Banco Fidis S.A. Belo Horizonte, 18 Junho 2012

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Banco Fidis S.A. Belo Horizonte, 18 Junho 2012"

Transcrição

1 Banco Fidis S.A.

2 Agenda Contexto do Banco FIDIS 2 O Projeto de Processo: Concessão de crédito Varejo 3 Próximas Etapas 2

3 BANCO FIDIS S/A Ativo Total vs Carteira Valores em Milhões R$ Ativo Total Carteira Atacado Carteira Varejo 3

4 BANCO FIDIS S/A Patr. Líquido vs Resultado Valores em Milhões R$ ** * * Resultado impactado pelos reflexos da anistia proporcionados pela Lei.94/09, em função de reduções de multas e juros na liquidação de passivo contingente. ** Provisão de dividendos de 98,2 Milhões pagos em 03/200 PL RAI Lucro Líquido 4

5 Processo de concessão de crédito Simular proposta Preencher proposta e Inserir documentos Avaliar proposta e Enviar resposta Gerar e Enviar contrato Receber NF e doc. Fazer Inserção do GRAVAME 2 Ganhos Emitir solicitação de cheque Pagar o contrato Realizar cobrança Gerir Crédito Reduzir o tempo de concessão de crédito Aumentar a assertividade na concessão de crédito 5

6 Visão de Futuro, Workshop e Convenção Iveco Participamos do Workshop e Convenção Iveco, onde foi realizada a dinâmica de visão de futuro com mais de 50 pessoas envolvendo os representantes das concessionárias e os representantes do Banco FIDIS. Nesse workshop foram levantadas mais de 30 melhorias referentes ao processo em questão. A visão de futuro de cunho mais estratégico realizada junto a diretoria do Banco Fidis, no dia 0 de janeiro, consolidou 20 melhorias 6

7 Reuniões de entendimento da situação atual As reuniões para Entendimento da situação atual, aconteceram com a equipe operacional e gerência até o momento, incluindo entrevistas em concessionárias de todas as regionais brasileiras. A equipe ELO percorreu em um mês, 7 estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Espirito Santo, Minas Gerais, Pará, Recife, Rio Grande do Sul, visitando concessionárias Iveco e Crysler, quais sejam: Cofipe, Mercalf, Caltabiano, Comark, Bremer, Vitórias Motors, Deva, EBD, Navesa e Bivel. Nas concessionárias realizamos entrevistas com vendedores, FNI s, Gerentes de Vendas, Operadores, Consultores e Gerentes Regionais. 7

8 Reuniões de entendimento da situação atual Realizou mais de 49 entrevistas, com pessoas envolvidas em todas as etapas do processo de concessão de crédito de Varejo, incluindo: Área de apoio ao crédito Análise de crédito Área de produtos e incentivos Área de operações e contratos Contabilidade Jurídico Ouvidoria e Call Center Tesouraria e Contas a Pagar Cobrança e Renegociação de contratos Fiat Finanças (tesouraria) Gerenciamento de Risco TI 8

9 Reuniões de entendimento da situação atual Realizamos benchmarking com Banco de outras montadoras, quais sejam: Toyota Mercedes Bens GM Realizamos benchmarking com Bancos Comerciais, quais sejam: Itaú Safra Reuniões com os fornecedores de TI do banco Intervalor(Watchdoc) View Crivo Alinhamento com projeto Crivo Reuniões Calls 9

10 Cenário de Sistemas anterior à Intervenção Simular proposta Preencher proposta e Inserir documentos Avaliar proposta e Enviar resposta Gerar e Enviar contrato Receber nota fiscal/doc u-mentos Fazer Inserção do GRAVAME Emitir solicitação de cheque Realizar pagament o do contrato Realizar cobrança Gerir Crédito View Watchdoc Watchdoc Crivo LEGENDA Crivo Motor de Decisão View Watchdoc 0

11 As Is X To Be Simular proposta e preencher ficha cadastral. Tornar a tela de simulação de proposta mais enxuta e inteligível 2. Possibilitar a inserção de condições operacionais de forma segregada 3. Criar campo para upload da autorização de consulta de restritivos na tela de formalização da proposta 4. Preenchimento da ficha cadastral via sistema 5. Criar um Front End único para os concessionários 6. Realizar treinamentos com os funcionários da concessionária de acordo com as diretrizes de financiamento do Fidis 7. Construção de campanhas com parcelas intermediárias significativas 8. Criar linha de crédito pré-aprovada para clientes representativos 9. Definir agenda dos gerentes regionais e seus coordenadores nas concessionárias 0. Redefinir o momento de coleta de documentos e informações necessárias para aprovar e formalizar a concessão de crédito Analisar de crédito. Ficha cadastral online e flexível 2. Automatizar a consulta de restritivos 3. Criar parametrização do sistema para aprovação e recusa automática de crédito 4. Criar uma "fila inteligente" para direcionamento das propostas para a mesa de crédito 5. Flexibilizar o sistema, de maneira a possibilitar modificações de condições operacionais no decorrer do processo de concessão de crédito 6. Estabelecer comunicação via SMS com o operador/consultor 7. Promover capacitação e direcionamento para equipe de análise de crédito 8. Segmentar equipe de analistas de crédito por região 9. Definir metas e recompensas para os atores do processo 0. Condicionar a reanálise de propostas que apresentem motivos reversíveis. Criar política de pré análise 2. Criar documento de autorização de consulta ao Banco Central 3. Campo para upload de autorização de consulta ao BACEN Formalizar contrato. Disponibilizar no sistema o check-list de documentos para formalização do contrato 2. Criar uma tela para conferência de documentação 3. Criar campos separados e nomeados para upload de documentos 4. Gerar contrato automaticamente para o operador/consultor 5. Parametrizar o sistema para disparar s automáticos em determinados status do processo 6. Armazenamento de contrato durante um período determinado de tempo 7. Check list de documentos solicitados com link para o visualização dos mesmos 8. Comunicação com o Front End para solicitação de nova documentação LEGENDA Requisitos do processo anteriores a intervenção Requisitos do processo que serão implementados

12 As Is X To Be Realizar pagamento do contrato Gerir carteira De crédito Realizar cobrança. Automatizar o pedido de faturamento junto às concessionárias 2. Automatizar a inserção e baixa de Gravame 3. Automatizar o processo de autorização de pagamento 4. Criar "janelas" de liberação de recurso 5. Adiantar o fechamento do View LEGENDA Requisitos do processo anteriores a intervenção Requisitos do processo que serão implementados. Criar um repositório de informações atrelado a uma ferramenta de BI 2. Automatizar o pagamento e gestão das comissões 3. Criar programas de fidelização de clientes 4. Aprimorar gestão de comissões e o controle de pagamento 5. Criar um "welcome call" para conferência de dados, sanar dúvidas e fortalecer relacionamento com cliente 6. Criar espaço do cliente no site do Banco FIDIS 7. Criar procedimento de gestão da carteira de clientes para auxílio à tomada de decisão 8. Consolidação e disponibilização de repositório de dados, que será utilizado por outros sistemas do Banco, bem como Matera, BI, HotShop, etc.. Permitir a baixa automática e eficiente dos boletos de cobrança 2. Fazer a baixa segregada de Valor principal e outros custos presentes no boleto de cobrança 3. Tornar o relatório de staff meeting mais dinâmico e confiável 4. Consolidar informações de cobrança em uma mesma tela do sistema 5. Flexibilizar campos do sistema de cobrança para inserção de texto livre 6. Vincular bens a um só contrato jurídico 7. Possibilitar o cadastros de despesas pelo próprio escritório de advocacia 8. Possibilitar o acompanhamento dos bens que estão sendo regularizados pelos leiloeiros 9. Liberar a emissão de boleto aos escritórios de advocacia 0. Possibilitar pagamento de parcelas via débito automático e casos de boletos com valores pré definidos. Enviar / sms ao cliente para avisar sobre o vencimento das parcelas do financiamento 2. Criar score de inadimplência por concessionário ou grupo 3. Realizar a cobrança aos inadimplentes em parceria com as concessionárias 4. Definir política de repasse de carteira de cobrança com base em resultado 2

13 Status do projeto x Póximas Etapas 4 3 de Janeiro 6 Janeiro- 29 Fevereiro Março- 3 Abril 6 Abril 9 de Maio Planejamento e VISÃO DE FUTURO ENTENDER e MENSURAR processos (AS IS) ANALISAR PROCESSOS E QUANTIFICAR GANHOS REDESENHAR processos PREPARAR Implementação IMPLEMENTAR melhorias para os processos Amanh ã Hoje Hoje Amanh ã Hoje Amanh ã Hoje Amanh ã Hoje Amanh ã Escopo dos processos definido Entendimento dos processos Melhorias Priorizadas Plano de Implementação Melhorias de TI implementadas 2 Levantamento de diretrizes objetivos e ganhos definidos Planejamento 3 concluido 2 3 Agenda de Melhorias idéias registradas ª. Implementação de Melhorias 2 2ª. Implementação de Melhorias 2 3 Pos Diagramas da Situação Futura validados Book de indicadores 2 3 Demais melhorias implementadas Processo implantado,5 Semana 5 Semanas 6 Semanas 3 Semanas 3

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 O sistema T-Car-Win está sendo atualizado para a versão 1.15.5. Esta versão tem o objetivo de agregar as seguintes funcionalidades ao sistema: Possibilidade

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Controle e Venda com o PN Consig O MERCADO

Controle e Venda com o PN Consig O MERCADO O MERCADO Controle e Venda com o PN Consig Mais de 40 milhões de consumidores Deste mercado, estima-se que 58% já realizaram no mínimo uma operação de crédito com desconto consignado. COMO CONTROLAR E

Leia mais

FINANCEIROS FUNCIONALIDADES

FINANCEIROS FUNCIONALIDADES Os aplicativos financeiros da MPS - Contas a Receber, Contas a Pagar e Fluxo de Caixa - são utilizados por diversos clientes e possuem todas as funcionalidades operacionais necessárias, além de opções

Leia mais

A PRIMEIRA PLATAFORMA INTELIGENTE DE SISTEMAS E SERVIÇOS

A PRIMEIRA PLATAFORMA INTELIGENTE DE SISTEMAS E SERVIÇOS A PRIMEIRA PLATAFORMA INTELIGENTE DE SISTEMAS E SERVIÇOS INTEGRADOS PARA ASSEGURAR O CONTROLE COMPLETO DO PROCESSO DE VENDAS, COM ACESSO COMPARTILHADO POR TODAS AS PARTES ENVOLVIDAS. NOSSA PLATAFORMA WEB

Leia mais

SISTEMAS DE GESTÃO São Paulo, Janeiro de 2005

SISTEMAS DE GESTÃO São Paulo, Janeiro de 2005 SISTEMAS DE GESTÃO São Paulo, Janeiro de 2005 ÍNDICE Introdução...3 A Necessidade do Gerenciamento e Controle das Informações...3 Benefícios de um Sistema de Gestão da Albi Informática...4 A Ferramenta...5

Leia mais

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra - Ferramentas importantes para o dia a dia - Relacionamento com o Associado - Melhorias recentes - Módulo Financeiro Espaço Gestor Funções do SISPC que

Leia mais

Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento

Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento Utility Systems - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer

Leia mais

Contas a Pagar - Política de Pagamentos a Fornecedores

Contas a Pagar - Política de Pagamentos a Fornecedores Contas a Pagar - Política de Pagamentos a Fornecedores Setembro / 2013 Bem vindo ao sistema de consultas de pagamentos da TOTVS S/A. Aqui você encontrará informações sobre condições de pagamentos, bem

Leia mais

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Objetivo O objetivo deste guia é fornecer um roteiro para a implantação módulo Fechamento de Caixa do sistema Bluesoft ERP. O que é o Fechamento de

Leia mais

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento

Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento Utility Systems FULL - Gestão 2.0 para gráficas, bureaus e acabamento www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer

Leia mais

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa

Varejo. A gestão definitiva para sua empresa Varejo A gestão definitiva para sua empresa Introdução Indicado para estabelecimentos comerciais, rede de lojas ou franquias, o sistema FENÍCIA AUTOMAÇÃO COMERCIAL traz uma série de tecnologias de alto

Leia mais

Apresentação Análise Essencial Projeto Implantação do Sistema Treinamento Suporte Técnico

Apresentação Análise Essencial Projeto Implantação do Sistema Treinamento Suporte Técnico Apresentação Um projeto de informatização tem como principal função analisar as características da empresa e apontar os pontos onde são necessários controles informatizados, fazendo uma análise junto à

Leia mais

Banco Volkswagen Manual do Sistema CCO CESSÃO DE DIREITOS - PF CCO CESSÃO DE DIREITOS CENTRAL DE CRÉDITO ON-LINE

Banco Volkswagen Manual do Sistema CCO CESSÃO DE DIREITOS - PF CCO CESSÃO DE DIREITOS CENTRAL DE CRÉDITO ON-LINE Banco Volkswagen Manual do Sistema CCO CESSÃO DE DIREITOS - PF CCO CESSÃO DE DIREITOS CENTRAL DE CRÉDITO ON-LINE Histórico do Documento Tipo de Norma: Manual Operacional Número: 19 Departamento Responsável:

Leia mais

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E-

COMERCIAL) 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. E- 2014 ÍNDICE 1. Cadastros básicos 2. Módulos básicos (Incluso em todas as versões) CMC BASE 3. Agenda 4. Arquivos 5. Empresas ou Cadastros de empresas 6. Pessoas ou cadastro de pessoas 7. Módulos que compõem

Leia mais

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa

Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa Guia de Implantação Bluesoft ERP Fechamento de Caixa O que é o Fechamento de Caixa? O Fechamento de Caixa consiste, basicamente, em separar e conferir todos os recebimentos que há nos caixas. Essa tarefa

Leia mais

1.Introdução. 2. Posicionamento

1.Introdução. 2. Posicionamento 1.Introdução 1.1 Finalidade Este documento tem o objetivo de demonstrar as necessidades e problemas que a rede de clínicas de vacinação IMUNIZA encontra em seu dia a dia, propondo após um levantamento

Leia mais

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras MÓDULO Básico ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta apresentação exemplifica

Leia mais

Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar cheques recebidos de clientes.

Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar cheques recebidos de clientes. Como cadastrar Recebidos? FS147 Cheques Sistema: Futura Server Caminho: Conta Corrente>Cadastro de Cheque Recebido Referência: FS147 Versão: 2016.04.11 Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar

Leia mais

Tecnologia da Informação CAASP. DIS Departamento de Informática e Sistemas. Relatório Anuário 2008 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP

Tecnologia da Informação CAASP. DIS Departamento de Informática e Sistemas. Relatório Anuário 2008 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP Tecnologia da Informação CAASP DIS Relatório Anuário 2008 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP Introdução...03 Projetos e Fatos Relevantes 2008...03 Raio X de Investimentos e Custos...10 Considerações

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

Alterações/Desenvolvimento - Sistema OnixNet / TrucksNet

Alterações/Desenvolvimento - Sistema OnixNet / TrucksNet Alterações/Desenvolvimento - Sistema OnixNet / TrucksNet Comercial Cadastros o (202) Cadastro de Vendedores Flag Enviar Previsão: Flag Enviar Previsão: Foi inserido um novo flag no cadastro de vendedores.

Leia mais

2.1. Risco de Crédito De acordo com resolução 3721 - CMN-, define-se o risco de crédito como:

2.1. Risco de Crédito De acordo com resolução 3721 - CMN-, define-se o risco de crédito como: ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE CRÉDITO 1. Introdução A Diretoria da Grazziotin em atendimento ã Resolução 3721 de abril/2009, divulga sua Estrutura de Gerenciamento de Risco de Crédito alinhada

Leia mais

Meio de pagamento do Itaú na Internet Itaú Shopline, o jeito seguro de pagar pela internet!

Meio de pagamento do Itaú na Internet Itaú Shopline, o jeito seguro de pagar pela internet! Meio de pagamento do Itaú na Internet Pagamento à vista por transferência, Crediário Automático Itaú, Bloqueto Bancário. Itaú Shopline O Itaú está disponibilizando para o site de sua empresa, que vende

Leia mais

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1

MÓDULO. Básico. Grupo Acert - 1 MÓDULO Básico Grupo Acert - 1 ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA A Serveloja soluções empresariais é uma empresa de tecnologia, especialista em consultoria, serviços financeiros e softwares. Disponibilizamos diversas soluções de cobranças

Leia mais

Como cadastrar talões cheques? FS146

Como cadastrar talões cheques? FS146 Como cadastrar talões cheques? FS146 de Sistema: Futura Server Caminho: Conta Corrente>Talão de Cheque Referência: FS146 Versão: 2016.04.11 Como Funciona: Esta tela é utilizada para cadastrar talões de

Leia mais

Envio online de formulários Itaú Unibanco

Envio online de formulários Itaú Unibanco Crédito Imobiliário Envio online de formulários Itaú Unibanco 1 O Itaú oferece soluções para facilitar a vida de quem quer financiar a compra de um imóvel. Você poderá enviar pela internet todas as informações

Leia mais

O Utility foi desenvolvido para atender de forma simples e integrada os setores de Vendas, Produção, Financeiro e Gerencial.

O Utility foi desenvolvido para atender de forma simples e integrada os setores de Vendas, Produção, Financeiro e Gerencial. UTILITY ERP 1.0 www.utility.com.br VISÃO GERAL O Utility é um aplicativo web, multiplataforma, que possui cinco módulos independentes capazes de oferecer recursos que irão facilitar o gerenciamento da

Leia mais

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY

TREINAMENTOS DEAK IN COMPANY A DEAK Sistemas define como Treinamentos Básicos In Company a apresentação dos diversos módulos que compõem o ERP aos usuários. O Objetivo é apresentar cada módulo do ERP através de suas telas, campos

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

Fornecedores. Apresentação. www.grupoquantica.com. Nosso desafio é o seu sucesso!

Fornecedores. Apresentação. www.grupoquantica.com. Nosso desafio é o seu sucesso! Fornecedores www.grupoquantica.com Apresentação 2010 A idéia Fundado e idealizado por Cleber Ferreira, Consultor de Marketing e Vendas, autor do livro Desperte o Vendedor Interior com Técnicas de Vendas

Leia mais

Treinamento -Venda de Hardware Avulso

Treinamento -Venda de Hardware Avulso Treinamento -Venda de Hardware Avulso Venda de Hardware Avulso Apresentação Com o objetivo de automatizar o processo de venda e entrega das mídias criptográficas avulsas, a AC NOTARIAL RFB implementou

Leia mais

FIN. 03 - ARRECADAÇÃO MACROPROCESSO FINANCEIRO PROCESSO ARRECADAÇÃO

FIN. 03 - ARRECADAÇÃO MACROPROCESSO FINANCEIRO PROCESSO ARRECADAÇÃO 1 de 25 msgq FIN. 03 - ARRECADAÇÃO MACROPROCESSO PROCESSO ARRECADAÇÃO FIN. 03 - ARRECADAÇÃO 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 2 4. PROCEDIMENTOS... 2 4.1. DEFINIÇÃO DO

Leia mais

Serviços de TI, Comunicação e Colaboração para Empresas

Serviços de TI, Comunicação e Colaboração para Empresas Serviços de TI, Comunicação e Colaboração para Empresas Consultoria em Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação Especializada em Cloud Computing A/C Gilson gilson@abramis.com.br Abramis 1. OBJETIVO

Leia mais

Relacionamento Clientes

Relacionamento Clientes FENÍCIA CRM & SRM O Fenícia CRM (Customer Relationship Management - Sistema de Gerenciamento do Relacionamento com os Clientes) é uma ferramenta de gestão com foco no cliente, essencial para angariar e

Leia mais

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios,

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, parte financeira, entrada de mercadorias entre outros.

Leia mais

Como efetuar a Baixa Simples de uma Conta a Receber? FS129

Como efetuar a Baixa Simples de uma Conta a Receber? FS129 Como efetuar a Baixa Simples de uma Conta a Receber? FS129 Sistema: Futura Server Caminho: Contas a Receber>Baixa Simples Referência: FS129 Versão: 2016.02.15 Como Funciona: Esta tela é utilizada para

Leia mais

Aqui seus Resultados Aparecem

Aqui seus Resultados Aparecem Aqui seus Resultados Aparecem 2 Evolution - Cobrança, Contas a Pagar e Fluxo de Caixa Gerenciar títulos vencidos e a vencer, controlar adiantamentos, cobrança eletrônica Cobrança em atraso, comissões,

Leia mais

Cobrança Inteligente Manual do Cliente

Cobrança Inteligente Manual do Cliente Cobrança Inteligente Manual do Cliente Caro Cliente Alinhada à busca contínua pela excelência em tudo que faz e visando oferecer os melhores serviços a seus clientes, a Mosaic estabeleceu uma parceria

Leia mais

SOLUÇÕES NASSOFT ERP - GESTÃO EMPRESARIAL

SOLUÇÕES NASSOFT ERP - GESTÃO EMPRESARIAL SOLUÇÕES NASSOFT ERP - GESTÃO EMPRESARIAL NASSOFT ERP MANAGER Padronização em gestão Para ser líder de mercado é preciso estratégia Para ter estratégia é preciso inteligência Não há inteligência sem informação

Leia mais

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE Com duas décadas e meia no mercado, a garantia de excelência e segurança são marcas registradas dos produtos e serviços Produtec. Direcionados à gestão empresarial, as soluções

Leia mais

BB Crédito Material Construção. Solução em Financiamento para sua Empresa

BB Crédito Material Construção. Solução em Financiamento para sua Empresa BB Crédito Material Construção Solução em Financiamento para sua Empresa Maio 2009 Índice 1. Para sua Empresa 1.1 O que é? 02 1.2 Qual a vantagem de ser conveniado ao BB? 02 1.3 Quais os procedimentos

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

MANUAL DE GERENCIAMENTO DO RISCO DE CRÉDITO

MANUAL DE GERENCIAMENTO DO RISCO DE CRÉDITO 1 - INTRODUÇÃO As exposições sujeitas ao risco de crédito são grande parte dos ativos da COGEM. Por isso, o gerenciamento do risco dessas exposições é fundamental para que os objetivos da Cooperativa sejam

Leia mais

Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão

Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão Reunião de Executivos 11/02/2015 Tubarão - Dicas - Relacionamento com o Associado - Melhorias recentes - Módulo Financeiro Funções do SISPC que toda CDL deveria liberar para os seus associados Liberar

Leia mais

Líder em consultoria no agronegócio

Líder em consultoria no agronegócio MPRADO COOPERATIVAS mprado.com.br COOPERATIVAS 15 ANOS 70 Consultores 25 Estados 300 cidade s 500 clientes Líder em consultoria no agronegócio 2. Finanças 2.1 Orçamento anual integrado Objetivo: Melhorar

Leia mais

Case APESC. Assessoria de Desenvolvimento Organizacional

Case APESC. Assessoria de Desenvolvimento Organizacional Case APESC Assessoria de Desenvolvimento Organizacional PROGRAMA Assessoria de Desenvolvimento Organizacional DO Gestão de Processos na APESC Metodologia Novo Olhar Benefícios e desafios Sistema de Gestão

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16. Instrução Normativa: 14.16/08-01. Revisão nº 0102. Data da Revisão: 22/10/2012. Resolução Sup.

INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16. Instrução Normativa: 14.16/08-01. Revisão nº 0102. Data da Revisão: 22/10/2012. Resolução Sup. INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16 Telemarketing Ativo Origem: Diretoria Superintendência Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado de Mato Grosso Instrução Normativa: 14.16/08-01 Revisão nº 0102

Leia mais

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG PUBLICO ALVO Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG Para os casos de analfabetos e deficientes visuais, devemos seguir a regra abaixo: Até

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema Financeiro Opções Disponíveis a partir da versão 8.0.40 do Sistema Micropost

Manual de Utilização do Sistema Financeiro Opções Disponíveis a partir da versão 8.0.40 do Sistema Micropost O Novo Gerenciador Financeiro Micropost é acessado através do botão "Gerenciador Financeiro" na tela principal do sistema (como mostra a figura 1). Caso o botão esteja desabilitado deve-se entrar nas configurações

Leia mais

Procedimento Operacional N⁰ do procedimento: PO 014

Procedimento Operacional N⁰ do procedimento: PO 014 1/ 14 Nº revisão Descrição da Revisão 00 Elaboração inicial do documento 01 Revisão integral do PO, Indicadores e adequação dos registros e padrões. 02 Adequação as normas ISO 14001:2004 e OHSAS 18001:2007

Leia mais

Lista de Funcionalidades

Lista de Funcionalidades Lista de Funcionalidades FUNCIONALIDADE DESCRIÇÃO CHECKOUT TRANSPARENTE Construa seu checkout de pagamentos e tenha o cliente em seu site, do começo ao fim da compra, sem a necessidade de cadastro ou direcionamento

Leia mais

Objetivo. Introdução. Gestão de Riscos. Risco operacional

Objetivo. Introdução. Gestão de Riscos. Risco operacional Objetivo Este relatório tem como objetivo atender a Circular 3.678, de 31 de outubro de 2013, apresentando as informações referentes a gestão de riscos, à apuração do montante dos ativos ponderados pelo

Leia mais

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE

PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE PRODUTEC INTEGRAÇÃO INTELIGENTE Com duas décadas e meia no mercado, a garantia de excelência e segurança são marcas registradas dos produtos e serviços Produtec. Direcionados à gestão empresarial, as soluções

Leia mais

Estudo de Caso. Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A.

Estudo de Caso. Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A. Estudo de Caso Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A. A Presidência dos Correios vislumbrou a possibilidade da Empresa apresentar aos seus clientes um novo serviço, que foi denominado de

Leia mais

MANUAL DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE CRÉDITO

MANUAL DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE CRÉDITO MANUAL DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE CRÉDITO Ano 2011 1 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 1. Estrutura de Gerenciamento do Risco de Crédito... 4 2. Estrutura Organizacional e suas Competências... 4 2.1 Diretoria...

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE CONTAS A PAGAR FORNECEDOR NACIONAL

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROCEDIMENTO DE CONTAS A PAGAR FORNECEDOR NACIONAL 0/05/203 PCP-0 Coord.. INTRODUÇÃO O Procedimento de Fornecedor Nacional tem por objetivo estabelecer as normas para o processo de pagamento a fornecedores nacionais e colaboradores através do sistema SAP,

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200

Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200 PUBLICO ALVO Efetivos ativos, aposentados e pensionistas, identificados através do site. Nº DE FUNCIONARIOS Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200 FOLHA DE PAGAMENTO

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

INCORPORADORAS. Assim, você garante eficiência nos processos e constrói uma gestão cada vez mais produtiva e rentável para a sua empresa.

INCORPORADORAS. Assim, você garante eficiência nos processos e constrói uma gestão cada vez mais produtiva e rentável para a sua empresa. Segmento CONSTRUÇÃO E PROJETOS INCORPORADORAS As soluções de software de gestão para o segmento de construção e projetos da TOTVS maximizam as oportunidades de venda e o aumento da rentabilidade da sua

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM CORRESPONDENTES NO PAÍS

POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM CORRESPONDENTES NO PAÍS POLÍTICA DE RELACIONAMENTO COM CORRESPONDENTES NO PAÍS Belo Horizonte, Novembro de 2013. Diretoria de Crédito Consignado Diretoria Executiva Comercial Diretoria Executiva Administrativa e de Atendimento

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO VII PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS MACROPROCESSOS DO BNDES

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO VII PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS MACROPROCESSOS DO BNDES CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO VII PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS MACROPROCESSOS DO BNDES 1. Introdução As tabelas a seguir apresentam os MACROPROCESSOS do BNDES, segregados por plataformas. As

Leia mais

CORRETORA DE CÂMBIO TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS S/A REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO

CORRETORA DE CÂMBIO TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS S/A REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO Esta Sociedade Corretora, em atenção ao disposto no art. 6º da Instrução nº 387/03 da CVM, define através deste documento, suas regras e parâmetros relativos ao recebimento,

Leia mais

Banco do Brasil S.A. Consulta ao Mercado - RFP - Request for Proposa Aquisição de Ferramenta de Gestão de Limites Dúvida de Fornecedor

Banco do Brasil S.A. Consulta ao Mercado - RFP - Request for Proposa Aquisição de Ferramenta de Gestão de Limites Dúvida de Fornecedor 1. Em relação ao módulo para Atribuição de Limites, entendemos que Banco do Brasil busca uma solução para o processo de originação/concessão de crédito. Frente a essa necessidade, o Banco do Brasil busca

Leia mais

Extração de indicadores Garantias Ocorrências. Agenda de vendas Gestão de qualidade Históricos Agenda de tarefas

Extração de indicadores Garantias Ocorrências. Agenda de vendas Gestão de qualidade Históricos Agenda de tarefas Fenícia CRM & SRM Introdução O Fenícia CRM (Customer Relationship Management - Sistema de Gerenciamento do Relacionamento com os Clientes) é uma ferramenta de gestão com foco no cliente, essencial para

Leia mais

DDA - VARREDURA DO SACADO

DDA - VARREDURA DO SACADO DDA - VARREDURA DO SACADO RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio

Leia mais

ERP ERP MRP. Page 1. Visão Funcional. Visão de Materiais: Compras Estoque

ERP ERP MRP. Page 1. Visão Funcional. Visão de Materiais: Compras Estoque ERP Visão Funcional ERP Visão de Materiais: Compras Estoque MRP Parâmetros: Estoque de Segurança Lead time Fornecedor Lead time Compras Ponto de Reabastecimento Previsão de Consumo Previsão de Vendas Planejamento

Leia mais

S.G.E SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL TELA PRINCIPAL DO SISTEMA

S.G.E SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL TELA PRINCIPAL DO SISTEMA S.G.E SISTEMA DE GESTÃO EMPRESARIAL TELA PRINCIPAL DO SISTEMA CONSIDERAÇÕES GERAIS: O SGE é um sistema integrado voltado ao gerenciamento empresarial nas áreas de comércio e indústria, onde integra os

Leia mais

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir:

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir: Visão Rápida do sistema Administrativo LC O sistema Administrativo LC é um sistema completo para administrar o seu escritório, loja ou comercio em geral. Nosso sistema pode ser customizado a necessidade

Leia mais

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL Manual Associado o acesso está autorizado exclusivamente o acesso está para autorizado Colaboradores exclusivamente do SPC para Brasil Colaboradores e Entidades. do SPC Brasil e Entidades. BOAS VINDAS

Leia mais

w w w. p c s i s t. c o m. b r

w w w. p c s i s t. c o m. b r w w w. p c s i s t. c o m. b r S E U P R O G R A M A D E P O N T O S P C Como gerenciar minha FORÇA DE VENDA em TEMPO REAL, pela internet, de qualquer lugar que eu estiver? Como acompanhar minhas vendas

Leia mais

Sistema de Devolução Web

Sistema de Devolução Web Manual Sistema de Devolução Web Usuário Cliente ÍNDICE Sumário 1. Prazos...3 2. Solicitação de Devolução... 4 3. Autorização de Devolução... 4 4. Coleta de Mercadoria... 4 5. Acompanhamento da Devolução...

Leia mais

A UTILIZAÇÃO RACIONAL DE INFORMAÇÕES EM PROCESSOS DE VENDAS, IMPULSIONAM O NEGÓCIO, GESTÃO EFICAZ E INTELIGÊNCIA OPERACIONAL É A CHAVE DO SUCESSO.

A UTILIZAÇÃO RACIONAL DE INFORMAÇÕES EM PROCESSOS DE VENDAS, IMPULSIONAM O NEGÓCIO, GESTÃO EFICAZ E INTELIGÊNCIA OPERACIONAL É A CHAVE DO SUCESSO. O MERCADO Venda mais com o PN Consig Mais de 40 milhões de consumidores Deste mercado, estima-se que 58% destes já realizaram no mínimo uma operação de crédito com desconto consignado. COMO VENDER MAIS

Leia mais

Alinhamento entre Estratégia e Processos

Alinhamento entre Estratégia e Processos Fabíola Azevedo Grijó Superintendente Estratégia e Governança São Paulo, 05/06/13 Alinhamento entre Estratégia e Processos Agenda Seguros Unimed Modelo de Gestão Integrada Kaplan & Norton Sistema de Gestão

Leia mais

CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: ADMINISTRATIVO MANUAL DE PROCESSOS

CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: ADMINISTRATIVO MANUAL DE PROCESSOS CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: ADMINISTRATIVO MANUAL DE PROCESSOS SETOR: Nº DOC.: FOLHA:02/16 MATRIZ DE PROCESSOS E ATIVIDADES Missão: Organizar e controlar o sistema contábil/financeiro

Leia mais

Unimed Norte Capixaba. "Menos Burocracia Mais Produtividade"

Unimed Norte Capixaba. Menos Burocracia Mais Produtividade Unimed Norte Capixaba "Menos Burocracia Mais Produtividade" Sobre Nós! Unimed Norte Capixaba, fundada em 09 de maio de 1990 no município de Linhares no Norte do Estado do Espírito Santo. Conta com 279

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda, uma

Leia mais

Sistema Gestão Comercial 2012

Sistema Gestão Comercial 2012 Sistema Gestão Comercial 2012 Charles Mendonça Analista de Sistemas Charles Informática Tecnologia & Sistemas Charles System Gestão Empresarial O Charles System é um software para empresas ou profissionais

Leia mais

Aquisição de Cartões por Funcionários

Aquisição de Cartões por Funcionários Aquisição de Cartões por Funcionários Aquisição de Cartões por Funcionários Você, que trabalha na Votorantim Finanças, não paga anuidade do Cartão de Crédito Banco Votorantim enquanto for funcionário.

Leia mais

Site Tricard A ferramenta de gestão do Cartão Tricard

Site Tricard A ferramenta de gestão do Cartão Tricard Site Tricard A ferramenta de gestão do Cartão Tricard 04 Acessando o Site Tricard Posição de Propostas Acões para sua Loja 09 13 30 Manuais de Treinamento 02 Introdução No Site Transacional Tricard, você

Leia mais

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Painel de recebíveis e Painel de linhas de crédito Versão 1.0 1 As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis

Leia mais

SERVIDOR CORRESPONDENTE

SERVIDOR CORRESPONDENTE CONVÊNIO EMDEC CNPJ: 44.602.720/0001-00 UF: SP. PÚBLICO ALVO Efetivos/Concursados, Ativos, Inativos e Pensionistas. CÁLCULO DE MARGEM Margem = Assumir a informação do site. PERCENTUAL DE MARGEM 100% QUANTIDADE

Leia mais

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031.

Sumário. www.samisistemas.com.br Porto Alegre 51 3254.5454 Florianópolis 48 3094.1775 São Paulo 11 3076.499 Rio de Janeiro 21 3031. Sumário Legenda... 3 1. Caixa... 4 1.1. Caixa... 4 1.1.1. Abertura de Caixa... 4 1.1.1.1. Lançamentos de Caixa... 6 1.1.2. Fechamento de Caixa... 38 1.2. Consultas... 39 1.2.1. Fita do Caixa... 39 1.2.2.

Leia mais

Estrutura de Relacionamento:

Estrutura de Relacionamento: 1 Índice Por que ter Guia de Relacionamento e Suporte?... 3 Qual a Estrutura de Relacionamento com o Cliente?... 3 Agente de Atendimento (CAT):... 3 Gerente de Contas (GC):... 3 Gerente de Serviço (GS):...

Leia mais

Plano de Controle de Qualidade. Resolução 3.954

Plano de Controle de Qualidade. Resolução 3.954 Plano de Controle de Qualidade Resolução 3.954 1. DA RESOLUÇÃO 3.954, DE 24 DE FEVEREIRO DE 2011 Com as alterações advindas pela Resolução 3.954/11, um dos objetivos do Conselho Monetário Nacional é que

Leia mais

Consignação Manual do Correspondente Consignação

Consignação Manual do Correspondente Consignação Manual do Correspondente Consignação Banestes S.A. - Banco do Estado do Espírito Santo GCONS - Gerência de Consignação SUMÁRIO 1. Conceito...3 2. Apresentação...3 3. Informações Gerais...3 3.1. Condições

Leia mais

Programa Parceiros NotaNet Proposta de Parceria

Programa Parceiros NotaNet Proposta de Parceria Programa Parceiros NotaNet Proposta de Parceria Page 1 of 5 SOBRE O UOL E A BOLDCRON O UOL é o principal portal da internet brasileira e líder em audiência. Segundo o Ibope, a audiência residencial do

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais/CVB s 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda,

Leia mais

CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO

CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO Para uma instalação segura e sem imprevistos, a equipe técnica da JOTEC, preparou este cronograma com 7 etapas que deverão ser seguidas utilizando todos os materiais de apoio enviados

Leia mais

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos:

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos: A sua Solução de Gestão Empresarial O Precision é a solução de Gestão Empresarial de baixo custo que a Maggiore Sistemas disponibiliza para pequenas e médias empresas. Desenvolvido e comercializado em

Leia mais

INTRODUÇÃO REQUISITOS TECNOLÓGICOS E DE AMBIENTE

INTRODUÇÃO REQUISITOS TECNOLÓGICOS E DE AMBIENTE INTRODUÇÃO Na intenção de realizar um novo sistema financeiro para a gestão de recursos de convênios celebrados pela Academia Brasileira de Ciências, o setor de informática juntamente com o setor financeiro

Leia mais

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com.

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com. Tactium Tactium CRManager CRManager TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades 1 O TACTIUM CRManager é a base para implementar a estratégia de CRM de sua empresa. Oferece todo o suporte para personalização

Leia mais

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 Manual Ciaf NFC-e Gratuito Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 1 Cadastro de Clientes Nesta opção iremos armazenar no sistema

Leia mais

Passos para teste de boletos pré-produção

Passos para teste de boletos pré-produção Passos para teste de boletos pré-produção Os passos citados abaixo apenas poderão ser efetuados após a homologação dos boletos junto ao banco. Este processo é realizado pela MTI e liberado à empresa que

Leia mais

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo

www.sistemainfo.com.br Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Processo de transporte e logística Objetivo Há 20 anos desenvolvendo soluções para a gestão de transporte e logística. Agilidade, segurança e flexibilidade nos processos são os compromissos da Sistema Informática com seus clientes. Sediada em Criciúma,

Leia mais

Virgílio Gibbon. Diretor Financeiro

Virgílio Gibbon. Diretor Financeiro Virgílio Gibbon Diretor Financeiro Cuidando do Cofre $$$ 2 Estrutura Organizacional Diretor Financeiro Planejamento Expansão Tesouraria Controladoria Relações com Investidores Jurídico 3 Cuidando do Cofre...

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO A UMUARAMA S/A C.T.V.M, denominada simplesmente Corretora, em atenção ao disposto no art. 6º da Instrução nº 387/03 da CVM, define através deste documento, suas regras e

Leia mais