Comunidade Católica Brasileira na Diocese de Arlington Northern Virginia, 13 de junho de 2010

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comunidade Católica Brasileira na Diocese de Arlington Northern Virginia, 13 de junho de 2010"

Transcrição

1 Comunidade Católica Brasileira na Diocese de Arlington Northern Virginia, 13 de junho de º DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO 34 LT. 5 - Nº 38 C estão perdoados, pois ela mostrou muito amor. Jesus anunciava a Boa Nova do Reino de Deus, acompanhado dos Doze, certamente de outros discípulos e de mulheres. Curadas e libertadas, as mulheres se colocam a serviço, cooperando no ministério de Jesus com generosidade. Na 1ª leitura, o profeta Natã defende o direito e a vida dos que são oprimidos e injustiçados, como Urias, e denuncia o pecado do rei Davi. O rei estava abusando de seu poder, desrespeitando o direito dos pequenos. A palavra do Senhor, dirigida através do profeta, ensina, corrige, conduz à prática da justiça. A 2ª leitura destaca que, pela fé em Cristo, somos justificados e libertados. Paulo nos ensina a viver em comunhão com a vida e a missão de Cristo. Com Cristo, eu fui pregado na cruz. Eu vivo, mas não eu: é O cenário do evangelho de hoje é a tenda ou a casa de um homem rico, há dois mil anos, uma época de hábitos e costumes bem diferenes dos de hoje. O fariseu convida Jesus para uma refeição, mas omite as atenções e a cordialidade devidas a um convidado ilustre, como: lavar os pés, o ósculo e unção na cabeça. Já a mulher realiza gestos de acolhimento e gratidão ao Senhor. Assim, ela experimenta a graça do perdão e do amor de Deus, que acolhe e salva gratuitamente através das palavras e ações de Jesus. A história do credor ilustra a ação misericordiosa de Deus. Na época, o denário correspondia ao salário de um dia de trabalho. O valor alto da dívida, aumentado pelos juros, dificultava o pagamento. Diante do amor infinito do Pai, que envia seu Filho ao mundo para salvar, só resta ao ser humano amar com gratuidade. Os muitos pecados que ela cometeu Cristo que vive em mim. CANTO DE ENTRADA TI AMAREI SENHOR PADRE ZEZINHO Me chamaste para caminhar na vida contigo, Decidi para sempre seguir-te, não voltar atrás. Me puseste uma brasa no peito e uma flecha na alma, é difícil agora viver sem lembrar-me de ti. Te amarei, senhor (bis), eu só encontro A paz e a alegria bem perto de ti (2 vezes) Eu pensei muitas vezes parar e não dar nem resposta. Eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de ti, mas Próxima missa do 3º domingo do mês: 18 de Julho 2010, às 17 horas Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 1

2 tua força venceu e ao final eu fiquei seduzido. É difícil agora viver sem saudades de ti. Ó Jesus, não me deixes jamais caminhar solitário, Pois conheces a minha fraqueza e o meu coração. Vem ensina-me a viver a vida na tua presença, No amor dos irmãos, na alegria, na paz, na união SAUDAÇÃO P. Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. P. A vós, irmãos e irmãs, paz e fé da parte de Deus, o Pai, e do Senhor Jesus Cristo. T. Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo ATO PENITENCIAL P. No início desta celebração eucarística, peçamos a conversão do coração, fonte de reconciliação e comunhão com Deus, pedindo perdão ao Senhor : T: Confesso a Deus todo-poderoso e a vós, irmãos e irmãs, que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, atos e omissões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Virgem Maria, aos Anjos e Santos, e a vós, irmãos, que rogueis por mim a Deus, Nosso Senhor. Perdão Senhor! (Pe Zezinho) Perdão, senhor, tantos erros cometi Perdão, senhor tantas vezes me omiti Perdão senhor, pelos males que causei Pelas coisas que falei, Pelo irmão que eu julguei ( 2 veses) Piedade, senhor, tem piedade, senhor, Meu pecado vem lavar com teu amor Piedade, senhor, tem piedade, senhor, E liberta minha alma para o amor Perdão, senhor, por que sou tão pecador perdão senhor, sou pequeno e sem valor Mas mesmo assim, tu me amas quero então Te entregar meu coração, Suplicar o teu perdão (2 vezes) P. Deus todo-poderoso, tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. P. Glória a Deus nas alturas, T. e paz na terra aos homens por Ele amados. / Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todopoderoso / nós vos louvamos / nós vos bendizemos / nós vos adoramos / nós vos glorificamos / nós vos damos graças por vossa imensa glória / Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito / Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai / Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós/ Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica / Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós / Só vós sois o Santo / só vós, o Senhor / só vós o Altíssimo, Jesus Cristo / com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai / Amém. Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 2

3 ORAÇÃO P. Oremos (pausa): Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo, e como nada podemos em nossa fraqueza, dainos sempre o socorro de vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo vossos mandamentos. Por N.S.J.C. Anim. Jesus nos concede o perdão dos pecados, que é a condição para uma vida nova. Ouçamos com atenção! Primeira LEITURA (2 SAMUEL 12, 7-13) Leitura do Segundo Livro de Samuel. Naqueles dias, Natã disse a Davi: Esse homem és tu! Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: Eu te ungi como rei de Israel e salvei-te das mãos de Saul. Dei-te a casa do teu senhor e pus nos teus braços as mulheres do teu senhor, entregandote também a casa de Israel e de Judá; e, se isto te parece pouco, vou acrescentar outros favores. Por que desprezaste a palavra do Senhor, fazendo o que Lhe desagrada? Feriste à espada o hitita Urias, para fazer da sua mulher a tua esposa, fazendo-o morrer pela espada dos amonitas. Por isso, a espada jamais se afastará de tua casa, porque Me desprezaste e tomaste a mulher do hitita Urias para fazer dela a tua esposa. Davi disse a Natã: Pequei contra o Senhor. Natã respondeu-lhe: De sua parte, o Senhor perdoou o teu pecado, de modo que não morrerás! Entretanto, por teres ultrajado o Senhor com teu procedimento o filho que te nasceu morrerá. - Palavra do Senhor. T. Graças a Deus. SALMO RESPONSORIAL 31 (32) T: Eu confessei, afinal, meu pecado e perdoastes, Senhor, minha falta. Feliz o homem que foi perdoado / e cuja falta já foi encoberta! / Feliz o homem a quem o Senhor não olha mais como sendo culpado / e em cuja alma não há falsidade! Eu confessei, afinal, meu pecado / e minha falta vos fiz conhecer. / Disse: Eu irei confessar meu pecado! / E perdoastes, Senhor, minha falta. Sois para mim proteção e refúgio; / na minha angústia me haveis de salvar / e envolvereis a minha alma no gozo. / Regozijai-vos, ó justos, em Deus / e no Senhor exultai de alegria! / Corações retos, cantai jubilosos! Segunda LEITURA (Gl 2, ) Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas. Irmãos: Sabendo que ninguém é justificado por observar a Lei de Moisés, mas por crer em Jesus Cristo, nós também abraçamos a fé em Jesus Cristo. Assim fomos justificados pela fé em Cristo e não pela prática da Lei, porque pela prática da Lei ninguém será justificado. Aliás, foi em virtude da Lei que eu morri para a Lei, a fim de viver para Deus. Com Cristo, eu fui pregado na cruz. Eu vivo, mas não eu, é Cristo que vive em mim. Esta minha vida presente, na carne, eu a vivo na fé, crendo no Filho de Deus, que me amou e por mim se entregou. Eu não desprezo a graça de Deus. Ora, se a justiça vem pela Lei, então Cristo morreu inutilmente. - Palavra do Senhor T. Graças a Deus. Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 3

4 Aclamação ao Evangelho T. Aleluia, Aleluia, Aleluia (bis) P. O Reino do Céu está perto! Convertam-se, irmãos, é preciso! Creiam todos no evangelho, Creiam todos no evangelho. T. Aleluia, Aleluia, Aleluia (bis) EVANGELHO (Lc 7, 36-50, 8:1-3)) P. O Senhor esteja convosco! T. Ele está no meio de nós. P. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas T. Glória a vós, Senhor. P. Naquele tempo, um fariseu convidou Jesus para uma refeição em sua casa. Jesus entrou na casa do fariseu e pôs-se à mesa. Certa mulher, conhecida na cidade como pecadora, soube que Jesus estava à mesa, na casa do fariseu. Ela trouxe um frasco de alabastro com perfume e, ficando por detrás, chorava aos pés de Jesus; com as lágrimas começou a banhar-lhe os pés, enxugava-os com os cabelos, cobria-os de beijos e os ungia com o perfume. Vendo isso, o fariseu que o havia convidado ficou pensando: Se este homem fosse um profeta, saberia que tipo de mulher está tocando nele, pois é uma pecadora. Jesus disse então ao fariseu: Simão, tenho uma coisa para te dizer. Simão respondeu: Fala, Mestre!. Certo credor tinha dois devedores: um lhe devia quinhentos denários; o outro, cinqüenta. Como não tivessem com que pagar, o homem perdoou os dois. Qual deles o amará mais? Simão respondeu: Acho que é aquele ao qual perdoou mais. Jesus lhe disse: Tu julgaste corretamente. Então Jesus virou-se para a mulher e disse a Simão: Estás vendo esta mulher? Quando entrei em tua casa, tu não me ofereceste água para lavar os pés; ela, porém, banhou meus pés com lágrimas e enxugou-os com os cabelos. Tu não me deste o beijo de saudação; ela, porém, desde que entrei, não parou de beijar meus pés. Tu não derramaste óleo na minha cabeça; ela, porém, ungiu meus pés com perfume. Por esta razão, eu te declaro: os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados porque ela mostrou muito amor. Aquele a quem se perdoa pouco, mostra pouco amor. E Jesus disse à mulher: Teus pecados estão perdoados. Então os convidados começaram a pensar: Quem é este que até perdoa pecados? Mas Jesus disse à mulher: Tua fé te salvou. Vai em paz! Depois disso, Jesus andava por cidades e povoados, pregando e anunciando a Boa-nova do Reino de Deus. Os doze iam com ele; e também algumas mulheres que haviam sido curadas de maus espíritos e doenças: Maria, chamada Madalena, da qual tinham saído sete demônios; Joana, mulher de Cuza, alto funcionário de Herodes; Susana e várias outras mulheres que ajudavam a Jesus e aos discípulos com os bens que possuíam. P. PALAVRA DA SALVAÇÃO!. T. GLÓRIA A VÓS, SENHOR!. Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 4

5 HOMILIA (sentados) PROFISSÃO DE FÉ P. Reunidos no amor de Cristo, professemos nossa fé. T: Cremos em Deus Pai todo-poderoso criador do céu e da terra / e em Jesus Cristo seu único Filho, nosso Senhor / que foi concebido pelo poder do Espírito Santo /nasceu da Virgem Maria / padeceu sob Pôncio Pilatos / foi crucificado, morto e sepultado / Desceu à mansão dos mortos / ressuscitou ao terceiro dia / subiu aos céus / está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso / donde há de vir a julgar os vivos e os mortos / Creio no Espírito Santo / na Santa Igreja Católica / na comunhão dos santos / na remissão dos pecados / na ressurreição da carne / na vida eterna. Amém ORAÇÃO DOS FIÉIS P. Demos graças a Deus por todo o amor e misericórdia que Ele, por meio de Jesus, manifesta a cada um de nós. Elevemos nossas preces, portanto, confiando no amor de Deus e supliquemos: T. Senhor, ajudai-nos a amar e a perdoar! L. Senhor, fazei com que a vossa Igreja, através do Sacramento da Reconciliação e pela prática da solidariedade, manifeste a fidelidade ao mandamento do amor gratuito, nós vos pedimos: T. Senhor, ajudai-nos a amar e a perdoar! L. Senhor, auxiliai-nos com vossa infinita graça nos caminhos da missão de anunciar vosso Filho, sendo servos da caridade e da misericórdia, nós vos pedimos: T. Senhor, ajudai-nos a amar e a perdoar! L. Iluminai as famílias, para que sejam o berço onde se aprenda a amar e a perdoar. T. Senhor, ajudai-nos a amar e a perdoar! (Outras preces da comunidade) P. Tudo isso vos pedimos, ó Pai, por Cristo, Nosso Senhor. CANTO DO OFERTÓRIO MEU CORAÇÃO É PARA TI PE. MARCELO Meu coração é para Ti, Senhor Meu coração é para Ti, Senhor Meu coração é para Ti, Senhor Meu coração é para Ti! Porque Tu me deste a vida Porque Tu me deste o existir Porque Tu me deste o carinho Me deste o amor ( vezes) A minha vida é para Ti, senhor O meu trabalho é para Tíi Senhor A minha casa é para Tí Senhor Minha saúde é para Tí Senhor (2x) Pão e vinho são para Ti, senhor(2x) Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 5

6 ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS P. Orai, irmãos e irmãs, para que o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai todopoderoso. T. Receba oh Senhor, por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, para nosso bem e de toda a Santa Igreja. P. Ó Deus, que pelo pão e o vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, nosso Senhor. ORAÇÃO EUCARÍSTICA Sobre Reconciliação II (MR - p. 871) P. O Senhor esteja convosco. T. Ele está no meio de nós. P. Corações ao alto. T. O nosso coração está em Deus. P. Demos graças ao Senhor nosso Deus. T. É nosso dever e nossa salvação. P. Nós vos agradecemos, Deus Pai, todopoderoso, e por causa de vossa ação no mundo vos louvamos pelo Senhor Jesus. No meio da humanidade, dividida em contínua discórdia, sabemos por experiência que sempre levais as pessoas a procurar a reconciliação. Vosso Espírito Santo move os corações, de modo que os inimigos voltem à amizade, os adversários se dêem as mãos e os povos procurem reencontrar a paz. T: Fazei-nos, ó Pai, instrumentos de vossa paz. P. Sim, ó Pai, porque é obra vossa que a busca da paz vença os conflitos, que o perdão supere o ódio, e a vingança dê lugar à reconciliação. Por tudo de bom que fazeis, Deus de misericórdia, não podemos deixar de vos louvar e agradecer. Unidos ao coro dos reconciliados cantamos a uma só voz: Santo, Santo, Santo PADRE MARCELO ROSSI Santo, Santo, Santo, dizem todos os anjos Santo, Santo, Santo é o Senhor Jesus Santo, Santo, Santo é quem nos redime Porque meu Deus é Santo E a terra cheia de Sua glória está (2x) Céus e terras passarão, mas Sua palavra não passará(x2) Não, não, não passará Não, não, não, não, não, passará Hosana a Jesus Cristo filho de Maria Bendito o que vem em nome do Senhor Santo, santo, santo é quem nos redime Porque meu Deus é Santo E a terra cheia de Sua glória está (2x) Céus e terras... P. Deus de amor e de poder, louvado sois em vosso Filho Jesus Cristo, que veio em vosso nome. Ele é a vossa palavra que liberta e salva toda a humanidade. Ele é a mão que estendeis aos pecadores. Ele é o caminho pelo qual nos chega a vossa paz. T. Fazei-nos, ó Pai, instrumentos de vossa paz. Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 6

7 P. Deus, nosso Pai, quando vos abandonamos, vós nos reconduzistes por vosso Filho, entregando-o à morte para que voltássemos a vós e nos amássemos uns aos outros. Por isso, celebramos a reconciliação que vosso Filho nos mereceu. P. Cumprindo o que ele nos mandou, vos pedimos: Santificai, por vosso Espírito, estas oferendas. P. Na noite em que ia ser entregue, ele tomou o pão em suas mãos, elevou os olhos a vós, ó Pai, deu graças e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. P. EIS O MISTÉRIO DA FÉ! T. Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus! P. Ó Deus, Pai de misericórdia, vosso Filho nos deixou esta prova de amor. Celebrando a sua morte e ressurreição, nós vos damos aquilo que nos destes: o sacrifício da perfeita reconciliação. T. Glória e louvor ao Pai, que em Cristo nos reconciliou! CC. Nós vos pedimos, ó Pai, aceitai-nos também com vosso Filho e, nesta ceia, dai-nos o mesmo Espírito, de reconciliação e de paz. T. Glória e louvor ao Pai, que em Cristo nos reconciliou! CC. Ele nos conserve em comunhão com o Papa Bento e nosso Bispo Paul Loverde, com todos os Bispos e o povo que conquistastes. Fazei de vossa Igreja sinal da unidade entre os seres humanos e instrumento da vossa paz. T. Glória e louvor ao Pai, que em Cristo nos reconciliou! CC. Assim como aqui nos reunistes, ó Pai, à mesa do vosso Filho em união com a Virgem Maria, Mãe de Deus, e com todos os santos, reuni no mundo novo, onde brilha a vossa paz, os homens e as mulheres de todas as classes e nações, de todas as raças e línguas, para a ceia da comunhão eterna, por Jesus Cristo, nosso Senhor. T. Glória e louvor ao Pai, que em Cristo nos reconciliou! Cs. POR CRISTO, COM CRISTO, EM CRISTO, A VÓS, DEUS PAI TODO-PODEROSO, NA UNIDADE DO ESPÍRITO SANTO, TODA A HONRA E TODA A GLÓRIA, AGORA E PARA SEMPRE. O PAI NOSSO P. Rezemos, com amor e confiança, a oração que o Senhor Jesus nos ensinou: Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 7

8 T. Pai nosso, que estais no céu,/ santificado seja o vosso nome,/ venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade/ assim na terra como no céu./ O pão nosso de cada dia nos dai hoje. /E perdoai-nos as nossas ofensas, /assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido./ E não deixeis cair em tentação,/ mas livrai-nos do mal. Amém. P. Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dainos hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo Salvador. T. Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre. P. Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos Apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima a vossa Igreja; dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Vós que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. P. A paz do Senhor esteja sempre convosco! T. O amor de Cristo nos uniu. P. Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus, cantando Paz, paz de Cristo! Paz, paz que vem do amor lhe desejo irmão! Paz que é felicidade de ver em você Cristo nosso irmão! () Se algum dia na vida, você de mim precisar, Saiba que sou seu amigo, pode comigo contar. O mundo dá muitas voltas agente vai se encontrar, Quero nas voltas da vida a sua mão apertar. P. Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo T. Tende piedade de nós! P. Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo. T. Tende piedade de nós! P. Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo. T. Dai-nos a paz P. Felizes os convidados para a Ceia do Senhor. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. T. Senhor, eu não sou digno(a) de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo(a). COMUNHÃO Sou louco de amor por Tí, meu Jesus Meu Senhor despojou-se de si sendo Deus, se fez homem, se entregou e morreu numa cruz. Meu Senhor para salvar a mim, meus irmãos Se humilhou, veio ao mundo e das trevas fez luz. Eu te amo, sou louco de amor por Ti meu Jesus Tu és minha paz, minha luz, meu Rei e meu Bom Pastor. Eu te amo, sou louco de amor por Ti, meu Jesus Tu és minha paz, minha luz, meu Deus, meu Senhor meu Deus. Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 8

9 Meu Senhor que tudo criou por amor Não foi recebido pelo povo seu. Lá na cruz pede ao Pai que perdoe aos cruéis Que não sabem que matam o Filho de Deus. Meu Senhor cumpriu a promessa, nos deu O Espírito Santo da parte de Deus. Foi à casa do Pai preparar-nos lugar Pra levar-nos consigo ao Reino dos Céus +... meu Deus, meu Senhor. e em prova da minha devoção, eu hoje vos dou meu coração. Consagro a vós meus olhos meus ouvidos, minha boca tudo o que sou, desejo que a vós pertença. Incomparável mãe, guardai-me e defendei-me como filho e propriedade vossa. Amém. Como filho e propriedade vossa. Amém! ORAÇÃO APÓS A COMUNHÃO P. Oremos: Ó Deus, esta comunhão na Eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor. T. Amém BÊNÇÃO FINAL P. O Senhor esteja convosco. T. Ele está no meio de nós. P. A paz de Deus, que supera todo entendimento, guarde vossos corações e vossas mentes no conhecimento e no amor de Deus, e de seu filho, nosso Senhor Jesus Cristo. P. Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. P. Ide em paz, e o Senhor vos acompanhe. CÂNTICO DE DESPEDIDA Consagração à Nossa Senhora Oh! minha Senhora e também minha mãe, eu me ofereço inteiramente todo a vós, "Graças ao amor misericordioso de Deus não há pecado, por maior que seja, que não possa ser perdoado, nem pecador que seja posto de lado. Todas as pessoas que se arrependerem serão recebidas por Jesus Cristo, com perdão e imenso amor" disse João Paulo II em O poder de perdoar os pecados foi dado por Jesus aos Apóstolos, através do Espírito Santo: "Recebei o Espírito Santo. Os pecados daqueles a quem perdoares, os pecados serão perdoados. Os pecados daqueles a quem não perdoardes, não serão perdoados." Jo 20,22. Disse ainda o Santo Padre numa homilia em "Confessamos os nossos pecados ao próprio Deus, embora no confessionário sejam escutados pelo homem-sacerdote". Constituem partes do sacramento da Reconciliação: Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 9

10 Exame de consciência Condição indispensável para uma confissão bem feita é o exame de consciência, que se traduz num "confronto sincero e sereno com a lei moral interior, com as normas evangélicas propostas pela igreja, com o próprio Jesus Cristo que é para nós Mestre e modelo de vida", disse João Paulo II em Contrição Diz o Catecismo da Igreja Católica (1451) que a contrição é "uma dor de alma e uma detestação do pecado cometido, com o propósito de não mais pecar no futuro" (Concílio de Trento: Ds1676). A contrição é, pois, uma recusa do pecado e o firme propósito de não voltar a pecar. Ato de contrição (oração de contrição) Meu Deus, porque sois infinitamente bom e Vos amo de todo o coração, pesa-me de Vos ter ofendido e, com o auxílio da Vossa divina graça, proponho firmemente emendar-me e nunca mais Vos tornar a ofender. Peço e espero o perdão dos meus pecados pela Vossa infinita misericórdia. Amem. Confissão dos pecados Constitui uma acusação espontânea de todos os pecados ao confessor. É uma atitude de entrega, confiando plenamente na misericórdia de Deus. A Igreja recomenda a confissão regular mesmo que não haja pecados mortais, porque na confissão Jesus vai-nos curando e moldando o nosso coração, atraindo-nos cada vez mais para Si. perdão e a paz. E eu te absolvo dos teus pecados em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo." O penitente responde: Amem. A penitência João Paulo II numa alocução proferida em disse: "a penitência tem por missão conseguir a remissão das penas temporais que, depois da remissão dos pecados, ficam ainda por expiar na vida presente ou na futura." A penitência é a reparação pelos pecados cometidos, imposta pelo confessor.se dizemos que estamos em comunhão com Deus e no entanto andamos em trevas, somos mentirosos e não praticamos a Verdade. Mas, se caminhamos na luz, como Deus está na luz, estamos em comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, o Filho de Deus, purifica-nos de todo o pecado. Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a Verdade não está em nós. Se reconhecemos os nossos pecados, Deus que é fiel e justo perdoará os nossos pecados e nos purificará de toda a injustiça. Se dissermos que nunca pecamos, afirmamos, que Deus é mentiroso, e a Sua palavra não está em nós. (1 Jo 1,6-10.) "De facto, se perdoarem aos outros as suas ofensas, o Pai celestial também vos perdoará. Mas, se não perdoarem aos outros, o vosso Pai também vos não perdoará". ( Mt 6, 14-15) O perdão É o momento em que se experimenta o contacto com o poder e a misericórdia de Deus, através do sacerdote, que nos devolve à vida, deixando para trás as trevas e voltando à luz. O sacerdote pronuncia a absolvição: "Deus, Pai de misericórdia, que pela morte e ressurreição de Seu Filho reconciliou o mundo consigo, e infundiu o Espírito Santo para remissão dos pecados, te conceda, pelo ministério da Igreja, o Local: Capela de Missionhurst, #4651 North 25th Street, Arlington, VA Página 10

Capela Nª Sª Das Graças

Capela Nª Sª Das Graças Capela Nª Sª Das Graças Santa Missa Dominical 1-Saudação I PR: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. AS: Amém. PR: A vós, irmãos e irmãs, paz e fé da parte de Deus, o Pai, e do Senhor Jesus Cristo.

Leia mais

XI Domingo do Tempo Comum

XI Domingo do Tempo Comum XI Domingo do Tempo Comum Perdão Senhor «O Senhor perdoou o teu pecado: Não morrerás» Leitura do Segundo Livro de Samuel 2 Sam 12, 7-10.13 Naqueles dias, disse Natã a David: «Assim fala o Senhor, Deus

Leia mais

DOMINGO XI. «O Senhor perdoou o teu pecado: Não morrerás»

DOMINGO XI. «O Senhor perdoou o teu pecado: Não morrerás» 308 TEMPO COMUM DOMINGO XI LEITURA I 2 Sam 12, 7-10.13 «O Senhor perdoou o teu pecado: Não morrerás» Leitura do Segundo Livro de Samuel Naqueles dias, disse Natã a David: «Assim fala o Senhor, Deus de

Leia mais

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA A Eucaristia é o sacramento que atualiza e faz a memória do sacrifício de Jesus: em cada Eucaristia temos a presença do Cristo que pela sua morte e ressurreição

Leia mais

"Por isso, o homem deixará seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher, e eles serão uma só carne."

Por isso, o homem deixará seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher, e eles serão uma só carne. Marlene e Almir "Por isso, o homem deixará seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher, e eles serão uma só carne." Recebo-te por minha esposa e por meu esposo e prometo ser-te fiel, amar-te e respeitar-te,

Leia mais

Paróquia São Francisco de Assis - setembro

Paróquia São Francisco de Assis - setembro Canto de entrada C F C F C D G Dm7 G7 C Dá-me a palavra certa na hora certa e do jeito certo e pra pessoa certa. C F C F C D G Dm7 G7 C Dá-me a cantiga certa na hora certa e do jeito certo e pra pessoa

Leia mais

2ºano de catequese 1. DESCOBRIR O AMOR DE DEUS NA ESCUTA DA SUA PALAVRA. Paróquia de Forjães 26 de Fevereiro de 2005

2ºano de catequese 1. DESCOBRIR O AMOR DE DEUS NA ESCUTA DA SUA PALAVRA. Paróquia de Forjães 26 de Fevereiro de 2005 Tu tens um amigo que te ama: Nós temos um amigo que nos ama, Que nos ama, que nos ama. Nós temos um amigo que nos ama: 1. DESCOBRIR O AMOR DE DEUS NA ESCUTA DA SUA PALAVRA Presidente: Em nome do Pai e

Leia mais

Músicas para missa TSL

Músicas para missa TSL Músicas para missa TSL Músicas antes da entrada Anjos Se acontecer um barulho perto de você é um anjo chegando para receber suas orações e levá-las à Deus. Então abra o coração e comece a louvar, sinta

Leia mais

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial Catedral Diocesana de Campina Grande Paróquia nossa Senhora da Conceição II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia Por suas chagas fomos curados, felizes aqueles que crêem sem terem visto.

Leia mais

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EIS O CORDEIRO DE DEUS QUE TIRA O PECADO DO MUNDO DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 10º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial: Filho de Deus 1. Somos

Leia mais

Acto penitencial: Aclamação:

Acto penitencial: Aclamação: Entrada: O senhor Ressuscitou! Do+ O Senhor ressuscitou, vencendo a morte na cruz Re7 Re7 Nossa esperança está n Ele, Ele é o nosso Salvador. Do+ P ra trás ficou o temor, a dúvida e a pouca fé: Re7 Re7

Leia mais

Ano C n o de junho de o Domingo do Tempo Comum

Ano C n o de junho de o Domingo do Tempo Comum Ano C n o 39 12 de junho de 2016 11 o Domingo do Tempo Comum Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 39 12 de junho de 2016 11 o Domingo do Tempo Comum Ritos Iniciais 1. Canto de Entrada (De

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

DEUS NASCEU ENTRE NÓS COMO CRIANÇA E COM ELE NASCEU UMA NOVA ESPERANÇA. (BIS)

DEUS NASCEU ENTRE NÓS COMO CRIANÇA E COM ELE NASCEU UMA NOVA ESPERANÇA. (BIS) 01. AMBIENTAÇÃO 1 - No princípio era o Verbo e o Verbo se fez homem, habitando entre nós, para a nossa salvação. Nasceu para nós um menino, um filho nós ganhamos, o filho da Virgem Maria, que em Deus é

Leia mais

Festa do Sinal da Cruz Eucaristia, Sábado 6 de Fevereiro de 2010 Santo António de Nova Oeiras

Festa do Sinal da Cruz Eucaristia, Sábado 6 de Fevereiro de 2010 Santo António de Nova Oeiras 1. Entrada: Deixa Deus entrar re Deixa Deus entrar na tua própria casa /7 re Deixa-te tocar pe Sua graça si7 mi- Dentro, no segredo, reza-lhe sem medo: re 7 Senhor, Senhor! re Que queres que eu faça re

Leia mais

Folheto da Diocese de Divinópolis-MG HOJE É DOMINGO. Planilha de Músicas MARÇO 2016 ANO C

Folheto da Diocese de Divinópolis-MG HOJE É DOMINGO. Planilha de Músicas MARÇO 2016 ANO C Folheto da Diocese de Divinópolis-MG HOJE É DOMINGO Planilha de Músicas MARÇO 2016 ANO C www.diocesedivinopolis.org.br 26 de Março: VIGÍLIA PASCAL Momento Título CD EXULTE Exulte 1 Tríduo Pascal 2 GLÓRIA

Leia mais

"Sucedeu que, estando Ele algures a orar, disse- Lhe, quando acabou, um dos Seus discípulos: "Senhor, ensina-nos a orar como João também ensinou os

Sucedeu que, estando Ele algures a orar, disse- Lhe, quando acabou, um dos Seus discípulos: Senhor, ensina-nos a orar como João também ensinou os "Sucedeu que, estando Ele algures a orar, disse- Lhe, quando acabou, um dos Seus discípulos: "Senhor, ensina-nos a orar como João também ensinou os seus discípulos". Disse-lhe Jesus "Quando orardes, dizei:

Leia mais

CAPELA DE MISSIONHURST - DIOCESE DE ARLINGTON

CAPELA DE MISSIONHURST - DIOCESE DE ARLINGTON CAPELA DE MISSIONHURST - DIOCESE DE ARLINGTON 4651 North 25 th Street, Arlington, Virginia 22207 COMUNIDADE DE BRASILEIROS CATÓLICOS EM NORTHERN VIRGINIA, EUA 15 DE FEVEREIRO DE 2015 ANO B 4651 N. 25th

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 2 de novembro de 2014 - Nº 56 TRIGÉSIMO PRIMEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM COMEMORAÇÃO DE TODOS OS FIÉIS DEFUNTOS Cor Litúrgica:

Leia mais

Festa do Pai Nosso Eucaristia, Sábado 17 de Abril de 2010 Santo António de Nova Oeiras

Festa do Pai Nosso Eucaristia, Sábado 17 de Abril de 2010 Santo António de Nova Oeiras Entrada: O senhor Ressuscitou! Sol+ Mi- Do+ O Senhor ressuscitou, vencendo a morte na cruz Re7 Sol+ La- Re7 Nossa esperança está n Ele, Ele é o nosso Salvador. Sol+ Mi- Do+ P ra trás ficou o temor, a dúvida

Leia mais

01. AMBIENTAÇÃO CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ELE É JUSTO E TÃO BONDOSO. CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ALELUIA!

01. AMBIENTAÇÃO CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ELE É JUSTO E TÃO BONDOSO. CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ALELUIA! 01. AMBIENTAÇÃO CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ELE É JUSTO E TÃO BONDOSO. CONFIEMO-NOS AO SENHOR, ALELUIA! Animador irmãos e irmãs, na liturgia de hoje veremos que precisamos de constância e perseverança na fé.

Leia mais

Ano C n o de novembro de 2016 Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos

Ano C n o de novembro de 2016 Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos Ano C n o 61 02 de novembro de 2016 Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 61 02 de novembro de 2016 Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos Ritos Iniciais

Leia mais

01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ.

01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ. 01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ. Animador - Amados irmãos e irmãs, estamos reunidos em torno da Mesa da Palavra e da Eucaristia para celebrarmos a nossa Páscoa

Leia mais

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO Copyright 2005 - Libreria Editrice Vaticana «Motu Proprio» Introdução PRIMEIRA PARTE - A PROFISSÃO DA FÉ Primeira Secção: «Eu

Leia mais

Nº 26 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA DOMINGO DA DIVINA MISERICÓRDIA

Nº 26 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA DOMINGO DA DIVINA MISERICÓRDIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 12 de abril de 2015 - Nº 26 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA DOMINGO DA DIVINA MISERICÓRDIA Cor Litúrgica: Branco 1 Animador: Queridos

Leia mais

VIGÍLIA DE ORAÇÃO POR QUEM NOS MORREU

VIGÍLIA DE ORAÇÃO POR QUEM NOS MORREU VIGÍLIA DE ORAÇÃO POR QUEM NOS MORREU PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA HORA 2010-2011 P = Presidente: Aquele que preside à oração. Qualquer pessoa o pode fazer, desde que tenha gosto e capacidade para tal.

Leia mais

03. SAUDAÇÃO INICIAL 1

03. SAUDAÇÃO INICIAL 1 01. AMBIENTAÇÃO 1 - No princípio era o Verbo e o Verbo se fez homem, habitando entre nós, para a nossa salvação. Nasceu para nós um menino, um filho nós ganhamos, o filho da Virgem Maria, que em Deus é

Leia mais

F C G Am Meu coração se alegra com cantos e palmas celebro F C Bb C Dm Ao Deus Uno Santo e Trino, vivendo bem a fé que professo.

F C G Am Meu coração se alegra com cantos e palmas celebro F C Bb C Dm Ao Deus Uno Santo e Trino, vivendo bem a fé que professo. DIA DO SENHOR (Letra e Música André Cruz) Faixa 1 Intro: : Am G F G : Am G Am F G Hoje é o dia do senhor Am G Am F G Quero celebrar com a Igreja Am G Am F G Bom é adentrar pelos teus átrios Am G Am Pois

Leia mais

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano 14 de junho de 2014 Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas MONIÇÃO ANTES DO CÂNTICO DE ENTRADA (Criança) Olá, nós as crianças do 2º ano

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 15 de junho de 2014 - Nº 36 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: branco 1 INTRODUÇÃO - Irmãos, depois de termos

Leia mais

Ano C n o de outubro de o Domingo do Tempo Comum

Ano C n o de outubro de o Domingo do Tempo Comum Ano C n o 60 30 de outubro de 2016 31 o Domingo do Tempo Comum Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 60 30 de outubro de 2016 31 o Domingo do Tempo Comum Ritos Iniciais 1. Canto de Entrada

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 19 de abril de 2015 - Nº 27 TERCEIRO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco Animador: Meus irmãos, o tempo litúrgico da Páscoa

Leia mais

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTO DE ENTRADA: E B7 E B7 E B7 E B7 E Jesus meu amigo, estou aqui, estou aqui para celebrar, para agradecer e A B7 partilhar o pão e a Fé. A B G#m C#m A F# B7 Celebrar o

Leia mais

Em nome do Pai. Em nome do Filho. / Em nome do Espírito Santo, estamos aqui.

Em nome do Pai. Em nome do Filho. / Em nome do Espírito Santo, estamos aqui. 01 Deus trino INTRO: D, E/D, C#m, F#m, B4, D/A, E, A A/G D/F# D A E A E Em nome do Pai. Em nome do Filho. / Em nome do Espírito Santo, estamos aqui. A A(5#) D D#º A E A A7 Em nome do Pai. Em nome do Filho.

Leia mais

Rito do Baptismo. O celebrante interroga, em primeiro lugar, os pais de cada criança:

Rito do Baptismo. O celebrante interroga, em primeiro lugar, os pais de cada criança: Rito do Baptismo DIÁLOGO COM OS PAIS E OS PADRINHOS O celebrante interroga, em primeiro lugar, os pais de cada criança: Que nome dais ao vosso filho? ou: Que nome escolhestes para o vosso filho? Pais:

Leia mais

01. AMBIENTAÇÃO ATÉ QUE CRISTO SE FORME EM VÓS. EM MIM, EM TI, EM NÓS! (2X)

01. AMBIENTAÇÃO ATÉ QUE CRISTO SE FORME EM VÓS. EM MIM, EM TI, EM NÓS! (2X) 01. AMBIENTAÇÃO ATÉ QUE CRISTO SE FORME EM VÓS. EM MIM, EM TI, EM NÓS! (2X) Animador Queridos irmãos e irmãs, Cristo é o Senhor do céu e da terra. Deu-nos o exemplo da generosidade de sua vida dedicada

Leia mais

Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder!

Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder! ABERTURA 17º DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO C Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder! 1. A nação que ele governa, é feliz com tal Senhor.

Leia mais

Cântico da Oração da manhã, inicial

Cântico da Oração da manhã, inicial Cântico da Oração da manhã, inicial Deus está aqui Tão certo como o ar que respiro Tão certo como amanhã que se levanta Tão certo como este canto, que podes ouvir Tu o podes sentir movendo-se por entre

Leia mais

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos Servos de Maria e ficou conhecido como o protetor contra o câncer.

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano LI - Brasília, 10 de janeiro de 2016 - Nº 9 FESTA DO BATISMO DO SENHOR ANO DA MISERICÓRDIA Ano C Cor Litúrgica: branco 1 A: Meus irmãos, o Batismo

Leia mais

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação.

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação. Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação. 5 Introdução A devoção ao Imaculado Coração de Maria é uma das mais belas manifestações

Leia mais

Paróquia são Francisco de Assis Nossa Senhora Agosto (cifras)

Paróquia são Francisco de Assis Nossa Senhora Agosto (cifras) Canto de entrada Ave Maria (Vicente Paiva) F Gm C7 F Dm Gm C7 F Ave Maria dos seus andores, rogai por nós os pecadores. A7 Dm Abençoai! estas terras morenas, seus rios, seus campos e as noites serenas;

Leia mais

A Narração da História.

A Narração da História. 1 Amor e Perdão Lc 7.36-50 Jesus estava em Betânia, na casa de Simão, o leproso que fora curado por Ele; fora convidado por Simão para um jantar. A gratidão e o reconhecimento de Jesus como o Messias fez

Leia mais

Louvor de Raízes: Infinitamente

Louvor de Raízes: Infinitamente Louvor de Raízes: Infinitamente Deus dos Antigos Tu és Santo Em todo o tempo eu louvarei ao Senhor Ergamos nossa voz Nas estrelas louvor Maravilhoso - louvor A Ti Senhor (Nós te buscaremos) Palavra - Infinitamente

Leia mais

Cifras do Folheto COMUNHÃO E PARTICIPAÇÃO Arquidiocese de Goiânia

Cifras do Folheto COMUNHÃO E PARTICIPAÇÃO Arquidiocese de Goiânia Cifras do Folheto COMUNHÃO E PARTICIPAÇÃO Arquidiocese de Goiânia 26º DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B *** DEUS AGE ONDE QUER *** 27 de Setembro de 2015 Ano XXXII 1 ABERTURA QUE ALEGRIA QUANDO ME DISSERAM

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de julho de 2015 - Nº 41 DÉCIMO SÉTIMO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Meus irmãos, é o próprio Deus

Leia mais

DOMINGO V DA QUARESMA

DOMINGO V DA QUARESMA DOMINGO V DA QUARESMA LEITURA I Ez 37, 12-14 «Infundirei em vós o meu espírito e revivereis» Leitura da Profecia de Ezequiel Assim fala o Senhor Deus: «Vou abrir os vossos túmulos e deles vos farei ressuscitar,

Leia mais

19º Domingo do Tempo Comum. 20º Domingo do Tempo Comum ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA. 22º Domingo do Tempo Comum

19º Domingo do Tempo Comum. 20º Domingo do Tempo Comum ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA. 22º Domingo do Tempo Comum CIFRAS DO FOLHETO 1 SANTUÁRIO DIOCESANO DE SÃO SEBASTIÃO 19º Domingo do Tempo Comum 07 DE AGOSTO DE 2016 20º Domingo do Tempo Comum 14 DE AGOSTO DE 2016 ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA 21 DE AGOSTO DE 2016 22º

Leia mais

TRÍDUO PASCAL DA PAIXÃO E MORTE, SEPULTURA E RESSURREIÇÃO DE JESUS. Quinta-Feira Santa, 21h30 Missa da Ceia do Senhor, com rito do lava-pés

TRÍDUO PASCAL DA PAIXÃO E MORTE, SEPULTURA E RESSURREIÇÃO DE JESUS. Quinta-Feira Santa, 21h30 Missa da Ceia do Senhor, com rito do lava-pés Como Paulo e com Cristo, subamos a Jerusalém!...Gal.1,18; Mc.10,33 Semana Santa 2009 na Paróquia de Nossa Senhora da Hora DOMINGO DE RAMOS 09h45 (Bênção dos Ramos) e Missa (10h00) na Igreja Paroquial 11h00

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 15 de novembro de 2015 - Nº 57 TRIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde 1 Animador: Irmãos amados, hoje,

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 2 de novembro de 2015 COMEMORAÇÃO DE TODOS OS FIÉIS DEFUNTOS Cor Litúrgica: Roxo ou Preto Anim.: Irmãos caríssimos, nós somos

Leia mais

A RESPOSTA DO HOMEM A DEUS: EU CREIO. NÓS CREMOS Catequese com adultos Chave de Bronze

A RESPOSTA DO HOMEM A DEUS: EU CREIO. NÓS CREMOS Catequese com adultos Chave de Bronze A RESPOSTA DO HOMEM A DEUS: EU CREIO. NÓS CREMOS. 26-11-2011 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Eu creio Como podemos responder a Deus quando Ele nos aborda? Responder a Deus significa crer n

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo,

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo, ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 Leitura dos Actos dos Apóstolos No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, até ao dia em que foi elevado

Leia mais

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR A ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam isto proclamamos a respeito da Palavra

Leia mais

03. SAUDAÇÃO INICIAL Presidente - Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

03. SAUDAÇÃO INICIAL Presidente - Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém. 01. AMBIENTAÇÃO MISERICORDIOSOS, COMO O PAI! MISERICORDIOSOS COMO O PAI! (4X) Animador - Queridos irmãos e irmãs, que bom estarmos hoje reunidos como família de Deus para celebrar a Páscoa de Cristo e

Leia mais

Nº 46 VIGÉSIMO SEGUNDO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C DIA NACIONAL DO CATEQUISTA

Nº 46 VIGÉSIMO SEGUNDO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C DIA NACIONAL DO CATEQUISTA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano LI - Brasília, 28 de agosto 2016 - Nº 46 VIGÉSIMO SEGUNDO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C DIA NACIONAL DO CATEQUISTA Cor litúrgica:

Leia mais

DOMINGO IV DO ADVENTO

DOMINGO IV DO ADVENTO 65 DOMINGO IV DO ADVENTO LEITURA I 2 Sam 7, 1-5.8b-12.14a.16 O reino de David permanecerá eternamente na presença do Senhor Leitura do Segundo Livro de Samuel Quando David já morava em sua casa e o Senhor

Leia mais

Reunião - Terço estrutural alavanca em prol do movimento de Emaús e dos cursos que estão chegando.

Reunião - Terço estrutural alavanca em prol do movimento de Emaús e dos cursos que estão chegando. Reunião - Terço estrutural alavanca em prol do movimento de Emaús e dos cursos que estão chegando. Texto de inspiração Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA. Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA. Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015 1 PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015 Permanecei no meu amor, para dar muitos frutos (Jo 15,8-9)

Leia mais

Se andas chutando lata todo dia na rua, com a cabeça vazia o coração na luta

Se andas chutando lata todo dia na rua, com a cabeça vazia o coração na luta 01. PROCISSÃO DE ENTRADA: Senhor e Rei - Vida Reluz TOM: G Am G D C D Senhor e Rei, / em minha alma, estás sempre presente eu sei Am G D Am7 C D/F# Por isso eu louvarei/ levantando minhas mãos para te

Leia mais

Cântico de Entrada. P. Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. T. Amém.

Cântico de Entrada. P. Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. T. Amém. MISSA MENSAL DA COMUNIDADE DE BRASILEIROS CATÓLICOS 20 DE JANEIRO DE 2013 DIOCESE DE ARLINGTON, VIRGINIA, EUA SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM - ANO DA FÉ - COR LITÚRGICA: VERDE Cristo, a luz do céu em ti,

Leia mais

CULTO DE AÇÃO DE GRAÇAS PELA FORMATURA LITURGIA DE ENTRADA

CULTO DE AÇÃO DE GRAÇAS PELA FORMATURA LITURGIA DE ENTRADA CULTO DE AÇÃO DE GRAÇAS PELA FORMATURA Bacharelado em Teologia e Musicoterapia Faculdades EST 07 de julho de 2012 Celebrantes: Mariana, Marcelo e Dionata Pregador: Prof. P. Dr. Júlio Cezar Adam LITURGIA

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 15 de fevereiro de 2015 - Nº 14 SEXTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Meus irmãos, Deus se compadece das

Leia mais

Ano C n o de abril de o Domingo da Páscoa A misericórdia vence a morte!

Ano C n o de abril de o Domingo da Páscoa A misericórdia vence a morte! Ano C n o 31 24 de abril de 2016 5 o Domingo da Páscoa A misericórdia vence a morte! Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 31 24 de abril de 2016 5 o Domingo da Páscoa A misericórdia vence

Leia mais

01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ.

01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ. 01. AMBIENTAÇÃO INDO E VINDO, TREVAS E LUZ, TUDO É GRAÇA, DEUS NOS CONDUZ. Animador - Queridos irmãos e irmãs, sejam todos bem-vindos! É com muito carinho que os acolhemos para celebrar nossa vida e nossa

Leia mais

Celebração de Abertura da Catequese XXVI Domingo do Tempo Comum. Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29

Celebração de Abertura da Catequese XXVI Domingo do Tempo Comum. Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29 Celebração de Abertura da Catequese 2009-20010 XXVI Domingo do Tempo Comum Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29 26 de Setembro de 2009 Cântico de Entrada: (16h30) Como são belos os pés que anunciam

Leia mais

P: Alegremo-nos todos no Senhor, celebrando

P: Alegremo-nos todos no Senhor, celebrando Em nome do Pai Em nome do Filho Em nome do Espírito Santo Estamos aqui. Para louvar e agradecer, bendizer e adorar, estamos aqui, Senhor, a teu dispor. Para louvar e agradecer, bendizer e adorar, te aclamar,

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 5 de julho de 2015 - Nº 38 DÉCIMO QUARTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Irmãos, mesmo diante das perseguições

Leia mais

CREIO EM DEUS PAI Catequese com adultos Chave de Bronze

CREIO EM DEUS PAI Catequese com adultos Chave de Bronze CREIO EM DEUS PAI 03-12-2011 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze O que são os símbolos da fé? São definições abreviadas da fé, que possibilitam uma confissão comum a todos os crentes. Como surgiram

Leia mais

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista:

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista: Guião da celebração Festa do Pai-Nosso Núcleo seminário passionistas 2º Ano de catequese 2 Junho de 2012 Saudação inicial: Catequista: Boa tarde A nossa comunidade está hoje em festa, porque as crianças

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 25 de janeiro de 2015 - Nº 11 TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde 1 Animador: Irmãos amados, a Liturgia de hoje

Leia mais

PARÓQUIA SÃO FRANCISCO DE ASSIS NOSSA SENHORA APARECIDA- DEZEMBRO (cifras)

PARÓQUIA SÃO FRANCISCO DE ASSIS NOSSA SENHORA APARECIDA- DEZEMBRO (cifras) Canto de entrada Ave Maria (Vicente Paiva) F Gm C7 F Dm Gm C7 F Ave Maria dos seus andores, rogai por nós os pecadores. A7 Dm Abençoai! estas terras morenas, seus rios, seus campos e as noites serenas;

Leia mais

Culto Eucarístico - Encerramento

Culto Eucarístico - Encerramento 1 Convenção Nacional de Ministras e Ministros da IECLB 2013 Tema: Entre alegria e sofrimento: espiritualidade e ética no ministério na IECLB Data: 15 a 17 de outubro de 2013 Culto Eucarístico - Encerramento

Leia mais

HOSANA REPERTÓRIO. Hosana, Hosana Hosana nas alturas Hosana, Hosana Hosana nas alturas

HOSANA REPERTÓRIO. Hosana, Hosana Hosana nas alturas Hosana, Hosana Hosana nas alturas 1 HOSANA Composição: Brooke Fraser-Hillsong Publishing / Versão: Cia do Louvor Eu vejo o Rei da glória vindo com o Seu poder A Terra vai estremecer Eu vejo Sua graça os pecados perdoar A Terra vai então

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 8 de setembro de 2013 - Nº 47 VIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Verde 1 INTRODUÇÃO - Com.:

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 08 de fevereiro de 2015 - Nº 13 QUINTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Anim.: Meus irmãos, exercendo a autoridade

Leia mais

MISSA DO 2º DOMINGO DO TEMPO COMUM 19 de janeiro de Diocese de Arlington, Virginia, EUA Comunidade de Brasileiros Católicos

MISSA DO 2º DOMINGO DO TEMPO COMUM 19 de janeiro de Diocese de Arlington, Virginia, EUA Comunidade de Brasileiros Católicos MISSA DO 2º DOMINGO DO TEMPO COMUM 19 de janeiro de 2014 - Diocese de Arlington, Virginia, EUA Comunidade de Brasileiros Católicos O Senhor nos concede os seus bens. nos convida à sua mesa sentar e partilha

Leia mais

IMACULADA CONCEIÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA PADROEIRA DE MOÇAMBIQUE E PORTUGAL Solenidade

IMACULADA CONCEIÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA PADROEIRA DE MOÇAMBIQUE E PORTUGAL Solenidade IMACULADA CONCEIÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA PADROEIRA DE MOÇAMBIQUE E PORTUGAL Solenidade LEITURA I Gen 3, 9-15.20 «Estabelecerei inimizade entre a tua descendência e a descendência dela» Leitura do Livro

Leia mais

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português 1º Ano Paroquial e CNE Escutismo Católico Português JESUS GOSTA DE MIM Proporcionar às crianças um bom acolhimento eclesial, pelos catequistas e por toda a comunidade cristã (cf CT 16 e 24). Ajudá-las

Leia mais

Festa do Pai-Nosso Solenidade da Ascensão do Senhor. 10h00-11h30

Festa do Pai-Nosso Solenidade da Ascensão do Senhor. 10h00-11h30 Festa do Pai-Nosso 2009 Solenidade da Ascensão do Senhor 10h00-11h30 Tal como um pai trata cada um dos seus filhos, também a cada um de vós, encorajámos e advertimos a caminhar de maneira digna de Deus,

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 1 de novembro de 2014 TODOS OS SANTOS SOLENIDADE Cor Litúrgica: Branca

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 1 de novembro de 2014 TODOS OS SANTOS SOLENIDADE Cor Litúrgica: Branca O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 1 de novembro de 2014 TODOS OS SANTOS SOLENIDADE Cor Litúrgica: Branca INTRODUÇÃO Com.: Meus irmãos, a Liturgia da Solenidade

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quarta-feira da 5ª Semana da Quaresma Ó Deus de

Leia mais

Missa da Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de junho de 2013 11º Domingo do Tempo Comum Diocese de Arlington, Virginia, EUA

Missa da Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de junho de 2013 11º Domingo do Tempo Comum Diocese de Arlington, Virginia, EUA Missa da Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de junho de 2013 11º Domingo do Tempo Comum Diocese de Arlington, Virginia, EUA Teus pecados estão perdoados Saudação P. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito

Leia mais

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos.

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos. Nas quintas-feiras do mês de Maio, decorreram na Igreja de Oliveira de Azemeis, encontros de formação litúrgica, organizados pela vigararia sul da Diocese do Porto e orientados pelo P. Frei Bernardino

Leia mais

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20.

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Objetivo do encontro: Despertar amor a Eucaristia e a participação da santa missa, onde o sacramento é oferecido. Texto: Ë o sacramento pelo qual participamos,

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

Ano C n o de janeiro de o Domingo do Tempo Comum

Ano C n o de janeiro de o Domingo do Tempo Comum Ano C n o 12 17 de janeiro de 2016 2 o Domingo do Tempo Comum Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 12 17 de janeiro de 2016 2 o Domingo do Tempo Comum Ritos Iniciais 1. Canto de Entrada (De

Leia mais

DOMINGO VI DA PÁSCOA

DOMINGO VI DA PÁSCOA 237 DOMINGO VI DA PÁSCOA LEITURA I Actos 10, 25-26.34-35.44-48 «O Espírito Santo difundia-se também sobre os pagãos» Leitura dos Actos dos Apóstolos Naqueles dias, Pedro chegou a casa de Cornélio. Este

Leia mais

«Vai, profeta, ao meu povo»

«Vai, profeta, ao meu povo» Perdão, Senhor. «Vai, profeta, ao meu povo» Leitura da Profecia de Amós Amós 7, 12-15 Naqueles dias, Amasias, sacerdote de Betel, disse a Amós: «Vai-te daqui, vidente. Foge para a terra de Judá. Aí ganharás

Leia mais

MISSA DO 6º DOMINGO DO TEMPO COMUM Diocese de Arlington, Virginia, EUA - Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de fevereiro de 2014 Ano A

MISSA DO 6º DOMINGO DO TEMPO COMUM Diocese de Arlington, Virginia, EUA - Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de fevereiro de 2014 Ano A MISSA DO 6º DOMINGO DO TEMPO COMUM Diocese de Arlington, Virginia, EUA - Comunidade de Brasileiros Católicos 16 de fevereiro de 2014 Ano A Ponho a minha confiança no Senhor Da esperança sou chamado a ser

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVII - Brasília, 8 de julho de 2012 - Nº 37 DÉCIMO QUARTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde INTRODUÇÃO Com.: Irmãos amados, a Liturgia

Leia mais

A Liturgia como comunicação do Amor de Deus

A Liturgia como comunicação do Amor de Deus A Liturgia como comunicação do Amor de Deus A Liturgia - O Que é a Liturgia - Quem se comunica pela Liturgia. Como comunicação do amor de Deus - Como se deu essa comunicação de Amor. - Como ela se realiza.

Leia mais

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html.

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html. Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas ocantinhodasao.com.pt/public_html 12 Ano B ocantinhodasao.com.pt/public_html 1 RITOS INICIAIS Hoje,

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

NO PERDÃO DOS PECADOS

NO PERDÃO DOS PECADOS CREMOS IEADEM NO PERDÃO DOS PECADOS, NA SALVAÇÃO PRESENTE E PERFEITA E NA ETERNA JUSTIFICAÇÃO DA ALMA RECEBIDOS GRATUITAMENTE DE DEUS PELA FÉ NO SACRIFÍCIO EFETUADO POR JESUS CRISTO EM NOSSO FAVOR (AT

Leia mais

Nº 47 VIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C MÊS DA BÍBLIA

Nº 47 VIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C MÊS DA BÍBLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano LI - Brasília, 04 de setembro de 2016 - Nº 47 VIGÉSIMO TERCEIRO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA MISERICÓRDIA ANO C MÊS DA BÍBLIA Cor litúrgica:

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 29 de setembro de 2013 - Nº 50 VIGÉSIMO SEXTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor litúrgica: Verde 1 INTRODUÇÃO - Com.: Meus irmãos,

Leia mais

Missa do Dia. «Todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus»

Missa do Dia. «Todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus» 80 TEMPO DO NATAL Missa do Dia LEITURA I Is 52, 7-10 «Todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus» Leitura do Livro de Isaías Como são belos sobre os montes os pés do mensageiro que anuncia

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 28 de Abril de 2013 - Nº 28 QUINTO DOMINGO DA PÁSCOA ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco 1 INTRODUÇÃO Com.: Meus irmãos, sejam

Leia mais