2008 ANO AÇORIANO. 4) Fórum de debates sobre o povoamento e imigração açoriana na região.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2008 ANO AÇORIANO. 4) Fórum de debates sobre o povoamento e imigração açoriana na região."

Transcrição

1

2 2008 ANO AÇORIANO Estamos festejando os 243 Anos da chegada dos pioneiros aos Campos de Cima da Serra, na sua grande maioria açorianos, que povoaram esta região, em nome da Coroa Portuguesa. Com o único propósito de resgatar pessoas e fatos, que não podem cair no esquecimento, nos valemos de algumas iniciativas, que contemplam a grande reportagem que pretendemos realizar. Destacamos algumas, como: 1) Concurso para descendentes de açorianos. 1º Prêmio: Viagem aos Açores. Estão abertas as inscrições, com encerramento alterado para 12 de outubro, tendo em vista os impedimentos da legislação eleitoral. Resultados serão divulgados no dia 22 de outubro em nosso site. 2) Museu da cultura açoriana e projeção de filmes com imagens e depoimentos. 3) Festival de Música para autores e intérpretes do Ensino Fundamental e Médio. 4) Fórum de debates sobre o povoamento e imigração açoriana na região. 5) Reportagem escrita em fascículos, resgatando a VacariaAçoriana de ) No primeiro volume, a história de José Campos de Bandemburgo, o Pai Adão de Vacaria e do Patriarca ANTONIO BORGES VIEIRA e sua mulher TERESA RODRIGUES DE JESUS. Na página central estão retratadas fazendas da região, influênciasaçorianas nos Campos de Cima da Serra. 7) Destaque para os descendentes dos Borges Vieira, em cargos públicos: José Camargo, Médico/Cirurgião - Paulo Tigre, Presidente da FIERGS - Fernando Lemos, Presidente do Banrisul - Onix Lorenzoni, Osmar Terra, Deputados Federais - Paulo Borges, Deputado Estadual Renato Marques, Embaixador Elin Saturnino Dutra, Embaixador no Cairo. Ex-deputados Caetano Peruchin, Ecléa Fernandes, Jarbas Lima, Porcínio Pinto, Eloar Guazzelli, Getúlio Marcantonio, Adão Brum Vianna, Avelino Paim, ex-governador Synval Guazzelli, ex-prefeito Protásio Guazzelli, ex-senador Firmino Paim Filho, ex-deputado Federal Manoel Duarte, cujo 50º de sua morte lembramos em novembro passado, entre outros. Sugira outros personagens da nossa história, pelo 1

3 8) A abertura destas comemorações foi no dia 18 de dezembro, quando a Assembléia Legislativa condecorou com a Medalha do Mérito Farroupilha o médico cirurgião José Camargo, um dos profissionais mais respeitados da saúde pública brasileira. Camargo é descendente dos pioneiros da colonização açoriana nos Campos de Cima da Serra. 9) Como parlamentar representante dos Campos de Cima da Serra, no Parlamento riograndense é meu dever incentivar a pesquisa, debate e valorização da rica história da etnia portuguesa e sua influência na cultura regional. Faremos, com muitas mãos, a reportagem dos 243 anos da chegada dos pioneirosaçorianos. Abril 2008 Francisco Appio Deputado Estadual FONTE VIRTUAL - Como suporte às pesquisas dos participantes do concurso literário, produzimos a versão digital dos livros Rainha do Planalto, 1959, do Professor José Fernandes de Oliveira, Vacaria dos Pinhais, 1996, de Fidélis Dalcin Barbosa, Genealogia da Família Borges Duarte, 1981, por Theodoro Carneiro Duarte, o livro No Planalto de Manuel Duarte editado em 1930, sobre Vacaria e o relatório de Sátiro Dornelles Oliveira Filho, O concurso teve seu prazo de entrega prorrogado para o dia 10 de Outubro ajustando-se assim a legislação eleitoral. Mais informações em nosso site. 2

4

5 VACARIA DA COXILHA GRANDE Limitados por um lado pelo rio Pelotas, pelo outro pelo rio das Antas, que correm por entre escarpas e penhascos, os Campos de Cima da Serra formam um planalto que tem outros dois grandes obstáculos limítrofes, ao sul os Aparados da Serra e ao norte o Mato Castelhano, inexpugnável nos primórdios, fortaleza dos indígenas no enfrentamento dos bandeirantes, tropeiros e invasores. Como divisora das águas, a Coxilha Grande inicia nos Ausentes, percorrendo de leste a oeste com os nomes de Xaxim, Santa Cruz, Capão Ralo, Dois Capões, Pinheiro Grosso, Moirão, Baú, Morro Agudo, Lomba Chata, Vila Velha, Morro da Espera, Tijuco Preto, Capão da Herança, Saltinho, Leão (altitude de metros), Extrema, Santa Rita, Capão Bonito. A Coxilha Grande separa a bacia oriental da ocidental, pois deste lado os rios deságuam no Pelotas, que alimentará o rio Uruguai. De outro servirá o rio das Antas, que dará na bacia do Taquari, desaguando no Guaíba. (Coxilha: Campina com pequenas e contínuas elevações, arredondadas, típica da planície gaúcha Aurélio Buarque de Holanda) VACARIA ESPANHOLA A Baqueria de Los Pinhales, assim denominada pelos Jesuítas Espanhóis (fundada em 1697), entrou em novo ciclo histórico com o Tratado de Madri (1750), que devolveu o domínio territorial aos portugueses. Os Jesuítas povoaram a região com grandes rebanhos de gado, que serviam aos índios guananás, coroados ou caigangues, estes nômades, liderados pelos espanhóis, estiveram localizados na serra das Antas. Enquanto isso, os guananás ocupavam as abas do rio Pelotas e foram os primeiros conquistados pelos padres jesuítas, a quem serviram especialmente nas lidas pastoris. Os guananás deram-se bem no manejo do gado da Vacaria dos Pinhais, desempenhando as funções atribuídas pelos jesuítas, que regularmente visitavam a região. 4

6 O Padre Cristóvão de Mendonza é reconhecido pelos historiadores como o introdutor do gado nos Campos de Cima da Serra. Tem registro que mesmo antes do Tratado de Madri, portugueses da Colônia do Sacramento faziam investidas por couro, sebo e graxa. Por outro lado, os bandeirantes percorreram a região, como Francisco de Sousa e Faria que em 1729, pelo caminho de Curitiba-Laguna, conseguiu aventurar-se pela serra chegando até o Morro dos Conventos e depois até Vacaria. Seguindo por entre penhascos da serra, o Cel. Cristóvão Pereira de Abreu, em 1738, percorreu o planalto até o Mato Castelhano. Fez relatos brilhantes aos açorianos de Laguna sobre os belos campos e paisagens, despertando o interesse pelas terras e pelo gado. Não foi pacífica a substituição do domínio espanhol pelo português, obrigando a Monarquia a distribuição das terras em sesmarias, bem como a incentivar a migração para ocupar o território. Pelo Tratado, os espanhóis deixaram a região com todos os seus móveis, pertences e feitos, levando consigo os índios para se aldearem em outras terras da Espanha. Nem todos os indígenas assim procederam. Em 1754, sob comando de Sepé Tiarajú, atacaram Rio Grande e Rio Pardo. Sepé foi preso, mas conseguiu fugir das forças comandadas por Pinto Bandeira. Tombou ferido de morte, no confronto de 1756, às margens do rio Vacacaí, fulminado por tiro de pistola, disparado pelo governador de Montevidéo, José Joaquim Viana. No arroio Caiboaté, morreram 1200 índios. Rafael Pinto Bandeira notabilizou-se no enfrentamento com os indígenas resistentes ao Tratado de Madri e no combate aos castelhanos invasores, como em 1776, onde após grande vitória ocupando o Forte de Santa Tecla, monumental fortaleza há cinco quilômetros de Bagé, foi imortalizado pela fama que correu a América Portuguesa e Lisboa. Rafael Pinto Bandeira recebeu em Lisboa o título de General do Exército Português e o comando do Rio Grande do Sul, como governador. Morreu com apenas 54 anos. VACARIA DAS SESMARIAS As primeiras quatro sesmarias foram concedidas em 1752 no Distrito da Serra, tendo prioridade nestes Atos Governamentais o Coronel Cristóvão Pereira de Abreu, legendária figura, um nobre fidalgo português que, ainda solteiro, chegou ao Rio de Janeiro em Aos 42 anos arrematou, em leilão promovido pelo Rei, o monopólio de couros do sul do Brasil, pagando impostos. 5

7 Transformou a Colônia do Sacramento no maior empório mundial da época, comércio e contrabando de couro, ao exportar 500 mil peças/ano, sendo um dos primeiros tropeiros a transportar tropas para o mercado das minas de ouro no centro do Brasil. Foi o primeiro grande estancieiro do Rio Grande. Cristóvão associou-se ao lagunense Francisco de Sousa Faria para abrir caminho pela serra, desde o Morro dos Conventos em Araranguá, até Sorocaba, cruzando pelos campos de Vacaria e Lages em Foi por este caminho que conduziu em 1729 a primeira leva de centenas de cavalos e mulas. Na segunda viagem, que durou 14 meses, com 130 tropeiros, levou 3000 animais à Feira de Sorocaba. Cristóvão Pereira de Abreu recebeu a incumbência, em 1736, com 160 homens de, em cinco meses, dominar o sul do continente, edificando fortificações para repelir ataques dos castelhanos, preparando a fundação oficial do Rio Grande do Sul, o que se deu em 19/02/1737. O ciclo dos tropeiros facilitou a ocupação portuguesa, pois além da sesmaria concedida a Cristóvão Pereira de Abreu, outra foi destinada ao lagunense Francisco de Sousa e Faria, Sargento Mor, e ao Capitão Pedro da Silva Chaves. A fazenda Sousa, em Caxias do Sul, era sede de uma das sesmarias concedidas a Francisco de Sousa e Faria, segundo deduziu o escritor Mário Gardelin, pelas escrituras de vendas (Raízes de Vacaria ). Concedida a sesmaria, era condição essencial que o donatário nela se domiciliasse, não podendo fazê-lo de imediato, devia ao menos tomar posse para assegurar o seu direito. Nem todos assim agiram, alguns sesmeiros abriram mão e as terras foram arrematadas em leilão, na ausência dos donatários, originando o nome de Ausentes, antigo distrito de Bom Jesus, atual município de São José dos Ausentes. Assim, o paulista José Campos de Bandemburgo foi um dos primeiros a reclamar a posse da Fazenda Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Em áreas que ele conhecia desde 1753, segundo alguns registros, estabeleceu-se com pecuária, mas sem atividade regular. É lembrado como Pai Adão de Vacaria, o primeiro proprietário rural, como veremos neste Capítulo. 6

8 PASSO DE SANTA VITÓRIA Os tropeiros procedentes das Missões a caminho de Sorocaba, principiaram suas jornadas, cruzando o rio Pelotas entre Bom Jesus e Lages, pelo Passo de Santa Vitória, assim denominado na Revolução Farroupilha. Em 26/05/1780 foi instalado o Registro, para a cobrança de impostos. Cinco anos depois, para fugir do pagamento, tropeiros abriram caminho pela barra do Marombas, no Passo do Pontão, entre Barracão e Campos Novos, na BR 470, oficializado em 1818 pelo bandeirante Atanagildo Pinto Martins. Em 04/03/1848 o Registro de Santa Vitória foi transferido para o Barracão. No local Passo de Santa Vitória, onde Anita Garibaldi ficou grávida do filho Menotti, que nasceu nove meses depois em Mostardas, o Governo Federal pretende construir a Usina Hidrelétrica de Paiquere. Neste local, nas comemorações do aniversário de nascimento de Anita, o prefeito Geraldo Grazziotin de Bom Jesus, o deputado Francisco Appio, a historiadora Elma Sant'Ana e uma grande caravana afixaram uma placa comemorativa junto às taipas do antigo Registro. LAGUNA, o primeiro porto de desembarque para a maioria dos açorianos que cruzaram o Atlântico, foi o ponto de planejamento e partida dos pioneiros que se estabeleceram na antiga Vacaria. COLONIZAÇÃO AÇORIANA Descoberto pelos portugueses, o Arquipélago dos Açores foi colonizado a partir de 1439, por colonizadores de Portugal, Holanda, Espanha, França, além de árabes e judeus. No seu livro História do Rio Grande do Sul, 4ª edição 1995, o escritor lagoense Fidélis Dalcin Barbosa resgata que em 1620 as ilhas estavam superpovoadas e a população vivia em penúria. Antes da vinda dos casais imigrantes, açorianos avulsos chegavam ao território riograndense, como em 1748 em Laguna, 1749 em Rio Grande, 1752 no Porto de Viamão, depois denominado Porto dos Casais. O número de 4 mil casais da Ilha dos Açores aparece em documentos oficiais. Em 1780 havia no Estado açorianos, constituindo 55% da população. Destinados a ocupar as terras, cuja conquista se dera pelo Tratado de Madri, os portugueses introduziram um revolucionário sistema de pequenas propriedades, na Grande Porto Alegre, ao invés de sesmarias. No Planalto, mais tarde denominado Campos de Cima da Serra, entretanto, a concessão de sesmarias fora feita ainda em

9 No Arquivo Público, consta que entre 1780/1800 foram feitas concessões a mais de cem proprietários rurais. Fidélis escreve que os açorianos formavam a elite do povo português, o elemento mais excelente da península, pertencente à nobreza portuguesa. Dotado de natural vivacidade, trabalhador, liberal, hospitaleiro, generoso, alegre, expansivo, caritativo, vigoroso, sóbrio, mas inimigo da vida militar. As mulheres eram em geral belas, esbeltas, virtuosas, inteligentes, de olhos castanhos, de extrema vivacidade e meiguice. Muitas eram de tez alvíssima e de olhos azuis, denunciando a influência flamenga dos povoadores dos Açores. Distinguiam-se pela profunda religiosidade, pela devoção ao Divino Espírito Santo, em cuja honra faziam novenas. Lages, Viamão e Laguna eram os pontos mais próximos da Vacaria, que já existia como ponto de referência, pela ocupação espanhola, mas estava isolada por falta de estradas e qualquer outro meio de comunicação. O fato dificultou a fixação de numerosas famílias, agravado pela substituição dos espanhóis pelos portugueses, não assimilada pelos habitantes indígenas. Ferozes e vingativos, escreveu o professor José Fernandes de Oliveira (Rainha do Planalto-1991), os índios ficaram revoltados com as mudanças do homem branco. Resistiram, impuseram revezes, até serem dominados e colocados em áreas a eles reservadas, em Cacique Doble, Charrua, entre outros. No ano de 1760, as terras da Capitania do Rio Grande de São Pedro eram divididas em quatro províncias, conforme observa a carta geográfica do Alferes Antonio Inácio Rodrigues de Córdova, engenheiro auxiliar no Tratado de Santo Ildefonso (1777). As quatro eram: Nossa Senhora da Oliveira da Vacaria (Campos de Cima da Serra e Planalto), Viamão (Núcleo central, sede do governo e capital do Continente do Rio Grande), Rio Grande de São Pedro (fronteira no extremo meridional) e Rio Pardo. Em 1803, o Príncipe Regente de Portugal oficializou a divisão administrativa e judiciária em quatro municípios. Vacaria ficou pertencendo a Santo Antonio da Patrulha, um dos primeiros municípios. 8

10 MIGRAÇÃO EM 1765 Em torno de Fortes e Capelas formaram-se pequenos núcleos. A capela de Nossa Senhora da Oliveira, cuja imagem fora descoberta em 08/09/1750, foi oficialmente criada em 20/03/1761, a criação da Freguesia em 20/09/1768. Destruídas as reduções Espanholas, exterminados os indígenas, expulsos os Jesuítas, o gado de suas imensas estâncias e de Vacaria foi se criando alçado e sem dono ao longo da campanha. Com a descoberta desta fabulosa riqueza, pelos bandeirantes e Tropeiros Birivas, surgiram os caçadores de gado. Cavalos e mulas eram levados para São Paulo e Minas Gerais, para o serviço e transporte da extração de minérios. O gado era vendido para aproveitar couro, graxa e sebo. Foi nestas condições que chegaram os Pioneiros, entre os quais o patriarca de Vacaria, ANTONIO BORGES VIEIRA, nascido em Lisboa e sua mulher TERESA RODRIGUES DE JESUS, nascida em Laguna, onde também nasceu o primogênito Antonio Borges Vieira, em No ano de 1765 o casal deixou Laguna, na companhia de Manoel Rodrigues de Jesus, sua mulher Clara Jorge da Silva, Francisco e José Rodrigues de Jesus, para a grande empreitada. Manoel, Francisco e José Rodrigues de Jesus eram irmãos da Teresa Rodrigues de Jesus. Clara Jorge da Silva, a filha única de José de Campos Bandemburgo, o Pai Adão de Vacaria, cujo histórico abordaremos na Segunda Parte desta reportagem. O BERÇO DE LAGUNA No livro ANITA A GUERREIRA DA REPÚBLICA, o ex-prefeito e escritor Adílcio Cadorin escreveu que a partir de Laguna organizaram-se diversas expedições visando à ocupação meridional do território, em nome da Coroa Portuguesa. Último povoado do Sul teve importância estratégica para ocupar o território do Rio Grande do Sul, ameaçado que estava pela colonização espanhola. Para tomar posse e colonizar a região, depois conhecida como Colônia de S. Pedro e parte da Colônia do Sacramento, centenas de lagunenses, na maioria das vezes acompanhados de suas esposas e familiares, participaram destas expedições, o que fez com que, em diversos momentos da sua história, Laguna ficasse com uma população reduzida a crianças, idosos e poucas mulheres. 9

11 Famílias tradicionais, cujos membros e sucessores foram posteriormente os responsáveis pela construção da história e epopéia rio-grandense como os Peixoto, Amaral, Silva, Almeida, Pinto, Antunes, Magalhães, Pereira, Silveira, Andrade, Abreu, Salvador, Souza, Cabra, Melo, Dias, Azevedo, Bento, Ribeiro, e muitas outras, partiram do antigo povoado de Santo Antônio dos Anjos da Laguna para o inicio da construção da epopéia sulista. A ocupação sulista a partir de Laguna tinha o claro propósito de plantar novos centros populacionais nos imensos espaços vazios e cumprir o desejo de Lisboa de garantir a posse da ainda inabitada área. Este vasto território era rico em gado e cavalares, cujas matrizes haviam sido trazidas e ali soltas para criarem-se alçadas pela casa de Castela e pelos jesuítas das reduções missionárias que estabeleceram-se na região banhada pelo Rio Uruguai. Foi no início de 1700 que os primeiros lagunenses estabeleceram-se em Viamão, onde formaram as primeiras estâncias sem arramados, dali fazendo incursões até às proximidades de Maldonado, no Uruguai de hoje, para recolherem o abundante gado xucro existente nas pradarias que encontraram. Ao peso de muitas vidas, enfrentaram com sucesso os primitivos proprietários da terra, os índios charruas e os minuanos, que anos antes já haviam repelido tentativas de ocupação que foram realizadas pelo Governador do Paraguai, na época sede dos domínios de Castela, que compreendia a vasta área entre Buenos Aires e o Peru. A epopéia lagunense, ainda não conhecida e devidamente difundida pela maioria dos livros e currículos escolares, é reconhecida por expoentes pesquisadores e nativistas riograndenses, unânimes em reconhecer que o tipo gaúcho foi fecundado com o sêmen da coragem lagunense e gestado no ventre do espírito libertário dos índios charruas, carijós e minuanos. A expressão contida na bandeira do atual Município de Laguna traz uma inscrição latina que traduz toda a gloriosa epopéia de seu pioneiro povo, afirmativa de que para o sul levou o Brasil: Ad Meridiem Brasiliam Duxi. 10

12 ANITA AÇORIANA No início do século passado não existiam os cartórios de registro civil nos moldes de hoje. Tal função era feita exclusivamente pela Igreja Católica, que lavrava em registros próprios os atos da vida civil, em forma de fatos religiosos, de cada uma de suas respectivas paróquias. Diversas foram as pesquisas feitas para desvendar as origens dos pais de Ana Maria de Jesus Ribeiro, depois conhecida como Anita Garibaldi, todas, porém sem muito sucesso, tendo em vista a distância de tempo ocorrida entre o início e o final destes cinco séculos de nossa história, associado ainda pela precariedade e quase inexistência dos registros públicos da estrutura organizacional das capitanias hereditárias e do vice-reinado brasileiro. Embora alguns historiadores e pesquisadores tenham tentado, não foi possível até o presente momento encontrar as origens familiares mais distantes de Bento Ribeiro da Silva, o pai de Anita. Sobre ele descobriu-se apenas que era brasileiro, natural de S. José dos Pinhais, no Paraná, e que era filho de Manoel Colaço e de Ângela Maria. Melhor sorte foi obtida quando foram pesquisadas as origens da mãe de Anita, D. Maria Antonia de Jesus Antunes, restando comprovado ser filha de Salvador Antunes e de Quitéria Maria de Souza. Os Antunes haviam migrado de S. Paulo, onde nasceu Salvador, tendo fixado residência em S. José dos Pinhais em data desconhecida. Quitéria Maria de Souza era filha de Antônio José de Souza, originário da Ilha de São Miguel, nos Açores. Adilcio Cadorin relata ainda em suas pesquisas que, segundo o historiador Amádio Vetoretti, em 1803 as plantações de Salvador Antunes, localizadas nas margens do Rio Tubarão, teriam sido atacadas por índios. Em 1807, o mesmo Salvador Antunes teria recebido uma sesmaria de terras, por doação, naquelas cercanias. Seu registro de óbito consta que faleceu em 05/10/1830, em Laguna. 11

13 Por dedução lógica, tais fatos levam o autor a acreditar que Bento Ribeiro da Silva conheceu Maria Antônia de Jesus Antunes nas cercanias onde encontra-se a cidade de Tubarão, levando-a para esposar em Lages. A origem da cidade de Tubarão está ligada à construção de uma estrada que ligava a Vila de Lages à Vila de Laguna. Talvez porque a tivesse encontrado no caminho da Laguna/Lages durante suas tropeadas, ou talvez porque a conheceu em Lages, após para lá ter migrado, a verdade é que Bento Ribeiro da Silva, em 13/06/1815, na "Freguesia de Nossa Senhora dos Prazeres de Lages", casou-se com Maria Antônia de Jesus Antunes, natural da então Vila da Laguna, que após o casamento ficou sendo conhecida pela alcunha de "Maria Bento". PATRIARCA Antonio Borges Vieira, com Teresa Rodrigues de Jesus, formam o marco inicial entre os pioneiros, com a união dos ramos portugueses e brasileiros tiveram 82 descendentes diretos casando-se entre 1911 e Aqui chegando em 1765, fixou residência no centro do planalto, onde formou sítio de duas léguas de fundo, por uma de frente, a qual chamou de Fazenda Sant'Ana, mais tarde Fazenda dos Órfãos. O desafortunado casal viveu pouco tempo, mas o suficiente para ter mais nove filhos. Antonio faleceu em 10/12/1776 e Teresa logo depois em 08/04/1777. O casal deixou dez filhos menores sob os cuidados de Manoel Rodrigues de Jesus e Clara Jorge da Silva, na Fazenda do Socorro. O mais velho, Antonio Borges Vieira, foi o único que não nasceu em Vacaria e tinha 12 anos quando seu pai morreu. Maria Borges Vieira foi a primeira a nascer em Vacaria, tão logo seus pais lá chegaram. Depois dela, João Borges Vieira, Paula Borges Vieira, Teresa Borges Vieira, José Borges Vieira, Antonia Maria Vieira, Rosa Borges Vieira, Francisco Borges Vieira e a caçula Ana Borges Vieira de 5 meses na morte do pai. Estes casaram e multiplicaram-se. Em 1779 houve grande conflito com os coroados, que infligiram continuado tormento às famílias açorianas, pelos ataques que praticavam contra propriedades e pessoas. Atentados, seqüestros, incêndios, matança geral, obrigaram o deslocamento de muitas famílias para Lages, outras para a região das missões em busca de sossego. Muitas não regressaram, nem mesmo depois da ação rápida e fulminante do Coronel Joaquim José Pereira, nomeado pela Corte para proteger os portugueses, deslocando os índios para pontos remotos. 12

14 Permaneceram seis casais considerados pioneiros e troncos vetustos das famílias. ANTONIO BORGES VIEIRA E TERESA RODRIGUES DE JESUS JOSÉ DE CAMPOS BANDEMBURGO E MARIA DO REGO MELO MANOEL RODRIGUES DE JESUS E CLARA JORGE DA SILVA MANOEL DE SOUSA DUARTE E MARIA RODRIGUES DE JESUS ANTONIO MANOEL VELHO E IGNÁCIA DE JESUS VELHO IGNÁCIO FERNANDES DOS REIS E PÁSCOA GONÇALVES DE JESUS Os casais eram ligados entre si por laços de família, como Manoel de Sousa Duarte, cunhado de Manoel Rodrigues de Jesus. Manoel, por sua vez era genro de José Campos de Bandemburgo, irmão de Teresa Rodrigues de Jesus e cunhado do patriarca Antonio Borges Vieira. José Campos de Bandemburgo, o Pai Adão, era o pai de Clara Jorge da Silva, casada com Manoel Rodrigues de Jesus, cunhado do Patriarca Antonio Borges Vieira. Antonio Manoel Velho e Ignácio Fernandes dos Reis eram casados com irmãs de Teresa Rodrigues de Jesus. Estes seis casais não abandonaram seus domínios, nem mesmo durante os conflitos com os indígenas. No livro Rainha do Planalto, 1959, o professor e pesquisador José Fernandes de Oliveira resgata a formação do tronco BORGES VIEIRA RODRIGUES DE JESUS, considerado marco inicial de numerosas famílias, ligados aos Pinto Ribeiro, Teles de Sousa, Correia de Almeida, Leme de Sousa, Domingues Vieira, Cordeiro e Rego. A descendência gerou laços familiares com as famílias Teixeira, Pinto, Duarte, Almeida, Soares, Morais, Siqueira, Rodrigues, Amaral, Batista, Lisboa, Figueiredo, Ferreira, Carneiro, Pereira, Fernandes, Bueno, Xavier, Góis, Pimentel, Nunes, Paixão e outras tantas, segundo o saudoso professor, autor da única fonte de pesquisa sobre os pioneiros de Vacaria. O professor Fidélis Dalcin Barbosa escreveu Vacaria dos Pinhais, 1998, acrescentando relatos e informações. Antes o Dr. Manoel Duarte, no livro Planalto, relatou sobre fatos e pessoas. Os filhos, quatro homens e seis mulheres, de Antonio Borges Vieira e Teresa Rodrigues de Jesus tiveram grande descendência. 13

15 1) Antonio Borges Vieira, o primogênito nascido em Laguna, casou em Vacaria com Teresa Ribeiro de Lima e morreu em 12/12/1849, deixando em testamento 5 filhos legítimos Apolinária, Vasco, Elias, Leonilda e Bertolina e cinco filhos naturais reconhecidos, Paulo, Felicio, Manoel, Emiliana e Maria Gertrudes (página 26 de Rainha do Planalto); 2) Maria Borges Vieira nasceu em Vacaria em 1765, casou com Rafael Pinto de Figueiredo, natural de São Paulo (p. 29); 3) João Borges Vieira nasceu em Vacaria em 1766, casou com Francisca Xavier Ribeiro, cujos pais eram naturais de Curitiba e Minas Gerais. O casal teve 10 filhos, Manoel Borges Vieira, Rosa Borges Vieira, Bárbara Borges Vieira, Donaciana Borges Vieira, Rita Borges Vieira, Inácia Borges Vieira, Felisberta Borges Vieira, Ana Borges Vieira, João Borges Vieira e Antonio Borges Vieira (p. 32); 4) Paula Borges Vieira, nascida em Vacaria em 1767, casou com o lageano Manoel Joaquim do Rego e teve uma filha Josefa, nascida em 1796 (p. 106); 5) Teresa Borges Vieira, nascida em Vacaria em 1768, casou e residiu em Campos Novos (páginas 106/107); 6) José Borges Vieira nascido em Vacaria em 1769, casou e residiu em Soledade, onde deixou descendência (p. 107); 7) Antonia Maria Vieira, nascida em Vacaria em 1770, casou em 05/12/1789 com João Inácio do Amorim e residiu em Laguna (p. 107); 8) Rosa Borges Vieira nascida em Vacaria em 1771, casou e residiu em Curitibanos, onde deixou descendência (p. 107). 9) Francisco Borges Vieira nasceu em 1773, casou com a prima Inácia, que passou a chamar-se Inácia Rodrigues Vieira, filha de Manoel Rodrigues de Jesus e de Clara Jorge da Silva. Por escritura em 1847, Francisco Borges Vieira e Inácia R. Vieira, doou a área da cidade de Vacaria. Francisco morreu em 1853, deixou 9 filhos: Luís Borges Vieira, José Borges Vieira, Lúcio Borges Vieira, Herculana Borges Vieira, Gabriela Borges Vieira, Josefa Borges Vieira, Florisbela Borges Vieira, Filisbina Borges Vieira e Balbina B. Vieira (p. 107); 10) Ana Borges Viera, nascida em Vacaria em 1777, pouco antes da morte de sua mãe e pouco depois da morte do pai. Ana ficou órfã com apenas 5 meses de idade. Casou com José Vieira Cordeiro e após o nascimento do primogênito Rogério Vieira, fixou residência em São Joaquim, onde deixou descendência (p. 143). 14

16 A VACARIA DOS BORGES O tronco Borges Vieira Rodrigues de Jesus, obteve a maior descendência em Vacaria com Antonio Borges Vieira, João Borges Vieira, Francisco Borges Vieira que deram 24 netos ao patriarca Antonio Borges Vieira, que nasceram e a grande maioria, aqui permaneceu. Maria Borges Vieira de Figueiredo foi das filhas, a única que permaneceu em Vacaria e deu-lhe uma neta, Eufrásia Pinto de Figueiredo, que por sua vez casou com seu sobrinho José Rodrigues de Jesus, neto do Pai Adão de Vacaria, José Campos de Bandemburgo, deixando grande descendência, gerando as famílias Rodrigues de Sousa, Teles de Sousa, Rodrigues Neri, Morais, Barbosa, Xavier, Fonseca, Almeida, Figueiró, entre outras. As outras cinco filhas casaram e foram residir em Lages, Campos Novos, Laguna, Curitibanos e São Joaquim. Paula Borges Vieira do Rego, a segunda filha casou em Lages, deu-lhe uma neta, Josefa Borges Vieira do Rego. Teresa Borges Vieira, a terceira filha, casou e foi residir em Campos Novos. Antonia Vieira Amorin, a quarta filha, casou e foi residir em Laguna. Rosa Borges Vieira, a quinta filha, casou e residiu em Curitibanos. Ana Borges Vieira Cordeiro, a sexta filha, casou com José Vieira Cordeiro e residiu em São Joaquim. José Borges Vieira foi o único filho do patriarca que deixou Vacaria, casou e residiu em Soledade, onde deixou descendência. Antonio Borges Vieira, o filho mais velho do Patriarca, casou com Teresa Ribeiro de Lima, teve forte descendência nas famílias em Cruz Alta pela filha Apolinária, casada com Antonio Pereira Borges. Pelo filho Vasco, casado com Mauricia Antonia de Siqueira. Pelo neto Vasco, casado com Teresa Pinto Rodrigues. Pelo filho Elias, Alferes, casado com Laura Maria Ribeiro, em segundas núpcias com Apolinária Carolina do Amaral. Pela filha Leonilda que casou com Antonio Teles de Sousa. Pela filha Bertolina, casada com Claudino de Oliveira Rosa. Por Manoel Borges Vieira, filho natural reconhecido que casou e residiu em São Borja. Pela Emiliana, filha natural reconhecida, casada com Pedro Ribeiro. Pela neta Maria Borges Vieira, casada com Joaquim José da Cunha, com onze filhos. 15

17 João Borges Vieira o segundo filho do patriarca, casado com Francisca Xavier Ribeiro, teve dez filhos, que geraram descendência entre as famílias Correia de Almeida, Teles de Sousa, Rodrigues Barbosa, Morais Borges, Broglio, Rigon, Paim, Lorenzi, Zamboni, Vieira de Sousa, Vieira de Camargo, Vieira Soares, Carneiro, Burger, Petersen, Lança, Oliveira, Moreira Leite, Lopes, Faccioli, Vepo, Gonçalves, Rodrigues de Siqueira, Fernandes Borges, Neri dos Santos, Ramos Camargo,Sousa Duarte, Borges dos Santos. Na mesma linha de descendência estão: Branco de Camargo, Vieira Dutra, Pereira de Camargo, Kramer, Pereira Boeno, Texeira Pinto, Teixeira Borges, Cabral, Pires, Ferrazzi, Paim Borges, Mota, Pacheco, Gonzaga, Lima, Fernandes da Fonseca, Azambuja, Moojen, Dip, Meireles, Fernandes de Oliveira, Chedid, Marcantonio, Murici, Totti, Michielin, Araponga Paim, Fernandes Martins, Fernandes de Morais, Giuriolo, Dias, Gualdi, Roxo, Cunha, Reali, Paim de Lima, Guazzelli, Paglioli, Kramer da Fonseca, Duarte Dornelles, Palombini, Estrazulas, Correia, Atti, Rizzo, Morais Varela. E ainda as famílias: Branco de Abreu, Barcelos, Pilati, Fernandes dos Santos, Monteiro, Guerreiro, Bolsoni, Faustino de Oliveira, Viterbo de Oliveira, Rodrigues Dàvila, Terra, Paim de Andrade, Andrade, Alves Borges, Tamagno, Machado, Rodrigues de Campos, Costa, Berta, Prado, Lacerda, França, Batalha, Borges dos Santos, Góis Vieira, Pato, Marques, Teixeira Lemos, Teodoro Duarte, Troglio, Schereschewsky, Guerra, Sutil, Brum Viana, Krause, Baggio, Tigre, Cunha Lima, Augusto Branco, Orsi, Lemos, Boeira, Gomes Paim, Menezes, Kneip Ramos, Grossi, Berthier, Valmórbida, Pimentel, Nunes, Acauan, Dolzan, Tigre, Aguirre, Laizer, Hoffmann, entre outras famílias. 16 FRANCISCO BORGES VIEIRA, filho de Antonio Borges Vieira, casou com Inácia Vieira, neta de José Campos de Bandemburgo. O casal doou a área da cidade em 1847, seis anos antes de sua morte em Deixou 9 filhos e descendência nas famílias Teixeira Pinto, Guerreiro, Martins, Morais, Duarte Borges, Schuler, Pioli, Morais Lobo, Jacoby, Rigon, Amaral Oliveira, Borges Coelho, Fernandes Borges, Pereira, Michielin, Silveira, Torres, Pinto, Peixoto, Borges Pinto, Dutra, Ferreira, Baggio, Atti, Varela, Pachedo, Paim de Andrade, Caon, Kramer da Luz, Guazzelli, Claro de Lima, Faccioli, Alves Paim, Carneiro Borges, Carneiro Lobo, Bochese, Verdi, Azambuja, Soares Borges, Borges dos Santos, Dorneles de Oliveira, Lorenzoni,Moreira Paz, Ramos, Carvalho, Zonta, Holsbach, Borges Pereira, Batalha, Santos, Caon, Borges do Amaral, Gargioni, Zingalli, Neri dos Santos, Domingues Boeira, Pires, Zacchera, Peruchin, Lisboa, Coelho e outras.

18

19

20

Livro de Óbito de Livres e Forros da Freguesia de Jacutinga 1785 até 1809 Siglas: ST e CT (sem ou com testamento)

Livro de Óbito de Livres e Forros da Freguesia de Jacutinga 1785 até 1809 Siglas: ST e CT (sem ou com testamento) Freguesia de Santo Antonio de Jacutinga Livro de Óbito de Livres e Forros da Freguesia de Jacutinga 1785 até 1809 Siglas: ST e CT (sem ou com testamento) Folha 2 Isabel, forra do gentio da Guiné, sem testamento.

Leia mais

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS. Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS. Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas Aviso n.º 6326/2003 (2.ª série). O Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas faz publicar por círculos

Leia mais

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião ELEIÇÃO PARA OS ÓRGÃOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES DA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA Ata da Quarta Reunião Ao sexto dia do mês de novembro de dois mil

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

Livro 4 de Batismos de Viamão (1782-1799)

Livro 4 de Batismos de Viamão (1782-1799) Livro 4 de Batismos de Viamão (1782-1799) Fl. Abertura: Pago 60 réis do selo deste Livro de três [corr.] conformidade da Lei // Soares [rubrica]. Numerei e rubriquei este livro com a minha rubrica, de

Leia mais

GENEALOGIA FLUMINENSE Região Serrana - Genealogias

GENEALOGIA FLUMINENSE Região Serrana - Genealogias JACINTO Francisco Antônio Jacinto foi casado com Germana Rosa Jardim. Ambos ilhéus. Ela morreu em Itaocara a 22 de dezembro de 1867 com 60 anos de idade. Ele, então, voltou a se casar em Itaocara às 3

Leia mais

PINTO BANDEIRA. do Rio Grande do Sul 1

PINTO BANDEIRA. do Rio Grande do Sul 1 PINTO BANDEIRA do Rio Grande do Sul 1 1 1 Salvador Pinto Bandeira, de Valongo. Teve: 2 José Pinto Bandeira, que segue. 2 José Pinto Bandeira. Nasceu em Valongo, Bispado do Porto, e morreu em Laguna, no

Leia mais

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts CIRCUITO PORTUGAL TOUR 0 ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 0.0.0 APRENDIZ - 00 + NOVOS Prova- corrida 00 mts + natação 0 mts + corrida 00 mts A LUISA CUNHA Casa Benfica de Abrantes 00 0:: A0 INÊS IACHIMOVSCHI

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13948 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Gabriela Pedro Fernandes Escola Básica n.º 2 de São Pedro do Sul 13933 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Júlia Capela Pinto Escola Básica n.º 2 de São Pedro do

Leia mais

Eleição da Assembleia da República 2015

Eleição da Assembleia da República 2015 Eleição da Assembleia da República 2015 CIRCULO ELEITORAL DE VIANA DO CASTELO LISTAS DEFINITIVAMENTE ADMITIDAS NC Nós, Cidadãos! Mário Jorge da Silva Marques de Almeida Lourenço José de Almada (independente)

Leia mais

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20%

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20% ALCATEIA Sec NIN NOME NIN NOME Lob 1215050143005 Alice Neto Santos Nascimento 1215050143015 Afonso da Fonseca Machado Lob 1215050143010 Amélia Maria Mesquita Aleixo Alves 1115050143010 Afonso Jesus Dias

Leia mais

Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5

Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5 List of Players Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5 No Name Feder Club 1. Alexandre Aranda, Ini Conservatório de Música 2. Alexandre Alves, InfA Conservatório de Música 3. Alexandre Magalhães, InfA

Leia mais

2º Livro de Batismos de Viamão (1759-1769)

2º Livro de Batismos de Viamão (1759-1769) 2º Livro de Batismos de Viamão (1759-1769) f.1; [06 ou 07]/03/1759; Angélica; legítima de Antônio Cardoso e de Maria da Anunciação; neta paterna de Matias Cardoso e Antônia Maria, já defuntos ; neta materna

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março GERAL 1 1 129 00817 Herculano Lopes do Nascimento 8 C.C. Matosinhos S 25 24 25 25 1 99 2 113 00540 Rodrigo Dourado Fernandes 10 C.T. S. Pedro de Rates S 25 25 24 25 0 99 3 88 00588 Carlos Augusto Torres

Leia mais

Relatório de Locais de Votação por Localidade/Seção Eleitoral. ÁGUA BRANCA - 39ª ZE Seção: Local de Votação: Endereço:

Relatório de Locais de Votação por Localidade/Seção Eleitoral. ÁGUA BRANCA - 39ª ZE Seção: Local de Votação: Endereço: ÁGUA BRANCA - 39ª ZE 0001 COLEGIO CENECISTA BARAO DE AGUA BRANCA RUA BARAO DE AGUA BRANCA S/N CENTRO ÁGUA BRANCA 0002 COLEGIO CENECISTA BARAO DE AGUA BRANCA RUA BARAO DE AGUA BRANCA S/N CENTRO ÁGUA BRANCA

Leia mais

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Número Nome Nota Obs 10780 ALEXANDRE JOSÉ SIMÕES SILVA 15 11007 ALEXANDRE REIS MARTINS 7,7 11243 Álvaro Luis Cortez Fortunato 11,55

Leia mais

Nome Profissão Instituição. A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa

Nome Profissão Instituição. A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa Nome Profissão Instituição A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa Adelino Torres Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade

Leia mais

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 2ª FASE - ECT SUPLENTE EXCLUÍDO LISTA DE CANDIDATOS SERIAÇÃO CARLA MARIA CARNEIRO ALVES Doutoramento em Didática de Ciências e Tecnologias 3,9 de 5 4 CARLOS EDUARDO DOS

Leia mais

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 3 Henrique Silva Pereira 05 Clube Naval de Rabo de Peixe 57.46 4 Dinis da Silva Marques 04 Clube Naval de Ponta Delgada NT Prova 2 Femin., 50m Mariposa Absolutos Série

Leia mais

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos : A 12 1 Adriana Beatriz Pinto Pereira Cortez S 13078 2 Ana Francisca Conceição Costa S 136 3 Ana Francisca Rodrigues Preces 1307 4 António José da Silva Loreto S 13084 Beatriz Moura Neves Beja Facas S

Leia mais

1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores

1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores 1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores Divisor Lista A Lista B Lista C 1 96 99 113 2 48,00 49,50 56,50 3 32,00 33,00 37,67

Leia mais

Genealogia das Famílias Açorianas - De onde viemos e quem somos.

Genealogia das Famílias Açorianas - De onde viemos e quem somos. Genealogia das Famílias Açorianas - De onde viemos e quem somos. Marcos Henrique Oliveira Pinheiro Descendente de Açorianos Formação Educação Física Pesquisador de Genealogia Participante da 2 Semana de

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado : A 137 1 Adriana Manuela Gomes Pinheiro 14 S S 20 2 Alexandra Pereira Ferreira 28 3 Ângelo Rafael Araújo Gomes S 28 4 Beatriz da Costa Oliveira S 2 5 Domingos Gonçalo Ferreira

Leia mais

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos : A 1248 1 Ana Garcia Amarante 1239 2 André Carneiro Rodrigues 124 3 Beatriz Branco Ramos 151 4 Camila Alves Salgado 16485 5 Daniel Emídio Costa dos Santos 1648 6 Débora Barroso Fernandes 16528 Hugo Paulo

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO - UPE COMISSÃO PERMANENTE DE CONCURSOS ACADÊMICOS PROCESSO DE INGRESSO 2014 VESTIBULAR 2014

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO - UPE COMISSÃO PERMANENTE DE CONCURSOS ACADÊMICOS PROCESSO DE INGRESSO 2014 VESTIBULAR 2014 UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO - UPE COMISSÃO PERMANENTE DE CONCURSOS ACADÊMICOS PROCESSO DE INGRESSO 2014 VESTIBULAR 2014 QUANTITATIVO DE CANDIDATOS POR PRÉDIOS POLOS LOCAL DE PROVA QUANTIDADE DE SALAS QUANTIDADE

Leia mais

Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015

Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015 Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015 Alexandre Luís Albuquerque E Quinhones Gaiolas, 3274/10, Bom com Distinção, Transição, Ana Maria Pires Matias Soares, 3149/10, Muito Bom, Transferência,

Leia mais

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923 Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês Candidatos Excluídos Oferta 923 Motivo de Exclusão candidatos excluídos pela plataforma da DGRHE por não apresentaram dados válidos no preenchimento

Leia mais

Disciplina Turma Dia Hora início Duração Sala Docente Curso Informações. Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima

Disciplina Turma Dia Hora início Duração Sala Docente Curso Informações. Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima Segunda-feira 08:30 1h Anfiteatro 1.1 Quinta-feira 08:30 1h Anfiteatro 1.1 Terça-feira 11:30 1h Anfiteatro 3.1 Quinta-feira 10:30 1h Anfiteatro 3.1 Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima Maria Teresa dos

Leia mais

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28 LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600 Horário 28 Graduação Profissional Nº Candidato Nome 24,508 4716699811 Vanda Isabel do Vale Silva Almeida 24,203 8219102942 Cristina Maria da

Leia mais

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Gabinete/Cargo Nome Extensão E-mail Diretor Luiz Felipe Rocha de Faria 1450 lef@isep.ipp.pt Sub-diretor(es) António Constantino Lopes 1462 acm@isep.ipp.pt

Leia mais

Estádio Municipal da Guarda, 20 de Março de 2012 1 / 8

Estádio Municipal da Guarda, 20 de Março de 2012 1 / 8 MEGASPRINT INFANTIS A FEMININOS - FINAL 175 Ana Marques 2001 Agrupamento de Escolas de Trancoso 6,3 259 Soraia Pires 2001 Agrupamento de Escolas do Sabugal 6,6 260 Carolina Afonso 2001 Agrupamento de Escolas

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. CAMPEONATO REGIONAL CENTRO - FOSSO UNIVERSAL 3ª CONTAGEM - 21 e 22 ABRIL de 2007

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. CAMPEONATO REGIONAL CENTRO - FOSSO UNIVERSAL 3ª CONTAGEM - 21 e 22 ABRIL de 2007 GERAL 1 1 4 00646 Alexandre Paulo Vilar Matias 6 C.C.P. Ovar S 24 24 24 24 96 2 40 01738 Hélder Rodrigues Correia 5 C.T. Vale das Pedras S 23 23 24 25 95 3 90 00043 Vítor José Carreira Lopes 7 C.D.C.L.

Leia mais

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 1 FRANCISCO PEREIRA 36 SENIOR MASC. VITÓRIA S.C. 20.23 2 ANDRE SANTOS 48 SENIOR MASC. C.A.O.VIANENSE 20.27 3 JORGE CUNHA 3 SENIOR MASC. S.C.MARIA DA FONTE 21.14 4 DOMINGOS BARROS

Leia mais

16 de fevereiro (Dia do Mun.) 04 de junho (C. Christi) 25 de julho (Dia do Colono) 31 de outubro (Dia da Reforma) 04 de junho (C.

16 de fevereiro (Dia do Mun.) 04 de junho (C. Christi) 25 de julho (Dia do Colono) 31 de outubro (Dia da Reforma) 04 de junho (C. FERIADOS MUNICIPAIS NAS COMARCAS DO RS/2015 Dados atualizados em NOVEMBRO/2015 Conforme Ato nº 12/2014 Órgão Especial, não haverá expediente no Tribunal de Justiça e nos serviços forenses de primeira instância

Leia mais

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F.

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. 1º 9 Vasco Batista Matriz 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. Junior y 3º 7 Beatriz Cunha São Roque 4º 1 Isabel Maria C. R. da Ponte Medina y 5º 5 Maria João Cabral 6º 4 Ângela Oliveira 7º 6 Letícia Rego 8º 3

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA Porto Corpo Docente 2013-2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA Porto Corpo Docente 2013-2014 Corpo Docente 2013-2014 Nome Grau Regime de Vínculo Regime de Prestação de Serviços Alberto Francisco Ribeiro de Almeida Doutor Tempo Integral Contrato de prestação de serviço docente Alberto Jorge dos

Leia mais

Açorianos no Rio Grande do Sul O espaço urbano no século XVIII.

Açorianos no Rio Grande do Sul O espaço urbano no século XVIII. Açorianos no Rio Grande do Sul O espaço urbano no século XVIII. Dr. Arq. Gunter Weimer Orientador Arq. Luisa Durán Rocca UFRGS- Propur, Porto Alegre Brasil l.duran@terra.com.br Este trabalho estuda a configuração

Leia mais

Artigo 23.º da Portaria 243/ 2012, de 10 de agosto 10.º ANO

Artigo 23.º da Portaria 243/ 2012, de 10 de agosto 10.º ANO Adriano Filipe Dias Sequeira Ana Carolina Leite da Silva 10.º ANO Ana Filipa Martins Façanha Marques Ana Laura Martins Dengucho Ana Luísa Marques Tomé Ana Sofia Tomé Vicente Andreia Cristina de Oliveira

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado Turma : A 2002 1 Ana Catarina Loureiro Silva S 171 2 André Eduardo Dias Santos S 173 3 Ângelo Rafael Costa e Silva S S 2007 4 Bruno da Silva Gonçalves S 20 5 Catarina Daniela

Leia mais

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões Calendário das Sessões Mês Dia Sala Grupo 1 Janeiro 16, 17, 23, 24, 30 31 Fevereiro 6,7 Grupo 2 Fevereiro 27,28 Março 5,6,12,13,19,20 Grupo 3 Abril 9,10,16,17,23,24 Maio 7,8 Grupo 4 Maio 14,15,21,22,28,29

Leia mais

1530 O regime de capitanias hereditárias é instituído por D. João III. Primeira expedição colonizadora chefiada por Martim Afonso de Sousa.

1530 O regime de capitanias hereditárias é instituído por D. João III. Primeira expedição colonizadora chefiada por Martim Afonso de Sousa. Vera, Use a seguinte legenda: Amarelo: o documento para o link encontra-se neste site: http://www.info.lncc.br/wrmkkk/tratados.html Rosa: o documento para o link encontra-se neste site: http://www.webhistoria.com.br

Leia mais

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos Nome Curso s Amarelos Vermelhos Carlos Júnior Mestrado 4 Jogo 15 Rui Nascimento Mestrado Jerónimo Mestrado 1 Jogo 15 Pedro Francês Mestrado 1 Andre Figueiredo Mestrado 3 Jogo6 Artur Daniel Mestrado 2 João

Leia mais

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação)

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) 99203 NÉLIA VILARES VALENTE PR - 3 563 223 JOÃO MANUEL DE VASCONCELOS MACHADO TEIXEIRA ALVES JOSÉ MANUEL GONÇALVES OLIVEIRA FONSECA PA - 49 262 867 694 577 622

Leia mais

2º Cível. Caixa: 742 Controle: 34. Ação: Sexagenários. Autor: Pelo juízo de órfãos. Réu: Diversos Sexagenários. Data: 1887

2º Cível. Caixa: 742 Controle: 34. Ação: Sexagenários. Autor: Pelo juízo de órfãos. Réu: Diversos Sexagenários. Data: 1887 2º Cível Caixa: 742 Controle: 34 Ação: Sexagenários Autor: Pelo juízo de órfãos Réu: Diversos Sexagenários Data: 1887 (1) 1887 Juízo de órfãos de SJC. Escrivão de órfãos Nascimento Diversos sexagenários

Leia mais

Iflfl flfl 5 95 12 39

Iflfl flfl 5 95 12 39 Ano Escolar 0 1 PORTUGAL 0 Ano de Escolaridade Turma D Estabelecimento de Ensino 0 Escola Básica de Vale de Milhaços 05 0 0 1 1 5 110 0 pg irncpp 51 105 0 1 01 001 0 1 01 05 001 11 1 055 ALINE VALENCE

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F Lista de Resultados da ase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 106 2165 02291253122165975318 Abílio Fernando Bragança Milheiro 15,250 14,050 18,400 12,000 12,900

Leia mais

Campeonato Nacional de DownHill Serra de Arga - PONTE DE LIMA

Campeonato Nacional de DownHill Serra de Arga - PONTE DE LIMA 1 - Avalanche / Vitória de Janes 204 SALGUEIRO, Leandro Junior *(3) 2:59.226 544 GOIS, João Cadete *(1) 3:01.737 401 SALGUEIRO, José Veterano B *(1) 3:26.057 422 GOIS, Ricardo Veterano B (12) 3:59.305

Leia mais

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES PROVA 25m Livres femininos Class Escola Nome Escalão Tempo Obs. EBS Vieira de Araújo Mariana Fonseca Infantis A 20:2 2 EBS

Leia mais

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos 1642 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 3406 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova : A Processo Nome Idade EMR. Rep. LE1 LE2 NEE 440 1 André Daniel Almeida Pimentel 98 2 Daniel Gonçalves Tomé

Leia mais

Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão

Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão Exame Nota No. Nome Regime Recurso Final 22528 Adriana da Silva Afonso Ordinário 1.25 R 21342 Alexandra Crespo

Leia mais

SECRETARIA DA SAÚDE - Fundo Estadual de Saúde Valores PAGOS - referente ao processo 051790-2000/14-0

SECRETARIA DA SAÚDE - Fundo Estadual de Saúde Valores PAGOS - referente ao processo 051790-2000/14-0 SECRETARIA DA SAÚDE - Fundo Estadual de Saúde Valores PAGOS - referente ao processo 051790-2000/14-0 Emitido em: 27/06/2014 Municipio CRS Valor pago ACEGUA 07 140,00 AGUA SANTA 06 120,00 AGUDO 04 1.530,00

Leia mais

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Carina Coelho Cariologia/Med. dentária Preventiva Dentisteria Operatória 1 11 15h00-16h00 Investigação Isabel Roçadas Pires Cariologia/Med.

Leia mais

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José ATA Nº 6 ------- Aos cinco dias do mês de novembro do ano de dois mil e treze, nesta cidade de Matosinhos e Edifício dos Paços do Concelho, encontram-se reunidos: Dr.ª Clarisse Castro, Diretora do Departamento

Leia mais

PRONUNCIAMENTO DO DEPUTADO JOSÉ SANTANA DE VASCONCELLOS SOBRE BARÃO DE COCAIS

PRONUNCIAMENTO DO DEPUTADO JOSÉ SANTANA DE VASCONCELLOS SOBRE BARÃO DE COCAIS PRONUNCIAMENTO DO DEPUTADO JOSÉ SANTANA DE VASCONCELLOS SOBRE BARÃO DE COCAIS Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados ao longo de nossa vida parlamentar há mais de quarenta anos vimos trabalhando

Leia mais

FREIXEDELO GÉNESE E DISSEMINAÇÃO DO APELIDO FREIXEDELO. Rui Freixedelo rui@freixedelo.com. Rui Miguel Rodrigo Freixedelo

FREIXEDELO GÉNESE E DISSEMINAÇÃO DO APELIDO FREIXEDELO. Rui Freixedelo rui@freixedelo.com. Rui Miguel Rodrigo Freixedelo Rui FREIXEDELO GÉNESE E DISSEMINAÇÃO DO APELIDO FREIXEDELO Rui Miguel Rodrigo Todos os direitos reservados ao autor Proibida reprodução sem autorização 2015, 23 de Abril (Actualizado em: 2015, 21 de Agosto)

Leia mais

Capítulo. Organização político- -administrativa na América portuguesa

Capítulo. Organização político- -administrativa na América portuguesa Capítulo Organização político- -administrativa na América portuguesa 1 O Império Português e a administração da Colônia americana Brasil: 1500-1530 O interesse português pelo território americano era pequeno

Leia mais

H764-AEC Lista de Aprovados-AFD

H764-AEC Lista de Aprovados-AFD H764-AEC Lista de Aprovados-AFD Ficheiro gerado em: 17/09/2015 11:27:39 Nº de Oferta Ordem Pontuação Nº do Docente Nome do Docente 764 1 100 1260917894 Nuno Tiago Teixeira 764 2 100 7752957046 Lino Manuel

Leia mais

Árvore de Costados (*) 30. Emílio Teixeira Pinto, * Portugal. Ele cas. Angelina Borges Vieira. Amostragem em 10-09-2008

Árvore de Costados (*) 30. Emílio Teixeira Pinto, * Portugal. Ele cas. Angelina Borges Vieira. Amostragem em 10-09-2008 Árvore de Costados (*) Amostragem em 10-09-2008 1. Homero Francisco Peixoto Camargo (e seus irmãos, José, Décio e Maria Helena). Descendentes de Família de 500 anos de Brasil. Pais 2. Deoclécio Paim Camargo.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO Horário da turma: 5.º A 12 9 12 12 12 9 12 12 9 12 9 12 9 12 9 12 9 12 12 12 12 12 12 RC 12 12 12 12 RC Anabela Maria Fonseca Machado e Cunha, Graça Maria Almeida Diogo,,, Paula Isabel Pereira Marques,

Leia mais

ROTAS CICLOVIÁRIAS PREVISTAS PARA 2016 Extensã o (km)

ROTAS CICLOVIÁRIAS PREVISTAS PARA 2016 Extensã o (km) 5 Oeste Tereza Cristina (2.TC-1) 0,64 Av. Tereza Cristina, entre Anel Rodoviário e Via 210. Oeste Tereza Cristina (2.TC-2) 0,90 Av. Tereza Cristina, entre Av. Pres. Juscelino Kubitschek e Rua Goneri Oeste

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE ANGRA DO HEROÍSMO

CÂMARA MUNICIPAL DE ANGRA DO HEROÍSMO CÂMARA MUNICIPAL DE ANGRA DO HEROÍSMO ACTA N.º 24/2009 DA REUNIÃO ORDINÁRIA PÚBLICA DO DIA 22 DE OUTUBRO DE 2009 (Contém seis folhas) MEMBROS PRESENTES: PRESIDENTE Dra. Andreia Martins Cardoso da Costa

Leia mais

FRONTEIRA ILUMINADA HISTÓRIA DO POVOAMENTO, CONQUISTA E LIMITES DO RIO GRANDE DO SUL a partir do Tratado de Tordesilhas (1420-1920)

FRONTEIRA ILUMINADA HISTÓRIA DO POVOAMENTO, CONQUISTA E LIMITES DO RIO GRANDE DO SUL a partir do Tratado de Tordesilhas (1420-1920) SUB Hamburg A/548637 FRONTEIRA ILUMINADA HISTÓRIA DO POVOAMENTO, CONQUISTA E LIMITES DO RIO GRANDE DO SUL a partir do Tratado de Tordesilhas (1420-1920) Fernando Cacciatore de Garcia Editora Sulina Porto

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013 14870896 ANA CATARINA DE JESUS RIBEIRO Não colocada 14583084 ANA CATARINA DA ROCHA DIAS Não colocada 14922639 ANA CATARINA SOARES COUTO Colocada em 7230 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior

Leia mais

135094 - Agrupamento de Escolas nº 1 de Serpa 330413 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos Abade Correia d. Relação de Alunos

135094 - Agrupamento de Escolas nº 1 de Serpa 330413 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos Abade Correia d. Relação de Alunos 330413 - Escola Básica dos 2.º e 3.º s Abade Correia d : A Ano Letivo 20 / 20 1185 1 Ana Filipa Malagueta dos Santos 2 2 Beatriz Isabel Coelho Troncão S 12344 3 Beatriz Passinhas Rijo 1 4 Bruno Miguel

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA 2.º Ciclo - TABUADA 1.ºs 6.º Ac 7 Fernando Miguel L. Fontes 100,0 6.º Ac 8 Francisca Vicente Silva 100,0 6.º Bc 2 Daniel Henriques Lourenço 99,6 3.ºs 5.º Bc 16 Simão Pedro Tojal Almeida 99,6 5.º Ac 10

Leia mais

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 INFANTIL A - MASCULINO - 1000 metros Class. Dorsal Nome Escola 1º 168 NUNO CORDEIRO STª CLARA 2º 244 LUIS FERREIRA STª CLARA 3º 188 FRANCISCO SANTOS STª CLARA

Leia mais

Escola Secundária Alfredo dos Reis Silveira

Escola Secundária Alfredo dos Reis Silveira 7º ano Nomes Escola de Origem IMPORTANTE Rodrigo Fernandes Neves Informa-se os novos alunos que devem acompanhar os Bruna Filipa Soares Farinha Encarregados de Educação afim de se poder tirar Brenda Renata

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14320023 ALEXANDRE VAZ MARQUES VASCONCELOS Colocado em 1105 Universidade do Porto - Faculdade de Engenharia 9897 Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geoambiente 13840715 ANA CLÁUDIA DIAS MARTINS

Leia mais

3º Livro de Batismos de Viamão

3º Livro de Batismos de Viamão 3º Livro de Batismos de Viamão 1 Fl. 01 Pela ordem que tenho [do] Senhor bispo para promover as comissárias [na Igreja] de Nª Srª da Conceição deste Viamão e [ten]do falta de vigário da vara naquela comarca

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011 162.024 Renata Sofia Mendes Barbosa Infantil Assoc. Rec. Luz e Vida Gondomarense Alunos de Meirim Futebol Clube 157.431 Bruno Manuel Ribeiro da Silva Juvenil Futebol Clube do Porto Alunos de Meirim Futebol

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES. História

CADERNO DE ATIVIDADES. História COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES História Aluno (a): 4º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Conteúdo de Recuperação O que é História. Identificar a História como ciência. Reconhecer que

Leia mais

Desportos Náuticos - Canoagem

Desportos Náuticos - Canoagem Desportos Náuticos - Canoagem Clube Náutico de Ponte de Lima Ponte de Lima 2 ESCOLAS PARTICIPANTES - EB2,3 de Sande- 5 Alunos - Escola Secundária Marco de Canavezes- 3 Alunos - Agrupamento de Escolas de

Leia mais

Farmácias e Postos de Medicamentos da RAA

Farmácias e Postos de Medicamentos da RAA Farmácias e Postos de Medicamentos da RAA Farmácia Abílio Botelho Diretor Técnico: Maria da Conceição Moniz Botelho Domingos Henrique Baptista de Sousa F. Pereira Rua Teófilo Braga, nº 129 Concelho: Vila

Leia mais

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º s de Castro Daire Turma : A 1498 1 Ana Catarina Costa Esteves 14920 2 Ana Francisca da Silva Fernandes 16292 3 Beatriz Monteiro Andrade 14409 4 Camila Almeida Oliveira

Leia mais

Convenção das Igrejas Evangélicas e Pastores

Convenção das Igrejas Evangélicas e Pastores Campo Sede - AD ALEGRETE 02585 PR CARLOS ALCENOR NEVES DE ALMEIDA PASTOR 02595 PR MOISES LUCAS DE LIMA PASTOR 55 9937-7745 Campo Sede - AD BENTO GONCALVES 02577 PR ALCIDES PEDROSO PASTOR Campo Sede - AD

Leia mais

A Formação do Território Brasileiro.

A Formação do Território Brasileiro. A Formação do Território Brasileiro. A primeira fronteira do Brasil Fernando e Isabel 1492 - Colombo 1493 papa Alexandre VI (espanhol) editou a Bula Inter Coetera 1494 - Tratado de Tordesilhas. 1530 no

Leia mais

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 OFERTA 2737 433133 2737 435006 2737 433645 2737 431145 2737 411431 2737 447993 2737 432457 2737 412330 2737 415973 2737 427952 2737 417413 2737 417268

Leia mais

REVOLUÇÃO FARROUPILHA OU GUERRAS DOS FARRAPOS. 20 de setembro de 1835-11 de setembro de 1845 LOCAL RIO GRANDE DO SUL

REVOLUÇÃO FARROUPILHA OU GUERRAS DOS FARRAPOS. 20 de setembro de 1835-11 de setembro de 1845 LOCAL RIO GRANDE DO SUL REVOLUÇÃO FARROUPILHA OU GUERRAS DOS FARRAPOS 20 de setembro de 1835-11 de setembro de 1845 LOCAL RIO GRANDE DO SUL FOI O MAIOR E MAIS SANGRENTO CONFLITO ARMADO DA HISTÓRIA DO BRASIL GOVERNO PADRE FEIJÓ

Leia mais

Atendimento no sábado 06/11/2010. Grupo I 8h00 às 10h30. Local: Campus Samambaia. José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino

Atendimento no sábado 06/11/2010. Grupo I 8h00 às 10h30. Local: Campus Samambaia. José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino Atendimento no sábado 06/11/2010 Grupo I 8h00 às 10h30 NOME José Osvaldino da Silva Francisco Santos Sousa João Batista Quirino Edmilson de Araujo Cavalcante Alexandre Brito dos Santos Vacirlene Moura

Leia mais

Cerimónia de Entrega de Prémios

Cerimónia de Entrega de Prémios Cerimónia de Entrega de Prémios 15 de julho de 2015 DEPARTAMENTOS CURRICULARES LÍNGUAS SUPERTMATIK o Língua Portuguesa João Paulo Ribeiro Camarneiro CIÊNCIAS EXATAS CANGURU MATEMÁTICO o Matemática João

Leia mais

170458 - Agrupamento de Escolas de Benavente 341356 - Escola Básica Duarte Lopes, Benavente Relação de Alunos

170458 - Agrupamento de Escolas de Benavente 341356 - Escola Básica Duarte Lopes, Benavente Relação de Alunos : A Ano Letivo 2014 / 201 Processo Nome Idade EMR Rep. 448 1 Afonso Miguel Gonçalves Aires 13 S 00 2 Afonso Vitorino Caveiro 208 3 Alexandre de Jesus Sousa Silva 416 4 Ana Carolina Rodrigues Ressonha 46

Leia mais

Certificado de Presença em Evento no ISEP

Certificado de Presença em Evento no ISEP *** Adam Silva *** ***c527078fe56b04280dcae9cc3541593d73d82015c12f65f060135ed5*** *** Adulcínio Adulcínio Duarte Rodrigues *** ***09d09b00214962ffdfefa4e2473001b55ffba6c7bbdc74ef3063ec95*** *** Alberto

Leia mais

MATERIAL COMPLEMENTAR DE HISTÓRIA PROF. ROSE MARY OLIVEIRA LIMA 8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL

MATERIAL COMPLEMENTAR DE HISTÓRIA PROF. ROSE MARY OLIVEIRA LIMA 8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL MATERIAL COMPLEMENTAR DE HISTÓRIA PROF. ROSE MARY OLIVEIRA LIMA 8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL OS VÁRIOS PROCESSOS DE EXPANSÃO DA COLONIZAÇÃO PORTUGUESA. EXTENSÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO O Brasil é o 5º maior

Leia mais

Crises na Colônia Portuguesa e a Chegada da Família Real. Prof.ª viviane jordão

Crises na Colônia Portuguesa e a Chegada da Família Real. Prof.ª viviane jordão Crises na Colônia Portuguesa e a Chegada da Família Real Prof.ª viviane jordão INTRODUÇÃO Na segunda metade do século XVIII, novas ideias começaram a se difundir pela América portuguesa. Vindas da Europa,

Leia mais

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso Cartas de para entrega - ESTGOH Nome ID Dipl. Nome Aluno(a) Grau Academico 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia Civil e do Ambiente Bacharelato 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia

Leia mais

Poder Judiciário Página 1 of 6 Justiça Federal - 2a Região Seção Judiciária do RJ

Poder Judiciário Página 1 of 6 Justiça Federal - 2a Região Seção Judiciária do RJ Poder Judiciário Página 1 of 6 Justiça Federal - 2a Região Seção Judiciária do RJ ATA DA 7ª SESSÃO DE JULGAMENTO DO ANO DE 2015 DA 05ªTR, REALIZADA NO DIA 30/06/2015 ÀS 14:00 h QUANDO PUBLICADAS AS DECISÕES,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL FOLHA DE RESULTADOS CORTA-MATO ESCOLAR 2013 PROVA: Corta-Mato Escolar - Fase de Ilha ORGANIZAÇÃO: S. Desporto de S. Miguel / A. Atletismo de S. Miguel DATA: 16 de

Leia mais

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho

Listagem de contactos e ramos/áreas de especialidade dos Professores Doutorados na Escola de Direito da Universidade do Minho Departamento de Ciências Jurídicas Gerais Profª. Doutora Maria Clara da Cunha Calheiros de Carvalho Profª. Associada, Com Agregação Email: claracc@direito.uminho.pt Profª. Doutora Patrícia Penélope Mendes

Leia mais