Mensagem subliminar. Genealogia, preliminaridades de amador. Menu. Formato GEDCOM. Genealogia

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mensagem subliminar. Genealogia, preliminaridades de amador. Menu. Formato GEDCOM. Genealogia"

Transcrição

1 Mensagem subliminar Genealogia, preliminaridades de amador J.João Almeida Departamento de Informática Universidade do Minho 2 de Outubro de 2012 enredo: histórias de família + genealogia + foto importante é o conteúdo (perl: um humilde ajudante) há sempre um espaço para o scripting dar uma ajuda wikificação scriptização de templates JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 1 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 2 Menu Introdução 1 Introdução 2 Genealogia 3 Formato GEDCOM Módulo Gedcom.pm Exemplo do módulo Gedcom.pm Demonstração do exemplo get-indivíduo 4 Wikificação de GedCom Demonstração do caderno Genealógico 5 Geração de árvores Genealógicas Demonstração de templates genealógicos Normalmente os estudos ligados à genealogia envolvem: Estrutura genealógica (GEDCOM) Várias histórias de família (L A TEX) Várias histórias da miudagem (L A TEX) (no meu caso particular) Fotos diversas (jpeg + tabela) um puzle onde se vão juntando novas peças... 6 Conclusões 7 Fim JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 3 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 4 Genealogia Formato GEDCOM Síndrome de descendente do D.Afonso Henriques Algumas ferramenta permitem edição cooperativa: My-heritage (edição Web de boa qualidade; armadilhado) geneweb (ocaml; edição Web controlada localmente) FixMe : Falta completar as ferramentas Gramps (python) Várias ferramentas exportam formato Gedcom Normalmente o Gedcom é uma espaço/sintaxe pouco claro para... associação de Histórias, Biografias, etc fotos documentos diversos, recortes Formato textual; Medatada Indivíduos famílias notas fontes atributos em árvore Exemplos diversos nas páginas seguintes JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 5 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 6 1

2 0 HEAD 1 GEDC 2 VERS FORM LINEAGE-LINKED 1 CHAR UTF-8 1 LANG Portuguese 1 SOUR MYHERITAGE 2 NAME MyHeritage Family Tree Builder 2 CORP MyHeritage.com 0 INDI 1 NAME Duarte /Pereira Dias de Almeida/ 2 GIVN Duarte 2 SURN Pereira Dias de Almeida 1 SEX M 1 BIRT 2 DATE FAMS 1 FAMC 0 INDI 1 NAME José Jo~ao /Antunes Guimar~aes Dias de Almeida/ 2 GIVN José Jo~ao 2 SURN Antunes Guimar~aes Dias de Almeida 1 SEX M 1 FAMS 1 FAMC Pessoa Exemplos Gedcom (cont.) 0 INDI 1 NAME Maria Isabel /Antunes Guimar~aes de Vanconcelos Pignatelli/ 2 GIVN Maria Isabel 2 SURN Antunes Guimar~aes de Vanconcelos Pignatelli 2 _MARNM Antunes Guimar~aes de Vasconcelos Pignatelli Dias de Almeida Família 0 FAM 1 HUSB 1 WIFE 1 CHIL 1 CHIL 1 CHIL JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 7 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 8 Módulo Gedcom.pm Exemplo do módulo Gedcom.pm Paul Johnson Módulo Perl parser de gedcom funções para processamento de: indivíduos, famílias atributos de indivíduos ou família procuras permite escrever gedcom e XML-gedcom mecanismos ricos de validação guiados por uma gramática (alguns problemas com encodings...) Mostra individuo de uma Gedcom use Gedcom; my $ged = Gedcom->new($gedcom_file); = $ged->get_individual($ind); for $i print $i->name, "\n"; print "Pai:", $i->father->name, "\n"; print "Mae:", $i->mother->name, "\n"; for $f ($i->fams){ print "Cc: ", $f->wife->name, "\n" ; for ($f->children){ print "\t* ", $_->name, "\n"; JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 9 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 10 Demonstração do exemplo get-indivíduo Wikificação de GedCom... Gedcom individuo família do individuo Caderno de genealogia Gedcom Zim Zim (adicionar biografias, histórias, fotos) Zim (corrigir completar inf. genealógica) Zim GedCom FixMe : falta completar Zim HTML JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 11 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 12 2

3 Demonstração do caderno Genealógico Geração de árvores Genealógicas Conversão GedCom Caderno gen2zim família.ged... família zim; zim família membro... editar; zim export -o Gen-html template Default index-page index./gen... builds static html... com base em templates LaTeX + Skel::Data Scriptização de template 1 Construir um template LaTeX para árvores genealógicas: escrever o exemplo LaTeX substituir os específicos por parâmetros ([% pai %]) substituir as listas por parâmetros ([% filhos*t2 %]) gerar esqueleto de script (mkskimport) 2 Gedcom Indivíduo inf-família 3 inf-família template pdf 4 uso do módulo Skel::Data (templates na secção Data) JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 13 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 14 Demonstração de templates genealógicos Conclusões Template LaTeX gentree-h3(famíliax) Bricolagem genealógica: é viável Wikificação de estruturas (por vezes com perdas) Scriptização de templates Template LaTeX scriptizado thegentree-h3(getfamília(duarte Moreira)) JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 15 JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 16 Fim JJoão Genealogia, preliminaridades de amador 17 3

4 1 Geração de árvores genealógicas (demo) thegentree -t=3h Famjj-j.ged "Constança" Maria Constança /da Cunha Pignatelli Telles de Maria Constança /de Queiros Montenegro Pinto Moreira/ Maria da Natividade /Pimentel de Queiros Montenegro/ Libania Leopoldina /Pereira Pimentel da Mota Castelo-Branco/ Caetano /Pinto de Queiros Montenegro/ Joana /de Almeida e Sousa/ Maria Josefa /da Cunha Pignatelli Telles de João /Pinto Moreira de Almeida e Sousa/ João /Pinto Moreira/ Margarida Maxima /da Cunha Pignatelli Telles de Maria da Natividade /da Cunha Pignatelli Telles de António João /Telles Pereira de Vasconcelos Pimentel/ António /da Cunha Pignatelli de Tavares Osório Telles de Josefa Cândida /da Cunha Pignatelli Tavares Osório/ Maria José /da Cunha Tavares Osório/ Joaquim /da Cunha Freire Robalo Pignatelli da Gama Sotomaior/ António /Telles Pereira de Vasconcelos Pimentel/ 1.1 Estrutura do thegentree a)calcula os parâmetros x em função de base-gedcom e do Individuo b)invoca o template com esses parâmtros DATA template1... [% x %]... template2... [% x %]... template3... [% x %]... gera função template1(x) gera função template3(x) gera função template3(x) #!/usr/bin/perl -s our ($pdf,$xpdf,$t); $t = "3h"; $pdf =1 if $xpdf; my $gedcom_file=shift; my $ind=shift; 4

5 use Gedcom; my $ged my $i = Gedcom->new($gedcom_file); = $ged->get_individual($ind); use Skel::Data ; skimport(); ## import the DATA_ templates as functions sub M{ my $a=shift; return undef if not $a; return $a->mother sub p{ my $a=shift; return undef if not $a; return $a->father sub n{ my $a=shift; return if not $a; return $a->name open(f, ">","_.tex"); print F treegen3h({ ## tree generator horizontal 3 m => n(m $i), mm => n(m(m $i)), mmm => n(m(m(m $i))), mmp => n(p(m(m $i))), mp => n(p(m $i)), mpm => n(m(p(m $i))), mpp => n(p(p(m $i))), p => n(p $i), pp => n(p(p $i)), ppm => n(m(p(p $i))), ppp => n(p(p(p $i))), pm => n(m(p $i)), pmm => n(m(m(p $i))), pmp => n(p(m(p $i))), f => [ map { $_->name $i->famc->children], ) if ($t eq "3h"); print F treegen2v({ ## tree generator Vertical 2 m => n(m $i), mm => n(m(m $i)), mp => n(p(m $i)), p => n(p $i), pp => n(p(p $i)), pm => n(m(p $i)), f => n($i), ) if ($t eq "2v"); print F treegen3v({ ## tree generator Vertical 3 m => n(m $i), mm => n(m(m $i)), mmm => n(m(m(m $i))), mmp => n(p(m(m $i))),... ) if ($t eq "3v"); close F; ppdflatex -Q _.tex xpdf _.pdf if $pdf; if $xpdf; DATA treegen3h \documentclass[portuges,a4paper]{article \usepackage{babel... \usepackage{pgf \usepackage{tikz \usetikzlibrary{trees,arrows,automata,positioning \begin{document \def\per#1#2{{#1\\~\hfill #2 \def\num#1{node[person,label={[label distance={-3mm,red]172:#1] \def\ppp#1#2#3{\num{#1 {\per{#2{#3 \begin{tikzpicture[auto, edge from parent fork right, grow = right, node distance=2.2cm, level distance=4.2cm,... \node[r] (0) at(5,0) { child { node[person] {[%p%] child { node[person] {[%pp%] child { node[person] {[%ppp%] child { node[person] {[%ppm%]... 5

6 \node[r] (10) at (8,0) { [edge from parent fork left,grow=left, level 1/.style={sibling distance=1.9cm ] [% f*child %] \end{tikzpicture \end{document child child { node [person] {[%filho%] treegen2v \documentclass[portuges,a4paper]{article... \usepackage{gentree... \begin{gentreev2 \father{[%f%]{[%p%]{[%pp%]{[%pm%]{[%m%]{[%mp%]{[%mm%] \end{gentreev2 \end{document treegen3v \documentclass[portuges,a4paper]{article... \begin{gentreev2 \father{[%p%]{[%pp%]{[%ppp%]{[%ppm%]{[%pm%]{[%pmp%]{[%pmm%] \mother{[%m%]{[%mp%]{[%mpp%]{[%mpm%]{[%mm%]{[%mmp%]{[%mmm%] \suns[% f*suns2 %]... suns2 {[%sun%] 6

5/10/10. Implementação. Building web Apps. Server vs. client side. How to create dynamic contents?" Client side" Server side"

5/10/10. Implementação. Building web Apps. Server vs. client side. How to create dynamic contents? Client side Server side 5/10/10 Implementação Mestrado em Informática Universidade do Minho! 6! Building web Apps How to create dynamic contents?" Client side" Code runs on the client (browser)" Code runs on a virtual machine

Leia mais

Introdução ao Mapserver

Introdução ao Mapserver Introdução ao Mapserver SigWeb by João Araujo 2/28 Mapserver Ambiente de desenvolvimento para construção de aplicações espaciais voltadas para WEB; Não é um GIS completo, nem tem este objetivo; Criado

Leia mais

Introdução e motivação SGBD XML Nativo Consultas em SGBDs XML Prática. Bancos de dados XML. Conceitos e linguagens de consulta

Introdução e motivação SGBD XML Nativo Consultas em SGBDs XML Prática. Bancos de dados XML. Conceitos e linguagens de consulta Bancos de dados XML Conceitos e linguagens de consulta Sidney Roberto de Sousa MC536 - Bancos de Dados: Teoria e prática Material base: W3Schools XPath and XQuery Tutorial http://www.w3schools.com/xpath/

Leia mais

Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções.

Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções. 13. Editor de leiautes Voltado para novos usuários, este capítulo fornece uma instrução para edição de Leiaute do SILAS e suas funções. Neste capítulo uma breve explicação será apresentada sobre a organização

Leia mais

JAVASCRIPT DE QUALIDADE HOJE, AMANHÃ E SEMPRE GUILHERME CARREIRO THIAGO OLIVEIRA

JAVASCRIPT DE QUALIDADE HOJE, AMANHÃ E SEMPRE GUILHERME CARREIRO THIAGO OLIVEIRA JAVASCRIPT DE QUALIDADE HOJE, AMANHÃ E SEMPRE GUILHERME CARREIRO THIAGO OLIVEIRA GUILHERME CARREIRO Rubyist and code deisgner THIAGO OLIVEIRA Indian and Java programmer Há muito tempo... ECMAScript

Leia mais

Ajax. Desenvolvedores web foram acordados. O poder do. Programação. Construindo sites dinâmicos e rápidos. Perl: Ajax

Ajax. Desenvolvedores web foram acordados. O poder do. Programação. Construindo sites dinâmicos e rápidos. Perl: Ajax Construindo sites dinâmicos e rápidos O poder do Ajax A tecnologia Ajax traz recursos para melhorar muito o desempenho de sites lentos e pesados. Tudo que ela requer é um script Perl no servidor e um pouco

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

Processamento de dados XML

Processamento de dados XML Processamento de dados XML César Vittori cvittori@inf.ufrgs.br Outubro de 2000 Resumo Considerações no desenvolvimento de software para processar dados XML. Processamento de uma DTD para interpretar marcação

Leia mais

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho Departamento de Ciências Jurídicas Gerais Profª. Doutora Maria Clara da Cunha Calheiros de Carvalho Profª. Associada, Com Agregação Email: claracc@direito.uminho.pt Profª. Doutora Patrícia Penélope Mendes

Leia mais

4. Definições dos atributos e seus valores padrões:

4. Definições dos atributos e seus valores padrões: Atributos 1. Para a integração com o Promob ERP, é necessário criar um grupo de atributos chamado Banco_Dados. É importante que este grupo seja criado dentro de entidade.attributes. 2. Os atributos criados

Leia mais

Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser

Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser A1Criando um módulo de negócio Capítulo 27 Aplicação dividida em módulos - Introdução Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser compreendido como uma solução de

Leia mais

Relatório de Genealogia para RAMO C - SANTO ANDRE - MARIGO MARTINS - MARIA ANTONIA E GIUSEPPE DESCONHECIDO

Relatório de Genealogia para RAMO C - SANTO ANDRE - MARIGO MARTINS - MARIA ANTONIA E GIUSEPPE DESCONHECIDO Relatório de Genealogia para RAMO C - SANTO ANDRE - MARIGO MARTINS - MARIA ANTONIA E GIUSEPPE DESCONHECIDO Criado em em 31 de março de 2012 "The Complete Genealogy Reporter" 2006-2011 Nigel Bufton Software

Leia mais

Nome do Artigo: Desenvolvendo um scanner para Joomla Password Change Admin. Linguagem de Programação: Perl (Practical Extraction and Report Language)

Nome do Artigo: Desenvolvendo um scanner para Joomla Password Change Admin. Linguagem de Programação: Perl (Practical Extraction and Report Language) Author: Inj3cti0n P4ck3t Date: 13/10/10 Nome do Artigo: Desenvolvendo um scanner para Joomla Password Change Admin Contato: fer_henrick@hotmail.com Nome: Fernando Henrique Mengali de Souza Linguagem de

Leia mais

4 Conversor EDTV Raw. 4.1 Arquitetura

4 Conversor EDTV Raw. 4.1 Arquitetura 4 Conversor EDTV Raw O conversor EDTV Raw é o programa que lê um documento escrito no perfil NCL EDTV e gera um documento Raw equivalente, i.e. que define a mesma apresentação. Este capítulo, apresenta

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

Planificação Anual 2015/2016

Planificação Anual 2015/2016 Planificação Anual 015/01 CURSO: PROFISSIONAL TÉCNICO DE MULTIMÉDIA DISCIPLINA: TÉCNICAS DE MULTIMÉDIA (TM) ANO: 10.º TURMA: I 1º Período º Período 3º Período Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun 3ª

Leia mais

Configure seu Linux pela Web! Instalação à partir de um.tar.gz. Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo Data: 05/10/2004

Configure seu Linux pela Web! Instalação à partir de um.tar.gz. Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo <eduardo at unisulma.edu.br> Data: 05/10/2004 1 de 6 27/3/2007 10:03 Configure seu Linux pela Web! Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo Data: 05/10/2004 Introdução O Webmin é um software de configuração de servidores

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

Abordagem baseada numa visão evolutiva do desenvolvimento de software, afetando o processo como um todo Protótipo de software é um sistema que...

Abordagem baseada numa visão evolutiva do desenvolvimento de software, afetando o processo como um todo Protótipo de software é um sistema que... Prototipação Abordagem baseada numa visão evolutiva do desenvolvimento de software, afetando o processo como um todo Protótipo de software é um sistema que... deve ser construído rapidamente e com baixo

Leia mais

Tutorial para utilização de imagens. Comissão de Acompanhamento e Validação de Materiais Didáticos CVMD/UFSC. Universidade Federal de Santa Catarina

Tutorial para utilização de imagens. Comissão de Acompanhamento e Validação de Materiais Didáticos CVMD/UFSC. Universidade Federal de Santa Catarina Tutorial para utilização de imagens Comissão de Acompanhamento e Validação de Materiais Didáticos CVMD/UFSC Universidade Federal de Santa Catarina Florianópolis - SC Outubro/2011 Caro Professor-autor!

Leia mais

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia

Centro de Competência Entre Mar e Serra. Guia SMART Notebook Software Guia O Software Notebook permite criar, organizar e guardar notas num quadro interactivo SMART Board (em modo projectado e não-projectado), num computador pessoal e, em seguida,

Leia mais

Sisorc. Tutorial de Criação de Novos Módulos

Sisorc. Tutorial de Criação de Novos Módulos Sisorc Tutorial de Criação de Novos Módulos Banco de Dados Para criar um novo módulo é aconselhável que todas as tabelas destinadas a este módulo esteja dentro de um novo schema. Atualmente existem os

Leia mais

Manipulação de XML JAXP - DOM

Manipulação de XML JAXP - DOM UNIPÊ Centro Universitário de João Pessoa Desenvolvimento para Web - XML Manipulação de XML JAXP - DOM Prof. Eduardo Ribas ducaribas@gmail.com 1 4 JAXP DOM O que é DOM? Document Object Model API padrão

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso Cartas de para entrega - ESTGOH Nome ID Dipl. Nome Aluno(a) Grau Academico 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia Civil e do Ambiente Bacharelato 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14320023 ALEXANDRE VAZ MARQUES VASCONCELOS Colocado em 1105 Universidade do Porto - Faculdade de Engenharia 9897 Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geoambiente 13840715 ANA CLÁUDIA DIAS MARTINS

Leia mais

WP para bibliotecários Moreno Barros. extralibris.org bsf.org.br

WP para bibliotecários Moreno Barros. extralibris.org bsf.org.br WP para bibliotecários Moreno Barros extralibris.org bsf.org.br O que é o wordpress? wordpress é um software open source para gerenciamento de blogs. Como apresenta muitas facilidades e recursos, ele também

Leia mais

OBJECTIVO Construção de uma árvore genealógica

OBJECTIVO Construção de uma árvore genealógica FICHA DE EVISÃO OBJECTIVO Construção de uma árvore genealógica A maior parte das pessoas cria conteúdo que contém apenas texto, apesar de as ilustrações e gráficos ajudarem as audiências a compreender

Leia mais

Manual Portal PADRÃO. Gerenciador de Temas: Editar Estilo. 1. Clique na aba Extensões e em seguida em Gerenciador de Temas.-

Manual Portal PADRÃO. Gerenciador de Temas: Editar Estilo. 1. Clique na aba Extensões e em seguida em Gerenciador de Temas.- Manual Portal PADRÃO Gerenciador de Temas: Editar Estilo 1. Clique na aba Extensões e em seguida em Gerenciador de Temas.- 1 2 2. Selecione o link padraogoverno01 Default. 3. Abrirá a seguinte tela: 4.

Leia mais

( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007

( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007 Tutorial JUDE ( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007 Ferramenta CASE UML Índice Introdução... 2 Download e Instalação... 2 Apresentação da Ferramenta... 2 Salvando o Projeto...

Leia mais

Ajustando a largura das colunas no Calc

Ajustando a largura das colunas no Calc 1 de 7 02-08-2012 10:22 Dicas Abaixo, uma relação de dicas para o BrOffice.org. Ajustando a largura das colunas no Calc Autor: Luiz Armando Mendes de Figueiredo Dê um duplo clique na linha que separa as

Leia mais

Meta Programming. Nelson Ferraz nferraz@gmail.com

Meta Programming. Nelson Ferraz nferraz@gmail.com Meta Programming Nelson Ferraz nferraz@gmail.com Resumo Meta Programming Code Generation AppML 23/11/07 Nelson Ferraz 2 Meta Programming Programas que manipulam programas Geração de

Leia mais

Instalação e utilização do Eclipse / Fortran em Windows

Instalação e utilização do Eclipse / Fortran em Windows Computação e Programação Instalação e utilização do Eclipse / Fortran em Windows Nalgumas versões recentes do Windows o instalador referido na página da disciplina não consegue instalar corretamente o

Leia mais

- a completa solução de imposição

- a completa solução de imposição - a completa solução de imposição Suporte Técnico Arnaldo Benedito Ana Lúcia Bruno Gerhard Wordel Setembro 2001 Introdução: Preps é um programa de imposição que roda em plataforma Apple Macintosh e Microsoft

Leia mais

Programação Web Aula 11 - PHP

Programação Web Aula 11 - PHP Programação Web Aula 11 - PHP Departamento de Informática UFPR 4 de Maio de 2015 1 Origens 2 Exemplo Exemplo - arquivo PHP Exemplo: arquivo cliente Características Sintáticas Variáveis Tipos Expressões

Leia mais

Manual do Sistema "Vida - Controle Financeiro Pessoal" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida - Controle Financeiro Pessoal Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida - Controle Financeiro Pessoal" Editorial Brazil Informatica I Vida - Controle Financeiro Pessoal Conteúdo Part I Novidades Versão 2.8 (Contas) 2 Part II Novidades Versão 2.9 (Contas)

Leia mais

1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos

1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos 1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos Pontos, eixos e planos são entidades bastante usadas como referências em sistemas CAE/CAE/CAM. Por isso a importância em estudar como definir pontos,

Leia mais

Diferenças da versão 6.3 para a 6.4

Diferenças da versão 6.3 para a 6.4 Release Notes Diferenças da versão 6.3 para a 6.4 Melhorias Comuns ao Sistema Help O Help Online foi remodelado e agora é possível acessar os manuais de cada módulo diretamente do sistema. Mapeamento de

Leia mais

Introdução. I. Nova Mensagem

Introdução. I. Nova Mensagem Introdução A partir da plataforma do Geonaut é possível enviar mensagens aos recursos, este módulo é muito importante porque permite informar ou pedir informação a um recurso pretendido. Além de se poder

Leia mais

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 Rational Quality Manager Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 1 Informações Gerais Informações Gerais sobre o RQM http://www-01.ibm.com/software/awdtools/rqm/ Link para o RQM https://rqmtreina.mvrec.local:9443/jazz/web/console

Leia mais

Engenharia de Software I

Engenharia de Software I Engenharia de Software I Rogério Eduardo Garcia (rogerio@fct.unesp.br) Bacharelado em Ciência da Computação Aula 05 Material preparado por Fernanda Madeiral Delfim Tópicos Aula 5 Contextualização UML Astah

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

Python: Funções. Claudio Esperança

Python: Funções. Claudio Esperança Python: Funções Claudio Esperança Abstração É uma técnica de programação que nos permite pensar num problema em diversos níveis A idéia é que quando estamos pensando num problema macroscopicamente, não

Leia mais

MANUAL DO CatBib* * Este manual deve ser usado junto com o Sistema Bibliodata Online. Elaborado por: Maria do Socorro Gomes de Almeida e Edwin Hübner

MANUAL DO CatBib* * Este manual deve ser usado junto com o Sistema Bibliodata Online. Elaborado por: Maria do Socorro Gomes de Almeida e Edwin Hübner MANUAL DO CatBib* Elaborado por: Maria do Socorro Gomes de Almeida e Edwin Hübner RIO DE JANEIRO 2002 * Este manual deve ser usado junto com o Sistema Bibliodata Online SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 3 2. ENTRADA

Leia mais

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja. Nº Candidato Nome

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja. Nº Candidato Nome Nome da Escola : Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja Data final da candidatura : 2015-05-06 Grupo de Recrutamento: 110-1º Ciclo do Ensino Básico Ficheiro gerado em : 07/05/2015 11:05:57 Ordenação Graduação

Leia mais

BrOffice Módulo 01 ÍNDICE

BrOffice Módulo 01 ÍNDICE ÍNDICE Vídeo 01: Introdução ao BrOffice Vídeo 02: Componentes Vídeo 03: Outras funções Vídeo 04: Formato de arquivo Vídeo 05: Uso Vídeo 06: Multiplataforma Vídeo 07: Conhecendo a interface Vídeo 08: Experimentando

Leia mais

Breve Tutorial de JavaCC

Breve Tutorial de JavaCC Breve Tutorial de JavaCC O que é? Instalação: http://javacc.dev.java.net Exemplos usados de: http://w3.msi.vxu.se/users/jonasl/javacc http://www.cs.nmsu.edu/~rth/cs/cs471/interpretersjavacc.html http://www.engr.mun.ca/~theo/javacc-tutorial/javacc-tutorial.pdf

Leia mais

GENEALOGIA FLUMINENSE Região Serrana - Genealogias

GENEALOGIA FLUMINENSE Região Serrana - Genealogias JACINTO Francisco Antônio Jacinto foi casado com Germana Rosa Jardim. Ambos ilhéus. Ela morreu em Itaocara a 22 de dezembro de 1867 com 60 anos de idade. Ele, então, voltou a se casar em Itaocara às 3

Leia mais

Esse manual é um conjunto de perguntas e respostas para usuários(as) do Joomla! 1.5.

Esse manual é um conjunto de perguntas e respostas para usuários(as) do Joomla! 1.5. Esse manual é um conjunto de perguntas e respostas para usuários(as) do Joomla! 1.5. Ele considera que você já tem o Joomla! instalado no seu computador. Caso você queira utilizá lo em um servidor na web,

Leia mais

C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S INFORMÁTICA I. BrOffi ce Impress terceira parte. Raimundo Nonato Camelo Parente

C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S INFORMÁTICA I. BrOffi ce Impress terceira parte. Raimundo Nonato Camelo Parente C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S 08 INFORMÁTICA I BrOffi ce Impress terceira parte Raimundo Nonato Camelo Parente Governo Federal Ministério da Educação Projeto Gráfico

Leia mais

Manual MQS. Logo após colocar essas informações abrirá a página inicial do sistema:

Manual MQS. Logo após colocar essas informações abrirá a página inicial do sistema: Manual MQS Para acessar o sistema MQS na versão em PHP, basta clicar no link: www.mqs.net.br/plus. Colocar login e senha que foram fornecidos por email. Logo após colocar essas informações abrirá a página

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

Ferramentas de Administração. PostgreSQL

Ferramentas de Administração. PostgreSQL Ferramentas de Administração ao SGBD PostgreSQL Diego Rivera Tavares de Araújo diegoriverata@gmail.com Introdução Mas o que é PostgreSQL? Introdução as ferramentas O PostgreSQL pode ser acessado a partir

Leia mais

Introdução à linguagem Python. Slides extras

Introdução à linguagem Python. Slides extras Introdução à linguagem Python Slides extras 1 Linguagem de uso geral Internet: YouTube, Globo.com, Bitly, Mozilla... Computação gráfica: Disney, ILM, AutoDesk... Desktop: Dropbox, BitTorrent, OpenOffice...

Leia mais

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Gabinete/Cargo Nome Extensão E-mail Diretor Luiz Felipe Rocha de Faria 1450 lef@isep.ipp.pt Sub-diretor(es) António Constantino Lopes 1462 acm@isep.ipp.pt

Leia mais

Usar a Árvore Familiar do FamilySearch: Um Guia de Referência (18 de outubro de 2013)

Usar a Árvore Familiar do FamilySearch: Um Guia de Referência (18 de outubro de 2013) Usar a Árvore Familiar do FamilySearch: Um Guia de Referência (18 de outubro de 2013) FamilySearch é uma marca registrada da Intellectual Reserve, Inc. e foi registrada nos Estados Unidos da América e

Leia mais

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20%

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20% ALCATEIA Sec NIN NOME NIN NOME Lob 1215050143005 Alice Neto Santos Nascimento 1215050143015 Afonso da Fonseca Machado Lob 1215050143010 Amélia Maria Mesquita Aleixo Alves 1115050143010 Afonso Jesus Dias

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13948 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Gabriela Pedro Fernandes Escola Básica n.º 2 de São Pedro do Sul 13933 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Júlia Capela Pinto Escola Básica n.º 2 de São Pedro do

Leia mais

LISTA ORDENADA DOS CANDIDATOS DO CONCURSO PARA LECCIONAR A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO

LISTA ORDENADA DOS CANDIDATOS DO CONCURSO PARA LECCIONAR A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO A DISCIPLINA DE Inglês (1440) 6 Horas - Abelheira + NO 1º CICLO Elisabete Margarida Viana G. da Rocha 15,00 Deolinda Rosa Arantes Torres 15,00 Raquel Maria SantosB. Oliveira Silva 9,50 Eunice Calisto Soares

Leia mais

LINGUAGEM ORIENTADA A OBJETOS

LINGUAGEM ORIENTADA A OBJETOS LINGUAGEM ORIENTADA A OBJETOS TI MÓDULO II O ECLIPSE O eclipse é uma IDE Open Source (código fonte aberto) que serve para o desenvolvimento em muitas linguagens: PHP Java Python HTML C/C++ A IDE Eclipse

Leia mais

Java 2 Standard Edition. Configuraçã. ção o do ambiente. JEdit + Ant. argonavis.com.br. Helder da Rocha (helder@acm.org)

Java 2 Standard Edition. Configuraçã. ção o do ambiente. JEdit + Ant. argonavis.com.br. Helder da Rocha (helder@acm.org) Java 2 Standard Edition Configuraçã ção o do ambiente JEdit + Ant Helder da Rocha (helder@acm.org) argonavis.com.br 1 Java "IDE" configurável Este módulo mostra como montar um ótimo ambiente de desenolvimento

Leia mais

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web

Programação Web com PHP. Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Programação Web com PHP Prof. Wylliams Barbosa Santos wylliamss@gmail.com Optativa IV Projetos de Sistemas Web Agenda O que é PHP? O que da pra fazer com PHP? Como a web funciona? Onde, quando e por que

Leia mais

Posições de template do projeto portal padrão

Posições de template do projeto portal padrão Posições de template do projeto portal padrão O portal padrão utiliza o template (tema) portalpadrao01, contido no diretório templates a partir do diretório raiz de instalação do portal padrão. A forma

Leia mais

Gerador Menu. AVISO: A biblioteca só funciona corretamente com as versões 2.6 ou superiores ou 3.0 ou superiores.

Gerador Menu. AVISO: A biblioteca só funciona corretamente com as versões 2.6 ou superiores ou 3.0 ou superiores. Gerador Menu 1.0 Sobre este pacote Sistema gerador de menu para prompt de comando. 1.1 Sobre AVISO: A biblioteca só funciona corretamente com as versões 2.6 ou superiores ou 3.0 ou superiores. Resumidamente,

Leia mais

GERÊNCIA DE DADOS SEMI ESTRUTURADOS - XQUERY. Prof. Angelo Augusto Frozza

GERÊNCIA DE DADOS SEMI ESTRUTURADOS - XQUERY. Prof. Angelo Augusto Frozza GERÊNCIA DE DADOS SEMI ESTRUTURADOS - XQUERY Prof. Angelo Augusto Frozza XQUERY (XML QUERY LANGUAGE) XQuery é para XML o que o SQL é para Banco de Dados. XQUERY (XML QUERY LANGUAGE) XQuery é uma linguagem

Leia mais

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia Caderno Eleitoral do Curso de Curso Número Nome 2007106431 Aderito Jose Rodrigues Amaral 2006106020 ALVARO MOREIRA SERRA APARICIO CARVALHO 2007104050 Ana Alexandra Rebelo Cortez 2010137503 Ana Carolina

Leia mais

O que é o JavaScript?

O que é o JavaScript? JavaScript Introdução O JavaScript é utilizado por milhões de páginas na web para melhorar o design, validar forms, e muito mais O JavaScript foi inicialmente desenvolvido pela Netscape e é a linguagem

Leia mais

Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG

Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG Sistema Gerenciador de Conteúdo OpenCms: um caso de sucesso no CEFET-MG Marco T. A. Rodrigues*, Paulo E. M. de Almeida* *Departamento de Recursos em Informática Centro Federal de Educação Tecnológica de

Leia mais

Documento de Configuração PB: Gerador de Relatórios (PB)

Documento de Configuração PB: Gerador de Relatórios (PB) Documento de Configuração PB: Gerador de Relatórios (PB) 20/05/2012 SUMÁRIO 1 GERAREL VISÃO GERAL... 3 2 PASSO 1: INSTALADORES NECESSÁRIOS... 3 3 PASSO 2: REGISTRO DOS MÓDULOS DO GERAREL NO WINDOWS....

Leia mais

OPERAÇÃO NF-E MASTERSAF DF-E

OPERAÇÃO NF-E MASTERSAF DF-E MASTERSAF DF-E ÍNDICE Fluxo NF-e SEFAZ... 1 Fluxo do NF-e Mastersaf... 1 Emissão de NF-e...2 Ícones do Produto...5 Atualização do Licenciamento...5 Painéis de Consulta...6 Ordenação dos Grids... 6 Visualizar

Leia mais

Construindo portais com Plone. Módulo 3 Templates

Construindo portais com Plone. Módulo 3 Templates Construindo portais com Plone Módulo 3 Templates Templates l Quando o Plone vai mostrar uma página, duas perguntas precisam ser respondidas: Ø O que será mostrado? Isto é, quais conteúdos serão buscados

Leia mais

aptitude install request-tracker3.8 rt3.8-db-postgresql Set($rtname, 'NOC PoP-BA/RNP'); Set($Organization, 'NOC PoP-BA/RNP'); Set($CorrespondAddress, 'suporte@pop-ba.rnp.br'); Set($CommentAddress, 'suporte-comment@pop-ba.rnp.br');

Leia mais

Alberto Barbosa Vieira

Alberto Barbosa Vieira Alberto Barbosa Vieira Ana Tavares da Ponte Teixeira Amante Carlos Daniel P. e Silva Cilísia Ornelas Danilo Barcelos David Lopes Diva Antunes Freitas Martins da Cruz Edoardo Rietta Bottai Eduardo Jorge

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Manual do usuário Desenvolvendo páginas em Drupal Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Conteúdo Primeiro Passo... 3 1.1 Login... 3 1.2 Recuperando a Senha...

Leia mais

Desvendando o Sistema de Tipos Do Scala

Desvendando o Sistema de Tipos Do Scala Desvendando o Sistema de Tipos Do Scala Paulo Jcranky Siqueira Paulo.siqueira@ gmail.com / @ jcranky Quem Sou Eu? Developer ( Scala, Java) Quem Sou Eu? Gamer Minecraft E outros Jogos Indie Quem Sou Eu?

Leia mais

XTDL XML Tool Definition Language

XTDL XML Tool Definition Language Daniela da Cruz 1 Pedro Rangel Henriques 1 1 Departamento de Informática Universidade do Minho 15 de Fevereiro de 2007 Contexto O desenvolvimento de ferramentas leva, tipicamente, à necessidade de as disponibilizar

Leia mais

MÓDULO DE CONTROLE ACADÊMICO - MCA Documento de Requisitos

MÓDULO DE CONTROLE ACADÊMICO - MCA Documento de Requisitos 1 MÓDULO DE CONTROLE ACADÊMICO - MCA Documento de Requisitos GUILHERME MANOEL CELESTE DE FREITAS GILBERTO TIMOTHEO JUNIOR RICARDO CUNHA VALE JUIZ DE FORA 2009 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 2 1.1 Propósito 2 1.2

Leia mais

Informática Básica para o PIBID

Informática Básica para o PIBID Universidade Federal Rural do Semi Árido Programa Institucional de Iniciação à Docência Informática Básica para o PIBID Prof. Dr. Sílvio Fernandes Roteiro O Tamanho e Resolução de imagens O Compactação

Leia mais

Metodos de Programação

Metodos de Programação Metodos de Programação Métodos de Programação Introdução Informática, Computador, Algoritmo Informática: Ciência do processamento da informação Computador: Máquina que serve para processar informação Algoritmo:

Leia mais

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões Calendário das Sessões Mês Dia Sala Grupo 1 Janeiro 16, 17, 23, 24, 30 31 Fevereiro 6,7 Grupo 2 Fevereiro 27,28 Março 5,6,12,13,19,20 Grupo 3 Abril 9,10,16,17,23,24 Maio 7,8 Grupo 4 Maio 14,15,21,22,28,29

Leia mais

Configuração do KDevelop

Configuração do KDevelop Programação 2008/2009 MEEC - MEAer Doxygen O Doxygen é um sistema que a partir dos comentários de um programa consegue gerar a documentação (em html por exemplo) desse programa. O utilizador deverá seguir

Leia mais

Dominando Action Script 3

Dominando Action Script 3 Dominando Action Script 3 Segunda Edição (2014) Daniel Schmitz Esse livro está à venda em http://leanpub.com/dominandoactionscript3 Essa versão foi publicada em 2014-05-02 This is a Leanpub book. Leanpub

Leia mais

Oficina: escrevendo artigos no LaTeX. João Paulo Just Peixoto http://just.pro.br

Oficina: escrevendo artigos no LaTeX. João Paulo Just Peixoto http://just.pro.br Oficina: escrevendo artigos no LaTeX João Paulo Just Peixoto http://just.pro.br Roteiro Benefícios O que é exatamente? Instalando o MiKTeX Primeiro exemplo Figuras, Tabelas e Equações Referências e BibTeX

Leia mais

Tutorial EPF Básico. 1)Vá a File-> New->Method Library. Escolha uma pasta para criar a Method Library.

Tutorial EPF Básico. 1)Vá a File-> New->Method Library. Escolha uma pasta para criar a Method Library. Tutorial EPF Básico Pasteur Ottoni de Miranda Junior-DCC PUC MG Postado em www.pasteurjr.blogspot.com 1)Vá a File-> New->Method Library. Escolha uma pasta para criar a Method Library. 2)Vá a File-> New->Method

Leia mais

SED 2.0. Guia Rápido. Módulo 1 Servidor de OCR Sistema Eletrônico de Documentos. Nesta Edição

SED 2.0. Guia Rápido. Módulo 1 Servidor de OCR Sistema Eletrônico de Documentos. Nesta Edição SED 2.0 Guia Rápido Módulo 1 Servidor de OCR Sistema Eletrônico de Documentos Nesta Edição 1 Parâmetros da Digitalização 2 Configuração do MODO AVANÇADO 3 Adicionando Documento ao Cadastro 4 Utilizando

Leia mais

CONCEITOS DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO CARACTERÍSTICAS. João Gabriel Ganem Barbosa

CONCEITOS DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO CARACTERÍSTICAS. João Gabriel Ganem Barbosa CONCEITOS DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO CARACTERÍSTICAS João Gabriel Ganem Barbosa Sumário Motivação História Linha do Tempo Divisão Conceitos Paradigmas Geração Tipos de Dados Operadores Estruturada vs

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

Abaixo do Objeto WorkSheet temos a coleção Cells, que representa todas as células de uma planilha.

Abaixo do Objeto WorkSheet temos a coleção Cells, que representa todas as células de uma planilha. Aula 1 O modelo de objetos do Excel APPLICATION É o próprio Excel. Temos diversas propriedades e métodos importantes nesse objeto. Destacamos dois exemplos: Application.DisplayAlerts Se for true, o Excel

Leia mais

PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETO EM PHP

PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETO EM PHP PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETO EM PHP O PHP através da versão 5, veio desenvolvido com suporte a programação orientada a objetos. O que significa isso? Que a partir da versão 5 é possível criar bibliotecas

Leia mais

Agrupamento de Escolas Dr. Costa Matos Manuais Escolares Adotados Ano Letivo 2013/2014

Agrupamento de Escolas Dr. Costa Matos Manuais Escolares Adotados Ano Letivo 2013/2014 Estudo do Meio Alfa 1 - Estudo do Meio Matemática 1º Ano Alfa 1 - Matemática Português Alfa 1 - Português Estudo do Meio Alfa 2 - Estudo do Meio Matemática 2º Ano Alfa 2 - Matemática Português Alfa 2 -

Leia mais

Gestão de TI com Software Livre em Instituições de Ensino

Gestão de TI com Software Livre em Instituições de Ensino Gestão de TI com Software Livre em Instituições de Ensino Fórum Permanente de Conhecimento e Tecnologia da Informação 14 de abril de 2005 Rubens Queiroz de Almeida Software Livre é Liberdade Liberdade

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

Título dos crismados da freguesia de Nossa Senhora da Assunção de Quintela de Lampaças 1744

Título dos crismados da freguesia de Nossa Senhora da Assunção de Quintela de Lampaças 1744 Título dos crismados da freguesia de Nossa Senhora da Assunção de Quintela de Lampaças 1744 Rui Miguel Rodrigo Freixedelo 05 Janeiro de 2012 Rui Freixedelo Lista de Crismados 1. Domingos Gomes, casado.

Leia mais

INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15

INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15 INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15 1. Um número racional é expresso por dois inteiros: um numerador e um denominador (este último diferente de zero!). Implemente um TAD para representar números

Leia mais

JavaScript 2.0X 1.0 3.0X 1.1 4.0 4.05 1.2 4.06 4.61 1.3 5.0 1.4 6.0 1.5

JavaScript 2.0X 1.0 3.0X 1.1 4.0 4.05 1.2 4.06 4.61 1.3 5.0 1.4 6.0 1.5 JavaScript Diego R. Frank, Leonardo Seibt FIT Faculdades de Informática de Taquara Fundação Educacional Encosta Inferior do Nordeste Av. Oscar Martins Rangel, 4500 Taquara RS Brasil difrank@terra.com.br,

Leia mais

Criação de Páginas Web - MS Word 2000

Criação de Páginas Web - MS Word 2000 Gestão Comercial e da Produção Informática I 2003/04 Ficha de Trabalho N.º 9 Criação de Páginas Web - MS Word 2000 1. Criação de uma página Web (HTML): Escreva o seu texto e introduza as imagens pretendidas

Leia mais

Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo.

Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo. Manual de Instruções ECO Editor de Conteúdo Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo. O ECO é um sistema amigável e intui?vo, mas abaixo você pode?rar eventuais dúvidas e aproveitar

Leia mais

Ano Letivo 2015/2016 - Lista de manuais escolares adotados

Ano Letivo 2015/2016 - Lista de manuais escolares adotados Letivo 2015/2016 - Lista de manuais escolares adotados / Disciplina Título do manual ISBN (na contracapa) Autores Editora Preço Nº alunos 5.º Ciências Naturais 978-989-708-489-8 Isabel Caldas, Isabel SANTILLANA

Leia mais