Especificação de Processo Carga do DW

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Especificação de Processo Carga do DW"

Transcrição

1 Especificação de Processo Carga do DW Versão 1.0 F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc

2 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 21/05/ Elaboração do processo de carga do DW Mônica Ramos 14/08/ Descrição das atividades Fabiana Ruas 22/08/ Descrição das atividades Fabiana Ruas F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc

3 Sumário 1. Introdução Tabela de Stakeholders Diagrama de Contexto Diagrama de Atividades Tabela de Atividades Tabela de Atividades - Detalhamento da atividade Corrige Erro ou Exceção não tabelada Tabela de Mapeamento de papéis para Pessoas/Unidades Tabela de Papéis e Competências...15 F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc

4 1. INTRODUÇÃO O objetivo deste documento é definir as diretrizes que devem ser seguidas para o processo de Carga do DW, bem como explicitar os instrumentos a serem utilizados no processo. 2. TABELA DE STAKEHOLDERS Stakeholders Executores Servidores do Sedin Gestor do Processo Fabiana Ruas Vieira Araújo Pessoas de Referência Fabiana Ruas Vieira Araújo Nomes de Pessoas 3. DIAGRAMA DE CONTEXTO Manual de execução de carga do DW Carga do DW Carga de DW executada F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 4 de 15

5 4. DIAGRAMA DE ATIVIDADES Diagrama do processo de execução da carga Não Solicita execução da carga Execução automática da carga? Sim Dispara a execução da carga Corrige exceção tabelada Sim Sim Monitora a execuçã o da carga Houve Sim exceção*? Exceção é tabelada? Continua correção? É necessária nova execução da carga? Não Verifica o sucesso da execução da carga Não Corrige erro ou exceção não tabelada Informa ocorrência de erro Sim Houve erro**? Não Não Encerra a e xe cução da carga *Exceção: execução da carga foi abortada pelo OWB. Informa ocorrên cia de exceção não tabelada **Erro: dados carregados incorretamente. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 5 de 15

6 5. TABELA DE ATIVIDADES Solicita execução da carga A solicitação de execução de carga tem como objetivo disparar o processo de execução da carga. de solicitação de execução da carga Implementador de ETL << Norma de execução de carga (restrições, tabela de erros,...) >> Enviar para o SEDIN e arrastar o e- mail para a pasta Sinergia/ Pendentes. Informar no Servidor (DWPROD, DWACEI, DWDESE) que deve ser carregado; Fluxo que deve ser disparado; Horário de início da execução. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 6 de 15

7 Dispara a execução da carga A execução da carga obedece os seguintes os passos: Se estiver iniciando uma carga completa: Loga no servidor (DWPROD ou DWACEI), de acordo com a solicitação; Agenda a execução na opção Tarefas Agendadas do Windows (carga_stage; dim; fato) nos horários estipulados no ; Inicia o serviço CargaSniffer. Se apenas um fluxo/mapeamento será disparado: Abre a ferramenta OWB; Acessa o gerenciador de disponibilização; e, Dispara o fluxo/mapeamento. de solicitação de execução da carga Gestor de configuração e ambiente Depois de iniciada a execução da carga, arrastar o de Solicitação de execução da carga da pasta Sinergia/ Pendentes para a pasta Sinergia/Execução da Carga/Resolvidos. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 7 de 15

8 Monitora a execução da carga O monitoramento da execução da carga, feito a partir do AuditBrowser, tem como objetivo acompanhar as rotinas de carga, enquanto estão sendo executadas no OWB, de forma a atuar tempestivamente na ocorrência de algum evento inesperado no procedimento. de Conclusão da execução da carga Gestor de configuração e ambiente O gestor de configuração e mudança é responsável pelo monitoramento da execução da carga, que pode durar até 30h. Na ocorrência de algum erro, cabe a ele identificar quem deve participar da correção, respeitando o estabelecido na norma de execução. Ao final da execução da carga, enviar e- mail de Conclusão da execução da carga para o SEDIN e arrastar o para a pasta Sinergia/Execução da Carga/Resolvidos. Este informa o horário de conclusão da execução da carga e a localização do arquivo de Log. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 8 de 15

9 Corrige exceção tabelada Ao ocorrer uma exceção durante a execução da carga, o Gestor de Configuração e Ambiente deve corrigi-la, se a exceção estiver na Tabela de Exceções. de Exceção tabelada na execução da carga Gestor de configuração e ambiente Tabela de Exceções 1 Depois de corrigir a exceção, a carga deve ser novamente iniciada, seguindo o procedimento na Tabela de Exceções Enviar por para o SEDIN as exceções ocorridas e as providências tomadas para corrigir, e arrastar o para a pasta Sinergia/Execução da Carga/Resolvidos. Complementar a Tabela de Exceções, caso a mesma não esteja descrita ou bem detalhada. Informa ocorrência de exceção não tabelada Ao ocorrer uma exceção que não está descrita na Tabela de Exceções durante a execução da carga, o Gestor de configuração e ambiente deve acionar o Implementador de ETL. de Exceção não tabelada na execução da carga Arquivo de Log Gestor de configuração e ambiente Implementador de ETL Para acionar o Implementador: Ligar para o número de celular indicado; Informar através de para o SEDIN a exceção ocorrida e indicar a localização do arquivo de Log. Arrastar o para a pasta Sinergia/ Pendentes. 1 Documento a ser criado. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 9 de 15

10 Verifica o sucesso da execução da carga A verificação do sucesso da carga é feita ao final do processo de execução, a partir de uma análise dos dados carregados. Este procedimento busca identificar possíveis falhas no conjunto de dados gerados. As verificações a serem feitas serão encontradas no Manual de carga de DW do sistema em questão. Gestor do projeto Analista de Requisitos Manual de carga de DW do sistema em questão Informa ocorrência de erro Semanalmente, sempre até terça-feira, é necessário enviar para lista de usuários informando sobre o sucesso ou insucesso da execução da carga. Lista de usuários do sistema de Insucesso de execução da carga Gestor do projeto Usuários envolvidos No caso de insucesso, é enviado Informativo de Insucesso da Carga, que deve conter nova previsão. Além disso, o implementador de ETL é acionado para corrigir o erro detectado. Encerra a execução da carga Após a verificação do sucesso de execução da carga, o Gestor de Projeto envia de Sucesso de Execução da Carga para a lista de usuários de Sucesso de Execução da Carga Gestor do Projeto Usuários envolvidos Todos os s enviados devem ser arrastados para a pasta Sinergia/Informação Semanal. Os s respondidos também devem ser arrastados para esta pasta. Lembrar de desmarcar a opção de confirmação de leitura antes de enviar o e- mail. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 10 de 15

11 Corrige erro ou exceção não tabelada O implementador de ETL é responsável por corrigir o erro e exceções não tabeladas, adotando um dos seguintes procedimentos: 1. alteração do mapeamento/fluxo; ou, 2. execução de stored procedure. Arquivo de Log Implementador de ETL 5.1. Tabela de Atividades - Detalhamento da atividade Corrige Erro ou Exceção não tabelada Erro nos dados carregados Qual o tipo de erro? Erro no mapeamento/fluxo Solicita execução Stored Procedure (from State/Activity Model) Solicita alteração do Mapeamento ou Fluxo (from State/A ctivity Model) Executa Stored Procedure Altera mapeamento/fluxo F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 11 de 15

12 Solicita execução de Stored Procedure A solicitação de execução de Stored Procedure tem como objetivo reparar falhas detectadas na carga dos dados. Enviar para o SEDIN e arrastar o e- mail para a pasta Sinergia/ Pendentes. de Solicitação de execução de Stored Procedure Implementador de ETL Informar no Servidor (DWPROD, DWACEI, DWDESE) no qual será executada a Stored Procedure; Stored Procedure que deve ser executada; Horário de início da execução. Executa Stored Procedure A execução de stored procedure obedece os seguintes os passos: Loga no servidor (DWPROD ou DWACEI), de acordo com a solicitação; de Solicitação de execução de Stored Procedure de Erro na Execução Gestor de configuração e ambiente Executa a Stored Procedure. Depois de iniciada a execução da stored procedure, arrastar o de Solicitação de execução de stored procedure da pasta Sinergia/ Pendentes para a pasta Sinergia/Execução de Stored Procedure/Resolvidos. Se ocorrer algum erro durante a execução do procedimento, enviar um para Sedin indicando o erro. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 12 de 15

13 Solicita alteração do mapeamento ou fluxo A solicitação de alteração de mapeamento ou fluxo tem como objetivo reparar falhas detectadas na implementação destes objetos. Para enviar os objetos alterados, o Implementador de ETL deve exportar o(s) objeto(s) para um arquivo.mdl e gravar o arquivo no caminho:???. de Solicitação de alteração de mapeamento ou fluxo Implementador de ETL Enviar para o SEDIN e arrastar o e- mail para a pasta Sinergia/ Pendentes. Informar no Servidor (DWPROD, DWACEI) onde o objeto será importado; Nome do arquivo.mdl e o caminho onde se encontra; Objetos que serão importados e o local onde cada um será disponibilizado; Opções de importação no OWB. F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 13 de 15

14 Altera mapeamento ou fluxo A alteração de mapeamento ou fluxo obedece os seguintes os passos: O objeto só deve ser alterado no DWPROD se já tiver sido alterado no DWACEI. Loga no servidor (DWPROD ou DWACEI), de acordo com a solicitação; Importa o arquivo indicado no observando as opções indicadas; Se a operação de importação for concluída com êxito, disponibiliza os objetos. de Solicitação de alteração de mapeamento ou fluxo de Erro na Alteração Gestor de configuração e ambiente Depois de alterado objeto, arrastar o de Solicitação de alteração de mapeamento ou fluxo da pasta Sinergia/ Pendentes para a pasta Sinergia/Alteração de mapeamento ou fluxo/resolvidos. Se ocorrer algum erro durante a execução do procedimento, enviar um para Sedin indicando o erro. 6. TABELA DE MAPEAMENTO DE PAPÉIS PARA PESSOAS/UNIDADES Papéis Gestor de configuração e ambiente Implementador de ETL Gestor do projeto Gilberto Nogueira / Fabiana Ruas Renato Maia / Marcelo Jacob Fabiana Ruas Pessoas/Unidades F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 14 de 15

15 7. TABELA DE PAPÉIS E COMPETÊNCIAS Papéis Gestor de configuração e ambiente Implementador de ETL Gestor do projeto A definir Implementação de ETL A definir Competências F:\SEINF\Sequap\Processos de Trabalho\Carga do DW\Carga do DW - v3.doc Página 15 de 15

Manual de Instalação e Configuração. Módulo Remote. (G2KA) para NFSE. v1.0

Manual de Instalação e Configuração. Módulo Remote. (G2KA) para NFSE. v1.0 Manual de Instalação e Configuração Módulo Remote (G2KA) para NFSE v1.0 Página 1 Sumário 1 Download e Instalação... 3 2 Configuração... 5 3 Inicialização Manual... 8 4 Inicialização via serviço do Windows...

Leia mais

Gerência de Operações

Gerência de Operações Gerência de Operações Versão Manual Solicitação de Atendimento Chat e Conexão Remota Índice 1. Solicitação de Atendimento Login... 3 2. Início do Chat.... 4 3. Conexão Remota... 7 4. Download....

Leia mais

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013

Relatório Gerencial. Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 2013 Relatório Gerencial Coordenação de Tecnologia da Informação e Comunicação FUNDEPAG 17/01/2013 Sumário 1. Objetivo... 4 2. Seleção dos registros... 4 2.1 Seleção dos executores... 4 2.2 Parâmetros...

Leia mais

PROCEDIMENTO DE ATENDIMENTO

PROCEDIMENTO DE ATENDIMENTO Autor: Renato Carneiro Junior CEO http://www.inovit.com.br renato@inovit.com.br +55 713497-0085 8802-0529 8101-7002 PROCEDIMENTO DE ATENDIMENTO 1. OBJETIVO Descrever o modelo de atendimento da INOVIT 2.

Leia mais

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes FAQ Erros, e dúvidas frequentes Sumário ERROS CONHECIDOS... 2 1. Botões desabilitados ou Congelados... 2 Resolução 2... 2 2. Erro de cadastro... 3 3. Célula com o campo #VALOR... 3 4. Erro em tempo de

Leia mais

Configurações de Registro no CRM para NCP

Configurações de Registro no CRM para NCP A fim de facilitar a identificação dos registros de atendimentos no CRM para solicitações de correções, customizações e solicitações ao Núcleo de Controle de Produtos, serão adotadas as seguintes regras:

Leia mais

MODULO DE GESTÃO MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo.

MODULO DE GESTÃO MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo. MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA 1. Informações Gerais. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo. O item do menu Manutenção de Matrícula tem por objetivo manter

Leia mais

Especificação de Processo Desenvolvimento de DW

Especificação de Processo Desenvolvimento de DW Especificação de Processo Desenvolvimento de DW Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Tabela de Stakeholders... 3 3. Diagrama de Contexto... 4 4. Ciclo de Vida... 4 4.1. Iniciação... 4 4.2. Elaboração...

Leia mais

MANUAL DO AGENTE VERSÃO 001. Versão 001. Copyright - Todos os direitos reservados

MANUAL DO AGENTE VERSÃO 001. Versão 001. Copyright - Todos os direitos reservados MANUAL DO AGENTE VERSÃO 001 Versão 001 MOEBIUS ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. PROCEDIMENTO PARA AUMENTO DA PERFORMANCE...4 3. ACESSO AO SISTEMA...5 4. PALAVRAS CHAVE...6 5. PAGINA INICIAL...7 6. STATUS DO

Leia mais

MODULO DE GESTÃO MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo.

MODULO DE GESTÃO MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo. MANUTENÇÃO DE MATRÍCULA 1. Informações Gerais. O módulo de Gestão tem por objetivo gerenciar as atividades que ocorrem durante um ano letivo. O item do menu Manutenção de Matrícula tem por objetivo manter

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 2. Tela Inicial... 2 3. Abrindo uma nova Solicitação... 3 4. Acompanhando as solicitações abertas... 4 5. Exibindo Detalhes da Solicitação... 6 6.

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-012-R00 GESTÃO DE SISTEMAS DA SIA

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-012-R00 GESTÃO DE SISTEMAS DA SIA MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-012-R00 GESTÃO DE SISTEMAS DA SIA 10/2015 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 09 de outubro de 2015. Aprovado, Leandro Costa Pereira Crispim de Sousa Fabio Faizi Rahnemay

Leia mais

CRM MITIS GERAR SMP PELO ASSISTENTE

CRM MITIS GERAR SMP PELO ASSISTENTE CRM MITIS GERAR SMP PELO ASSISTENTE INFORMAÇÕES INICIAIS... 3 PÁGINA INICIAL-CADASTRO DE VISITAS... 3 AGENDA DE VISITAS JANELA PRINCIPAL... 3 CADASTRO DE VISITAS... 3 GERAR SMP PELO ASSISTENTE... 4 PREENCHIMENTO

Leia mais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais

Agendamento para Importação de Notas Fiscais LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO:

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: Sumário NA AGENDA COMO FAÇO PARA VER PACIENTES COM TRATAMENTO EM ABERTO MAIS SEM AGENDAMENTO?... 2 COMO FAÇO PARA PROCURAR UM PACIENTE E IMPRIMIR

Leia mais

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Histórico de Revisões Data Versão Descrição 30/04/2010 1.0 Versão Inicial 2 Sumário 1. Introdução... 5 2. Público-alvo... 5 3. Conceitos básicos...

Leia mais

Documento de Especificação de Casos de Uso ERP do PECE Módulo Estratégico

Documento de Especificação de Casos de Uso ERP do PECE Módulo Estratégico Documento de Especificação de Casos de Uso ERP do PECE Módulo Estratégico Autores: Celso Vital Crivelaro Diego Casarin Fernando Alves Rodrigo Rodrigues da Silva Revisor: Rodrigo Rodrigues da Silva Data

Leia mais

Especificação de Processo

Especificação de Processo TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO Realização de Videoconferências Especificação de Processo Realização de Videoconferências Versão 1.0 \\_sarq_prod\unidades\seinf\sequap\processos de Trabalho\Realização de Videoconferências\Realização

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

UC05 Manter Páginas. Diplomata CADASTRO. Versão 1.0

UC05 Manter Páginas. Diplomata CADASTRO. Versão 1.0 UC05 Manter Páginas Versão.0 Página / 0 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor.0 Criação do documento. Eduardo Gomes de Souza Página 3 / 0 SUMÁRIO. FINALIDADE... 4. REFERÊNCIAS... 4 3. GLOSSÁRIO...

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PRORROGAÇÃO DO PERÍODO DE CAPTAÇÃO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 26/03/2013 1.0 Criação do documento Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE

Leia mais

Sumário do Plano de Testes

Sumário do Plano de Testes ICOL Versão 12.1 Plano de Testes Sumário do Plano de Testes 1. Escopo...2 2. Implementações...2 CR3085 Restrição de Ambientes...3 CR3091 Restrição de Intervalos...9 CR3096 Períodos...10 CR3111 Curvas Histórico...11

Leia mais

OBJETIVO MATERIAIS NECESSÁRIOS DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES

OBJETIVO MATERIAIS NECESSÁRIOS DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO Padrão N : 7.3 Estabelecido em: 28/06/2011 Revisado em: 28/06/2011 N da Revisão: 00 Setor: NCP (Núcleo de Controle de Produtos) Tarefa: Padronização de procedimentos internos

Leia mais

Elaborado por Marcos Matos Revisado por C. Douglas de Souza e Carina Gonçalves Aprovado por Paulo Bernardi

Elaborado por Marcos Matos Revisado por C. Douglas de Souza e Carina Gonçalves Aprovado por Paulo Bernardi Elaborado por Marcos Matos Revisado por C. Douglas de Souza e Carina Gonçalves Aprovado por Paulo Bernardi Sumário INTRODUÇÃO... 3 1.1. SOBRE O GUIA... 3 2. PRÉ-REQUISITO... 3 2.1. PREMISSAS DE FUNCIONAMENTO...

Leia mais

Processo de Envio de email

Processo de Envio de email Processo de Envio de email Introdução O envio de documentos de forma eletrônica vem sendo muito utilizado, assim o envio de arquivos, relatórios, avisos, informações é realizado via e-mail. O sistema disponibiliza

Leia mais

Manual do SINASC Módulo SISNET MANUAL SISNET. Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1

Manual do SINASC Módulo SISNET MANUAL SISNET. Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 MANUAL SISNET Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo SISNET Capitulo 01 - Introdução O SISNET efetua a transferência dos dados existentes nos sistemas locais para o nível superior

Leia mais

Manual Comunica S_Line

Manual Comunica S_Line 1 Introdução O permite a comunicação de Arquivos padrão texto entre diferentes pontos, com segurança (dados criptografados e com autenticação) e rastreabilidade, isto é, um CLIENTE pode receber e enviar

Leia mais

Guia Rápido Primeiros Passos Pós-Instalação Sistema Móvel 1/13

Guia Rápido Primeiros Passos Pós-Instalação Sistema Móvel 1/13 Guia Rápido Primeiros Passos Pós-Instalação Sistema Móvel 1/13 ÍNDICE INTRODUÇÃO...2 FERRAMENTAS DE CONTROLE NO SGI...2 PERMISSÕES SISTEMA MÓVEL X SGI...3 COMUNICAÇÃO DO SISTEMA MÓVEL COM O SGI...4 SUPORTE

Leia mais

Monitoramento de Sistemas P05.002

Monitoramento de Sistemas P05.002 1. IDENTIFICAÇÃO Padrão Segmento Código P05.002 Revisão v. 2014 2. PUBLICAÇÃO Sistemas Arquitetura de Soluções Versão Data para adoção Publicação v. 2014 29 de dezembro de 2014 PORTARIA N Nº 228 de 23

Leia mais

Estatísticas e Relatórios. Treinamento OTRS Help Desk

Estatísticas e Relatórios. Treinamento OTRS Help Desk Estatísticas e Relatórios Treinamento OTRS Help Desk Sumário Estatística... 3 Visão Geral... 3 Gerando Relatórios... 4 Criação de Relatórios...5 Lista de Chamado... 7 Acumulação de Chamados...10 Tempo

Leia mais

Procedimentos para configurar o Motion Detection no D-ViewCam 1 Para configurar o Motion Detection no D-ViewCam, é necessário que a câmera IP esteja

Procedimentos para configurar o Motion Detection no D-ViewCam 1 Para configurar o Motion Detection no D-ViewCam, é necessário que a câmera IP esteja Procedimentos para configurar o Motion Detection no D-ViewCam 1 Para configurar o Motion Detection no D-ViewCam, é necessário que a câmera IP esteja conectada ao software (D-ViewCam). 1 2 Abra o D-ViewCam

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

Release Notes Julho/2014

Release Notes Julho/2014 Julho/2014 Título do documento Saúde e Segurança do Trabalho (11.8.0.11) Copyright 2009 TOTVS. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste documento pode ser copiada, reproduzida, traduzida ou transmitida

Leia mais

INFOGAB 3.0. Sistema de Automação de Gabinetes. Manual do Usuário V 2.1

INFOGAB 3.0. Sistema de Automação de Gabinetes. Manual do Usuário V 2.1 INFOGAB 3.0 Sistema de Automação de Gabinetes Manual do Usuário V 2.1 1. Descrição do Sistema O Sistema de Automação de Gabinetes da Câmara dos Deputados (Infogab) tem por finalidade apoiar as atividades

Leia mais

Esta ferramenta existe para garantir a sua comodidade, agilidade e satisfação.

Esta ferramenta existe para garantir a sua comodidade, agilidade e satisfação. Manual utilização Sistema Gerenciador de Suporte à Cliente http://www.dominioatendimento.com Principais Benefícios e Vantagens: Esta ferramenta existe para garantir a sua comodidade, agilidade e satisfação.

Leia mais

Manual do Processo de Faturamento

Manual do Processo de Faturamento Manual do Processo de Faturamento Apresentação MV Sumário Processo de Faturamento 6 Leia-me primeiro... 6 Faturamento de... Convênios e Particular 8 Faturamento de Convênios... 8 Protocolar Documentação...

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

SAD Gestor Gerenciador de Backup

SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gestor Gerenciador de Backup treinamento@worksoft.inf.br SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gerenciador de Backup Esse aplicativo foi desenvolvido para realizar cópias compactadas de bancos de dados

Leia mais

Malote Digital. Manual do usuário

Malote Digital. Manual do usuário Malote Digital Manual do usuário Brasília, Novembro de 2014 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 03/10/2011 1.4.1 Elaboração do Documento Rodrigo Antunes 01/07/2013 1.8.0.0 Atualização do Documento

Leia mais

gsd - Service Desk Manual do Usuário versão 1

gsd - Service Desk Manual do Usuário versão 1 gsd - Service Desk Manual do Usuário versão 1 Sumário Introdução 1 Conceitos iniciais 2 Perfis de utilização 2 Parametrização do aplicativo - configuração 2 Prazo de atendimento 2 Prazo de conclusão 3

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-015-R00

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-015-R00 MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-015-R00 PLANEJAMENTO E ACOMPANHAMENTO DO ORÇAMENTO DA SIA 07/2013 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 Brasília, 29 de julho de 2013. Aprovado, Fabio Faizi Rahnemay Rabbani

Leia mais

ROTEIRO DE INSTALAÇÃO

ROTEIRO DE INSTALAÇÃO ROTEIRO DE INSTALAÇÃO O objetivo deste roteiro é descrever os passos para a instalação do sistema UNICO, afim, de auxiliar os técnicos e evitar possíveis dúvidas e erros de instalação. Instalador O instalador

Leia mais

CONFIGURAÇÕES PARA ENVIO DE ARQUIVO XML E PDF POR E-MAIL

CONFIGURAÇÕES PARA ENVIO DE ARQUIVO XML E PDF POR E-MAIL Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Cadastrar e-mail do cliente... 4 3. Configurar Servidor NF-e... 8 4. Enviar DANF-e em XML e PDF... 11 5. Validar dados do configurador de e-mail...

Leia mais

TRANSMISSOR ECF. Sistema de transmissão de arquivos Nota Fiscal Paulista. Manual de Utilização

TRANSMISSOR ECF. Sistema de transmissão de arquivos Nota Fiscal Paulista. Manual de Utilização TRANSMISSOR ECF Sistema de transmissão de arquivos Nota Fiscal Paulista Manual de Utilização 1. Histórico de alterações Data Versão Alteração 04/12/2012 1 Criação do documento 28/02/2013 2 Revisão 2. Proposta

Leia mais

Equipe de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Comunicador Processo de Comunicação Entre Filiais Matriz/Filial Filial/Matriz

Equipe de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Comunicador Processo de Comunicação Entre Filiais Matriz/Filial Filial/Matriz Equipe de Treinamentos BIG SISTEMAS Certificação em Comunicador Processo de Comunicação Entre Filiais Matriz/Filial Filial/Matriz Sumário Certificação em Comunicador Índice de Figuras... 3 Histórico de

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico

Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico Treinamento GVcollege Módulo Acadêmico - Pedagógico 2015 GVDASA Sistemas Pedagógico 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações

Leia mais

DISSEMINAÇÃO DE CONHECIMENTO FERRAMENTA BIZAGI

DISSEMINAÇÃO DE CONHECIMENTO FERRAMENTA BIZAGI DISSEMINAÇÃO DE CONHECIMENTO FERRAMENTA BIZAGI Harley Caixeta Seixas Márcia Lúcia Borges de Melo Gomes Roberta A. de Mello Bezerra Silvana Dias Soares FERRAMENTA BIZAGI BPMN Business Process Modeling Notation

Leia mais

Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4. Agenda Online... 10. Reservas de Salas... 26. Tarefas... 42

Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4. Agenda Online... 10. Reservas de Salas... 26. Tarefas... 42 Sumário: Fluxo Operacional... 3 Contatos... 4 Passo a passo para visualização de contatos... 5 Passo a passo para filtragem da lista de contatos... 6 Como ordenar a lista de contatos... 7 Como gerar uma

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE

GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE GIAE VERSÃO 2.1.1 28 JUNHO DE 2011 MUITO IMPORTANTE Devido a um bug detectado no motor da base de dados, situação agora corrigida pelo fabricante, esta nova actualização do GIAE é disponibilizada numa

Leia mais

Utilização do sistema de transcrição de notas fiscais de serviços

Utilização do sistema de transcrição de notas fiscais de serviços Utilização do sistema de transcrição de notas fiscais de serviços Departamento de Logística Integrada Versão 1.0 novembro/2008 Utilização do sistema de transcrição de notas fiscais de serviços. Preferencialmente

Leia mais

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved.

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved. b 1 Conteúdo Capítulo 1... 3 Instalando o Neonews... 3 Neonews no Linux... 6 Capítulo 2... 7 Configurando o NeoNews... 7 Capítulo 3... 13 Teclas de Atalho do NeoNews Player... 13 2 Capítulo 1 Instalando

Leia mais

Backup do Banco de Dados Oracle

Backup do Banco de Dados Oracle Banco de Dados Oracle: Backup do Banco de Dados Oracle Oracle é um sistema de banco de dados que surgiu no final dos anos 70, quando Larry Ellison vislumbrou uma oportunidade que outras companhias não

Leia mais

Treinamento Auditor Fiscal. Instrutor: Jaime Naves Gestora: Adriana Nunes

Treinamento Auditor Fiscal. Instrutor: Jaime Naves Gestora: Adriana Nunes Treinamento Auditor Fiscal Instrutor: Jaime Naves Gestora: Adriana Nunes Conceito: O Auditor Fiscal WEB é uma solução que permite a usuários de qualquer segmento empresarial realizar auditorias sobre os

Leia mais

Novidades do AVG 2013

Novidades do AVG 2013 Novidades do AVG 2013 Conteúdo Licenciamento Instalação Verificação Componentes Outras características Treinamento AVG 2 Licenciamento Instalação Verificação Componentes do AVG Outras características Treinamento

Leia mais

HMR Marketing Receptivo. 12.1.x. abril de 2015. Versão: 2.0

HMR Marketing Receptivo. 12.1.x. abril de 2015. Versão: 2.0 HMR Marketing Receptivo 12.1.x abril de 2015 Versão: 2.0 1 Sumário 1 Objetivo... 3 2 Papéis e Usuários... 3 3 Fluxo Geral do HMR... 6 4 Manter Parâmetros Marketing Receptivo... 7 5 Manter Categoria de

Leia mais

Curso de Licenciatura em Informática

Curso de Licenciatura em Informática Curso de Licenciatura em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIOS SOBRE MODELAGEM DE CASOS DE USO Exercício 1: construa um Diagrama de Casos de

Leia mais

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR;

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Vid8 Servidor Versão 8.13.0411 Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Versão 8.12.0311 Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Versão 8.11.0311 Correção

Leia mais

Recursos do Outlook Web Access

Recursos do Outlook Web Access Recursos do Outlook Web Access Este material foi criado pela Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação (SETIC) do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região. Seu intuito é apresentar algumas

Leia mais

GUIA BACKUP E RESTAURAÇÃO - SLIM

GUIA BACKUP E RESTAURAÇÃO - SLIM GUIA BACKUP E RESTAURAÇÃO - SLIM ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo...3 2. Backup...3 3. Restauração do Backup...5 Página 2 de 10 1. Objetivo Este guia tem como objetivo orientar sobre como realizar o backup

Leia mais

ETEC Campo Limpo AULA 07. 1. Interpretando informações do UTILITÁRIO DE CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA

ETEC Campo Limpo AULA 07. 1. Interpretando informações do UTILITÁRIO DE CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA AULA 07 1. Interpretando informações do UTILITÁRIO DE CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA O Utilitário de configuração do sistema, o famoso "msconfig" está disponível nas versões recentes do Windows. Para abrir o

Leia mais

FUNDAÇÃO DE MEDICINA TROPICAL DOUTOR HEITOR VIEIRA DOURADO (FMT-HVD) DEPARTAMENTO DE PESQUISA

FUNDAÇÃO DE MEDICINA TROPICAL DOUTOR HEITOR VIEIRA DOURADO (FMT-HVD) DEPARTAMENTO DE PESQUISA 2012 / 2013 FUNDAÇÃO DE MEDICINA TROPICAL DOUTOR HEITOR VIEIRA DOURADO (FMT-HVD) DEPARTAMENTO DE PESQUISA PAIC PROGRAMA DE APOIO A INICIAÇÃO CIENTÍFICA (2015/2016) GUIA DO USUÁRIO Versão web 1.1 Abril

Leia mais

Cenários do CEL. Acessar ao sistema

Cenários do CEL. Acessar ao sistema Cenários do CEL Acessar ao sistema Permitir que o usuário acesse ao Sistema de Léxicos e Cenários nas seguintes condições: logando-se, quando já estiver cadastrado; ou incluindo usuário independente, quando

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-201-R02

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-201-R02 MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SIA-201-R02 ANÁLISE DE SOLICITAÇÕES DE HOTRAN 02/2014 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 Brasília, 28 de fevereiro de 2014. Aprovado, Fabio Faizi Rahnemay Rabbani 3 PÁGINA

Leia mais

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Índice Introdução ao Serviço de E-mail O que é um servidor de E-mail 3 Porque estamos migrando nosso serviço de correio eletrônico? 3 Vantagens de utilização

Leia mais

CIGAM MÓDULOS DE COMPRAS WEB EPROCUREMENT

CIGAM MÓDULOS DE COMPRAS WEB EPROCUREMENT CIGAM MÓDULOS DE COMPRAS WEB EPROCUREMENT MANUAL DE OPERAÇÃO Rev. 02.11 03/05/12 CRM - CIGAM - Compras web 1 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CIGAM DESKTOP Solicitação de Compra (SOC)... 4 2.1. Envio do pedido

Leia mais

GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES

GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES SUMÁRIO 1. PREENCHIMENTO DA PLANILHA DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS...3 1.1 Menu...3 1.2 Termo de Abertura...4 1.3 Plano do Projeto...5 1.4

Leia mais

Procedimentos para utilização de nova versão do Java e para correção do erro de acesso ao arquivo, em diferentes versões

Procedimentos para utilização de nova versão do Java e para correção do erro de acesso ao arquivo, em diferentes versões Procedimentos para utilização de nova versão do Java e para correção do erro de acesso ao arquivo, em diferentes versões Elaboração: NPROC/ TRF2 Revisão: SEATE/CAIP/SAJ Com a recente atualização da versão

Leia mais

Guia para envio de SMS e e-mail

Guia para envio de SMS e e-mail Guia para envio de SMS e e-mail Sumário 3 Fluxo para envio... de SMS 4 Fluxo para envio de e-mail... 15 2 3 Fluxo para envio de SMS O usuário deve seguir o seguinte fluxo para realizar o envio de SMS como

Leia mais

Corregedoria-Geral de Justiça. Serviço Notarial e de Registro. Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO

Corregedoria-Geral de Justiça. Serviço Notarial e de Registro. Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO Corregedoria-Geral de Justiça Serviço Notarial e de Registro Manual do Sistema SISNOR CARTÓRIO Atualizado em 29/04/2015 CONTEÚDO APRESENTAÇÃO... 4 CAPÍTULO 1 DOWNLOAD DO SISNOR CARTÓRIO... 5 CAPÍTULO 2

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-104-R00 FÉRIAS DOS SERVIDORES

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-104-R00 FÉRIAS DOS SERVIDORES MANUAL DE PROCEDIMENTOS MPR/SGP-104-R00 FÉRIAS DOS SERVIDORES 10/2015 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 02 de outubro de 2015. Aprovado, Antonia Valeria Martins Maciel 3 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO

Leia mais

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014 Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS Curitiba, Julho de 2014 Vamos à prática: Como abrir um chamado? Entre na ferramenta com seu login e senha de rede (a mesma que

Leia mais

Índice. http://www.gosoft.com.br/atualiza/gosoftsigadmservico.pdf Versão 4.0

Índice. http://www.gosoft.com.br/atualiza/gosoftsigadmservico.pdf Versão 4.0 Índice I ENVIO DE BOLETOS POR E-MAIL... 2 APRESENTAÇÃO... 2 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONDOMÍNIO... 4 ALTERAÇÕES NO SIGADM IMÓVEIS... 6 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONCILIAÇÃO BANCÁRIA... 8 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONDOMÍNIO

Leia mais

MANUAL DO ADMINISTRADOR

MANUAL DO ADMINISTRADOR WinShare Proxy admin MANUAL DO ADMINISTRADOR Instalação do WinShare Índice 1. Instalação 2. Licenciamento 3. Atribuindo uma senha de acesso ao sistema. 4. Configurações de rede 5. Configurações do SMTP

Leia mais

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras.

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras. MANUAL DO SISTEMA Introdução Apresentação Requisitos mínimos Instalação do programa Acessando o Secullum DVR Tela Principal Indicador de espaço em disco Disposição de telas Status de Gravação Usuário atual

Leia mais

2013 GVDASA Sistemas Release Notes GVcollege 3.6.7 1

2013 GVDASA Sistemas Release Notes GVcollege 3.6.7 1 2013 GVDASA Sistemas Release Notes GVcollege 3.6.7 1 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual da GVDASA Sistemas e toda a informação nele contida é confidencial. Nenhuma parte deste

Leia mais

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN Guia de Capacitação Concessão de Cotas Financeiras Versão 1.0 outubro 2012 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA INSTRUTOR: CARLOS ALBERTO PEREIRA LIMA COLABORADORES

Leia mais

INSTALAÇÃO DO AMBIENTE PRONIM DW

INSTALAÇÃO DO AMBIENTE PRONIM DW INSTALAÇÃO DO AMBIENTE PRONIM DW SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. INSTALAÇÃO E DESINSTALAÇÃO DA INSTÂNCIA SQL EXPRESS 2008 R2... 6 2.1. Instalação... 6 2.2. Desinstalação... 9 3. INSTALAÇÃO E DESINSTALAÇÃO

Leia mais

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades

TCEnet. Manual Técnico. Responsável Operacional das Entidades TCEnet Manual Técnico Responsável Operacional das Entidades 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Características... 3 3. Papéis dos Envolvidos... 3 4. Utilização do TCEnet... 4 4.1. Geração do e-tcenet... 4

Leia mais

Como usar Google Drive e Agenda

Como usar Google Drive e Agenda Como usar Google Drive e Agenda Login - Acessando o Google Drive Digite no Google: Google Drive Login e senha Clique Coloque seus dados Entrada Cria um novo documento, arquivo ou pasta Visualiza seus arquivos

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Serviços e Agendamento Sumário 1 SERVIÇOS NO LINX POSTOS AUTOSYSTEM...3 2 CRIAR SERVIÇO...3 2.1 Agendamento de Tarefas Windows...5 2.2 Criar Serviço e Agendar Tarefas no Ubuntu-LINUX...6

Leia mais

CATÁLOGO DE SERVIÇOS

CATÁLOGO DE SERVIÇOS Partner MASTER RESELLER CATÁLOGO DE SERVIÇOS SUPORTE TÉCNICO in1.com.br Explore Mundo! seu Conteúdo 1 - Objetivo 2 - Serviços prestados por meio do contrato de manutenção e suporte anual 2.1 - Primeira

Leia mais

Gerenciamento de Mudanças. Treinamento OTRS ITSM

Gerenciamento de Mudanças. Treinamento OTRS ITSM Gerenciamento de Mudanças Treinamento OTRS ITSM Sumário Introdução...3 Associando a Mudança à Requisições...4 Papéis...5 Construindo uma Mudança...6 Informações Gerais da Mudança...6 Definindo os Papéis

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Menu Configurações - Multi-Empresa Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Cadastrar Empresas... 3 3.2 Agendar Sincronização... 3 4 FUNCIONALIDADES...

Leia mais

Treinamento CRM-Mail

Treinamento CRM-Mail Treinamento CRM-Mail 1 - Acessando o CRM-Mail Para acessar o CRM primeiramente é necessário ter uma conexão com a internet. O link de acesso para o CRM é o desenvolvimento.correiomotors.com/crm O Usuário

Leia mais

MANUAL DO PVP SUMÁRIO

MANUAL DO PVP SUMÁRIO Manual PVP - Professores SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 6 2 ACESSANDO O PVP... 8 3 TELA PRINCIPAL... 10 3.1 USUÁRIO... 10 3.2 INICIAL/PARAR... 10 3.3 RELATÓRIO... 10 3.4 INSTITUIÇÕES... 11 3.5 CONFIGURAR... 11

Leia mais

Manual de uso PSIM Client 2010

Manual de uso PSIM Client 2010 MANUAL DE USO PSIM MESSENGER VERSÃO 2010 ÍNDICE Manual de uso PSIM Client 2010 INSTALAÇÃO...2 INSTALAÇÃO LOCAL...2 CONFIGURAÇÃO DE USUÁRIO NO PSIM CLIENT 2010...12 QUANDO O FUNCIONÁRIO JÁ ESTÁ CADASTRADO

Leia mais

MANUAL DO CONTRIBUINTE SISTEMA RICORD

MANUAL DO CONTRIBUINTE SISTEMA RICORD MANUAL DO CONTRIBUINTE SISTEMA RICORD Procedimentos do Importador para Reconhecimento de Recolhimentos - Importações por Conta e Ordem Decreto 56.045/10 Versão 14/10/2010 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Leia mais

Help Contabilização Rápida E&L Produções de Software

Help Contabilização Rápida E&L Produções de Software Help Contabilização Rápida Note: To change the product logo for your ow n print manual or PDF, click "Tools > Manual Designer" and modify the print manual template. Contents 5 Table of Contents Foreword

Leia mais

1. Instalação do Remessa Q Prof... 3. 2. Trabalhando com o Remessa Q Prof... 8. 3. Botão Opções e suas Funcionalidades... 8. 4. Aba Título...

1. Instalação do Remessa Q Prof... 3. 2. Trabalhando com o Remessa Q Prof... 8. 3. Botão Opções e suas Funcionalidades... 8. 4. Aba Título... SUMÁRIO 1. Instalação do Remessa Q Prof... 3 2. Trabalhando com o Remessa Q Prof... 8 3. Botão Opções e suas Funcionalidades... 8 4. Aba Título... 9 5. Aba Cheque... 21 5.2. Exemplo de CMC7... 24 6. Importação

Leia mais

Manual de Transferência de Arquivos

Manual de Transferência de Arquivos O Manual de Transferência de Arquivos apresenta a ferramenta WebEDI que será utilizada entre FGC/IMS e as Instituições Financeiras para troca de arquivos. Manual de Transferência de Arquivos WebEDI Versão

Leia mais

Manual de Administração

Manual de Administração Manual de Administração Produto: n-server Versão: 4.9 Versão do Doc.: 1.0 Autor: Glauber Luiz Dias Barbara Data: 22/07/2011 Aplica-se à: Clientes e Revendas Alterado por: Release Note: Detalhamento de

Leia mais

Configuração do Mac Mail para Exchange. Configuração do aplicativo Mail do Mac OS X para o novo sistema de e-mail da UTAD

Configuração do Mac Mail para Exchange. Configuração do aplicativo Mail do Mac OS X para o novo sistema de e-mail da UTAD Configuração do aplicativo Mail do Mac OS X para o novo sistema de e-mail da UTAD Equipa de Sistemas SIC UTAD Julho 2010 Índice de conteúdos Notas iniciais...1 Adicionar a conta...2 Informações Gerais...4

Leia mais

Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox)

Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox) Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox) Objetivo: Implantar um sistema de redundância e replicação de arquivos em dois servidores

Leia mais

Estabelecer critérios e procedimentos para o controle e o tratamento de produtos não conformes no âmbito da 1ª Vara Empresarial da Comarca da Capital.

Estabelecer critérios e procedimentos para o controle e o tratamento de produtos não conformes no âmbito da 1ª Vara Empresarial da Comarca da Capital. Proposto por: Equipe da Vara Empresarial Analisado por: RAS da Vara Empresarial Aprovado por: Juiz de Direito da Vara Empresarial 1 OBJETIVO Estabelecer critérios e procedimentos para o controle e o tratamento

Leia mais

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO CLIENTE DE E-MAIL: MICROSOFT OUTLOOK 2003

MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO CLIENTE DE E-MAIL: MICROSOFT OUTLOOK 2003 Universidade do Contestado UnC Campus Mafra/Rio Negrinho/Papanduva MANUAL PARA UTILIZAÇÃO DO CLIENTE DE E-MAIL: MICROSOFT OUTLOOK 2003 SUMÁRIO ENTENDENDO SUA TELA PRINCIPAL...3 Descrição da divisão da

Leia mais

Tipos de sistemas operacionais

Tipos de sistemas operacionais Tipos de sistemas operacionais Sistemas Operacionais de Computadores de Grande Porte Sistemas Operacionais para Servidores Sistemas Operacionais de Multiprocessadores Sistemas Operacionais para Computadores

Leia mais

Manual Ilustrado Marketing Receptivo - HMR

Manual Ilustrado Marketing Receptivo - HMR Manual Ilustrado Marketing Receptivo - HMR Agosto/2014 Índice Título do documento 1. Objetivo... 3 2. Papéis e Usuários... 3 3. Fluxo Geral do HMR... 5 4. Manter Parâmetros Marketing Receptivo... 5 5.

Leia mais

Casos de Uso. Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software

Casos de Uso. Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software Prof. Clayton Vieira Fraga Filho site: www.claytonfraga.pro.br e-mail: claytonfraga@gmail.com ENG10015 Engenharia de Software Um caso de uso descreve o que seu sistema faz para atingir determinado objetivo

Leia mais

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Versão 1.5 Histórico de revisões Revisão Data Descrição da alteração 1.0 18/09/2015 Criação deste manual 1.1 22/09/2015 Incluído novas

Leia mais