uma aposentadoria digna a seus participantes e beneficiários,

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "uma aposentadoria digna a seus participantes e beneficiários,"

Transcrição

1 - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 25 N 187 ABRIL 2013 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT NOVO PARTICIPANTE O agente de segurança Adalto Ferreira de Assis, que veio do interior da Bahia, é o novo participante deste mês Página 2 FIBRA COMEMORA 25 ANOS Veja como foram as solenidades que marcaram o 25º aniversário da Fibra, em Curitiba e Foz do Iguaçu Página 3 COM A PALAVRA, OS APOSENTADOS Confira alguns depoimentos de aposentados sobre o nosso plano de previdência Página 4 MENSAGEM DA FIBRA NO CELULAR Veja por que é interessante cadastrar-se para receber informações da Fibra pelo celular Página 5 SAÚDE Você sabe quais são os benefícios da castanha para a saúde? Veja esta e outras dicas Página 6 ONDE ANDA VOCÊ Doracy Pastorelo Benites aposentouse pelo INSS com apenas 42 anos. Muito nova para parar de trabalhar, construiu uma bela história na Itaipu Página 7 CNIS Você sabe se todos os seus vínculos empregatícios e/ou contribuições constam no cadastro do INSS? Leia reportagem sobre o CNIS Página 8 25 anos: Uma história que merece ser contada A história da Fibra foi marcada por desafios, crises e superações. Saímos da condição de uma jovem anônima para uma fundação sólida e respeitada por seus participantes, pela Itaipu e pelo mercado. A Fibra é hoje reconhecida pela excelência técnica e pelos elevados padrões de qualidade e de governança que adota. Mas para consolidar sua posição entre os principais fundos de pensão do País, muito trabalho e dedicação foram necessários. Ao longo desses anos, diversas mudanças e melhorias foram implementadas a fim de assegurar uma aposentadoria digna a seus participantes e beneficiários, afinal, a conjuntura político-econômica do Brasil e do Mundo mudou muito nesse período. Entre as ações, destacam-se a adoção do Planejamento Estratégico, de longo prazo; e integrado com a gestão da qualidade, certificada no padrão ISO 9000 em todos os processos da Fundação. Nos últimos 16 anos, saímos de pouco mais de 400 assistidos para quase 1500, com uma folha de pagamento mensal de R$ 815 mil para mais de R$ 11 milhões em benefícios, e de um patrimônio próximo a R$ 200 milhões para quase R$ 3 bilhões de reais, se contabilizarmos o valor real dos títulos federais em carteira. Pagamos R$ 126 milhões em benefícios em 2012, o dobro do que recebemos de contribuições, e encerramos o ano com uma rentabilidade acumulada de 24% e um superávit de R$ 59 milhões. Neste período, implantamos um novo modelo de governança, que priorizou a transparência, a qualidade, a excelência técnica e o respeito aos participantes. Criamos o Comitê de Investimentos e incluímos representantes dos empregados ativos e assistidos nos diversos colegiados, atingindo agora a condição paritária. Alteramos nossa estrutura organizacional criando uma área específica e especializada para gerir o relacionamento com o Participante. Outros avanços que não podem deixar de ser mencionados são: a criação e aprovação do Código de Ética, a instituição do pagamento de Participação de Resultados aos colaboradores e a aproximação da Fundação com os sindicatos para a reavaliação do plano de benefícios, em 2003; a reformulação do sistema de atendimento ao participante com a implantação do CRM e da Gestão Baseada em Riscos, em 2007; a criação dos grupos multifuncionais (gestão de riscos, gestão estratégica, disponibilidade da informação, comunicação e gestão da qualidade), em 2010; sem contar o avanço nas mídias de relacionamento com seus participantes (Portal da Fibra com autoatendimento e recebimento de SMS pelo celular). Sucesso construído por um modelo de governança que prioriza a participação de todos e com a superação da equivocada concepção de que aquilo que é comum não pertence a ninguém. Veja na próxima edição um encarte especial que estamos preparando para você, com uma retrospectiva dos principais acontecimentos da Fibra, do Brasil e do Mundo, que marcaram estes 25 anos. (Conheça mais sobre a história da Fibra na pág. 4)

2 editorial Quando a Fibra foi criada, há 25 anos, vivíamos uma realidade diferente. O Brasil recém havia restaurado sua democracia, a inflação no País chegava a 90% ao mês e nossa moeda era o combalido Cruzado. O mundo se encontrava dividido pela Guerra Fria, entre EUA e União Soviética, o Muro de Berlim ainda estava de pé e o Papa era o polonês João Paulo II. Criar um plano de previdência em um cenário de instabilidade foi uma ousadia de seus idealizadores, que vislumbraram um sistema de previdência capaz de amparar os trabalhadores da Itaipu ao final da carreira profissional. E o objetivo inicial foi concretizado. Neste período, a Fibra encarou seus desafios com seriedade, responsabilidade e muito trabalho. Vinte e cinco anos depois, o mundo mudou muito, e os desafios também. Com a recente queda dos juros, nossa meta atuarial foi limitada a 4,5% ao ano, até 2018, em vez de 6% ao ano, o que nos exigirá um trabalho duro para este e os próximos anos, que é atingir os compromissos atuariais, buscando boas opções para atender as necessidades dos investimentos e cumprir com nossas obrigações. Porém, ainda que os resultados se mostrem positivos no momento, temos que tomar cuidado para que nosso sucesso no passado e presente não bloqueie nossa visão de futuro. Assim, contamos com a atuação integrada de nossos colegiados, da Diretoria e da equipe técnica, e com a confiança de nossos participantes para adotarmos as medidas necessárias para assegurar a sustentabilidade da Fibra e manter nosso compromisso através do tempo. Afinal, a Fibra representa o sucesso de um projeto coletivo em prol do bem comum. DIRETORIA EXECUTIVA Fibra comemora 25 anos em Curitiba e Foz 2 Rua Comendador Araújo, 551-9º andar CEP Curitiba - PR Telefone (41) Fax (41) Escritório em Foz do Iguaçu: Centro Executivo de Itaipu Telefone: (45) DIRETORIA EXECUTIVA Silvio Renato Rangel Silveira (Diretor Superintendente), Denyse Gubert Rocha (Diretora de Administração e Processos), Florício Medeiros da Costa (Diretor de Seguridade) CONSELHO DELIBERATIVO João Emílio Corrêa da Silva de Mendonça (Presidente), Ariel da Silveira (Presidente Substituto) e Rosimeri Fauth Ramada Martins. Representantes dos Ativos: José Carlos Siqueira Peçanha e Laerti Alves Quadrado Representante dos Assistidos: Heraldo Soares CONSELHO FISCAL João Carlos Ferrer Garcia (Presidente) e Andréa Medeiros (Presidente substituta) Representante dos Ativos: Nilson Camargo Costa Representante dos Assistidos: Luiz Júlio Zancopé COMITÊ DE INVESTIMENTOS Márcia Abreu de Aguiar Buerger (Presidente), Mariana Favoreto Thiele (Presidente Substituta), Luiz Covello Rossi Representante dos Ativos: Nilson Nagata e Humberto Ventura Godinho Representante dos Assistidos: Luiz Fernando Teigão EDITOR RESPONSÁVEL Yrit Sitnik Reg. Prof. Mtb 5510 PR PROJETO GRÁFICO, DIAGRAMAÇÃO, JORNALISMO E REVISÃO Ag (41) IMPRESSÃO Gráfica Fotolaser (41) Tiragem: exemplares As matérias publicadas no Fibra Notícias são de caráter meramente informativo, não gerando qualquer espécie de direito ou obrigação por parte da Fibra. expediente Uma vida segura Persistência é a palavra que rege a vida do agente de segurança da Itaipu Adalto Ferreira de Assis, de 37 anos. Há apenas um mês trabalhando na Usina, ele veio de longe, de uma cidade chamada Senhor do Bonfim, na Bahia, há 18 anos, para morar em Capitão Leônidas Marques PR. Meu irmão precisava de companhia, e eu, de emprego. Lá, trabalhei na construção da Usina de Salto Caxias. Foi meu primeiro contato com o setor, conta. Como a maioria da família havia se mudado para Foz do Iguaçu, resolveu comprar um terreno e construir uma casa na cidade e, seis anos depois, mudou-se para lá. Mas precisava estar onde o trabalho estava, e mudou novamente de Estado, para trabalhar nas obras da Usina Hidrelétrica de Dona Francisca, no Rio Grande do Sul, onde ficou apenas seis meses. Voltando a Foz, percebeu que a profissão de vigilante era uma boa oportunidade de emprego, pois a capacitação era rápida, e a demanda, grande. Após o curso, comecei a trabalhar no Aeroporto Internacional de Foz, onde fiquei oito anos. Mas era longe da minha casa. Acordava às 4 e meia da manhã e pegava duas conduções para chegar, e só retornava às oito da noite. Foi quando um amigo meu, que era bombeiro da Itaipu, sugeriu que eu trabalhasse na Usina, não só por todos os benefícios e segurança, mas por ser muito perto da minha casa, relembra. Foi então que começou uma luta que durou sete anos e cinco concursos. Emprestou livros do Entrar na Itaipu já foi uma virada nas nossas vidas, com um salário melhor e benefícios que nunca tivemos. A Fibra foi a cereja do bolo. novo participante amigo bombeiro e estudou sozinho, sempre com a ajuda da esposa, Luciane. Nos dois primeiros concursos, em 2006 e 2007, não passei nem na prova escrita. No segundo, em 2008, passei nas provas escrita e física, mas fiquei em 41º lugar e só foram chamadas 30 pessoas. Em 2010, fiz outro para motorista, e também não passei. Foi então que eu e minha esposa resolvemos, juntos, lutar pela vaga no concurso de 2011, relembra. Luciane foi uma espécie de personal trainer de Adalto. Ajudava-o contando o tempo da corrida e da natação, incentivando-o a ir mais rápido, a fazer os abdominais e preparava as refeições saudáveis para melhorar sua performance. Passei em 1º lugar na prova física, além de ir muito bem na escrita. Fui chamado em janeiro deste ano e iniciei as minhas atividades no dia 1º de março. A adesão à Fibra foi algo bastante natural para Adalto. Entrar na Itaipu já foi uma virada nas nossas vidas, com um salário melhor e benefícios que nunca tivemos. A Fibra foi a cereja do bolo. Saber que teremos um futuro tranquilo não tem preço, afirma, lembrando que em breve voltará à faculdade, que teve que abandonar há alguns anos. Adalto, orgulhoso na sua profissão de segurança, e com a esposa, Luciane, sua grande incentivadora e personal trainer Na Fibra, aquilo que é comum deve ser zelado exatamente porque não nos pertence, mas pertence a todos, disse Silvio Rangel, diretorsuperintendente da Fibra, durante seu pronunciamento A Fibra completou no dia 1º de abril 25 anos de atividades. Para celebrar esta marca histórica, foram realizadas duas solenidades: uma em Curitiba, no dia 1º/4, e outra em Foz do Iguaçu, no dia 3 de abril. Cerca de 500 pessoas, entre empregados ativos e assistidos estiveram presentes nas solenidades. Compareceram aos eventos, no espaço Miguel Reale, em Curitiba, e no Auditório César Lattes (PTI), participantes, convidados, Diretoria da Itaipu, dirigentes, conselheiros e colaboradores da Fundação. Em seu discurso, o diretor-superintendente da Fibra, Silvio Rangel Silveira, afirmou que esta comemoração é mais do que um simples marco institucional, pois representa o sucesso do esforço coletivo de milhares de participantes, da Itaipu, dos profissionais da Fibra, de seus gerentes, diretores e conselheiros, todos em prol de um bem comum. Na Fibra, Assistidos de Foz do Iguaçu compareceram em peso ao evento Durante seus discursos, o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, Jorge Samek, ressaltou a gestão transparente, técnica e responsável da Fibra disse Rangel, aquilo que é comum deve ser zelado exatamente porque não nos pertence, mas pertence a todos. Lembrou ainda de fatos históricos ao longo desses 25 anos, das realidades político-econômicas diferentes e da evolução da Fundação, tanto em seu patrimônio, como em sua gestão, com um novo modelo de governança que prioriza a transparência, a qualidade, a excelência técnica e o respeito aos participantes. O diretor ainda mencionou muitos dos desafios já superados e conclamou empregados ativos e assistidos a dar seu maior presente para a Fibra: o acompanhamento e a participação ativa em seus rumos. Já para o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, Jorge Samek, o sucesso da Fibra é resultado de uma gestão transparente, técnica e responsável que envolve a todos. Para ele, este modelo de gestão não só melhorou os resultados, como aumentou significativamente a confiança de todos os participantes da Fibra. Outro ponto alto das solenidades foi a exibição de um vídeo com vários depoimentos de aposentados da Fibra, pessoas que contribuíram anos com a empresa e agora usufruem uma aposentadoria com segurança e qualidade de vida, como é o caso de Dulce Irene Reichert, que depois de 33 anos trabalhando na Itaipu e em especial na Fibra, passou para o quadro de aposentados da Fundação em dezembro de Com carinho, lembra- -se da responsabilidade de datilografar o primeiro estatuto e regulamento, da participação ativa na campanha inicial de convencimento dos empregados da Itaipu para aderirem ao fundo de pensão e dos últimos anos como coordenadora e gerente do escritório de Foz do Iguaçu. Após as solenidades, foi oferecido um delicioso coquetel aos presentes. Funcionários, gerentes e diretores da Fibra reúnem-se para a foto que marca a comemoração dos 25 anos da Fundação 3

3 Com a palavra, os aposentados O celular e você 4 A Fibra tem hoje o compromisso de garantir o benefício a assistidos, incluindo aposentados e pensionistas. E cada um reconhece o papel importante da Fundação em suas vidas. No mês em que a Fibra completa 25 anos, coletamos alguns depoimentos deles sobre a Fundação. Confira a seguir: É um porto-seguro. Eu e minha família estamos muito felizes Ivo Antônio dos Santos É a segurança para a minha família Antenor Lopes de Mendonça Viabiliza projetos e sonhos de vida Silvio Schweidzon Melamed A Fibra é tudo para mim Dulce Irene Reichert Segurança do futuro, com uma excelente administração Antônio José Correia Ribas Ela foi a alavanca propulsora para eu construir a minha casa do jeito que eu queria. Só tenho a agradecer Rubens Reynaldo da Silva Thomazi A Fibra faz da aposentadoria um caminho seguro. Fabiano Azeredo Maisonnave Quando virei funcionário da usina, não pensei duas vezes antes de aderir à Fibra, pois já sabia dos benefícios e da segurança que um fundo de pensão me traria no futuro Tadataka Ashitani Um pouco de história "Tenho orgulho de fazer parte desta família Uma administração competente e responsável Ter uma previdência complementar faz toda a diferença. Se tenho uma aposentadoria segura, devo à Fibra. Não só eu, mas toda a minha família. É difícil imaginar como seria a nossa situação sem esse benefício Oswaldo Cabral Franco Tadami Hayashida Sebastião Osório de Faria Graças à Fibra, hoje a minha única preocupação é com o lazer Daniel Gonçalves Sou participante da Fibra desde seu início, em 1988, e ela atendeu a todas as minhas expectativas. Nunca tive dúvidas de sua seriedade Domingos Ramos Sobrinho Quando surgiu, a primeira coisa que fiz foi aderir. É uma segurança para o resto da vida Dirce Thereza Bubiak Na segunda metade da década de 1980, a Itaipu Binacional tinha concluído as obras de construção da barragem e direcionava seus esforços para a instalação das unidades geradoras. Mas a preocupação dos dirigentes da Itaipu não estava focada apenas em obras físicas, mas na segurança e qualidade de vida dos empregados e seus familiares. Assim, em 1986, foi nomeada a comissão encarregada pelos estatutos e propostas para a concessão de complementação de benefícios previdenciários aos empregados da Itaipu Binacional. Baseada em trabalhos desta comissão, em dezembro de 1987, a Diretoria Executiva e o Conselho de Administração da Usina autorizavam a adoção, pela Itaipu, de um sistema complementar de aposentadoria e pensão no Brasil e no Paraguai. O ato de constituição da Fundação Itaipu BR de Previdência e Assistência Social Fibra, foi assinado no dia 28 de fevereiro de 1988, pelo então diretor-geral da Itaipu Binacional, Ney Braga. As atividades da Fibra tiveram início em 1º de abril de 1988 com a vigência do seu Estatuto, do Regulamento e o início do recolhimento das contribuições dos participantes e da patrocinadora. Foram cadastrados participantes e, em 30 de outubro do mesmo ano, o patrimônio da Fundação era de CZ$ ,72 o equivalente, em dólares da época, à US$ 3,6 milhões. Em abril de 1989, a Fibra concedeu os primeiros benefícios de complementação de aposentadoria a 33 empregados. O envio de mensagens para telefones celulares tornou-se um dos modos mais populares de comunicação. De fato, milhões de torpedos são enviados para telefones móveis em todo o mundo. Há pessoas que preferem mandar SMS a fazer uma ligação, não só pela rapidez, mas pelo custo mais baixo. Entre as vantagens, além da agilidade, estão a privacidade e a praticidade no recebimento de recados e informações. E já que é uma forma fácil e rápida para falar com amigos, ser lembrado daquela reunião, da visita ao cliente, do aniversário de casamento, entre outros, por que também não ficar por dentro de recados importantes da Fibra via mensagem de celular? A Fundação disponibiliza este serviço aos seus participantes. Educação Financeira Na hora das compras, o erro é agir sem pensar ou pensar sem agir A maior parte dos problemas financeiros começa porque geralmente cometemos dois erros fundamentais: ou agimos sem pensar ou pensamos sem agir. Portanto, antes de sair fazendo compras por aí, é bom questionar se realmente há necessidade da aquisição e se esse é o melhor momento para fazê-la. Evite a compra apressada, por impulso e não fique olhando promoções tentadoras onde sempre acabamos gastando mais do que o necessário. Compras obrigatórias, como as do supermercado, têm de ser planejadas, listadas e quantificadas para que a visita ao centro de compras resulte em menor custo e melhores negócios. Pesquise sempre, porque o resultado deste trabalho é um agradável encontro com preços menores. Por outro lado, muitas vezes ficamos Para utilizá-lo, basta fazer uma autorização prévia, que pode ser realizada de várias maneiras: 1. Internet: na Área do Participante, menu Meu perfil e submenu Perfil de Comunicação 2. enviando um à Fibra 3. Ligando para o número , na opção 2 4. Comparecendo aos escritórios de Curitiba ou Foz do Iguaçu pensando em ouvir a família, amigos, sobre determinada aquisição, mas acabamos decidindo sozinhos. Instale a democracia no seu relacionamento familiar e ouça o que eles têm a dizer sobre as compras e a maneira como estão sendo planejadas e realizadas as despesas da casa. Quase sempre haverá uma voz que poderá dar um alerta sobre o risco que se está correndo. Acesse o programa de Educação Financeira e Previdenciária que está disponível no site da Fibra (www. fundacaoitaipu.com.br), onde estão disponíveis novos vídeos e matérias sobre o tema. Cadastre-se e receba informações relevantes e mensagens de alerta na ocorrência de eventos, tais como na liberação de empréstimo ou alteração de dados cadastrais na base de dados (alteração de endereço, , telefone e conta bancária). Pesquise sempre, porque o resultado deste trabalho é um agradável encontro com preços menores 5

4 Coma uma castanha por dia Uma castanha por dia, não mais do que isso, garante as doses de selênio de que seu corpo precisa para preservar cada célula, botar para fora possíveis substâncias tóxicas e viver mais. A pequena oleaginosa repõe a quantidade de selênio necessária para combater o envelhecimento celular, causado pela formação natural dos radicais livres. Segundo pesquisadores da Nova Zelândia, a ingestão diária de duas castanhas-do-pará eleva em 65% o teor de selênio no sangue. A tireoide também funciona melhor na presença do selênio. Isso porque, se não houver esse elemento, ela não consegue produzir direito seus hormônios. O mineral também está intimamente associado à capacidade de o organismo se livrar de substâncias tóxicas, ajudando-o inclusive a expulsar possíveis metais pesados que se alojam nas células. Fonte: Revista Saúde saúde Hábitos alimentares devem ser ensinados até os 7 anos É entre os dois e os sete anos que a criança forma o seu hábito alimentar para a vida toda. Se ela não é acostumada a consumir frutas, por exemplo, dificilmente passará a comê-las na vida adulta. Esse é um dos motivos para mães e pais modernos terem a alimentação como preocupação fundamental. Em cada fase do desenvolvimento, as quantidades mudam, mas o tipo de alimentação segue o mesmo. O ideal é que uma criança entre o primeiro e o terceiro ano de vida consuma, por dia, em torno de 100 calorias por quilograma de peso. Dos quatro aos seis, 90 calorias, e dos sete aos dez, 70. Independentemente da idade, filhos pequenos precisam se alimentar seis vezes ao dia, incluindo café da manhã, almoço, jantar, lanches e ceia antes de dormir. De bebê até os 10 anos, os pais devem evitar oferecer suco industrializado e refrigerante. O primeiro, porque tem muito conservante, e o refrigerante tem uma quantidade de açúcar elevada. Já os sucos naturais são sempre bem-vindos junto das refeições, pois favorecem a absorção do ferro, que impede a anemia. Outra dica é evitar alimentos lácteos, como iogurte e leite, depois do almoço, porque o cálcio faz com que o ferro não seja absorvido pelo organismo. São recomendadas três porções de laticínio por dia, como queijo minas, leite integral e iogurte. Fonte: Portal Terra Educação e perseverança Doracy Pastorelo Benites é uma dessas pessoas de se admirar. Com 74 anos, natural de Pato Branco PR, aposentou-se pelo INSS com apenas 42 anos, mas ainda tinha muita energia para ficar parada. Formada em Pedagogia em Jandaia do Sul, começou a trabalhar aos 17 anos, como professora do Ensino Fundamental, na época, Primário e Ginásio. Tornou-se a primeira diretora do Colégio Almirante Tamandaré, em Foz do Iguaçu, onde ficou durante cinco anos. Entrou, então, para o setor de Educação do Estado, como supervisora do Núcleo Regional de Ensino e depois assumiu a função de secretária-auxiliar. Com muita vontade de continuar produzindo, foi trabalhar no setor de Educação da Itaipu, no Centro Executivo, em Sua função era avaliar, no setor Pedagógico, a qualidade do ensino do colégio onde os filhos de funcionários da Usina estudavam. Nove anos depois, foi para o Setor de Treinamento, no Canteiro de Obras, onde encaminhava os estudantes de universidades e escolas técnicas para estagiar na Itaipu. Alguns anos depois, onde anda você? passou a fazer parte do quadro de funcionários que davam oportunidade a jovens carentes por meio do PIIT (Programa de Iniciação e Incentivo ao Trabalho da Itaipu). Sua última atuação na Usina foi no setor de Audiovisual. Sempre tive muita energia para trabalhar. Que mãe adorada é a Itaipu, que me deu a possibilidade de criar bem meus filhos e superar as adversidades da vida, comenta. E não foram poucas. Com quatro filhos pequenos, ficou viúva e sozinha para cuidar da família. Dois anos depois, perdeu um dos filhos, com apenas 16 anos de idade, em um trágico acidente. A vida tinha que continuar, pois ainda tinham três pessoas que dependiam de mim. Tive que ter muita força, mas consegui passar por essas duas provações, relembra. Hoje, a tristeza passa longe de dona Doracy. Com os filhos bem encaminhados e um neto, Victor, a rotina semanal da aposentada é de dedicação ao coral da Itaipu - com ensaios três vezes por semana, aulas de violão, um orquidário com mais de 600 flores e viagens. Depois que me aposentei, já conheci vários lugares do Brasil. Também viajei para o Peru e Estados Unidos, onde mora um dos meus filhos. O que posso dizer da Fibra? Que ela foi a melhor coisa que poderia me acontecer, junto com a Itaipu, é claro!, finaliza. Um copo de suco de beterraba por dia pode ajudar a reduzir a pressão, sugere estudo 6 Um copo de suco de beterrada pode ajudar a reduzir a pressão, de acordo com um novo estudo da Associação Americana de Hipertensão. O estudo envolveu oito mulheres e sete homens que tinham uma pressão arterial sistólica entre 140 a 159 milímetros de mercúrio e que não tiveram outras complicações médicas e não estavam tomando medicação para pressão arterial. Os participantes bebiam 250 ml de suco de beterraba ou de água contendo uma pequena quantidade de nitrato (substância que tem na beterraba), e tiveram sua pressão arterial monitorados por 24 horas. De acordo com a pesquisa, pessoas com pressão alta que beberam 250 ml de suco por dia tiveram redução da pressão arterial. 1 Dora (de azul, à direita), com a nora Márcia e o filho Montgomery (de pé), o neto, Victor, a filha Mara e o genro, Walter 2 7 Fonte: Portal R7 2- A aposentada fazendo uma das coisas que mais gosta: cuidar de flores 3- Dora recebendo o carinho do filho Dalmont, que mora nos Estados Unidos 3

5 Acertando o futuro! Mesmo que sua aposentadoria ainda esteja distante, é importante ir deixando toda a documentação em dia para não haver atropelos em um momento que deve ser de tranquilidade. Uma das ações é verificar se todos os seus vínculos empregatícios e/ou contribuições constam no INSS por meio do extrato previdenciário do Cadastro Nacional de Informações (CNIS), um banco de dados da Previdência Social que reúne informações do recolhimento das contribuições dos trabalhadores brasileiros. Desse modo, os segurados de todo o País podem acompanhar, mensalmente, se o empregador está recolhendo suas contribuições e, ainda, solicitar a correção ou inclusão de períodos que não constem no cadastro. Caso algum vínculo não esteja na relação do INSS, você terá tempo de procurar a empresa e acertar sua situação. Para mais informações de como obter seu extrato de vínculos e contribuições, basta ligar para o número 135 ou acessar o site da Previdência Social (www.inss. gov.br). Em razão de convênio com o INSS, correntistas do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal têm acesso ao extrato previdenciário por meio do internet banking ou terminais de autoatendimento. Carteira de investimentos da Fibra MARÇO 2013 ALOCAÇÃO POR SEGMENTO FEV/13 Segmento R$ Milhões Patrimônio Líquido MAR/13 R$ Milhões Patrimônio Líquido Renda Fixa 1.750,3 71,7% 1.732,8 70,9% Renda Variável 418,6 17,2% 438,6 18,0% Estruturados 85,3 3,5% 85,6 3,5% Empréstimos 53,8 2,2% 54,5 2,2% Imóveis 47,0 1,9% 46,9 1,9% SUBTOTAL 2.355,0 96,5% 2.358,4 96,5% Débito Patrocinador 85,6 3,5% 85,5 3,5% TOTAL GERAL 2.440,6 100% 2.443,9 100% 3,5% DÉB. PATROCINADOR 1,9% IMÓVEIS 2,2% EMPRÉSTIMOS 3,5% ESTRUTURADOS Cuidados que você deve ter quando solicitar um empréstimo na Fibra Para solicitar um empréstimo pessoal da Fibra, basta entrar na Área do Participante do site -, no menu Meu Perfil, opção Empréstimo e submenu Pedido de Empréstimo. Se eventualmente você não possuir acesso à internet, a solicitação poderá ser realizada também pessoalmente ou pelo No entanto, ao solicitar um empréstimo, não se esqueça de assinar as duas vias do contrato e enviar para Fibra. Se você for um Participante ativo, precisa enviar também uma cópia do seu Demonstrativo de Pagamento. Mas lembre-se que o prazo para liberação é de dois dias úteis, que serão contados a partir da chegada do contrato assinado (e o demonstrativo de pagamento, se for o caso) na Fibra. Outra informação importante é para a situação de amortização adicional, que pode ser realizada a qualquer momento e quantas vezes quiser. Neste caso, basta depositar o valor desejado na conta da Fibra (CEF Ag C/C Tipo de Operação 003), mas não se esqueça de informar a Fundação imediatamente, enviando uma cópia do comprovante de depósito para o fundacaoitaipu.com.br. Se você não tiver acesso à internet, a cópia do documento poderá ser enviada pelo fax (41) DESEMPENHO MARÇO 2013 Mês % RENDA VARIÁVEL 70,9% RENDA FIXA Fibra (Contábil) 0,35 0,91 12,31 25,56 39,05 78,01 Fibra (MtM)* -1,56-1,82 14,23 32,55 47,00 94,75 INPC+6% 0,93 3,39 13,47 26,25 42,27 78,29 INPC 0,60 2,05 7,22 12,54 19,64 33,44 IPCA+5,50%** 0,92 3,32 12,45 24,85 40,02 73,08 IPCA+5,75%*** 0,94 3,38 12,72 25,45 41,02 75,15 IPCA+6%**** 0,96 3,44 12,96 26,02 41,99 77,19 IPCA 0,47 1,94 6,59 12,17 19,24 32,43 IGP-M 0,21 0,84 8,05 11,55 23,77 34,27 CDI 0,54 1,61 7,52 19,78 32,20 62,32 IBOVESPA -1,87-7,55-12,65-17,84-19,92-6,93 IBRX-50 0,76-3,67-4,92-8,90-10,65-2,66 IBRX-100 0,64-2,05-2,29-4,06-2,77 6,96 * MtM = Marcação a Mercado ** IPCA + 5,75% a.a. alterada para IPCA + 5,50% a.a. em 01/01/2013 *** IPCA + 6% a.a. alterada para IPCA + 5,75% a.a. em 01/01/2012 **** INPC + 6% a.a. alterada para IPCA + 6% a.a. em 01/01/2009 RENTABILIDADE ACUMULADA EM 12 MESES 14,23 12,45 12,31 ABR.12 MAI.12 JUN.12 JUL.12 AGO.12 SET.12 OUT.12 NOV.12 DEZ.12 JAN.13 FEV. 13 MAR Quer Falar com a Fibra? Ou Acesse: USO EXCLUSIVO DOS CORREIOS Ausente Não existe o Falecido número indicado Recusado Desconhecido Mudou-se Outro (especificar) Endereço insuficiente DATA EVOLUÇÃO PATRIMONIAL DA FIBRA (R$ mil) R$ RUBRICA DO RESPONSÁVEL DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR Rua Comendador Araújo, 551 9º andar CEP Curitiba PR Débito do Patrocinador ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO INTERNA DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL

Principais Destaques

Principais Destaques Aumento do Patrimônio Atingimento da Meta Atuarial Principais Destaques 1. Perfil Institucional A Fundação CAGECE de Previdência Complementar CAGEPREV, criada através da Lei Estadual nº 13.313, de 30 de

Leia mais

JORNAL. O futuro chega rápido Atlântico registrou maior número de adesões desde sua criação. 4, 5 e 6

JORNAL. O futuro chega rápido Atlântico registrou maior número de adesões desde sua criação. 4, 5 e 6 JORNAL n o 30 ano X 1 o quadrimestre de 2014 Uma Publicação da Fundação Atlântico de Seguridade Social O futuro chega rápido Atlântico registrou maior número de adesões desde sua criação. 4, 5 e 6 Comunicação

Leia mais

CNPC reduz Metas Atuariais dos Fundos de Pensão

CNPC reduz Metas Atuariais dos Fundos de Pensão - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 25 N 185 FEVEREIRO 2013 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420-000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT

Leia mais

Apresentações do RAI reúnem 400 pessoas em Curitiba e Foz

Apresentações do RAI reúnem 400 pessoas em Curitiba e Foz - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 188 MAIO 2013 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420-000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT NOVO

Leia mais

2º Semestre de 2010 2

2º Semestre de 2010 2 1 2 2º Semestre de 2010 O objetivo deste material é abordar os pontos principais do Plano de Benefícios PreviSenac e não substitui o conteúdo do regulamento. 3 4 Índice PreviSenac para um futuro melhor

Leia mais

Esclarecimentos sobre rentabilidade das cotas do Plano SEBRAEPREV

Esclarecimentos sobre rentabilidade das cotas do Plano SEBRAEPREV INVESTIMENTOS Esclarecimentos sobre rentabilidade das cotas do Plano SEBRAEPREV Uma questão de suma importância para a consolidação e perenidade de um Fundo de Pensão é a sua saúde financeira, que garante

Leia mais

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Recupere a saúde financeira e garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Objetivo geral Disseminar conhecimento financeiro e previdenciário dentro e fora da SP-PREVCOM buscando contribuir

Leia mais

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev Plano de Previdência Complementar Manual do Participante FenacorPrev Índice Introdução... 3 O Programa de Previdência FenacorPrev... 3 Contribuições... 4 Investimentos... 5 Benefício Fiscal... 6 Benefícios

Leia mais

EDUCAÇÃO FINANCEIRA Que tal aproveitar a época para organizar as finanças e dar um verdadeiro brilho na sua vida financeira em 2014?

EDUCAÇÃO FINANCEIRA Que tal aproveitar a época para organizar as finanças e dar um verdadeiro brilho na sua vida financeira em 2014? - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 194 DEZEMBRO 2013 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420-000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT

Leia mais

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante Fenacor Prev

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante Fenacor Prev Plano de Previdência Complementar Manual do Participante Fenacor Prev 1 Índice Introdução...3 O Programa de Previdência Fenacor Prev...3 Contribuições...4 Investimentos...5 Benefício Fiscal...5 Benefícios

Leia mais

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR O FUTURO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL O déficit da previdência social coloca em risco o direito à aposentadoria Fatores que agravam a situação: Queda da taxa de natalidade Aumento da

Leia mais

COMO FUNCIONA A PREV PEPSICO CONTRIBUIÇÕES ALOCAÇÃO DAS CONTRIBUIÇÕES OPÇÕES EM CASO DE DESLIGAMENTO BENEFÍCIOS CÁLCULO E PAGAMENTO DOS BENEFÍCIOS

COMO FUNCIONA A PREV PEPSICO CONTRIBUIÇÕES ALOCAÇÃO DAS CONTRIBUIÇÕES OPÇÕES EM CASO DE DESLIGAMENTO BENEFÍCIOS CÁLCULO E PAGAMENTO DOS BENEFÍCIOS Material Explicativo Sumário 2 COMO FUNCIONA A PREV PEPSICO 3 CONTRIBUIÇÕES 8 ALOCAÇÃO DAS CONTRIBUIÇÕES 9 OPÇÕES EM CASO DE DESLIGAMENTO 11 BENEFÍCIOS 13 CÁLCULO E PAGAMENTO DOS BENEFÍCIOS 18 TRIBUTAÇÃO

Leia mais

Veja o que muda com as resoluções n.º 15 e 16 que tratam de aspectos relacionados à precificação dos passivos e dos ativos

Veja o que muda com as resoluções n.º 15 e 16 que tratam de aspectos relacionados à precificação dos passivos e dos ativos ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 25 N 203 NOV/DEZ2014 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º

Leia mais

Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter

Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter Valia Fix, Valia Mix 20, Valia Mix 35 e Valia Ativo Mix 40 Quatro perfis de investimento. Um futuro cheio de escolhas. Para que seu plano de

Leia mais

INFORMA REDUÇÃO DO CUSTEIO ADMINISTRATIVO - QUE DIFERENÇA FAZ?

INFORMA REDUÇÃO DO CUSTEIO ADMINISTRATIVO - QUE DIFERENÇA FAZ? INFORMA Edição nº 4 Dezembro/2015 REDUÇÃO DO CUSTEIO ADMINISTRATIVO - QUE DIFERENÇA FAZ? Para administrar os planos de benefícios, a Regius utiliza os recursos advindos do custeio administrativo previdencial,

Leia mais

Material Explicativo

Material Explicativo Material Explicativo Material Explicativo Índice Introdução 4 Sobre o Plano Previplan 5 Adesão 5 Benefícios do Plano 6 Entenda o Plano 7 Rentabilidade 8 Veja como funciona a Tributação 9 O que acontece

Leia mais

Os resultados de 2013 e as perspectivas para 2014

Os resultados de 2013 e as perspectivas para 2014 w w w. f u n b e p. c o m. b r Informativo bimestral do FUNBEP - Fundo de Pensão Multipatrocinado março/abril 2014 ano12 nº64 Fechamento autorizado. Pode ser aberto pela ECT. Os resultados de 2013 e as

Leia mais

Sua opinião é importante para nós

Sua opinião é importante para nós ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL - Fibra COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 208 JUNHO2015 Sua opinião é importante para nós Devolução para Fundação ITAIPU-BR

Leia mais

Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE. Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais

Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE. Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais Programa de Educação Financeira e Previdenciária - Criação Aprovado pela PREVIC em

Leia mais

Política de Investimentos da Fibra para 2015

Política de Investimentos da Fibra para 2015 ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 204 FEVEREIRO2015 Política de Investimentos da Fibra para 2015 DEVOLUÇÃO PARA

Leia mais

Fibra comemora 26 anos

Fibra comemora 26 anos ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPUBR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 24 N 197 ABRIL 2014 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPUBR R. Comendador Araújo, 551 9º andar

Leia mais

Longo Prazo, Poupança das Famílias e os Fundos de Investimento

Longo Prazo, Poupança das Famílias e os Fundos de Investimento Longo Prazo, Poupança das Famílias e os Fundos de Investimento Longo prazo, Poupança das Famílias e os Fundos de Investimento Prof. William Eid Junior Professor Titular Coordenador do GV CEF Centro de

Leia mais

O tempo e os fundos de pensão

O tempo e os fundos de pensão ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 211 OUTUBRO2015 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º

Leia mais

O que é A SISTeL? O que é O CPqD PReV? Benefícios de risco Auxílio-doença Aposentadoria por invalidez, reversível em pensão

O que é A SISTeL? O que é O CPqD PReV? Benefícios de risco Auxílio-doença Aposentadoria por invalidez, reversível em pensão O que é A SISTEL? A Fundação Sistel de Seguridade Social foi criada em 1977 e possui expressiva experiência em Planos de Previdência Privada. A Sistel atua no desenvolvimento de soluções previdenciais

Leia mais

O PAC e você. Saiba mais sobre o funcionamento do PAC. editorial

O PAC e você. Saiba mais sobre o funcionamento do PAC. editorial Informativo bimestral da Fundação Itaubanco julho/agosto2003 ano1 nº2 O PAC e você Saiba mais sobre o funcionamento do PAC editorial Nesta edição, apresentamos uma matéria especial sobre o Plano de Aposentadoria

Leia mais

Relatório de Seguridade

Relatório de Seguridade Re Relatório de Seguridade Relatório de Seguridade Relatório Maio/2015 O relatório da área de seguridade tem por finalidade apresentar as principais atividades desenvolvidas no mês, informando os números

Leia mais

Material Explicativo Plano de Benefícios Avon 2015

Material Explicativo Plano de Benefícios Avon 2015 Material Explicativo Plano de Benefícios Avon 2015 Material Explicativo ÍNDICE 1. Mensagem importante pra você... 4 2. Que tal planejar sua aposentadoria?... 5 3. Estamos juntos!... 6 4. Saiba quem pode

Leia mais

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas.

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. O Itaú quer estar presente em todos os momentos da sua vida. Por isso, criou este material para ajudar você com as

Leia mais

MATERIAL. EXPlICatIvo. Plano BAYER CD

MATERIAL. EXPlICatIvo. Plano BAYER CD MATERIAL EXPlICatIvo Plano BAYER CD 1 Prezado Colaborador! você, que está sendo admitido agora ou ainda não aderiu ao Plano de Previdência oferecido pelo Grupo Bayer, tem a oportunidade de conhecer, nas

Leia mais

X X. Com portas abertas, Djazil recebe familiares. Uma história que se firmou com comprometimento e confiança PÁG 2

X X. Com portas abertas, Djazil recebe familiares. Uma história que se firmou com comprometimento e confiança PÁG 2 X X X Informativo Djazil Nº133 Ano XIII Maio/Junho 2011 Com portas abertas, Djazil recebe familiares A oportunidade levou familiares dos colaboradores até a empresa para uma manhã de sábado diferente.

Leia mais

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1 PLANO SUPLEMENTAR Material Explicativo 1 Introdução A CitiPrevi oferece planos para o seu futuro! Recursos da Patrocinadora Plano Principal Benefício Definido Renda Vitalícia Programa Previdenciário CitiPrevi

Leia mais

Plano de Aposentadoria Complementar

Plano de Aposentadoria Complementar Plano de Aposentadoria Complementar Você agora fará parte da PRhosper Previdência Rhodia 1 A partir de 01 novembro de 2015, em decorrência da incorporação da Solvay do Brasil pela Rhodia Poliamida e Especialidades,

Leia mais

Fachesf de FUNDAÇÃO CHESF DE ASSISTÊNCIA E SEGURIDADE SOCIAL www.fachesf.com.br

Fachesf de FUNDAÇÃO CHESF DE ASSISTÊNCIA E SEGURIDADE SOCIAL www.fachesf.com.br Fachesf de Você está em nossos planos Criada em 10 de abril de 1972, pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), sua patrocinadora, a Fundação Chesf de Assistência e Seguridade Social é uma

Leia mais

Fundo de Previdência Complementar da União PL nº 1.992 de 2007

Fundo de Previdência Complementar da União PL nº 1.992 de 2007 Fundo de Previdência Complementar da União PL nº 1.992 de 2007 Assessoria Econômica - ASSEC Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Brasília, maio de 2008 Roteiro Situação atual do Regime Próprio

Leia mais

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. C/C Itaú. Quando e como receberei o meu benefício?

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. C/C Itaú. Quando e como receberei o meu benefício? Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. O Itaú quer estar presente em todos os momentos da sua vida. Por isso, criamos este material para ajudar você com

Leia mais

Diretoria e Colegiados assumem novo mandato

Diretoria e Colegiados assumem novo mandato - FIBRA CoMPRoMISSo ATRAVÉS Do TEMPo ANO 24 N 177 ABRIL 2012 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420-000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT NoVo

Leia mais

VOCÊ QUER SABER? A FUNDAÇÃO RESPONDE.

VOCÊ QUER SABER? A FUNDAÇÃO RESPONDE. VOCÊ QUER SABER? A FUNDAÇÃO RESPONDE. ACESSO WEB QUEM PODE ENTRAR NA ÁREA RESTRITA ATRAVÉS DO SITE FBSS? Participantes Ativos Assistidos (Aposentados e Pensionistas) Importante: Dependentes e pessoas que

Leia mais

Fachesf de FUNDAÇÃO CHESF DE ASSISTÊNCIA E SEGURIDADE SOCIAL www.fachesf.com.br

Fachesf de FUNDAÇÃO CHESF DE ASSISTÊNCIA E SEGURIDADE SOCIAL www.fachesf.com.br Fachesf de Você está em nossos planos Criada em 10 de abril de 1972, pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), sua patrocinadora, a Fundação Chesf de Assistência e Seguridade Social é uma

Leia mais

A importância de um plano de aposentadoria complementar

A importância de um plano de aposentadoria complementar INFORMATIVO É a melhor maneira de planejar a sua aposentadoria; Poupança com 100% de rentabilidade - Parte Patrocinadora; Rentabilidade totalmente revertida ao participante Datusprev sem fins lucrativos;

Leia mais

Instrução Normativa n 1.343

Instrução Normativa n 1.343 - FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 26 N 190 JULHO 2013 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420-000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT NOVO

Leia mais

Guia PCD. Conheça melhor o Plano

Guia PCD. Conheça melhor o Plano Guia PCD Conheça melhor o Plano Índice De olho no Futuro...3 Quem é a Fundação Centrus?...5 Conhecendo o Plano de Contribuição Definida - PCD...6 Contribuições do Participante...7 Saldo de Conta...8 Benefícios

Leia mais

EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA

EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA Informativo Mensal do Fundo Paraná nº 039 novembro/2013 FUNDO PARANÁ Resultados da Pesquisa de Satisfação e Relacionamento Curta o Fundo Paraná no Facebook Campanha

Leia mais

Perfis de Investimento

Perfis de Investimento Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Índice Objetivo... 3 Introdução... 3 Falando sobre sua escolha e seu plano... 3 Perfis de Investimento... 5 Principais

Leia mais

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR!

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! DATUSPREV INFORMATIVO CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! Quem já cumpriu 5 anos de contribuição pode solicitar o benefício de aposentadoria programada? Essas e mais informações pra você neste Informativo.

Leia mais

Pesquisa de Satisfação dos Participantes

Pesquisa de Satisfação dos Participantes FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 25 N 201 SETEMBRO 2014 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPUBR R. Comendador Araújo, 551 9º andar 80420000 Curitiba PR FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT EDUCAÇÃO

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS. RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CARAZINHO/RS RELATÓRIO BIMESTRAL DA CARTEIRA DE INVESTIMENTOS Fevereiro/15 INTRODUÇÃO Informamos que o conteúdo deste relatório bem como

Leia mais

Plano D. Material Explicativo

Plano D. Material Explicativo Plano D Material Explicativo 2 Material Explicativo Previ Novartis Índice Pág. 4 Introdução Pág. 6 A Previdência no Brasil Pág. 10 A Previdência e o Plano de Benefício D Pág. 24 Questões 3 Material Explicativo

Leia mais

PERGUNTAS & RESPOSTAS

PERGUNTAS & RESPOSTAS PL nº 1992, DE 2007 FUNPRESP PERGUNTAS & RESPOSTAS 1. ORÇAMENTO: PL sem dotação orçamentária? O governo enviou, no dia 06 de fevereiro, de 2012 um projeto de lei (PLN nº 1, de 2012; MSG nº 24/2012) que

Leia mais

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil?

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil? Perguntas Frequentes 1. O que é a Funpresp Exe? É a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo, criada pelo Decreto nº 7.808/2012, com a finalidade de administrar

Leia mais

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil.

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. 1 RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. O Informativo Previcoke (Fundo de Pensão da Coca-Cola Brasil) é feito para quem já pensa no amanhã e para quem quer começar a pensar. Aqui, você

Leia mais

FUNDAMENTOS DA PREVIDÊNCIA

FUNDAMENTOS DA PREVIDÊNCIA FUNDAMENTOS DA PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR Ensino a distância ÍNDICE I) O QUE É PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR? II) SISTEMA DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR III) MARCOS REGULATÓRIOS IV) PLANOS DE BENEFÍCIOS V) ENTIDADES

Leia mais

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens Material Explicativo Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens Sumário Plano CD - Tranqüilidade no futuro 3 Conheça a previdência 4 A entidade Previ-Siemens 6 Como funciona o Plano CD da Previ-Siemens?

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

Renda Vitalícia por Aposentadoria por SRB - INSS Benefício Definido Capitalização Crédito Unitário Projetado Invalidez (1)

Renda Vitalícia por Aposentadoria por SRB - INSS Benefício Definido Capitalização Crédito Unitário Projetado Invalidez (1) PARECER ATUARIAL PLANO DE BENEFÍCIOS REB 1998 AVALIAÇÃO ANUAL 2005 Fl. 1/6 ENTIDADE SIGLA: FUNCEF 1 CÓDIGO: 01523 2 RAZÃO SOCIAL: FUNCEF-FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS FEDERAIS 18 3 PLANO NOME DO PLANO: REB

Leia mais

CARTILHA EXPLICATIVA. Esta Cartilha vai ajudá-lo a entender melhor o OABPrev-GO e o Plano de Benefícios Previdenciários do Advogado Adv-PREV.

CARTILHA EXPLICATIVA. Esta Cartilha vai ajudá-lo a entender melhor o OABPrev-GO e o Plano de Benefícios Previdenciários do Advogado Adv-PREV. CARTILHA 2010 CARTILHA EXPLICATIVA Esta Cartilha vai ajudá-lo a entender melhor o OABPrev-GO e o Plano de Benefícios Previdenciários do Advogado Adv-PREV. Com o Adv-PREV você verá que é possível viver

Leia mais

Muitos fundos de pensão brasileiros migraram

Muitos fundos de pensão brasileiros migraram ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPUBR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL FIBRA COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO ANO 24 N 198 MAIO 2014 DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO ITAIPUBR R. Comendador Araújo, 551 9º andar

Leia mais

Política de. [ comunicação] Forluz

Política de. [ comunicação] Forluz Política de [ comunicação] Forluz Índice Apresentação...4 Missão da Forluz...5 Condições para aplicação deste documento...6 Objetivos da Política de Comunicação...7 Diretrizes da Política de Comunicação...8

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA Proposta de Consultoria Financeira. MENSAL INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA A/C.: Superintendente INVESTOR - APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO A INVESTOR é uma empresa especializada em consultoria e implementação de soluções

Leia mais

Plano de Contribuição Definida

Plano de Contribuição Definida Plano de Contribuição Definida Gerdau Previdência CONHEÇA A PREVIDÊNCIA REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR Oferecido pelo setor privado, com adesão facultativa, tem a finalidade de proporcionar uma proteção

Leia mais

SUPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA - PERGUNTAS E RESPOSTAS

SUPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA - PERGUNTAS E RESPOSTAS SUPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA - PERGUNTAS E RESPOSTAS Dando sequência ao processo de esclarecimentos sobre a Suplementação de Aposentadoria, foi inserido novo conteúdo no site da Fundação, contendo respostas

Leia mais

Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubanco CD

Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubanco CD Chegou a hora! Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubanco CD Índice Como funciona sua aposentadoria... 04 A tributação do seu benefício... 10 Seus recursos no plano... 12 Cuide bem de sua saúde

Leia mais

cartilha educação financeira

cartilha educação financeira cartilha educação financeira cartilha educação financeira A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO FINANCEIRA A educação financeira é decisiva para o bem-estar presente e futuro das famílias, contudo, ela nem sempre

Leia mais

VALORIZAR. Celpos comemora 30 anos e faz a alegria dos Participantes. SATISFAÇÃO Participantes aprovam atuação da Celpos

VALORIZAR. Celpos comemora 30 anos e faz a alegria dos Participantes. SATISFAÇÃO Participantes aprovam atuação da Celpos NOV/2011 a JAN/2012 nº 20 ANO 7 VALORIZAR Celpos comemora 30 anos e faz a alegria dos Participantes pág.6 REGULAMENTO CELPOS Fique por dentro das mudanças pág.7 SATISFAÇÃO Participantes aprovam atuação

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO ATUARIAL

DEMONSTRAÇÃO ATUARIAL ENTIDADE: [02.884.385/0001-22] ELETRA FUNDACAO CELG DE SEGUROS E PREVIDENCIA PLANO DE BENEFÍCIOS: MOTIVO: DATA DA AVALIAÇÃO: [2000.0069-65] PLANO CELGPREV ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO 31/12/2011 Atuário Responsável

Leia mais

PLANO DE PREVIDÊNCIA DA MÚTUA CAIXA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DO CREA

PLANO DE PREVIDÊNCIA DA MÚTUA CAIXA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DO CREA PLANO DE PREVIDÊNCIA DA MÚTUA CAIXA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DO CREA Mensagem ao Associado Caro Associado, A maior preocupação do profissional que compõe o Sistema Confea / Crea / Mútua talvez

Leia mais

Plano de Previdência Complementar para o Servidor Público Federal

Plano de Previdência Complementar para o Servidor Público Federal Plano de Previdência Complementar para o Servidor Público Federal SINDITAMARATY 29/07/2014 Sumário A Funpresp Governança Participante Ativo Normal Participante Ativo Alternativo Procedimentos de Adesão

Leia mais

O futuro em suas mãos Material Explicativo do Plano de Benefícios II

O futuro em suas mãos Material Explicativo do Plano de Benefícios II ReckittPrev Reckitt Benckiser Sociedade Previdenciária O futuro em suas mãos Material Explicativo do Plano de Benefícios II Material Explicativo do Plano de Benefícios II Sumário Carta da diretoria O futuro

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

Plano de Benefícios Visão Telesp Maio/2011

Plano de Benefícios Visão Telesp Maio/2011 Plano de Benefícios Visão Telesp Maio/2011 Índice Quem Somos Estrutura do plano Importância da Previdência Privada. Quanto antes melhor! As regras do plano Canais Visão Prev 2 Visão Prev Entidade fechada

Leia mais

CONHEÇA O NOVO CENTAURO-ON NEWS. MAIS MODERNO E VERSÁTIL, PARA VOCÊ.

CONHEÇA O NOVO CENTAURO-ON NEWS. MAIS MODERNO E VERSÁTIL, PARA VOCÊ. Ano VII Nº 37 Outubro/Dezembro 2015 CONHEÇA O NOVO CENTAURO-ON NEWS. MAIS MODERNO E VERSÁTIL, PARA VOCÊ. LEIA TAMBÉM 2015: Ano de grandes realizações Pág. 02 Seguro Vida Individual: Tranquilidade para

Leia mais

EDIÇÃO 06 NOVEMBRO 2014 ANO 2. Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA!

EDIÇÃO 06 NOVEMBRO 2014 ANO 2. Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA! Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA! EDUCAÇÃO FINANCEIRA USO CONSCIENTE DO CRÉDITO: PROPAGUE ESSA IDEIA! Ele está tão integrado ao nosso dia a dia, que alguns consumidores acabam usando o recurso

Leia mais

Como vai ser o seu futuro?

Como vai ser o seu futuro? PRhosperar Boletim informativo da PRhosper Ano II - Nº 4 Outubro 2009 Pensando no futuro, investindo no presente Como vai ser o seu futuro? Planejá-lo é fundamental Veja, nas páginas centrais desta edição,

Leia mais

PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL

PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL Goiânia, 03 de Abril de 2014. Á CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE GOIAS CNPJ: 01.619.022/0001-05 Ref.: Plano de Previdência Complementar Prezado(a) Senhor(a),

Leia mais

12. Como é o caso de pensão por morte de quem ainda está contribuindo para a previdência?

12. Como é o caso de pensão por morte de quem ainda está contribuindo para a previdência? Tel: 0800 941 7738 1 Educação Financeira Esta Cartilha tem como abjetivo mostrar a importância da educação financeira e previdenciária aos advogados participantes da OABPrev-RJ para que possam organizar

Leia mais

MIRANTE. Pesquisa de Satisfação 2009. O que pensam os participantes

MIRANTE. Pesquisa de Satisfação 2009. O que pensam os participantes MIRANTE e d i ç ã o e s p e c i a l f e v e r e i r o d e 2 0 1 0 Pesquisa de Satisfação 2009 O que pensam os participantes A importância de ouvir o que você pensa Nenhum produto ou serviço faz sentido

Leia mais

APRENDIZADO QUE VALE OURO!

APRENDIZADO QUE VALE OURO! APRENDIZADO QUE VALE OURO! Introdução A aposentadoria chega mais rápido do que a gente imagina. Nem sempre a Previdência Social atende às nossas necessidades financeiras e projetos nessa fase da vida.

Leia mais

ESTUDO DE ALM SERPROS FUNDO MULTIPATROCINADO SERPRO (PSI) e SERPRO (PSII BD/PSII CD)

ESTUDO DE ALM SERPROS FUNDO MULTIPATROCINADO SERPRO (PSI) e SERPRO (PSII BD/PSII CD) ESTUDO DE ALM SERPROS FUNDO MULTIPATROCINADO SERPRO (PSI) e SERPRO (PSII BD/PSII CD) Janeiro de 2012 1 MOVIMENTOS FIC ADVANTAGE III PSI E PSII - BD Carteira Título Vencimento Alocação Atual - MTM Alocação

Leia mais

PROGRAMA DE PREVIDÊNCIA UVERGS PREVI

PROGRAMA DE PREVIDÊNCIA UVERGS PREVI PROGRAMA DE PREVIDÊNCIA UVERGS PREVI UVERGS PREVI A União dos Vereadores do Estado do Rio Grande do Sul visa sempre cuidar do futuro de seus associados Por conta disso, está lançando um Programa de Benefícios

Leia mais

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança 03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança Render 5 Vezes Mais por Leandro Sierra Índice Apresentação...03 Introdução... 04 Passo 1...05 Passo 2... 08 Educação Financeira para a Segurança do seu Investimento...

Leia mais

CARTILHA PERFIS DE INVESTIMENTO VALIA FAÇA A SUA ESCOLHA. VALIA FIX VALIA MIX 20 VALIA MIX 35

CARTILHA PERFIS DE INVESTIMENTO VALIA FAÇA A SUA ESCOLHA. VALIA FIX VALIA MIX 20 VALIA MIX 35 CARTILHA PERFIS DE INVESTIMENTO VALIA VALIA FIX VALIA MIX 20 VALIA MIX 35 O melhor perfi l de investimento é o que mais se parece com você. FAÇA A SUA ESCOLHA. A Valia está disponibilizando três perfis

Leia mais

Fundação Itaú Unibanco. Quer saber mais? www.fundacaoitauunibanco.com.br. Confira as novidades nesta edição especial do Com você.

Fundação Itaú Unibanco. Quer saber mais? www.fundacaoitauunibanco.com.br. Confira as novidades nesta edição especial do Com você. Fundação Itaú Unibanco Edição Especial Junho 2015 www.fundacaoitauunibanco.com.br Prepare-se! O novo site da Fundação Itaú Unibanco mudou e muito! para facilitar o acesso às informações, simplificar a

Leia mais

Manual Perfis de Investimentos

Manual Perfis de Investimentos Manual Perfis de Investimentos 2015 Manual de Perfis de Investimentos Índice Perfi s de Investimentos Avonprev... 4 Por que existem os Perfi s de Investimentos... 5 O que são Perfi s de Investimentos...

Leia mais

O número de participantes e assistidos no mês de agosto de 2007 apresentou a seguinte

O número de participantes e assistidos no mês de agosto de 2007 apresentou a seguinte 1. Introdução O relatório da área de seguridade tem por finalidade apresentar as principais atividades desenvolvidas no mês, informando os números e valores relativos ao período de Agosto de 2007, bem

Leia mais

Material Explicativo Centrus

Material Explicativo Centrus Material Explicativo Centrus De olho no futuro! É natural do ser humano sempre pensar em situações que ainda não aconteceram. Viagem dos sonhos, o emprego ideal, casar, ter filhos, trocar de carro, comprar

Leia mais

Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes

Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes NOSSA LUTA CONTINUA Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes Prezados participantes da PETROS. Em anexo o arquivo contendo a apresentação abaixo reproduzida,

Leia mais

Previdência no Brasil. Regime de Previdência Complementar. Regimes Próprios dos Servidores Públicos. Regime Geral de Previdência Social

Previdência no Brasil. Regime de Previdência Complementar. Regimes Próprios dos Servidores Públicos. Regime Geral de Previdência Social As Entidades Fechadas de participantes desta pesquisa, conhecidas como Fundos de Pensão, fazem parte do Sistema de. Os Fundos de Pensão desenvolveram-se e modernizaram-se ao longo dos últimos anos graças

Leia mais

Campanha de Adesão para acrescentar mais 15 mil participantes

Campanha de Adesão para acrescentar mais 15 mil participantes J O R N A L Jornal BRF Previdência 1 Edição 11 - Junho 2015 Campanha de Adesão para acrescentar mais 15 mil participantes A BRF Previdência colocará mais uma vez seu time em campo para incentivar e divulgar

Leia mais

notícias Este será um ano de mudanças na Fibra. A Fibra quer melhorar sua comunicação em todos os sentidos notícias Dia do Aposentado 03 Investimentos

notícias Este será um ano de mudanças na Fibra. A Fibra quer melhorar sua comunicação em todos os sentidos notícias Dia do Aposentado 03 Investimentos Ano 27 nº 213 Fev/16 ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DA FUNDAÇÃO ITAIPU-BR DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA SOCIAL FIBRA - COMPROMISSO ATRAVÉS DO TEMPO FECHAMENTO AUTORIZADO. PODE SER ABERTO PELA ECT DEVOLUÇÃO PARA FUNDAÇÃO

Leia mais

CARTILHA EXPLICATIVA... 2 FUNDO PARANÁ... 3 PATRIMÔNIO... 4 SEGURANÇA... 4 BENEFÍCIO FISCAL... 5 ASFUNPAR... 6 PLANO DENTALUNIPREV...

CARTILHA EXPLICATIVA... 2 FUNDO PARANÁ... 3 PATRIMÔNIO... 4 SEGURANÇA... 4 BENEFÍCIO FISCAL... 5 ASFUNPAR... 6 PLANO DENTALUNIPREV... ÍNDICE CARTILHA EXPLICATIVA... 2 FUNDO PARANÁ... 3 PATRIMÔNIO... 4 SEGURANÇA... 4 BENEFÍCIO FISCAL... 5 ASFUNPAR... 6 PLANO DENTALUNIPREV... 7 CONHEÇA O PLANO DENTALUNIPREV... 8 PARTICIPANTES... 9 Participante

Leia mais

Guia do Aposentado Conheça melhor as regras e benefícios do seu plano

Guia do Aposentado Conheça melhor as regras e benefícios do seu plano Guia do Aposentado Conheça melhor as regras e benefícios do seu plano Plano ACMV 1 Índice Como funciona sua aposentadoria... 04 Empréstimos... 08 Recadastramento... 09 Cuide bem de sua saúde física e financeira...

Leia mais

Fundação Previdenciária IBM. Resumo Relatório Anual 2013 PLANO DE BENEFÍCIOS DA IBM BRASIL. 1 Relatório Anual - IBM

Fundação Previdenciária IBM. Resumo Relatório Anual 2013 PLANO DE BENEFÍCIOS DA IBM BRASIL. 1 Relatório Anual - IBM Fundação Previdenciária IBM Resumo Relatório Anual 2013 PLANO DE BENEFÍCIOS DA IBM BRASIL 1 VIVER O PRESENTE, DE OLHO NO FUTURO Caro participante, Muitos dizem que é melhor viver intensamente o presente

Leia mais

OS 3 PASSOAS PARA O SUCESSO NA SEGURANÇA PATRIMONIAL

OS 3 PASSOAS PARA O SUCESSO NA SEGURANÇA PATRIMONIAL WWW.SUPERVISORPATRIMONIAL.COM.BR SUPERVISOR PATRIMONIAL ELITE 1 OS 3 PASSOS PARA O SUCESSO NA CARREIRA DA SEGURANÇA PATRIMONIAL Olá, companheiro(a) QAP TOTAL. Muito prazer, meu nome e Vinicius Balbino,

Leia mais

Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos)

Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos) O que muda Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos) 1. Por que é necessário criar a Fundação de Previdência Complementar do Servidor

Leia mais

Neste e-book vamos esclarecer melhor como é feita essa transição financeira, quais os melhores investimentos para a aposentadoria, como você deve administrar os demais gastos, onde é possível cortar despesas

Leia mais

Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubank

Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubank Chegou a hora! Saiba tudo sobre sua aposentadoria Plano Itaubank Índice Como funciona sua aposentadoria... 04 A tributação do seu benefício... 08 Seus recursos no plano... 10 Cuide bem de sua saúde física

Leia mais

Fundação Forluminas de Seguridade Social - Forluz. Gerência de Previdência, Atuária e Atendimento

Fundação Forluminas de Seguridade Social - Forluz. Gerência de Previdência, Atuária e Atendimento Fundação Forluminas de Seguridade Social - Forluz Gerência de Previdência, Atuária e Atendimento Cenário A Seguradora Aegon realizou, no período entre janeiro e fevereiro de 2015, uma pesquisa entre quinze

Leia mais

HSBC INSTITUIDOR FUNDO MÚLTIPLO. Plano Acricel de Aposentadoria ACRICELPrev

HSBC INSTITUIDOR FUNDO MÚLTIPLO. Plano Acricel de Aposentadoria ACRICELPrev HSBC INSTITUIDOR FUNDO MÚLTIPLO Plano Acricel de Aposentadoria ACRICELPrev Plano Acricel de Aposentadoria ACRICELPrev Esta Cartilha vai ajudar você a entender melhor o Plano Acricel de Aposentadoria ACRICELPrev,

Leia mais

A... Aceitação Ato de aprovação pela entidade de uma proposta efetuada.

A... Aceitação Ato de aprovação pela entidade de uma proposta efetuada. A... Aceitação Ato de aprovação pela entidade de uma proposta efetuada. Adesão Característica do contrato de previdência privada, relativa ao ato do proponente aderir ao plano de previdência. Administradores

Leia mais

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES ALEGRE. Porto Alegre, novembro de 2010

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES ALEGRE. Porto Alegre, novembro de 2010 DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE Porto Alegre, novembro de 2010 REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL Os servidores públicos ocupantes de cargo

Leia mais