ESCOLA SECUNDÁRIA DE LOUSADA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESCOLA SECUNDÁRIA DE LOUSADA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA"

Transcrição

1 ESCOLA SECUNDÁRIA DE LOUSADA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 9º Ano - CEF Ano Letivo de 2012/2013

2 Módulo 15 Textos de Teatro Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente Competências transversais: Duração de referência: 35 tempos horas Domínio do desenvolvimento pessoal e social Domínio do desenvolvimento intelectual Domínio do desenvolvimento metodológico Domínio da comunicação Competências nucleares Compreensão do oral Expressão oral Leitura Expressão Escrita Funcionamento da Língua Níveis de desempenho. Saber escutar e compreender textos de teatro. Apreender os sentidos explícitos e implícitos do texto. Seleccionar e reter a informação necessária ao objectivo visado. Utilizar os recursos prosódicos e de voz adequados ao objectivo. Utilizar recursos expressivos, linguísticos e não linguísticos, como estratégia de adesão e de oposição. Adaptar o discurso em função das reacções do interlocutor. Participar activamente em situações de interacção verbal. Distinguir as formas naturais da literatura. Apreender os sentidos do texto. Identificar aspectos específicos. Seleccionar a estratégia de leitura adequada ao objectivo. Ler voluntária e continuadamente para recreação e para obtenção de informação. Produzir textos para fins informativos. Recriar textos lidos. Usar vocabulário apropriado e preciso. Seleccionar a complexidade gramatical e o vocabulário requerido no debate. Reconhecer a variação histórica do Português. Identificar classes de palavras variáveis. Reconhecer o grupo adverbial. Distinguir o complemento adverbial Objectivos de Aprendizagem 2

3 - Desenvolver mecanismos de extracção de significado - Extrair o significado de textos com o objectivo de transformar a informação em conhecimento - Programar a produção da escrita e da oralidade - Produzir textos de diferentes tipologias - Alargar a consciência linguística com objectivos instrumentais, comportamentais e atitudinais - Reconhecer valores culturais, estéticos, éticos, políticos e religiosos que perpassam nos textos -Relacionar os textos lidos com contextos evocados, com outros textos e com a actualidade Estúdio do Oral. Situação comunicativa: estatuto e relação entre os interlocutores; contexto. Intencionalidade comunicativa. Relação entre o locutor e o enunciado. Formas adequadas à situação e intencionalidade comunicativas. Elementos linguísticos e não linguísticos da comunicação oral Compreensão Oral. Escuta/visionamento da representação do auto seleccionado características específicas do teatro Expressão Oral Interacção verbal ATELIER DA LEITURA. Textos de teatro Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente [as personagens-tipo, o cómico, a sátira social] OFICINA DA ESCRITA. Situação comunicativa: estatuto e relação entre os interlocutores; contexto. Intencionalidade comunicativa. Relação entre o locutor e o enunciado. Formas adequadas à situação e intencionalidade comunicativas Textos. Produção de um texto informativo sobre Lisboa quinhentista (profissões, espaços públicos, monumentos, 3

4 LABORATÓRIO DA LÍNGUA. Língua, Comunidade Linguística, Variação e Mudança variação e normalização linguística. variação histórica Português antigo. Classes de palavras classes de palavras variáveis. subclasses de pronomes pronome indefinido. Sintaxe estrutura das combinações livres de palavras. grupo adverbial funções sintácticas. complemento adverbial. Pragmática e Linguística textual texto (continuidade; progressão; coesão; coerência) Orientações metodológicas/ Situações de Aprendizagem - Promover a motivação dos alunos para a leitura integral da peça escolhida; - Fomentar o gosto de ler; - Induzir o aluno a resolver por si próprio problemas do âmbito da compreensão da leitura, levando-o à pesquisa de elementos que possam contribuir para a compreensão da peça; - Orientar o aluno para questões mais complexas como(sentidos implícitos); - Associar a leitura do texto a outros domínios do ensino-aprendizagem e a outros textos; - Destacar valores de carácter ético, cívico e moral; - Valorizar reacções do domínio afectivo (a adesão a uma personagem); - Promover o descondicionamento da palavra e do movimento corporal para melhorar auto-estima e o auto-conceito. Identificar os traços de cada personagem e do símbolo que transporta e a caracteriza; - Descobrir os argumentos que conduzem cada personagem à Barca do Anjo ou do Diabo; - Detectar da alegoria dos vícios humanos a tirania do nobre, a depravação do frade, a avareza do onzeneiro, a corrupção da justiça, a mentira da alcoviteira, ; - Identificar o cómico, debate das razões que levaram os cavaleiros à Barca do Anjo; - Pesquisar dados sobre ideologia cavaleiresca e religiosidade da época Avaliação - Avaliação oral - Teste de avaliação ou trabalho - Produção de uma narrativa ou texto dramático 4

5 Módulo 16 Textos Épicos A épica Camoniana - Os Lusíadas de Luís de Camões Competências transversais: Duração de referência: 25 tempos Domínio do desenvolvimento pessoal e social Domínio do desenvolvimento intelectual Domínio do desenvolvimento metodológico Domínio da comunicação Competências nucleares Compreensão do oral Expressão oral Leitura Expressão Escrita Funcionamento da Língua Níveis de desempenho. Saber escutar e compreender o texto épico. Apreender os sentidos do texto. Seleccionar e reter a informação necessária ao objectivo visado. Utilizar os recursos prosódicos e de voz adequados ao objectivo. Utilizar recursos expressivos, linguísticos e não linguísticos, como estratégia de adesão. Narrar acontecimentos e situações de modo a prender a atenção do interlocutor. Participar activamente em situações de interacção verbal. Distinguir as formas naturais da literatura. Apreender os sentidos do texto épico. Identificar aspectos específicos. Seleccionar a estratégia de leitura adequada ao objectivo. Ler voluntária e continuadamente para recreação e para obtenção de informação. Narrar episódios lidos. Utilizar a escrita para registar intervenções segundo modelos. Exprimir opiniões pessoais sobre textos lidos (temas, atitudes e valores). Reconhecer a variação histórica do Português. Identificar classes de palavras variáveis e invariáveis. Classificar as frases complexas quanto à presença/ausência de conjunção 5

6 . Reconhecer o complemento agente da passiva. Aplicar as regras da textualidade. Usar instrumentalmente dicionários e enciclopédias em suporte de papel e/ou multimédia Objectivos de Aprendizagem - Distinguir especificidades do texto épico - Desenvolver mecanismos de extracção de significado - Extrair o significado de textos com o objectivo de transformar a informação em conhecimento - Programar a produção da escrita e da oralidade - Produzir textos de diferentes tipologias - Alargar a consciência linguística com objectivos instrumentais, comportamentais e atitudinais - Reconhecer valores culturais, estéticos, éticos, políticos e religiosos que perpassam no texto - Relacionar os textos lidos com contextos evocados, com outros textos e com a actualidade Estúdio do Oral. Situação comunicativa: estatuto e relação entre os interlocutores; contexto. Intencionalidade comunicativa. Relação entre o locutor e o enunciado. Formas adequadas à situação e intencionalidade comunicativas. Elementos linguísticos e não linguísticos da comunicação oral Compreensão Oral. Escuta/visionamento de um documentário. Audição de estrofes de Os Lusíadas Expressão Oral. Leitura expressiva de estrofes de Os Lusíadas. Narração de episódios de Os Lusíadas. Interacção verbal ATELIER DA LEITURA. O verbal e o visual a imagem fixa e em movimento. Textos informativos diversos preferencialmente relacionados com o nível etário, de aprendizagem, o interesse e a área vocacional dos alunos. Textos épicos 6

7 Os Lusíadas:. Proposição;. Consílio dos deuses ( canto I);. episódio de Inês de Castro (canto III) ou episódio da Batalha de Aljubarrota (canto IV). episódio do Adamastor (canto V) [os modelos clássicos e a originalidade da épica camoniana; os planos narrativos, o herói e a acção épica]. Textos para leitura recreativa páginas escolhidas de autores nacionais e universais em interacção com Os Lusíadas reacções/respostas à leitura: valorizar reacções/respostas de carácter afectivo que melhor se enquadrem na leitura recreativa OFICINA DA ESCRITA. Situação comunicativa: estatuto e relação entre os interlocutores; contexto. Intencionalidade comunicativa. Relação entre o locutor e o enunciado. Formas adequadas à situação e intencionalidade comunicativas Textos. Produção de: texto narrativo a partir de um episódio de Os Lusíadas ou texto de apreciação acta LABORATÓRIO DA LÍNGUA. Língua, Comunidade Linguística, Variação e Mudança variação e normalização linguística. variação histórica Português clássico. Classes de palavras classes de palavras variáveis. subclasses de pronomes pronomes relativo e interrogativo classes de palavras invariáveis. conjunção subclasses de conjunções. Sintaxe estrutura das combinações livres de palavras. frase classificação das frases complexas quanto à presença/ausência de conjunção 7

8 funções sintácticas. complemento agente da passiva. Pragmática e Linguística textual texto (continuidade; progressão; coesão; coerência) Orientações metodológicas/ Situações de Aprendizagem - Promover o gosto pela epopeia nacional; - Fomentar o gosto de ler (leitura em voz alta que valorize o ritmo, as sonoridades, a estrutura do verso); - Desenvolver a capacidades de escutar com atenção e concentração; - Disponibilizar recursos que proporcionem uma apropriação eficaz de conteúdos; - Coordenar todas as actividades em interacção com o texto; - Promover a capacidade de análise e síntese (formação de esquemas); - Exercícios de escuta activa; - Interacção verbal; - Prática de Funcionamento da língua. Avaliação Leitura expressiva de estrofes de Os Lusíadas; Produção escrita de um texto narrativo a partir de um episódio de Os Lusíadas; - Avaliação oral - Teste de avaliação e trabalho - Produção de uma narrativa ou texto dramático 8

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ATIVIDADES ESTRATÉGIAS

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ATIVIDADES ESTRATÉGIAS ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ENSINO BÁSICO Curso de Apoio à Família e à Comunidade DISCIPLINA: Língua Portuguesa ANO: CEF Tipo 2 (2º ano) ANO LETIVO: 2011/2012 COMPETÊNCIAS

Leia mais

2011/2012 (Despacho nº 5238/2011 de 28 de Março) 2º Ano CONTEÚDOS ANUAIS DISCIPLINA: Língua Portuguesa. CEF Serviço de Bar

2011/2012 (Despacho nº 5238/2011 de 28 de Março) 2º Ano CONTEÚDOS ANUAIS DISCIPLINA: Língua Portuguesa. CEF Serviço de Bar 2011/2012 (Despacho nº 5238/2011 de 28 de Março) 2º Ano CONTEÚDOS ANUAIS DISCIPLINA: Língua Portuguesa CEF Serviço de Bar CONTEÚDOS 1º PERÍODO AULAS PREVISTAS 46 TEXTOS DE TEATRO - AUTO DA BARCA DO INFERNO,

Leia mais

Mudança - contexto. interlocutores; - contexto. variação e normalização linguística enunciado. enunciado

Mudança - contexto. interlocutores; - contexto. variação e normalização linguística enunciado. enunciado AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TORRE DE MONCORVO CURSO VOCACIONAL 3º CICLO PLANIFICAÇÃO - LÍNGUA PORTUGUESA Anos Letivos 2015 / 2016 Compreensão Oral Expressão Oral Escrita Leitura Funcionamento da Língua -

Leia mais

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS NÍVEL 2 NÍVEL 3 NÍVEL 4 NÍVEL 5. * Consegue compreender aquilo que ouve.

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS NÍVEL 2 NÍVEL 3 NÍVEL 4 NÍVEL 5. * Consegue compreender aquilo que ouve. PORTUGUÊS 3º CICLO CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO COMPREENSÃO DO ORAL Compreensão de formas complexas do oral, exigidas para o prosseguimento de estudos e para a entrada na vida profissional. * Capacidade de extrair

Leia mais

Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho Planificação de Língua Portuguesa - 9º Ano - Ano Lectivo 2009/ 201 0

Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho Planificação de Língua Portuguesa - 9º Ano - Ano Lectivo 2009/ 201 0 1º Período (5) Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho UNIDADE 0: ACTIVIDADES INICIAIS Apresentação dos objectivos da disciplina; Planificação anual e marcação de testes; Avaliação diagnóstica. UNIDADE

Leia mais

Escola Secundária de Manuel da Fonseca, Santiago do Cacém Disciplina: Língua Portuguesa Planificação do Ano Lectivo 2008/2009 Ano: 9º

Escola Secundária de Manuel da Fonseca, Santiago do Cacém Disciplina: Língua Portuguesa Planificação do Ano Lectivo 2008/2009 Ano: 9º Relativos ao programa dos anos transactos e do ciclo de estudos. A História da Língua Portuguesa: do indo-europeu ao português moderno. alguns processos de transformação. o mundo lusófono O Texto Dramático:

Leia mais

A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E

A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E A G R U P A M ENTO DE ESC O L A S A N S ELMO D E A N D R A D E DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS - Grupo de Português Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português Ensino Profissional 12º. Ano

Leia mais

Critérios Específicos de Avaliação. PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017

Critérios Específicos de Avaliação. PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017 Critérios Específicos de Avaliação PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (7.º Ano) 2016/2017 Domínio de Avaliação Saber e Saber Fazer Instrumentos de Avaliação. Atividades de planeamento de produções orais: grelhas

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ACTIVIDADES ESTRATÉGIAS

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ACTIVIDADES ESTRATÉGIAS ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ENSINO BÁSICO Curso de Práticas Administrativas DISCIPLINA: Língua Portuguesa ANO: CEF Tipo 2 (2º ano) ANO LECTIVO: 2010/2011 COMPETÊNCIAS

Leia mais

Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar,

Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 8º ANO A Ano Letivo: 2012/2013 Introdução /Metas Consigna-se no Despacho n.º 5306/2012, de 18 de abril de 2012, que o desenvolvimento do ensino será orientado por Metas

Leia mais

Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico de Amora PLANIFICAÇÃO ANUAL /2015 DISCIPLINA: Português CURSO: PROFISSIONAL

Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico de Amora PLANIFICAÇÃO ANUAL /2015 DISCIPLINA: Português CURSO: PROFISSIONAL COMPETÊNCIAS GERAIS Compreensão oral / Leitura o Antecipar significados o Distinguir diferentes tipos de texto o Apreender sentidos explícitos o Inferir sentidos implícitos o Distinguir factos de opiniões

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL ESTREMOZ PLANIFICAÇÃO ANUAL

ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL ESTREMOZ PLANIFICAÇÃO ANUAL ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL 402643 - ESTREMOZ Competências Gerais PLANIFICAÇÃO ANUAL DISCIPLINA: LITERATURA PORTUGUESA 2016-2017 - 10º Ano COMPETÊNCIAS TRANSVERSAIS Leitura / Oralidade Seguir

Leia mais

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5.º Ano B 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS COMPETÊNCIAS GERAIS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5.º Ano B 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS COMPETÊNCIAS GERAIS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5.º Ano B 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS COMPETÊNCIAS GERAIS Mobilizar saberes culturais, científicos e tecnológicos para compreender a realidade e para abordar situações

Leia mais

Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico de Amora

Escola Secundária com 3º Ciclo do Ensino Básico de Amora COMPETÊNCIAS GERAIS Relacionar as dimensões da aprendizagem e os princípios éticos que regulam o saber e a interação com os outros. Usar corretamente a língua portuguesa para comunicar oralmente e por

Leia mais

Ano Letivo: 2014 / 2015 Ano de Escolaridade: 1º

Ano Letivo: 2014 / 2015 Ano de Escolaridade: 1º 1.º CEB Agrupamento de Escolas Ano Letivo: 2014 / 2015 Ano de Escolaridade: 1º Saber escutar para reproduzir pequenas mensagens e Compreensão do oral Leitura Escrita para cumprir ordens e pedidos Prestar

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL DOMÍNIOS COMPETÊNCIAS DESCRITORES D01 Distinguir letras de outros sinais gráficos. Reconhecer as convenções da escrita. D02 Reconhecer

Leia mais

Agrupamento de Escolas À Beira Douro. Escola Básica e Secundária À Beira Douro - Medas. Planificação de Português 10.º ano. Ano lectivo

Agrupamento de Escolas À Beira Douro. Escola Básica e Secundária À Beira Douro - Medas. Planificação de Português 10.º ano. Ano lectivo Agrupamento de Escolas À Beira Douro Escola Básica e Secundária À Beira Douro - Medas Planificação de Português 10.º ano Ano lectivo 2010 2011 Competências Transversais De Comunicação: Componentes linguística,

Leia mais

Conteúdos Estratégias / Actividades

Conteúdos Estratégias / Actividades Competências específicas Compreensão do oral Compreensão de formas complexas do oral. Níveis de desempenho Saber escutar e compreender géneros formais e públicos do oral, mantendo a atenção por períodos

Leia mais

Escola Secundária de Caldas das Taipas

Escola Secundária de Caldas das Taipas Escola Secundária de Caldas das Taipas Planificação de Português Ano Letivo de 2016/2017 Ensino Profissional 11.º Ano Distribuição por turma (previsão) Módulo 5 Módulo 6 Módulo 7 Módulo 8 11 P 1 15/09

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português Ensino Básico Ano letivo: 16/17 5º ANO Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz: Domínios Interpretar discursos orais breves (Referir

Leia mais

ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL

ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL Escola Secundária Dr. Solano de Abreu Abrantes ENSINO SECUNDÁRIO CURSO PROFISSIONAL DISCIPLINA: PORTUGUÊS ANO: 11º ANO LETIVO 2012/2013 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS PREVISTAS INSTRUMENTOS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CUBA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CUBA DISCIPLINA : LÍNGUA PORTUGUESA : 6ºano ANO LECTIVO: 2007/2008 PLANIFICAÇÃO ANUAL COMPETÊNCIAS GERAIS Mobilizar saberes culturais, científicos e tecnológicos para compreender a realidade e para abordar

Leia mais

Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho. Texto Narrativo e Outros textos 1º e 2º períodos

Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho. Texto Narrativo e Outros textos 1º e 2º períodos Escola Básica 2/3 Dr. Vieira de Carvalho Planificação de Língua Portuguesa 8º Ano - Ano Lectivo 2008/ 2009 Texto Narrativo e Outros textos 1º e 2º períodos Unidade Temática Conteúdos Competências Específicas

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM 3º Ciclo. Ano Letivo 2013-2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL PORTUGUÊS 9ºANO Documento(s) Orientador(es): Programas de Português do Ensino Básico, Metas Curriculares

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS

Leia mais

Escola E.B. 2,3 Fialho de Almeida Cuba Língua Portuguesa 9º Ano de Escolaridade Ano lectivo: 2007 / 2008 Planificação a Longo e Médio Prazo

Escola E.B. 2,3 Fialho de Almeida Cuba Língua Portuguesa 9º Ano de Escolaridade Ano lectivo: 2007 / 2008 Planificação a Longo e Médio Prazo Escola E.B. 2,3 Fialho de Almeida Cuba Língua Portuguesa 9º Ano de Escolaridade Ano lectivo: 2007 / 2008 Planificação a Longo e Médio Prazo Unidade Sociabilidade e Diagnose O aluno: Comunicação oral: -

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL DE FRANCÊS Componente de Formação Complementar Curso Vocacional de Informática e Multimédia Ano letivo 2015/2016 Competências Transversais Promoção da educação para a cidadania A língua

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 9.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 9.º ANO DE PORTUGUÊS - 9.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No final do 9.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir discursos/textos orais com diferentes graus de formalidade,

Leia mais

Conteúdos Objectivos/Competências a desenvolver Tempo* Estratégias Recursos Avaliação

Conteúdos Objectivos/Competências a desenvolver Tempo* Estratégias Recursos Avaliação Conteúdos Objectivos/Competências a desenvolver Tempo* Estratégias Recursos Avaliação Apresentação: Turma e professor Programa Critérios de avaliação Conhecer os elementos que constituem a turma, criando

Leia mais

A PROPÓSITO DA ESCRITA

A PROPÓSITO DA ESCRITA Escola Secundária do Padrão da Légua (402412) A PROPÓSITO DA ESCRITA As duas sequencializações que a seguir se propõem têm em comum a competência foco da escrita e um ensino e aprendizagem entendidos como

Leia mais

ENSINO SECUNDÁRIO 10º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL

ENSINO SECUNDÁRIO 10º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL ENSINO SECUNDÁRIO Ano letivo 2015 / 2016 10º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL PLANIFICAÇÃO A MÉDIO E A LONGO PRAZO - PORTUGUÊS - 10º ANO MANUAL: SENTIDOS, ASA Período Domínios / Tópicos de Conteúdo Metas Curriculares

Leia mais

DOMÍNIOS DE REFERÊNCIA E CONTEÚDOS

DOMÍNIOS DE REFERÊNCIA E CONTEÚDOS Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos de Português 9 º ano Ano letivo 2015 2016 1º PERIODO DOMÍNIOS DE REFERÊNCIA E CONTEÚDOS Poema declamado/musicado (escuta ativa) Crónica/rubrica radiofónica

Leia mais

Agrupamento de Escolas Piscinas Olivais PORTUGUÊS. Planificação Anual / Mensal 2º ANO

Agrupamento de Escolas Piscinas Olivais PORTUGUÊS. Planificação Anual / Mensal 2º ANO Agrupamento de Escolas Piscinas Olivais PORTUGUÊS Planificação Anual / Mensal 2º ANO 2014/2015 Agrupamento PARA O de Escolas Piscinas - Olivais PLANIFICAÇÃO ANUAL / MENSAL DE PORTUGUÊS 2º ANO 1.º PERÍODO

Leia mais

ENSINO BÁSICO METAS DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES ESTRATÉGIAS INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO AULAS PREVISTAS PERÍODO LETIVO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

ENSINO BÁSICO METAS DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES ESTRATÉGIAS INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO AULAS PREVISTAS PERÍODO LETIVO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ENSINO BÁSICO Agrupamento de Escolas N.º 1 de Abrantes ESCOLA BÁSICA DOS 2.º E 3.º CICLOS D. MIGUEL DE ALMEIDA DISCIPLINA: PORTUGUÊS ANO: 8.º ANO 2013/2014 METAS DE APRENDIZAGEM LEITURA/EDUCAÇÃO LITERÁRIA:

Leia mais

Ano Letivo 2012/2013 Planificação Anual de Português 12ºAno

Ano Letivo 2012/2013 Planificação Anual de Português 12ºAno 1º Período Ano 2012/2013 Planificação Anual de Português 12ºAno Sequência 0 Início do Ano Sequência 1 Fernando Pessoa: Ortónimo e Teste diagnóstico Fernando Pessoa Ortónimo O Modernismo em Portugal, o

Leia mais

Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade

Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade Estrutura e Referenciais da Prova de Avaliação de Capacidade Introdução Relativamente ao Curso Técnico Superior Profissional em Assessoria e Comunicação Organizacional, a área a que se refere o n. 1 do

Leia mais

Escola Básica da Senhora da Hora. 5º ano Sequência Didáctica Língua Portuguesa Ano lectivo 2011/2012. Tipologia Textual - O Texto Poético.

Escola Básica da Senhora da Hora. 5º ano Sequência Didáctica Língua Portuguesa Ano lectivo 2011/2012. Tipologia Textual - O Texto Poético. Escola Básica da Senhora da Hora 5º ano Sequência Didáctica Língua Portuguesa Ano lectivo 2011/2012 ipologia extual - O exto Poético explícito da língua Compreensão do oral Leitura Escrita Expressão oral

Leia mais

Língua Portuguesa 8º ano

Língua Portuguesa 8º ano Língua Portuguesa 8º ano Conteúdos por Unidade Didática 1º Período A - Comunicação Oral. Ideias principais.. Ideias secundárias..adequação comunicativa ( processos persuasivos; recursos verbais e não verbais)..

Leia mais

1.º período (65 aulas) Unidades / Textos Competências / Conteúdos Recursos Avaliação

1.º período (65 aulas) Unidades / Textos Competências / Conteúdos Recursos Avaliação ESCOLA SEC/3ºCICLO JOÃO GONÇALVES ZARCO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 9º ANO Professoras: Ana Maria Brito, Ana Rita Fernandes, Margarida Pinho e Patrícia Lima Ano Letivo de 2015/2016 1.º período (65

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA AVALIA BH 1º, 2º E 3º CICLOS DO ENSINO FUNDAMENTAL

MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA AVALIA BH 1º, 2º E 3º CICLOS DO ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ DE REFERÊNCIA PARA AVALIAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA AVALIA BH 1º, 2º E 3º CICLOS DO ENSINO FUNDAMENTAL Na realização de uma avaliação educacional em larga escala, é necessário que os objetivos da

Leia mais

Os conteúdos programáticos serão trabalhados de acordo com os seguintes parâmetros:

Os conteúdos programáticos serão trabalhados de acordo com os seguintes parâmetros: 3º ciclo Oferta Complementar: Apoio ao estudo da disciplina de Português Domínios Ponderação Componente cognitiva (capacidades e conhecimentos) Oralidade Leitura Escrita Gramática 80% Componente socioafetiva

Leia mais

Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Cadaval Departamento de Línguas Planificação Anual de Língua Portuguesa 6º Ano de escolaridade

Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Cadaval Departamento de Línguas Planificação Anual de Língua Portuguesa 6º Ano de escolaridade Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Cadaval Departamento de Línguas Planificação Anual de Língua Portuguesa 6º Ano de escolaridade 1º Período 1/13 Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Cadaval Ano Lectivo

Leia mais

3º Período 55 x 45 minutos

3º Período 55 x 45 minutos Direção Regional de Educação do Centro Agrupamento de Escolas Figueira Mar Código 161366 Contribuinte nº 600 074 978 Escola Secundária Dr. Bernardino Machado DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA 8º ANO DE ESCOLARIDADE

Leia mais

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º PARÂMETROS GERAIS DE AVALIAÇÃO Integração escolar e profissionalizante Intervenções e Atividades na sala de aula: PESOS PARÂMETROS ESPECÍFICOS INSTRUMENTOS Peso 2 Peso 5 Comportamento-assiduidade-pontualidadecumprimento

Leia mais

ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas

ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas ESCOLA BÁSICA DE MAFRA 2016/2017 Português (2.º Ciclo) Perfil de Aprendizagens Específicas (ponto 2 do artigo 7º do Despacho Normativo nº1-f/2016, de 5 de abril) 5.º Ano Interpretar textos orais breves.

Leia mais

Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de Amora DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014/2015 DISCIPLINA: PORTUGUÊS

Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de Amora DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014/2015 DISCIPLINA: PORTUGUÊS Compreensão oral Identificar a intenção comunicativa do interlocutor; Saber escutar e compreender géneros formais e públicos do oral; Saber escutar criticamente discursos orais, identificando factos, opiniões

Leia mais

Programa de Português 3º Ano

Programa de Português 3º Ano Programa de Português 3º Ano Introdução Reconhece-se a Língua Materna como o elemento mediador que permite a nossa identificação, a comunicação com os outros e a descoberta e compreensão do mundo que nos

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DA SEQUÊNCIA DIDÁCTICA

PLANIFICAÇÃO DA SEQUÊNCIA DIDÁCTICA ANEXO 3 PLANIFICAÇÃO DA SEQUÊNCIA DIDÁCTICA 155 ESCOLA SECUNDÁRIA/3 PADRE ALBERTO NETO - QUELUZ Planificação a curto prazo de Língua Portuguesa 8.º ano de escolaridade Turma C Ano lectivo 2009/2010 Mestranda:

Leia mais

Programa de Português 4º Ano

Programa de Português 4º Ano Programa de Português 4º Ano Introdução Reconhece-se a Língua Materna como o elemento mediador que permite a nossa identificação, a comunicação com os outros e a descoberta e compreensão do mundo que nos

Leia mais

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS CURSO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO AFAC PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO INGLÊS 1º E 2º ANO 1º ANO MÓDULO 1 O MUNDO PESSOAL E QUOTIDIANO

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS CURSO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO AFAC PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO INGLÊS 1º E 2º ANO 1º ANO MÓDULO 1 O MUNDO PESSOAL E QUOTIDIANO DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS CURSO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO AFAC PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO INGLÊS 1º E 2º ANO 1º ANO MÓDULO 1 O MUNDO PESSOAL E QUOTIDIANO ANO LECTIVO DE 2011/2012 Objectivos Domínios lexicais

Leia mais

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS

CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO PORTUGUÊS DIRETRIZES GERAIS A Avaliação no Ensino Básico de 2º e 3º Ciclos: Resulta da ponderação das evidências das competências manifestadas pelo aluno nas diferentes atividades

Leia mais

PROPOSTA DE PLANIFICAÇÃO DO 7º ANO LÍNGUA PORTUGUESA ANO LETIVO 2011/2012. Manual adotado: Entre Palavras, 7º Ano

PROPOSTA DE PLANIFICAÇÃO DO 7º ANO LÍNGUA PORTUGUESA ANO LETIVO 2011/2012. Manual adotado: Entre Palavras, 7º Ano PROPOSTA DE PLANIFICAÇÃO DO 7º ANO LÍNGUA PORTUGUESA ANO LETIVO 2011/2012 Manual adotado: Entre Palavras, 7º Ano Sequência didática: narrativa -Utilizar procedimentos para reter a informação: utilizar

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto

Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto Escola Básica e Secundária de Cabeceiras de Basto Telefone 253 662 338 * Fax 253 662 826 Informação de Exame de Recuperação de Módulo em Atraso Curso Profissional

Leia mais

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA Processo de Admissão de Novos Estudantes 2016 Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA CONTEÚDOS Efetuar cálculos com números reais envolvendo as operações

Leia mais

Planificação anual de Português 12º ano

Planificação anual de Português 12º ano Planificação anual de Português 12º ano 1 OBJETIVOS Desenvolver os processos linguísticos, cognitivos e metacognitivos necessários à operacionalização de cada uma das competências de compreensão e produção

Leia mais

Capítulo 1 1ª Fase Objectivos e Conteúdos

Capítulo 1 1ª Fase Objectivos e Conteúdos Capítulo 1 1ª Fase Objectivos e Conteúdos 1.1 Objectivos Após a primeira fase do ICCLE (sigla inglesa para Curriculum Internacional para o Ensino da Língua Chinesa) os estudantes compreendem definições

Leia mais

ESPANHOL INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA

ESPANHOL INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ESPANHOL Prova 15 2014 Tipo de prova: Escrita / Oral 1ª e 2ª Fases 3º Ciclo do Ensino Básico O presente documento

Leia mais

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos Domínios de referência: Unidades temáticas

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos Domínios de referência: Unidades temáticas MATRIZ DA PROVA DE EXAME A NÍVEL DE ESCOLA AO ABRIGO DO DECRETO-LEI Nº 357/07, DE 29 DE OUTUBRO ESPANHOL NÍVEL DE INICIAÇÃO 10º ANO (Cursos Científicos- Humanísticos Decreto Lei nº 74/04, de 26 de Março)

Leia mais

Referir actividades relacionadas com as férias e os tempos livres. Saber orientar-se num aeroporto. Falar sobre a importância da língua inglesa

Referir actividades relacionadas com as férias e os tempos livres. Saber orientar-se num aeroporto. Falar sobre a importância da língua inglesa AGRUPAMENTO DE ESCOLAS À BEIRA DOURO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA À BEIRA DOURO - MEDAS LÌNGUA ESTRANGEIRA I (Inglês 9º Ano) 1º PERÍODO AULAS PREVISTAS ( 38 a 41 ) PLANIFICAÇÃO ANUAL 2010/2011 Competências

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE SAMPAIO Ano Lectivo 2008/ Planificação a Longo Prazo ESPANHOL L/E (Iniciação nível I) 10ºAno Formação Específica

ESCOLA SECUNDÁRIA DE SAMPAIO Ano Lectivo 2008/ Planificação a Longo Prazo ESPANHOL L/E (Iniciação nível I) 10ºAno Formação Específica ESCOLA SECUNDÁRIA DE SAMPAIO Ano Lectivo 2008/ 2009 Planificação a Longo Prazo ESPANHOL L/E (Iniciação nível I) 10ºAno Formação Específica Objectivos de aprendizagem Competências comunicativas Conteúdos

Leia mais

Escola Básica 2,3 com Ensino Secundário de Alvide

Escola Básica 2,3 com Ensino Secundário de Alvide Informação da prova de equivalência à frequência de Francês Prova 16 2016 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência o Programa

Leia mais

Língua Portuguesa 8º ano

Língua Portuguesa 8º ano Escutar para Aprender e Construir Conhecimento Tipologia textual: texto conversacional. Variação e normalização linguística. Língua padrão (traços específicos). Língua Portuguesa 8º ano Conteúdos 1º Período

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL 2016

PLANEJAMENTO ANUAL 2016 PLANEJAMENTO ANUAL 2016 Professor Joabe Bernardo dos Santos Língua Portuguesa 9º ano Colégio Nossa Senhora da Piedade Referências: -SAE, 9º ano: Língua Portuguesa. Livro do professor: livro 1 / IESDE BRASIL

Leia mais

847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO)

847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO) 847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO) FORMAÇÃO ESPECÍFICA 1ª/2ª FASE 1.INTRODUÇÃO O presente documento visa divulgar as características do Exame de Espanhol a nível de escola a realizar em

Leia mais

PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015

PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015 MATRIZ DA PROVA DE AVALIAÇÃO INTERNA PORTUGUÊS 3º ANO março de 2015 5 Páginas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução O presente documento visa divulgar informação relativa à prova de avaliação interna

Leia mais

DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA 5.º Ano

DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA 5.º Ano 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS COMPETÊNCIAS GERAIS - Pesquisar, seleccionar e organizar informação para a transformar em conhecimento mobilizável. (C. G. 6) - Usar adequadamente linguagens das diferentes áreas

Leia mais

1.º Trimestre. Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro 1º Ciclo Planificação Anual. Metas Curriculares/de Aprendizagem. Instrumentos de Avaliação

1.º Trimestre. Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro 1º Ciclo Planificação Anual. Metas Curriculares/de Aprendizagem. Instrumentos de Avaliação Ver documento METAS CURRICULARES DE PORTUGUÊS http://www.dgidc.min-edu.pt Prestar atenção ao que ouve Usar vocabulário adequado ao tema e à situação Falar com progressiva autonomia e clareza sobre assuntos

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência - 15 Ano Letivo 2012/2013

Informação Prova de Equivalência à Frequência - 15 Ano Letivo 2012/2013 Ensino Básico Informação Prova de Equivalência à Frequência - 15 Disciplina: Espanhol Ano Letivo 2012/2013 9º Ano de escolaridade 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência o Programa de Espanhol

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês 2015 2º Ciclo do Ensino Básico O presente documento divulga informação relativa à prova final do 2.º Ciclo da disciplina de Inglês, a realizar em 2015,

Leia mais

Planificação de Língua Portuguesa 9º ano

Planificação de Língua Portuguesa 9º ano Ano letivo: 2012/2013 Planificação de Língua Portuguesa 9º ano Competências gerais Competências específicas Conteúdos temáticos Conhecimento explícito Estratégias / Atividades Material Avaliação Tempo

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Português do Ensino Básico, Metas Curriculares de Português do Ensino Básico

Leia mais

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 4 DE ÉVORA SEDE: ESCOLA SECUNDÁRIA ANDRÉ DE GOUVEIA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO outubro

Leia mais

Informação Prova Final a Nível de Escola

Informação Prova Final a Nível de Escola ESCOLA E.B. 2,3 DE MARCO DE CANAVESES Informação Prova Final a Nível de Escola Português - 2º Ciclo 51 1. Introdução Ano Letivo 2014/2015 Prova Escrita abril 2015 O presente documento divulga informação

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa e Metas Curriculares de Português 1º CICLO Português- 3º ano TEMAS/DOMÍNIOS CONTEÚDOS

Leia mais

PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR 2012/2013 Português 7º Ano- 3º PERIODO. Domínios de Referência Objetivos Descritores de Desempenho CONTEÚDOS

PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR 2012/2013 Português 7º Ano- 3º PERIODO. Domínios de Referência Objetivos Descritores de Desempenho CONTEÚDOS PLANO CURRICULAR DISCIPLINAR 2012/2013 Português 7º Ano- 3º PERIODO Domínios de Referência Objetivos Descritores de Desempenho CONTEÚDOS Oralidade 1. Interpretar discursos orais com diferentes graus de

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA/3 DA RAINHA SANTA ISABEL DE ESTREMOZ 2016/2017

ESCOLA SECUNDÁRIA/3 DA RAINHA SANTA ISABEL DE ESTREMOZ 2016/2017 ESCOLA SECUNDÁRIA/3 DA RAINHA SANTA ISABEL DE ESTREMOZ PORTUGUÊS 12.º ANO DE ESCOLARIDADE CALENDARIZAÇÃO PLANO ANUAL PLANIFICAÇÃO 2016/2017 Prof. Filomena Matos Prof. Luís Cabanejo 12.º ANO PLANO ANUAL

Leia mais

1. Introdução INFORMAÇÃO - EXAME EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO 2012

1. Introdução INFORMAÇÃO - EXAME EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO 2012 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PINHEIRO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA INFORMAÇÃO - EXAME EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO 2012 1. Introdução O presente documento visa divulgar

Leia mais

Desenvolvimento de competências em leitura funcional

Desenvolvimento de competências em leitura funcional Balula 2010 Desenvolvimento de competências em leitura funcional João Paulo Balula jpbalula@esev.ipv.pt Paulo Martins Plano Introdução Objectivos Percurso didáctico Materiais/Instrumentos Tratamento dos

Leia mais

CURRÍCULO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS/ CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2013/2014

CURRÍCULO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS/ CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2013/2014 1º Ciclo Metas/Domínios Objetivos gerais Conteúdos Programáticos Critérios 2º Ano Oralidade O2 Comprensão do oral Expressão oral Respeitar regras da interação discursiva Respeitar o princípio de cortesia

Leia mais

Escola Básica 2.3 Martim de Freitas PORTUGUÊS Planificação anual 5ºano. Excerto informativo; excerto narrativo; excerto descritivo; excerto fílmico.

Escola Básica 2.3 Martim de Freitas PORTUGUÊS Planificação anual 5ºano. Excerto informativo; excerto narrativo; excerto descritivo; excerto fílmico. 1º Período (13 semanas) Escola Básica 2.3 Martim de Freitas PORTUGUÊS Planificação anual 5ºano Metas Oralidade Conteúdos Excerto informativo; excerto narrativo; excerto descritivo; excerto fílmico. Leitura

Leia mais

Programa de Português 2º Ano

Programa de Português 2º Ano Programa de Português 2º Ano Introdução Reconhece-se a Língua Materna como o elemento mediador que permite a nossa identificação, a comunicação com os outros e a descoberta e compreensão do mundo que nos

Leia mais

D01 Reconhecer especificidades da linguagem escrita.

D01 Reconhecer especificidades da linguagem escrita. MATRIZ DE REFERÊNCIA DE LÍNGUA PORTUGUESA PAEBES ALFA 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental Tópicos Competências Descritores Níveis de Complexidade 1º ANO 2º ANO 3º ANO T1- Reconhecimento de convenções do

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Docente: Marcela Rodriguês dos Santos/ Rubinaldo da Silva Araújo Carga horária: 80h Disciplina: Produção Textual Serie: 6 Ano Plano de Curso I Unidade Objetivo Geral: Desenvolver

Leia mais

Objeto de avaliação. Caracterização da prova. Material. Duração. Critérios gerais de classificação. Objeto de avaliação

Objeto de avaliação. Caracterização da prova. Material. Duração. Critérios gerais de classificação. Objeto de avaliação Escola S/3 Arquitecto Oliveira Ferreira (Cód. 403337) INFORMAÇÃO EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Espanhol - Nível de Iniciação PROVA 15 2016 3º Ciclo do Ensino Básico (Despacho normativo 24-A /2012

Leia mais

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro)

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) INFORMAÇÃO PROVA LÍNGUA ESTRANGEIRA I INGLÊS Escrita e Oral 2016 Prova 21 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) Introdução O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 5.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 5.º ANO DE PORTUGUÊS - 5.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No final do 5.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar discursos orais com diferentes finalidades e coerência; produzir

Leia mais

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL 6º ANO Ensino

Leia mais

Escola Básica Integrada de Angra do Heroísmo

Escola Básica Integrada de Angra do Heroísmo Escola Básica Integrada de Angra do Heroísmo Área: Língua Portuguesa Programa de Recuperação de Escolaridade 2º/3º ANO Blocos/Conteúdos Objectivos Avaliação Comunicação Oral - Comunica oralmente, com progressiva

Leia mais

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros 9º Ano Português Planificação Anual 2015-2016 Observação: Nesta planificação,

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO

PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO ESCOLA BÁSICA DOS 2º E 3º CICLOS DE CADAVAL PLANIFICAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA _ 7.º ANO Manual adoptado: Entre Linhas Língua Portuguesa, Santillana/Constância Ano lectivo 2009/2010 1º Período (aproximadamente

Leia mais

Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário de:

Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário de: Matriz da Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário de COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário de: Prova 358 2013

Leia mais

1. OBJETO DE AVALIAÇÃO

1. OBJETO DE AVALIAÇÃO Informação Prova Prova código 06 de Inglês Prova de Equivalência à Frequência do 2º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Despacho normativo n.º 1-G/2016, de 6 de abril O presente

Leia mais

1ª/2ª Fase. As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do programa da disciplina.

1ª/2ª Fase. As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do programa da disciplina. Agrupamento de Escolas de Barrancos INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DO ENSINO BÁSICO FRANCÊS maio de 2016 Prova 16 2016 1ª/2ª Fase 3.º Ciclo do Ensino Básico Tipo de Prova: Escrita + Oral

Leia mais

PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017

PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017 Critérios Específicos de Avaliação PORTUGUÊS LÍNGUA NÃO MATERNA (PLNM) ENSINO SECUNDÁRIO 2016/2017 Domínio de Avaliação Saber e Saber Fazer Instrumentos de Avaliação Domínios a desenvolver Descritores

Leia mais

Formador Residente, Maurício Ferreira

Formador Residente, Maurício Ferreira A Compreensão do Oral A compreensão do oral consiste na atribuição de significado a cadeias fónicas produzidas de acordo com a gramática da língua. Formador Residente, Maurício Ferreira Factores de compreensão

Leia mais

Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo. Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira. (3º ciclo)

Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo. Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira. (3º ciclo) Escola B 1,2,3/JI de Angra do Heroísmo Critérios de Avaliação em Língua Estrangeira (3º ciclo) Departamento de Língua Estrangeira Ano Lectivo 2009/2010 1. Considerações Gerais 1. Pretende-se que a avaliação

Leia mais

Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano

Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano Dias de aulas previstos Período 2.ª 3.ª 4.ª 5.ª 6.ª 1.º período 13 13 13 12 13 2.º período 9 9 9 11 11 3.º período 9 11 10 10 11 Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano (Carga horária: Português

Leia mais

Síntese da Planificação da Disciplina de Português-5.º Ano Ano letivo Período

Síntese da Planificação da Disciplina de Português-5.º Ano Ano letivo Período Síntese da Planificação da Disciplina de Português-5.º Ano Ano letivo-2016-2017 Período Dias de aulas previstos 2.ª 3.ª 4.ª 5.ª 6.ª 1.º período 13 12 12 12 14 2.º período 12 13 12 13 13 3.º período 7 7

Leia mais

Novo Programa de Português do Ensino Básico SD3_ANO7. Leitura. Compreensão do oral/ ESCRITA. Expressão oral. Conhecimento explícito da língua

Novo Programa de Português do Ensino Básico SD3_ANO7. Leitura. Compreensão do oral/ ESCRITA. Expressão oral. Conhecimento explícito da língua Leitura Conhecimento explícito da língua ESCRITA Compreensão do oral/ Expressão oral 1 Apresentação 1. Nome da Sequência: 2. Contexto/projecto: Aconselhamento para a biblioteca escolar: como recomendar

Leia mais

AGRUPAMENTO ESCOLAS DE REDONDO Escola Básica e Secundária Dr. Hernâni Cidade

AGRUPAMENTO ESCOLAS DE REDONDO Escola Básica e Secundária Dr. Hernâni Cidade AGRUPAMENTO ESCOLAS DE REDONDO Escola Básica e Secundária Dr. Hernâni Cidade INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA (ORAL E ESCRITA) PORTUGUÊS Abril de 2016 Prova 61 2016 2º Ciclo do Ensino Básico

Leia mais