NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Curso de Medicina Veterinária NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURITIBA 2008

2 1 SUMÁRIO CURITIBA... 0 SUMÁRIO FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Impressão Parágrafo, formato de títulos de capítulos e subtítulos, margens, etc, devem seguir normas de periódico científico, conforme detalhado no item Numeração de Páginas ESTRUTURA DOTRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Capa Elementos pré-textuais Folha de Rosto Folha de Dedicatória (opcional) Folha de Agradecimentos (opcional) Epígrafe (opcional) Sumário Lista Resumo Elementos textuais Relatório de Estágio Introdução Objetivo geral do estágio Objetivos específicos do estágio Descrição do estágio Discussão Considerações Finais Revisão de literatura ou artigo científico Elementos pós-textuais Glossário (condicionado à necessidade) Referências adicionais (condicionado à necessidade) Apêndices e Anexos... 12

3 2 1. FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO 1.1 Impressão Caso o supervisor e os membros da banca assim o desejarem, podem ser impressas as versões preliminares do Trabalho de Conclusão de Curso, de preferência em papel reciclado, formato A4 (21,0 cm x 29,7 cm), utilizando os dois lados do papel. A versão finalizada do referido trabalho deve ser entregue para esta coordenação unicamente em arquivo, extensão pdf. 1.2 Parágrafo, formato de títulos de capítulos e subtítulos, margens, etc, devem seguir normas de periódico científico, conforme detalhado no item Numeração de Páginas As páginas devem ser contadas seqüencialmente a partir da folha de rosto, sendo que a numeração impressa em algarismos arábicos (1, 2, 3) deve ser colocada no canto superior direito e somente aparecerá a partir da introdução, indo até a última página do trabalho. Os elementos pré-textuais (sumário, resumo e listas) levam numeração romana minúscula (iii, iv, v) no centro inferior da página. As páginas de folha de rosto, dedicatória, agradecimentos e epígrafe não levam a numeração na folha apesar de serem contadas.

4 3 2. ESTRUTURA DOTRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO A estrutura apresentada abaixo contém a ordem em que devem ser dispostos os elementos do trabalho: CAPA DE ABERTURA FOLHA DE ROSTO DEDICATÓRIA (Opcional) AGRADECIMENTOS (Opcional) EPÍGRAFE (Opcional) SUMÁRIO LISTAS (condicionado à necessidade) RESUMO RELATÓRIO DE ESTÁGIO REVISÃO DE LITERATURA OU ARTIGO CIENTÍFICO GLOSSÁRIO (condicionado à necessidade) REFERÊNCIAS ADICIONAIS (condicionado à necessidade) ANEXOS CAPA DE FUNDO 2.1 Capa VER MODELO DE CAPA NA PÁGINA 5

5 4 NOME TÍTULO DO TRABALHO CURITIBA 2008

6 5 2.2 Elementos pré-textuais Folha de Rosto A folha de rosto é a folha que contém os elementos essenciais à identificação do trabalho, ou seja: Autor Título: claro e preciso, contendo palavras que identifiquem o seu conteúdo e possibilitem a indexação e recuperação da informação; Subtítulo, se houver, claramente subordinado ao título principal, precedido de dois pontos; Nota indicando a natureza acadêmica do trabalho, a unidade de ensino (departamento, curso, setor, entre outros), e a instituição em que é apresentado; Nome do(s) orientador (es) e co-orientador (es); Local (cidade da Instituição); Ano em algarismos arábicos (2003 ou 2004). A folha de rosto deverá apresentar a marca d água da Instituição (UFPR). A cidade escrita no final da folha de rosto deverá ser obrigatoriamente a cidade da Instituição, isto é, CURITIBA. O nome do orientador deverá constar Dr. quando possui título de Doutor ou MSc. quando possui título de Mestre. VER MODELO DE FOLHA DE ROSTO NA PÁGINA 7

7 6 NOME CONSERVAÇÃO DAS CARNES... Trabalho apresentado para conclusão do Curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Paraná. Supervisor: Prof.... Orientador:... CURITIBA 2008

8 Folha de Dedicatória (opcional) É a menção em que o autor presta homenagem ou dedica o trabalho a alguém. É colocada em folha distinta, logo após a folha de rosto. Geralmente é colocada no fim da página no canto direito. Exemplo 1: Exemplo 2: Ao meu sonho de um sistema diferente Dedico Dedico este trabalho aos colegas de cooperativa que xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Folha de Agradecimentos (opcional) São menções que o autor faz a pessoas e/ou instituições das quais eventualmente recebeu apoio e que concorreram de maneira relevante para o desenvolvimento do trabalho. Os agradecimentos aparecem em folha distinta após a dedicatória. Exemplo 1: AGRADECIMENTOS A todos que, direta ou indiretamente, contribuíram para a realização deste trabalho, xxxxxx xxxx x x xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxx xxxxxxx xx xxxx x xxx xx

9 xxxxxxxxxx. 8 Exemplo 2: AGRADECIMENTOS A Prof.... pelas orientações xxxxxxxxxxxxxxxx.... por xxxxxxxxxxxxxxxxxx.... devido xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Epígrafe (opcional) É a inscrição de um trecho em prosa ou composição poética que de certa forma embasou a construção do trabalho. Seguida da indicação de autoria. Exemplo: Pouco conhecimento faz que as criaturas se sintam orgulhosas. Leonardo da Vinci

10 Sumário Sumário é a enumeração dos títulos e subtítulos, seções ou partes do trabalho, na ordem em que aparecem no texto, indicando suas subordinações, bem como as folhas em que se iniciam Lista Semelhante ao sumário, porém constitui a relação de tabelas, quadros, mapas, e figuras constantes no trabalho Resumo É a apresentação concisa do texto, destacando seus aspectos de maior relevância, incluindo aspectos do estágio e da revisão bibliográfica; Deve ser apresentado em folha distinta após o sumário e listas, em parágrafo único. Conter no máximo 250 palavras; Não citar referências bibliográficas; Ressaltar os objetivos, resultados e as conclusões do trabalho. Exemplo: RESUMO O mercado de carnes no Brasil tem expandido consideravelmente na última década devido ao aumento no consumo da xxxxx xxxxxxxxx xxxxxxxx xxxxxx xxxxxxxxxx xxxxx xxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx.

11 Elementos textuais Relatório de Estágio Introdução O texto da introdução deverá conter três elementos básicos: a) a descrição do estágio; b) a justificativa ou importância do estágio; c) a descrição da motivação para o estágio. Objetivo geral do estágio Este é o principal objetivo do estágio. Deve ser escrito de forma sucinta e abrangente. Objetivos específicos do estágio Os objetivos específicos permitem a expressão mais detalhada dos componentes do objetivo geral do estágio. Descrição do estágio Descrever de forma sucinta o local e a época do estágio e todas as atividades desenvolvidas, com tabela descritiva de carga horária por atividade realizada. Discussão A discussão deve estar relacionada com o observado durante o estágio e com as informações encontradas na literatura, procurando compreender as diferentes situações encontradas. A discussão também prevê uma reflexão sobre o valor do estágio realizado em termos da expectativa inicial do aluno.

12 11 Considerações Finais Esta seção deve ser constituída de no máximo dois parágrafos, contendo informações claras acerca da realização dos objetivos propostos e sugestões ou recomendações possíveis a partir do estágio realizado Revisão de literatura ou artigo científico A revisão de literatura trata da sustentação teórica ou empírica do assunto objeto da proposta de trabalho, sendo esperado que o contato prático propiciado pelo desenvolvimento das atividades de estágio seja amplamente explorado no âmbito da literatura científica disponível em nível nacional e internacional. Pode-se optar por um aspecto particular de todo o trabalho realizado durante o estágio, a juízo do professor supervisor. Deve ser escrita no formato de uma revisão de literatura de periódico científico. Caso as características específicas do estágio produzam resultados inéditos, a revisão bibliográfica poderá ser escrita no formato de artigo científico, de acordo com as normas de um periódico científico (Archives of Veterinary Science ou outro, a juízo do professor supervisor). Desta forma, este capítulo deverá necessariamente apresentar todos os subtítulos necessários para submissão ao periódico em questão (exemplo: Introdução, objetivos, subtítulos pertinentes e considerações finais no caso de artigo de revisão ou introdução, objetivo, material e métodos, resultados, discussão e conclusão no caso de resultados inéditos). O periódico científico adotado deverá ser mencionado ao final deste item. (exemplo: Esta revisão de literatura seguiu as normas para submissão de revisão ou artigo científico - constantes nas instruções aos autores da revista Archives of Veterinary Science). Todas as referências citadas nesta seção devem ser listadas no formato indicado pelo periódico de referência, de acordo com as instruções aos autores. As normas da revista escolhida devem constar em anexo. Não é obrigatória a submissão efetiva ao periódico, ficando esta decisão a critério do formando e seu supervisor. 2.4 Elementos pós-textuais

13 Glossário (condicionado à necessidade) Glossário é a relação, em ordem alfabética, de palavras ou expressões de uso restrito ou de sentido obscuro, acompanhadas das respectivas definições, com o objetivo de esclarecer o leitor sobre o significado dos termos empregados no trabalho.o glossário deve aparecer depois do texto e antes das referências Referências adicionais (condicionado à necessidade) Lista de referências citadas ao longo do trabalho, exceto no item Revisão de literatura ou artigo científico, seguindo as normas do periódico científico de referência escolhido Apêndices e Anexos Apêndices e anexos são materiais complementares ao texto que só devem ser incluídos quando forem imprescindíveis à compreensão deste. Anexos são os documentos elaborados/ou não elaborados pelo autor, que servem de fundamentação, comprovação ou ilustração, como mapas, leis, estatutos, entre outros. O único anexo obrigatório é aquele contendo as normas do periódico científico escolhido.

ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO - TCC

ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO - TCC ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO - TCC A estrutura de trabalhos acadêmicos (TCC) compreende: parte externa e parte interna. Com a finalidade de orientar os acadêmicos, a disposição de elementos é dada no

Leia mais

TABELA ELEMENTOS PARA ESTRUTURA DO TRABALHO CIENTÍFICO

TABELA ELEMENTOS PARA ESTRUTURA DO TRABALHO CIENTÍFICO TABELA ELEMENTOS PARA ESTRUTURA DO TRABALHO CIENTÍFICO TIPO DE ELEMENTO ELEMENTOS DESCRIÇÃO Elementos externos Capa Nome da Instituição, Nome do autor, título e subtítulo, local (cidade), Ano. Elementos

Leia mais

21 ANEXO III: DAS DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO FINAL DE CURSO 2

21 ANEXO III: DAS DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO FINAL DE CURSO 2 21 ANEXO III: DAS DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO FINAL DE CURSO 2 O Trabalho Final de Curso (TFC) caracteriza-se pela unicidade e delimitação do tema e pela profundidade do tratamento, e não por

Leia mais

Margem superior 3 cm

Margem superior 3 cm Margem superior 3 cm Configuração da página: Papel A4 Tipo de Fonte: Times New Roman - TNR Tamanho da fonte: 12 (com algumas exceções) Elemento textual Espaçamento entre linhas 1,5 cm (com algumas exceções)

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO, PROPESP PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO, PPGE

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO, PROPESP PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO, PPGE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Este roteiro contém os requisitos obrigatórios, estabelecidos pelo Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Centro-Oeste,

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REABILITAÇÃO ORAL CURSO DE MESTRADO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REABILITAÇÃO ORAL CURSO DE MESTRADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REABILITAÇÃO ORAL CURSO DE MESTRADO Antes da defesa da dissertação, o aluno deverá submeter-se ao Exame Geral de Qualificação. A solicitação do Exame Geral de Qualificação

Leia mais

MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO (TCC) PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA

MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO (TCC) PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA Faculdade de Odontologia Biblioteca Malvina Vianna Rosa MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO (TCC) PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA Este documento

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - REGIONAL JATAÍ UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL Guia para Redação Técnico-Científica

Leia mais

Comitê de Avaliação de Trabalhos de Conclusão de Cursos da Faculdade de Tecnologia (FATEC) de Taquaritinga/SP

Comitê de Avaliação de Trabalhos de Conclusão de Cursos da Faculdade de Tecnologia (FATEC) de Taquaritinga/SP CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE TAQUARITINGA MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSOS (TCC) Comitê de Avaliação de Trabalhos de Conclusão

Leia mais

Normas para a Elaboração de Qualificações (Mestrado e Doutorado), Dissertações e Teses

Normas para a Elaboração de Qualificações (Mestrado e Doutorado), Dissertações e Teses Normas para a Elaboração de Qualificações (Mestrado e Doutorado), Dissertações e Teses EXAME DE QUALIFICAÇÃO O Exame de Qualificação do Mestrado e do Doutorado poderá ser apresentado na forma de Artigo

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. O relatório segue padrão ABNT (NBR 14724:2011), como descrito nos próximos itens:

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. O relatório segue padrão ABNT (NBR 14724:2011), como descrito nos próximos itens: NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Os professores e alunos participantes do Programa de Pesquisa e Iniciação Científica deverão apresentar Relatório Final referente às suas atividades,

Leia mais

MESTRADO EM CIÊNCIAS MÉDICAS

MESTRADO EM CIÊNCIAS MÉDICAS FUNDAÇÃO EDSON QUEIROZ UNIVERSIDADE DE FORTALEZA ENSINANDO E APRENDENDO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS MÉDICAS MESTRADO EM CIÊNCIAS MÉDICAS MANUAL FORMATAÇÃO DA DISSERTAÇÃO Fortaleza Ceará 2017

Leia mais

NORMAS PARA REDAÇÃO DA MONOGRAFIA

NORMAS PARA REDAÇÃO DA MONOGRAFIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CÂMPUS JATAÍ CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA FLORESTAL NORMAS PARA REDAÇÃO DA MONOGRAFIA 1. Formatação geral Os textos devem ser digitados em cor preta, podendo utilizar

Leia mais

INSTRUÇÕES GERAIS PARA CONFECÇÃO DO EXEMPLAR DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FCT/UNESP

INSTRUÇÕES GERAIS PARA CONFECÇÃO DO EXEMPLAR DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FCT/UNESP INSTRUÇÕES GERAIS PARA CONFECÇÃO DO EXEMPLAR DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FCT/UNESP Estrutura do Trabalho Pré-texto: Capa (elemento externo) Lombada (elemento externo) Folha

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PERNAMBUCO (nome da instituição, texto centralizado, letras maiúsculas)

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PERNAMBUCO (nome da instituição, texto centralizado, letras maiúsculas) - Fonte Arial ou Times New Roman -Tamanho da fonte n 12 e o espaçamento de 1,5, salvo algumas exceções (ler o manual e ver o template); - Margens folhas da frente (anverso): superior e esquerda 3cm; inferior

Leia mais

DEFESA DE DISSERTAÇÃO

DEFESA DE DISSERTAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE DIREITO MESTRADO PROFISSIONAL EM SEGURANÇA PÚBLICA, JUSTIÇA E CIDADANIA. PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SEGURANÇA PÚBLICA DEFESA DE DISSERTAÇÃO Salvador - BA Setembro

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISONADO AGRONOMIA ESAGRO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISONADO AGRONOMIA ESAGRO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISONADO AGRONOMIA ESAGRO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO E NÃO OBRIGATÓRIO

Leia mais

ESTRUTURA DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

ESTRUTURA DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO ESTRUTURA DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO O trabalho científico deverá ser organizado de acordo com a estrutura abaixo, NBR 14724/2006: capa; folha de rosto; verso da folha de rosto (ficha catalográfica)

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC 1 ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC 1 Estrutura de apresentação 1.1 Pré-textuais Capa (obrigatório) Lombada (obrigatório) Folha de rosto (obrigatório) Folha de aprovação

Leia mais

Modelo para apresentação de projetos de pesquisa

Modelo para apresentação de projetos de pesquisa Modelo para apresentação de projetos de pesquisa Os pré-projetos de pesquisa do Curso de Mestrado Acadêmico em Ciências da Saúde do Programa de Pós-graduação Stricto sensu da Faculdade Ciências Médicas

Leia mais

2 SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS... 3 INTRODUÇÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO INTRODUÇÃO ESTRUTURA BÁSICA DO RELATÓRIO

2 SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS... 3 INTRODUÇÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO INTRODUÇÃO ESTRUTURA BÁSICA DO RELATÓRIO Colegiado do curso Bacharelado em Ciência da Computação Guia para Normalização de Relatórios de Estágio Supervisionado Uberlândia - MG 2002 2 SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS... 3 INTRODUÇÃO... 4 1 RELATÓRIO DE

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE GRADUAÇÃO DA FATEC SÃO CARLOS

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE GRADUAÇÃO DA FATEC SÃO CARLOS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE GRADUAÇÃO DA FATEC SÃO CARLOS (DE ACORDO COM AS NORMAS DA ABNT: NBR 14724, NBR 10520 e NBR 6023) SÃO CARLOS 2018 SUMÁRIO Introdução... 3 Capítulo 1 Trabalho de Graduação...4

Leia mais

MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM MATERIAL DE APOIO PARA ELABORAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM Este documento tem a finalidade de auxiliar os alunos na formatação das Teses e Dissertações do Programa

Leia mais

Formatação de trabalhos acadêmicos. Segundo as normas da ABNT

Formatação de trabalhos acadêmicos. Segundo as normas da ABNT Formatação de trabalhos acadêmicos Segundo as normas da ABNT ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas ABNT/CB-001 - Comitê Brasileiro de Mineração e Metalurgia ABNT/CB-005 - Comitê Brasileiro Automotivo

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE MESTRADO EM CIÊNCIA ANIMAL

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE MESTRADO EM CIÊNCIA ANIMAL NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO DO PROGRAMA DE MESTRADO EM CIÊNCIA ANIMAL. FORMATAÇÃO GERAL Papel A; Fonte Arial; Espaçamento entre linha de,5 cm; Margens: a) margem esquerda:,0 cm b) margem direita:,5

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO 1 CONCEITO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO 1 CONCEITO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE ENSINO DISCIPLINA: Redação

Leia mais

Instrução Normativa do Conselho do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Animal nº 11, de 23 de julho de 2015

Instrução Normativa do Conselho do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Animal nº 11, de 23 de julho de 2015 Instrução Normativa do Conselho do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Animal nº 11, de 23 de julho de 2015 Estabelece normas para elaboração de dissertações e teses no programa de Pós-graduação

Leia mais

Resolução PEF 02/2009

Resolução PEF 02/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física Mestrado Profissional em Ensino de Física Resolução PEF 02/2009 Dispõe sobre as dissertações de mestrado e sua formatação

Leia mais

NORMA PARA APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM METODOLOGIA DE PROJETO UEM/UEL

NORMA PARA APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM METODOLOGIA DE PROJETO UEM/UEL NORMA PARA APRESENTAÇÃO DA VERSÃO DEFINITIVA DA DISSERTAÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM METODOLOGIA DE PROJETO UEM/UEL 1. INTRODUÇÃO Este documento apresenta os requisitos obrigatórios para a apresentação

Leia mais

(CAPA) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL. Nome do Acadêmico. Título da Dissertação/Tese

(CAPA) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL. Nome do Acadêmico. Título da Dissertação/Tese (CAPA) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL Nome do Acadêmico Título da Dissertação/Tese Montes Claros Ano de Publicação (FOLHA DE ROSTO) Nome do Autor (somente iniciais maiúsculas) Nome do trabalho:

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O trabalho deve ser digitado e impresso em papel branco ou reciclado no formato A4. O texto pode ser digitado no anverso e verso das folhas,

Leia mais

MANUAL PARA CONFECÇÃO DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO (TG)

MANUAL PARA CONFECÇÃO DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO (TG) MANUAL PARA CONFECÇÃO DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO (TG) APRESENTAÇÃO O presente manual tem por objetivo orientar os alunos dos Cursos de Graduação de Tecnólogo em Logística, Informática e Aeronáutica quanto

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DEFESAS DE TESES. As normas apresentadas a seguir são referentes à versão final da tese após a.

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DEFESAS DE TESES. As normas apresentadas a seguir são referentes à versão final da tese após a. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem Campus Universitário Darcy Ribeiro, Asa Norte. Brasília-DF. CEP: 70910-900. Fone: (61) 3107-1976 e 3107-1760. E-mail: ppgenf@unb.br NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DEFESAS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução FORMATO DAS DISSERTAÇÕES DO PPGEE As Dissertações do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução (PPGEE) seguirão o seguinte formato: 1) Formatação

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Faculdade de Artes Visuais Programa de Pós-Graduação em Arte e Cultura Visual

Universidade Federal de Goiás Faculdade de Artes Visuais Programa de Pós-Graduação em Arte e Cultura Visual Universidade Federal de Goiás Faculdade de Artes Visuais Programa de Pós-Graduação em Arte e Cultura Visual NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TEXTOS PARA QUALIFICAÇÃO (MESTRADO E DOUTORADO), TESES E DISSERTAÇÕES

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (COM BASE NA ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM)

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (COM BASE NA ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM) UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA Campus DE VITÓRIA DA CONQUISTA PROGRAMA MULTICÊNTRICO EM BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR GUIA PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (COM BASE NA ABNT-NBR 14724

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL BIBLIOTECA CENTRAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL BIBLIOTECA CENTRAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL BIBLIOTECA CENTRAL Treinamento Sobre Uso da NBR 14724 da ABNT : apresentação de trabalhos acadêmicos Maria Amazilia Penna de Moraes Ferlini Bibliotecária-Documentalista

Leia mais

Nome do Aluno Completo. Título do trabalho Subtítulo do trabalho se houver

Nome do Aluno Completo. Título do trabalho Subtítulo do trabalho se houver Governo do Estado do Pará Universidade do Estado do Pará Campus XX - Castanhal Centro de Ciências XXXXX Nome do Aluno Completo Título do trabalho Subtítulo do trabalho se houver Castanhal 2014 Nome do

Leia mais

ELEMENTOS DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ELEMENTOS DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO ELEMENTOS DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 ELEMENTOS PRELIMINARES: CAPA: É a proteção externa do documento, portanto o material usado deve ser resistente ao manuseio. Permitem-se cores, fotos e

Leia mais

Normalização de Trabalhos Acadêmicos (ABNT): orientações gerais

Normalização de Trabalhos Acadêmicos (ABNT): orientações gerais Seção Técnica de Referência e Atendimento ao Usuário e Documentação STRAUD bibl-refere@marilia.unesp.br Normalização de Trabalhos Acadêmicos (ABNT): orientações gerais Maria Elisa V. Pickler Nicolino,

Leia mais

1.7 Parágrafo Utilizar uma (1) tabulação (tab.) para iniciar os parágrafos, ou seja, 1,25 cm. Não deixar espaço em branco entre os parágrafos.

1.7 Parágrafo Utilizar uma (1) tabulação (tab.) para iniciar os parágrafos, ou seja, 1,25 cm. Não deixar espaço em branco entre os parágrafos. INFORMAÇÕES GERAIS PARA ENTREGA DE TCC Versão final Assunto: Elaboração dos volumes do TCC aprovado. 1 Diagramação Capítulo I Formatação Aspectos Gráficos 1.1 Tamanho do papel A4 (210 X 297 mm) 1.2 Gramatura

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO Instruções para a confecção e apresentação de relatório de estágio para os discentes do curso de graduação em Engenharia Mecatrônica da da Universidade Federal de Uberlândia.

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TESES / DISSERTAÇÕES

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TESES / DISSERTAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL Campus de CAMPO GRANDE PROGRAMA MULTICÊNTRICO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR - PMBqBM - SBBq NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TESES / DISSERTAÇÕES

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO OU TESE DE DOUTORADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724)

GUIA PARA ELABORAÇÃO DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO OU TESE DE DOUTORADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE GUIA PARA ELABORAÇÃO DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO OU TESE DE DOUTORADO (SEGUNDO

Leia mais

Formataça o do Trabalho de Conclusa o de Curso

Formataça o do Trabalho de Conclusa o de Curso 1. FORMATAÇÃO Formataça o do Trabalho de Conclusa o de Curso 1.1 Papel Deve ser utilizado papel branco, formato A4 (21,0 cm x 29,7 cm), 1.2 Parágrafo Recuo de 1,25 cm na primeira linha. Espaço entre linhas

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA DISCIPLINA DE T.C.C.

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA DISCIPLINA DE T.C.C. 1 FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA DISCIPLINA DE T.C.C. NORMAS PARA PUBLICAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO A

Leia mais

Programa de Pós Graduação em Saúde e Sociedade. Manual normativo para elaboração de Dissertações

Programa de Pós Graduação em Saúde e Sociedade. Manual normativo para elaboração de Dissertações Manual normativo para elaboração de Dissertações Mossoró/RN, Julho de 2016 Normas para formatação de Dissertação PPGSS 2016 1. DEFINIÇÃO: Dissertação Conceitualmente, a dissertação corresponde ao documento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS Goiânia, GO Março/2015

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO?

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO? Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO? Título do artigo, centralizado. Maria da Silva Pereira* Maria Alves de Arruda** Nome(s) do(s) autor(es). RESUMO

Leia mais

TÍTULO DA MONOGRAFIA/ TCC

TÍTULO DA MONOGRAFIA/ TCC UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI DEPARTAMENTO DE MÚSICA TÍTULO DA MONOGRAFIA/ TCC NOME DO AUTOR São João del-rei ANO NOME DO AUTOR TÍTULO DA MONOGRAFIA/TCC Trabalho de Conclusão de Curso apresentada

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA A elaboração da monografia deve ter como referência a ABNT NBR 14724:2011, disponível no Portal BU/UFSC (http://portalbu.ufsc.br/normalizacao-de-trabalhos-2/),

Leia mais

NORMAS ABNT PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS

NORMAS ABNT PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS NORMAS ABNT PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Gláucia Maria Saia Cristianini Biblioteca Prof. Achille Bassi Fontes: Diretrizes para apresentação de dissertações e teses da USP: documento eletrônico

Leia mais

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES - Programa de Pós- Graduação em Enfermagem Campus Universitário Darcy Ribeiro Asa Norte Brasília- DF CEP: 70910-900 Fone: (61)3107-1976/3107-1760 e- mail: ppgenf@unb.br NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS Curso de Zootecnia Câmpus de Jataí COORDENAÇÃO DO PROJETO ORIENTADO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS JATAÍ 2013 ESTRUTURA 1. INTRODUÇÃO Estas normas têm a finalidade

Leia mais

PORTARIA DO DIRETOR Nº 39, DE 7 DE ABRIL DE 2005

PORTARIA DO DIRETOR Nº 39, DE 7 DE ABRIL DE 2005 PORTARIA DO DIRETOR Nº 39, DE 7 DE ABRIL DE 2005 Estabelece normas para elaboração de dissertações e teses no Programa de Pós- Graduação em Medicina Veterinária O Diretor da Faculdade de Medicina Veterinária

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM)

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA MULTICÊNTRICO EM BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR - PMBqBM GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO

Leia mais

Tam. da figura: 4,0 x 10 cm NORMAS PARA REDAÇÃO DO PROJETO FINAL DE CURSO PFC

Tam. da figura: 4,0 x 10 cm NORMAS PARA REDAÇÃO DO PROJETO FINAL DE CURSO PFC Tam. da figura: 4,0 x 10 cm NORMAS PARA REDAÇÃO DO PROJETO FINAL DE CURSO PFC INCONFIDENTES-MG 2014 Este documento tem por finalidade disciplinar a apresentação de trabalhos científicos (Projeto Final

Leia mais

Pós-Graduação Ciências da Saúde da Universidade de Caxias do Sul. Summário

Pós-Graduação Ciências da Saúde da Universidade de Caxias do Sul. Summário 1 Pós-Graduação Ciências da Saúde da Universidade de Caxias do Sul Summário 1 Apresentação Física das Dissertações e Teses 2 1.1 Tamanho do Papel 2 2 Fonte 2 3 Numeração Progressiva 3 4 Espaçamento, Parágrafos

Leia mais

Normas Complementares do Trabalho de Conclusão do Curso de. (Grau bacharelado)

Normas Complementares do Trabalho de Conclusão do Curso de. (Grau bacharelado) Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Ciências Integradas do Pontal Graduação em Ciências Biológicas (Grau bacharelado) Normas Complementares do Trabalho de Conclusão do Curso de Graduação em

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE AGRONOMIA COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS Goiânia, GO Março/2015

Leia mais

1 Apresentação gráfica Formato do papel: A4 (210 x 297mm); Margens: esquerda e superior: 3cm, direita e inferior: 2cm;

1 Apresentação gráfica Formato do papel: A4 (210 x 297mm); Margens: esquerda e superior: 3cm, direita e inferior: 2cm; Breve orientação para formatação das 6 (seis) primeiras páginas de teses e dissertações, condição obrigatória para que os textos sejam divulgados pela Biblioteca Digital. Em caso de dúvida, consulte o

Leia mais

I Jornada sobre Trabalhos Acadêmicos e Científicos

I Jornada sobre Trabalhos Acadêmicos e Científicos I Jornada sobre Trabalhos Acadêmicos e Científicos Trabalhos Acadêmicos Apresentação Referências Normativas ABNT NBR 6023 Referências Elaboração ABNT NBR 6024 Numeração Progressiva ABNT NBR 6027 Sumário

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - REGIONAL JATAÍ UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIA ANIMAL Guia para Redação Técnico-Científica

Leia mais

Manual para formatação de trabalhos

Manual para formatação de trabalhos UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL Manual para formatação de trabalhos Passo Fundo, 2013. 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 2 2 ASPECTOS GERAIS SOBRE

Leia mais

NORMAS PARA REDAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

NORMAS PARA REDAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO NORMAS PARA REDAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 ESTRUTURA GERAL A disposição dos elementos no texto deve ser a seguinte: Elementos pré-textuais: Capa (obrigatório) Agradecimento(s) (opcional)

Leia mais

FACULDADES ITECNE DE CASCAVEL. NOME(s) AUTOR(es)

FACULDADES ITECNE DE CASCAVEL. NOME(s) AUTOR(es) FACULDADES ITECNE DE CASCAVEL NOME(s) AUTOR(es) Capa: Fonte Arial Tamanho 14 Centralizado Letras MAIÚSCULAS Com negrito ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIA CIDADE ANO NOME(s) AUTOR(es) Folha de Rosto:

Leia mais

TÍTULO DO PROJETO EXPERIMENTAL: subtítulo (corpo 18 centralizado)

TÍTULO DO PROJETO EXPERIMENTAL: subtítulo (corpo 18 centralizado) FACULDADE INTEGRADA DE PERNAMBUCO - FACIPE BACHARELADO EM... (corpo 14, centralizado) Nome do Aluno 1 Nome do Aluno 2 (todos do grupo) (lista por ordem alfabética- corpo 14- centralizado) TÍTULO DO PROJETO

Leia mais

Bibliográfica: Levantamento de informações impressas e eletrônicas de obras publicadas sobre um tema; De campo: A partir da coleta de dados in

Bibliográfica: Levantamento de informações impressas e eletrônicas de obras publicadas sobre um tema; De campo: A partir da coleta de dados in A pesquisa científica faz parte da vida acadêmica do aluno exigindo que o pesquisador, através de seu trabalho, proponha formas de superar o conhecimento existente até o momento sobre determinado assunto.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE AGRONOMIA BIBLIOTECA PROF. ANTÔNIO TAVARES QUINTAS MANUAL DE NORMAS PARA TRABALHOS ACADÊMICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE AGRONOMIA BIBLIOTECA PROF. ANTÔNIO TAVARES QUINTAS MANUAL DE NORMAS PARA TRABALHOS ACADÊMICOS 0 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE AGRONOMIA BIBLIOTECA PROF. ANTÔNIO TAVARES QUINTAS MANUAL DE NORMAS PARA TRABALHOS ACADÊMICOS Porto Alegre 2013 1 SUMÁRIO 1 ESTRUTURA... 2 2 ELEMENTOS

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PERNAMBUCO (nome da instituição, texto centralizado, letras maiúsculas)

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PERNAMBUCO (nome da instituição, texto centralizado, letras maiúsculas) - Fonte Arial ou Times New Roman -Tamanho da fonte n 12 e o espaçamento de 1,5, salvo algumas exceções (ler o manual e ver o template); - Margens folhas da frente (anverso): superior e esquerda 3cm; inferior

Leia mais

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Mogi das Cruzes, SP 2017 ELABORAÇÃO: DECLÉIA MARIA FAGANELLO (COORDENAÇÃO) MAÍSA MARTINS DE CARVALHO FABIANE TAVARES DA SILVA FICHA CATALOGRÁFICA

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS DA UFG

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS DA UFG Universidade Federal de Goiás Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS DA UFG Coordenador

Leia mais

Aprovada em Reunião de Diretoria do dia 10 de abril de Normas de apresentação de Trabalho Científico Para Admissão de Membro Titular

Aprovada em Reunião de Diretoria do dia 10 de abril de Normas de apresentação de Trabalho Científico Para Admissão de Membro Titular Aprovada em Reunião de Diretoria do dia 10 de abril de 2002 Instituto Hahnemanniano do Brasil Secretaria Normas de apresentação de Trabalho Científico Para Admissão de Membro Titular Autores: Elisa Maria

Leia mais

MESTRADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA/ PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

MESTRADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA/ PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES REITORIA MESTRADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA/ PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NORMA-REGULAMENTO: DISSERTAÇÃO Para agendar a Banca de Defesa, o

Leia mais

UNIVERSIDADE MUNICIPAL DE SÃO CAETANO DO SUL

UNIVERSIDADE MUNICIPAL DE SÃO CAETANO DO SUL NOME COMPLETO DA CONCEDENTE (EMPRESA): NOME COMPLETO DO SUPERVISOR DA CONCEDENTE (EMPRESA): CARGO: TELEFONE: _ E-MAIL: _ ENDEREÇO: _ NOME COMPLETO DO ESTAGIÁRIO(A): _ TELEFONES (COMERCIAL/CELULAR/RESIDENCIAL):

Leia mais

DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE TESE PARA CONCURSO DE PROFESSOR TITULAR

DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE TESE PARA CONCURSO DE PROFESSOR TITULAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO GERAL E APLICADA DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE TESE PARA CONCURSO DE PROFESSOR TITULAR CURITIBA 2011 Sumário

Leia mais

DO PROJETO TÍTULO DO RELATÓRIO AUTOR (ES) DO RELATÓRIO SÃO PAULO

DO PROJETO TÍTULO DO RELATÓRIO AUTOR (ES) DO RELATÓRIO SÃO PAULO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP FACULDADE (do aluno) CURSO TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO TÍTULO DO RELATÓRIO AUTOR (ES) DO RELATÓRIO SÃO PAULO 2019 NOTA PRÉVIA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO CULTURA E SOCIEDADE - PGCULT MESTRADO INTERDISCIPLINAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO CULTURA E SOCIEDADE - PGCULT MESTRADO INTERDISCIPLINAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO CULTURA E SOCIEDADE - PGCULT MESTRADO INTERDISCIPLINAR NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS QUALIFICAÇÃO E DISSERTAÇÃO

Leia mais

GESTÃO HOSPITALAR. PIM V Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO HOSPITALAR. PIM V Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO HOSPITALAR PIM V Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Elaborar um estudo acerca da importância da logística operacional em saúde, abordando a gestão

Leia mais

ANEXO I DA RESOLUÇÃO Nº 15 CONSEPE, DE 21 DE MAIO DE NORMAS PARA REDAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

ANEXO I DA RESOLUÇÃO Nº 15 CONSEPE, DE 21 DE MAIO DE NORMAS PARA REDAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ANEXO I DA RESOLUÇÃO Nº 15 CONSEPE, DE 21 DE MAIO DE 2010. NORMAS PARA REDAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Trabalhos acadêmicos: trabalho de conclusão de curso (TCC), trabalho de graduação interdisciplinar

Leia mais

Pós-Graduação em Engenharia de Materiais - POSMAT

Pós-Graduação em Engenharia de Materiais - POSMAT CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Pós-Graduação em Engenharia de Materiais - POSMAT NORMAS DOS TRABALHOS ESCRITOS baseados na ABNT 14724, de17 de março de 2011. FORMATAÇÃO I. Deve-se

Leia mais

NORMAS ESPECÍFICAS PARA ELABORAÇÂO DE MONOGRAFIA

NORMAS ESPECÍFICAS PARA ELABORAÇÂO DE MONOGRAFIA 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE OCEANOGRAFIA E LIMNOLOGIA CURSO DE OCEANOGRAFIA NORMAS ESPECÍFICAS PARA ELABORAÇÂO DE MONOGRAFIA 1. MONOGRAFIA

Leia mais

Normas técnicas de redação de dissertação e tese do Programa de Pós- Graduação em Biodiversidade e Conservação da Universidade Federal do Maranhão

Normas técnicas de redação de dissertação e tese do Programa de Pós- Graduação em Biodiversidade e Conservação da Universidade Federal do Maranhão Normas técnicas de redação de dissertação e tese do Programa de Pós- Graduação em Biodiversidade e Conservação da Universidade Federal do Maranhão A Dissertação de Mestrado e Tese de Doutorado deverá ser

Leia mais

REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS. A ABNT NBR 14724:2011 estabelece algumas regras para a apresentação gráfica de um trabalho.

REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS. A ABNT NBR 14724:2011 estabelece algumas regras para a apresentação gráfica de um trabalho. REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS A ABNT NBR 14724:2011 estabelece algumas regras para a apresentação gráfica de um trabalho. PAPEL MARGENS FONTE TEXTO TÍTULO DAS SEÇÕES TÍTULO DAS

Leia mais

ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA TÉCNICA E/OU CIENTÍFICA IMPRESSA ABNT 6022:2018

ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA TÉCNICA E/OU CIENTÍFICA IMPRESSA ABNT 6022:2018 ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA TÉCNICA E/OU CIENTÍFICA IMPRESSA ABNT 6022:2018 REFERÊNCIA NORMATIVA Documentos indispensáveis para consulta e aplicação deste documento ABNT NBR 6022 - Artigo em publicação

Leia mais

(FOLHA DE ROSTO) NOME DO Autor (só as iniciais em letras maiúsculas) Nome do trabalho: subtítulo se houver

(FOLHA DE ROSTO) NOME DO Autor (só as iniciais em letras maiúsculas) Nome do trabalho: subtítulo se houver (FOLHA DE ROSTO) NOME DO Autor (só as iniciais em letras maiúsculas) Nome do trabalho: subtítulo se houver Dissertação apresentada ao curso de Mestrado em Sociedade, Ambiente e Território Universidade

Leia mais

Normas ABNT. 0 NBR ( ) Trabalhos acadêmicos Apresentação. 0 NBR (ago.2002) Citações em documentos

Normas ABNT. 0 NBR ( ) Trabalhos acadêmicos Apresentação. 0 NBR (ago.2002) Citações em documentos Normas ABNT 0 NBR 14724 (17.04.2011) Trabalhos acadêmicos Apresentação 0 NBR 10520 (ago.2002) Citações em documentos 0 NBR 6023(ago.2002) Referências - Elaboração Normas da USP 0 Diretrizes para apresentação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE: CARDIOLOGIA E CIÊNCIAS CARDIOVASCULARES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE: CARDIOLOGIA E CIÊNCIAS CARDIOVASCULARES UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE: CARDIOLOGIA E CIÊNCIAS CARDIOVASCULARES MANUAL PARA APRESENTAÇÃO GRÁFICA DE TESES E DISSERTAÇÕES - 2014 Porto Alegre

Leia mais

Curso: Engenharia Civil Matéria: TCC II Período: X Semestre. Prof.: Msc. Shaiala Aquino Institucional:

Curso: Engenharia Civil Matéria: TCC II Período: X Semestre. Prof.: Msc. Shaiala Aquino  Institucional: Curso: Engenharia Civil Matéria: TCC II Período: X Semestre Prof.: Msc. Shaiala Aquino Email Institucional: sassantos.vic@ftc.edu.br Aula 03: Elaboração Projeto de Engenharia PROJETO DE ENGENHARIA O objetivo

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO PARA CURSOS SUPERIORES

RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO PARA CURSOS SUPERIORES RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO PARA CURSOS SUPERIORES ELEMENTOS PRÉ- TEXTUAIS 2. FOLHA DE ROSTO São os elementos preliminares, cujos objetivos Folha principal de identificação do trabalho, principais são os

Leia mais

TCE Manual para Apresentação de Trabalho de Conclusão de Estágio

TCE Manual para Apresentação de Trabalho de Conclusão de Estágio UNIVILLE SENAI TCE Manual para Apresentação de Trabalho de Conclusão de Estágio Roteiro para apresentação do TCE Consultar: Guia para Apresentação de Trabalhos Acadêmicos UNIVILLE 2003 (livreto verde)

Leia mais

(FOLHA DE ROSTO)NOME DO Autor

(FOLHA DE ROSTO)NOME DO Autor (FOLHA DE ROSTO)NOME DO Autor Comentado [N1]: Só as iniciais maiúsculas. Nome do trabalhooooooooooooooooooo: subtítulo se houverrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr (somente iniciais maiusculas) Dissertação

Leia mais

DOUTORADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA / PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

DOUTORADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA / PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES REITORIA DOUTORADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA / PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NORMA-REGULAMENTO: TESE Para agendar a Banca de Defesa, o aluno

Leia mais

Normalizaçã. ção o de Trabalhos Acadêmicos (ABNT)

Normalizaçã. ção o de Trabalhos Acadêmicos (ABNT) Seção Técnica de Referência e Atendimento ao Usuário e Documentação STRAUD bibl-refere@marilia.unesp.br Normalizaçã ção o de Trabalhos Acadêmicos (ABNT) Marília 2017 NBR 14724:2011 Apresentação de trabalhos

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO TESEE DE DOUTORADO (SEGUNDO ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM)

GUIA PARA ELABORAÇÃO TESEE DE DOUTORADO (SEGUNDO ABNT-NBR e REGIMENTO GERAL DO PMBqBM) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA MULTICÊNTRICO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR GUIA PARA ELABORAÇÃO TESEE DE DOUTORADO (SEGUNDO

Leia mais

Fundação Educacional de Andradina

Fundação Educacional de Andradina NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) CURSO DE AGRONOMIA Introdução O TCC significa Trabalho de Conclusão de Curso. Refere-se a uma dissertação científica, que os alunos concluintes

Leia mais

UNIVERSIDADE SANTA CECÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA

UNIVERSIDADE SANTA CECÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA UNIVERSIDADE SANTA CECÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA MANUAL DE ELABORAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES SANTOS/SP 20... 2 APRESENTAÇÃO Este documento tem

Leia mais