NCE/12/00926 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NCE/12/00926 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos"

Transcrição

1 NCE/12/00926 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00926 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido o Relatório de Avaliação/Acreditação elaborado pela Comissão de Avaliação Externa relativamente ao novo ciclo de estudos Psicologia Social e das Organizações 2. conferente do grau de Mestre 3. a ser leccionado na(s) Unidade(s) Orgânica(s) (faculdade, escola, instituto, etc.) Universidade Lusófona De Humanidades E Tecnologia 4. a(s) Instituição(ões) de Ensino Superior / Entidade(s) Instituidora(s) Cofac - Cooperativa De Formação E Animação Cultural, C.R.L. 5. decide: Apresentar pronúncia 6. Pronúncia (Português): Exmos Senhores, junto se envia nosso texto de pronuncia. Atenciosamente, 7. Pronúncia (Português e Inglês, PDF, máx. 150kB): (impresso na página seguinte) pág. 1 de 1

2 Anexos

3 (PT) A ULHT aprecia a avaliação realizada pela CAE, mas dados os aspectos positivos reconhecidos e salientados pela CAE, e a relativa simplicidade na implementação de muitas das suas recomendações de melhorias (que aqui proporemos), lamenta e considera desapropriada a recomendação de não acreditação que decorre dessa avaliação, e requeremos que a mesma recomendação seja alterada para acreditação condicional. O conjunto de aspectos positivos do CE assinalados pela CAE incluem: a inovação do programa do CE face a outros CE s da área (mantendo como referencial outros CE s do espaço europeu); a formação, percurso profissional, e carácter promissor da investigação do corpo docente; a compatibilidade dos objectivos e inovação do CE com a estratégia e projecto da instituição. De facto, a CAE reconhece que a proposta pedagógica está globalmente bem formulada, à excepção de algumas melhorias pontuais recomendadas nalgumas UC s. Reconhecendo nós, como indicámos, a necessidade de prestar alguns esclarecimentos, bem como a pertinência de muitas das recomendações da CAE, apresentamos de seguida a informação e argumentos que suportam o pedido de que a recomendação da CAE seja alterada para acreditação condicional. As informações e argumentos sobre a implementação de melhorias, as alterações ocorridas, e esclarecimentos adicionais organizam-se em dois pontos: primeiro, corpo docente e actividades de investigação; segundo, estrutura e conteúdo do CE. 1. Corpo docente e investigação: A CAE refere que, apesar de o corpo docente ser promissor e com boa formação, lhe falta em geral investigação de nível internacional que suporte o CE a nível científico (cf. 4.4, 4.5, 6.), e à coordenadora proposta em particular (1.2.2). Além disso, a CAE recomenda a criação de condições e incentivos para a produção e publicação científicas (cf. 4.6), o desenvolvimento de procedimentos de partilha de conhecimento e o aprofundamento de parcerias de investigação (cf. 6.6), e a estabilização do corpo docente por um período superior a 3 anos (cf. 4.1, 4.2). De facto, se é verdade que o conjunto da produção científica deste corpo docente se encontra ainda em fase de arranque ou desenvolvimento em termos de projecção internacional, alguns pressupostos usados pela CAE na sua avaliação não a terão permitido atender à real dimensão dessa produção, nem ao papel diferenciado dos diversos docentes propostos para este CE. Assim: - A partilha de conhecimento é já prática corrente na equipa no âmbito do CEPCA, no qual se realizam reuniões científicas regulares para apoiar os processos de publicação internacional que se encontram em fase de execução, a discussão de projectos de investigação e de intervenção, e a promoção de projectos conjuntos. - A coordenadora proposta para este CE tem uma actividade integrada de investigação/intervenção apropriada ao figurino do CE, e no âmbito da qual encontra-se em processo de internacionalização; a coordenação deste CE não é um processo directivo, mas sim colegial, envolvendo todos os docentes cientificamente mais activos; também por isso, a ULHT dividiu as responsabilidades pela coordenação da área psicossocial e das organizações no 2º ciclo e no CEPCA por dois docentes diferentes (respectivamente Ana Loureiro no 2ºciclo e Rodrigo Brito no CEPCA). Note-se que a coordenadora tem uma submissão como 1ª autora em processo de revisão com elevada probabilidade de aceitação numa revista com IF>1.5 (Environment and Behavior), colaborações de investigação em curso com colegas do ISCTE-IUL, das universidades de Castilla-la-Mancha e Complutense de Madrid, e Mauricio-Nassau (Brasil), e projectos de investigação-intervenção em parceria com a EDP e IADE e com a CML e Banco Alimentar. - Daniel Gomes é agora proposto como docente a tempo parcial. Embora na altura da submissão do CE, fosse intenção da ULHT que o docente integrasse o corpo docente em tempo integral, os seus compromissos actuais impedem-no de assumir esse regime de docência. Este docente tem uma actividade de investigação internacionalizada, como a CAE pôde verificar na respectiva ficha de docente. - Carla Fugas não pode assumir um tempo integral dada a sua actividade profissional como psicóloga do Metro de Lisboa, mas esta prática tem sido compatível e até facilitadora da sua actividade de investigação e publicação científica; o seu interesse em integrar este corpo docente está directamente associado à possibilidade de enquadrar a sua actividade de investigação no CEPCA e dinamizá-la no âmbito da orientação de teses de mestrado. - Cristina Camilo é docente a tempo integral desde Novembro de 2012, e já não a tempo parcial como indicado na proposta inicial do CE. - Pedro Rosa está actualmente a aguardar a defesa da sua tese (orient. Prof. Francisco Esteves, ISCTE-IUL) e deverá estar doutorado no próximo ano lectivo. Assim, o corpo docente seria totalmente constituído por doutorados. As suas publicações são na área da psicologia experimental (emoções)

4 Assim, cremos que a produção científica conjunta de Daniel Gomes, Carla Fugas, Cristina Camilo e Pedro Rosa deveria ser considerada para a avaliação da capacitação científica desta proposta de CE, ao contrário do que fez a CAE. Para além disso, a produção científica da coordenadora do CE deveria ser considerada à luz não apenas do seu percurso de internacionalização (em curso) mas também do seu currículo de investigação-intervenção. Para além destes aspectos, deveremos salientar ainda que: - A maioria dos docentes tem actualmente um período de ligação à instituição superior a 3 anos (4 docentes em TI - Ana Loureiro, Cristina Camilo, Fernando Branco, Susana Bento; e 2 docentes em TP Pedro Rosa, Conceição Couvaneiro; num total de 10 docentes) (Anexo I). - Propomos a integração no corpo docente de Mauro Bianchi, em regime de Tempo Integral, na docência das UC s Organizações e Psicologia em Contexto Internacional e Dissertação em psicologia Social e das Organizações, permitindo assim reforçar a experiência e produção científica do corpo docente. Mauro Bianchi é doutorado em Psicologia (especialização em Psicologia Social). A sua investigação e publicações relevantes incidem nas áreas do comportamento e relações intergrupais, julgamento social e estereótipos. Além da participação em equipas de investigação financiadas (ISCTE-IUL), tem experiência de docência em universidade (2011 e 2013 no ISCTE-IUL). (ver ficha de docente no Anexo II). - 3 novas publicações no prelo desde a apresentação da proposta: Mateus, A., Loureiro, A., Rosa, C. A., & Leonor, S. (in press). A methodology for appraisal and validation of User Centered Open Innovation Programs: a case study critical analysis of an energy supplier co-creative innovation program. Proceedings of the 2nd International Conference for Design Education Researchers Morais, D., (et al.) & Brito, R. (in press) Voting on a face: The importance of appearance-based trait inference in political party candidates' evaluation - an eye-tracking approach.; e Oliveira, J., Brito, R., Morais, D., Mariño-Lourenço, R., Barata, F., & Gamito, P. (in press). A pupillometric approach to the study of strength of memory signal following intra- and interhemispheric word recognition.; ambas In P. Gamito & P. Rosa (Eds): I see me, you see me: Inferring cognitive and emotional processes from gazing behavior. Cambridge: Cambridge Scholars Publishing. - Uma nova colaboração internacional, de Rodrigo Brito (com Diogo Morais e Jorge Oliveira, do CEPCA) com Hans Ijzerman (Univ. Tilburg) para testar o efeito do toque sobre a termorregulação das relações sociais. 2. Quanto à estrutura do CE, a avaliação e as recomendações do relatório da CAE referem-se aos ECTS atribuídos às UC s estágio e dissertação (cf , 3.3.3, 9.4, 9.6, 11.7), e à articulação e ajustes e melhorias em algumas UC s (cf , 3.2.5, 3.3.3, 3.3.5). A avaliação e as recomendações de melhoria da CAE constituíram um importante contributo para as melhorias e alterações que apresentamos de seguida: - Em relação aos ECTS das UC s estágio e dissertação, o relatório da CAE recomenda uma troca da proporção de ECTS atribuídos a cada uma delas ou a sua fundamentação. Neste sentido, foi feita uma reflexão sobre esta questão, nomeadamente sobre o desenvolvimento da experiência de investigação da equipa docente, e ponderando-se a recomendação da CAE de alteração do número de ECTS das UC s reflectindo a aposta numa formação com menor peso da componente de investigação. Assim, propomos a atribuição de 42 ECTS à UC Estágio em Psicologia Social das Organizações e 18 ECTS à UC Dissertação em Psicologia Social das Organizações. Tal implica uma alteração a nível das horas de trabalho e das horas de orientação tutorial e seminário (45h OT e 45h S na UC de estágio e 60h S na UC de dissertação). Na UC de estágio implica ainda uma alteração do número de horas de estágio para 500 horas. A experiência tem demonstrado que os locais de estágio estão disponíveis e interessados em receber os alunos durante esse tempo de estágio. Por outro lado, o trabalho de orientação de dissertações tem mostrado que os alunos têm sobretudo necessidade de supervisão e apoio na formulação da investigação e análise de dados. O plano curricular proposto, com duas UC s na área de métodos e análise de dados procura dar resposta a esta necessidade. Assim, esta prospectivamente melhor preparação dos alunos a este nível, permitirá assumir um menor peso da dissertação em termos de ECTS atribuídos, com a correspondente redução do número de horas de trabalho total e de contacto. Importa referir que, tal como estava já definido, os docentes designados para a UC de dissertação têm experiência de investigação e publicação, e os docentes designados para a UC de estágio têm experiência profissional nas áreas da psicologia social e das organizações. Os conteúdos de algumas UC s foram reformulados e melhoradas (cf. Anexo III): - Na UC Formação e Coaching reformularam-se as competências a adquirir e os conteúdos programáticos de forma a reflectirem melhor a articulação entre os aspectos teóricos e as competências práticas a desenvolver nos alunos

5 - Na UC Gestão do Capital Humano reformularam-se as competências a adquirir e os conteúdos programáticos, articulando melhor os aspectos da prática de gestão do capital humano com os objectivos de eficácia. - Na UC Organizações e Psicologia no Contexto Internacional reformularam-se as competências a adquirir e os conteúdos programáticos, reflectindo assim a articulação dos aspectos teóricos relativos à diversidade e transição cultural e a prática psicológica no mundo globalizado, em especial nos contextos organizacionais. - Na UC Psicologia do Comportamento Sustentável e Responsabilidade Social - reformulou-se apenas uma das competências a adquirir ( Conhecer e aplicar as abordagens e técnicas de intervenção na promoção do comportamento sustentável ) e o último ponto dos conteúdos programáticos ( estratégias de intervenção e promoção do consumo e comportamento sustentável ), acentuando a aquisição de competências de intervenção e integração teórico-prática. Assim, esta reformulação reflecte melhor o que já estava definido previamente como objectivos da UC. O relatório preliminar da CAE salienta aspectos muito positivos do CE proposto para acreditação. Por outro lado, as avaliações e recomendações de melhoria foram um estímulo importante para a reflexão e proposta de alterações aqui apresentadas. Pensamos que os esclarecimentos e alterações aqui apresentadas constituem suficientes motivos para justificar a alteração requerida do parecer da CAE de não acreditação para acreditação condicional do CE. (EN) ULHT appreciates the evaluation of this SC by the EEC, but, given the positive aspects recognised and emphasised by the EEC, and the relative ease with which many of its recommendations for improvements could be implemented (and which we here propose), we regret and disagree with its recommendation of non accreditation at which their evaluation arrived, and require that it be changed to conditional accreditation. The set of positive aspects highlighted by the EEC include: the innovative character of this programme compared to other programmes in this field (whilst keeping within the frame of reference of comparative SC within the European space); the specific training, professional background, and promising character of the research of the teaching staff; the compatibility of the aims and innovation of the SC with the strategy and project of the institution. In fact, the EEC recognizes that the proposed SC is well designed overall, excepting the need for specific improvements in a few CU s. Having acknowledged, as we indicated, the need to clarify some points, as well the relevance of many of the recommendations of the EEC, we present here the information and arguments that support our request for the recommendation of the EEC to be changed to conditional accreditation. The information and arguments on the implementation of improvements, changes occurred, and additional clarifications are organized into two points: first, teaching staff and research; and second, structure and content of the CU s. 1. Teaching staff and research: The EEC indicates that, although the teaching staff is well trained and promising, it lacks research at the international level that is able to support the masters scientifically, in general (cf. 4.4, 4.5, 6), as well as the proposed coordinator, in particular (1.2.2). Also, the EEC recommends the creation of conditions and incentives for scientific production and publication (c.f. 4.6), development and sharing of knowledge and intensification of research partnerships (c.f. 6.6), and the stabilization of the teaching staff for periods larger than 3yrs (cf. 4.1, 4.2). In fact, if it is true that, taken together, the research of this teaching staff is still at the stage of international breakthrough or development, the assumptions used by the EEC were somehow misconstrued and did not allow it to note the actual scope of that production, nor the differentiated role of the different proposed members of the teaching staff. Thus: Sharing of knowledge is already current practice of the team within the framework of CEPCA, in which regular scientific meetings take place in order to support the processes of international scientific production in progress, the discussion of research and intervention projects, and the promotion of common projects. The proposed coordinator of the SC has an integrated activity of research and intervention that is appropriate to the model of this SC, and in the framework of which she is in the process of internationalisation; the coordination of this SC is not a directive process, but a collegial one, involving all of the most scientifically active members of the teaching staff; for this reason also, ULHT has divided responsibilities for the coordination of the fields of social and organisational psychology between two different members of the staff (respectively Ana Loureiro for the SC, and Rodrigo Brito, for CEPCA research group). Please note that the coordinator has a submission as first author under revision with an indication of a high probability of - 3 -

6 acceptance in a journal with an IF>1.5 (Environment and Behaviour) and ongoing research collaborations with colleagues from ISCT E-IUL, the universities of Castilla-la-Mancha and Complutense (Madrid), and Mauricio- Nassau (Brazil), and research and intervention projects in partnerships with EDP and IADE and with CML and Banco Alimentar. Daniel Gomes is now proposed as a part-time member of the teaching staff. Although by the time of the SC proposal it was UHLT s intention to integrate him as a full-time teacher, his present commitments with another institution do not allow him to assume a full-time position. This lecturer has an international-level research activity, as the EEC was able to note in his file. Carla Fugas is not able to accept a full-time position given her current position as psychologist in the Lisbon Metro, but her professional practice has in fact been compatible and even facilitating of her research and international scientific publication activities; her interest in being part of this teaching staff is also directly related to the possibility of framing her research activity in CEPCA and stimulate it through the orientation of Master s theses. Cristina Camilo has been hired on a full-time basis since November 2012, and not any more on a part-time basis as per the initial proposal of the SC. Pedro Rosa is currently awaiting the defence of his doctoral thesis (superv. Prof. Francisco Esteves at ISCTE- IUL) and should have his PhD during the next school year. Thus, the teaching staff should be constituted exclusively by PhDs. His publication record is mostly in the field of experimental psychology (and emotions). T hus, we believe that, taken together, the scientific production of Daniel Gomes, Carla Fugas, Cristina Camilo and Pedro Rosas should be taken into consideration for the assessment of the scientific capacities underlying this proposed SC, unlike what the EEC did in its preliminary report. Besides, the scientific production of the coordinator of the SC should be considered not only on the light of her ongoing internationalisation process, but also of her curriculum in research and intervention. Beyond these aspects, we wish to highlight that: Most of the teaching staff currently has a connection to the institution longer than 3yrs (4 full-time: Ana Loureiro, Cristina Camilo, Fernando Branco, Susana Bento; and 2 part-time: Pedro Rosa, Conceição Couvaneiro; from a total of 10) (Appendix I). We propose the integration in the teaching staff of Mauro Bianchi, on a full-time basis, to teach the CU s Organisations and Psychology in International Context and Dissertation in Social and Organisation Psychology, thus allowing us to reinforce the experience and scientific capacity of this teaching staff. Mauro Bianchi has a PhD in Psychology (specialised in social psychology). His research and relevant publications have focused on intergroup behaviour and relations, social judgement and stereotypes. He has been a member of funded research teams on these issues (ISCTE-IUL), and has university teaching experience (2011 and 2013 at ISCTE-IUL). (see Appendix II). The staff has 3 new publications in press since the submission of the proposal: Mateus, A., Loureiro, A., Rosa, C. A., & Leonor, S. (in press). A methodology for appraisal and validation of User Centered Open Innovation Programs: a case study critical analysis of an energy supplier co-creative innovation program. Proceedings of the 2nd International Conference for Design Education Researchers. Morais, D., (et al.) & Brito, R. (in press) Voting on a face: The importance of appearance-based trait inference in political party candidates' evaluation - an eye-tracking approach, and Oliveira, J., Brito, R., Morais, D., Mariño-Lourenço, R., Barata, F., & Gamito, P. (in press). A pupillometric approach to the study of strength of memory signal following intra- and interhemispheric word recognition; (both in) P. Gamito & P. Rosa (Eds): I see me, you see me: Inferring cognitive and emotional processes from gazing behavior. Cambridge: Cambridge Scholars Publishing. A new international collaboration, by Rodrigo Brito (together with Diogo Morais and Jorge Oliveira, from CEPCA) with Hans Ijzerman (Univ. Tilburg) to test the effects of touching on the thermoregulation of social relations. 2. As for the structure of the SC, the assessment and recommendations of the EEC refer to the distribution of ECTS between internship and dissertation (cf , 3.3.3, 9.4, 9.6, 11.7) and to the articulation between and adjustments and improvements to several CUs (cf , 3.2.5, 3.3.3, 3.3.5). The assessment and recommendations for improvements by the EEC were an important contribution to the improvements and changes that we present below

7 - As concerns the ECTS of the CUs of internship and dissertation, the report of the EEC recommends a switch in the relative proportion of ECTS per CU or the better justification of the current proportion. In this sense, a reflection was carried out on this issue, and namely on the development of the research experience of the teaching team, and the recommendation of a possible change by the EEC, reflecting a training programme less focused on research than practice. Thus, we propose to give 42 ECTS to the internship and 18 ECTS to the dissertation. This implies a change in respective work and tutorial and seminar contact hours (45h tutorial and 45h seminar for the internship and 60h seminar for the dissertation). In the internship this also implies a change of total work hours to 500h. Our experience has shown us that organisations receiving interns are available and interested in receiving students during this period of internship. On the other hand, our experience with dissertation supervisions has shown that students have mostly need for supervision and support in the planning of research and data analysis. The programme proposed, with two CU s in research methods and data analysis, responds to these challenges. Thus, students prospectively better preparation at this level will allow us to reduce the number of ECTS for the dissertation, with a corresponding reduction in their total number of work hours and contact hours. We should note that, as had already been previously defined, the teaching staff indicated for dissertation supervision has experience in research and publication, and the staff indicated for internship orientation have professional experience in social and organizational psychology. We have reformulated and improved the syllabus for several CUs (cf. Appendix III): Organizations and Psychology in an International Context: the sections on contents and skills, in order to better reflect the association between theoretical issues related to diversity and cultural transitions, on the one hand, and psychological practice in a globalised world, on the other. Training and Coaching: the sections on contents and on skills, in order to better reflect the association between theoretical issues and practical skills for students to develop. Management of Human Capital: the sections on skills and contents, for a better association between the practices of management of human capital and the objectives of organizational efficacy. Psychology of Sustainable Behaviour and Social Responsibility: one of the skills ( To know and to apply the different approaches and techniques to intervention for the promotion of sustainable behaviour ) and the last item of the syllabus ( intervention strategies and promotion of sustainable consumption and behaviour ), emphasising the acquisition of intervention skills and theoretical-practical integration; this reflects better the objectives already proposed for the CU. The preliminary report of the EEC highlights some quite positive aspects of the proposed SC. On the other hand, the assessments and recommendations for improvements were an important stimulus for our own reflection and for the improvements that we here propose. We believe that the clarifications and changes presented here together justify the requested change of the EEC s recommendation from non-accreditation to conditional accreditation of this SC

8 Anexo/Appendix III Corpo Docente do CE/ SC Teaching Staff Nome Grau Área Regime Doutorados na área ANA LUISA CARDOSO MARQUES TEIXEIRA LOUREIRO RODRIGO CRAVEIRO DOS REIS DA COSTA BRITO ULHT Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias DOUTOR PSICOLOGIA SOCIAL 100 S Valores Sociais e do Trabalho e Cultura Organizacional Psicologia do Comportamento Sustentável e Responsabilidade Social Dissertação em Psicologia Social e das Organizações Estágio em Psicologia Social e das Organizações DOUTOR CIÊNCIAS PSICOLÓGICAS 100 S Dinâmicas Grupais e Intergrupais e Intervenção Psicossocial Métodos de Investigação em Psicologia Social e das Organizações Dissertação em Psicologia Social e das Organizações CRISTINA MARIA LOPES CAMILO DOUTOR PSICOLOGIA CLÍNICA E DA SAÚDE 100 S Stresse e Qualidade de Vida no Trabalho Gestão do Capital Humano Dissertação em Psicologia Social e das Organizações Estágio em Psicologia Social e das Organizações SUSANA CRISTINA GOMES BENTO MARTINS FERNANDO JOSÉ DOS SANTOS BRANCO MARIA DA CONCEIÇÃO HENRIQUES SERRENHO COUVANEIRO CARLA MARIA FERNANDES DOUTOR DOUTOR PSICOLOGIA SOCIAL E DO DESENVOLVIMENTO MATEMÁTICA - PLANEAMENTO EXPERIMENTAL UC s 100 S Formação e Coaching Gestão do Capital Humano Estágio em Psicologia Social e das Organizações 100 N Análise de Dados em Psicologia Social e das Organizações DOUTOR PSICOLOGIA 50 S Estágio em Psicologia Social e das Organizações DOUTOR PSICOLOGIA 50 S Comportamento e Mudança Organizacional Dissertação em Psicologia Social e das Organizações FUGAS DANIEL JORGE ROQUE GOMES DOUTOR PSICOLOGIA 50 S Comportamento e Mudança Organizacional Dissertação em Psicologia Social e das Organizações PEDRO JOEL MENDES ROSA MESTRE PSICOLOGIA E ACONSELHAMENTO 50 - Análise de Dados em Psicologia Social e das Organizações MAURO BIANCHI DOUTOR PSICOLOGIA 100 S Organizações e Psicologia no Contexto Internacional Dissertação em Psicologia Social e das Organizações - 1 -

9 Anexo/Appendix II Ficha Curricular Docente / Academic Staff Curricular File Dados Pessoais / Personal data Nome / Name Instituição de ensino superior / Higher education institution Unidade Orgânica / Unit Categoria / Category Grau / Degree Área científica deste grau académico / Scientific area of the degree Ano em que foi obtido este grau académico / Year of this degree Instituição que conferiu este grau académico / Institution that awarded this degree Regime de tempo na instituição que submete a proposta / Employment link with the applicant institution Mauro Bianchi ULHT Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Faculdade de Psicologia Professor Auxiliar Doutoramento Psicologia - Psicologia Social 2007 Universidade de Jena (Alemanha) Tempo integral Outros graus académicos ou títulos / Other Academic degrees or titles Ano / Grau ou título / Degree or Área / Area Instituição / Institution Classif. / Mark Year title 2002 Licenciatura Psicologia Universidade de Pádua 110/110 (Itália) Referenciar até 5 artigos em revistas internacionais com revisão por pares, livros ou capítulos de livros, relevantes na área do ciclo de estudos. Para estudos artísticos, referenciar até 5 actividades relacionadas com a área do ciclo de estudos. Present up to 5 publications in international journals with peer review, books or chapters of books, in the main area of the study cycle. Imhoff, R., Dotsch, R., Bianchi, M., Banse, R., & Wigboldus, W. (2012). Facing Europe: Visualizing spontaneous ingroup projection. Psychological Science, 22, (ISI Impact Factor = 4,699) Bianchi, M., Mummendey, A., Steffens, M. C., & Yzerbyt, V. (2010). What do you mean by European? Evidence of spontaneous ingroup projection. Personality and SocialPsychology Bulletin, 36, (ISI Impact Factor = 2,518) Bianchi, M., Machunsky, M., Steffens, M., & Mummendey, A. (2009). Like me or like us: Is ingroup projection just social projection?. Experimental Psychology, 56, (ISI Impact Factor = 2,147) Carnaghi, A., Maass, A., Gresta, S., Bianchi, M., Cadinu, M. & Arcuri, L. (2008). Nomina sunt omina: On the inductive potential of nouns and adjectives in person perception. Journal of Personality and Social Psychology, (ISI Impact Factor = 5,205) Bianchi, M. (2007). What do you mean by European? Spontaneous ingroup projection: Evidence from sequential priming, Deutschen Nationalbibliothek, Experiência Profissional Relevante (5 referências) / Relevant Professional Experience (5 references) Desde Investigador com bolsa de Pós-Doutoramento, ISCTE-IUL, Lisboa Professor Auxiliar Convidado no Departamento de Psicologia Social e das Organizações, ISCTE-IUL, Lisboa Investigador Pós-Doutoramento, International Graduate College, University of Jena, Alemanha Estágio Profissional no Departamento de Psicologia Social e do Desenvolvimento da Universidade de Pádua, Itália. Actividade de investigação na área da auto-estereotipização e da ameaça ligada ao estereótipos com a Professora Mara Cadinu Tirocínio Profissional no Centro para as Deficiências Mentais do Instituto Nacional de Saúde Publica em Pádua, Itália. Actividades clínicas e de investigação com a Doutora Cristina Mazzini

10 Anexo/Appendix III Fichas Unidades Curriculares reformuladas ULHT Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias O rganizações e Psicologia no Contexto Internacional / O rganisations and Psychology in the international context Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Mauro Bianchi (30h) Objectivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes) Os desafios actuais colocados às organizações pela globalização, troca de informação, internacionalização das organizações e livre circulação de trabalhadores no espaço europeu podem, por um lado, abrir vantagens competitivas para as empresas e profissionais, mas traduzem-se, por outro, em dificuldades associadas ao confronto entre diferentes padrões culturais e ao desenraizamento dos trabalhadores da sua própria cultura. Assim, a diversidade cultural presente nas organizações e entre organizações poderá ser uma mais-valia, mas apenas se for bem gerida. Esta unidade curricular tem o objectivo de capacitar os alunos a aplicar a psicologia do trabalho aos contextos internacionais e multiculturais. No final, os estudantes deverão ser capazes de: - Introduzir e enquadrar a problemática da sociedade globalizada - Descrever o que é cultura e como esta influencia as relações entre pessoas em contexto organizacional - Descrever os principais processos de transição cultural - Explicar a aplicação da psicologia nos diversos campos das relações internacionais - Aplicar os conhecimentos na análise dos problemas psicológicos dos atores das relações internacionais, especialmente no contexto das empresas internacionalizadas - Sugerir formas de intervenção na gestão da diversidade cultural dentro das organizações e na integração de expatriados. Learning outcomes of the curricular unit Current challenges to organisations posed by globalisation, information flows, internationalisation of organisations, and free movement of workers in the European space can, on the one hand, open up competitive advantages for businesses and professionals, but translate, on the other hand, into difficulties associated to the confrontation between different cultural patterns and uprooting of workers from their own culture. Thus, cultural diversity in organisations and between organisations may be an added value, but only if it is well-managed. This CU has the objective of making students able to apply work psychology to international and multicultural contexts. On completion of the course, students should be able to: Introduce and frame the problem of globalised society Describe what culture is and how this influences relations between people in an organisational context Describe the main processes of cultural transition Explain the application of psychology to the analysis of psychological problems in the diverse fields of international relations Apply knowledge gained to the analysis of psychological problems of actors in international relations, especially in the context of internationalised companies Suggest forms of intervention in the management of cultural diversity within organizations as well as in the integration of expatriates. Conteúdos programáticos 1. Sociedade e globalização. Conceito de Estado e de globalização Organizações internacionais Comunicação no mundo globalizado 2. Fundamentos da relação entre organizações e cultura Cultura e organização: culturas nacionais e organizacionais Valores culturais e processos de liderança Conflito, poder e influência nas organizações O caso particular dos mercados lusófonos 3. O psicólogo no contexto internacional Valores culturais e factores motivacionais - 2 -

11 Análise da comunicação e processos de negociação O processo da tomada de decisões Análise e resolução de conflitos Outros impactos dos aspectos culturais: equipas de trabalho, questões de género, valores e ética. Syllabus 1. Society and globalisation Concept of State and globalisation International organisations Communication in a globalised world 2. Foundations of the relation between organisations and culture Culture and organisation: national cultures and organisational cultures Cultural values and leadership processes Conflict, power, and influence in the organizations The specific case of lusophone markets 3. The psychologist in an international context Cultural values and motivational factors Analysis of communication and negotiation processes The decision-making process Conflict analysis and conflict-solving Other impacts of cultural aspects: work teams, gender issues, values and ethics Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objectivos da unidade curricular O primeiro ponto do programa sensibiliza os alunos para o contexto global e intercultural da psicologia social e das organizações, assim como para a inevitabilidade do processo de globalização. Os primeiros tópicos do ponto 2 do programa introduzem os conceitos de cultura e de valores culturais. Neste ponto são confrontadas as culturas nacionais com as culturas organizacionais e chama-se a atenção para o impacto de ambas no comportamento das pessoas dentro das organizações. É ainda neste ponto do programa que são descritos os principais processos de transição cultural. Finalmente, parte do ponto 2 e o ponto 3 do programa promovem uma reflexão crítica sobre o papel da psicologia organizacional no contexto das empresas internacionalizadas. São aqui apresentadas as especificidades deste tipo de organizações em relação a conceitos chave da psicologia organizacional, como a tomada de decisão, a comunicação ou os factores motivacionais. Pretende-se igualmente nestes pontos do programa que os estudantes adquiram as ferramentas necessárias para promover a intervenção nestes contextos. Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's objectives The first point of the syllabus introduces students to the global and intercultural context of social and organisational psychology, as well as to the inevitability of the globalisation process. The first topics of point 2 of the program introduce the concepts of culture and cultural values. In this point of the syllabus cultural and national cultures are compared and there is a focus on the impact of both on people s behaviour in an organisation. In point 2 the main processes of cultural transition are also described. Finally, part of point 2 and point 3 of the syllabus promote a critical reflection on the role of organisational psychology in the context of international companies. The specificities of this type of organisations in terms of the key concepts of organisational culture are here addressed, such as: decision-making, communication, or motivational factors. It is also the aim of this part of the programme that students acquire the necessary tools to promote intervention in these contexts. Metodologias de ensino (avaliação incluída) A UC adopta uma metodologia assente na discussão em sala de aula da análise de casos práticos, articulada com a exploração de artigos onde se apresentam conceitos teóricos ou resultados empíricos que enquadram a análise dos referidos casos. Os estudantes farão a preparação deste material autonomamente e devem, em pelo menos uma das análises de casos, sugerir formas de intervenção. A avaliação consiste em: a) três trabalhos com apresentação em sala de aula (60%); b) uma avaliação escrita (40%). O sucesso depende ainda da presença e participação em 80% das aulas. Teaching methodologies (including evaluation) The CU adopts a methodology based on classroom discussion of practical case studies, together with the exploration of papers in which theoretical concepts and empirical examples that frame the analysis of those cases are presented. Students shall read materials for this autonomously and should, in at least one of the case - 3 -

12 studies, suggest forms of intervention. Evaluation consists of: a) three assignments with classroom presentation (60%) and one written test (40%). Students must also participate in 80% of classes. Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objectivos de aprendizagem da unidade curricular A metodologia de ensino e avaliação adoptada adequa-se aos objectivos de análise e de reflexão, por parte dos estudantes, dos temas abordados. Os estudantes devem analisar contextos concretos, sempre enquadrados por uma análise teórica. Demonstration of the coherence between the teaching methodologies and the learning outcomes Teaching and evaluation methodology is appropriate to the objectives of analysis and reflection, on the part of students, on the topics addressed. Students must analyse concrete contexts, but always framed by theoretical analysis. Bibliografia principal/ Main Bibliography Berry, J. W., Poortinga, Y. H., Brengelmaus, S. M., Athanasios (2011). Cross-cultural Psychology: Research and applications. Thousand Oaks CA: Sage Publications. Finuras, P. (2011). Gestão intercultural: Pessoas e carreiras na era da globalização. Lisboa: Edições Sílabo. Friedman, G. ( 2012). A próxima década. Onde Temos Estado e Para Onde Nos Dirigimos. Lisboa: D. Quixote. Gago, C.C., Cardoso, E.G., Campos, J.T., Vicente, L.M. & Santos, M.C. (2004). Internacionalização das empresas portuguesas. Lisboa: Companhia das Cores. Hofstede, G.J., Pedersen, P.B., Hofstede, G. (2002). Exploring culture. Yarmouth, ME: Intercultrual Press. Langholtz, H.J. (1998). Psychology of Peacekeeping. Westport: Praeger Publishers. Silverthorne, C. (2005). Organizational Psychology in Cross-Cultural Perspective. New York: New York University Press. Formação e Coaching / Training and Coaching Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Susana Cristina Gomes Bento Martins (30h) Objectivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes) A promoção da formação e do desenvolvimento pessoal, assume-se como uma das principais áreas de intervenção da psicologia do trabalho e das organizações. Actualmente, o desempenho de uma função requer a utilização permanente de novos conhecimentos e de competências cada vez mais complexos. Esta UC foi pensada de forma a capacitar os estudantes para vir a contribuir para programas de formação. Deste modo, espera-se vir a desenvolver as seguintes competências: - Enquadrar o coaching e formação enquanto práticas de desenvolvimento profissional e pessoal - Identificar as características da aprendizagem dos adultos - Identificar os principais métodos e técnicas pedagógicas - Diagnosticar necessidades de formação, planeamento de programas de formação, aplicação dos programas e sua avaliação - Caracterizar os contextos de aplicação do coaching - Caracterizar as etapas constituintes do coaching - Descrever os principais modelos e técnicas de intervenção em coaching - Adquirir competências de análise crítica acerca da prática de coaching e uma atitude deontológica consciente. Learning outcomes of the curricular unit The promotion of training and personal developments is one of the key areas of intervention of work and organizational psychology. Currently, work requires the permanent use of novel knowledge and ever more complex skills. This CU was conceived to enable students to contribute to training programmes. Students should develop the following skills: Frame coaching and training as practices that contribute to personal and professional development Identify the characteristics of adult learning Identify the main methods and pedagogical techniques involved Diagnose the requirements of training, training programme planning, programme application and assessment Characterize the contexts of application of coaching Characterize the stages of the coaching process - 4 -

13 Describe the main models and intervention techniques in coaching Acquire skills for the critical analysis of the practice of coaching and a conscious deontological attitude Conteúdos programáticos 1. Introdução - História da formação - As organizações aprendentes - Formação para a diversidade e desenvolvimento / Formação para as operações globais 2. Aprendizagem e mudança comportamental - Aprendizagem de adultos - Psico-pedagogia da Aprendizagem - Princípios, fatores, tipos de aprendizagem 3. Métodos e técnicas pedagógicas 4. Operacionalização da Formação - Objetivos Pedagógicos - Preparação da formação - Plano de formação - Avaliação e medição dos resultados da formação 5. Coaching Psicológico - Pilares do Coaching: Maiêutica Socrática, Psicologia Humanista, Psicologia Positiva - Os diferentes tipos de coaching - Competências técnicas do Coach - O processo de coaching: As fases do processo e avaliação de resultado - Prática de Coaching - Técnicas e Ferramentas de Coaching - Limites e ética do coaching Syllabus 1. Introduction History of training The learning organization Training for diversity and development / training for global operations 2. Learning and organizational change Adult learning Psycho-pedagogy of learning Principles, factors, types of learning 3. Pedagogical methods and techniques 4. Operationalization of training Pedagogical objectives Preparation for training Training plan Assessment and measurement of training results 5. Psychological coaching The pillars of coaching: Socratic maieutic, humanist psychology, positive psychology Different types of coaching Technical skills of the Coach The coaching process: the stages of the process and the assessment of the result The practice of coaching: Tools and techniques for coaching The limits and ethics of coaching Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objectivos da unidade curricular A unidade curricular conjuga dois objectivos: proporcionar a aquisição de conhecimentos teóricos e práticos para trabalhar nas áreas de formação e coaching. Os conteúdos programáticos estão divididos em duas áreas que reflectem estes objectivos, em ambos os casos é dado ênfase aos mecanismos de aprendizagem e mudança comportamental que sustentam os processos. No que respeita à carga horária, é dado igual ênfase a estas 2 temáticas. Primeiro, os conhecimentos teóricos são explorados como contexto para a aprendizagem do desempenho das tarefas, e posteriormente foca-se a aquisição de competências práticas. Isto é importante para os alunos desenvolverem o espírito crítico, a iniciativa e a criatividade, não se limitando a repetir rotinas profissionais, mas sabendo adaptar os conhecimentos teóricos e práticos a cada situação específica

14 Espera-se que a combinação do Coaching com a formação sustente uma nova abordagem no desenvolvimento das pessoas nas organizações, criando valor sustentável na força de trabalho. Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's objectives This CU has two main objectives: to facilitate the acquisition of theoretical knowledge and of practical skills to work in training and coaching. The syllabus is divided in two main fields that reflect the objectives of training and coaching; in both are highlighted the mechanisms of organizational change and learning that support those processes. Distribution of contact hours emphasizes both fields equally. In each, theoretical knowledge that frames learning of tasks is explored, and later there is a focus on the acquisition of practical skills. This is important for students to develop a critical approach, initiative and creativity, and rather than to simply repeat professional routines, to know how to adapt theoretical and practical knowledge to each specific situation. It is expected that the combination of coaching with training will sustain a new approach to personal development within organizations with a view to the creation of sustainable value in the workforce. Metodologias de ensino (avaliação incluída) Transmissão teórica das diversas temáticas propostas, apresentação e discussão na aula de trabalhos individuais e de grupo, intercalando com exercícios práticos em grupo. 40% das horas de contacto será dedicada à exposição de conteúdos teóricos e os restantes 60%, à realização de actividades que visam o treino de competências. A avaliação incluirá uma simulação pedagógica com apresentação e discussão em classe com ponderação de 45% e um trabalho escrito individual a partir de uma situação analisada na perspectiva do processo de coaching, com a ponderação de 45%. Os restantes 10% da nota final serão atribuídos pelo professor em função da qualidade da participação dos alunos nas aulas. Teaching methodologies (including evaluation) Theoretical lectures, presentation and discussion of individual and group assignments, interspersed with practical group exercises. 40% of contact hours shall be dedicated to theoretical lectures and the other 60% to activities aimed at developing skills. Evaluation will include a pedagogical simulation with presentation and discussion in the classroom with a weight of 45% and a written work assignment based on a situation analysed from the point of view of the coaching process, also weighted 45%. The remaining 10% of the final grade shall be based on the quality of participation of students in classes. Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objectivos de aprendizagem da unidade curricular As metodologias de ensino fomentam a aprendizagem individual da inserção e prática profissional em psicologia social ou das organizações, quer pela prática individual quer pela orientação e partilha de informação em grupo. Demonstration of the coherence between the teaching methodologies and the learning outcomes Teaching methods stimulate individual learning in professional integration and practice in social and organizational psychology, whether through individual practices, whether through group orientation and sharing of information. Bibliografia principal/ Main Bibliography Buckley,R., Caple, J. (1998). Formação Individual e Coaching. Lisboa : Monitor. Craig, R. (1996). "The ASTD training and development handbook: A guide to human resource development." New York, NY: McGraw-Hill. Ferreira, P. T. (2005). Guia do Animador. Lisboa: Presença. Goleman, D. (2006). Inteligência Social - A Nova Ciência do Relacionamento Humano. Lisboa: Temas e Debates. Hare, K., e Reynolds, L. (2003). 51 Instrumentos para a Transformar a Formação. Lisboa : Monitor. Ingham, Jon. (2007) Strategic Human Capital Management: Creating Value through People. Ebook. Knowles, A. (1990). L, Apprenant Adulte. Vers une Nouvel Art de la Formation. Paris: Editions d, Organization. Nigro, N. (2005). Guia do Coaching e do Mentoring. Lisboa : Monitor. Rego, A. et al, Coaching para executivos, Lisboa, Escolar Editora, 2004 Santos, L. (2008). Formação de formadores: Avaliação do Desempenho dos docentes. Sintra. Watzlawick, P. (1967). Pragmática da Comunicação Humana. S. Paulo: Cultikx. Zeus and Skiffington (2003). The Complete Guide to Coaching at Work, McGraw-Hill Education (New York, London, Sydney). Gestão do Capital Humano /Human Capital Mangenet - 6 -

15 Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Cristina Maria Lopes Camilo (22,5h) Outros docentes e respectivas cargas lectivas na unidade curricular Susana Cristina Gomes Bento Martins (22,5h) ULHT Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Objectivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes) O objectivo desta UC é transmitir conhecimentos sobre a gestão do factor humano nas organizações e desenvolver competências nos alunos a este nível. Assim, ao terminar esta UC, espera-se que os alunos tenham desenvolvido os seguintes conhecimentos e competências: - Compreender o conceito de capital humano, enquadrá-lo numa perspectiva multidisciplinar e compreender os contributos da psicologia para o seu desenvolvimento; - Compreender e utilizar de forma integrada as metodologias e técnicas no domínio da avaliação de competências e avaliação de desempenho, desenvolvimento de carreira, assim como recrutamento e selecção; - Compreender o contributo dos instrumentos de gestão capital humano para a eficácia organizacional. Learning outcomes of the curricular unit The aim of this CU is to transmit knowledge on the management of human capital in organizations and to develop students skills in this area. Students are expected to develop the following knowledge and skills: - To understand the concept of human capital, to frame it in a multidisciplinary perspective and to understand the contributions of psychology to its development; - To understand and use in an integrated manner the methods and techniques current in the domain of assessment of skills and of performance, of career development, and recruitment and selection; - To understand the contribution of instruments of human capital management in organizations and develop students skills in this area Conteúdos programáticos 1. A natureza do capital humano: uma perspectiva psicológica 2. As organizações e a gestão do capital humano: o contributo para a eficácia organizacional 3. Como as organizações obtêm o capital humano de que necessitam? Métodos e técnicas de recrutamento e selecção - Recrutamento on-line - Instrumentos de avaliação psicológica - Entrevista, provas de dinâmica de grupo - Avaliação da motivação 4. Avaliação e maximização do valor do capital humano - Avaliação e gestão de competências princípios e técnicas - Avaliação quantitativa e qualitativa em recursos humanos - Avaliação de desempenho, cultura e objectivos organizacionais - Desenvolvimento de carreira: inventários de interesses e de valores - Outras metodologias de avaliação e seleção: assessment center, executive search. Syllabus 1. The nature of human capital: a psychological perspective 2. Organizations and the management of human capital: contribution to organizational efficacy 3. Do organizations obtain the human capital they need: Methods and techniques of recruitment and selection Online recruitment Instruments for psychological assessment Interviews and dynamic group tests Assessment of motivation 4. Assessment and maximization of the value of human capital Assessment and management of skills principles and techniques Quantitative and qualitative assessment in human resources Assessment of performance, culture, and organizational objectives Career development: inventories of interests and values Other methods of assessment and selection: assessment center, executive research - 7 -

16 Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objectivos da unidade curricular Os conteúdos programáticos enunciados encontram-se em sintonia com os objetivos apontados para esta unidade curricular, na medida em que integram uma visão global da gestão do capital humano. A formação dos alunos neste âmbito prevê a transmissão de conceitos teóricos globais que enquadram e justificam a aprendizagem e o domínio de conceitos, ferramentas e técnicas fundamentais para a gestão e avaliação eficaz das pessoas nas organizações. Prevê-se a interligação entre a reflexão acerca dos modelos mais recentes de gestão do capital humano, a aquisição de metodologias de avaliação e o domínio de modelos e ferramentas de gestão e desenvolvimento de carreiras nas organizações. Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's objectives The contents of the syllabus are consistent with the objectives set out for this CU, as they integrate a broad view of human capital management. Training of students in this regard includes the transmission of global theoretical concepts that frame and justify learning and a full grasp of the concepts, tools, and fundamental techniques for an effective assessment of people in organizations. The syllabus interconnects a reflection on the most recent models of human capital management, acquiring of assessment methods, and a full grasp of the models and tools for management and career development in organizations. Metodologias de ensino (avaliação incluída) Transmissão teórica das diversas temáticas propostas, apresentação e discussão na aula de trabalhos individuais e de grupo, intercalando com exercícios práticos em grupo. Os alunos podem frequentar esta unidade curricular de acordo com dois regimes: avaliação contínua e exame final. Avaliação contínua: supõe-se a realização de um trabalho individual - relatório e apresentação na aula (30%) e 2 frequências de avaliação de conhecimentos (2 x 30%); os restantes 10% serão atribuídos pelo(a) professor(a) em função da qualidade da participação dos alunos nas aulas. O exame final: cobre toda a matéria do programa. Teaching methodologies (including evaluation) Theoretical lectures on the different points of the syllabus, presentation and discussion of individual and group assignments in the classroom, interspersed with practical group exercises. Students may opt for continuous assessment of final exam. In the former case they must present an individual assignment with report and classroom presentation (30%), pass two tests (2x30%), and be assessed by the teacher(s) on the basis of the quality of their participation in classes. The final exam covers the full syllabus. Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objectivos de aprendizagem da unidade curricular A metodologia de ensino e avaliação adoptada adequa-se aos objectivos de análise e de reflexão, por parte dos alunos, dos temas abordados. Permitem efectuar exposições, quer do docente, quer dos alunos, sobre as diferentes matérias (palestra, discussão dirigida, execução), associadas com os objectivos definidos, as quais, independentemente da metodologia, serão objecto de síntese final pelo responsável da unidade curricular. Os trabalhos de grupo permitem também desenvolver algumas competências, como trabalho de equipa, negociação, comunicação, tecnologia de informação e da comunicação. Os exercícios práticos têm como objectivo a consolidação dos conhecimentos nos temas apresentados. Os métodos utilizados potenciam a participação activa dos discentes, balizada e conduzida pelo docente responsável, garantindo-se assim a transmissão metódica e rigorosa dos diferentes saberes. Demonstration of the coherence between the teaching methodologies and the learning outcomes The teaching and evaluation methods are appropriate for the objectives of analysis and reflection, on the part of the students, on the contents of the syllabus. They allow for discussion both by lecturers and students of the issues studied (lecture, oriented discussion, assignments) in accord with the objectives of the CU, and which will all be the object of a synthesis by the lecturer responsible for this CU. Group assignments also allow for the development of some skills, such as teamwork, negotiation, communication, and information and communication technology. Practical exercises have as their aim the consolidation of knowledge in the issues presented. These methods allow for the active participation of students, framed and oriented by the lecturer, thus ensuring the methodical transmission of the diverse skills and knowledge which are the object of the CU. Bibliografia principal/ Main Bibliography Goldman, L. (1990). Qualitative Assessment. The Counseling Psychologist.18, Vala, J., & Caetano, A. (2002). Gestão de Recursos Humanos. Lisboa : RH Editora

17 Câmara, P. B., Rodrigues, J. V. ; & Guerra, P. B. (2007). Novo Humanator: Recursos humanos e sucesso empresarial. Lisboa: Publicações Dom Quixote. Ceitil, M. (2006). Gestão e desenvolvimento de competências. Lisboa: Edições Sílabo. Cunha, M. P., & Colab. (2006). Manual de comportamento organizacional e gestão. Lisboa: Editora RH. Eder, W., & Harris, M. (Eds.) (1999). The Employment Interview Handbook. Londres: Sage Publications, Inc. Ferry, J., & Jansen, P. (1997). Assessment Centres. England: John Wiley & Sons. Plumbley, P. (1991). Selecção e Recrutamento. Lisboa: Clássica Editora

NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/15

Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/15 Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/15 Unidade curricular: / Curricular Unit: Sociologia da Comunicação Sociology of Communication Docente responsável e respectivas horas de contacto na unidade

Leia mais

Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento

Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento Unidade curricular História do Direito Português I (Doutoramento - 1º semestre) Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Prof.

Leia mais

2. Conhecer a diversidade e complexidade de temáticas que podem ser abrangidas por esta área de conhecimento.

2. Conhecer a diversidade e complexidade de temáticas que podem ser abrangidas por esta área de conhecimento. Ficha de Unidade Curricular 1. Unidade curricular / Curricular Unit Psicologia Geral / General Psychology 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a Unidade Curricular (com semestre e ano lectivo)

Leia mais

FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES

FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES a. Unidade curricular Course unit title: Construção da Imagem Fílmica Construction of the Filmic Image Código: 01343927 Code: 01343927 b. ECTS: 5.0 c. Horas de contacto

Leia mais

Semestre do plano de estudos 1

Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Inglês CU Name Código UC 6 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 54 ECTS 2 Horas de contacto TP - 22,5 Observações n.a. Docente responsável

Leia mais

Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito 2015-16

Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito 2015-16 Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito Unidade curricular História do Direito Português I (1º sem). Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Prof.

Leia mais

Estudar o Inglês Quando a Língua Materna é o Português/ Studying English as a Portuguese Native Speaker

Estudar o Inglês Quando a Língua Materna é o Português/ Studying English as a Portuguese Native Speaker Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1 1. Unidade curricular / Curricular Unit Estudar o Inglês Quando a Língua Materna é o Português/ Studying English as a Portuguese Native Speaker 2. Designação do Ciclo

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular 6.2.1.1. Unidade curricular: Curricular Unit: Ficha de Unidade Curricular Comunicação Multimédia (Desenvolvimento) Multimedia Communication (Development) 6.2.1.2. Docente responsável e respectivas horas

Leia mais

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO)

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO) SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO) 1 Principal(ais) área(s) de estudo da qualificação: Engenharia Civil - Planeamento Urbanístico Engenharia Civil

Leia mais

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Construção, Território e Ambiente CU Name Código UC 11 Curso LEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 95 ECTS 3.5 Horas de contacto

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular 2014/2015

Ficha de Unidade Curricular 2014/2015 6.2.1.1. Unidade curricular: Curricular Unit: Ficha de Unidade Curricular 2014/2015 Design de Identidade Identity design 6.2.1.2. Docente responsável e respetivas horas de contacto na unidade curricular

Leia mais

Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5

Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5 Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5 Type of course Compulsory Year 2º Semester 2nd sem Student Workload: Professor(s) Natalia Gomes, Ascensão Maria

Leia mais

Transportes. Transportation. Semestre do plano de estudos 1

Transportes. Transportation. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Transportes CU Name Código UC 706 Curso MEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 120 ECTS 4.5 Horas de contacto T - 22,5; TP - 22,5

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/2015

Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/2015 6.2.1.1. Unidade curricular: Curricular Unit: Ficha de Unidade Curricular Ano letivo 2014/2015 Design de Interface Interface Design 6.2.1.2. Docente responsável e respectivas horas de contacto na unidade

Leia mais

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

As Novas Tecnologias como componente da. Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social

As Novas Tecnologias como componente da. Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social Instituto Superior Miguel Torga Escola Superior de Altos Estudos Cláudia Sofia da Costa Duarte As Novas Tecnologias como componente da Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social Dissertação de Mestrado em

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Curricular Unit Plan ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. GESTÃO DE PROJECTOS INFORMÁTICOS Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010

Leia mais

Gestão e Análise Financeira. Managment and Financial Analysis. Semestre do plano de estudos 5

Gestão e Análise Financeira. Managment and Financial Analysis. Semestre do plano de estudos 5 Nome UC Gestão e Análise Financeira CU Name Código UC 28 Curso LEC Semestre do plano de estudos 5 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 106 ECTS 4 Horas de contacto T - 22,5; TP -

Leia mais

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012 Universidade do Minho Escola de Engenharia UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13 11 de outubro 2012 1 2 2 courses offered in the first semestre: Métodos de Investigação em Engenharia

Leia mais

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE LETRAS DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios Sandra Sofia Brito da Silva Dissertação

Leia mais

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS SANDRA MARIA MORAIS VALENTE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO Área de

Leia mais

Informática e Programação. Computer Science and Programming. Semestre do plano de estudos 1

Informática e Programação. Computer Science and Programming. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Informática e Programação CU Name Código UC 4 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Informática Duração Semestral Horas de trabalho 135 ECTS 5 Horas de contacto TP - 67,5 Observações

Leia mais

Serviço Social VII: Administração e gestão de serviços sociais. 6 ECTS Social work VII: Social services administration and management

Serviço Social VII: Administração e gestão de serviços sociais. 6 ECTS Social work VII: Social services administration and management Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit (com ECTS) Serviço Social VII: Administração e gestão de serviços sociais 6 ECTS Social work VII: Social services administration

Leia mais

Hidráulica Urbana. Urban Hydraulics. Semestre do plano de estudos 2

Hidráulica Urbana. Urban Hydraulics. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Hidráulica Urbana CU Name Código UC 725 Curso MEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 164 ECTS 6 Horas de contacto T - 22,5; PL -

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011

Leia mais

Mecânica dos Sólidos III. Solid Mechanics III. Semestre do plano de estudos 3

Mecânica dos Sólidos III. Solid Mechanics III. Semestre do plano de estudos 3 Nome UC Mecânica dos Sólidos III CU Name Código UC 721 Curso MEC Semestre do plano de estudos 3 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 130 ECTS 5 Horas de contacto TP 45 Observações

Leia mais

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas 1 a 7 1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: UNL + UCP 1.a. Descrição da Instituição

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma Proposta de Criação do Mestrado em Logística III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma De acordo com o Despacho RT 41/2005 de 19 de Setembro Universidade do Minho Escola de Economia e Departamento

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular 2014/2015

Ficha de Unidade Curricular 2014/2015 6.2.1.1. Unidade curricular: Curricular Unit: Ficha de Unidade Curricular 2014/2015 Gestão de Projetos Audiovisuais e Multimédia Audiovisual and Multimedia Project Management 6.2.1.2. Docente responsável

Leia mais

Ficha de unidade curricular Curso de Mestrado Científico

Ficha de unidade curricular Curso de Mestrado Científico Ficha de unidade curricular Curso de Mestrado Científico Unidade curricular Direito Constitucional I Docente responsável e respetiva carga letiva na unidade curricular José Alberto de Melo Alexandrino

Leia mais

Ficha das Unidades Curriculares (UC)

Ficha das Unidades Curriculares (UC) Ficha das Unidades Curriculares (UC) Ano letivo/ Semestre: 1º ano, 2º semestre Programa Doutoral em: Sociologia 1. Unidade Curricular: Ciência na sociedade optatitva 2. Docente Responsável Horas de contato

Leia mais

Marketing e Publicidade / Marketing and Advertising (5,5 ECTS)

Marketing e Publicidade / Marketing and Advertising (5,5 ECTS) Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit Marketing e Publicidade / Marketing and Advertising (5,5 ECTS) 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a Unidade Curricular

Leia mais

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO APRENDER CIDADANIA COM A DISCIPINA DE HISTÓRIA: 3 PERCURSOS NO CONCELHO DE ODEMIRA Rita Santos Agudo do Amaral Rêgo MESTRADO EM EDUCAÇÃO

Leia mais

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC)

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) Ano letivo 2014/2015 Ano/Semestre curricular 2º ano/3º semestre Unidade Curricular [designação e tipo/se é do tipo obrigatório ou optativo] (máx100 caracteres) Língua de

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Unidade curricular: Curricular Unit: Gestão de Empresas Audiovisual e Multimédia Audiovisual and Multimedia Companies Management Docente responsável e respectivas

Leia mais

Mestrado em Gestão (2º ciclo) especialização em Gestão de Negócios

Mestrado em Gestão (2º ciclo) especialização em Gestão de Negócios Mestrado em Gestão (2º ciclo) especialização em Gestão de Negócios Unidade curricular: Gestão de Recursos Humanos Nº horas: 30 ECTS: 7 Curricular Unit: Human Resources Management No. hours: 30 ECTS: 7

Leia mais

Licenciatura em Gestão (1º ciclo) First Cycle Degree in Management Unidade curricular: Nº horas: 60 ECTS: 6 3.º ano Curricular Unit:

Licenciatura em Gestão (1º ciclo) First Cycle Degree in Management Unidade curricular: Nº horas: 60 ECTS: 6 3.º ano Curricular Unit: Licenciatura em Gestão (1º ciclo) First Cycle Degree in Management Unidade curricular: Opção V - Estratégia Empresarial e Empreendedorismo Nº horas: 60 ECTS: 6 3.º ano Curricular Unit: Option V - Business

Leia mais

Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature

Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature PSICOLOGIA ARGUMENTO doi: 10.7213/psicol.argum.5895 ARTIGOS [T] Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature [R] [A] Pedro Fernando Bendassolli Resumo Received

Leia mais

ACEF/1314/18522 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1314/18522 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/131/18522 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/131/18522 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS Parceiros: PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS Coordenação Científica Professor Doutor Vítor da Conceição Gonçalves (Professor

Leia mais

Topografia Aplicada. Applied Topography. Semestre do plano de estudos 1

Topografia Aplicada. Applied Topography. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Topografia Aplicada CU Name Código UC 736 Curso MEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 124 ECTS 4.5 Horas de contacto T - 22,5;

Leia mais

PROGRAMA DAS UNIDADES CURRICULARES

PROGRAMA DAS UNIDADES CURRICULARES 1. Unidade Curricular (máx. 100 caracteres) Modelação de Dados Curricular Unit (máx. 100 caracteres) Data Modelling 2. Ciclo de Estudos (máx. 100 caracteres) Comunicação e Design Multimédia Study Cycle

Leia mais

ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Ficha da Unidade Curricular CURSO Mestrado em U.C. SISTEMAS INTEGRADOS DE Gestão Integrada da Qualidade,Ambiente e Segurança GESTÃO Horas presenciais

Leia mais

NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

1. Lingüística Periódicos. 2. Língua Inglesa Periódicos

1. Lingüística Periódicos. 2. Língua Inglesa Periódicos ISSN 0102-7077 the ESP São Paulo Vol. 25 nº especial p. 1-114 2004 The Especialist/Centro de Pesquisas, Recursos e Informação em Leitura da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo CEPRIL. V. 1, n.

Leia mais

UNIVERSIDADE DE ÉVORA

UNIVERSIDADE DE ÉVORA UNIVERSIDADE DE ÉVORA MESTRADO EM INTERVENÇÃO SÓCIO-ORGANIZACIONÀL NA SAÚDE Curso ministrado em parceria com a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (DR Série, n.. 250 de 29 de Outubro de 2002)

Leia mais

學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表. Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura. Academic Research Grant Application Form

學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表. Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura. Academic Research Grant Application Form 澳 門 特 別 行 政 區 政 府 Governo da Região Administrativa Especial de Macau 文 化 局 Instituto Cultural 學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表 ( 根 據 學 術 研 究 獎 學 金 規 章 第 九 條 第 一 款 ) Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura

Leia mais

Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano

Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano Licenciatura em Gestão (1º ciclo) First Cycle Degree in Management Unidade curricular: Sistemas de Informação para a Gestão Nº horas: 75 ECTS: 7 1.º ano Curricular Unit: Information Systems for Management

Leia mais

NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento

CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento Decisão de

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

Ficha de Unidade de Formação Departamento: DCTI Área: Sistemas de Informação Activa nos Planos Curriculares: CET em TPSI

Ficha de Unidade de Formação Departamento: DCTI Área: Sistemas de Informação Activa nos Planos Curriculares: CET em TPSI Ficha de Unidade de Formação Departamento: DCTI Área: Sistemas de Informação Activa nos Planos Curriculares: CET em TPSI Estado: Aprovado Código: 00292 Nome (pt): Projecto de Sistemas de Informação Name

Leia mais

Estações de Tratamento de Água. Water Treatment Plants. Semestre do plano de estudos 2

Estações de Tratamento de Água. Water Treatment Plants. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Estações de Tratamento de Água CU Name Código UC 724 Curso MEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 90 ECTS 3.5 Horas de contacto

Leia mais

Ficha de unidade curricular. Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante

Ficha de unidade curricular. Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante Unidade curricular Direito das Sociedades Comerciais Ficha de unidade curricular Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante Docente responsável e respetiva carga letiva na unidade curricular (preencher

Leia mais

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO)

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO) SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO) 1 Principal(ais) área(s) de estudo da qualificação: Engenharia Civil 2 Língua(s) de aprendizagem/avaliação:

Leia mais

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC)

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) Ano letivo 2014/2015 Ano/Semestre curricular 2º ano/4º Semestre Unidade Curricular [designação e tipo/se é do tipo obrigatório ou optativo] FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) Curso Agronomia Ano letivo 2014/2015

Leia mais

Ateliê de Novas Tecnologias / New Technologies Atelier

Ateliê de Novas Tecnologias / New Technologies Atelier Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit Ateliê de Novas Tecnologias / New Technologies Atelier 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a Unidade Curricular

Leia mais

Online Collaborative Learning Design

Online Collaborative Learning Design "Online Collaborative Learning Design" Course to be offered by Charlotte N. Lani Gunawardena, Ph.D. Regents Professor University of New Mexico, Albuquerque, New Mexico, USA July 7- August 14, 2014 Course

Leia mais

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores Tese de Mestrado em Gestão Integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança Carlos Fernando Lopes Gomes INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Fevereiro

Leia mais

NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br Institutional Skills Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS Passo a passo 2 2 British Council e Newton Fund O British Council é a organização internacional do Reino Unido para relações culturais e oportunidades

Leia mais

Gestão de Obras e Estaleiros. Semestre do plano de estudos 6

Gestão de Obras e Estaleiros. Semestre do plano de estudos 6 Nome UC Gestão de Obras e Estaleiros CU Name Código UC 32 Curso LEC Semestre do plano de estudos 6 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 136 ECTS 5 Horas de contacto T - 45; TP - 22,5

Leia mais

Projeto pedagógico para um curso de Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos com aplicação de ABP Virtual

Projeto pedagógico para um curso de Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos com aplicação de ABP Virtual Projeto pedagógico para um curso de Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos com aplicação de ABP Virtual Silvane Guimarães Silva Gomes, Frederico José Vieira Passos Universidade Federal de Viçosa

Leia mais

NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Economia Digital / Digital Economy

Economia Digital / Digital Economy Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit Economia Digital / Digital Economy 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a Unidade Curricular (com semestre e ano

Leia mais

Avaliação Imobiliária. Property Appraisal. Semestre do plano de estudos 3

Avaliação Imobiliária. Property Appraisal. Semestre do plano de estudos 3 Nome UC Avaliação Imobiliária CU Name Código UC 732 Curso MEC Semestre do plano de estudos 3 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 125 ECTS 4.5 Horas de contacto T - 22,5;

Leia mais

PROPRIEDADE INDUSTRIAL E CONCORRÊNCIA DESLEAL

PROPRIEDADE INDUSTRIAL E CONCORRÊNCIA DESLEAL PROPRIEDADE INDUSTRIAL E CONCORRÊNCIA DESLEAL / INDUSTRIAL PROPERTY AND UNFAIR COMPETITION provisório ELEMENTOS DA DISCIPLINA / COURSE DETAILS Docência/ Faculty Evaristo Mendes Ano Lectivo / Academic year:

Leia mais

Técnicas de Comunicação Audiovisual / Audiovisual Communication Techniques

Técnicas de Comunicação Audiovisual / Audiovisual Communication Techniques Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit Técnicas de Comunicação Audiovisual / Audiovisual Communication Techniques 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. FÍSICA APLICADA Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011 Horas

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Ciências Empresariais U.C. FINANÇAS EMPRESARIAIS Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 42 Ano Lectivo 2010 / 2011

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Ciências Empresariais U.C. MARKETING Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011 Horas presenciais

Leia mais

Universidade da Beira Interior. Departamento de Psicologia e Educação

Universidade da Beira Interior. Departamento de Psicologia e Educação Universidade da Beira Interior Departamento de Psicologia e Educação A RELEVÂNCIA DO ENSINO DAS CIÊNCIAS PARA A CIDADANIA AO NÍVEL DO 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO MARIA JOSÉ DE SOUSA PESTANA Dissertação de

Leia mais

Estruturas de Suporte e Fundações I. Retaining Structures and Foundations I. Semestre do plano de estudos 1

Estruturas de Suporte e Fundações I. Retaining Structures and Foundations I. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Estruturas de Suporte e Fundações I CU Name Código UC 705 Curso MEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 120 ECTS 4.5 Horas de contacto

Leia mais

NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

BIBLIOGRAFIA. Faupel, A. & Sharp, P. (2003). Promoting emotional literacy. Guidelines for schools, local authorities and

BIBLIOGRAFIA. Faupel, A. & Sharp, P. (2003). Promoting emotional literacy. Guidelines for schools, local authorities and RESUMO EXPANDIDO Pode definir-se Literacia Emocional como a capacidade para reconhecer, compreender, expressar e gerir estados emocionais, do próprio e de outras pessoas, existindo associações entre esta

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Unidade curricular: Curricular Unit: Laboratório de Aplicações Interactivas Interactive Application Lab Docente responsável e respectivas horas de contacto

Leia mais

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law Sérgio Leal a,b, João Paulo Leal a,c Horácio Fernandes d a Departamento de Química e Bioquímica, FCUL, Lisboa, Portugal b Escola Secundária com 3.º ciclo Padre António Vieira, Lisboa, Portugal c Unidade

Leia mais

Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus

Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus Código Code Unidade Curricular Course Unit Português para Estrangeiros nível intermédio B Portuguese

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Ficha da Unidade Curricular CURSO Licenciatura em Ciências Empresariais U.C. INTRODUÇÃO ÀS CIÊNCIAS EMPRESARIAIS Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo

Leia mais

Curricular Unit (máx. 100 caracteres) Study Cycle (máx. 100 caracteres) Branche Option (máx. 80 caracteres)

Curricular Unit (máx. 100 caracteres) Study Cycle (máx. 100 caracteres) Branche Option (máx. 80 caracteres) 1. Unidade Curricular (máx. 100 caracteres) Estratégias Publicitárias Curricular Unit (máx. 100 caracteres) Advertising Strategies 2. Ciclo de Estudos (máx. 100 caracteres) CO - Comunicação Organizacional

Leia mais

Relações Públicas / Public Relations

Relações Públicas / Public Relations Ficha de Unidade Curricular [FUC] 1. Unidade curricular / Curricular Unit Relações Públicas / Public Relations 2. Designação do Ciclo de Estudos em que se insere a Unidade Curricular Study cicle to which

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR PED.008.02 Curso Design de Equipamento Ano letivo 2012-2013 Unidade Curricular Projecto de Design Industrial 2 ECTS 9 Regime Obrigatório Ano 3º Semestre 2º Semestre

Leia mais

Corporate Behaviour and Legislation. Semestre do plano de estudos 2

Corporate Behaviour and Legislation. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Comportamento Organizacional e Legislação CU Name Código UC 711 Curso MEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 80 ECTS 3 Horas de contacto T

Leia mais

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment SAFIRA is an IT consulting boutique known for transforming the way organizations do business, or fulfil their missions,

Leia mais

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt JOSE GABRIEL REGO jgrego@netcabo.pt Resumo My main objective is to develop my career in order to deepen the experience I accumulated over the years based in the development of practical and theoretical

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15

Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Ficha de Unidade Curricular Ano lectivo 2014/15 Unidade curricular: Curricular Unit: Design Gráfico Graphic Desgin Docente responsável e respectivas horas de contacto na unidade curricular (preencher o

Leia mais

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing Kern, Bryan; B.S.; The State University of New York at Oswego kern@oswego.edu Tavares, Tatiana; PhD;

Leia mais

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS AGRADECIMENTOS O findar desta dissertação é o momento indicado para agradecer ao Professor Doutor João Carlos de Matos Paiva pela sua grande ajuda, pela disponibilidade sempre manifestada, pelo seu empenho

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIDADE CURRICULAR Qualidade Total e Gestão das Operações MESTRADO Gestão Negócios ANO E

Leia mais

SPICE e ISO 15504. Jorge H C Fernandes 2004

SPICE e ISO 15504. Jorge H C Fernandes 2004 SPICE e ISO 15504 Jorge H C Fernandes 2004 SPICE: Um Framework para a Avaliação Integrada de Processos de Software [SPICE 1] Process Identifies changes to Is examined by Process Assessment Identifies capability

Leia mais

PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA

PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA Franciela Mara Córdova Ransolin Resumo: A formação de professores é um tema relevante entre as políticas públicas posto que

Leia mais

Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D.

Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JULIO DE MESQUITA FILHO Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D. Pró-Reitora de Pós-Graduação / Graduate

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais UNIDADE CURRICULAR Competitividade, Planeamento e Controlo nos Serviços de Saúde MESTRADO

Leia mais

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado UAb Session on Institutional Change Students and Teachers Lina Morgado Lina Morgado l SUMMARY 1 1. Pedagogical Model : Innovation Change 2. The context of teachers training program at UAb.pt 3. The teachers

Leia mais