INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE IMÓVEL EM GARANTIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE IMÓVEL EM GARANTIA"

Transcrição

1 INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE IMÓVEL EM GARANTIA QUADRO RESUMO 1-QUALIFICAÇÃO DAS PARTES 1.1 Promitente Vendedores: VENDEDOR(a) E CREDOR(a) FIDUCIÁRIA: MARIA JOSÉ PEREIRA DA SILVA, E OUTROS, com sede em Varginha/MG, na Avenida Ministro Bias Fortes, nº 160,Centro, CEP xxxxxxx, inscrita no CNPJ xx.xxx.xxx/xxxx-xx, neste ato por seu representante legal, denominada VENDEDOR(a). 1.2 Promissários compradores: COMPRADOR(es)(a)(s) e DEVEDOR(es) FIDUCIANTE(s): Nome: Cpf/MF: RG: Endereço: Profissão/Estado civil: Nacionalidade: 2-DESCRIÇÃO DO IMÓVEL LOTEAMENTO PORTINARI Lote de nº: Área: Quadra: Confrontação: 1

2 Aprovado pela Prefeitura Municipal de Varginha/MG, sob alvará número 02510/2013 de 07/11/2013e averbados sob a Matrícula nº. xx.xxx do Livro xx, no Cartório de Registro de Imóveis de Varginha/MG. As Partes acima identificadas e qualificadas, integrantes deste instrumento particular de promessa de compra e venda estabelecem que este negócio jurídico é pelas cláusulas e condições abaixo, mutuamente ajustadas,aceitas e contratadas. Os compradores declara(m) que tem(êm) conhecimento de todas as obras de infraestrutura do loteamento que serão entregues pela VENDEDORA nos prazos estabelecidos no item 3 abaixo, devidamente discriminados no memorial descritivo do loteamento, parte integrante deste contrato e do qual o(s) compradores declara(ram)que recebeu(ram), leu(ram)e entendeu(ram), tendo dele pleno conhecimento. 3-PRAZOS DE ENTREGA DAS OBRAS O imóvel objeto desta transação será urbanizado, no prazo de até DOZE MESES, a contar do dia primeiro (1) de Janeiro de 2014, com abertura e asfaltamento de ruas; execução de rede de água Potável; rede de esgoto; drenagem pluvial; rede de energia elétrica; arborização e sinalização viária conforme projetos e cronogramas aprovados pela Prefeitura Municipal de Varginha, COPASA, CEMIG e demais órgão competentes devendo os promissários compradores respeitar a aceitação e liberação das obras pelos órgãos: (Prefeitura Municipal de Varginha, COPASA, CEMIG), para o início de qualquer obra no imóvel. 4- VALOR DA COMPRA E VENDA E FORMA DE PAGAMENTO 4.1 Pela compra e venda ora ajustada o(s) COMPRADOR(es) pagará(ão) à(ao) VENDEDOR(a) a importância total de R$ 350,00/m² (Trezentos e cinquenta Reais), totalizando sendo o pagamento efetivado na forma e condições seguintes: a) R$ x.xxx,xx (número extenso), como sinal e princípio de pagamento, importância esta que o(a) VENDEDOR(a) confessa como recebida neste ato, pelo que outorga, desde já, plena e irrevogável quitação, valendo este instrumento como comprovante de seu recebimento. 2

3 b) R$ xx.xxx,xx (número extenso) que serão financiados para o pagamento em xx (número extenso) parcelas mensais, no valor de R$ xxx,xx (número extenso) cada uma, vencendo-se a primeira no dia xx de xxxxxxxxx de xxxx, e as demais em igual dia dos meses subsequentes O pagamento da parcela descrita no item 4.1 a porventura efetuado em cheque(s) terá sua respectiva quitação condicionada à compensação do(s) título(s) pelo banco sacado A cobrança das parcelas futuras dar-se-ão através de boletos bancários, rotulados de pró solvendo, que ficam vinculados a este contrato O pagamento em atraso de qualquer obrigação será acrescido dos encargos previstos neste contrato e, se assim não o fizer, tal atitude será tida como ato de simples tolerância ou liberalidade, não significando novação, renúncia ou mesmo alteração contratual, permanecendo todas as cláusulas íntegras e exigíveis As parcelas constitutivas do financiamento concedido, descritas na(s) alínea(s) c do item 4.1 serão acrescidas de juros de 0,85 (zero vírgula oitenta e cinco por cento) ao mês, capitalizados, contados da data da assinatura deste instrumento ate as datas dos respectivos pagamentos, inclusive pro rata dies tempore Correção dos valores financiados e periodicidade. Com o objetivo de manter o equilíbrio econômico entre as partes, que é condição essencial do negócio ora firmado fica convencionado, desde já, que todas as parcelas do objeto de financiamento neste contrato de compra e venda se sujeitam a correção anual pela variação do IGP-M (Índice Geral de Preços de Mercado), coletado e divulgado pela Fundação Getúlio Vargas, ocorrida no período ou, na falta ou impedimento do uso daquele índice, sucessivamente, pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), coletado e divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, pelo IGP-DI (Índice Geral de Preços Disponibilidade Interna) coletado e divulgado pela Fundação Getúlio Vargas e IPC (Índice Geral de Preços ao Consumidor), coletado e divulgado pela Fundação Instituto Pesquisas Econômicas, ou por outro que venha a substituí-los e reflita a perda do poder de compra da moeda. 3

4 As partes resolvem, para efeito de atualização dos valores estipulados na cláusula quarta a e b, tendo em vista a defasagem de tempo existente entre a coleta de preços formadores do índice estipulado e a data de sua divulgação, que o reajuste se fará pela variação do índice entre o mês anterior ao mês da assinatura deste contrato e a data do efetivo pagamento PRAZO DE AMORTIZAÇÃO, TAXA DE JUROS, DEMAIS VALORES E CONDIÇÕES Valor da dívida financiada R$ xx.xxx,xx (número extenso) venda Valor da garantia fiduciária: R$ xx.xxx,xx (número extenso)= Valor total da Prazo em meses de amortização: xx (número extenso) meses Reajuste da dívida financiada: item 4.2 do QUADRO DE RESUMO. 4.4 DA ANTECIPAÇÃO DE PAGAMENTO Em caso de antecipação do pagamento das parcelas vincendas, serão cobrados a titulo de despesas administrativas 2% (dois por cento) do valor da divida antecipada, sendo descontados os juros tidos como futuros para a apuração do valor a ser pago antecipadamente. 4.5 DA MORA E INADIMPLEMENTO Em caso de atraso no pagamento das prestações, o(a,s) COMPRADORES devera pagar multa de 2% (dois por cento), juros de 1% (um por cento) ao mês, ou fração, correção monetária e demais encargos da cobrança sobre o debito vencido. Permanecendo o debito por mais de 60 (sessenta) dias, poderá ser acrescidos 20% (vinte por cento) a titulo de honorários advocatícios sobre o total da divida, além de, demais encargos e custas judiciais nos casos de cobrança judicial, ou 10% (dez por cento) para o caso de acordo extrajudicial. CLÁUSULAS CONTRATUAIS 4

5 Pelo presente instrumento, as partes acima qualificadas, após terem tido conhecimento prévio do texto deste instrumento e compreendido o seu sentido e alcance, têm justo e acordado o presente contrato de Promessa de Compra e Venda de lote de terreno, descrito e caracterizado neste instrumento, ficando entendido que o presente negócio jurídico se regulará pelas cláusulas e condições a seguir alinhadas, mutuamente aceitas e outorgadas. CLÁUSULA PRIMEIRA DO IMÓVEL, DA COMPRA E VENDA E DA POSSE O(a) VENDEDOR(a) é senhor(a) legítimo(a) proprietário(a), a justo título, do imóvel descrito e caracterizado no item 1.1 do QUADRO RESUMO deste contrato, que será pago na forma disciplinada no item 4.1 deste instrumento. Uma vez satisfeito o preço da venda ao(à) VENDEDOR(a) confere ao(s) COMPRADOR(es) plena e irrevogável quitação e, obrigando-se por si, seus herdeiros e sucessores, a fazer a presente venda sempre firme, boa e valiosa e, ainda, a responder pela evicção de direito. PARAGRAFO PRIMEIRO O(a) VENDEDOR(a) declara que o imóvel objeto da compra e venda se encontra livre e desembaraçado de quaisquer ônus reais, pessoais, dúvidas, litígios, bem como está quite de quaisquer tributos e encargos. PARÁGRAFO SEGUNDO O(s) COMPRADOR(es) declara(m) para todos os fins de direito que, tendo visitado o loteamento descrito em 2 do QUADRO RESUMO, que conhece in loco os limites, confrontações, vias de acesso e a exata topografia do imóvel objeto deste contrato. PARÁGRAFO TERCEIRO O(s) COMPRADOR(es) declara(m) também que tem conhecimento de todas as obras das áreas comuns, benfeitorias, equipamentos e infraestrutura no loteamento que serão entregues pelo(a) VENDEDOR(a), descriminados no memorial descritivo do loteamento, parte integrante deste contrato, obras estas que serão entregues conforme prazos descritos no item 3 do QUADRO RESUMO, não havendo nenhum acréscimo ou benfeitoria a ser realizado sob a responsabilidade do(a) VENDEDOR(a) além daqueles descriminados no referido memorial. PARÁGRAFO QUARTO A posse do imóvel objeto da presente será entregue ao(s) COMPRADOR(es) quando da conclusão das obras descritas no item 3 do QUADRO RESUMO, mediante documento de Entrega de Posse firmado entre as partes, sendo condição sine qua non para a entrega que o(s) COMPRADOR(es) estejam em dia com o 5

6 pagamento do financiamento e demais encargos além de estar averbado no Cartório de Registro de Imóveis a alienação fiduciária. PARÁGRAFO QUINTO A conclusão das obras descritas no item 3 do QUADRO RESUMO poderá ser prorrogada por até 90 (noventa) dias sem que isso gere direito a qualquer multa, ressarcimento ou indenização ao(s) COMPRADOR(es), entendendo-se por entrega, o termino das obras descritas no memorial descritivo do loteamento e mediante protocolo de entrega junto a Prefeitura Municipal, concessionárias e demais órgãos competentes, não sendo considerado atraso os prazos destes órgãos pela liberação da ocupação. PARÁGRAFO SEXTO São ainda causas suspensivas do prazo contratual para entrega das obras de infraestrutura quaisquer atrasos ou indefinições decorrentes de atos ou omissões de órgãos públicos e/ou concessionárias de serviços públicos, notadamente quanto aprovação de projetos, elaboração de diretrizes, definição de orientações técnicas, realização de vistoria parcial ou final de obras, o que não exclui outras hipóteses aplicáveis ao processo de realização das obras. Também fica prorrogado o prazo previsto neste contrato na superveniência de caso fortuito ou força maior, considerando-se como tais todas e quaisquer ocorrências que, direta ou indiretamente, possam impedir ou prejudicar o cumprimento integral da obrigação ora assumida, desde que não causadas ou agravadas pela VENDEDORA, tais como: (i) greves gerais ou parciais da indústria da construção civil ou de alguma atividade que afete; (ii)atos de hostilidade, terrorismo ou de guerra, rebelião, revolução, instrumento, tumulto, motim e outras perturbações da ordem publica; (iii) chuvas prolongadas, terremotos, tufões, furacões, inundações e outros distúrbios naturais; (iv) suspensão ou falta de transporte ou de fornecimento de energia elétrica, bem como imposição de contas máximas de consumo que inviabilizem o andamento normal das obras; (v) demora na execução dos serviços próprios de entidades públicos ou de empresas concessionárias dos serviços públicos, desde que a VENDEDORA tenha tomado, em tempo hábil, as providencias cabíveis; (vi) falta de matérias, sem similares que os substituam, ou de mão de obra, especializada ou não. 6

7 PARÁGRAFO SETIMO O(s) COMPRADOR(es) declara(m) ainda ter conhecimento de que o imóvel objeto deste instrumento foi oferecido como garantia da regular implantação do loteamento, ficando caucionado, conforme consta na matrícula nº xxxxxxxx do Cartório de Registro de Imóveis de Varginha, devendo ser liberado deste ônus para transferência a terceiros somente após a conclusão das obras de infraestrutura do loteamento com os devidos aceites da: Prefeitura Municipal de Varginha CLÁUSULA SEGUNDA DA POSSE-PENALIDADES E RESOLUÇÃO PARAGRAFO PRIMEIRO - PROMITENTE VENDEDORA de imediato, em caráter extraordinário e de simples concessão, permitirá a ocupação do imóvel pelo(a) PROMISSÁRIO (A) COMPRADOR (A), a titulo meramente precário, não se transferindo a posse definitiva do bem, que continuará com a PROMITENTE VENDEDORA até que seja totalmente integralizado o pagamento do preço e acessórios. PARAGRAFO SEGUNDO - Se o (a) PROMISSÁRIO(A) COMPRADOR(A) descumprir as condições deste contrato, o mesmo ficará resolvido pelo pleno direito, sujeitando-se a ação de reintegração de posse, com a concessão de limitar que de ensejo a retomada da posse precária para a PROMITENTE VENDEDORA. PARAGRAFO TERCEIRO - O(A) PROMISSÁRIO(A) COMPRADOR(A), declara que tem conhecimento e está de acordo, em somente iniciar qualquer obra ou benfeitoria no terreno objeto deste instrumento, após a aceitação das obras de água e esgoto, pela COPASA- Cia. De Saneamento de Minas Gerais,CEMIG e Prefeitura Municipal de Varginha, respeitando ainda o compromisso de comunicar com antecedência mínima de 7(sete) dias, a intenção de qualquer início de obras no imóvel, tais como: muro; terraplanagem; fundações; edificações e outros, declarando também, para todos os efeitos de direito, que recebe o imóvel desocupado e demarcado, bem como que conhece a área, sua exata configuração, situação topográfica e seus limites e confrontações conforme a planta aprovada. PARAGRAFO QUARTO - A posse definitiva e o domínio do imóvel, após cumpridas as exigências da cláusula segunda deste contrato, serão transmitidos no ato da assinatura da escritura pública definitiva e de seu respectivo registro no competente cartório do registro de imóveis da comarca de Varginha- MG. 7

8 CLÁUSULA TERCEIRA DAS OBRIGACOES DO(A) COMPRADOR(A) EM DECORRENCIA DA POSSE PRECÁRIA Em decorrência da transmissão da posse precária do imóvel e do presente contrato, o (a) PROMISSÁRIO(A) COMPRADOR(A) se obriga: a) A manter o imóvel em perfeito estado de conservação e limpeza; b) A somente edificar muros nos limites do terreno adquirido, em alvenaria, ficando ciente a desvalorizar o loteamento, tais como, pré moldado, arame liso ou farpado, materiais reaproveitados de sucata, etc; c) A não fazer aterros, desaterros, desvios ou encaminhamentos de águas pluviais, nem qualquer movimento de terras, que possam prejudicar os lotes vizinhos, as vias de circulação ou áreas e espaços livres; c.1) Fica a critério do(a) COMPRADOR(A) a execução de obras de canalização de águas pluviais dentro da área do imóvel, quando a conformação do terreno assim o exigir, sendo que todas as despesas inerentes a este serviço, bem como sua manutenção, correção exclusivamente por sua conta; d) A não lançar, nem permitir que sejam lançados lixo, detritos ou entulhos, de qualquer natureza, no próprio imóvel, ou nos imóveis vizinhos; e) A obedecer, rigorosamente, as limitações ao uso e a construção do imóvel impostas pelos poderes públicos; f) A respeitar as disposições constantes do memorial de loteamento e no zoneamento municipal; g) A pagar pontualmente em sua totalidade e a partir desta data de assinatura do contrato, todos e quaisquer tributos, taxas, contribuições que incidam ou venham a incidir sobre o imóvel, inclusive multas, juros e correção monetária, especialmente o IPTU, Imposto Predial e Territorial Urbano mesmo que lançado em nome da promitente vendedora, se comprometendo a procurar diretamente a Prefeitura Municipal em caso de não recebimento dos carnes ou boletos para pagamento do imposto, comprometendo-se ainda, a pagar despesas de rateios condominiais ou de associação de moradores, caso seja instituído. CLÁUSULA QUARTA CONDIÇÕES E LOCAL DE PAGAMENTO 8

9 Pela compra e venda ora ajustada o(s) COMPRADOR(es) pagará(ão) ao (à) VENDEDOR(a) a importância total de descrita no item IV do quadro RESUMO, sendo que os pagamentos correspondentes se farão por meio de cobrança bancária pró-solvendo encaminhada ao endereço do(s) COMPRADOR(es) lançada no preâmbulo deste instrumento, ou no escritórios da VENDEDORA ou em outro local por ela indicado. Caso o promissário comprador não receba os boletos em seu endereço, o mesmo deverá também procura-los nos endereços constantes no quadro resumo deste contrato e na contracapa deste contrato. PARÁGRAFO ÚNICO Caso o vencimento do encargo mensal coincida com sábado, domingo ou feriado, o pagamento deverá ser realizado no primeiro dia útil subsequente, sem qualquer acréscimo. CLÁUSULA QUINTA IMPONTUALIDADE Qualquer pagamento efetuado fora do prazo sujeitará o(s) COMPRADOR(es) ao pagamento da parcela em atraso acrescida de multa de 2% (dois por cento) e juros moratórios de 1% (um por cento) ao mês até o efetivo pagamento, tudo calculado sobre o valor do montante em atraso devidamente atualizado pelo índice eleito em 4.2 supra. PARÁGRAFO ÚNICO Nas hipóteses de mora ou inadimplemento no cumprimento da obrigação, o(s) VENDEDOR(a) fica expressamente autorizado(a), em caráter irrevogável e irretratável, a inscrever o CPF do(s) COMPRADOR(es) na SERASA Centralização de Serviços dos Bancos S/A, no SPC Serviço de Proteção ao Crédito, e demais órgãos de cadastros de inadimplentes. CLÁUSULA SEXTA ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA Em garantia do pagamento da dívida decorrente do financiamento, bem como fiel cumprimento de todas as obrigações contratuais e legais, o(s) COMPRADOR(es) aliena ao(à) VENDEDOR ou a quem este indicar, em caráter fiduciário, o imóvel objeto deste financiamento, descrito e caracterizado no item 2 do QUADRO RESUMO, nos termos e para os efeitos dos artigos 22 e seguintes da Lei 9.514/97. PARÁGRAFO PRIMEIRO A garantia fiduciária, ora contratada, abrange o imóvel identificado no preâmbulo deste instrumento e todas as acessões, benfeitorias, 9

10 melhoramentos, construções e instalações que lhe forem acrescidas e vigorará pelo prazo necessário à reposição integral do capital financeiro e seus respectivos encargos, inclusive reajuste monetário, permanecendo íntegra até que o(s) COMPRADOR(es) cumpra(m) integralmente todas as obrigações contratuais e legais vinculadas ao presente negócio. PARÁGRAFO SEGUNDO Mediante o registro deste contrato no competente Registro de Imóveis estará constituída a propriedade fiduciária em nome do(a) VENDEDOR(a), efetivando-se o desdobramento da posse, tornando o(s) COMPRADOR(es) possuidor(es) direto(s) e o(a) VENDEDOR(a) possuidor(a) indireto(a) do imóvel objeto da garantia fiduciária. PARÁGRAFO TERCEIRO Enquanto permanecer(em) adimplente(s) com as obrigações ora pactuadas, ao(s) COMPRADOR(es) fica assegurada a livre utilização, por sua conta e risco, do imóvel objeto deste contrato. CLÁUSULA SETIMA VALOR DA GARANTIA FIDUCIÁRIA Concordam as partes que o valor do imóvel ora alienado fiduciariamente, para fins do disposto no inciso VI do artigo 24 da Lei nº 9.514/97, é o expressão em moeda corrente nacional, descrito no item 4 do QUADRO RESUMO, sujeito à atualização monetária a partir da data de contratação deste instrumento contratual mensalmente pelo mesmo índice fixado em 4.2 reservando-se ao(à) VENDEDOR(a) o direito de pedir nova avaliação a qualquer tempo. CLÁUSULA OITAVA BENFEITORIA E OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS DOS COMPRADORES O(s) COMPRADOR(es) declara(m) ter conhecimento e respeitar as leis e normas editadas pelo IBAMA, IEF,CODEMA e mais órgãos responsáveis pela proteção ambiental, e ainda ter ciência de que o imóvel objeto desta promessa está sujeito às leis e normas que tratam das definições de uso de ocupação do solo urbano editadas pela Prefeitura Municipal, e assume o compromisso de respeitar todas estas normas de conservação. PARÁGRAFO PRIMEIRO Em decorrência do disposto no caput desta cláusula, o(s) COMPRADOR(es) se obriga(m) a observar na implementação de quaisquer acessões ou benfeitorias no imóvel a legislação pertinente relativa à proteção ambiental e ao uso e ocupação do solo e as normas estabelecidas pelo Município, bem como a obter(em) as 10

11 licenças administrativas necessárias, a CND/INSS e a promover as necessárias averbações perante o Registro Imobiliário, sendo que, em quaisquer hipóteses, estas benfeitorias e acessões integrarão o imóvel e seu valor para fins de realização de leilão extrajudicial. PARÁGRAFO SEGUNDO Nos termos do disposto nos 4º e 5º do artigo 27 da Lei nº 9.514/97, jamais haverá direito de retenção por acessão ou benfeitorias, sejam úteis, voluptuárias ou necessárias, mesmo que realizadas de acordo com as normas convencionais e legais vigentes. PARÁGRAFO TERCEIRO A indenização por benfeitorias integrará o saldo que sobejar da venda do imóvel em leilão, após a dedução dos valores da dívida e demais despesas e encargos contratualmente fixados e decorrentes de lei, não podendo, em qualquer hipótese, ser superior a tal quantia. PARÁGRAFO QUARTO O(s) COMPRADOR(es) desde já autorizam, sem direito a qualquer indenização, a passagem no imóvel objeto da presente promessa, a canalização de água e outras redes necessárias para serventia dos imóveis vizinhos, e bem como concordam em receber águas pluviais que para ele corram. PARÁGRAFO QUINTO Em razão do disposto no parágrafo precedente, o(s) COMPRADOR(es) expressamente constitui(em) em favor dos lotes vizinhos servidão para passagem do ramal de esgotos sanitários pelo terreno objeta desta compra, comprometendo-se por si, seus herdeiros e sucessores, a respeitar a servidão aqui constituída em todo o tempo, permitindo o acesso ao ramal para manutenções reparos e/ou substituição do ramal, sem direito a qualquer reembolso, indenização ou ressarcimento a que título for. PARÁGRAFO SEXTO - O(s) COMPRADOR(es) está(ão) ciente(s) que é(são) único(s) responsável(is) pela obtenção de Licença para Construção junto a Prefeitura antes de iniciar qualquer obra, inclusive a obtenção do respectivo alvará quando a destinação do imóvel for outra que não residencial. O(s) COMPRADOR(es) se compromete(m) a atender as determinações da prefeitura e/ou concessionária de serviço, quanto às ligações de sua rede particular de esgoto no sistema existente, reconhecendo ainda não assistir ao(à) VENDEDOR(a) qualquer responsabilidade pela execução ou pagamento de quaisquer obras de ligação de serviços públicos no imóvel objeto desta compra e venda, que porventura venham a ser necessárias. 11

12 PARÁGRAFO SÉTIMO - O promissário comprador está ciente que será vedado e expressamente proibido a ele, seus herdeiros e sucessores o fracionamento do imóvel para a construção de mais de uma unidade residencial horizontal, em que ocorra a divisão da unidade de lotes em duas testadas inferiores a 7 metros. CLÁUSULA DECIMA VENCIMENTO ANTECIPADO DA DÍVIDA A dívida decorrente deste financiamento, acrescida de todos os encargos e demais acessórios, bem como quaisquer importâncias de responsabilidade do(s) COMPRADOR(es), atualizados na forma prevista no item 4 do QUADRO RESUMO supra, será considerada antecipadamente vencida e imediatamente exigível pelo(a) VENDEDOR(a), independentemente de aviso, notificação ou interpelação judicial ou extrajudicial, poderá ensejar a execução do contrato e de sua respectiva garantia, em razão de quaisquer dos motivos previstos em lei, e, ainda, na ocorrência de quaisquer das seguintes hipóteses: a) Atraso de 60 (sessenta) dias ou mais no pagamento de qualquer um dos encargos mensais e/ou outras obrigações de pagamento previstas neste instrumento; b) Transferência ou cessão a terceiros, a qualquer título, no todo ou em parte, dos direitos e obrigações decorrentes deste instrumento, sem prévio e expresso consentimento do(a) VENDEDOR(a); c) Falta de manutenção no imóvel oferecido em garantia que não o deixe em perfeito estado de conservação, segurança e habitabilidade; d) Constituição sobre o imóvel oferecido em garantia fiduciária, no todo ou em parte, de qualquer outro ônus real; e) Falta de pagamento e apresentação, quando solicitado pelo(a) VENDEDOR(a), de recibos de impostos, taxas ou outros tributos, bem como os encargos previdenciários, securitários e condominiais que incidam ou venham a incidir sobre o imóvel e que sejam de responsabilidade do(s) COMPRADOR(ES); f) Se o imóvel dado em garantia fiduciária vier a sofrer qualquer ato de constrição judicial ou decretada qualquer medida judicial ou administrativa que, de algum modo o afete no todo ou em parte; g) A superveniência de desapropriação do imóvel dado em garantia fiduciária; h) Comprovação de declaração falsa prestada pelo(s) COMPRADOR(es) ou na qual tenha(m) conhecimento e que de algum modo possa afetar a validade das obrigações e deveres decorrentes do presente instrumento; 12

13 i) Insolvência do(s) COMPRADOR(es); j) Quando contra qualquer um dos COMPRADORES for movida alguma ação que ameace ou afete o imóvel dado em garantia da dívida; k) Quando não for providenciado o registro do contrato dentro do prazo estipulado na cláusula décima oitava; e l) Descumprimento de qualquer das obrigações estipuladas neste instrumento e nas normas que lhe são aplicáveis. CLÁUSULA DECIMA PRIMEIRA PRAZO DE CARÊNCIA PARA EXPEDIÇÃO DA INTIMAÇÃO, MORA E INADIMPLEMENTO Para fins previstos no artigo 26, parágrafo 2º da Lei 9.514/97, fica estabelecido o prazo de 60(sessenta) dias contados da data de vencimento do primeiro encargo mensal vencido e não pago para expedição da intimação. PARÁGRAFO PRIMEIRO Decorrida a carência de 60 (sessenta) dias, de que trata o caput dessa cláusula, o(a) VENDEDOR(a) ou seu cessionário poderá iniciar o procedimento de intimação. A mora do(s) COMPRADOR(es) será ratificada mediante intimação com prazo de 15 (quinze) dias para sua purgação. PARÁGRAFO SEGUNDO Mesmo que não concretizada a intimação, o(s) COMPRADOR(es) que pretender(em) purgar a mora deverá(ão) fazê-lo mediante o pagamento dos encargos mensais vencidos e não pagos e os que se vencerem até a data do efetivo pagamento, atualizados monetariamente, incluindo os encargos contratuais e legais, além das despesas de cobrança e de intimação e tributos, contribuições condominiais e associativas, apurados consoante disposições contidas na cláusula décima segunda. PARÁGRAFO TERCEIRO O(s) COMPRADOR(es) não poderá(ão) pagar qualquer encargo mensal do financiamento enquanto não tiverem sido pagos e quitados aqueles já vencidos anteriormente, sendo que, se tal fato ocorrer, o pagamento efetuado será imputado na liquidação ou amortização do primeiro encargo vencido e não pago. PARÁGRAFO QUARTO O recibo de pagamento da última prestação vencida não presume quitação da anterior e o simples pagamento dos encargos, sem atualização monetária, acréscimos moratórios e demais encargos contratuais e legais não exonerará o(s) 13

14 COMPRADOR(es) da responsabilidade de liquidar tais obrigações, continuando em mora para todos os efeitos legais e contratuais. PARÁGRAFO QUINTO Havendo mais de um encargo em atraso somente será permitida a purgação da mora caso ocorra, simultaneamente, o pagamento de todos os encargos em atraso, salvo deliberação do(a) VENDEDOR(a) autorizando pagamento parcelado. PARÁGRAFO SEXTO O procedimento de intimação obedecerá aos seguintes requisitos: a) A intimação será requerida pelo(a) VENDEDOR(a) ou seu cessionário ao Oficial Delegado do Serviço de Registro de Imóveis, indicando o valor vencido e não pago e penalidades moratórias; b) A diligência da intimação será realizada pelo Oficial Delegado do Serviço de Registro de Imóveis da circunscrição imobiliária onde se localizar o imóvel, podendo, a critério desse Oficial, vir a ser realizada por meio de Serviço de Registro de Títulos e Documentos da Comarca da situação do imóvel, ou do domicílio de quem deva recebê-la, ou ainda pelo Serviço de Correios e Telégrafos, com aviso de recebimento a ser firmado pessoalmente pelo(s) COMPRADOR(es) ou por quem deva receber a intimação; c) A intimação será feita pessoalmente ao(s) COMPRADOR(es), a seu representante legal ou a procurador regularmente constituído; d) Se o destinatário da intimação encontrar-se em local incerto e não sabido, certificado pelo Oficial Delegado do Serviço de Registro de Imóveis ou pelo de Títulos e Documentos, competirá ao primeiro promover sua intimação por edital com prazo de 15 (quinze) dias, contados da primeira divulgação, publicada por 03 (três) dias, ao menos, em um dos jornais de maior circulação no local do imóvel ou noutro de comarca de fácil acesso, se, no local do imóvel, não houver imprensa de circulação diária; e e) Se ocorrer recusa do(s) destinatário(s) em dar-se regularmente intimado(s), em função da não aceitação da intimação, ou por se furtar(em) a ser(em) encontrado(s), ou ainda, por se recusar(em) a assinar a intimação, fica autorizado o Oficial do Registro de Imóveis correspondente, após a certificação da não consecução da intimação pessoal, a fazer a publicação de editais, conforme previsto no 4º do art. 26, da Lei 9.514/97. PARÁGRAFO SÉTIMO Purgada a mora no Registro de Imóveis, convalescerá a alienação fiduciária, cabendo ao(s) COMPRADOR(es) o pagamento das despesas de cobrança da intimação. 14

15 PARÁGRAFO OITAVO Eventual diferença entre o valor objeto da purgação da mora e o devido no dia da purgação deverá ser paga pelo(s) COMPRADOR(es) juntamente com o primeiro encargo que se vencer após a purgação da mora. PARÁGRAFO NONO Se o(a) VENDEDOR(a) vier a pagar algum dos encargos inerentes ao imóvel ou à garantia, o(s) COMPRADOR(es) deverá(ão) reembolsá-la dentro de 30 (trinta) dias, contados do recebimento de sua comunicação, sendo aplicáveis, a essa hipótese, as mesmas penalidades para casos de inadimplemento. CLÁUSULA DECIMA SEGUNDA LIQUIDAÇÃO DA DÍVIDA Com o pagamento da dívida e seus encargos, resolve-se a propriedade fiduciária do imóvel. No prazo de 60 (sessenta) dias, a contar da data de liquidação da dívida, o(a) VENDEDOR(a) fornecerá o respectivo termo de quitação ao(s) COMPRADOR(es), sob pena de arcar com uma multa em favor deste(s), equivalente a 0,5% (zero vírgula cinco por cento) ao mês, ou fração, sobre o valor do contrato. PARÁGRAFO ÚNICO O(s) COMPRADOR(es)deverá(ão) apresentar ao oficial do competente Registro de Imóveis o termo de quitação de que trata o parágrafo anterior para que este efetue o cancelamento do registro da propriedade fiduciária. As despesas e emolumentos decorrentes serão arcadas pelo(s) COMPRADOR(es). CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE Decorrido prazo de 15 (quinze) dias sem purgação da mora, o Oficial do competente Registro de Imóveis, certificará este fato e, à vista da prova do pagamento pelo(a) VENDEDOR(a) do Imposto de Transmissão Inter Vivos ITBI, promoverá a averbação, na matrícula do imóvel, da consolidação da propriedade em nome do(a) VENDEDOR(a). PARÁGRAFO PRIMEIRO O(s) COMPRADOR(es) entregará(ão) o imóvel ao(à) VENDEDOR(a) no dia seguinte ao da consolidação da propriedade em nome do(a) VENDEDOR(a), deixando-o livre e desimpedido de pessoas e coisas, sob pena de pagamento ao(à) VENDEDOR(a) ou a quem vier sucedê-la, a título de taxa de ocupação do imóvel, por mês ou fração, o valor corresponde a 1% (um por cento) do valor do imóvel, atualizado na 15

16 forma definida neste contrato, sem prejuízo de sua responsabilidade pelo pagamento de todas as despesas de condomínio, tributos, mensalidades associativas, água, luz, gás, e quaisquer outros encargos que recaiam ou venham a recair sobre o imóvel, incorridos após a data de realização do público leilão até a data em que o(a) VENDEDOR(a) ou seus sucessores vier a ser reintegrado/imitido na posse imóvel, bem como todas as despesas necessárias à reposição do imóvel em estado de uso de habitabilidade. PARÁGRAFO SEGUNDO A taxa de ocupação do imóvel incide desde a data da alienação em leilão, perpetuando-se até a data em que o(a) VENDEDOR(a) ou seus sucessores virem a ser imitidos na posse do imóvel. PARÁGRAFO TERCEIRO Não ocorrendo a desocupação do imóvel no prazo e forma ajustados, o(a) VENDEDOR(a), seus cessionários ou sucessores poderão requerer a reintegração da posso do imóvel, cabendo ao adquirente do imóvel, quer tenha adquirido no leilão ou posteriormente, o direito de pleitear a imissão de posse, declarando-se o(s) COMPRADOR(es) ciente(s) de que, nos termos do art. 30 da Lei 9.514/97, a reintegração/imissão poderá ser concedida liminarmente, por ordem judicial, para desocupação do imóvel no prazo máximo de 60 (sessenta) dias, sem prejuízo da cobrança da taxa diária de ocupação e demais despesas previstas neste instrumento. PARÁGRAFO QUARTO Se o imóvel estiver locado, a locação poderá ser denunciada com prazo de 30 (trinta) dias para desocupação, salvo aquiescência por escrito do(a) VENDEDOR(a) ou seus sucessores, devendo a denúncia ser realizada no prazo de 90 (noventa) dias a contar da data da consolidação da propriedade no(a) VENDEDOR(a) ou seus sucessores. PARÁGRAFO QUINTO Será considerada ineficaz, e sem qualquer efeito perante o(a) VENDEDOR(a) ou seus sucessores, a contratação ou a prorrogação de locação do imóvel alienado fiduciariamente por prazo superior a um ano sem concordância por escrito do(a) VENDEDOR(a). PARÁGRAFO SEXTO Não se aplica ao imóvel abjeto do presente instrumento o direito de preferência em favor do locatário, estabelecido pelo art. 27 da Lei nº 8.245/91. CLAUSULA DÉCIMA QUARTA PROCEDIMENTO DO LEILÃO EXTRAJUDICIAL 16

17 Consolidada a propriedade em nome da VENDEDORA, esta promoverá, extrajudicialmente, o público leilão para alienação do imóvel a terceiros. PARÁGRAFO PRIMEIRO -O leilão será anunciado mediante edital único com prazo de 10(dez) dias, contados da primeira divulgação, publicado por 3(três) dias, ao menos, em um dos jornais de maior circulação no local do imóvel ou noutro de comarca de fácil acesso, se, no local do imóvel, não houver imprensa com circulação diária. PARÁGRAFO SEGUNDO Para fins do leilão extrajudicial, as expressões que se seguem terão os seguintes significados: I. Valor do imóvel é o valor da avaliação constante do item 4 do QUADRO RESUMO, ao qual ficam acrescidos os valores correspondentes aos melhoramentos, construções, acessões, instalações e benfeitorias existentes e que lhe integrem, atualizado monetariamente até a data do leilão, reservandose a VENDEDORA o direito de pedir nova avaliação. II. Valor da divida é o equivalente a soma das seguintes quantias: a) Valor das prestações atualizadas na forma do item 4 do QUADRO RESUMO, bem como qualquer outro encargo contratual, acrescido das penalidade moratórias; b) Comissão do leiloeiro; c) Despesas com intimação do(s) COMPRADOR (ES) e editais de publicação; d) Despesas com a consolidação da propriedade em favor da VENDEDORA, inclusive o Imposto de Transmissão Inter Vivos- ITBI; e) Contribuições devidas ao empreendimento para manutenção das áreas comuns, abrangendo valores vencidos e não pagos até a data do leilão; f) Mensalidades, abrangendo valores vencidos e não pagos até a data do leilão, devidas a associação de moradores ou entidade assemelhada, se for o caso; g) Despesas de água, luz e gás, abrangendo valores e vencidos e não pagos até a data do leilão se for o caso; h) IPTU, foro e outro s tributos ou contribuições eventualmente incidentes, abrangendo valores vencidos e não pagos até a data do leilão, se for o caso; i) Taxa de ocupação devida ao mês ou fração, fixada em 1% (um por cento)sobre o valor do imóvel, atualizado pelo mesmo índice pactuado neste instrumento, reservando-se a VENDEDORA o direito de pedir nova avaliação, e devida desde a data da consolidação da propriedade em nome da VENDEDORA; 17

18 j) Qualquer outra contribuição social ou tributo incidente sobre qualquer pagamento efetuado pela VENDEDORA em decorrência da intimação e da alienação em leilão extrajudicial e da entrega de qualquer quantia ao(s) COMPRADORES (ES); k) Custeio dos reparos necessários à reposição do imóvel a um estado de uso e habitabilidade, salvo se o(s) COMPRADOR(ES) já o tenha(m) devolvido em tais condições à VENDEDORA ou aos adquirentes no leilão extrajudicial. PARÁGRAFO TERCEIRO -O valor da divida, apurado de acordo com o parágrafo anterior, é atualizado monetariamente e acrescido de juros moratórios, conforme item 4 do QUADRO RESUMO, da data da consolidação da divida até a data do segundo leilão. PARÁGRAFO QUARTO - A VENDEDORA promovera o primeiro público leilão dentro de 30 (trinta) dias, contados da data do registro da consolidação da propriedade em seu nome, devendo ser ofertado pelo valor do imóvel indicado no item I do parágrafo segundo desta clausula, atualizado monetariamente, reservando-se a vendedora o direito de pedir nova avaliação. PARÁGRAFO QUINTO Se no primeiro público leilão o maior lance oferecido for inferior ao valor do imóvel indicado no item I do parágrafo segundo desta cláusula, será realizado o segundo leilão nos 15 (quinze) dias subsequentes a data de realização do primeiro leilão. PARAGRAFO SEXTO Nos segundo leilão será aceito o maior lance oferecido, desde que igual ou superior ao valor da divida apurada na forma do parágrafo terceiro desta Cláusula. PARAGRAFO SÉTIMO Nos 05 (cinco) dias que se seguirem ao integral e efetivo recebimento pela VENDEDORA dos valores correspondentes à venda do imóvel no primeiro ou segundo leilão, esta entregará ao(s) COMPRADOR (ES) a importância que sobejar, considerando-se nela compreendido o valor da indenização de benfeitorias, se for o caso, depois de deduzidos os valores da divida e das despesas e encargos, fato esse que importará em quitação recíproca. PARÁGRAFO OITAVO A VENDEDORA, já como titular de domínio pleno do imóvel, transmitirá o domínio e a posse, indireta e/ou direta, do imóvel ao licitante vencedor. 18

19 PARÁGRAFO NONO Se no segundo leilão não houver licitante ou o maior lance oferecido não for igual ou superior ao valor da dívida, esta será considerada extinta ficando a VENDEDORA exonerada da obrigação de restituição ao(s) COMPRADOR (ES) de qualquer quantia, a quem título for. PARÁGRAFO DÉCIMO Extinta a divida e exonerado(s) o(s) COMPRADOR (ES)da obrigação, dentro de 5 (cinco) dias a contar da data da realização do segundo leilão, a VENDEDORA disponibilizará ao(s)comprador(es)termo de extinção da obrigação. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA ENCARGOS FISCAIS Todos os tributos, impostos e taxas e quaisquer outras contribuições ou encargos, inclusive tributários, fiscais e condominiais que incidam ou venham a incidir sobre o imóvel oferecido em garantia a partir da imissão do(s) COMPRADOR(es) na posse deverão por eles satisfeitas, nas épocas próprias, reservando-se o(a) VENDEDOR(a) o direito de, a qualquer tempo, exigir a respectiva comprovação. PARÁGRAFO ÚNICO Na hipótese de atraso do(s) COMPRADOR(es) no cumprimento dessas obrigações de sua responsabilidade e, caso não prefira o(a) VENDEDOR(a) considerar vencida a dívida, fica-lhe reservado o direito de efetuar o pagamento de qualquer dos encargos referidos nesta cláusula, obrigando-se, neste caso, o(s) COMPRADOR(es), a reembolsá-la de todas as quantias assim despendidas, atualizadas monetariamente, e acrescidas dos juros estipulados neste Contrato. CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA COMUNICAÇÕES E DECLARAÇÕES DE RESPONSABILIDADE DO(S) COMPRADOR(ES) O(s) COMPRADOR(es) assume(m) a obrigação de comunicar ao(à) VENDEDOR(a) eventuais impugnações feitas ao presente contrato, bem como quaisquer ocorrências que possam, direta ou indiretamente, afetar o imóvel, notadamente a mudança de sua numeração ou identificação, durante a vigência do presente instrumento, declarando, também, sob as penas da lei: a) Que não respondem pessoalmente a ações reais, pessoais, reipersecutórias, possessórias, reivindicatórias, arrestos, embargos, depósitos, sequestros, 19

20 protestos, falências, concordatas e/ou concursos de credores, dívidas fiscais, penhoras ou execuções, que possam comprometer o imóvel objeto da presente transação e garantia fiduciária constituída em favor do(a) VENDEDOR(a); b) A autenticidade das indicações sobre o seu estado civil, nacionalidade, profissão e identificação; c) Autenticidade das declarações que consubstanciaram as condições prévias à assinatura deste instrumento, dos comprovantes e/ou informações de renda e despesas apresentadas no ato da proposta. PARÁGRAFO ÚNICO Declara(m) ainda, não estar(em) vinculado(s) à Previdência Social, quer como contribuinte(s) na qualidade de empregador(es), quer como produtor(es) rural(is), caso contrário, será apresentada, no ato de registro deste instrumento junto ao Registro de Imóveis, a Certidão Negativa de Débito CND. CLÁUSULA DÉCIMA SETIMA DESAPROPRIAÇÃO No caso de desapropriação do imóvel dado em garantia, o(a) VENDEDOR(a) receberá do poder expropriante a indenização correspondente, imputando-a na solução da dívida e liberando o saldo, se houver, ao(s) COMPRADOR(es). PARÁGRAFO PRIMEIRO Se a indenização de que trata o caput desta Cláusula for inferior ao saldo da dívida, o(s) COMPRADOR(es) suportará(ão) a diferença apurada, sob pena da cobrança judicial da importância remanescente. PARÁGRAFO SEGUNDO O(s) COMPRADOR(es) declara(m)-se ciente(s) de que eventual desapropriação do imóvel não gera direito a qualquer indenização securitária. CLÁUSULA DÉCIMA OITAVA CESSÃO E CAUÇÃO DE DIREITOS O crédito fiduciário resultante do presente instrumento poderá ser cedido ou caucionado, no todo ou em parte, pelo(a) VENDEDOR(a) independentemente da notificação ao(s) COMPRADOR(es). PARÁGRAFO PRIMEIRO O(a) VENDEDOR(a) poderá ainda, a seu critério, promover a cessão, parcial ou total do crédito aqui constituído, inclusive mediante securitização de 20

Que fazem entre si, de um lado a empresa..., na..., aqui representada. por..., brasileiro,

Que fazem entre si, de um lado a empresa..., na..., aqui representada. por..., brasileiro, 34) INSTRUMENTO DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA Que fazem entre si, de um lado a empresa..., inscrita no CNPJ/MF sob nº...., com sede na..., aqui representada por..., brasileiro, maior, casado, administrador

Leia mais

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o 5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS AVENÇAS PARTES CONTRATANTES COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o n.... e no RG sob o n...., residente

Leia mais

CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA

CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA Pelo presente instrumento de Promessa de Compra e Venda, de um lado, como PROMITENTE VENDEDORA, VILLAS DO ARRAIAL EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA., pessoa jurídica

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPRA E VENDA DE BEM IMÓVEL

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPRA E VENDA DE BEM IMÓVEL INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPRA E VENDA DE BEM IMÓVEL Por meio deste instrumento de contrato particular pelo qual: De um lado NOME PROPRIETÁRIO(OS), brasileiro, comerciário, solteiro, RG SSP/SP, CPF,

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE COMPRA E VENDA

MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE COMPRA E VENDA MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE COMPRA E VENDA TERMO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA DE BEM IMÓVEL QUE ENTRE SI FAZEM A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ALTO VALE DO RIO DO PEIXE - FUNIARP E. Na forma abaixo: FUNDAÇÃO

Leia mais

Valor do financiamento em R$ Data da assinatura Data do vencimento

Valor do financiamento em R$ Data da assinatura Data do vencimento Valor do financiamento em R$ Data da assinatura Data do vencimento Pelo presente instrumento particular com força de escritura pública, nos termos do artigo 61 e parágrafos da Lei nº 4.380, de 21.08.64,

Leia mais

MODELO DE CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL

MODELO DE CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL Sugestão de Contrato de Promessa de Compra e Venda de Imóvel MODELO DE CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL Pelo presente instrumento de promessa de compra e venda, de um lado como promitente

Leia mais

CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO CONTRATO DE CRÉDITO PRÉ-APROVADO Por este instrumento e na melhor forma de direito, a COOPERATIVA, doravante designada simplesmente COOPERATIVA, neste ato devidamente representada na forma de seu Estatuto

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÂO RESIDENCIAL

CONTRATO DE LOCAÇÂO RESIDENCIAL CONTRATO DE LOCAÇÂO RESIDENCIAL LOCADOR(A): NOME PROPRIETÁRIO, brasileira(o), desquitada(o), comerciante, portador(a) da cédula de identidade nº SSP/SP., e do CIC nº 000.000.000-00, residente e domiciliado

Leia mais

ANEXO I DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE AÇÃO JUDICIAL

ANEXO I DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE AÇÃO JUDICIAL ANEXO I DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE AÇÃO JUDICIAL (razão social do devedor), com inscrição no CNPJ nº, devidamente representada por (nome e qualificação do representante), DECLARA, para os fins da RN

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE PENHOR DE DIREITOS Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado de

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA. Quadro Resumo

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA. Quadro Resumo INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIA DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA Quadro Resumo BANCO CNPJ/MF Banco Bradesco S.A. 60.746.948/0001 12 Sede Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco, Estado

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA DE VENDA DE APARTAMENTO EM CONSTRUÇÃO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA DE VENDA DE APARTAMENTO EM CONSTRUÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA DE VENDA DE APARTAMENTO EM CONSTRUÇÃO Valor: R$...000,00 Pelo presente instrumento particular de promessa de compra e venda de apartamento em construção, entre

Leia mais

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo.

1 - A MUTUANTE concede ao MUTUÁRIO um empréstimo no valor, prazo e demais condições indicadas no Termo de Requerimento de Mútuo. Folha 1 DE 6 Cláusulas e Condições Gerais do Contrato de Mútuo que entre si fazem a Fundação Vale do Rio Doce de Seguridade Social - VALIA e seus participantes na forma do seu Regulamento Básico. Fundação

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA FINS NÃO RESIDENCIAIS

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA FINS NÃO RESIDENCIAIS 1 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA FINS NÃO RESIDENCIAIS Pelo presente instrumento particular de contrato, que tem de um lado FUNDAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA, entidade de direito privado sem fins lucrativos

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS, CESSÃO DE DIREITOS AQUISITIVOS SOBRE BENS IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS, CESSÃO DE DIREITOS AQUISITIVOS SOBRE BENS IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS, CESSÃO DE DIREITOS AQUISITIVOS SOBRE BENS IMÓVEIS E OUTRAS AVENÇAS As Partes: PROMITENTE VENDEDOR ITAÚ UNIBANCO S.A., com sede em São

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO, que entre si celebram:

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO, que entre si celebram: INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO, que entre si celebram: I - de um lado, na qualidade de Promitente VENDEDORA, a FUNDAÇÃO DE SEGURIDADE SOCIAL DO BANCO ECONÔMICO S/A-ECOS,

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO(S) COM OPÇÃO DE COMPRA

INSTRUMENTO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO(S) COM OPÇÃO DE COMPRA I PARTES: I.1. WI2BE TECNOLOGIA S.A., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CPNJ/MF sob o nº 11.013.389/0001-26, com sede em Curitiba, Estado do Paraná, na Rua Padre Anchieta, nº 2310, 4º andar,

Leia mais

CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PROMITENTES VENDEDORES:

CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PROMITENTES VENDEDORES: <identificação dos vendedores, nome endereço cpf cgc etc> CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA PROMITENTES VENDEDORES: PROMITENTES COMPRADORES:

Leia mais

S A I B A M quantos esta virem que, nesta Cidade de Brasília, DF, neste Serviço Notarial, perante mim, Escrevente, compareceram partes entre si,

S A I B A M quantos esta virem que, nesta Cidade de Brasília, DF, neste Serviço Notarial, perante mim, Escrevente, compareceram partes entre si, S A I B A M quantos esta virem que, nesta Cidade de Brasília, DF, neste Serviço Notarial, perante mim, Escrevente, compareceram partes entre si, justas e contratadas, a saber: de um lado, como Outorgante

Leia mais

Empreendimento: Condomínio Residencial Vila Branca. Localização: Rua Jaú, nº. 125, bairro Parque Universitário, Americana, Estado de São Paulo.

Empreendimento: Condomínio Residencial Vila Branca. Localização: Rua Jaú, nº. 125, bairro Parque Universitário, Americana, Estado de São Paulo. CONDOMÍNIO RESIDENCIAL VILA BRANCA QUADRO RESUMO CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA PARA ENTREGA FUTURA DE APARTAMENTO, VAGA DE GARAGEM E CESSÃO DE FRAÇÃO IDEAL DE TERRENO. Empreendimento: Condomínio

Leia mais

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank

Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank Contrato de Empréstimo para Cliente Pré- Selecionado - Crédito Citibank CONSIDERANDO QUE: i) A empresa para a qual o MUTUÁRIO trabalha ( EMPREGADOR ) celebrou com o MUTUANTE (BANCO CITIBANK S.A.) Convênio

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO -

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA - PARCELADO - 1 LOTE Nº: I PROMITENTE VENDEDOR II PROMITENTE COMPRADOR III IMÓVEL A SITUAÇÃO DO IMÓVEL ( ) OCUPADO ( ) DESOCUPADO ( ) FRAÇÃO IDEAL IV

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CESSÃO DE DIREITOS CREDITÓRIOS E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CESSÃO DE DIREITOS CREDITÓRIOS E OUTRAS AVENÇAS INSTRUMENTO PARTICULAR DE CESSÃO DE DIREITOS CREDITÓRIOS E OUTRAS AVENÇAS As Partes: CEDENTE ITAÚ UNIBANCO S.A., com sede em São Paulo -SP, na Praça Alfredo Egydio de Souza Aranha, nº 100 Torre Olavo Setubal,

Leia mais

Atendimento das 08:00 hs. às 15:00 hs. CNPJ 01.530.136/0001-76 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO. Cooperado. Matrícula R.G. CPF

Atendimento das 08:00 hs. às 15:00 hs. CNPJ 01.530.136/0001-76 PROPOSTA DE EMPRÉSTIMO. Cooperado. Matrícula R.G. CPF COOPERARATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS FUNCIONÁRIOS DA CPTM Rua Zuma de Sá Fernandes, 360 - Térreo - Presidente Altino - Osasco - SP - CEP 06213-040 Telefones: 3689-9166 / 3652-2600 - Ramais 2771

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE,

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE, CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE, QUE ENTRE SI CELEBRAM, LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S/A, DE UM LADO, E XXXXXXXXX, DE OUTRO LADO. LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE

Leia mais

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL

I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) PRODUTO(S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL Nº DA CÉDULA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO I - EMITENTE II - INTERVENIENTE(S) / AVALISTA(S) III - CARACTERÍSTICAS DO(S) (S) MARCA MODELO ANO/MODELO COR COMBUSTÍVEL RENAVAN CHASSI PLACA NOTA FISCAL (CASO VEÍCULO

Leia mais

ANEXO IV MINUTA DE INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL COM CONDIÇÃO RESOLUTIVA

ANEXO IV MINUTA DE INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL COM CONDIÇÃO RESOLUTIVA ANEXO IV MINUTA DE INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL COM CONDIÇÃO RESOLUTIVA Lote nº Data do Leilão: / / I PROMITENTE VENDEDOR: RAZÃO SOCIAL, com sede na Capital do Estado

Leia mais

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV

REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV REGULAMENTO EMPRÉSTIMO CASANPREV 1/9 CAPÍTULO I Do Objeto Art. 1º Este documento, doravante denominado Regulamento de Empréstimo, estabelece os direitos e as obrigações da CASANPREV, dos Participantes,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS, a ASSOCIAÇÃO PARANAENSE DE CULTURA, inscrita

Leia mais

E, matrícula, inscrito no CPF sob o n.º doravante denominado MUTUÁRIO.

E, matrícula, inscrito no CPF sob o n.º doravante denominado MUTUÁRIO. CONTRATO DE MÚTUO, EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE NOVO CREDINÂMICO FUNCEF VARIÁVEL QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: A FUNDAÇÃO

Leia mais

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS

CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS CCB Cédula de Crédito Bancário Consignação INSS Pela presente CÉDULA DE CRÉDITO BANCARIO, doravante designada como CÉDULA, pagarei ao Banco Ibi S.A. Banco Múltiplo, com sede na Alameda Rio Negro, 585,

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIAS EM FAVOR DE FIADOR PARA GARANTIR CRÉDITOS DECORRENTES DE FIANÇA

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE CONSTITUIÇÃO DE GARANTIAS EM FAVOR DE FIADOR PARA GARANTIR CRÉDITOS DECORRENTES DE FIANÇA Pelo presente instrumento, as partes: A BANCO BRADESCO S.A., com sede na Cidade de Deus, Município e Comarca de Osasco SP, inscrito no CNPJ/MF sob nº 60.746.948/0001 12, doravante denominado FIADOR; B...,

Leia mais

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO PARA USO DA COOPERATIVA CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL PRÉ-APROVADO Contrato nº Sist./Regional: Percentual de Capitalização % Conta Capital R$ Data do Crédito do Emp.: / / Valor da Prim. Parcela R$ Venc.da

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO LOCADOR:-

CONTRATO DE LOCAÇÃO LOCADOR:- CONTRATO DE LOCAÇÃO Pelo presente instrumento, as pessoas abaixo nomeadas e qualificadas contratam a locação do bem imóvel descrito e caracterizado, adiante designado simplesmente Objeto, com a finalidade,

Leia mais

Guia Rápido do Cliente

Guia Rápido do Cliente Guia Rápido do Cliente Seja bem-vindo! Está chegando a hora de viver a vida em Alphaville. Para nós, é um grande prazer recebê-lo e poder compartilhar esse momento de realização com você. Nesse Guia Rápido,

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO Nº XXX/2013

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO Nº XXX/2013 MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO Nº XXX/2013 EDITAL CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 004/2013 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 23062.008112/2013-11 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº XXX/2013 Contrato de Locação nº XXX/2013 que entre

Leia mais

Empreendimento: Lacqua Residencial.

Empreendimento: Lacqua Residencial. LACQUA RESIDENCIAL QUADRO RESUMO CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA PARA ENTREGA FUTURA DE APARTAMENTO, VAGA DE GARAGEM E CESSÃO DE FRAÇÃO IDEAL DE TERRENO. Empreendimento: Lacqua Residencial. Localização:

Leia mais

*ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973.

*ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973. *ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973. CONTRATO DE LOCAÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO DE BEM MÓVEL Contrato

Leia mais

ANEXO III ESCRITURA PÚBLICA DE VENDA E COMPRA COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA

ANEXO III ESCRITURA PÚBLICA DE VENDA E COMPRA COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA ANEXO III ESCRITURA PÚBLICA DE VENDA E COMPRA COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA SAIBAM..., compareceram as partes entre si, justas e contratadas: como VENDEDOR:, ; e como COMPRADOR(A)(ES):. Os presentes

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA

CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA 1 CONTRATO DE COMPRA E VENDA COM CESSÃO E TRANSFERÊNCIA DE QUOTAS DE SOCIEDADE POR QUOTAS DE RESPONSABILIDADE LIMITADA I PARTES: a) Sócia 2, doravante denominada simplesmente PROMITENTE VENDEDOR CEDENTE;

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS DO CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA CONTRATO DE EMPRÉSTIMO PESSOA FÍSICA Condições Gerais Abaixo estão as Condições Gerais do

Leia mais

ANEXO 9 Condições Mínimas do BNDES para Aprovação do Plano

ANEXO 9 Condições Mínimas do BNDES para Aprovação do Plano ANEXO 9 Condições Mínimas do BNDES para Aprovação do Plano A - PRÉVIAS: 1. Apresentação de petição conjunta formulada pelos Interessados e pelo BNDES, com a anuência do Administrador Judicial, protocolizada

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS QUADRO RESUMO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS QUADRO RESUMO INSTRUMENTO PARTICULAR DE COMPROMISSO DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEIS Leilão de nº leilão Data do leilão data Lote nº lote 1. PARTES QUADRO RESUMO VENDEDOR NOME DO VENDEDOR, com sede em Cidade-UF, na Endereço,

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO E OUTRAS AVENÇAS

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO E OUTRAS AVENÇAS INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE VENDA E COMPRA DE IMÓVEL URBANO E OUTRAS AVENÇAS PELO PRESENTE INSTRUMENTO PARTICULAR, AS PARTES ABAIXO QUALIFICADAS, TÊM ENTRE SI, JUSTAS E CONTRATADAS AS CLÁUSULAS

Leia mais

CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS N.º XXXX/XX

CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS N.º XXXX/XX Página 1 de 5 CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS N.º XXXX/XX Pelo presente Instrumento Particular, de um lado, como ADMINISTRADORA, a empresa VIVER NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS LTDA ME CRECI/RN sob o nº 2990

Leia mais

Contrato de compra e venda (imóvel na planta financiado)

Contrato de compra e venda (imóvel na planta financiado) Contrato de compra e venda (imóvel na planta financiado) EDIFÍCIO APARTAMENTO INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA QUE ENTRE SI FAZEM, COMO PROMITENTE(S) VENDEDOR(ES) E PROMISSÁRIO(S) COMPRADOR(ES)

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO São partes neste instrumento: I CORRETORA: CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO A TERMO ALFA CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A., com sede no Município de São Paulo, Estado de São

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO PÁGINA 1/7 CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Dados do Contratante Nome: CPF: - Carteira de Identidade: Órgão: Matrícula: - Endereço: Bairro: Cidade: UF: CEP: - Estado Civil: Profissão: Empresa: Lotação: Banco: Agência:

Leia mais

1. COMPRA E VENDA OBJETO DE DIREITO CIVIL 1

1. COMPRA E VENDA OBJETO DE DIREITO CIVIL 1 1. COMPRA E VENDA OBJETO DE DIREITO CIVIL 1 1.1 COMPROMISSO PARTICULAR DE COMPRA E VENDA (Modelo 1) Pelo presente instrumento particular, entre partes, como promitentes vendedores, doravante denominados

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO NÃO RESIDENCIAL

CONTRATO DE LOCAÇÃO NÃO RESIDENCIAL CONTRATO DE LOCAÇÃO NÃO RESIDENCIAL Por este instrumento particular, as partes logo adiante nomeadas ajustam o presente CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA FINS NÃO RESIDENCIAIS, na forma da Lei nº 8.245/91

Leia mais

MODELO DE CONTRATO SALARIO MINIMO

MODELO DE CONTRATO SALARIO MINIMO MODELO DE CONTRATO SALARIO MINIMO IMOBILIÁRIA : EMPRETUR EMPREEND. TURIST.E IMOB.LTDA. EMPREENDIMENTO : QUINTA DOS AÇORIANOS(Residencial Lagoa do Encanto) PROPRIETÁRIO : EMPRETUR EMPREEND. TURIST.E IMOB.LTDA.

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARA DESCONTO DE CHEQUES - PESSOAS JURÍDICAS

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARA DESCONTO DE CHEQUES - PESSOAS JURÍDICAS CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito para Desconto de Cheques Pessoas Jurídicas, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito

Leia mais

ESCRITURA DE COMPRA E VENDA

ESCRITURA DE COMPRA E VENDA RGI N: ESCRITURA DE COMPRA E VENDA VENDEDOR: COMPRADORA: IMÓVEL: VALOR DA VENDA E COMPRA: R$ VALOR VENAL DE REFERÊNCIA: R$ INSCRIÇÃO CADASTRAL: S A I B A M quantos esta pública escritura virem aos ----

Leia mais

neste regulamento. 2. DOS CONCEITOS FUNDAMENTAIS

neste regulamento. 2. DOS CONCEITOS FUNDAMENTAIS 1. DAS PARTES 1.1. A constituição e o funcionamento de grupos de consórcio formados pela empresa Sponchiado Administradora de Consórcios Ltda., pessoa neste regulamento. 2. DOS CONCEITOS FUNDAMENTAIS promovida

Leia mais

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO

REGULAMENTO DA CARTEIRA DE EMPRÉSTIMO BÁSICO Rev. 01 Data: 21/05/2014 Página 1 de 8 CAPÍTULO I DEFINIÇÕES Art. 1º - Para fins de aplicação deste Regulamento, o masculino incluirá o feminino e o singular incluirá o plural, a menos que o contexto indique

Leia mais

CONTRATO PERSONAL CARD VALE CULTURA

CONTRATO PERSONAL CARD VALE CULTURA CONTRATO PERSONAL CARD VALE CULTURA SUL CARD ADMINISTRADORA DE CARTÕES S.A., inscrita no CNPJ sob nº 04.376.768/0001-15, com sede à Rua Deodoro, nº 181, 5 andar, bairro Centro, cidade de Florianópolis,

Leia mais

SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE:

SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE: CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL SÉTIMO TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE CRÉDITO PESSOAL, COMO SEGUE: Partes - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A., com sede na Rua Rio de Janeiro, nº 654, Centro,

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO 003/2013 DISPENSA Nº. 020/2013

CONTRATO DE LOCAÇÃO 003/2013 DISPENSA Nº. 020/2013 CONTRATO DE LOCAÇÃO 003/2013 DISPENSA Nº. 020/2013 LOCADOR(A): MARIA CECÍLIA DE OLIVEIRA PINTO, brasileira, portadora da Cédula de Identidade RG 42.875.9.575.629 SSP/SP e inscrita no CPFMF sob nº 097.827.198-03,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO Pelo presente instrumento particular de CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS, a ASSOCIAÇÃO PARANAENSE DE CULTURA, inscrita

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE LOCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEL

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE LOCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEL CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE LOCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEL, que entre si fazem, GMI - Grupo Mineiro de Imóveis Ltda, inscrita no CNPJ sob o n.º 42.771.485/0001-67, CRECI PJ 2427, estabelecida nesta

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA LEI Nº 3.256, DE 24 DE DEZEMBRO DE 2003 Institui o programa de recuperação de créditos tributários da fazenda pública municipal REFIM e dá outras providências. Piauí Lei: O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA,

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO. Parágrafo quarto Os aluguéis somente serão recebidos com os encargos locativos ajustados neste contrato.

CONTRATO DE LOCAÇÃO. Parágrafo quarto Os aluguéis somente serão recebidos com os encargos locativos ajustados neste contrato. CONTRATO DE LOCAÇÃO Parágrafo primeiro Além do aluguel mensal, o(a) locatário(a) pagará Impostos de qualquer natureza (se necessário), bem como a taxa de boleto bancário, IPTU, e outras cobradas pelo Município

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CONTRATO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS Que fazem entre si, de um lado a SOCIEDADE EDUCACIONAL E EMPRESARIAL PHYSION LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob no. 06.190.520/0001-90, sediada na

Leia mais

MUNICÍPIO DE CAUCAIA

MUNICÍPIO DE CAUCAIA LEI N 1765, DE 25 DE AGOSTO 2006. Institui o Programa de Recuperação Fiscal - REFIS no Município de Caucaia, e dá outras providências. A PREFEITA MUNICIPAL DE CAUCAIA, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº /

CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº / CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº / Pelo presente instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, (Nome da empresa CONTRATANTE), pessoa jurídica de direito privado com

Leia mais

MODELO DO CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA

MODELO DO CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA São partes no presente instrumento, de um lado, (i) o usuário dos serviços de telecomunicações da Brasil Telecom S.A., doravante individualmente

Leia mais

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO PARA CAPITAL DE GIRO PESSOAS JURÍDICAS

CLÁUSULAS GERAIS DO CONTRATO DE ABERTURA DE CRÉDITO PARCELADO PARA CAPITAL DE GIRO PESSOAS JURÍDICAS CLÁUSULAS GERAIS que regem o Contrato de Abertura de Crédito Parcelado para Capital de Giro Pessoas Jurídicas, tendo de um lado o BRB - BANCO DE BRASÍLIA S.A., com sede em Brasília, Capital Federal, inscrito

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL, CONFISSÃO DE DÍVIDA EM NOVAÇÃO AO SALDO DEVEDOR DO PREÇO E PACTO ADJETO DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL, CONFISSÃO DE DÍVIDA EM NOVAÇÃO AO SALDO DEVEDOR DO PREÇO E PACTO ADJETO DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL, CONFISSÃO DE DÍVIDA EM NOVAÇÃO AO SALDO DEVEDOR DO PREÇO E PACTO ADJETO DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA COMPRA E VENDA COM ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA CONTRATO NÚMERO:

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS)

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS) CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS (ADAPTADO às RESOLUÇÕES NORMATIVAS N.ºs 363, 364 e SÚMULA 26 DA ANS) I CONTRATANTE : Nome Operadora de Saúde Endereço: R...., nº... Bairro... - Cidade/ Capital

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL COM SEGURO FIANÇA

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL COM SEGURO FIANÇA CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL RESIDENCIAL COM SEGURO FIANÇA Por este instrumento particular, de um lado como proprietário (a) Locador(a), o Sr.(a) (nome, qualificação, endereço e número do CPF), ora representado

Leia mais

CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL

CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL 1/5 CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL Pelo presente instrumento particular de contrato, que tem de um lado FUNDAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA, pessoa jurídica de direito privado, de fins não lucrativos, reconhecida

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 011/2013

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 011/2013 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 011/2013 OBJETO: LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA CEDÊNCIA A EMPRESA ROSANGELA MENEGAT ALBARELLO & CIA LTDA. VANDERLEI ZANATTA, Prefeito Municipal de Taquaruçu do Sul, no uso das atribuições

Leia mais

DA FINALIDADE DO CONTRATO E DA TERMINOLOGIA ADOTADA ===================================================

DA FINALIDADE DO CONTRATO E DA TERMINOLOGIA ADOTADA =================================================== INSTRUMENTO PARTICULAR, COM EFEITO DE ESCRITURA PÚBLICA, DE OPERAÇÃO DE EMPRÉSTIMO COM PACTO ADJETO DE ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA DE IMÓVEL EM GARANTIA, E DE OUTRAS AVENÇAS NR. 473.301.429. PREÂMBULO - Pelo

Leia mais

V AL R Qualificação do Microempreendedor

V AL R Qualificação do Microempreendedor V AL R Qualificação do Microempreendedor Data: Nome Completo: CPF/CNPJ: Nº Identidade: Órgão Emissor : Sexo: Data de Nascimento: Estado Civil: Naturalidade: Nome do Pai: Nome da Mãe: Endereço: Bairro:

Leia mais

www.petcard.net.br contato@petcard.net.br 1

www.petcard.net.br contato@petcard.net.br 1 CONTRATO DE ADESÃO PLANO CARDOURO Contrato de adesão que entre si celebram PERECIN E LUIZ CONSULTORES ASSOCIADOS LTDA ME (PETCARD), empresa de direito privado, inscrita no Cadastro de Pessoas Jurídicas

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA, CONFISSÃO DE DÍVIDA E OUTRAS AVENÇAS. XXXXXXXX - LOTE nº.

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA, CONFISSÃO DE DÍVIDA E OUTRAS AVENÇAS. XXXXXXXX - LOTE nº. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMPROMISSO DE COMPRA E VENDA, CONFISSÃO DE DÍVIDA E OUTRAS AVENÇAS. XXXXXXXX - LOTE nº.: «lote» Pelo presente instrumento e na melhor forma de direito, comparecem

Leia mais

Contrato de Crédito Direto CAIXA - Pessoa Física

Contrato de Crédito Direto CAIXA - Pessoa Física CLÁUSULAS GERAIS CLÁUSULA PRIMEIRA - A CAIXA disponibiliza e o(s) CREDITADO(S) aceita(m) os valores de referência, sujeitos a confirmação até a data da efetivação da operação, observadas as normas operacionais

Leia mais

Dívidas não parceladas anteriormente

Dívidas não parceladas anteriormente Débitos abrangidos Dívidas não parceladas anteriormente Artigo 1º da Portaria Conjunta PGFN/RFB nº 6, de 2009 Poderão ser pagos ou parcelados, em até 180 (cento e oitenta) meses, nas condições dos arts.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CODÓ ESTADO DO MARANHÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CODÓ ESTADO DO MARANHÃO LEI Nº 1552, DE 18 DE AGOSTO DE 2011. Disciplina a dação em pagamento de obras, serviços e bem móvel como forma de extinção da obrigação tributária no Município de Codó, prevista no inciso XI do artigo

Leia mais

Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis

Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de Bens Móveis Pelo presente Contrato de Financiamento de Bens e/ou Serviços com Garantia de Alienação Fiduciária de

Leia mais

Incorporação Imobiliária

Incorporação Imobiliária Incorporação Imobiliária Lei nº 4.591, de 16 de dezembro de 1964 Incorporação Imobiliária Incorporação imobiliária é a atividade exercida pela pessoa física ou jurídica, empresário ou não que se compromete

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS

CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS CONDIÇÕES GERAIS DA CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO PARA FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS As Condições Gerais abaixo se aplicam à operação de Financiamento de Veículos, contratada pelo EMITENTE junto ao BANCO TOYOTA,

Leia mais

CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS

CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS CONTRATO DO CLIENTE AO SISTEMA DE CARTÃO PRÓPRIO REDE VIVO SUPERMERCADOS O presente documento contempla as cláusulas aplicadas no Contrato para aquisição de mercadorias do mix de produtos de todas as lojas

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NOS MERCADOS ADMINISTRADOS POR BOLSA DE VALORES E/OU POR ENTIDADE DO MERCADO DE BALCÃO ORGANIZADO NOVA FUTURA DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CARTÃO ALIMENTAÇÃO PASS Pelo presente instrumento particular, na qualidade de CONTRATANTE, a empresa qualificada no preâmbulo deste Contrato ou conforme indicada na Proposta

Leia mais

CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE BENS IMÓVEIS QUADRO RESUMO

CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE BENS IMÓVEIS QUADRO RESUMO CONTRATO DE ADMINISTRAÇÃO DE BENS IMÓVEIS QUADRO RESUMO CONTRATADA/ADMINISTRADORA: HB IMOBILIÁRIA LTDA., estabelecida na Avenida Hermes Fontes, nº 1950, Luzia, Aracaju, Sergipe, CEP: 49045-760, inscrita

Leia mais

CENTRAL DE RELACIONAMENTO CONTRATO LIGAÇÃO GRATUITA 240585 0800 489988

CENTRAL DE RELACIONAMENTO CONTRATO LIGAÇÃO GRATUITA 240585 0800 489988 CENTRAL DE RELACIONAMENTO CONTRATO LIGAÇÃO GRATUITA 240585 0800 489988 1.Dados do Titular Dt Nascim. : CPF : RG : Mãe : E-mail : Endereço : Nº 000 Bairro : Município : UF: CEP : Fone : Celular : 2. Dependentes

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO NACIONAL PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO NACIONAL PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO LEI N.º 2.178, DE 02 DE JUNHO DE 2.014. *VERSÃO IMPRESSA ASSINADA Dispõe sobre o Programa de Recuperação e Estímulo à Quitação de Débitos Fiscais REFIS PORTO 2014 e dá outras providências. Eu, PREFEITO

Leia mais

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA CLAÚSULAS E CONDIÇÕES DO EMPRÉSTIMO ANTECIPAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA Por este instrumento e na melhor forma de direito, o BANCO SANTANDER (BRASIL) S/A, com sede na Av. Pres Juscelino Kubitschek, 2041/2235A,

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL - XXX

CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL - XXX CLÁUSULA PRIMEIRA - DAS PARTES CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL - XXX Locação de espaço físico na Unidade do SESC xxxxxxxxx que entre si firmam o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL

Leia mais

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem:

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX Contrato de locação de estrutura de BOX TRUS que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO DF SESC/AR/DF e a Empresa

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., concessionária do Serviço Telefônico

Leia mais

EDITAL DE VENDA GV1OAB

EDITAL DE VENDA GV1OAB EDITAL DE VENDA GV1OAB A FUNCEF Fundação dos Economiários Federais, entidade de previdência complementar, com sede em Brasília/DF, no Setor Comercial Norte, Quadra 02, Bloco A, 12º e 13º andar, Edifício

Leia mais

TERMO DE DOAÇÃO Nº 0003/2015 CONCORRÊNCIA Nº 0001/2015

TERMO DE DOAÇÃO Nº 0003/2015 CONCORRÊNCIA Nº 0001/2015 1 TERMO DE DOAÇÃO Nº 0003/2015 CONCORRÊNCIA Nº 0001/2015 Termo Doacao 0003 IDM Pelo presente termo de doação de imóvel com encargos, de um lado o Município de Xanxerê, com sede na cidade de Xanxerê, Estado

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA

CONTRATO PARTICULAR DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA IMOBILIÁRIA : EMPRETUR EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA. EMPREENDIMENTO : QUINTA DOS ACORIANOS/ LAGOA DO ENCANTO PROPRIETÁRIO : EMPRETUR EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA. CONTRATO No. : 13010360485/01

Leia mais