Relatório de Gestão. Força e Voz

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relatório de Gestão. Força e Voz"

Transcrição

1 Relatório de Gestão Força e Voz

2 Apresentação Este relatório reúne de forma didática informações sobre as principais ações promovidas pela Gestão Força e Voz durante o período em que esteve à frente da Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental ANESP (dezembro/2011 a novembro/2013). As atividades desenvolvidas no âmbito da representação da carreira estão divididas em seis grandes grupos, sendo eles: 1. Gestão da carreira pela Secretaria de Gestão Pública do Ministério do Planejamento SEGEP/MPOG 2. Campanha Salarial Ações para promover a reflexão sobre a gestão pública e inserir a carreira nesse debate 4. Articulação externa 5. Organização interna 6. Eventos sociais Os grupos foram identificados pela Diretoria, durante reuniões de planejamento estratégico feitas no início da gestão, como os principais focos que deveriam ser observados nos dois anos de trabalho. É possível encontrar também, dentro do grupo Organização interna, um resumido relatório sobre a saúde financeira da Associação, comparando o cenário do início e do fim da gestão. 2

3 Sumário 1. Gestão da carreira Afastamento para participação em Programas de Capacitação de Longa Duração Processo Integrado de Mobilidade - Proim Concurso Público 5 2. Campanha Salarial 2012 / Ações para promover a reflexão sobre gestão pública e a inserção da carreira Congresso Brasileiro de Gestores Públicos - CBGP Comemoração dos 25 anos da aula inaugural do curso de formação para EPPGG Federação Brasileira dos Gestores Públicos de Carreira Eventos patrocinados Nova logomarca da ANESP Vídeos da carreira Livreto e CD-Rom Novo folder sobre a carreira de EPPGG Respvblica Articulação externa Relacionamento com parlamentares Fórum Nacional Permanente das Carreiras Típicas de Estado Fonacate École Nationale d'administration - ENA Participação em eventos externos Organização interna Finanças Comunicação Grupo de Trabalho da ANESP Novo website da ANESP Novos convênios Eventos sociais Festa Novos Calangos Festas de Fim de Ano 14 3

4 1. Gestão da carreira Nos últimos dois anos, a Secretaria de Gestão Pública - SEGEP tomou atitudes de grande impacto para a carreira de EPPGG, especialmente referentes aos seguintes assuntos, cujos atos foram instituídos entre março e junho de 2013: Afastamento para participação em Programas de Capacitação de Longa Duração PCLD; Mobilidade (Processo Integrado de Mobilidade PROIM); Concurso Público para EPPGG em 2013; Ao longo de 2012 e 2013 foram realizadas, respectivamente, nove e duas reuniões com a Segep para tratar dos assuntos supracitados e também sobre uma política de gestão da carreira e de inserção dos EPPGGs na agenda de políticas públicas. Apesar de todas essas reuniões, a SEGEP considerou muito pouco do que foi apresentado e publicou normas com ilegalidades e com graves problemas para a gestão da carreira e para a inserção dos gestores. Tais ações causaram reação na carreira e houve mais de dez Assembleias Gerais entre o início de 2012 e meados de 2013, que deliberaram pela interposição de ações judiciais contra as ilegalidades e as irregularidades presentes nas normas. Para medir a temperatura, a ANESP fez uma consulta eletrônica em agosto de 2013 que indicou uma reprovação de 94,6% dos associados em relação à SEGEP. Pelos motivos expostos, a Associação publicou e encaminhou, em 04 de setembro de 2013, aos ministros do Planejamento, da Casa Civil e da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, uma Carta na qual mostrava os principais erros promovidos pela SEGEP e pedia a exoneração da secretária de Gestão Pública. Além dessa Carta, a Diretoria procurou trabalhar junto à imprensa a divulgação de informações sobre as atitudes contrárias à carreira e à gestão pública promovidas pela Secretaria. A seguir são abordadas com mais profundidade as ações adotadas pela ANESP relativas a esses três pontos. 1.1 Afastamento para participação em Programas de Capacitação de Longa Duração - PCLD A SEGEP publicou em 13 de março de 2013 a Portaria nº 70, com novas regras para que EPPGGs se licenciem para se qualificar em cursos de pós-graduação do Brasil ou do exterior. Além de encontrar controvérsias com o texto da Lei nº 8.112/1990, a assessoria jurídica apontou falha no processo de publicação da norma. O Comitê Consultivo da Carreira não foi consultado previamente, conforme determina o Decreto nº 5.176/2004. A Diretoria levou a questão à secretária de Gestão Pública em reuniões promovidas com ela e outras dirigentes do órgão gestor, mas o pedido de mudança do normativo não foi aceito. Isso fez com que os associados aprovassem, em Assembleia realizada em março deste ano, abertura de ação ordinária coletiva (nº ), com pedido de antecipação de tutela, para restabelecer os efeitos das Portarias MPOG nº 447/2010 e 528/2009, que regulamentavam o PCLD dos EPPGGs. A antecipação foi parcialmente aceita pela Justiça, fazendo com que o Inciso I, artigo 3º da Portaria, que impedia os gestores com menos de cinco anos de carreira de participar do processo de seleção, fosse invalidado. O pedido de antecipação de tutela formulado pela Associação foi parcialmente deferido. Em face dessa decisão, a União interpôs agravo de instrumento. O processo encontra-se no gabinete da 4

5 desembargadora do Tribunal Regional Federal da 1ª Região concluso para relatório e voto. Nessa ação se deu a primeira vitória judicial da ANESP contra a SEGEP. 1.2 Processo Integrado de Mobilidade - Proim A Diretoria buscava desde 2012 promover um debate de qualidade com a SEGEP sobre uma política de mobilidade que fosse benéfica à carreira e à Administração Pública, mas sempre sem sucesso. Entre março de 2012 e setembro de 2013, foram nove reuniões com o comando da Secretaria. Os associados também foram chamados ao debate. Em nove Assembleias Gerais, o tema Mobilidade foi o principal em pauta. Além disso, os filiados formaram com os diretores um Grupo de Trabalho, inicialmente direcionado para o desenvolvimento de uma política de atuação transversal, que atendesse aos anseios da carreira. A Portaria nº 202/2013, que criou o Processo Integrado de Mobilidade PROIM sem observar algumas das mais importantes colocações dos gestores sobre a atuação transversal, foi publicada em 24 de maio. A publicação motivou a Associação a divulgar quatro position papers e a aconselhar aos gestores a não participação no PROIM. Em 28 de setembro, a ANESP protocolou um Mandado de Segurança Coletivo (nº ) contra o PROIM questionando os seguintes pontos: a necessidade de anuência prévia do órgão de alocação para participação no Processo; a falta de informações disponíveis para os EPPGGs sobre as vagas ofertadas; a falta de igualdade de tratamento entre os cargos de DAS 3; o limite de participação de EPPGGs por órgão (30% do total de gestores alocados); o limite no número de entrevistas possíveis. A secretária da SEGEP foi intimada em 02 de outubro a prestar informações sobre o fato e em 28 de novembro de 2013 a juíza da 17ª Vara Federal da Seção Judicial do DF deferiu em parte o pedido de liminar da Associação. No momento o Proim encontra-se suspenso até que a Secretaria de Gestão Pública divulgue todas as informações sobre as vagas disponíveis aos EPPGGs. 1.3 Concurso Público Uma das ações mais emblemáticas da gestão foi a movimentação contra o Edital nº 48/2013, do concurso para a carreira de EPPGG, publicado pela Escola Nacional de Administração Pública em 06 de junho. Desde seu lançamento, a Associação apontou, em notas públicas e matérias publicadas no site (30 no total, com média superior a leituras por texto), erros graves relacionados principalmente a seis aspectos: pontuação atribuída à fase de avaliação de títulos; desproporção entre os pontos direcionados aos títulos acadêmicos e à experiência gerencial; número excessivo de candidatos que seriam aprovados para a fase de análise curricular; baixa pontuação mínima exigida nas provas objetivas; falta de definição sobre como seria dada a pontuação à atividade gerencial; indicativo de que haveria uma redução no tempo de duração do curso de formação. O tema ganhou espaço na mídia nacional e diversos veículos impressos e online fizeram matérias sobre o caso, como os jornais O Globo, Correio Braziliense, Folha de S. Paulo e Folha Dirigida e os sites G1 e UOL. Foram nove textos publicados. 5

6 Parlamentares e entidades também se pronunciaram pedindo apuração da questão. Foi o caso da deputada federal Carmen Zanotto, do deputado Roberto Santiago e do Fórum Nacional Permanente das Carreiras Típicas de Estado Fonacate. Até o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios moveu uma ação civil pública contra o edital. As ações judiciais impetradas pela Associação o Mandado de Segurança Coletivo nº , de 26 de junho, e a Medida Cautelar nº tiveram destinos distintos. A primeira delas teve pedido negado sem julgamento de mérito pelo desembargador responsável. Diante do fato, foi interposta apelação sendo ela acatada pela Justiça. Já a Medida Cautelar foi indeferida, mas a assessoria jurídica também recorreu da sentença (ainda sem resposta). Paralelamente, a Associação formalizou denúncia no Tribunal de Contas da União, apontando possíveis irregularidades. No dia 29 de agosto, a denúncia foi autuada sob o número / Atualmente o processo aguarda pronunciamento do Ministro responsável. 2. Campanha Salarial 2012/2014 Após cerca de 10 meses de negociação, em 31 de agosto de 2012 a carreira de EPPGG e outras consideradas típicas de Estado oficializaram, após aprovação em suas respectivas Assembleias Gerais, a adesão ao acordo ofertado pelo governo de reajuste de 15,8%, dividido em três parcelas anuais entre 2012 e Uma novidade daquela campanha foi a criação da União das Carreiras de Estado - UCE, que reuniu 22 entidades que representam esses servidores com o objetivo de fortalecer seus pleitos. O processo contou com mais de 30 reuniões entre os integrantes da UCE e outras sete com interlocutores do governo. Além disso, três atos públicos, com participação ativa da ANESP, foram realizados em 2012, para demonstrar a relevância dessas carreiras e para pressionar o governo em relação às reivindicações. O grupo também patrocinou campanhas de vídeo - veiculadas nos intervalos comerciais dos principais telejornais do País como o Bom Dia Brasil, Jornal Nacional e Jornal da Globo - e áudio - inseridas em emissoras de rádio de âmbito nacional, como a CBN e a Bandnews (os vídeos estão disponíveis no canal da ANESP no Youtube). A equipe da Associação também foi importante nesse processo, apoiando a interlocução com outras entidades da União das Carreiras de Estado e com o governo, atendendo às demandas de imprensa e divulgando informações para associados e a sociedade (foram 54 matérias divulgadas no site em 2012 sobre a campanha salarial, com média superior a 250 leituras por reportagem). 3. Ações para promover a reflexão sobre gestão pública e a inserção da carreira 3.1 Congresso Brasileiro de Gestores Públicos - CBGP O primeiro Congresso Brasileiro de Gestores Públicos reuniu gestores dos governos federal e de dez estados, além de estudantes de cursos da área de Administração Pública e estudiosos, para discutir temas de três áreas: recrutamento, seleção e formação de executivos públicos; governança e estruturação de carreiras de executivos públicos; e o papel dos gestores na formulação, implementação e avaliação de políticas públicas. Ao idealizar um evento como esse, a ANESP objetivava, além de promover o debate e extrair 6

7 proposições sobre os assuntos, integrar gestores de diferentes esferas de governo e de outros países para intercambiar experiências e articular a formação de uma rede capaz de fortalecer cada carreira em seu universo de atuação. Para tanto foi aprovado em Assembleia Geral um orçamento de R$ 450 mil, que depois, em reunião de diretoria, foi reduzido para R$ 300 mil, com R$ 50 mil de contingência. Apesar de módico para um evento como esse, a equipe envolvida conseguiu fechá-lo no valor de R$ ,44. Como resultado, o auditório teve média de lotação de 82% (188 pessoas). As carreiras também formaram uma comissão que trabalhará pela criação da Federação Nacional de Gestores Públicos, sendo que a carreira federal se consolidou como ponto-focal dessa entidade; e elaboraram a Carta Aberta dos Gestores Públicos de Carreira em Defesa do Estado para o Cidadão - com diretrizes essenciais que devem orientar as estratégias e atuações em prol da profissionalização da administração pública e em defesa do Estado a serviço da cidadania. O documento foi lançado em 26 de novembro, durante solenidade na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, e foi enviado aos secretários estaduais de Planejamento e Administração e aos possíveis candidatos à Presidência da República em Outros resultados paralelos também estão sendo colhidos, como o convite para a ANESP ofertar em parceria com a Universidade de Brasília e a Universidad Continental (Peru) um curso na área de Gestão Pública. Dados gerais do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos Público total: 350 Público máximo em palestra: 230 Média de lotação: 82% (188 pessoas) Palestrantes estrangeiros: 8 (EUA, França, México, Peru e Argentina) Palestrantes nacionais: 6 (ANESP, Enap, FGV, UnB, FJP) Valor total: R$ ,44 Percentual gasto em relação ao orçamento total: 90% 3.2 Comemoração dos 25 anos da aula inaugural do curso de formação para EPPGG Em agosto deste ano a carreira chegou à marca simbólica de 25 anos da aula inaugural de seu curso de formação. Por isso a Associação realizou, no dia 12 de agosto, na Escola Nacional de Administração Pública ENAP, um evento de comemoração. A ocasião reuniu gestores de diferentes turmas para homenagear a carreira e personagens ligados ao contexto histórico de sua criação. Entre as autoridades que prestigiaram os EPPGGs estavam o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, filho do ex-ministro Aluizio Alves (que proferiu a aula inaugural), o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves, sobrinho de Aluizio, e o presidente da ENAP, Paulo Carvalho. Os homenageados foram: Nilson de Holanda (representando os criadores da ENAP) Ministro Aluizio Alves (ministro-chefe da Secretaria de Administração Pública, em 1989, e palestrante na aula inaugural) - in memoriam Gileno Marcelino (Secretário-Executivo da Secretaria de Planejamento quando da criação do curso) Edson Tubaki (gestor, representando os que trabalharam pela fundação da ANESP) 7

8 Francisco Gaetani (gestor, representando os que trabalharam pela fundação da ANESP) Paulo Carvalho (representando a ENAP) José Luis Pagnussat (representando os funcionários da ENAP) Luiz Alberto dos Santos (subchefe de Análise a Acompanhamento de Políticas Públicas Governamentais, da Casa Civil, pela grande contribuição à carreira) Rosani Cunha (gestora, pela marcante atuação na carreira) - in memoriam Ainda no âmbito da comemoração dos 25 anos, a ANESP criou um selo exclusivo para ser usado ao longo do período nas diversas ações da Associação, publicou um livreto com transcrições dos discursos da aula inaugural e produziu um CD-Rom de artigos sobre temas relacionados ao universo dos gestores. 3.3 Federação Brasileira dos Gestores Públicos de Carreira Resultado do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos, a criação da Federação visa dar às carreiras maior representatividade no cenário nacional e permitir, por meio do debate e proposição de melhorias, um aprimoramento da gestão pública nas diferentes esferas de governo. Existem no país hoje 12 estados Acre, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, São Paulo e Sergipe -, além do governo federal e de diversos municípios, com carreiras semelhantes à de EPPGG em sua estrutura. Durante o Congresso foi formada uma comissão com dois representantes de cada carreira para estudar a legislação vigente sobre o tema, avaliar requisitos para reconhecimento legal da Federação, redigir o Estatuto e registrar a entidade. Em breve surgirão os primeiros resultados concretos do GT de criação da entidade. 3.4 Eventos patrocinados Para permitir maior divulgação da carreira junto a públicos de interesse, a Diretoria decidiu patrocinar cinco eventos durante sua gestão: o 5º Congresso do Consad de Gestão Pública, o Prêmio Congresso em Foco 2012 e 2013, e o Encontro Nacional dos Estudantes do Campo de Públicas ENEAP de 2012 e de Congresso do Consad Um dos maiores do tipo no país, o evento reúne servidores dos três níveis de governo, profissionais que trabalham com temas ligados à Gestão Pública e estudantes de cursos de graduação e pós-graduação para assistirem mais de 50 painéis sobre assuntos relacionados a questões como avaliação de desempenho de servidores, profissionalização da administração pública e estruturação da máquina administrativa. Em ambas ocasiões, o público participantes foi de aproximadamente pessoas,muitas delas EPPGGs filiados à ANESP. O valor do patrocínio dado pela Associação foi de R$ 25 mil em cada ano. A entidade teve direito a um stand na área de coffee-break do evento. O espaço foi usado como ponto de encontro para gestores governamentais e para divulgar a carreira. Prêmio Congresso em Foco Criada por um dos mais respeitados portais de notícias do Brasil sobre as atividades legislativa ( Congresso em Foco ), a premiação busca reconhecer o trabalho de deputados e senadores em diferentes áreas de atuação. 8

9 A participação no evento é uma oportunidade que a Associação tem para se aproximar de parlamentares interessados em debater melhorias para a administração pública e para a carreira de EPPGG. O patrocínio também gera visibilidade para a carreira e para o tema Gestão Pública, pois a marca da ANESP é veiculada nos materiais de divulgação, o presidente faz a entrega de alguns dos prêmios e permite-se a criação de uma categoria especial sobre Gestão Pública (no caso de 2013, a de Defesa da Gestão Pública ). Os premiados pela ANESP nessa categoria em 2013 foram: Chico Alencar (Psol-RJ) Alessandro Molon (PT-RJ) Randolfe Rodrigues (Psol-AP) Pedro Taques (PDT-MT) Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) Humberto Costa (PT-PE) O valor destinado aos eventos foi de, respectivamente, R$ 5 mil e R$ 20 mil. Encontro Nacional dos Estudantes do Campo de Públicas ENEAP Direcionado a estudantes de cursos de graduação e pós-graduação, cerca de em cada edição, o ENEAP tem o objetivo de integrar os profissionais que trabalharão com Gestão Pública para gerar troca de ideias, opiniões, experiências e de visões acerca do que querem para o futuro da Administração Pública. Desde 2009 a ANESP apoia o Encontro por meio de patrocínio financeiro e de envio de diretores para serem palestrantes. Em 2013, os diretores Ricardo Vidal e Afonso Pacifico falaram sobre Modernização da gestão pública e regulamentação dos cargos em comissão. O apoio despendido em 2012 foi de R$ 5 mil e em 2010, de R$ 10 mil. 3.5 Nova logomarca da ANESP Após análise da antiga logomarca da ANESP, foi identificada a necessidade de modernização e alteração para que ela passasse a ter uma melhor aplicação nos materiais gráficos da entidade. A antiga era prejudicada principalmente pelo tamanho da área ilustrativa (não havia um balanço com a área de texto) e pela disposição da palavra ANESP (na vertical). Além de tudo, a marca não tinha uma manual de aplicação indicando como inseri-la nos diferentes materiais gráficos. O processo para seleção da empresa foi público e amplamente divulgado no site da ANESP. Nove matérias publicadas trataram do assunto. Os associados também puderam dar suas opiniões em duas Assembleias Gerais e duas votações eletrônicas. A análise das propostas recebidas para escolha da empresa foi feita com base em princípios técnicos e financeiros. Ao final, a agência escolhida foi a icomunicação. Além da nova logo, a equipe produziu materiais de papelaria (envelopes e folhas timbradas) e um manual de aplicação da marca. 3.6 Vídeos da carreira Com o objetivo de produzir um material de fácil acesso para a sociedade por meio das mídias sociais, como o Facebook e Youtube, e que servisse como cartão de visita da carreira em ocasiões diversas, além de registro histórico, a ANESP produziu três vídeos de curta duração e com alta qualidade de produção relacionados aos EPPGGs. 9

10 O primeiro deles foi o de apresentação da carreira. Com uma dinâmica simples e didática, a produção demorou dois meses para ficar pronta e englobou os trabalhos de apuração de informações, elaboração de roteiro, gravação de entrevistas e edição de imagens. O produto final, de 11 minutos e 39 segundos, foi lançado na comemoração dos 25 anos da aula inaugural do curso de formação para EPPGG. O segundo foi o sobre a comemoração dos 25 anos da aula inaugural do curso de formação para EPPGG. A produção, de 8 minutos e 50 segundos, faz um resumo dos momentos mais marcantes do evento e dá explica sobre a importância da data para os gestores governamentais. Assim como o vídeo dos 25 anos, a terceira produção serve para mostrar os principais debates feitos no Congresso Brasileiro de Gestores Públicos. A produção tem aproximadamente 5 minutos. A Associação ainda prepara o lançamento nas redes sociais das íntegras do evento de comemoração dos 25 anos da aula inaugural e as palestras do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos. 3.7 Livreto e CD-Rom Feitos com o apoio do associado Ciro Christo, os materiais têm o objetivo de ser um registro histórico do momento de abertura do curso de formação para a carreia de EPPGG e de reunir o conhecimento produzido sobre gestão pública e a carreira de gestor. As produções demandaram um intenso esforço de diagramação e criação de artes e layout, além de filtragem dos estudos e artigos mais interessantes sobre os temas em foco. A ANESP produziu um total de 200 cópias do DVD e do livreto. As peças foram distribuídas na ocasião da celebração dos 25 anos da aula inaugural e no Congresso Brasileiro de Gestores Públicos. Uma pequena reserva foi separada para servir de divulgação da carreira em outras ocasiões que a ANESP esteja presente institucionalmente. 3.8 Novo folder sobre a carreira de EPPGG O antigo folder da Associação se mostrou uma ferramenta útil de divulgação da carreira em eventos e reuniões com dirigentes governamentais, representantes de outras carreiras, parlamentares e atores relacionados ao universo da administração pública,mas já estava desatualizado por ter sido produzido há três anos. Era preciso atualizar as informações do material, adequar o design e inserir a nova identidade visual da ANESP. Por isso a entidade produziu a um novo folder já disponível para uso. A tiragem inicial foi de exemplares. 3.9 Respvblica A gestão Força e Voz conseguiu recuperar o atraso nos lançamentos e disponibilizou aos associados durante os últimos dois anos as edições da revista referentes a 2011, 2012 e Os volumes dos dois primeiros anos possuem cinco artigos cada, sobre temas relacionados ao universo da gestão pública. Já a edição de 2013 é especial sobre o Congresso Brasileiro de Gestores Públicos e reúne papers apresentados pelos palestrantes do evento. O lançamento das publicações de 2011 ocorreu em uma solenidade, realizada na Câmara dos Deputados, que envolveu a participação dos deputados federais Bala da Rocha, Luiz Pitiman e Amauri Teixeira. Os lançamentos das versões eletrônicas das revistas de 2012 e 2013 serão feitos na festa de confraternização da Associação que acontece em 30 de novembro de

11 4. Articulação externa 4.1 Relacionamento com parlamentares A Associação buscou, por diversas vias, intensificar nos últimos anos sua presença no Congresso Nacional. Além de patrocinar a realização das edições 2012 e 2013 do Prêmio Congresso em Foco (veja na seção Eventos patrocinados ), a entidade se associou ao Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar DIAP para ter apoio na articulação no Legislativo; fez reuniões e contatos com parlamentares ligados a temas de interesse da Associação, como os deputados federais Henrique Eduardo Alves (presidente da Câmara dos Deputados), Luiz Pitiman, Policarpo, Chico Alencar, Andreia Zito, Roberto Santiago, Bala Rocha e Amauri Teixeira, e os senadores Rodrigo Rollemberg e Aécio Neves; e esteve presente no Congresso em ocasiões importantes,como votações e debates em Comissões, sobre propostas de leis de interesse para a carreira. 4.2 Fórum Nacional Permanente das Carreiras Típicas de Estado Fonacate Nos últimos dois anos, a ANESP intensificou sua participação no Fórum para estreitar o relacionamento com as demais carreiras do grupo e aumentar sua representatividade perante o governo. Além de participar de diversas reuniões do Fonacate, com periodicidade quase mensal, a Associação foi eleita pela primeira vez como integrante de seu Conselho Fiscal. A articulação com o Fórum também envolveu a participação da Associação e de seus diretores nos dois Seminários sobre Gestão Pública que o Fórum realizou (2012 e 2013) e a aprovação de apoio público das demais carreiras em agendas da ANESP, entre as quais destacam-se o concurso público de 2013 para seleção de novos EPPGGs, os problemas gerados pela criação do Processo Integrado de Mobilidade PROIM e a necessidade de profissionalização da administração pública federal. 4.3 École Nationale d'administration ENA Com o objetivo de fortalecer os laços entre a carreira de EPPGG do governo federal com a de Administrateurs Civils do governo francês, a Diretoria da ANESP recebeu em sua sede, no dia 22 de novembro de 2012, o diretor-adjunto de Relações Internacionais da ENA, Max Brunner. O presidente da ANESP apresentou na ocasião alguns dados sobre a formação dos gestores brasileiros e sua inserção em cargos de caráter estratégico para a gestão governamental dados que surpreenderam o dirigente francês. Já o representante da ENA aproveitou a ocasião para convidar os membros da carreira a participar dos programas de intercâmbio promovidos pela Escola de Governo da França. Um dos resultados extraídos da ocasião foi a participação de Brunner como palestrante no Congresso Brasileiro de Gestores Públicos acordo firmado durante o encontro. 4.4 Participação em eventos externos Além de convites para palestrar e coordenar mesas de debate no Encontro Nacional de 11

12 Estudantes do Campo de Públicas ENEAP e na edição de 2012 do Seminário de Gestão Pública promovido pelo Fonacate, a ANESP esteve presente em outros eventos dentro e fora do Distrito Federal para ajudar na divulgação da carreira e promover articulações institucionais. Em 2012 a Associação fez a aula inaugural de um dos cursos preparatórios para o concurso de seleção de novos EPPGGs. Neste ano, diretores da entidade estiveram no Fórum Rio Bonito de Gestão Pública e em dois eventos de valorização das carreiras de gestor nos estados de Goiás e Rio de Janeiro. 5.Organização interna da ANESP 5.1 Finanças A Diretoria deixa a gestão da ANESP com uma disponibilidade de caixa (aplicações e caixa na ANESP) estimada de R$ ,47, cerca de 11% a mais do que a existente em dezembro de 2011 (R$ ,95). O ativo imobilizado da ANESP apresenta os mesmos níveis em dezembro de 2013 do que possuía em dezembro de 2011, que corresponde a R$ 443 mil (duas salas comerciais e equipamentos diversos). A receita anual de contribuições de associados estimada em 2013 é de R$ 946 mil, o que corresponde a um aumento de 8,7% em relação ao ano de 2011 (R$ 870 mil). O número de filiados passou de 840 (em dezembro de 2011) para 881 (dezembro de 2013) um aumento de quase 5%. As despesas com pessoal mantiveram-se nos mesmos níveis praticados em 2011, atingindo cerca de R$ 200 mil/ano, com uma equipe composta por um coordenador-executivo, uma assistenteadministrativa, uma secretária e um jornalista. As principais despesas realizadas em 2013 foram a realização do Congresso Brasileiro de Gestores Públicos (R$ 305 mil), a festa de fim de ano (R$ 132 mil), serviços advocatícios, custos processuais e gastos relacionados (R$ 80 mil), a produção de materiais e a comemoração do evento de 25 anos da aula inaugural do curso de formação para a carreira (R$70 mil) e patrocínios (R$ 30 mil). 5.2 Comunicação A comunicação da ANESP ganhou muito nos últimos dois anos. Além do já consolidado boletim eletrônico ANESP Informa, a entidade investiu no trabalho via redes sociais e na assessoria de imprensa. Como resultado, o site da Associação aumentou o número médio de leituras por matéria e se consolidou como referência e fonte de informações relacionadas ao tema Serviço Público para as demais carreiras do Ciclo de Gestão e do Núcleo Financeiro. No total foram publicadas 793 matérias no sítio, divididas em 99 edições do ANESP Informa. A reportagem de maior repercussão, Justiça suspende concurso para EPPGG, teve leituras até o dia 27 de novembro. Na média, as matérias foram lidas por 190 pessoas. A fanpage de Facebook criada para a carreira de EPPGG é curtida por mais de pessoas. O alcance médio de cada post é de 436 pessoas, mas alguns deles chegaram a quase usuários da rede social. As postagens também geram engajamento (curtidas, compartilhamentos e comentários). A média fica entre 10 e 20 ações desse tipo, mas algumas, como fotos do 12

13 Congresso Brasileiro de Gestores Públicos e informações sobre o concurso público de 2013 para a carreira, já chegaram a 132 ações de engajamento virtual. Por meio do trabalho de assessoria de imprensa, a carreira também conseguiu espaço de destaque em alguns veículos de circulação nacional, como as revistas Exame ( Burocratas, mas com diploma 14/11/2012) e Carta Capital ( Destino, o fator privado - 22/08/2012; A República do atraso - 17/04/2013), os jornais O Estado de S. Paulo ( Governo Federal descumpre limite de servidor sem concurso em cargo público - 14/03/2013) e O Globo ( Experiência ganha peso no Edital do Planejamento. Associação critica - 11/06/2013) e o portal G1 ( MPDF pede suspensão de concurso para gestor público federal - 10/10/2013). Confira números gerais sobre a Comunicação da ANESP. Nº de matérias divulgadas (dezembro de 2011 a 19 de novembro de 2013): 793 Nº de ANESP Informa produzidos: 99 Maior nº de leituras de uma matéria (até 16 de novembro de 2013): Nº médio de leitura por matéria: 190 Nº de Likes da página sobre os EPPGGs (em 16 de novembro de 2013): Alcance máximo dos posts da Página de EPPGG no Facebook: pessoas Alcance médio dos posts*: 436 pessoas *Apenas posts pagos são visualizados por 100% das pessoas que acompanham a página. Posts normais aparecem para as 30 pessoas que mais se relacionam com a página. Maior número de engajamento em um post (Likes, comentários e compartilhamentos): 132 Nº de entrevistas concedidas: 14 Nº de matérias feitas com assessoria de imprensa da ANESP: Grupo de Trabalho da ANESP Com o objetivo de envolver os associados na definição de estratégias usadas pela Associação e dar uma visão mais plural a alguns documentos publicados sobre pontos importantes para a carreira, a ANESP formou a partir de 2012 um Grupo de Trabalho integrado por diretores e filiados. O GT era aberto a todos os associados para participar bastava pedir inscrição e confirmar presença nas reuniões - e os encontros eram convocados conforme demanda da Associação ou dos próprios participantes. As primeiras reuniões serviram para elaborar uma proposta de política de mobilidade, apresentada à Segep em outubro de Entretanto, o grupo também se reuniu para discutir outros temas, como o relacionamento com a Secretaria de Gestão Pública. O número médio de participantes por encontro era de 12 EPPGGs. 5.4 Novo website da ANESP Diante de problemas de defasagem tecnológica e visual, de usabilidade e de arquitetura da informação e para permitir uma maior divulgação da carreira e dos conhecimentos gerados por EPPGGs, a ANESP iniciou o projeto de produção de um novo site. Além da renovação do sítio, ele agrega, em dois módulos a serem implementados no início de 2014, a formulação de uma ferramenta de pesquisas direcionadas à carreira e a criação de uma rede socioprofissional dos gestores. Tudo para dar mais facilidade na geração de dados sobre os EPPGGs e para permitir uma maior integração entre os associados para discutir temas ligados ou não à esfera pública. 13

14 A seleção da empresa foi feita por edital público. As propostas foram avaliadas seguindo critérios técnicos e financeiros pré-estabelecidos. Ao final a vencedora foi a Liberiun, com um valor de R$ a ser pago na entrega de cada Módulo. A previsão de lançamento do Módulo 1, que abrange o portal propriamente dito, é a primeira quinzena de dezembro. Os Módulos 2 (ferramenta de pesquisa e base de dados dos associados) e 3 (Rede Socioprofissional) serão implementados nos primeiros meses de Novos convênios A Gestão Força e Voz aumentou de 36 para 45 o número de convênios mantidos pela ANESP. Confirma os que foram firmados nos últimos dois anos: Aurum Joalheria CCAA Centro de Implantes Dentários Coaching Profissional - Iradj Eghrari Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas / Fundação Getúlio Vargas - Ebape/FGV Fundação Escola Superior do MPDFT Instituto Publix Mackenzie SulAmérica 6. Eventos sociais 6.1 Festa Novos Calangos Realizada em 26 de maio de 2012, a festa, realizada na Asbac, teve como objetivo comemorar os 23 anos da ANESP e o ingresso das últimas turmas de gestores. A Associação deu espaço para que músicos da cidade mostrassem suas obras. O som ficou por conta do sambista e compositor Pedro Cariello, dos grupo Sacassaia, Banda Salve e Mundo Racional e dos DJs Chicco Aquino e Pezão. Cerca de 600 participantes, entre associados e sociedade em geral, se reuniram em um ambiente informal para acelebração, que custou R$ 22 mil à ANESP. 6.2 Festas de Fim de Ano Já tradicional dentro da carreira, a gestão manteve o formato conhecido pelos associados, mas com algumas inovações que buscavam adequar o evento aos variados perfis que compõem a carreira. Foi adicionado uma atração musical para a abertura da confraternização e disponibilizado um bar com drinks mais elaborados. Em 2012, os músicos contratados para a confraternização foram a cantora Indiana Nomma e Banda Jam, Banda Salve e DJ Ed. O público presente foi de aproximadamente 550 pessoas. O custo total da festa ficou em R$ ,64. Em 2013 a festa será animada por George Lacerda e Banda (música nacional), Joe Torquato & Kiko Peres (pop-rock) e DJ Pezão. R$ ,00 na de A previsão de comparecimento é de 700 convidados. 14

15 15

Relatório Explicativo dos Demonstrativos de Resultados 2010

Relatório Explicativo dos Demonstrativos de Resultados 2010 Brasília, 26 de agosto de 2011 Relatório Explicativo dos Demonstrativos de Resultados 2010 1.Resultado Geral Em 2010, a ANESP teve receitas de R$774.214,97, sendo que R$758.243,63 oriundos das mensalidades

Leia mais

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Aprovado por: Diretoria de Informação Institucional 1 OBJETIVO Definir e padronizar os procedimentos referentes

Leia mais

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) é um concurso jornalístico instituído pelo Sebrae Nacional Serviço Brasileiro

Leia mais

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância A Escola A ENAP pode contribuir bastante para enfrentar a agenda de desafios brasileiros, em que se destacam a questão da inclusão e a da consolidação da democracia. Profissionalizando servidores públicos

Leia mais

AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL

AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 18 a 22 de outubro, 2010 770 AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL Tiago Valenciano Mestrando do Programa de

Leia mais

º 000107-AL LEI COMPLEMENTAER Nº. 0042, DE 15 DE AGOSTO DE

º 000107-AL LEI COMPLEMENTAER Nº. 0042, DE 15 DE AGOSTO DE Referente ao Projeto de Lei Complementar n. º 000107-AL LEI COMPLEMENTAER Nº. 0042, DE 15 DE AGOSTO DE 2007. Publicada no Diário Oficial do Estado nº 4073, de 20.08.07 Autor: Deputado Jorge Amanajás Autoriza

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida profissionais

Leia mais

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 A proposta de plano de comunicação elaborada pela Coordenação- Geral de Comunicação e Editoração

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008.

DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008. DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008. Dispõe sobre as ações de comunicação do Poder Executivo Federal e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o

Leia mais

Relatório de Gestão Setorial 2010

Relatório de Gestão Setorial 2010 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial 2010 Cruz das Almas BA 2010 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO RELATÓRIO DE ATIVIDADES Período: Janeiro

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 010/2013

ATO NORMATIVO Nº 010/2013 ATO NORMATIVO Nº 010/2013 Organiza as ações de comunicação social, no âmbito do Ministério Público do Estado da Bahia. OPROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA, no uso das atribuições que lhe confere

Leia mais

A Conciliação. A Campanha 2015. Objetivos da Campanha

A Conciliação. A Campanha 2015. Objetivos da Campanha A Conciliação A Semana Nacional da Conciliação é uma ação institucional do CNJ que ocorre desde 2008. Essa iniciativa, já consolidada, conta com a participação de demais tribunais brasileiros e terá logomarca

Leia mais

A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CONTAGEM

A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CONTAGEM DECRETO nº 1098, de 12 de fevereiro de 2009 Dispõe sobre alocação, denominação e atribuições dos órgãos que compõem a estrutura organizacional do Gabinete da Prefeita e dá outras providências. A PREFEITA

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO DE SELEÇÃO CBG Nº 006/2014 GESTÃO DA PLATAFORMA DE COMUNICAÇÃO

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO DE SELEÇÃO CBG Nº 006/2014 GESTÃO DA PLATAFORMA DE COMUNICAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO DE SELEÇÃO CBG Nº 006/2014 GESTÃO DA PLATAFORMA DE COMUNICAÇÃO A CBG Confederação Brasileira de Golfe, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA Introdução É importante ressaltar que um plano de comunicação tem a finalidade de tornar conhecida

Leia mais

RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006

RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006 RELATÓRIO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ANASPS 2006 Em 2006, no período, a área de Comunicação Social da ANASPS seguiu intensificando suas atividades: Foram produzidas: 1 - Cinco edições do JORNAL DA ANASPS,

Leia mais

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À CRIAÇÃO OU AO APERFEIÇOAMENTO DE NÚMEROS CIRCENSES

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À CRIAÇÃO OU AO APERFEIÇOAMENTO DE NÚMEROS CIRCENSES EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À CRIAÇÃO OU AO APERFEIÇOAMENTO DE NÚMEROS CIRCENSES O Presidente da Fundação Nacional de Artes - Funarte, no uso das Atribuições que lhe confere o inciso V artigo 14

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL RESOLUÇÃO CUNI Nº 085, DE 6 DE DEZEMBRO DE 2011. O Conselho Universitário da Universidade Federal de Lavras, no uso de suas atribuições regimentais, e tendo em vista o que foi deliberado

Leia mais

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013 Matérias na Câmara PEC 185/2012 Acrescenta parágrafos ao art. 37 da Constituição Federal para estabelecer data certa para a revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos e dá outras providências.

Leia mais

CARTA DE SERVIÇOS. Coordenação-Geral da Gestão da Carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental.

CARTA DE SERVIÇOS. Coordenação-Geral da Gestão da Carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental. CARTA DE SERVIÇOS Coordenação-Geral da Gestão da Carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental Brasília - DF Secretaria de Gestão Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014 PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO PROGRAMA DE COMBATE AO TRABALHO INFANTIL (PCTI) GESTÃO REGIONAL RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014 www.trt7.jus.br/trabalhoinfantil SEMANA CEARENSE

Leia mais

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS 2014 1 Índice 1. Contexto... 3 2. O Programa Cidades Sustentáveis (PCS)... 3 3. Iniciativas para 2014... 5 4. Recursos Financeiros... 9 5. Contrapartidas... 9 2 1. Contexto

Leia mais

Plano de trabalho ABMES 2013

Plano de trabalho ABMES 2013 1. Apoio às IES de pequeno porte (eventos presenciais e a distância) Diretoria, Assessoria, Consultores e IES apoiadoras Realizar seminário na com o objetivo de identificar a situação atual das PMIES Contratar

Leia mais

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior.

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior. APRESENTAÇÃO A chapa Experiência e trabalho: a luta continua" tem como marca principal a soma. Policiais e dirigentes sindicais experientes juntam esforços com os colegas mais novos, para trabalhar por

Leia mais

CARTA FIANÇA / FIANÇA BANCÁRIA (PAF-ECF)

CARTA FIANÇA / FIANÇA BANCÁRIA (PAF-ECF) CARTA FIANÇA / FIANÇA BANCÁRIA (PAF-ECF) A carta fiança ou fiança bancária tem sido exigida por alguns Estados brasileiros para o credenciamento do Programa Aplicativo Fiscal PAF-ECF. Em vista da exigência

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social A Assessoria de Comunicação Social (ASCOM) da Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG é uma unidade de apoio e assessoramento da Instituição, diretamente ligada ao Gabinete da Reitoria, que dentre suas

Leia mais

http://diariodocongresso.com.br/novo/2011/09/expresso-livre-alcanca-20-mil-usuarios...

http://diariodocongresso.com.br/novo/2011/09/expresso-livre-alcanca-20-mil-usuarios... Page 1 of 8 Diário do Congresso Os Bastidores do Poder On-line Os Bastidores do Poder On-line Capa Senado Câmara Entrevistas Artigos Blogs Opinião Partidos Políticos Pesquise no DC 1ª Página Jornais 1ª

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 1.0 DOS OBJETIVOS A 1ª. Edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal será realizada pela FEBRAFITE com o apoio das associações filiadas

Leia mais

Eventos Fehosp 2012. Congresso Anual Audhosp Encontros Regionais

Eventos Fehosp 2012. Congresso Anual Audhosp Encontros Regionais Eventos Fehosp 2012 Congresso Anual Audhosp Encontros Regionais Hotel Palm Plaza Resort em Campinas 24 a 27 de abril de 2012 www.fehosp.com.br / eventos@fehosp.com.br FEHOSP Fundada em 1959, a Federação

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL

REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL EDIÇÃO 2014 1 REGULAMENTO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL EDIÇÃO 2014 SUMÁRIO Apresentação, 4 1.0 Dos Objetivos, 5 2.0 Dos Participantes, 5 3.0 - Das Categorias,

Leia mais

V Prêmio DEST Monografias Empresas Estatais REGULAMENTO

V Prêmio DEST Monografias Empresas Estatais REGULAMENTO Art. 1º Idealizado pelo Departamento de Coordenação e Controle das Empresas Estatais e instituído pela Portaria nº 113, de 1º de junho de 2005, cuja nova denominação foi dada pela Portaria 137, de 9 de

Leia mais

as cores locais formando um mosaico de sucesso

as cores locais formando um mosaico de sucesso 3º PRÊMIO DE COMUNICAÇÃO DO SISTEMA UNIMED Regulamento O presente regulamento tem a finalidade de estabelecer as normas aplicáveis ao Prêmio de Comunicação do Sistema Unimed, relativas aos participantes,

Leia mais

COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO

COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO COMISSÃO DO CONCURSO PARA SELEÇÃO DO SELO COMEMORATIVO DOS 10 ANOS DA ESCOLA DO LEGISLATIVO SENADOR JOSÉ LINDOSO Inscrição: 15.9.2015 a 30.10.2015 Prazo de Entrega dos Trabalhos: 17 horas do dia 30.10.2015

Leia mais

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS, usando das atribuições legais e regimentais,

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS, usando das atribuições legais e regimentais, DECRETO JUDICIÁRIO Nº 1543/2013. Dispõe sobre a Regulamentação da concessão de Bolsa de Graduação e Pós-Graduação no âmbito do Poder Judiciário do Estado de Goiás. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO

Leia mais

NOTÍCIAS DO PLENO 10 a 14 de dezembro Gestão Atitude Crítica para Avançar na Luta 2008 2011 Aqui você encontra os principais assuntos da reunião de dezembro do Conselho Pleno. São notas curtas que têm

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS CAPÍTULO II DA FINALIDADE, VINCULAÇÃO E SEDE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS CAPÍTULO II DA FINALIDADE, VINCULAÇÃO E SEDE LEI N. 2.031, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2008 Institui o Serviço Social de Saúde do Acre, paraestatal de direito privado, na forma que especifica. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que

Leia mais

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS (ABRACE) CAPÍTULO I Da Natureza, Sede e Duração

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS (ABRACE) CAPÍTULO I Da Natureza, Sede e Duração ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS (ABRACE) CAPÍTULO I Da Natureza, Sede e Duração Art. 1º - A Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas,

Leia mais

POLÍTICA DE PATROCÍNIO DA ELETROBRÁS

POLÍTICA DE PATROCÍNIO DA ELETROBRÁS POLÍTICA DE PATROCÍNIO DA ELETROBRÁS agosto de 2009 Eletrobrás Política de Patrocínio da Eletrobrás A Eletrobrás, alinhada a sua missão de criar, ofertar e implementar soluções que atendam aos mercados

Leia mais

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA 1. Plano de Comunicação interna 1.1 Aspectos estruturantes 1.1.1 Objetivo O objetivo maior do plano de comunicação interna é fortalecer a gestão do Programa Arpa, a coesão entre parceiros e agentes diretamente

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS Er REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS Art 1º O Fórum da Agenda 21 Local Regional de Rio Bonito formulará propostas de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento sustentável local, através

Leia mais

DECRET0 Nº 2.250, DE 30 DE MAIO DE 2008

DECRET0 Nº 2.250, DE 30 DE MAIO DE 2008 DECRET0 Nº 2.250, DE 30 DE MAIO DE 2008 Publicado no Jornal Correio Paranaense Em, 04.06.2008 Dispõe sobre a Estrutura Regimental da Secretaria Municipal de Governo. O Prefeito Municipal de São José dos

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA CLIPPING SENADO FEDERAL E CONGRESSO NACIONAL NOTICIÁRIO MAIO DE 2010 SEAI 05/2010 Brasília, junho de 2010 Análise de Notícias Senado Federal e Congresso Nacional 1. Mídia

Leia mais

A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás. Acordo de Parceria - Convênios 2011. AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás

A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás. Acordo de Parceria - Convênios 2011. AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás Acordo de Parceria - Convênios 2011 AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás ACORDO DE PARCERIA - CONVÊNIOS 2011 Preparada Por: Empreza Educação e Serviços

Leia mais

CHAPA PLURALIDADE & AÇÃO

CHAPA PLURALIDADE & AÇÃO CHAPA PLURALIDADE & AÇÃO PROPOSTA DE PLANO DE TRABALHO PARA A GESTÃO 2014-2015 VISÃO: GestRio fortalecida pela participação ativa dos gestores públicos e reconhecida pelos dirigentes estaduais e por toda

Leia mais

O MUSICAL PROPOSTA DE PATROCÍNIO

O MUSICAL PROPOSTA DE PATROCÍNIO O MUSICAL PROPOSTA DE PATROCÍNIO O MUSICAL - APRESENTAÇÃO O projeto Cássia Eller - O Musical presta uma homenagem à vida e à obra desta que foi uma das mais talentosas cantoras da história brasileira.

Leia mais

PROJETO DE CIDADANIA

PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA A Anamatra A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho Anamatra congrega cerca de 3.500 magistrados do trabalho de todo o país em torno de interesses

Leia mais

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea"

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea" EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PREÂMBULO A Fundação Bienal de São Paulo convoca interessados

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.707, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2006. Institui a Política e as Diretrizes para o Desenvolvimento de Pessoal da administração

Leia mais

O CONGRESSO NACIONAL decreta:

O CONGRESSO NACIONAL decreta: Altera a Lei nº 10.683, de 28 de maio de 2003, que dispõe sobre a organização da Presidência da República e dos Ministérios; autoriza a prorrogação de contratos temporários firmados com fundamento no art.

Leia mais

PORTARIA PGR/MPF Nº 918 DE 18 DE DEZEMBRO DE 2013 CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS E DIRETRIZES

PORTARIA PGR/MPF Nº 918 DE 18 DE DEZEMBRO DE 2013 CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS E DIRETRIZES PORTARIA PGR/MPF Nº 918 DE 18 DE DEZEMBRO DE 2013 Institui a Política Nacional de Comunicação Social do Ministério Público Federal. O PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere

Leia mais

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO O Prêmio OAB-GO de Jornalismo é um concurso jornalístico instituído pela Seção de Goiás da Ordem dos Advogados do Brasil para premiar matérias

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL

RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL Brasília 2013 SUMÁRIO MOTIVAÇÃO DO RELATÓRIO... 3 INTRODUÇÃO... 3 INICIATIVAS DO SENADO FEDERAL PARA ADEQUAÇÃO À LEI DE

Leia mais

Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade

Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade Rede de Responsabilidade Social Empresarial pela Sustentabilidade Existe a compreensão evidente por parte das lideranças empresariais, agentes de mercado e outros formadores de opinião do setor privado

Leia mais

ANEXO I REGIMENTO INTERNO DO GABINETE DO MINISTRO CAPITULO I CATEGORIA E FINALIDADE

ANEXO I REGIMENTO INTERNO DO GABINETE DO MINISTRO CAPITULO I CATEGORIA E FINALIDADE (Portaria GM-MP nº 220, de 25 de junho de 2014 ) ANEXO I REGIMENTO INTERNO DO GABINETE DO MINISTRO CAPITULO I CATEGORIA E FINALIDADE Art. 1º O Gabinete do Ministro, órgão subordinado diretamente ao Ministro

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR MODALIDADE: Produto Acordo de Empréstimo BIRD - Nº 7841-BR PROJETO

Leia mais

Mestrado Profissional em Administração em Rede Nacional

Mestrado Profissional em Administração em Rede Nacional Mestrado Profissional em Administração em Rede Nacional Modalidade a Distância Santo André-SP, junho de 2011 A quem se destina Qualificação de funcionários públicos federais, estaduais e municipais. Objetivos

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso

Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso A respeito da idade de ingresso das crianças, no ensino fundamental de 9 anos de duração, ocorreram acaloradas discussões na esfera educacional

Leia mais

COMISSÃO DIRETORA. Praça dos Três Poderes Senado Federal CEP: 70165 900 Brasília DF

COMISSÃO DIRETORA. Praça dos Três Poderes Senado Federal CEP: 70165 900 Brasília DF A estrutura administrativa do Senado Federal está dividida em três áreas que compreendem os órgãos superiores de execução, órgãos de assessoramento superior e órgão supervisionado. Conheça a estrutura

Leia mais

INSTITUTO LOJAS RENNER

INSTITUTO LOJAS RENNER 2011 RELATÓRIO DE ATIVIDADES INSTITUTO LOJAS RENNER Instituto Lojas Renner Inserção de mulheres no mercado de trabalho, formação de jovens e desenvolvimento da comunidade fazem parte da essência do Instituto.

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS n. 001/2015 - Março Mulheres 2015 - MULHERES: AUTONOMIA E CIDADANIA

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS n. 001/2015 - Março Mulheres 2015 - MULHERES: AUTONOMIA E CIDADANIA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS n. 001/2015 - Março Mulheres 2015 - MULHERES: AUTONOMIA E CIDADANIA SOCIEDADE CIVIL (ENTIDADES DO MOVIMENTO SOCIAL, ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS, ASSOCIAÇÕES E SIMILARES)

Leia mais

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba 1 Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo 16º Concurso de Roteiro Capixaba A GALPÃO PRODUÇÕES, empresa privada com sede à Rua Professora Maria Cândida da Silva, nº 115 - Bairro República Vitória - Espírito

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO

TERMO DE COMPROMISSO TERMO DE COMPROMISSO Ao primeiro de outubro de 2010, no salão da Escola Municipal de Aprendizagem Industrial, EMAI, situa na Av. Rio Branco, Santa Maria, as seguintes Instituições: ASSOCIAÇÃO NACIONAL

Leia mais

PLANEJAMENTO OPERACIONAL DAS AÇÕES

PLANEJAMENTO OPERACIONAL DAS AÇÕES PLANEJAMENTO OPERACIONAL DAS AÇÕES Ação Atividade Recurso Prazo Responsável Articular com o Comitê Participação em reuniões de planeja e 4 Computadores com internet Quinzenal Alexandre Almeida Estadual

Leia mais

CASULO Incubadora de Empresas do UniCEUB

CASULO Incubadora de Empresas do UniCEUB CASULO Incubadora de Empresas do UniCEUB TERMO ADITIVO AO EDITAL nº 02/2013 PROCESSO DE SELEÇÃO DE EMPRESAS ALTERAÇÃO DE DATAS E FORMA DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS Apoio: Brasília, 28 de agosto de 2013.

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA O Prêmio Mulheres que Fazem a Diferença é uma realização do Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO - CONVITE N 01/2014 PROCESSO 08/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO - CONVITE N 01/2014 PROCESSO 08/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO - CONVITE N 01/2014 PROCESSO 08/2014 I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Por determinação do(a) Senhor(a) GILMAR DE ALMEIDA BOEIRA, Prefeito Municipal, com a autoridade que lhe é atribuida

Leia mais

DELIBERAÇÃO PLENÁRIA N 20, DE 26 DE MAIO DE 2015.

DELIBERAÇÃO PLENÁRIA N 20, DE 26 DE MAIO DE 2015. DELIBERAÇÃO PLENÁRIA N 20, DE 26 DE MAIO DE 2015. Regulamenta a concessão de apoio institucional pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Goiás (CAU/GO), caracteriza as suas modalidades e dá outras

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009.

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. O GOVERNADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO: Dispõe sobre o Modelo Integrado de Gestão do Poder Executivo do Estado de Pernambuco. Faço saber que a Assembléia

Leia mais

FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA

FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA FENAJ - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA RESOLUÇÃO CNE Nº 01/2008, REPUBLICADA (*), DE 07/07/2008 Artigo 1º Este Regimento Interno contém as normas que regulam o funcionamento

Leia mais

PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER

PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER 1.1-Reunião com a diretoria 1.1.1 03/02 ( sexta feira ) 17h 1.1.1.1 Convocar membros da diretoria

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA SCS nº 01/2015. Ato de aprovação: Decreto nº. 18.435 de 19 de agosto de 2015.

INSTRUÇÃO NORMATIVA SCS nº 01/2015. Ato de aprovação: Decreto nº. 18.435 de 19 de agosto de 2015. INSTRUÇÃO NORMATIVA SCS nº 01/2015 "Dispõe sobre os procedimentos para campanha institucional, de utilidade pública, acompanhamento de eventos e ouvidoria. Versão: 01. Aprovação em: 19 de agosto de 2015.

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO

BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO 27.12.2013 NÚMERO 14 BOLETIM INFORMATIVO RADIODIFUSÃO Aberta consulta pública sobre direitos autorais Matérias de especial interesse Aberta consulta pública sobre direitos autorais Desoneração da folha

Leia mais

BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA

BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO

Leia mais

Contrata Consultor na modalidade Produto

Contrata Consultor na modalidade Produto Contrata Consultor na modalidade Produto PROJETO 914BRZ4011 EDITAL Nº 01/2010 1. Perfil: Iphan Central 15 3. Qualificação educacional: - Graduação concluída em Arquitetura e Urbanismo, desejável Pósgraduação

Leia mais

PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TÉCNICA DESCENTRALIZADA SUL-SUL RETIFICADO

PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TÉCNICA DESCENTRALIZADA SUL-SUL RETIFICADO PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TÉCNICA DESCENTRALIZADA SUL-SUL I. CONTEXTO RETIFICADO Nos anos 90 e início dos 2000, diversas cidades brasileiras e latino-americanas lançaram-se em ações internacionais, prática

Leia mais

ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL

ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL ESTRUTURA ORGÂNICA E FUNCIONAL Diretor Geral O Diretor Geral supervisiona e coordena o funcionamento das unidades orgânicas do Comité Olímpico de Portugal, assegurando o regular desenvolvimento das suas

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL

PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL As Faculdades Integradas Barros Melo vêm tornar público aos alunos regularmente matriculados nos Cursos de Jornalismo,

Leia mais

PROJETO BÁSICO AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA

PROJETO BÁSICO AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA PROJETO BÁSICO AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA Projeto Básico da Contratação de Serviços: Constitui objeto do presente Projeto Básico a contratação de empresa especializada em serviços de comunicação

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

Nº DESCRIÇÃO EIXO SC PP CPP QTD ORDEM

Nº DESCRIÇÃO EIXO SC PP CPP QTD ORDEM Nº DESCRIÇÃO EIXO SC PP CPP QTD ORDEM Criar rádios e TV's comunitárias voltadas à prestação de contas das ações, programas e 1 projetos existentes nos municípios e divulgação dos serviços públicos locais,

Leia mais

Mapa Musical da Bahia 2014 FAQ

Mapa Musical da Bahia 2014 FAQ Mapa Musical da Bahia 2014 FAQ 1. O que é o Mapa Musical da Bahia? O Mapa Musical da Bahia é uma ação da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) para mapear, reconhecer e promover a difusão da música

Leia mais

DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014

DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014 Institui a Política Nacional de Participação Social - PNPS e o Sistema Nacional de Participação

Leia mais

Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS

Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS PRÁTICA 1) TÍTULO Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS 2) DESCRIÇÃO DA PRÁTICA - limite de 8 (oito) páginas: O Hotsite da Carta de Serviços ao Cidadão do MDS foi um projeto realizado pela Ouvidoria

Leia mais

O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo

O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo Contextualização Sumário - O Controle na Administração Pública - O Controle Externo - O Controle Interno O Controle Interno do Poder Executivo do Estado

Leia mais

COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS)

COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS) COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS) 1 A seguir apresentamos o fluxo para a Implantação de um Observatório Social(OS), dentro do Sistema de Franquia Social da Rede

Leia mais

Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05

Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05 Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05 Dezembro/2003 - A discussão sobre carga horária para

Leia mais

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS REGULAMENTO PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS DISPOSIÇÕES GERAIS 1º. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul, sob coordenação da Gerência de Comunicação e Marketing

Leia mais

EDITAL Nº 6/2011, de 23 de maio de 2011.

EDITAL Nº 6/2011, de 23 de maio de 2011. CÂMARA DOS DEPUTADOS DIRETORIA-GERAL DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE FORMAÇÃO, TREINAMENTO E APERFEIÇOAMENTO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM POLÍTICA E REPRESENTAÇÃO PARLAMENTAR

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO DO SENADO Nº, DE 2013

PROJETO DE RESOLUÇÃO DO SENADO Nº, DE 2013 PROJETO DE RESOLUÇÃO DO SENADO Nº, DE 2013 Regulamenta a divulgação institucional das atividades político-parlamentares dos Senadores nos Estados e no Distrito Federal. O SENADO FEDERAL resolve: Art. 1º

Leia mais

DECRETO N 35178 DE 2 DE MARÇO DE 2012

DECRETO N 35178 DE 2 DE MARÇO DE 2012 DECRETO N 35178 DE 2 DE MARÇO DE 2012 Institui o Comitê de Gestão de Gente, o Grupo de Líderes Cariocas da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, o Curso para Gestores, a Certificação Profissional em

Leia mais

2. DO OBJETIVO Constitui objeto deste EDITAL, seleção de projetos para a realização dos Eventos Juninos nas áreas rurais e distritos de Canindé.

2. DO OBJETIVO Constitui objeto deste EDITAL, seleção de projetos para a realização dos Eventos Juninos nas áreas rurais e distritos de Canindé. PREFEITURA MUNICIPAL DE CANINDÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA E ESPORTE DE CANINDÉ EDITAL Nº: 002/2013 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS CONCORRENTES PARA A REALIZAÇÃO (APOIO A FESTEJOS JUNINOS)

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012

RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012 RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012 Dispõe sobre alterações na Regulamentação de apoio à pesquisa do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense. O Presidente do do Instituto Federal de

Leia mais

Política Nacional de Participação Social

Política Nacional de Participação Social Política Nacional de Participação Social Apresentação Esta cartilha é uma iniciativa da Secretaria-Geral da Presidência da República para difundir os conceitos e diretrizes da participação social estabelecidos

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA INDÚSTRIA, DO COMÉRCIO E ASSUNTOS DO MERCOSUL.

SECRETARIA DE ESTADO DA INDÚSTRIA, DO COMÉRCIO E ASSUNTOS DO MERCOSUL. ANEXO REGIMENTO INTERNO DO FÓRUM REGIONAL PERMANENTE DAS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE DO ESTADO DO PARANÁ CAPÍTULO I NATUREZA E COMPETÊNCIAS Art. 1º. Ao Fórum Regional Permanente das Microempresas

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CAPÍTULO I DA FINALIDADE ART. 1º - O Núcleo de Prática Jurídica, subordinado à Faculdade de Direito

Leia mais

Termo de Cooperação Técnica entre as Procuradorias Gerais dos Estados e do Distrito Federal

Termo de Cooperação Técnica entre as Procuradorias Gerais dos Estados e do Distrito Federal Termo de Cooperação Técnica entre as Procuradorias Gerais Termo de Cooperação Técnica celebrado entre as Procuradorias Gerais das Unidades Federais do Acre, Amazonas, Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito

Leia mais