DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE"

Transcrição

1 RECEITA BRUTA DE IMPOSTOS RECEITAS DO ENSINO 1. RECEITA DE IMPOSTOS , , , ,59 86, Receita Resultante do ICMS , , , ,12 88,03 ICMS , , ,72 88,91 Multas, Juros de Mora e Outros Encargos do ICMS , ,36 111,40 Divida Ativa do ICMS , , , ,50 46,02 Multas, Juros de Mora, Atualização Monetárias e Outros Encargos da Divida Ativa do ICMS , ,54 86, Receita Resultante do ITCD , ,95 121,88 ITCD , ,95 121,88 Multas, Juros de Mora e Outros Encargos do ITCD Divida Ativa do ITCD Multas, Juros de Mora Atualização Monetária e Outros Encargos de Divida Ativa do ITCD 1.3- Receita Resultante do IPVA , , ,07 89,95 IPVA , , ,07 89,95 Multas, Juros de Mora e Outros Encargos do IPVA Dívida Ativa do IPVA Multas, Juros de Mora, Atualização Monet. e Outros Encargos da Dív. Ativa do IPVA 1.4- Receita Resultante do IRRF , , ,45 78,10 IRRF , , ,45 78,10 Multas, Juros de Mora e Outros Encargos do IRRF Dívida Ativa do IRRF Multas, Juros de Mora, Atualização Monet. e Outros Encargos da Dív. Ativa do IRRF 2- RECEITAS DE TRANSFERÊNCIAS CONSTITUCIONAIS E LEGAIS , , , ,86 89, Cota-Parte FPE , , ,49 89, ICMS-Desoneração - LC nº 87/ Continua (1 de 5

2 RECEITA BRUTA DE IMPOSTOS 2.3- Cota-Parte IPI-Exportação , , , ,11 86, Cota-Parte IOF-Ouro (100) 132,26 3- TOTAL DA RECEITA BRUTA DE IMPOSTOS (1+2) DEDUÇÕES DE TRANSFERÊNCIAS CONSTITUCIONAIS , , ,45 88,42 4- RECEITA RESULTANTE DO ICMS REPASSADA AOS MUNICÍPIOS (25 de 1.1) , , , ,61 85,77 5- RECEITA RESULTANTE DO IPVA REPASSADA AOS MUNICÍPIOS (50 de 1.3) , , ,87 85,79 6- COTA-PARTE IPI - EXPORTAÇÃO REPASSADA AOS MUNICÍPIOS (25 de 2.3) , , , ,39 86,54 7- TOTAL DAS DEDUÇÕES DE TRANSFERÊNCIAS CONSTITUCIONAIS (4+5+6) , , , ,87 85,77 8- TOTAL DA RECEITA LIQUIDA DE IMPOSTOS (3-7) , , , ,58 88,58 OUTRAS RECEITAS DESTINADAS AO ENSINO 9- TRANSFERÊNCIAS DO FNDE , ,61 286, Transferências do Salário-Educação , ,90 81, Outras Transferências do FNDE , , TRANSFERÊNCIAS DE CONVÊNIOS DESTINADAS A PROGRAMAS DE EDUCAÇÃO , RECEITA DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO DESTINADA À EDUCAÇÃO 12- OUTRAS RECEITAS DESTINADAS À EDUCAÇÃO , , , ,86 58, TOTAL DAS OUTRAS RECEITAS DESTINADAS AO ENSINO ( ) , , , ,81 302,39 RECEITAS DO FUNDEB FUNDEB 14- RECEITAS DESTINADAS AO FUNDEB , , , ,21 94, Receitas Resultante do ICMS Destinada ao FUNDEB - [18,33 de (1.1-4)] , , , ,75 101, Receitas Resultante do ITCD Destinada ao FUNDEB - (13,33 de 1.2) , , , ,62 161,32 Continua (2 de 5

3 RECEITAS DO FUNDEB FUNDEB Receitas Resultante do IPVA Destinada ao FUNDEB - [13,33 de (1.3-5)] , , Cota-Parte do FPE Destinada ao FUNDEB - (18,33 de 2.1) , , , ,63 92, ICMS - Desoneração Destinada ao FUNDEB - (18,33 de 2.2) , , Cota-Parte IPI Exportação Destinada ao FUNDEB - [18,33 de (2.3-6)] , ,20 115, RECEITAS RECEBIDAS DO FUNDEB , ,12 91, Transferências de Recursos do FUNDEB , ,91 91, Complementação da União ao FUNDEB Receita de Aplicação Financeira de Recursos do FUNDEB , ,21 106, RESULTADO LIQUIDO DAS TRANSFERÊNCIAS DO FUNDEB ( ) , , , ,30 106,68 [SE RESUL.LIQUIDO DA TRANSFERÊNCIA (16)>0] = ACRÉSC.RESULT.DAS TRANSF.DO FUNDEB [SE RESUL.LIQU.DA TRANSFERÊNCIA (16)<0] = DECRESC.RESULT.DAS TRANSF.DO FUNDEB DESPESAS DO FUNDEB (d) (e) 17- PAGAMENTO DOS PROFISSIONAIS DO MAGISTÉRIO , , , ,71 78, Com Ensino Fundamental , , , ,71 78, Com Ensino Medio 18- OUTRAS DESPESAS , , , ,85 85, Com Ensino Fundamental , , , ,85 85, Com Ensino Medio 19- TOTAL DAS DESPESAS DO FUNDEB (17+18) , ,56 79, MÍN.60 FUNDEB REM.MAGIST.ENS.FUND.E MÉDIO¹ (17/15)*100 92,44 91,95 91,03 78,65 85,53 Continua (3 de 5

4 RECEITAS COM AÇÕES TIPICAS DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO CÁLCULO DO LIMITE MÍNIMO COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO 21- IMPOSTOS E TRANSFERÊNCIAS DESTINADAS À MDE (25 DE 8)² , , , ,40 88,58 DESPESAS COM AÇÕES TIPICAS DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO (d) (e) 22- EDUCAÇÃO INFANTIL , , ,67 55, ENSINO FUNDAMENTAL , , , ,78 77, Despesas Custeadas Com Recursos do FUNDEB , ,56 79, Despesas Custeadas Com Outros Recursos de Impostos , , , ,22 75, ENSINO MÉDIO , , , ,32 32, Despesas Custeadas Com Recursos do FUNDEB Despesas Custeadas Com Outros Recursos de Impostos , , , ,32 32, ENSINO SUPERIOR , ,52 17, ENSINO PROFISSIONAL NÃO INTEGRADO AO ENSINO REGULAR , , ,68 71, OUTRAS , , , ,13 44, TOTAL DAS DESPESAS PARA FINS DE LIMITE ( ) , , , ,10 75,97 DEDUÇÕES / ADIÇÕES CONSIDERADAS PARA FINS DE LIMITE CONSTITUCIONAL VALOR 29- RESULTADO LÍQUIDO DAS TRANSFERÊNCIAS DO FUNDEB = (16) , DESPESAS CUSTEADAS COM A COMPLEMENTAÇÃO DO FUNDEB NO EXERCÍCIO 31- R.P. INSCRITOS NO EXERCÍCIO SEM DISP. FINANCEIRA DE RECURSOS DE IMPOSTOS VINCULADOS AO ENSINO³ 32- DESPESAS VINCULADAS AO SUPERAVIT FINANCEIRO DO ACRES. E DA COMP. DO FUNDEB DO EXERCÍCIO ANTERIOR 33- CANCELAM., NO EXERCÍCIO, DE R.P. INSC. COM DISP. FINAN. DE REC. DE IMP. VINC. AO ENSINO=(42g) 34- RECEITA DE APLICAÇÃO FINANCEIRAS DE RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE = (43.3) , TOTAL DAS DEDUÇÕES/ADIÇÕES CONSIDERADAS PARA FINS DE LIMITE CONSTITUCIONAL ( ) , MINIMO DE 25 DAS RECEITAS RESULTANTES DE IMP. NA MANUT. E DESENV. DE ENSINO¹ [(28-35)/(8)]*100 26,86 Continua (4 de 5

5 OUTRAS DESPESAS CUSTEADAS COM RECURSOS DESTINADOS À MDE (d) (e) 37- CONTRIBUIÇÃO SOCIAL DO SALÁRIO - EDUCAÇÃO , ,20 81, RECURSOS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO , , , ,38 15, OUTROS RECURSOS DESTINADOS A EDUCAÇÃO , , , ,46 29, TOTAL DAS OUTRAS DESPESAS CUSTEADAS COM RECURSOS DESTINADOS À MDE ( ) , , , ,04 25, TOTAL DAS DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO (28+40) , , , ,14 70,50 OUTRAS INFORMAÇÕES PARA CONTROLE FINANCEIRO RESTOS A PAGAR INSCRITOS COM DISPONIBILIDADE FINANCEIRA DE RECURSOS DE IMPOSTOS VINCULADOS AO ENSINO SALDO ATÉ O BIMESTRE CANCELADO EM 2008 (g) 42- RESTOS A PAGAR DE DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO ,23 FLUXO FINANCEIRO DOS RECURSOS DO FUNDEB VALOR 43- SALDO FINANCEIRO DO FUNDEB EM 31 DE DEZEMBRO DE , (+) INGRESSO DE RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE , (-) PAGAMENTOS EFETUADOS ATÉ O BIMESTRE , (+) RECEITA DE APLICAÇÃO FINANCEIRA DOS RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE , (=) SALDO FINANCEIRO DO FUNDEB NO EXERCÍCIO ATUAL ,68 FONTE: Sistema de Administração Orçamentária, Financeira e Contábil ¹ Limites mínimos anuais a serem cumpridos no encerramento do exercicío. ² Caput do artigo 212 da CF/1998. ³ Os valores referentes à parcela dos Restos a Pagar inscritos sem disponibilidade financeira vinculada à educação deverão ser informados somente no RREO do último bimestre do exercício. Continua (5 de 5

DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL RECEITAS DO ENSINO

DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL RECEITAS DO ENSINO RECEITAS DO ENSINO RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS (caput do art. 212 da Constituição) INICIAL (a) No Bimestre 1. RECEITA DE IMPOSTOS 508.511.839,00 508.511.839,00 99.498.308,43 191.352.419,40 37,63 1.1-

Leia mais

DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL RECEITAS DO ENSINO

DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL RECEITAS DO ENSINO RECEITAS DO ENSINO RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS (caput do art. 212 da Constituição) INICIAL (a) No Bimestre 1. RECEITA DE IMPOSTOS 750.299.71 750.299.71 125.810.827,93 125.810.827,93 16,77 1.1- Receita

Leia mais

RREO - ANEXO X (Lei 9.394/1996, art.72) R$ 1,00 PREVISÃO INICIAL. ATUALIZADA(a)

RREO - ANEXO X (Lei 9.394/1996, art.72) R$ 1,00 PREVISÃO INICIAL. ATUALIZADA(a) Tabela 19B - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS Município de Tabira - Pernambuco RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DEMONSTRATIVO

Leia mais

RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITAS REALIZADAS

RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITAS REALIZADAS Governo Municipal de Lagoa de Dentro DEMONSTR. DAS RECEITAS E DESPESAS Pag.: 0001 RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS INICIAL ATUALIZADA

Leia mais

Página: 1 de 8 23/01/2015 14:47

Página: 1 de 8 23/01/2015 14:47 Página: 1 de 8 1-RECEITAS DE IMPOSTOS RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS (caput do art. 212 da Constituição) PREVISÃO PREVISÃO 4.563.250,00 4.563.250,00 1.072.219,54 5.951.109,36 130,41 1.1-Receita Resultante

Leia mais

RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITAS REALIZADAS

RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITAS REALIZADAS Governo Municipal de Pacajá DEMONSTR. DAS RECEITAS E DESPESAS Pag.: 0001 RREO - ANEXO VIII (Lei 9.394/1996, Art.72) R$ 1,00 RECEITAS DO ENSINO RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS INICIAL ATUALIZADA NO BIMESTRE

Leia mais

Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS

Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS Imprimir Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS Riacho da Cruz - RN Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo

Leia mais

Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS

Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS Imprimir Tabela 10.2 - Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE - MUNICÍPIOS Ruy Barbosa - RN Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo das

Leia mais

SIOPS - SISTEMA DE INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS PÚBLICOS EM SAÚDE. MUNICÍPIO:Barra de Guabiraba

SIOPS - SISTEMA DE INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS PÚBLICOS EM SAÚDE. MUNICÍPIO:Barra de Guabiraba UF:Pernambuco SIOPS - SISTEMA DE INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS PÚBLICOS EM SAÚDE RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DEMONSTRATIVO DA RECEITA DE IMPOSTOS LÍQUIDA E DAS DESPESAS PRÓPRIAS COM AÇÕES

Leia mais

RECEITAS DO ENSINO PREVISÃO INICIAL

RECEITAS DO ENSINO PREVISÃO INICIAL RECEITA RESULTANTE DE IMPOSTOS (caput do art. 212 da Constituição) RECEITAS DO ENSINO 1 - RECEITA DE IMPOSTOS 666.027,96 666.027,96 543.552,01 81,61 1.1- Receitas Resultante Imposto s/ Propriedade Predial

Leia mais

RREO - ANEXO 12 (LC 141/2012, art. 35) R$ Receitas Realizadas Atualizada Receitas para apuração da aplicação em Ações e Serviços Públicos de Saúde

RREO - ANEXO 12 (LC 141/2012, art. 35) R$ Receitas Realizadas Atualizada Receitas para apuração da aplicação em Ações e Serviços Públicos de Saúde 1º /2014 RECEITA DE IMPOSTOS LÍQUIDA (I) Receitas para apuração da aplicação em Ações e Serviços Públicos de Saúde (a) (b/a) x 100 1.402.614,83 1.402.614,83 174.351,79 12,43 Imposto Predial e Territorial

Leia mais

Diário Oficial Prefeitura Municipal de Canavieiras Índice do diário Responsabilidade Fiscal ba/canavieiras

Diário Oficial Prefeitura Municipal de Canavieiras Índice do diário Responsabilidade Fiscal  ba/canavieiras Páginas: 24 Índice do diário Responsabilidade Fiscal Relatório Resumido da Execução Orçamentária 1 BIMESTRE Página 1 Documento assinado digitalmente conforme MP n. 2.2002/2001 de 24/08/2001, que institui

Leia mais

RECEITAS. DESPESAS COM SAÚDE (Por Grupo de Natureza da Despesa)

RECEITAS. DESPESAS COM SAÚDE (Por Grupo de Natureza da Despesa) RECEITAS RECEITA DE IMPOSTOS LÍQUIDA E TRANSFERÊNCIAS CONSTITUCIONAIS E LEGAIS (I) Impostos Multas, Juros de Mora e Dívida Ativa dos Impostos Receitas de Transferências Constitucionais e Legais (-)Transferências

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA RREO - ANEXO I (LRF, Art.52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º R$ 1,00 RECEITAS BALANÇO ORÇAMENTÁRIO JANEIRO A DEZEMBRO 2008 / BIMESTRE NOVEMBRO - DEZEMBRO INICIAL SALDO A REALIZAR No Bimestre

Leia mais

Diário Oficial Prefeitura Municipal de Canavieiras Índice do diário Responsabilidade Fiscal ba/canavieiras

Diário Oficial Prefeitura Municipal de Canavieiras Índice do diário Responsabilidade Fiscal  ba/canavieiras Páginas: 24 Índice do diário Responsabilidade Fiscal Relatório Resumido da Execução Orçamentária 3 BIMESTRE Página 1 Documento assinado digitalmente conforme MP n. 2.2002/2001 de 24/08/2001, que institui

Leia mais

Diário Oficial. Atos Oficiais Decreto - Nº 817/2014 Portaria - Nº 818/2014 Portaria - Nº 815/2014 Portaria - Nº 816/2014 Edital - Nº 64/2014

Diário Oficial. Atos Oficiais Decreto - Nº 817/2014 Portaria - Nº 818/2014 Portaria - Nº 815/2014 Portaria - Nº 816/2014 Edital - Nº 64/2014 Diário Oficial Ano: 4 Edição: 474 Páginas: 36 Índice do diário Responsabilidade Fiscal Relatório Resumido da Execução Orçamentária 2º BIMESTRE Relatório de Gestão Fiscal 1º QUADRIMESTRE Atos Oficiais Decreto

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA RREO - ANEXO 1 (LRF, Art 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º) RECEITAS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA BALANÇO ORÇAMENTÁRIO JANEIRO A DEZEMBRO 2016 / BIMESTRE NOVEMBRO - DEZEMBRO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JABORANDI

PREFEITURA MUNICIPAL DE JABORANDI RREO - ANEXO 1 (LRF, Art 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º) RECEITAS BALANÇO ORÇAMENTÁRIO JANEIRO A DEZEMBRO 2016 / BIMESTRE NOVEMBRO - DEZEMBRO INICIAL ATUALIZADA (a) No Bimestre (b) RECEITAS

Leia mais

Despesas com Saúde e Educação. de Contabilidade

Despesas com Saúde e Educação. de Contabilidade Despesas com Saúde e Educação Secretaria do Tesouro Nacional Conselho Federal de Contabilidade 2012 Programa do Módulo 8 Despesas com Educação e Saúde CH: 04 h Conteúdo: Manutenção e Desenvolvimento do

Leia mais

1.800.000,00 5.000.000,00 1.132.197,84 3.368.703,65 67,37

1.800.000,00 5.000.000,00 1.132.197,84 3.368.703,65 67,37 MUNICÍPIO DE COLOMBO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DEMONSTRATIVO DAS RECEITAS E DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL 4º BIMESTRE/2011

Leia mais

ITIRAPINA PERÍODO: 2º TRIMESTRE EXERCÍCIO: 2013

ITIRAPINA PERÍODO: 2º TRIMESTRE EXERCÍCIO: 2013 RECEITAS E DESPESAS DO ENSINO - PUBLICAÇÃO (ARTIGO 256 DA CONSTITUIÇÃO ESTADUAL) MUNICÍPIO: ITIRAPINA PERÍODO: 2º TRIMESTRE EXERCÍCIO: 2013 RECEITAS ARRECADADAS Acumulado DESPESAS DO ENSINO Aplicação Acumulado

Leia mais

FUNDADOR: MAURÍCIO LIMA SANTOS ( ) PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DA ESTIVA - CNPJ / PÁGINAS 02 A 23

FUNDADOR: MAURÍCIO LIMA SANTOS ( ) PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DA ESTIVA - CNPJ / PÁGINAS 02 A 23 Tribuna do Sertão FUNDADOR: MAURÍCIO LIMA SANTOS (1943-1998) PUBLICAÇÕES OFICIAIS ANO 5 - EDIÇÃO Nº 095-21 DE MAIO DE 2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DA ESTIVA - CNPJ 13.670.658/0001-52 PÁGINAS 02 A

Leia mais

Taxas de Inflação e PIB. Fonte: www3.bcb.gov.br/expectativas/publico/

Taxas de Inflação e PIB. Fonte: www3.bcb.gov.br/expectativas/publico/ PARÂMETROS PARA PROJEÇÕES Preencher com as expectativas de aumentos percentuais das receitas ou despesas DISCRIMINAÇÃO 2014 2015 2016 2017 1. INFLAÇÃO MÉDIA ANUAL (I P C A) 5,61% 5,25% 5,12% 5,07% 2. CRESCIMENTO

Leia mais

AS REGRAS PARA O ALCANCE DOS LIMITES CONSTITUCIONAIS DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO.

AS REGRAS PARA O ALCANCE DOS LIMITES CONSTITUCIONAIS DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO. AS REGRAS PARA O ALCANCE DOS LIMITES CONSTITUCIONAIS DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO. Controle e gestão de alta performance para fins de MDE - Lei 9.394/1996. 2015 Programa do Curso Despesas

Leia mais

BASE DE CÁLCULO E APLICAÇÃO MÍNIMA PELOS ENTES FEDERADOS EM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE

BASE DE CÁLCULO E APLICAÇÃO MÍNIMA PELOS ENTES FEDERADOS EM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE PELOS ENTES FEDERADOS EM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE A Constituição Federal de 1988 determina em seu art. 198 que: 1º. O sistema único de saúde será financiado, nos termos do art. 195, com recursos

Leia mais

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. SIOPE Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. SIOPE Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação O que é o É um sistema de acesso público via internet, operacionalizado pelo Fundo Nacional de

Leia mais

APLICAÇÃO NA MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO ART. 212 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL Impostos e Transferências considerados para o Cálculo

APLICAÇÃO NA MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO ART. 212 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL Impostos e Transferências considerados para o Cálculo RECEITA ESTIMADA E DESPESA FIXADA - EDUCAÇÃO APLICAÇÃO NA MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO ART. 212 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL Impostos e Transferências considerados para o Cálculo IPTU 134.000,00 IRRF

Leia mais

VINCULAÇÃO RECEITA PLANO DE CONTAS CODIGO RECEITA PLANO DE CONTAS %

VINCULAÇÃO RECEITA PLANO DE CONTAS CODIGO RECEITA PLANO DE CONTAS % VINCULAÇÃO RECEITA PLANO DE CONTAS CODIGO RECEITA PLANO DE CONTAS % 1.1.1.2.02.00.00 Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana 4.1.1.1.2.02.00.01 - IPTU - PROPRIO 60 4.1.1.1.2.02.00.02 -

Leia mais

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE ENTRE RIOS

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE ENTRE RIOS Relação de s Extra-Orçamentárias Página: 1/1 Não Houve Movimentação Quantidade de Registros: 1 Total Geral: Relação de s Orçamentárias Página: 1/3 03/06/2014 917220102000000 - Ded de para a Formação do

Leia mais

SERRA NEGRA Imprensa Oficial da Estância Hidromineral de Serra Negra

SERRA NEGRA Imprensa Oficial da Estância Hidromineral de Serra Negra Imprensa Oficial da Estância Hidromineral de Serra Negra DISTRIBUIÇÃO GRATUITA Sexta-feira, 18 de novembro de 2016 - Ano VIII - n.º 516 Estância Suíça recebe recape asfáltico em 7 ruas Capacitação de Acolhimento

Leia mais

Metodologia de Elaboração dos Demonstrativos do Relatório Resumido da Execução Orçamentária RREO

Metodologia de Elaboração dos Demonstrativos do Relatório Resumido da Execução Orçamentária RREO Metodologia de Elaboração dos Demonstrativos do Relatório Resumido da Execução Orçamentária RREO 6º Bimestre/2008 Centro Administrativo do Governo Rodovia SC 401 - km. 5, nº 4600 Saco Grande II - Florianópolis

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL BALANÇO FINANCEIRO - TODOS OS ORÇAMENTOS 1 INGRESSOS DISPÊNDIOS ESPECIFICAÇÃO 2014 ESPECIFICAÇÃO 2014 Receitas Orçamentárias - - Despesas Orçamentárias 7.583.637,48 - Ordinárias - - Ordinárias 2.011.924,00

Leia mais

REPUBLICADO POR INCORREÇÃO RECEITAS REALIZADAS PREVISÃO. RECEITAS PRIMÁRIAS ATUALIZADA No Bimestre Até o Bimestre / 2014

REPUBLICADO POR INCORREÇÃO RECEITAS REALIZADAS PREVISÃO. RECEITAS PRIMÁRIAS ATUALIZADA No Bimestre Até o Bimestre / 2014 UMUARAMA, QUARTAFEIRA, 22 de JULHO DE 2015 www.ilustrado.com.br C1 Prefeitura Municipal de Alto Paraíso LEI Nº 361/2015 SÚMULA: Autoriza abertura de Crédito Adicional Suplementar por Excesso de Arrecadação,

Leia mais

Variações Patrimoniais Quantitativas

Variações Patrimoniais Quantitativas : 2015 Quantitativas VARIAÇÃO PATRIMONIAL AUMENTATIVA 254.357.617,98 IMPOSTOS, TAXAS E CONTRIBUIÇÕES DE MELHORIA 7.926.292,10 IMPOSTOS 7.769.372,44 IMPOSTOS SOBRE PATRIMÔNIO E A RENDA 3.809.542,30 IMPOSTOS

Leia mais

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO 94.844,52 D 2.450.807,74 2.378.775,15 166.877,11 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA GLORIA

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA GLORIA Página 1 de 28 ESTADO DE GOIÁS PÁG: 001 BALANÇO ORÇAMENTÁRIO RREO ANEXO 1 (LRF, Art. 52, inciso I, alíneas a e b do inciso II e 1º) R$ RECEITAS PREVISÃO PREVISÃO RECEITAS REALIZADAS NO BIMESTRE % ATÉ BIMESTRE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTA GROSSA AUDIÊNCIA PÚBLICA AVALIAÇÃO DO CUMPRIMENTO DAS METAS 3º QUADRIMESTRE DE 2011

PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTA GROSSA AUDIÊNCIA PÚBLICA AVALIAÇÃO DO CUMPRIMENTO DAS METAS 3º QUADRIMESTRE DE 2011 PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTA GROSSA AUDIÊNCIA PÚBLICA AVALIAÇÃO DO CUMPRIMENTO DAS METAS 3º QUADRIMESTRE DE 2011 LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL DA TRANSPARÊNCIA DA GESTÃO FISCAL Art. 48. São instrumentos

Leia mais

CONSOLIDAÇÃO ORÇAMENTÁRIA

CONSOLIDAÇÃO ORÇAMENTÁRIA CAPITULO III CONSOLIDAÇÃO ORÇAMENTÁRIA ADMINISTRAÇÃO DIRETA 31 3 CONSOLIDAÇÃO ORÇAMENTÁRIA - ADMINISTRAÇÃO DIRETA 3.1 DOS BALANÇOS 3.1.1 - Resultado Financeiro do Exercício Considerando que a receita arrecadada

Leia mais

Prefeitura Municipal de Santana

Prefeitura Municipal de Santana Segunda 30 de janeiro de 2012 Prefeitura Municipal de Santana 6 Bimestre e 3 de 2011 http://www.tribunanet.com.br/?tipo=1&gs=2&cidade=20&anos=&imagefield.x=51&imagefield.y=17 Prefeitura Municipal de Santana

Leia mais

Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal Cruzeiro do Oeste

Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal Cruzeiro do Oeste Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO 502.662,01 D 502.662,01 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO CIRCULANTE 0,00 0,00 1.1.1.0.0.00.00.00.00.00.00.00

Leia mais

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2014 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO 71.824,50 D 3.869.412,56 3.857.233,06 84.004,00 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO

Leia mais

PREVISÃO RECEITAS REALIZADAS ATUALIZADA

PREVISÃO RECEITAS REALIZADAS ATUALIZADA www.ilustrado.com.br UMUARAMA, sextafeira, 18 de MARÇO DE 26 c1 / / 26 25 Ativo Inativo Pensionista Ativo Inativo Pensionista / / / / 26 25 26 25 / / 26 25 Ativo Inativo Pensionista Ativo Inativo Pensionista

Leia mais

RECEITA TRIBUTÁRIA

RECEITA TRIBUTÁRIA 10000000000 RECEITAS CORRENTES 102.390.600,00 11000000000 RECEITA TRIBUTÁRIA 7.454.000,00 11100000000 IMPOSTOS 6.8 11120000000 IMPOSTOS SOBRE O PATRIMÔNIO E A RENDA 2.280.000,00 11120200000 IMPOSTO SOBRE

Leia mais

Prefeitura Municipal de Guarapuava Exercicio de 2016 - Anexo 2, da Lei 4.320/64 Unidade Gestora: CONSOLIDADO Natureza Codigo Especificacao

Prefeitura Municipal de Guarapuava Exercicio de 2016 - Anexo 2, da Lei 4.320/64 Unidade Gestora: CONSOLIDADO Natureza Codigo Especificacao 1.0.0.0.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 327.198.765,92 1.1.0.0.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 54.932.798,74 1.1.1.0.00.00.00.00 IMPOSTOS 46.219.482,29 1.1.1.2.00.00.00.00 IMPOSTOS SOBRE O PATRIMONIO E A

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira

CÂMARA DOS DEPUTADOS Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Estudo Técnico n.º 17/2013 CÂMARA DOS DEPUTADOS OBRIGATORIEDADE DE APLICAÇÃO DO EXCESSO DE ARRECADAÇÃO DOS RECURSOS QUE COMPÕEM O FUNDEB E DAQUELES DESTINADOS À MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO.

Leia mais

Estado de Pernambuco Receita Segundo as Categorias Economicas Folha: 1 Prefeitura Municipal de Salgueiro Exercicio de 2011 - Anexo 2, da Lei 4.

Estado de Pernambuco Receita Segundo as Categorias Economicas Folha: 1 Prefeitura Municipal de Salgueiro Exercicio de 2011 - Anexo 2, da Lei 4. Estado de Pernambuco Receita Segundo as s Economicas Folha: 1 1000.00.00.00.00 Receitas Correntes 65.766.322,65 1100.00.00.00.00 Receita Tributaria 15.455.558,48 1110.00.00.00.00 Impostos 14.920.440,00

Leia mais

PREF.MUN.DE PALMAS DE MONTE ALTO - PODER EXECUTIVO

PREF.MUN.DE PALMAS DE MONTE ALTO - PODER EXECUTIVO PREFMUNDE PALMAS DE MONTE ALTO - PODER EXECUTIVO DEMONSTRATIVO DA DESPESA COM PESSOAL QUADRIMESTRE SETEMBRO - DEZEMBRO - 2011 RGF ANEXO I (LRF, art 55, inciso I, alínea "a") DESPESAS EXECUTADAS (Últimos

Leia mais

ANEXO 2 da Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964 Exercício de 2015 DEMONSTRAÇÃO DA RECEITA POR CATEGORIA ECONÔMICA

ANEXO 2 da Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964 Exercício de 2015 DEMONSTRAÇÃO DA RECEITA POR CATEGORIA ECONÔMICA 100000000000 RECEITAS CORRENTES 14.567.731,50 110000000000 RECEITA TRIBUTARIA 267.991,50 111000000000 IMPOSTOS 111200000000 IMPOSTOS SOBRE O PATRIMONIO E A RENDA 111202000000 IPTU - DO EXERCICIO 111202010000

Leia mais

Governo do Estado de Rondônia GOVERNADORIA

Governo do Estado de Rondônia GOVERNADORIA Governo do Estado de Rondônia GOVERNADORIA DECTRETO N. 17.49 DE 17 DE JANEIRO DE 213. Estabelece o Desdobramento das Receitas Previstas para 213 em Metas Mensais e Bimestrais de Arrecadação e o Cronograma

Leia mais

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Valores até Outubro/2011 GOVERNADOR DO ESTADO João Raimundo Colombo SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA Nelson Antônio

Leia mais

ÍNDICE. Assunto: Incidência do PASEP sobre as transferências de recursos do FNDE, CIDE e FUNDEF e SUS... 2

ÍNDICE. Assunto: Incidência do PASEP sobre as transferências de recursos do FNDE, CIDE e FUNDEF e SUS... 2 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 15 de Novembro de 1889 ÍNDICE Nota Técnica nº 1.432/2004/GENOC/CCONT-STN... 2 Assunto: Incidência do PASEP sobre as transferências de recursos do FNDE, CIDE e FUNDEF e SUS...

Leia mais

Financiamento da Educação e Atualização do Piso do Magistério. Carlos Eduardo Sanches Assessor da Undime

Financiamento da Educação e Atualização do Piso do Magistério. Carlos Eduardo Sanches Assessor da Undime Financiamento da Educação e Atualização do Piso do Magistério Carlos Eduardo Sanches Assessor da Undime Que recursos existem atualmente? 1. Art. 212 CF: aplicação de, no mínimo, 25% da receita resultante

Leia mais

PUBLICAÇÕES / LEGAIS 13 Umuarama, sábado, 19 de março de 2011

PUBLICAÇÕES / LEGAIS 13 Umuarama, sábado, 19 de março de 2011 PUBLICAÇÕES / LEGAIS 13 BALANÇO ORÇAMENTÁRIO - DESPESA DEMONSTRATIVO DA EXECUÇÃO DAS DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO LRF, Art. 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º - Anexo I R$ DOTAÇÃO CRÉDITOS

Leia mais

RELATÓRIO E PARECER DO SISTEMA DE CONTROLE INTERNO GESTÃO DOS RECURSOS VINCULADOS AO M.D.E.

RELATÓRIO E PARECER DO SISTEMA DE CONTROLE INTERNO GESTÃO DOS RECURSOS VINCULADOS AO M.D.E. RELATÓRIO E PARECER DO SISTEMA DE CONTROLE INTERNO GESTÃO DOS RECURSOS VINCULADOS AO M.D.E. O Órgão de Controle Interno do Município, atendendo ao que determina o art. 113, inciso II, letra b, da Resolução

Leia mais

RECEITAS DE CONTRIBUICOES , CONTRIBUICOES SOCIAIS ,71

RECEITAS DE CONTRIBUICOES , CONTRIBUICOES SOCIAIS ,71 1.0.0.0.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 7.959.410,31 1.1.0.0.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 358.666,34 1.1.1.0.00.00.00.00 IMPOSTOS 262.922,72 1.1.1.2.00.00.00.00 IMPOSTOS SOBRE O PATRIMONIO E A RENDA 182.921,52

Leia mais

PREFEITURA DE SAO JOAO - PE BALANCETE DA RECEITA Março/2013

PREFEITURA DE SAO JOAO - PE BALANCETE DA RECEITA Março/2013 0001-1.0.0.0.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 35.310.100,00 2.219.903,51 7.784.732,28-27.525.367,72 0002-1.1.0.0.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 967.700,00 79.112,54 165.126,56-802.573,44 0003-1.1.1.0.00.00.00.00

Leia mais

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Valores até Maio/2014 GOVERNADOR DO ESTADO João Raimundo Colombo SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA Antonio Marcos

Leia mais

Área Técnica: Equipe responsável pelo SIOPS Área de Economia da Saúde e Desenvolvimento Secretaria Executiva Ministério da Saúde.

Área Técnica: Equipe responsável pelo SIOPS Área de Economia da Saúde e Desenvolvimento Secretaria Executiva Ministério da Saúde. Assunto: Composição dos indicadores municipais calculados automaticamente pelo SIOPS após a declaração de dados contábeis, pelos municípios, a partir do SIOPS 2007 semestral. Área Técnica: Equipe responsável

Leia mais

Em 25 de janeiro de 2011.

Em 25 de janeiro de 2011. Nota Técnica nº 73/2011/CCONF/STN Em 25 de janeiro de 2011. ASSUNTO: Demonstrativos da Disponibilidade de Caixa e dos Restos a Pagar - Manual de Demonstrativos Fiscais (MDF). - Esclarecimentos sobre o

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu LEI N o 3.941, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011. Estima a receita e fixa a despesa do Município de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, para o exercício financeiro de 2012. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 12. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 12. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 12 Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua FINANCIAMENTO DA POLÍTICA EDUCACIONAL BRASILEIRA compreendendo os sistemas de ensino federal, estadual e municipal, a Constituição Federal

Leia mais

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Valores até Dezembro/2014 GOVERNADOR DO ESTADO João Raimundo Colombo SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA Antonio Marcos

Leia mais

Anexo Único da Portaria nº 175 de 15 de janeiro de 2014.

Anexo Único da Portaria nº 175 de 15 de janeiro de 2014. Anexo Único da Portaria nº 175 de 15 de janeiro de 2014. Rotina CONOR/SUNOT/CGE n.º 004/2013 Trata a presente rotina dos procedimentos contábeis para os registros patrimoniais e orçamentários do Fundo

Leia mais

EDITAL DE PUBLICAÇÃO

EDITAL DE PUBLICAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE ACARAÚ EDITAL DE PUBLICAÇÃO O prefeito Municipal de Acaraú, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e de conformidade com a determinação contida

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA 1.0.0.0.00.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 4.398.144,52 38.156.721,06 1.1.0.0.00.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 472.510,08 4.672.304,77 1.1.1.0.00.00.00.00.00 IMPOSTOS 389.923,77 3.666.297,26 1.1.1.2.00.00.00.00.00

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA 1.0.0.0.00.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 4.294.696,07 33.758.576,54 1.1.0.0.00.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 508.971,73 4.199.794,69 1.1.1.0.00.00.00.00.00 IMPOSTOS 416.800,15 3.276.373,49 1.1.1.2.00.00.00.00.00

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL SAO JOAO BATISTA 1.0.0.0.00.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 5.476.960,20 29.462.070,79 1.1.0.0.00.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 431.920,78 3.690.587,09 1.1.1.0.00.00.00.00.00 IMPOSTOS 348.558,93 2.859.347,39 1.1.1.2.00.00.00.00.00

Leia mais

Estado de Mato Grosso do Sul

Estado de Mato Grosso do Sul 24/05/13 1 1000.00.00 RECEITAS CORRENTES 21.194.95 1.529.041,57 5.634.996,55 15.559.953,45 1100.00.00 RECEITA TRIBUTÁRIA 620.00 25.976,03 122.642,49 497.357,51 1110.00.00 IMPOSTOS 590.00 25.976,03 113.194,62

Leia mais

---------------------------------------------------------- ------------------------------------------------------------

---------------------------------------------------------- ------------------------------------------------------------ Demonstrativo por Fontes de Recursos R E C E I T A S D E S P E S A S Ficha Classificação Valor Ficha Ativ./Elemento Valor 01 CAMARA MUNICIPAL 042 RECURSOS FINANCEIROS CONCEDIDOS 02016 1721.01.02.00 1.587.481,42

Leia mais

Prefeitura Municipal de Assis Fevereiro de 2014 - Anexo 2, da Lei 4.320/64 Unidade Gestora: PMA - FDO.ILUM.- EDUC. - FUNDEF - A.

Prefeitura Municipal de Assis Fevereiro de 2014 - Anexo 2, da Lei 4.320/64 Unidade Gestora: PMA - FDO.ILUM.- EDUC. - FUNDEF - A. 1000.00.00.00.00 Receitas Correntes 16.651.676,17 1100.00.00.00.00 Receita Tributaria 2.616.972,78 1110.00.00.00.00 Impostos 2.487.479,95 1112.00.00.00.00 Impostos sobre o Patrimonio e a Renda 1.297.863,85

Leia mais

4.1.1.1.2.04.31.02.0000 Irrf Sobre Rendimentos Do Trabalho - Ativos/Inativos Do Poder Legislat 100,00 - - 100,00

4.1.1.1.2.04.31.02.0000 Irrf Sobre Rendimentos Do Trabalho - Ativos/Inativos Do Poder Legislat 100,00 - - 100,00 Página 1 de 9 4.0.0.0.0.00.00.00.0000 Receita 11.768.270,00 888.526,99 888.526,99 10.879.743,01 4.1.0.0.0.00.00.00.0000 Receitas Correntes 11.683.270,00 885.956,27 885.956,27 10.797.313,73 4.1.1.0.0.00.00.00.0000

Leia mais

Comparativo Receita Orçada / Arrecadada

Comparativo Receita Orçada / Arrecadada Comparativo Receita Orçada / 1000000000 RECEITAS CORRENTES 2.559.915.741,00 2.315.164.067,05 244.751.673,95 1100000000 RECEITA TRIBUTÁRIA 653.441.115,00 532.491.940,91 120.949.174,09 1110000000 IMPOSTOS

Leia mais

Codigo Nivel Contabil TP Descricao UG Fonte Banco Agencia Conta Corrente

Codigo Nivel Contabil TP Descricao UG Fonte Banco Agencia Conta Corrente Estado do Parana Relacao Cadastral do Plano de Contas Folha: 1 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 S ATIVO 2 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 S ATIVO CIRCULANTE 3 1.1.1.0.0.00.00.00.00.00.00.00 S CAIXA E EQUIVALENTES

Leia mais

Agosto/2006 a Agosto/2006 ANEXO 2, DA LEI 4.320/64 RECEITA SEGUNDO AS CATEGORIAS ECONÔMICAS - EXERCÍCIO DE 2006

Agosto/2006 a Agosto/2006 ANEXO 2, DA LEI 4.320/64 RECEITA SEGUNDO AS CATEGORIAS ECONÔMICAS - EXERCÍCIO DE 2006 Página 1 de 6 RECEITA SEGUNDO AS S S - EXERCÍCIO DE 2006 1.0.0.0.00.00.00.00.00 CORRENTES 1.1.0.0.00.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 1.1.1.0.00.00.00.00.00 IMPOSTOS 1.1.1.2.00.00.00.00.00 IMPOSTOS SOBRE

Leia mais

SISTEMA TRIBUTÁRIO NACIONAL E

SISTEMA TRIBUTÁRIO NACIONAL E SISTEMA TRIBUTÁRIO NACIONAL E SEGURIDADE - DIEESE - REUNIÃO DA DSND Rosane Maia 17 de junho de 2009 SISTEMA TRIBUTÁRIO NACIONAL E SEGURIDADE APRESENTAÇÃO: I - A EXPERIÊNCIA DO OBSERVATÓRIO DE EQUIDADE

Leia mais

MUNICIPIO DE PALMITINHO Planilhas Planejamento Receitas Por Exercício Plano Plurianual - PPA Ano Inicial: 2014 Ano Final: 2017 Versão PPA: 1

MUNICIPIO DE PALMITINHO Planilhas Planejamento Receitas Por Exercício Plano Plurianual - PPA Ano Inicial: 2014 Ano Final: 2017 Versão PPA: 1 Página 1 de 5 10000000000000 RECEITAS CORRENTES 19.904.400,00 21.313.258,00 22.807.726,06 24.395.616,88 88.421.000,94 11000000000000 RECEITA TRIBUTARIA 1.125.000,00 1.203.752,00 1.288.015,00 1.378.171,00

Leia mais

Ano 6. Nº 300. Itapevi, 26 de Setembro de 2014

Ano 6. Nº 300. Itapevi, 26 de Setembro de 2014 Ano 6. Nº 300. Itapevi, 26 de Setembro de 2014 Secretaria de Comunicação Social www.itapevi.sp.gov.br ETEC abre inscrições para cursos técnicos no CEMEB Tarsila do Amaral Serão disponibilizadas 80 vagas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATINGA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATINGA RREO - ANEXO 1 (LRF, Art 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º) RECEITAS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA BALANÇO ORÇAMENTÁRIO ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL JANEIRO A

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Contadoria Geral do Estado

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Contadoria Geral do Estado 11120431 Imposto de Renda Retido nas Fontes sobre os Rendimentos do Trabalho 00 2.885.556.099,44 11120434 Imposto de Renda Retido nas Fontes sobre outros Rendimentos 00 205.497.947,46 11120501 Cota-Parte

Leia mais

Diário Oficial dos Municípios do Sudoeste do Paraná - DIOEMS Quinta-Feira, 16 de Julho de 2015

Diário Oficial dos Municípios do Sudoeste do Paraná - DIOEMS Quinta-Feira, 16 de Julho de 2015 Quinta-Feira, 16 de Julho de 2015 Instituído pela Resolução 001 de 04 de Outubro de 2011 Página 1 / 126 Ano III Edição Nº 0895 SUMÁRIO O Prefeito Municipal de Ampere, Estado do Paraná, com base na Lei

Leia mais

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. Estado do Rio de Janeiro Receita Segundo as Categorias Economicas Folha: 1 Prefeitura Municipal de Sao Goncalo Exercicio de 2006 - Anexo 2, da Lei 4.320/64 Unidade Gestora: CONSOLIDADO Categoria Codigo

Leia mais

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Belém, para o exercício de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE BELÉM, Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º

Leia mais

Goiás, 31 de Maio de 2012 Diário Oficial dos Municípios do Estado de Goiás ANO II Nº 0337

Goiás, 31 de Maio de 2012 Diário Oficial dos Municípios do Estado de Goiás ANO II Nº 0337 PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM JESUS PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM JESUS-GO EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 005/2012 A Prefeitura Municipal de Bom Jesus, Estado de Goiás, inscrita no CNPJ sob o nº. 01.149.624/0001-38,

Leia mais

CONFERÊNCIA DE ABERTURAS DA RECEITA, DESPESA E PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA

CONFERÊNCIA DE ABERTURAS DA RECEITA, DESPESA E PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA 1. Objetivo Estabelecer procedimentos para conferência das aberturas da receita, despesa e programação financeira, por meio das respectivas funcionalidades Abertura da Receita ABR, Abertura da Despesa

Leia mais

Execucao dos Orcamentos (Art.2o, Inciso XII) - Receitas Realizadas. Codigo Descricao Bimestre Bimestre

Execucao dos Orcamentos (Art.2o, Inciso XII) - Receitas Realizadas. Codigo Descricao Bimestre Bimestre 1.0.0.0.00.00.00.00 RECEITAS CORRENTES 1.142.667,56 6.041.042,82 1.1.0.0.00.00.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 65.007,91 368.480,79 1.1.1.0.00.00.00.00 IMPOSTOS 40.647,97 303.303,40 1.1.1.2.00.00.00.00 IMPOSTOS

Leia mais

Betha Sistemas. Exercício de 2008. Diferenças Para Menos. Títulos Orçada Arrecadada Para mais

Betha Sistemas. Exercício de 2008. Diferenças Para Menos. Títulos Orçada Arrecadada Para mais RECEITAS 7.755.352,00 9.068.424,29 1.699.148,82 386.076,53 RECEITAS CORRENTES 7.046.205,00 7.954.527,74 1.088.160,33 179.837,59 RECEITA TRIBUTARIA 439.958,00 838.479,87 410.757,10 12.235,23 IMPOSTOS 367.368,00

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JACOBINA RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

PREFEITURA MUNICIPAL DE JACOBINA RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA BALANÇO ORÇAMENTÁRIO ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL JANEIRO ABRIL 2015/ BIMESTRE MARÇOABRIL RREO ANEXO I (LRF, Art. 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e 1º) R$ 1,00 RECEITAS PREVISÃO

Leia mais

IRRF sobre o Trabalho R$ 33.225,17 IRRF sobre outros rendimentos R$ ITBI R$ 157.333,95 ISSQN R$ 260.979,91 S U B - T O T A L R$ 461.

IRRF sobre o Trabalho R$ 33.225,17 IRRF sobre outros rendimentos R$ ITBI R$ 157.333,95 ISSQN R$ 260.979,91 S U B - T O T A L R$ 461. Apuracao dos Gastos com SAUDE 1º Quadrimestre 2013 APLICAÇÃO DE RECURSOS NA SAUDE PREFEITURA MUNICIPAL DE LUZ Janeiro, Fevereiro, Março e Abril de 2013 1º Quadrimestre/2013 RECEITA TRIBUTARIA IPTU 364,93

Leia mais

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Valores até Setembro/2015 GOVERNADOR DO ESTADO João Raimundo Colombo SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA Antonio Marcos

Leia mais

1.1.0.0.00.00 RECEITAS TRIBUTARIAS 14.621.601,00 1.1.1.0.00.00 IMPOSTOS 13.429.341,00 1.1.1.2.00.00 IMPOSTOS SOBRE A PATRIMONIO E RENDA 2.240.

1.1.0.0.00.00 RECEITAS TRIBUTARIAS 14.621.601,00 1.1.1.0.00.00 IMPOSTOS 13.429.341,00 1.1.1.2.00.00 IMPOSTOS SOBRE A PATRIMONIO E RENDA 2.240. PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO SUL PAGINA : 1 1.0.0.0.00.00 RECEITAS CORRENTES 103.959.246,00 1.1.0.0.00.00 RECEITAS TRIBUTARIAS 14.621.601,00 1.1.1.0.00.00 IMPOSTOS 13.429.341,00 1.1.1.2.00.00 IMPOSTOS

Leia mais

QUADRO DA LEGISLAÇÃO DA RECEITA

QUADRO DA LEGISLAÇÃO DA RECEITA FOLHA: 1 1.0.0.0.00.00 RECEITAS CORRENTES 1.1.0.0.00.00 RECEITA TRIBUTARIA 1.1.1.0.00.00 IMPOSTOS 1.1.1.2.00.00 Imposto Sobre o Patrimonio e a Renda 1.1.1.2.02.00 1 Imposto s/propried.predial Territ.Urbana

Leia mais

Sistema de Informações para Auditoria e Prestação de Contas. Manual Técnico. Volume III. Recurso Vinculado

Sistema de Informações para Auditoria e Prestação de Contas. Manual Técnico. Volume III. Recurso Vinculado Sistema de Informações para Auditoria e Prestação de Contas Manual Técnico Volume III Recurso Vinculado Aplicável aos Órgãos, Entidades e Consórcios Públicos municipais regidos pela Lei Federal nº 4.320/64

Leia mais

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde

Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde DIRETORIA DE CONTABILIDADE GERAL DCOG Demonstrativo da Receita Líquida de Impostos e das Despesas Próprias com Educação e Saúde Valores até Novembro/2012 Fones: (48) 36652773, 36652633 e 36652727 DIRETORIA

Leia mais

RECEITAS REALIZADAS ATUALIZADA NO PERÍODO ATÉ O PERÍODO PREVISĂO RECEITAS FISCAIS ATÉ O PERÍODO ANO ANTERIOR

RECEITAS REALIZADAS ATUALIZADA NO PERÍODO ATÉ O PERÍODO PREVISĂO RECEITAS FISCAIS ATÉ O PERÍODO ANO ANTERIOR RECEITAS CORRENTES 9.870.400,00 1.602.456,70 5.986.878,35 RECEITA TRIBUTÁRIA 670.000,00 54.386,08 216.494,59 IMPOSTOS 630.000,00 49.589,77 195.708,96 Impostos s/o Patrimônio e a Renda 330.000,00 36.933,74

Leia mais

A Tabela Interna ESPECIFICAÇÃO_RECEITA foi ajustada em decorrência das alterações no Elenco de Contas, conforme abaixo descrita:

A Tabela Interna ESPECIFICAÇÃO_RECEITA foi ajustada em decorrência das alterações no Elenco de Contas, conforme abaixo descrita: Senhores gestores: A Tabela Interna ESPECIFICAÇÃO_RECEITA foi ajustada em decorrência das alterações no Elenco de Contas, conforme abaixo descrita: ESPRC_CODIGO ESPRC_DESCRICAO 1.0.0.0.00.00.00 RECEITAS

Leia mais

Ativo circulante ,80 0,00 Caixa e equivalentes de caixa ,80 0,00 Caixa e equivalentes de caixa em moeda nacional

Ativo circulante ,80 0,00 Caixa e equivalentes de caixa ,80 0,00 Caixa e equivalentes de caixa em moeda nacional Página : 1 / 5 1.1 1.1.1 1.1.1.1 1.1.1.1.1.01.00 1.1.1.1.1.02.00 1.1.2 1.1.2.1 1.1.2.3 1.1.3 1.1.3.8 1.1.5 1.1.5.6 ATIVO Ativo circulante 2.947.936,80 0,00 Caixa e equivalentes de caixa 2.947.936,80 0,00

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO FISCAL (Artigos 54 e 55 da LC 101/00)

RELATÓRIO DE GESTÃO FISCAL (Artigos 54 e 55 da LC 101/00) RELATÓRIO DE GESTÃO FISCAL (Artigos 54 e 55 da LC 101/00) Modelo 10 MUNICÍPIO DE ARARAQUARA 1º QUADRIMESTRE - JAN. A ABR./2002 I COMPARATIVOS: Valores expressos em R$ Exercício Anterior 1º Quadrimestre

Leia mais

DEMONSTRATIVOS FISCAIS DE CONSÓRCIOS PÚBLICOS

DEMONSTRATIVOS FISCAIS DE CONSÓRCIOS PÚBLICOS Coordenação-Geral de Normas de Contabilidade Aplicadas à Federação - CCONF Gerência de Normas e Procedimentos de Gestão Fiscal - GENOP DEMONSTRATIVOS FISCAIS DE CONSÓRCIOS PÚBLICOS Apresentação das alterações

Leia mais

Lei nº 435 / 07, de 05 de dezembro de 2007

Lei nº 435 / 07, de 05 de dezembro de 2007 Lei nº 435 / 07, de 05 de dezembro de 2007 Estima a RECEITA e fixa a DESPESA do MUNICÍPIO DE SAPEAÇU, BAHIA, para o exercício de 2008 e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SAPEAÇU, ESTADO DA

Leia mais

SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONDAI

SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONDAI SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONDAI Receita Prevista e Realizada - Balanço Orçamentário (Artigo 2º, Inciso XIV da I.N. nº 028/1999) Admiministração Direta, Indireta e Fundacional Títulos Orçada

Leia mais