Centenas de famílias sofrem com atraso de apartamentos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Centenas de famílias sofrem com atraso de apartamentos"

Transcrição

1 GOIÂNIA, QUARTA-FEIRA, 8 DE JULHO DE ANO 11 - Nº FUNDADO EM 23 DE ABRIL DE 2004 k Exportações goianas batem recorde para mês de junho As exportações goianas atingiram U$ 657 milhões, valor considerado o melhor da história, para o mês de junho, pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado. Numa análise técnica, no entanto, o crescimento se deve a fatores sazonais, que retardaram as exportações, acumulando volumes para o mês de junho. >> P 11 Centenas de famílias sofrem com atraso de apartamentos Apartamentos de três torres do condomínio Tropicale, na região Noroeste de Goiânia, tinham prazo de entrega previsto para maio de A última previsão, no entanto, é para novembro deste ano. Enquanto isso, as 480 famílias que compraram as moradias seguem esperando e temem novos adiamentos. A reportagtem não conseguiu retorno da Construtora Borges Landeiro, que em dezembro do ano passado dissera ao O HOJE que só faltava o habite-se e que seriam entregues este ano. >> P 3 k ARMAS NÃO LETAIS NA PM Andre Costa ESSÊNCIA k Com cara infantil, Bichos de Cá é também para adultos Disco do grupo Nhambuzim começa a encantar pela bela capa, e é para todas as idades, com missão de unir pais e filhos numa experiência em comum. >> P 15 k Maior festa julina do Centro-Oeste começa com Elba Ramalho Arraiá do Cerrado, no estacionamento do Serra Dourada, promovido pelo Governo de Goiás, começa hoje às 19 horas e até dia 12 apresentará várias atrações musicais regionais e nacionais, fechando com show de Michel Teló. Além disso, o evento exalta a cultura regional e caipira. >> P 20 ESPORTES Julinho Camargo chega hoje para comandar o Goiás Depois de descartar Paulo Roberto Falcão, o Goiás finalmente anunciou seu novo técnico. Julinho Camargo (foto) chega hoje em Goiânia para comandar o alviverde na sequência da Série A. Ele vai assistir ao jogo entre Goiás e Santos, esta noite, no Serra Dourada. >> P 7 Atlético sofre virada e perde em casa para o ABC >> P 8 CIDADES Pra muitos romeiros, a festa de Trindade ainda não acabou Danilo Bueno Passados dois dias do término da Festa do Divino Pai Eterno, romeiros ainda viviam o clima de festa ontem em Trindade. Muitos prolongaram os dias de visita para conhecer melhor a cidade e aproveitar as promoções de fim de festa no comércio. Para atender os romeiros, missas de hora em hora foram celebradas, e assim deve continuar até o próximo final de semana. >> P 9 A tarde de ontem foi de demonstração do uso de armamento não letal (foto) na sede da Academia de Polícia Militar, em Goiânia. O treinamento fez parte de simpósio sobre tecnologias empregadas por força policial. O uso de armas de menor potencial ofensivo, já adotado pela PM, foi regulamentado por lei federal sancionada pela presidente Dilma Rousseff em >> P 10 POLÍTICA Paulo Garcia vai ao Vaticano a convite do papa O prefeito Paulo Garcia integrará o grupo de sete prefeitos brasileiros que visitarão o Vaticano a convite do Papa Francisco, no próximo dia 21. O papa convidou 50 gestores municipais de vários países para uma reunião com vistas a discutir questões relativas ao meio ambiente, tema da encíclica divulgada no mês passado. Ontem, Paulo esteve com o arcebispo dom Washington Cruz para uma conversa sobre a viagem. >> P 6 POUPANÇA: 0,682% OURO: R$ 118,90 DÓLAR: (paralelo) R$ 3.36 DÓLAR: (comercial) R$ EURO: (Comercial) R$ BOVESPA: +0.37% BOI GORDO: (Média) R$ 130,53 FALE COM A GENTE QUINA Concurso DUPLA SENA Concurso º sorteio: º sorteio: ATENDIMENTO COMERCIAL: (62) CLASSIFICADOS: (62) CIRCULAÇÃO: (62) m26ºc q16ºc Sol, alternando com pancadas de chuva e possíveis trovoadascom chuva a qualquer hora. Umidade relativa do ar variando entre 43% e 74%.

2 r2 >> Goiânia, quarta-feira, 8 de julho de 2015 POLÍTICA Atrasou A Secretaria da Fazenda confirmou em nota que só realiza o pagamento da segunda parcela dos salários dos servidores estaduais hoje, um dia depois do prazo estabelecido que é o quinto dia útil do mês. Relatividade No entanto, a secretária Ana Carla Abrão já manifestou entendimento de que o depósito poder ser feito, legalmente, até o dia 10 de cada mês. Como diz o provérbio, durma com esse barulho. Virou tabu Curiosidade da pauta nacional sobre doações a campanhas presidenciais: os 20 maiores fornecedores da Petrobras contribuíram com R$ 38,5 milhões para Aécio Neves (PSDB), em O grupo que inclui Odebrecht, UTC e Queiroz doou R$ 29,9 milhões a Dilma Rousseff (PT). Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Interesse O diretor da Enel, maior companhia de eletricidade da Itália, Marcelo Ramon Castillo, afirmou ao jornal Valor Econômico que a empresa está muito interessada na renovação de distribuidoras brasileiras, entre elas a Celg. Renovação XADREZ RUBENS SALOMÃO A posição representa interesse, por conseguinte, na compra da companhia goiana. A renovação da concessão, como antecipado pelo O HOJE, será confirmada em agosto. O Tribunal de Contas da União (TCU) apresentou ressalvas à prorrogação, que parecem ter sido Lúcia Vânia critica Fórum Brasil Central Apesar de elogiar a iniciativa do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e os de outros quatro estados (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Distrito Federal), a senadora Lúcia Vânia (sem partido) não deixa de criticar a forma de estruturação da discussão iniciada na última semana pelo 1º Fórum de governadores do Brasil Central. A ex-tucana é histórica defensora da integração da Região Centro-Oeste e não vê lógica no fato de as reuniões não incluírem parlamentares. A primeira foi importante, mas não se pode fazer uma reunião de integração sem a presença dos parlamentares, porque são eles que vão votar, argumenta a senadora. Inclusive, os projetos que ampliam a capacidade de investimento da região e o Senado cuida dos recursos do Estado. Eu não entendo uma discussão da região sem os parlamentares estaduais e federais junto com o Executivo. Até porque nada vai acontecer sem passar pelo Senado, disse à Xadrez. A primeira reunião do Fórum Brasil Central foi coordenada por Perillo, em Goiânia, e a próxima será realizada no dia 7 de agosto, em Cuiabá. Instituição fantasma A senadora Lúcia Vânia ainda discordou do ministro de Assuntos Estratégicos, Roberto Mamgabeira Unger, que caracterizou a Sudeco de instituição fantasma, que não saiu do papel e precisa ser trazida à vida. Desconhecimentio Eu não diria que é fantasma e tenho a impressão de que ele não deve conhecer bem a estrutura. A Sudeco tem hoje um fundo de infraestrutura que fez com que, no ano passado, pudéssemos completar o FDCO com R$ 1,4 bilhão, defende a senadora. NÃO SOU O ARTICULADOR POLÍTICO DO GOVERNO O vice-governador do Estado, José Eliton (PP), negou ontem assumir o papel de articulador político do Governo, apesar da impressão, já divulgada aqui, de deputados aliados que percebem movimentações frequentes do pepista com vistas à unidade e até ampliação da base aliada. As conversas teriam a intenção de definir apoios para a as eleições municipais de 2016, mas, principalmente, sua própria viabilidade em 2018, quando deverá ser candidato natural ao Palácio das Esmeraldas. Em momento algum eu me coloco na condição de articulador político do Governo. Não tenho credencias para isso e não atuo neste sentido. Atuo politicamente em nome do PP, fez questão de destacar à Coluna o presidente regional da sigla. Sobre a direção do partido, Eliton confirma que busca a união de toda a base do Governo em torno de projeto único para a prefeitura de Goiânia. Eu tenho conversado com praticamente todos os presidentes dos partidos e tenho sentido que há uma sintonia muito grande. Claro, que existem questões que em vezes precisam ser superadas, mas nós vamos avançando, afirmou, ao citar o projeto independente do PTB para Tá na base O vice-governador voltou a analisar partidos que consideram outros caminhos que não o apoio a candidatura única da base em Goiânia, como PTB e PSD. São aliados e, inclusive, têm sua representatividade com participação no governo. Pergunta André Saddi Não custa questionar. Se não é José Eliton o articulador político do Governo Estadual, então quem é? Cassação de mandato causará nova eleição Contas de Dilma são regulares garante ministro Comissão do Senado que analisa projeto da Reforma Política aprova realização de novo pleito em caso de saída do titular de cargo executivo ma nova eleição deve ser realizada caso a Justiça Eleitoral determine a perda de mandato de prefeito, governador ou presidente. Hoje, o segundo colocado na disputa pode assumir o cargo caso o vencedor não tenha atingido 50% dos votos válidos em determinado pleito. A medida foi aprovada ontem em comissão do Senado Federal sobre a reforma política -num momento em que o fim antecipado do mandato da presidente Dilma é cada vez mais defendido pela oposição. Segundo o texto aprovado, a regra vale a partir do momento em que a decisão da Justiça tiver transitado em julgado (em caráter definitivo, sem possibilidade de mais recursos). A mudança vale a partir das eleições de A proposta precisa ser votada em plenário do Senado, para então seguir para a Câmara dos Deputados. "Hoje, normalmente assume o segundo [colocado na disputa], quando é no segundo turno. Tem municípios do Brasil que já estão no terceiro prefeito. Temos que acabar com essa discussão na Justiça e fazer prevalecer a vontade popular", disse o senador Romero Jucá (PMDB-RO), autor da proposta. "Se alguém eleito for cassado, efetivamente nessa nova regra haverá nova eleição e portanto a população vai decidir", concluiu. Defesa Presidente do grupo, o senador Jorge Viana (PT-AC) também defendeu a realização obrigatória de uma nova eleição. "Hoje tem uma batalha de escritório de advocacia em toda eleição: antes, durante e depois. Isso a gora acaba." A Constituição prevê que "vagando os cargos de presidente e vice-presidente da República, será realizada nova eleição noventa dias depois de aberta a última vaga". O texto estabelece ainda que " ocorrendo a vacância nos últimos dois anos do período presidencial, a eleição para ambos os cargos será feita 30 dias depois da última vaga, pelo Congresso Nacional, na forma da lei". Os ministros do TSE tem aplicado em casos de cassação de governadores e prefeitos o artigo 224 do Código Eleitoral, determinando a realização de novas eleições diretas quando o cassado teve mais de 50% dos votos válidos, o que provocaria a nulidade desses votos. Nesses casos, uma nova eleição deve ser agendada entre 20 e 40 dias pela Justiça Eleitoral. Partidos nanicos A comissão aprovou ainda dois projetos que exigem número mínimo de diretórios permanentes nos Estados e municípios para que determinado partido tenha acesso ao Geraldo Magela/Agência Senado Presidente de Comissão senador Jorge Viana (PT) defende nova eleição em casos de cassação fundo partidário e ao tempo de propaganda partidária. O texto deve ter maior impacto sobre legendas de menor porte. Ficou definido, por exemplo, que para acesso aos recursos do fundo partidário, uma determinada sigla deverá ter, até 2018, diretórios permanentes em ao menos 10% dos municípios brasileiros, além de estar presente em metade dos Estados mais um. O tempo de propaganda partidária ainda dependerá do número de deputados federais eleitos por determinado partido. A cada semestre, o programa em cadeia nacional deverá ter até dois minutos para as legendas que elegeram até quatro deputados federais. Esse tempo pode subir para dez minutos a partir da presença de ao menos dez congressistas na Câmara dos Deputados. (Folhapress) O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse ontem que todas as operações financeiras feitas pelo governo estão dentro da lei. São operações que foram objeto de aprovação pelo próprio Tribunal de Contas da União [TCU)] em exercícios anteriores; são operações que têm por objetivo adaptar a política fiscal para uma melhor evolução da economia, disse Barbosa, ao deixar a sala da liderança do PT na Câmara dos Deputados. O governo tem até o dia 22 deste mês para explicar pontos questionados pelo TCU, responsável pela análise das contas do Executivo. No último dia 17, o TCU adiou por 30 dias o julgamento das contas de 2014 do governo federal. O ministro Augusto Nardes pediu explicações sobre indícios de irregularidades apontadas pelo tribunal, por descumprimento das leis de Responsabilidade Fiscal e Orçamentária Anual. Na noite de segundafeira (6), a presidenta Dilma Rousseff reuniu-se com ministros, presidentes e líderes de partidos da base aliada no Congresso Nacional para apresentar as justificativas. O ministro Nelson Barbosa e o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, repassaram as explicações aos parlamentares petistas. Segundo Barbosa, a questão é complexa e técnica, apesar de parecer bastante política. O TCU elencou 13 perguntas. É um tema complexo que exige explicação detalhada para que as pessoas possam entender melhor o que cada ponto inclui. É um trabalho para melhorar a informação e transmitir a posição do governo, disse o ministro. Justificativa O advogado-geral da União explicou que o parecer do TCU será analisado pelo Congresso Nacional e que, por isso, houve a conversa com a bancada do partido. Ele negou que haja posicionamento político do tribunal nos questionamentos feitos às contas do governo. [O TCU] Está agindo de acordo com o julgamento. Agora, o tribunal compreendeu que é necessário ter um contraditório, avaliou. Adams disse que os questionamentos foram entendidos como regulares no passado e garantiu que as explicações serão enviadas no prazo definido pelo tribunal. Não vemos necessidade de pedir mais tempo. Os elementos que nós temos estão sendo colecionados; estão bem sistematizados. Todas as áreas do governo envolvidas estão trabalhando com dedicação, disse. (Agência Brasil)

3 Goiânia, quarta-feira, 8 de julho de 2015 TEMA DO DIA >> 3 keditorial A melhor política O componente emocional tem prevalecido diante da questão da maioridade penal. A maioria da população se manifesta favorável a que adolescentes, a partir de 16 anos, sejam punidos criminalmente, quando for o caso. A causa geradora de menores infratores está inserida num ambiente do qual ele é mais vítima e menos agente do crime. Por esta razão, o debate em torno da questão exige maior aprofundamento. Deve-se levar em conta as consequências decorrentes da punição pura e simples. Ela não pode ser um ato de vingança de um Estado que não cumpre sua função constitucional de agir eficientemente para reduzir os crescentes índices de desequilíbrios sociais. Existem levantamentos comprovando que os 54 países que reduziram a maioridade penal não viram cair os índices de violência envolvendo os menores de 18 anos. A Alemanha e a Espanha, inclusive, voltaram atrás na decisão de criminalizar menor de 18 anos. Hoje, 70% dos países estabelecem 18 anos como idade penal mínima. É preciso olhar o problema com uma visão mais ampla e ter em conta que, no caso brasileiro, não basta adotar nova lei se o Estado não as cumpre. Não é uma hipótese, mas uma realidade que ocorre em nosso país, a serem levados em conta os artigos 5º e 6º da Constituição, que asseguram a todos os direitos fundamentais como educação, saúde e moradia, etc. Como já é sobejamente constatado, esses direitos são negados a grande parte da população. É notória a condição de vulnerabilidade dos milhares de jovens, sem acesso a uma educação de qualidade, sem oportunidade de praticar esportes e lazer, ou sem o amparo familiar. Há ainda um fator fundamental a ser levado em conta antes de elevar a punição aos jovens menores de 18 anos. O Estatuto da Criança e do Adolescente contém seis medidas educativas: advertência, obrigação de reparar o dano, prestação de serviços à comunidade, liberdade assistida, semiliberdade e internação. Ou seja, o adolescente pode ficar até 9 anos em medidas socioeducativas, sendo três anos interno, três anos em semiliberdade e três em liberdade assistida, tendo o acompanhamento do Estado para garantir sua reinserção na sociedade. Criminalizar o jovem menor de 18 anos e condená-lo a uma prisão equivale a matriculá-lo na escola do crime, preparando-o para novos atos criminosos, já que está provada a deficiência de nossas prisões. O sistema penitenciário brasileiro não cumpre sua função social de controle, reinserção e reeducação dos agentes da violência. Portanto, o menor de 18 anos, em contato com esse ambiente nefasto, só irá absorver lições de transgressão, ampliando, pelo contágio, a escalada da violência. A maneira mais eficaz de combater o aumento da criminalidade entre os menores de idade é investir em medidas socioeducativas, sob a coordenação de entidades estruturadas e credenciadas para tal, com a supervisão do Estado. Nenhuma sociedade está livre de ver parte de sua juventude praticando atos criminosos, mas já está comprovado que as nações que mais investem em educação, lazer comunitário e esportes vêm obtendo melhores taxas de redução da violência entre os adolescentes. Retirá-los da condição de vítimas de um Estado omisso é a melhor política. Casa própria: sonho adiado por mais de 2 anos CYNTHIA COSTA sonho da casa própria tem sido um pesadelo, pelo menos para um grande número de famílias que aguardam a conclusão de três torres no Condomínio Borges Landeiro Tropicale, na região Noroeste de Goiânia. A construtora previa que os edifícios seriam entregues em maio de 2013, mas adiou a entrega para junho daquele ano e, agora, o novo prazo é novembro de 2015, ou seja, mais de dois anos de atraso. O caso foi denunciado pelo O HOJE em dezembro do ano passado e clientes do empreendimento, ouvidos pela reportagem, informam que 480 famílias aguardam ansiosas a conclusão das obras. É o caso da professora Lucilda Nascimento, 50 anos, que paga R$ 1.100,00 de aluguel e condomínio em um apartamento na região, enquanto seu apartamento não fica pronto. Moro lá há nove meses, pois tive que mudar por causa da distância e do preço da gasolina. Ela conta que a alegação da construtora para o atraso seria a demora no fornecimento de material. A professora diz que as obras continuam, devagar, mas continuam. Lucilda afirma que já foi feito 90% das obras. As torres 11 e 12, Grumari e Búzios, estão mais atrasadas devido às portas que ainda não tinham chegado. Ela comenta que os apartamentos da torre 11 já estão recebendo essas portas nessa semana e o subsolo está quase 100% pronto. A vendedora Carmem Lucia Correa, 45 anos, também está tendo que pagar aluguel e a prestação de seu apartamento, ainda inconcluso. Ela conta que comprou o imóvel em 2011, com a promessa de que fosse entregue em julho de Paguei R$ ,00 reais, com uma entrada de R$ ,00, prestações de R$ 320,00 e seis balões de cerca de R$ 1.200,00 até sair o financiamento. Ao buscar explicações junto à construtora, Carmem revela que os representantes da empresa sempre diziam que sua casa seria entregue no dia 30 de cada mês. Só que esse dia 30 nunca chega. Agora, soubemos que o prazo ficou para o dia 30/11, ou seja, serão mais quatro meses de espera, reclama. Ilusão Caroline Winter, 24 anos, engenheira química e professora, e o marido, Vinícius Pais, 26, também engenheiro químico, moram em Nazário e reclamam dos gastos que precisam fazer todos os meses com aluguel e passagens de ônibus. Pagamos aluguel de R$ 650,00 e mais R$ 400,00 de passagens de ônibus para ir e vir para meu serviço aqui em Goiânia. Ela revela que perde mais de duas horas para chegar ao trabalho e em casa. Como o marido passou em um concurso naquela cidade, Caroline conta que tiveram que alugar uma casa, mas decidiram comprar o apartamento para facilitar o trânsito entre o trabalho dela e o do marido. Acreditamos que ficaria pronto em 30 de novembro de 2013, porém foi apenas ilusão Portas Vanessa Loup de Oliveira, 29 anos, e o esposo Jonathan de Sá, 31 anos, ambos comerciantes, compraram o apartamento em 2011 com a promessa de mudar em junho de Moramos de aluguel e pagamos R$ 900,00 em uma casa, no Setor Nova Esperança, na região Noroeste, há três anos. Cansada de tanta espera inútil, Vanessa se confessa arrependida pela compra. É um sonho que virou pesadelo porque o prédio nunca fica pronto!. Para saber o motivo pelo atraso nas obras, Vanessa disse que os moradores costumam ligar para o engenheiro responsável pela obra e a resposta é, invariavelmente, que as portas não chegaram. Uma das moradoras questionou de onde elas vêm e a explicação é que são de Santa Catarina. Todos os moradores, de acordo com ela, questionam se essas portas não poderiam ser compradas aqui, mas ninguém sabe explicar porque foram adquiridas em outro estado. Nove torres Por meio de nota, o presidente da Borges Landeiro, Dejair José Borges, respondeu à reportagem de O HOJE e afirmou que o empreendimento tem apartamentos divididos em 12 torres, todos eles prontos. Dessas torres já foram entregues nove e as demais estão em fase de limpeza Mais de 480 famílias aguardam final das obras em conjunto residêncial da Borges Landeiro. Novo prazo para entrega das demais torres é novembro deste ano k PARA O SONHO NÃO VIRAR PESADELO 1) Leia atentamente o contrato e pedir uma cópia; 2) Solicitar a cópia do memorial descritivo (documento que define todos os materiais a serem utilizados na obra como tinta, louças e forro) 3) Verificar se existe alvará de construção; 4) Verificar se o memorial descritivo está registrado; 5) Confirmar se o habite-se já foi liberado. 6) No caso de financiamento, o consumidor deve verificar as taxas de juros, o tipo de financiamento, e se adéqua às condições de pagamento do usuário. 7) Não usar intermediários para fazer financiamento (um despachante) 8) No caso de imóvel usado, checar se as certidões dele estão atualizadas e se não existem dívidas pendentes. 9) Desconfiar se o imóvel está muito barato. Nesses casos, alguma coisa não está adequada. 10) Tudo o que for combinado deve constar por escrito no contrato; 11) Guardar todo o material publicitário que contenha ofertas e/ou promoções. Fonte: Procon Goiás para que a entrega seja feita nos próximos dias. Na época da primeira reportagem de O HOJE sobre o caso, o presidente da Borges Landeiro afirmou que a previsão de entrega dos apartamentos restantes era para o final do ano passado e que a pendência seria a liberação do habite-se, por parte da Prefeitura. Não cumprimento de contrato é a principal reclamação A assessora geral do PROCON Goiás, Rosânia Nunes, revela que em 2013, o órgão recebeu reclamações sobre atrasos e outros problemas em empreendimentos imobiliários. Em 2014, foram 1.080; e neste ano, o número chega a quase 600 (582). Ela explica que as queixas são feitas pelo Sistema Nacional de Informações e Defesa do Consumidor (Sindec) que possui um filtro de ocorrências, que mostra os assuntos mais reclamados nessa área imobiliária são: o não cumprimento do contrato, devolução de valores pagos e qualidade da construção. De acordo com a assessora do PROCON, o não cumprimento de contrato é a principal reclamação dos consumidores que se aventuram a comprar um imóvel. E dentro desse descumprimento de acordo está o atraso na entrega do imóvel; obras em descordo com o que foi combinado, especialmente, relativo a qualidade dos materiais usados; Em segundo, devolução do sinal e dos valores pagos quando o negócio não é concluído; normalmente, a pessoa paga uma entrada e tenta financiar o imóvel e, por algum motivo não consegue esse financiamento e o dinheiro não é devolvido, em partes ou nada. Depois vêm as cobranças abusivas, incluindo taxas de juros e cobrança de condomínio antes da entrega das chaves. Outra reclamação frequente dos clientes é sobre os reajustes dos valores das parcelas. Por fim, defeitos e desconformidades da obra figuram entre os itens alvos de muitas reclamações por parte dos consumidores. Ações Rosânia relata que, em 2015, o Procon registrou seis processos de investigação preliminar visando apurar irregularidades praticadas por incorporadoras e construtoras. Ao constatar as infrações, ela revela que o órgão ajuizou uma ação civil pública. O poder judiciário proibiu, em decisão liminar, às empresas fazer propaganda enganosa quanto ao prazo da entrega e à inclusão de cláusulas de prazo de tolerância abusivos nos contratos. Ela explica que o juiz também concedeu a suspensão das cobranças de despesas das taxas de água, condomínio, IPTU e energia elétrica de todas as unidades habitacionais cujas chaves não foram entregues. Inclusive, com multa diária de R$ ,00 para os casos de descumprimento. Rosânia esclarece que o PROCON Goiás também pretende ajuizar ações civis publicas contra construtoras e incorporadoras que não estão cumprindo prazo de entrega e praticam outras ações do mesmo gênero. Como agir Rosânia orienta ao consumidor registrar a reclamação perante o PROCON Goiás, que tenta resolver o problema administrativamente. O representante da empresa e o consumidor são convocados para uma audiência de conciliação. Além dessa ação, conforme a assessora do órgão, o consumidor também pode entrar com ação no poder judiciário visando indenização por danos morais e materiais que tenha sofrido. Ela explica que, em caso de atraso quando a pessoa desiste do imóvel, é feita negociação para devolução do dinheiro. Normalmente, a saída é a ação no poder judiciário para reaver os valores pagos, a título de aluguel ou lucros cessantes (quando o proprietário deixou de ganhar com o imóvel).

4 r4 >> Goiânia, quarta-feira, 8 de julho de 2015 OPINIÃO JURÍDICA MARÍLIA COSTA E SiLvA Tribunal goiano desbloqueia R$ 145 milhões e revisa cálculos a favor da Agetop A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) acolheu os recursos interpostos pela Procuradoria Geral do Estado de Goiás (PGE-GO) contra decisões do juiz Ari Ferreira de Queiroz, o qual havia bloqueado R$ 145 milhões em execução movida por engenheiros. Por ter recaído sobre recursos de financiamento, o bloqueio geraria vencimento antecipado de empréstimos tomados pelo Estado no total de R$ 3 bilhões, causando prejuízos às contas públicas. A decisão original também impedia o pagamento do salário de mais de 800 servidores da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), até que a mesma foi liminarmente suspensa pelo presidente do TJGO, no final do ano de Segundo estimativa da PGE-GO, responsável pela elaboração das peças processuais do Estado e da Agetop, o valor devido corresponde a menos de um sexto do total de R$ 145 milhões. O juiz substituto em segundo grau e relator dos recursos, Delintro Belo de Almeida Filho, observou que os cálculos do ex-magistrado Ari Ferreira de Queiroz desrespeitavam a sentença executada, as decisões do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e a própria legislação. Desta forma, foi determinada a revisão dos cálculos pela Contadoria Judicial. Novo estatuto fixa pena de prisão para quem discriminar pessoa com deficiência Foi sancionada ontem, pela presidente Dilma Rousseff (PT), o Estatuto da Pessoa com Deficiência, espécie de marco legal para pessoas com algum tipo de limitação intelectual ou física. A lei classifica o que é deficiência, prevê atendimento prioritário em órgãos públicos e fixa pena de reclusão de 1 a 3 anos para quem discriminar pessoas com esse perfil. De acordo com o texto, aprovado em junho pelo Congresso, a pena é ampliada em 1/3 se a vítima encontrar-se sob responsabilidade do agente e pode chegar a 5 anos de prisão caso a discriminação seja cometida por meios de comunicação social. Apropriar-se de bens e benefícios de pessoas com deficiência também pode render reclusão, de até 4 anos. A norma cria ainda o auxílio-inclusão, que será pago às pessoas com deficiência moderada ou grave que entrarem no mercado de trabalho, e a reserva 10% das vagas nos processos seletivos de curso de ensino superior, técnico e tecnológico. ASSASSINATO DE POLICIAIS AGORA É CRIME HEDIONDO A presidente Dilma Rousseff sancionou ontem, sem vetos, a lei que torna crime hediondo o assassinato de policiais civis, militares, rodoviários e federais, além de integrantes das Forças Armadas, da Força Nacional de Segurança Pública e do sistema prisional, seja no exercício da função ou em decorrência do cargo ocupado. A nova legislação, aprovada pelo Congresso, em junho, também estabelece o agravamento da pena quando o crime for cometido contra parentes até terceiro grau desses agentes públicos de segurança e for motivado pelo parentesco deles. Esses tipos de homicídio especificamente serão considerados qualificados, o que aumentará a pena do autor do crime. A pena vai variar de 12 a 30 anos de prisão, maior que a pena para homicídio comum, de seis a 20 anos. Também foi aumentada em dois terços a pena para casos de lesão corporal contra esses agentes de segurança pública ou a parentes deles. PEC VEDA O NEPOTISMO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Tramita na Assembleia Legislativa, o Projeto de Emenda Constitucional n 2311/15, dos deputados Ernesto Roller (PMDB), Isaura Lemos (PC do B), Álvaro Guimarães (PR) e Talles Barreto (PTB), entre outros deputados, que veda a prática de nepotismo em todas as esferas da administração pública no Estado de Goiás. A PEC também estende o seu alcance ao Ministério Público e aos Tribunais de Contas do Estado e dos Municípios. O texto trabalha o nepotismo em duas partes: O direto, que engloba o universo administrativo organizacional no âmbito de atuação do agente público responsável pela indicação familiar. O indireto, que se relaciona com as denominadas nomeações cruzadas ou de reciprocidade, e com as contratações por empresas terceirizadas, e por empresas prestadoras de serviços públicos, além de organizações sociais. PLANTÃO JUDICIÁRIO O juiz substituto em segundo grau Fábio Cristóvão de Campos Faria (foto) será o responsável pelo plantão no Tribunal de Justiça de Goiás até o próximo dia 13. Nesse período, ele atenderá pelos telefones (62) e (62) k RÁPIDAS k Entrou em vigor, a Lei /15, que assegura proteção ao patrimônio do novo cônjuge ou companheiro do devedor de pensão alimentícia. A norma altera a lei 8.009/90, que dispõe sobre o bem de família, para garantir que, caso um dos cônjuges seja obrigado a vender o único bem de família e este for de propriedade dos dois, a metade da pessoa do novo casamento ficará intocada. Rosenwal Ferreira é jornalista e publicitário k Dilma tem que ficar no cargo até o fim ntragáveis repetições que lembram filmes classe B fazem a rotina da politiquice brasileira. Para quem possui memória curta, o PT, com todos os penduricalhos de Lula babando impropérios, azucrinou a vida de Fernando Henrique com o mantra Fora FHC. Transformado em vidraça, está sofrendo as agruras e recebendo o troco com os gritos que tentam expulsar Dilma Rousseff do trono do poder. Faz parte. Evidente que Dilma cometeu estelionato eleitoral prometendo o que não podia cumprir e realizando o que jurou não fazer. A mulher é um poço de contradições, não tem as qualificações necessárias ao cargo, mentiu a granel e ainda por cima mantém um temperamento que azeda Deus e todo o mundo. Mas quem disse que esses defeitos não existem em administradores da oposição? Faz parte do jogo de enganações venderem falácias ao povão e em todos os recantos existem eleitos com temperamento podre. Nem por isso merecem ser afastados. O azar é do contribuinte, claro que é, mas compõe as boas lições da democracia. Parecem existir poucas dúvidas que houve abuso do poder econômico nas eleições e que a turma no poder extrapolou nas chamadas pedaladas fiscais. Mesmo assim e daí? Mais uma vez tem que ser lembrado que essas diatribes não representam uma prerrogativa da auto-intitulada presidenta. Se A saída de Collor fez um bem à nação. Provou a solidez das instituições e erradicou uma turma de larápios. A saída de Dilma, estou convicto disso, apenas explodiria um vulcão de problemas dividindo ainda mais a nação. fosse extirpar do comando políticos com esse perfil, iam sobrar poucos. Dilma Rousseff, assim como o padrinho Lula, que procura sem nenhum sucesso se desvencilhar dela, urge permanecer com as agruras que alinhou. Deve amargar dissabores, comer o pão que o diabo amassou e corrigir erros. Foi eleita para tocar o barco. Agora tolera o tranco. A oposição pode, e claro que vai, soltar fogo pelas ventas, arrotar cobras e lagartos, mas jamais flertar com o rito democrático. Os arautos do impeachment vão dizer que as provas são contundentes, que faz parte da legislação ordenar a iniciativa e que Dilma, assim como aconteceu com Collor, apodreceu no cargo. Para o bem da nação é melhor não confundir as duas coisas. Como a saída de um governante é um fato com tremenda octanagem política, e que às vezes tem pouco a ver com a legislação em si, é necessário cautela. A saída de Collor fez um bem à nação. Provou a solidez das instituições e erradicou uma turma de larápios. A saída de Dilma, estou convicto disso, apenas explodiria um vulcão de problemas dividindo ainda mais a nação. Apeada do poder, por via de um parto fórceps, a esquerda raivosa encontraria motivos para incendiar as ruas do País. Alegaria golpe das elites, influência da CIA e todo o monte de merda que está acostumada a revirar. Essa fedentina seria uma péssima rima e nenhuma solução. Pobre do País se duvidar disso e tirar Dilma do poder. Anotem. Cartas para O HOJE podem ser encaminhadas para Rua 132-A n 124 Setor Sul - CEP: Goiânia (GO), para o fax (62) ou para o O jornal é livre para recusar material com palavras ofensivas e denúncias sem documentos que comprovem a reclamação. Também só publicaremos cartas assinadas, que contenham nome e endereço completos do remetente, CPF e RG. Reinaldo Domingos é educador e terapeuta financeiro, presidente da Abefin, DSOP Educação Financeira e Editora DSOP k Crise: é hora de comprar veículos? egundo a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), a produção de veículos recuou 18,5% no primeiro semestre deste ano. Isso é consequência de estoques lotados, por causa da queda nas vendas. Há diversas razões para esse cenário, no entanto, a pergunta é: comprar ou não comprar um carro? Na verdade, o custo ainda é alto e a recomendação é que a compra só deve ser feita com dinheiro à vista, e mesmo assim com muito cuidado, visto que o período de nossa economia ainda é instável. Promoções e feirões que oferecem condições especiais de pagamento ocorrem a todo o momento, ainda mais nessa situação de baixa no mercado. Portanto, dá pra ir com cautela, sem ansiedade. É importante entender que adquirir um carro traz diversas despesas, não dá pra considerar apenas o valor dele. Manutenção, combustível, IPVA, seguro, licenciamento, lavagens, estacionamento e possíveis multas são apenas alguns dos itens que devem ser levados em consideração. Fazendo uma conta rápida, o custo médio mensal representa algo em torno de 3% do valor do automóvel. Então, para um veículo popular de R$25 mil, daria R$750 por mês, o que, muitas vezes, é maior do que o valor das parcelas. Para quem não precisa do carro como instrumento de trabalho, comprar um é optar por mais segurança e comodidade, mas não chega a ser um investimento, pois há uma boa desvalorização. Por isso, é importante que, antes de decidir pela aquisição, se faça alguns questionamentos. De repente, um seminovo pode suprir muito bem as necessidades, conseguindo até um modelo melhor, gastando menos. Em grandes capitais, pode até ser pertinente o uso de transportes alternativos, como metrô e taxi. Sobre parcelamentos ou financiamentos, só em último caso, por causa dos juros, o que aumentaria muito os custos dessa compra considerando o valor total que gastaria por mês, com aqueles itens que citei acima. Obviamente, para quem está endividado, parcelar parece ser uma saída, mas, na verdade, só fará com que a situação se torne cada vez mais insustentável, caminhando rumo à inadimplência. Aos poupadores, a situação é melhor, mas ainda assim aspira cuidados. O questionamento não é mais se tem condição, mas sim se realmente precisa trocar/comprar um carro agora. Atitudes impulsivas trazem consequências graves; agir com educação financeira é o caminho para tomar as melhores decisões. O HOJE Fale com a gente Departamento de Circulação Presidente fundador Jo sé Al la es se Lo pes Gerente de Circulação: Bruno Carvalho Capital: (62) / Interior: (62) Assessor da Presidência Gean Alaesse Cordeiro Diretor de Redação Alziro Zarur Gerente Comercial: Thiago Moura Fé Departamento Comercial (62) Editor de Fotografia: Wesley Costa Editor do Essência: Adalberto Araújo Editor de Arte: Bruno Cabral Circulação Dirigida Editor de Esportes: Edivaldo Barbosa Editor de Cidades: Anderson Costa Editor de Política: Rubens Salomão Nas bancas R$ 2,00 Editores Adjuntos: André Passos, Flávia Popov, Marcos Coelho, Augusto Diniz SEDE: Rua 132-A nº 124, Setor Sul, CEP , Goiânia-Goiás - Fone/Fax: (62)

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DEBATE Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DE BRASÍLIA - No último debate em busca do aval dos procuradores para permanecer por mais dois anos na chefia do Ministério Público, o procurador-geral

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE Resultados da 128ª Pesquisa CNT/MDA Brasília, 21/07/2015 A 128ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 12 a 16 de julho de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos

Leia mais

Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF O Estado de S.Paulo Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF Nardes, do TCU, é citado na Zelotes O Estado de S. Paulo - 10/09/2015 Investigadores analisam informações sobre suposto envolvimento

Leia mais

Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura

Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura Fonte: O Globo 'Ficam dizendo que vou sair de novo' Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura Fernanda da Escóssia, Germano Oliveira,

Leia mais

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano Mais um plano CONJUNTURA ECONÔMICA A chave da agenda positiva tão perseguida pelo governo federal em tempos de crise política e volta da inflação parece ser a preservação dos empregos. Na última terça-feira

Leia mais

Empresas recuperam em contratos até 39 vezes o valor doado a políticos Seg, 30 de Março de 2015 12:52

Empresas recuperam em contratos até 39 vezes o valor doado a políticos Seg, 30 de Março de 2015 12:52 É política de boa vizinhança. Evidentemente quando você apoia um partido ou um candidato, no futuro eles vão procurar ajudá-lo, afirmou o empresário Cristiano Kok, da empreiteira Engevix, em entrevista

Leia mais

REQUERIMENTO (Do Senhor Otavio Leite)

REQUERIMENTO (Do Senhor Otavio Leite) REQUERIMENTO (Do Senhor Otavio Leite) Requer a convocação do Excelentíssimo Senhor Ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e demais convidados envolvidos abaixado relacionados para prestarem esclarecimentos

Leia mais

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS ESTADO DE MINAS 1 2 ESTADO DE MINAS 3 ESTADO DE MINAS http://www.em.com.br PSD de Kassab mira 'órfãos' do PMDB quercista O PSD obteve registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na terça-feira e corre

Leia mais

Ref.: Ataque à comunidade Guarani e Kaiowá Ñande Ru Marangatú e assassinato do jovem Semião Vilhalva.

Ref.: Ataque à comunidade Guarani e Kaiowá Ñande Ru Marangatú e assassinato do jovem Semião Vilhalva. Goiânia e Heidelberg, 02 de setembro de 2015 Senhora Dilma Rousseff Presidenta da República Federativa do Brasil Palácio do Planalto, Praça dos Três Poderes, Brasília DF Ref.: Ataque à comunidade Guarani

Leia mais

O SENADO FEDERAL resolve:

O SENADO FEDERAL resolve: PROJETO DE RESOLUÇÃO DO SENADO Nº 27, DE 2015 Altera o inciso II do caput do art. 383 do Regimento Interno do Senado Federal para disciplinar, no âmbito das comissões, a arguição pública dos indicados

Leia mais

A Semana no Congresso Nacional

A Semana no Congresso Nacional A Semana no Congresso Nacional Brasília, 10/08/2015 CÂMARA Câmara instalará seis comissões mistas para analisar MPs Relator da CPI do BNDES apresentará plano de trabalho Comissão de Finanças e Tributação

Leia mais

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL A unificação das alíquotas do ICMS para acabar com a guerra fiscal será gradual e levará oito anos, anunciou nesta quarta-feira (7/11) o ministro da Fazenda,

Leia mais

Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação

Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação Monitoramento das Notícias da UNISUL Dia 29 de novembro de 2011 JORNAIS O fim da história Diário do Sul Prêmio Finep Notisul SITES

Leia mais

Gilmar Mendes perde e STF veta doação de empresas Sex, 18 de Setembro de 2015 11:13

Gilmar Mendes perde e STF veta doação de empresas Sex, 18 de Setembro de 2015 11:13 Até Maradona coraria. Teve a mão de Deus, disse o ministro Gilmar Mendes na quarta 16 ao defender seu longo pedido de vista, de um ano e cinco meses, no julgamento do Supremo Tribunal Federal que analisa

Leia mais

BALANÇO SOBRE PRIMEIRO ANO DO GOVERNO DILMA

BALANÇO SOBRE PRIMEIRO ANO DO GOVERNO DILMA BALANÇO SOBRE PRIMEIRO ANO DO GOVERNO DILMA SAÚDE Para a saúde, muitas promessas foram feitas: construção de 500 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) 24 horas, construção de cerca de 8.600 unidades básicas

Leia mais

Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças

Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças Aline Bruno Soares Rio de Janeiro, julho de 2010. Desde seu início, o ano de 2010 tem se mostrado marcante em relação

Leia mais

O que fazer para reformar o Senado?

O que fazer para reformar o Senado? O que fazer para reformar o Senado? Cristovam Buarque As m e d i d a s para enfrentar a crise do momento não serão suficientes sem mudanças na estrutura do Senado. Pelo menos 26 medidas seriam necessárias

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.04.2016

C L I P P I N G DATA: 01.04.2016 C L I P P I N G DATA: 01.04.2016 DESTAQUE Limites da terceirização por concessionárias de serviços públicos A lei de concessões e permissões de serviços públicos (8.987/95) permite, no artigo 25, 1º, que

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) Requer ao Ministro da Educação, Senhor Aloizio Mercadante Oliva, cópia do inteiro teor do processo de autorização de funcionamento

Leia mais

consumidor consulte seus direitos

consumidor consulte seus direitos Câmara dos Deputados consumidor consulte seus direitos com VINICIUS CARVALHO Deputado Federal Centro de Documentação e Informação Coordenação de Publicações BRASÍLIA 2008 05948.indd 1 25/04/2008 13:50:24

Leia mais

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA Índice 1. Competência...3 1.1. Critérios Objetivos... 3 1.1.1. Critérios Subjetivos... 4 1.1.2. Competência Territorial... 4 2. Dos Processos...4

Leia mais

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF O Estado de S.Paulo Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF PF apura 'acerto' de lobista com políticos O Estado de S. Paulo - E-mails apreendidos mencionam prestação

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2011

PROJETO DE LEI Nº, DE 2011 PROJETO DE LEI Nº, DE 2011 (Do Sr. Rogério Carvalho) Altera a Lei nº 4.737, de 15 de julho de 1967, que institui o Código Eleitoral, para vetar a venda e consumo de bebida alcoólica no dia das eleições.

Leia mais

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs O plenário da Câmara Municipal do Rio de Janeiro ficou lotado durante

Leia mais

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE ART. 1, 1 da Constituição Federal de 88: Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. Voto consciente:

Leia mais

O Feirão DA SUA CASA.

O Feirão DA SUA CASA. O Feirão DA SUA CASA. Tudo o que você queria saber sobre o financiamento da CAIXA para comprar, construir ou reformar sua casa. E tudo sobre o Programa Minha Casa Minha Vida para quem ganha até R$ 4.900,00.

Leia mais

CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL

CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL 1. O que é a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF)? A Lei de Responsabilidade Fiscal é um código

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO - Verifique se este caderno contém 20 questões objetivas e 2 temas de redação. Caso contrário, reclame ao fiscal da sala outro caderno. - A resposta deve ser marcada

Leia mais

Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional

Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional Noticiário de fevereiro de 2013 Brasília, março de 2013 SECRETARIA DE TRANSPARÊNCIA Conteúdo 1. Análise de notícias... 3 2. Pré-sal...

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 Dívidas de Agnelo serão pagas pela ordem cronológica Para atender à lei, governo reformula cronograma para quitar débitos com mais de 900 fornecedores. Um questionamento

Leia mais

NÃO EXISTE ANALOGIA SUBSTANCIAL PARA CRIANÇA, ADOLESCENTE, IDOSO, ENFERMO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ENFRENTAMENTO À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

NÃO EXISTE ANALOGIA SUBSTANCIAL PARA CRIANÇA, ADOLESCENTE, IDOSO, ENFERMO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ENFRENTAMENTO À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NÃO EXISTE ANALOGIA SUBSTANCIAL PARA CRIANÇA, ADOLESCENTE, IDOSO, ENFERMO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ENFRENTAMENTO À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA Por Carlos Eduardo Rios do Amaral Caro leitor, observe bem esta

Leia mais

Você pode contribuir para eleições mais justas

Você pode contribuir para eleições mais justas Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de SP Defesa da democracia, combate à impunidade. Você pode contribuir para eleições mais justas Os cidadãos e as cidadãs podem auxiliar muito na fiscalização

Leia mais

PARECER Nº, DE 2010. RELATOR: Senador RENATO CASAGRANDE

PARECER Nº, DE 2010. RELATOR: Senador RENATO CASAGRANDE PARECER Nº, DE 2010 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, em caráter terminativo, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 37, de 2010, da Senadora Lúcia Vânia, que altera o art. 10 do Código de

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

O STF e a Voz das Ruas: como a Corte vê as manifestações populares?

O STF e a Voz das Ruas: como a Corte vê as manifestações populares? O STF e a Voz das Ruas: como a Corte vê as manifestações populares? Sociedade Brasileira de Direito Público - SBDP Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC/SP Julgados sobre as movimentações das

Leia mais

SANÇÃO DA LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL

SANÇÃO DA LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL SANÇÃO DA LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL Brasília, 04 de maio de 2000 Muitos dos Senhores que estão aqui hoje me conhecem e podem portanto imaginar o quanto é importante e especial para mim este dia. Ver

Leia mais

Conselho Nacional de Controle Interno

Conselho Nacional de Controle Interno Veículo: Site Congresso em Foco Data: 13/07/2012 Editoria: Lei de Acesso Coluna: - Página: - Só 12% das prefeituras dão atenção a transparência Uma mesma pergunta foi feita às administrações de 133 cidades

Leia mais

Avaliação do governo Desempenho pessoal da presidente

Avaliação do governo Desempenho pessoal da presidente RESULTADOS DA 129ª PESQUISA CNT/MDA A 129ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 20 a 24 de outubro de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos índices de popularidade

Leia mais

Ministério Público investiga a CET por alta de multas

Ministério Público investiga a CET por alta de multas Tráfego Ministério Público investiga a CET por alta de multas DO AGORA - A Promotoria de São Paulo abriu inquérito para investigar a denúncia feita por funcionário da CET (companhia de tráfego) de que

Leia mais

CARTILHA DO. Consumidor

CARTILHA DO. Consumidor CARTILHA DO Consumidor OAB-BA GESTÃO 2013-2015 Luiz Viana Queiroz PRESIDENTE Fabrício de Castro Oliveira VICE-PRESIDENTE Ilana Kátia Vieira Campos SECRETÁRIA-GERAL Antônio Adonias Aguiar Bastos SECRETÁRIO-GERAL

Leia mais

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis?

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis? Tribunal de Justiça do Estado de Goiás Juizados Especias Perguntas mais freqüentes e suas respostas 1 - O que são os Juizados Especiais Cíveis? Os Juizados Especiais Cíveis são órgãos da Justiça (Poder

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 22.579. INSTRUÇÃO Nº 111 CLASSE 12ª DISTRITO FEDERAL (Brasília).

RESOLUÇÃO Nº 22.579. INSTRUÇÃO Nº 111 CLASSE 12ª DISTRITO FEDERAL (Brasília). RESOLUÇÃO Nº 22.579 INSTRUÇÃO Nº 111 CLASSE 12ª DISTRITO FEDERAL (Brasília). Relator: Ministro Ari Pargendler. CALENDÁRIO ELEITORAL (Eleições de 2008) O Tribunal Superior Eleitoral, usando das atribuições

Leia mais

MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2

MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2 MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2 16ª P R O P O S T A L E G I S L A T I V A ANTEPROJETO DE LEI Altera a Lei 9.096/95 para prevê a responsabilização dos partidos

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral Abril 2013 TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Presidente Desembargadora Letícia De Faria Sardas Corregedor

Leia mais

presidente Brasil Por Nízea Coelho

presidente Brasil Por Nízea Coelho a PRIMEIRA presidente do Brasil Por Nízea Coelho 1 Lula é um fenômeno no mundo Historiador, mestre e futuro doutor. Este é Leandro Pereira Gonçalves, professor de História do Centro de Ensino Superior

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

LUCIENI PEREIRA Auditora Federal de Controle Externo do TCU Professora de Gestão Fiscal Presidente da ANTC Diretora da CNSP

LUCIENI PEREIRA Auditora Federal de Controle Externo do TCU Professora de Gestão Fiscal Presidente da ANTC Diretora da CNSP LUCIENI PEREIRA Auditora Federal de Controle Externo do TCU Professora de Gestão Fiscal Presidente da ANTC Diretora da CNSP Fortaleza, 25 de novembro de 2015 combate à corrupção na gestão dos serviços

Leia mais

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff 31/10/2010 23h56 - Atualizado em 01/11/2010 11h24 Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff Em Brasília, ela fez primeiro discurso após anúncio do resultado da eleição. Ela afirmou

Leia mais

O Código de Defesa do Consumidor 7. Como ser um consumidor bem informado? 8. O que é relação de consumo? 10. Conheça os seus direitos 11

O Código de Defesa do Consumidor 7. Como ser um consumidor bem informado? 8. O que é relação de consumo? 10. Conheça os seus direitos 11 SUMÁRIO O Código de Defesa do Consumidor 7 Como ser um consumidor bem informado? 8 O que é relação de consumo? 10 Conheça os seus direitos 11 Prazos para reclamar 17 O que é cadastro 19 Dicas importantes

Leia mais

12. Assinale a opção correta a respeito da composição e do funcionamento das juntas eleitorais.

12. Assinale a opção correta a respeito da composição e do funcionamento das juntas eleitorais. TRE-MT ANALIS. JUD. ADM CESPE 9. Assinale a opção correta com relação aos órgãos da justiça eleitoral. a) A justiça eleitoral é composta pelo Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ), pelo TRE, na capital de

Leia mais

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' Lewandowski critica voto secreto no Congresso Para ministro do Supremo, "esse modo de pensar é incompatível com a Constituição" 'Sessão secreta não é compatível

Leia mais

INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA - ITA Divisão de Ciências Fundamentais PLANO DE CURSO

INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA - ITA Divisão de Ciências Fundamentais PLANO DE CURSO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA - ITA Divisão de Ciências Fundamentais NOME DA DISCIPLINA: NOÇÕES DE DIREITO (HUM-20) 3º Ano dos Cursos Profissionais de: Engenharia Aeronáutica (AER) Engenharia Civil-Aeronáutica

Leia mais

OAB 2ª Fase Direito Constitucional Meta 4 Cristiano Lopes

OAB 2ª Fase Direito Constitucional Meta 4 Cristiano Lopes OAB ª Fase Direito Constitucional Meta Cristiano Lopes 0 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. META LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CF, arts. ; Doutrina: Poder legislativo

Leia mais

Conselho protesta contra prefeitura

Conselho protesta contra prefeitura Informativo Eletrônico da SE/CNS para os conselheiros nacionais Ano VI, Brasília, 08/04/2009. Prezado (a) conselheiro (a), Estamos encaminhando um clipping de notícias do CNS na mídia. A intenção é socializar

Leia mais

, Prefeito Municipal de. FAÇO saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

, Prefeito Municipal de. FAÇO saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº Dispõe sobre o Sistema de Controle Interno, cria a Controladoria Municipal e dá outras providências., Prefeito Municipal de FAÇO saber a todos os habitantes deste Município

Leia mais

FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA

FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA RESOLUÇÃO CNE Nº 01/2008, REPUBLICADA (*), DE 07/07/2008 Artigo 1º Este Regimento Interno contém as normas que regulam o funcionamento

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários

CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários ASSESSORIA PARLAMENTAR INFORMATIVO 14 DE NOVEMBRO DE 2014 CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários A intenção é evitar que condenados usem essas contas para

Leia mais

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos.

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. META 4 LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. EXERCÍCIO 1. (FGV - 2008 - Senado Federal - Policial Legislativo

Leia mais

Mais uma vitória rumo ao reconhecimento: Dilma sanciona Lei que institui o Dia Nacional do Vigilante

Mais uma vitória rumo ao reconhecimento: Dilma sanciona Lei que institui o Dia Nacional do Vigilante Confederação Nacional dos Vigilantes - Brasília - DF 19/06/2015 - Edição 1295 Mais uma vitória rumo ao reconhecimento: Dilma sanciona Lei que institui o Dia Nacional do Vigilante Aprovado em maio pela

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO

BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO 27.12.2013 NÚMERO 14 BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO Aberta consulta pública sobre direitos autorais Matérias de especial interesse Aberta consulta pública sobre direitos autorais Desoneração da folha

Leia mais

INFORMATIVO SEMANAL Associação Nacional dos Agentes de Segurança de Segurança do Poder Judiciário Federal De 28 de março a 01de abril de 2011

INFORMATIVO SEMANAL Associação Nacional dos Agentes de Segurança de Segurança do Poder Judiciário Federal De 28 de março a 01de abril de 2011 INFORMATIVO SEMANAL Associação Nacional dos Agentes de Segurança de Segurança do Poder Judiciário Federal De 28 de março a 01de abril de 2011 AGEPOLJUS se reúne com Diretor Geral do STF 29/03/2011 - Da

Leia mais

LEI DOS PARTIDOS POLÍTICOS (Lei n. 9.096/95)

LEI DOS PARTIDOS POLÍTICOS (Lei n. 9.096/95) - Partido Político: pessoa jurídica de direito privado, destinada a assegurar, no interesse democrático, a autenticidade do sistema representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na CF.

Leia mais

Sciesp. Clipping 17.06. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1

Sciesp. Clipping 17.06. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 Sciesp Clipping 17.06 A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 DESTAK FGTS amplia teto da renda para imóvel com juro menor Famílias

Leia mais

CEMIG TRADING S.A. ESTATUTO SOCIAL. CAPÍTULO I Denominação, Sede, Objeto e Duração

CEMIG TRADING S.A. ESTATUTO SOCIAL. CAPÍTULO I Denominação, Sede, Objeto e Duração CEMIG TRADING S.A. O presente Estatuto é uma consolidação do aprovado pela Escritura Pública de Constituição, em 29-07-2002 - arquivada na JUCEMG em 12-08-2002, sob o nº 3130001701-0, e pelas Assembléias

Leia mais

Câmara Municipal de Tijucas do Sul

Câmara Municipal de Tijucas do Sul ATA DA 32 a SESSÃO ORDINÁRIA DO PRIMEIRO PERÍODO ORDINÁRIO DA PRIMEIRA SESSÃO LEGISLATIVA DA 15 a LEGISLATURA EM 30/09/2013 Aos trinta dias do mês de setembro do ano de dois mil e treze, nesta cidade de

Leia mais

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE. REQUERIMENTO N DE 2013 (Do Sr. Carlos Brandão)

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE. REQUERIMENTO N DE 2013 (Do Sr. Carlos Brandão) COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE REQUERIMENTO N DE 2013 (Do Sr. Carlos Brandão) Solicita que seja convocado o Ministro das Cidades, Aguinaldo Velloso Borges Ribeiro, para prestar esclarecimentos

Leia mais

TEMAS DEBATIDOS DECISÕES DA COMISSÃO 1- SUPLÊNCIA DE SENADOR. Foram aprovadas as seguintes alterações:

TEMAS DEBATIDOS DECISÕES DA COMISSÃO 1- SUPLÊNCIA DE SENADOR. Foram aprovadas as seguintes alterações: Senado Federal Comissão da Reforma Política TEMAS DEBATIDOS DECISÕES DA COMISSÃO 1- SUPLÊNCIA DE SENADOR a) Redução de dois suplentes de Senador para um; b) Em caso de afastamento o suplente assume; em

Leia mais

MUNICÍPIO DE MORRINHOS Estado de Goiás

MUNICÍPIO DE MORRINHOS Estado de Goiás LEI Nº 2.559, DE 23 DE OUTUBRO DE 2009. CERTIDÃO Certifico e dou fé que esta Lei foi publicada no placard do Município no dia- / / Institui a Taxa de Combate a Incêndios no município de Morrinhos e dá

Leia mais

Pedimos que leia com atenção. Algumas dúvidas que esclarecemos em nosso atendimento, também pode ser a sua.

Pedimos que leia com atenção. Algumas dúvidas que esclarecemos em nosso atendimento, também pode ser a sua. Diante das questões suscitadas pelos moradores regulares e invasores, elaboramos esta pequena cartilha de informações em forma de perguntas e respostas sobre as dúvidas mais comuns recebidas em nosso atendimento.

Leia mais

CARTILHA DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS

CARTILHA DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS CARTILHA DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS Os Juizados Especiais foram criados para atender; de uma forma rápida e simples, problemas cujas soluções podem ser buscadas por qualquer cidadão. Antes deles,

Leia mais

Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015

Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015 Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015 Caderno: Política Coluna: Edilmar Norões Pág. 10 Refinaria: cobrando pelo "calote" Deputados federais e estaduais do Ceará continuam cobrando pelo "calote",

Leia mais

17/11/2015 Governo lança programa Goiás Mais Competitivo

17/11/2015 Governo lança programa Goiás Mais Competitivo Giro 17/11/2015 06:00 Jarbas Rodrigues Jr. Desafios para Goiás estar entre os cinco Estados mais competitivos O governador Marconi Perillo (PSDB) lançou o programa Goiás Mais Competitivo com a meta de

Leia mais

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE. REQUERIMENTO N DE 2005 (do Sr. EDUARDO PAES )

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE. REQUERIMENTO N DE 2005 (do Sr. EDUARDO PAES ) COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE Senhor Presidente, REQUERIMENTO N DE 2005 (do Sr. EDUARDO PAES ) Solicita seja convidada a Sra. Isabel carneiro Silva. Nos termos regimentais, requeremos

Leia mais

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Produção: Ação conjunta: Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso Parceiro:

Leia mais

TABELA COM PRAZOS DE DESINCOMPATIBILIZAÇÃO ELEIÇÃO MUNICIPAL. Prefeito Vice-prefeito. 4 meses 6 meses

TABELA COM PRAZOS DE DESINCOMPATIBILIZAÇÃO ELEIÇÃO MUNICIPAL. Prefeito Vice-prefeito. 4 meses 6 meses Cargo Administrador de empresa de economia mista destinada à exploração de transporte urbano, que tem como acionista majoritário o município. TABELA COM PRAZOS DE DESINCOMPATIBILIZAÇÃO ELEIÇÃO MUNICIPAL

Leia mais

Por mais de três anos, a Comissão Estadual

Por mais de três anos, a Comissão Estadual Paralisação emblemática confronta planos de saúde Por mais de três anos, a Comissão Estadual de Honorários Médicos buscou negociação com o Bradesco Saúde. As tentativas, entretanto, não obtiveram êxito.

Leia mais

CARTA DE PIRACICABA. I Sindicato e autonomia frente ao Ministério Público do Trabalho e Emprego e a Justiça do Trabalho;

CARTA DE PIRACICABA. I Sindicato e autonomia frente ao Ministério Público do Trabalho e Emprego e a Justiça do Trabalho; CARTA DE PIRACICABA Nos dias 27 e 28 do mês de maio de 2014, na cidade de Piracicaba, Estado de São Paulo, os trabalhadores do ramo da alimentação do Brasil, representados por sua Confederação, Federações

Leia mais

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 29 de junho a 03 de julho de 2015 GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO,

Leia mais

TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL

TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL 01/10/2015 ATENÇÃO: Prorrogação dos incentivos fiscais ao esporte Os incentivos fiscais para fomento das atividades de caráter desportivo (originalmente

Leia mais

Antonio Bulhões Deputado Federal - PRB/SP

Antonio Bulhões Deputado Federal - PRB/SP Caros amigos e amigas, Comemoramos, no último dia 1º de Outubro, o Dia Internacional da Terceira Idade. Por essa razão, estamos trazendo uma matéria referente ao Estatuto do Idoso, que contém informações

Leia mais

Abrangência da terceirização

Abrangência da terceirização Reportagem especial explica os pontos polêmicos do projeto da terceirização A proposta que regulamenta a terceirização no Brasil e derrubou a reunião da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania

Leia mais

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial

Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 20 a 24 de outubro de 2014 Pimenta no olho, e nada de reajuste salarial O diretor do SINDIJUFE-MT Pedro

Leia mais

Histórico da Chacina de Unaí

Histórico da Chacina de Unaí Histórico da Chacina de Unaí Situação atual Os dois últimos recursos impetrados pelos acusados da Chacina de Unaí, que impediam o retorno do processo principal à Vara Federal de Belo Horizonte, foram julgados

Leia mais

Financiamento de Campanhas Eleitorais. Brasília - DF 09/10/2014

Financiamento de Campanhas Eleitorais. Brasília - DF 09/10/2014 Financiamento de Campanhas Eleitorais Brasília - DF 09/10/2014 Democracia representativa Direito de votar e ser votado Financiamento de campanhas Financiamento de campanhas Nº Nome Partido Receitas 21

Leia mais

A indevida contribuição de 10% sobre o FGTS

A indevida contribuição de 10% sobre o FGTS Informe Jurídico - nº I - 2014 A indevida contribuição de 10% sobre o FGTS De acordo com o artigo 1º da Lei Complementar nº 110, de 29 de junho de 2001, em caso de demissão de empregado sem justa causa,

Leia mais

Câmara Municipal de Tijucas do Sul

Câmara Municipal de Tijucas do Sul ATA DA 16 a SESSÃO ORDINÁRIA DO PRIMEIRO PERÍODO ORDINÁRIO DA PRIMEIRA SESSÃO LEGISLATIVA DA 15 a LEGISLATURA EM 26/05/2014. Aos vinte e seis dias do mês de maio do ano de dois mil e quatorze, nesta cidade

Leia mais

Cem edições para informar e formar cidadãos!

Cem edições para informar e formar cidadãos! ParaTod Mandato do Deputado Tadeu Veneri-PT nº 100 Dezembro 2014 s Acesse: www.tadeuveneri.com.br facebook.com/tadeuveneri Edição Especial Número 100 Cem edições para informar e formar cidadãos! Do primeiro

Leia mais

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS Sumário - Apresentação... 3 -As três leis básicas... 3 - Como é elaborado o orçamento da União?... 3 Prazos... 4 Esferas... 4 - Quem é responsável pela elaboração

Leia mais

A RESPONSABILIDADE DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA EM MATÉRIA DE POLÍTICA INTERNACIONAL. Fábio Konder Comparato *

A RESPONSABILIDADE DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA EM MATÉRIA DE POLÍTICA INTERNACIONAL. Fábio Konder Comparato * A RESPONSABILIDADE DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA EM MATÉRIA DE POLÍTICA INTERNACIONAL Fábio Konder Comparato * Dispõe a Constituição em vigor, segundo o modelo por nós copiado dos Estados Unidos, competir

Leia mais

Aluno(a):... 29/09/2015

Aluno(a):... 29/09/2015 Caderno de Redação 9º ano Ensino Fundamental Aluno(a):... 29/09/2015 Este Caderno de Redação segue as novas diretrizes estabelecidas pela portaria nº 109, emitida em 27/05/2009, no Diário Oficial da União,

Leia mais

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Cidadão com Segurança Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Presidente do Conselho Nacional do Ministério Público e Procurador-Geral da República Roberto Monteiro Gurgel Santos Comissão do Sistema Prisional,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 11 Discurso na cerimónia de posse

Leia mais

Caio Henrique Salgado

Caio Henrique Salgado Giro 30/11/2015 06:00 Caio Henrique Salgado Início da gestão por OSs nas escolas pode ficar para segundo semestre Integrantes do governo estadual avaliam que o início da gestão por Organizações Sociais

Leia mais

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar #212 SEU DINHEIRO A SUA REVISTA DE FINANÇAS PESSOAIS VOCÊ SABE CONSUMIR? Especialista diz que brasileiro não sabe comprar COMO PARAR ANTES DO TEMPO CONHEÇA A MELHOR ESTRATÉGIA PARA LARGAR O BATENTE AOS

Leia mais

Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação

Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação Publicado em 28/06/2015, às 15h26 Atualizado em 28/06/2015, às 15h58 Sérgio Costa Floro* Especial para o NE10 #LoveWins tomou conta do discurso

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL VII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL VII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL O Estado KWY editou norma determinando a gratuidade dos estacionamentos privados vinculados a estabelecimentos comerciais, como supermercados, hipermercados, shopping

Leia mais

Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff

Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff 4 de dezembro de 2015, 8h55 Por Ricardo Lodi Ribeiro Com o recebimento, pelo presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, do pedido

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI N o 3.966, DE 2004 Modifica a Lei nº 9.609, de 1998, que dispõe sobre a proteção da propriedade intelectual de programa de computador. Autor:

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos) Torna mais rigorosa a punição dos crimes contra a honra cometidos mediantes disponibilização de conteúdo na internet ou que ensejarem

Leia mais