SQL-99: Esquema de BD EMPRESA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SQL-99: Esquema de BD EMPRESA"

Transcrição

1 SQL-99: Esquema de BD EMPRESA SQL-99: Instâncias do esquema EMPRESA 1

2 Consultas externa, aninhada e correlacionada para cada tupla da consulta externa, a consulta aninhada devolve o atributo solicitado Em geral uma consulta aninhada e que usa os operadores de comparação = ou IN poderá sempre ser expressa como um bloco único de consulta c) SELECT E.PNOME, E.UNOME FROM EMPREGADO AS E WHERE E.SSN IN (SELECT ESSN FROM DEPENDENTE WHERE E.PNOME=NOME_DEPENDENTE AND E.SEXO=SEXO); c) SELECT E.PNOME, E.UNOME FROM EMPREGADO AS E, DEPENDENTE AS D WHERE E.SSN = D.ESSN AND E.SEXO=D.SEXO AND E.PNOME=P.NOME_DEPENDENTE; A função EXISTS é usada para verificar se o resultado de uma consulta aninhada correlacionada é vazio (não contém nenhuma tupla) ou não em geral, EXISTS (Q) devolve true se existir ao menos uma tupla no resultado da consulta aninhada Q, caso contrário, devolverá false NOT EXISTS (Q) devolverá true se não existir nenhuma tupla no resultado da consulta aninhada Q, caso contrário, devolverá false opção para a consulta anterior usando EXISTS 1) SELECT E.PNOME, E.UNOME FROM EMPREGADO AS E WHERE EXISTS (SELECT * FROM DEPENDENTE WHERE E.SSN = ESSN AND E.SEXO=SEXO AND E.PNOME=NOME_DEPEDENTE); para cada tupla EMPREGADO, a consulta aninhada avalia devolvendo todas as tuplas de DEPENDENTE com o mesmo número de seguro social, sexo e nome da tupla EMPREGADO 2

3 Relacione os nomes dos gerentes que possuam ao menos um dependente 2) SELECT PNOME, UNOME FROM EMPREGADO WHERE EXISTS (SELECT * FROM DEPENDENTE WHERE SSN = ESSN AND EXISTS (SELECT * FROM DEPARTAMENTO WHERE SSN=GERSSN); tem-se duas consultas aninhadas e correlacionadas a primeira seleciona todas as tuplas de DEPENDENTE relacionadas a EMPREGADO e a segunda seleciona todas as tuplas de DEPARTAMENTO gerenciadas por um EMPREGADO se ao menos uma da primeira e uma da segunda existirem, seleciona-se a tupla de EMPREGADO É possível usar um conjunto de valores explícitos na cláusula WHERE em vez de consultas aninhadas esse conjunto é colocado entre parênteses recupere os números dos seguros sociais de todos os empregados que trabalham nos projetos 1, 2 ou 3: 3) SELECT DISTINCT ESSN FROM TRABALHA_EM WHERE PNO IN (1, 2, 3); O conceito de junção de tabelas foi incorporado para que os usuários pudessem especificar uma tabela que fosse resultado da aplicação da operação de junção na cláusula FROM de uma consulta (por exemplo, junção natural) recupere o nome e o endereço de todos os empregados que trabalham no departamento Pesquisa : 4) SELECT PNOME, UNOME ENDERECO FROM (EMPREGADO JOIN DEPARTAMENTO ON DNO=DNUMERO) WHERE DNOME= Pesquisa ; 3

4 Há diversas funções pré-construídas para diversas aplicações em BD: COUNT, SUM, MAX, MIN, AVG COUNT: devolve o número de tuplas ou valores especificado em uma consulta SUM, MAX, MIN, AVG: são aplicadas em um conjunto de valores e devolvem, respectivamente, a soma, o valor máximo, o valor mínimo e a média desses valores MAX e MIN podem ser usadas com atributos que não tenham domínios numéricos desde que esses domínios tenham uma ordenação total entre eles encontre a soma dos salários, o maior salário, o menor salário e a média salarial de todos os empregados 5) SELECT SUM (SALARIO), MAX (SALARIO), MIN (SALARIO, AVG (SALARIO) FROM EMPREGADO; COUNT (*) o * se refere às linhas, logo count(*) devolverá o número de linhas Recupere o número total de empregados da empresa 6) SELECT COUNT (*) FROM EMPREGADO; Recupere o número de empregados do departamento Pesquisa 7) SELECT COUNT (*) FROM EMPREGADO, DEPARTAMENTO WHERE DNO=DNUMERO AND DNOME= Pesquisa ; COUNT para contar o número de valores em uma coluna em vez de tuplas Conte o número dos diferentes valores de salário contidos no BD 8) SELECT COUNT (DISTINCT SALARIO) FROM EMPREGADO; 4

5 Para COUNT (SALARIO), os valores repetidos não serão eliminados tuplas com null não são contabilizadas Os valores NULL são descartados quando se aplicam as funções agregadas em um atributo em particular Pode-se especificar uma consulta aninhada correlacionada com funções agregadas Recupere os nomes de todos os empregados que têm dois ou mais dependentes 9) SELECT PNOME, UNOME FROM EMPREGADO WHERE (SELECT COUNT(*) FROM DEPENDENTE WHERE SSN=ESSN) >= 2; a tupla aninhada correlacionada conta o número de dependentes que cada um dos empregados tem; se esse número for maior ou igual a dois, a tupla desse empregado será selecionada Cláusula GROUP BY em alguns casos, precisa-se aplicar as funções agregadas para alguns subgrupos de tuplas e não para a totalidade das tuplas em conjunto exemplo: quando precisa-se encontrar a média de salário dos empregados de cada departamento ou dos empregados que trabalham em cada projeto na cláusula SELECT aparece o(s) atributo(s) de agrupamento e as funções que serão aplicadas em cada grupo de atributos, quando for o caso para cada departamento, recupere seu número, o número de empregados que nele trabalham e a média de seus salários Q24) SELECT DNO, COUNT (*), AVG (SALARIO) FROM EMPREGADO GROUP BY DNO; se houver NULL no atributo de agrupamento, um grupo separado será criado para as tuplas com valores NULL nesse atributo 5

6 Cláusula HAVING proporciona a aplicação de uma condição para o grupo de tuplas associado a cada valor dos atributos de agrupamento para cada projeto em que trabalhem mais de dois empregados, recupere o número do projeto, seu nome e o número de empregados Q26) SELECT PNUMERO, PJNOME, COUNT (*) FROM PROJETO, TRABALHA_EM WHERE PNUMERO=PNO GROUP BY PNUMERO HAVING COUNT(*) > 2; a cláusula WHERE limita as tuplas e a cláusula HAVING escolhe grupos 6

7 INSERT (inserção), DELETE (exclusão) e UPDATE (atualização) INSERT usado para adicionar uma única tupla em uma relação estabelece-se o nome da relação e uma lista de valores para a tupla devem ser relacionados na mesma ordem em que foram especificados os atributos no comando CREATE TABLE para se adicionar uma nova tupla à relação EMPREGADO: INSERT INTO EMPREGADO VALUES ( Richard, K, Marini, , , 98 Oak Forest, Katy, TX, M, 37000, , 4); INSERT outra forma do comando INSERT: INSERT INTO EMPREGADO (PNOME, UNOME, DNO, SSN) VALUES ( Richard, Marini, 4, ); os atributos que não foram especificados serão registrados com seus valores DEFAULT ou NULL os comandos são rejeitados se o SGBD implementa a integridade referencial e a integridade de entidade: INSERT INTO EMPREGADO (PNOME, UNOME, DNO, SSN) VALUES ( Robert, Hatcher, 2, ); não existe DEPARTAMENTO com DNUMERO=2 INSERT INTO EMPREGADO (PNOME, UNOME, DNO) VALUES ( Richard, Hatcher, 5); o valor do SSN não foi informado e ele foi declarado como NOT NULL 7

8 DELETE remove tuplas de uma relação DELETE FROM EMPREGADO; as tuplas serão removidas de uma única tabela de cada vez, entretanto, as remoções podem propagar-se nas tuplas de outras relações, se forem definidas ações engatilhadas se foi incluída a cláusula WHERE, serão selecionadas as tuplas que serão deletadas DELETE FROM EMPREGADO WHERE UNOME= Brown ; DELETE FROM EMPREGADO WHERE DNO IN (SELECT DNUMERO FROM DEPARTAMENTO WHERE DNOME= Pesquisa ); UPDATE modifica os valores dos atributos de uma ou mais tuplas a cláusula WHERE seleciona as tuplas de uma única relação que serão modificadas, entretanto, uma atualização no valor da chave primária pode propagar-se para os valores das chaves estrangeiras, nas tuplas de outras relações, se essa ação engatilhada for especificada uma cláusula adicional SET, dentro do comando UPDATE, especifica os atributos que serão modificados e seus novos valores UPDATE PROJETO SET PLOCALIZACAO= Bellaire, DNUM = 5 WHERE PNUMERO=10; altera a localização e o número do departamento do projeto de número 10 8

9 UPDATE dar um aumento de salário de 10% a todos os empregados do departamento Pesquisa UPDATE EMPREGADO SET SALARIO=SALARIO*1.1 WHERE DNO IN (SELECT DNUMERO FROM DEPARTAMENTO WHERE DNOME= Pesquisa ); Próximo capítulo: mais SQL... asserções e visões... 9

SQL-99: Definição de esquema, restrições básicas e consultas

SQL-99: Definição de esquema, restrições básicas e consultas SQL-99: Definição de esquema, restrições básicas e consultas A linguagem SQL é uma das maiores razões para o sucesso dos BD relacionais no mundo comercial Este capítulo apresenta as principais funcionalidades

Leia mais

Banco de Dados I. Aula 16 - Prof. Bruno Moreno 04/11/2011

Banco de Dados I. Aula 16 - Prof. Bruno Moreno 04/11/2011 Banco de Dados I Aula 16 - Prof. Bruno Moreno 04/11/2011 Plano de Aula O comando DELETE Cláusula CHECK Comparações utilizando NULL Funções agregadas Junções de tabelas em SQL Visões Comando DELETE DELETE

Leia mais

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida SQL PostgreSQL I Criação de Tabelas Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida Composição da SQL Linguagem de Definição de Dados (DDL): Comandos para

Leia mais

SQL (Tópicos) Structured Query Language

SQL (Tópicos) Structured Query Language SQL (Tópicos) Structured Query Language ISI Introdução aos Sistemas de Informação SQL (Tópicos) 1 SQL: componentes SQL / DDL (Data Definition Language) Permite definir os Esquemas de Relação Permite definir

Leia mais

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida SQL PostgreSQL I Criação de Tabelas Disciplina: SCC0241 Bases de Dados Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida Composição da SQL Linguagem de Definição de Dados (DDL): Comandos para

Leia mais

L Q S m e g a u g n Li A

L Q S m e g a u g n Li A A Linguagem SQL Introdução Originalmente proposta para o System R desenvolvido nos laboratórios da IBM na década de 70 SEQUEL (Structured English QUEry Language) Objeto de um esforço de padronização coordenado

Leia mais

ANÁLISE E PROJETO DE BANCO DE DADOS

ANÁLISE E PROJETO DE BANCO DE DADOS ANÁLISE E PROJETO DE BANCO DE DADOS SQL FELIPE G. TORRES SQL A linguagem SQL (Struct Query Language) é utilizada como padrão em bancos de dados relacionais. Seu desenvolvimento foi originalmente no início

Leia mais

Modelo de dados relacional e as restrições de um BD relacional

Modelo de dados relacional e as restrições de um BD relacional Modelo de dados relacional e as restrições de um BD relacional O modelo relacional foi introduzido por Ted Codd, da IBM em 1970 atraiu a atenção em virtude de sua simplicidade e base matemática o modelo

Leia mais

Banco de Dados I. Aula 14 - Prof. Bruno Moreno 11/10/2011

Banco de Dados I. Aula 14 - Prof. Bruno Moreno 11/10/2011 Banco de Dados I Aula 14 - Prof. Bruno Moreno 11/10/2011 Plano de Aula INSERT UPDATE SELECT-FROM-WHERE Uso de ALIASES SELECT com * DISTINCT Operações de Conjuntos Comparação entre substrings Operadores

Leia mais

SQL DML. Frederico D. Bortoloti freddb@ltc.ufes.br

SQL DML. Frederico D. Bortoloti freddb@ltc.ufes.br Banco de Dados I SQL DML Frederico D. Bortoloti freddb@ltc.ufes.br SQL - DML Os exemplos da aula serão elaborados para o esquema de dados a seguir: Empregado(matricula, nome, endereco, salario, supervisor,

Leia mais

Rápida revisão do Modelo Relacional

Rápida revisão do Modelo Relacional Rápida revisão do Modelo Relacional Conceito de relação Tuplas e atributos Rápida revisão do Modelo Relacional Regras de integridade Entidade: Deve existir uma chave primária com valor único e não-nulo.

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE INTRODUÇÃO A SQL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE INTRODUÇÃO A SQL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE INTRODUÇÃO A SQL Docente: Éberton da Silva Marinho e-mail: ebertonsm@gmail.com 02/06/2016 SUMÁRIO SQL DDL DML SQL (STRUCTURED

Leia mais

BANCO DE DADOS II SQL Básico. COTEMIG Gerson Borges

BANCO DE DADOS II SQL Básico. COTEMIG Gerson Borges BANCO DE DADOS II SQL Básico COTEMIG Gerson Borges gerson@cotemig.com.br Definição de Banco de Dados [Elmasri & Navathe, 2000] Um banco de dados é uma coleção de dados relacionados Representando algum

Leia mais

Uma expressão básica em SQL consiste em três cláusulas: select, from e where.

Uma expressão básica em SQL consiste em três cláusulas: select, from e where. Introdução a Banco de Dados O.K. Takai; I.C.Italiano; J.E. Ferreira. 67 8 A Linguagem SQL A linguagem SQL é um padrão de linguagem de consulta comercial que usa uma combinação de construtores em Álgebra

Leia mais

SQL. SQL (Structured Query Language) Comando CREATE TABLE. SQL é uma linguagem de consulta que possibilita:

SQL. SQL (Structured Query Language) Comando CREATE TABLE. SQL é uma linguagem de consulta que possibilita: SQL Laboratório de Computação para Ciências Módulo II Prof. Guilherme Tavares de Assis Universidade Federal de Ouro Preto UFOP Instituto de Ciências Exatas e Biológicas ICEB Mestrado Profissional em Ensino

Leia mais

IMPLEMENTAÇÃO DE BANCO DE DADOS

IMPLEMENTAÇÃO DE BANCO DE DADOS IMPLEMENTAÇÃO DE BANCO DE DADOS MODULO 2 LINGUAGEM SQL CONTEÚDO 2. LINGUAGEM SQL 2.1 Linguagens de Definição de Dados (DDL) 2.1.1 Criação de tabela: CREATE 2.1.2 Alteração de Tabela: ALTER 2.1.3 Exclusão

Leia mais

A Linguagem SQL. Introdução a Banco de Dados DCC 011

A Linguagem SQL. Introdução a Banco de Dados DCC 011 A Linguagem SQL Introdução Originalmente proposta para o System R desenvolvido nos laboratórios da IBM na década de 70 SEQUEL (Structured English QUEry Language) Objeto de um esforço de padronização coordenado

Leia mais

Banco de Dados I. Aula 17 - Prof. Bruno Moreno 08/11/2011

Banco de Dados I. Aula 17 - Prof. Bruno Moreno 08/11/2011 Banco de Dados I Aula 17 - Prof. Bruno Moreno 08/11/2011 Plano de Aula Visões em SQL Normalização Motivação Definição Formas Normais Banco de Dados I VISÕES Visões É uma tabela única derivada de outra(s)

Leia mais

SQL DCC011. SQL gerenciar tabelas e dados. Programa. Introdução. Introdução

SQL DCC011. SQL gerenciar tabelas e dados. Programa. Introdução. Introdução Programa DCC011 Introdução a Banco de Dados SQL gerenciar taelas e dados Mirella M. Moro Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal de Minas Gerais mirella@dcc.ufmg.r Introdução Conceitos

Leia mais

Modelo de Dados Relacional

Modelo de Dados Relacional Modelo de Dados Relacional Sumário Conceitos Básicos Domínios, atributos, tuplas e relações Características das relações Notação Restrições de Integridade Domínio, chave, integridade entidade e integridade

Leia mais

Linguagem de pesquisa declarativa para banco de dados relacional; 1ª Versão - Desenvolvida pela IBM no laboratório de pesquisa de San José;

Linguagem de pesquisa declarativa para banco de dados relacional; 1ª Versão - Desenvolvida pela IBM no laboratório de pesquisa de San José; MySQL SQL (Structured Query Languagem ) Linguagem de pesquisa declarativa para banco de dados relacional; 1ª Versão - Desenvolvida pela IBM no laboratório de pesquisa de San José; Inicialmente - Sequel

Leia mais

Introdução ao SQL. Aécio Costa

Introdução ao SQL. Aécio Costa Aécio Costa A linguagem SQL é um padrão de linguagem de consulta comercial e possui as seguintes partes: Linguagem de definição de dados (DDL) Linguagem interativa de manipulação de dados (DML) Definição

Leia mais

- Um "query block" permite a implementação das operações de selecção, projecção e junção da álgebra relacional.

- Um query block permite a implementação das operações de selecção, projecção e junção da álgebra relacional. 2.3 Linguagens relacionais (continuação) SQL Structured Query Language 1) "Query block" Select From Where - Um "query block" permite a implementação

Leia mais

SQL Linguagem de Manipulação de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri

SQL Linguagem de Manipulação de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri SQL Linguagem de Manipulação de Dados Banco de Dados SQL DML SELECT... FROM... WHERE... lista atributos de uma ou mais tabelas de acordo com alguma condição INSERT INTO... insere dados em uma tabela DELETE

Leia mais

SQL CREATE DATABASE. MySQL, SQL Server, Access, Oracle, Sybase, DB2, e outras base de dados utilizam o SQL.

SQL CREATE DATABASE. MySQL, SQL Server, Access, Oracle, Sybase, DB2, e outras base de dados utilizam o SQL. LINGUAGEM SQL SQL CREATE DATABASE MySQL, SQL Server, Access, Oracle, Sybase, DB2, e outras base de dados utilizam o SQL. SQL CREATE TABLE SQL NOT NULL O valor NOT NULL obriga que o campo contenha sempre

Leia mais

Linguagem SQL Comando SELECT Agrupamento de Resultados

Linguagem SQL Comando SELECT Agrupamento de Resultados BDDAD Bases de Dados Linguagem SQL Comando SELECT de Resultados Nelson Freire (ISEP LEI-BDDAD 2015/16) 1/12 Introdução Sumário Funções de Agregação Básicas COUNT SUM MIN MAX AVG Cláusulas de GROUP BY HAVING

Leia mais

Comandos de Manipulação

Comandos de Manipulação SQL - Avançado Inserção de dados; Atualização de dados; Remoção de dados; Projeção; Seleção; Junções; Operadores: aritméticos, de comparação,de agregação e lógicos; Outros comandos relacionados. SQL SQL

Leia mais

SISTEMAS DE BANCO DE DADOS. Prof. Adriano Pereira Maranhão

SISTEMAS DE BANCO DE DADOS. Prof. Adriano Pereira Maranhão SISTEMAS DE BANCO DE DADOS Prof. Adriano Pereira Maranhão 1 SQL Structured Query Language SQL Desenvolvida pela IBM Structured English Query Language Sequel Linguagem de consulta para o sistema R Primeiro

Leia mais

Restrições do modelo relacional

Restrições do modelo relacional Restrições de CHAVE a relação CARRO da figura abaixo apresenta duas chaves candidatas considera-se como chave primária, o atributo-chave que é usado para identificar a tupla na relação e ela deve ser sublinhada

Leia mais

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: Banco de Dados e suas Aplicações Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida

SQL PostgreSQL. I Criação de Tabelas. Disciplina: Banco de Dados e suas Aplicações Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida SQL PostgreSQL I Criação de Tabelas Disciplina: Banco de Dados e suas Aplicações Professor: Eduardo Hruschka Estagiária PAE: Dayse de Almeida Composição da SQL Linguagem de Definição de Dados (DDL): Comandos

Leia mais

BCD29008 Banco de dados

BCD29008 Banco de dados BCD29008 Banco de dados Linguagem SQL Prof. Emerson Ribeiro de Mello Instituto Federal de Santa Catarina IFSC campus São José mello@ifsc.edu.br http://docente.ifsc.edu.br/mello/bcd 21 de agosto de 2017

Leia mais

Introdução ao PostgreSQL

Introdução ao PostgreSQL Introdução ao PostgreSQL Fontes Karine Reis Ferreira karine@dpi.inpe.br Gilberto Câmara gilberto@dpi.inpe.br Gilberto Ribeiro de Queiroz gribeiro@dpi.inpe.br Marcos André Gonçalves - UFMG Parte 3 Aula

Leia mais

Principais Conceitos. Modelo Relacional representa o banco de dados como uma coleção de relações Tupla Atributos Relação Domínio

Principais Conceitos. Modelo Relacional representa o banco de dados como uma coleção de relações Tupla Atributos Relação Domínio MODELO RELACIONAL Principais Conceitos Modelo Relacional representa o banco de dados como uma coleção de relações Tupla Atributos Relação Domínio Conceitos Básicos - Relações A Álgebra Relacional fundamenta-se

Leia mais

Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML

Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML INTRODUÇÃO A SQL - Structured Query Language, foi desenvolvido pela IBM em meados dos anos 70 como uma linguagem de manipulação de dados (DML - Data Manipulation

Leia mais

SQL. SQL (Structured Query Language) Comando CREATE TABLE. SQL é uma linguagem de consulta que possibilita:

SQL. SQL (Structured Query Language) Comando CREATE TABLE. SQL é uma linguagem de consulta que possibilita: SQL Tópicos Especiais Modelagem de Dados Prof. Guilherme Tavares de Assis Universidade Federal de Ouro Preto UFOP Instituto de Ciências Exatas e Biológicas ICEB Mestrado Profissional em Ensino de Ciências

Leia mais

Banco de Dados. Álgebra Relacional. João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai

Banco de Dados. Álgebra Relacional. João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai Banco de Dados Álgebra Relacional João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai Introdução A Álgebra Relacional contempla um conjunto de operações que permitem especificar consultas sob relações. As operações

Leia mais

DDL DML DCL DTL Tipos Numéricos: INT FLOAT DOUBLE Tipos String: CHAR VARCHAR BINARY BLOB TEXT Tipos Data e Hora: DATE TIME TIMESTAMP YEAR

DDL DML DCL DTL Tipos Numéricos: INT FLOAT DOUBLE Tipos String: CHAR VARCHAR BINARY BLOB TEXT Tipos Data e Hora: DATE TIME TIMESTAMP YEAR SQL Structured Query Language, ou Linguagem de Consulta Estruturada, foi desenvolvida pela IBM nos anos 70 para demonstrar a viabilidade do modelo relacional para bancos de dados. No final dos anos 80

Leia mais

Básico da Linguagem SQL. Definição de Esquemas em SQL. SQL(Structured Query Language)

Básico da Linguagem SQL. Definição de Esquemas em SQL. SQL(Structured Query Language) Básico da Linguagem SQL Definição de Esquemas em SQL SQL(Structured Query Language) Desenvolvida como a linguagem de consulta do protótipo de SGBD Sistema R (IBM, 1976). Adotada como linguagem padrão de

Leia mais

AULA 8. Ambientes Visuais 8.1. OBJETIVO DA AULA SQL (Structured Query Language)

AULA 8. Ambientes Visuais 8.1. OBJETIVO DA AULA SQL (Structured Query Language) AULA 8 8.1. OBJETIVO DA AULA Relembrar conceitos e recursos básicos apresentados nas aulas anteriores, dar continuidade nas codificações iniciadas e ainda não finalizadas, explorar acesso a banco de dados

Leia mais

Banco de Dados I Introdução SQL

Banco de Dados I Introdução SQL Banco de Dados I Introdução SQL Frederico Queiroga fredericoqueiroga@gmail.com https://sites.google.com/site/fredericoqueiroga/ Linguagem SQL Aspectos Gerais: Independência do fabricante: Está incorporada

Leia mais

Linguagem de Consulta - SQL

Linguagem de Consulta - SQL Complementos da Linguagem SQL - Eliminando Tuplas Repetidas Exemplo: Obter o código das editoras que têm livros publicados CodEditora Titulo Publicacao... 04 Banco de Dados 1989 02 Análise 2000 01 XML

Leia mais

Álgebra Relacional e SQL

Álgebra Relacional e SQL Álgebra Relacional e SQL Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri Álgebra Relacional Maneira teórica de se manipular o banco de dados relacional Linguagem de consulta procedural usuários

Leia mais

Sintaxe do comando SELECT

Sintaxe do comando SELECT Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul Ciência da Computação Banco de Dados Prof. Nilton nilton@comp.uems.br Sintaxe do comando SELECT SELECT FROM [WHERE ]

Leia mais

SQL. Prof. Márcio Bueno. {bd2tarde,bd2noite}@marciobueno.com

SQL. Prof. Márcio Bueno. {bd2tarde,bd2noite}@marciobueno.com SQL Prof. Márcio Bueno {bd2tarde,bd2noite}@marciobueno.com Material dos professores Ana Carolina Salgado, Fernando Foncesa e Valéria Times (CIn/UFPE) SQL SQL - Structured Query Language Linguagem de Consulta

Leia mais

Prova de Tecnologia da Informação

Prova de Tecnologia da Informação 1. A arquitetura de três esquemas possui três níveis: nível interno, nível conceitual e o nível externo ou de visão. Com respeito ao nível conceitual podemos afirmar que; a. Descreve os detalhes completos

Leia mais

'%'! $!0" $ 8 ' %%! % '! $ $$% + ' %!%$/)!'4!+,"/)!)+,/)% *! +,"0''% * %$!*!$$ #!"%&%'%'%$! "94(# ' %'$%$$$%0%$%' *!% %%%'!**% > %% %%!31?

'%'! $!0 $ 8 ' %%! % '! $ $$% + ' %!%$/)!'4!+,/)!)+,/)% *! +,0''% * %$!*!$$ #!%&%'%'%$! 94(# ' %'$%$$$%0%$%' *!% %%%'!**% > %% %%!31? MODELAGEM FÍSICA Capítulo 3! " # $ $!%%%& '$! $% $$%"%' ) ' *'!%'!$ $ $ $% +, %#!!" '$*'#%! $ $$%" % '$%!!% $% * % $ *-! %$% $!* '% $!$$.!'% & $%!% $ $ ' %/!$ 0 $*' $% *0 )#%!$0% 1&$$$%+#!*22,"$% )'%$$%%&

Leia mais

MySql. Introdução a MySQL. Andréa Garcia Trindade

MySql. Introdução a MySQL. Andréa Garcia Trindade MySql Introdução a MySQL Andréa Garcia Trindade Introdução O que é Banco de Dados SGBD MYSQL Tipos de Tabelas Tipos de Dados Linguagem SQL Comandos SQL O que é um Banco de Dados? Conjuntos de dados Grupo

Leia mais

Utilizando o Postgres - comandos SQL para a manipulação de dados

Utilizando o Postgres - comandos SQL para a manipulação de dados Utilizando o Postgres - comandos SQL para a manipulação de dados SELECT A declaração SELECT é utilizada para selecionar os dados de um banco de dados. SELECT nome FROM clientes WHERE A cláusula WHERE é

Leia mais

Banco de Dados SQL. João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai

Banco de Dados SQL. João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai Banco de Dados SQL João Eduardo Ferreira Osvaldo Kotaro Takai Introdução SQL - Structured Query Language Linguagem declarativa não-procedimental Desenvolvida e implementada pelo laboratório de pesquisa

Leia mais

Banco de Dados I. Aula 12 - Prof. Bruno Moreno 04/10/2011

Banco de Dados I. Aula 12 - Prof. Bruno Moreno 04/10/2011 Banco de Dados I Aula 12 - Prof. Bruno Moreno 04/10/2011 Plano de Aula SQL Definição Histórico SQL e sublinguagens Definição de dados (DDL) CREATE Restrições básicas em SQL ALTER DROP 08:20 Definição de

Leia mais

Revisão de Bancos de Dados

Revisão de Bancos de Dados Revisão de Bancos de Dados Conceitos Básicos 1. Defina o que é um banco de dados e o que é um sistema gerenciador de bancos de dados (SGBD). 2. Defina as arquiteturas de software em duas camadas (cliente/servidor)

Leia mais

Banco de Dados I Linguagem SQL Parte 2. Autor: Prof. Cláudio Baptista Adaptado por: Prof. Ricardo Antonello

Banco de Dados I Linguagem SQL Parte 2. Autor: Prof. Cláudio Baptista Adaptado por: Prof. Ricardo Antonello Banco de Dados I Linguagem SQL Parte 2 Autor: Prof. Cláudio Baptista Adaptado por: Prof. Ricardo Antonello Introdução Como vimos, um SGBD possui duas linguagens: DDL: Linguagem de Definição de Dados. Usada

Leia mais

Bancos (Bases) de Dados

Bancos (Bases) de Dados Bancos (Bases) de Dados Aula #8 SQL Prof. Eduardo R. Hruschka * Slides baseados no material elaborado pelas professoras: Cristina D. A. Ciferri Elaine P. M. de Souza SQL (Structured Query Language) Linguagem

Leia mais

Introdução à Banco de Dados. Nathalia Sautchuk Patrício

Introdução à Banco de Dados. Nathalia Sautchuk Patrício Introdução à Banco de Dados Nathalia Sautchuk Patrício Histórico Início da computação: dados guardados em arquivos de texto Problemas nesse modelo: redundância não-controlada de dados aplicações devem

Leia mais

Ordenação de tuplos order by

Ordenação de tuplos order by Bases de Dados Elementos da linguagem SQL Ordenação de tuplos order by A cláusula order by permite ordenar tuplos exemplo: listar por ordem alfabética os nomes dos clientes com empréstimo na agência de

Leia mais

Agenda. Linguagem de Consulta SQL. 1. Introdução Histórico. 1. Introdução BD Relacionais

Agenda. Linguagem de Consulta SQL. 1. Introdução Histórico. 1. Introdução BD Relacionais Linguagem de Consulta SQL Profa. Carla A. Lima Reis SQL Agenda Introdução Histórico BD relacionais Linguagem SQL Definição de BD Manipulação de BD com SQL Consultas SQL Consultas com várias tabelas Subconsultas

Leia mais

SQL BÁSICO. Luiz Antônio Vivacqua Corrêa Meyer

SQL BÁSICO. Luiz Antônio Vivacqua Corrêa Meyer SQL BÁSICO Luiz Antônio Vivacqua Corrêa Meyer SQL (Structured Query Language) Início na década de 70 pela IBM com o nome de SEQUEL. Em 1980 o produto mudou seu nome para SQL. American National Standards

Leia mais

DCC011 Introdução a Banco de Dados

DCC011 Introdução a Banco de Dados DCC011 Introdução a Banco de Dados SQL select avançado Mirella M. Moro Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal de Minas Gerais mirella@dcc.ufmg.br Revisão: consultas básicas Formato

Leia mais

GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DML no PostgreSQL. Ilmério Reis da Silva ilmerio@facom.ufu.br www.facom.ufu.br/~ilmerio/sbd UFU/FACOM/BCC

GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DML no PostgreSQL. Ilmério Reis da Silva ilmerio@facom.ufu.br www.facom.ufu.br/~ilmerio/sbd UFU/FACOM/BCC GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DML no PostgreSQL Ilmério Reis da Silva ilmerio@facom.ufu.br www.facom.ufu.br/~ilmerio/sbd UFU/FACOM/BCC Página 2 Prgrama Teórico/Prático - SQL Linguagem SQL Comandos

Leia mais

GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DDL - Visões. Ilmério Reis da Silva UFU/FACOM/BCC

GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DDL - Visões. Ilmério Reis da Silva  UFU/FACOM/BCC GBC043 - Sistemas de Banco de Dados SQL/DDL - Visões Ilmério Reis da Silva ilmerio@facom.ufu.br www.facom.ufu.br/~ilmerio/sbd UFU/FACOM/BCC UFU/FACOM SBD Página 2 Visão - Definição Def. Visão é uma tabela

Leia mais

Definida pelo American National Standard Institute (ANSI) em 1986

Definida pelo American National Standard Institute (ANSI) em 1986 2.3. Linguagens Relacionais SQL Structured Query Language Linguagem para o modelo relacional: Definida pelo American National Standard Institute (ANSI) em 1986 Adoptada em 1987 como um standard internacional

Leia mais

Álgebra Relacional. Conjunto de operações que usa uma ou duas relações como entrada e gera uma relação de saída. Operações básicas:

Álgebra Relacional. Conjunto de operações que usa uma ou duas relações como entrada e gera uma relação de saída. Operações básicas: Álgebra Relacional Conjunto de operações que usa uma ou duas relações como entrada e gera uma relação de saída operação (REL 1 ) REL 2 operação (REL 1,REL 2 ) REL 3 Operações básicas: seleção projeção

Leia mais

Structured Query Language (SQL)

Structured Query Language (SQL) SQL Histórico Structured Query Language (SQL) Foi desenvolvido pela IBM em meados dos anos 70 como uma linguagem de manipulação de dados (DML - Data Manipulation Language) para suas primeiras tentativas

Leia mais

Banco de Dados. Prof. Antonio

Banco de Dados. Prof. Antonio Banco de Dados Prof. Antonio SQL - Structured Query Language O que é SQL? A linguagem SQL (Structure query Language - Linguagem de Consulta Estruturada) é a linguagem padrão ANSI (American National Standards

Leia mais

Laboratório de Banco de Dados II Aula 04. Prof. Érick de Souza Carvalho

Laboratório de Banco de Dados II Aula 04. Prof. Érick de Souza Carvalho Laboratório de Banco de Dados II Aula 04 Prof. Érick de Souza Carvalho 1 SQL (Structured Query Language ) Prof. Érick de Souza Carvalho 2 SQL Structured Query Language - Introdução É uma Linguagem para

Leia mais

MODELAGEM DE DADOS - INTRODUÇÃO AO SQL: DML. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc.

MODELAGEM DE DADOS - INTRODUÇÃO AO SQL: DML. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. MODELAGEM DE DADOS - INTRODUÇÃO AO SQL: DML Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza DML Data Manipulation Language Linguagem de Manipulação de Dados Comandos básicos: Insert Update

Leia mais

Conceitos básicos. Funcionario SIAPE Nome Lotacao Cargo Salario Admissao

Conceitos básicos. Funcionario SIAPE Nome Lotacao Cargo Salario Admissao SQL Lúbia Vinhas Conceitos básicos En#dades: en4dade é uma coisa do mundo real, com uma existência independente. Atributos são as propriedades dessa coisa. Cada atributo está associado a um determinado

Leia mais

Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML

Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML Linguagem de Consulta Estruturada SQL- DML INTRODUÇÃO A SQL - Structured Query Language, foi desenvolvido pela IBM em meados dos anos 70 como uma linguagem de manipulação de dados (DML - Data Manipulation

Leia mais

BANCO DE DADOS WEB AULA 12. manipulação de dados atualização e exclusão de registros. professor Luciano Roberto Rocha.

BANCO DE DADOS WEB AULA 12. manipulação de dados atualização e exclusão de registros. professor Luciano Roberto Rocha. BANCO DE DADOS WEB AULA 12 manipulação de dados atualização e exclusão de registros professor Luciano Roberto Rocha www.lrocha.com Atualização de dados A modificação dos dados armazenados no banco de dados

Leia mais

SQL. Prof. Roger Cristhian Gomes

SQL. Prof. Roger Cristhian Gomes SQL Prof. Roger Cristhian Gomes SQL SQL - Structured Query Language Linguagem de acesso e manipulação de sistemas de base de dados computacionais que segue o padrão ANSI Existem diferenças entre as versões

Leia mais

Banco de Dados. Diego Silveira Costa Nascimento. 20 de março de Instituto Federal do Rio Grande do Norte

Banco de Dados. Diego Silveira Costa Nascimento. 20 de março de Instituto Federal do Rio Grande do Norte Banco de Dados Diego Silveira Costa Nascimento Instituto Federal do Rio Grande do Norte diego.nascimento@ifrn.edu.br 20 de março de 2015 Ementa do Curso 1 Introdução 2 Abordagem Entidade-relacionamento

Leia mais

SQL é uma linguagem de consulta que implementa as operações da álgebra relacional de forma bem amigável.

SQL é uma linguagem de consulta que implementa as operações da álgebra relacional de forma bem amigável. SQL (Structured Query Language) SQL é uma linguagem de consulta que implementa as operações da álgebra relacional de forma bem amigável. Além de permitir a realização de consultas, SQL possibilita: definição

Leia mais

SQL. Agregações e agrupamentos. Cristina C. Vieira Departamento de Engenharia Eletrónica e Informática

SQL. Agregações e agrupamentos. Cristina C. Vieira Departamento de Engenharia Eletrónica e Informática SQL Agregações e agrupamentos Cristina C. Vieira Departamento de Engenharia Eletrónica e Informática SQL Agregações As operações de agregação calculam um valor para um conjunto de tuplos. Operadores de

Leia mais

Bancos (Bases) de Dados Aula #4 Modelo Relacional

Bancos (Bases) de Dados Aula #4 Modelo Relacional Bancos (Bases) de Dados Aula #4 Modelo Relacional Prof. Eduardo R. Hruschka * Slides baseados no material elaborado pelas professoras: Cristina D. A. Ciferri Elaine P. M. de Souza Modelo Relacional Representa

Leia mais

Sumário SELECT + FROM

Sumário SELECT + FROM Sumário 1 Introdução SQL - Perguntas André Restivo Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto October 18, 2010 2 3 Operadores de Conjuntos 4 5 Agregações 6 Ordenações e Limites 7 Sub-perguntas 8

Leia mais

Preparação. Linguagem de Manipulação de Dados (DML) Estudo Dirigido 10/12/2013

Preparação. Linguagem de Manipulação de Dados (DML) Estudo Dirigido 10/12/2013 Linguagem de Manipulação de Dados (DML) Estudo Dirigido A Linguagem SQL Preparação Criar um banco de dados denominado Escola ; Criar a tabela, como especificado abaixo: # RA Numeric(8) Nome Serie Turma

Leia mais

BASES DE DADOS I LTSI/2. Universidade da Beira Interior, Departamento de Informática Hugo Pedro Proença, 2010/2011

BASES DE DADOS I LTSI/2. Universidade da Beira Interior, Departamento de Informática Hugo Pedro Proença, 2010/2011 BASES DE DADOS I LTSI/2 Universidade da Beira Interior, Departamento de Informática Hugo Pedro Proença, 2010/2011 SQL-DML - Operadores Operadores: O SQL incorpora um conjunto de operadores destinados a

Leia mais

SQL - Perguntas. André Restivo. Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. February 24, 2012

SQL - Perguntas. André Restivo. Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. February 24, 2012 SQL - Perguntas André Restivo Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto February 24, 2012 André Restivo (FEUP) SQL - Perguntas February 24, 2012 1 / 46 Sumário 1 Introdução 2 Seleccionar e Filtrar

Leia mais

MODELAGEM DE DADOS -INTRODUÇÃO AO SQL: DML. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc.

MODELAGEM DE DADOS -INTRODUÇÃO AO SQL: DML. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. MODELAGEM DE DADOS -INTRODUÇÃO AO SQL: DML Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br DML Data Manipulation Language Linguagem de Manipulação de Dados Comandos básicos: Insert Update

Leia mais

Aula de SQL Comandos DDL. André Luiz de Oliveira Eduardo Raul Hruschka

Aula de SQL Comandos DDL. André Luiz de Oliveira Eduardo Raul Hruschka Aula de SQL Comandos DDL André Luiz de Oliveira Eduardo Raul Hruschka E-mail: andre_luiz@icmc.usp.br erh@icmc.usp.br Agenda Instalação do MySQL e Workbench Comandos DDL Data Definition Language Criação

Leia mais

Bases de Dados 2005/2006. Aula 5

Bases de Dados 2005/2006. Aula 5 Bases de Dados 2005/2006 Aula 5 Sumário -1. (T.P.C.) Indique diferenças entre uma tabela e uma relação. 0. A base de dados Projecto 1. SQL Join (variantes) a. Cross Join b. Equi-Join c. Natural Join d.

Leia mais

Prof. Fabiano Taguchi

Prof. Fabiano Taguchi BANCO DE DADOS Prof. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@hotmail.com OPERAÇÕES LÓGICAS AND (E) Avalia as condições e devolve um valor verdadeiro caso ambas condições forem

Leia mais

Marcelo Henrique dos Santos

Marcelo Henrique dos Santos Mestrado em Educação (em andamento) MBA em Marketing e Vendas (em andamento) Especialista em games Bacharel em Sistema de Informação Email: marcelosantos@outlook.com AULA 03 SQL (Structure Query Language)

Leia mais

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri SQL Linguagem de Definição de Dados Banco de Dados SQL Structured Query Language Uma das mais importantes linguagens relacionais (se não a mais importante) Exemplos de SGBD que utilizam SQL Oracle Informix

Leia mais

1. Assinale as afirmações que são verdadeiras e as que são falsas, corrigindo-as:

1. Assinale as afirmações que são verdadeiras e as que são falsas, corrigindo-as: Curso Profissional Técnico de Informática de Gestão 10ºB Prof. Pedro Lopes S i s t e m a s d e I n f o r m a ç ã o M ó d u l o : L i n g u a g e m S Q L T e s t e s u m a t i v o d u r a ç ã o 8 0 m i

Leia mais

Conceitos SQL SQL 19/03/2017 O que é dado? O que é BD? O que é uma informação? O que é SGBD? O que é SQL? O que é BD? O que é SGBD?

Conceitos SQL SQL 19/03/2017 O que é dado? O que é BD? O que é uma informação? O que é SGBD? O que é SQL? O que é BD? O que é SGBD? - ---@--- Conceitos O que é dado? O que é uma informação? O que é BD? O que é BD? O que é SGBD? O que é? O que é SGBD? Como se comunicar com o SGBD? 1 O que é? Onde Nasceu? Tipos de Bancos Relacionais

Leia mais

DML - SELECT Agrupando Dados

DML - SELECT Agrupando Dados DML - SELECT Agrupando Dados 1. Apresentação Já conhecemos os comandos básicos de manipulação de dados: insert; delete; update e select. O comando de consulta select utilizado até aqui era aplicado sobre

Leia mais

SQL S Q L. Introdução. Enfoques de SQL. SQL - Origem/Histórico. Usos de SQL. SQL - Vantagens. Banco de Dados. Fernando Fonseca Ana Carolina

SQL S Q L. Introdução. Enfoques de SQL. SQL - Origem/Histórico. Usos de SQL. SQL - Vantagens. Banco de Dados. Fernando Fonseca Ana Carolina Introdução Banco de Dados SQL Fernando Fonseca Ana Carolina SQL - Structured Query Language Linguagem de Consulta Estruturada Apesar do QUERY no nome, não é apenas de consulta, permitindo definição (DDL)

Leia mais

S Q L 31/03/2010. SQL - Structured Query Language Linguagem de Consulta Estruturada

S Q L 31/03/2010. SQL - Structured Query Language Linguagem de Consulta Estruturada Gerenciamento de Dados e Informação Fernando Fonseca Ana Carolina Robson Fidalgo SQL SQL - Structured Query Language Linguagem de Consulta Estruturada Apesar do QUERY no nome, não é apenas de consulta,

Leia mais

S Q L 15/01/2013. Enfoques de SQL. Enfoques de SQL SQL. Usos de SQL. SQL - Origem/Histórico. Gerenciamento de Dados e Informação

S Q L 15/01/2013. Enfoques de SQL. Enfoques de SQL SQL. Usos de SQL. SQL - Origem/Histórico. Gerenciamento de Dados e Informação Enfoques de SQL Gerenciamento de Dados e Informação Fernando Fonseca Ana Carolina Valeria Times Bernadette Loscio Linguagem interativa de consulta (ad-hoc): usuários podem definir consultas independente

Leia mais

Linguagem de Banco de Dados DML Exercícios

Linguagem de Banco de Dados DML Exercícios Linguagem de Banco de Dados DML Exercícios 1. A partir do modelo conceitual abaixo e das descrições das tabelas, crie o modelo físico e implanteo no banco de dados. 2. Acrescente os dados, conforme descrito

Leia mais

Banco de Dados. Maurício Edgar Stivanello

Banco de Dados. Maurício Edgar Stivanello Banco de Dados Maurício Edgar Stivanello Agenda Conceitos Básicos SGBD Projeto de Banco de Dados SQL Ferramentas Exemplo Dado e Informação Dado Fato do mundo real que está registrado e possui um significado

Leia mais

PROVA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROVA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Nome: Data: 12/07/2016 1. A arquitetura de três esquemas possui três níveis: nível interno, nível conceitual e o nível externo ou de visão. Com respeito ao nível conceitual podemos afirmar que; (A) Descreve

Leia mais

Banco de Dados. Professora: Luciana Faria

Banco de Dados. Professora: Luciana Faria Banco de Dados Professora: Luciana Faria Introdução ao linguagem é a SQL (Structured Query Language) Linguagem de Consulta Estruturada Para se utilizar, administrar, e trabalhar com um banco de dados é

Leia mais

Modelo de Dados Relacional Restrições de um Banco de Dados Relacional

Modelo de Dados Relacional Restrições de um Banco de Dados Relacional Modelo de Dados Relacional e as Restrições de um Banco de Dados Relacional Modelo de Dados Relacional Conceitos do Modelo Relacional Representa o banco de dados como uma coleção de relações. Comparação

Leia mais

Apresentação Modelo e SQL. André Luiz Montevecchi

Apresentação Modelo e SQL. André Luiz Montevecchi Apresentação Modelo e SQL André Luiz Montevecchi andreluiz@unipacbomdespacho.com.br Conceitos básicos de um modelo de dados Primary Key Foreign Key Padronização Modelo Sist. Odontológico Revisão SQL -

Leia mais

A linguagem SQL

A linguagem SQL SQL 2008.1 A linguagem SQL SQL - Structured Query Language. Foi definida nos laboratórios de pesquisa da IBM em San Jose, California, em 1974. Teve seus fundamentos no modelo relacional Sua primeira versão

Leia mais

SQL S Q L. Introdução. Enfoques de SQL. SQL - Origem/Histórico. Usos de SQL. SQL - Vantagens. Gerenciamento de Dados e Informação

SQL S Q L. Introdução. Enfoques de SQL. SQL - Origem/Histórico. Usos de SQL. SQL - Vantagens. Gerenciamento de Dados e Informação Introdução Gerenciamento de Dados e Informação Fernando Fonseca Ana Carolina Robson Fidalgo - Structured Query Language Linguagem de Consulta Estruturada Apesar do QUERY no nome, não é apenas de consulta,

Leia mais