1ª GUERRA MUNDIAL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1ª GUERRA MUNDIAL"

Transcrição

1 1ª GUERRA MUNDIAL

2 PANORAMA INTERNACIONAL Divisão do mundo em: Países industrializados e países não industrializados. Industrializados Europa, América (EUA) e Ásia (Japão). Não Industrializados (periféricos) África, Ásia e América foram imperializados.

3 PAZ ARMADA Período antes da Grande Guerra. Países industrializados com grande desenvolvimento na área bélica. Concorrência acirrada. Justificativa era defender a paz. Formação de Alianças

4 FORMAÇÃO DAS ALIANÇAS Tríplice Aliança Potências centrais Alemanha Tríplice Entente Entente Cordiale Inglaterra Império Austro-húngaro França Itália Rússia

5 POLÍTICA DE ALIANÇAS Acordo de ajuda bélica e não agressão. Alianças feitas por afinidade. Divisão política da Europa. Países bem armados.

6

7 EUROPA Supremacia industrial inglesa perdurou até o final do séc. XIX e início do séc. XX / Pax britânica. A Alemanha surge no cenário industrial europeu muito competitiva, forte economicamente. França potência industrial no continente e com sentimento de revanchismo.

8 ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA Época tranquila. Crescimento econômico. Influência política e econômica nos países latino-americanos. Política do Big Stick.

9 JAPÃO Era Meiji. Grande e rápido desenvolvimento industrial. Crescimento econômico. Investimentos no exército. Corrida imperialista. / guerras.

10 NACIONALISMO Pangermanismo Pan-eslavismo Nacionalistas. Defendia a União dos povos germânicos. Objetivo: domínio da Europa Central. Alemanha. Nacionalistas. Defendia a unificação dos povos eslavos. Objetivo: saída para o Mar Mediterrâneo. Rússia.

11 1ª Guerra Mundial 1914/1918

12

13 MOTIVOS Competição econômica. Corrida Imperialista. Nacionalismos exagerados. Revanchismo francês. Conferência de Berlim. Sonhos expansionistas das grandes potências. O estopim foi a morte do príncipe Francisco Ferdinando (herdeiro do trono austro-húngaro) em 14 de junho de 1914 na cidade de Sarajevo (Bósnia).

14

15 PENÍNSULA BALCÂNICA Os povos eslavos, eslovenos, croatas, sérvios, bósnios, macedônios e montenegrinos ocupavam a Península Balcânica desde o século VII. Os turcos otomanos em seu processo de expansão, anexaram a região a partir do século XIV até XIX.

16

17 EXPLODE O BARRIL DE PÓLVORA O Império Austro-Húngaro (séc. XX) impôs seu controle às províncias sérvias da Bósnia e da Herzegovina. Desde 1908, a posse austríaca incomodava os sérvios, principalmente os nacionalistas. (desejavam a independência da Sérvia) Um grupo nacionalista MÃO NEGRA, integrante do movimento revolucionário Grande Sérvia, planejou assassinar o arquiduque.

18 ESTOPIM A visita oficial que o arquiduque Francisco Ferdinando fazia à capital da Bósnia, Sarajevo, foi considerada uma provocação. Gavrilo Princip foi o assassino.

19 O ASSASSINATO DO ARQUIDUQUE FOI O PRETEXTO PARA DECLARAÇÕES DE GUERRA. Áustria X Sérvia. Alemanha X Rússia. Alemanha X França. Alemanha X Bélgica. Inglaterra X Alemanha. Áustria X Rússia. Japão X Alemanha. Japão X Áustria. Áustria X Bélgica. Agosto Agosto

20 NOVAS ALIANÇAS Tríplice Aliança Tríplice Entente Alemanha. Império Austro-húngaro. Inglaterra. França Itália Saída da Rússia Entrada dos EUA.

21 Três fases: FASES DA GUERRA Guerra de Movimento Guerra de Trincheiras Última fase.

22 GUERRA DE MOVIMENTO Primeira fase início da guerra. Deslocamento dos exércitos para conquistar áreas de controle.

23

24 GUERRA DE TRINCHEIRAS Segunda fase Guerra estática. Fase de grandes perdas humanas. Maior fase. Equilíbrio de forças. Entrada da Itália. (1915)

25

26

27

28

29 ÚLTIMA FASE Saída da Rússia por problemas internos (Revolução Russa) Entrada dos EUA. Rompimento do equilíbrio.

30 TRATADO DE BREST LITOVSK

31 TRATADO DE BREST-LITOVSK Foi um tratado de paz assinado entre o governo bolchevique da Rússia e as Potências da Tríplice Aliança. Com este tratado reconhecia-se a saída da Rússia da Primeira Guerra Mundial. A Rússia perdia o controle sobre a Finlândia, Países Bálticos (Estónia, Letónia e Lituânia), Polônia, Bielorrússia e Ucrânia.

32 MUDANÇAS Novas tecnologias / tanques, aviação. Exército descansado / EUA. Em 1918 a Alemanha esta cansada, duas frentes de batalha Rússia e França. Revolução civil que derrubou o governo imperial e o imperador Guilherme II fugiu. Os militares assumiram o governo, e implantaram uma República parlamentarista. / República de Weimar.

33

34 FIM DA GUERRA Woodrow Wilson - EUA Propunha uma paz sem vencedores. Apresentou uma proposta de paz com 14 pontos. Proposta foi rejeitada.

35 ALGUNS PONTOS DE WILSON Livre navegação nos mares. Devolução de territórios. Redução de armamentos. Criação do Estado Polonês. Resolução diplomática das questões balcânicas. Sociedade das Nações.

36 FIM DA GUERRA A França e a Inglaterra que esperavam indenizações de guerra, não aceitaram a proposta de Wilson. A Alemanha foi reconhecida como a única culpada pela guerra. O clima de Revanchismo predominou nas negociações de paz.

37 TRATADO DE VERSALHES Assinado em 1919, na França, determinou: Perda de todas as colônias alemãs para a França. Devolução dos territórios Alsácia e Lorena para a França. Redução do exército alemão no máximo a cem mil homens. Limitação das funções da marinha. Proibição da aviação. Perda de regiões fronteiriças (Dinamarca e Tchecoslováquia)

38 TRATADO DE VERSALHES Proibição da indústria bélica. Pagamento de uma indenização de guerra. A Polônia além de receber alguns territórios, incorporou a cidade de DANZIG - faixa de terra que dava saída para o mar (corredor polonês).

39

40 TRATADO DE SAINT-GERMAIN Assinado com o Império Austro-húngaro. Basicamente dissolveu o Império Austro-húngaro. / determinação de desmembramento. Independência da Áustria e da Hungria, e a criação da Tchecoslováquia.

41 TRATADO DE SÈVRES Assinado com o Império Turco Otomano. Desmembramento do Estado. Transferência das possessões no Oriente para a Inglaterra. Perda de todos os seus territórios na Europa, com exceção de Constantinopla.

42 CONSEQUÊNCIAS

43 CONSEQUÊNCIAS Enfraquecimento das antigas potencias europeias. Milhões de mortos, feridos e mutilados. Cidades destruídas / parques industriais. Criação da Liga das nações. Criação de vários países. Ascensão dos EUA como nova potência. Tratados: Versalhes / Saint Germain / Sévres / Brest Litovsk

44

45

46

47

48

49 1ª GUERRA MUNDIAL

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial Aula 22 Primeira Guerra Mundial 1 Causas Setor 1606 2 Desenvolvimento 3 Conferência de Paris (1919) ealvespr@gmail.com 1.1 Antecedentes Disputas imperialistas Alsácia-Lorena França X Alemanha Inglaterra

Leia mais

1. ANTECEDENTES CAUSAS ESTRUTURAIS

1. ANTECEDENTES CAUSAS ESTRUTURAIS A GRANDE GUERRA 1. ANTECEDENTES CAUSAS ESTRUTURAIS Belle Époque (1871-1914) 2ª Revolução Industrial Revanchismo Francês Neocolonialismo/Imperialismo Corrida Armamentista Política De Alianças Paz Armada

Leia mais

1ª GUERRA MUNDIAL.

1ª GUERRA MUNDIAL. 1ª GUERRA MUNDIAL http://historiaonline.com.br ANTECEDENTES 2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL NEOCOLONIALISMO/IMPERIALISMO CORRIDA ARMAMENTISTA POLÍTICA DE ALIANÇAS PAZ ARMADA http://historiaonline.com.br ALIANÇAS

Leia mais

O Imperialismo O ATRASO ALEMÃO: Grande crescimento industrial Ampliação de mercados; Lorena: ¾ do fornecimento de matéria-prima para a indústria de aço; 1880 amplo programa de expansão naval: Lei Naval

Leia mais

Entre 1871 e 1914 a sociedade européia - liberal e capitalista, passou por uma das fases de maior prosperidade devido ao desenvolvimento industrial

Entre 1871 e 1914 a sociedade européia - liberal e capitalista, passou por uma das fases de maior prosperidade devido ao desenvolvimento industrial 1914-1918 Entre 1871 e 1914 a sociedade européia - liberal e capitalista, passou por uma das fases de maior prosperidade devido ao desenvolvimento industrial que trouxe conforto e a ciência e a técnica

Leia mais

TEXTO BASE: 1ª GUERRA MUNDIAL ( ) Parte II

TEXTO BASE: 1ª GUERRA MUNDIAL ( ) Parte II TEXTO BASE: 1ª GUERRA MUNDIAL (1914-1918) Parte II Após o assassinato de Franz Ferdinand ocorre a ativação da POLÍTICA DE ALIANÇAS: a declaração de guerra da ÁUSTRIA-HÚNGIA à Sérvia faz com que a RÚSSIA

Leia mais

AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. El Sal /02/2014

AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. El Sal /02/2014 AULA DE HISTÓRIA PRIMEIRA MUNDIAL El Sal 2014 PRIMEIRA MUNDIAL Inicialmente, os conflitos se deram na Europa. Embora várias nações tenham declarado neutralidade, no decorrer da guerra várias nações não-européias

Leia mais

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( )

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( ) A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914-1918 ) OS MOTIVOS DA GUERRA O IMPERIALISMO: Alguns países estavam extremamente descontentes com a partilha da Ásia e da África, ocorrida no final do século XIX. O ROMPIMENTO

Leia mais

A Iª GUERRA MUNDIAL. Prof. Thiago

A Iª GUERRA MUNDIAL. Prof. Thiago A Iª GUERRA MUNDIAL Prof. Thiago Paz Armada no continente Europeu Corrida Armamentista entre as potências europeias Imperialismo e neocolonialismo (disputas territoriais e comerciais) Origens da guerra

Leia mais

Apostila de História 36 Primeira Guerra Mundial ( )

Apostila de História 36 Primeira Guerra Mundial ( ) Apostila de História 36 Primeira Guerra Mundial (1914-1918) 1.0 Contexto Histórico Ameaça da Pax Britannica Hegemonia da Inglaterra: Alemães e norte-americanos já ultrapassavam a Inglaterra na produção

Leia mais

SABADÃO CSP O PERÍODO ENTRE GUERRAS PROF. BRUNO ORNELAS

SABADÃO CSP O PERÍODO ENTRE GUERRAS PROF. BRUNO ORNELAS SABADÃO CSP O PERÍODO ENTRE GUERRAS PROF. BRUNO ORNELAS TEMAS PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL; A REVOLUÇÃO RUSSA; A CRISE DE 1929; A PRIMEIRA REPÚBLICA; O NAZIFASCISMO. ANTECEDENTES SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

Leia mais

04. O INÍCIO DO SÉCULO XX E A GRANDE GUERRA

04. O INÍCIO DO SÉCULO XX E A GRANDE GUERRA 04. O INÍCIO DO SÉCULO XX E A GRANDE GUERRA La Belle Époque Visão otimista entre as grandes nações domínio sobre os continentes asiático e africano consolidação do capitalismo monopolista industrialização

Leia mais

O Mundo e a Grande Guerra

O Mundo e a Grande Guerra O Mundo e a Grande Guerra Aula ao Vivo A Primeira Guerra Mundial, que durou de 1914 a 1918, foi considerada por muitos de seus contemporâneos como a mais terrível das guerras. Por este motivo, tornou-se

Leia mais

A Primeira Guerra Mundial ( ) A Belle Époque ( )

A Primeira Guerra Mundial ( ) A Belle Époque ( ) A Primeira Guerra Mundial (1914-1918) A Belle Époque (1871-1914) A partir do século XVIII, com o surgimento das fábricas, o Ocidente passou a celebrar as conquistas tecnológicas. Vivia-se a Belle Époque,

Leia mais

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914-1918 ANTECEDENTES Belle Époque Bela Época - período de euforia vivido pela humanidade provocado pelo advento das conquistas tecnológicas e econômicas da revolução industrial.

Leia mais

Prof.ª Maria Auxiliadora

Prof.ª Maria Auxiliadora PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914-1918 Prof.ª Maria Auxiliadora ANTECEDENTES Belle Époque Bela Época - período de euforia vivido pela humanidade provocado pelo advento das conquistas tecnológicas e econômicas

Leia mais

Questões orientadoras: A Europa e o Mundo no limiar do século XX. Imperialismo

Questões orientadoras: A Europa e o Mundo no limiar do século XX. Imperialismo A Europa e o Mundo no limiar do século XX 9.1 Apogeu e declínio da influência europeia Questões orientadoras: Quais são as maiores potências mundiais no final do século XIX? O que é o Imperialismo? Quais

Leia mais

Instituto de Educação infantil e juvenil Inverno, Londrina, de. Nome: Ano: TEMPO Início: Término: Total: Edição 16 MMXIV grupo b

Instituto de Educação infantil e juvenil Inverno, Londrina, de. Nome: Ano: TEMPO Início: Término: Total: Edição 16 MMXIV grupo b Instituto de Educação infantil e juvenil Inverno, 2014. Londrina, de. Nome: Ano: TEMPO Início: Término: Total: Edição 16 MMXIV grupo b Questão 1 Analise o cartão postal russo antropomórfico do mapa da

Leia mais

1ª Guerra Mundial ( ) PROFESSOR TÁCIUS FERNANDES

1ª Guerra Mundial ( ) PROFESSOR TÁCIUS FERNANDES 1ª Guerra Mundial (1914-1918) PROFESSOR TÁCIUS FERNANDES Antecedentes Belle Époque No final XIX, a europa se via em meio a um desenvolvimento técnico e econômico jamais visto, o levou o estilo de vida

Leia mais

Metralhadora moderna (irmãos Maxim); Espingarda Lebel; Fuzil Mauser; Canhão Krupp; Aviões de guerra; Submarinos; Armas químicas: gás mostarda.

Metralhadora moderna (irmãos Maxim); Espingarda Lebel; Fuzil Mauser; Canhão Krupp; Aviões de guerra; Submarinos; Armas químicas: gás mostarda. Período de grande força da indústria bélica nas principais potências europeias; Preparação para uma guerra iminente e grande desenvolvimento tecnológico. Avanço Bélico: Metralhadora moderna (irmãos Maxim);

Leia mais

Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa:

Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa: Na aula de hoje vamos tratar de dois assuntos: Primeira guerra Mundial e Revolução Russa: Observe as figuras abaixo: Cavour Unificação Italiana Bismarck Unificação Alemã O processo de unificação da Alemanha

Leia mais

REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS

REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS REGIONALIZAÇÃO E AS ORDENS MUNDIAIS ORDEM MUNDIAL Equilíbrio temporário das relações políticas, econômicas, diplomáticas e militares entre as potências na disputa pelo poder e pela hegemonia do mundo.

Leia mais

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX. Caderno 9» Capítulo 1. www.sejaetico.com.

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX. Caderno 9» Capítulo 1. www.sejaetico.com. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX Caderno 9» Capítulo 1 www.sejaetico.com.br CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS A Primeira Guerra Mundial (1914-1918) Caderno

Leia mais

REVISÃO ANTECEDENTES DO CONFLITO

REVISÃO ANTECEDENTES DO CONFLITO REVISÃO ANTECEDENTES DO CONFLITO Cria-se uma Revolução na Alemanha, o Kaiser foge para Holanda -> República de Wiemar. 1919 Janeiro EUA (Woodrow Wilson) apresenta plano -14 pontos para paz: Descolonização

Leia mais

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial Aulas 39 40 Primeira Guerra Mundial 1 Causas Setor 1602 2 Desenvolvimento 3 Conferência de Paris (1919) ealvespr@gmail.com Objetivo da aula Apresentar as causas e as consequências da Primeira Guerra Mundial.

Leia mais

Primeira Guerra Mundial e Imperialismo

Primeira Guerra Mundial e Imperialismo Primeira Guerra Mundial e Imperialismo Imperialismo As razões da supremacia da Europa 1ª potência econômica do mundo: Dominava grande parte das trocas comerciais mundiais Tinha a maior parte da frota marítima

Leia mais

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial Primeira Guerra Mundial 1914 1918 Configurações Disputa anterior: Guerra Franco-Prussiana. Bèlle Epòque (1871-1914). Apogeu da sociedade capitalista. Controle econômico mundial era europeu. Disputa por

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Habilidade: Analisar a interferência na organização dos territórios a partir das guerras mundiais. Geopolítica e Território A Europa foi cenário

Leia mais

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial Primeira Guerra Mundial 1914-1918 PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914-1918) Soldados franceses Causas contexto Imperialismo e PAZ ARMADA Neocolonialismo. ALEMANHA X INGLATERRA MERCADO CONSUMIDOR FORMAÇÃO DOS

Leia mais

GLÓRIA FEITA DE SANGUE

GLÓRIA FEITA DE SANGUE GLÓRIA FEITA DE SANGUE A Primeira Guerra Mundial Prof. Luciano Barbian Frederico Duarte Bartz A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914 1918 Glória Feita de Sangue Ano: 1957 Paths of Glory Direção: Stanley Kubrick

Leia mais

Formação do Sistema Internacional BHO (4-0-4)

Formação do Sistema Internacional BHO (4-0-4) Formação do Sistema Internacional BHO1335-15 (4-0-4) Professor Dr. Demétrio G. C. de Toledo BRI demetrio.toledo@ufabc.edu.br UFABC - 2015.III Aula 12 4ª-feira, 11 de outubro Módulo II: Aula 9 Para falar

Leia mais

ANTECEDENTES DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

ANTECEDENTES DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ANTECEDENTES DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ANTECEDENTES SÉCULOS XIX E XX IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO ÁREAS DOMINADAS IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO ÁREAS DOMINADAS IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO OBJETIVOS

Leia mais

A G U G ERRA O IMPERIALISMO:

A G U G ERRA O IMPERIALISMO: A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914-1918 ) OS MOTIVOS DA GUERRA O IMPERIALISMO: Vários problemas atingiam as principais nações européias no início do século XX. O século anterior havia deixado feridas difíceis

Leia mais

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914-1918

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914-1918 PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL 1914-1918 ANTECEDENTES BELA ÉPOCA - PERÍODO DE EUFORIA VIVIDO PELA HUMANIDADE PROVOCADO PELO ADVENTO DAS CONQUISTAS TECNOLÓGICAS E ECONÔMICAS DA II REVOLUÇÃO INDUSTRIAL. A ARTE

Leia mais

A Primeira Guerra Mundial ( )

A Primeira Guerra Mundial ( ) A Primeira Guerra Mundial (1914 1918) Contexto histórico Vários problemas atingiam as principais nações européias no início do século XX. O século anterior havia deixado feridas difíceis de curar. Alguns

Leia mais

Formação do Sistema Internacional DBBHO SB (4-0-4)

Formação do Sistema Internacional DBBHO SB (4-0-4) Formação do Sistema Internacional DBBHO1335-16SB (4-0-4) Professor Dr. Demétrio G. C. de Toledo BRI demetrio.toledo@ufabc.edu.br UFABC - 2016.III Aula 12 3ª-feira, 1 de novembro Para falar com o professor:

Leia mais

2ª Guerra Mundial

2ª Guerra Mundial 2ª Guerra Mundial 1939-1945 http://historiaonline.com.br Antecedentes da Guerra Política de apaziguamento: LIGA DAS NAÇÕES Tolerância excessiva em relação às violações do Tratado de Versalhes e Saint Germain.

Leia mais

1- O IMPERIALISMO: Alguns países estavam extremamente descontentes com a partilha da Ásia e da África, ocorrida no final do

1- O IMPERIALISMO: Alguns países estavam extremamente descontentes com a partilha da Ásia e da África, ocorrida no final do A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914-1918 ) OS MOTIVOS DA GUERRA 1- O IMPERIALISMO: Alguns países estavam extremamente descontentes com a partilha da Ásia e da África, ocorrida no final do século XIX Alemanha

Leia mais

1º bimestre 2010_3ª série Contemporânea Unificações tardias (Alemanha e Itália). Cap39, p. 374 até 378. Roberson de Oliveira

1º bimestre 2010_3ª série Contemporânea Unificações tardias (Alemanha e Itália). Cap39, p. 374 até 378. Roberson de Oliveira 1º bimestre 2010_3ª série Contemporânea Unificações tardias (Alemanha e Itália). Cap39, p. 374 até 378. Roberson de Oliveira Expansão capitalista e nacionalismo As transições tardias: Alemanha e Itália

Leia mais

Questões Imperialistas

Questões Imperialistas Questões Imperialistas Questão Anglo Germânica Se a Alemanha fosse extinta amanhã, depois de amanhã não haveria um só inglês no mundo que não fosse rico. Nações lutaram durante anos por uma cidade ou um

Leia mais

1ª GUERRA MUNDIAL. Apostila 1 Capitulo 2 Professora Erlani

1ª GUERRA MUNDIAL. Apostila 1 Capitulo 2 Professora Erlani 1ª GUERRA MUNDIAL Apostila 1 Capitulo 2 Belle Époque Apesar de ter início normalmente citado como no final do século XIX e fim no início da Primeira Guerra Mundial, é difícil determinar especificamente

Leia mais

O texto configura a situação política de regiões europeias marcadas:

O texto configura a situação política de regiões europeias marcadas: 1ª Guerra Mundial Questão 1 Meu avô francês foi feito prisioneiro pelos prussianos em 1870; meu pai alemão foi feito prisioneiro pelos franceses em 1918; eu, francês, fui feito prisioneiro pelos alemães

Leia mais

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial Introdução Primeira Guerra Mundial A Primeira Guerra Mundial decorreu, antes de tudo, das tensões advindas das disputas por áreas coloniais. Dos vários fatores que desencadearam o conflito destacaram-se

Leia mais

II GUERRA MUNDIAL

II GUERRA MUNDIAL II GUERRA MUNDIAL 1939-1945 ASCENSÃO DOS REGIMES TOTALITÁRIOS EUROPA NO PÓS GUERRA Com o fim da Primeira Guerra Mundial, a Europa teve de enfrentar uma de suas piores crises econômicas. O uso do território

Leia mais

2ª série LISTA: Ensino Médio. Aluno(a): Professor(a): Fernando Carvalho DIA: 11 MÊS: 09 PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. Segmento temático:

2ª série LISTA: Ensino Médio. Aluno(a): Professor(a): Fernando Carvalho DIA: 11 MÊS: 09 PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL. Segmento temático: História LISTA: 01 2ª série Ensino Médio Professor(a): Fernando Carvalho Turma: A ( ) / B ( ) Aluno(a): Segmento temático: PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL DIA: 11 MÊS: 09 2017 Primeira Guerra Mundial A PRIMEIRA

Leia mais

Unificação Italiana e Alemã. Prof. Leopoldo UP

Unificação Italiana e Alemã. Prof. Leopoldo UP Unificação Italiana e Alemã Prof. Leopoldo UP Antecedentes: O Congresso de Viena(1815) Tentativa frustrada de manter o Antigo Regime. A Revolução de 1830. A Revolução Industrial se espalha por várias regiões

Leia mais

a) Por que o assassinato do arquiduque austríaco Francisco Ferdinando um fato aparentemente isolado provocou o início da Primeira Guerra Mundial?

a) Por que o assassinato do arquiduque austríaco Francisco Ferdinando um fato aparentemente isolado provocou o início da Primeira Guerra Mundial? NOME: DATA: TURMA: 9º ano PROFESSOR (A): ASSINATURA DOS PAIS E/ OU RESPONSAVEIS: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO 1º TRI DISCIPLINA: História NOTA: 1- Com relação à Primeira Guerra Mundial, responda: a) Por que

Leia mais

Primeira Guerra Mundial

Primeira Guerra Mundial IDADE CONTEMPORÂNEA Primeira Guerra Mundial A Primeira Guerra Mundial inaugurou o século XX na visão do historiador inglês Eric Hobsbawn, que escreveu o livro A Era dos Extremos o breve século XX (1914-91).

Leia mais

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL INTRODUÇÃO: O crescimento da capacidade de produção mundial provocou uma grande disputa entre as potências mundiais, na procura por novos mercados consumidores e de novas fontes

Leia mais

1ª Guerra Mundial Werkbund. PUC Goiás Arquitetura e Urbanismo - TH 3

1ª Guerra Mundial Werkbund. PUC Goiás Arquitetura e Urbanismo - TH 3 1ª Guerra Mundial Werkbund PUC Goiás Arquitetura e Urbanismo - TH 3 I GUERRA MUNDIAL 1914-1918 Os antecedentes e o conflito Somente aqueles que nunca deram um tiro, nem ouviram os gritos e os gemidos dos

Leia mais

TEMA I A EUROPA E O MUNDO NO LIMIAR DO SÉC. XX

TEMA I A EUROPA E O MUNDO NO LIMIAR DO SÉC. XX TEMA I A EUROPA E O MUNDO NO LIMIAR DO SÉC. XX A supremacia Europeia sobre o Mundo A Europa assumia-se como 1ª potência Mundial DOMÍNIO POLÍTICO Inglaterra, França, Alemanha, Portugal e outras potências

Leia mais

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Resultado da 2ª Revolução Industrial CONTEXTO: 2ª Revolução Industrial; Necessidade de novos mercados; Nacionalismo; Produção de armas; O CAPITALISMO MONOPOLISTA Setor industrial

Leia mais

O NEOCOLONIALISMO EUROPEU

O NEOCOLONIALISMO EUROPEU O NEOCOLONIALISMO EUROPEU Apresentação cedida, organizada e editada pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila A Reestruturação da Ordem de Viena O Período de 1871 à 1914 foi marcado pela ausência de

Leia mais

I GUERRA MUNDIAL 1914-1918. Os antecedentes e o conflito

I GUERRA MUNDIAL 1914-1918. Os antecedentes e o conflito I GUERRA MUNDIAL 1914-1918 Os antecedentes e o conflito Somente aqueles que nunca deram um tiro, nem ouviram os gritos e os gemidos dos feridos, é que clamam por sangue, vingança e mais desolação. A guerra

Leia mais

OBJETIVOS Ao final da aula o(a) aluno(a) deverá: entender o processo que levou ao primeiro conflito bélico de caráter mundial da História.

OBJETIVOS Ao final da aula o(a) aluno(a) deverá: entender o processo que levou ao primeiro conflito bélico de caráter mundial da História. Aula2 A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL META Compreender o contexto que desencadeou a Primeira Guerra Mundial. OBJETIVOS Ao final da aula o(a) aluno(a) deverá: entender o processo que levou ao primeiro conflito

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação História 9 o ano Unidade 3 5 Unidade 3 Nome: Data: 1. Ao longo do século XIX, a burguesia europeia não apenas conseguiu o poder político, como também consolidou seus valores e

Leia mais

UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS

UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS OBJETIVOS: -IDENTIFICAR OS OBJETIVOS E OS PRINCÍPIOS DO CONGRESSO. - DEFINIR OS OBJETIVOS E A ATUAÇÃO DA SANTA ALIANÇA. SUMÁRIO: 1.CONCEITUAÇÃO.

Leia mais

UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS OBJETIVOS:

UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS OBJETIVOS: UD II - ASSUNTO 6 O CONGRESSO DE VIENA E A SANTA ALIANÇA 02 TEMPOS OBJETIVOS: -IDENTIFICAR OS OBJETIVOS E OS PRINCÍPIOS DO CONGRESSO. - DEFINIR OS OBJETIVOS E A ATUAÇÃO DA SANTA ALIANÇA. SUMÁRIO: 1.CONCEITUAÇÃO.

Leia mais

Inglaterra-1ºpais industrializado X Alemanha (aceleradamente desenvolvida após a unificação);

Inglaterra-1ºpais industrializado X Alemanha (aceleradamente desenvolvida após a unificação); 1. Fatores que contribuíram para a eclosão do conflito: 1.1 - Concorrência econômica ( choque de imperialismos): Inglaterra-1ºpais industrializado X Alemanha (aceleradamente desenvolvida após a unificação);

Leia mais

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: HISTORIA Professor (a): RODRIGO CUNHA Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS DISSERTATIVOS. História Prof. Guilherme

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS DISSERTATIVOS. História Prof. Guilherme RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS DISSERTATIVOS História Prof. Guilherme Questão 7 Fuvest 2012 Leia este texto, que se refere à dominação europeia sobre povos e terras africanas. "Desde o século XVI, os portugueses

Leia mais

Questões políticas, ideológicas e populacionais Europa. Prof. Franco Augusto 9º ano

Questões políticas, ideológicas e populacionais Europa. Prof. Franco Augusto 9º ano Questões políticas, ideológicas e populacionais Europa Prof. Franco Augusto 9º ano Regionalização do continente europeu Densidade demográfica na Europa Renda per capita na Europa Com base nas diferenças

Leia mais

A Alemanha e as causas da Primeira Guerra Mundial: Foi ela a única responsável?

A Alemanha e as causas da Primeira Guerra Mundial: Foi ela a única responsável? History William Fujii A Alemanha e as causas da Primeira Guerra Mundial: Foi ela a única responsável? Essay A Alemanha e as causas da Primeira Guerra Mundial: Foi ela a única responsável? Até a conclusão

Leia mais

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA A ERA NAPOLEÔNICA (1799-1815) E O CONGRESSO DE VIENA FIM DA REVOLUÇÃO E EXPANSÃO FRANCESA http://historiaonline.com.br 1. Napoleão de 1769 a 1799: Patente de general com 24 anos. 1.1 Êxitos militares:

Leia mais

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA

A ERA NAPOLEÔNICA ( ) E O CONGRESSO DE VIENA A ERA NAPOLEÔNICA (1799-1815) E O CONGRESSO DE VIENA FIM DA REVOLUÇÃO E EXPANSÃO FRANCESA http://historiaonline.com.br 1. Napoleão de 1769 a 1799: Patente de general com 24 anos. 1.1 Êxitos militares:

Leia mais

Unificações: Alemanha, Itália e EUA no Séc. XIX

Unificações: Alemanha, Itália e EUA no Séc. XIX Unificações: Alemanha, Itália e EUA no Séc. XIX 1. (UNESP) As unificações políticas da Alemanha e da Itália, ocorridas na segunda metade do século XIX, alteraram o equilíbrio político e social europeu.

Leia mais

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Resultado da 2ª Revolução Industrial 1. CONTEXTO: 2ª Revolução Industrial; Necessidade de novos mercados; Nacionalismo; Produção de armas; Capitalismo Monopolista: Setor

Leia mais

A. Liessin 1º Ano E.M. Prof.ª Izabela Gonçalves Lista de exercícios de vestibulares do RJ

A. Liessin 1º Ano E.M. Prof.ª Izabela Gonçalves Lista de exercícios de vestibulares do RJ 1. (Unirio 98) O equilíbrio da ordem política internacional entre as nações européias, rompido com a eclosão da Primeira Guerra Mundial (1914-1918), fundamentava-se no(a): a) fim da política de compensações

Leia mais

100 anos da Primeira Guerra Mundial. Entenda como o assassinato de um arquiduque austríaco há exatos 100 anos levou a Europa à Guerra.

100 anos da Primeira Guerra Mundial. Entenda como o assassinato de um arquiduque austríaco há exatos 100 anos levou a Europa à Guerra. Instituto de Educação infantil e juvenil Inverno, 2014. Londrina, de. Nome: Ano: TEMPO Início: Término: Total: Edição 16 MMXIV grupo e 100 anos da Primeira Guerra Mundial. Entenda como o assassinato de

Leia mais

ESCOLA BÁSICA 2,3 DE CORROIOS FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc.

ESCOLA BÁSICA 2,3 DE CORROIOS FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc. FICHA SUMATIVA A Primeira Guerra Mundial Nome: N.º Turma: 9.º C Ano Lectivo 2010/2011 Professor: Nota: Enc. Educação: I. SITUAR NO TEMPO 1. ORDENA os acontecimentos cronologicamente, colocando as letras

Leia mais

UNIDADE 04 Leste Europeu e CEI

UNIDADE 04 Leste Europeu e CEI Leste europeu: 24 países CEI: 7 países europeus: Ucrânia, Belarus, Moldávia, Geórgia, Armênia, Azerbaijão e Rússia. 5 asiáticos: Turcomenistão, Uzbequistão, Quirguistão, Tadjiquistão e Cazaquistão. Minsk

Leia mais

The bitterest tears shed over graves are for words left unsaid and deeds left undone.

The bitterest tears shed over graves are for words left unsaid and deeds left undone. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914-1918) CEMITÉRIO MILITAR- SOMME The bitterest tears shed over graves are for words left unsaid and deeds left undone. Harriet Beecher Stowe FATORES DA GUERRA O CHOQUE DE

Leia mais

Primeira Guerra Mundial ( )

Primeira Guerra Mundial ( ) Primeira Guerra Mundial (1914-1918) A IGM foi o cartão de visitas século XX, marcado por intensos conflitos militares ao redor do planeta. Conflito continental = Europa Consequências globais Reuniu 70

Leia mais

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI ATIVIDADE DE HISTÓRIA U.E. 15

CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI ATIVIDADE DE HISTÓRIA U.E. 15 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI ATIVIDADE DE HISTÓRIA U.E. 15 1- Quais as contradições permanentes e fundamentais do Modo de Produção Capitalista? 2- O que geraram esses problemas/contradições? 3- Além de todos

Leia mais

CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO

CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO CAPÍTULO 2 O MUNDO DIVIDIDO PELO CRITÉRIO IDEOLÓGICO PROF. LEONAM JUNIOR COLÉGIO ARI DE SÁ CAVALCANTE 8º ANO O MUNDO DIVIDIDO P. 23 Existem vários critérios para regionalizar um território. Critério ideológico:

Leia mais

2ª GUERRA MUNDIAL 1939 a 1945

2ª GUERRA MUNDIAL 1939 a 1945 2ª GUERRA MUNDIAL 1939 a 1945 HITLER PRECISAVA JUSTIFICAR SEUS INVESTIMENTOS EM ARMAS HITLER PRECISAVA DESVIAR ATENÇÃO DA POPULAÇÃO DOS PROBLEMAS ECONÔMICOS MAIS GRAVES E ALIMENTAR O NACIONALISMO. HITLER

Leia mais

SEGUNDA GUERRA MUNDIAL ( )

SEGUNDA GUERRA MUNDIAL ( ) AVISO: O conteúdo e o contexto das aulas referem-se aos pensamentos emitidos pelos próprios autores que foram interpretados por estudiosos dos temas RUBENS expostos. RAMIRO Todo JR exemplo (TODOS citado

Leia mais

Os Impérios e o Poder Terrestre. Apresentação cedida, organizada e editada pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila

Os Impérios e o Poder Terrestre. Apresentação cedida, organizada e editada pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila Os Impérios e o Poder Terrestre Apresentação cedida, organizada e editada pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila A opção terrestre do poder militar Ao estudarmos a história dos impérios, percebe-se

Leia mais

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( )

A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( ) A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914-1918) Parte 1 - Origens do Conflito 1) A Unificação da Itália e da Alemanha 1.1. O Equilíbrio Europeu arruinado * Desde o Congresso de Viena (1815), que consolidou os termos

Leia mais

1ª Guerra Mundial, Crise do Capitalismo e República Velha

1ª Guerra Mundial, Crise do Capitalismo e República Velha 1ª Guerra Mundial, Crise do Capitalismo e República Velha 1ª Guerra Mundial, Crise do Capitalismo e República Velha 1. de auto-estima, indispensável para formar um cidadão. Um repórter de A Tribuna ouviu

Leia mais

A Era das Catástrofes - I. Prof. Thiago

A Era das Catástrofes - I. Prof. Thiago A Era das Catástrofes - I Prof. Thiago Paz Armada no continente Europeu (pós Era Napoleônica) Corrida Armamentista entre as potências europeias Imperialismo e neocolonialismo (disputas territoriais e comerciais)

Leia mais

1ª Guerra Mundial e a Crise do Capitalismo

1ª Guerra Mundial e a Crise do Capitalismo 1ª Guerra Mundial e a Crise do Capitalismo 1ª Guerra Mundial e a Crise do Capitalismo1. 1. O cartaz abaixo foi usado como propaganda do governo bolchevique. O texto que o a) b) Cite uma medida do governo

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO

IDADE CONTEMPORÂNEA IMPERIALISMO E NEOCOLONIALISMO Definição: domínio de vastas áreas do planeta por parte de nações industrializadas (ING, FRA, HOL, BEL, ALE, ITA, JAP, EUA, RUS). Momento Histórico: 2ª REV. INDUSTRIAL 1860 1914 ALE, ITA, RUS, EUA, JAP

Leia mais

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2

Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: HISTORIA Professor (a): RODRIGO CUNHA Ano: 9º Turma: 9.1 e 9.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais

03) Explique os conceitos de espaço vital e pangermanismo existentes na política externa da Alemanha nazista.

03) Explique os conceitos de espaço vital e pangermanismo existentes na política externa da Alemanha nazista. COLÉGIO PEDRO II CAMPUS HUMAITÁ II EXERCÍCIOS - Revisão 9ºANO PROFESSOR Cristiano Campos QUESTÃO 01 01) Cite algumas características dos movimentos e governos fascistas. QUESTÃO 02 02) Identifique as características

Leia mais

A Primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa

A Primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa A Primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa Capítulo 35 Primeira Guerra Mundial Revolução Russa 35.1 A Primeira Guerra Mundial 35.1 A Primeira Guerra Mundial Fatores da guerra Nacionalismo: pan-eslavismo

Leia mais

França e as Guerras Napoleônicas. Conteúdo cedido, organizado e editado pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila

França e as Guerras Napoleônicas. Conteúdo cedido, organizado e editado pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila França e as Guerras Napoleônicas Conteúdo cedido, organizado e editado pelos profs. Rodrigo Teixeira e Rafael Ávila A França do Século XVIII 3 a. maior economia europeia; problemas econômicos domésticos

Leia mais

SÉCULO XX PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( )

SÉCULO XX PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( ) E.E.E.F.M. MARIA DO CARMO DE OLIVEIRA RABELO Professor Socrates Alves. SÉCULO XX PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914-1918) Século XX Duas guerras mundiais, conflitos locais, guerras civis, holocaustos, ações

Leia mais

Curriculum Guide 11 th grade / História

Curriculum Guide 11 th grade / História Curriculum Guide 11 th grade / História Tema Conteúdo Habilidades Essential Questions 1) Era das Revoluções 1.1) Império Napoleônico 1.1a)Compreender o período napoleônico como uma época de consolidação

Leia mais

Fragmento extraído do Projeto Araribá - Geografia (Unidade 1) Temas: 1 e 2. Estado Território Nação e País

Fragmento extraído do Projeto Araribá - Geografia (Unidade 1) Temas: 1 e 2. Estado Território Nação e País Fragmento extraído do Projeto Araribá - Geografia (Unidade 1) Temas: 1 e 2 Estado Território Nação e País O atual mapa do mundo representa um momento geopolítico internacional, resultado das complexas

Leia mais

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS GEOGRAFIA PROFESSOR HENRIQUE

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS GEOGRAFIA PROFESSOR HENRIQUE CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS GEOGRAFIA PROFESSOR HENRIQUE As causas que levaram à deflagração das duas grandes Guerras Mundiais grandes guerras mundiais Principais causas que levaram à deflagração

Leia mais

A Itália e a Alemanha, até o final do século XIX eram regiões descentralizadas. politicamente, formada por diversos

A Itália e a Alemanha, até o final do século XIX eram regiões descentralizadas. politicamente, formada por diversos UNIFICAÇÃO POLÍTICA DA ALEMANHA E DA ITÁLIA A Itália e a Alemanha, até o final do século XIX eram regiões descentralizadas Estados independentes. Em 1871 ocorreu o processo de unificação política destes

Leia mais

TUTORIAL 12B. Data: Aluno (a): Equipe de História HISTÓRIA. Primeira Guerra Mundial. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem NANDA/SET/

TUTORIAL 12B. Data: Aluno (a): Equipe de História HISTÓRIA. Primeira Guerra Mundial. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem NANDA/SET/ Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 12B Ensino Médio Equipe de História Data: HISTÓRIA Primeira Guerra Mundial Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem - 1 - NANDA/SET/2014-1065 EXERCÍCIOS: 1. Os reflexos

Leia mais

Evolução do capitalismo

Evolução do capitalismo Evolução do capitalismo EVOLUÇÃO DO CAPITALISMO Prof. JÚLIO CÉSAR GABRIEL http://br.groups.yahoo.com/group/atualidadesconcursos Modo de produção Maneira como o seres humanos se organizam para produzirem

Leia mais

A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL MNE DGAE

A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL MNE DGAE A UNIÃO EUROPEIA E O DIÁLOGO INTERCULTURAL O CAMINHO PARA A UNIÃO EUROPEIA O QUE SE COMEMORA NO ANO EUROPEU 2008 QUIZ O CAMINHO PARA A UNIÃO EUROPEIA No século XX, depois das Guerras Mundiais (a 2ª foi

Leia mais

Europa espaço econômico

Europa espaço econômico Europa espaço econômico União Europeia O continente europeu é historicamente conhecido como Velho Continente, por ter sido responsável pela colonização da América e da África. No ano de 1500, a Europa

Leia mais

Variedades de Capitalismo. Aula 7 Itália. Prof.: Rodrigo Cantu

Variedades de Capitalismo. Aula 7 Itália. Prof.: Rodrigo Cantu Variedades de Capitalismo Aula 7 Itália Prof.: Rodrigo Cantu Características principais Economia de mercado mediterrânea (EMM) Relações conflituosas - fragmentação Coordenação estatal Política social limitada

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 2º Ano: C21 Nº Professor: Roberto Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais