I OLIMPÍADA DE ALGORITMO IFSP SÃO CARLOS. Caderno de Tarefas. 19 de outubro de 2011

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "I OLIMPÍADA DE ALGORITMO IFSP SÃO CARLOS. Caderno de Tarefas. 19 de outubro de 2011"

Transcrição

1 I OLIMPÍADA DE ALGORITMO IFSP SÃO CARLOS Caderno de Tarefas 19 de outubro de 2011 Patrocínio: Realização: 1

2 INSTRUÇÕES: Este caderno de tarefas é composto por 5 tarefas divididas em 10 páginas. Verifique se o caderno está completo. É proibido o uso de notebook, celular, smartphone, tablet, pendrive, livros, revistas e qualquer outro material ou equipamento eletrônico que possa conceder alguma vantagem e/ou ajuda em relação a prova. O acesso à internet não será permitido. Atente ao nome do código fonte exigido para cada tarefa. As tarefas foram separas em dois níveis de dificuldade: fácil e difícil. As tarefas de nível fácil têm um valor de 100 pontos e penalidade de 10 pontos para cada submissão errada. As de nível difícil têm um valor de 200 pontos e penalidade de 20 pontos para cada submissão errada. Todos os dados devem ser lidos através da entrada padrão (teclado) e escritos na saída padrão (monitor). Por exemplo: read, readln, write e writeln em Pascal e scanf, printf, getchar e putchar em C. Após concluído o algoritmo a equipe deverá submeter o código fonte para avaliação e testes. A partir deste momento a tarefa será avaliada pela banca e a equipe poderá começar a resolução de outra. Concluído o processo de testes a equipe será avisada se a tarefa está correta ou não. Caso não, a equipe poderá tentar novamente. Haverá um quadro de classificação onde os participantes poderão acompanhar o tempo de prova e o número de tarefas submetidas por cada equipe. A classificação final se dará pelo número de pontos ao final do tempo de prova. Em caso de empate será adotado os seguintes critérios: número de tarefas resolvidas, número de submissões erradas, horário da última submissão. Tempo de duração: 3 horas. 2

3 Dia da Semana Arquivo fonte: semana.pas, semana.c, semana.cpp, semana.java Valor desta tarefa: 100 pontos. Penalidade: 10 pontos. José precisa de um programa que calcule em que dia da semana cai o primeiro dia do mês a partir de um dia qualquer. 1. Tarefa Sua tarefa será desenvolver um programa que leia o dia do mês e o dia da semana correspondente e a partir desses dados diga em que dia da semana caiu o primeiro dia desse mês. 2. Entrada A primeira entrada será um número inteiro M que representa um dia qualquer do mês. A segunda entrada será outro número inteiro S que representa o dia da semana correspondente ao dia M. Considere o número 1 para segunda-feira e 7 para domingo. Exemplo de entrada: 3 //dia três 3 //quarta-feira 3. Saída A saída deverá ser uma única linha contendo um número inteiro (de 1 a 7) que represente o dia da semana correspondente ao primeiro dia daquele mês. Exemplo de saída (corresponde ao exemplo de entrada acima): 1 //segunda-feira 4. Restrições 1 <= M <= 31 1 <= S <= 7 (1 para segunda-feira 7 para domingo) 3

4 Olimpíada de Algoritmo Arquivo fonte: olimpiada.pas, olimpiada.c, olimpiada.cpp, olimpiada.java Valor desta tarefa: 100 pontos. Penalidade: 10 pontos. A sua faculdade está organizando uma olimpíada de algoritmo entre os alunos. E para facilitar e agilizar o processo de classificação os organizadores contrataram você para desenvolver um algoritmo que analise a pontuação de cada equipe e mostre a classificação final. 1. Tarefa Sua tarefa será desenvolver um programa que leia aleatoriamente o nome e pontuação de cada equipe, ordene a lista de classificação e mostre de forma decrescente (do maior para o menor) o nome das equipes e sua pontuação. 2. Entrada A primeira entrada será um número inteiro N que representa a quantidade de equipes. As N linhas seguintes serão compostas pelo nome da equipe e sua pontuação. Exemplo de entrada: 3 Alpha 200 Omega 100 Beta Saída Ao final das entradas imprima, uma linha para cada, o nome da equipe e sua pontuação ordenados de forma decrescente (primeiro a maior e por último a menor). Exemplo de saída (corresponde ao exemplo de entrada acima): Alpha 200 Beta 150 Omega Restrições 2 <= N <= <= Pontos <= (não haverá pontuações iguais) nome_equipe = string de até 15 caracteres (sem espaços) 4

5 Chuva de Satélites Arquivo fonte: satelites.pas, satelites.c, satelites.cpp, satelites.java Valor desta tarefa: 200 pontos. Penalidade: 20 pontos. A NASA descobriu que muitos de seus satélites estão prestes a cair na terra. Dependendo da composição e do tamanho desses satélites, eles podem não se desintegrarem completamente ao entrar na atmosfera terrestre e assim atingir algum país ao redor do mundo. Sabendo disso, a NASA calculou e divulgou os pontos em que os satélites irão cair. João estava programando sair de férias e precavido quer saber se nos países que irá visitar existe a possibilidade de cair algum desses satélites. Para isso ele pediu a sua ajuda. 1. Tarefa Sua tarefa será elaborar um algoritmo que calcule quantos satélites irão cair nos países que João passará. Considere que os países são retangulares. Serão fornecidas as coordenadas X e Y do plano cartesiano dos vértices (superior esquerdo e inferior direito) dos países e depois as coordenadas X e Y dos pontos que cairão os satélites. 2. Entrada A primeira entrada será um inteiro N que representa o número de países que João irá visitar. As N linhas seguintes serão formadas pelo nome do país, as coordenadas X e Y do primeiro vértice e as coordenadas X e Y do segundo vértice. Depois será lido um número inteiro M que indicará o número de satélites. As M linhas seguintes serão formadas por dois inteiros, coordenadas X e Y, que representarão os pontos onde os satélites irão cair. Exemplo ao lado: representação gráfica. Exemplo de entrada: 2 Chile Paraguai

6 3. Saída Para cada país imprima uma linha contendo o nome e a quantidade de satélites que caíram em seu território. Exemplo de saída (corresponde ao exemplo de entrada acima): Chile 2 Paraguai 1 4. Restrições 1 <= N <= <= M <= <= X <= <= Y <= nome_pais = string de até 15 caracteres (sem espaços) 6

7 Campeonato de Futebol Arquivo fonte: futebol.pas, futebol.c, futebol.cpp, futebol.java Valor desta tarefa: 200 pontos. Penalidade: 20 pontos. O Professor André está organizando um campeonato de futebol entre seus alunos. Mas ele é um professor muito preguiçoso e não quer ter o trabalho de ficar calculando os resultados dos jogos para determinar a classificação final de cada time. Para isso o ele contratou sua equipe para desenvolver um programa que faça essa tarefa. 1. Tarefa Sua tarefa será desenvolver um programa que, dado o número de times participantes do campeonato e o resultado de seus respectivos jogos, determine o total de pontos, vitórias, empates, derrotas, gols pró, gols contra e saldo de gols de cada time. Lembrando que o time recebe 3 (três) pontos em caso de vitória, 1 (um) ponto em caso de empate e nenhum ponto para derrota. Gols pró é o número de gols feitos, gols contra é o número de gols sofridos. Saldo de gols é o resultado da subtração dos gols pró pelos gols contra. 2. Entrada A primeira entrada será um número inteiro N que representa a quantidade de times no campeonato. As próximas N linhas serão os nomes de cada time. A seguinte entrada será um número inteiro M que representa o número de resultados de jogos a serrem lidos. As próximas M entradas serão compostas por uma linha com: o nome do time mandante, o número de gols marcados pelo time mandante, o nome do time visitante e o número de gols marcados pelo time visitante. Exemplo de entrada: 4 Santos Corinthians Palmeiras Flamengo 5 Santos 5 Corinthians 0 Flamengo 1 Santos 3 Corinthians 3 Palmeiras 3 Palmeiras 2 Santos 4 Flamengo 2 Corinthians 0 7

8 3. Saída Ao final das entradas, para cada time, seu programa deve imprimir uma linha contendo os seguintes dados: nome do time, número de pontos, vitórias, empates, derrotas, gols pró, gols contra e saldo de gols nesta mesma ordem. Seguindo também, a ordem de entrada dos times. Exemplo de saída (corresponde ao exemplo de entrada acima): Santos Corinthians Palmeiras Flamengo Restrições 2 <= N <= <= M <= 100 nome_time = string de até 15 caracteres (sem espaços) 8

9 Diferença entre Datas Arquivo fonte: datas.pas, datas.c, datas.cpp, datas.java Valor desta tarefa: 200 pontos. Penalidade: 20 pontos. Cleovaldo é um jovem muito nerd que adora assistir aos programas da National Geographic. Um dia viu uma reportagem que falava das profecias sobre o fim do mundo. Uma delas é a profecia sobre o calendário Maia, onde diz que o mundo terá fim no ano de 2012, mais precisamente no dia 21 de dezembro de Muito preocupado com a chegada desses dias, Cleovaldo pediu para você fazer um programa que diga a quantidade de dias de vida que lhe restam e assim poder se planejar para realizar todos seus objetivos enquanto vivo. 1. Tarefa Sua tarefa será desenvolver um programa que, dado o dia, mês e ano de duas datas distintas, calcule a diferença em dias entre elas. 2. Entrada A entrada será composta de duas linhas. Cada uma contendo três inteiros que representam o dia, mês e ano de cada data, respectivamente. Lembrando que os meses de janeiro a dezembro têm respectivamente a seguinte quantidade de dias: 31, 28 (29 para ano bissexto), 31, 30, 31, 30, 31, 31, 30, 31, 30 e 31. Último ano bissexto: Exemplos de entrada: Saída Ao final das entradas, imprima uma única linha contendo um inteiro representando o número de dias entre as duas datas. Exemplos de saída (corresponde aos exemplos de entrada acima):

10 4. Restrições 1 <= dia <= 31 1 <= mês <= <= ano <= 2999 (formato AAAA - com quatro dígitos) data1 < data2 (a segunda data será sempre maior que a primeira) 10

OBI2012 Caderno de Tarefas

OBI2012 Caderno de Tarefas OBI2012 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível Júnior, Fase 1 14 de abril de 2012 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 3 HORAS Promoção: Patrocínio: v1.0 Olimpíada Brasileira de Informática OBI2012 1 Instruções

Leia mais

OBI2014 Caderno de Tarefas

OBI2014 Caderno de Tarefas OBI2014 Caderno de Tarefas Modalidade Universitária, Fase 2 16 de agosto de 2014 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 5 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2014 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

II MARATONA DE PROGRAMAÇÃO IFSP SÃO CARLOS. Caderno de Tarefas. 25 de outubro de 2012

II MARATONA DE PROGRAMAÇÃO IFSP SÃO CARLOS. Caderno de Tarefas. 25 de outubro de 2012 II MARATONA DE PROGRAMAÇÃO IFSP SÃO CARLOS Caderno de Tarefas 25 de outubro de 2012 Patrocínio: Realização: 1 INSTRUÇÕES: Este caderno de tarefas é composto por 5 tarefas divididas em 12 páginas. Verifique

Leia mais

OBI2010 Caderno de Tarefas

OBI2010 Caderno de Tarefas OBI2010 Caderno de s Modalidade Programação Nível Júnior, Fase 1 de março de 2010 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 3 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2010 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

OBI2014 Caderno de Tarefas

OBI2014 Caderno de Tarefas OBI2014 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível Júnior, Fase 2 30 de agosto de 2014 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 3 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2014 1 Instruções

Leia mais

OBI2013 Caderno de Tarefas

OBI2013 Caderno de Tarefas OBI2013 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível Júnior, Fase 2 31 de agosto de 2013 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 3 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2013 1 Instruções

Leia mais

OBI2012 Caderno de Tarefas

OBI2012 Caderno de Tarefas OBI2012 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 2, Fase 1 31 de março de 2012 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 5 HORAS Promoção: Patrocínio: v1.0 Olimpíada Brasileira de Informática OBI2012 1 Instruções

Leia mais

OBI2009 Caderno de Tarefas

OBI2009 Caderno de Tarefas OBI2009 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 1, Fase 1 A PROVA TEM DURAÇÃO DE QUATRO HORAS LEIA ATENTAMENTE ESTAS INSTRUÇÕES ANTES DE INICIAR A PROVA Este caderno de tarefas é composto por 8

Leia mais

OBI2013 Caderno de Tarefas

OBI2013 Caderno de Tarefas OBI2013 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 2, Fase 1 9 de março de 2013 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 5 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2013 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

OBI2012 Caderno de Tarefas

OBI2012 Caderno de Tarefas OBI2012 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 2, Fase 2 12 de maio de 2012 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 5 HORAS Promoção: Patrocínio: v1.0 Olimpíada Brasileira de Informática OBI2012 1 Instruções LEIA

Leia mais

OBI2010 Caderno de Tarefas

OBI2010 Caderno de Tarefas OBI2010 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível Júnior, Fase 2 8 de maio de 2010 A PROVA TEM DURAÇÃO DE HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2010 1 Instruções LEIA

Leia mais

OBI2010 Caderno de Tarefas

OBI2010 Caderno de Tarefas OBI2010 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 1, Fase 1 27 de março de 2010 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 4 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2010 1 Instruções LEIA

Leia mais

OBI2005 Caderno de Tarefas

OBI2005 Caderno de Tarefas OBI2005 Caderno de Tarefas Modalidade Programação Nível 1 A PROVA TEM DURAÇÃO DE TRÊS HORAS LEIA ATENTAMENTE ESTAS INSTRUÇÕES ANTES DE INICIAR A PROVA Este caderno de tarefas é composto por 8 páginas (não

Leia mais

Especificação do Trabalho Prático

Especificação do Trabalho Prático Especificação do Trabalho Prático O trabalho prático da disciplina consiste em desenvolver um programa utilizando a linguagem de programação C. A seguir, encontram-se a descrição do problema, a forma de

Leia mais

OBI2013 Caderno de Tarefas

OBI2013 Caderno de Tarefas OBI2013 Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível 2, Fase 2 31 de agosto de 2013 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 2 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2013 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

CADERNO DE TAREFAS 18/11/2006 9h 50min às 13h 50min

CADERNO DE TAREFAS 18/11/2006 9h 50min às 13h 50min IV MARATONA DE PROGRAMAÇÃO DA FAI CADERNO DE TAREFAS 18/11/2006 9h 50min às 13h 50min LEIA ATENTAMENTE ESTAS INSTRUÇÕES 1. É permitido consultar livros, anotações, help on line ou qualquer outro material

Leia mais

REGULAMENTO LIGA BRASIL SFO

REGULAMENTO LIGA BRASIL SFO REGULAMENTO LIGA BRASIL SFO As competições SFO tem com maior intuito a interação de um grupo fechado de participantes que curtem um bom jogo e são amantes do FIFA. Teremos nesta edição do game FIFA 16

Leia mais

Departamento de Ciências de Computação SCC Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação ICMC Universidade de São Paulo USP

Departamento de Ciências de Computação SCC Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação ICMC Universidade de São Paulo USP Departamento de Ciências de Computação SCC Considere o esquema conceitual e o esquema relacional do projeto campeonatos de futebol. Faça os seguintes exercícios, usando o script COMPLETO de criação e inserção

Leia mais

Tema: Juventude Missionária: a identidade do Verbo Divino Lema: : Como o Pai me enviou também eu vos envio (Jo 20, 21)

Tema: Juventude Missionária: a identidade do Verbo Divino Lema: : Como o Pai me enviou também eu vos envio (Jo 20, 21) Edital Tema: Juventude Missionária: a identidade do Verbo Divino Lema: : Como o Pai me enviou também eu vos envio (Jo 20, 21) A gincana paroquial da juventude verbita é um evento católico com o intuito

Leia mais

36ª OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁTICA Primeira Fase Nível 3 Ensino Médio

36ª OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁTICA Primeira Fase Nível 3 Ensino Médio 36ª OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁTICA Primeira Fase Nível 3 Ensino Médio Esta prova também corresponde à prova da Primeira Fase da Olimpíada Regional nos Estados de: AL BA ES MG PA RS RN SC Terça-feira,

Leia mais

III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti

III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti Regulamento Geral I Das Disposições Gerais Obs: A COMISSÃO É COMPOSTA pelos integrantes: Rafael Rangel, Sidnei

Leia mais

Algoritmos e Programação. Curso de Engenharia de Produção Prof. Ms. Rogério Cardoso rogerio.cardoso@aedu.com professor@rogeriocardoso.com.

Algoritmos e Programação. Curso de Engenharia de Produção Prof. Ms. Rogério Cardoso rogerio.cardoso@aedu.com professor@rogeriocardoso.com. Algoritmos e Programação Curso de Engenharia de Produção Prof. Ms. Rogério Cardoso rogerio.cardoso@aedu.com professor@rogeriocardoso.com.br 2012 Conteúdo e Objetivos da Aula Introdução a Linguagem C Revisão

Leia mais

36º CAMPEONATO DE INVERNO DE FUTEBOL DO ITAMIRIM NOVOS "B"

36º CAMPEONATO DE INVERNO DE FUTEBOL DO ITAMIRIM NOVOS B 36º CAMPEONATO DE INVERNO DE FUTEBOL DO ITAMIRIM CHAVE VERDE 1 PAIS E FILHOS / CAPITAL TRADE 2 PIRUIUSERS 3 FAMÍLIA SANDRI 4 NETMÍDIA DESIGN 5 MAMUTES 6 MBB 7 AL JAZIRAH CHAVE VERMELHA 1 TPT 2 MEC 3 CHOPPELADA

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa 2014. Ano: 6º Turma: 6.1

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa 2014. Ano: 6º Turma: 6.1 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: Matemática Professor (a): Flávia Lúcia Ano: 6º Turma: 6.1 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Trabalho Prático (Testes)

Trabalho Prático (Testes) Trabalho Prático (Testes) 1. Teste 1 Esse é o teste básico do trabalho prático. Para que o trabalho se encaixe no terceiro critério de avaliação (seção 3) da especificação do trabalho, tudo deve ocorrer

Leia mais

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10 1. TIPOS DE DADOS... 3 1.1 DEFINIÇÃO DE DADOS... 3 1.2 - DEFINIÇÃO DE VARIÁVEIS... 3 1.3 - VARIÁVEIS EM C... 3 1.3.1. NOME DAS VARIÁVEIS... 3 1.3.2 - TIPOS BÁSICOS... 3 1.3.3 DECLARAÇÃO DE VARIÁVEIS...

Leia mais

OBI2012 Caderno de Tarefas

OBI2012 Caderno de Tarefas OBI2012 Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível 1, Fase 1 1 de abril de 2012 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 2 HORAS Promoção: Patrocínio: v1.0 Olimpíada Brasileira de Informática OBI2012 1 Instruções LEIA

Leia mais

Estruturas de entrada e saída

Estruturas de entrada e saída capa Estruturas de entrada e saída - A linguagem C utiliza de algumas funções para tratamento de entrada e saída de dados. - A maioria dessas funções estão presentes na biblioteca . - As funções

Leia mais

Trabalho Final. Data da Submissão: das 8h do dia 16/06 às 24h do dia 17/06. Data da Entrega do Relatório: das 15h às 18h no dia 18/06.

Trabalho Final. Data da Submissão: das 8h do dia 16/06 às 24h do dia 17/06. Data da Entrega do Relatório: das 15h às 18h no dia 18/06. ICMC-USP ICC - SCC-0 Turmas B e D - º. Semestre de 00 - Prof. João Luís. PAE: Jefferson F. Silva. Trabalho Final Submissão Automática da implementação pelo sistema Boca (http://blacklabel.intermidia.icmc.usp.br/boca/scc00/.)

Leia mais

2 Um Primeiro Programa em C

2 Um Primeiro Programa em C 2 Um Primeiro Programa em C Ronaldo F. Hashimoto, Carlos H. Morimoto e José A. R. Soares OobjetivodessaaulaéintroduzirvocêàlinguagemCemambienteLinux,primeiramentemostrandoasua estrutura, e a seguir com

Leia mais

Programação Recursiva versão 1.02

Programação Recursiva versão 1.02 Programação Recursiva versão 1.0 4 de Maio de 009 Este guião deve ser entregue, no mooshak e no moodle, até às 3h55 de 4 de Maio. AVISO: O mooshak é um sistema de avaliação e não deve ser utilizado como

Leia mais

Resolverei neste artigo a prova de Raciocínio Lógico do concurso para a SEFAZ-SP 2009 organizada pela FCC.

Resolverei neste artigo a prova de Raciocínio Lógico do concurso para a SEFAZ-SP 2009 organizada pela FCC. Olá pessoal! Resolverei neste artigo a prova de Raciocínio Lógico do concurso para a SEFAZ-SP 2009 organizada pela FCC. 01. (SEFAZ-SP 2009/FCC) Considere o diagrama a seguir, em que U é o conjunto de todos

Leia mais

XVI OLIMPÍADA DE MATEMÁTICA DO SUL DA BAHIA Primeira Etapa 6º Ano Junho de 2014

XVI OLIMPÍADA DE MATEMÁTICA DO SUL DA BAHIA Primeira Etapa 6º Ano Junho de 2014 XVI Olimpíada de Matemática do Sul da Bahia Universidade Estadual de Santa Cruz UESC XVI OLIMPÍADA DE MATEMÁTICA DO SUL DA BAHIA Primeira Etapa 6º Ano Junho de 204 Nome: Escola: INSTRUÇÕES: a) Essa prova

Leia mais

REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD)

REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD) REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD) Campeonato O Campeonato será disputado em partidas online, utilizando o console Xbox ONE e o jogo FIFA 15, atualizado. Das inscrições As inscrições

Leia mais

Assim, de acordo com as regras do campeonato temos a seguinte tabela dos dois times:

Assim, de acordo com as regras do campeonato temos a seguinte tabela dos dois times: Raciocínio Lógico- Vinicius Werneck 1. Em um campeonato de futebol, a pontuação acumulada de um time é a soma dos pontos obtidos em cada jogo disputado. Por jogo, cada time ganha três pontos por vitória,

Leia mais

OBI2007 Caderno de Tarefas

OBI2007 Caderno de Tarefas OBI2007 Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível 2, Fase 1 17 de Março de 2007 A PROVA TEM DURAÇÃO DE DUAS HORAS LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO ANTES DE INICIAR A PROVA A prova deve ser feita

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL/MG. Projeto Institucional de Formação Continuada

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL/MG. Projeto Institucional de Formação Continuada 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL/MG Projeto Institucional de Formação Continuada Aprendizagem de Matemática Mediada por suas Aplicações 6 o Encontro: Matemática Financeira Professor José Carlos

Leia mais

1 Resumo: Strings e vetores de caracteres. Departamento de Ciência da Computação IME/USP

1 Resumo: Strings e vetores de caracteres. Departamento de Ciência da Computação IME/USP Departamento de Ciência da Computação MAC2166 Introdução a Computação IME/USP Strings e vetores de caracteres 1 Resumo: O uso de strings facilita a manipulação de palavras e textos. Strings são basicamente

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9. Introdução a linguagem C Estruturas de decisão

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9. Introdução a linguagem C Estruturas de decisão CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9 Introdução a linguagem C Estruturas de decisão Introdução à Linguagem C Linguagem compilada. Desenvolvida sobre os paradigmas de programação procedural. Uma das linguagens

Leia mais

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 8 COPA UNIVATES 2015 FUTEBOL DE CAMPO

Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 8 COPA UNIVATES 2015 FUTEBOL DE CAMPO Centro Universitário UNIVATES Complexo Esportivo 8 COPA UNIVATES 2015 FUTEBOL DE CAMPO REGULAMENTO DA PROMOÇÃO E ORGANIZAÇÃO: A promoção e a organização são do Centro Universitário UNIVATES/Complexo Esportivo

Leia mais

VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL. OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal.

VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL. OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal. VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal. ORGANIZAÇÃO O torneio será organizado e dirigido por uma Comissão Organizadora

Leia mais

Semana de 11 a 15 de agosto de 2014. A água no mundo

Semana de 11 a 15 de agosto de 2014. A água no mundo COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA - 2 ano Semana de 11 a 15 de agosto de 2014 Troca do livro 2 A, B, C e D terça-feira Leia o texto a seguir para fazer as lições de Língua Portuguesa

Leia mais

3 0 0 A 120 incorreto 3 431 A 130 incorreto A 200 incorreto 5 A 100 correto B 110 incorreto B 111 correto C 200 correto D 300 incorreto

3 0 0 A 120 incorreto 3 431 A 130 incorreto A 200 incorreto 5 A 100 correto B 110 incorreto B 111 correto C 200 correto D 300 incorreto Universidade Federal Fluminense - UFF Pólo Universitário de Rio das Ostras - PURO Faculdade Federal de Rio das Ostras - RFR Departamento de Ciência e Tecnologia - RCT Curso: Programação de Computadores

Leia mais

MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes

MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes Instituto de Computação Unicamp 5 de Maio de 2015 Roteiro 1 Strings Strings: Exemplos 2 Matrizes Exemplos com Matrizes 3 Exercícios (Instituto de Computação Unicamp) MC-102

Leia mais

Caderno de Problemas

Caderno de Problemas Seletiva para a Maratona da SBC 2010 FAGOC Faculdade Governador Ozanam Coelho Caderno de Problemas Problemas baseados nas maratonas da SBC dos anos anteriores e alguns criados por Marcelo Daibert Instruções:

Leia mais

Especificação do Trabalho Prático

Especificação do Trabalho Prático Especificação do Trabalho Prático O trabalho prático da disciplina consiste em desenvolver um programa utilizando a linguagem de programação C. A seguir, encontram-se a descrição do problema, a forma de

Leia mais

Plano de curso Básico em microinformática

Plano de curso Básico em microinformática Plano de curso Básico em microinformática www.athanazio.com outubro de 2007 Sumário Organização do material... 3 1. Introdução... 4 1.1 Dando nome aos bois... 4 1.2 Arquivos e pastas... 4 1.3 Navegando

Leia mais

Estudo de funções parte 2

Estudo de funções parte 2 Módulo 2 Unidade 13 Estudo de funções parte 2 Para início de conversa... Taxa de desemprego no Brasil cai a 5,8% em maio A taxa de desempregados no Brasil caiu para 5,8% em maio, depois de registrar 6%

Leia mais

3. VESTIBULAR 4. INSCRIÇÕES

3. VESTIBULAR 4. INSCRIÇÕES UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR 1 o SEMESTRE DE 2012 VAGAS REMANESCENTES S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) EDITAL N O 97 DE 07/12/2011 A UNIVERSIDADE POSITIVO,

Leia mais

Revisão 04 Capítulo 08 da Apostila - Modularização

Revisão 04 Capítulo 08 da Apostila - Modularização Campus Cachoeiro de Itapemirim Curso Técnico em Informática Disciplina: Programação 1 Professor: Rafael Vargas Mesquita Revisão 04 Capítulo 08 da Apostila - Modularização 1. EXERCÍCIO SOBRE ROCHAS ORNAMENTAIS

Leia mais

Estudo de funções parte 2

Estudo de funções parte 2 Módulo 2 Unidade 3 Estudo de funções parte 2 Para início de conversa... Taxa de desemprego no Brasil cai a 5,8% em maio A taxa de desempregados no Brasil caiu para 5,8% em maio, depois de registrar 6%

Leia mais

AULA INAUGURAL QUESTÕES DO ENEM ESTATÍSTICA. ETAPA SÉRIE ENSINO TURNO PROFESSORES 2ª 3ª Médio M/T

AULA INAUGURAL QUESTÕES DO ENEM ESTATÍSTICA. ETAPA SÉRIE ENSINO TURNO PROFESSORES 2ª 3ª Médio M/T MATEMÁTICA 2014 UNIDADE BH SÉRIES FINAIS AULA INAUGURAL QUESTÕES DO ENEM ESTATÍSTICA ETAPA SÉRIE ENSINO TURNO PROFESSORES 2ª 3ª Médio M/T Aluno(a): Nº: Turma: QUESTÃO 01 ENEM 2009 (prova cancelada) Cinco

Leia mais

Leia o texto a seguir para fazer as lições de Língua Portuguesa da semana: A água no mundo

Leia o texto a seguir para fazer as lições de Língua Portuguesa da semana: A água no mundo COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA - 2 ano 2 A e B C e D Semana de 17 a 21 de agosto de 2015 quinta-feira terça-feira Leia o texto a seguir para fazer as lições

Leia mais

Abril / 2016. 25 Segunda-feira 17h, 18h e 19h 25 e 26/04. 27 Quarta-feira 17h, 18h e 19h 27 e 28/04. 29 Sexta-feira 17h, 18h e 19h 29/04 e 02/05

Abril / 2016. 25 Segunda-feira 17h, 18h e 19h 25 e 26/04. 27 Quarta-feira 17h, 18h e 19h 27 e 28/04. 29 Sexta-feira 17h, 18h e 19h 29/04 e 02/05 Cursos Abril / 2016 25 Segunda-feira 17h, e 19h 25 e 26/04 27 Quarta-feira 17h, e 19h 27 e 28/04 29 Sexta-feira 17h, e 19h 29/04 e 02/05 Cursos Maio / 2016 02 Segunda-feira 17h, e 19h 02 e 03/05 04 Quarta-feira

Leia mais

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES Artigo 1 - A TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 é promovida, organizada e dirigida pela FEDERAÇÃO UNIVERSITÁRIA

Leia mais

Universidade Federal de Rondônia Técnicas de Desenvolvimento de Programas Lista 4

Universidade Federal de Rondônia Técnicas de Desenvolvimento de Programas Lista 4 Universidade Federal de Rondônia Técnicas de Desenvolvimento de Programas Lista 4 WHILE 1. Faça um comando while equivalente ao descrito abaixo (que realize o mesmo tipo de procedimento e obtenha o mesmo

Leia mais

ESTRUTURA DE DADOS -VARIÁVEIS COMPOSTAS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br

ESTRUTURA DE DADOS -VARIÁVEIS COMPOSTAS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br ESTRUTURA DE DADOS -VARIÁVEIS COMPOSTAS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br ROTEIRO Variáveis compostas homogêneas Arrays Vetores Matrizes Variáveis compostas heterogêneas Registros

Leia mais

Introdução à Programação e Algoritmos. Aécio Costa

Introdução à Programação e Algoritmos. Aécio Costa Aécio Costa Programação é a arte de fazer com que o computador faça exatamente o que desejamos que ele faça. O que é um Programa? Uma seqüência de instruções de computador, para a realização de uma determinada

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento composto conjunto das disposições que regem a Campeonato Brasileiro de Handebol dos Surdos 2015, nas categorias

Leia mais

Considerações: Leia a lista toda, o quanto antes, para evitar más interpretações e muitas dúvidas em cima da hora

Considerações: Leia a lista toda, o quanto antes, para evitar más interpretações e muitas dúvidas em cima da hora Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática Lista 4 Introdução a Programação Prof: Adriano Sarmento Data: 16/12/2013 Data de entrega: 07/01/2014 Considerações: Leia a lista toda, o quanto

Leia mais

PARCERIA APEA/SP E APCEF/SP

PARCERIA APEA/SP E APCEF/SP PARCERIA APEA/SP E APCEF/SP DATA / LOCAL: 26 e 27/09/2015 / CECOM - APCEF/SP REGULAMENTO TÉCNICO TRUCO Art. 1º. O torneio de Truco do V JOGOS DOS APOSENTADOS, será realizado de acordo com as regras estabelecidas

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

QUESTÃO ÚNICA MÚLTIPLA ESCOLHA

QUESTÃO ÚNICA MÚLTIPLA ESCOLHA PAG - 1 QUESTÃO ÚNICA MÚLTIPLA ESCOLHA 10,00 (dez) pontos distribuídos em 20 itens Marque no cartão de respostas a única alternativa que responde de maneira correta ao pedido de cada item: MATEMÁTICA 01.

Leia mais

MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO

MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO ANÁLISE COMBINATÓRIA ARRANJO SIMPLES PRINCÍPIO FUNDAMENTAL DA CONTAGEM (PFC) Importa a ordem dos elementos (PFC) n 1.n 2.n 3... total de possibilidades A p n ( n p)! Supondo que 5 colegas vão sair de carro,

Leia mais

Identifique todas as folhas Folhas não identificadas NÃO SERÃO COTADAS. Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa EXAME DE CÁLCULO I

Identifique todas as folhas Folhas não identificadas NÃO SERÃO COTADAS. Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa EXAME DE CÁLCULO I Identifique todas as folhas Folhas não identificadas NÃO SERÃO COTADAS Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa EXAME DE CÁLCULO I Ano Lectivo 009-10 - 1º Semestre Eame Final de ª Época em 0 de

Leia mais

XXXVIII OLIMPÍADA PAULISTA DE MATEMÁTICA Prova da Primeira Fase (9 de agosto de 2014) Nível (6 o e 7 o anos do Ensino Fundamental)

XXXVIII OLIMPÍADA PAULISTA DE MATEMÁTICA Prova da Primeira Fase (9 de agosto de 2014) Nível (6 o e 7 o anos do Ensino Fundamental) Instruções: XXXVIII OLIMPÍADA PAULISTA DE MATEMÁTICA Prova da Primeira Fase (9 de agosto de 2014) Nível (6 o e 7 o anos do Ensino Fundamental) Folha de Perguntas A duração da prova é de 3h30min. O tempo

Leia mais

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO S. EVENTOS COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS A COPA CEPEUSP DE FUTEBOL DE CAMPO tem como objetivo a integração dos docentes

Leia mais

RELATÓRIO DE PROGRAMAÇÃO II. Igor Bissoli. Ramon Bambini. Victor Melo

RELATÓRIO DE PROGRAMAÇÃO II. Igor Bissoli. Ramon Bambini. Victor Melo RELATÓRIO DE PROGRAMAÇÃO II Igor Bissoli Ramon Bambini Victor Melo 1) Descrição do Problema (Texto explicativo sobre o contexto do problema e uma identificação precisa do trecho escolhido para abordar

Leia mais

Pedido de Vale-Transporte COMPRA COM IMPORTAÇÃO DE ARQUIVO CONVERTA SUA PLANILHA

Pedido de Vale-Transporte COMPRA COM IMPORTAÇÃO DE ARQUIVO CONVERTA SUA PLANILHA Pedido de Vale-Transporte COMPRA COM IMPORTAÇÃO DE ARQUIVO CONVERTA SUA PLANILHA Prezado cliente, para apresentar as novas alterações do sistema de pedido on-line do Vale-Transporte Eletrônico, elaboramos

Leia mais

Manual do Participante

Manual do Participante Manual do Participante Sumário Considerações Gerais... 3 Introdução... 4 Funções do seu Painel de Controle... 4 Interagindo com outros participantes... 5 Descrição Geral do DNA... 5 Critérios de classificação

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7. DA SÉRIE A - 2014 e 2015

REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7. DA SÉRIE A - 2014 e 2015 REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7 DA SÉRIE A - 2014 e 2015 I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO Artigo 1º - O Campeonato Carioca 2014 - Série A, competição de organização

Leia mais

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1:

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1: Inteligência É a faculdade de criar objetos artificiais, especialmente ferramentas para fazer ferramentas. Henri Bergson. WHILE Além dos comandos if-else e switch, o controle de fluxo de um programa pode

Leia mais

Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico e Estatística - SEPLAG-2010 - APO

Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico e Estatística - SEPLAG-2010 - APO Resoluções comentadas de Raciocínio Lógico e Estatística - SEPLAG-010 - APO 11. O Dia do Trabalho, dia 1º de maio, é o 11º dia do ano quando o ano não é bissexto. No ano de 1958, ano em que o Brasil ganhou,

Leia mais

Introdução ao Processamento de Dados (IPD)

Introdução ao Processamento de Dados (IPD) Universidade Federal de Pelotas Instituto de Física e Matemática Departamento de Informática Introdução ao Processamento de Dados (IPD) Estrutura da Apresentação Conceitos Básicos Processamento de Dados

Leia mais

REGULAMENTO DE USO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA FESPSP

REGULAMENTO DE USO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA FESPSP Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo REGULAMENTO DE USO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA FESPSP ELABORADO POR: APROVADO POR: Jacqueline de Carvalho (Gerente de TI) Almiro Heitor (Diretor

Leia mais

Apresentação. Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida!

Apresentação. Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida! Apresentação Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida! A Vitae Tec A Vitae Tec é uma empresa de tecnologia que tem como missão oferecer serviços e produtos adequados às necessidades do cliente - pessoa física

Leia mais

CADASTRAMENTO DO CURRICULUM LATTES

CADASTRAMENTO DO CURRICULUM LATTES CNPq- PROGRAMA DE ESTUDANTES-CONVÊNIO DE PÓS-GRADUAÇÃO PEC/PG PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2011 COMO CADASTRAR O SEU CURRICULUM LATTES E SUBMETER SEU FORMULÁRIO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO CADASTRAMENTO DO CURRICULUM

Leia mais

LIGA ESPORTIVA OUROPRETANA REGULAMENTO ESPECÍFICO DAS COMPETIÇÕES DE 2015 PRIMEIRA E SEGUNDA DIVISÃO CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

LIGA ESPORTIVA OUROPRETANA REGULAMENTO ESPECÍFICO DAS COMPETIÇÕES DE 2015 PRIMEIRA E SEGUNDA DIVISÃO CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - As competições oficiais coordenadas pela Diretoria Técnica da LEO, doravante denominadas apenas competições, regerse-ão pelo presente Regulamento Específico

Leia mais

Fluxo de trabalho do Capture Pro Software: Indexação de OCR e separação de documentos de código de correção

Fluxo de trabalho do Capture Pro Software: Indexação de OCR e separação de documentos de código de correção Este procedimento corresponde ao fluxo de trabalho de Indexação de OCR com separação de código de correção no programa de treinamento do Capture Pro Software. As etapas do procedimento encontram-se na

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA Art. 1º O Torneio de Futebol Society tem por finalidade: A congregação dos graduandos, o fortalecimento dos laços de amizade e a camaradagem

Leia mais

A linguagem C oferece quatro estruturas de decisão: if, if-else, switch e o operador condicional.

A linguagem C oferece quatro estruturas de decisão: if, if-else, switch e o operador condicional. Capítulo 3 Comandos de Decisão A linguagem C oferece quatro estruturas de decisão: if, if-, switch e o operador condicional. O comando if O comando if instrui o computador a tomar uma decisão simples.

Leia mais

Aula 01. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios. Algoritmo e Programação. Prof. Fábio Nelson.

Aula 01. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios. Algoritmo e Programação. Prof. Fábio Nelson. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios Aula 01 Slide 1 BIBLIOGRAFIA SCHILDT H. C Completo e Total, Makron Books. SP, 1997. Curso de linguagem C da UFMG. ZIVIANI,

Leia mais

SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS

SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO EDITAL DE 25 DE MARÇO DE 2014 LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS O DIRETOR-GERAL DO INSTITUTO RIO BRANCO, no uso de suas atribuições,

Leia mais

Grande final: As duas equipes qualificadas disputam um Best of 3 pelo premio de R$ 400,00 para o 1º lugar e R$ 200,00 para o 2º lugar.

Grande final: As duas equipes qualificadas disputam um Best of 3 pelo premio de R$ 400,00 para o 1º lugar e R$ 200,00 para o 2º lugar. Copa Game Day Dota 2 Computador Etapas do Torneio A Copa Game Day Dota 2 será realizada em duas etapas: qualificatória online, e final presencial no evento Game Day, que será realizado nos dias 31 de outubro

Leia mais

Celebre este natal e ano novo junto aos seus amigos e familiares distantes.

Celebre este natal e ano novo junto aos seus amigos e familiares distantes. Celebre este natal e ano novo junto aos seus amigos e familiares distantes. Receba fotos e mensagens deles na TV de sua casa em tempo real e sem custo, não se preocupe mais com a distância! A festa será

Leia mais

Faculdade de Computação - UFMS

Faculdade de Computação - UFMS Faculdade de Computação - UFMS Destacom - Python Despertando Talentos em Computação Estrutura Condicional 1. Faça um programa que leia dois números e imprima o maior. Entrada: A primeira linha contém um

Leia mais

Maratona de Programação da SBC 2011

Maratona de Programação da SBC 2011 International Collegiate acm Programming Contest 2011 event sponsor Maratona de Programação da SBC 2011 Sub-Regional Brasil do ACM ICPC 1 de Setembro de 2011 Sessão de Aquecimento Instruções 1) Este caderno

Leia mais

Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++

Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++ Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++ 1. Introdução Em nossa primeira aula prática de programação em linguagem C iremos escrever e testar programas de computador básicos. Mas antes,

Leia mais

1º CAMPEONATO DE FUTEBOL CASTELINHO / SKOL 2015 TABELA DE JOGOS

1º CAMPEONATO DE FUTEBOL CASTELINHO / SKOL 2015 TABELA DE JOGOS Obs. Os jogos poderão sofrer alterações em datas e horários, com aviso antecipado aos representantes das equipes. 1ª RODADA - 22/08/2015 1 14h00 INTER x SÃO PAULO 3 15h00 VASCO x PALMEIRAS 5 16h00 AVAÍ

Leia mais

Armazenamento de Dados. Prof. Antonio Almeida de Barros Junior

Armazenamento de Dados. Prof. Antonio Almeida de Barros Junior Armazenamento de Dados Prof. Antonio Almeida de Barros Junior 1 Armazenamento de Dados Todos os dados que utilizamos até o momento, ficavam armazenados apenas na memória. Ao final da execução dos programas,

Leia mais

Prova do Nível 1 (resolvida)

Prova do Nível 1 (resolvida) Prova do Nível (resolvida) ª fase 0 de novembro de 0 Instruções para realização da prova. Verifique se este caderno contém 0 questões e/ou qualquer tipo de defeito. Se houver algum problema, avise imediatamente

Leia mais

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 PARTE GERAL Art. 1º - Denomina-se Grêmio de Ex-Alunos do Colégio de São Bento ( GEACSB ) o campeonato de futebol society organizado pela ALUMNI CSB-RJ e realizado anualmente

Leia mais

INF 1005 Programação I lista 12

INF 1005 Programação I lista 12 INF 1005 Programação I lista 12 Caracteres e cadeias de caracteres (strings) 1. [tarefa 42] Implemente e teste uma função que receba uma string como parâmetro e modifique essa string trocando todos os

Leia mais

Passos para recrutar voluntários

Passos para recrutar voluntários Passos para recrutar voluntários Encontrando o voluntário Faça um - mostrando o que Deus está fazendo no ministério Coloque no boletim um Em todos os eventos do ministério que levantam outras pessoas passe

Leia mais

Algoritmos e Estruturas de Dados I 01/2013. Arquivos. Pedro O.S. Vaz de Melo

Algoritmos e Estruturas de Dados I 01/2013. Arquivos. Pedro O.S. Vaz de Melo Algoritmos e Estruturas de Dados I 01/2013 Arquivos Pedro O.S. Vaz de Melo Problema 1 Considere que um arquivo de dados contém os valores das dimensões (tam. max.: 100) e dos elementos de duas matrizes

Leia mais