações de intensidade de calor. I - O Sahel corresponde a uma faixa ao Norte do Deserto do Sahara, em continente africano, deslocando-se de acordo com a intensidade das condições meteorológicas do deserto. II Sahel é um termo árabe que significa Terra dos Limites, pois determina os limites políticos de cada país ao Sul do Deserto do Sahara, no Nordeste do continente africano. III- Seguindo os possíveis deslocamentos do Sahel, estão alguns povos, considerados nômades, que apresentam economias de subsistência, relacionadas às condições meteorológicas dos limites mínimos de sobrevivência humana. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas I e III estiverem corretas. e) Se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. 14- (Questão originária de Explicações de Sala de Aula Terceiro Bimestre) Observe o pequeno texto apresentado abaixo, sobre processos de conurbação e polarização: Os processos de economia estão intimamente ligados aos reflexos na ocupação de áreas físicas, onde domínios de valores financeiros, principalmente aqueles relacionados às condições urbanas, determinam formas de união das áreas de ocupação humana, sejam por moradias ou atividades de trabalho. Assim, fica claro que existem processos decorrentes e interligados entre domínios econômicos e domínios espaciais.

8 Agora, analise as afirmativas a seguir, marcando a opção corresponde, de acordo com a veracidade das mesmas: I - Toda área conurbada está também polarizada, mas nem toda área polarizada está conurbada. II A conurbação é caracterizada quando uma área está dominada economicamente por outra, geralmente ligada a um processo do setor terciário de produção ligado a atividades comerciais. III- Uma região é classificada como megalópole, quando ocorre a polarização entre metrópoles. O maior exemplo é a de Boswash, nos Estados Unidos da América, ligando as cidades de Boston a de Washington. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas I e III estiverem corretas. e) Se todas as afirmativas estiverem corretas. 15- (Questão originada de explicações de sala de aula Terceiro Bimestre) Sobre o atual capítulo sangrento do conflito no Oriente Médio entre Israel e palestinos, analise as afirmativas a seguir e marque a opção correspondente de acordo com a veracidade das mesmas: I - Podemos considerar que existem três áreas principais quando consideramos as maiores concentrações de palestinos na região geográfica do Oriente Médio: a Faixa de Gaza (fronteira com Israel e palco principal do atual conflito), a Cisjordânia e as Colinas de Cabul. II Entre as três principais áreas de concentração de palestinos, no Oriente Médio, a Cisjordânia é a que apresenta as piores condições de qualidade de vida, seguida de perto pela faixa de Gaza. III- As opiniões internacionais, sobre o atual conflito, são divergentes em algumas questões. Enquanto países como os Estados Unidos da América evidenciam o direito de defesa de Israel, outros, como o Brasil, apesar de considerarem este direito, evidenciam a desproporcionalidade das ações bélicas. a) Se somente a afirmativa I estiver correta. b) Se somente a afirmativa II estiver correta. c) Se somente a afirmativa III estiver correta. d) Se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. e) Se todas as afirmativas estiverem corretas. 16- O regime militar instaurado em 1964 estendeu-se por 21 anos, nos quais a presidência da República foi ocupada sucessivamente por generais do exército. Sobre o período da Ditadura Militar no Brasil de , assinale a alternativa correta. (A) Em relação aos movimentos de guerrilha, podemos afirmar que o movimento que durou mais tempo foi o do Araguaia, talvez porque seus participantes ligados ao PC do B (Partido Comunista do Brasil), dissidência do PCB (Partido Comunista Brasileiro) tenham conseguido obter apoio da população local. (B) Foi criado o Departamento Administrativo do Serviço Público DASP. O Estado brasileiro crescia e suas atribuições aumentavam inclusive com intervenção e controle cada vez maiores na economia. (C) Na época, ocorreu o episódio de Olga Benário, mulher de Prestes, alemã de nascimento e agente soviética no Brasil, que, presa junto com o marido, provocou comoção ao ser deportada, grávida, para a Alemanha nazista, onde foi confinada em um campo de concentração. Poucos anos depois da prisão, foi assassinada na câmara de gás do campo de Ravensbrück.

9 (D) As ruas e avenidas elegantes foram tomadas de assalto. Barricadas foram erguidas e, durante uma semana, a capital da república, Rio de Janeiro, foi palco de violentos combates, até que as forças da polícia e do exército conseguiram reprimir os rebeldes. Um dos agentes deste movimento foi Oswaldo Cruz. (E) O ponto mais alto do intervencionismo foi o Plano Salte. Constituía uma tentativa de conter os gastos do governo, especialmente nas áreas da saúde, alimentação, transporte e energia. 17- O ano de 1968 foi marcado por uma série de ocorrências que levaram ao que se convencionou chamar golpe dentro do golpe, uma menção ao aprofundamento da ditadura militar no Brasil. Sobre acontecimentos que marcaram o ano de 1968, considere: I - Passeata dos Cem Mil e aprovação do Ato Institucional n.º 5. II - Aprovação dos Atos Institucionais n.º 1 e n.º 2 e formação da Aliança Democrática. III - Sequestro do embaixador norte-americano e morte de Carlos Marighella. IV - Morte do estudante secundarista Edson Luís e discurso do deputado federal Márcio Moreira Alves contra as Forças Armadas na Câmara dos Deputados, em Brasília. São acontecimentos que marcaram o ano de 1968: (A)I e III, apenas. (B)I, II e III, apenas. (C)II, III e IV, apenas. (D)I e IV, apenas. (E)I, II, III e IV. 18- A avaliação dos governos militares, sob o ponto de vista da cidadania, tem, assim, que levar em conta a manutenção do direito do voto combinada com o esvaziamento de seu sentido e a expansão dos direitos sociais em momento de restrição de direitos civis e políticos. José Murilo de Carvalho. Cidadania no Brasil: o longo caminho. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2002, p Com base nas informações contidas no texto e em seus conhecimentos, analise as afirmativas abaixo referentes ao período da Ditadura Militar no Brasil ( ). I Para governar, os presidentes militares serviram-se dos Atos Institucionais, instrumentos legais de repressão, dos quais o AI-5 assumiu destaque por ter atingido de forma mais violenta os direitos civis e políticos dos brasileiros. II Durante os governos militares, ocorreu a expansão de alguns direitos sociais, de que é exemplo a inclusão dos trabalhadores rurais na Previdência social, por meio da criação do Fundo de Assistência Rural (Funrural). III O não-funcionamento do Congresso Nacional, durante todo o período da Ditadura Militar (1964 a 1985), caracteriza com nitidez a violação dos direitos políticos dos brasileiros. IV Durante o governo do Marechal Castelo Branco, com o fechamento dos canais de representação política, os artistas organizaram em seus espetáculos protestos contra o regime, de que foi exemplo o show Opinião. Assinale a alternativa correta. (A) Somente a afirmativa IV está correta. (B) Somente as afirmativas I e II estão corretas. (C) Somente as afirmativas I e III estão corretas. (D) Somente as afirmativas I, II e IV estão corretas. (E) Todas as afirmativas estão corretas. 19- As reformas políticas e econômicas iniciadas por Mikhail Gorbatchov, em fins da década de 1980, na União Soviética, se fizeram acompanhar de muitas transformações

10 nos países do Leste europeu, aprofundando a crise do socialismo na região. Sobre essas mudanças, estão corretas as seguintes afirmações, com EXCEÇÃO de uma. Qual? a) As lideranças que assumiram, na Polônia, a partir de 1989, a condução do processo de reforma política já vinham fazendo firme oposição ao governo socialista desde o início dos anos 80, quando estiveram representadas pela articulação entre a Igreja Católica e o sindicato Solidariedade. b) À frente da reorganização política da Tchecoslováquia, as antigas lideranças do movimento civil de 1968 não conseguiram impedir a ação de movimentos separatistas. c) Os movimentos nacionalistas e populares, de inspiração liberal, levaram os Partidos Comunistas, na Hungria e na Iugoslávia, ao colapso, lançando esses países numa guerra civil prolongada, em que o extermínio étnico e religioso foi intenso. d) Fechando-se, desde o fim da guerra, aos contatos regulares com os países europeus e governada a partir de uma concepção ortodoxa de socialismo, a Albânia foi o último país da região a passar pelas transformações que marcaram o período. e) A emigração para a Alemanha Ocidental e a conseqüente abertura das fronteiras representou, na Alemanha Oriental, um fator importante para o colapso da autoridade do governo comunista. 20- Sob a liderança de Mikhail Gorbachev, a "perestroika" buscou criar nova economia na URSS e a "Glasnost" buscou abertura política. Desapareceu a URSS e foi criada a CEI (Comunidade de Estados Independentes). Na política externa, o resultado mais importante das reformas no Leste Europeu foi: a) o aumento do poderio bélico americano com a "Guerra nas Estrelas". b) a militarização do Japão em função das ameaças da Coréia do Norte. c) o enfraquecimento da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte). d) o fim da Guerra Fria. e) a reestruturação do Pacto de Varsóvia. 21- Considerando-se a fragmentação territorial da ex-iugoslávia, é CORRETO afirmar que esse processo a) foi um desdobramento dos choques entre as diversas nacionalidades que, até então, compunham o País. b) decorreu da queda da Monarquia, responsável pela unidade política e pela integridade territorial do País. c) resultou da luta da Sérvia, apoiada pela Bósnia, contra Montenegro, de população majoritariamente muçulmana. D) derivou da resistência da Federação à política de Tito, que transformou o País em uma República Social Democrata. 22- Sobre o fim da União Soviética afirma-se: I - Em 1985, o líder Mikail Gorbachev assumiu o cargo de secretário geral do partido comunista e atingiu o poder máximo na União Soviética. Ele fazia parte de uma nova geração de líderes comunistas que defendiam uma profunda reforma política e econômica para tirar a União Soviética da estagnação. II - Gorbachev foi pressionado pela liderança tradicional do partido comunista (a chamada "linha dura") devido às experiências liberalizantes, e pelos liberais, por acharem as reformas lentas demais. No primeiro grupo encontrava-se Valentin Pavlov, primeiro ministro desde janeiro de 1991, e no segundo grupo encontrava-se Boris Ieltsin, presidente da República Russa, fervoroso defensor da rápida introdução da economia de mercado. III - No dia 25 de dezembro de 1991, a bandeira vermelha com a foice e o martelo foi substituída pela velha bandeira czarista branca, azul e vermelha. Gorbachev renunciou, e a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas desapareceu, dando lugar à Comunidade dos Estados Independentes (CEI).

11 Das afirmações feitas, a) todas são incorretas. b) todas são corretas. c) apenas a I é correta. d) apenas a I e a II são corretas. e) apenas a I e a III são corretas. 23- A novela Amor e Revolução exibida pelo canal de televisão brasileiro SBT resgata os acontecimentos políticos ocorridos no Brasil, a partir de 1964, culminando com um golpe, o qual iniciou o longo período da Ditadura Militar. Sobre esse período histórico, podemos concluir que a) apesar da repressão, a arte foi utilizada como instrumento de protesto e de denúncias políticas, alertando para a situação do país. Foi marcado pelos festivais com as canções de protesto de Geraldo Vandré e Chico Buarque, com o cinema de Cacá Diegues e Glauber Rocha. b) o Golpe de 1964 não conseguiu sufocar completamente as manifestações culturais no país, como demonstra a emergência, no plano musical, dos "movimentos conhecidos como Tropicália, Reggae e Bossa Nova. c) o Pacote de Abril do presidente Ernesto Geisel instituiu eleições indiretas para os governos estaduais e para um terço do senado, criando, pela primeira vez, no Brasil, o sistema parlamentarista. d) o Ato Institucional nº 5, editado no governo de Castelo Branco, restringiu a liberdade individual do cidadão, mas assegurou os mandatos políticos e o direito ao habeas corpus. e) o slogan Brasil, ame-o ou deixe-o, divulgava a imagem do Brasil Grande por meio da política econômica denominada milagre econômico, não permitindo a entrada de capital estrangeiro no país. 24- Em 1970 o Brasil tornou-se tricampeão mundial de futebol na Copa do Mundo, realizada no México. Sobre esta conquista, pode-se afirmar: a) Propiciou uma operação de propaganda do governo Médici, tentando associar a conquista ao regime autoritário. b) Não teve qualquer repercussão no campo político, por se tratar de um acontecimento estritamente esportivo. c) Alentou o trabalho das oposições, que deram destaque à capacidade do povo brasileiro de realizar grandes proezas. d) Favoreceu o projeto de abertura do general Geisel ao criar um clima de otimismo pelas realizações do governo. e) Alcançou repercussão muito limitada, pois os meios de comunicação não tinham a eficiência que têm hoje. 25- O refrão Um, dois, três, quatro, cinco, mil, queremos eleger o presidente do Brasil! foi entoado nos vários comícios do movimento Diretas Já, iniciado em fins de 1983 e que tomou conta das ruas do país em Sobre esse movimento, é correto afirmar que a) resultou na eleição do Presidente Fernando Collor de Mello, que não chegou a terminar o seu mandato. b) preocupou os militares, que tentaram acalmar os ânimos por meio da lei que anistiou os presos políticos. c) renovou o cenário político nacional, pois foi a causa do surgimento de novos partidos e lideranças políticas. d) contou com o apoio do Presidente Figueiredo, que autorizou a realização dos comícios e retirou o exército das ruas.

12 e) terminou por não atingir seus objetivos, pois não se obtiveram os votos necessários para alterar a Constituição então em vigor. 26- No início de 1969, a situação política se modifica. A repressão endurece e leva à retração do movimento de massas. As primeiras greves, de Osasco e Contagem, têm seus dirigentes perseguidos e são suspensas. O movimento estudantil reflui. A oposição liberal está amordaçada pela censura à imprensa e pela cassação de mandatos. Apolônio de Carvalho. Vale a pena sonhar. Rio de Janeiro: Rocco, 1997, p O testemunho, dado por um participante da resistência à ditadura militar brasileira, sintetiza o panorama político dos últimos anos da década de 1960, marcados a) pela adesão total dos grupos oposicionistas à luta armada e pela subordinação dos sindicatos e centrais operárias aos partidos de extrema esquerda. b) pelo bipartidarismo implantado por meio do Ato Institucional nº 2, que eliminou toda forma de oposição institucional ao regime militar. c) pela desmobilização do movimento estudantil, que foi bastante combativo nos anos imediatamente posteriores ao golpe de 64, mas depois passou a defender o regime. d) pelo apoio da maioria das organizações da sociedade civil ao governo militar, empenhadas em combater a subversão e afastar, do Brasil, o perigo comunista. e) pela decretação do Ato Institucional nº 5, que limitou drasticamente a liberdade de expressão e instituiu medidas que ampliaram a repressão aos opositores do regime. 27- No decorrer da história, futebol e política sempre se encontraram. Um exemplo disso foram os esforços do governo da África do Sul em sediar a Copa de 2010 e reafirmar a superação do Apartheid. No Brasil, o momento mais significativo da ditadura, em que futebol e política andaram lado a lado, coincidiu com o tricampeonato mundial da Seleção Brasileira, no México em O governo do general Emílio Garrastazu Médici fez de tudo para associar a vitória de Pelé e de seus companheiros, na Copa, com a boa fase econômica do país e o furor patriótico que os militares tanto prezavam e incentivavam na população. (Revista Carta Fundamental, junho/julho de Adaptado) Sobre o período do governo Médici, é valido afirmar que a) a vitória futebolística no tricampeonato foi acompanhada, na política, por um processo de abertura democrática gradual, lento e seguro, sob a direção do próprio presidente. b) o Ato Institucional nº 5 foi decretado e restringiu os poderes do presidente da república, ampliando os poderes do Congresso Nacional. c) a boa fase econômica vivida pelo país traduziu-se no milagre econômico brasileiro, havendo a construção da Transamazônica e de uma nova capital, Brasília. d) o acelerado crescimento econômico resultou em baixa inflação, causando recessão, ampliando o desemprego e diminuindo salários. e) o país vivenciou o chamado Anos de Chumbo, pois houve o endurecimento do regime e a ampliação da censura, apesar do milagre econômico brasileiro. 28-A eleição de Jânio Quadros, em 1960, significou certa alteração de rumos da política brasileira com relação ao período iniciado em Tal alteração baseou-se: a) No apoio que os comunistas emprestaram à candidatura de Jânio em troca da legalização do PCB, que ocorreria em b) Na primeira vitória das forças trabalhistas em pleitos nacionais e no fortalecimento de novas lideranças sindicais. c) No rompimento da hegemonia paulista e no descontentamento militar provocado pelas propostas eleitorais janistas. d) Na vitória de uma candidatura da UDN, que interrompeu a série de vitórias do PSD e do PTB, em arranjo político orquestrado por Getúlio Vargas.

13 e) Na inauguração de um novo estilo político baseado na valorização das estruturas partidárias e na definição clara de propostas políticas programáticas. 29- A denominada "Campanha da Legalidade", ocorrida no Rio Grande do Sul no final de agosto de 1961, foi uma consequência da a) renúncia do presidente Jânio Quadros, que provocou a mobilização política para garantir a posse do vice-presidente João Goulart. b) vitória eleitoral do PTB, que supostamente ameaçava os setores conservadores da sociedade brasileira. c) renúncia do presidente Juscelino Kubitschek, fato que provocou uma extensa mobilização militar visando garantir a posse de João Goulart. d) vitória eleitoral do PSD, partido que tinha em seus quadros diversos elementos supostamente golpistas. e) política promovida por Leonel Brizola, que queria impedir a tomada do poder pelos grupos ligados à luta armada. 30-Em 30 de março de 1964, o Presidente João Goulart fez um discurso, no qual declarou: Acabo de enviar uma mensagem ao Congresso Nacional propondo claramente as reformas que o povo brasileiro deseja. O meu mandato será exercido em toda a sua plenitude, em nome do povo e na defesa dos interesses populares. (Adaptado de Paulo Bonavides e Roberto Amaral, Textos políticos da história do Brasil. Brasília: Senado Federal, 2002, vol. 7, p. 884.) Sobre o contexto em que esse discurso foi pronunciado, é possível afirmar o seguinte: a) Enfrentando a oposição de setores conservadores, Jango tentou usar as reformas de base, que deveriam abranger a reforma agrária, a eleitoral, a educacional e a financeira, para garantir apoio popular ao seu mandato. b) Quando Jango apresentou ao Congresso Nacional as reformas de base, elas já haviam sido alteradas, abrindo mão da reforma agrária, para agradar aos setores conservadores, e não apenas às classes populares. c) Com as reformas de base, Jango buscou afastar a fama de esquerdista, colocando na ilegalidade os partidos comunistas, mas motivou a oposição de militares e políticos nacionalistas, ao abrir o país ao capital externo. d) Jango desenvolveu um plano de reformas que deveriam alterar essencialmente as carreiras dos militares, o que desagradava muitos deles, mas também reprimiu várias greves do período, irritando as classes populares. 31: Quais as razões levaram a Igreja Católica no século XVII a utilizado pela primeira vez o termo propaganda? a) a ideia de prosperar economicamente a partir da fé, evangelizar. b) a ideia de usar novas mídias. c) a ideia de propagar a fé, evangelizar. d) com o objetivo de recuperar o prestígio perdido no Brasil, depois que o protestantismo cresceu. 32:

14 Quais as razões para a afirmação: A propaganda é extremamente ligada à cultura e a sociedade? a) A propaganda precisa estar em consonância com as ideias desenvolvidas numa determinada sociedade, pois só assim o país aprende o que é cultura. b) A propaganda precisa estar em consonância com as ideias desenvolvidas numa determinada sociedade, pois só assim ele terá resposta para o produto que anuncia. c) A propaganda não precisa estar em consonância com as ideias desenvolvidas numa determinada sociedade, mas deve usar o humor para convencer o cliente. d) A propaganda precisa estar em consonância com as ideias desenvolvidas na Igreja, a cultura religiosa é fundamental para a cultura. 33: Para Bauman (2001), o atual sistema social envolve os sujeitos primeiramente enquanto consumidores, pois somos guiados pela sedução e desejos voláteis, dos quais se movem as marcas e os símbolos com uma leveza quase imperceptível nas relações sociais, do que na constituição de laços com nossos semelhantes. A análise de Bauman refere-se: a) ao fato de que na Sociedade de Consumo, as relações são gasosas (evaporam das nossas mãos) e, assim, somos abduzidos pelas propagandas que nos obrigam a gastar nosso dinheiro. b) ao fato de que o Consumo e as marcas e símbolos constituem o modelo para o mercado do século XIX. d) ao fato de que na Sociedade de Consumo, as relações são líquidas (escorregam pelas mãos) e, assim, somos seduzidos e nos envolvemos mais com as marcas e símbolos do que com pessoas. d) ao fato de que na Sociedade de Consumo, as relações são sólidas pois as pessoas buscam vínculos, e pouco se sensibiliza com as marcas e símbolos do que com pessoas. 34: É na sociedade capitalista tardia que o signo e a mercadoria juntaram-se para produzir o que Baudrillard chama de mercadoria-signo. Defina o significado de mercadoria-signo. a) a incorporação de uma gama de associações imagéticas e simbólicas, que não ter relação com o produto, pois desconhece a ideia de lucro. b) a associações de grupos econômicos para desenvolver os novos símbolos do capitalismo selvagem. c) a associações de grupos econômicos para desenvolver produtos inovadores e, que podem ou não ter relação com os símbolos. d) a incorporação de uma gama de associações imagéticas e simbólicas, que podem ou não ter relação com o produto a ser vendido. 35: No estudo sobre BOURDIEU aprendemos que no espaço que ocorrem as relações entre os indivíduos, grupos e estruturas sociais, espaço este sempre dinâmico e com uma dinâmica que obedece a leis próprias, animada sempre pelas disputas ocorridas em seu interior, e cujo móvel é invariavelmente o interesse em ser bem-sucedido nas relações estabelecidas entre os seus componentes. Representa um espaço simbólico, como um microcosmo dotado de leis próprias, no qual as lutas dos agentes determinam, validam e legitimam representações. Estamos fazendo referência ao conceito de: a) Capital cultural b) obsoletismo planejado c) capital simbólico d) campo 36: De acordo com teóricos culturalistas, os motivos que governam nossas escolhas entre lojas e shoppings, marcas e grifes, estilos e gostos são: a)) metáforas psicológicas, do desejo, oníricas; b) relações sociais de identidades, grupos, produtos; c) instintos humanos, primitivos, inatos; d) relações de prestígio, estamento, poder.

15 37: Segundo Piaget, a infância deve ser preservada para que se garanta o desenvolvimento pleno das capacidades, das necessidades e dos juízos individuais. Tendo em vista que o desenvolvimento saudável da criança depende muito do quanto puderem viver plenamente a infância, período de acúmulo de descobertas e fixação de identidade para posterior inserção na esfera adulta. Entre as alternativas abaixo, qual apresenta, corretamente, uma análise da influência do consumo no desenvolvimento da subjetividade das crianças? a) A atividade lúdica, as brincadeiras e a leitura de histórias deveriam ser atividades disponibilizadas às crianças, para que pudessem ter um desenvolvimento saudável. b) A atividade pedagógica, as visitas ao zoológico e o estudo deveriam ser atividades disponibilizadas às crianças, para que pudessem ter um desenvolvimento saudável. c) A atividade econômica deve fazer parte da vida infantil, nesse sentido devemos estimular o consumo desenfreado. d) Segundo Piaget, atividade econômica deve fazer parte da vida infantil, nesse sentido devemos estimular o consumo moderado. 38: No cenário atual uma das maiores preocupações em relação às crianças diz respeito à influência que elas sofrem dos meios de comunicação e das novas tecnologias. Em razão de sua particularidade, suspeita-se que a criança não faria frente ao estímulo da propaganda, sendo alvo fácil para que as organizações divulguem seus produtos e captem novos consumidores. A publicidade é a principal ferramenta do mercado para atingir o público infantil, que influencia cerca de 70% das decisões de compra de uma família, segundo o Instituto de Pesquisa TNS Interscience (Com escritórios em mais de 75 países, o Instituto de Pesquisa TNS Interscience realiza pesquisas em diversas áreas, incluindo pesquisas de mercado). Ou seja, carros, roupas, alimentos e eletrodomésticos são adquiridos pelas famílias considerando as preferências e as sugestões dadas pela criança. Quais as razões para vermos nessa influência um problema? a) a criança deve fazer o que ela deseja como nos ensina o construtivismo. b) a criança não deve participar, como membro da família, das decisões que envolvem o consumo, apenas os adultos estariam aptos para tais decisões. c) a criança deve participar, como membro da família, das decisões que envolvem o consumo, mas a família não pode se submeter às vontades de uma criança. d) a criança deve participar, como membro da família, apenas das decisões que envolvem o consumo de guloseimas, mas outros produtos os adultos é que devem decidir. 39: Leia o quadrinho abaixo e responda:

16 Entre as alternativas abaixo, qual apresenta um entendimento lógico? a) No campo das ofensas políticas não há necessidade de usarmos apenas a VERDADE, pois quanto maior o impacto negativo melhor. b) No campo da Verdade, as ofensas políticas não tem nenhum impacto. c) No campo das ofensas políticas há necessidade de usarmos apenas a VERDADE, pois quanto maior o impacto positivo melhor. d) No campo das ofensas políticas há necessidade de usarmos apenas a MENTIRA, pois quanto maior o impacto positivo melhor. 40: Quando o advogado de defesa não pode provar a inocência do réu e passa a fazer insinuações sobre contra a vítima, fica caracterizado o recurso da falácia: a) Argumentum ad baculum (argumento pelo recurso à força) b) Argumentum ad Inocentam (argumento por inocência) c) Argumentum ad ignorantiam (argumento por apelo à ignorância) d) Argumentum ad hominem (argumento contra o homem) 41: Suponha que um jornalista econômico tenha escrito o seguinte comentário: O ministro afirma que a economia vai bem, apesar da crise política. Mas ele não é um economista e, além do mais, tem interesse em apresentar uma imagem positiva do país aos investidores. Logo, não é verdade que a economia vai bem. Julgue os itens abaixo, relativos ao raciocínio apresentado pelo jornalista. I - É um argumento ad hominem. II - É um argumento inválido. III - É um exemplo de apelo à autoridade. IV - É um exemplo de generalização apressada. V - É uma falácia, não um argumento. Estão CERTOS apenas os itens: a) IV e V. b) I, II e IV. c) II e V. d) I e III. 42: Na literatura sobre ensino de filosofia, a ideia de "pensamento crítico" envolve, necessária e recorrentemente: a) a denúncia da desinformação promovida pela sociedade do espetáculo. b) a discussão sobre a própria presença da disciplina na escola. c) amplo conhecimento da história da filosofia e dos problemas filosóficos. d) elaboração conceitual, procedimentos argumentativos e problematização. 43: Leia e reflita sobre a expressão que se segue: Portanto, assim como a matemática que tem origem na razão todo conhecimento deve ser compreendido dessa perspectiva (...). Essa perspectiva filosófica está relacionada: a) ao racionalismo b) ao realismo c) ao empirismo d) ao radicalismo crítico. 44: Da Filosofia nada direi, senão que, vendo-a cultivada pelos mais excelsos espíritos que viveram desde muitos séculos e que, no entanto, nela não se encontra ainda uma só coisa sobre a qual não se dispute, e, por conseguinte, que seja duvidosa, eu não alimentava qualquer presunção de acertar mais do que os outros; e que, considerando quantas opiniões diversas, sustentadas por homens doutos, pode haver sobre uma e mesma matéria, sem que jamais possa existir mais que uma que seja verdadeira, reputava quase como falso tudo quanto era somente verossímil. Depois, quanto às outras ciências, na medida em que tomavam seus princípios da Filosofia, julgava que nada de sólido se podia construir sobre fundamentos tão pouco firmes. E nem a honra, nem o ganho que elas prometem, eram suficientes para me incitar a aprendê-las... E enfim quanto às más doutrinas, pensava já conhecer o bastante o que valiam, para não mais estar exposto a ser

17 enganado, nem pelas promessas de um alquimista, nem pelas predições de um astrólogo, nem pelas imposturas de um mágico, nem pelos artifícios e arrogância de qualquer um dos que professam saber mais do que sabem. (Descartes, Discurso do Método, primeira parte). Entre as alternativas abaixo, qual apresenta, de forma correta, o objetivo de Descartes com o estudo da filosofia? a) Descartes deseja apresentar razões concretas para destituir quaisquer pretensões Filosóficas da ciência, ao concluir que as VERDADES não existem. b) Descartes deseja apresentar razões concretas para destituir quaisquer pretensões científicas da filosofia, ao concluir que esta só nos dá semelhanças da VERDADE. c) Descartes deseja apresentar razões filosóficas para destituir quaisquer pretensões dos cientistas sobre as semelhanças entre VERDADE e CIÊNCIA. d) Descartes quis ironizar o saber científico. 45: A partir da leitura do texto abaixo respondas às questões: Resposta à Pergunta: O que é esclarecimento?. Esclarecimento é a saída do homem de sua menoridade, da qual ele próprio é culpado. A menoridade é a incapacidade de fazer uso de seu entendimento sem a direção de outro indivíduo. O homem é o próprio culpado dessa menoridade se a causa dela não se encontra na falta de entendimento, mas na falta de decisão e coragem de servir-se de si mesmo sem a direção de outrem. Sapere aude! Tem coragem de fazer uso de teu próprio entendimento, tal é o lema do esclarecimento. A preguiça e a covardia são as causas pelas quais uma tão grande parte dos homens, depois que a natureza de há muito os libertou de uma direção estranha, continuem, no entanto de bom grado menores durante toda a vida. São também as causas que explicam por que é tão fácil que os outros constituam em tutores deles. É tão cômodo ser menor. Se tenho um livro que faz as vezes de meu entendimento, um diretor espiritual que por mim tem consciência, um médico que por mim decide a respeito de minha dieta, etc., então não preciso esforçar-me eu mesmo. Não tenho necessidade de pensar, quando posso simplesmente pagar; outros se encarregarão em meu lugar dos negócios desagradáveis. A imensa maioria da humanidade considera a passagem à maioridade difícil e, além do mais, perigosa, porque aqueles tutores de bom grado tomaram a seu cargo a supervisão dela. Depois de terem primeiramente embrutecido seu gado doméstico e preservado cuidadosamente estas tranquilas criaturas a fim de não ousarem dar um passo fora do carrinho para aprender a andar, no qual as encerraram, mostram-lhes em seguida o perigo que as ameaça se tentarem andar sozinhas. Ora, este perigo na verdade não é tão grande, pois aprenderiam muito bem a andar finalmente, depois de algumas quedas. Bata um exemplo deste tipo para tornar tímido o indivíduo e atemorizá-lo em geral para não fazer outras tentativas no futuro. Entre as alternativas abaixo, qual apresenta a ideia de MENORIDADE defendida por Imannuel Kant? a) Menoridade para Kant significa o estágio em que aceitamos passivamente que os outros pensem por nós para não causar constrangimento familiar, já que nessa fase (adolescência), desenvolvemos nossas principais ideias sobre VIDA e LIBERDADE. b) Menoridade para Kant significa o estágio em que temos dificuldade de aceitar que nossos pais decidam por nós, pois essa fase se dá na adolescência, quando desenvolvemos nossas principais ideias sobre VIDA e LIBERDADE. c) Menoridade para Kant significa o estágio em que aceitamos passivamente que os outros pensem por nós. d) Menoridade para Kant significa o estágio em que desenvolvemos nossas principais ideias sobre VIDA e LIBERDADE.

Equipe de Geografia GEOGRAFIA. A União Soviética foi um Estado Socialista que existiu na Eurásia (parte na Europa, parte na Ásia), entre 1922 e 1991.

Equipe de Geografia GEOGRAFIA. A União Soviética foi um Estado Socialista que existiu na Eurásia (parte na Europa, parte na Ásia), entre 1922 e 1991. Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 14R Ensino Médio Equipe de Geografia Data: GEOGRAFIA A União Soviética foi um Estado Socialista que existiu na Eurásia (parte na Europa, parte na Ásia), entre 1922

Leia mais

Período Democrático e o Golpe de 64

Período Democrático e o Golpe de 64 Período Democrático e o Golpe de 64 GUERRA FRIA (1945 1990) Estados Unidos X União Soviética Capitalismo X Socialismo Governo de Eurico Gaspar Dutra (1946 1950) Período do início da Guerra Fria Rompimento

Leia mais

Capítulo. A ditadura militar no Brasil

Capítulo. A ditadura militar no Brasil Capítulo A ditadura militar no Brasil ARQUIVO/O GLOBO 1 Do golpe militar ao AI-5 O golpe militar de 1964 João Goulart é derrubado pelos militares, em 31 de março de 1964, por meio de um golpe, apoiado

Leia mais

50 ANOS DO GOLPE MILITAR

50 ANOS DO GOLPE MILITAR 50 ANOS DO GOLPE MILITAR (1964-1985) Prof. Dr. Rogério de Souza CAUSAS Guerra Fria Contexto Internacional: Construção do Muro de Berlim (1961) Cuba torna-se Socialista (1961) Crise dos Mísseis (1962) CAUSAS

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 9 o ano 4 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Leia o texto e responda às questões 1 e 2. O primeiro de maio estava sendo comemorado na vila de esportes do Sindicato dos Têxteis.

Leia mais

Questões sobre a Ditadura Militar no Brasil (respostas no final da página) 1. Como teve início a Ditadura Militar no Brasil que durou de 1964 a 1985?

Questões sobre a Ditadura Militar no Brasil (respostas no final da página) 1. Como teve início a Ditadura Militar no Brasil que durou de 1964 a 1985? Questões sobre a Ditadura Militar no Brasil (respostas no final da página) 1. Como teve início a Ditadura Militar no Brasil que durou de 1964 a 1985? A - Através de eleições democráticas que levaram ao

Leia mais

Prof. Thiago Oliveira

Prof. Thiago Oliveira Prof. Thiago Oliveira Depois da 2ª Guerra Mundial o Brasil passou por um período de grandes transformações no campo da política, economia e sociedade, superando o Estado Novo de Getúlio e experimentando

Leia mais

Período Populista (1945/64)

Período Populista (1945/64) Período Populista (1945/64) INTRODUÇÃO Período de Democracia, sem censura e eleições direta (o( o povo vota) para presidente. O mundo encontrava-se no Período de Guerra Fria : Capitalistas (EUA) X Socialistas

Leia mais

Resistência à Ditadura Militar. Política, Cultura e Movimentos Sociais

Resistência à Ditadura Militar. Política, Cultura e Movimentos Sociais Resistência à Ditadura Militar Política, Cultura e Movimentos Sociais Visão Panorâmica Introdução à ditadura Antecedentes do Golpe A Ditadura A Resistência A Reabertura Duração: 1964 à 1985 Introdução

Leia mais

PERÍODO MILITAR (1964/1985) PROF. SORMANY ALVES

PERÍODO MILITAR (1964/1985) PROF. SORMANY ALVES PERÍODO MILITAR (1964/1985) PROF. SORMANY ALVES INTRODUÇÃO Período governado por GENERAIS do exército brasileiro. Adoção do modelo desenvolvimento dependente, principalmente dos EUA, que subordinava a

Leia mais

Ensino Fundamental II

Ensino Fundamental II Ensino Fundamental II Valor do trabalho: 2.0 Nota: Data: /dezembro/2014 Professora: Angela Disciplina: Geografia Nome: n o : Ano: 8º Trabalho de Recuperação Final de Geografia ORIENTAÇÕES: Leia atentamente

Leia mais

Na ditadura não a respeito à divisão dos poderes (executivo, legislativo e judiciário). O ditador costuma exercer os três poderes.

Na ditadura não a respeito à divisão dos poderes (executivo, legislativo e judiciário). O ditador costuma exercer os três poderes. Ditadura: É uma forma de governo em que o governante (presidente, rei, primeiro ministro) exerce seu poder sem respeitar a democracia, ou seja, governa de acordo com suas vontades ou com as do grupo político

Leia mais

DATA: VALOR: 20 PONTOS NOME COMPLETO:

DATA: VALOR: 20 PONTOS NOME COMPLETO: DISCIPLINA: Geografia PROFESSOR(A): Rodrigo/Saulo DATA: VALOR: 20 PONTOS NOTA: NOME COMPLETO: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2ªEM TURMA: Nº: 01. RELAÇÃO DO CONTEÚDO Demografia (Transição

Leia mais

Temas Governo de Vargas 1930-1945), Populismo (1945-1964) Ditadura Militar (1964-1985) e República Nova (Redemocratização do Brasil) (1985-2010)

Temas Governo de Vargas 1930-1945), Populismo (1945-1964) Ditadura Militar (1964-1985) e República Nova (Redemocratização do Brasil) (1985-2010) Trabalho de História Recuperação _3ºAno Professor: Nara Núbia de Morais Data / /2014 Aluno: nº Ens. Médio Valor: 40 Nota: Temas Governo de Vargas 1930-1945), Populismo (1945-1964) Ditadura Militar (1964-1985)

Leia mais

Profª: Sabrine Viviane Welzel

Profª: Sabrine Viviane Welzel História 9 ano Ditadura Militar 1 Leia com a tençao, o depoimento do general bandeira a respeito da participaçao dos militares na politica brasileira: no movimento de 1964, a ideologia politica foi puramente

Leia mais

ATIVIDADES ON LINE 9º ANO DITADURA MILITAR

ATIVIDADES ON LINE 9º ANO DITADURA MILITAR ATIVIDADES ON LINE 9º ANO DITADURA MILITAR 1-"O movimento de 31 de março de 1964 tinha sido lançado aparentemente para livrar o país da corrupção e do comunismo e para restaurar a democracia, mas o novo

Leia mais

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA Clodoaldo Meneguello Cardoso Nesta "I Conferência dos lideres de Grêmio das Escolas Públicas Estaduais da Região Bauru" vamos conversar muito sobre política.

Leia mais

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2 1º ano O absolutismo e o Estado Moderno Capítulo 12: Todos os itens A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10:

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) DITADURA MILITAR (1964-1979)

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) DITADURA MILITAR (1964-1979) Divisões entre os militares: SORBONNE: oriundos da ESG (Escola Superior de Guerra, intelectuais, veteranos da 2ª Guerra, próximos da UDN, alinhados com os EUA, anticomunistas, executivo forte e soluções

Leia mais

PROVA GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2010

PROVA GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2010 PROVA GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2010 PROF. FERNANDO NOME N o 8 o ANO A compreensão do enunciado faz parte da questão. Não faça perguntas ao examinador. A prova deve ser feita com caneta azul ou preta.

Leia mais

As Novas Migrações Internacionais

As Novas Migrações Internacionais As Novas Migrações Internacionais As novas migrações ganharam novas direções, as realizações partem de países subdesenvolvidos para países desenvolvidos, e o novo modelo de migração internacional surge

Leia mais

GEOGRAFIA. Prof. Marcus

GEOGRAFIA. Prof. Marcus GEOGRAFIA Prof. Marcus Migração e xenofobia Migração Trata-se de um fluxo de pessoas. Existe por diversos motivos, como: Fluxos globais, regiões superpovoadas, desemprego, desorganização, desigualdade,

Leia mais

VESTIBULAR 2011 1ª Fase HISTÓRIA GRADE DE CORREÇÃO

VESTIBULAR 2011 1ª Fase HISTÓRIA GRADE DE CORREÇÃO VESTIBULAR 2011 1ª Fase HISTÓRIA GRADE DE CORREÇÃO A prova de História é composta por três questões e vale 10 pontos no total, assim distribuídos: Questão 1 3 pontos (sendo 1 ponto para o subitem A, 1,5

Leia mais

HISTÓRIA DO LEGISLATIVO

HISTÓRIA DO LEGISLATIVO HISTÓRIA DO LEGISLATIVO Maurício Barbosa Paranaguá Seção de Projetos Especiais Goiânia - 2015 Origem do Poder Legislativo Assinatura da Magna Carta inglesa em 1215 Considerada a primeira Constituição dos

Leia mais

A REPÚBLICA DEMOCRÁTICA POPULISTA (1945 1964):

A REPÚBLICA DEMOCRÁTICA POPULISTA (1945 1964): A REPÚBLICA DEMOCRÁTICA POPULISTA (1945 1964): 1. - PRINCIPAIS PARTIDOS: PSD (Partido Social Democrático): Principal partido. Criado por Getúlio Vargas. Base rural. Industriais, banqueiros e latifundiários

Leia mais

Gabarito oficial preliminar: História

Gabarito oficial preliminar: História 1) Questão 1 Segundo José Bonifácio, o fim do tráfico de escravos significaria uma ameaça à existência do governo porque Geraria uma crise econômica decorrente da diminuição da mão de obra disponível,

Leia mais

Aula 14 Regime Militar Prof. Dawison Sampaio

Aula 14 Regime Militar Prof. Dawison Sampaio Aula 14 Regime Militar 1 Contexto do Regime Militar Contexto interno: Colapso do Populismo (polêmica das Ref. de Base) Contexto externo: Guerra Fria e os interesses dos EUA (risco de cubanização do Brasil

Leia mais

HABILIDADES PARA RECUPERAÇÃO

HABILIDADES PARA RECUPERAÇÃO Componente Curricular: Geografia Professor (a): Oberdan Araújo Ano: 6º Anos A e B. HABILIDADES 1º Bimestre Conceituar e caracterizar: espaço cultural (urbano e rural) e espaço natural. Identificar e caracterizar

Leia mais

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA O BRASIL, O MUNDO E A PAZ NUCLEAR. Caderno 10» Capítulo 4. www.sejaetico.com.

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA O BRASIL, O MUNDO E A PAZ NUCLEAR. Caderno 10» Capítulo 4. www.sejaetico.com. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS HISTÓRIA O BRASIL, O MUNDO E A PAZ NUCLEAR Caderno 10» Capítulo 4 www.sejaetico.com.br CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS A experiência democrática no Brasil (1945-1964)

Leia mais

Acerca da Luta Armada

Acerca da Luta Armada VALOR E VIOLÊNCIA Acerca da Luta Armada Conferência Pronunciada no Anfiteatro de História da USP em 2011 Wilson do Nascimento Barbosa Professor Titular de História Econômica na USP Boa noite! Direi em

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 9 o ano 3 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. Leia o texto sobre a Guerra Fria e responda. O termo tornou-se perfeito para se entender o momento político internacional, pois

Leia mais

Até então o confronto direto entre os aliados não havia acontecido.

Até então o confronto direto entre os aliados não havia acontecido. Confronto entre os aliados, vencedores da 2ª Guerra: Inglaterra, França, EUA e União Soviética. Acordo pós-guerra definiria a área de influência da URSS, onde estavam suas tropas (leste europeu). Conferência

Leia mais

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009

HISTÓRIA-2009 2ª FASE 2009 Questão 01 UFBA - -2009 2ª FASE 2009 Na Época Medieval, tanto no Oriente Médio, quanto no norte da África e na Península Ibérica, muçulmanos e judeus conviviam em relativa paz, fazendo comércio e expressando,

Leia mais

O globo em jornal. Nesta aula vamos aprender que existem

O globo em jornal. Nesta aula vamos aprender que existem A U A UL LA Acesse: http://fuvestibular.com.br/ O globo em jornal Nesta aula vamos aprender que existem muitas diferenças e semelhanças entre as nações que formam o mundo atual. Vamos verificar que a expansão

Leia mais

Disputa pela hegemonia mundial entre Estados Unidos e URSS após a II Guerra Mundial. É uma intensa guerra econômica, diplomática e tecnológica pela conquista de zonas de influência. Ela divide o mundo

Leia mais

Por que defender o Sistema Único de Saúde?

Por que defender o Sistema Único de Saúde? Por que defender o Sistema Único de Saúde? Diferenças entre Direito Universal e Cobertura Universal de Saúde Cebes 1 Direito universal à saúde diz respeito à possibilidade de todos os brasileiros homens

Leia mais

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições.

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Revolução de 1930 Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Responsável pelo fim da chamada Política café com leite Política café com leite

Leia mais

GEOGRAFIA. Sobre as conseqüências das transformações em curso no Leste Europeu, assinale a opção correta:

GEOGRAFIA. Sobre as conseqüências das transformações em curso no Leste Europeu, assinale a opção correta: GEOGRAFIA Sobre as conseqüências das transformações em curso no Leste Europeu, assinale a opção correta: (A) A maior preocupação com os problemas econômico-sociais tem feito praticamente desaparecer os

Leia mais

EUA: Expansão Territorial

EUA: Expansão Territorial EUA: Expansão Territorial Atividades: Ler Livro didático págs. 29, 30 e 81 a 86 e em seguida responda: 1) Qual era a abrangência do território dos Estados Unidos no final da guerra de independência? 2)

Leia mais

DEMOGRAFIA II. Prof. Maicon Fiegenbaum

DEMOGRAFIA II. Prof. Maicon Fiegenbaum DEMOGRAFIA II Prof. Maicon Fiegenbaum Estrutura etária; Estrutura econômica; Migrações; IDH. ESTRUTURA ETÁRIA Populações Jovens *países subdesenvolvidos; *elevado crescimento vegetativo e a baixa expectativa

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação História 9 o ano Unidade 8 5 Unidade 8 Nome: Data: 1. Marque V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas sobre a União Soviética. a) Os russos representavam a maioria no

Leia mais

Professor Tiago / 9º Ano / 3º Trimestre / História

Professor Tiago / 9º Ano / 3º Trimestre / História Professor Tiago / 9º Ano / 3º Trimestre / História 1. Assinale V(verdadeira) e F(falsa): a) ( ) Em 1929, o mundo capitalista enfrentou grave crise econômica, causada principalmente pelo crescimento exagerado

Leia mais

CORREÇÃO TAREFAS. Aulas 1 4 Pág. 24-31

CORREÇÃO TAREFAS. Aulas 1 4 Pág. 24-31 CORREÇÃO TAREFAS Aulas 1 4 Pág. 24-31 Paginas 24 e 25 1. a) População absoluta é a população total de um determinado local. b) População relativa é a densidade demográfica, ou seja, média de habitantes

Leia mais

História B Aula 21. Os Agitados Anos da

História B Aula 21. Os Agitados Anos da História B Aula 21 Os Agitados Anos da Década de 1930 Salazarismo Português Monarquia portuguesa foi derrubada em 1910 por grupos liberais e republicanos. 1ª Guerra - participação modesta ao lado da ING

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F

CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F CADERNO DE EXERCÍCIOS 2F Ensino Fundamental Ciências Humanas Questão Conteúdo Habilidade da Matriz da EJA/FB 1 Movimento operário e sindicalismo no Brasil H43 2 Urbanização nas regiões brasileiras H8,

Leia mais

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar)

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Somos parte de uma sociedade, que (re)produz, consome e vive em uma determinada porção do planeta, que já passou por muitas transformações, trata-se de seu lugar, relacionando-se

Leia mais

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional

O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional CIÊNCIAS HUMANAS (HISTÓRIA/ATUALIDADES/GEOGRAFIA) O candidato deverá demonstrar uma visão globalizante do processo transformacional das sociedades através dos tempos, observando os fatores econômico, histórico,

Leia mais

Geografia Por Tabata

Geografia Por Tabata Geografia Por Tabata População População Absoluta: total de habitantes de um dado lugar Ex.: China = maior população cerca 1 bilhão e 300 milhões de habitantes China = país populoso Populoso é o país que

Leia mais

MÓDULO 19- O BRASIL DA DITADURA MILITAR( 1964-1985)

MÓDULO 19- O BRASIL DA DITADURA MILITAR( 1964-1985) OS PRESIDENTES MILITARES: MÉDICI GEISEL COSTA E SILVA FIGUEIREDO CASTELLO BRANCO 1 - O governo CASTELLO BRANCO (Sorbonne 1964 1967): PAEG (Plano de Ação Econômica do Governo): Fim da Estabilidade no emprego.

Leia mais

DATA: /12/2014 VALOR: 20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho recuperação final SÉRIE: 9º TURMA: NOME COMPLETO:

DATA: /12/2014 VALOR: 20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho recuperação final SÉRIE: 9º TURMA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: GEOGRAFIA PROFESSORES: Marina Monteiro e Fábio Luiz DATA: /12/2014 VALOR: 20 pontos NOTA: ASSUNTO: Trabalho recuperação final SÉRIE: 9º TURMA: NOME COMPLETO: Nº: A PROVA FINAL NÃO SERÁ LIMITADA

Leia mais

DITADURA CIVIL MILITAR

DITADURA CIVIL MILITAR DITADURA CIVIL MILITAR Argentina + ou 25.000 mortos Chile + ou 4.000 mortos Brasil + ou 500 mortos ARGENTINA Parte forte do Vice Reino do Prata vitoriosa da Guerra do Paraguai Sociedade rural que aos poucos

Leia mais

Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Disciplina: História Profa Andrea Oitava 1-Manhã

Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Disciplina: História Profa Andrea Oitava 1-Manhã Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Disciplina: História Profa Andrea Oitava 1-Manhã BRASIL: ELEIÇÕES DE 1945 Com a deposição de Vargas foram marcadas eleições para

Leia mais

FUNDAMENTAL II: RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE 2015 9º ANO

FUNDAMENTAL II: RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE 2015 9º ANO FUNDAMENTAL II: RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE 2015 9º ANO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Turma : 901/902 Prof. :NETINHA GRUPO 1 1. ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO Leia com atenção Páginas: 21,22 Tarefas propostas Páginas:

Leia mais

UFSC. Resposta: 02 + 04 + 16 = 22. Comentário. Resposta: Comentário

UFSC. Resposta: 02 + 04 + 16 = 22. Comentário. Resposta: Comentário Resposta: 02 + 04 + 16 = 22 Resposta: 01. Incorreta. Na região dos Rios Tigre e Eufrates tivemos o desenvolvimento da Civilização Mesopotâmica, que, mesmo enfrentando guerras, desenvolveu atividades artísticas

Leia mais

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro?

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro? População mundial Leia as manchetes abaixo: População mundial superará 9,2 bilhões em 2050, estima ONU BBC Brasil Casais ricos burlam lei do filho único na China BBC Brasil A população mundial atingiu

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE HISTÓRIA 9º ANO PROFESSOR: MÁRCIO AUGUSTO

Leia mais

TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRENTE 5B AULA 14 e 15. Profº André Tomasini

TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRENTE 5B AULA 14 e 15. Profº André Tomasini TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRENTE 5B AULA 14 e 15 Profº André Tomasini Formação Industrial Brasileira Proibição da produção (fim do século XVIII). Barão de Mauá (ferrovias e indústrias). Ciclo do café fase capitalista

Leia mais

OS MOVIMENTOS POPULARES PARA A REABERTURA POLÍTICA NO INTERIOR DO PARANÁ

OS MOVIMENTOS POPULARES PARA A REABERTURA POLÍTICA NO INTERIOR DO PARANÁ OS MOVIMENTOS POPULARES PARA A REABERTURA POLÍTICA NO INTERIOR DO PARANÁ Felipe Melo de Carvalho PIBID/História/UEL Resumo: O presente projeto foi elaborado para o Programa Institucional de Bolsa da Iniciação

Leia mais

MOVIMENTOS POPULACIONAIS GEOGRAFIA

MOVIMENTOS POPULACIONAIS GEOGRAFIA MOVIMENTOS POPULACIONAIS GEOGRAFIA Dinâmica Populacional Conjunto de transformações que uma população sofre em diferentes aspectos. Ou seja, fatores que podem aumentar ou diminuir o efetivo populacional

Leia mais

Matéria da Recuperação. Industrialização Urbanização População

Matéria da Recuperação. Industrialização Urbanização População Disciplina: Geografia Roteiro de Recuperação Ano / Série: 7º Professor (a): Gabriel Data: / / 2013 Matéria da Recuperação Industrialização Urbanização População 1- A função urbana de uma cidade diz respeito

Leia mais

Governos. Populistas Brasileiros (1946-1964) Entregar? Nacionalizar? Prof. Abdulah 3ºano/Pré- vesjbular Aulas 20 e 21 (SAS)

Governos. Populistas Brasileiros (1946-1964) Entregar? Nacionalizar? Prof. Abdulah 3ºano/Pré- vesjbular Aulas 20 e 21 (SAS) Governos Entregar? Populistas Brasileiros (1946-1964) OU Prof. Abdulah 3ºano/Pré- vesjbular Aulas 20 e 21 (SAS) Nacionalizar? PRINCIPAIS PARTIDOS PSD (Par(do Social Democrá(co): Principal par*do. Criado

Leia mais

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA

COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA Educação Infantil e Ensino Fundamental Aluno(a): 8º Ano: Nº Professor(a): Data: / / Componente Curricular: HISTÓRIA 2011/HIST8ANOEXE2-PARC-1ºTRI-I AVALIAÇÃO PARCIAL 1º TRIMESTRE

Leia mais

GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO

GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO O que é População? População é um conjunto de pessoas que ocupam um determinado espaço em um período de tempo específico. Ela pode ser classificada segundo vários aspectos, como:

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek

Centro Educacional Juscelino Kubitschek Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / /2011 ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIE: 6ª série/7 ano TURMA: TURNO: DISCIPLINA: GEOGRAFIA PROFESSOR: Equipe de Geografia Roteiro e lista de Recuperação

Leia mais

Guerra fria (o espaço mundial)

Guerra fria (o espaço mundial) Guerra fria (o espaço mundial) Com a queda dos impérios coloniais, duas grandes potências se originavam deixando o mundo com uma nova ordem tanto na parte política quanto na econômica, era os Estados Unidos

Leia mais

GEOGRAFIA. Assinale a alternativa com a(s) afirmativa(s) correta(s).

GEOGRAFIA. Assinale a alternativa com a(s) afirmativa(s) correta(s). GEOGRAFIA 46) O continente europeu tem, historicamente, iniciado processos que vão pouco a pouco se espalhando pelo espaço mundial. Dentre os processos que surgiram na Europa e que se difundiram pelo mundo,

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 3C

CADERNO DE EXERCÍCIOS 3C CADERNO DE EXERCÍCIOS 3C Ensino Médio Ciências Humanas Questão Conteúdo Habilidade da Matriz da EJA/FB 1 Fim da URSS, o Leste Europeu e a U.E. H25, H33 2 Redemocratização do Brasil pós-ditadura H32 3 Nova

Leia mais

Resolução de Questões- Tropa de Elite ATUALIDADES Questões- AULA 1-4 NILTON MATOS

Resolução de Questões- Tropa de Elite ATUALIDADES Questões- AULA 1-4 NILTON MATOS Resolução de Questões- Tropa de Elite ATUALIDADES Questões- AULA 1-4 NILTON MATOS 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. OBS: EM NEGRITO OS ENUNCIADOS, EM AZUL AS

Leia mais

Aula 10.1. Avaliação da Unidade II Pontuação: 7,5 pontos

Aula 10.1. Avaliação da Unidade II Pontuação: 7,5 pontos Aula 10.1 Avaliação da Unidade II Pontuação: 7,5 pontos 1ª QUESTÃO (1,0) Em seu discurso de despedida do Senado, em dezembro de 1994, o presidente Fernando Henrique Cardoso anunciou o fim da Era Vargas,

Leia mais

DÉCADA DE 80. Profa. Dra. Regina S. A. Martins

DÉCADA DE 80. Profa. Dra. Regina S. A. Martins Eventos Marcantes: Guerra das Malvinas Guerra nas Estrelas Glasnost e Perestroika Queda do Muro de Berlim Massacre da Praça da Paz Celestial (Tiananmen) Tragédias sociais e ambientais ESTADOS UNIDOS 1981-1988:

Leia mais

Exercícios de Ditadura Militar: Geisel e Figueiredo

Exercícios de Ditadura Militar: Geisel e Figueiredo Exercícios de Ditadura Militar: Geisel e Figueiredo Material de apoio do Extensivo 1. Sobre o fim do período militar no Brasil (1964-1985), pode-se afirmar que ocorreu de forma: a) Conflituosa, resultando

Leia mais

TRÁFICO HUMANO E AS MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS

TRÁFICO HUMANO E AS MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS TRÁFICO HUMANO E AS MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS INTERNACIONAIS 1. RAZÕES DAS MIGRAÇÕES FATORES ATRATIVOS X FATORES REPULSIVOS - CONDIÇÕES DE VIDA - OFERTAS DE EMPREGO - SEGURANÇA -

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA Nome: Nº 9º ano Data: / /2015 Professor: Nota: (valor: 1,0 para cada bimestre) 3º bimestre A - Introdução Neste bimestre, sua nota foi inferior a 6,0 pontos e você não

Leia mais

EXERCÍCIOS DE REVISÃO PARA A PROVA DE RECUPERAÇÃO - SIMULADO OBS: GABARITO NO FINAL DOS EXERCÍCIOS. QUALQUER DÚVIDA DEIXAR MENSAGEM NO FACEBOOK

EXERCÍCIOS DE REVISÃO PARA A PROVA DE RECUPERAÇÃO - SIMULADO OBS: GABARITO NO FINAL DOS EXERCÍCIOS. QUALQUER DÚVIDA DEIXAR MENSAGEM NO FACEBOOK EXERCÍCIOS DE REVISÃO PARA A PROVA DE RECUPERAÇÃO - SIMULADO OBS: GABARITO NO FINAL DOS EXERCÍCIOS. QUALQUER DÚVIDA DEIXAR MENSAGEM NO FACEBOOK 1. A vegetação varia de local para local baseada, sobretudo,

Leia mais

A América Latina na Guerra Fria A ditadura militar no Brasil

A América Latina na Guerra Fria A ditadura militar no Brasil ID/ES Tão perto e ainda tão distante A 90 milhas de Key West. Visite Cuba. Cartão postal de 1941, incentivando o turismo em Cuba. 1 Desde a Revolução de 1959, Cuba sofre sanções econômicas dos Estados

Leia mais

PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO.

PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. PUC - Rio - 2012 Rio VESTIBULAR 2012 PROVAS DISCURSIVAS DE HISTÓRIA 2 o DIA MANHÃ GRUPO 2 Novembro / 2011 LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 01 - Você recebeu do fiscal o seguinte material: a) este

Leia mais

ATUDALIDADES - Conflitos na Atualidade

ATUDALIDADES - Conflitos na Atualidade ATUDALIDADES - Conflitos na Atualidade Origem dos povos ORIENTE MÉDIO: Conflitos árabes-israelenses: 1948 Independência de Israel 1949 Guerras da Independência 1956 Crise de Suez 1964 Criação da OLP` 1967

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc.

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc. 2ª série Ens. Médio EXERCÍCIOS DE MONITORIA HISTÓRIA - OBJETIVA Professora: Higor David Lopes Prucoli 1. (Fuvest 1987) Como se expressa a ação do governo na economia brasileira no período do Estado Novo?

Leia mais

Material de divulgação da Editora Moderna

Material de divulgação da Editora Moderna Material de divulgação da Editora Moderna Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

As ordens mundiais GEOGRAFIA GEOGRAFIA A PRODUÇÃO DO ESPAÇO E SEUS CONTRASTES. Capítulo 13 O espaço geográfico 8.1

As ordens mundiais GEOGRAFIA GEOGRAFIA A PRODUÇÃO DO ESPAÇO E SEUS CONTRASTES. Capítulo 13 O espaço geográfico 8.1 As ordens mundiais GEOGRAFIA GEOGRAFIA A PRODUÇÃO DO ESPAÇO E SEUS CONTRASTES Capítulo 13 O espaço geográfico 8.1 NOVA ORDEM MUNDIAL E O SUBDESENVOLVIMENTO A antiga ordem A nova ordem Socialismo x Capitalismo

Leia mais

país. Ele quer educação, saúde e lazer. Surge então o sindicato cidadão que pensa o trabalhador como um ser integrado à sociedade.

país. Ele quer educação, saúde e lazer. Surge então o sindicato cidadão que pensa o trabalhador como um ser integrado à sociedade. Olá, sou Rita Berlofa dirigente do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Brasil, filiado à Contraf e à CUT. Quero saudar a todos os trabalhadores presentes e também àqueles que, por algum motivo, não puderam

Leia mais

VOLUME 1o. VOLUME 2o.

VOLUME 1o. VOLUME 2o. Programação Anual 1 ạ Série 1 ọ 2 ọ 1. A ciência geográfica Lugar, território e espaço 2. Astronomia Assim teve início a Astronomia Qual a origem do Universo? 3. Fusos horários Resolução de problemas com

Leia mais

Histórico das constituições: direito de sufrágio

Histórico das constituições: direito de sufrágio 89 Histórico das constituições: direito de sufrágio André de Oliveira da Cruz Waldemar de Moura Bueno Neto José Carlos Galvão Goulart de Oliveira Graduandos pela Faculdade de Educação, Administração e

Leia mais

Capitalismo, Revolução Russa e Crise de 29

Capitalismo, Revolução Russa e Crise de 29 Capitalismo, Revolução Russa e Crise de 29 Revolução Russa de 1917 A Revolução Russa de 1917 foi uma série de eventos políticos na Rússia, que, após a eliminação da autocracia russa, e depois do Governo

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º smestre

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º smestre ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º smestre Nome: Nº 9º ano Data: / /2014 Professor: Nota: (valor: 1,0 para cada bimestre) 4º bimestre A - Introdução Neste semestre, sua nota foi inferior a 30,0 pontos

Leia mais

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER DOS RECURSOS

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER DOS RECURSOS 11) China, Japão e Índia são três dos principais países asiáticos. Sobre sua História, cultura e relações com o Ocidente, analise as afirmações a seguir. l A China passou por um forte processo de modernização

Leia mais

FELIPE CARCELIANO Nº 10 JENNIFER SANTAROZA DE SOUZA Nº 20 NATHALIA NOVAES Nº 30 GEOGRAFIA TEMA VIII HAITI E.E. DR. JOÃO THIENNE.

FELIPE CARCELIANO Nº 10 JENNIFER SANTAROZA DE SOUZA Nº 20 NATHALIA NOVAES Nº 30 GEOGRAFIA TEMA VIII HAITI E.E. DR. JOÃO THIENNE. FELIPE CARCELIANO Nº 10 JENNIFER SANTAROZA DE SOUZA Nº 20 NATHALIA NOVAES Nº 30 GEOGRAFIA TEMA VIII HAITI E.E. DR. JOÃO THIENNE Nova Odessa SP Maio / 2014 1 JENNIFER SANTAROZA DE SOUZA FELIPE CARCELIANO

Leia mais

Total aulas previstas

Total aulas previstas ESCOLA BÁSICA 2/3 DE MARTIM DE FREITAS Planificação Anual de História do 7º Ano Ano Lectivo 2011/2012 LISTAGEM DE CONTEÚDOS TURMA Tema 1.º Período Unidade Aulas Previas -tas INTRODUÇÃO À HISTÓRIA: DA ORIGEM

Leia mais

1º ano. 1) Relações de Trabalho, Relações de Poder...

1º ano. 1) Relações de Trabalho, Relações de Poder... Liberdade, propriedade e exploração. A revolução agrícola e as relações comerciais. Capítulo 1: Item 5 Relações de trabalho nas sociedades indígenas brasileiras e americanas. Escravidão e servidão. Divisão

Leia mais

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff 31/10/2010 23h56 - Atualizado em 01/11/2010 11h24 Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff Em Brasília, ela fez primeiro discurso após anúncio do resultado da eleição. Ela afirmou

Leia mais

ATIVIDADES ONLINE 9º 3. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos

ATIVIDADES ONLINE 9º 3. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos ATIVIDADES ONLINE 9º 3 1) Leia atentamente. Cidade chinesa que estreou economia de mercado completa 30 anos Deng Xiaoping, pai da reforma econômica da China, decidiu no começo dos anos 80 testar as regras

Leia mais

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL. Geografia Leituras e Interação

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL. Geografia Leituras e Interação Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo em Movimento do DISTRITO FEDERAL Geografia Leituras e Interação 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para ser uma ferramenta útil à análise e

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2012 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2012 Conteúdos Habilidades Avaliação Disciplina: Geografia Trimestre: 1º PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2012 1. População: - Crescimento populacional - O espaço urbano e o processo de urbanização - Teorias demográficas. 2. Mundo contemporâneo:

Leia mais

(A) Itália / socialismo / 1986 (B) Brasil / populismo / 1970 (C) Alemanha / nazifascismo / 1930 (D) Argentina / ditadura militar / 1978

(A) Itália / socialismo / 1986 (B) Brasil / populismo / 1970 (C) Alemanha / nazifascismo / 1930 (D) Argentina / ditadura militar / 1978 A história do tempo presente mostra que, mais do que nunca, o homem deve observar o mundo de maneira integrada. Nesse sentido, a prova da área de Ciências Humanas e suas Tecnologias enfatiza as dimensões

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015/2 DIREITO HISTÓRIA

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015/2 DIREITO HISTÓRIA HISTÓRIA Questão 01 (Imagem disponível em: . Acesso em: 02 maio 2015) Leia atentamente o fragmento de texto a seguir:

Leia mais

Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza

Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza Disciplina de Geografia Área de ciências humanas Nova ordem mundial Mundo multipolar Prof. Rafael Souza Porto Alegre 2014 Com o final da União Soviética, a queda do Muro de Berlim, sabemos que apenas um

Leia mais

O continente africano

O continente africano O continente africano ATIVIDADES Questão 04 Observe o mapa 2 MAPA 2 Continente Africano Fonte: . A região do Sahel, representada

Leia mais

COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES

COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES Características da União Soviética - Moeda Única - Governo Central - Forças Armadas unificadas Países resultantes da desagregação da União Soviética - Rússia - Armênia

Leia mais