INTRODUÇÃO À TEOLOGIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INTRODUÇÃO À TEOLOGIA"

Transcrição

1 - INTRODUÇÃO À TEOLOGIA PALAVRA DO DIRETOR Este é o primeiro módulo que você vai estudar no Curso Básico em Teologia, que é constituído de 24 disciplinas, distribuído em 12 módulos. Neste módulo você será introduzido nos principais temas, necessário para compreensão do papel e da necessidade da teologia para o preparo de cristãos compromissados com o Ensino e a Pregação da Palavra de Deus. Esperamos que na conclusão desta disciplina você possa ampliar seus conhecimentos e aprofundar a sua compreensão acerca da importância da Teologia, principalmente da Teologia Bíblica, para a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo. FACULDADE DE TEOLOGIA E BÍBLIA DO NORDESTE- F.T.B.N e PROGRAMA VIDAS TRANSFORMADAS POR JESUS CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA Prof. Hamilton Barreto dos Santos E mais, que você possa manejar bem, a Palavra da verdade como disse o apóstolo Paulo. Entendendo o conteúdo do maravilhoso e incomparável Livro dos livros, e ter mais condições de estender suas verdades divinas aos outros por meio da Pregação ou do Ensino e se preciso for está preparado para também defender a genuína fé em Deus esboçada nas páginas das Escrituras Sagradas do Velho e do Novo Testamento. IDEALIZADOR Pr. JOSÉ ROBERTO MARTINS BARBOSA Hamilton Barreto dos Santos Teólogo, Especialista em Docência para o Ensino Religioso da Unifal e Ufal Elaboração: Prof. Hamilton Barreto dos Santos 1

2 SUMÁRIO CAPÍTULO 1: ETIMOLOGIA, ORIGEM, DEFINIÇÕES E O OBJETO DE ESTUDO DA TEOLOGIA CAPÍTULO 8: RESUMO HISTÓRICO DA TEOLOGIA CAPÍTULO 9: TEOLOGIAS NO MEIO CRISTÃO REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA 1.1. Etimologia A origem do termo Definições Objeto...08 CAPÍTULO 2: OS PROPÓSITOS DA TEOLOGIA EVANGÉLICA 2.1. Entender a fé Defender a fé Estender a fé... CAPÍTULO 3: A POSSIBILIDADE DA TEOLOGIA CAPÍTULO 4: AS DIVISÕES DA TEOLOGIA CAPÍTULO 5: AS CARACTERÍSTICAS DA TEOLOGIA CAPÍTULO 6: AS FONTES DA TEOLOGIA CAPÍTULO 7: PARA QUE SERVE A TEOLOGIA 7.1. A Teologia Serve a Missão A Teologia Serve a Apologética A Teologia Serve ao trabalho pastoral A Teologia Serve a Teologia... CAPÍTULO 1: ETIMOLOGIA, ORIGEM, DEFINIÇÕES E O OBJETO DE ESTUDO DA TEOLOGIA. "Teologia é a ciência de Deus e das coisas divinas, baseadas na revelação feita aos homens... (WILIAM BURTON) ETIMOLOGIA - Na composição etimológica da palavra "Teologia", você encontrará dois termos gregos que podem ser usados de maneira autônoma e que precedem essa palavra. Elaboração: Prof. Hamilton Barreto dos Santos 2

3 São estes os termos: Theos e Logos. Τεο = Theos, que significa: Deus e Logos que vem de λογια, que Significa: Palavra, estudo, tratado, doutrina, ciência. Logo podemos concluir que etimologicamente, "Teologia" quer dizer, de modo muito geral, "um discurso sobre Deus", sem que com essa palavra fique definida a índole do discurso ou da realidade religiosa que o termo "Deus" signifique. Convém salientar que o termo teologia não é de origem Bíblica, ou seja, não se encontra nas Sagradas Escrituras. E mais que o sentido etimológico dessa palavra permanece subjacente a toda a sua evolução histórica. De maneira que em qualquer cultura a palavra Teologia pode significar "Um discurso sobre Deus, ou um discurso sobre os deuses ou ainda sobre qualquer divindade. Isso significa dizer que todas as religiões têm sua teologia. A história da humanidade mostra que desde os tempos mais remotos, é possível perceber que o ser humano acreditava que devia existi em algum lugar um Ser Supremo. Porém a figura do Ser Supremo nas religiões pode ser classificada em dois grupos: 1. O PRIMEIRO Algumas religiões vêem o Ser Supremo como alguém inacessível aos sentidos naturais do ser humano, ou seja, não tem figura. Não pode ser visto, mas somente ouvido e sentido. 2. O Segundo grupo, o Ser Supremo tem a figura humana, apesar dessa figura ter mais a ver com a personalidade do que com os traços.as religiões sempre tiveram uma idéia precisa sobre o divino. De acordo com sua crença em Deus, (teologia) as religiões se classificam como: monoteístas, politeístas, animistas e ateístas. São consideradas religiões monoteístas as religiões que defendem a crença na existência de um único Deus. Exemplo: Judaísmo, Islamismo e Cristianismo. São consideradas religiões Politeístas as religiões que defendem a crença na existência de vários deuses.exemplo: Hinduísmo, as religiões antigas dos gregos e egípcios e etc. São consideradas religiões animistas as religiões que defendem a crença na continuidade do espírito humano, que pode voltar ao mundo para abençoar ou amaldiçoar, com uma grande variedade de espíritos que pode fazer a mesma coisa. Nessas religiões, geralmente, não há descrição exata quanto ao estado dos mortos, além de incluírem a noção de que os mortos possam ajudar ou prejudicar os vivos. Entretanto, certo bem-estar está associado às vidas dos mortos bons.essa poderia ser uma espécie de visão primitiva da salvação.exemplo: Jainismo, as tradições indígenas e africanas. São consideradas religiões ateístas as religiões que defendem a crença de que não existe Deus ou deuses. Exemplo: Budismo A ORIGEM DO TERMO - Segundo, ROLDÁN, (2000:18), Foram os gregos e não os apóstolos que cunharam o termo. É com você acabou de ouvir não foram os cristãos, mas os gregos quem criaram o termo Teologia para designar o discurso que os poetas elaboraram com freqüência para os deuses. E por essa razão Orfeu e Homero eram chamados de teólogos, pelos gregos. Elaboração: Prof. Hamilton Barreto dos Santos 3

4 E do ponto de vista histórico é somente com o filósofo Platão, que viveu entre 428 a348 a.c. Que se pode constatar o uso da palavra, Teologia. Isto é, a palavra teologia data da época áurea da filosofia grega. Contudo é importante frisar que não se pode afirmar categoricamente que Platão tenha sido o criador dessa palavra. O que se pode dizer é apenas que, antes de Platão não se constata em nenhum documento literário o uso dessa palavra. Em Platão, porém percebemos o triunfo da racionalidade, especialmente sobre o mito. Na época de Platão teologia significa um discurso sobre os deuses mitológicos dos antigos poetas gregos. Porém foi Aristóteles ( a.c.) outro filosofo da Grécia quem levou adiante a crítica da linguagem mítica iniciada por Platão sobre os deuses, e levou a palavra teologia a um uso estritamente filosófico. Para Aristóteles, "Teologia" é o âmbito da filosofia que indaga sobre o ser divino. Nela se trata do mais alto conhecimento que o homem alcança do ser DEFINIÇÕES - Nos itens anteriores estudamos acerca da etimologia e da origem do termo: Teologia. Porém com o passar do tempo, foram surgindo diversas definições para o uso da palavra Teologia. De maneira que, a palavra "teologia" foi se tornando cada vez mais especifica. Nas linhas que se seguem selecionamos algumas das definições mais significativas. Para que seja possível respondermos. O QUE É TEOLOGIA? Alguns teóricos são do ponto de vista que é quase impossível definir satisfatoriamente alguma ciência. Em se tratando da teologia Toda definição é apenas uma tentativa de entender melhor essa palavra. Tendo em vista que ela lida com os mais sublimes vocábulos. E é sem dúvida por falta de definição, que muitas doutrinas tornam-se incompreensíveis, ocasionando até erros e heresias. Definições no âmbito da filosofia - Para o filosofo Platão, Teologia é o discurso sobre Deus ou deuses. Termo aplicado às narrações mitológicas (Cosmogonias). Já para o filosofo Aristóteles a Teologia trata-se da filosofia primeira, que estuda as causas necessárias, eternas e imutáveis. Corresponde ao que hoje entendemos por metafísica ou ontologia. Ele colocou a Teologia como uma divisão da Metafísica. Vista em antigas faculdades de filosofia como teologia natural. Definições no âmbito cristão na era pós apostólica ORÍGENES, que viveu em 185 a 254 d.c., Principal teólogo grego. Ele entendia a Teologia como um discurso sobre Deus e Cristo. Porém foi EUSÉBIO quem mais contribuiu para que o termo "teologia" fosse definido como: "O discurso sobre o Deus verdadeiro". Porém, é somente no século XII que Pedro Abelardo aplicou o vocábulo às discussões acerca da religião. E aí ela foi definida como "A rainha das ciências", mostrando que era possível reatar as relações entre o Criador e a criatura. Uma mudança radicam ocorre com Lutero, para ele, a Teologia consiste principalmente em seu uso e prática, e não em sua especulação. A ciência de Deus segundo Ele Se revelou em sua Palavra (Ernest Kevan); A interpretação metódica dos conteúdos da fé cristã (Paul Tilich); É a ciência na qual a igreja, segundo o estado atual do seu conhecimento, expõe o conteúdo da sua mensagem, Elaboração: Prof. Hamilton Barreto dos Santos 4

5 criticamente, isto é, avaliando-o por meio das Sagradas escrituras e guiando-se por seus escritos confessionais (Karl Barth); Samuel Wakefield assim a define: "É aquela ciência que trata da existência, do caráter, e dos atributos de Deus". Já Charles Hodge escreve: "Teologia é a apresentação dos fatos narrados pelas Escrituras na sua ordem própria e em relação com os princípios ou verdades gerais envolvidas nos mesmos fatos que impregnam e harmonizam em sua totalidade. O ilustre metodista William Burton afirmou que a Teologia é "a ciência de Deus e das coisas divinas, baseadas na revelação feita ao homem por meio de Jesus Cristo, e sistematicamente, em seus vários aspectos, no âmbito da Igreja Cristã". Segundo, Flávio de Oliveira Pereira. Teologia é: A soma dos conhecimentos humanos sobre Deus e Seus relacionamentos com o homem e o mundo, apresentados de forma elaborada, objetiva e coerente. Com todas essas definições, concluímos que a Teologia quando definida por um cristão, sempre trata de Deus, mediado pela fé, pela acolhida de sua Palavra, que por sua vez, nos vem comunicada pela revelação da palavra de Deus escrita, ou seja, das Escrituras Sagradas, (A Bíblia). Porém Teologia, no uso cristão. Vai significar um discurso sobre Deus. Tendo como a base ou fundamento a revelação do próprio Deus, conforme as declarações Bíblicas. Tal teologia pode ser definida Como: Teologia Cristã: Católica ou Evangélica e etc. Em outras palavras podemos afirma que o uso da palavra teologia sempre será utilizado em um dos dois principais sentidos: RESTRITO OU AMPLO. Vale ressaltar que teologia no sentido restrito, é a Doutrina de Deus, ou seja, a Teologia no âmbito Cristão. Já vimos que uso da palavra teologia no ambiente grego era usado tanto tendo em vista os que falassem sobre os seres tidos como divino ou mais precisamente sobre as divindades, tudo isso por serem os gregos politeístas. Nesse caso a teologia sempre será utilizada no sentido amplo. Onde o uso do termo teologia trata-se de um discurso sobre a divindade. Isto é, Teologia da religião grega, primitiva ou em outros casos teologia das religiões. Ex.: Seu uso no budismo resultara na Teologia Budista, entre os judeus, na teologia Judaica, no seio do islamismo, na teologia Islâmica e etc. Em resumo: A etimologia da palavra diz apenas que Teologia é um discurso sobre Deus ou as divindades. E o que irá definir a palavra é o seu uso. Por essa e outras razões faço minhas as palavra do mestre em teologia STEPHEN CHALONER: "É uma pena que certos crentes tenham receio de estudar Teologia OBJETO DE ESTUDO DA TEOLOGIA - Ao estudarmos Teologia perceberemos que no centro de seus estudos está Deus, seu objeto principal. Qualquer reflexão teológica refere-se, de alguma maneira a Deus. A verdadeira Teologia tem um caráter teocêntrico. O grifo é meu. Deus é o objeto formal da teologia da revelação. TOMÁS DE AQUINO O objeto da teologia é Deus em sua revelação. Sobre Deus, só Deus, Pode falar. Logo, a teologia somente pode ser o serviço à vontade de Deus, o serviço à palavra de Deus. Em outras palavras, existe uma teologia do próprio Deus: sua revelação escrita, (A Bíblia). A Teologia apoiar-se na estrutura tripartida do crer, conforme a citação de Romano Capítulo 10 e Versículos 14,15 e 17. Ouve-se acolhedoramente uma pregação da palavra de Deus. Sobre tal acolhimento se reflete se constrói a teologia. Elaboração: Prof. Hamilton Barreto dos Santos 5

PROVA FINAL DA DISCIPLINA DE INTRODUÇÃO À TEOLOGIA BÍBLICA

PROVA FINAL DA DISCIPLINA DE INTRODUÇÃO À TEOLOGIA BÍBLICA INSTITUTO EDUCACIONAL DE TEOLOGIA EVANGÉLICA[1] PROVA FINAL DA DISCIPLINA DE INTRODUÇÃO À TEOLOGIA BÍBLICA SISTEMA EAD DE NATUREZA JURÍDICA LIVRE ALUNO (A): MAT: 000/2014 MATÉRIA: INTRODUÇÃO À TEOLOGIA

Leia mais

evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos

evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos O Tema do trimestre: Maravilhosa graça O evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos O Estudo da epístola de Paulo aos Romanos, um dos livros mais analisados na história da Igreja (Agostinho,

Leia mais

Escola Ryle de Teologia. Grade Curricular 1º Ano

Escola Ryle de Teologia. Grade Curricular 1º Ano Escola Ryle de Teologia Ensinando o poder do evangelho de Cristo Grade Curricular 1º Ano Introdução à Bíblia Como não se pode fazer teologia sem a Palavra de Deus, vamos dar início com esse tema. Este

Leia mais

Sumário. Prefácio, 13. Primeira parte - Fundamentação, 15

Sumário. Prefácio, 13. Primeira parte - Fundamentação, 15 Sumário Prefácio, 13 Primeira parte - Fundamentação, 15 I. A teologia fundamental como ciência teológica básica, 17 1 Teologia como "fala de Deus", 17 1.1 Tipos básicos de teologia, 17 a) A teologia como

Leia mais

EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO

EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA Unidade II As tradições religiosas e os textos sagrados. 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES FORTALECENDO

Leia mais

PADRES APOLOGISTAS, APOSTÓLICOS E CONTROVERSISTAS... PROFESSOR UILSON FERNANDES 19/09/2016

PADRES APOLOGISTAS, APOSTÓLICOS E CONTROVERSISTAS... PROFESSOR UILSON FERNANDES 19/09/2016 PADRES APOLOGISTAS, APOSTÓLICOS E CONTROVERSISTAS... PROFESSOR UILSON FERNANDES 19/09/2016 DEFINIÇÕES CONCEITUAIS... O nome patrística advém diretamente das figuras desse grande primeiro momento da Filosofia

Leia mais

ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO

ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO 1 ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO A ESCOLÁSTICA E OS PRINCIPAIS REPRESENTANTES ALBERTO MAGNO TOMÁS DE AQUINO Buscaram provar a existência de Deus utilizando argumentos racionais. 2 A UNIDADE ENTRE A FÉ

Leia mais

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média FILOSOFIA FÍSICA Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA O período histórico comumente chamado de Idade Média inicia- se no século V e termina no século XV. Portanto, ele representa mil anos de

Leia mais

Módulo III O que anuncia a Catequese?

Módulo III O que anuncia a Catequese? Módulo III O que anuncia a Catequese? Diocese de Aveiro Objectivos Tomar consciência da realidade complexa do ser humano a quem levamos, hoje, uma Boa Nova. Compreender a importância da Sagrada Escritura

Leia mais

O apocalipse de João. Roteiro 21

O apocalipse de João. Roteiro 21 O apocalipse de João Roteiro 21 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro I Cristianismo e Espiritismo Módulo II O Cristianismo FEB EADE Livro I Módulo II Roteiro 21 O

Leia mais

27/02/2017. CUIDADO Algumas pessoas não conseguem entender o que significa fé. O que é fé e por que ela é importante? O QUE AS PESSOAS DIZEM

27/02/2017. CUIDADO Algumas pessoas não conseguem entender o que significa fé. O que é fé e por que ela é importante? O QUE AS PESSOAS DIZEM FÉ: Primeiro você coloca o pé, depois Deus coloca o chão. CUIDADO Algumas pessoas não conseguem entender o que significa fé. O que é fé e por que ela é importante? O QUE AS PESSOAS DIZEM Para muitos, a

Leia mais

UNIDADE 1 - Do Mito à Filosofia

UNIDADE 1 - Do Mito à Filosofia FILOSOFIA UNIDADE 1 - Do Mito à Filosofia A curiosidade humana levou o homem a buscar explicações para os fenômenos do cotidiano. Numa época em que não havia nenhuma fundamentação científica capaz de

Leia mais

Aula 08 Terceiro Colegial.

Aula 08 Terceiro Colegial. Aula 08 Terceiro Colegial Cristianismo: Entre a Fé e a Razão Busca por uma base racional para sustentar a fé Formulações filosóficas se estendendo por mais de mil anos Cristianismo Palavra de Jesus, que

Leia mais

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ Aviso importante! Esta disciplina é uma propriedade intelectual de uso exclusivo e particular do aluno da Saber e Fé, sendo proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, exceto em breves citações

Leia mais

Religiões Proféticas

Religiões Proféticas Religiões Proféticas O QUE É RELIGIÃO? Religião é uma fé, uma devoção a tudo que é considerado sagrado. É um culto que aproxima o homem das entidades a quem são atribuídas poderes sobrenaturais. É uma

Leia mais

Nova Estrutura do Curso: Avisos

Nova Estrutura do Curso: Avisos Nova Estrutura do Curso: Avisos Nova Estrutura do Curso Disciplinas de Teologia Sistemática: Introdução a Teologia Sistemática Doutrina de Deus Teontologia Doutrina do Ser Humano Antropologia Doutrina

Leia mais

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ Aviso importante! Esta matéria é uma propriedade intelectual de uso exclusivo e particular do aluno da Saber e Fé, sendo proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, exceto em breves citações

Leia mais

O corpo físico é mau e inferior à alma?

O corpo físico é mau e inferior à alma? O corpo físico é mau e inferior à alma? Compreendendo a natureza humana por Paulo Sérgio de Araújo INTRODUÇÃO Conforme a teoria das idéias (ou teoria das formas ) do filósofo grego Platão (428-347 a.c.),

Leia mais

Lição 5 ATOS 1. Atos destinado a Teófilo período 63 d.c apóstolo Pedro apóstolo Paulo Atos do Espírito Santo que Jesus operou por meio da igreja

Lição 5 ATOS 1. Atos destinado a Teófilo período 63 d.c apóstolo Pedro apóstolo Paulo Atos do Espírito Santo que Jesus operou por meio da igreja Lição 5 ATOS 1. Atos O livro de Atos foi o segundo escrito por Lucas, também destinado a Teófilo. Acredita-se que originalmente não tivesse título, sendo inserido Atos ou Atos dos Apóstolos nos manuscritos

Leia mais

3. Panorama das Crenças Religiosas e Cosmovisões

3. Panorama das Crenças Religiosas e Cosmovisões Em defesa da fé 3. Panorama das Crenças Religiosas e Cosmovisões Quadro de Religiões e Filosofias Mundiais Reclaiming the Mind Ministries 2009 Judaísmo 14.000.000 Siquismo 24.000.000 Novas Religiões 105.000.000

Leia mais

Paracletologia SEFO 2013

Paracletologia SEFO 2013 Paracletologia SEFO 2013 1 ª Aula Fabio Codo Fábio Codo - http://teologiaaservicoevangelho.wordpress.com Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes Conteúdo Programático

Leia mais

Interpretação Bíblica

Interpretação Bíblica IGREJA ALIANÇA EVANGÉLICA MISSIONÁRIA Interpretação Bíblica Disciplina 17/03/2011 Este material didático, é de grande importância para o estudo em seminário, visando a formação dos futuros líderes e obreiros

Leia mais

Curso de PANORAMA DO NOVO TESTAMENTO I I Semestre de Professor: José Martins Júnior. Quartas-feiras. (11) (Whatsapp)

Curso de PANORAMA DO NOVO TESTAMENTO I I Semestre de Professor: José Martins Júnior. Quartas-feiras. (11) (Whatsapp) Curso de PANORAMA DO NOVO TESTAMENTO I I Semestre de 2017 Professor: José Martins Júnior Quartas-feiras (11) 9.8383-5316 (Whatsapp) pastorjunioropbb2815@gmail.com www.reflexoes-e-flexoes.blogspot.com.br

Leia mais

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura.

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Franklin Ferreira No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Necessariamente isso inclui tudo o que é revelado

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO 6 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA CARMO PROF. LUÍS CLÁUDIO BATISTA

ENSINO RELIGIOSO 6 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA CARMO PROF. LUÍS CLÁUDIO BATISTA ENSINO RELIGIOSO 6 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA CARMO PROF. LUÍS CLÁUDIO BATISTA CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade III Pluralismo e diversidade religiosa 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 5 Conteúdos

Leia mais

LIÇÃO 2 O ÚNICO DEUS VERDADEIRO E A CRIAÇÃO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 2 O ÚNICO DEUS VERDADEIRO E A CRIAÇÃO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 2 O ÚNICO DEUS VERDADEIRO E A CRIAÇÃO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO NÃO EXISTE OUTRO DEUS YAHWEH é o único e verdadeiro Deus não existindo outro deus além dele. Nesta lição estudaremos

Leia mais

TRINITARIANISMO (parte I)

TRINITARIANISMO (parte I) TRINITARIANISMO (parte I) A Palavra de Deus diz: Não terás outros deuses diante de mim. (Êx 20:3) Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição

Leia mais

PREÂMBULO. APRESENTAÇÃO E REFERÊNCIA AOS ESTUDOS

PREÂMBULO. APRESENTAÇÃO E REFERÊNCIA AOS ESTUDOS PREÂMBULO. APRESENTAÇÃO E REFERÊNCIA AOS ESTUDOS Os estudos apresentados neste curso não são criação ou invenção nossa, são, isto sim, principalmente, compilados da literatura evangélica relacionada na

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS Cultura Religiosa EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO ENSINO A DISTÂNCIA (EAD) DE TEOLOGIA Visão global do fenômeno religioso, sua importância e implicações na formação do ser humano e da sociedade, através

Leia mais

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média:

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: EXERCÍCIOS ON LINE 3º BIMESTRE DISCIPLINA: Filosofia PROFESSOR(A): Julio Guedes Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: NOME: Nº.: Exercício On Line (1) A filosofia atingiu

Leia mais

SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO

SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO SANTO AGOSTINHO SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO Aos 28 anos, Agostinho partir para Roma. Estava cansando da vida de professor em Cartago e acreditava que em Roma encontraria alunos mais capazes. Em Milão,

Leia mais

resguardar o verdadeiro cristianismo; conhecer a verdade para reconhecer uma fraude; evitar cair no erro, ter respostas às aberrações heréticas; ser

resguardar o verdadeiro cristianismo; conhecer a verdade para reconhecer uma fraude; evitar cair no erro, ter respostas às aberrações heréticas; ser resguardar o verdadeiro cristianismo; conhecer a verdade para reconhecer uma fraude; evitar cair no erro, ter respostas às aberrações heréticas; ser instrumento de Deus para o resgate da verdade em amor.

Leia mais

Lição 13. HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO

Lição 13. HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO Lição 13 HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO Introdução Até aqui, já vimos os Evangelhos, o Livro de Atos e as Cartas Paulinas. Aproximamosnos do final do Novo Testamento, onde ainda veremos as Cartas Gerais, a partir

Leia mais

O CONHECIMENTO E SEUS NÍVEIS

O CONHECIMENTO E SEUS NÍVEIS O CONHECIMENTO E SEUS NÍVEIS 1. O CONHECIMENTO é uma relação que se estabelece entre o sujeito que conhece e o objeto conhecido. O sujeito que conhece se apropria, de certo modo, do objeto conhecido. Através

Leia mais

Acesso ao Jesus da História ROSSI & KLINGBEIL

Acesso ao Jesus da História ROSSI & KLINGBEIL Acesso ao Jesus da História 2 O Acesso ao Jesus da História A preocupação central da cristologia é o acesso ao Jesus da história. Se as cristologias do NT não são biografias, que acesso temos, então, ao

Leia mais

A DOUTRINA DA TRINDADE

A DOUTRINA DA TRINDADE A DOUTRINA DA TRINDADE A Trindade, Ensinamento doutrinal de domínio no cristianismo, diz que, o Único Deus, revela-se em três pessoas divinas distintas, o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Que a mesma divindade

Leia mais

FUNDAMENTOS DA VERDADE

FUNDAMENTOS DA VERDADE FUNDAMENTOS DA VERDADE UM ESTUDO SOBRE DOUTRINA BÍBLICA Por Floyd C. Woodworth, Jr. e David D. Duncan LIVRO DE ESTUDO AUTODIDÁTICO Universidade Global Instituto de Correspondência Internacional 1211 South

Leia mais

FÉ E RAZÃO MUNDO MEDIEVAL

FÉ E RAZÃO MUNDO MEDIEVAL FÉ E RAZÃO MUNDO MEDIEVAL Santo Agostinho séc. IV São Tomás de Aquino séc. XIII PATRÍSTICA e ESCOLÁSTICA Platão séc. IV a.c. Aristóteles séc. III a.c A RELAÇÃO ENTRE FÉ E RAZÃO Questões fundamentais para

Leia mais

Evangelhos e atos. Observações

Evangelhos e atos. Observações NOVO TESTAMENTO Muitas vezes e de diversos modos outrora falou Deus aos nossos pais pelos profetas. Ultimamente nos falou por seu Filho (Hebreus 1,1-2) EVANGELHOS E ATOS Evangelhos e atos Os melhores recursos

Leia mais

Acesso ao Jesus da História

Acesso ao Jesus da História 2 O Acesso ao Jesus da História Acesso ao Jesus da História A preocupação central da cristologia é o acesso ao Jesus da história. Se as cristologias do NT não são biografias, que acesso temos, então, ao

Leia mais

A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana. Jörg Garbers Ms. de Teologia

A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana. Jörg Garbers Ms. de Teologia A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana Jörg Garbers Ms. de Teologia A alma A palavra alma é a tradução das palavras: Nefesch (hebraico no AT) Psyche(grego no NT) Popularmente a alma......é uma parte

Leia mais

1 Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons

1 Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1 A loucura do Evangelho João 1:1 No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus. Ele estava com Deus no princípio. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele; sem ele,

Leia mais

PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas

PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas Judaísmo, Cristianismo, Islamismo Qual a definição da palavra religião? Vem do latim religare, tem o siginificado de religação. Essa religação

Leia mais

Verdades inabaláveis sobre a ressurreição dos salvos

Verdades inabaláveis sobre a ressurreição dos salvos Lição 5 Verdades inabaláveis sobre a ressurreição dos salvos Pr. José Lima IEB Betel Porto Alegre, RS Texto Áureo Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que morra,

Leia mais

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ Aviso importante! Esta matéria é uma propriedade intelectual de uso exclusivo e particular do aluno da Saber e Fé, sendo proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, exceto em breves citações

Leia mais

Ensino Religioso PROBLEMÁTICAS DO ENSINO E DO USO DE MATERIAL DIDÁTICO. Colégio Ibituruna Governador Valadares, MG 19 de outubro de 2016

Ensino Religioso PROBLEMÁTICAS DO ENSINO E DO USO DE MATERIAL DIDÁTICO. Colégio Ibituruna Governador Valadares, MG 19 de outubro de 2016 Ensino Religioso PROBLEMÁTICAS DO ENSINO E DO USO DE MATERIAL DIDÁTICO Colégio Ibituruna Governador Valadares, MG 19 de outubro de 2016 Welder Lancieri Marchini welder.marchini@gmail.com Nossa rota...

Leia mais

Unidade 2: História da Filosofia. Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes

Unidade 2: História da Filosofia. Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes Unidade 2: História da Filosofia Filosofia Serviço Social Igor Assaf Mendes Períodos Históricos da Filosofia Filosofia Grega ou Antiga (Séc. VI a.c. ao VI d.c.) Filosofia Patrística (Séc. I ao VII) Filosofia

Leia mais

FILOSOFIA MEDIEVAL E OUTROS TEMAS PROFESSOR DANILO BORGES FILOSOFIA 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II

FILOSOFIA MEDIEVAL E OUTROS TEMAS PROFESSOR DANILO BORGES FILOSOFIA 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II FILOSOFIA MEDIEVAL E OUTROS TEMAS PROFESSOR DANILO BORGES FILOSOFIA 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II FILOSOFIA NA IDADE MEDIEVAL A IDADE MÉDIA INICIOU-SE NA Europa com as invasões germânicas ou bárbaras no

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA

ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA ENSINO RELIGIOSO 8 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª ERIKA PATRÍCIA FONSECA PROF. LUIS CLÁUDIO BATISTA Avaliação da unidade III Pontuação: 7,5 pontos 2 Questão 01 (1,0) As religiões orientais desenvolveram-se

Leia mais

Centro de Estudos Anglicanos

Centro de Estudos Anglicanos Perspectivas e desafios do ensino na área de Teologia Prof. Fernando Bortolleto Filho * 1. O ensino da Teologia e as exigências confessionais Das disciplinas teológicas, a Teologia Sistemática (em algumas

Leia mais

CATECISMO do Século XXI

CATECISMO do Século XXI CATECISMO do Século XXI IGREJA ANGLICANA REFORMADA DO BRASIL IGREJA ANGLICANA REFORMADA DO BRASIL Sumário Introdução 1 Prefácio 3 A Chamada de Deus 7 A Fé Cristã 11 A Obediência Cristã 17 O Crescimento

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul 1447 V Mostra de Pesquisa da Pós-Graduação TEOLOGIA E COMUNICAÇÃO Deus e o Humano a partir do Êxodo e Advento na Teologia de Bruno Forte e Jesús Martin-Barbero v Apresentador 1, Jurema Andreolla 1 (orientador)

Leia mais

A Igreja. Ellen White

A Igreja. Ellen White A igreja é um instrumento apontado por Deus para a salvação de homens. Foi organizada para servir e sua missão é levar o evangelho ao mundo... Maravilhosa é a obra que o Senhor se propõe a realizar por

Leia mais

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ Aviso importante! Esta disciplina é uma propriedade intelectual de uso exclusivo e particular do aluno da Saber e Fé, sendo proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, exceto em breves citações

Leia mais

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra. Casas Abertas Estudos Diversos Batismo O batismo cristão é uma de duas ordenanças que Jesus instituiu para a igreja: E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

Leia mais

Objetivos. Curso: Teologia. Prof: Rui de Souza Josgrilberg. Teologia do século XX como resposta a desafios sociais

Objetivos. Curso: Teologia. Prof: Rui de Souza Josgrilberg. Teologia do século XX como resposta a desafios sociais Curso: Teologia. Prof: Rui de Souza Josgrilberg. Teologia do século XX como resposta a desafios sociais Objetivos Objetivo geral: Estudar aspectos históricos de algumas expressões teológicas do séc. XIX

Leia mais

Síntese do Novo Testamento (Curso de Formação Ministerial, 2014) Prof. Marco Aurélio Correa

Síntese do Novo Testamento (Curso de Formação Ministerial, 2014) Prof. Marco Aurélio Correa 1 Evangelho de João Este evangelho tem 21 capítulos. Evangelho do Filho de Deus / Divino. 1 - Autor: João, o apóstolo, ele foi o último dos apóstolos a morrer. 2 - Data: Alguns escritores acreditam que

Leia mais

O que é preciso para entender a Bíblia? 00:0002:34 Baixar MP3 A resposta da Bíblia A própria Bíblia mostra o que é preciso para entendê-la.

O que é preciso para entender a Bíblia? 00:0002:34 Baixar MP3 A resposta da Bíblia A própria Bíblia mostra o que é preciso para entendê-la. MANUAL DA CATIQUESE O que é preciso para entender a Bíblia? 00:0002:34 Baixar MP3 A resposta da Bíblia A própria Bíblia mostra o que é preciso para entendê-la. Seja qual for a sua formação, a mensagem

Leia mais

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ

COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - SABER E FÉ Aviso importante! Esta disciplina é uma propriedade intelectual de uso exclusivo e particular do aluno da Saber e Fé, sendo proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, exceto em breves citações

Leia mais

Clóvis de Barros Filho

Clóvis de Barros Filho Clóvis de Barros Filho Sugestão Formação: Doutor em Ciências da Comunicação pela USP (2002) Site: http://www.espacoetica.com.br/ Vídeos Produção acadêmica ÉTICA - Princípio Conjunto de conhecimentos (filosofia)

Leia mais

PARTE 2 - A PALAVRA NORMATIVA. O CÂNONE BÍBLICO

PARTE 2 - A PALAVRA NORMATIVA. O CÂNONE BÍBLICO Índice Siglas e abreviaturas 6 Introdução 7 PARTE 1 - A PALAVRA INSPIRADA CAPÍTULO I - NATUREZA DA INSPIRAÇÃO BÍBLICA 12 1. A inspiração bíblica no limiar do Vaticano II 13 1.1. Deus, autor principal,

Leia mais

TEXTO DO DIA. "Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas." (1 Co 14.39)

TEXTO DO DIA. Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas. (1 Co 14.39) TEXTO DO DIA "Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas." (1 Co 14.39) SÍNTESE Os dons espirituais são presentes dados por Deus à sua Igreja para edificação do Corpo

Leia mais

Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação ideias novas.

Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação ideias novas. Escolástica: a filosofia das escolas cristãs 3º BIMESTRE 7º Ano A filosofia cristã na Escolástica Você sabe por que vamos à escola? Ensino é responsabilidade do Estado e de que todos têm direito à educação

Leia mais

DICAS DO PROFESSOR. História 6º Ano

DICAS DO PROFESSOR. História 6º Ano DICAS DO PROFESSOR História 6º Ano OS POVOS DA ANTIGUIDADE ORIENTAL: ORIENTE PRÓXIMO E EXTREMO ORIENTE QUAIS A PRINCIPAL HERANÇA DEIXADA PELOS HEBREUS A maior contribuição dos hebreus foi religiosa.

Leia mais

Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1

Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1 Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1 O Baptismo "Jesus Cristo é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente". Hebreus 13 A PALAVRA "BAPTISMO" D e acordo com eruditos da língua grega, a palavra "baptizar" significa

Leia mais

MESTRADO EM TEOLOGIA

MESTRADO EM TEOLOGIA MESTRADO EM TEOLOGIA Edital 2015 Este edital se destina especificamente à seleção de candidatos estrangeiros de países lusófonos para o Mestrado em Teologia, com início em março de 2015. 1. Objetivo O

Leia mais

Aula 7 : 22/Mar/2015. Te m a d a A u l a O Evangelho de João Proclamando Fé em Jesus como única fonte de salvação

Aula 7 : 22/Mar/2015. Te m a d a A u l a O Evangelho de João Proclamando Fé em Jesus como única fonte de salvação Te m a G e r a l A h i s t ó r i a d e J e s u s V i d a e M i n i s t é r i o Aula 7 : 22/Mar/2015 Te m a d a A u l a Escola Bíblica Dominical COXIPÓ lorikrama@hotmail.com Visão Geral Título Autoria Datação

Leia mais

Curso Aprendizes do Evangelho 1º Ano. Aula 1 Evolução da Religiosidade através dos tempos

Curso Aprendizes do Evangelho 1º Ano. Aula 1 Evolução da Religiosidade através dos tempos Curso Aprendizes do Evangelho 1º Ano Aula 1 Evolução da Religiosidade através dos tempos Texto para reflexão Pão Nosso Item 41 No Futuro Quem aqui gosta de manga? Prefere comprida ou curta? Evolução da

Leia mais

POSSO TODAS AS COISAS? 03 de Novembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. "Posso todas as coisas naquele que me fortalece." (Filipenses 4:13)

POSSO TODAS AS COISAS? 03 de Novembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. Posso todas as coisas naquele que me fortalece. (Filipenses 4:13) POSSO TODAS AS COISAS? 03 de Novembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação "Posso todas as coisas naquele que me fortalece." (Filipenses 4:13) 1 / 5 Esse talvez seja um dos versículos mais conhecidos

Leia mais

PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ

PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ Material Estudo Bíblico Parte I Apresentação Pe Antônio 24/08 A BÍBLIA SAGRADA Palavra de Deus. Deus fala ao seu povo Deus se revela, se manifesta, intervém

Leia mais

Aula 27/04 e 14/05 - CH Cultura e Geografia das Religiões Prof. Lucas

Aula 27/04 e 14/05 - CH Cultura e Geografia das Religiões Prof. Lucas Aula 27/04 e 14/05 - CH Cultura e Geografia das Religiões Prof. Lucas Definição de conceitos Aspectos relacionados a cultura Geografia das religiões Conflitos religiosos Atividade Todo aquele complexo

Leia mais

SOLAGBADE POPOOLA E O NOVO MITO IORUBÁ DA CRIAÇÃO DO UNIVERSO

SOLAGBADE POPOOLA E O NOVO MITO IORUBÁ DA CRIAÇÃO DO UNIVERSO Revista Olorun N. 21, Dez. 2014 ISSN 2358-3320 http://www.olorun.com.br SOLAGBADE POPOOLA E O NOVO MITO IORUBÁ DA CRIAÇÃO DO UNIVERSO Luiz L. Marins http://www.luizlmarins.com.br RESUMO: Este artigo analisa

Leia mais

Filosofia na Idade Média. Patrística e Escolástica

Filosofia na Idade Média. Patrística e Escolástica Filosofia na Idade Média Patrística e Escolástica Tomai cuidado para que ninguém vos escravize por vãs e enganadoras especulações da filosofia, segundo a tradição dos homens, segundo os elementos do mundo,

Leia mais

HOMILÉTICA. Roney Ricardo. Site Teologia & Discernimento

HOMILÉTICA. Roney Ricardo. Site Teologia & Discernimento HOMILÉTICA Roney Ricardo roneyricardoteologia@gmail.com REFLEXÃO O Deus Todo-Poderoso tinha apenas um Filho, e este tornou-se pregador Anônimo DEFINIÇÃO O termo Homilética vem do grego e significa homiletike,

Leia mais

- Santificação - Uma Realidade ao Alcance de todos. Pr. Evanildo Ferreira da Silva

- Santificação - Uma Realidade ao Alcance de todos. Pr. Evanildo Ferreira da Silva - Santificação - Uma Realidade ao Alcance de todos I Pedro 1:14-16 Como filhos da obediência, não vos amoldeis às paixões que tínheis anteriormente na vossa ignorância; (I Pedro 1:14) pelo contrário, segundo

Leia mais

BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563?

BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563? ÁSIA - RELIGIÕES BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563? - 483 a.c.?), também conhecido como

Leia mais

QUAL O SIGNIFICADO DE RELIGIOSIDADE PARA VOCÊ?

QUAL O SIGNIFICADO DE RELIGIOSIDADE PARA VOCÊ? QUAL O SIGNIFICADO DE RELIGIOSIDADE PARA VOCÊ? COMO A FILOSOFIA ESPÍRITA DEFINE O PROCESSO DE ESPIRITUALIZAÇÃO DO SER HUMANO? QUANDO E COMO ELE COMEÇA? QUAL O REAL CONCEITO DE RELIGIÃO? A religião é caracterizada

Leia mais

MITO E RAZÃO. A passagem do mito à Filosofia

MITO E RAZÃO. A passagem do mito à Filosofia MITO E RAZÃO A passagem do mito à Filosofia O QUE PERGUNTAVAM OS PRIMEIROS FILÓSOFOS? Por que os seres nascem e morrem? Por que os semelhantes dão origem aos semelhantes, de uma árvore nasce outra árvore,

Leia mais

Curso de PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO I I Semestre de 2017 DE GÊNESIS A ESTER. Professor: José Martins Júnior. (11) (Whatsapp Telegram)

Curso de PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO I I Semestre de 2017 DE GÊNESIS A ESTER. Professor: José Martins Júnior. (11) (Whatsapp Telegram) Curso de PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO I I Semestre de 2017 DE GÊNESIS A ESTER Professor: José Martins Júnior (11) 9.8383-5316 (Whatsapp Telegram) Email: pastorjunioropbb2815@gmail.com Blog: www.reflexoes-e-flexoes.blogspot.com.br

Leia mais

Fatos passados e verdades atuais

Fatos passados e verdades atuais ã ã Fatos passados e verdades atuais 1 Jair Alves Fatos passados e verdades atuais na visão cristã. 2014 de Jair Alves Primeira edição 2014 Todos os direitos reservados por: Jair Alves de Sousa Nenhuma

Leia mais

Introdução Traduções e Referências Bíblicas Lição Conceitos Básicos. Lição Criação. Lição 3...

Introdução Traduções e Referências Bíblicas Lição Conceitos Básicos. Lição Criação. Lição 3... SUMÁRIO Introdução... 7 Traduções e Referências Bíblicas... 8 Lição 1... 10 Conceitos Básicos Lição 2... 12 Criação Lição 3... 14 Queda Lição 4... 16 A Promessa do Senhor Lição 5... 18 A Chegada do Salvador

Leia mais

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS Prof. Lucas Neto INTRODUÇÃO O FIM DA HUMANIDADE O fim da humanidade na terra será marcada pela gloriosa volta de Jesus e nos desdobramentos dos acontecimentos,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO Aprova o projeto de extensão Escola de Teologia para Leigos Nossa Senhora das Graças, na modalidade de curso de extensão, na categoria de projeto de extensão permanente,

Leia mais

JUSTIFICATIVA. OBJETIVOS Gerais: Capacitar expositores da Bíblia a utilizá-la de forma teológica e metodologicamente fundam Específicos:

JUSTIFICATIVA. OBJETIVOS Gerais: Capacitar expositores da Bíblia a utilizá-la de forma teológica e metodologicamente fundam Específicos: JUSTIFICATIVA A Bíblia é a fonte primeira da teologia cristã, de onde os mais diversos grupos do cristianismo retiram OBJETIVOS Gerais: Capacitar expositores da Bíblia a utilizá-la de forma teológica e

Leia mais

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã.

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. Uma missão irrenunciável da igreja como um todo e do cristão particularmente. O QUE É INDISPENSÁVEL PARA A EVANGELIZAÇÃO? Conversão

Leia mais

Propedêutica Bíblica. 20 de Janeiro de 2014 Bíblia e Magistério

Propedêutica Bíblica. 20 de Janeiro de 2014 Bíblia e Magistério Propedêutica Bíblica 20 de Janeiro de 2014 Bíblia e Magistério ORAÇÃO Hebreus 1 Muitas vezes e de muitos modos, falou Deus aos nossos pais, nos tempos antigos, por meio dos profetas. 2 Nestes dias, que

Leia mais

P eu e ma m t a olo l gia Estudo Sistemático

P eu e ma m t a olo l gia Estudo Sistemático Pneumatologia Estudo Sistemático Podemos confessar a divindade do Espírito Santo, afirmando: Ao Espírito são atribuídos nomes divinos; Ao Espírito Santo são concedidos os atributos divinos, como a onipresença,

Leia mais

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global EVANGELISMO Por Evaristo Filho SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global http://seminarioevangelico.com.br setebonline@gmail.com 2 Apresentação da Disciplina Informações Gerais Pré-Tarefas Antes

Leia mais

O QUE É CRISTIANISMO? (CITAÇÕES DE: EVIDÊNCIA QUE EXIGE UM VEREDITO - J. MC DOWELL) Revisão, diagramação, comentários e versos acrescentados por:

O QUE É CRISTIANISMO? (CITAÇÕES DE: EVIDÊNCIA QUE EXIGE UM VEREDITO - J. MC DOWELL) Revisão, diagramação, comentários e versos acrescentados por: O QUE É CRISTIANISMO? (CITAÇÕES DE: EVIDÊNCIA QUE EXIGE UM VEREDITO - J. MC DOWELL) Revisão, diagramação, comentários e versos acrescentados por: Helio Clemente O cristianismo é visto hoje, mais que nunca,

Leia mais

Filosofia e Sociologia PROFESSOR: Alexandre Linares

Filosofia e Sociologia PROFESSOR: Alexandre Linares AULA 1 - Sociologia Filosofia e Sociologia PROFESSOR: Alexandre Linares 1 Sociologia Uma ciência que tem a totalidade da vida social do homem como sua esfera. Leonard Hobhouse (1864-1929) Sociologia Origens

Leia mais

CURSO DE TEOLOGIA Forania Santana Arquidiocese de Campinas. Estudo da Teologia E Metodologia Teológica

CURSO DE TEOLOGIA Forania Santana Arquidiocese de Campinas. Estudo da Teologia E Metodologia Teológica CURSO DE TEOLOGIA Forania Santana Arquidiocese de Campinas Estudo da Teologia E Metodologia Teológica INTRODUÇÃO 1 - Vivemos tempos difíceis para a fé e portanto para a Teologia. Porém este desafio é nosso,

Leia mais

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo.

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo. A Bíblia A Bíblia chegou e chega até nós, sendo Palavra de Deus e Fruto da revelação direta de Deus. Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a

Leia mais

TEOLOGIA CRISTÃ: UMA INTRODUÇÃO À SISTEMATIZAÇÃO DAS DOUTRINAS

TEOLOGIA CRISTÃ: UMA INTRODUÇÃO À SISTEMATIZAÇÃO DAS DOUTRINAS TEOLOGIA CRISTÃ: UMA INTRODUÇÃO À SISTEMATIZAÇÃO DAS DOUTRINAS FERREIRA, Franklin. Teologia cristã: uma introdução à sistematização das doutrinas. São Paulo: Edições Vida Nova, 2011. Natan da Costa Fernandes

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM UNISALESIANO DE LINS PROFESSORA: LILIANE VALBOM ENFERMAGEM º SEMESTRE

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM UNISALESIANO DE LINS PROFESSORA: LILIANE VALBOM ENFERMAGEM º SEMESTRE CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM UNISALESIANO DE LINS PROFESSORA: LILIANE VALBOM ENFERMAGEM - 2015 1º SEMESTRE O QUE É RELIGIÃO DEUS CONHECIMENTO RELIGIOSO, ENFIM... PARA QUE SERVE. POR

Leia mais

A Declaração de Jerusalém

A Declaração de Jerusalém A Declaração de Jerusalém Introdução Preocupados em estabelecer fundamentos sobre os quais a igreja deve buscar a expansão do cristianismo, representantes anglicanos de todo o mundo firmaram princípios

Leia mais

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo.

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo. A Bíblia A Bíblia chegou e chega até nós, sendo Palavra de Deus e Fruto da revelação direta de Deus. Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a

Leia mais

6 Referências bibliográficas

6 Referências bibliográficas 6 Referências bibliográficas 6.1. Bibliografia do autor GESCHÉ, Adolphe. O mal. São Paulo: Paulinas, 2003. (Coleção Deus para pensar; 1). O ser humano. São Paulo: Paulinas, 2003. (Coleção Deus para pensar;

Leia mais

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os Outros Seis Dias Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira S Vivendo Teologicamente S O que a teologia tem a ver com a vida diária? S A teologia geralmente é considerada como algo abstrato.

Leia mais

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura.

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. - A Igreja foi criada para dar seguimento ao ministério

Leia mais

latim se baseava na possibilidade de manter a comunicação entre povos que falavam línguas distintas. Por outro lado, os analfabetos, que constituíam

latim se baseava na possibilidade de manter a comunicação entre povos que falavam línguas distintas. Por outro lado, os analfabetos, que constituíam Sumário Introdução... 7 A Bíblia traduzida... 11 A distância que separa os primeiros leitores dos modernos... 15 Confirmação arqueológica... 19 A exegese e a interpretação da Bíblia... 25 Onde está a vontade

Leia mais