Problemas de saúde causados pela exploração mineira História: Exploração mineira e doença entre a tribo Dineh Problemas sociais...

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Problemas de saúde causados pela exploração mineira... 472 História: Exploração mineira e doença entre a tribo Dineh... 473 Problemas sociais..."

Transcrição

1 Problemas de saúde causados pela exploração mineira História: Exploração mineira e doença entre a tribo Dineh Problemas sociais Proteger as crianças História: Escola e nutrição para as crianças mineiras Doenças causadas pela poeira História: Tratamento para mineiros com silicose Tuberculose Água contaminada História: Acção comunitária salva um rio Drenagem ácida das minas Produtos químicos usados nas minas Metais pesados Envenenamento por mercúrio Radiação de urânio Segurança nas minas Organizar-se para melhorar a vida dos mineiros História: Mulheres mineiras organizam uma cooperativa Responsabilizar as empresas História: Mineiros de amianto ganham finalmente em tribunal Quando uma mina encerra Exploração mineira responsável

2 As pessoas fazem exploração mineira da terra à procura de metais como o ouro, a prata e o cobre; à procura de pedras preciosas como os diamantes e os rubis; e à procura de minerais como o urânio, o amianto, o carvão, a areia e o sal. Toda a exploração mineira é perigosa e é difícil os mineiros ganharem a vida ao mesmo tempo que protegem a sua saúde e o meio ambiente. Mas há formas de tornar a exploração mineira segura. Muitas vezes, a única maneira de fazer com que a indústria mineira use métodos que causem menos estragos é através da pressão comunitária. A exploração mineira é feita em grandes minas abertas à superfície ou em minas subterrâneas operadas por grandes empresas, bem como em pequenas minas geridas por pessoas locais. A exploração mineira em grande escala causa maiores danos porque implica limpar grandes quantidades de terra, cavar enormes fossos e túneis e deslocar enormes quantidades de terra. Mas a exploração mineira de pequena escala também pode prejudicar as pessoas e o meio ambiente. As condições de exploração mineira são muito diferentes, conforme a localização, o tipo e o tamanho da operação mineira. Ao compreender as ameaças da exploração mineira à saúde e ao bem-estar a longo prazo, e ao tomar precauções para reduzir os danos em todas as minas, os mineiros e outras pessoas nas comunidades mineiras podem proteger melhor a saúde e melhorar as suas vidas.

3 A exploração mineira causa acidentes graves, como por exemplo incêndios, explosões ou queda dos túneis da mina, que afectam os mineiros e as pessoas que vivem nas comunidades perto das minas. Até mesmo nos lugares onde houve exploração mineira há muito tempo, as pessoas ainda podem estar expostas a ameaças à saúde, causadas pelos resíduos da exploração mineira e pelos produtos químicos que se mantêm no solo e na água. A exploração mineira prejudica a saúde de muitas maneiras: podem envenenar os trabalhadores e causar problemas de saúde para toda a vida, assim como reacções alérgicas e problemas imediatos. e o trabalho com o corpo em posições estranhas podem levar a lesões nos braços, pernas e costas. pode causar danos aos nervos e à circulação do sangue e levar à perda do tacto, a infecções muito perigosas como a gangrena e mesmo à morte. das máquinas pode causar problemas nos ouvidos, incluindo a surdez. debaixo da terra com pouca luz podem estragar a vista. sem beber água suficiente pode causar esgotamento pelo calor. Os sintomas de esgotamento pelo calor incluem: tonturas, fraqueza, batimentos rápidos do coração, sede extrema e desmaios. das empresas mineiras criam divisões entre famílias, vizinhos e comunidades. Estes desentendimentos podem levar à divisões na sociedade, aumento do stress individual e problemas de saúde mental na comunidade enteira. leva a muitos problemas de saúde (ver Capítulos 5 e 6)., levando à falta de alimentos e à fome. causada pelas fábricas de produção de electricidade e pelas fundições de metais, construídas perto das minas, causam doenças graves (ver Capítulo 16).

4 A tribo Dineh e outros povos nativos dos desertos da zona oeste dos Estados Unidos falam sobre dois tipos de poeira amarela que o Criador pôs no solo. Um tipo é o pólen amarelo do milho. Para os Dineh, o milho é um alimento sagrado e o seu pólen é usado em rituais religiosos. A outra poeira amarela é conhecida como bolo amarelo ou urânio. Os Dineh acreditam que o urânio deve ficar debaixo do solo e nunca ser desenterrado ou usado. Na década de 1940, quando o governo dos EUA descobriu como é que o urânio podia ser usado para fazer armas nucleares e energia nuclear, as empresas mineiras começaram a cavar urânio na terra dos Dineh. Os homens Dineh jovens, que antigamente ganhavam a sua vida a criar ovelhas, aceitaram com entusiasmo os empregos nas novas minas. A exploração mineira do urânio tornou-se numa das formas mais importantes de o povo Dineh ganhar dinheiro. Mas, com o passar dos anos, a exploração mineira do urânio tornou os Dineh num povo muito doente. O governo e as empresas mineiras conheciam os perigos da exploração do urânio, mas os mineiros e as suas famílias tiveram que descobrir esses perigos por si próprios. Os mineiros Dineh morriam jovens por causa dos efeitos da radiação. Muitas mulheres tinham abortos espontâneos ou tinham crianças com defeitos de nascença e outros problemas de saúde. Os homens que trabalhavam nas minas desenvolveram cancro dos pulmões e problemas de respiração. Alguns perderam a capacidade de andar. Até o gado bovino e as ovelhas, perto das minas, ficavam doentes e morriam antes de darem leite ou lã. Estes problemas continuaram durante mais de 50 anos. Em 2005, os Dineh proibiram finalmente a exploração mineira do urânio na sua terra. Mas a terra dos Dineh ainda tem centenas de minas de urânio abandonadas e montes de resíduos tóxicos. O governo dos EUA está a pagar a algumas famílias que morreram por causa de envenenamento por urânio, mas o que pagam não é muito. E há uma grande pressão por parte da indústria nuclear para que os Dineh abram mais minas. A terra dos Dineh também tem alguns dos maiores depósitos de carvão dos Estados Unidos. Com a perda de empregos por causa do encerramento das minas de urânio, a exploração do carvão tornou-se uma das únicas fontes de empregos bem pagos para os homens Dineh. Mas a exploração mineira do carvão também é perigosa para a saúde e para o meio ambiente, tanto quando este é retirado do solo, como quando ele é queimado para fazer electricidade nas fábricas de produção de energia. Tal como muitas pessoas, está a ser pedido aos Dineh que escolham entre a má saúde e a pobreza. Muitas coisas precisam de mudar para que os Dineh tenham melhores escolhas, sobretudo que acabe o racismo que impede os povos nativos de controlarem as suas próprias comunidades, recursos e futuros. E todo o mundo, mas sobretudo os Estados Unidos, precisam de usar formas de produzir energia menos perigosas do que o carvão e o urânio.

5 A exploração mineira afecta directamente a saúde das pessoas, quando elas trabalham em condições perigosas e estão expostas a produtos químicos tóxicos. Ela também afecta a saúde das pessoas através dos problemas sociais que cria. As vilas e acampamentos mineiros desenvolvem-se rapidamente, com pouco planeamento ou cuidado. Isto causa habitualmente muitos problemas. Os homens vêm à procura de trabalho nas minas, as mulheres que precisam de rendimento tornam-se trabalhadoras do sexo, e esta combinação pode levar à transmissão rápida do HIV/SIDA e de outras infecções transmitidas sexualmente. A riqueza súbita e a pobreza súbita que a exploração mineira traz, são muitas vezes acompanhadas pelo aumento da violência contra as mulheres e as crianças, o abuso dos trabalhadores pelos donos das minas e por lutas para ter o controlo dos recursos. Muitas pessoas são forçadas a deixar a comunidade por causa da violência ou porque se torna impossível para elas continuar a viver como viviam antes de a mina ter aberto. A exploração mineira cria um modo de vida para milhões de pessoas, O sindicato protege a minha saúde, o meu emprego e os meus benefícios. Quando a empresa é assim tão grande e poderosa, os trabalhadores precisam de se organizar. As mulheres suportam uma parte enorme dos custos para as pessoas e para o meio ambiente causados pelos grandes projectos de exploração mineira. muitas vezes em áreas onde há poucas outras fontes de rendimento. Mas as riquezas do solo nem sempre resultam em riqueza para os mineiros. A natureza da indústria mineira consiste em explorar, abusivamente, cada pedaço de terra e cada trabalhador disponível, sacrificando a saúde, os direitos humanos e o meio ambiente das comunidades mineiras. Aderir ou formar uma organização de trabalhadores provou ser a estratégia mais eficaz para os mineiros ganharem a vida, de forma decente, e para defenderem os seus direitos humanos e ambientais. Os sindicatos de mineiros, junto com seus aliados, têm forçado as empresas e os governos a fazerem e a seguirem normas que protegem a saúde e a segurança dos mineiros. No entanto, muitas vezes os sindicatos dão mais importância à necessidade de empregos e rendimentos a curto prazo que os mineiros têm do que à prevenção dos problemas de saúde a longo prazo, causados pela exploração mineira e pelo uso de minério (por exemplo, a poluição causada pela queima do carvão para obter energia). Quando uma operação mineira é demasiado perigosa, não saudável ou poluente, ela deve ser encerrada. Mas os trabalhadores da mina não devem ser abandonados ao desemprego e à pobreza. As comunidades devem exigir que planos para o seu bem-estar e modo de vida sejam incluídos na planificação e nos custos de encerramento da mina.

6 As crianças, muitas vezes, trabalham nas minas para ajudarem as suas famílias. Trabalhar longas horas em condições difíceis é perigoso para elas, cria graves problemas nos seus corpos em crescimento e nos seus ossos macios, e não lhes dá tempo de irem à escola. O trabalho infantil é ilegal segundo a lei internacional (ver Apêndice B). Se as empresas mineiras pagassem bons salários e dessem benefícios aos trabalhadores adultos, as crianças poderiam ir a escola, em vez de trabalharem. Quando os homens e mulheres vão trabalhar nas pedreiras na Índia, os seus filhos vão muitas vezes trabalhar com eles. Isto sempre foi assim. Sem educação e organização para a mudança, isto será sempre assim. Em Pune, na Índia, as crianças que trabalham na pedreira são mal nutridas e estão cobertas da cabeça aos pés com poeira das rochas. Alguns trabalhadores sociais começaram um grupo voluntário chamado Santulan, para trabalhar com estas crianças. As crianças têm direitos básicos à educação, à boa saúde e à infância, dizem eles. Para promover estes direitos, eles iniciaram escolas nas pedreiras. Primeiro, o grupo Santulan formou novos professores. Algumas trabalhadoras da pedreira aprenderam canções e outros métodos de ensino e receberam lápis, papel, quadros pretos e livros. Alguns donos das pedreiras ofereceram espaços para o grupo dar as aulas. Noutras pedreiras, os próprios trabalhadores organizaram as salas de aulas. Assim que as crianças começaram a ir à escola, os professores aperceberam-se de que elas não iam aprender, se não tivessem comida para comer durante o dia. O grupo Santulan começou a dar arroz, lentilhas e ovos cozidos. Isto deu aos pais mais uma razão para deixarem os seus filhos ir à escola. Não só as crianças aprendiam, como vinham para casa com a barriga cheia. Alguns anos depois de as escolas nas pedreiras terem aberto, mais de 3000 crianças participavam nas aulas. Muitas são as primeiras nas suas famílias a saber ler e escrever. As crianças cantam canções, aprendem história e, acima de tudo, aprendem que têm direito à educação e direito à infância.

7 Os danos nos pulmões causados pela poeira das rochas e minerais são um grande problema de saúde. Quer esteja a fazer exploração mineira debaixo da terra ou acima do solo, você pode vir a desenvolver doenças nos pulmões: Se a poeira cobrir as suas roupas, corpo e equipamento à medida que trabalha; Se tossir muito e tiver dificuldade em respirar. Depois de a poeira ter estragado os pulmões, não há forma de inverter os danos. A poeira é uma ameaça para os trabalhadores das minas e para as comunidades que vivem perto das minas. Os tipos mais perigosos de poeira são a poeira do carvão, que causa a, e a poeira de sílica, que causa a. A poeira que contém amianto (que causa a asbestose, ver página 371) ou metais pesados (página 337) também é perigosa. A poeira da exploração mineira pode dificultar a respiração. Grandes quantidades de poeira podem levar os pulmões a encherem-se com líquido e a incharem. Os sintomas de danos nos pulmões causados pela poeira incluem: Falta de fôlego a respirar, tosse, pieira; Tossir cuspo verde ou amarelo (muco que sai dos pulmões); Dores de garganta; Febre; Pele azulada nos ouvidos ou nos lábios; Dores no peito; Perda de apetite; Cansaço. A doença do pulmão negro, a silicose e a asbestose são doenças graves e sem cura. É melhor prevenir a exposição à poeira perigosa. Como estas doenças pioram muito rapidamente, na altura em que você tiver os primeiros sintomas, tudo o que pode fazer é impedir a doença se torne mais grave. Se tiver qualquer um dos sintomas acima referidos, ou se tiver estado exposto a estes tipos de poeira, procure imediatamente um trabalhador de saúde. Como fumar aumenta muito o risco de danos aos pulmões causados pela poeira, é especialmente importante que os mineiros não fumem tabaco. O pulmão negro é causado pela poeira do carvão que bloqueia os pulmões, causando problemas de respiração graves e permanentes. Os mineiros de carvão que trabalham debaixo da terra e as mulheres que trabalham a separar as pedras do carvão são muito afectados pelo pulmão negro. A silicose é causada pela exposição à poeira de sílica. A sílica é um minério comum libertado pela areia e rochas durante a exploração mineira, expondo muitos mineiros ao perigo.

8 A doença do pulmão negro e a silicose não podem ser curadas. Mas você pode reduzir o sofrimento que elas causam. Beber muita água para ajudar a soltar o muco dos pulmões. Manter as vias respiratórias abertas. Encher uma bacia com água quente com vapor e ervas de cheiro forte como eucalipto, orégãos, menta ou tomilho. Pôr a sua cabeça sobre a bacia, tapar-se com uma toalha ou pano e respirar os vapores. Fazer isto durante 15 minutos de cada vez, várias vezes ao dia. Os medicamentos chamados podem ajudar a abrir as vias respiratórias. Os que são inalados (respirados) funcionam mais depressa. Os hospitais podem dar oxigénio para ajudar a pessoa a respirar mais facilmente. Xarope caseiro para a tosse pode ajudar a reduzir a tosse com dor. Misturar: Algumas pessoas acreditam que os produtos lácteos, como o leite, o queijo e a manteiga, tornam o muco mais espesso e mais difícil de sair através da tosse. Se comer estes alimentos o faz sentir-se pior, evite-os, desde que consiga ter uma boa alimentação com outros alimentos. que beber bebidas alcoólicas liberta os pulmões da poeira. Beber álcool só torna os problemas de saúde piores. As pessoas que sofram do pulmão negro ou silicose têm um risco maior de desenvolver outros problemas de saúde, como por exemplo: Tuberculose (ver páginas 356 e 481); Bronquite crónica (ver página 331); Doença do coração; Cancro dos pulmões; Pneumonia; Asma (ver página 331); Artrite reumatóide; Lúpus; Febre reumática; Esclerose. Para mais informação, consultar um livro de saúde geral como por exemplo Onde Não Há Médico.

9 Ao limitar a quantidade de poeira que você respira, os danos aos pulmões podem ser prevenidos. Bombear ar fresco para dentro das minas subterrâneas. As minas devem ter muitas aberturas para a superfície. As bombas de ar e as ventoinhas podem trazer ar fresco para dentro da mina e retirar a poeira e a sujidade do ar para fora da mina. Disponibilizar pulverizadores de água para humedecer e fazer baixar a poeira. Guardar água num tanque acima do solo e bombeá-la ou deixá-la correr para os poços e túneis em baixo através de tubos com pequenos furos ou cabeças de chuveiro. A água amarga imprópria para beber funciona lindamente. No entanto, os mineiros precisam de muita água fresca para beber. Disponibilizar equipamento para cortar e triturar que pulverize água para apanhar a poeira. Disponibilizar materiais, como por exemplo pedra calcária esmagada e cobertores, para tapar as áreas de explosão. Disponibilizar máscaras próprias e garantir que elas são limpas e que é feita manutenção (ver Apêndice A). Os trabalhadores precisam de um lugar para mudarem as roupas com poeira e tomarem banho antes de deixarem o local da mina, e precisam de uma área limpa para guardarem as roupas. Os operadores de minas também têm a responsabilidade de encontrar formas de manter a poeira das operações mineiras fora das comunidades que rodeiam a mina. A poeira mata. Os mineiros têm o direito de exigir que todos os métodos possíveis sejam usados para reduzir a poeira, incluindo equipamento de protecção fornecido pela empresa. As máscaras contra a poeira só previnem os danos causados aos pulmões se estiverem bem colocadas e se forem limpas regularmente. Se você usar uma máscara de papel, mude-a várias vezes. Se usar uma máscara de plástico ou tecido, ou um lenço, lave-os muitas vezes.

10 para impedir que a poeira se levante. para impedir que a poeira de sílica ou carvão se levantem para o ar. para apanhar a poeira. Depois da explosão ou esmagamento, pulverizar a área com água. r depois de uma explosão e antes de entrar na área.. A melhor máscara para os mineiros é um respiradouro de borracha bem colocado e que tenha filtros para os materiais com os quais você está a trabalhar. Os mineiros devem receber formação sobre como escolher, usar e manter as máscaras. Se as máscaras contra a poeira não estiverem disponíveis, deve usar um pano à volta da boca e do nariz e lavá-lo todos os dias. Os óculos de protecção vão proteger os seus olhos (para mais informação sobre equipamento de protecção, ver Apêndice A).. Não sacudir os sacos com poeira isto deita mais poeira para o ar. Em vez disso, lavar o saco. Se você precisa de sacudir o saco, garanta que o vento transporta a poeira para longe de si. Os sacos de pano apanham muita poeira use sacos de plástico, se puder. Lavar-se depois do trabalho e antes de entrar em casa. Deixar as roupas do trabalho poeirentas na mina, ou mudar de roupa antes de entrar na sua casa. Lavar o chão com um pano húmido para retirar a poeira. Varrer vai pôr a poeira no ar. Se houver poeira lá fora, manter as portas e janelas fechadas. Se a sua casa não tiver portas e janelas que se fecham, pendurar cortinas ou folhas de bananeira grandes nas portas e janelas.

11 Lal Kuan é uma aldeia, na Índia, dedicada à exploração mineira e à produção de pedra por esmagamento. Tudo em Lal Kuan está coberto por uma camada grossa de poeira. A poeira é tanta que é difícil ver. Para muitas pessoas, a poeira também tornou difícil a respiração. Budh Ram veio para Lal Kuan há 20 anos para operar com máquinas de esmagar pedra. Passados 10 anos a trabalhar, ele começou a ter dificuldade em respirar. Foi tratado contra a tuberculose por um posto de saúde do governo. Os medicamentos da tuberculose ajudaram-no durante um ano, mas depois disso começou outra vez a sentir-se doente. Budh Ram não estava sozinho na sua doença. Apesar de terem sido tratados muitas vezes contra a tuberculose, muitos trabalhadores e aldeãos morreram, com terríveis dores no peito, incapazes de respirar. Quando S. A. Azad, coordenador de uma organização chamada Centro de Investigação Social e Direitos das Pessoas, veio para Lal Kuan, o seu objectivo era ensinar os aldeãos a ler e escrever. Mas quando viu que eles estavam a morrer em grande quantidade, assumiu uma tarefa diferente: ajudar os aldeãos a serem tratados e a obterem compensações pelas suas doenças. Azad apercebeu-se de que os trabalhadores estavam a ser tratados contra a tuberculose, mas que estavam a morrer de silicose. A maior parte dos trabalhadores, como por exemplo Budh Ram, nem sabiam o que era a silicose. E os operadores das minas não queriam saber da silicose, porque, segundo a lei indiana, eles eram responsáveis pelas doenças causadas no local de trabalho. Para os operadores das minas, o melhor era ninguém saber que os trabalhadores estavam a morrer de silicose. Azad contactou outras organizações para criar apoios para as pessoas afectadas pela silicose e exigiu compensações e cuidados de saúde. Depois de vários anos a organizar-se, o Ministro Principal de Delhi concordou em realizar uma reunião para ouvir contar a miséria de Lal Kuan. A reunião resultou numa grande vitória quando o Ministro Principal concordou em corresponder às exigências de Azad e das pessoas de Lal Kuan. Agora, passados muitos anos de sofrimento, as pessoas de Lal Kuan têm um centro comunitário para o tratamento das doenças relacionadas com o trabalho. Uma carrinha médica móvel visita a área, 4 dias por semana, dando tratamento médico de graça. O governo prometeu fazer um estudo de saúde em Lal Kuan e dar uma pensão a todas as vítimas da silicose, bem como dar formação e apoio para ajudá-los a encontrarem formas de ganharem dinheiro e de ajudarem as suas famílias. Esta vitória deu aos mineiros e aldeãos um novo sentido de empoderamento. O ar em Lal Kuan ainda está cheio de poeira. Mas também está cheio de possibilidades para um futuro melhor. Carrinha médica móvel

12 Como os mineiros vivem muitas vezes em lugares apertados e com muita gente, trabalham longas horas sem comida suficiente e têm um fraco acesso a cuidados de saúde ou medicamentos, eles têm um risco elevado de ter tuberculose. Os sintomas da tuberculose incluem uma tosse forte que não desaparece, febre, tossir sangue, sensação de fraqueza, perda de peso e suores nocturnos. Sem tratamento adequado, uma pessoa pode espalhar a tuberculose para outras pessoas e pode morrer. A tuberculose pode ser fatal para qualquer pessoa, mas é especialmente perigosa para pessoas fracas com fome ou com outras doenças como o HIV e a SIDA. Os danos nos pulmões, causados pela poeira, aumentam ainda mais o risco de tuberculose. Uma boa vai reduzir as possibilidades da tuberculose se propagar na mina, nos dormitórios dos mineiros ou nas casas destes. A melhor maneira de prevenir a tuberculose entre os mineiros, ou quaisquer trabalhadores, é criar condições para uma boa saúde através de: Melhores salários; Horas de trabalho mais curtas; Condições de trabalho mais seguras; Condições de vida seguras e limpas; Água limpa; Alimentação saudável; Bons cuidados de saúde. Para prevenir a propagação da tuberculose, é importante garantir que todas as pessoas com tuberculose recebem tratamento e medicamentos adequados. Muitos governos disponibilizam tratamento gratuito para a tuberculose. Para obter os medicamentos, consulte um trabalhador de saúde (para mais informação sobre tuberculose, ver página 356 ou um livro geral sobre saúde como por exemplo o livro Onde Não Há Médico).

13 A exploração mineira usa grandes quantidades de água e cria grandes quantidades de resíduos, contaminando os pontos de água e as pessoas que dependem deles. Embora todas as operações mineiras tendam a poluir a água, habitualmente as grandes empresas causam os maiores problemas. A água superficial e a água subterrânea das áreas das minas podem permanecer contaminadas durante muitos anos. A perda de água pode deixar a terra árida e inutilizável para a agricultura ou para criar animais. Os danos, a longo prazo, da contaminação da água vão durar muito mais tempo do que o ganho económico, a curto prazo, proveniente da exploração mineira. Desde que a empresa mineira veio, a quantidade de água no nosso rio diminuiu para quase nada! Agora a água tem um sabor horrível. Eu não quero tocar nessa água, mas de que outra forma posso lavar-me? Os tanques de resíduos com fugas são uma das principais causas de poluição da água causada pela exploração mineira. Para prevenir a poluição, os tanques de resíduos devem ser: Construídos longe dos pontos de água ou das áreas de drenagem das bacias hidrográficas; Revestidos, para prevenir fugas para a água subterrânea; Construídos de acordo com os melhores padrões internacionais; Monitorizados para prevenir fugas e derrames; Esvaziados de resíduos e fechados com segurança quando as operações mineiras terminam. Limpar a água depois de ela ter sido poluída pela actividade mineira é difícil, caro e nem sempre bem-sucedido.

14 No norte das Filipinas, o rio Abra corre do cimo das montanhas para as áreas agrícolas nas terras baixas e para o Mar da China. Durante muitas gerações, as comunidades ao longo do rio Abra ganharam a vida com a agricultura, a pesca, o artesanato e a pequena exploração mineira de ouro e cobre. Nos últimos anos, grandes empresas começaram a explorar o ouro da área, causando grandes danos ao rio, aos animais selvagens e às pessoas que vivem aqui. As empresas mineiras deitaram abaixo florestas para abrirem as minas, levando o rio e os riachos que o alimentam a encher-se de sedimentos e a secar. Muitos tipos de pássaros, animais e plantas desapareceram. O rio foi envenenado pelos produtos químicos deitados fora nos tanques de resíduos e pela drenagem ácida das minas. As pessoas que vivem ao longo do rio Abra sofrem de dores de cabeça, tonturas, tosse, dores no peito, irritação no nariz e nos olhos, erupções da pele e diarreia, além de terem problemas de longo prazo, como a fome, por causa da perda de culturas ano após ano. Em resposta a estes problemas, a população local formou um grupo chamado Movimento para Salvar o Rio Abra. O movimento protege os direitos da terra e da água de muitas formas. Este movimento educa as comunidades e os representantes do governo sobre os perigos da exploração mineira. Organiza petições e encontros para dar a conhecer as exigências locais. Faz monitoria da qualidade da água através de uma parceria entre as universidades locais, que contribuem com equipamento e cientistas, e as organizações locais da população que actuam como testemunhas, guias e colectores de água. Apenas com telefones móveis e máquinas fotográficas, as equipas comunitárias de monitoria da água avisam-se umas às outras quando acontecem situações estranhas. Por exemplo, quando uma grande quantidade de peixe começou a morrer a jusante do rio, os líderes comunitários, a montante do rio, investigaram e descobriram que um cheiro químico estranho estava a vir da drenagem da mina. Os cientistas da universidade foram alertados e, rapidamente, enviaram recipientes para água, para poderem recolher amostras de água do rio para análise de substâncias tóxicas. A exploração mineira perigosa continua ao longo do Rio Abra. Mas o Movimento para Salvar o Rio Abra está a forçar a empresas mineiras a abandonarem as práticas mais perigosas e as comunidades estão a defender os seus direitos para terem um ambiente seguro e saudável.

15 A drenagem ácida das minas acontece quando a água e o ar se misturam com enxofre na profundidade do solo (sulfito) para criar ácidos que se dissolvem com os metais pesados e outros resíduos tóxicos das minas. Esta mistura tóxica corrói as rochas e entra no solo, na água subterrânea, nos rios e nos lagos. No princípio, pode haver poucos sinais de perigo, mas lentamente os venenos na água tornam as pessoas doentes, assim como as plantas, os peixes e os animais. A drenagem ácida das minas destrói a vida, a jusante de uma mina, durante centenas e mesmo milhares de anos. Qualquer mina pode criar drenagem ácida. Como é quase impossível pará-la depois de surgir, as A prevenção, a limpeza ou a contenção da drenagem ácida das minas é tão cara e difícil que mesmo nos países com forte legislação ambiental, milhares de quilómetros de rios são contaminados. Uma campanha contra a drenagem ácida das minas pode evitar este fenómeno, em primeiro lugar, que a mina abra. Sulfitos Identificar minas abandonadas e fazer com que sejam testadas por cientistas de confiança. Não deixar que a empresa mineira faça os testes e diga simplesmente os quais foram os resultados. Eles mentem frequentemente. Exigir que a empresa mineira disponibilize um relatório do Estudo de Impacto Ambiental que inclua a drenagem ácida das minas (ver página 560). Aprender como é que as minas podem ser monitorizadas e envolver a comunidade para garantir que elas são seguras (ver secção de Recursos). Insistir que a única forma segura de lidar com a drenagem ácida das minas é preveni-la em primeiro lugar.

16 Os produtos químicos usados na exploração mineira e no processamento dos minerais contaminam a água e o ar, causando problemas de saúde para os trabalhadores e para as pessoas que vivem perto das minas. Os químicos tóxicos usados nas minas incluem: Cianeto, ácido sulfúrico e solventes para separar os minerais do minério em bruto; Ácido azótico; Nitrato de amónio e fuelóleo ( ANFO ) usados para fazer explodir os túneis; Metais pesados como o mercúrio, o urânio e o chumbo; Gasolina, gasóleo e fumos dos tubos de escape de viaturas e equipamentos; Acetileno para soldar. Perigo: cianeto O cianeto é usado para separar o ouro do minério em bruto. No seu estado puro, o cianeto não tem cor e cheira a amêndoas amargas. Pode perder este cheiro quando é combinado com outros produtos químicos. Pode ser usado sob a forma de pó, líquido ou gás. O cianeto é mortal quando engolido. Uma quantidade do tamanho de um grão de arroz é suficiente para matar uma pessoa. A exposição a pequenas doses, ao longo do tempo, pode causar inchaço na garganta (bócio), o que também pode ser causado por malnutrição. O cianeto é muitas vezes derramado nos cursos de água, durante a extracção do ouro e quando os tanques cheios com resíduos das minas saem por fora e derramam. As empresas mineiras dizem que o cianeto na água se torna rapidamente inofensivo. Mas isto só é verdade quando há muita luz do sol e oxigénio. Mesmo assim, deixa atrás de si outros químicos perigosos. Se o cianeto é derramado no subsolo, ou se o tempo meteorológico estiver nublado ou chuvoso, o cianeto pode manter-se perigoso durante muito tempo, matando peixes e plantas ao longo dos rios e tornando a água pouco segura para beber e tomar banho. O cianeto é tão perigoso que foi banido em alguns países. O ácido sulfúrico é um químico tóxico usado na extracção do cobre. É também um subproduto de muitos tipos de exploração mineira, misturando-se com a água e os metais pesados para formar a drenagem ácida das minas. O ácido sulfúrico cheira a ovos podres. O contacto com ácido sulfúrico pode causar queimaduras, cegueira e morte.

17 Os produtos químicos usados nas minas podem salpicar para a pele e para as roupas, salpicar para os olhos ou ser respirados como fumos. Se alguém se magoar, obtenha ajuda médica, tão depressa quanto possível (para aprender mais sobre como tratar derrames químicos e queimaduras químicas enquanto espera por ajuda, ver Apêndice A). A melhor maneira de prevenir os danos causados por químicos tóxicos, incluindo metais pesados, é não os usar. Mas há sempre maneiras de prevenir e reduzir os danos, se as substâncias tóxicas ainda estiverem a ser usadas. Usar equipamento de protecção sempre que possível (ver Apêndice A). Lavar as mãos muitas vezes durante o dia. Não tocar na sua cara, fumar ou tocar noutras pessoas, quando trabalha com ou perto de substâncias tóxicas, a não ser que lave as mãos primeiro. Exigir que os operadores mineiros reduzam a poeira e a poluição da água. Nunca comer no lugar onde os produtos químicos estão a ser usados, misturados ou guardados. Guardar os produtos químicos com segurança. Muitos produtos químicos podem causar incêndios e explosões ou emitir gases tóxicos. O armazenamento seguro de produtos químicos pode ajudar a prevenir acidentes e a reduzir os danos no local das minas. Guarde os produtos químicos: Longe de explosivos, fontes eléctricas, todos os pontos de água e viaturas a motor; Longe do lugar onde as pessoas comem; Em recipientes que estejam claramente identificados. Se você mudar os produtos químicos de um recipiente para outro, ponha uma etiqueta no novo recipiente. ponha produtos químicos em recipientes usados para comida ou bebidas alguém pode acidentalmente comer ou beber o produto químico. Depois de o recipiente do químico estar vazio, nunca deve ser usado para comida ou bebidas, mesmo se você o lavar. Em armários fortes, fechados à chave e criados e identificados especialmente para guardar produtos químicos. Armário de produtos químicos

18 Os metais pesados, como por exemplo o arsénico, o mercúrio, o cádmio, o urânio e o chumbo, são perigosos para as pessoas, mesmo em quantidades pequenas (ver página 337). Como muitos metais são encontrados juntos nas minas, muitas vezes é difícil saber qual o metal que pode estar a causar problemas de saúde. Se você sabe quais os metais que é provável serem encontrados na sua área e os efeitos de saúde desses metais, isso vai ajudá-lo a saber se você está envenenado por um metal pesado. Alguns mineiros exigem testes por parte do operador mineiro, para saberem quais os metais pesados a que estão expostos, e exigem formação sobre as formas de reduzir os danos. O é extraído por si próprio e também é usado para separar o ouro do minério em bruto. O é muitas vezes encontrado com o cobre, a prata e o zinco. O é encontrado com a prata e o zinco. O é muitas vezes encontrado com o ouro, o cobre e o zinco. O é encontrado com a prata, o cobre e o zinco. Se você está exposto a metais pesados dia após dia, os medicamentos não vão parar o envenenamento. A única maneira de fazer parar o envenenamento, é a pessoa deixar de estar exposta ao veneno. Se você estiver envenenado por metais pesados, é provável que outras pessoas da sua comunidade também estejam. Os seus problemas de saúde parecem ser causados por mercúrio. Você trabalha numa fábrica ou mina? Não. Mas o meu marido trabalha.

19 Quando os mineiros artesanais processam minério de prata ou ouro, muitas vezes misturam o minério com mercúrio para criar uma substância macia chamada amálgama. Quando queimado para recolher o ouro, o mercúrio transforma-se num gás que pode ser inalado (respirado) por qualquer pessoa por perto. O mercúrio também se pode transformar num gás, se for derramado, ou deixado num recipiente aberto. Inalar fumos de mercúrio é muito perigoso. O mercúrio também é perigoso se for absorvido pela pele ou comido, se passar das mãos de alguém para a comida (ver página 338). Alguns sintomas de envenenamento por mercúrio são fáceis de confundir com a malária. Se você vive numa comunidade mineira que extrai ouro e os medicamentos da malária não parecem funcionar, deve falar com um trabalhador de saúde sobre a possibilidade de envenenamento por mercúrio. O mercúrio envenena o meio ambiente entrando na água e no solo, onde pode permanecer durante muitos anos. Lagos e rios na Califórnia, EUA, ainda estão envenenados com mercúrio proveniente das minas de ouro há mais de 100 atrás (para aprender mais sobre envenenamento por mercúrio na água e no peixe, ver página 339). O mercúrio envenena - nos a nós e às crianças. Não podemos deixar de o usar? Mas esta é a única maneira de recuperar o ouro. Há uma maneira de tapar a panela e recuperar o mercúrio para ser usado outra vez. Isso seria mais seguro e poupavanos dinheiro.

20 Os mineiros artesanais de ouro (ou prata) podem prevenir o envenenamento por mercúrio usando uma. Uma retorta para mercúrio captura o mercúrio sob a forma de gás antes de ele entrar no ar. Isto impede que os mineiros e outras pessoas respirem o veneno e permite que os mineiros poupem dinheiro reutilizando o mercúrio, em vez de este se perder no ar. Separe sempre o ouro do mercúrio ao ar livre, ou numa área bem ventilada. Isto vai reduzir a quantidade de fumos de mercúrio que se acumulam sobre e dentro dos corpos das pessoas que estiverem por perto. Use luvas grossas quando manusear o mercúrio. Alguns mineiros põem simplesmente uma folha de bananeira sobre a panela que aquece o ouro para capturar o mercúrio. Quando aquecido, o mercúrio transforma-se num gás, e volta depois a ficar líquido em contacto com a folha. Tapar a panela com uma folha é muito melhor do que deixá-la destapada. Mas isto não impede que o mercúrio envenene o trabalhador e o meio ambiente e o mercúrio não é recuperado. Uma solução melhor é usar uma retorta fechada. Há muitos tipos de retortas para mercúrio. Todas elas requerem a presença de uma fonte de calor forte directo. Um maçarico ou um fogo com um fole de ar ou ventoinha vai ajudar a recuperar todo o ouro, o mais rapidamente possível.

Tratar danos causados por produtos químicos; Tratar queimaduras; Estado de choque; Respiração de socorro (respiração boca-a-boca).

Tratar danos causados por produtos químicos; Tratar queimaduras; Estado de choque; Respiração de socorro (respiração boca-a-boca). Quando se trabalha ou se está exposto a substâncias perigosas no local de trabalho, na comunidade ou em casa, é importante estar tão seguro quanto possível e estar preparado para acidentes. Esta secção

Leia mais

O desastre com gás tóxico em Bhopal... 36 A luta pelos direitos e pela justiça... 37 Como é que as substâncias tóxicas entram nos nossos corpos...

O desastre com gás tóxico em Bhopal... 36 A luta pelos direitos e pela justiça... 37 Como é que as substâncias tóxicas entram nos nossos corpos... O desastre com gás tóxico em Bhopal.................................... 36 A luta pelos direitos e pela justiça........................................ 37 Como é que as substâncias tóxicas entram nos nossos

Leia mais

Produtos químicos PERIGOSOS

Produtos químicos PERIGOSOS Produtos químicos PERIGOSOS Como podemos identificar os produtos químicos perigosos? Os produtos químicos estão presentes em todo o lado, quer em nossas casas, quer nos locais de trabalho. Mesmo em nossas

Leia mais

MÓDULO VIII ACIDENTES COM PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS

MÓDULO VIII ACIDENTES COM PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS Acidentes com Programa de formação sobre a aplicação de MÓDULO VIII ACIDENTES COM PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS Acidentes com Os são seguros se forem utilizados com cuidado, de acordo com todas as indicações

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ )

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ ) 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Anti Ruído Tradicional Aplicação: Reparação e emborrachamento de veículos. Fornecedor: Nome: Mastiflex Indústria e Comércio Ltda Endereço : Rua

Leia mais

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau 1 Lembre-se de três coisas Não tocar Isole a pessoa doente Ligue para a linha de apoio 2 Se pensa que alguém

Leia mais

Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR?

Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR? Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR? O NÚMERO DE PESSOAS AFETADAS POR DOENÇAS RESPIRATÓRIAS EVITÁVEIS NÃO PÁRA DE AUMENTAR. AS CRIANÇAS E OS MAIS VELHOS SÃO OS MAIS ATINGIDOS. SÃO DOENÇAS

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA PROMINOL P 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Data de emissão: 13 / 03 / 08 Nome do produto: Uso do produto: PROMINOL P Adubo Empresa responsável pela comercialização:

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA PROMI FERTIL Especial Hortícolas 18-8-6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Data de emissão: 13 / 03 / 08 Nome do produto: Promi-Fertil Especial Hortícolas 18-8-6 Uso do

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA BIOESTIM K 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Data de emissão: 13 / 03 / 08 Nome do produto: Uso do produto: BIOESTIM K Adubo Empresa responsável pela comercialização:

Leia mais

Estudo de Impacto Ambiental

Estudo de Impacto Ambiental Leis Os direitos humanos, e às vezes os direitos ambientais (o direito a ter um ambiente seguro e saudável), são protegidos pelas leis de muitos países. Este livro inclui muitas histórias sobre como é

Leia mais

PRIMEIRO A SEGURANÇA. Armazenamento e Manuseamento Seguro de Produtos de Limpeza e de Desinfecção. Seguir as Regras de Segurança:

PRIMEIRO A SEGURANÇA. Armazenamento e Manuseamento Seguro de Produtos de Limpeza e de Desinfecção. Seguir as Regras de Segurança: Seguir as Regras de Segurança: 1. Seguir sempre as recomendações e instruções de aplicação dos produtos de limpeza e de desinfecção. 2. Observar os pictogramas de perigo, as advertências de perigo e as

Leia mais

Perigos para a saúde em Manicures

Perigos para a saúde em Manicures Perigos para a saúde em Manicures Produtos utilizados em salões de unha podem conter substâncias químicas que podem afetar a saúde do trabalhador. Usando esses produtos pode expor os trabalhadores a produtos

Leia mais

FICHA DE SEGURANÇA 2001/58/CE Data de revisão: 08/04/2014 Pág. 1 de 6

FICHA DE SEGURANÇA 2001/58/CE Data de revisão: 08/04/2014 Pág. 1 de 6 FICHA DE SEGURANÇA 2001/58/CE Data de revisão: 08/04/2014 Pág. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1.1 Descrição do artigo: Limpa Churrasqueiras HUJE 1.2 Utilizações previstas: Limpeza de Gorduras

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO Página: 1 de 5 FISPQ Nº: 037 Data da última revisão: 26/10/2010 Nome do Produto: Betugrout 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Betugrout Código do Produto: 026050025. Nome da Empresa:

Leia mais

HI 701-25 Reagente para Cloro Livre

HI 701-25 Reagente para Cloro Livre Data de revisão: 2013-07-15 Motivo da Revisão: Conformidade com o Regulamento (CE) No. 1272/2008 SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO DA SUBSTÂNCIA/MISTURA E DA SOCIEDADE/EMPRESA HI 701-25 Identificador do produto:

Leia mais

Conselhos para Colaboradores e Parceiros da Securitas Portugal securitas.pt

Conselhos para Colaboradores e Parceiros da Securitas Portugal securitas.pt Security, Health and Safety Conselhos para Colaboradores e Parceiros da Securitas Portugal securitas.pt O Regulamento (CE) 1272/2008 CLP (classificação, rotulagem e embalagem) harmoniza a legislação comunitária

Leia mais

Bem-Vindo a um Mundo de Processos de Ventilação Inteligentes

Bem-Vindo a um Mundo de Processos de Ventilação Inteligentes Bem-Vindo a um Mundo de Processos de Ventilação Inteligentes A PlymoVent oferece-lhe o seguinte: Poupanças Instalaçao da: Poupança de energia; Poupança de dinheiro; Melhoria na saúde dos colaboradores;

Leia mais

Hoje vamos falar de... ENERGIA

Hoje vamos falar de... ENERGIA Hoje vamos falar de... ENERGIA A ENERGIA ESTÁ EM TODO O LADO. OS CARROS ANDAM COM A ENERGIA ARMAZENADA NA GASOLINA MUITOS BRINQUEDOS SÃO MOVIDOS COM A ENERGIA ARMAZENADA NAS PILHAS. OS BARCOS À VELA SÃO

Leia mais

Lista das frases de risco e de segurança

Lista das frases de risco e de segurança Lista das frases de risco e de segurança FRASES DE RISCO R1 : Explosivo no estado seco. R2 : Risco de explosão por choque, fricção, fogo ou outras fontes de ignição. R3 : Grande risco de explosão por choque,

Leia mais

1. Promover a saúde ambiental comunitária... 1. 2. Compreender e mobilizar para a saúde comunitária... 11

1. Promover a saúde ambiental comunitária... 1. 2. Compreender e mobilizar para a saúde comunitária... 11 1. Promover a saúde ambiental comunitária.......................... 1 Promotores de saúde param a cólera.... 2 Trabalhar em conjunto para a mudança. 3 O que é que tornou esta organização de saúde tão bem-sucedida?.........

Leia mais

RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS

RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS Os incêndios florestais e urbanos para além das consequências económicas e ambientais, representam riscos para a saúde das populações decorrentes

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ PRODUTO: BATERIA MOURA 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Nome da Empresa: Endereço: Bateria Moura Acumuladores Moura

Leia mais

QUEIMADURAS. Calor Electricidade Produtos químicos Radiações Fricção

QUEIMADURAS. Calor Electricidade Produtos químicos Radiações Fricção QUEIMADURAS Calor Electricidade Produtos químicos Radiações Fricção GRAVIDADE DAS QUEIMADURAS DEPENDE: Zona atingida pela queimadura Extensão da pele queimada Profundidade da queimadura: - 1ºGRAU - 2ºGRAU

Leia mais

Desigualdades: causa e efeito dos problemas de saúde ambiental... 22 O controlo das empresas é mau para a nossa saúde... 24 Criar instituições

Desigualdades: causa e efeito dos problemas de saúde ambiental... 22 O controlo das empresas é mau para a nossa saúde... 24 Criar instituições Desigualdades: causa e efeito dos problemas de saúde ambiental......... 22 O controlo das empresas é mau para a nossa saúde...................... 24 Criar instituições comunitárias...........................................

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA PROMI-FERTIL 20-20-20 + 0,5 MgO + Micros 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Data de emissão: 13 / 03 / 08 Nome do produto: Uso do produto: PROMI-FERTIL 20-20-20+ 0,5 MgO

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água.

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água. RELATÓRIO TÉCNICO I - DADOS GERAIS: Nome do Produto: ÁCIDO MURIÁTICO Composição: Água e Ácido Clorídrico Estado Físico: Líquido Cuidados para conservação: Conservar o produto na embalagem original. Proteger

Leia mais

As trabalham directamente com as questões de saúde ambiental e podem disponibilizar formação, materiais e outros tipos de apoio.

As trabalham directamente com as questões de saúde ambiental e podem disponibilizar formação, materiais e outros tipos de apoio. Apresentamos aqui uma selecção de organizações, materiais impressos e recursos da internet que podem fornecer alguma informação útil sobre saúde ambiental. Listámos as organizações e os materiais que são

Leia mais

Página 1 de 6 FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ

Página 1 de 6 FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Página 1 de 6 1. Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: Ortolan Sep 791 - Nome da empresa: MC-Bauchemie Brasil Indústria e Comércio Ltda - Endereço: Rua Henry Martin, 235 Vargem Grande

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA Produto: NITROQUISA 20,5 Pág. 1 de 6 1. Designação de substância/preparação e empresa NITROQUISA 20,5 Adubo granulado Empresa: Agroquisa Agroquímicos, S.A. Rua dos Navegantes, 48-53 1200-732 LISBOA Tel:

Leia mais

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização.

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. O Vírus Zika O vírus Zika é transmitido por mosquitos de

Leia mais

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME COMERCIAL Thinner 2750 NOME DO FABRICANTE ANJO QUIMICA DO BRASIL LTDA Rodovia SC, 447 Km 02 Criciúma Santa Catarina CEP: 88.817-440

Leia mais

Segurança e Higiene no Trabalho. Volume XIII Trabalho em Espaços Confinados. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção

Segurança e Higiene no Trabalho. Volume XIII Trabalho em Espaços Confinados. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção Guia Técnico Segurança e Higiene no Trabalho Volume XIII Trabalho em Espaços Confinados um Guia Técnico de Copyright, todos os direitos reservados. Este Guia Técnico não pode ser reproduzido ou distribuído

Leia mais

Pode causar irritação na mucosa e dores abdominais. Não são conhecidos casos de irritação nas vias respiratórias.

Pode causar irritação na mucosa e dores abdominais. Não são conhecidos casos de irritação nas vias respiratórias. Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ FISPQ nº 032 Página 1 / 5 Data da última revisão 08/05/2008 1 Identificação do produto e da empresa Nome do produto: Tinta P.V.A.para Artesanato

Leia mais

MÓDULO IV SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS

MÓDULO IV SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS Programa de formação sobre a aplicação de MÓDULO IV SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE PRODUTOS FITOFARMACÊUTICOS TEMA 1 ASPECTOS TOXICOLÓGICOS DA APLICAÇÃO DE PRODUTOS FITOFARMACÊTICOS TENDO EM CONSIDERAÇÃO A

Leia mais

ACTIVIDADES ESCOLA Actividades que a SUA ESCOLA pode fazer

ACTIVIDADES ESCOLA Actividades que a SUA ESCOLA pode fazer ACTIVIDADES ESCOLA Actividades que a SUA ESCOLA pode fazer Crianças e jovens numa visita de estudo, Moçambique 2008 Produzir materiais informativos sobre cada um dos temas e distribuir em toda a escola

Leia mais

Tópicos. Introdução Avaliação/gestão de riscos Normas de segurança Boas práticas laboratoriais (case study) Conclusões

Tópicos. Introdução Avaliação/gestão de riscos Normas de segurança Boas práticas laboratoriais (case study) Conclusões Boas Práticasde Trabalhoem Laboratório Olga Conde Moreira Seminário no âmbito do Projeto AGROPECUÁRIA, TECNOLOGIA ALIMENTAR E AMBIENTE APRENDER CIÊNCIA HANDS-ON Programa Ciência Viva 12 de Março de 2014

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUIMICO

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUIMICO SEÇÃO I Identificação do Produto Químico e da Empresa Nome do Produto: ISOPLUS COMPONENTE B Nome da Empresa: CITIMAT MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA. RUA COMENDADOR SOUZA 72/82 AGUA BRANCA SÃO PAULO SP CEP:

Leia mais

Mobilizar para a saúde ambiental... 12 A mudança leva tempo... 13 Actividades para aprender e mobilizar... 14 As mulheres precisam de uma voz...

Mobilizar para a saúde ambiental... 12 A mudança leva tempo... 13 Actividades para aprender e mobilizar... 14 As mulheres precisam de uma voz... Mobilizar para a saúde ambiental........................... 12 A mudança leva tempo................................... 13 Actividades para aprender e mobilizar........................ 14 As mulheres precisam

Leia mais

PROGRAMAS DE PRODUCT STEWARDSHIP DE ISOPA. Walk the Talk UTILIZADORES DE TDI. 1 Version09/06

PROGRAMAS DE PRODUCT STEWARDSHIP DE ISOPA. Walk the Talk UTILIZADORES DE TDI. 1 Version09/06 PROGRAMAS DE PRODUCT STEWARDSHIP DE ISOPA Walk the Talk UTILIZADORES DE TDI 1 Version09/06 2 Walk the Talk - Utilizadores de TDI Conteúdo Informação essencial Boas práticas Quando alguma coisa sai mal...

Leia mais

FISPQ Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico FOSFATO DE ZINCO SOLUÇÃO

FISPQ Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico FOSFATO DE ZINCO SOLUÇÃO Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Nome da Empresa/Fornecedor: Resimapi Produtos Químicos Ltda. Endereço: Av. Osaka, 800 Arujá São Paulo Telefone da Empresa: (xx11)

Leia mais

Ingredientes que contribuam para o perigo: Nome químico ou genérico N CAS % Classificação e rotulagem

Ingredientes que contribuam para o perigo: Nome químico ou genérico N CAS % Classificação e rotulagem FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Nome do produto: DENINPLUS 400-N Página 1 de 5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto: DENINPLUS 400-N Nome da Empresa: INDÚSTRIA

Leia mais

GRIPE A (H1N1) v Medidas de Prevenção e Controlo em Meio Escolar

GRIPE A (H1N1) v Medidas de Prevenção e Controlo em Meio Escolar GRIPE A (H1N1) v Medidas de Prevenção e Controlo em Meio Escolar Informação para Professores Agosto de 2009 Direcção-Geral da Saúde (www.dgs.pt) Direcção de Serviços de Promoção e Protecção da Saúde Gripe

Leia mais

Desportistas. Recomendações para Ondas de Calor. Saúde e Desenolvimento Humano

Desportistas. Recomendações para Ondas de Calor. Saúde e Desenolvimento Humano A prática regular e moderada da actividade física pode trazer benefícios substanciais para a saúde da população, como seja reduzir para metade o risco de doenças coronárias, baixar o risco de desenvolver

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRECOR CIMENFLEX Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos Campos - SP e-mail:

Leia mais

RISCOS E SEGURANÇA FRASES R NATUREZA DOS RISCOS ESPECÍFICOS ATRIBUÍDOS ÀS SUBSTÂNCIAS E PREPARAÇÕES PERIGOSAS

RISCOS E SEGURANÇA FRASES R NATUREZA DOS RISCOS ESPECÍFICOS ATRIBUÍDOS ÀS SUBSTÂNCIAS E PREPARAÇÕES PERIGOSAS RISCOS E SEGURANÇA FRASES R NATUREZA DOS RISCOS ESPECÍFICOS ATRIBUÍDOS ÀS SUBSTÂNCIAS E PREPARAÇÕES PERIGOSAS R1 R2 Explosivo no estado seco. Risco de explosão por choque, fricção, fogo ou outras fontes

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Nome do Produto: Reticulina Código: EP-12-20021 RETICULINA Seção 1: Identificação do Produto e da Empresa Erviegas Ltda R. Lacedemônia, 268 - São Paulo

Leia mais

SENADO FEDERAL EVITE O CIGARRO SENADOR CLÉSIO ANDRADE

SENADO FEDERAL EVITE O CIGARRO SENADOR CLÉSIO ANDRADE SENADO FEDERAL EVITE O CIGARRO SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Evite o cigarro apresentação Depois que foi identificado como problema de saúde pública, o cigarro tem sido combatido em campanhas de comunicação,

Leia mais

6. O que indica este sinal? a) um perigo possível b) uma via de evacuação c) material de combate ao fogo d) direcção das casas de banho

6. O que indica este sinal? a) um perigo possível b) uma via de evacuação c) material de combate ao fogo d) direcção das casas de banho 1. Uma autorização de trabalho é um documento: a) que tem de promover a concertação entre todos os que tenham a ver com o trabalho. b) em que vêm estipuladas as condições relativas à maneira de trabalhar

Leia mais

NOME DO PRODUTO: MEGA PODIUM Revisão 01 FISPQ Nº 00030 Página 1de 5

NOME DO PRODUTO: MEGA PODIUM Revisão 01 FISPQ Nº 00030 Página 1de 5 FISPQ Nº 00030 Página 1de 5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO: MEGA PODIUM NOME COMERCIAL MEGA PODIUM (COLA UNIVERSAL) NOME DO FABRICANTE JN COM E IND DE PROD QUIMICOS LTDA RUA A

Leia mais

FICHA DE SEGURANÇA PROFERTIL ÍNDICE 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 - COMPOSIÇÃO / INFORMAÇÃO SOBRE OS COMPONENTES

FICHA DE SEGURANÇA PROFERTIL ÍNDICE 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 - COMPOSIÇÃO / INFORMAÇÃO SOBRE OS COMPONENTES PÁGINA: 1/6 ÍNDICE 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 - COMPOSIÇÃO / INFORMAÇÃO SOBRE OS COMPONENTES 3 - IDENTIFICAÇÃO DOS PERIGOS 4 - PRIMEIROS SOCORROS 5 - MEDIDAS DE COMBATE A INCÊNDIO 6 -

Leia mais

NORMAS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO

NORMAS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO NORMAS DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIO 1. INTRODUÇÃO Toda e qualquer atividade prática a ser desenvolvida dentro de um laboratório apresentam riscos e estão propensas a acidentes. Devemos então utilizar normas

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS Página: 1/10 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome comercial: ITA Anti Espumante. Nome químico do principal componente: Cola Coqueiro Granulada. Código interno de identificação do produto: ITA1228.

Leia mais

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS FÉRIAS ESCOLARES X ACIDENTES DOMÉSTICOS As férias escolares exigem mais cuidados com os acidentes domésticos porque as crianças ficam mais tempo em casa e isso aumenta o risco de ocorrerem acidentes que

Leia mais

Indústria e Comércio de Produtos Químicos

Indústria e Comércio de Produtos Químicos FICHA DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUIMICOS 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO: Nome do Produto: Ácido Fosfórico Nome Químico: Ácido Fosfórico ou Ácido Ortofosfórico Sinônimo: Hidrogeno Fosfato Fórmula Química: H

Leia mais

Importância do ar para os seres vivos

Importância do ar para os seres vivos Importância do ar para os seres vivos A ATMOSFERA A atmosfera éconstituída por várias camadas. Cada camada tem características próprias: TROPOSFERA: Éa camada mais próxima da terra. Éconstituída por uma

Leia mais

Designação do Produto

Designação do Produto PÁGINA: 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO Ref.ª HSEL120 Designação do Produto Fresh LV Aplicação O FRESH LV é um limpa vidros multiusos recomendado, para limpeza de vidros, ceramica, fórmica, melamina,

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos (MSDS)

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos (MSDS) Página: 1/5 1 - Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: TEMED (N,N,N,N -Tetramethylenediamine) - Código de identificação do produto: 161-0800N - Nome da Empresa: BioAgency Biotecnologia

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Código do produto: PSL97 Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Código do produto: Aplicação: Fornecedor: PSL97 Telefone de emergência: (19) 2103-6000 REMOVEDOR DE TINTA CURADA PPG INDUSTRIAL

Leia mais

A água. Alexandra Daniela

A água. Alexandra Daniela A água Novembro de 2007 Alexandra Daniela Luciana 12 1 Essa água poluída pode matar peixes e outros animais que a bebem e provocar doenças nas pessoas. Também faz com que as reservas de água potável (que

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FIS 00001 1/6 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Empresa: Endereço: Água sanitária Super Cândida Indústrias Anhembi S/A Matriz: Rua André Rovai, 481 Centro Osasco SP Telefone: Matriz:

Leia mais

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome: VOTOMASSA CHAPISCO CONCRETO Empresa: VOTORANTIM CIMENTOS LTDA. Endereço: Rodovia PR092, 1303 Cidade: Curitiba Estado: PR Telefone: 0800 701 98 98 Telefone

Leia mais

PRIMER MASTER UNIVERSAL

PRIMER MASTER UNIVERSAL FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS PRIMER MASTER UNIVERSAL 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome Técnico e Comercial Nome Técnico e Comercial: Primer Anticorrosivo Master

Leia mais

ROBERT BOSCH LIMITADA

ROBERT BOSCH LIMITADA F0LHA...: 1 de 5 1 _ Identificação do Produto e Fabricante Nome do Produto: Acumulador elétrico de energia Nome do Fabricante sob licença da Robert Bosch Ltda.: Enertec do Brasil Ltda. Endereço: Av. Independência,

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA SIPFOL MAX

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA SIPFOL MAX FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA SIPFOL MAX 1. IDENTIFICAÇÃO DA PREPARAÇÃO E DA EMPRESA Nome do produto: Identificação: Tipo de formulação: Utilização: SIPFOL MAX Aminoácidos, magnésio e oligoelementos Concentrado

Leia mais

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO 1/8 O inverno chegou e junto com ele maiores problemas com as doenças respiratórias entre outras Isso não ocorre por acaso já que pé nesta estação onde

Leia mais

FISPQ (FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS.) DETERGENTE EUCALIPTO GEL 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA:

FISPQ (FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS.) DETERGENTE EUCALIPTO GEL 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: 1.1 Nome Comercial: Detergente Eucalipto Gel Maranso 1.2 Código de Venda:004 1.3 Nome do Fabricante: QOB MATERIAIS DOMISSANEANTES LTDA EPP Rua Ministro Joaquim

Leia mais

QUALIDADE DO AR INTERIOR

QUALIDADE DO AR INTERIOR QUALIDADE DO AR INTERIOR POR DIA OS NOSSOS PULMÕES FILTRAM CERCA DE 13. 000 LITROS DE AR! A POLUIÇÃO EM AMBIENTES FECHADOS É UMA DAS PRINCIPAIS CAUSAS DE DOENÇAS RESPIRATÓRIAS A maior parte das nossas

Leia mais

FISPQ - Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico

FISPQ - Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico FISPQ - Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: FUNDO PREPARADOR BASE ÁGUA PREMIUM NOVOTOM Código interno: Empresa: FLEXOTOM INDÚSTRIA

Leia mais

Segurança e Higiene no Trabalho. Volume VI Riscos Químicos Parte 1. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção

Segurança e Higiene no Trabalho. Volume VI Riscos Químicos Parte 1. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção Guia Técnico Segurança e Higiene no Trabalho Volume VI Riscos Químicos Parte 1 um Guia Técnico de Março de 2008 Copyright, todos os direitos reservados. Este Guia Técnico não pode ser reproduzido ou distribuído

Leia mais

Os 10 lugares mais poluídos do planeta

Os 10 lugares mais poluídos do planeta Os 10 lugares mais poluídos do planeta O ranking da ONG ambiental Blacksmith Institute tem 300 cidades, mas o Top 10 é mesmo de assustar. Conheça o mapa da morte: SUMGAYIT, Azerbaijão População potencialmente

Leia mais

Poluição nas grandes Cidades

Poluição nas grandes Cidades Poluição nas grandes Cidades Para quem mora na cidade, falar de poluição não é nenhuma novidade: a fumaceira dos veículos e das fábricas; os rios mal cheirosos e cheios de resíduos; o lixo posto nas ruas

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos FORTEX Ficha de Segurança Nome do Produto: MASSA PVA FORTEX Data de Revisão: 15/08/2013 Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto:

Leia mais

Sistema de Gestão da Qualidade: NBR ISO 9001 Ficha de Segurança de Produto: LAB TIN 3104

Sistema de Gestão da Qualidade: NBR ISO 9001 Ficha de Segurança de Produto: LAB TIN 3104 Código: FSP-261 Revisão: 1 Página: 1/5 1 Informação do produto e da empresa Nome do produto: LAB TIN 3104 Nome da empresa: Lab Analítica e Ambiental Ltda. Endereço: Rodovia Geraldo Scavone, 2300 Condomínio

Leia mais

OS EFEITOS DO PÓ NOS PULMÕES

OS EFEITOS DO PÓ NOS PULMÕES OS EFEITOS DO PÓ NOS PULMÕES Introdução É possível que o nível de doenças ocupacionais provocadas pelo pó se encontre em declínio, embora isso não signifique que esteja desaparecendo. Na atualidade, os

Leia mais

FICHA DE SEGURANÇA HIPOCLORITO DE SÓDIO

FICHA DE SEGURANÇA HIPOCLORITO DE SÓDIO Pag.1/8 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1.1 Identificação da substância: Nome do Produto: Hipoclorito de Sódio (Cloro activo: 12 15%) 1.2 Utilização da substância Principais aplicações: Tratamento

Leia mais

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor MINISTÉRIO DA SAÚDE ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SAÚDE DO ALGARVE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor Durante os meses de Verão as temperaturas podem

Leia mais

Perguntas e respostas sobre o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil. Em 2005, a tónica será o trabalho infantil em minas e pedreiras

Perguntas e respostas sobre o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil. Em 2005, a tónica será o trabalho infantil em minas e pedreiras Perguntas e respostas sobre o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil Em 2005, a tónica será o trabalho infantil em minas e pedreiras O que é o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil? Há três anos, a Organização

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ PRODUTO: CARBONATO DE SÓDIO 1/6 1. IDENTIFICACÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Empresa: Endereço: Telefone de emergência: e-mail: CARBONATO DE SÓDIO Sasil Comercial e Industrial de Petroquímicos

Leia mais

Cuidados de Segurança no Manuseio de Asfaltos

Cuidados de Segurança no Manuseio de Asfaltos Cuidados de Segurança no Manuseio de Asfaltos 20/Out/2015 O começo de tudo... A evolução... A modernidade... A modernidade... Segurança no manuseio Característica do produtos químicos; Potencial de risco;

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA 1. Identificação da substância/preparação e da sociedade / empresa Identificação da substância / preparação Nome comercial: LUSO EXTRUDER Código do produto: TPVE 301 Utilização da substância / da preparação:

Leia mais

FICHA DE SEGURANÇA HARMAN Toner Selênio

FICHA DE SEGURANÇA HARMAN Toner Selênio FICHA DE SEGURANÇA 1 IDENTIFICAÇÃO DA SUBSTÂNCIA/PREPARAÇÃO E DA SOCIEDADE/EMPRESA NOME DO PRODUTO NÚM. DE PRODUTO 1143207 IDENTIFICAÇÃO INTERNA 10477 APLICAÇÃO Toner para papel da foto em preto e branco

Leia mais

Prevenir a erosão... 200 História: Trabalhadores de ONG aprendem sobre a erosão com os camponeses... 201 Restaurar a terra estragada...

Prevenir a erosão... 200 História: Trabalhadores de ONG aprendem sobre a erosão com os camponeses... 201 Restaurar a terra estragada... Prevenir a erosão..................................................... 200 História: Trabalhadores de ONG aprendem sobre a erosão com os camponeses............................................... 201 Restaurar

Leia mais

Frio» Recomendações gerais

Frio» Recomendações gerais No domicílio Antes do Inverno, verifique os equipamentos de aquecimento da sua casa; Se tiver lareira mande limpar a chaminé, se necessário; Mantenha a casa arejada, abrindo um pouco a janela/porta para

Leia mais

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO Página 1 de 6 FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO Em conformidade com NBR 14725-4/2012 FISPQ n : 223/14 Data: 01/09/14 Revisão: 0 Data Rev.: 01/09/14 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO

Leia mais

As causas das doenças

As causas das doenças CAPÍTULO 2 As causas das doenças As pessoas têm maneiras diferentes de explicar a causa duma doença. Um bebé está com diarreia. Mas porquê? Em certas comunidades, talve digam que isso aconteceu porque

Leia mais

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO %

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO % 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRELATÉX Tinta acrílica base d agua. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos

Leia mais

Como funcionam as bacias hidrográficas... 156 O ciclo da água... 156 Como é que as bacias hidrográficas protegem a água e o solo...

Como funcionam as bacias hidrográficas... 156 O ciclo da água... 156 Como é que as bacias hidrográficas protegem a água e o solo... Como funcionam as bacias hidrográficas............................... 156 O ciclo da água.......................................................... 156 Como é que as bacias hidrográficas protegem a água

Leia mais

::Seu João o Senhor sabe o que é o meio ambiente?

::Seu João o Senhor sabe o que é o meio ambiente? O Meio Ambiente ::Seu João o Senhor sabe o que é o meio ambiente? Seu João: Não sei não! Mas quero que você me diga direitinho pra eu aprender e ensinar todo mundo lá no povoado onde eu moro. : Seu João,

Leia mais

1 Boas Práticas de Utilização 1.1 Normas de Qualidade Higiene e Ambiente - Água

1 Boas Práticas de Utilização 1.1 Normas de Qualidade Higiene e Ambiente - Água 2 Conteúdos 1 Boas Práticas de Utilização... 1.1 Normas de Qualidade Higiene e Ambiente - Água... 1.2 Normas de Segurança... 1.3 Recomendações de Ergonomia... 1.4 Normas de Utilização... 2 Resolução de

Leia mais

TINTA MASTER EPÓXI BICOMPONENTE

TINTA MASTER EPÓXI BICOMPONENTE FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS TINTA MASTER EPÓXI BICOMPONENTE 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome Técnico e Comercial Tinta Master Epóxi Bicomponente RM-6000

Leia mais

Substâncias perigosas: Esteja atento, avalie e proteja

Substâncias perigosas: Esteja atento, avalie e proteja Substâncias perigosas: Esteja atento, avalie e proteja Sector da Reparação Automóvel www.campanhaquimicos.eu Avaliação de riscos na utilização de substâncias perigosas Campanha Europeia CARIT Comité dos

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO. Amarelado. Característico ph 10,00 11,50 g/cm3 ( 20ºC )

RELATÓRIO TÉCNICO. Amarelado. Característico ph 10,00 11,50 g/cm3 ( 20ºC ) RELATÓRIO TÉCNICO I - DADOS GERAIS: Nome do Produto: ÁGUA SANITÁRIA Estado Físico: Líquido Cuidados para conservação: Conservar o produto na embalagem original. Proteger do sol, do calor e da umidade.

Leia mais

Primeiros Socorros Volume III

Primeiros Socorros Volume III Manual Primeiros Socorros Volume III um Manual de Agosto de 2008 Rua Braancamp, 52-4º 1250-051 Lisboa Tel. 212476500 geral@oportalsaude.com Copyright, todos os direitos reservados. Este Manualnão pode

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome Comercial do produto: CJI URETANO AR ENDURECEDOR Nome da empresa: Endereço: Rua Hermínio Poltroniere,

Leia mais