REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS. Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS. Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer"

Transcrição

1 REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer

2 PROTOCORDADOS NOTOCORDA TUBO NERVOSO DORSAL FENDAS FARÍNGEAS ASCÍDIA = UROCORDADO (NOTOCORDA NA CAUDA DA FASE LARVAL) ANFIOXO = CEFALOCORDADO (NOTOCORDA NO DORSO DURANTE TODA VIDA)

3 SUBFILO : VERTEBRADOS CLASSES E EXEMPLOS CONDRICTIES = TUBARÃO, CAÇÃO, RAIA E QUIMERA OSTEÍCTIES = LAMBARI, BAGRE, CORVINA, CAVALO-MARINHO, SALMÃO... ANFÍBIOS = ANUROS (SAPO, RÃ E PERERECA), URODELOS (SALAMANDRA E TRITÃO) E ÁPODOS (COBRA-CEGA OU CECÍLIA) RÉPTEIS = QUELÔNIOS (TARTARUGA, JABUTI E CÁGADO), CROCODILIANOS (CROCODILO E JACARÉ) E ESCAMADOS (COBRA E LAGARTO) AVES = PINGUIM, EMA, PAPAGAIO, GALINHA, PATO... MAMÍFEROS = PROTOTÉRIOS OU MONOTREMOS (ORNITORRINCO E ÉQUIDNA), METATÉRIOS OU MARSUPIAIS (CANGURÚ, GAMBÁ E COALA) E EUTÉRIOS OU PLACENTÁRIOS (PRIMATAS =MACACO E HOMEM) CETÁCEOS (BALEIA E GOLFINHO, QUIRÓPTEROS = MORCEGO) CARNÍVOROS =CÃO, GATO, TIGRE, URSO)...

4 TEGUMENTO CONDRICTIES = ESCAMAS PLACÓIDES DERMOEPIDÉRMICAS E PELE COM GLÂNDULAS MUCOSAS OSTEÍCTIES = ESCAMAS DÉRMICAS E PELE COM GLÂNDULAS MUCOSAS ANFÍBIOS = PELE ÚMIDA COM GlÂNDULAS MUCOSAS RÉPTEIS = PELE SECA QUERATINIZADA - ESCAMAS (COBRAS E LAGARTOS), PLACAS ÓSSEAS (CROCODILIANOS) E CARAPAÇA E PLASTRÃO (QUELÔNIOS) AVES = PELE SECA COM PENAS(SÓ UM PAR DE GlÂNDULAS UROPIGIANAS) MAMÍFEROS = PELE COM GL. SUDORÍPARAS, SEBÁCEAS E MAMÁRIAS + PELOS, UNHAS, CASCOS, CHIFRES...

5 TEMPERATURA DO CORPO PECILOTÉRMICOS OU ECTOTÉRMICOS CONDRÍCTIES E OSTEÍCTIES, ANFÍBIOS E RÉPTEIS HOMOTÉRMICOS OU ENDOTÉRMICOS AVES E MAMÍFEROS

6 APARELHO DIGESTÓRIO (especializações) CONDRÍCTIES = VÁLVULA ESPIRAL E CLOACA OSTEÍCTIES = CECOS PILÓRICOS E ÂNUS ANFÍBIOS = SEM DENTES E LÍNGUA PRESA NA PARTE DIANTEIRA DA BOCA - CLOACA RÉPTEIS = BICO CÓRNEO, NOS QUELÔNIOS PRESAS, NAS COBRAS DENTES SUBSTITUÍVEIS, NOS CROCODILIANOS CLOACA AVES = PAPO E MOELA - CLOACA MAMÍFEROS = ALVÉOLOS DENTÁRIOS, LÁBIOS ÂNUS Obs: Ruminantes com 4 estômagos: pança ou rúmem + barrete ou retículo + folhoso ou omaso + coagulador ou abomaso

7 APARELHO RESPIRATÓRIO CONDRÍCTIES = BRÂNQUIAS EM FENDAS BRANQUIAIS (5 OU 7 PARES) OSTEÍCTIES = BRANQUIAL, 4 PARES TAPADOS PELO OPÉRCULO ANFÍBIOS = BRANQUIAL, NAS LARVAS (GIRINOS) PULMONAR (PULMÕES SACULIFORMES) E CUTÂNEA, NOS ADULTOS RÉPTEIS = PULMONAR (PULMÕES ALVEOLARES) AVES = PULMONAR (PULMÕES NÃO ALVEOLARES C/ PARABRONQUÍOLOS) MAMÍFEROS = PULMONAR (PULMÕES ALVEOLARES). TÊM MÚSCULO DIAFRAGMA

8 EXCREÇÃO RINS PRONEFROS = EM EMBRIÕES RINS MESONEFROS E AMÔNIA = OSTEÍCTIES RINS MESONEFROS E URÉIA = CONDRÍCTIES E ANFÍBIOS RINS METANEFROS E ÁCIDO ÚRICO = RÉPTEIS E AVES RINS METANEFROS E URÉIA = MAMÍFEROS

9 CIRCULAÇÃO FECHADA, COMPLETA, SIMPLES, CORAÇÃO COM 2 CAVIDADES (1 ÁTRIO + 1 VENTRÍCULO) CONDRÍCTIES E OSTEÍCTIES FECHADA, INCOMPLETA, DUPLA, CORAÇÃO COM 3 CAVIDADES (2 ÁTRIOS + 1 VENTRÍCULO) ANFÍBIOS E RÉPTEIS EXCEÇÃO: CROCODILIANOS COM 4 CAVIDADES FECHADA, COMPLETA, DUPLA, CORAÇÃO COM 4 CAVIDADES (2 ÁTRIOS + 2 VENTRÍCULOS) AVES E MAMÍFEROS DIFERENÇA ENTRE AVES E MAMÍFEROS AORTA DOBRA PARA DIR. EM AVES E PARA ESQ. EM MAMÍFEROS Obs: mamíferos têm hemácias anucleadas

10 REPRODUÇÃO SEM CÓPULA OSTEÍCTIES FEC. EXTERNA, DESENVOLVIMENTO INDIRETO (larva=alevino) COM CÓPULA CONDRÍCTIES FEC. INTERNA, MACHOS TÊM 2 CLÁSPER DESENVOLVIMENTO DIRETO, OVÍPAROS OU OVOVIVÍPAROS ANFÍBIOS AMPLEXO, FEC. EXTERNA, DESENVOLVIMENTO INDIRETO RÉPTEIS E AVES CLOACA COM CLOACA, FEC. INTERNA E DESENVOLVIMENTO DIRETO, OVÍPAROS (algumas cobras são ovovivíparas) MAMÍFEROS FECUNDAÇÃO INTERNA, MACHOS COM PÊNIS, DESENVOLVIMENTO DIRETO, VIVÍPAROS (exceto os prototérios ou monotremos que são ovíparos)

11 ANEXOS EMBRIONÁRIOS CONDRÍCTIES, OSTEÍCTIES E ANFÍBIOS SÓ SACO VITELÍNICO (alimentos) RÉPTEIS E AVES SACO VITELÍNICO (alimentos), ALANTÓIDE (excretas e troca de gases), ÂMNIO (bolsa d água) E CÓRIO (membrana envolvente) MAMÍFEROS PLACENTA (respiração, nutrição e excreção) SACO VITELÍNICO, ALANTÓIDE (ambos residuais), ÂMNIO (bolsa d água) E CÓRIO (membrana envolvente)

FILO CORDADOS. *Providos de nortocorda pelo menos na fase embrionária. *providos de fendas branquiais faringeanas pelo menos na fase embrionária.

FILO CORDADOS. *Providos de nortocorda pelo menos na fase embrionária. *providos de fendas branquiais faringeanas pelo menos na fase embrionária. FILO CORDADOS *Providos de nortocorda pelo menos na fase embrionária. *providos de fendas branquiais faringeanas pelo menos na fase embrionária. *Providos de tubo nervoso dorsal. SUB-FILO PROTOCORDADOS

Leia mais

Cordados I. Peixes, Anfíbios e Répteis. Cursinho Popular de Ensino Pré-Vestibular TRIU Pela popularização da universidade pública

Cordados I. Peixes, Anfíbios e Répteis. Cursinho Popular de Ensino Pré-Vestibular TRIU Pela popularização da universidade pública Cursinho Popular de Ensino Pré-Vestibular TRIU Pela popularização da universidade pública Cordados I Peixes, Anfíbios e Répteis Prof. Rafael Rosolen T. Zafred Revisão Peixes ; Anfíbios; Répteis; Aves;

Leia mais

Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário,

Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário, Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário, principalmente, na nêurula, quando é possível identificar

Leia mais

SUBFILO dos VERTEBRADOS (VERTEBRATA)

SUBFILO dos VERTEBRADOS (VERTEBRATA) Aluno: Nº: Turma: FILO: CORDADOS (PROTOCORDADOS E VERTEBRADOS) B8 Módulo 2 SUBFILOS dos UROCORDADOS e dos CEFALOCORDADOS = OS PROTOCORDADOS Características Principais: Presença de notocorda que não é substituída

Leia mais

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas.

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. ANFÍBIOS QUEM SÃO? INTRODUÇÃO Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. Pernas sustentam e deslocam

Leia mais

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas.

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. ANFÍBIOS QUEM SÃO? INTRODUÇÃO Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. Pernas sustentam e deslocam

Leia mais

EUCORDADOS (Vertebrados): possuem coluna vertebral e têm crânio com encéfalo.

EUCORDADOS (Vertebrados): possuem coluna vertebral e têm crânio com encéfalo. Cordados compreende animais adaptados para a vida aquática e terrestre. Dividem-se em: PROTOCORDADOS: destituídos de coluna vertebral e de caixa craniana EUCORDADOS (Vertebrados): possuem coluna vertebral

Leia mais

Filo Cordado. Apostila VII Unidade 24 a Características Embrionárias: 2- Caracterização Fisiológica: Característica

Filo Cordado. Apostila VII Unidade 24 a Características Embrionárias: 2- Caracterização Fisiológica: Característica 1- Características Embrionárias: Característica Tipo Simetria* Bilateral Tecidos Eumetazoa Tecidos embrionários Triblástico Celoma Celomado Origem do celoma Enterocelomado Blastóporo Deuterostômico Metameria

Leia mais

Reino Animalia 0 (Metazoa)

Reino Animalia 0 (Metazoa) Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Chordata (Parte II) Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Chordata Triblásticos, celomados, deuterostômios e possuem simetria bilateral;

Leia mais

Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário,

Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário, Filo extremamente diversificado quanto ao tamanho e ao aspecto geral de seus representantes O agrupamento baseia-se no desenvolvimento embrionário, principalmente, na nêurula, quando é possível identificar

Leia mais

Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio

Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio Conteúdo: Conteúdo Recuperação do 3 Bimestre disciplina: Ciências - Peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos. Diferenças entre esses seres vivos e importâncias

Leia mais

ANIMAIS VERTEBRADOS PEIXES ANFÍBIOS RÉPTEIS AVES MAMÍFEROS

ANIMAIS VERTEBRADOS PEIXES ANFÍBIOS RÉPTEIS AVES MAMÍFEROS ANIMAIS VERTEBRADOS PEIXES ANFÍBIOS RÉPTEIS AVES MAMÍFEROS Os Cordados O Filo Chordata (ou Cordados) reúne uma grande diversidade de seres de formas e tamanhos variados, adaptados aos mais diversos ambientes.

Leia mais

Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos. Prof. José Roberto

Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos. Prof. José Roberto Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos Prof. José Roberto VERTEBRADOS CARACTERÍSTICAS GERAIS Animais vertebrados são todos aqueles que possuem como caracteristica principal, uma coluna vertebral. Animais

Leia mais

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Chordata. Natália A. Paludetto

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Chordata. Natália A. Paludetto Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Chordata Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Reino Animalia Filos: 1) Porifera; 2) Cnidaria; 3) Platyhelminthes; 4) Nematoda;

Leia mais

Filo dos Cordados Características gerais presentes pelo menos em uma fase da vida(embrionária):

Filo dos Cordados Características gerais presentes pelo menos em uma fase da vida(embrionária): Filo dos Cordados Características gerais presentes pelo menos em uma fase da vida(embrionária): Presença de notocorda (eixo dorsal de sustentação). Tubo nervoso dorsal. Fendas branquiais na faringe. Cauda

Leia mais

CORDADOS. Professora Lígia Cazarin

CORDADOS. Professora Lígia Cazarin CORDADOS Professora Lígia Cazarin CARACTERÍSTICAS GERAIS Eucariontes Domínio Animais Reino Cordados Filo CARACTERÍSTICAS GERAIS: NOTOCORDA - (ao menos na fase embrionária) sendo que nos euvertebrados,

Leia mais

Filo dos Cordados. Profª Janaina Q. B. Matsuo

Filo dos Cordados. Profª Janaina Q. B. Matsuo Profª Janaina Q. B. Matsuo Os Cordados possuem com exclusividade uma neurocorda dorsal de origem ectodérmica, fendas branquiais pares na faringe do embrião (no Homem originarão as cordas vocais), uma notocorda

Leia mais

Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite

Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite Filo Chordata (Cordados) Características gerais: -Triblásticos, celomados, deuterostômios, apresentam metameria (evidente na fase embrionária); Características Exclusivas:

Leia mais

FILO CHORDATA. Cordados

FILO CHORDATA. Cordados FILO CHORDATA Cordados Cordados Notocorda Triblásticos Deuterostômios Simetria Bilateral Epineuro Celomados 2 Características presentes em todos os cordados: Notocorda; Fendas na faringe; Tubo nervoso

Leia mais

PEIXES, ANFÍBIOS E RÉPTEIS

PEIXES, ANFÍBIOS E RÉPTEIS PEIXES, ANFÍBIOS E RÉPTEIS Prof. Biól. Ms. Leila Lucia Fritz Porto Alegre, Agosto de 2017. PEIXES Corpo Esqueleto interno com uma coluna vertebral esqueleto formado por ossos classe dos osteíctes. Exemplo:

Leia mais

CLASSE REPTILIA SISTEMA TEGUMENTAR. Quem são eles??? Reptare=rastejar 14/02/2014 PRIMEIROS RÉPTEIS SURGIRAM HÁ: FILO CHORDATA

CLASSE REPTILIA SISTEMA TEGUMENTAR. Quem são eles??? Reptare=rastejar 14/02/2014 PRIMEIROS RÉPTEIS SURGIRAM HÁ: FILO CHORDATA FILO CHORDATA SUBFILOS: UROCHORDATA CLASSE REPTILIA CEPHALOCHORDATA VERTEBRATA CYCLOSTOMATA P. CARTILAGINOSOS P. ÓSSEOS AMPHIBIA REPTILIA AVES MAMMALIA PRIMEIROS RÉPTEIS SURGIRAM HÁ: 300 MILHÕES DE ANOS

Leia mais

Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa

Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa Características: Triblásticos Celomados ectoderme intestino mesoderme celoma cavidade corporal na mesoderme endoderme Características: Deuterostômios:

Leia mais

Anfíbios Fisiologia Exercícios Curiosidades CLASSE AMPHIBIA. Biologia. C4 H14, 15, 16 Professor João

Anfíbios Fisiologia Exercícios Curiosidades CLASSE AMPHIBIA. Biologia. C4 H14, 15, 16 Professor João CLASSE AMPHIBIA Biologia C4 H14, 15, 16 Professor João Características gerais Classificação Características gerais Anfíbio = anfi + bio Dupla vida (desenvolvimento indireto: fase larval aquática e adulto

Leia mais

Cor C da or do da s do Prof. Fernando Belan Prof. Fernand - BIOLOGIA MAIS o Belan

Cor C da or do da s do Prof. Fernando Belan Prof. Fernand - BIOLOGIA MAIS o Belan Cordados Cordados Prof. Fernando Fernando Belan Belan -- BIOLOGIA BIOLOGIA MAIS MAIS Prof. Introdução Protocordados (anfioxo e ascídia); Vertebrados (peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos); Simetria

Leia mais

FILO CHORDATA (Cordados)

FILO CHORDATA (Cordados) FILO CHORDATA (Cordados) Chorda = cordão animais que possuem um cordão dorsal de sustentação Ocupam todos os ecossistemas 1. Características gerais Simetria bilateral Triblásticos Celomados Deuterostômios

Leia mais

FILO CHORDATA. Anfioxo. Ascídia

FILO CHORDATA. Anfioxo. Ascídia FILOS ANIMAIS FILO CHORDATA O filo apresenta cerca de 50.000 espécies distribuídas entre protocordados e vertebrados. Protocordados cordados mais simples, pequenos e exclusivamente marinhos não são muito

Leia mais

P E I X E S. Quanto ao esqueleto:

P E I X E S. Quanto ao esqueleto: P E I X E S Quanto ao esqueleto: OSTEÍCTES Esqueleto ósseo EX.: Sardinha, Dourado, Cioba etc. CONDRÍCTES Esqueleto Cartilaginoso EX.: Tubarão, Raia etc. O Peixe por fora CIÊNCIAS NO DIA-A-DIA SITUAÇÃO

Leia mais

Características Gerais dos Cordados (Protocordados e Vertebrados)

Características Gerais dos Cordados (Protocordados e Vertebrados) Características Gerais dos Cordados (Protocordados e Vertebrados) Ocorrência, em pelo menos uma fase da vida de: Tubo Neural Dorsal Notocorda Fendas Branquiais na Faringe Classificação dos Cordados Cordados

Leia mais

Revestimento corporal

Revestimento corporal Répteis Répteis Os répteis (do latim reptare, 'rastejar') abrangem cerca de 7 mil espécies conhecidas. Eles surgiram há cerca de 300 milhões de anos, tendo provavelmente evoluído de certos anfíbios. Foram

Leia mais

Equinodermas e Protocordados 2ª parte

Equinodermas e Protocordados 2ª parte COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Equinodermas e Protocordados 2ª parte Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com O que significa o termo Cordados?

Leia mais

Tema da aula/lista de exercício: Cordados I: Peixes, Anfíbios e Répteis

Tema da aula/lista de exercício: Cordados I: Peixes, Anfíbios e Répteis Disciplina: Biologia Prof: Rafael Turma: TR 09/09/2016 Tema da aula/lista de exercício: Cordados I: Peixes, Anfíbios e Répteis 1. Qual dos grupos que seguem apresenta somente peixes cartilaginosos? a)

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Pág. 197 Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com http://professoraleonilda.wordpress.com/ PROBLEMATIZAÇÃO Conhece

Leia mais

Evolução dos vertebrados

Evolução dos vertebrados PEIXES Evolução dos vertebrados PEIXES PULMONADOS AVES ÓSSEOS ANFÍBIOS RÉPTEIS CICLÓSTOMO PEIXES MAMÍFEROS CARTILAGINOSOS Peixe Primitivo (Lampreias e Feiticeiras) Características gerais Exclusivamente

Leia mais

Alta capacidade de locomoção Deuterostômios com simetria pentarradial. Os equinodermos alimentam-se de pequenos animais e algas.

Alta capacidade de locomoção Deuterostômios com simetria pentarradial. Os equinodermos alimentam-se de pequenos animais e algas. Os equinodermos constituem um grupo exclusivamente marinhos, dotados de um endoesqueleto calcário muitas vezes provido de espinhos salientes. Alta capacidade de locomoção Deuterostômios com simetria pentarradial

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS ixação F ) Um aluno esquematizou um anfioxo, indicando, com legendas, os principais caracteres do 2 lo Chordata. p Indique a legenda que aponta o ERRO cometido

Leia mais

FILO: CORDADOS SUB-FILO: VERTEBRADOS TABELA DE ZOOLOGIA COMPARADA

FILO: CORDADOS SUB-FILO: VERTEBRADOS TABELA DE ZOOLOGIA COMPARADA Classes Peixes Cartilaginosos (Condrictes) Temperatura ectotérmicos do corpo Tegumento pele coberta por escamas placóides, de origem dermoepidérmi ca Sustentação e locomoção Nutrição digestão Circulação

Leia mais

Cordados. Cauda pós-anal Notocorda Sistema Nervoso Dorsal Endóstilo Fendas faringianas

Cordados. Cauda pós-anal Notocorda Sistema Nervoso Dorsal Endóstilo Fendas faringianas Filo Chordata Cordados Cauda pós-anal Notocorda Sistema Nervoso Dorsal Endóstilo Fendas faringianas Características Gerais Triblásticos; Celomados; Deuterostômios; Simetria bilateral; Sistema digestório

Leia mais

Herpetologia Estudo dos répteis. Prof. Pablo Paim Biologia

Herpetologia Estudo dos répteis. Prof. Pablo Paim Biologia Herpetologia Estudo dos répteis Prof. Pablo Paim Biologia Atualmente segundo a SBH são descritas para o Brasil 1026 espécies de anfíbios e 760 espécies de répteis. Anfíbios 988 Anuros; 1 Caudata; 33 Gymnophionas

Leia mais

MAMÍFEROS. 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti

MAMÍFEROS. 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti MAMÍFEROS Capítulo 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS MAMÍFEROS Aquáticos: Habitat: Mamíferos podem ser terrestres: Único mamífero que voa: Pelos Estratificada

Leia mais

ASPECTOS EVOLUTIVOS. originaram dos répteis. Escamas móveis semelhantes as penas antes do surgimento da endotermia e no início, sem relação com o vôo.

ASPECTOS EVOLUTIVOS. originaram dos répteis. Escamas móveis semelhantes as penas antes do surgimento da endotermia e no início, sem relação com o vôo. Classe das Aves ASPECTOS EVOLUTIVOS originaram dos répteis. Escamas móveis semelhantes as penas antes do surgimento da endotermia e no início, sem relação com o vôo. redução do peso. o planar vôo nicho

Leia mais

Filo Mollusca (Moluscos)

Filo Mollusca (Moluscos) Filo Mollusca (Moluscos) - Segundo maior filo em número de espécies (120 mil) - Habitam principalmente ambientes marinhos, mas existem dulcícolas e terrestres - Caramujos, lesmas, ostras, mariscos, polvos

Leia mais

Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre

Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre Formação dos Elementos de Apoio Conquista da Terra A transição da água para a terra é talvez o evento mais dramático da evolução animal. Podemos perceber

Leia mais

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. REVISÃO: AVES E MAMÍFEROS PROFESSOR: NANNI

COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. REVISÃO: AVES E MAMÍFEROS PROFESSOR: NANNI COLÉGIO CEC CENTRO EDUCACIONAL CIANORTE ED. INFANTIL, ENS. FUNDAMENTAL E MÉDIO - SISTEMA ANGLO DE ENSINO. REVISÃO: AVES E MAMÍFEROS PROFESSOR: NANNI 01)(UFPEL-2007) É comum vermos aves de ambientes aquáticos

Leia mais

Biologia Alternativa C. 02 Alternativa A 03 V - V - V - F - V. 01 Alternativa A. 02 Alternativa C. 03 Alternativa B.

Biologia Alternativa C. 02 Alternativa A 03 V - V - V - F - V. 01 Alternativa A. 02 Alternativa C. 03 Alternativa B. Biologia 1 Unidade 45 V - V - V - F - V Unidade 46 06 1 Unidade 47 4 + 8 + 64 = 76 Unidade 48 V V V F F a) Vasos liberianos (floema). b) Transporte de seiva orgânica dos órgãos produtores para os órgãos

Leia mais

SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS

SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS PEIXES SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS Endoesqueleto cartilaginoso Espiráculos Boca ventral 5 a 7 pares de fendas branquiais Sem bexiga natatória Presença de cloaca Glândula

Leia mais

AVES Biologia Professor João

AVES Biologia Professor João AVES Biologia Professor João Descendentes dos dinossauros Archaeopteryx Penas Dentes Esqueleto pesado Bico córneo Forma variada Duros e resistentes Sem dentes Diversas finalidades: Defesa Alimentação Atração

Leia mais

BIOLOGIA AULA 12: ZOOLOGIA CORDADOS (Aves e mamíferos)

BIOLOGIA AULA 12: ZOOLOGIA CORDADOS (Aves e mamíferos) BIOLOGIA AULA 12: ZOOLOGIA CORDADOS (Aves e mamíferos) 1. Classe das aves Apresentam um padrão estrutural muito bem adaptado e homogêneo. São dióicos, geralmente com dimorfismo sexual, fecundação interna

Leia mais

CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE

CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE 08 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP 0 Intenção sem ação é ilusão. Ouse fazer e o poder lhe será dado

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Biologia TOOOP SÉRIE: 3º

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Biologia TOOOP SÉRIE: 3º GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: FreD DISCIPLINA: Biologia TOOOP SÉRIE: 3º ALUNO(a): No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: - É fundamental

Leia mais

Diversidade animal IV Répteis Aves Mamíferos

Diversidade animal IV Répteis Aves Mamíferos Diversidade animal IV Répteis Aves Mamíferos Répteis Os répteis ocuparam o ambiente terrestre de forma mais efetiva que os anfíbios. Graças a adaptações significativas que permitiam a exploração sem a

Leia mais

BIOLOGIA AULA 11: ZOOLOGIA EQUINODERMOS; CORDADOS

BIOLOGIA AULA 11: ZOOLOGIA EQUINODERMOS; CORDADOS BIOLOGIA AULA 11: ZOOLOGIA EQUINODERMOS; CORDADOS FILO DOS EQUINODERMOS Os equinodermos (do grego echinos: espinhos; derma: pele) constituem um grupo de animais exclusivamente marinhos, dotados de um endoesqueleto

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Pág. 185 Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com http://professoraleonilda.wordpress.com/ PROBLEMATIZAÇÃO O

Leia mais

Ciências 2016 Professor: Danilo Lessa Materiais: Livro e PPT

Ciências 2016 Professor: Danilo Lessa Materiais: Livro e PPT Ciências 2016 Professor: Danilo Lessa Materiais: Livro e PPT Sorriso Pensante Autor: Ivan Cabral Distribuição dos Vertebrados vs Invertebrados: 4,0% 96,0% Vertebrados Invertebrados Principais características

Leia mais

CORDADOS. bilatérias, triblásticos. Radiados, diblásticos

CORDADOS. bilatérias, triblásticos. Radiados, diblásticos CORDADOS bilatérias, triblásticos Radiados, diblásticos FILO CHORDATA (gr. Chorda, cordão) FILO CHORDATA É o maior filo da linha deuterostômia Compreendem dois grupos: Protocordados (cordados inferiores):

Leia mais

Embriogênese. Natália A. Paludetto

Embriogênese. Natália A. Paludetto Embriogênese Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com Embriogênese Após fusão dos núcleos durante a fecundação, formase uma célula ovo ou zigoto. Zigoto primeira célula de um novo ser vivo (2n).

Leia mais

Biologia FILO CORDADOS

Biologia FILO CORDADOS CPMG- NADER ALVES DOS SANTOS Biologia FILO CORDADOS Prof. Weber FILO DOS CORDADOS Filo Chordata grandes animais existentes na Terra, dentre eles, o homem. Grande adaptação, diversos hábitos de vida, grande

Leia mais

Prof. Valdiran Wanderley de Souza Prof. Marcelo Siqueira de Araújo

Prof. Valdiran Wanderley de Souza Prof. Marcelo Siqueira de Araújo Prof. Valdiran Wanderley de Souza Prof. Marcelo Siqueira de Araújo LÂMINA D Kiwi Temperatura Endotérmicos Desenvolvimento Ovíparos (botam ovos) Anexos Embrionários Saco vitelínico; cório, âmnio, alantóide

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 2º. ALUNO(a): Lista de Exercícios 3º bimestre P2

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 2º. ALUNO(a): Lista de Exercícios 3º bimestre P2 GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR: FreD DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 2º ALUNO(a): Lista de Exercícios 3º bimestre P2 No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente

Leia mais

Diversidade Animal III

Diversidade Animal III Diversidade Animal III Características gerais dos cordados Características básicas dos cordados Metameria: Repetições de estruturas no corpo. Notocorda: Desempenha um papel essencial para o desenvolvimento

Leia mais

AVES: ORIGENS E MORFOLOGIA. Disciplina: Biologia Geral

AVES: ORIGENS E MORFOLOGIA. Disciplina: Biologia Geral AVES: ORIGENS E MORFOLOGIA Disciplina: Biologia Geral 150-160 milhões de anos >10,000 espécies vivas Cladograma dos Amniotas Anfíbios Tartarugas Serpentes Crocodilos Mamíferos Lagartos Aves Dinossauros

Leia mais

Tema: Gimnospermas, Angiospermas, Cordados, Anfibios e Peixes

Tema: Gimnospermas, Angiospermas, Cordados, Anfibios e Peixes SÉRIE/ANO: 2ªSérie SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS

Leia mais

Os Répteis. Capítulo 13- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti

Os Répteis. Capítulo 13- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti Os Répteis Capítulo 13- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti Evolução dos Répteis Origem do latim Reptilis = que se rasteja A conquista do meio terrestre Surgiram a cerca de 300 milhões

Leia mais

As cecílias são anfíbios, vermiformes, que não têm membros e que vivem enterradas.

As cecílias são anfíbios, vermiformes, que não têm membros e que vivem enterradas. Grupos de Anfíbios Das cerca de 3.500 espécies de sapos, rãs e pererecas catalogadas no mundo, mais de 600 ocorrem no Brasil. De acordo com a forma do corpo, os animais classificados como os anfíbios estão

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 61 ANFÍBIOS E RÉPTEIS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 61 ANFÍBIOS E RÉPTEIS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 61 ANFÍBIOS E RÉPTEIS C ( p s a b c d e omo pode cair no enem? ENEM) Os primeiros socorros protegem a vítima contra maiores danos, até a chegada de um rofissional de saúde especializado.

Leia mais

BIOLOGIA III Volume 2 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS

BIOLOGIA III Volume 2 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS BIOLOGIA III Volume 2 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS TAREFA DE CASA (Bloco 01) 01. B A linha lateral é uma característica encontrada nas duas classes de peixes, tanto condrictes quanto osteíctes. A proteção

Leia mais

ANFÍBIOS Características

ANFÍBIOS Características Filo Cordados - Vertebrados Tetrápodas ANFÍBIOS Características Primeiros Tetrapodas Ichthyostega Primeiro anfíbio com características mais terrestres Viveu na Groelândia, no Devoniano superior Essencialmente

Leia mais

A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda.

A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda. Silvestre A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda. A mudança para um anfíbio saltador pode ser relacionada

Leia mais

Que tal estudarmos os animais jogando um jogo bem legal? Vamos lá!!!! Siga as instruções abaixo e bons estudos!!!! INSTRUÇÕES

Que tal estudarmos os animais jogando um jogo bem legal? Vamos lá!!!! Siga as instruções abaixo e bons estudos!!!! INSTRUÇÕES Atividade de Estudo - Ciências 4º ano Nome: Que tal estudarmos os animais jogando um jogo bem legal? Vamos lá!!!! Siga as instruções abaixo e bons estudos!!!! INSTRUÇÕES Durante o jogo você terá que fazer

Leia mais

Prof. MsC. Leandro Felício

Prof. MsC. Leandro Felício Prof. MsC. Leandro Felício Grupo mais recente dos vertebrados; Termo mamífero = glândula mamária; Corpo coberto pelos; Pele gl. sebáceas, sudoríparas, odoríferas e mamárias; Presença de diafragma; Os mamíferos

Leia mais

BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS - 7º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================

BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS - 7º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================ PROFESSOR: EQUIPE DE CIÊNCIAS BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS - 7º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================ ANIMAIS INVERTEBRADOS 01- Conhecemos

Leia mais

Aula 4.4 - Os conquistadores do ambiente terrestre

Aula 4.4 - Os conquistadores do ambiente terrestre Aula 4.4 - Os conquistadores do ambiente terrestre Além do vegetais outros organismos habitavam o ambiente terrestre Organismos de corpo mole como moluscos e anelídeos Organismos com cutícula redução da

Leia mais

AVES PROF. MARCELO MIRANDA

AVES PROF. MARCELO MIRANDA AVES Características gerais: - penas, membros anteriores modificados em asas, homeotermia(endotermia). Penas: estruturas que revestem e isolam termicamente o corpo, permitindo a manutenção da temperatura.

Leia mais

BIOLOGIA. Prof. Fred CORDADOS. 1) Invertebrados. 1.A) Subfilo Urocordata ou tunicados. Ex: Ascidia. 1.B) Subfilo Cefalocordata. Ex. Anfioxo.

BIOLOGIA. Prof. Fred CORDADOS. 1) Invertebrados. 1.A) Subfilo Urocordata ou tunicados. Ex: Ascidia. 1.B) Subfilo Cefalocordata. Ex. Anfioxo. BIOLOGIA Prof. Fred CORDADOS 1) Invertebrados. 1.A) Subfilo Urocordata ou tunicados. Ex: Ascidia. 1.B) Subfilo Cefalocordata. Ex. Anfioxo. 2) Vertebrados 2) Sibfilo Vertebrata (EUCORDATAS). 2.A) Superclasse

Leia mais

AS AVES. Sabiá laranjeira (Turdus rufiventris) Ave símbolo do Brasil Capítulo 6 Sistema Poliedro de Ensino Professora Vanessa Rodrigues Granovski

AS AVES. Sabiá laranjeira (Turdus rufiventris) Ave símbolo do Brasil Capítulo 6 Sistema Poliedro de Ensino Professora Vanessa Rodrigues Granovski AS AVES Sabiá laranjeira (Turdus rufiventris) Ave símbolo do Brasil Capítulo 6 Sistema Poliedro de Ensino Professora Vanessa Rodrigues Granovski ANATOMIA DAS AVES VERTEBRADOS OSSOS PNEUMÁTICOS Ossos longos,

Leia mais

ZOOLOGIA - REINO METAZOA

ZOOLOGIA - REINO METAZOA ZOOLOGIA - REINO METAZOA FILO CORDADO CARACTERÍSTICAS GERAIS O que será que caracteriza um vertebrado? Substituição da Notocorda pela Coluna Vertebral; Presença de uma cabeça definida; Presença de órgãos

Leia mais

ONGEP PRÉ-PROVA BIOLOGIA 2013

ONGEP PRÉ-PROVA BIOLOGIA 2013 ONGEP PRÉ-PROVA BIOLOGIA 2013 ZOOLOGIA DE INVERTEBRADOS PORÍFEROS Provável ancestral: protista flagelado Diploblásticos Sem celoma Sem diferenciação de tecidos Coanócitos Ambiente aquático CELENTERADOS

Leia mais

Unidade 12A. Morfologia e Anatomia. Prof. Marcio Frazão

Unidade 12A. Morfologia e Anatomia. Prof. Marcio Frazão Unidade 12A Classe Reptilia Morfologia e Anatomia Prof. Marcio Frazão Introdução Tetrápodes, amniotas, ectotérmicos. Répteis = Conjunto dos amniotas que não são aves nem mamíferos 6773 espécies (Zug et

Leia mais

ATIVIDADES. BA.11 e 12: Cordados, uma visão geral BIOLOGIA. A partir dessa análise, é CORRETO afirmar que o ancestral desses quatro grupos apresentava

ATIVIDADES. BA.11 e 12: Cordados, uma visão geral BIOLOGIA. A partir dessa análise, é CORRETO afirmar que o ancestral desses quatro grupos apresentava ATIVIDADES 1. (UFPE 2004) Levando-se em conta as características dos cordados, analise as proposições seguintes com verdadeiro ou falso. ( ) Os equinodermos são deuterostômios e apresentam esqueleto interno

Leia mais

Núcleo de Tecnologia Municipal NTM Curso: Introdução a Educação Digital. Ativdist 4 Slides MAMÍFEROS

Núcleo de Tecnologia Municipal NTM Curso: Introdução a Educação Digital. Ativdist 4 Slides MAMÍFEROS Núcleo de Tecnologia Municipal NTM Curso: Introdução a Educação Digital Cursista: Ingrid Hansen Meotti Ativdist 4 Slides MAMÍFEROS Mamíferos são todos os vertebrados de sangue quente cujas fêmeas produzem

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 2º. ALUNO(a):

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 2º. ALUNO(a): GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR: FreD DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 2º ALUNO(a): Lista de Exercícios P1 4º Bimestre Prova dia 09/11 No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente

Leia mais

Sistemática tica Tradicional

Sistemática tica Tradicional Sistemática tica Tradicional Classe Reptilia Ordem Crocodilia crocodilos, gaviais, jacarés Ordem Chelonia jabutis, tartarugas,cágados Ordem Rhynchocephalia tuatara Ordem Squamata Subordem Ophidia ou Serpentes

Leia mais

CLASSE CYCLOSTOMATA (AGNATHA)

CLASSE CYCLOSTOMATA (AGNATHA) CLASSE CYCLOSTOMATA (AGNATHA) - VERTEBRADOS MAIS PRIMITIVOS; - NÃO POSSUEM VÉRTEBRAS TÍPICAS, APENAS PEÇAS CARTILAGINOSAS, AOS PARES, DISPOSTAS AO LONGO DA MEDULA (NOTOCORDA); - BOCA CIRCULAR COM FUNIL

Leia mais

Que expressão citada no poema nos remete aos invertebrados?

Que expressão citada no poema nos remete aos invertebrados? Que expressão citada no poema nos remete aos invertebrados? Poeta invertebrado J.J. Leandro Invertebro o Poeta E flexibilizo o verso. Uma conversão necessária Para de agora em diante Todo poeta Ser mais

Leia mais

Atividades de Aves e Mamíferos

Atividades de Aves e Mamíferos DISCIPLINA: Biologia II DATA: 30/08/2017 Atividades de Aves e Mamíferos 1. (Puccamp 2017) O amido, um carboidrato presente em grande quantidade na farinha, é a principal forma de armazenamento de energia

Leia mais

Revisão ACAFE frente C. Denis

Revisão ACAFE frente C. Denis frente C Denis Taxonomia Estuda a classificação e a nomenclatura dos seres vivos REGRAS DA NOMENCLATURA CIENTÍFICA Phlebotomus intermedius 1ª) Todo nome científico deve ser em latim ou latinizado. (mosquito

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 62 AVES E MAMÍFEROS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 62 AVES E MAMÍFEROS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 62 AVES E MAMÍFEROS omo pode cair no enem? F eia o texto a seguir. 1 Pouca gente se dá conta de que o litoral sul do Brasil, em especial Santa Catarina, é a uma das áreas mais

Leia mais

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2013. www.tioronni.com

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2013. www.tioronni.com Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2013. www.tioronni.com As Aves Características Gerais Endotermia; Desenvolvimento das penas; Desenvolvimento de ossos pneumatizados; Perda, atrofia

Leia mais

Filo Chordata REVISÃO

Filo Chordata REVISÃO Filo Chordata REVISÃO Cordados Avanços em aos relação invertebrados Encéfalo altamente diferenciado e protegido por uma caixa craniana Estrutura restrita ao início do desenvolvimento ou presente por toda

Leia mais

RÉPTEIS PROF. MARCELO MIRANDA

RÉPTEIS PROF. MARCELO MIRANDA RÉPTEIS Padrões evolutivos Surgimento dos amniotas Âmnio: membrana que envolve completamente o embrião e delimita uma cavidade cheia de líquido que protege contra choques mecânicos e evita o ressecamento

Leia mais

Prof. Rolim. DIGESTÃO, RESPIRAÇÃO, CIRCULAÇÃO e EXCREÇÃO

Prof. Rolim. DIGESTÃO, RESPIRAÇÃO, CIRCULAÇÃO e EXCREÇÃO DIGESTÃO, RESPIRAÇÃO, CIRCULAÇÃO e EXCREÇÃO 2 tipos conhecidos: DIGESTÃO 1. Intracelular: ocorre no interior da célula 2. Extracelular: ocorre no exterior da célula D. Intracelular: Poríferos D. Intra.

Leia mais

Vertebrados. Classe dos Peixes

Vertebrados. Classe dos Peixes Vertebrados Os animais vertebrados, pertencentes ao reino animal e ao filo chordata, são animais que possuem vértebras, ou seja, os ossos que compõem a coluna vertebral. Importante salientar que nem todos

Leia mais

Estudo Dirigido de Ciências 6 as séries Professores: Andréia e Zago

Estudo Dirigido de Ciências 6 as séries Professores: Andréia e Zago Colégio Salesiano São Gonçalo Escola de Educação Básica Estudo Dirigido de Ciências 6 as séries Professores: Andréia e Zago 1. No aniversário de uma cidade a beira-mar, um restaurante promoveu um Festival

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: Fred. Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: Fred. Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR: Fred DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 3º ALUNO(a): No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: - É fundamental

Leia mais

Mamíferos. Aula 5 Caracterização Geral dos Mamíferos

Mamíferos. Aula 5 Caracterização Geral dos Mamíferos Mamíferos Aula 5 Caracterização Geral dos Mamíferos CARACTERÍSTICAS GERAIS CORPO COBERTO POR PÊLOS; PELE COM GLÂNDULAS; NAS FÊMEAS, GLS. MAMÁRIAS; CRÂNIO COM 2 CÔNDILOS OCCIPITAIS; 7 VÉRTEBRAS CERVICAIS;

Leia mais

Plano Individual de Estudos Estudos Orientados- BIOLOGIA -2ºANO

Plano Individual de Estudos Estudos Orientados- BIOLOGIA -2ºANO 1) Cite as principais características dos mamíferos:. 2) (UNESP-SP) Existem nos filos estruturas que os caracterizam e os identificam. Conócitos, cnidoblastos, célulasflamas, sistema ambulacrário e rádula

Leia mais