CDL EM AÇÃO. Nova diretoria da CDL Uberlândia toma posse e defende mudança no cenário econômico

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CDL EM AÇÃO. Nova diretoria da CDL Uberlândia toma posse e defende mudança no cenário econômico"

Transcrição

1 CDL EM AÇÃO Informativo Mensal - CDL Uberlândia - Nº045- Março / 2015 Presidente Sr. Cícero Heraldo Novaes Nova diretoria da CDL Uberlândia toma posse e defende mudança no cenário econômico A solenidade de posse da nova diretoria da CDL Uberlândia, reuniu no último dia 26 de fevereiro, no auditório da entidade, CDL Convenções e Eventos, empresários e representantes do comércio. Entre eles, o Presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Minas Gerais (FCDL-MG), Frank Sinatra Santos Chaves; o Presidente do SPC Brasil, Roque Pelizzaro Júnior; o Prefeito de Uberlândia Gilmar Machado, presidentes de CDLs de todo o Brasil e autoridades do poder legislativo das três esferas nacionais. Com um discurso bem elaborado, o Presidente empossado Cícero Heraldo Novaes, explanou sobre a necessidade de mudanças no Brasil nas áreas de segurança, educação, economia, indústria, comércio e a impunidade no país, deixando uma mensagem sutil, porém consistente aos dirigentes dos governos em todos os níveis. Tendo como premissa tomar medidas para ajudar a alavancar a economia no setor, Novaes enfatizou sobre o excesso de impostos que onera as empresas. O custo para cada organização manter sua estrutura contábil no Brasil é superior a 3,5% de todo o seu faturamento. Ansiamos por um tipo de imposto, nos mesmos moldes dos países do primeiro mundo, cujas economias sejam estáveis e com crescimento contínuo. Assim poderíamos exportar e importar mais, evitando a evasão de divisas e os danos irreparáveis aos comerciantes de nosso país. Por outro lado, acredito que se nós dependemos de todos os serviços prestados dentro de um município e temos condições de acompanhar e fiscalizar o poder público, então, este local tem que ficar com a maior parte da arrecadação. Ainda em seu pronunciamento, o novo presidente da CDL disse que com a experiência na condução de processos associativos, a proposta da CDL é melhorar os serviços oferecidos e criar uma representação político-institucional, capaz de elevar a sociedade produtiva ao lugar que sempre deveria ser seu. Para que isto ocorra, ele acredita na aproximação com as associações coirmãs. Essa relação será perseguida com muita tenacidade, afinal, temos o mesmo objetivo, que é a busca por um país melhor e o apoio de nossos governantes à atividade produtiva. Convidado para discursar, o presidente da FCDL-MG, Frank Sinatra Santos Chaves, ressaltou as qualidades de um dos primeiros presidentes da CDL Uberlândia, Araken Novaes, e que, segundo ele, foi um dos que levantaram a bandeira do varejo nacionalmente e conseguiu transformar o SPC. Em seu discurso, Frank Sinatra fez uma reflexão sobre a dificuldade de os lojistas sobreviverem num país onde a carga tributária é excessiva. Ser comerciante no Brasil é um grande desafio. Os impostos altos estão contribuindo para a decadência de muitas empresas que contribuíram tanto para esse país. O comércio precisa de políticas realistas para seguir com o seu propósito, afirmou. Em seguida, o presidente do SPC Brasil, Roque Pelizzaro fez uma declaração breve dizendo que teve a oportunidade de exercer vários cargos na FCDL e na CNDL e que é otimista. Ainda que vivamos em momentos muito desvirtuados, somos uma nação batalhadora e eu acredito no Brasil, disse ainda que parabenizava o Presidente anterior Celso Vilela, pelo bom trabalho na condução da Entidade. Na ocasião, o prefeito Gilmar Machado falou sobre a importância da CDL para o crescimento econômico da cidade. Tenho certeza que o Cícero fará um grande trabalho. A CDL é força da cidade, da região e é essencial para promover a geração de emprego e renda para o município. Gilmar disse ainda que o poder público de Uberlândia, está aberto para que junto à CDL possa continuar desenvolvendo parcerias que possibilitem a abertura de novas empresas. Em 2013, a Câmara de Vereadores aprovou o projeto Pró-Micro que tem possibilitado a abertura de pequenas e médias empresas com mais facilidade. Tenho certeza que essa parceria proporciona um ganho para toda a cidade, concluiu o prefeito. A posse festiva formalizou o compromisso de diretores que compõem a chapa eleita para o novo triênio. Além do presidente, ao todo tomaram posse: dois vice-presidentes, um vice- presidente administrativo financeiro, 14 diretores, três conselheiros fiscais efetivos e três conselheiros fiscais suplentes. A nova diretoria comandará a entidade de 2015 a 2017.

2 A cerimônia de posse. A solenidade de posse da CDL, gestão 2015/2017, apresentou-se diferente das usuais por ser temática. Foi montado no foyer (sala de confraternização ao lado do anfiteatro) do centro de convenções da CDL, uma praça fictícia tal qual a de uma cidade que tem a sua volta empresas do comércio e serviços, que representam os associados da Entidade. Nesta praça havia grandes painéis por todo o perímetro com fotos de lojas de vários segmentos: supermercado, clínica, salão e outras atividades dos membros que são representados. E em todos os painéis havia um selo com a frase: Nossa força vem daqui. O intuito foi mostrar para os convidados que a CDL representa o interesse de 3600 associados e que vai atuar com muito mais intensidade na área políticoinstitucional, para defender a classe e o Brasil. Além disto foi feito uma cerimônia com a apresentação de um vídeo com imagens do Brasil com o Hino Nacional cantado pela Sra. Fabiana Moura e acompanhado pelo grupo musical Arte Fantástica, que foi muito aplaudido e provocou muita emoção na plateia. Foi também montado um vídeo exortando a economia do Brasil e o papel do empresariado na produção de riquezas, de empregos e na contribuição dos impostos, mostrando a força da rede de CDLs (mais de 2000 no Brasil, com mais de 1 milhão de Associados) e ao final nossa força local e a vontade sermos a semente e a esperança de mudança por um Brasil melhor. Veja as fotos de nossa posse:

3

4 Discurso da Cerimônia de posse da CDL Pontos Chaves A posse da diretoria da CDL foi marcada por um discurso que chamou a atenção, em especial da classe política. Veja os principais pontos destacados pelo presidente da CDL: A CDL avançou ao longo dos anos graças a criação de um serviço de análise cadastral para os varejistas, como ferramenta importante na concessão de crédito para seus clientes; bem como a ampliação do volume de serviços e treinamentos, mantendo a CDL em um crescimento constante e aumentando seu poder de representatividade; A CDL integra uma rede nacional de mais de duas mil unidades, capitaneada pela CNDL e tem uma marca cujo valor é acima de seu patrimônio, o que é motivo de orgulho para todos os que participam dela; Missão da diretoria: melhorar os serviços oferecidos e criar uma representação político-institucional, fortalecendo a relação com as associações coirmãs e os governantes; A CDL pretende lutar: Por carga tributária mais justa, para que o Brasil possa exportar e importar menos; Por um país sem excesso de leis, tendo em vista que as existentes são muito obsoletas; Lutar para que a arrecadação fique distribuída de forma justa, sendo boa parte para os municípios; Para que tenhamos a reestruturação da máquina pública; Por qualidade de ensino e não quantidade de escolas. O ensino fundamental precisa prover a necessidade de uma formação com amplo conhecimento geral e a qualificação técnica ser entendida, como uma profissão rentável e digna de qualquer classe; Para que Brasil não fique somente na dependência de exportações de commodities e para que o produto acabado ou com valor agregado, seja nosso carro chefe; Para que o governo crie um ambiente de negócios que favoreça e encoraje as empresas a assumir riscos e a investir mais; Por uma reforma de base que permita a avaliação de desempenho dos funcionários públicos e a flexibilização de carreira, para facilitar tanto promoções, quanto demissões por cumprimento ou não das metas; Para que tenhamos menos empresas estatais; Para que a política externa priorize as relações comerciais com os países consumidores e deixe de lado as ideologias; Para que tenhamos uma segurança pública estruturada; Por menos impunidade, penas justas e leis que funcionem. Por uma classe lojista mais sólida e promissora. Leia o discurso completo no site da CDL Uberlândia:

5 Confira o discurso na integra. Discurso proferido pelo Presidente da CDL Uberlândia no evento de Posse Social Nova Gestão Triênio 2015/2017, realizado dia 26/02/2015, no CDL Convenções e Eventos. Prezadas Autoridades, Senhores e Senhoras presentes: Transcorria o ano de 1977, quando alguns empresários atentos a oportunidades de negócios, troca de experiências e mais informações de interesse comum, anteviram a possibilidade de criar um serviço de análise cadastral para os varejistas, como ferramenta importante na concessão de credito para seus clientes, nascia então, o Clube de Diretores Lojistas de Uberlândia. Este fato marcou o início de uma trajetória de sucesso para a Entidade. Os esforços contínuos de seus Presidentes com suas respectivas Diretorias, ao longo de suas gestões, ampliaram o volume de serviços e treinamentos, mantendo a CDL em um crescimento constante e aumentando seu poder de representatividade. Hoje, passados 38 anos a CDL, já com o nome modificado para Câmara de Dirigentes Lojistas, integra uma rede nacional de mais de 2000 unidades, capitaneada pela CNDL e tem uma marca cujo valor é acima de seu patrimônio, o que é motivo de orgulho para todos os que participam dela. Representante dos segmentos do Comércio, Serviços, Profissionais Liberais e outros, a CDL tem como bandeira a livre iniciativa e o livre mercado, lutando por um ambiente de negócios mais amigável e capaz de permitir a liberdade, a criattividade e o crescimento das atividades empresariais. Como Presidente eleito, para o triênio 2015/2017, me sinto honrado por presidir uma Associação de tal magnitude e responsável por tantos feitos, porém também percebo a enorme responsabilidade para com os 3600 Associados, que com certeza, têm grandes anseios e expectativas no papel da Entidade, para que seus negócios se desenvolvam e cresçam com sustentabilidade. Fui conduzido ao cargo juntamente com minha Diretoria, composta por membros dedicados e qualificados, capazes de doar seu precioso tempo em prol de uma causa comum e importante para o setor. Nossa experiência na condução de processos associativos tem como missão, melhorar os serviços oferecidos e criar uma representação político-institucional, capaz de elevar a sociedade produtiva ao lugar que sempre deveria ser seu. Para que isto ocorra, a relação com as Associações coirmãs são de extrema importância e em meu período de gestão, esta aproximação será perseguida com muita tenacidade, afinal temos o mesmo objetivo, que é a busca por um país melhor e o apoio de nossos governantes à atividade produtiva. O Brasil ainda tem uma democracia incipiente, oriunda de uma transição iniciada em 1984 e fortalecida pela Constituição de 1988, porém como todo adolescente ainda está em processo de formação e consolidação e é exatamente por isto, que nós empresários, que produzimos e criamos empregos e com os frutos deste trabalho, pagamos nossas contribuições para que sejam transformadas em benefícios reais para toda a sociedade, levando nossa população a ter uma melhor qualidade de vida. Com este papel estamos credenciados para intervir e propor medidas, para evitar um Brasil que não queremos.

6 Desde o início deste processo em busca de uma democracia plena, com valorização dos meios produtivos, temos tido vários governos cuja capacidade tem sido questionada, devido aos altos e baixos da economia, a criação de planos mirabolantes, a incapacidade de criar equipes ministeriais competentes e de um ambiente político, promíscuo, corrupto e principalmente, que não leva em conta os interesses e necessidades do povo brasileiro. Esta situação tem sido crescente ao longo dos anos e agora, atingiu proporções absurdas, sendo necessário providencias urgentes de nossa parte. Aspiramos por um Brasil que não tenha 32 partidos políticos oficiais e mais 41 outros em processo de obtenção de registro, criando assim, uma rede de benefícios e oportunismos em cargos públicos, em troca de formação e apoio da base de qualquer governo, porém à custa dos trabalhadores brasileiros. Ansiamos por um tipo de imposto, nos mesmos moldes dos países do primeiro mundo, cujas economias sejam estáveis e com crescimento contínuo. Isto nos permitiria exportar e importar, de acordo com as mesmas regras vigentes ao grupo desenvolvido, evitando a evasão de divisas e a vergonha dos brasileiros, por conviver com o contrabando e as viagens internacionais, cujo fim é buscar produtos que não estejam tão majorados pelos impostos escorchantes, provocando danos irreparáveis aos comerciantes de nosso país. Desejamos um país sem excesso de leis, no Brasil são aproximadamente 181 mil, fora decretos, portarias e outras, que além de serem inúmeras delas obsoletas, representam um cerceamento à liberdade individual. E para que tantas leis, se a justiça não tem capacidade de exercer seu papel, não existe uma corregedoria competente e capaz de fiscalizar os juízes e nem uma organização interna que permita a celeridade para se fazer justiça. A Justiça Trabalhista ao invés de ser uma vara da Justiça comum, tem uma estrutura paralela tão grande, quanto há da original. E o pior, o enorme custo desta formatação fica por nossa conta. O custo por cada empresa para manter sua estrutura contábil no Brasil é superior a 3,5% de todo seu faturamento. Não podemos continuar com a assimetria entre os entes que compõem a Federação Brasileira, onde a União fica com 57,60% dos impostos, os Estados com 24,70% e os Municípios 18,30%. Se o cidadão habita os municípios dependendo de todos os serviços prestados por ele e é onde consegue reivindicar suas necessidades e tem condições de acompanhar e fiscalizar o poder público, então, este local tem que ficar com a maior parte da arrecadação. Temos que pensar em uma estrutura enxuta para o Estado, com custos compatíveis e com capacidade real de levar a cabo seu trabalho. O Brasil a cada novo governo vem aumentando o número de Ministérios, Tancredo Neves desenhou uma esplanada com 23 ministérios e atualmente este número chegou a 39 pastas, sendo que parte delas foi criada para tentar agradar partidos ou segmentos de população, portanto sendo inadequadas para a reestruturação da máquina pública. Ambicionamos um país que tenha produtividade, mas no Brasil atual este sonho está longe de se realizar. Esta mudança necessita de um programa de educação diferente, onde o volume de Universidades se meça por qualidade de ensino e não por quantidade de escolas. O ensino fundamental precisa prover a necessidade de uma formação com amplo conhecimento geral e a qualificação técnica ser entendida, como uma profissão rentável e digna de qualquer classe.

7 O Brasil não pode ficar somente na dependência de exportações de commodities, como minério de ferro e soja é necessário criar condições de infraestrutura e de inovação na indústria, para que o produto acabado ou com valor agregado, seja nosso carro chefe. Os formuladores de políticas permitiram a existência de muitas empresas, não competitivas ou ineficientes no país e o custo da mão de obra é um dos mais caros do mundo. A eficácia de uma economia depende de um taxa de juros real baixa e no Brasil isto nunca ocorre, por força de uma inflação sempre alta em decorrência do aumento crescente da dívida pública e da falta de independência do Banco Central. Os governantes brasileiros precisam parar de tentar agir como os chineses. Ou seja, o governo precisa parar de interferir tanto na economia. O uso do BNDES, por exemplo, é excessivo, protecionista e discriminatório. O governo domina o mercado financeiro por meio dos bancos públicos e elege os campeões nacionais, para suas benesses. Uma coisa é acreditar em justiça social, mas não se consegue isto com intervenção na economia. Nem a China, que é um país comunista, faz isso. Parece que o Brasil quer ser mais chinês do que a própria China! Em vez de fazer isso, o governo deveria criar um ambiente de negócios que favoreça e encoraje as empresas, a assumir riscos e a investir mais. Enfatizamos mais uma vez Nosso país precisa aumentar sua competitividade. Entre 2010 e 2014, o Brasil foi o país que mais perdeu posições no ranking mundial de competitividade. Neste período, caiu do 38º lugar para o 54º, entre as 60 economias analisadas pelo International Institute for Management Development (IMD) e pela Fundação Dom Cabral. O Estado precisa de organização, qualidade de serviços e controle por parte da Sociedade e seu dever é criar uma estrutura, que dote o cidadão de garantias de sobrevivência e segurança, permitindo um espaço de oportunidades iguais para todos. A partir daí, o desempenho de cada um tem que falar mais alto. A confusão mais comum é imaginar que o fortalecimento dos quadros do setor público deve ocorrer por meio de mais contratações. Nos últimos dez anos, o número de servidores ativos dos Três Poderes e do Ministério Público cresceu 30% e a capacidade não evoluiu. No nosso caso, o mais urgente a fazer é uma reforma de base que permita a avaliação de desempenho dos funcionários públicos e a flexibilização das carreiras, para facilitar tanto promoções quanto demissões por cumprimento ou não das metas. Um relatório do Banco Interamericano de Desenvolvimento, divulgado no início deste ano, mostra que a discussão sobre meritocracia no serviço público, avançou muito na América Latina na última década. Mas no Brasil parece ter parado no tempo. Precisamos de um país cujas empresas estatais sejam mínimas ou indispensáveis e a governança corporativa, incluindo aí compliance e membros fiscalizadores da sociedade produtiva, seja capaz de dar transparência aos seus atos e que o setor político, não tenha influência sobre elas. O pior efeito do esquema de drenagem de recursos das empresas públicas, para beneficiar interesses dos partidos políticos, inclusive os de oposição, vai além da ordem moral: esquemas assim mostram como as instituições hoje, servem mais ao poder do que à população. É hora de inverter o sentido, para o que recomendaram os melhores pensadores clássicos: todo poder deve servir ao povo. Os programas de transferência de renda precisam de contrapartida e de tempo para acabar, caso contrário, teremos um grande número de brasileiros como cidadãos de segunda classe e eternos eleitores de cabresto, situação incompatível com a democracia.

8 A política externa precisa priorizar as relações comerciais com os países consumidores e deixar de lado as ideologias. As relações com o Mercosul ou Unasul, não podem impedir que o Brasil faça acordos bilaterais ou multilaterais com outras nações, que julgue adequadas aos nossos negócios. As relações de compadrio com governantes de países sul americanos e de regimes menos democráticos, têm que ser extremamente transparentes e sujeitas à apreciação de membros da Sociedade Civil. Não podemos continuar com uma Segurança Pública desestruturada, onde o cidadão comum não pode portar uma arma para se defender, mas os meliantes as encontram em profusão, através do contrabando ou da ajuda de alguns membros de uma corporação digna, que foi criada para nos defender. Da mesma forma, a maioridade penal tem que ser reduzida. Com a informação ao alcance de todos, o argumento de que um menor não sabe o que faz, não passa de uma falácia. Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgados pelo jornal O Globo, mostram que a violência custa ao Brasil o equivalente a 5,4% do Produto Interno Bruto (PIB). A impunidade é outro mal que nos aflige, mas não pelas penas aplicadas, que já são severas, mas pelo sem número de brechas, subterfúgios e postergações propiciadas pela legislação processual penal. Aliás, isso não ocorre apenas no Código de Processo Penal, mas também no Código de Processo Civil. Somados a outros aspectos que legislam sobre a fase propriamente policial e que compõem a fase pré-processual, termina-se gerando uma boa parcela deste malefício. A Polícia não deveria ser dividida em militar e civil, com viés de militarismo e de submissão ao sistema, porque ambas tratam com a população civil e têm por objetivo a segurança da mesma. É preciso exercer uma liderança estratégica, nas mudanças políticas necessárias ao conceito de justiça e segurança. E isto implica em alterações constitucionais, sendo necessário retirar da Constituição o capítulo que trata das polícias, que as divide em duas. O resultado é que elas não conseguem exercer, mesmo que se esforcem, uma sintonia capaz de terem um desempenho como se fosse uma. Este fato foi resultado de um lobby na Constituinte de 1988 e que engessou a segurança pública. Essas mudanças também podem ocorrer pela indução de reformas institucionais e organizacionais nas polícias, sistema prisional e justiça. O governo federal tem capacidade de financiamento e liderança, que pode suplementar recursos e induzir mudanças importantes nos estados e municípios. Nos Estados Unidos a polícia é do Município e não do Estado, este princípio inteligente e comprovado, mostra que a melhor solução está no local onde se comete o crime. Cabe a União introduzir inteligência no sistema, através da tecnologia, da organização de informações e análise de dados, e principalmente do preparo de profissionais de segurança pública, aptos a esses novos modelos. Enfim, nossa CDL estende as mãos para o Poder Público e a Sociedade, para construirmos um Brasil melhor, porque nós somos a semente e a esperança, de que juntos faremos as mudanças. Acreditem! Nós acreditamos! Muito obrigado a todos! Cícero Heraldo Oliveira Novaes Triênio 2015/2017

9 Qual o significado da Páscoa para os cristãos? A Páscoa é uma das datas comemorativas mais importantes presentes no calendário varejista, e é a festividade mais importante para a religião cristã. No entanto, poucos sabem exatamente o seu significado. Páscoa significa passagem e tem origem no termo hebraico Pessach. No Domingo de Páscoa é celebrada a Ressurreição de Jesus Cristo. A data é comemorada após a primeira lua cheia que ocorre no início da primavera, no hemisfério Norte. Sempre entre os dias 22 de março e 25 de abril. A Semana Santa inicia-se com o Domingo de Ramos, que lembra a entrada de Jesus em Jerusalém, nesta ocasião as pessoas cobriam a estrada com folhas da palmeira com o objetivo de comemorar sua chegada. Na Sexta Feira Santa os cristãos celebram a morte de Jesus na cruz. O Domingo de Páscoa celebra a Ressurreição de Jesus e sua primeira aparição entre seus discípulos. Por que os coelhos e os ovos são símbolos da páscoa? Aos coelhos, símbolos da deusa Ostara, as tradições rituais germânicas associaram a prática de entrega de ovos de aves pintados com tintas para as crianças. Essa prática valia-se do subterfúgio da caça do coelho. No momento em que iam caçar os coelhos, as crianças encontravam, escondidos nos campos, os ovos adornados. No período da Idade Média, o culto à Ostara e à estação da Primavera logo passou a ser associado à Ressurreição de Cristo, em face da cristianização dos povos bárbaros. No entanto, a assimilação do mito germânico pelo cristianismo não implicou a abolição total dos ritos a ele associados. A prática da entrega de ovos passou a ser relacionada, portanto, à Páscoa, e não mais à deusa Ostara. Com a leva de migrações alemãs para o continente americano, essa prática generalizou-se. Os mais antigos registros sobre a lenda alemã do coelho que traz os ovos para as crianças datam de Expectativa nacional de vendas A maioria dos supermercados brasileiros acredita que as vendas não devem crescer nesta Páscoa em comparação com igual período do ano passado. De acordo com a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), 55,8% dos entrevistados acreditam que as vendas devem ficar estáveis. Outros 17,3% consideram a possibilidade de queda nas vendas e apenas 26,9% apostam em crescimento. Neste ano, de acordo com a Abras, todos os produtos relacionados à Páscoa tiveram aumento de preço. Os ovos de Páscoa apresentam a maior alta, chegando a ficar 10,9% mais caros na comparação com A categoria Chocolates em geral, que inclui os tabletes, teve aumento de 8,8% nos preços. Esta tradição tão simpática pelo ato de presentear e saborosa com a troca de ovos de chocolate, independentemente de preços está arraigada no povo brasileiro e terá sua continuidade garantida em nossas famílias.

10 Empresa em Destaque A Inspire é uma agência de comunicação que busca diálogos e relacionamento para fortalecer o que há de melhor nas empresas. Por meio de um planejamento minucioso, a agência oferece assessoria de imprensa, com possibilidade de construção de diálogos duradouros com veículos e jornalistas. No meio digital, o objetivo é colocar as empresas na frente do seu público, interagindo com geração de conteúdo original e construindo um diálogo legítimo entre as marcas e os seus clientes. A Inspire é uma agência de ideias e lançou no ano de 2015, o Mapeamento da Experiência do Cliente, um serviço inovador e que conquistou espaço em grandes mídias, como o portal Mundo do Marketing e R7.com. Que tal conhecer a Inspire e as suas soluções? Entre no Site Inspire: Fundação CDL - Evento

11 CDL Anúncios Leve as informações de seus produtos para a casa do seu cliente. Saíba Mais. Contrate

12 Agenda Mais 2015 MARÇO/ABRIL 16 a 18/03 16 a 20/03 23 a 27/03 23 a 27/03 Venda Mais Horário: 19h às 22:00h C.H.: 9 horas Liderança e Coaching Horário: 19h às 22:00h C.H.: 15 horas Oratória: A arte de falar em público Horário: 19h às 22h C.H.: 15 horas Motivando e Engajando Equipes Horário: 19h às 22h C.H.: 9 horas Inicío 06/04 Programa Gerência no Varejo Horário: 19h às 22h C.H.: 72 horas 13 a 16/04 Vitrine: Técnicas para decorar sua loja e aumentar suas vendas Horário: 19h às 22h C.H.: 12 horas É reservado à Fundação CDL o direito de cancelar qualquer curso caso não haja número suficiente de alunos para a sua realização, bem como proceder a eventuais alterações. INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES Expediente Marketing - CDL Uberlândia Serifa Comunicação Fone: / Fax: Av. Belo Horizonte, Bairro Osvaldo - CEP Uberlândia /cdluberlandia

Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil

Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Este guia pretende nortear os Grupos Escoteiros do Brasil a desenvolverem um

Leia mais

Como participar pequenos negócios Os parceiros O consumidor

Como participar pequenos negócios Os parceiros O consumidor Movimento incentiva a escolha pelos pequenos negócios na hora da compra A iniciativa visa conscientizar o consumidor que comprar dos pequenos é um ato de cidadania que contribui para gerar mais empregos,

Leia mais

Há quase três décadas, o O PRAZER DO RECONHECIMENTO. inside

Há quase três décadas, o O PRAZER DO RECONHECIMENTO. inside O PRAZER DO RECONHECIMENTO Por Fabiane Abel Há quase três décadas, o Prêmio Anefac Profissional do Ano escolhe anualmente os melhores executivos das áreas de Finanças, Administração e Contabilidade, levando

Leia mais

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento.

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento. DISCURSO DE POSSE Boa Noite a todos! Cumprimento o ex-diretor presidente Sebastião Calais, o Prefeito Leris Braga, o vice-prefeito Alcemir Moreira, o presidente da Câmara de Vereadores Juarez Camilo, o

Leia mais

DISCURSO DO PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS, NELSON P

DISCURSO DO PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS, NELSON P DISCURSO DO PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS, NELSON P. SIROTSKY, NO 3º ENCONTRO DAS CORTES SUPREMAS DO MERCOSUL BRASÍLIA, 21 DE NOVEMBRO DE 2005 A Associação Nacional de Jornais, que tenho

Leia mais

PLANOS PERGUNTAS E RESPOSTAS DE PRODUTOS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR

PLANOS PERGUNTAS E RESPOSTAS DE PRODUTOS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR PLANOS DE PRODUTOS PERGUNTAS E RESPOSTAS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR 1 O QUE SÃO PLANOS? Planos são mensalidades bonificadas que têm por objetivo simplificar, padronizar e aumentar a competitividade das CDLs

Leia mais

Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico

Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico Boletim Econômico Edição nº 87 outubro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico 1 O papel dos bancos

Leia mais

Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015

Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015 Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015 INOVAR É FAZER Manifesto da MEI ao Fortalecimento da Inovação no Brasil Para nós empresários Inovar é Fazer diferente, Inovar

Leia mais

O papel dos conselhos na afirmação do Pacto pela Saúde

O papel dos conselhos na afirmação do Pacto pela Saúde Informativo interativo eletrônico do CNS aos conselhos de Saúde Brasília, junho de 2006 Editorial O papel dos conselhos na afirmação do Pacto pela Saúde A aprovação unânime do Pacto pela Saúde na reunião

Leia mais

Especialistas apontam obstáculos e soluções para o Brasil avançar

Especialistas apontam obstáculos e soluções para o Brasil avançar AGENDA BAHIA Especialistas apontam obstáculos e soluções para o Brasil avançar Além das reformas tributária e trabalhista, país precisa investir em infraestrutura eficaz, na redução do custo da energia

Leia mais

Carta da Indústria 2014 (PDF 389) (http://arquivos.portaldaindustria.com.br/app/conteudo_18/2013/06/06/481/cartadaindstria_2.pdf)

Carta da Indústria 2014 (PDF 389) (http://arquivos.portaldaindustria.com.br/app/conteudo_18/2013/06/06/481/cartadaindstria_2.pdf) www.cni.org.br http://www.portaldaindustria.com.br/cni/iniciativas/eventos/enai/2013/06/1,2374/memoria-enai.html Memória Enai O Encontro Nacional da Indústria ENAI é realizado anualmente pela CNI desde

Leia mais

FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO

FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO FECOMÉRCIO VEÍCULO: NOVO JORNAL DATA: 02.12.15 EDITORIA: NOTAS DA REDAÇÃO VEÍCULO: NATAL NOTÍCIAS DATA: 02.12.15 01 Dez 2015 Presidente Marcelo Queiroz participa da 17ª Convenção do Comércio e Serviços

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

A história do Balanço Social

A história do Balanço Social C A P Í T U L O 1 A história do Balanço Social D esde o início do século XX registram-se manifestações a favor de ações sociais por parte de empresas. Contudo, foi somente a partir da década de 1960, nos

Leia mais

Fortaleza, 4 de novembro de 2013.

Fortaleza, 4 de novembro de 2013. Fortaleza, 4 de novembro de 2013. Discurso do Ministro Alexandre Tombini, Presidente do Banco Central do Brasil, no V Fórum Banco Central sobre Inclusão Financeira Senhoras e senhores, boa tarde a todos.

Leia mais

CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL

CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO CARTILHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL 1. O que é a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF)? A Lei de Responsabilidade Fiscal é um código

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

Aprofundar mudanças rumo a um modelo de desenvolvimento sustentável

Aprofundar mudanças rumo a um modelo de desenvolvimento sustentável Este artigo é cópia fiel do publicado na revista Nu e va So c i e d a d especial em português, junho de 2012, ISSN: 0251-3552, . Aprofundar mudanças rumo a um modelo de desenvolvimento sustentável

Leia mais

Nº ALGUMAS DAS PROPOSTAS INDICAÇÃO DA ALTERAÇÃO 1 Aumento do tamanho dos lotes:

Nº ALGUMAS DAS PROPOSTAS INDICAÇÃO DA ALTERAÇÃO 1 Aumento do tamanho dos lotes: Instituto Defenda Sorocaba aponta contradição no Plano Diretor 2014: meta de projeção de uma cidade sustentável e a ampliação do parcelamento de lotes são incompatíveis O Instituto Defenda Sorocaba (entidade

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 54 Discurso na cerimónia de inauguração

Leia mais

Depois de dar entrada ao processo, é só aguardar 15 dias para realizar a cerimônia

Depois de dar entrada ao processo, é só aguardar 15 dias para realizar a cerimônia Depois de dar entrada ao processo, é só aguardar 15 dias para realizar a cerimônia O primeiro passo é dar entrada ao Processo de Habilitação. Procure um Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais no

Leia mais

Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho

Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho Brasília, 02/01/2011 (Saudações e agradecimentos)... Senhoras e senhores,

Leia mais

Em recente balanço feito nas negociações tidas em 2009, constatamos

Em recente balanço feito nas negociações tidas em 2009, constatamos DESAFIOS E PERSPECTIVAS PARA O DIÁLOGO SOCIAL NO BRASIL: O MODELO SINDICAL BRASILEIRO E A REFORMA SINDICAL Zilmara Davi de Alencar * Em recente balanço feito nas negociações tidas em 2009, constatamos

Leia mais

Congresso Brasileiro. Regulação da Mineração

Congresso Brasileiro. Regulação da Mineração Congresso Brasileiro sobre a Regulação da Mineração O caminho para a maturação regulatória Avaliação das propostas governamentais e consequências para a cadeia produtiva Aplicabilidade Jurídica da Legislação

Leia mais

de frente Na linha Automação e expansão ABAD ENTREVISTA

de frente Na linha Automação e expansão ABAD ENTREVISTA Na linha Como a automação contribuiu para o desenvolvimento das empresas de distribuição e atacadistas? A automação foi fundamental para o crescimento e fortalecimento do setor. Sem o uso intensivo da

Leia mais

Mensagem do senhor presidente da República para a 3ª Fispal Latino e ao 28º Congresso Hemisférico das Câmaras do Comércio e Indústrias Latinas:

Mensagem do senhor presidente da República para a 3ª Fispal Latino e ao 28º Congresso Hemisférico das Câmaras do Comércio e Indústrias Latinas: Íntegras da mensagem do Presidente Lula e do discurso da ministra Marta Suplicy no encerramento do XXVIII Congresso Hemisférico de Câmaras de Comércio e Indústrias Latinas Miami 02/06/2007. Antes de tudo,

Leia mais

Estimados colegas representantes dos países membros do Fórum das Federações, Embaixadores e delegados

Estimados colegas representantes dos países membros do Fórum das Federações, Embaixadores e delegados PRESIDENCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS SUBCHEFIA DE ASSUNTOS FEDERATIVOS Assunto: DISCURSO DO EXMO. SUBCHEFE DE ASSUNTOS FEDERATIVOS DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS DA

Leia mais

Prefeito Empreendedor. Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios

Prefeito Empreendedor. Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios Prefeito Empreendedor Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios Março/2012 Expediente Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior MDIC Fernando

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ LUÍS MÁRIO LUCHETTA DIRETOR PRESIDENTE GESTÃO 2005/2008 HISTÓRICO

Leia mais

PRESIDÊNCIA GRUPO DE MULHERES PARLAMENTARES DAS AMÉRICAS DO FIPA

PRESIDÊNCIA GRUPO DE MULHERES PARLAMENTARES DAS AMÉRICAS DO FIPA RELATÓRIO 2009-2011 PRESIDÊNCIA GRUPO DE MULHERES PARLAMENTARES DAS AMÉRICAS DO FIPA Linda Machuca Moscoso Membro da Assembléia Nacional do Equador RESUMO EXECUTIVO DO RELATÓRIO 2009-2011 Este resumo executivo

Leia mais

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade PGQP Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade visão das lideranças A Excelência de qualquer organização depende da sinergia entre três fatores:

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação e Comunicação da Região Central do Centro do Rio Grande do Sul CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Outubro de 2013 MISSÃO Fortalecer, qualificar,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 36 Discurso por ocasião do jantar

Leia mais

A Sombra do Imposto. Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já

A Sombra do Imposto. Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já A Sombra do Imposto Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já Expediente A Sombra do Imposto Cartilha produzida pelo Sistema Fiep (Federação das Indústrias do Estado do Paraná).

Leia mais

A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas. 15 ago 13

A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas. 15 ago 13 A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas 15 ago 13 Associação Iniciativa formal ou informal que reúne pessoas físicas ou jurídicas com objetivos comuns, visando superar

Leia mais

mudanças qualitativas radicais na vida econômica, social e política das nações.

mudanças qualitativas radicais na vida econômica, social e política das nações. PRONUNCIAMENTO DO MINISTRO EDUARDO CAMPOS NA SOLENIDADE DE INSTALAÇÃO DA III ASSEMBLÉIA GERAL DA ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE PARLAMENTARES PARA A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (IPAIT), NA CÂMARA DOS DEPUTADOS,

Leia mais

Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS

Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS Relatório da assessoria de imprensa do CORECON/RS Eleição e posse dos dirigentes presidente e vice-presidente do CORECON/RS Data: 15 de janeiro Hora: 12 horas Local: Sede do Conselho Regional de Economia

Leia mais

+ BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES

+ BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES + BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES CDL CARTÕES +FACILIDADE Com o objetivo de oferecer soluções para facilitar a vida dos associados e seus funcionários, a FCDL-MG se uniu à Valle Express,

Leia mais

visão global do mundo dos negócios

visão global do mundo dos negócios Senhor Primeiro Ministro Senhor Ministro da Saúde Senhor Presidente da AM Senhor Presidente do CA da Lenitudes Senhores Deputados Srs. Embaixadores Srs. Cônsules Senhores Vereadores e Deputados Municipais

Leia mais

Evento acontece na cidade de Caxambu e começa nesta sexta (18)

Evento acontece na cidade de Caxambu e começa nesta sexta (18) https://www.educacao.mg.gov.br/imprensa/noticias/178 3-educacao-amplia-interlocucao-com-representantes- do-movimento-sindical Notícia veicula no site Portal da Educação em 17/02/11 Secretária Ana Lúcia

Leia mais

PALAVRAS DO GOVERNADOR TASSO JEREISSATI POR OCASIÃO DA ABERTURA DO SEMINÁRIO "LIDERANÇA JOVEM NO SECULO XXI", AOS 07/03/2002 ~j 2902 03-0~/02

PALAVRAS DO GOVERNADOR TASSO JEREISSATI POR OCASIÃO DA ABERTURA DO SEMINÁRIO LIDERANÇA JOVEM NO SECULO XXI, AOS 07/03/2002 ~j 2902 03-0~/02 PALAVRAS DO GOVERNADOR TASSO JEREISSATI POR OCASIÃO DA ABERTURA DO SEMINÁRIO "LIDERANÇA JOVEM NO SECULO XXI", AOS 07/03/2002 ~j 2902 03-0~/02 Excelentíssimo Senhor Enrique Ig lesias, Presidente do Banco

Leia mais

CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO

CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO FUNDO COMUM PARA OS PRODUTOS BÁSICOS (FCPB) BUSCA CANDIDATURAS A APOIO PARA ATIVIDADES DE DESENVOLVIMENTO DOS PRODUTOS BÁSICOS Processo de

Leia mais

DISCURSO DO SECRETÁRIO-GERAL DA ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS, JOSÉ MIGUEL INSULZA, NA SESSÃO DE ABERTURA DA QUARTA CÚPULA DAS AMÉRICAS

DISCURSO DO SECRETÁRIO-GERAL DA ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS, JOSÉ MIGUEL INSULZA, NA SESSÃO DE ABERTURA DA QUARTA CÚPULA DAS AMÉRICAS DISCURSO DO SECRETÁRIO-GERAL DA ORGANIZAÇÃO DOS ESTADOS AMERICANOS, JOSÉ MIGUEL INSULZA, NA SESSÃO DE ABERTURA DA QUARTA CÚPULA DAS AMÉRICAS Mar del Plata, 4 de novembro de 2005. Senhor Presidente da Nação

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 66 Discurso na solenidade de comemoração

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética Jeito de Ser Índice 3 Introdução 3 Carta do Presidente 3 Missão do Grupo Marisa 3 Valores do Grupo Marisa 3 Código de Conduta Ética v Áreas de Relacionamento Colaboradores Fornecedores

Leia mais

ACS Assessoria de Comunicação Social

ACS Assessoria de Comunicação Social DISCURSO DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO, HENRIQUE PAIM Brasília, 3 de fevereiro de 2014 Hoje é um dia muito especial para mim. É um dia marcante em uma trajetória dedicada à gestão pública ao longo de vários

Leia mais

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Projeto Saber Contábil O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Alessandra Mercante Programa Apresentar a relação da Gestão de pessoas com as estratégias organizacionais,

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 RL: Rodrigo Luna CB: Claudio Bernardes CB Senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à solenidade de entrega do Master Imobiliário. É uma honra poder saudar nossos convidados

Leia mais

Freelapro. Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo

Freelapro. Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo Palestrante: Pedro Quintanilha Freelapro Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo Quem sou eu? Eu me tornei um freelancer

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas na Guatemala. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas na Guatemala. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas na Guatemala Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Na Guatemala, existem várias definições fornecidas por diferentes instituições

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Presença nacional, reconhecimento mundial. Conheça a Fundação Dom Cabral Uma das melhores escolas de negócios do mundo, pelo ranking de educação executiva

Leia mais

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04 Práticas de Gestão Editorial Geovanne. 02 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) Como faço isso? Acesse online: 03 e 04 www. No inicio da década de 90 os

Leia mais

O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial

O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial O Sr. ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO (Prona- SP) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, manifestamos o especial sentimento de ocupar a tribuna para tecermos comentários

Leia mais

Conheça agora o grupo de profissionais engajados e as propostas para a Renovação da Gestão do Conrerp 4ª Região

Conheça agora o grupo de profissionais engajados e as propostas para a Renovação da Gestão do Conrerp 4ª Região Conheça agora o grupo de profissionais engajados e as propostas para a Renovação da Gestão do Conrerp 4ª Região Em nossa trajetória profissional, cada um dos membros da Chapa 2, viveu as aventuras e desafio

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR DIRETA

TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR DIRETA De: Gabinete do Vereador Jimmy Pereira Para: Ação Jovem Brasil Resposta à solicitação de Informações para a formação do Índice de Transparência da Câmara do Rio TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Leia mais

DESAFIOS PARA O CRESCIMENTO

DESAFIOS PARA O CRESCIMENTO educação para o trabalho Equipe Linha Direta DESAFIOS PARA O CRESCIMENTO Evento realizado na CNI apresentou as demandas da indústria brasileira aos principais candidatos à Presidência da República Historicamente

Leia mais

Classificação por Desempenho no Projeto MERITOCRACIA

Classificação por Desempenho no Projeto MERITOCRACIA Classificação por Desempenho no Projeto MERITOCRACIA Meritocracia é o processo pelo qual as empresas com maiores esforços e engajamento no processo de internacionalização são reconhecidas e favorecidas

Leia mais

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado Professora Débora Dado Prof.ª Débora Dado Planejamento das aulas 7 Encontros 19/05 Contextualizando o Séc. XXI: Equipes e Competências 26/05 Competências e Processo de Comunicação 02/06 Processo de Comunicação

Leia mais

Mestrados Profissionais em Segurança Pública. Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal

Mestrados Profissionais em Segurança Pública. Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal I- Introdução Mestrados Profissionais em Segurança Pública Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal Este documento relata as apresentações, debates e conclusões

Leia mais

MANUAL DE INVESTIMENTOS

MANUAL DE INVESTIMENTOS IPEA - INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA MANUAL DE INVESTIMENTOS PROPOSTA DE COLETA E CADRASTRAMENTO DE INFORMAÇÕES SOBRE INTENÇÕES DE INVESTIMENTOS EMPRESARIAIS (Segunda Versão) Luciana Acioly

Leia mais

Desafios para a Indústria Eletroeletrônica

Desafios para a Indústria Eletroeletrônica Desafios para a Indústria Eletroeletrônica 95 O texto aponta as características das áreas da indústria eletroeletrônica no país e os desafios que este setor tem enfrentado ao longo das últimas décadas.

Leia mais

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA OPERACIONAL (PTO)

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA OPERACIONAL (PTO) EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DOS AEROPORTOS INTERNACIONAIS BRASÍLIA CAMPINAS GUARULHOS EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA

Leia mais

Parceria de sucesso para sua empresa

Parceria de sucesso para sua empresa Parceria de sucesso para sua empresa A Empresa O Grupo Espaço Solução atua no mercado de assessoria e consultoria empresarial há 14 anos, sempre realizando trabalhos extremamente profissionais, pautados

Leia mais

Grupo A (Temas discutidos) - Como atrair a Comunidade para as propostas do Conselho da Comunidade?

Grupo A (Temas discutidos) - Como atrair a Comunidade para as propostas do Conselho da Comunidade? CONCLUSÕES DO I ENCONTRO DE CONSELHOS DA COMUNIDADE DA REGIÃO SUL DO BRASIL E DO III SEMINÁRIO DO PROJETO TRABALHO PARA A VIDA DA CORREGEDORIA-GERAL DA JUSTIÇA DO RS, REALIZADO EM PORTO ALEGRE, EM 18 DE

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO Todos os direitos reservados. Distribuição e informações:

RESUMO EXECUTIVO Todos os direitos reservados. Distribuição e informações: RESUMO EXECUTIVO O Ministro da Fazenda, Guido Mantega, comunicou no dia 27 de dezembro de 2011 que vai mudar o regime de tributação para a importação de produtos têxteis do atual ad valorem, em que no

Leia mais

Por muito tempo o Brasil viveu uma falsa dicotomia entre desenvolvimento econômico e políticas de inclusão.

Por muito tempo o Brasil viveu uma falsa dicotomia entre desenvolvimento econômico e políticas de inclusão. 1 Discurso da Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Tereza Campello na Cerimônia de Anúncio de medida complementando renda a todos os beneficiários do Bolsa Família, em 19 de fevereiro de

Leia mais

Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto.

Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto. Senhor Ministro da Administração Interna. Excelência. Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto. Excelentíssimo Senhor Vice-Procurador Geral

Leia mais

Discurso 04/12/2003. Dr. Alfredo Setubal

Discurso 04/12/2003. Dr. Alfredo Setubal Discurso 04/12/2003 Dr. Alfredo Setubal Presidente do Conselho de Administração do IBRI - Instituto Brasileiro de Relações com Investidores Boa Noite! Esta cerimônia de final de ano é a minha última à

Leia mais

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis usados, além do crescimento de renda da população e

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS 1. Objeto: 1.1.1. Contratação de empresa para prestação, sob demanda, de serviços de planejamento, organização, coordenação, execução, fiscalização e avaliação de eventos com a viabilização de infra-estrutura

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA Mudança da Marca e Posicionamento Esse boletim explicativo tem o objetivo de esclarecer suas dúvidas sobre a nova marca Evolua e de que forma ela será útil para aprimorar os

Leia mais

A GOVERNANÇA INTERNACIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: ECOSOC, COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, PNUMA

A GOVERNANÇA INTERNACIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: ECOSOC, COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, PNUMA A GOVERNANÇA INTERNACIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: ECOSOC, COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, PNUMA Tarciso Dal Maso Jardim 1 A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável,

Leia mais

Abra. e conheça as oportunidades de fazer bons negócios...

Abra. e conheça as oportunidades de fazer bons negócios... Abra e conheça as oportunidades de fazer bons negócios... anos Chegou a hora de crescer! Conte com a Todescredi e faça bons negócios. Há 5 anos, iniciavam as operações daquela que se tornou a única financeira

Leia mais

ARQUITETURA E URBANISMO

ARQUITETURA E URBANISMO ADMINISTRAÇÃO OBJETIVANDO O APERFEIÇOAMENTO, DA CIÊNCIA DA ADMINISTRAÇÃO, O ARQUITETURA E URBANISMO PROMETO NO EXERCÍCIO DA ATIVIDADE INERENTE À PRÁTICA DA ARQUITETURA E URBANISMO, RESPEITAR OS PRINCÍPIOS

Leia mais

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança PLANO SETORIAL DE DANÇA DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança MARÇO DE 2009 CAPÍTULO I DO ESTADO FORTALECER A FUNÇÃO DO ESTADO

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 1 Relatório de Sustentabilidade 2014 2 Linha do Tempo TAM VIAGENS 3 Política de Sustentabilidade A TAM Viagens uma Operadora de Turismo preocupada com a sustentabilidade, visa fortalecer o mercado e prover

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS São Paulo Av. Princesa Diana, 760 34000-000 Nova Lima MG Campus Aloysio Faria Av. Princesa Diana, 760 Alphaville Lagoa dos Ingleses 34000-000 Nova Lima MG Brasil Campus BH Rua Bernardo Guimarães, 3.071 Santo Agostinho

Leia mais

REFORMA UNIVERSITÁRIA: contribuições da FENAJ, FNPJ e SBPJor. Brasília, outubro de 2004

REFORMA UNIVERSITÁRIA: contribuições da FENAJ, FNPJ e SBPJor. Brasília, outubro de 2004 REFORMA UNIVERSITÁRIA: contribuições da FENAJ, FNPJ e SBPJor Brasília, outubro de 2004 FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS FENAJ http://www.fenaj.org.br FÓRUM NACIONAL DOS PROFESSORES DE JORNALISMO - FNPJ

Leia mais

Daniel Nunes Pereira

Daniel Nunes Pereira -Excelentíssimos vereadores e vereadoras -Excelentíssimos comendadores e comendadeiras -Excelentíssimos secretários e demais autoridades presentes -Imprensa que democraticamente acompanha diariamente os

Leia mais

Políticas Públicas de Fomento ao Cooperativismo *

Políticas Públicas de Fomento ao Cooperativismo * Políticas Públicas de Fomento ao Cooperativismo * Introdução Euclides André Mance México, DF, 19/10/2007 No desenvolvimento do tema desta mesa, trataremos de três aspectos, a saber: a) de que cooperativismo

Leia mais

Elas formam um dos polos mais dinâmicos da economia brasileira, e são o principal sustentáculo do emprego e da distribuição de renda no país.

Elas formam um dos polos mais dinâmicos da economia brasileira, e são o principal sustentáculo do emprego e da distribuição de renda no país. Fonte: http://www.portaldaindustria.org.br 25/02/2015 PRONUNCIAMENTO DO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO NACIONAL (CDN) DO SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS (SEBRAE), NA SOLENIDADE

Leia mais

ENTREVISTA FARMA & FARMA

ENTREVISTA FARMA & FARMA Pelo jornalista Aloísio Brandão, Editor desta revista. O farmacêutico Laércio Batista fundou a Farmácia Batista, em Joinvile, e transferiu ao filho, Láercio Batista Júnior, a propriedade e a experiência

Leia mais

Painel da Indústria Financeira - PIF

Painel da Indústria Financeira - PIF Painel da Indústria Financeira - PIF Agenda Desintermediação Bancária nas Operações de Créditos Relacionamento com Instituições não Bancárias As Razões de Uso do Sistema Financeiro, segundo as Empresas:

Leia mais

Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011

Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011 Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011 A oitava reunião mensal do ano da Comissão Trabalhista e de Gestão Empresarial superou as expectativas. 50 representantes

Leia mais

ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO

ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO CATEGORIAS TÉCNICO TECNÓLOGO TEMAS LIVRE INCLUSÃO SOCIAL COOPERATIVISMO 1. DADOS DA INSTITUIÇÃO 1.1 Nome da Instituição 1.2 Nome do Reitor(a)/Diretor(a)-Geral/Diretor(a) 1.3

Leia mais

Discurso do presidente Alexandre Tombini na comemoração dos 30 anos da Associação Brasileira de Bancos Comerciais (ABBC).

Discurso do presidente Alexandre Tombini na comemoração dos 30 anos da Associação Brasileira de Bancos Comerciais (ABBC). São Paulo, 21 de março de 2013. Discurso do presidente Alexandre Tombini na comemoração dos 30 anos da Associação Brasileira de Bancos Comerciais (ABBC). Senhoras e senhores É com grande satisfação que

Leia mais

Por que defender o Sistema Único de Saúde?

Por que defender o Sistema Único de Saúde? Por que defender o Sistema Único de Saúde? Diferenças entre Direito Universal e Cobertura Universal de Saúde Cebes 1 Direito universal à saúde diz respeito à possibilidade de todos os brasileiros homens

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 97 Discurso no banquete oferece/do

Leia mais

COMISSÃO DIRETORA. Praça dos Três Poderes Senado Federal CEP: 70165 900 Brasília DF

COMISSÃO DIRETORA. Praça dos Três Poderes Senado Federal CEP: 70165 900 Brasília DF A estrutura administrativa do Senado Federal está dividida em três áreas que compreendem os órgãos superiores de execução, órgãos de assessoramento superior e órgão supervisionado. Conheça a estrutura

Leia mais

Competitividade: uma barreira instransponível?

Competitividade: uma barreira instransponível? Competitividade: uma barreira instransponível? Alfredo Fonceca Peris A discussão sobre a importância do setor industrial para o crescimento e o desenvolvimento da economia brasileira ganhou um novo capítulo

Leia mais

Brasília, 9 de maio de 2012

Brasília, 9 de maio de 2012 Brasília, 9 de maio de 2012 Discurso do presidente Alexandre Tombini em evento no Sebrae para lançamento do Plano de Ação para Fortalecimento do Ambiente Institucional para a Adequada Inclusão Financeira

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS

DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS DICA 1. VENDA MAIS ACESSÓRIOS Uma empresa sem vendas simplesmente não existe, e se você quer ter sucesso com uma loja você deve obrigatoriamente focar nas vendas. Pensando nisso começo este material com

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

Inspeção do Trabalho: uma questão de ideal ao longo de 120 anos

Inspeção do Trabalho: uma questão de ideal ao longo de 120 anos Inspeção do Trabalho: uma questão de ideal ao longo de 120 anos Antônio Alves Mendonça Júnior Auditor Fiscal do Trabalho Em um contexto capitalista, em que o lucro é entendido como essência da busca de

Leia mais

Top Socioambiental e de RH 2014!

Top Socioambiental e de RH 2014! Foto oficial do Top Socioambiental e de RH 2013, quando todos os vencedores ocupam o palco Top Socioambiental e de RH 2014 Apresentação Premiar é reconhecer e valorizar socialmente não só os esforços,

Leia mais

Empresários apostam no Dia dos Pais para alavancar vendas, aponta pesquisa da CDL/BH

Empresários apostam no Dia dos Pais para alavancar vendas, aponta pesquisa da CDL/BH PRESS-RELEASE Empresários apostam no Dia dos Pais para alavancar vendas, aponta pesquisa da CDL/BH Para 56,83% dos entrevistados, o faturamento será melhor em relação ao ano passado Belo Horizonte, 27

Leia mais