Profº: Alexandre Bastos Direito Administrativo Questões da Lei 8.112/90 (Estatuto do Servidor Público Civil da União)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Profº: Alexandre Bastos Direito Administrativo Questões da Lei 8.112/90 (Estatuto do Servidor Público Civil da União)"

Transcrição

1 Profº: Alexandre Bastos Direito Administrativo Questões da Lei 8.112/90 (Estatuto do Servidor Público Civil da União) 01) Reversão é forma de provimento de cargo público, pelo retorno à atividade de servidor aposentado. Sobre o assunto, assinale a opção incorreta. a) Na hipótese de reversão, o tempo em que o servidor estiver em exercício não será considerado para a concessão de aposentadoria. b) O retorno à atividade, no interesse da Administração, somente será possível se a aposentadoria tiver sido voluntária. c) A reversão no interesse da Administração só é aplicável a servidor que era estável, quando em atividade. d) O servidor que retornar à atividade por interesse da Administração perceberá, em substituição aos proventos da aposentadoria, a remuneração do cargo que voltar a exercer, inclusive com as vantagens de natureza pessoal que percebia anteriormente à aposentadoria. e) Não é possível a reversão no interesse da Administração se a aposentadoria tiver ocorrido há mais de 05(cinco) anos da data da solicitação. 02) O servidor público federal, subordinado ao Regime Jurídico Único da Lei 8.112/90, que esteja ainda em estágio probatório, não poderá a) afastar se para fazer curso de formação necessário a assumir outro cargo b) afastar se para missão oficial no exterior c) exercer cargo comissionado d) ter licença para atividade política e) ter licença para mandato classista 03) Em relação à posse do servidor público, é incorreto afirmar a) a posse dependerá de prévia inspeção médica oficial b) a posse ocorrerá no prazo de trinta dias contados da publicação c) no ato da posse o servidor declarará seus bens e os valores de seu patrimônio d) a posse dar se á mediante procuração específica e) haverá posse em todos os casos de provimento de cargo 04) Em relação aos servidores regidos pela Lei 8.112/90 pode se afirmar que: I) a ação disciplinar, em caso de abandono de cargo, prescreve em dois anos II) o termo inicial do prazo prescricional da ação disciplinar é a data do cometimento da falta funcional III) os prazos de prescrição previstos na lei penal aplicam se às infrações disciplinares capituladas também como crimes IV) a instauração de processo disciplinar interrompe a prescrição 1

2 V) durante o curso do processo disciplinar, o prazo prescricional fica suspenso, recomeçando a correr, pelo tempo restante, a partir do dia em que a comissão de inquérito apresentar o seu relatório final Estão corretas a) as afirmativas I à V b) apenas as afirmativas II, III, e V c) apenas as afirmativas III e IV d) apenas as afirmativas II, III e IV e) apenas as afirmativas II, IV e V 05) O servidor que, injustificadamente, recusar se a ser submetido a inspeção médica determinada pela autoridade competente, será punido com: a) advertência b) demissão c) cassação de aposentadoria d) suspensão de até 15 dias e) suspensão de até 90 dias 06) Aplica se a pena de demissão nos seguintes casos, exceto: a) prática de usura, sob qualquer de suas formas b) incontinência pública e conduta escandalosa, na repartição c) inassiduidade habitual d) insubordinação grave em serviço e) promoção de manifestação de apreço ou desapreço no recinto da repartição 07) No inquérito administrativo que constitui uma fase do processo disciplinar, uma vez tipificada a infração disciplinar, o procedimento imediatamente seguinte será: a) a indicação do servidor, com a especificação dos fatos a ele atribuídos e das provas respectivas b) a elaboração do relatório, mencionado as provas em que se baseou a comissão, para sua convicção c) a remessa do processo à autoridade competente para o devido julgamento d) o interrogatório do acusado e) a tomada do depoimento das testemunhas 08) A licença a favor do servidor público para o exercício de atividade política será a) não remunerada, até o limite de três meses b) remunerada, até o limite de três meses, entre o registro da candidatura e o décimo dia seguinte ao da eleição c) remunerada, desde a escolha em convenção partidária, até o décimo dia seguinte ao da eleição d) não remunerada, entre o dia da escolha em convenção partidária até o décimo dia seguinte ao da eleição 2

3 e) remunerada até o limite de quatro meses entre a escolha em convenção partidária e a data da eleição 09) O retorno à atividade do servidor público civil da União Lei 8.112/90 para o cargo em que tenha sido colocado em disponibilidade dar se á mediante a) aproveitamento b) readmissão c) reintegração d) reversão e) recondução 10) Se o servidor público civil federal regido pela Lei 8.112/90 receber penalidade administrativa de advertência e de suspensão, sem vir cometer nova infração disciplinar, elas terão seus registros cancelados após o decurso de: a) 3 anos, em ambos os casos b) 5 anos, em ambos os casos c) 2 e 3 anos, respectivamente d) 3 e 5 anos, respectivamente e) 5 e 10 anos, respectivamente 11) Constituem hipóteses de demissão de servidor público federal regido pela Lei 8.112/90: I. cometimento de crime de prevaricação II. enriquecimento ilícito no exercício da função III. retirar, sem prévia autorização da autoridade competente, objeto da repartição IV. ofensa verbal, em serviço particular V. aceitação de presente não autorizado pelo ordenamento jurídico, para a prática de ato inerente ao exercício da função Estão corretas: a) as afirmativas I à V b) apenas as afirmativas I,II,III e IV c) apenas as afirmativas I,II e V d) apenas as afirmativas I,II,IV e V e) apenas as afirmativas I e II 12) É vedado o retorno ao serviço federal do servidor demitido ou destituído do cargo em comissão, em decorrência de a) crime contra a administração pública e ofensa física, em serviço, a particular, exceto em legítima defesa própria b) revelação de segredo do qual se apropriou em razão do cargo e insubordinação grave em serviço c) corrupção e incontinência pública d) dilapidação do patrimônio nacional e abandono de cargo e) aplicação irregular de dinheiro público e lesão aos cofres públicos 3

4 13) É hipótese de vacância no serviço público federal: a) promoção b) reversão c) aproveitamento d) reintegração e) remoção 14) Com relação às principais diferenças entre exoneração ex offício e demissão, respectivamente, podemos apontar que: a) não há qualquer diferença entre ambas, inclusive pelo fato de as duas serem formas de vacância b) a primeira é penalidade administrativa e a segunda é simples forma de dispensa c) a segunda sempre deverá, para ser aplicada, ser precedida de um processo administrativo disciplinar, enquanto a primeira dispensa tal procedimento d) a primeira ocorre quando a Administração dispensa o servidor e a segunda, quando é o próprio servidor que deseja por fim à relação de trabalho e) a primeira só pode ser imposta a servidor não estável, enquanto a segunda somente a servidor estável 15) Com relação aos prazos prescricionais para o exercício do direito de petição: a) são de 5 anos, 2 anos ou 180 dias b) o direito de petição é imprescritível em razão do fato de a Administração estar indefinidamente sujeita ao controle de legalidade de seus atos, por parte da coletividade c) tais prazos variam entre 5 anos ou 120 dias, conforme a natureza do assunto pleiteado d) tais prazos começam a correr da data em que ocorreu o ato lesivo aos interesses do peticionário e) esses prazos podem ser relevados pela Administração Pública 16) Com relação à acumulação ilegal de cargos públicos, indique a alternativa incorreta: a) a própria Constituição da República enumera os casos em que a essa acumulação é permitida, como por exemplo dois cargos públicos de dentista b) mesmo em se tratando da hipóteses permitidas de cargos acumuláveis, essa acumulação só será permitida se ficar comprovada a compatibilidade de horários entre ambos c) o somatório das remunerações dos cargos acumuláveis não pode ultrapassar o teto remuneratório de ganhos dos cofres públicos, previsto na CRFB/88 d) a proibição de acumular se estende a empregos públicos e) o processo administrativo disciplinar que seja instaurado para apurar a acumulação indevida deverá ser concluído no prazo de 30 dias, improrrogáveis 17) O abandono de cargo na esfera federal do servidor público, caracteriza se por: a) ausência intencional do servidor por mais de 60 dias consecutivos 4

5 b) ausência intencional ou não do servidor por mais de 30 dias consecutivos c) ausência intencional ou não do servidor por mais de 60 dias consecutivos d) ausência intencional do servidor por mais de 30 dias ainda que interpolados d) ausência intencional do servidor por mais de 30 dias consecutivos 18) Ocorrendo a invalidação da demissão do servidor por decisão administrativa ou judicial com efeitos retroativos estará caracterizada a: a) recondução b) reversão c) reintegração d) readaptação e) remoção 19) A qual máximo poder ser calculada a ajuda de custo à luz do que dispõe a Lei 8.112/90: a) uma remuneração do servidor b) duas remunerações do servidor c) três remunerações do servidor d) quatro remunerações do servidor e) cinco remunerações do servidor 20) Proceder de forma desidiosa nos termos da Lei 8.112/90 acarretará ao servidor federal que esteja no exercício de seu cargo efetivo, a penalidade de: a) advertência b) suspensão c) demissão d) destituição de função de confiança e) cargo de confiança 21) Sobre a licença para atividade política, prevista na Lei 8.112/90, indique a alternativa correta: a) é remunerada durante todo o seu período b) não é remunerada durante o período que vai entre a escolha do servidor em convenção partidária, como candidato eletivo e véspera do registro de sua candidatura perante a Justiça Eleitoral c) não é remunerada durante o período entre o registro da candidatura do servidor perante a Justiça Eleitoral e o décimo dia seguinte ao da eleição d) equivale ao afastamento para o exercício do mandato eletivo e) essa licença em momento algum será considerada como tempo de serviço, nem mesmo para efeitos previdenciários 22) Acerca das ausências justificadas do servidor ao expediente, a nível de concessões, temos que ele pode se ausentar para alistamento eleitoral, doação de sangue e nojo, respectivamente, por...dias: a) 1/2/8 5

6 b)1/8/8 c)2/1/2 d)2/1/3 e)2/1/8 23) Não é caso de aplicação de demissão ao servidor público federal: a) retirada pelo servidor, sem prévia anuência da autoridade competente, de qualquer documento ou objeto da repartição b) inassiduidade habitual c) conduta escandalosa na repartição d) revelação de segredo do qual se apropriou em razão do cargo e) insubordinação grave em serviço 24) Nos termos da Lei no 8.112/1990, no que diz respeito ao auxílio moradia, é correto afirmar: (A) O valor do auxílio moradia poderá superar 25% (vinte e cinco por cento) da remuneração de Ministro de Estado. (B) Será possível a concessão da vantagem, ainda que a pessoa que resida com o servidor também receba auxílio moradia. (C) No caso de falecimento, exoneração, colocação de imóvel funcional à disposição do servidor ou aquisição de imóvel, o auxílio moradia continuará sendo pago por um mês. (D) Conceder se á a vantagem ao servidor desde que, dentre outros requisitos legais, o deslocamento tenha sido por força de alteração de lotação ou nomeação para cargo efetivo. (E) Será possível a concessão da vantagem, ainda que o cônjuge ou companheiro do servidor ocupe imóvel funcional. 25) De acordo com a Lei no 8.112/90, que dispõe sobre o Regimento Jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das Fundações Públicas Federais, a ausência intencional do servidor ao serviço por mais de trinta dias consecutivos acarretará a penalidade de (A) suspensão de até 30 dias. (B) demissão. (C) advertência. 6

7 (D) censura. (E) repreensão. 26) No que se refere ao provimento de cargo público, a posse e o exercício do cargo público, deverão observar, respectivamente, os prazos de: (A) 15 dias contados da publicação do ato de provimento e 05 dias contados da data da (B) 15 dias contados da publicação do ato de provimento e 15 dias contados da data da (C) 30 dias contados da publicação do ato de provimento e 30 dias contados da data da (D) 30 dias contados da publicação do ato de provimento e 15 dias contados da data da (E) 60 dias contados da publicação do ato de provimento e 30 dias contados da data da 27) Considere as assertivas abaixo sobre o Regime Disciplinar dos servidores públicos civis federais, nos termos da Lei no 8.112/1990. I. Ao servidor público é permitido atuar, como procurador ou intermediário, junto a repartições públicas, para tratar de benefícios previdenciários ou assistenciais de cônjuge ou companheiro. II. O servidor que acumular licitamente dois cargos efetivos, quando investido em cargo de provimento em comissão, ficará afastado de ambos os cargos efetivos, ainda que houver compatibilidade de horário e local com o exercício de um deles. III. A penalidade administrativa de suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita a penalidade de demissão, não podendo exceder sessenta dias. Está correto o que se afirma APENAS em: (A) III. 7

8 (B) I e III. (C) II e III. (D) I. (E) I e II. 28. A quem se aplica a Lei 8112/90? a) A todos os agentes públicos federais b) Aos agentes administrativos e aos agentes políticos federais c) Aos empregados públicos e aos servidores públicos federais d) Aos servidores públicos federais e) Aos servidores públicos brasileiros 29. Formas de provimento que somente se aplicar a servidores estáveis: a) Promoção e reintegração b) Recondução e reintegração c) Nomeação e promoção d) Aproveitamento e nomeação e) Readaptação e aproveitamento 30. Espécie de vantagem pecuniária paga ao servidor para fazer face a despesas de instalação: a) diárias b) gratificação pelo exercício de função de direção c) ajuda de custo d) auxílio-moradia e) auxílio-instalação 31. A licença para tratar de interesses particulares:: a) é remunerada, caso a Administração considere relevante o motivo b) pode se aplicar a servidor que esteja em estágio probatório c) pode ser concedida por até 4 anos consecutivos d) uma vez concedida ao servidor, a Administração não pode interrompê-la e) somente se aplica a servidores concursados 32. O cancelamento da penalidade de advertência: a) ocorrerá após 3 anos, se o servidor não houver praticado nova infração b) não ocorrerá, salvo se comprovada causa justificada inocente o servidor que tenha sido punido indevidamente c) ocorrerá após 5 anos, se o servidor não houver praticado nova infração d) ocorrerá a juízo discricionário do chefe do servidor, segundo aspectos de merecimento e) dependerá de revisão de processo administrativo disciplinar ou de ação judicial nesse sentido 33. Deslocamento do servidor, no âmbito de mesmo quadro, com ou sem mudança de sede. Estamos falando da: a) transferência b) transferência de cargos c) remoção d) redistribuição e) recondução 34. Vantagem que é paga ao servidor que tenha exercício em fronteiras: a) ajuda de custo b) retribuição pelo exercício de função de confiança c) adicional de insalubridade d) adicional de atividade penosa e) adicional de periculosidade 35. Com relação ao horário especial para o servidor: a) exige a compensação de horários em todos os casos b) só se aplica a servidor estável c) se o servidor for deficiente físico, não será exigida a compensação de horários d) não será exigida compensação de horários, no caso de servidor que tenha filho deficiente físico e) é direito líqüido e certo do servidor, não podendo a Administração indeferir tal pretensão 36. Recusar fé a documentos públicos, segundo a Lei 8112/90, deve ser punida com: a) advertência b) suspensão c) demissão d) repreensão e) exoneração 37. O prazo prescricional da ação disciplinar: a) é indefinido, pois ocorre a imprescritibilidade da ação disciplinar b) começa a correr da data em que o fato tiver sido praticado c) é de 5 anos ou 120 dias, dependendo do tipo de infração e do tipo de penalidade a ser aplicada d) em todos os casos é o mesmo prazo prescricional previsto no Código Penal e) começa a correr da data em que o fato se tornou conhecido 38. Indique a única prerrogativa funcional, dentre as abaixo enumeradas, que pode se aplicar a servidor não estável: a) aposentadoria b) aproveitamento c) recondução d) reintegração e) licença para tratar de interesse particular 8

9 39. Sobre as férias do servidor público federal, indique a alternativa correta: a) só pode ser parcelada até o máximo de 2 períodos b) considera qualquer falta ao serviço, ocorrida no período aquisitivo c) podem ser acumuladas até o máximo de 2 períodos d) uma vez concedidas, não podem ser interrompidas por necessidade do serviço e) terão que ser remuneradas ao servidor até 5 dias antes do início do seu gozo físico 40. O servidor público, em regra, não conta com a garantia da inamovibilidade, exceto, na seguinte hipótese: a) enquanto estiver desempenhando função de confiança b) enquanto durar o mandato classista c) enquanto estiver desempenhando cargo de confiança d) enquanto afastado para estudo ou missão no exterior e) enquanto em licença para capacitação profissional 41. Referente ao direito de petição, indique a assertiva incorreta: a) é assegurada vista do processo ou de documento na repartição, ao advogado constituído pelo servidor b) prescreve em 5 anos, para assuntos de ordem patrimonial c) o pedido de reconsideração só pode ser interposto uma única vez d) a prescrição do direito de petição pode ser relevada pela Administração e) o prazo para os recursos administrativos é de 30 dias, a contar da publicação ou da ciência, pelo interessado, da decisão recorrida 42. Sendo constatada acumulação ilegal de cargos, qual será o prazo dado para que o servidor faça sua opção por um ou por outro cargo? q) 30 dias, prorrogáveis b) 30 dias, improrrogáveis c) 15 dias, improrrogáveis d) 10 dias, prorrogáveis e) 10 dias, improrrogáveis 43. Conforme a Lei 8112/90, aponte a assertiva que não indica um requisito básico para a investidura: a) gozo dos direitos políticos b) aptidão física e mental c) quitação das obrigações militares d) quitação das obrigações fiscais e) ser brasileiro nato ou naturalizado 44. Qual o prazo legal para que o servidor, exonerado ex-ofiicio, que esteja em débito com o erário, quite o seu débito? a) 60 dias b) 30 dias c) 15 dias d) 10 dias e) 5 dias 45. A licença por motivo de afastamento do cônjuge ou companheiro: a) é por prazo indeterminado b) só pode ser concedida a servidor estável c) será concedida por prazo máximo de 3 anos consecutivos d) é remunerada e) conta como tempo de serviço, normalmente 46. Ausências que são consideradas como tempo de efetivo exercício, exceto para promoção por merecimento: a) desempenho de mandato eletivo e missão no exterior b) desempenho de mandato eletivo e de mandato classista c) licença-gestante e licença-paternidade d) convocação para o serviço militar e licença para capacitação e) desempenho de mandato classista e exercício de cargo em comissão em outro órgão ou entidade pública 47. Na Lei 8112/90, a penalidade de suspensão do servidor pode chegar até: a) 15 dias b) 30 dias c) 90 dias d) 180 dias e) 5 dias Boa sorte a todos!!! 9

ÍNDICE REMISSIVO (Lei n 6.745, de 28 de dezembro de 1985)

ÍNDICE REMISSIVO (Lei n 6.745, de 28 de dezembro de 1985) ÍNDICE REMISSIVO (Lei n 6.745, de 28 de dezembro de 1985) AÇÃO DISCIPLINAR PRESCRIÇÃO 150, 151 ACESSO FIXAÇÃO VAGAS 53 CONCURSO 53, 55 INTERSTÍCIO 55 TREINAMENTO 57 REGULAMENTAÇÃO 58, 188 ACIDENTE EM SERVIÇO

Leia mais

CADERNO DE ESTUDO DIRIGIDO ESTUDO DE LEI

CADERNO DE ESTUDO DIRIGIDO ESTUDO DE LEI CADERNO DE ESTUDO DIRIGIDO ESTUDO DE LEI REGIME JURIDICO ÚNICO LEI 8.112/90 2016 4 ABRANGÊNCIA Disciplina sobre o regime estatutário dos servidores civis (efetivo ou em comissão) da União, Autarquias Federais

Leia mais

TJ - SP Direito Administrativo Estatuto dos Funcionários Públicos GIULIANO MENEZES

TJ - SP Direito Administrativo Estatuto dos Funcionários Públicos GIULIANO MENEZES TJ - SP Direito Administrativo Estatuto dos Funcionários Públicos GIULIANO MENEZES 1. Extingue-se a punibilidade pela prescrição da falta sujeita à pena a) de repreensão, suspensão ou multa, em 2 (dois)

Leia mais

SIMULADO DE DIREITO ADMINISTRATIVO

SIMULADO DE DIREITO ADMINISTRATIVO SIMULADO DE DIREITO ADMINISTRATIVO 1) João da Silva foi aprovado no último concurso para Auxiliar Judiciário do TRE, em janeiro de 2002. Sabendo-se que seu cargo foi extinto em setembro de 2003, podemos

Leia mais

EXERCÍCIOS DA LEI 8.112/90 REGIME JURIDICO ÚNICO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS

EXERCÍCIOS DA LEI 8.112/90 REGIME JURIDICO ÚNICO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS EXERCÍCIOS DA LEI 8.112/90 REGIME JURIDICO ÚNICO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS 01. Um servidor comissionado, sem vínculo efetivo, praticou, nas dependências do TJPE, ato de incontinência pública e conduta

Leia mais

9. O servidor integrante das carreiras de magistério superior ou magistério do ensino básico, técnico e tecnológico, quando afastado para o exercício

9. O servidor integrante das carreiras de magistério superior ou magistério do ensino básico, técnico e tecnológico, quando afastado para o exercício FÉRIAS DEFINIÇÃO Período de descanso remunerado com duração prevista em lei. REQUISITOS BÁSICOS Servidor efetivo: Possuir 12 (doze) meses de efetivo exercício para o primeiro período aquisitivo de férias.

Leia mais

LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO

LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL VEDAÇÕES EM ÚLTIMO ANO DE MANDATO 1 ART. 42 - VEDAÇÕES de 1º de maio a 31 de dezembro: Contrair obrigação de despesa, nos últimos 8 meses, que não possa ser cumprida (paga)

Leia mais

Lei Complementar Municipal Nº , de 28 de maio de 2014.

Lei Complementar Municipal Nº , de 28 de maio de 2014. Lei Complementar Municipal Nº. 1.463, de 28 de maio de 2014. Da nova redação a artigos que menciona e dá outras providências. O Povo do Município de Águas Formosas, Estado de Minas Gerais, por seus representantes

Leia mais

funcionais correspondentes. Essa definição corresponde a 01) quadro. 02) cargo público.

funcionais correspondentes. Essa definição corresponde a 01) quadro. 02) cargo público. funcionais correspondentes. Essa definição corresponde a 01) quadro. 02) cargo público. 1º) CEFET-BA - 2006 - TJ-BA - Secretário De acordo com a Lei 6.677/04, que dispõe sobre o Estatuto dos Servidores

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 634/2010

RESOLUÇÃO Nº 634/2010 Publicação: 19/05/2010 DJE: 18/05/2010 RESOLUÇÃO Nº 634/2010 Regulamenta a concessão do Adicional de Desempenho, ADE, aos servidores efetivos dos Quadros de Pessoal da Secretaria do Tribunal de Justiça

Leia mais

Escrevente Técnico Judiciário/TJ SP. Comentários da prova de Direito Administrativo

Escrevente Técnico Judiciário/TJ SP. Comentários da prova de Direito Administrativo Olá, concurseiros! Escrevente Técnico Judiciário/TJ SP Comentários da prova de Direito Administrativo Seguem abaixo os comentários sobre a prova de Direito Administrativo realizada no dia 09 de setembro

Leia mais

Presidência. Secretaria do Tribunal RESOLUÇÃO N. 40 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2012.

Presidência. Secretaria do Tribunal RESOLUÇÃO N. 40 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2012. pág. 1 Presidência Secretaria do Tribunal RESOLUÇÃO N. 40 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2012. Dispõe sobre a concessão, parcelamento, adiantamento, indenização e pagamento de férias aos servidores do. O PRESIDENTE

Leia mais

TJ-AM Legislação do Estado do Amazonas Parte 02 Emilly Albuquerque

TJ-AM Legislação do Estado do Amazonas Parte 02 Emilly Albuquerque TJ-AM Legislação do Estado do Amazonas Parte 02 Emilly Albuquerque 2013 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 3 Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Estado

Leia mais

O que estudamos aula passada

O que estudamos aula passada O que estudamos aula passada Cessação, suspensão e interrupção dos contratos de trabalho Rescisão Contratual As formas de extinção do Contrato de Trabalho Pedido de demissão Dispensa sem justa causa Dispensa

Leia mais

Haver completado 5 anos de efetivo exercício até a publicação da Medida Provisória no 1.522/96, de 15/10/96.

Haver completado 5 anos de efetivo exercício até a publicação da Medida Provisória no 1.522/96, de 15/10/96. Licença Prêmio por Assuidade Licença concedida pelo prazo de até 3 meses, com a remuneração do cargo efetivo, a título de prêmio por assiduidade, após cada período de 5 anos ininterruptos de exercício,

Leia mais

Núcleo de Estudos Alessandro Ferraz Av. São Luís, 86-2º andar República - São Paulo - SP São Paulo - SP - Tel ou

Núcleo de Estudos Alessandro Ferraz Av. São Luís, 86-2º andar República - São Paulo - SP São Paulo - SP - Tel ou ERRATA TRE/MG RETIFICAÇÃO Em relação às Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais, os artigos que não constavam na apostila gratuita foram adicionados à mesma, contemplando, assim, todo o conteúdo

Leia mais

NORMAS PARA REGISTRO DE AUSÊNCIA DOCENTE E REPOSIÇÕES DE AULAS

NORMAS PARA REGISTRO DE AUSÊNCIA DOCENTE E REPOSIÇÕES DE AULAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA NORMAS PARA REGISTRO DE AUSÊNCIA DOCENTE E REPOSIÇÕES DE AULAS Art.

Leia mais

AJUDA DE CUSTO DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL PERGUNTAS FREQUENTES

AJUDA DE CUSTO DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL PERGUNTAS FREQUENTES AJUDA DE CUSTO DEFINIÇÃO DOCUMENTAÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES FUNDAMENTAÇÃO LEGAL PERGUNTAS FREQUENTES DEFINIÇÃO Indenização destinada a compensar as despesas de instalação e transporte

Leia mais

MARATONA INSS LEI 8.112/90. Rodrigo Cardoso

MARATONA INSS LEI 8.112/90. Rodrigo Cardoso MARATONA INSS LEI 8.112/90 Rodrigo Cardoso Acerca das responsabilidades e penalidades do servidor público, julgue os itens que se seguem. 1. (CESPE 2015/TJDFT/ANALISTA JUDICIÁRIO/ÁREA JUDICIÁRIA) A aplicação

Leia mais

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade

Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade Direito Constitucional TJ/RJ Prof. Carlos Andrade 19. Segundo a Constituição Federal, os tratados e convenções internacionais sobre direitos humanos que forem aprovados, em cada Casa do Congresso Nacional,

Leia mais

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Questões Comentadas (Aula 3) Segue às questões da Vunesp do concurso de procurador municipal, devidamente comentada. Alteração do contrato 1. Complete a frase: A mudança

Leia mais

ATO REGULAMENTAR GP Nº 11/2009 de 16 de novembro de 2009

ATO REGULAMENTAR GP Nº 11/2009 de 16 de novembro de 2009 ATO REGULAMENTAR GP Nº 11/2009 de 16 de novembro de 2009 Dispõe sobre a concessão e pagamento de férias e de adiantamento da gratificação natalina no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região.

Leia mais

NORMA DE CESSÃO DE EMPREGADOS - NOR 318

NORMA DE CESSÃO DE EMPREGADOS - NOR 318 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: CESSÃO DE EMPREGADOS COD: NOR 318 APROVAÇÃO: Resolução Nº 14/2010, de 08/10/2010 NORMA DE CESSÃO DE EMPREGADOS - NOR 318 1/6 SUMÁRIO 1. FINALIDADE... 02 2.

Leia mais

O CONTRATO ADMINISTRATIVO

O CONTRATO ADMINISTRATIVO O CONTRATO ADMINISTRATIVO Rénan Kfuri Lopes, adv. Sumário: I Conceito II Ingresso no Serviço Público III O Regime Geral da Previdência Social (RGPS) IV O Estatuto do Servidor Público V - Direitos dos Servidores

Leia mais

FCC - Exercícios Direito Administrativo Exercícios Giuliano Menezes Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

FCC - Exercícios Direito Administrativo Exercícios Giuliano Menezes Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. FCC - Exercícios Direito Administrativo Exercícios Giuliano Menezes 2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 1 - ( Prova: FCC - 2011 - MPE-CE - Promotor de Justiça

Leia mais

Prof. Armando Mercadante

Prof. Armando Mercadante AVALIAÇÃO LEI 8.112/90 1ª PARTE Acompanhe a evolução do seu aproveitamento: 47 47 47 47 47 47 Nas questões abaixo, julgue os itens: ART. 1º A ART. 32 1) A instituiu o Regime Jurídico dos Servidores Públicos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS CONSELHO SUPERIOR

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS CONSELHO SUPERIOR SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 44/CS, DE 2 DE DEZEMBRO DE 2013. Estabelece normas e procedimentos para reversão voluntária de

Leia mais

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Direitos e Deveres do Servidor Público Federal Lei nº

Leia mais

A Câmara Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, Aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei:

A Câmara Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, Aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 684 DE 13 de outubro de 1998. A Câmara Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, Aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: SÚMULA : Dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Municipais

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA APURAÇÃO DE IRREGULARIDADES

PROCEDIMENTOS PARA APURAÇÃO DE IRREGULARIDADES PROCEDIMENTOS PARA APURAÇÃO DE IRREGULARIDADES INTRODUÇÃO SINDICÂNCIA DEFINIÇÃO INFORMAÇÕES GERAIS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES PROCEDIMENTOS FUNDAMENTAÇÃO LEGAL PROCESSO ADMINISTRATIVO DISCIPLINAR DEFINIÇÃO

Leia mais

ATOS ADMINISTRATIVOS E RESPONSABILIDADE DOS AGENTES PÚBLICOS MAURINO BURINI ASSESSOR JURÍDICO E ADVOGADO

ATOS ADMINISTRATIVOS E RESPONSABILIDADE DOS AGENTES PÚBLICOS MAURINO BURINI ASSESSOR JURÍDICO E ADVOGADO ATOS ADMINISTRATIVOS E RESPONSABILIDADE DOS AGENTES PÚBLICOS MAURINO BURINI ASSESSOR JURÍDICO E ADVOGADO Conceito de Ato Administrativo Ato administrativo é todo ato praticado no exercício da função administrativa.

Leia mais

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 6. Contextualização. Processo Administrativo. Instrumentalização. Processo Administrativo

Organização da Aula. Direito Administrativo Aula n. 6. Contextualização. Processo Administrativo. Instrumentalização. Processo Administrativo Organização da Aula Direito Administrativo Aula n. 6 Processo Administrativo Professor: Silvano Alves Alcantara Inserir o vídeo: Contextualização http://www.youtube.com/watch?v= HIk9czoUaXU De 0:00 à 1:47.

Leia mais

PROVAS ANTERIORES FCC SERVIDORES PÚBLICOS

PROVAS ANTERIORES FCC SERVIDORES PÚBLICOS PROVAS ANTERIORES FCC SERVIDORES PÚBLICOS 1. (Analista Judiciário Área Administrativa TER BA/2003) - A apuração de irregularidade no serviço público, da qual possa resultar ao servidor a imposição de pena

Leia mais

Tropa de Elite - Polícia Civil Direito Administrativo Improbidade Administrativa - Parte 02 Clóvis Feitosa

Tropa de Elite - Polícia Civil Direito Administrativo Improbidade Administrativa - Parte 02 Clóvis Feitosa Tropa de Elite - Polícia Civil Direito Administrativo Improbidade Administrativa - Parte 02 Clóvis Feitosa 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 6) DAS PENALIDADES:

Leia mais

CORREGEDORIA EM AÇÃO NA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA

CORREGEDORIA EM AÇÃO NA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA CORREGEDORIA EM AÇÃO NA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA APRESENTAÇÃO CORREGEDORIA NA TRANSPARÊNCIA PROMOVER A ÉTICA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA FUNÇÃO DA CORREGEDORIA PREVENÇÃO X PUNIÇÃO VISITAS AOS ÓRGÃOS FISCALIZAR

Leia mais

DECRETO N.º DE 15 DE MAIO DE O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas disposições legais, e

DECRETO N.º DE 15 DE MAIO DE O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas disposições legais, e DECRETO N.º 35610 DE 15 DE MAIO DE 2012 Institui o regime FICHA LIMPA como requisito para o ingresso em cargo ou emprego público no âmbito da Administração Pública Direta e Indireta do Município do Rio

Leia mais

NORMA DE DE CONCESSÃO DE LICENÇAS - NOR 305

NORMA DE DE CONCESSÃO DE LICENÇAS - NOR 305 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: CONCESSÃO DE LICENÇAS A EMPREGADO APROVAÇÃO: Resolução DIREX 024, de 04/02/2013 VIGÊNCIA: 08/02/2013 NORMA DE DE CONCESSÃO DE LICENÇAS - NOR 305 1/9 ÍNDICE

Leia mais

Cargo: Efetivo (de carreira ou isolado) adquire estabilidade Em comissão livre exoneração Vitalício adquire vitaliciedade

Cargo: Efetivo (de carreira ou isolado) adquire estabilidade Em comissão livre exoneração Vitalício adquire vitaliciedade CAMPUS Capítulo 5 Administração Pública e Servidores Públicos Disposições Constitucionais 189 Servidor público em sentido estrito (regime estatutário) Cargo efetivo Cargo em comissão Adm. Direta, autárquica

Leia mais

b) aos demais aplicar-se-á, para fins de cálculo das aposentadorias e pensões, o disposto na Lei n o , de 18 de junho de 2004.

b) aos demais aplicar-se-á, para fins de cálculo das aposentadorias e pensões, o disposto na Lei n o , de 18 de junho de 2004. LEI Nº 12.277, DE 30 DE JUNHO DE 2010. Dispõe sobre a instituição do Adicional por Participação em Missão no Exterior, a remuneração dos cargos de Atividades Técnicas da Fiscalização Federal Agropecuária

Leia mais

Portaria nº 121, de 24 de março de 2009

Portaria nº 121, de 24 de março de 2009 Portaria nº 121, de 24 de março de 2009 Diário Oficial do Distrito Federal ANO XLIII Nº 58 BRASÍLIA DF, 25 DE MARÇO DE 2009 O SECRETÁRIO DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições

Leia mais

LEI Nº 2653 / 2006 "DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE BAEPENDI/MG E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS".

LEI Nº 2653 / 2006 DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE BAEPENDI/MG E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEI Nº 2653 / 2006 "DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE BAEPENDI/MG E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS". A Câmara Municipal de BAEPENDI aprova e eu, Prefeito Municipal, no exercício de

Leia mais

Gabarito: B. Questões do Estatuto do Servidor Civil do RJ

Gabarito: B. Questões do Estatuto do Servidor Civil do RJ Gabarito: B Questões do Estatuto do Servidor Civil do RJ Gabarito: D Gabarito: B Gabarito: C Gabarito: E Gabarito: C Gabarito: C Gabarito: A Gabarito: B Gabarito: D Gabarito: D Gabarito: A Gabarito: C

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO REGULAMENTO INTERNO TÍTULO I DO CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO TÍTULO II OBJETIVOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO REGULAMENTO INTERNO TÍTULO I DO CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO TÍTULO II OBJETIVOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO REGULAMENTO INTERNO TÍTULO I DO CENTRO ESPORTIVO UNIVERSITÁRIO Art.lº - O CEU - Centro Esportivo Universitário, Órgão suplementar da

Leia mais

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar:

42) Quanto aos elementos ou requisitos de validade dos atos administrativos não podemos afirmar: Finalmente, hoje, terminaremos os comentários ao simulado da 2ª Feira do Concurso. 41) Analise as situações abaixo e assinale a alternativa correta: I Ronaldo é Auditor Fiscal da Receita Federal aposentado

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 519

LEI COMPLEMENTAR Nº 519 LEI COMPLEMENTAR Nº 519 Dispõe sobre a modalidade de remuneração por subsídio para os servidores dos cargos de padrão 01 a 15 do Quadro Permanente do Serviço Civil do Poder Executivo, para os servidores

Leia mais

Auditor Fiscal da Receita Federal

Auditor Fiscal da Receita Federal LEI Nº 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990 Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis Mensagem de veto da União, das autarquias e das fundações públicas federais. PUBLICAÇÃO CONSOLIDADA

Leia mais

comissivo praticado no desempenho do cargo ou função, ou fora deles.

comissivo praticado no desempenho do cargo ou função, ou fora deles. Julgue os itens abaixo: 1. É dever do servidor público federal atender com presteza a todas as requisições realizadas pelo contribuinte. 2. É dever do servidor público federal ser leal ao chefe imediato.

Leia mais

QUESTÕES COMENTADAS DO CONCURSO SEMUS Lei Municipal dos Servidores de Palmas (LC nº 08/99).

QUESTÕES COMENTADAS DO CONCURSO SEMUS Lei Municipal dos Servidores de Palmas (LC nº 08/99). QUESTÕES COMENTADAS DO CONCURSO SEMUS 2013. Lei Municipal dos Servidores de Palmas (LC nº 08/99). Professor: Jorge Gustavo: Facebook: Jorge Gustavo (Gustavo Oliveira) Email: jgustavooliveira@live.com You

Leia mais

Manual de Direito Administrativo I Gustavo Mello Knoplock

Manual de Direito Administrativo I Gustavo Mello Knoplock Série Provas e Concursos Manual de Direito Administrativo I Gustavo Mello Knoplock ELSEVIER 5.6. Resumo AGENTES PÚBLICOS (segundo Hely Lopes Meirelles): 1. Agentes políticos Aqueles no alto escalão dos

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016 MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU Nº 1.113/2016 Referência : E-mail institucional de 6/4/2016. Assunto Interessado : Pessoal. Rodízio

Leia mais

CENTRAL DE CURSOS PROF PIMENTEL QUESTÕES CESPE

CENTRAL DE CURSOS PROF PIMENTEL QUESTÕES CESPE QUESTÕES CESPE 01. (CESPE Analista Judiciário STJ 2015) Julgue o item a seguir, referente a institutos diversos do direito administrativo. A recondução é o retorno do servidor estável ao cargo anteriormente

Leia mais

PROVA ESCRITA PRELIMINAR PARA CLASSE INICIAL DA CARREIRA DO MINISTÉRIO PÚBLICO - RJ (PROMOTOR DE JUSTIÇA SUBSTITUTO)

PROVA ESCRITA PRELIMINAR PARA CLASSE INICIAL DA CARREIRA DO MINISTÉRIO PÚBLICO - RJ (PROMOTOR DE JUSTIÇA SUBSTITUTO) PROVA ESCRITA PRELIMINAR PARA CLASSE INICIAL DA CARREIRA DO MINISTÉRIO PÚBLICO - RJ (PROMOTOR DE JUSTIÇA SUBSTITUTO) PRINCÍPIOS INSTITUCIONAIS DO MINISTÉRIO PÚBLICO 89. Considerando os princípios institucionais

Leia mais

Art. 1º Fica instituído o Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública - CTISP. 1º O Corpo será constituído por:

Art. 1º Fica instituído o Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública - CTISP. 1º O Corpo será constituído por: LEI Nº 13.718, de 02 de março de 2006 Dispõe sobre o Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública no Estado. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA, Faço saber a todos os habitantes deste Estado

Leia mais

EDITAL DE ELEIÇÃO 001/2016

EDITAL DE ELEIÇÃO 001/2016 EDITAL DE ELEIÇÃO 001/2016 Convoca Eleição para a Presidência do Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Santa Maria da Vitória, Bahia. A Presidente do CAPREVAS Instituto de Previdência

Leia mais

DECRETO n de 8 de agosto de REGULAMENTA OS ARTS. 110 E 111 DA LEI N. 94, DE 14 DE MARÇO DE 1979 QUE TRATAM DA LICENÇA ESPECIAL.

DECRETO n de 8 de agosto de REGULAMENTA OS ARTS. 110 E 111 DA LEI N. 94, DE 14 DE MARÇO DE 1979 QUE TRATAM DA LICENÇA ESPECIAL. DECRETO n. 6.019 - de 8 de agosto de 1986 - REGULAMENTA OS ARTS. 110 E 111 DA LEI N. 94, DE 14 DE MARÇO DE 1979 QUE TRATAM DA LICENÇA ESPECIAL. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso das suas atribuições

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE UTINGA C.N.P.J / Rua 15 de Novembro, 08 Centro, CEP Utinga - BA

PREFEITURA MUNICIPAL DE UTINGA C.N.P.J / Rua 15 de Novembro, 08 Centro, CEP Utinga - BA 2 LEI Nº 356, DE 28 DE OUTUBRO DE 2014. DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DOS ADICIONAIS DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE UTINGA O Prefeito Municipal de UTINGA-BAHIA,

Leia mais

TJ-AM Legislação do AM Bloco de Questões II Emilly Albuquerque

TJ-AM Legislação do AM Bloco de Questões II Emilly Albuquerque TJ-AM Legislação do AM Bloco de Questões II Emilly Albuquerque 2013 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. QUESTÕES DE LEGISLAÇÃO TJ AM 01. Acerca das disposições referentes

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

DIREITO ADMINISTRATIVO IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA DIREITO ADMINISTRATIVO IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA Atualizado em 04/11/2015 IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA A exigência de uma atuação moral se relaciona com o dever de probidade, ética e honestidade da Administração

Leia mais

COMENTÁRIOS PROVA TRE/RS PROFª MARTHA MESSERSCHMIDT CÓDIGO DE ÉTICA DOS SERVIDORES DO TRE/RS RESOLUÇÃO Nº 246/2014

COMENTÁRIOS PROVA TRE/RS PROFª MARTHA MESSERSCHMIDT CÓDIGO DE ÉTICA DOS SERVIDORES DO TRE/RS RESOLUÇÃO Nº 246/2014 COMENTÁRIOS PROVA TRE/RS PROFª MARTHA MESSERSCHMIDT CÓDIGO DE ÉTICA DOS SERVIDORES DO TRE/RS RESOLUÇÃO Nº 246/2014 - QUESTÃO 07 GABARITO = D Segundo o inciso I, Art. 7º, da Resolução nº 246/2014 é vedado

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013 LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013 Altera a Lei Complementar nº 1.111, de 25 de maio de 2010, que institui o Plano de Cargos e Carreiras dos servidores do Tribunal de Justiça do Estado

Leia mais

Estatuto dos Funcionários Públicos Municipais. Lei nº 8.989/79

Estatuto dos Funcionários Públicos Municipais. Lei nº 8.989/79 Estatuto dos Funcionários Públicos Municipais Lei nº 8.989/79 TÍTULO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES (...) TÍTULO II - DO PROVIMENTO, DO EXERCÍCIO E DA VACÂNCIA DE CARGOS SEÇÃO V - DA ACUMULAÇÃO Art. 58 -

Leia mais

Matéria: O que é servidor Público: Direitos e Deveres

Matéria: O que é servidor Público: Direitos e Deveres Corumbá MS 20 de Junho de 2016. Professor: Marcio José Androlage chaves Matéria: O que é servidor Público: Direitos e Deveres 1. CONHECENDO A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA MUNICIPAL 1.1 - O que é Administração

Leia mais

PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010)

PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010) COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010) Acrescenta parágrafos ao art. 12 da Lei nº 8.429, de 2 de junho de 1992. Autor: Deputado

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS LEI COMPLEMENTAR Nº 79, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2000 D.O

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS LEI COMPLEMENTAR Nº 79, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2000 D.O Autor: Poder Executivo LEI COMPLEMENTAR Nº 79, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2000 D.O. 13.12.00. Dispõe sobre o subsídio dos integrantes do Grupo TAF - Tributação, Arrecadação e Fiscalização. O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

LEI Nº 8.989, DE 29 DE OUTUBRO DE

LEI Nº 8.989, DE 29 DE OUTUBRO DE LEI Nº 8.989, DE 29 DE OUTUBRO DE 1.979. Título: LEI Nº 8.989 29/10/1979 (ver documento) Revogado(a) parcialmente Ementa: Dispõe sobre o Estatuto dos Funcionários Públicos do Município de São Paulo, e

Leia mais

LEI Nº 1.017/92. Dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos do Município e dá outras providências.

LEI Nº 1.017/92. Dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos do Município e dá outras providências. LEI Nº 1.017/92 Dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos do Município e dá outras providências. RENATO DEXHEIMER, vice-prefeito Municipal de Dois Irmãos, RS, em exercício, no uso das atribuições

Leia mais

Prefeitura Municipal de Nova Pádua Nova Pádua - RS PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE CARGOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE NOVA PÁDUA

Prefeitura Municipal de Nova Pádua Nova Pádua - RS PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE CARGOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE NOVA PÁDUA PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE CARGOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE NOVA PÁDUA 1 ÍNDICE SISTEMÁTICO Matéria artigos Título I - Disposições preliminares 1º a 6º Título II Capítulo I - Do provimento e

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 001/15/2017

PROJETO DE LEI Nº 001/15/2017 PROJETO DE LEI Nº 001/15/2017 Súmula: Institui a Ficha Limpa Municipal na nomeação de secretários, diretores e cargos comissionados para a administração direta (Prefeitura e Câmara Municipal) e na administração

Leia mais

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL. A CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL decreta:

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL. A CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL decreta: GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº, DE 2011 (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis do Distrito Federal, das autarquias

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 1279, de 15 de dezembro de 2009.

LEI COMPLEMENTAR Nº 1279, de 15 de dezembro de 2009. LEI COMPLEMENTAR Nº 1279, de 15 de dezembro de 2009. DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS CIVIS DO MUNICÍPIO DE FRANCISCO SÁ, ESTADO DE MINAS GERAIS O Povo do Município de Francisco Sá, Estado

Leia mais

Prefeitura Municipal de Meleiro

Prefeitura Municipal de Meleiro LEI nº 1408-2009 DISPÕE SOBRE A ADMISSÃO DE PESSOAL POR PRAZO DETERMINADO NO ÂMBITO DO FUNCIONALISMO E MAGISTÉRIO PÚBLICO MUNICIPAL DE MELEIRO, PARA ATENDER A NECESSIDADE TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 27, DE 2 DE JUNHO DE 2012

LEI COMPLEMENTAR Nº 27, DE 2 DE JUNHO DE 2012 LEI COMPLEMENTAR Nº 27, DE 2 DE JUNHO DE 2012 Institui o Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Anchieta e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANCHIETA, Estado do Espírito Santo,

Leia mais

1. Sobre as medidas cautelares pessoais no processo penal, é correto afirmar que:

1. Sobre as medidas cautelares pessoais no processo penal, é correto afirmar que: P á g i n a 1 PROVA DAS DISCIPLINAS CORRELATAS DIREITO PROCESSUAL PENAL 1. Sobre as medidas cautelares pessoais no processo penal, é correto afirmar que: I - De acordo com o Código de Processo Penal, as

Leia mais

AO SERVIDOR DOCENTE OU TÉCNICO-ADMINISTRATIVO SOB O REGIME AUTÁRQUICO OU EFETIVO

AO SERVIDOR DOCENTE OU TÉCNICO-ADMINISTRATIVO SOB O REGIME AUTÁRQUICO OU EFETIVO INSTRUÇÃO 02-2009 - CRH/PRAD DE 11 DE FEVEREIRO DE 2009, ALTERADA PELA INSTRUÇÃO Nº 01/2010-CRH/PRAD, DE 28 /01/2010. LICENÇA-PRÊMIO Lei 1048/2008 AO SERVIDOR DOCENTE OU TÉCNICO-ADMINISTRATIVO SOB O REGIME

Leia mais

III ENCONTRO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

III ENCONTRO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA III ENCONTRO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PALESTRANTE: FRANCISCO FERNANDES AGENTES PÚBLICOS Conceito: São todas as pessoas físicas incumbidas, definitiva ou transitoriamente, ainda que sem remuneração, por

Leia mais

BANCO CENTRAL DO BRASIL

BANCO CENTRAL DO BRASIL LEI Nº 8.911 DE 11 DE JULHO DE 1994 Dispõe sobre a remuneração dos cargos em comissão, define critérios de incorporação de vantagens de que trata a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, no âmbito do

Leia mais

COMANDO-GERAL DESPACHO EM REQUERIMENTO N /14 - DRH-5

COMANDO-GERAL DESPACHO EM REQUERIMENTO N /14 - DRH-5 COMANDO-GERAL DESPACHO EM REQUERIMENTO N. 5.305/14 - DRH-5 O CORONEL BM COMANDANTE GERAL, no uso de suas atribuições regulamentares e o requerimento do candidato Marcus Vinícyus Faria de Miranda, RESOLVE:

Leia mais

DIREITO PREVIDENCIÁRIO Questões realizadas pela Fundação Carlos Chagas FCC. 1. O financiamento da Seguridade Social, incluindo a assistência social:

DIREITO PREVIDENCIÁRIO Questões realizadas pela Fundação Carlos Chagas FCC. 1. O financiamento da Seguridade Social, incluindo a assistência social: DIREITO PREVIDENCIÁRIO Questões realizadas pela Fundação Carlos Chagas FCC 1. O financiamento da Seguridade Social, incluindo a assistência social: a) é tripartite, a cargo do Poder Público, das empresas

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 031/2014 (Edital do Processo Seletivo nº 001/2014)

EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 031/2014 (Edital do Processo Seletivo nº 001/2014) ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EDITAL DE CHAMAMENTO Nº 031/2014 (Edital do Processo Seletivo nº 001/2014) A Secretária da Educação de Camboriú, Estado

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO IV DAS FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA Seção I Do Ministério Público Art. 127. O Ministério Público é instituição

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal DEFINIÇÃO LICENÇA PARA TRATAR DE INTERESSES PARTICULARES Cód.: LIP Nº: 76 Versão: 8 Data: 26/02/2015 Licença sem remuneração concedida ao servidor, a critério da Administração, para o trato de assuntos

Leia mais

LEI Nº DE 26 DE SETEMBRO DE TÍTULO I - Das Disposições Preliminares

LEI Nº DE 26 DE SETEMBRO DE TÍTULO I - Das Disposições Preliminares LEI Nº 6.677 DE 26 DE SETEMBRO DE 1994 Dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Estado da Bahia, das Autarquias e das Fundações Públicas Estaduais. O GOVERNADOR DO ESTADO DA BAHIA, Assembléia

Leia mais

UFRJ REGIMENTO GERAL PARTE IV TÍTULO V DO REGIME DISCIPLINAR CAPÍTULO I DA INTRODUÇÃO

UFRJ REGIMENTO GERAL PARTE IV TÍTULO V DO REGIME DISCIPLINAR CAPÍTULO I DA INTRODUÇÃO UFRJ REGIMENTO GERAL PARTE IV TÍTULO V DO REGIME DISCIPLINAR CAPÍTULO I DA INTRODUÇÃO Art. 279 - O Regime Disciplinar da Universidade Federal do Rio de Janeiro é regido pelas normas especificadas neste

Leia mais

TIPO DE DOCUMENTO INSTRUÇÃO NORMATIVA LOCALIZADOR. Controlar a concessão de férias dos servidores e empregados públicos da Administração Direta

TIPO DE DOCUMENTO INSTRUÇÃO NORMATIVA LOCALIZADOR. Controlar a concessão de férias dos servidores e empregados públicos da Administração Direta 2/6 MACRO 4.1.3 Em nenhuma hipótese, sob qualquer pretexto, o servidor poderá deixar de gozar férias anuais, obrigatórias, no exercício a que corresponderem, exceto se o prazo previsto no item 4.1.2 for

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA DE ACORDO COM O EDITAL N 1, DE 24 DE NOVEMBRO DE 201, DO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO, TRE-SP CONHECIMENTOS BÁSICOS

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE GESTÃO PÚBLICA ORIENTAÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 25 DE MARÇO DE 2015

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE GESTÃO PÚBLICA ORIENTAÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 25 DE MARÇO DE 2015 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE GESTÃO PÚBLICA ORIENTAÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 25 DE MARÇO DE 2015 Altera a Orientação Normativa nº 10, de 24 de abril de 2013, que dispõe sobre

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 211/2014.

PROJETO DE LEI Nº 211/2014. PROJETO DE LEI Nº 211/2014. DISPÕE SOBRE O RATEIO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS AOS SERVIDORES OCUPANTES DO CARGO DE PROVIMENTO EFETIVO DE ADVOGADO MUNICIPAL, ESPECIALIDADE PROCURADOR MUNICIPAL E DÁ OUTRAS

Leia mais

TÍTULO I CAPÍTULO ÚNICO DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

TÍTULO I CAPÍTULO ÚNICO DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES LEI Nº 1102 DE 10 DE OUTUBRO DE 1990 Dispõe sobre o Estatuto dos Funcionários Públicos Civis do Poder Executivo, das Autarquias e das Fundações Públicas do Estado de Mato Grosso do Sul, e dá outras providências.

Leia mais

VII CAPÍTULO IV 20 CAPÍTULO V

VII CAPÍTULO IV 20 CAPÍTULO V SUMÁRIO CAPÍTULO I Das disposições preliminares... 3 CAPÍTULO II Do ingresso, do provimento e da vacância... 3 Seção I Da investidura e do provimento... 3 Seção II Da nomeação... 4 Seção III Do concurso

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SEDE NOVA 1

PREFEITURA MUNICIPAL DE SEDE NOVA 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE SEDE NOVA 1 LEI N.º:161/92, DE 18 DE AGOSTO DE 1992. DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE SEDE NOVA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. WALTER MARODIN LOPES, PREFEITO

Leia mais

DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016)

DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016) DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2015. (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016) "DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE ADICIONAL DE PERICULOSIDADE AO SERVIDOR PÚBLICO DETENTOR DE CARGO EFETIVO

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 806/2005, DE 23 DE DEZEMBRO DE TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

LEI MUNICIPAL Nº 806/2005, DE 23 DE DEZEMBRO DE TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES LEI MUNICIPAL Nº 806/2005, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2005. DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CAARAPÓ MS, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. MATEUS PALMA DE FARIAS, PREFEITO MUNICIPAL DE

Leia mais

Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP. Weslei Machado

Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP. Weslei Machado Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP Weslei Machado (FCC/TRE-AM/Analista Judiciário/2010) Compete aos TREs processar e julgar originariamente a) os crimes eleitorais cometidos pelos seus próprios

Leia mais

JUSTIFICATIVA A MINUTA DE PROJETO DE LEI SOBRE GRATIFICAÇÃO DE PRODUTIVIDADE PREVISTA NA LEI COMPLEMENTAR 078/2011.

JUSTIFICATIVA A MINUTA DE PROJETO DE LEI SOBRE GRATIFICAÇÃO DE PRODUTIVIDADE PREVISTA NA LEI COMPLEMENTAR 078/2011. JUSTIFICATIVA A MINUTA DE PROJETO DE LEI SOBRE GRATIFICAÇÃO DE PRODUTIVIDADE PREVISTA NA LEI COMPLEMENTAR 078/2011. Conforme acordado na última reunião realizada com o Secretário da Fazenda do Estado do

Leia mais

Capítulo 12 PROVIMENTO ART. 8º

Capítulo 12 PROVIMENTO ART. 8º PROVIMENTO ART. 8º Capítulo 12 PROVIMENTO ART. 8º Significa o preenchimento de um cargo público, consubstanciado mediante ato administrativo de caráter funcional, pois o ato é que materializa ou formaliza

Leia mais

EDITAL DO 7º CONCURSO DE REMOÇÃO DE SERVIDORES DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS

EDITAL DO 7º CONCURSO DE REMOÇÃO DE SERVIDORES DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS EDITAL DO 7º CONCURSO DE REMOÇÃO DE SERVIDORES DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS O Procurador-Geral de Justiça do Estado de Goiás, nos termos do artigo 15, VII da Lei Complementar Estadual n. 25,

Leia mais

ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SANTA RITA DO PASSA QUATRO

ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SANTA RITA DO PASSA QUATRO ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SANTA RITA DO PASSA QUATRO LEI Nº 2.314, DE 21 DE DEZEMBRO DE 1999. DISPÕE SOBRE O ESTATUTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE SANTA RITA DO PASSA QUATRO,

Leia mais

1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO

1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO 1ª Fase PROVA OBJETIVA DIREITO DO TRABALHO P á g i n a 1 QUESTÃO 1 - O Decreto n. 3.197, de 5 de outubro de 1999, promulgou a Convenção n. 132, da OIT, que dispõe sobre as Férias Anuais Remuneradas. Em

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SERVIÇOS LEGISLATIVOS LEI COMPLEMENTAR N 04, DE 15 DE OUTUBRO DE 1990 - D.O. 15.10.90. Consolidada até 15 de julho de 2013 Autor: Poder Executivo Dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Públicos da Administração Direta, das

Leia mais