letraset Santa Catarina no centro de Design Nacional página 24 Games Online ganham cada dia mais força

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "letraset Santa Catarina no centro de Design Nacional página 24 Games Online ganham cada dia mais força"

Transcrição

1 letraset Revista digital do curso de Design Gráfico da Faculdade Satc - número 3 - nov/2014 Games Online ganham cada dia mais força página 8 Uma visão da educação do Design em Santa Catarina página 12 O Design Catarina na expansão da área no estado página 22 Santa Catarina no centro de Design Nacional página 24

2 EXPEDIENTE Diretor Faculdade Carlos Antônio Ferreira Coordenação de Ensino Jovani Castelan Coordenação do curso de Design Gráfico Diego Piovesan Medeiros Editores Aline Medeiros Rodrigues Davi Frederico do Amaral Denardi Diego Piovesan Medeiros Jan Raphael Reuter Braun Mariane Machado Soares Mariéli Salvador de Souza Rafael Hoffmann Maurilio Agradecimento Laboratório de Orientação em Design Núcleo Multimídia Reportagem Aline Medeiros Rodrigues Mariéli Salvador de Souza Colaboradores Bianka Capucci Frosoni Daniel Fritzen Elton Luiz Gonçalves George Varela Jan Raphael Reuter Braun Joelson Bugila Julian Clezar Leonardo Minozzo Lucileine Rossa Luiz Fernando M. Mazzuco Luiz Salomão Ribas Gomes Larissa Colombo Mary Meürer Myalin Steiner Patrícia Medeiros Paz Paulo Roberto Gava Niehues Rafael Hoffmann Maurílio Roberto Panarotto Rodrigo Casteller Rodrigo M. Mazzuco Walter Stodieck ISSN X Realização: 2 Revista Letraset - Número 3 Novembro de 2014

3 EDITORIAL DANISH BRICKS Ano que vem o estado de Santa Catarina recebe a 5ª Bienal Brasileira de Design, e o estado passa a ser o centro do Design nacional. Por isso, nessa edição a Letraset traz uma visão geral do Design Catarinense. Um dos pilares do desenvolvimento do Design é a educação, por isso convidamos o Professor Dr. Salomão Ribas Gomez, da Universidade Federal de Santa Catarina para fazer um raio-x da educação do Design no estado. Também apresentamos o design dentro da academia a partir de um projeto de uso da prototipagem rápida, desenvolvido no laboratório Pronto 3D de Criciúma, e um case de projeto gráfico editorial direcionado ao ensino à distância. Tentamos fazer uma visão geral do mercado do Design no estado, por isso convidamos estúdios dos quatro cantos de Santa Catarina para discutir o mercado nas regiões norte, sul, oeste e na capital, Florianópolis. Fazendo um aquecimento para a 5ª Bienal Brasileira de Design entrevistamos a designer Bianka Capucci Frisoni, que faz parte da comissão organizadora do projeto Design Catarina e faz parte da Associação Catarinense de Design (SCDesign), uma das instituições mais atuantes do estado. Para discutir a prática do Design conversamos com o designer e artista Joelson Bugila e também discutimos o projeto Artesana, que demonstra uma forma de contribuição do Design Gráfico ao artesanato local. Buscamos ainda três cases de inovação no estado com a empresa Brotherwood, que produz óculos de madeira de alto valor agregado, a proposta de games online desenvolvidos pela Canfundó Estúdio Criativo e uma contribuição do Gerente de Desenvolvimento de Produto da Cerâmica Portinari, Paulo Roberto Gava Niehues, a respeito da inovação no setor cerâmico, um dos mais competitivos do estado. Obviamente essas matérias não esgotam a variedade do Design em Santa Catarina, mas podem ser um bom ponto de partida. Boa leitura! A partir de agora a revista Letraset vai estudar e explorar em seu projeto gráfico famílias tipográficas desenvolvidas por designers brasileiros e latino americanos. Nessa edição utilizamos a Danish Bricks, do designer Rafael Hoffmann Maurilio. A Danish Bricks é uma fonte decorativa inspirada nos famosos e coloridos tijolos de montar dinamarqueses e surgiu como forma de experimentação e exercício em tipografia. O conceito nasceu de ilustrações do Rahma Projekt que tinham a necessidade de uma tipografia que seguisse essa linha. A partir de vetores já desenhados para as ilustrações foram desenvolvidos os caracteres que faltavam e a fonte nasceu. Todos os caracteres são inspirados em formas que realmente possam ser montadas com as peças e manterem-se montadas sem auxílio. Por ser uma primeira versão, a fonte tem apenas letras em caixa alta e numerais, sem caracteres especiais. Novembro de 2014

4 sumário Games Online Naletraset Perfil: Inspirações movem vida de designer Catarinense Uma visão da Educação do Design em Santa Catarina Sobre Cleber Teixeira e o encontro da Tipografia com a Poesia em Santa Catarina Design Instrucional alia prática e conhecimento no curso de Design Gráfico Artesana: o Design Social no artesanato Catarinense O Design Catarina na expansão da área no estado 6 Revista Letraset - Número 3 Novembro de você encontra... Design para encher os olhos Santa Catarina no centro do Design Nacional Inovação no setor cerâmico O Design nos quatro cantos do estado Impressão 3D no Design de Joias

5 design digital GAMES ONLINE design digital A opção que conquista pessoas em todo mundo está se firmando no país. Seja como marketing, entretenimento, educação ou comunicação, os games online vêm conquistando espaço no mundo virtual. Segundo o Instituto de Pesquisa em Marketing de Games, Newzoo, em dezembro de 2013, cerca de 48.8 milhões de brasileiros eram jogadores e destes, 36% jogam ao menos uma vez na semana pela internet. Um dos estúdios de design que tem se destacado no desenvolvimento de games online é o Cafundó Estúdio, de Florianópolis. No local, os projetos criados até pouco tempo atrás davam maior enfoque às mídias tradicionais, como TV e Web, mas a popularidade fez com que os games online passassem a ter preferência. Segundo o diretor comercial, Leonardo Minozzo, apesar de existirem projetos próprios da empresa, a maioria é feita para um cliente especifico, que busca passar valores sociais e assuntos complexos para o público. O processo para que o game crie forma varia de cada caso. Basicamente envolve a parte de definição de escopo, objetivo que é passado para um game, design leve, todas as etapas de prêmios, recompensas mecânicas de funcionamento, arte implementação e criação, declarou o diretor. A criação pode levar de um até 20 meses para finalização. O processo de desenvolvimento é interdisciplinar e envolve uma gama de profissionais como designers, roteiristas, animadores, ilustradores, programadores, desenvolvedores, testers (QA - Quality Assurance) e coordenação de projeto, que propõem a criação das mais diversas experiências interativas. Para Minozzo, a área dos games tem a crescer muito e todos os dias a popularização é mais visível neste meio do formato de produção e execução, o que gera benefícios e facilidade para desenvolver jogos. É um trabalho intelectual extremamente instigante e recompensador, as pessoas precisam saber disso. O que é gameficar? Como explica Minozzo, a palavra significa usar o contexto dos games para algo que não é diretamente desta área. Por exemplo, ensinar a dirigir através de gameficação não é necessariamente criar um jogo de carros, mas sim, ter uma didática específica que ensine, cobre resultados e gere um feedback para os usuários, frisou o diretor. O termo está sendo adaptado as empresas a partir da visão que a didática convencional está falhando. Com games se torna mais fácil a captação da essência de conteúdo e visão de uma possibilidade de tornar um conhecimento praticável e interessante aos colaboradores. Imagens Retiradas dos site da Cafundó 8 Revista Letraset - Número 3 Novembro de 2014

6 design digital JOGO: Mistério dos Sonhos O conceito desse jogo, é fazer um mundo melhor, incentivando as crianças a aprenderem mais, instigando sua imaginação, se divertindo enquanto aprendem, JOGO: Desafio Virtual Este jogo foi criado para o Colégio Catarinense, com o intuito de ensinar os alunos a descobrirem valores e atitudes para melhorar o mundo. design digital Mundo das coisas perdidas Mundo das sombras sussurrantes Mundo das nuvens guerreiras Em parceria com o SESI e a Fundação Certi, este jogo vem com a proposta de incentivar as pessoas a ter um estilo de vida mais saudável, tornando a aprendizagem mais divertida e desafiadora. 10 Revista Letraset - Número 3 Novembro de 2014 Imagens Retiradas dos site da Cafundó JOGO: Bem Estar

7 educação educação Uma visão da educação do Design em Santa Catarina Pesquisador da UFSC conta sobre o que o designer precisa para entrar no mercado de trabalho Luiz Salomão Ribas Gomes Professor adjunto da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), onde faz a coordenação do Laboratório de Orientação da Gênese Organizacional (LOGO). Possui experiência na área de Design, principalmente em design gráfico, metodologias, branding, design industrial e de moda. E é por isso, que a seguir eles responde todas as perguntas sobre o Design em Santa Catarina. 1 - Como você vê o ensino/educação do Design em Santa Catarina? A história do ensino/educação em design é bem antiga fora da Universidade (desde década de 1980 com o Laboratório Brasileiro de Desenho Industrial - LBDI) e muito recente (18 anos) na Universidade. Ela é jovem com 18 anos que está ainda indecisa sobre o seu futuro. Não sabe se faz vestibular e vira pesquisador ou se entra de cabeça no mercado de trabalho. O ensino/educação de Design em Santa Catarina ainda não construiu totalmente sua história e isso vai acontecer quando a maioria dos dirigentes e professores do ensino técnico e superior do estado forem aqui formados e construírem uma forma diferenciada de ensinar design. As escolas continuam correndo contra a maré internacional do ensino seja ele de Design ou de outras áreas, onde a formação básica e a construção exclusiva de currículo definido pelas habilidades e competências do estudante não são levadas a sério. As escolas precisa ser um mix de generalistas e especialistas, não dá mais para termo design gráfico, design de produto, design de moda, design de sobrancelhas etc. Precisamos formar profissionais nexialistas, onde conhecem de especificidades, mas não podem estar longe do geral, que sabem interagir e conseguem formar equipes, não dá mais para fomentar a concorrência e sim a colaboração. Infelizmente ainda não estamos nesse caminho. 2 - Quais conhecimentos e/ou habilidades são indispensáveis ao designer? Metodologia, Desenho, Espírito de Equipe, Dedicação e Criatividade (coloco a criatividade por último, pois ela é inerente a todos só precisa de prática). 3 - Como você vê a relação entre o mercado e a academia no ensino do Design? Qual a configuração ideal e qual a situação atual no estado? Sou um profissional de mercado que se deslocou para academia. Sou um Designer por formação e um professor por opção. Por isso não acredito em academia sem aproximação com o mercado e muito menos mercado sem aproximação com uma academia séria e não prepotente. Precisamos de pesquisa aplicada nas Universidades, pesquisas que virem projetos de apoio às empresas e a comunidade e de retorno econômico e financeiro para Universidades, Empresas e Acadêmicos. Em Santa Catarina já existem muitas atividades de integração entre escolas e empresas no âmbito do Design, muitas empresas juniores, muitos escritórios modelos e atualmente o SEBRAE tem sido um gran- 12 Revista Letraset - Número 3

8 educação educação de incentivador das empresas procurarem esses centros de apoio ao design e realizarem trabalhos sérios dentro do time acadêmico. 4 - Quais são os principais centros de pesquisa em Design no estado? Existe uma especialização em cada um deles? Muitas Universidades vêm se destacando como centros de Pesquisa. UFSC, UDESC e UNIVILLE estão um pouco a frente, mas novas escolas, assim como a SATC e sua iniciativa do LOD (Laboratório de Orientação de Design), têm demonstrado vontade em se tornar referência em áreas específicas do design. Ações com a da criação da REDE PRONTO 3D (UFSC, SATC, UNIPLAC, UNOCHAPECÓ) focada em Fabricação Digital e Design podem movimentar muito a pesquisa em Design no estado. Não posso deixar de falar do laboratório que eu coordeno o LOGO (Laboratório de Orientação da Gênese Organizacional) que tem feito pesquisa muito séria de resultados comprovados em integração do Design à gestão das marcas das empresas (Branding), onde nos últimos cinco anos, já publicou mais de 120 artigos e realizou mais de 30 consultorias a empresas desde a construção do DNA empresarial até o desenvolvimento de produtos a partir desse DNA. 5 - Como você vê o Design nos próximos anos? Santa Catarina pode se destacar no segmento nos próximos anos? Santa Catarina já faz muito (temos o segundo maior número de escolas, um grupo muito grande de pesquisadores e empresas que investem no Design), o problema é o ditado da galinha e da pata. Em Santa Catarina, talvez pela colonização, somos muito mais patas que galinhas: botamos ovos maiores e mais nutritivos, porém não contamos pra ninguém, não cacarejamos a cada ovo botado e isso nos deixa a alguns passos atrás de outros estados que se vendem melhor como produtores de design. Porém, isso tá mudando, a Bienal Brasileira de Design acontecendo aqui, novos centros de pesquisa e a melhor divulgação de nossos resultados vai, com certeza absoluta, nos tornar o estado brasileiro do DESIGN. Laboratório de Orientação em Design - LOD É uma das referências em pesquisa no Design 14 Revista Letraset - Número 3

9 educação educação Design Instrucional alia prática e conhecimento no curso de Design Gráfico A proposta de fazer um projeto gráfico editorial dos livros para o Ensino à distância da Satc (EaD) surgiu da necessidade de melhorar a experiência dos leitores com o material didático e aplicar a identidade visual da instituição para as apostilas. De acordo com a responsável pela produção de materiais do EaD, Patrícia Medeiros Paz, o material desenvolvido para o ensino a distância precisava ser aprimorado. Os livros que são distribuidos para os alunos atualmente são produzidos em um formato mais próximo ao de um processador de texto simples. Ele também é impresso na própria instituição, o que compromete até certo ponto a qualidade de impressão. A ideia de propor um projeto gráfico adequado ao EaD surgiu junto ao professor Elton Gonçalves também a fim de proporcionar uma experiência prática aos acadêmicos de Design Gráfico, conta. A proposta foi apresentada pelo professor Elton Gonçalves para a disciplina Editoração Eletrônica da quarta fase do Curso de Design da Faculdade Satc. A proposta não estava inicialmente no plano de ensino, mas quando propusemos os alunos aceitaram na hora, por que é um proposta interessante para o portfólio e uma experiência diferente para eles, explica Gonçalves. Nove equipes propuseram projetos gráficos. Os professores trouxeram o conteúdo e orientaram o processo de desenvolvimento, e os acadêmicos criaram o projeto gráfico. Eles pesquisaram o posicionamento estratégico do EAD, planejaram a organização da informação, além de definir os principais elementos de projeto, como tamanho do papel, as grades, a paleta tipográfica, o ritmo editorial e a paleta cromática do impresso. A equipe do EaD disponibilizou o conteúdo, os principais elementos editoriais e explicou a dinâmica do setor na Satc, comenta Patrícia. Segundo Patrícia, é importante esclarecer as estratégias e táticas do Ensino à Distância, além de discutir e criar interesse dos acadêmicos na área do Design Instrucional. De acordo com Gonçalves, as práticas editoriais são importantes elementos do Design Instrucional, e podem ser aplicadas para ensino à distância. Ainda segundo o professor, o projeto foi desenvolvido em torno de seis a sete semanas e teve a parceria da disciplina de Projeto Gráfico Editorial. O trabalho foi desenvolvido seguindo a metodologia de projeto proposta por Fatima Ali e contempla cinco etapas: público- -alvo, conceito editorial, projeto gráfico, edição e finalização. Confira no infográfico o processo as principais ferramentas e conceitos utilizadas no projeto gráfico. Segundo Gonçalves, as equipes tiveram liberdade para escolher a forma como seria o projeto. Eles fizeram pesquisa do público-alvo, eles fizeram um briefing com a Patrícia. Ela esteve na sala explicando tudo que ela desejava, e o que ela queria, qual era a dificuldade dos alunos do EaD, lembra De acordo com Gonçalves, o trabalho foi realizado no segundo semestre de 2013, pela quarta fase de Design Gráfico na disciplina de Editoração Eletrônica. Quando foi lançada a ideia do Design Instrucional, os acadêmicos buscaram apreender sobre o tema. Foi feito uma aula sobre a exposição do tema, o que era o Design Instrucional. Pedi que fizessem uma pesquisa sobre ideias e sobre a metodologia, e a partir disso as equipes desenvolveram os trabalhos, ressalta o professor. Cada equipe propôs um projeto gráfico. Depois das aulas, do briefing, cada 16 Revista Letraset - Número 3

10 educação educação equipe fez uma simulação da apostila. Eles pegaram uma apostila de eletrônica que era padrão do EaD, e aplicaram no primeiro capítulo, explica. Ainda de acordo com Gonçalves, foi feita uma apresentação do projeto em aula. A Patrícia recolheu os protótipos físicos e depois deu um feedback para os alunos. E qual o trabalho que atendeu as necessidades dela, lembra. O livro será implantado a partir de Para Gonçalves, a ideia é poder criar outros projetos do mesmo modo para outros cursos da Satc. A ideia é que o curso desenvolva novos projetos a ser implantado dentro da Satc. Onde o Design Gráfico pode estar atuando, na parte de comunicação visual da instituição, afirma. 18 Revista Letraset - Número 3

11 educação educação Detalhes Diagramação do projeto 20 Revista Letraset - Número 3

12 matéria de capa O Design Catarina na expansão da área no estado matéria de capa Por meio do projeto, o profissional é reconhecido e a inovação é levada para o mercado de trabalho. Para conscientizar as micro e pequenas empresas da utilidade do profissional do design, foi criado o programa Via Design do SEBRAE\NA. A parceria gerou a oportunidade de criação de Redes de Design por todos os estados, até que em 2005, foi fundada a Rede Catarinense de Design, hoje chamada de Design Catarina. A rede criada pelo Sebrae\SC e pela Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), contou com parcerias de ensino renomeadas nacionalmente e internacionalmente, como Universidade do Vale do Itajaí (Univali), Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc), e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Posteriormente foi integrado também pela Associação Catarinense de Tecnologia e o Instituto Gene de Blumenau (ACATE). A partir do projeto foram criados para prestar serviços as micro e pequenas empresas os núcleos de inovação de Design (NIDs), vinculados aos cursos da área. Os NID s são: de artesanato, vinculado ao curso de Design da Udesc; Cerâmico, vinculado da Engenharia de Materiais da Ufsc, Modas, do curso de Design na Univali, Mobiliário, pertencente ao tecnólogo de Design do Senai, Embalagens, pelo design da Unoesc e Metal Mecânico, que faz parte do tecnólogo em Design da Unoesc. Em seguida, estes núcleos foram se perdendo e o único que permaneceu foi o de Cadeia Têxtil da Univali, que absorve o Centro da Associação e a presidência. Em paralelo a isso, enquanto os núcleos estavam ativos, organizou-se uma reunião entre todos os NID s e outros profissionais do estado, foi criada a Associação Catarinense de Design (SC Design), que visa para dar suporte aos profissionais de Design, declarou a coordenadora adjunta da SC Design, Bianka Capucci Frisoni. Saiba mais sobre a SC Design Associação Catarinense de Design atua em todos os segmentos do Design e faz parte do Centro Design Catarina, cujo objetivo principal é fomentar o área no estado, valorizando a criação e propondo novas soluções que estimulem a competitividade para o seu desenvolvimento sustentável. O trabalho da associação é realizado com cursos, palestras e workshops. Atualmente SC Design tem como Diretor Presidente Adriano Wagner dos Santos. 22 Revista Letraset - Número 3

13 matéria de capa Santa Catarina no centro do Design Nacional matéria de capa Bienal 2015 será realizada no estado e receberá envolvidos na área de todos os lados do país. Com o intuito de mostrar o melhor da produção de Design nacional, aguçar a percepção do público sobre a presença da área no dia a dia e promover a atividade como fator decisivo de competitividade para produtos e serviços no país, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e o Movimento Brasil Competitivo (MBC), organizam a Bienal Brasileira de Design O evento realizado entre 15 e 12 de julho do próximo ano conta com o ponto principal em Florianópolis. Para realização os organizadores contam com o apoio da Apex-Brasil e Governo de Santa Catarina, Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) e também Associação Catarinense de Design (SC Design). Será um espetáculo de exposições, seminários, ações educativas, interativas e um circuito de ações paralelas ao longo de dois meses, que visam promover ao longo da Bienal o reconhecimento do importante papel que o Design representa para o desenvolvimento econômico e sustentável do estado e do país. Tendo em vista que Santa Catarina é o quarto estado mais industrializado do Brasil, com produção rica e diversificada e com alto índice de desenvolvimento humano no país, a escolha da cidade foi acertada. A Bienal irá se expandir por Florianópolis, com mostras em locais como o Museu de Arte de Santa Catarina (Masc) e o Museu da Imagem e do Som (Mis), ambos no Centro Integrado de Cultura (CIC). Também haverá atividades no Museu Cruz e Souza, na Fundação Cultural BADESC e em espaços abertos da cidade. De acordo com a coordenadora adjunta da SC Design, Bianka Capucci, a agenda oficial do evento ainda não está fechada. Estamos desenvolvendo um guia que dirá quais eventos estão chancelados pela Bienal, bem como data e hora que estarão acontecendo, declarou. As atividades acontecerão através de iniciativas independentes de empresas e instituições. Estas ações precisam apresentar um local para acontecer e demonstrar que tem condição financeira para ser realizada por conta própria ou através de parceiros. Por enquanto estamos recebendo propostas, ainda não temos fechado quais cidades exatamente irão receber os eventos. Acredito que teremos ações em cidades como Criciúma, Florianópolis, Blumenau e Jaraguá, frisou Bianka. Como Santa Catarina foi escolhida? A Proposta foi levada para Brasília através da SC Design em parceria da Federação Indústrias Estado de Santa Catarina (Fiesc), Governo do Estado, da Prefeitura, da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FA- PESC), principais Universidades do Estado e parceiros. A apresentação chamou atenção do júri pela potência industrial que temos no estado bem como a pluralidade de segmentos diferentes na área de Design e a proposta diferenciada de atividades. A edição subsequente já tem local eleito: ocorrerá em Recife, em 2017, e estará a cargo do Centro Pernambucano de Design, estado que competiu contra a gente na candidatura para Bianka Capucci. 24 Revista Letraset - Número 3

14 matéria de capa matéria de capa Bienal Brasileira de Design Será um espetáculo de exposições, seminários e ações educativas Imagens Divulgação 26

15 matéria de capa O Design nos quatros matéria de capa cantos do estado Ilustração Rafael Hoffmann Especialistas contam como é atuar na área em cada região de Santa Catarina. Em 2015 o estado de Santa Catarina receberá a 5ª Bienal Brasileira de Design, e por isso será o centro das atenções da comunidade de Design do Brasil. Tentamos trazer as percepções do mercado de Design Gráfico nas quatro principais macrorregiões do estado. Na região norte conversamos com o diretor do estúdio GGE Design, um dos escritórios de Design Gráfico mais atuantes da região. No sul entrevistamos o estúdio Iocus, uma empresa jovem e em franca expansão, que está conseguindo aproveitar com qualidade as oportunidades de um mercado ainda pouco explorado. O estúdio Alice, conhecido nacionalmente no segmento do Design Gráfico, discutiu o mercado da metade oeste do estado. Finalmente, o leste geográfico é representado pelo 42 Brand Studio, que atua no mercado altamente competitivo da capital do estado. 28 Revista Letraset - Número 3

16 matéria de capa Região NORTE Região LESTE matéria de capa George Varela É Diretor na empresa GGE Design em Balneário Camboriú 1 - O Design Gráfico já é reconhecido como tal? Ou ainda é confundido com Publicidade? R: O reconhecimento do Design como atividade de comunicação evoluiu, mas ainda sofre confusão com a Publicidade e não será resolvido a curto prazo. A necessidade do mercado, desconhecimento por parte das empresas contratantes e objetivo de agências, birôs e freelancers em gerar receita faz com que haja uma sobreposição de competências. Por vezes o designer ainda é subjugado no mercado, mas por outro lado, há uma valorização da atividade quando os profissionais se aperfeiçoam nas estratégias e necessidades do mundo corporativo atual e usam o conhecimento do Design associado ao Marketing. 2 - Quais as vantagens de atuar com Design na sua região? R: Como vantagem de atuar no segmento de Design na região de Balneário Camboriú está a quantidade de pequenas e médias empresas, o que as tornam mais acessíveis aos designers. É comum podermos atuar diretamente com os decisores dessas empresas e as possibilidades de negócios se tornam mais específicas e democráticas. 3 - Quais as desvantagens de atuar com design na sua região? R: Como desvantagens, posso considerar o pouco profissionalismo e baixos honorários causados pela prostituição do mercado. Há também falta de profissionais preparados, especialistas. Geralmente, as empresas de Design acabam dependendo de seus sócios fundadores para abrirem novos mercados ou áreas de atuações específicas. O fato de concorrer com agências que cobram fee enquanto nossas propostas são por job ou por projeto, cria uma competição desleal e força o mercado regional a praticar baixos salários. 1 - O Design Gráfico já é reconhecido como tal? Ou ainda é confundido com Publicidade? R: Hoje ainda existe confusão a respeito do Design e da Publicidade, visto que apesar de serem áreas distintas, deveriam trabalhar em conjunto e não como concorrentes. Apesar de ainda acontecer esse tipo de confusão, acredito que a proporção já diminuiu bastante do que há cerca de 10 anos atrás. 2 - Quais as vantagens de atuar com Design na sua região? R: Em Florianópolis o Design tem se destacado como um polo tecnológico e de inovação. Muitas empresas estão surgindo e percebendo a necessidade de um bom De- sign, como fator de diferenciação entre seus concorrentes. 3 - Quais as desvantagens de atuar com Design na sua região? R: O Design ainda é visto como uma ferramenta que qualquer um pode usar, então encontra-se muita oferta de profissionais que acreditam que por saberem usar um software de edição de imagem podem oferecer o mesmo serviço que nós designers. As pequenas empresas acabam optando muitas vezes pelo trabalho de não formados devido ao fator custo, e acabam percebendo o erro cometido tempos depois quando não conseguem se destacar no mercado. Walter Stodieck É Diretor Executivo na empresa 42 Brand Studio em Florianópolis 30 Revista Letraset - Número 3

17 matéria de capa Região OESTE Região SUL matéria de capa Roberto Panarotto É Sócio na empresa Estúdio Alice em Chapecó 1 O Design Gráfico já é reconhecido como tal? Ou ainda é confundido com publicidade? R: No Design Gráfico e na publicidade, por serem áreas próximas, essa confusão continua acontecendo. O próprio meio profissional de atuação eventualmente confunde as duas especialidades. Os clientes então, tem uma maior dificuldade de entender o que é o Design Gráfico e pra que serve e como funciona. 2 Quais as vantagens de atuar com o Design na região? R: A maior vantagem é poder proporcionar resultados gráficos de maneira mais eficiente e séria, para os clientes/empresas em nível regional é um dos principais pontos positivos da área. 3 Quais as desvantagens de atuar com o design na região? R: A desvantagem está na falta de valorização que o profissional de Design Gráfico tem. Todos se julgam no direito de achar que entendem mais do que o profissional que estudou/estuda e tem o expertise e o know-how para proporcionar sempre o melhor. Também tem o aspecto financeiro que muitas vezes acaba em consequência dessa falta de percepção, não sendo valorizado. 1 O Design Gráfico já é reconhecido como tal? Ou ainda é confundido com publicidade? R: O Design Gráfico (mais especificamente o design promocional) se mistura e se assemelha com a Publicidade. Nesse contexto, os publicitários acreditam que o profissional designer é apenas o executor do produto ou manipulador de softwares para desenvolvimento das peças. Assim, o reconhecimento do Design Gráfico como tal, é um exercício que pratico todos os dias com os meus clientes, ensino eles a importância da profissão e o que vou fazer para propor uma solução. Tanto treino que deixei de ser apenas designer gráfico de formação, mas também atuo como consultor e estrategista de marcas, operando branding nos meus serviços. 2 - Quais as vantagens de atuar com Design na sua região? R: A vantagem mais nítida no cenário da região é a oportunidade e a demanda do mercado, pois é uma área ainda muito a ser explorada. Desta forma, o design gráfico tem a chance de desenvolver peças e estratégias que tem que ser planejados e apresentados para o público como algo diferente. 3 - Quais as desvantagens de atuar com design na sua região? R: As desvantagens existentes são várias: a questão cultural do que significa design, o que ele faz e o que ele entrega, as pessoas não conhecem; a banalização do nome é outro problema, os que se dizem entendidos misturam com profissional de publicidade, marketing ou levam para áreas não existente como design de sobrancelha (esteticista), design de unha (manicure). Com essa falta de reconhecimento ou mistura com outras áreas, a precificação dos produtos e serviços oferecidos estão prostituídos, abaixo do valor do custo de um projeto ou pessoas oferecendo serviço longe de ser Design. Julian Clezar É Sócio-Fundador na empresa Iocus Estúdio em Sombrio 32 Revista Letraset - Número 3

18 inspiração inspiração Perfil: Inspirações movem vida de designer catarinense Designer conta sobre as motivações para o dia a dia tanto no design quanto a arte. Joelson Bugila Artista Plástico e Designer de Produto na empresa Imaginarium em Florianópolis Natural de Criciúma, o designer Joelson Bugila começou a carreira na SATC. Estudei Design na Escola Técnica SATC e logo iniciei o curso de Artes Visuais na Unesc, lá em Abandonei a universidade em 2006, pois fui me aventurar como mediador na 6ª Bienal Internacional de Arte do Mercosul em Porto Alegre, lembra. Segundo Bugila, fascinado por grandes cidades, ficou em Porto Alegre por quase cinco anos. Neste tempo tive a oportunidade em trabalhar com pessoas extremamente competentes em um escritório de design chamado Bendito Design, além de expor em alguns lugares bacanas, conta. Ele ainda ressalta que nesse período teve alguns trabalhos neste escritório, onde se destacam campanhas de PDV para Reebok, Grendene, Azaléia, Ipanema, embalagens para o grupo Vonpar/Coca Cola e redesenho de logos para a marca Renner. Atualmente, Bugila atua como designer de produto na empresa Imaginarium, localizada em Florianópolis. Este ano acabei me formando em Marketing pela Uniasselvi, com a proposta de tentar inserir um pensamento mais administrativo na carreira, para 2015 tentar o mestrado na área de Arte Contemporânea, onde seria a oportunidade de investir a minha pesquisa em arte, comenta. O interesse pela arte não influencia nos trabalhos do designer. Sempre dividi meu tempo entre o design e a arte. Fora do horário comercial e nos finais de semana estou de alguma forma trabalhando, afirma. Umas das inspirações de Bugila para o dia a dia como designer, foi retirada de uma palestra de Charles Watson. Ele comentava que o chapéu é o atelier do artista/ designer, nunca deve sair da cabeça, nem mesmo quando tomamos banho. Acho que isso não é uma regra, mas quando as duas coisas caminham juntas acredito que isso se chama amor, lembra. Segundo o profissional, lidar com a criação requer clareza, investigação, curiosidade. Nós precisamos estar frescos, atualizados para trabalhar de acordo com o mercado, que busca inovação o tempo todo. Falo mais do design do que da arte, pois a arte requer mais entrega e pesquisa por tratar de investigação intrínseca, explica. De acordo com Bugila, cursos de criação e processos criativos, viagens, mudanças, leituras, situações de medo e desconforto, prática de esportes e uma boa alimentação sempre ajudaram a pensar diferente. Neste sentido, acredito que a inspiração é resultado de dedicação do trabalho, do investimento de energia nas coisas que realmente fazem sentido, e logo as conexões se manifestam naturalmente. Para mim, este conjunto de fatores é a melhor forma de buscar inspiração, ressalta. 34 Revista Letraset - Número 3

19 Imagens Cedidas pelo designer Joelson Bugila Trabalhos realizados pelo Designer 36 Revista Letraset - Número 3 Novembro de 2014

20 inspiração inspiração Sobre Cleber Teixeira e o encontro da Tipografia com a Poesia em Santa Catarina Quero transformar em palavras a imagem que vi, Mary Meürer É professora da disciplina de Tipografia e Projeto Editorial da Universidade Federal de Santa Catarina e uma o que não vi, Foto admiradora do trabalho de Cleber Teixeira. o que não existe Cedida pela autora 38 Revista Letraset - Número 3 Falar da Tipografia em Santa Catarina sem falar em Cleber Teixeira é impossível. O poeta, tipógrafo e editor carioca mudouse para Florianópolis em 1977 trazendo sua editora e seu talento e aqui viveu até 22 de junho de 2013 quando faleceu aos 73 anos. Formado em Letras, Cleber trabalhou no Instituto Nacional do Livro e na Editora Bloch mas foi unindo a poesia aos tipos móveis que encontrou sua maneira de se comunicar com o mundo. Foram diversos livros, de sua autoria e também de poetas como Mallarmé, Donne, Cummings, Keats, Gertrude Stein, Afonso Ávila, José Paulo Paes, entre outros, produzidos de forma artesanal. Letra a letra o texto ia ganhando forma no componedor, um trabalho que ele mesmo considerava exaustivo, porém gratificante.

21 inspiração A arte da tipografia, com tudo que precede a composição e a impressão (desenho, fundição dos tipos, projeto gráfico, etc.) tem vida longa e cabe a cada um que sabe disso resistir e ajudar a promover uma estreita convivência com os designers gráficos hoje. Capa do Livro Editores Artesanais Brasileiros Capa do Catálogo da Editora Noa Noa inspiração A Editora Noa Noa, cujo nome veio da obra de Paul Gauguin que agradava a Cleber, funcionava no porão de sua casa, no bairro Agronômica, onde a família reside até hoje. É o local onde está toda a vida de Cleber, o trabalho e a família, suas paixões. Uma casa de portas abertas, onde intelectuais, jornalistas, professores, alunos e quem mais se interessasse pelos livros e pela tipografia era bem recebido sempre. A gentileza era outra característica de Cleber, que ao lado de sua esposa Elizabeth, sempre recebia as pessoas com um sorriso e um café. Além dos livros produzidos na Noa Noa, Cleber reuniu um acervo com cerca de 8 mil livros sobre os mais diversos temas, tendo ênfase nas artes plásticas, literatura e livros sobre livros, é claro. Todo este acervo continua disponível na casa da família e pode ser visitado com um agendamento prévio pelo Apesar da ausência física de Cleber, os tipos de metal, a prensa e o papel ainda estão lá, contando histórias. Também é possível compreender melhor sua obra no livro Editores Artesanais Brasileiros, de Gisela Creni, que traz um capítulo inteiro sobre Cleber e a editora Noa Noa, merecidamente colocado ao lado de outros grandes editores. O catálogo da Editora Noa Noa, organizado em 2012, apresenta 65 obras produzidas por Cleber. Embora algumas estejam esgotadas é uma ótima oportunidade de conhecer estes exemplares que unem a beleza da poesia, da tipografia e da gravura. A história de Cleber também está registrada no documentário Cleber e a Máquina, dirigido por Rosana Cacciatore. Lançado em dezembro do ano passado o filme foi produzido depois da morte do tipógrafo e mostra o depoimento de amigos, colegas e personalidades. O amor e o respeito do poeta e tipógrafo pelos livros, aliado à sua simpatia e generosidade fizeram dele uma personalidade ímpar que merece ser lembrada e homenageada sempre. Facebook: Cleber e a Máquina 40 Revista Letraset - Número 3 Facebook- https://www.facebook.com/pages/cleber-e-a-m%c3%a1quina/ ?fref=ts

22 Na primeira fase (diagnóstico), foram identificadas informações estratégicas como a posição da empresa no mercado e a imagem que a mesma deseja alcançar. Neste momento um ponto fundamental foi entrevistar a fundadora da marca, resultado no resumo do projeto (briefing). Em seguida na etapa de cenários, foram definidos os principais conceitos, valores e atributos da marca. Foram destacadas 27 palavras relacionadas à história e seus valores, que foram organizadas em seis grupos com significados semelhantes, aproveitando o momento, foram desenvolvidos painéis semânticos, servindo como referências visuais de cores, texturas e formas. Também foi feito um painel de imagens relacionado a concorrências, para saber o que já existe no mercado. A etapa seguinte foi o Design, iniciando com os conceitos já definidos, analisando as características da marca e traduzindo- -as visualmente. Essa tradução foi feita através dos painéis semânticos nos cenáprojeto projeto Artesana: o Design Social no artesanato catarinense Trabalho de conclusão de curso conquista espaço no mercado por meio do artesanato. A ex-aluna do curso de Design Gráfico da Faculdade Satc, Lucileine Rossa, trouxe uma nova proposta para seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), com base em uma identidade visual voltada para os trabalhos de uma marca de artesanato de Florianópolis. Com a ajuda do Design Social, a profissional trouxe os aspectos fundamentais para a sociedade envolvida no meio. A essência foi conseguir uma conscientização social e de cidadania para voltar a criatividade em direção ao progresso cultural e tecnológico. Uma identidade é importante para qualquer marca, inclusive de artesanato. Tem gente que esquece um pouco disso, acha que porque é artesanato não precisa ter valor, declarou a designer. Para o resultado final do trabalho Luci, foi utilizada a metodologia projetual de Chamma e Pastorello, já criada para a aplicação na criação de identidades visuais e composto por quatro fases: diagnóstico, cenários, design e implantação. 42 Revista Letraset - Número 3

23 projeto 01 projeto Cenários Manual, artesanal, original, exclusivo, presente e especial rios, as palavras conceito definidas foram: paz, amor, humana e natural. Elas foram escolhidas para agregar valores humanos ao projeto e direcionar os esforços na direção de uma ideologia de cultura de paz. Para cada palavra foram estudadas formas e significados, que culminaram em formas orgânicas, redondas, sutis e delicadas. A partir daí foi necessário gerar um ícone gráfico para a assinatura visual, e o ícone que mais se aproxima a estes conceitos é de um pássaro, pois apesar de parecerem frágeis, constroem seu próprio território, tranquilos e felizes, representando assim os conceitos e valores da marca. Após a definição do ícone outra pesquisa foi feita, dessa vez, buscando imagens de pássaros para referências para a paleta cromática do projeto. Tendo em vista a necessidade da artesã fazer seus produtos em casa, optou-se por utilizar a identidade visual através de carimbo, facilitando a aplicação, e como este processo requer apenas uma cor, a escolhida foi o azul, representando o céu. Na etapa de implantação, procurou-se fornecedores para os materiais utilizados, gráficas para as impressões e pesquisa de mercado, analisando se a identidade aplicada está adequada ou se é necessário fazer alguma adequação. O nome Artesana, tem origem espanhola, tendo em vista a nacionalidade argentina da artesã. Na língua portuguesa, o nome significa artesão e arte que cura. O orientador do projeto, Jan Raphael Reuter Braun, foi o primeiro a ver a identidade visual na prática. Durante uma viagem entrei em uma loja e vi que os produtos estavam sendo comercializados com o logotipo. Tenho orgulho de ter feito parte deste processo, a Luci foi muito dedicada ao longo de todo o trabalho, o que lhe rendeu ainda mais méritos, analisou Braun. Ainda segundo ele a preocupação foi muito além, o direcionamento e foco no mercado foram fundamentais para o resultado final. 44 Revista Letraset - Número Família, amigo, casa e Bombinhas Amor, dedicação, doce, sensível e zelo Saúde, sã e bem Sustentável, sociável e natural Humildade, sábio, paciente, tranquilidade, paz e ordem

24 projeto projeto Construção da assinatura visual Fotos Cedidas pela autora 46 Novembro de 2014

25 projeto projeto Design para encher os olhos Empresa de óculos de madeiras Brotherwood ganha o mercado No Brasil, apenas a Brotherwood produz armação de óculos em madeiras. Dos irmãos Luiz Fernando M. Mazzuco e Rodrigo M. Mazzuco, a empresa desenvolve os produtos há mais de um ano e meio em Criciúma. O nome Brotherwood, vem da variação de Brotherhood que significa irmandade. Por sermos irmãos e também pelo apelo comercial, comenta Rodrigo. Atualmente a empresa produz 10 modelos de óculos e tem capacidade para fabricar 300 peças por mês. Segundo Rodrigo, a tradição com o uso de madeira vem de família. Nosso avô já tinha fábrica de esquadrias e o nosso pai tem uma fábrica de móveis. No começo, produzíamos luminárias de madeiras, mas após uma pesquisa de produtos e encontramos os óculos de madeira e decidimos tentar produzi-los, lembra. Os irmãos fazem pesquisas dos tipos de madeiras antes de começar a confeccionar o produto. Não temos grandes pretensões industriais, no começo foi por causa da pesquisa do Rodrigo que resolvemos fazer óculos, até então o foco principal eram artigos de decoração, explica Luiz Fernando. Ele ainda ressalta que obteve estudos que sugeria procedimentos e técnicas para o trabalho com madeira. Tivemos ajuda de uma professora e fomos alterando várias coisas no desenho, depois aprimorando na parte técnica. No começo o processo era um fracasso, mas começamos a descobrir com pessoas que davam aulas de ótica, como fazer um padrão, comenta. Um dos pontos mais delicados do processo é a escolha do material, já que existem tipos de madeiras que não são adequados para a produção de óculos. A professora nos deu orientações a respeito de cada madeira, sobre os processos de produção e sobre a densidade de cada uma. 48 Revista Letraset - Número 3

letraset Santa Catarina no centro de Design Nacional página 24 Games Online ganham cada dia mais força

letraset Santa Catarina no centro de Design Nacional página 24 Games Online ganham cada dia mais força letraset Revista digital do curso de Design Gráfico da Faculdade Satc - número 3 - nov/2014 Games Online ganham cada dia mais força página 8 Uma visão da educação do Design em Santa Catarina página 12

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia Área de Comunicação Produção Multimídia Curta Duração Produção Multimídia Carreira em Produção Multimídia O curso superior de Produção Multimídia da FIAM FAAM forma profissionais preparados para o mercado

Leia mais

A importância do design nos negócios

A importância do design nos negócios A importância do design nos negócios SUMÁRIO Apresentação 4 A importância do Design 5 Design de Comunicação 13 A Escada do Design 6 Design Gráfico 14 O processo do Design 7 Logomarca 15 Design & Inovação

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária Área de Comunicação Tecnologia em Produção Publicitária Curta Duração Tecnologia em Produção Publicitária CARREIRA EM PRODUÇÃO PUBLICITÁRIA Nos últimos anos, a globalização da economia e a estabilização

Leia mais

Informações Gerais. 34 parceiros de mídia e publicidade. 220 expositores. + de 500 marcas. + de 20 mil m 2. 35 mil visitantes

Informações Gerais. 34 parceiros de mídia e publicidade. 220 expositores. + de 500 marcas. + de 20 mil m 2. 35 mil visitantes O Evento A PHOTOIMAGE BRASIL, maior feira de imagem da América Latina, reuniu mais de 35 mil participantes ligados ao segmento e provou nesta sua 22ª edição que soube se adaptar às rápidas mudanças do

Leia mais

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Afinal, tudo começa em sua maneira de pensar. E marketing é isto, uma questão de posicionamento. PROPOSTA DE SERVIÇOS Logotipos Web Sites Lojas

Leia mais

Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos.

Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos. Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos. Quem somos A 2DA Branding & Design é uma empresa de construção de marca. O que fazemos Transformamos ideias e negócios

Leia mais

Era o que você esperava? Não, superou todas as minhas expectativas. Ficou lindo. SIRONA.COM.BR

Era o que você esperava? Não, superou todas as minhas expectativas. Ficou lindo. SIRONA.COM.BR É o sonho de consumo de qualquer pessoa ter uma máquina dessa, inclusive o meu. Com o equipamento vou poder ajudar as pessoas a terem o sorriso como o meu e a praticidade também. O que você achou de ser

Leia mais

Briefing O que é? Para que serve?

Briefing O que é? Para que serve? Faculdade de Tecnologia da Paraíba CURSO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA A INTERNET DISCIPLINA DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES WEB ESTÁTICAS PERÍODO: P2 Semestre: 20082 PROFESSOR Geraldo Rodrigues

Leia mais

Sumário. O que fazemos 3. Conversão para ebooks 5. Criação de ebooks 8. Transforme em ebook ou revista 11. Serviços de editoração 14

Sumário. O que fazemos 3. Conversão para ebooks 5. Criação de ebooks 8. Transforme em ebook ou revista 11. Serviços de editoração 14 Produção de ebooks Produção de ebooks Sumário O que fazemos 3 Conversão para ebooks 5 Criação de ebooks 8 Transforme em ebook ou revista 11 Serviços de editoração 14 Serviços de marketing e distribuição

Leia mais

Fashion Marketing & Communication

Fashion Marketing & Communication Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Bienal Brasileira de Design Floripa 2015

Bienal Brasileira de Design Floripa 2015 Bienal Brasileira de Design Floripa 2015 SÍNTESE DO PROJETO Mostrar o melhor da produção de design nacional, aguçar a percepção do público sobre a presença do design no dia-a-dia e promover a atividade

Leia mais

Colletivo. do design. O instinto

Colletivo. do design. O instinto 14 :: portfólio agência - colletivo O instinto Colletivo do design Se formos apontar no atual modelo de sociedade qual seria uma das melhores formas de representação da democracia, certamente os ônibus

Leia mais

A Feira do Empreendedor 2014 em São Paulo faz parte de um circuito de feiras que será realizado em vários estados da federação.

A Feira do Empreendedor 2014 em São Paulo faz parte de um circuito de feiras que será realizado em vários estados da federação. 1 A Feira do Empreendedor é um evento de sucesso promovido pelo SEBRAE-SP, com o objetivo de oferecer informação, conhecimento e oportunidade para empresários e futuros empreendedores. A Feira do Empreendedor

Leia mais

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca Orientação ao mercado de trabalho para Jovens 1ª parte APRESENTAÇÃO Muitos dos jovens que estão perto de terminar o segundo grau estão lidando neste momento com duas questões muito importantes: a formação

Leia mais

Aos 45 anos, Carlos Ferreirinha é fundador e presidente da

Aos 45 anos, Carlos Ferreirinha é fundador e presidente da Business Batemos um papo com o primeiro gestor de luxo do Brasil e ele abriu o jogo sobre o avanço do mercado em solo nacional, seus projetos e se ainda está em forma para exercer tudo isso. texto LUCAS

Leia mais

Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos.

Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos. Expandir visões e criar novas estratégias para o seu negócio. Podemos fazer isso juntos. Quem somos A 2DA Branding & Design é uma empresa de construção de marca. O que fazemos Transformamos ideias e negócios

Leia mais

Aula 2 - Especi cidades do design. professor Rafael Ho mann

Aula 2 - Especi cidades do design. professor Rafael Ho mann Aula 2 - Especi cidades do design professor Rafael Ho mann Especi cidades do design Design de produto/industrial Trabalha com a criação e produção de objetos e produtos (bens de consumo) tridimensionais

Leia mais

O que é Estudio Cosmica?

O que é Estudio Cosmica? Apresentacao O que é Estudio Cosmica? Criação e Concepção de Ideias e Projetos. Estudio Cosmica é um Estúdio de Criação e desenvolvimento de Ideias, Sempre Atento e antenado ao Mercado e novidades, buscando

Leia mais

Respostas dos alunos sobre o curso

Respostas dos alunos sobre o curso Respostas dos alunos sobre o curso Aplicação INDICADOR: ENSINO QUESTÃO: EM TERMOS DE PRÁTICA PEDAGÓGICA, QUE ATIVIDADES VOCÊ CITARIA COMO UM DIFERENCIAL DO CURSO? FACULDADE: PÇL - NÚCLEO DE ARTE E TECNOLOGIA

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO 1 APRESENTAÇÃO Segundo Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Design (2004), o curso de graduação em Design deve ensejar, como perfil desejado do formando, capacitação para a apropriação

Leia mais

SANTA CATARINA ANO #9

SANTA CATARINA ANO #9 SANTA CATARINA ANO #9 SCMC? Para instituições de ensino catarinenses com cursos de moda e design que buscam aumentar a interação com a indústria local, o Santa Catarina Moda e Cultura (SCMC) é um projeto

Leia mais

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA Mudança da Marca e Posicionamento Esse boletim explicativo tem o objetivo de esclarecer suas dúvidas sobre a nova marca Evolua e de que forma ela será útil para aprimorar os

Leia mais

Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014

Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014 Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014 1ª FEIRA DO SUL DO BRASIL COM SOLUÇÕES COMPLETAS DE GESTÃO, SERVIÇOS E TECNOLOGIA PARA A SUA EMPRESA Na EXPEN 2014, você encontrará tecnologia,

Leia mais

10 Dicas para lucrar

10 Dicas para lucrar E-BOOK 10 Dicas para lucrar com Fotografia Infantil, Gestante e Casamentos Autor: Leo Castro www.marketingparafotografos.com.br E-BOOK Copyright 2015, Marketing para fotógrafos, Todos os direitos reservados

Leia mais

A INTERNET AUXILIANDO O FORTALECIMENTO DA MODATECA NO INTERIOR PERNAMBUCANO CARLOS MÁGNO, CÉSAR HENRIQUE LEITE DE ALBUQUERQUE, DANILO MONTEIRO RIBEIRO

A INTERNET AUXILIANDO O FORTALECIMENTO DA MODATECA NO INTERIOR PERNAMBUCANO CARLOS MÁGNO, CÉSAR HENRIQUE LEITE DE ALBUQUERQUE, DANILO MONTEIRO RIBEIRO 1 A INTERNET AUXILIANDO O FORTALECIMENTO DA MODATECA NO INTERIOR PERNAMBUCANO CARLOS MÁGNO, CÉSAR HENRIQUE LEITE DE ALBUQUERQUE, DANILO MONTEIRO RIBEIRO INTRODUÇÃO Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

A Feira do Empreendedor 2014em São Paulo faz parte de um circuito de feiras que será realizado em vários estados da federação.

A Feira do Empreendedor 2014em São Paulo faz parte de um circuito de feiras que será realizado em vários estados da federação. 1 A Feira do Empreendedor é um evento de sucesso promovido pelo SEBRAE-SP, com o objetivo de oferecer informação, conhecimento e oportunidade para empresários e futuros empreendedores. A Feira do Empreendedor

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS.

SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS. 2 plenapropaganda portfólio quem somos 3 SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS. A Plena é uma agência que atua sempre focada

Leia mais

MARKETING CARE NEWSLETTER

MARKETING CARE NEWSLETTER MARKETING CARE NEWSLETTER Destaques desta Edição Por José Maria de Carvalho C o n t e Ú d o Conhecimento MARKETING DIGITAL O que é Marketing Digital? Quais as aplicações na área da Saúde? BRANDING & MARCA

Leia mais

COMO TER SEU PRÓPRIO NEGÓCIO JUV Venha fazer história com a gente!

COMO TER SEU PRÓPRIO NEGÓCIO JUV Venha fazer história com a gente! COMO TER SEU PRÓPRIO NEGÓCIO JUV Venha fazer história com a gente! A MARCA A JUV é uma marca brasileira de Acessórios fundada em janeiro de 2012 A marca buscou inspiração na Venda Direta para trazer uma

Leia mais

MARKETING NAS REDES SOCIAIS. Carlos Henrique Cangussu (Discente do 2º ano do curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS)

MARKETING NAS REDES SOCIAIS. Carlos Henrique Cangussu (Discente do 2º ano do curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS) 1 MARKETING NAS REDES SOCIAIS Angela de Souza Brasil (Docente Esp. Faculdades Integradas de Três Carlos Henrique Cangussu Daniel Barbosa Maia Elisandra Inês Peirot Schneider Marcelo Da Silva Sivestre Tiago

Leia mais

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br PROPOSTA DE PROPAGANDA - ANUNCIE NO JDC Apresentação de Plano de Publicidade Online no Site O JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ atende com o nome de JDC, porque é uma empresa que tem como sua atividade

Leia mais

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO!

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! Como deixar seu negócio on-line Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! A palavra de ordem das redes sociais é interação. Comparando a internet com outros meios de comunicação em massa como

Leia mais

A importância de personalizar a sua loja virtual

A importância de personalizar a sua loja virtual A importância de personalizar a sua loja virtual Ter uma loja virtual de sucesso é o sonho de muitos empresários que avançam por esse nicho econômico. Porém, como as lojas virtuais são mais baratas e mais

Leia mais

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching,

5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, 5Etapas Para Conseguir Clientes de Coaching, Consultoria, Terapias Holísticas e Para Encher Seus Cursos e Workshops. Parte 01 Como Se Posicionar e Escolher os Clientes dos Seus Sonhos 1 Cinco Etapas Para

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS

MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS O programa irá prepará-lo para ser um especialista em Design de Interiores Comerciais na elaboração de projetos comerciais ou de serviços. MBA EM DESIGN DE INTERIORES

Leia mais

MÍDIA KIT. A maior e melhor revista de decoração e design

MÍDIA KIT. A maior e melhor revista de decoração e design MÍDIA KIT A maior e melhor revista de decoração e design NÓS PENSAMOS NO DIA A DIA DO NOSSO LEITOR CASA CLAUDIA inspira e ajuda o leitor a tornar sua casa mais bela, confortável e restauradora nos diferentes

Leia mais

O que as empresas e profissionais devem fazer na crise!

O que as empresas e profissionais devem fazer na crise! O que as empresas e profissionais devem fazer na crise! Temos visto e vivido no Brasil um constante cenário de lamentações, reclamações, busca de culpados, busca de responsáveis e bodes expiatórios para

Leia mais

Como adquirir os materiais didáticos do Moderna.Compartilha

Como adquirir os materiais didáticos do Moderna.Compartilha Como adquirir os materiais didáticos do Moderna.Compartilha MODERNA.COMPARTILHA: INTEGRAR TECNOLOGIA E CONTEÚDOS A FAVOR DO APRENDIZADO. Os alunos deste século estão conectados com novas ideias, novas

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo

Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo CARREIRA EM ARQUITETURA E URBANISMO Os arquitetos recebem uma formação geral que lhes permite trabalhar em diversos campos: em projetos de construções, de

Leia mais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Introdução O Brasil já tem 4,7 milhões de microempreendedores individuais, segundo dados de janeiro de 2015 da Receita

Leia mais

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual Por: Rosana Rodrigues Quando comecei a escrever esse artigo, inevitavelmente fiz uma viagem ao meu passado. Lembrei-me do meu processo de escolha de carreira e me dei conta de que minha trajetória foi

Leia mais

Apresentação da Disciplina

Apresentação da Disciplina Mídia - 2015.1 Nilmar Figueiredo 1 2 3 4 Calendário Acadêmico Comentários Apresentação da Disciplina Sistema de Avaliação 1 - Apresentação da Disciplina O que é Mídia? Departamento de Mídia - Organização

Leia mais

#9. Pesquisa de mercado

#9. Pesquisa de mercado #9. Pesquisa de mercado para startups 1 Mentoria Remota é uma série de e-books exclusivos do Startup Sebrae Minas. Nesta edição, vamos falar sobre a importância da pesquisa de mercado. Conhecer seu público

Leia mais

3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO

3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO 3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO Fazer vídeos hoje em dia já não é o bicho de 7 cabeças que realmente foi a pouco tempo atrás. Nesse e-book você vai começar a aprender

Leia mais

Ventos impulsionaram descobrimentos. Pernas impulsionaram vitórias. Mãos impulsionaram grandes conquistas.

Ventos impulsionaram descobrimentos. Pernas impulsionaram vitórias. Mãos impulsionaram grandes conquistas. pra frente, sempre! Ventos impulsionaram descobrimentos. Pernas impulsionaram vitórias. Mãos impulsionaram grandes conquistas. agora, descubra o que vai impulsionar grandes vitórias e conquistas para sua

Leia mais

SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo

SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo Empreendedor Empresas Micro e Pequenas Empreender Empreendedorismo Cultural Ação

Leia mais

Especialização em Marketing Digital - NOVO

Especialização em Marketing Digital - NOVO Especialização em Marketing Digital - NOVO Apresentação Previsão de Início Agosto/2013 Inscrições em Breve - Turma 01 - Campus Stiep O ambiente de negócios tem sido modificado pelas Novas Tecnologias da

Leia mais

DESIGN PARA TODAS AS EMPRESAS

DESIGN PARA TODAS AS EMPRESAS A S DA TO AS N AS ES PR EM G SI DE R PA DESIGN PARA TODAS AS EMPRESAS BRASÍLIA - DF 2012 2012. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae Todos os direitos reservados. A reprodução

Leia mais

Estamos presentes em 20 estados

Estamos presentes em 20 estados http://goo.gl/7kuwo O IDEBRASIL é voltado para compartilhar conhecimento de gestão com o empreendedor do pequeno e micro negócio, de forma prática, objetiva e simplificada. A filosofia de capacitação é

Leia mais

ATENDIMENTO A CLIENTES

ATENDIMENTO A CLIENTES Introdução ATENDIMENTO A CLIENTES Nos dias de hoje o mercado é bastante competitivo, e as empresas precisam ser muito criativas para ter a preferência dos clientes. Um dos aspectos mais importantes, principalmente

Leia mais

I PRÊMIO CRIAR FTC. Etapas do regulamento

I PRÊMIO CRIAR FTC. Etapas do regulamento I PRÊMIO CRIAR FTC O I Prêmio Criar FTC se destina a estimular a técnica e a criatividade na realização dos diversos formatos de propaganda, assim como a valorização dos alunos de todos os semestres e

Leia mais

Pesquisa com Comerciantes de Artesanato setembro / 2013

Pesquisa com Comerciantes de Artesanato setembro / 2013 Pesquisa com Comerciantes de Artesanato setembro / 2013 1 2013. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae Todos os direitos reservados A reprodução não autorizada desta publicação,

Leia mais

Pequenas Empresas na Web

Pequenas Empresas na Web fevereiro 2010 :: ano 7 :: nº 74 :: www.revistawebdesign.com.br E D I T O R A R$ 11,90 Pequenas Empresas na Web Você sabia que, neste nicho de mercado, 80% NÃO possuem sites? Saiba como atraí-las para

Leia mais

TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS.

TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS. Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: MARKETING DIGITAL, ESTRATÉGIA FUNDAMENTAL PARA O CRESCIMENTO DAS EMPRESAS. CATEGORIA: CONCLUÍDO

Leia mais

Em 2012, a Abril Mídia lançou a 1ª edição do HOTEL PRO, uma publicação focada nas necessidades da indústria hoteleira.

Em 2012, a Abril Mídia lançou a 1ª edição do HOTEL PRO, uma publicação focada nas necessidades da indústria hoteleira. Em 2012, a Abril Mídia lançou a 1ª edição do HOTEL PRO, uma publicação focada nas necessidades da indústria hoteleira. Um grande sucesso editorial, ela vai agora para a segunda edição (com lançamento em

Leia mais

Dicas para seu Cartão de Visita

Dicas para seu Cartão de Visita O Cartão de Visita O cartão de visita é um pequeno cartão contendo os dados de contato de uma pessoa ou corporação. Para muitos, ele é a primeira ferramenta de marketing. Após um contato profissional,

Leia mais

Você, no entanto, pode nos ajudar!

Você, no entanto, pode nos ajudar! Este livro pode ser adquirido por educação, negócios, vendas ou uso promocional. Embora toda precaução tenha sido tomada na preparação deste livro, o autor não assume nenhuma responsabilidade por erros

Leia mais

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR Já pensou um bairro inteirinho se transformando em escola a

Leia mais

Toda e qualquer análise de mercado irá demandar uma série de etapas a ser seguida, dentre elas:

Toda e qualquer análise de mercado irá demandar uma série de etapas a ser seguida, dentre elas: Capítulo 16 - Os Stakeholders O termo foi originado na língua inglesa e hoje, foi completamente absorvido pela área da administração. Traduzido para o português como sendo parte interessada esse termo

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO 11/2010

BOLETIM INFORMATIVO 11/2010 Sindicato das Secretárias e Secretários do Estado do Rio Grande do Sul SISERGS Unindo você a todos os Secretários do RS! SISERGS BOLETIM INFORMATIVO 11/2010 Dia 06 de novembro ocorreu o penúltimo treinamento

Leia mais

SESSÃO 2: Explorando Profissões

SESSÃO 2: Explorando Profissões SESSÃO 2: Explorando Profissões CURRÍCULO DE PROGRAMA Muitas meninas adolescentes (e adultos também) dizem que não tem ideia do que querem fazer com o resto de suas vidas. Embora que algumas meninas sonham

Leia mais

A ARTE DE PRODUZIR ARTE Professora: Márcia Roseli Ceretta Flôres professora de artes marciacerettaflores@yahoo.com.br ESCOLA MUNICIPAL FUNDAMENTAL

A ARTE DE PRODUZIR ARTE Professora: Márcia Roseli Ceretta Flôres professora de artes marciacerettaflores@yahoo.com.br ESCOLA MUNICIPAL FUNDAMENTAL A ARTE DE PRODUZIR ARTE Professora: Márcia Roseli Ceretta Flôres professora de artes marciacerettaflores@yahoo.com.br ESCOLA MUNICIPAL FUNDAMENTAL JOÃO GOULART INTRODUÇÃO A arte apresenta uma forma de

Leia mais

Como é ser aprovado no vestibular de uma Universidade Pública, em que sabemos da alta concorrência entre os candidatos que disputam uma vaga?

Como é ser aprovado no vestibular de uma Universidade Pública, em que sabemos da alta concorrência entre os candidatos que disputam uma vaga? Abdias Aires 2º Ano EM Arthur Marques 2º Ano EM Luiz Gabriel 3º Ano EM Como é ser aprovado no vestibular de uma Universidade Pública, em que sabemos da alta concorrência entre os candidatos que disputam

Leia mais

O COMPUTADOR APLICADO NO MUNDO DA MODA.

O COMPUTADOR APLICADO NO MUNDO DA MODA. O COMPUTADOR APLICADO NO MUNDO DA MODA. Na atualidade não basta ter talento e saber transmiti-lo as nossas criações. Também é preciso conhecer as ferramentas digitais ao nosso alcance, os programas de

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho:

Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho: ASSUNTO em pauta Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho: comunicação entre jovem e empresa Velychko 30 REVISTA DA ESPM maio/junho de 2011 O jovem quer seu espaço no mercado de trabalho.

Leia mais

CONSTRUINDO UM PROJETO DE VOLUNTARIADO

CONSTRUINDO UM PROJETO DE VOLUNTARIADO CONSTRUINDO UM PROJETO DE VOLUNTARIADO ExpedieNte TEXTO Kátia Regina Gonçalves Paulo de Camargo Priscila Cruz COORDENAÇÃO DO PROJETO Sílnia Nunes Martins Prado PROJETO GRÁFICO Linea Creativa ILUSTRAÇÃO

Leia mais

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD!

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! SocialSuite Rua Claudio Soares, 72-16 andar +55 11 3032 1982 São Paulo - SP Brasil Introdução Esse material foi desenvolvido pela equipe

Leia mais

POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL?

POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL? POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL? Por que oferecer um atendimento multicanal? Este livro reúne em uma única fonte dicas para inovar na experiência com clientes, de um jeito simples e prático;

Leia mais

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais!

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Por Rafael Piva Guia 33 Prático Passos para criar Ideias de Negócio Vencedores! Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Que bom que você já deu um dos

Leia mais

Jurerê Newsr. www.jurerenews.com.br Veículo do GRUPO ADH

Jurerê Newsr. www.jurerenews.com.br Veículo do GRUPO ADH Jurerê Newsr www.jurerenews.com.br Veículo do A novidade que faltava, acaba de chegar! Adriana Althoff é jornalista formada pela Universidade Federal de Santa Catarina desde 1985. Trabalhou na RBS TV como

Leia mais

www.rakutencommerce.com.br E-BOOK

www.rakutencommerce.com.br E-BOOK APRENDA AS ÚLTIMAS DICAS E TRUQUES SOBRE COMO DAR UM TAPA 3.0 NA SUA LOJA VIRTUAL. www.rakutencommerce.com.br E-BOOK propósito desse ebook é muito simples: ajudar o varejista on-line a dar um tapa 3.0

Leia mais

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial.

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial. www.cni.org.br http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial.html Cursos de extensão presencial A Extensão é a ação

Leia mais

Painel Setorial Inmetro Desafios Atuais da Educação a Distância Módulo VI Educação a Distância: com parcerias se faz mais

Painel Setorial Inmetro Desafios Atuais da Educação a Distância Módulo VI Educação a Distância: com parcerias se faz mais Painel Setorial Inmetro Desafios Atuais da Educação a Distância Módulo VI Educação a Distância: com parcerias se faz mais Centro Operacional do Inmetro Xerém/RJ, 31 de julho de 2009 SENAI Grandes Números

Leia mais

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico O Dia D e a culturalização de um posicionamento estratégico 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE Centro Universitário Franciscano uma universidade para suas aspirações Santa Maria é um polo educacional

Leia mais

Layout certo, na hora certa

Layout certo, na hora certa 44 :: Webdesign Layout certo, na hora certa No pôquer (http://migre.me/6vm), estratégia e observação são duas das principais habilidades necessárias para se alcançar a vitória dentro de uma partida. Quem

Leia mais

R$ 400 MILHÕES gerados em negócios

R$ 400 MILHÕES gerados em negócios O Evento R$ 400 MILHÕES gerados em negócios A 19º edição da Feicon Batimat confirma sua tradição, força e relevância no setor da Construção. Os 127.762 compradores/visitantes encontraram em 85m² de área,

Leia mais

FEICON BATIMAT Inovação e referência para quem pensa em construção.

FEICON BATIMAT Inovação e referência para quem pensa em construção. A FEICON BATIMAT é o evento referência para a indústria de construção civil na América Latina. Um encontro anual para apresentação de lançamentos, demonstrações de produtos e serviços, realização de negócios

Leia mais

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE MINAS GERAIS RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL NRF 2013 BIG SHOW NOVA YORK - USA Montes Claros, fevereiro 2013 SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC

4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC 45 4 O Projeto: Estudo de caso LED / IBC A tecnologia ligada à acessibilidade ajuda a minimizar as dificuldades encontradas entre pessoas com deficiências ao acesso a diversos formatos de informação. Do

Leia mais

CONTATOS: FASHION TEEN

CONTATOS: FASHION TEEN CONTATOS: FASHION TEEN End: QI 13 Bloco E Loja 08 Lago Sul Brasília DF Tel: + 55 61.3366.2277/ 61.8533.2515 E-mail: contato@fashionteen.com.br Web: www.fashionteen.com.br APRESENTAÇÃO CURSO FASHIONTEEN

Leia mais

.na verdade, já achamos

.na verdade, já achamos TALENTOS ARTÍSTICOS .na verdade, já achamos e também achamos ideias e vontades primeiro, nas redes existentes Hugo de Lima Pequeno making of da aula de experimentações com nanquim na Oi Kabum! Escola de

Leia mais

Direção Criativa. Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto. de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento

Direção Criativa. Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto. de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento 44 :: Webdesign Direção Criativa Garantir a originalidade e a criatividade de um projeto é fruto de um trabalho árduo que exige dedicação, envolvimento e um imenso esforço para que o sucesso seja alcançado

Leia mais

Gestão de iniciativas sociais

Gestão de iniciativas sociais Gestão de iniciativas sociais Leia o texto a seguir e entenda o conceito do Trevo e as suas relações com a gestão organizacional. Caso queira ir direto para os textos, clique aqui. http://www.promenino.org.br/ferramentas/trevo/tabid/115/default.aspx

Leia mais

Como conversar com possíveis iniciadas

Como conversar com possíveis iniciadas Como conversar com possíveis iniciadas Convidar outras mulheres a tornarem-se consultoras é uma atividade chave para quem quer tornar-se diretora. Aprenda como fazer a entrevista de iniciação, ou seja:

Leia mais

(UNIDADE CEBRAC BOTUCATU)

(UNIDADE CEBRAC BOTUCATU) CAMPANHA MAIS CIDADÃO (UNIDADE CEBRAC BOTUCATU) APRESENTAÇÃO Nossa Missão: Desenvolver o potencial das pessoas e formar o cidadão profissional para atuar com brilhantismo no mercado de trabalho Estar sintonizados

Leia mais

AÇÕES INTEGRADAS Inovação e tecnologia Sistema Indústria incentiva projetos de inovação 4

AÇÕES INTEGRADAS Inovação e tecnologia Sistema Indústria incentiva projetos de inovação 4 AÇÕES INTEGRADAS Inovação e tecnologia Sistema Indústria incentiva projetos de inovação 4 IEL Nova gestão Diretor-geral projeta crescimento do Instituto 8 Curso BSC Capacitação abrange mais de 700 funcionários

Leia mais

Gestão de Negócios. Aula 01. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho

Gestão de Negócios. Aula 01. Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Gestão de Negócios Aula 01 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos multimídia

Leia mais

3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores**

3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores** 16 revistas 3,3 milhões de exemplares* por mês e 8,7 milhões de leitores** Fonte: *IV (Out/09 a Set/10) E **Ipsos-Estudos Marplan/EGM- Out/09 a Set/10 Leitores Ambos, 10/+ anos Audiência Líquida das Revistas

Leia mais

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO As empresas sabem que o planejamento digital, gestão de conteúdo, anúncios, campanhas

Leia mais

É Natural Educar Assim 1

É Natural Educar Assim 1 É Natural Educar Assim 1 Luana da Silva de ANDRADE 2 Larissa Santos de ASSIS 3 Luana Cristina KNOD 4 Rafaela Ritz dos SANTOS 5 Simone Cristina KAUFMANN 6 Tamires Lopes SILVA 7 YhevelinSerrano GUERIN 8

Leia mais

A que se propõe? Histórico e Evolução. Funcionalidades. Aplicações Comerciais. Tecnologias Envolvidas. Áreas Afetadas. Bibliografia. A que se propõe?

A que se propõe? Histórico e Evolução. Funcionalidades. Aplicações Comerciais. Tecnologias Envolvidas. Áreas Afetadas. Bibliografia. A que se propõe? O que é? Educação à Distância: [...]a modalidade de educação em que as atividades de ensino-aprendizagem são desenvolvidas majoritariamente (e em bom número de casos exclusivamente) sem que alunos e professores

Leia mais

O melhor do Brasil para o mundo

O melhor do Brasil para o mundo O melhor do Brasil para o mundo Promoção das exportações de bens e serviços Promover a internacionalização das empresas Atração de investimentos estrangeiros diretos Promoção da Marca Brasil PRINCIPAIS

Leia mais

Exercícios orientadores da aprendizagem e sua solução; Indicação das referências complementares para cada

Exercícios orientadores da aprendizagem e sua solução; Indicação das referências complementares para cada 9 MATERIAIS DIDÁTICOS - Com base no conhecimento adquirido nas reuniões anteriores, o professor deve preparar uma proposta dos materiais que pretende produzir para o seu curso/disciplina. - É importante

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais