Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Maio de Oportunidades ICT s (85)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Maio de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667"

Transcrição

1 Oportunidades ICT s (85)

2 PRÊMIO NACIONAL DE INOVAÇÃO NA INDÚSTRIA CNI/MBC INSCRIÇÕES: até 13 de maio. OBJETIVO: reconhecer as empresas industriais que contribuíram para o aumento da competitividade do país através da utilização de sistemas e técnicas voltados para o aprimoramento da gestão da inovação. PÚBLICO-ALVO/MODALIDADE: Média e Grande Indústria; Micro e Pequena Indústria. CATEGORIAS: Gestão da Inovação; Competitividade; Design; Desenvolvimento Social. PRÊMIOS: O primeiro colocado de cada categoria e modalidade receberá troféu. O vencedor da categoria Gestão da Inovação, na modalidade Micro e Pequena Empresa, terá recurso financeiro, pré-aprovado, por meio da apresentação de um projeto ao Edital SENAI-SESI de Inovação, no ano seguinte, no montante de R$ ,00; na modalidade Média e Grande empresas o recurso pé-aprovado será no montante de R$ ,00. Já para o vencedor de cada categoria Competitividade, Design e Desenvolvimento Sustentável receberá uma inscrição para participar de um curso de Educação Executiva, com escola de negócios reconhecida internacionalmente, oferecido pelo Sistema Indústria. MAIS INFORMAÇÕES:

3 CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO DE PESQUISAS CIENTÍFICA (PAPES) BNDES/FEP Nº 01/2011 FEP MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL FUNDO DE ESTRUTURAÇÃO DE PROJETOS (FEP) INSCRIÇÕES: até 13 de maio. OBJETIVO: financiar a elaboração de até 3 pesquisas, tanto qualitativas quanto quantitativas, que analisem a adesão de trabalhos informais como Empreendedores Individuais no primeiro ano do MEI, as pesquisas científicas deverão avaliar o impacto da formalização sobre a demanda de crédito, geração de emprego e receita fiscal. PÚBLICO-ALVO: instituições brasileiras incumbidas regimental ou estatutariamente do ensino e da pesquisa, desde que sem fins lucrativos e detentoras de inquestionável ético-profissional, comprovada pela detenção de conceito, atribuído pela CAPES, igual ou superior a cinco, no caso de instituições que não atinjam o conceito 5 da CAPES sua comprovação será avaliado pela Área do BNDES demandante. VALOR: cada paper pode solicitar um valor máximo de recursos humanos de R$ ,00 (setenta mil e quatrocentos reais) e recursos aplicados na administração da pesquisa de 15% do custo total do paper. MAIS INFORMAÇÕES:

4 BOLSA-AUXÍLIO GRANT L'ORÉAL ABC-UNESCO INSCRIÇÕES: até 13 de maio. OBJETIVO: apoiar projetos científicos de alto mérito a serem desenvolvidos durante 12 meses por pesquisadoras brasileiras em instituições nacionais. PÚBLICO-ALVO: pesquisadoras que concluído o doutorado a partir de 01/01/2005, e que se proponham a realizar trabalhos científicos em instituições brasileiras de pesquisa. ÁREAS: Ciências Físicas (1 bolsa); Ciências Biomédicas, Biológicas e da Saúde (4 bolsas); Ciências Matemáticas (1 bolsa) e Ciências Químicas (1 bolsa). VALOR: cada bolsa será equivalente a U$ ,00 (vinte mil dólares). MAIS INFORMAÇÕES: loreal.abc.org.br

5 CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO DE PESQUISAS CIENTÍFICA BNDES/FEP Nº 02/2011 FUNDO DE ESTRUTURAÇÃO DE PROJETOS (FEP) INSCRIÇÕES: até 14 de maio. OBJETIVO: financiar uma pesquisa científica que consolide as informações acerca da indústria de games e contribua para o desenho de instrumentos e ações de políticas industrial e tecnológica para o setor. PÚBLICO-ALVO: instituições brasileiras incumbidas regimental ou estatutariamente do ensino e da pesquisa, desde que sem fins lucrativos e detentoras de inquestionável ético-profissional, comprovada pela detenção de conceito, atribuído pela CAPES, igual ou superior a cinco, no caso de instituições que não atinjam o conceito 5 da CAPES sua comprovação será avaliado pela Área do BNDES demandante. TÓPICOS: Compreensão da dinâmica global dos investimentos no setor; Análise das tendências do investimento no Brasil; Perspectivas de médio e longo prazo; Análise e proposição de políticas públicas. A pesquisa poderá abordar ainda outras questões não listas. ITENS APOIÁVEIS: Recursos humanos; viagens e diárias; aquisição de softwares e banco de dados; publicação e divulgação; despesas com a administração da pesquisa científica; organização de seminários e reuniões de trabalho. MAIS INFORMAÇÕES:

6 EDITAL INSTITUTO PASTEUR E FIOCRUZ PARA PESQUISADORES INSCRIÇÕES: até 15 de maio. OBJETIVO: facilitar o startup de colaborações em áreas prioritárias de investigação de translação e ações de Saúde pública. PÚBLICO-ALVO: pesquisadores em geral. DURAÇÃO E VALOR: a duração do financiamento é de um ano, renovável por mais um ano com co-financimento que pode ir até 30 mil euros por ano. OBSERVAÇÃO: Os projetos aplicados deverão congregar pesquisadores ou equipes de pelo menos um do Instituto Pasteur da Rede Internacional e uma equipe da Fiocruz. Parceria com equipes de outras instituições também é incentivada. MAIS INFORMAÇÕES:

7 EDITAL MCT/CNPQ Nº 001/2011 INSCRIÇÕES: até 15 de maio. OBJETIVO: apoiar projetos conjuntos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (P&D&I) no âmbito da cooperação científica e tecnológica com a Suíça, por meio do financiamento a atividades de cooperação internacional para possibilitar a mobilidade de cientistas e pesquisadores vinculados a redes temáticas pesquisa com atuação em projetos científicos, tecnológicos e de inovação, por relevância estratégica, os quais, preferencialmente, apresentem contrapartida financeira de fontes nacionais ou internacionais. PÚBLICO-ALVO: brasileiro ou estrangeiro com visto permanente, residente no Brasil, com título de doutor com experiência em projetos de cooperação internacional e qualificação equivalente à de pesquisador Categoria I) do CNPq; que possua vinculo formal com instituição de ensino superior, instituto e centro de pesquisa e desenvolvimento, público ou privado sem fins lucrativos e empresa pública que execute atividades de pesquisa em Ciência, Tecnologia ou Inovação. TEMAS: Energia e Meio Ambiente, com foco em energias renováveis, e Saúde e Meio Ambiente, com foco em doenças negligenciadas e alimentação e nutrição funcional. VALOR: máximo limitado a R$ ,00 (trezentos e cinquenta mil reais) para cada proposta. MAIS INFORMAÇÕES:

8 CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO DE PESQUISAS CIENTÍFICA BNDES/FEP Nº 03/2011 FUNDO DE ESTRUTURAÇÃO DE PROJETOS (FEP) INSCRIÇÕES: até 16 de maio. OBJETIVO: realizar um levantamento e avaliação da literatura econômica acadêmica e internacional sobre o BNDES, desde sua fundação, de forma a promover à comunidade acadêmica nacional e internacional uma análise da atuação do BNDES ao longo de sua história. PÚBLICO-ALVO: instituições brasileiras incumbidas regimental ou estatutariamente do ensino e da pesquisa, desde que sem fins lucrativos e detentoras de inquestionável ético-profissional, comprovada pela detenção de conceito, atribuído pela CAPES, igual ou superior a cinco, no caso de instituições que não atinjam o conceito 5 da CAPES sua comprovação será avaliado pela Área do BNDES demandante. ITENS APOIÁVEIS: Recursos humanos; viagens e diárias; aquisição de softwares e banco de dados; publicação e divulgação; despesas com a administração da pesquisa científica; organização de seminários e reuniões de trabalho. MAIS INFORMAÇÕES:

9 GRAND CHALLENGES EXPLORATIONS GCE FUNDAÇÃO BILL & MELINDA GATES INSCRIÇÕES: até 19 de maio. OBJETIVO: seleção de pesquisadores de todo o mundo que queiram desenvolver projetos voltados à melhoria da qualidade de vida nos países em desenvolvimento. PÚBLICO-ALVO: organizações nacionais e estrangeiros sem fins lucrativos, empresas com fins lucrativos, organizações internacionais, agências governamentais e instituições acadêmicas. LINHAS DE PESQUISAS: A erradicação da pólio; Nova geração de tecnologias de saneamento; Novas abordagens para curar a infecção pelo HIV; Soluções de baixo custo para uso do telefone celular para as condições de saúde global; e Novas tecnologias para melhorar a saúde das mães e recém-nascidos. VALOR: cada proposta selecionada receberá US$ 100 mil. MAIS INFORMAÇÕES:

10 DESAFIO BRASIL 2011 INTEL BRASIL INSCRIÇÕES: até 20 de maio. OBJETIVO: oferecer a empreendedores, pequenos empresários e estudantes da área de tecnologia a oportunidade de desenvolverem o empreendedorismo estratégico necessário para transformar um projeto de inovação tecnológica em negócio viável ao mercado. PÚBLICO-ALVO: maiores de 18 anos residentes, cidadãos ou com um visto de trabalho ou estudante válido no Brasil, que sejam, ou tenham sido, estudante universitário de qualquer nível de estudo formal (Bacharelado, Licenciatura, Graduação ou Pós-Graduação) em universidades, pelo menos um membro da equipe deve cumprir com este requisito; tenham um projeto inovador de base tecnológica e que possuam a propriedade absoluta, ou licença legal expedida pelo titular, dos direitos de propriedade intelectual e/ou industrial do projeto que representa. FASES E PRÊMIOS: Na fase nacional os primeiros colocados terão a oportunidade de representar o País na etapa América Latina do Desafio Intel, caso sejam vencedores latinoamericanos, a equipe será classificada para concorrer com todas as despesas pagas ao Intel Global Challenge 2011 at UC Berkeley competição mundial da Intel entre startups, que acontece em novembro, na Califórnia, EUA. MAIS INFORMAÇÕES:

11 31º PRÊMIO JOSÉ REIS DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA 2011 CATEGORIA: JORNALISMO CIENTÍFICO INSCRIÇÕES: até 20 de maio. OBJETIVO: concederá, anualmente, àqueles que, por suas atividades, tenham contribuído, significativamente, para a formação de uma cultura científica e por tornar a Ciência, a Tecnologia e a Inovação, conhecidas do grande público. PÚBLICO-ALVO: jornalistas profissionais que se destaquem na difusão da Ciência e da Tecnologia nos meios de comunicação de massa. PRÊMIOS: importância em dinheiro, no valor de R$ ,00; troféu; passagem aérea e hospedagem para permitir que o agraciado participe da Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). MAIS INFORMAÇÕES:

12 EDITAL CAPES Nº 009/2011 PROGRAMA CAPES-COFECUB INSCRIÇÕES: até 21 de maio. OBJETIVO: seleção de projetos conjuntos de pesquisa em todas as áreas do conhecimento, com vistas ao intercâmbio científico entre Instituições de Ensino Superior (IES) do Brasil e da França e à formação de recursos humanos de alto nível nos dois países. PÚBLICO-ALVO: docente brasileiro com título de doutor, obtido há pelo menos 5 anos, com equipe do projeto composta de no mínimo 4 doutores; a proposta deverá estar vinculada a um programa de doutorado avaliado pela CAPES, preferencialmente com conceitos 5, 6 ou 7. PRÊMIOS: importância em dinheiro, no valor de R$ ,00; troféu; passagem aérea e hospedagem para permitir que o agraciado participe da Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). MAIS INFORMAÇÕES:

13 EDITAL RUMOS ARTES VISUAIS INSCRIÇÕES: até 29 de maio. OBJETIVO: incentivar artistas emergentes, atuantes no Brasil, propiciar aos contemplados oportunidades de aprimoramento profissional por meio de ações formadoras, contribuir com um olhar artístico mais abrangente, sensível à diversidade de linguagens que integram o panorama artístico do país. PÚBLICO-ALVO: pessoas físicas, sem limite de idade e destinada a artistas de diversas formações e que sejam brasileiros, natos ou naturalizados, ou estrangeiros com residência fixa no Brasil há mais de dois anos. OBSERVAÇÃO: O artista poderá incluir quantas obras desejar em sua inscrição, porém, deverá, necessariamente, ter sido produzidas a partir de MAIS INFORMAÇÕES:

14 10 º PRÊMIO BNB TALENTOS UNIVERSITÁRIOS INSCRIÇÕES: até 30 de maio. OBJETIVO: estimular a participação de jovens universitários no processo de construção de uma nova realidade regional. PÚBLICO-ALVO: candidatos que estejam concluindo o último ano de graduação ou que tenham concluído curso superior no ano de 2010, nas áreas de economia, comércio exterior, agronomia, turismo e sociologia, em qualquer Instituição de Ensino Superior pública ou privada incluída na área de atuação do Banco do Nordeste e reconhecida pelo Ministério da Educação. TEMA: Livre, devendo, entretanto, apresentar propostas que contribuam para o desenvolvimento do Nordeste como um todo ou para qualquer Estado incluído na área de atuação do BNB ou ainda para algum subespaço regional. PRÊMIO: 1º lugar R$ 2.000,00; 2º R$ 1.500,00 e 3º lugar R$ 1.000,00. MAIS INFORMAÇÕES:

15 PROGRAMA INSTITUTOS EUROPEUS PARA ESTUDOS AVANÇADOS - EURIAS INSCRIÇÕES: até 31 de maio. OBJETIVO: oferecer 36 bolsas de pesquisas em diversas áreas do conhecimento, em instituições da Europa e de Israel, para o ano acadêmico PÚBLICO-ALVO: candidatos de todo o mundo, principalmente para as áreas de ciências humanas e sociais, mas candidatos das áreas de ciências exatas e naturais também podem ser contemplados, caso seus projetos não exijam o uso de instalações laboratoriais. BENEFÍCIOS: as bolsas totalizam 26 mil euros para candidatos juniores e 38 mil euros para candidatos seniores, alojamento à disposição, uma ajuda de custo para pesquisas e para despesas de viagem. MAIS INFORMAÇÕES:

16 CÁTEDRA FULBRIGHT EM CIÊNCIAS AGRÍCOLAS NA UNIVERSIDADE DO NEBRASKA, LINCOLN INSCRIÇÕES: até 31 de maio. OBJETIVO: convidar professores e pesquisadores das áreas de ciências agrícolas para apresentarem proposta à Cátedra Fulbright em Ciências Agrícolas na Universidade do Nebraska, Lincoln. PÚBLICO-ALVO: candidatos que tenham concluído antes de 2007, possuir nacionalidade brasileira e não possuir nacionalidade norte-americana, ter 10 anos de experiência profissional qualificada na área de ciências/políticas com produção intelectual compatível, ter fluência em inglês e não receber bolsa ou benefício financeiro de outras agências ou entidades brasileiras para o mesmo objetivo. BENEFÍCIOS: manutenção mensal de US$4.500,00 (quatro mil e quinhentos dólares norte-americanos) por quatro meses; passagem aérea; seguro saúde; auxílio instalação no valor de US$2.000,00 (dois mil dólares norte-americanos); moradia, sem custos, na cidade de Lincoln, Nebraska. MAIS INFORMAÇÕES:

17 CÁTEDRA FULBRIGHT EM DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE DE NOTRE DAME INSCRIÇÕES: até 31 de maio. OBJETIVO: convidar professores e pesquisadores das áreas de ciências humanas para presentarem proposta à Cátedra Fulbright em Direitos Humanos na Universidade de Notre Dame. PÚBLICO-ALVO: candidatos que tenham concluído antes de 2007, possuir nacionalidade brasileira e não possuir nacionalidade norte-americana, ter 10 anos de experiência profissional qualificada na área de direitos humanos com produção intelectual compatível, ter fluência em inglês e não receber bolsa ou benefício financeiro de outras agências ou entidades brasileiras para o mesmo objetivo. BENEFÍCIOS: manutenção mensal de US$4.500,00 (quatro mil e quinhentos dólares norte-americanos) por três meses; passagem aérea; seguro saúde; auxílio instalação no valor de US$2.000,00 (dois mil dólares norte-americanos); moradia, sem custos, na cidade de Notre Dame, EUA. MAIS INFORMAÇÕES:

18 EDITAL CAPES Nº 073/2010/DRI/CGBE PROGRAMA DE APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS NO EXTERIOR - PAEX INSCRIÇÕES: Período do Evento Inscrição 01 a 30 de setembro de 01 a 31 de maio 01 a 31 de outubro de 01 a 31 de junho OBJETIVO: seleção de candidaturas para o auxílio financeiro para a apresentação de trabalhos de professores e pesquisadores, em eventos no exterior, com vistas a propiciar a visibilidade internacional da produção científica, tecnológica e cultural geradas no país. PÚBLICO-ALVO: professor ou pesquisador, com diploma de doutorado, preferencialmente com atuação na pós-graduação, brasileiro ou estrangeiro, com visto permanente de residência no País, que tenha submetido trabalho a congresso ou similar, de reconhecida relevância internacional na área do conhecimento. BENEFÍCIOS: auxílio deslocamento para o transado de ida e volta do Brasil ao país onde será realizado o evento científico, o valor do auxílio varia de acordo com a localização geográfica do evento. MAIS INFORMAÇÕES:

19 10ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EMPREENDEDORES DE 2011 FUNDAÇÃO EVERIS INSCRIÇÕES: até 01 de junho. OBJETIVO: valorizar as boas práticas das empresas na área social, estimular novas aptidões e formas de colaboração a respeito de modelos e negócios inovadores que transformem processos e sistemas de informações em diversas organizações. PÚBLICO-ALVO: qualquer empreendedor, grupo de empreendedores, assim como sociedade já constituídas. PRÊMIO: o ganhador receberá uma gratificação no valor de 60 mil e os projetos finalistas terão ainda um aporte extra de 40 mil. MAIS INFORMAÇÕES:

20 EDITAL MCT/CNPQ Nº 75/2010 RHAE PESQUISADOR NA EMPRESA INSCRIÇÕES: até 03 de junho. OBJETIVO: apoiar as atividades de pesquisa tecnológica e de inovação, por meio da inserção de mestres ou doutores, em empresas de micro, pequeno e médio porte. PÚBLICO-ALVO: pessoas com vínculo formal com a instituição de execução do projeto na qualidade de sócio, dono ou funcionário. TEMAS: Programas Mobilizadores em Áreas Estratégicas (Tecnologias de Informação e Comunicação, Nanotecnologia, Biotecnologia, Complexo Industrial da Defesa, Complexo Industrial da Energia Nuclear e Complexo Industrial da Saúde); Programas Para Fortalecer Competitividade (Complexo Automotivo, Indústria de Bens de Capital, Indústria Naval e de Cabotagem, Industria Têxtil e de Confecções, complexo e Couro, Calçados e Artefatos, setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, setor de Madeira e Móveis, Indústria de Transformados Plásticos, Complexo Produtivo do Biodiesel, a Agroindústria, Construção Civil e Complexo de Serviços); Programa para Consolidar e Expandir Liderança (Complexo produtivo do Bioetanol, Complexo industrial do Petróleo, Gás e Petroquímica, Complexo Aeronáutico e Complexos produtivos de Mineração, Siderurgia, Celulose e Carnes). VALOR: máximo de R$ ,00 (trezentos mil reais), somente em bolsas, por projeto. MAIS INFORMAÇÕES:

21 CHAMADA PÚBLICA BIOMINAS BRASIL Nº 01/2011 PROGRAMA SEARCH SEBRAE SELEÇÃO DE PROJETOS DE INOVAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA INSCRIÇÕES: até 10 de junho. OBJETIVO: promover a transferência de tecnologias e geração de novas empresas em biotecnologia. PÚBLICO-ALVO: pesquisadores com vínculo com universidades e institutos de pesquisa nacionais, públicos ou privados. TÓPICOS: Saúde Humana; Agronegócios; Industrial; Ambiental. PROCESSOS: Os projetos selecionados serão analisados de forma detalhada nos Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Comercial (EVTEC) e a partir dele cada tecnologia será classificada como viável ou inviável, os viáveis serão, por sua vez, enquadrados como potencias para licenciamento ou criação de nova empresa. OBSERVAÇÃO: Não há restrição quanto ao envolvimento de pesquisadores estrangeiros no projeto, desde que o proponente e coordenador da proposta esteja vinculado a instituições brasileiras. MAIS INFORMAÇÕES:

22 HOCHSCHULWINTERKURS / CURSO DE INVERNO JANEIRO E FEVEREIRO DE 2012 INSCRIÇÕES: até 10 de junho. OBJETIVO: oferecer para jovens estudantes ou residentes no Brasil o Programa com duração entre 4 e 6 semanas em língua e cultura alemães. PÚBLICO-ALVO: estudantes de graduação e de mestrado stricto sensu, com nacionalidade brasileira ou residência permanente no Brasil que comprove está matriculados no primeiro semestre de 2011 em uma Instituição Superior de Ensino (IES, Universidade ou Faculdade), portanto os candidatos não poderão estar formados antes de março de Para os alunos da graduação devem ter concluído pelo menos 6 semestres do curso universitário até dezembro de 2011 com rendimento acadêmico médio igual ou acima de 8, ou grau equivalente e certificado do teste OnDaF. BOLSA: O DAAD fomenta os melhores candidatos uma bolsa no valor de 2.625,- - Euros. MAIS INFORMAÇÕES:

23 EDITAL CAPES DRI/CGBE Nº 13/2009 PROGRAMA DE DOUTORADO NO PAÍS COM ESTÁGIO NO EXTERIOR-PDEE INSCRIÇÕES: Início do Estágio Inscrição novembro a dezembro 03/maio a 16/junho OBJETIVO: seleção de alunos de doutorado no Brasil para realizar estágios com duração entre quatro e 12 meses para desenvolver atividades no exterior, que sejam complementares e essenciais ao seu projeto de formação no Brasil, contribuindo para o estabelecimento e a manutenção do intercâmbio dos cursos de pós-graduação do país com outros cursos no exterior. PÚBLICO-ALVO: Programa de Pós-Graduação oferecer curso de doutorado, com nota igual ou superior a 4, obtida na avaliação trienal da Capes; Candidato brasileiro, regularmente matriculado em curso de doutorado de programa de Pósgraduação com nota igual ou superior a 4, obtida na avaliação trienal da Capes. BENEFÍCIOS: bolsa mensal, seguro saúde, auxílio deslocamento, auxílio instalação. MAIS INFORMAÇÕES:

24 PLANO CONJUNTO BNDES-FINEP DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA INDUSTRIAL DOS SETORES SUCROENERGÉTICO E SUCROQUÍMICO - PAISS INSCRIÇÕES: até 17 de junho. OBJETIVO: seleção de planos de negócios e fomento a projetos que contemplem o desenvolvimento, a produção e a comercialização de novas tecnologias industriais destinadas ao processamento da biomassa oriunda da cana-de-açúcar, com a finalidade de organizar a entrada de pedidos de apoio financeiro no âmbito das duas instituições e permitir uma maior coordenação das ações de fomento e melhor integração dos instrumentos de apoio financeiro disponíveis. PÚBLICO-ALVO: empresas cujo objeto social compreenda a realização de atividades de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação relacionados às tecnologias objeto deste Plano que tenham interesse de empreender atividade de produção e/ou comercialização dos produtos finais decorrentes destas tecnologias. LINHAS TEMÁTICAS: 1 Bioetanol de 2ª geração; 2 Novos produtos de cana-deaçúcar; 3 Gaseificação: Tecnologias, equipamentos, processos e catalisadores. INSTRUMENTO DE APOIO: Crédito BNDES Capital Inovador, Inovação Produção, Inovação Tecnológica, Participação acionária. Cooperação empresa e ICT BNDES apoio financeiro, por meio do Fundo Tecnológico; FINEP Apoio financeiro por meio do FNDCT para projetos com valores mínimos de R$ 1 milhão. Subvenção Econômica FINEP Apoio não-reembolsável para projetos com valores mínimos de R$ 1 milhão. MAIS INFORMAÇÕES:

25 EDITAL CAPES Nº 074/2010/DRI/CGBE PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS PARA ESTÁGIO SÊNIOR NO EXTERIOR INSCRIÇÕES: Início do Estágio Inscrição janeiro a abril 03/maio a 01/julho maio a agosto 03/setembro a 01/novembro OBJETIVO: seleção de candidaturas à bolsas para doutores brasileiros, visando ao intercâmbio científico e ao estabelecimento de parcerias com congêneres internacionais, direcionado a execução de projeto de pesquisa, sempre inserido no contexto institucional de atuação do candidato. PÚBLICO-ALVO: doutor, brasileiro ou estrangeiro, com visto permanente de residência no País, com vínculo empregatício com instituição de ensino superior ou de pesquisa brasileira, enquadrando-se, preferencialmente, na categoria pesquisador 1 do CNPq ou demonstrar produção científica equivalente, possuindo, no mínimo, 8 anos de doutorado, apresentar produtividade científica e de orientações na pós-graduação compatíveis com o tempo de atuação como doutor. BENEFÍCIOS E DURAÇÃO: bolsa mensal, seguro-saúde, auxílio-deslocamento, auxílio instalação, com duração da bolsa variando de um a doze meses. MAIS INFORMAÇÕES:

26 EDITAL CAPES Nº 075/2010/DRI/CGBE PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS PARA ESTÁGIO PÓS-DOUTORAL NO EXTERIOR INSCRIÇÕES: Início do Estágio Inscrição janeiro a abril 03/maio a 01/julho maio a agosto 03/setembro a 01/novembro OBJETIVO: seleção de candidaturas à bolsas para doutores brasileiros, como forma de contribuir com a inserção internacional desses pesquisadores, o estabelecimento de intercâmbio científico e abertura de novas linhas de pesquisa, de relevância para o desenvolvimento da área no país. PÚBLICO-ALVO: doutor, brasileiro ou estrangeiro, com visto permanente no País, demonstrar atuação em atividade de docência ou pesquisa, no Brasil, compatíveis com o tempo de atuação como doutor. BENEFÍCIOS E DURAÇÃO: bolsa mensal, seguro-saúde, auxílio-deslocamento, auxílio instalação, com duração da bolsa variando entre seis e dezoito meses. MAIS INFORMAÇÕES:

27 PROGRAMA OSEO/FINEP DE APOIO A PROJETOS DE INOVAÇÃO EM PARCERIA ENTRE EMPRESAS FRANCESAS E BRASILEIRAS /2011 INSCRIÇÕES: até 20 de setembro. OBJETIVO: financiar projetos de Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação a serem desenvolvidos em parceria entre empresas francesas e brasileiras, no âmbito do Acordo de Cooperação Tecnológica, celebrado entre a OSEO e a FINEP em 07/05/2009. PÚBLICO-ALVO: empresas brasileiras, cuja receita auferida em 2009 tenha sido inferior a R$ 300 milhões, com, no mínimo, uma empresas francesa vinculada ao Programa. OBSERVAÇÃO: Centros de pesquisas, universidades e empresas de outros países poderão integrar o projeto na qualidade de participantes. MAIS INFORMAÇÕES:

28 CNPq - PRODUTIVIDADE EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E EXTENSÃO INOVADORA DT (Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora) INSCRIÇÕES: até o dia 05 de cada mês OBJETIVO: As bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora são destinadas à formação e capacitação de recursos humanos e à agregação de especialistas, que contribuam para a execução de projetos de pesquisa básica, aplicada ou de desenvolvimento tecnológico, assim como atividades de extensão inovadora e transferência de tecnologia. PÚBLICO-ALVO: Pesquisadores Doutores ou com Perfil Equivalente. MODALIDADES DE BOLSAS: I) Bolsas de Longa Duração, Desenvolvimento Tecnológico e Industrial (DTI), Iniciação Tecnológica e Industrial (ITI), Especialista Visitante (EV), Extensão no País (EXP) e Apoio Técnico em Extensão no País (ATP). II) Bolsa de Curta Duração: Especialista Visitante (BEV), Estágio/Treinamento no País (BEP) e Estágio/Treinamento no Exterior (BSP). MAIS INFORMAÇÕES:

29 CNPq- BOLSAS POR QUOTA NO PAÍS INSCRIÇOES: até o dia 15 de cada mês OBJETIVO: As quotas de bolsas de Iniciação Científica, de Iniciação Tecnológica, de Mestrado e Doutorado são oferecidas às instituições de ensino e pesquisa e aos cursos de pós-graduação. Os interessados devem solicitar as bolsas dessas modalidades diretamente às referidas instituições, não ao CNPq. PÚBLICO ALVO: Destinam-se a instituições, programas de pós-graduação ou pesquisadores individualmente para promover a formação de recursos humanos e/ou seu aperfeiçoamento. MODALIDADES DE BOLSAS POR QUOTA NO PAÍS: Apoio Técnico (AT); Iniciação Científica (IC); Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC); Pós- Graduação, Mestrado (GM) e Doutorado (GD); Iniciação Científica Júnior (ICJ); Programa Institucional de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI). MAIS INFORMAÇÕES:

30 CNPq- BOLSAS INDIVIDUAIS NO PAÍS INSCRIÇÕES: até o dia 15 de cada mês PÚBLICO-ALVO: Pesquisadores e estudantes. MODALIDADES DE BOLSAS INDIVIDUAIS NO PAÍS: - Produtividade em Pesquisa (PQ) - Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT) - Pesquisador Visitante (PV) - Pós-doutorado Junior (PDJ) - Pós-doutorado Sênior (PDS) - Doutorado-Sanduíche no País (SWP) - Pós-Doutorado Empresarial (PDI) - Doutorado-Sanduíche Empresarial (SWI) - Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional (DCR) MAIS INFORMAÇÕES:

31 EDITAL DRI/CGCI Nº 58/2010 INTERCÂMBIO CIENTÍFICO BRASIL- ALEMANHA DE CURTA DURAÇÃO INSCRIÇÕES: 03 meses antes do início da viagem. OBJETIVO: financiar a ida de pesquisadores de instituições brasileiras à Alemanha e a vinda de pesquisadores de instituições alemãs ao Brasil, visando ao fortalecimentos da cooperação científica entre os países parceiros. PÚBLICO ALVO: doutores há, pelo menos, 2 anos que possuam atuação acadêmica qualificada na área e reconhecida competência profissional com produção intelectual consistente; ser pesquisador ou docente vinculado a uma instituição de ensino superior e/ou de pesquisa preferencialmente com atuação na pós-graduação; ser brasileiro ou ter visto de residência permanente no Brasil, no caso de estrangeiro. BENEFÍCIOS: Auxílio-deslocamento no valor de US$ 2.200,00 (dois mil e duzentos dólares), concedido ao pesquisador brasileiro e destinado ao custeiro de todas as despesas referentes à aquisição de passagens áreas e/ou terrestres no trecho Brasil/Alemanha/Brasil; Diárias no valor de R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais), concedidas ao pesquisador visitante. MAIS INFORMAÇÕES:

32 AUXILIO A PESQUISADOR VISITANTE (APV) CNPQ INSCRIÇÕES: 90 dias antes do início da atividade ou evento OBJETIVO: possibilitar ao pesquisador brasileiro ou estrangeiro, de reconhecida competência, a colaboração com grupos de pesquisa, de instituições públicas ou comunitárias nacionais, para o desenvolvimento de linhas de pesquisa ou desenvolvimento tecnológico. PÚBLICO ALVO: Solicitante - pesquisador de comprovada qualificação e experiência; e estar vinculado à instituição de pesquisa ou pesquisa e ensino no País. Visitante doutor-pesquisador de comprovada qualificação e experiência, em sua área de atuação. BENEFÍCIOS: passagens aéreas nacionais ou internacionais; diárias no País. MAIS INFORMAÇÕES:

UECE-PROPLAN-NIT. Maio de 2012 11º PRÊMIO BNB TALENTOS UNIVERSITÁRIOS

UECE-PROPLAN-NIT. Maio de 2012 11º PRÊMIO BNB TALENTOS UNIVERSITÁRIOS 11º PRÊMIO BNB TALENTOS UNIVERSITÁRIOS INSCRIÇÕES: até 28 de maio. OBJETIVO: estimular a participação de jovens universitários no processo de construção de uma nova realidade regional. O objetivo é fazer

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Dezembro de 2010. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Dezembro de 2010. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 PRÊMIO PETROBRAS DE TECNOLOGIA 2010/2011 INSCRIÇÕES: até 17 de dezembro. OBJETIVO: visa conhecer a contribuição da comunidade acadêmica brasileira para o desenvolvimento

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Outubro de 2010. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Outubro de 2010. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 EDITAL MCT/CNPQ/CBAB - Nº 60/2010 CURSOS PARA FORMAÇÃO DE RH EM BIOTECNOLOGIA CBAB INSCRIÇÕES: prorrogado até 26 de outubro. OBJETIVO: apoio a projetos de cursos

Leia mais

UECE-PROPLAN-NIT. Junho de 2012 PRÊMIO ODEBRECHT DE PESQUISA HISTÓRICA CLARIVAL DO PRADO VALLADARES

UECE-PROPLAN-NIT. Junho de 2012 PRÊMIO ODEBRECHT DE PESQUISA HISTÓRICA CLARIVAL DO PRADO VALLADARES PRÊMIO ODEBRECHT DE PESQUISA HISTÓRICA CLARIVAL DO PRADO VALLADARES INSCRIÇÕES: até 29 de junho. OBJETIVO: incentivar, mediante patrocínio financeiro, a pesquisa histórica e a produção editorial que, pela

Leia mais

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Objetivos Avanço da ciência brasileira em tecnologia, inovação e competitividade, através da expansão da mobilidade internacional:

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Março de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Março de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 EDITAL PARA APOIO A PROJETOS EXTERNOS: PROJETOS DE PRODUÇÃO, EDIÇÃO E PUBLICAÇÃO DE LIVROS E COLEÇÕES COMITE GESTOR DA INTERNET NO BRASIL (CGI.BR) INSCRIÇÕES:

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Julho de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Julho de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 PRÊMIO FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL DE TECNOLOGIA SOCIAL - 2011 INSCRIÇÕES: prorrogado até 22 de julho OBJETIVO: Identificar, certificar, premiar e difundir Tecnologias

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Janeiro de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Janeiro de 2011. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 IV CONGRESSO TECNOLÓGICO INFOBRASIL CHAMADA DE TRABALHOS INSCRIÇÕES: até 31 de janeiro. OBJETIVO: seleção de trabalhos para participarem do Congresso, que será

Leia mais

NUCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA - UESC

NUCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA - UESC Boletim 13 Editais / FAPESB Visite nosso blog: / Edital 029/2010 Popularização da Ciência Educação Científica - financiamento de projetos institucionais de educação científica que propiciem a difusão e

Leia mais

Elaboração de Projetos

Elaboração de Projetos DE E DE Elaboração de Projetos PROGRAMAÇÃO DA AULA Estrutura de projetos de inovação Avaliação de projetos de inovação DE E DE Características dos Projetos de P&D DE E DE OPORTUNIDADES Parceiros Recursos

Leia mais

3 de novembro de 2015. Ano 4. Nº 42. Editais curto prazo

3 de novembro de 2015. Ano 4. Nº 42. Editais curto prazo 3 de novembro de 2015. Ano 4. Nº 42 ESPIRITO SANTO Editais curto prazo Orgao FAPES Edital EDITAL FAPES nº 01/2015 COOPERAÇÃO VALE/FAPES/FAPERJ PARA Termino 30/11/2015 APOIO À PESQUISA EM LOGÍSTICA, MEIO

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica Faculdade Luciano Feijão

Núcleo de Inovação Tecnológica Faculdade Luciano Feijão Oportunidades ICT s NOVO! Núcleo de Inovação Tecnológica Chamada MCTI/MPA/CNPq Nº 22/2015 Ordenamento da Pesca Marinha Brasileira INSCRIÇÕES: até 16 de ; OBJETIVO: propostas para apoio financeiro a projetos

Leia mais

2 de fevereiro de 2015. Ano 4. Nº 33. Editais curto prazo

2 de fevereiro de 2015. Ano 4. Nº 33. Editais curto prazo 2 de fevereiro de 2015. Ano 4. Nº 33 NACIONAL Editais curto prazo Orgao CNPq Edital Prêmio Mercosul de Ciência e Tecnologia Termino 23/2/2015 Direcionado a Reconhecer e premiar os melhores trabalhos de

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

2 de março de 2015. Ano 4. Nº 34

2 de março de 2015. Ano 4. Nº 34 2 de março de 2015. Ano 4. Nº 34 Editais curto prazo NACIONAL Orgao CNPq Edital 12º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica - 2014 Termino 30/3/2015 Direcionado a Premiar bolsistas de Iniciação

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n.

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 118/2012 O QUE É GESTOR Processo de seleção de candidatos de

Leia mais

Financiadora de Estudos e Projetos. Agência Brasileira de Inovação

Financiadora de Estudos e Projetos. Agência Brasileira de Inovação Financiadora de Estudos e Projetos Agência Brasileira de Inovação Missão da FINEP Promover e financiar a Inovação e a Pesquisa científica e tecnológica em: Empresas; Universidades; Centros de pesquisa;

Leia mais

INFORMATIVO DO PESQUISADOR BOLETIM SEMANAL INFORMATIVO PRPPG/UFPI - 10/12/2009 CAPES

INFORMATIVO DO PESQUISADOR BOLETIM SEMANAL INFORMATIVO PRPPG/UFPI - 10/12/2009 CAPES INFORMATIVO DO PESQUISADOR BOLETIM SEMANAL INFORMATIVO PRPPG/UFPI - 10/12/2009 CAPES 1. Programa CAPES/MES-Cuba PRAZO DE INSCRIÇÃO: 30 de março de 2010 OBJETIVOS: O Programa CAPES/MES-Cuba visa apoiar

Leia mais

Auxílios à Participação Individual em Eventos Científicos (APE) - FAPERGS

Auxílios à Participação Individual em Eventos Científicos (APE) - FAPERGS Auxílios à Participação Individual em Eventos Científicos (APE) - FAPERGS Objetivo Esta modalidade de auxílio destina-se a apoiar pesquisadores doutores, com expressiva produção científica, tecnológica,

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ CAMPUS FRANCE Nº 104 /2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ CAMPUS FRANCE Nº 104 /2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ CAMPUS FRANCE Nº 104 /2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica Faculdade Luciano Feijão

Núcleo de Inovação Tecnológica Faculdade Luciano Feijão Oportunidades ICT s NOVO! Núcleo de Inovação Tecnológica CHAMADA PÚBLICA - 01/2014 - MCTI/MCIDADES/FINEP/REDETEC SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTAS PARA FORMAÇÃO DA REDE SIBRATEC DE DESEMPENHO HABITACIONAL INSCRIÇÕES:

Leia mais

Programa Ciência sem Fronteira

Programa Ciência sem Fronteira Programa Ciência sem Fronteira Graduação Sanduíche Pró-reitoria de Pesquisa Coesão interna para inserção externa Bolsas no país e exterior: número de bolsas-ano concedidas pelas agências federais, 2003-2009

Leia mais

Programa Ciência sem Fronteiras. Graduação Sanduíche nos EUA Chamada Pública CAPES nº 01/2011

Programa Ciência sem Fronteiras. Graduação Sanduíche nos EUA Chamada Pública CAPES nº 01/2011 Programa Ciência sem Fronteiras Graduação Sanduíche nos EUA Chamada Pública CAPES nº 01/2011 A CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, vinculada ao Ministério da Educação,

Leia mais

Apresentação Institucional. Instrumentos de apoio. Evolução dos recursos. Apresentação de propostas

Apresentação Institucional. Instrumentos de apoio. Evolução dos recursos. Apresentação de propostas FINEP Financiadora de Estudos e Projetos Agência Brasileira de Inovação da Finep São Paulo, 28/04/2009 O desenvolvimento das economias modernas demonstra o papel fundamental que, nesse processo, compete

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS, BOLSAS DE ESTUDO NO EXTERIOR GRADUAÇÃO

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS, BOLSAS DE ESTUDO NO EXTERIOR GRADUAÇÃO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS, BOLSAS DE ESTUDO NO EXTERIOR GRADUAÇÃO A Direção de Pós- Graduação e Pesquisa da Universidade Veiga de Almeida, no uso de suas atribuições, torna público o presente Edital

Leia mais

Resumo de Editais Abertos Capes

Resumo de Editais Abertos Capes Resumo de Editais Abertos Capes www.capes.gov.br/editais/abertos Programa Capes/MINCyT O objetivo do Programa Capes/MINCyT é estimular, por meio de projetos conjuntos de pesquisa, o intercâmbio de docentes

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DA ESPANHA Nº 115/2012 A Coordenação de Aperfeiçoamento

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Pré-seleção para Bolsas de Graduação Sanduíche (SWG) nos EUA (Chamada Pública Programa Ciência sem Fronteiras/IIE nº 102/2011) A Pró-Reitora de Graduação da PUCRS faz saber

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO-SANDUÍCHE NA ESPANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE DA ESPANHA Nº 115/2012 A Coordenação de Aperfeiçoamento

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Dezembro de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Dezembro de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 EDITAL MCT/CNPQ Nº 41/2009 INSCRIÇÕES: prorrogado até 10 de dezembro de 2009 OBJETIVO: apoiar o desenvolvimento de projetos conjuntos de pesquisa científica e

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Maio de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Maio de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 EDITAL SENAI/SESI DE INOVAÇÃO 2009 INSCRIÇÕES: prorrogado até 15 de maio de 2009. OBJETIVOS: estimular a habilidade de desenvolver projetos de pesquisa nas entidades

Leia mais

- ATENÇÃO PESQUISADORES -

- ATENÇÃO PESQUISADORES - - ATENÇÃO PESQUISADORES - Informamos abaixo os últimos editais para fomento à pesquisa divulgados pela FAPESB e CNPQ, para conhecimento e possível envio de propostas de projetos: Órgão Responsável: FAPESP

Leia mais

EDITAL Nº 004/2012-PRPI

EDITAL Nº 004/2012-PRPI EDITAL Nº 004/2012-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

PLANO CONJUNTO BNDES-FINEP DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA INDUSTRIAL DOS SETORES SUCROENERGÉTICO E SUCROQUÍMICO PAISS

PLANO CONJUNTO BNDES-FINEP DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA INDUSTRIAL DOS SETORES SUCROENERGÉTICO E SUCROQUÍMICO PAISS Anexo I ao Acordo de Cooperação Técnica entre BNDES e FINEP ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA ENTRE BNDES E FINEP - ANEXO I PLANO CONJUNTO BNDES-FINEP DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA INDUSTRIAL DOS SETORES

Leia mais

Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos

Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos CAPES/FIPSE Edital Nº 8/2010 CAPES A Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio de sua Diretoria

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Pré-seleção para Bolsas de Graduação Sanduíche na Itália (Chamada Pública Programa Ciência sem Fronteiras/Universidade de Bolonha nº 105/2011) A Pró-Reitora de Graduação

Leia mais

V - promover a cooperação internacional na área de ciência, tecnologia e inovação;

V - promover a cooperação internacional na área de ciência, tecnologia e inovação; DECRETO Nº 7.642, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2011 * Programa Ciência sem Fronteiras. * Institui o Programa Ciência sem Fronteiras. A Presidenta da República, no uso das atribuições que lhe confere o art. 84,

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Pré-seleção para Bolsas de Graduação Sanduíche na França (Chamada Pública Programa Ciência sem Fronteiras/Campus France nº 104/2011) A Pró-Reitora de Graduação da PUCRS

Leia mais

EDITAL FACEPE 01/2012 APOIO À FORMAÇÃO EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS PARA CERTIFICAÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS LÍNGUAS CSF

EDITAL FACEPE 01/2012 APOIO À FORMAÇÃO EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS PARA CERTIFICAÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS LÍNGUAS CSF EDITAL FACEPE 01/2012 APOIO À FORMAÇÃO EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS PARA CERTIFICAÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS LÍNGUAS CSF A, torna público o presente edital e convida as Instituições

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE ENSINO E ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE ENSINO E ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE ENSINO E ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS CHAMADA PÚBLICA PROEN BOLSAS SANDUÍCHE NA GRADUAÇÃO Nº 01/2011

Leia mais

Apresentações de Ações das Instituições do GTP APL. Fomento à Inovação nas Pequenas Empresas

Apresentações de Ações das Instituições do GTP APL. Fomento à Inovação nas Pequenas Empresas Apresentações de Ações das Instituições do GTP APL Fomento à Inovação nas Pequenas Empresas FINEP Financiadora de Estudos e Projetos Rochester Gomes da Costa Departamento de Capital Semente 29 de outubro

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS. Graduação Sanduíche nos EUA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS. Graduação Sanduíche nos EUA Chamada Pública UNICENTRO/CAPES nº 01/2011 Em atendimento a chamada CAPES 01/211 do Programa Ciência sem Fronteiras, a UNICENTRO torna pública a seleção de estudantes de graduação em áreas e temas de estudo

Leia mais

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq I. DEFINIÇÃO E OBJETIVO As bolsas do Programa conjunto de doutorado na Alemanha são concedidas em cooperação

Leia mais

DIRETORIA DE PESQUISA APLICADA INFORMEDITAIS 2014 ESTÁCIO

DIRETORIA DE PESQUISA APLICADA INFORMEDITAIS 2014 ESTÁCIO DIRETORIA DE PESQUISA APLICADA INFORMEDITAIS 2014 ESTÁCIO JANEIRO 2015 Sumário Apresentação... 03 1. Janeiro/2014... 04 2. Fevereiro/2014... 11 3. Março/2014... 22 4. Abril/2014... 33 5. Maio/2014... 44

Leia mais

EDITAL 06/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - EUA

EDITAL 06/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - EUA EDITAL 06/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - EUA O Reitor da Universidade Estadual de Feira de Santana, Prof. José Carlos Barreto de Santana, no uso de suas atribuições, torna público

Leia mais

EDITAIS JUNHO 2015. http://www.fapesb.ba. gov.br/?page_id=18996 DATA LIMITE DE ENVIO OBJETO QUEM PODE PROPOR ÓRGÃO FINANCIADOR LINK DO EDITAL

EDITAIS JUNHO 2015. http://www.fapesb.ba. gov.br/?page_id=18996 DATA LIMITE DE ENVIO OBJETO QUEM PODE PROPOR ÓRGÃO FINANCIADOR LINK DO EDITAL DATA LIMITE DE ENVIO 15/6/2015 OBJETO QUEM PODE PROPOR ÓRGÃO FINANCIADOR LINK DO EDITAL Edital Fapesb nº 13/2015 Projeto de pesquisa e produção de conhecimento na área de Tecnologia da Informação e Comunicação

Leia mais

EDITAL DE HABILITAÇÃO. Seleção Interna de Alunos. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação 001/2012

EDITAL DE HABILITAÇÃO. Seleção Interna de Alunos. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação 001/2012 EDITAL DE HABILITAÇÃO Seleção Interna de Alunos Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação 001/2012 A Universidade Estadual do Rio Grande do Sul UERGS, através da Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação,

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Pré-seleção para Bolsas de Graduação Sanduíche no Reino Unido (Chamada Pública Programa Ciência sem Fronteiras/Organização Britânica Universities UK - UUK nº 106/2011) A

Leia mais

COORDENAÇÃO GERAL DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS E INTERNACIONAIS. Edital Complementar nº 003/2012

COORDENAÇÃO GERAL DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS E INTERNACIONAIS. Edital Complementar nº 003/2012 COORDENAÇÃO GERAL DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS E INTERNACIONAIS Edital Complementar nº 003/2012 A Coordenação Geral de Relações Institucionais e Internacionais, no uso de suas atribuições legais, torna público

Leia mais

Palestra Divulgação PAPPE Paraná. PAPPE Subvenção Paraná Chamada Pública 01/2009. Fomento à Inovação Tecnológica

Palestra Divulgação PAPPE Paraná. PAPPE Subvenção Paraná Chamada Pública 01/2009. Fomento à Inovação Tecnológica Palestra Divulgação PAPPE Paraná PAPPE Subvenção Paraná Chamada Pública 01/2009 Fomento à Inovação Tecnológica Programa PAPPE Programa de Apoio à Pesquisa na Pequena Empresa Operacionalização: Consórcio

Leia mais

INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008

INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008 INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008 O momento e as tendências Fundamentos macroeconômicos em ordem Mercados de crédito e de capitais em expansão Aumento do emprego

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Março de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667

Núcleo de Inovação Tecnológica UECE-PROPLAN-NIT Março de 2009. Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 Oportunidades ICT s (85) 31019665 31019667 PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL 2008/2009 CULTURA DIGITAL INSCRIÇÕES: prorrogado até 12 de março de 2009 OBJETIVO: conceder apoio para Projeto de ampliação, aprimoramento,

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ ACCC Nº 107 /2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ ACCC Nº 107 /2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/ ACCC Nº 107 /2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

Financiamento de Projetos para a Inovação

Financiamento de Projetos para a Inovação GESTÃO Financiamento de Projetos para a Inovação Objetivos da Aula Conhecer sobre o financiamento de projetos de pesquisa aplicada; Conhecer a dinâmica do processo de elaboração de projetos de pesquisa

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NOS EUA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/IIE Nº 102 /2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NOS EUA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/IIE Nº 102 /2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NOS EUA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/IIE Nº 102 /2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

EDITAL PRPq 01/2012. 1.5. Possibilitar a formação de recursos humanos especializados com elevada qualidade técnicocientífica.

EDITAL PRPq 01/2012. 1.5. Possibilitar a formação de recursos humanos especializados com elevada qualidade técnicocientífica. PRÓ-REITORIA DE PESQUISA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS E DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA INSTITUCIONAL CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/CNPq - BOLSA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO EXTERIOR (SWG)

Leia mais

I WORKSHOP DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UESC:

I WORKSHOP DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UESC: Boletim 03/2011 I WORKSHOP DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UESC: http://www.uesc.br/nucleos/nit/index.php?item=conteudo_projetos.php Visite nosso blog: / Editais / FAPESB Edital 022/2010 Apoio a Pesquisa

Leia mais

CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque:

CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque: CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque: UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI Av. Tenente Raimundo Rocha, S/N, Cidade Universitária Juazeiro do Norte CE DIRETORIA DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL DCI Sala 45,

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUÍCHE EM PORTUGAL

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUÍCHE EM PORTUGAL PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUÍCHE EM PORTUGAL Tendo em vista a chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 113/2012,

Leia mais

EDITAL Nº 005/2012-PRPI

EDITAL Nº 005/2012-PRPI EDITAL Nº 005/2012-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA Tendo em vista a oportunidade propiciada pelo Programa Ciência sem Fronteiras, a Assessoria

Leia mais

Avaliação de Políticas Públicas (Resolução nº 44, de 2013)

Avaliação de Políticas Públicas (Resolução nº 44, de 2013) Avaliação de Políticas Públicas (Resolução nº 44, de 2013) Presidente: SENADOR CRISTOVAM BUARQUE Vice-Presidente: SENADOR HÉLIO JOSÉ Relator: SENADOR OMAR AZIZ Proposta de Plano de Trabalho Avaliação de

Leia mais

EDITAIS AGOSTO 2015 QUEM PODE PROPOR

EDITAIS AGOSTO 2015 QUEM PODE PROPOR DATA LIMITE DE ENVIO OBJETO EDITAL 016/2015 Concurso Ideias Inovadoras 2015 QUEM PODE PROPOR ÓRGÃO FINANCIADOR LINK DO EDITAL 20/8/2015 A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia FAPESB, no âmbito

Leia mais

ABDI A 2004 11.080) O

ABDI A 2004 11.080) O Atualizada em 28 de julho de 2010 Atualizado em 28 de julho de 2010 1 ABDI ABDI A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial foi instituída em dezembro de 2004 com a missão de promover a execução

Leia mais

EDITAL Nº 013/2012-PRPI

EDITAL Nº 013/2012-PRPI EDITAL Nº 013/2012-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

Processo de seleção de candidatos de instituições brasileiras a bolsas de graduação-sanduíche no exterior para estudo em instituições do Reino Unido

Processo de seleção de candidatos de instituições brasileiras a bolsas de graduação-sanduíche no exterior para estudo em instituições do Reino Unido CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE À GRADUAÇÃO SANDUICHE NO REINO UNIDO Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 123/2012 O QUE É GESTOR Processo de seleção de candidatos

Leia mais

Processo de seleção de candidatos de instituições brasileiras a bolsas de graduação-sanduíche no exterior para estudo em instituições dos EUA

Processo de seleção de candidatos de instituições brasileiras a bolsas de graduação-sanduíche no exterior para estudo em instituições dos EUA CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE À GRADUAÇÃO SANDUICHE NOS ESTADOS UNIDOS - EUA Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 117/2012 O QUE É GESTOR Processo de seleção de

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS ACCC Nº 107/2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS ACCC Nº 107/2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS TECNÓLOGO SANDUÍCHE NO CANADÁ CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS ACCC Nº 107/2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

FINEP Financiadora de Estudos e Projetos

FINEP Financiadora de Estudos e Projetos FINEP Financiadora de Estudos e Projetos Agência Brasileira de Inovação Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil Projeto do Mercado de Carbono no Brasil Rio de Janeiro RJ, 09 de novembro de 2010 FINEP

Leia mais

EDITAL Nº 005/2011-PRPI

EDITAL Nº 005/2011-PRPI EDITAL Nº 005/2011-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

Ciência sem Fronteiras e a UFPE

Ciência sem Fronteiras e a UFPE Ciência sem Fronteiras e a UFPE Reunião com os Coordenadores de Graduação Diretoria de Cooperação Internacional Recife 17 de abril de 2012 Mobilidade estudantil internacional UFPE: alunos de graduação

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CAPES-CNPq)

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CAPES-CNPq) PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CAPES-CNPq) EDITAL PROPEPG Nº 06 de 04 de Junho de 2013 A Pró-Reitoria de Pesquisa, Extensão e Pós-Graduação vêm através deste Edital, divulgar no âmbito da Instituição

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Comissão Interna do Programa Ciência Sem Fronteiras

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Comissão Interna do Programa Ciência Sem Fronteiras PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Comissão Interna do Programa Ciência Sem Fronteiras Edital 01/2011 PROGRAMA CIENCIA SEM FRONTEIRAS A Universidade Federal Rural

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO Nº 08 SETEMBRO/2011 Escritório de Assuntos Internacionais Universidade Federal da Grande Dourados

BOLETIM INFORMATIVO Nº 08 SETEMBRO/2011 Escritório de Assuntos Internacionais Universidade Federal da Grande Dourados Prezados leitores, A nona edição/2011 do Boletim Informativo do ESAI/UFGD destaca o programa do Governo Federal e CNPQ para alunos de graduação, Ciência sem Fronteira, assim como as oportunidades de bolsas

Leia mais

EDITAL Nº 14/2011 Programa Ciência sem Fronteiras Bolsas Graduação Sanduíche no Exterior/CNPq

EDITAL Nº 14/2011 Programa Ciência sem Fronteiras Bolsas Graduação Sanduíche no Exterior/CNPq EDITAL Nº 14/2011 Programa Ciência sem Fronteiras Bolsas Graduação Sanduíche no Exterior/CNPq A Pró-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão comunica que estão abertas, de 09 a 30 de setembro de

Leia mais

Portaria nº 64, de 24 de março de 2010

Portaria nº 64, de 24 de março de 2010 Portaria nº 64, de 24 de março de 2010 O PRESIDENTE DA COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR CAPES, no uso das atribuições conferidas pelo art. 26, inciso IX, do Decreto nº 6.316,

Leia mais

UNIVERSIDADE NILTON LINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE NILTON LINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL INICIAÇÃO CIENTÍFICA/2015-2016 Programa de Iniciação Científica PROIC/NILTON LINS A Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade NILTON LINS, por meio da Coordenação de Iniciação Científica,

Leia mais

2003: ajuste macroeconômico, com corte substancial nos gastos públicos e aumento nas taxas reais de juro.

2003: ajuste macroeconômico, com corte substancial nos gastos públicos e aumento nas taxas reais de juro. 1 1 2 2 3 2003: ajuste macroeconômico, com corte substancial nos gastos públicos e aumento nas taxas reais de juro. 2004-06: recuperação econômica, com direcionamento do aumento da arrecadação federal

Leia mais

DIRETORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS SANDUÍCHES NA GRADUAÇÃO (SWG) CAPES/CNPQ/UNIT

DIRETORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS SANDUÍCHES NA GRADUAÇÃO (SWG) CAPES/CNPQ/UNIT DIRETORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS SANDUÍCHES NA GRADUAÇÃO (SWG) CAPES/CNPQ/UNIT Edital de Seleção de bolsas Sanduíche (SWG - Programa Ciências Sem

Leia mais

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior Início do Programa: 75 mil bolsas (2011-2015) Graduação-Sanduíche 27.100 Doutorado Sanduíche

Leia mais

Av. Itália, Km8 Campus Carreiros Rio Grande, RS Brasil 96201-900 fone: 53.32336772 e- mail:propesp@furg.br

Av. Itália, Km8 Campus Carreiros Rio Grande, RS Brasil 96201-900 fone: 53.32336772 e- mail:propesp@furg.br As Pró-reitorias de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPESP) e de Graduação (PROGRAD), no uso de suas atribuições, tornam público o edital de seleção interna para o Programa Ciência sem Fronteiras - Graduação

Leia mais

Sede Sebrae Nacional

Sede Sebrae Nacional Sede Sebrae Nacional Somos o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa, uma entidade privada sem fins lucrativos, e a nossa missão é promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS MARIA THEREZA E PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE

FACULDADES INTEGRADAS MARIA THEREZA E PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE FACULDADES INTEGRADAS MARIA THEREZA E PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE O PROGRAMA: Ciência sem Fronteiras é um programa que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização

Leia mais

EDITAL n 02/2011 GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO EXTERIOR - SWG PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS FACULDADE SÃO LUCAS/CNPq

EDITAL n 02/2011 GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO EXTERIOR - SWG PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS FACULDADE SÃO LUCAS/CNPq EDITAL n 02/2011 GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO EXTERIOR - SWG PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS FACULDADE SÃO LUCAS/CNPq Edital para seleção dos alunos de graduação para participação no Programa Ciência sem Fronteiras

Leia mais

3 DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO

3 DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO REINO UNIDO CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/UUK Nº 106/2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/UC

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/UC Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/ Edital nº 008/2011/CAPES A Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio de sua Diretoria de Relações Internacionais,

Leia mais

Bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora

Bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora Bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora RN-015/2010 Revoga as RN-013/2009; RN-020/2008; e RN-028/2007 O Presidente do CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO - CNPq, no

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS SELEÇÃO INTERNA

Leia mais

NUCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA - UESC

NUCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA - UESC Boletim 09 Editais / FAPESB Visite nosso blog: / Edital convida os pesquisadores a apresentarem projetos de pesquisa da área de saúde e em conformidade com os temas, no âmbito do Programa Pesquisa para

Leia mais

VI Reunião Técnica Internacional de FAEDPYME Nicarágua 08 a 10 de Maio de 2013

VI Reunião Técnica Internacional de FAEDPYME Nicarágua 08 a 10 de Maio de 2013 Comentários de Peter Hansen sobre interação Universidade- Empresa no Brasil e Experiências Práticas. VI Reunião Técnica Internacional de FAEDPYME Nicarágua 08 a 10 de Maio de 2013 Apresentação Prof. Peter

Leia mais

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq I. DEFINIÇÃO E OBJETIVO As bolsas do Programa conjunto de doutorado na Alemanha são concedidas em cooperação

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS. Graduação Sanduíche no Exterior

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS. Graduação Sanduíche no Exterior Chamada Pública UNICENTRO/CAPES/CNPq nº 01/2012 Em atendimento as chamadas CAPES/CNPq do Programa Ciência sem Fronteiras, a UNICENTRO torna pública a chamada interna de estudantes de graduação em áreas

Leia mais

Universidade de Brasília (UnB) Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação (DPP) Programa de Iniciação Científica da Universidade de Brasília (ProIC/UnB)

Universidade de Brasília (UnB) Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação (DPP) Programa de Iniciação Científica da Universidade de Brasília (ProIC/UnB) PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA ProIC/DPP e INT CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS n. 02/2011 SELEÇÃO DE ALUNOS PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO EXTERIOR DO CNPq O

Leia mais

CHAMADA INTERNA 40/2011 PRPGP-PROGRAD-SAI PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CNPq - UFSM

CHAMADA INTERNA 40/2011 PRPGP-PROGRAD-SAI PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CNPq - UFSM Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa Pró-Reitoria de Graduação Secretaria de Apoio Internacional CHAMADA INTERNA 40/ PRPGP-PROGRAD-SAI PROGRAMA

Leia mais

1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013

1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013 1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013 Ciência sem Fronteiras é um programa do Governo Federal que busca promover a consolidação, expansão

Leia mais

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/UC

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/UC Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/ Edital 035/2010/CAPES A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio de sua Diretoria de Relações Internacionais, e com

Leia mais

BOLSAS NO PAÍS. O Presidente do CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO - CNPq, no uso de suas atribuições,

BOLSAS NO PAÍS. O Presidente do CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO - CNPq, no uso de suas atribuições, Revogada pela RN-028/94 Resolução Normativa RN-023/92 Revoga a RN-035/91 BOLSAS NO PAÍS O Presidente do CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO - CNPq, no uso de suas atribuições,

Leia mais