Manual do LaudoMovel

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual do LaudoMovel"

Transcrição

1 Manual do LaudoMovel Todos os direitos reservados à HHSoft Processamento de Dados Ltda. Este manual pode ser livremente distribuído, desde que o seja na íntegra e sem modificações. Atualizado em 14/05/2014

2 2 Índice 1. Apresentação Composição do sistema Modo de usar Usuário de Teste Premissas Qual aparelho móvel comprar Encaminhamento automático de demandas Plano de dados para Internet 3G Descrição do Site Processo de cadastramento Minha Página Versão Listagem de Laudos...14 Rastreamento da O.S Pasta Abertos...15 Pasta Mês/Ano...15 Tabela com a listagem...16 Procurar OS...17 Recuperação de laudos removidos Minha Conta Informações para faturamento Minha Empresa Avaliadores Pesquisar Pesquisar (GIDUR) Instalação, atualização e remoção Instalação e atualização Remoção Interface com o usuário Tipos de Controles Dicas de uso Descrição do programa Menu Principal Tela de Sincronização Conflito ao sincronizar um laudo...41 Prioridade na sincronização...42 Exemplos de conflito...42 Resolução de conflitos Telas das Unidades Aba Aba Aba Aba Aba Aba Aba Aba

3 Aba Aba Aba P Parecer Complementar de Imóveis Novos Atividades complementares Recuperação de backup Resolução de Problemas O Excel não abre a planilha gerada Meu laudo não aparece na nuvem após sincronizar Não consigo instalar o LaudoMovel no aparelho móvel ou no Windows Estou tendo problemas na internet para enviar o laudo para a nuvem Não sei como criar um laudo ou alterar seu tipo O laudo apareceu vazio ou sem os campos que eu havia preenchido Está dando um erro na hora de sincronizar, como String size is too big. Corrompimento da base de dados Como cadastrar um novo bairro Houve perda de sincronização entre a aplicação e a nuvem Formas de criar OS de Oferta Índice remissivo...62

4 1. Apresentação 4 1. Apresentação Seja bem-vindo ao LaudoMovel. Esse programa foi criado com a intenção de modernizar o trabalho dos avaliadores da Caixa Econômica Federal, e diminuir o tempo gasto com a elaboração de laudos do tipo A301. Este manual tem por objetivo explicar todos os detalhes do site e do programa, sendo um complemento às videoaulas disponíveis no site, assim como instruir a melhor forma de preenchimento, de modo a padronizar os dados de mercado. Quanto melhor for a qualidade dos laudos preenchidos, melhor vai ser a base de dados a que você terá acesso para efetuar suas pesquisas Composição do sistema Existem 3 entes que compõem o sistema LaudoMovel: 1. OS COMPUTADORES: locais onde a demanda da Caixa é transformada em laudo. Os computadores podem ser um APARELHO MÓVEL (telefone ou tablet) e também o COMPUTADOR DE MESA. O LaudoMovel é compatível com telefones e tablets com o sistema operacional Android a partir da versão 2.3, com o ios (iphone e ipad a partir da versão 5), e também com computadores de mesa com o Windows (xp, vista, 7, 8, etc). Esses entes são usados somente durante a geração do laudo; uma vez gerado, ele é removido do equipamento e gravado na nuvem. 2. A NUVEM: lugar onde os laudos gerados são armazenados. A nuvem é definida como um conjunto de computadores (também conhecidos como servidores), guardados em uma empresa especializada, que recebem dados da internet via fibra ótica e os armazenam internamente. Para reforçar a segurança, a nuvem do LaudoMovel é protegida contra invasão de hackers por uma empresa especializada em segurança de internet. 3. O SITE: local onde você interage com o conjunto de laudos gerados, para exportar os relatórios exigidos pela Caixa e também para fazer pesquisas. Nosso site está localizado no endereço Modo de usar O fluxo normal de preenchimento do LaudoMovel é exemplificado na figura e descrito logo abaixo:

5 1. Apresentação 5 1. Você recebe a demanda em um aparelho móvel, preenche o laudo e, opcionalmente, o Parecer Complementar de Imóveis Novos, tira as fotos, e sincroniza para a nuvem. 2. Da nuvem, você sincroniza para o computador de mesa. No site, efetua uma pesquisa na base de dados LaudoMovel, para abastecer o programa de modelagem estatística para a obtenção da equação de regressão e do valor do metro quadrado. Uma vez feita a equação, você edita o laudo no computador de mesa e insere o valor por metro quadrado e a equação, e sincroniza novamente para a nuvem. 3. No site você exporta a planilha com o laudo e o parecer complementar, imprime, assina e a entrega na agência. Também no site, no final do mês, você exporta a ficha de dados com os dados de mercado e com as ofertas, e em alguns estados, o relatório de serviços prestados. Opcionalmente, o avaliador pode inverter um pouco o processo: 1. Recebe o laudo primeiro no computador de mesa, preenche com informações do RGI e outros dados que facilitem a vistoria, e sincroniza para a nuvem. 2. Sincroniza o aparelho móvel para trazer da nuvem o laudo parcialmente preenchido, e sai para fazer a vistoria. Preenche o laudo, tira a foto e sincroniza novamente pra nuvem. Baixa novamente no computador de mesa para digitar a equação de regressão e valor do metro quadrado, e sincroniza para a nuvem. 3. O passo 3 é igual ao anterior. É possível rastrear uma OS, vendo por quais equipamentos passou e quais campos foram sincronizados. Veja tópico A grosso modo, a nuvem pode ser pensada como um disquete que armazena os dados. Em vez de gravar os laudos em um disquete, você grava na nuvem. É crucial entender que, assim como um disquete, a última informação gravada é a que vale. Veja no tópico 6.3 detalhes dos conflitos que ocorrem quando você não segue as nossas recomendações de uso.

6 1. Apresentação Usuário de Teste É possível testar o produto antes de cadastrar uma conta. Para isso, ao abrir a tela de sincronização pela primeira vez, uma mensagem perguntará se deseja usar o usuário de testes; clicando Sim, o nome e senha especificados abaixo serão colocados automaticamente nos campos de edição de nome e senha. Nome: Usuario de Teste Senha: usuariodeteste Tanto faz se estiver em maiúsculas ou minúsculas. Em seguida, clique no botão Sincronizar para obter as tabelas-padrão para liberar a utilização do programa. Note que os laudos feitos com esse usuário especial não serão enviados para a nuvem, e também que não é possível fazer o login no site com ele.

7 2. Premissas 7 2. Premissas Para que o LaudoMovel funcione com o máximo de eficiência, algumas premissas devem ser observadas Qual aparelho móvel comprar O LaudoMovel é compatível com telefones e tablets com os sistemas operacionais Android e ios. Os aparelhos com o ios só tem como fabricante a Apple, com os modelos iphone e ipad. Já o Android tem diversos fabricantes e dezenas de modelos de smartphones (telefones inteligentes) e tablets. Pode-se comprar desde um tablet chinês, por cerca de 200 reais no Mercado Livre (procure por tablet android), ou smartphones na faixa de reais, até tablets topo de linha, como os da marca Samsung Galaxy, por até 1500 reais. Se você tem problemas de vista ou dedos grandes, recomendamos um tablet de 7 polegadas. Existem alguns de 10 polegadas, mas eles são um pouco grandes e pesados para uso no dia a dia. Um de 7 polegadas cabe facilmente em uma pasta, ou até no bolso de um casaco. Alguns telefones tem tela de 5 polegadas, e são fáceis de usar por quem tem um pouco de habilidade. São menores que os tablets, mas tem a vantagem de serem mais leves e fáceis de carregar. Com um pouco de prática, qualquer um pode usar um telefone desses. Não recomendamos comprar telefones com tela inferior a 3,5 polegadas. É importante que o equipamento tenha acesso à internet 3G ou 4G. Todos eles tem acesso a redes sem fio WIFI, porém, se você estiver em campo, a internet 3G permitirá que receba e envie laudos (sincronização) de qualquer lugar que tiver acesso à rede de dados da sua operadora. Essa é uma das grandes vantagens do LaudoMovel, que justifica o próprio nome do produto. Alguns tablets do MercadoLivre dizem ter 3G, mas tome cuidado: na verdade, eles funcionam com um adaptador USB em que você espeta um modem 3G. Fica parecendo uma árvore-de-natal, com coisas penduradas, perde um pouco a praticidade, mas funciona. Se seu tablet não possui conexão 3G, é possível usar a conexão do celular, fazendo com que o tablet se comunique via BLUETOOTH com seu telefone celular, desde obviamente, ambos tenham essa tecnologia. Para fazer a comunicação, basta parear os aparelhos. Procure na internet para saber como fazer isso, usando, por exemplo, a frase: como parear um tablet e um telefone. Coloque também os nomes dos seus aparelhos. Lembre-se: o maior investimento que você pode fazer é comprar um bom telefone ou tablet, com suporte a 3G, e que tenha também flash na câmera fotográfica. Dessa forma, você poderá deixar o lápis, papel e máquina fotográfica em casa e levar apenas o tablet, ganhando praticidade e desenvoltura no dia a dia. Se optar por um aparelho móvel sem 3G, você ainda poderá fazer a sincronização de dados usando um roteador WIFI, quando chegar na sua casa ou empresa. Além disso, existem hotspots (pontos de rede WIFI) espalhados na cidade, como em cyber-cafés ou

8 2. Premissas 8 mesmo no McDonald's, com internet gratuita, que você poderia usar para fazer a sincronização. Recomendamos sempre fazer a sincronização assim que sair da vistoria, pois certa vez um colega avaliador teve o aparelho roubado e perdeu todas as vistorias do dia. A partir do momento em que fizer a sincronização, seus dados estarão a salvo na nuvem Encaminhamento automático de demandas Uma das grandes novidades do LaudoMovel é a possibilidade de receber novos laudos de forma automática, mesmo enquanto estiver fazendo uma vistoria. Isso permite que você ligue para o novo cliente e agende a vistoria. Ocorre que muitas vezes a nova vistoria é perto da que você está fazendo, e emendar em outra vistoria economiza bastante tempo. Já ocorreu casos em que um avaliador saiu para fazer uma vistoria e realizou 3, sendo que as demais foram enviadas para ele automaticamente, quando fez a sincronização. O LaudoMovel fica acessando continuamente a nuvem para saber se existe alguma nova demanda e informa na tela, bastando você então sincronizar para recebê-la. Diversas informações são preenchidas automaticamente com o conteúdo do da demanda: número da OS, fonte, linha, produto, data do laudo, tipo, distrito, nome e telefone do contato, município, bairro, unidade da federação, tipo do logradouro, endereço, complemento do endereço, nome do cliente, responsável técnico e número do processo. Além disso, se a agência tiver colocado um CEP , a nuvem procurará no Google Maps o endereço fornecido e corrigirá o CEP automaticamente. A forma ideal de fazer o encaminhamento da demanda é configurar o que você cadastrou na Caixa para copiar os s para a nuvem. Infelizmente a Caixa não aceita mais de um , então o jeito é fazer esse passo adicional. Existem duas formas de se ler usando o webmail através do navegador de internet, ou usando um cliente de , como o Microsoft Outlook ou Mozilla Thunderbird. O cliente de permite que você armazene todas suas mensagens em seu computador, enquanto que o webmail permite que se leia os s de qualquer lugar. O seu celular ou tablet também tem um cliente de . O ideal é fazer a configuração do encaminhamento através do webmail, porque se você fizer pelo cliente de acoplado em seu computador, este terá que ficar ligado 24 horas por dia para receber o e encaminhar ele pra nuvem.

9 2. Premissas 9 O problema de fazer no webmail é que nem todo programa de webmail aceita criar filtros de redirecionamento. Exemplos de clientes que aceitam fazer isso são o GMAIL, o Globo.com (que usa o GMAIL por baixo dos panos). Já o YAHOO e o TERRA não dão suporte ao redirecionamento. Alguns clientes do LaudoMovel que usavam YAHOO e TERRA fizeram assim: criaram uma conta no GMAIL, configuraram o YAHOO/TERRA/outro para redirecionar todos os s recebidos para o GMAIL, e pediram pra Caixa trocar o contato para a nova conta do GMAIL. Dessa forma, a migração ocorre sem traumas, pois as pessoas que ainda usam a conta antiga poderão te encontrar sem problemas. Talvez tenha ficado um pouco confuso. O redirecionamento faz com que uma mensagem seja movida para outro , NÃO permanecendo na conta original. Já o encaminhamento permite que a mensagem seja armazenada na conta original e uma cópia é enviada para outra conta. O que precisamos fazer para usar com o LaudoMovel é o encaminhamento. No site, o atalho Configurar explica através de uma videoaula como configurar o GMAIL para encaminhar os s da Caixa. O procedimento é um pouco mais complicado do que deveria porque o GMAIL exige que o destino aceite o encaminhamento. De forma simplificada, os seguintes campos devem ser configurados na criação do filtro: 1. Remetente: 2. Destinatário: Todos os s vindos da Caixa serão encaminhados para a nuvem, porém somente aqueles que tiverem uma demanda ou o relatório de pagamento, serão efetivamente aceitos. Os demais serão descartados. Nunca é demais lembrar que garantimos o sigilo dos seus s. Se você achar o processo difícil, pode deixar que nós fazemos a configuração: coloque uma senha temporária para seu , e contate-nos usando o formulário no site informando o e a senha temporária. Nós configuramos o filtro para você (se for possível), e aí você restaura a senha original. Alguns usuários preferem nos passar a senha original; nesse caso, pedimos que você nos contate por telefone para evitar que sua senha seja acessada por algum vírus que eventualmente esteja no seu computador. Se você optar por não configurar o automático, o que é fortemente desaconselhável, poderá encaminhar manualmente o . Assim que receber a demanda, clique encaminhar como anexo, e envie para o endereço Em até 1 minuto a demanda será processada pela nuvem e você poderá recebê-la no LaudoMovel. Em último caso, você pode criar o laudo diretamente no equipamento, como veremos nos próximos capítulos. IMPORTANTE: caso algum dia deixe de usar o LaudoMovel, pedimos encarecidamente que remova o filtro, para diminuir o trafego de dados no nosso servidor. Demandas com

10 2. Premissas 10 mais de 70 dias que não foram sincronizadas serão removidas da nuvem, mas o trafego de dados implica custos para nós Plano de dados para Internet 3G Quando você usa o LaudoMovel para fazer a avaliação na casa do cliente, precisará de internet móvel 3G para enviar a avaliação e receber novas demandas. As informações que você preenche no formulário gastam poucos dados. O que gasta mais são as fotos. Pra se ter uma ideia, um laudo consome aproximadamente 10 mil letras (em computação, chama-se bytes). Já cada uma das quatro fotos, consome de 40 mil até 140 mil bytes. Portanto, cada laudo consome até 600 mil bytes! Como as fotos consomem muitos dados de internet, é preciso que você contrate um plano de dados com a operadora de no mínimo 500 MB (1 MB = 1 milhão de bytes). Portanto, um plano de 500 MB dá pra uns 1000 laudos por mês. Se você gastar mais que isso, terá que contratar um plano maior, ou então, deixar para sincronizar na empresa usando a internet WIFI de seu roteador. É exatamente por causa das fotos que o envio de laudos para a nuvem pode demorar e, no caso de uma cobertura 3G deficiente em determinados bairros, pode até impedir a conexão com a nuvem. Nesse caso, você tem uma opção para desativar o envio das fotos, diminuindo brutalmente a quantidade de dados enviados, ou então tente fazer a sincronização em outro bairro ou quando chegar na empresa.

11 3. Descrição do Site Descrição do Site 3.1. Processo de cadastramento Para cadastrar sua empresa no site, você deve usar uma demanda da Caixa recebida há até 30 dias. É importante verificar a data, pois se você pegar uma demanda mais antiga que essa, ela será silenciosamente recusada pela nuvem e você não conseguirá fazer a inscrição. A primeira demanda é usada para obter os dados do Representante Legal a partir de uma fonte confiável, pois se você digitasse os dados e eles não fossem idênticos aos que a Caixa envia, a demanda não seria identificada corretamente. A seguir, descreveremos o processo, que também pode ser visto na videoaula disponível no site, bastando clicar em Videoaulas no menu à esquerda, e selecionar a aula Localize o com a demanda enviada pela Caixa, cuja data seja de até 30 dias. Certifique-se que a CIDADE/ESTADO da demanda é a mesma onde sua empresa está localizada. Envie o da demanda como anexo para o endereço 2. Aguarde 1 minuto para que a nuvem faça o processamento do . Assim que isso ocorrer, um é enviado de volta para você informando o número da O.S. e o bairro. Se demorar mais que um minuto, verifique se a data da demanda está correta (menor que 30 dias) e, se estiver, entre em contato com a LaudoMovel, informando o número da OS enviada para que possamos analisar o que houve, ou tente encaminhar outra demanda. Note que se você demorar mais de 1 dia para concluir o processo de cadastramento, terá que repetir o passo Abra o navegador de internet e acesse o endereço https://caixa.laudomovel.com.br, clique em Cadastrar, e informe nos campos Número e Bairro os dados descritos no de confirmação que a nuvem enviou. É crucial que os dados sejam os mesmos, caso contrário, você não conseguirá avançar para o próximo passo.

12 3. Descrição do Site Na tela seguinte, é hora de cadastrar os dados do avaliador presente na demanda. Esses dados incluem o CPF, o CREA/CAU, o telefone (com DDD), e a senha (com no mínimo OITO [8] caracteres). Ao avançar para a próxima tela, o processo de cadastramento termina e você já pode iniciar o uso do LaudoMovel. Em primeiro lugar, clique em Entrar, e digite o nome completo, exatamente como aparece na ordem de serviço enviada, e a senha que você informou no passo 4. Caso tenha esquecido a senha, clique no atalho informado na tela Entrar, logo acima de onde se lê "Digite o nome:". A tela seguinte é o contrato de uso do LaudoMovel. Ele é um contrato padrão, que especifica os seus direitos e as cessões que você faz dos dados que compõem o laudo, assim como as formas de cobrança. É muito importante ler o contrato com atenção, pois ao avançar para a próxima tela, você estará aderindo e concordando com os termos. Você pode ler o contrato novamente clicando no atalho Termos de uso, no menu Institucional, à esquerda. Ao avançar para a próxima tela, você enfim entra na sua conta. Na barra horizontal do site, é possível ver os seguintes atalhos: Minha Página, Minha Empresa, Minha Conta, Pesquisar, Sair. Veremos cada uma dessas páginas em detalhes, nos tópicos a seguir Minha Página A sua página é o lugar onde são exibidos os laudos que foram enviados para a nuvem. Veja no capítulo 4 as instruções para instalação do programa no aparelho móvel e no Windows. Essa página está dividida em duas sessões: a de Versão, e a Listagem de Laudos.

13 3. Descrição do Site Versão Essa sessão informa a versão do LaudoMovel lançada, e as versões que estão instaladas nos equipamentos. Dessa forma, você saberá que deve atualizar a versão. É crucial que você utilize sempre a última versão do programa, pois ela corrige problemas e adiciona novas funcionalidades. A última coluna da tabela de Versão indica o número de dias em que um equipamento não foi usado. Os equipamentos são automaticamente desativados após 60 dias sem uso e o equipamento sairá da listagem. Caso venha a utilizar novamente o aparelho, ele será reativado automaticamente e voltará para a listagem. Caso venha a ter um equipamento perdido ou roubado, entre em contato que nós bloquearemos o uso dele para o envio de laudos. Nessa sessão também é possível ver as instruções de instalação em cada plataforma; basta clicar o atalho indicado.

14 3. Descrição do Site Listagem de Laudos Essa é a principal sessão do site. É nela que você encontra a listagem das demandas e dos laudos já gerados, e é de onde você exporta as planilhas. O funcionamento é simples. Existe uma lista de pastas, sendo a primeira a pasta Abertos, e as seguintes, as pastas com o mês e ano da data de emissão do laudo. Para abrir a pasta, basta clicar nela. A pasta de laudos Abertos contém as demandas vindas da Caixa e também os laudos que estão incompletos e que não foram exportados. Os laudos incompletos são representados na cor vermelha, e os laudos completos (prontos para serem exportados), são exibidos na cor verde (veja na imagem acima). Quando você passa com o cursor do mouse em cima do número da OS, são exibidas informações como o endereço do imóvel, os dados que faltam preencher para que a exportação possa ser feita, e os dados que faltam para que o laudo se transforme em uma ficha de dado de mercado. Na coluna de status são exibidos 6 ícones: O laudo foi sincronizado para um equipamento Android O laudo foi sincronizado para um equipamento ios O laudo foi sincronizado para o computador de mesa Windows Representa uma Ficha de Oferta O laudo contém também o Parecer Complementar de Imóveis Novos nas duas últimas abas Rastreamento da O.S. Ao clicar em um dos quatro ícones da tabela acima, pode-se ver o rastreamento da ordem de serviço. Isso é útil quando ocorre um conflito, conforme explicado no tópico 6.3. O conflito é mostrado com a linha em vermelho. É exibida uma tabela com a operação (equipamento nuvem ou nuvem equipamento), a data, e os campos que foram sincronizados. Parte dos campos é exibida na tabela, e o restante na linha de baixo ao passar o mouse em cima. Clique no botão Voltar para a Listagem de Laudos para exibir a listagem de laudos novamente.

15 3. Descrição do Site 15 Pasta Abertos Inicialmente, os laudos sempre são colocados na pasta Abertos. Quando o laudo estiver pronto (verde), basta marcá-lo com a caixinha branca da primeira coluna. Você pode selecionar vários de uma vez, mas somente os laudos verdes possuem a caixinha de marcação; clicando na caixa do título marca ou desmarca todos os itens verdes. Após selecionar os laudos, você tem duas opções: clicar no botão Laudo em XLS (para gerar uma planilha no formato EXCEL), ou no botão Laudo em PDF (para gerar um arquivo PDF). Ao clicar em um dos dois botões, o site vai gerar um arquivo ZIP contendo o arquivo que deverá ser impresso, assinado e regue à agência. Nesse momento, o laudo é movido para a pasta do mês/ano definido pela data e hora atual. Após salvar o arquivo baixado, você deverá clicar no botão Atualizar Página. Você pode exportar como PDF ou XLS quantas vezes desejar, bastando ir para a pasta mês/ano conforme explicado a seguir. Para mover um Dado de Oferta para a pasta de mês/ano, clique no botão Arquivar Oferta. Dado de Oferta (que começa com 0000) não gera laudos; elas aparecem apenas na Ficha de Dados. Se você selecionar um laudo de Transação e clicar nesse botão, um erro será exibido. Pasta Mês/Ano Ao gerar o laudo, ele é movido para esta pasta. Nela, existem 5 botões: Laudo em XLS permite que você possa gerar novamente o laudo em formato Excel. Laudo em PDF gera o laudo em formato PDF. Esse formato é útil quando se deseja enviar o laudo por para a agência diretamente do aparelho móvel.

16 3. Descrição do Site 16 Editar Novamente quando o botão Laudo em XLS (ou Laudo em PDF) é clicado, os laudos serão removidos dos equipamentos na próxima vez em que você sincronizar. Se você quiser alterar algum dado do laudo, terá que selecionar ele através da caixa de marcar e clicar neste botão. Ele será então movido novamente para a pasta Abertos, e será enviado para os equipamentos da próxima vez que você sincronizar. Quando terminar as alterações e sincronizar de volta pra nuvem, pode clicar no botão Laudo em XLS (ou Laudo em PDF) na pasta Abertos, para mover o laudo novamente para a pasta Mês/Ano e gerar a planilha; o laudo não será cobrado novamente. Ficha de Dados esse botão gera a ficha de dados que deve ser mensalmente entregue na Caixa. Um arquivo ZIP é gerado com a planilha com os dados de mercado para transação com suas respectivas fotos, e com os dados de mercado para ofertas (com apenas 1 foto). Existem duas formas de se escolher os laudos que farão parte da ficha: 1. Selecione as O.S. na tabela. São aceitos todos os tipos, porque em alguns estados a GIDUR exige que se envie todos os laudos feitos, e não apenas oferta e ficha. Se você for do Rio de Janeiro, ou de estados em que apenas são aceitos Dado de Transação ou Dado de Oferta, procure selecioná-los vendo o símbolo exibido ao lado. 2. Não selecione O.S. alguma. Todos os dados exibidos na página serão escolhidos. Exportar Relatório Mensal esse botão aparece quando a nuvem recebe a cópia do extrato de relatórios que a Caixa envia. Ao clicar nele, uma planilha é gerada no mesmo formato do Modelo de Relatório enviado pela GIDUR. Para colar a planilha, você deve fazer assim: selecione as células exportadas pelo site; copie; abra a planilha enviada pela GIDUR; se na planilha origem a quantidade de linhas for menor, insira mais linhas (isso é fácil, pois a planilha gerada no site começa na célula A10, então basta ver até que célula tem dados e inserir a mesma quantidade de linhas na planilha da GIDUR); clique na célula A10; clique botão direito, selecione COLAR ESPECIAL, selecione em Colar Valores, e Ok. Desse modo, a formatação original da célula, assim como as bordas, permanecerá. Observação: se você não inserir linhas suficientes, será exibida uma mensagem do tipo "Essa operação exige que as células mescladas sejam do mesmo tamanho". Tabela com a listagem A tabela possui 5 colunas, a saber: 1. [ ] caixa de seleção usada para marcar os laudos que deseja exportar ou reeditar, dependendo da pasta. 2. # : contador de linhas / índice na ficha de dados (à direita). 3. Data do laudo: é a data da vistoria (se o laudo já tiver sido vistoriado), ou a data de chegada da demanda. 4. Número da O.S.: guarda o número da ordem de serviço.

17 3. Descrição do Site Status: informa se o laudo foi enviado para o Windows, enviado para o aparelho móvel, se é um Dado de Transação, se é um Dado de Oferta, se é um laudo com parecer complementar, se é uma ficha de dados. Você pode reordenar as linhas clicando no título Data do Laudo ou Número da O.S.. A coluna de ordenação atual aparece com o título em itálico. Notas: Uma vez exportados, os laudos são armazenados na nuvem por um longo período. Ainda não temos uma política de limpeza da base de dados, mas acreditamos que eles ficarão armazenados por pelo menos 5 anos. Após esse período, pode ser que apaguemos as fotos e mantenhamos os dados do laudo. Você pode abrir a planilha gerada com os programas Libre Office (genérico gratuito do Microsoft Office de software livre), Microsoft Excel 2003 SP3, 2007 SP3, e Note que as versões do Excel anteriores à de 2010 devem ser atualizadas para o SP3 (Service Pack 3), pois elas contém erros que impedem que o laudo seja aberto ou alterado. Para saber como atualizar, basta passar com o cursor do mouse no atalho da sua versão do Office na linha onde se lê "A planilha é compatível com...", em Minha Página, no site. As pastas separam os laudos pela data de geração do laudo, que é definida ao clicar nos botões Laudo em XLS ou Laudo em PDF. Procurar OS Para localizar uma OS em uma das pastas, basta colocar o número completo dela ao lado do botão Procurar OS, e clicar nesse botão. A pasta com o mês será aberta e a informação será exibida ao lado do número da OS, nessa sessão. Dica: para limpar o campo, selecione o número da OS e tecle backspace. Recuperação de laudos removidos Quando um laudo é removido do equipamento, ele é mantido por 30 dias em uma lixeira na nuvem, podendo ser facilmente recuperado. Embaixo da listagem de laudos, é exibida uma Lista de laudos removidos. Basta abrir a lista e selecionar o laudo que deseja recuperar. Após os 30 dias, os laudos são excluídos da nuvem em definitivo, e a única forma de recuperá-los é através das cópias de segurança, se ainda as tiver Minha Conta A página de minha conta informa sobre os pagamentos a fazer e já efetuados.

18 3. Descrição do Site Informações para faturamento Nessa página você pode ver as informações que usamos para fazer a cobrança. O valor de cada laudo gerado ao clicar em Laudo em XLS (ou Laudo em PDF) é informado nessa página. Ele é cobrado apenas na primeira vez em que você clica no botão; se você editar novamente o laudo e gerar outra planilha, o valor não é cobrado outra vez. Existe também uma taxa de serviço fixa de R$ 3,00 para cada avaliador cadastrado. Todo mês que você gerar pelo menos um laudo, cobraremos essa taxa. Se entrar de férias e não gerar laudos no mês, a taxa não será cobrada. Note que a taxa não é por cada laudo, mas sim pelo uso dos serviços do site no mês. O preenchimento e armazenamento de Dados de Oferta não são cobrados. O LaudoMovel pode ser usado por 30 dias sem pagar. Nesse período, você tem acesso a todas as funcionalidades do site. Na véspera do vencimento, você receberá um informando da necessidade de pagamento, que deverá ser realizado até o dia 5 de cada mês. Caso se esqueça de pagar, a partir do dia 6 a conta é bloqueada e você não terá mais acesso à Minha Página. IMPORTANTE: após efetuar o pagamento, envie o comprovante para o Se você não fizer isso, não teremos como identificar o pagamento e sua conta será bloqueada a partir das 11 horas da manhã do dia 6.

19 3. Descrição do Site Minha Empresa Nesta página existe uma sessão, Avaliadores Avaliadores Nessa sessão listamos os avaliadores que pertencem à sua empresa. Existe um atalho, abaixo da tabela, que permite que se inclua um novo avaliador. Se você for representante legal da empresa, também poderá editar os dados do CREA/CAU e seu número de telefone, e clicar no botão + para gravar as alterações, ou então clicar no botão para apagar o avaliador. Note que não é possível apagar o representante legal, exibido em vermelho. Após apagar um avaliador, sincronize nos equipamentos para atualizar a lista, e saia do programa e entre novamente. O responsável técnico só poderá incluir um avaliador quando, no processo de inscrição, o representante legal da empresa não tiver sido ainda definido. Uma vez que o representante legal tiver sido adicionado, somente ele poderá fazer alterações. IMPORTANTE: para a Caixa, existe somente um representante legal, aquele que assinou o contrato, como pode ser visto abaixo em trecho extraído do edital: 20.5 Todos os trabalhos técnicos deverão ser executados na forma estabelecida pela CAIXA e deverão ser assinados, obrigatoriamente, pelo representante legal da credenciada ou procurador legalmente constituído e pelo técnico executor habilitado pela CAIXA. Portanto, se sua empresa tiver mais de um avaliador, o outro técnico poderá assinar no lugar do representante legal e colocar, ao lado, as iniciais pp (por procuração) - desde que, logicamente, ele tenha uma procuração o autorizando para tal. Isso é aceito pela Caixa e evita o atraso na entrega do laudo Pesquisar Quando os avaliadores preenchem os dados do informante, contato do informante e valor de venda informado, na aba 0 do programa, eles transformam o laudo em um Dado de Mercado. Esses dados são acessíveis a todos através da página Pesquisar no site. Com ela, vocês conseguem obter insumos para alimentar o programa de estatística que será usado para gerar a equação de regressão e o valor por metro quadrado. Veja a foto:

20 3. Descrição do Site 20 A página de pesquisa é simples de ser usada. Existem os filtros de entrada e os de saída. Os de entrada compreendem o período inicial e final da pesquisa, o tipo de imóvel (casa, loja, terreno, apartamento, etc). Em seguida, escolha se deseja fazer a pesquisa por município e bairro, ou por uma coordenada geográfica (latitude e longitude): A lista de bairros retorna apenas os que satisfazem ao período, tipo e município informados, colocando entre parêntesis a quantidade de dados de mercado daquele bairro.

21 3. Descrição do Site 21 Já a pesquisa por coordenada geográfica permite que você especifique uma coordenada e um raio em metros, e todos os imóveis naquele raio são retornados. Note que a coordenada deve ser digitada no formato decimal; passando o cursor do mouse na (?) é exibida as instruções para obter essa coordenada. Na planilha exportada existem instruções para visualizar no Google Maps os imóveis retornados. Os filtros de saída correspondem às 10 variáveis que você deseja que sejam exportadas. A medida em que você vai selecionando, o título "5. Variáveis" é atualizado para informar quantas você ainda pode escolher. As variáveis são divididas entre terreno, unidade e edifício. Além dessas 10, a planilha contém os campos data da vistoria, endereço, complemento, bairro, informante, telefone, variável proxy, valor/m2 e valor total. Quando terminar de selecionar os filtros, clique no botão Exportar para o Excel, e uma planilha será gerada. Note que para fazer a primeira pesquisa, é necessário inserir pelo menos 5 dados de mercado na base, e aguardar a revisão desses dados por nossa equipe. Isso garante uma melhor qualidade da base de dados.

22 3. Descrição do Site Pesquisar (GIDUR) A pesquisa de dados da GIDUR, disponível a partir do menu principal quando não tiver entrado na conta, é uma forma de colaborarmos com usuários que não usam o LaudoMovel. Mensalmente, algumas regionais da Caixa enviam uma planilha com todos os dados de mercado obtidos dos avaliadores no mês anterior. Porém, é muito difícil e pouco prático fazer pesquisas em uma planilha Excel. Pensando nisso, nós importamos a planilha para a nuvem, e disponibilizamos um formulário parecido com o descrito no tópico Durante a importação dos dados efetuamos diversos ajustes e correções para sanar defeitos que impediriam o uso do dado, mas mesmo assim muitos dados de mercado vêm incompletos e inconsistentes; o banco de dados criado pelos avaliadores do LaudoMovel é certamente muito mais confiável.para fazer a pesquisa, não é permitido escolher o período, que abrange automaticamente os últimos 150 dias. Escolha o tipo do imóvel e clique para abrir a unidade federativa. Nessa listagem é possível ver o número de imóveis para tal unidade. Se estiver com 0, é porque ninguém nos enviou uma planilha

23 3. Descrição do Site 23 para importação; se você tiver uma, pode nos enviar e a importaremos para a nuvem. Após escolher a UF, escolha a cidade. Somente listamos cidades que tenham vindo nos dados de mercado fornecidos. Por fim, selecione o(s) bairro(s) que deseja. Escolha então os dados de saída (até 10), e clique no botão Exportar para o Excel.

24 4. Instalação, atualização e remoção Instalação, atualização e remoção 4.1. Instalação e atualização A primeira instalação deve ser feita de forma manual. Windows baixe a instalação a partir do endereço Android acesse a loja da Google, a Play Store, a partir do telefone ou tablet e procure por LaudoMovel Caixa. Quando houver uma nova atualização, a Play Store avisará e, se estiver configurado, baixará automaticamente. IOS acesse a loja da Apple a partir do ipad ou iphone e procure por LaudoMovel. Se o programa já tiver sido instalado, a Appstore avisará que existe uma nova atualização. Note que a atualização pode demorar até 10 dias, pois a Apple tem um processo muito burocrático, onde a aplicação tem que ser verificada antes. Sempre que sincronizar os dados, o LaudoMovel verificará se existe uma nova versão do programa. Se houver, uma mensagem será exibida (vide tópico 6.3 item 2F). Cuidado: se você tiver o Avast ou algum outro antivírus instalado, é possível que ele impeça a instalação ou o acesso à internet do LaudoMovel. Se isso ocorrer, experimente desativar o antivírus momentaneamente, e procure na internet ou no suporte do programa antivírus como fazer para configurá-lo para tornar o LaudoMovel um programa aceito/confiável. Dessa forma, o antivírus não irá mais bloquear o LaudoMovel e seu computador não ficará em risco Remoção A remoção do LaudoMovel do equipamento anterior não é requerida, pois como dissemos, não cobramos por equipamento instalado, mas sim por avaliador cadastrado. Caso deseje fazer a remoção para economizar espaço, proceda assim: 1. Sincronize os dados, para enviar para a nuvem qualquer alteração que tenha feito no equipamento. 2. Para remover no Windows, basta apagar a pasta c:\laudomovel e o atalho criado. 3. Para remover do Android, clique em Configurações, Aplicativos, selecione o LaudoMovel na lista, e clique em desinstalar / remover. 4. Para remover do ios, clique e segure no icone da aplicação; todos os ícones começarão a tremer e um X aparecerá no canto superior esquerdo; clique no X e confirme a remoção. Se o equipamento não for utilizado por mais de 60 dias, ele será desativado. Para reativálo, basta fazer a sincronização novamente. Se o equipamento for furtado ou você o perder, recomendamos que você nos forneça o nome do equipamento para que nós o desativemos definitivamente, impedindo que terceiros sincronizem os seus laudos.

25 5. Interface com o usuário Interface com o usuário Nesse capítulo explicaremos os controles usados para o preenchimento das informações. O tópico 5.1 mostra os tipos de controles e o 5.2 expõe dicas de usabilidade Tipos de Controles Existem diversos elementos que compõem a interface com o usuário do LaudoMovel, usada para inserir as informações nos campos. A seguir descreveremos eles. 1. Ao clicar nos campos de edição, 4 tipos de teclado podem abrir: a) Teclado padrão: nele você digita textos. No Windows, o teclado do computador é usado para entrada de dados. Nos telefones e tablets, um teclado virtual (ou físico, dependendo do aparelho móvel) é usado. O formato do teclado varia de aparelho para aparelho. É possível trocar o teclado padrão para um mais fácil de usar; para isso, visite a loja onde se baixa programas, em seu aparelho. b) Calendário: aparece em campos de data. Selecione o dia desejado clicando no número, ou use as setas para aumentar ou diminuir o ano e o mês, ou clique nas palavras ano/mês para abrir uma lista onde você poderá selecionar diretamente. Clique em Hoje para usar a data atual, Limpa para limpar o campo de texto, e Cancela para cancelar e retornar sem fazer alterações.

26 5. Interface com o usuário 26 c) Teclado numérico: usado em alguns campos onde a entrada é só de números. Clique em < e > para andar com o cursor pelo número, e em << para apagar o dígito à esquerda; Ok fecha a janela e cola o número no campo, Cancela fecha sem colar, e Próximo fecha, colando o número, e passando para o próximo campo. d) Calculadora: teclado numérico acrescido das quatro operações básicas, mais percentagem. Clique = para efetivar a operação, e Ok para fechar a janela e colar o número no campo. Pode também ser usado como um teclado numérico, bastando digitar o número e pressionar um dos botões Próximo/Ok/Cancela. 2. Campos do tipo marcação podem ser marcados ou desmarcados individualmente. 3. Campos do tipo botão de rádio são operados aos grupos; marcando um desmarca o anterior. a) Se a quantidade de linhas de botões de rádio for superior a 4, os botões são trocados por uma lista, onde apenas o item selecionado é exibido. b) Ao clicar no texto da lista ou no botão v, uma janela é aberta com as opções. Na parte de cima da janela existem letras que posicionam a lista na letra escolhida; você pode rolar a lista de letras pra esquerda ou pra direita. Na parte de baixo encontram-se as opções disponíveis, que podem ser roladas para cima ou para

27 5. Interface com o usuário 27 baixo. Ao selecionar a opção, a janela é fechada automaticamente. Ou clique cancelar para fechar sem selecionar opção alguma. 4. O controle com as setas pra esquerda e direita permite que se selecione um valor numérico inteiro. Clicando à esquerda diminui o valor, e à direita aumenta. Você pode clicar e manter pressionado para repetir automaticamente. Não é preciso clicar no botão, em qualquer posição à esquerda ou à direita da área cinza que você clique o valor se altera. Se clicar na área cinza, um teclado numérico é aberto para que você digite o número desejado. 5. Na aba 0, campo O.S. (ordem de serviço), não é possível alterar o número usando o teclado (nem mesmo no Windows). Ao clicar no campo podem abrir dois menus de opções, dependendo se já existir uma OS ou se o campo de OS estiver vazio. Em todos os casos, uma tela de confirmação informando o número antigo e o novo será exibida Campo de OS vazio (nenhuma OS é exibida): Campo de OS já preenchido (alguma OS é exibida):

28 5. Interface com o usuário 28 a) Alterar, trocando o número: essa opção deve ser usada quando você quiser alterar o número da ordem de serviço. Uma nova O.S. não será criada. Por exemplo, se tiver digitado e quiser trocar para b) Copiar, trocando o número: os dados do laudo atual são copiados para um novo laudo, que terá a ordem de serviço com o número que você informar na janela seguinte. c) Copiar, incrementando o sequencial: os dados do laudo atual são também copiados para um novo laudo, mas a numeração será a mesma, trocando apenas os 3 últimos dígitos. O LaudoMovel procurará o próximo sequencial disponível. Por exemplo, se a OS for , essa opção vai criar uma OS com d) Copiar, gerando oferta vinculada: essa opção copia os dados do laudo, gerando uma OS de oferta. Os campos que não fazem parte de uma oferta são limpos, e a primeira foto, que normalmente é da fachada, é mantida. Essa opção é útil quando você está vistoriando um apartamento e um outro apartamento no mesmo prédio está à venda. e) Criar OS para TRANSAÇÃO: cria uma nova OS, limpando todos os campos e permitindo que você defina o número da ordem de serviço como quiser. f) Criar OS para OFERTA: cria uma nova OS, limpando todos os campos, mas torna a OS uma oferta, definindo uma numeração especial começada por Alguns campos deixam de ser de preenchimento obrigatório, e a OS não gera Laudo, apenas dado, que aparece na ficha. Note que o número da OS não aparece na ficha de dados. Laudos desse tipo podem tirar apenas uma foto e não são cobrados. Um outro menu é aberto em seguida:

29 5. Interface com o usuário 29 Sim, vinculada à OS atual: a agência e sequencial da OS são usados para montar o novo número da OS. Dessa forma, no site será possível ver um ícone informando que a OS original (que gerou essa oferta) já possui uma oferta vinculada. Note que os dados da OS não são copiados! Para isso, use a opção D. Sim, digitando a agência e OS: quando a OS que se quer criar não está mais no aparelho, use essa opção e digite o número da agência e sequencial da OS. Cuidado para não errar. Sim, mas não vinculada: o número do CPF do avaliador são usados para gerar o número de OS. Não, cancelar: cancela a criação da OS. g) APAGAR OS atual: essa opção remove a ordem de serviço sendo exibida atualmente. Se você mudar de ideia, pode recuperar a OS a partir do backup ou diretamente na nuvem (veja capítulo 3, tópico Recuperação de laudos removidos). h) Alterar Tipo da OS: permite trocar o tipo da OS se ela for do tipo Casa, aparece uma caixa perguntando se você quer trocar para Terreno ou Apartamento; e assim por diante. i) Sobrescrever na nuvem: pode ser usado quando houver perda de sincronismo entre o aparelho e a nuvem. Todos os campos preenchidos no equipamento são enviados novamente pra nuvem na próxima sincronização, sobrescrevendo todas as informações desse laudo que estiverem lá. j) Trazer de novo da nuvem: também pode ser usado quando houver perda de sincronismo entre o aparelho e a nuvem, mas faz o caminho inverso do item i, ou seja, o laudo é apagado e na próxima sincronização ele é trazido novamente da nuvem. k) Cancelar: fecha o menu sem alterar nada. 6. A aba 1 contém três botões especiais: a) O botão com a imagem de um carro ao lado do Endereço do Imóvel abre o

30 5. Interface com o usuário 30 endereço indicado no Google Maps. Clique na tecla de voltar para fechar a janela do mapa. Note que o acesso ao mapa consome dados de internet. IMPORTANTE: é crucial que você coloque nesse campo apenas o endereço e o número do logradouro. Se colocar número do apartamento, bloco, ou qualquer outra informação, o Google Maps não vai conseguir achar o endereço! b) O botão com o formato de um satélite, na aba 1, ao lado de Latitude / Longitude, ativa o GPS do aparelho para obter as coordenadas. Notas: Tempo nublado e prédios por perto podem dificultar a obtenção das coordenadas. Se você não conseguir capturar a coordenada, ao sincronizar, a nuvem irá procurar o endereço no Google Maps e guardará as coordenadas. Quando você sincronizar novamente em qualquer equipamento, elas vão aparecer no campo latitude/longitude que você deixou vazio. O GPS deverá estar habilitado nas configurações do telefone. Se não estiver, o botão do satélite ficará vermelho. Basta ligar novamente o GPS e clicar no botão vermelho para iniciar a captura. Se precisar digitar as coordenadas GPS, um teclado especial será aberto para evitar erros no preenchimento:

31 5. Interface com o usuário 31 c) O botão de telefone liga para o número informado. Se existir mais de um, uma janela é aberta para você escolher o telefone a ser discado. Se o número estiver mal formatado, pode ser que não apareça corretamente na janela. Se só existir um número, clicar no botão discará imediatamente. 7. Existem duas formas de se navegar pelos laudos: usando as setas pra direita e pra esquerda, ou clicando na lista. 8. Ao lado esquerdo das setas de navegação, existe um botão de filtro. Clicando nele você escolhe o período de exibição dos laudos: exibir tudo, exibir os que chegaram há até 7 dias, os que chegaram a até 15 dias, ou até 30 dias. Quando o filtro estiver aplicado, sua cor se tornará verde. O filtro altera os laudos exibidos na listagem acima e também a navegação.

32 5. Interface com o usuário A divisão interna e os pavimentos são inseridos usando uma tabela com algumas peculiaridades. a) Clicando em Andar (na Divisão Interna), uma lista é aberta para você escolhêlo. b) Clicando em Qtde, um teclado com calculadora é aberto. c) Clicando em Tipo, uma lista é aberta com as opções. A lista pode ser rolada para cima e para baixo. d) Você pode colocar andares fora de ordem, que o programa ajustará automaticamente. e) Para remover uma linha, você deve escolher a primeira opção da lista (<vazio>) para todos os itens da linha. f) Pode-se mover uma linha para cima ou para baixo. Para isso, selecione a linha usando a coluna #, e use as setas azuis cima/baixo. g) Para limpar todas as linhas, veja uma dica no tópico 5.2 deste capítulo. 10. Os campos de tipo Sim/Não habilitam ou desabilitam a caixa de texto de acordo com a pergunta. 11. Na aba 7, pode-se tirar fotos diretamente do aparelho móvel. a) No aparelho móvel, use o botão com a imagem da máquina fotográfica para abrir a visualização da foto. No Windows, aparece uma janela pedindo para você localizar o arquivo JPEG que representa a foto. Procure sempre tirar fotos na horizontal.

33 5. Interface com o usuário 33 Ligue o flash caso exista Por padrão, usamos resolução de 640x480, com qualidade suficiente para colar nas planilhas sem ocupar muito espaço em disco. Se carregar uma foto maior que essa, ela será redimensionada para 640x480 (ou 320x480 se estiver na vertical). b) O botão de lixeira remove a foto. Se você tiver fotografado e saído do programa, uma cópia de segurança terá sido gravada, e você poderá recuperar a foto através dessa cópia (vide capítulo 7.1). Se tiver acabado de tirar a foto, não será possível recuperá-la, pois a cópia não terá sido gerada. c) O botão de lupa exibe a foto em tamanho normal. Uma janela é aberta e, se o equipamento não tiver uma tela grande o suficiente, basta arrastar a imagem com o dedo para ver o restante da foto. No Android e no ios você pode também ampliar e reduzir a imagem usando os dedos em forma de pinça. d) O campo de edição permite que você especifique uma descrição para a foto, com até 25 caracteres. Você pode colocar o nome sem a foto como referência caso queira colocar a foto depois. e) Se, por algum motivo, uma foto não for sincronizada para a nuvem, você pode fazer assim: clique no botão com a imagem da máquina fotográfica; clique Exit na janela de visualização da foto, mantendo a foto atual; faça isso para as demais fotos se for preciso; sincronize com a nuvem. As fotos serão enviadas novamente. f) Se você optar por tirar as fotos com uma máquina própria, pode usar um truque para colocar ela no LaudoMovel: visualize a foto no monitor do seu computador de mesa, e tire uma foto com a máquina fotográfica do aparelho móvel. Bastará então sincronizar para enviar as fotos para a nuvem. g) Caso tenha dificuldade de localizar a foto no Windows, faça assim: Crie uma pasta, como c:\fotos; Conecte a máquina no computador e transfira as fotos para a pasta criada; Anote os nomes das fotos que tirou para o laudo; Clique no botão Foto no LaudoMovel, localize as fotos na pasta c:\fotos. h) Caso opte por tirar a foto em outra máquina fotográfica, selecione a menor resolução em megapixels disponível. De nada adianta tirar fotos de 15MP se na transferência pra nuvem ela será reduzida para 0,3MP (640 x 480 = = 0.3MP). i) Faça com que a primeira foto sempre seja da fachada, pois ao criar uma oferta vinculada, somente a primeira foto é mantida. 12. Normalmente, quando uma demanda chega, a nuvem verifica se o bairro existe. Se

34 5. Interface com o usuário 34 não existir, ele é inserido na base. Porém, se você for criar um laudo manualmente, poderá inseri-lo clicando na listagem de bairros, e selecionando o item *** Adicionar ***. Após clicar nesse item, uma janela vai abrir e você poderá digitar o nome do bairro. Clicando em Inserir, uma outra janela vai pedir para você confirmar o nome do bairro, que será então selecionado e inserido na base. Se o bairro já existir, uma janela de erro será exibida. Caso você cancele em qualquer uma das telas, o item selecionado anteriormente será desmarcado e você terá que selecioná-lo novamente Dicas de uso 1. Uma forma rápida de limpar um campo é dando um clique duplo no título do mesmo. Isso funciona para a maioria dos controles. a) Em controles do tipo marcação, clicando duas vezes marca ou desmarca todas as opções. 2. A tela pode ser deslizada arrastando o dedo para cima e para baixo. No Windows, não existe barra de rolagem; o deslizamento pode ser feito com o mouse, clicando na área branca da tela e arrastando para cima ou para baixo. 3. As abas correspondem às mesmas que existiam no SISUPFOR 2000, com exceção da aba 0, que contém informações do laudo. 4. Você pode trocar de aba apertando o número dela ou arrastando o formulário para a esquerda ou direita. 5. Em qualquer janela, você pode movê-la arrastando-a pelo título. 6. Campos de texto podem ser chatos de serem preenchidos no aparelho móvel. Uma alternativa é deixar eles em branco e preencher no Windows. 7. As abas podem ser de 4 cores diferentes: a) Vermelho: os campos essenciais, que são pré-requisitos para a geração do laudo no site, não foram ainda preenchidos. Esses campos são indicados pelo título vermelho. Quando o campo é preenchido, o título muda para a cor preta. b) Verde ou marrom: uma vez que todos os campos vermelhos forem preenchidos na aba, ela muda para a cor verde. A aba visível atualmente é pintada como marrom em vez de verde.

35 5. Interface com o usuário 35 c) Azul: representa uma aba que não contém dados essenciais. 8. Os campos que complementam o laudo, utilizados na criação de um Dado de Oferta, são indicados na cor laranja. Para laudos de transação, os campos laranja serão escondidos. 9. Não existe botão para salvar os formulários. Eles são salvos quando um dos seguintes eventos ocorrerem: a) Ao preencher 10 campos b) Ao clicar em voltar, para sair da tela atual. c) Ao minimizar a aplicação ou atender o telefone. 10. O LaudoMovel para Windows não aceita o menu de contexto que aparece quando você clica com o botão direito do mouse em um campo de texto. Para usar a área de transferência, selecione o texto e aperte control+c para copiar, control+x para recortar, e control+v para colar. a) A única exceção é no campo da equação de regressão, onde existe um botão para colar o conteúdo da área de transferência no Windows. 11. Alguns campos no LaudoMovel para Windows são desabilitados propositalmente, para forçar você a usar a versão para aparelhos móveis e, assim, utilizar todo o potencial do produto. São campos que exigem sua presença no local. 12. No Windows, você pode redimensionar a janela ou maximizá-la. 13. Você pode operar o programa na vertical (em pé) ou na horizontal (deitado) no aparelho móvel. 14. Quando você clica em um campo de texto no aparelho móvel, uma janela é aberta. Você pode fazer essa janela abrir também no Windows, basta colocar clicar no campo e apertar a tecla F11. Por exemplo, clique no campo Data da Vistoria e aperte a tecla F11 para abrir o calendário.

36 5. Interface com o usuário Se digitar uma data incorreta nos campos de data, o campo será limpo e você terá que digitar novamente. Optamos por não exibir uma mensagem para tornar a interface mais fácil de usar. 16. No ios e no Android não existe botão para sair da aplicação. Basta clicar no botão que volta para a listagem de programas que os dados serão salvos automaticamente.

37 6. Descrição do programa Descrição do programa O LaudoMovel Caixa foi desenvolvido tendo como base os programas SISUPFOR 2000 e o SIMIL. A divisão dos campos por abas segue o modelo do SISUPFOR, portanto, se você é um dos avaliadores que usou esse programa durante os mais de 10 anos em que ele foi adotado, encontrará uma disposição bastante familiar. Para adequar o LaudoMovel ao SIMIL, optamos por colocar os campos de oferta afins posicionados no final de cada aba, e na cor laranja. Esses campos são escondidos para laudos de transação, e exibidos quando se cria uma Oferta. IMPORTANTE: o LaudoMovel deve ser fidedigno ao SIMIL. Existem vários campos que poderiam ter essa ou aquela opção a mais, mas entenda que não podemos colocar nada que faça com que o LaudoMovel difira do SIMIL. Somente assim as planilhas geradas por ele podem ser aceitas pela Caixa. Você não precisa instalar o SIMIL para usar o LaudoMovel, mas é fortemente recomendado que você leia sempre o caderno de orientações do Simil mais atual, que é disponibilizado na página de Links Úteis, no site Menu Principal Na tela inicial do LaudoMovel, existem 5 botões: um de informação no canto superior direito, em que você pode visualizar estatísticas, e quatro botões que formam o menu principal do programa. Na versão para Windows, pode-se sair do programa clicando no X da janela. Já nos aparelhos móveis, esse botão não existe por exigência da Apple. Basta clicar no botão central do aparelho que os dados serão salvos automaticamente. Ao iniciar o programa pela primeira vez, surgirá uma janela informando que o banco de dados está incompleto, e pedindo que você sincronize. Portanto, faremos isso em primeiro lugar.

38 6. Descrição do programa 6.2. Tela de Sincronização Clique no botão Sincronização, e surgirá a seguinte tela: 38

39 6. Descrição do programa 39 Nessa tela você deverá digitar o mesmo usuário e senha usados ao se cadastrar no site. O usuário é sempre o nome completo do avaliador, e a senha é a que você criou no processo de inscrição. Na primeira vez que abrir a tela de sincronização, será perguntado se deseja usar o usuário de teste (vide tópico 1.3); clique sim e os campos serão preenchidos automaticamente. Essas informações serão gravadas doravante. A opção de Enviar dados para o suporte deve ser marcada somente houver algum problema e, após você entrar em contato com o suporte, nós pedirmos para você marcála. O que essa opção faz é comprimir toda a sua base de dados e enviar para o suporte. Dessa forma, podemos descobrir a causa de algum problema que você tenha relatado. Enviar tudo demanda um gasto maior de internet, portanto, marque apenas se nós de fato orientarmos. O botão Enviar Lentamente deve ser marcado quando sua internet 3G estiver instável. Essa opção coloca uma pausa durante o envio dos dados, fazendo com que o tempo necessário para envio seja de até 3 vezes mais demorado. Em modo WIFI, essa opção é ignorada. Se sua rede 3G for lenta, você pode deixar essa opção marcada, e assim em modo 3G os dados serão enviados devagar e, em modo WIFI, serão enviados rapidamente. A opção de Não enviar as fotos faz com que as fotos, se tiverem sido alteradas, não sejam enviadas nesse momento. Isso é muito útil quando você está em campo e o sinal de internet 3G estiver ruim. Quando isso ocorre, o envio dos dados falha e não é possível receber novos laudos que estejam na nuvem, pois o recebimento de laudos só ocorre quando o envio tiver terminado. Como as fotos representam 99% da quantidade de dados enviados, não enviando elas faz com que a sincronização seja muito rápida. Enquanto essa opção estiver marcada, as sincronizações ignorarão as fotos, mas elas continuarão no seu aparelho móvel. Quando chegar no escritório ou em algum lugar com uma internet de qualidade, desmarque a opção e sincronize novamente para enviar as fotos que ficaram presas no aparelho móvel.

40 6. Descrição do programa 40 O botão Recupera backup será descrito no tópico 7.1. O botão Limpa Dados pode ser usado, em casos extremos, para zerar a base e dados (excluir todos os laudos). Dessa forma, é possível sincronizar todos eles novamente. Veja no capítulo 8 situações em que isso é recomendado. Certifique-se que a internet do seu aparelho está conectada, digite o usuário e senha e clique em Sincronizar. O botão é substituído por uma barra de progresso que indica o quanto já foi enviado ou recebido. Na lista logo abaixo da barra, diversas informações são exibidas. Quando um laudo é recebido, aparece um ícone indicando o tipo de laudo ao lado do número da O.S.. Eventualmente, se a nuvem demorar demais pra responder, a barra de progresso vai decrescer, enquanto se espera os dados chegarem. Ao atingir o tempo máximo de espera, a sincronização falhará. Descreveremos agora o que ocorre quando você sincroniza: 1. No envio para a nuvem: a) Os laudos que tiverem sido alterados são enviados para a nuvem, em lotes. Para economizar internet, nós enviamos somente os campos que foram alterados. Portanto, se você já sincronizou um laudo com as fotos e tiver alterado algum outro campo, somente esse campo alterado será enviado. O envio em lotes é feito para evitar que o tempo máximo de transferência seja atingido caso você esteja enviando muitos laudos com fotos. Se estiver no Windows, os laudos são enviados de 5 em 5. Se estiver no aparelho móvel, de 2 em 2 (se a opção Internet lenta não estiver marcada), ou de 1 em 1 (se essa opção estiver marcada). Se ocorrer um erro de envio, clique no botão Sincronizar novamente e somente os laudos que ainda não foram sincronizados é que serão enviados. b) Sempre que ocorrer um erro, nós gravamos ele em um arquivo. Ao sincronizar, o relatório de erros, se existir, é enviado para a equipe de suporte. Pode ser que entremos em contato com você por ; procure ser célere na resposta. 2. No recebimento da nuvem: a) As novas demandas que tiverem chegado na nuvem são recebidas; b) Se alguém modificou um laudo em outro equipamento, as alterações realizadas são recebidas (apenas os campos alterados). Esses laudos são exibidos com um sinal de asterisco (*) ao lado. c) Os laudos exportados ao clicar em Laudo em XLS (ou Laudo em PDF) no site são apagados do seu equipamento. d) Laudos que tenham sido apagados em outro equipamento são apagados do seu também.

41 6. Descrição do programa 41 e) Um novo Tweet é exibido. Tweets são mensagens que publicamos esporadicamente no Twitter e que são exibidas no lado direito da página principal do site. Para garantir que você também o lerá, nós exibimos ele após a sincronização. É crucial que você leia o tweet, pois nós sempre damos informações importantes através deles. Já perdemos a conta de quantas vezes alguém perguntou algo que havia sido noticiado pelo tweet; sinal que não o leu. f) Tabelas de dados que tiverem sido alteradas serão enviadas. Por exemplo, sempre que uma nova agência for adicionada, a atualização será enviada. g) Se uma nova versão do LaudoMovel existir, você será informado. Se o computador for um Windows, a atualização será automática; se for um Android ou ios, você deverá abrir a loja de aplicativos e mandar atualizar. Lembre-se que o envio e o recebimento de informações pode demorar por causa das fotos. Se não conseguir sincronizar os laudos usando a internet, experimente usar a conexão WIFI na sua empresa. Em último caso, pode ser que a nuvem esteja passando por manutenção; aguarde um pouco e tente novamente. Se a sincronização falhar, tente acessar o site do LaudoMovel. Se o site estiver funcionando, então a sincronização também está, e o problema pode ser na conexão de internet de seu equipamento. Quando a sincronização estiver terminada, clique na seta de voltar, no canto superior direito Conflito ao sincronizar um laudo A nuvem é o local de armazenamento dos dados, e seu uso deve ser feito com um certo cuidado para evitar a perda de informações. O preenchimento do laudo é normalmente realizado em dois computadores, sendo um de mesa (desktop) com Windows e outro um aparelho móvel. O processo correto de utilização em dois ou mais computadores pode ser descrito assim: 1. Você sincroniza em um computador para enviar a demanda da nuvem para ele; 2. Altera os dados, sincroniza para enviar as alterações de volta pra nuvem; 3. Sincroniza no outro computador para pegar as alterações; 4. Altera os dados no outro computador, sincroniza para enviar de volta pra nuvem; 5. Repete os passos 1 a 4 ou gera a planilha do laudo e encerra o processo. A situação em que o passo 3 é ignorado quando um computador se esquece de pegar as alterações da nuvem, e tenta sobrescrever o que o outro sincronizou, é definida como conflito. Quando um conflito ocorre, alguém sai perdendo, ou quem sincronizou primeiro, ou quem

42 6. Descrição do programa 42 sincronizou por ultimo. Para diminuir a perda de dados, a nuvem é inteligente o suficiente para só considerar campos conflitantes. Ou seja, se os dois computadores sincronizaram campos distintos, não existe conflito. O conflito só ocorrerá quando o passo 3 for ignorado e um ou mais campos forem alterados simultaneamente nos dois computadores. Nota: a nuvem controla quais campos foram gravados a cada sincronização, mas não o valor do campo. Portanto, se o campo foi alterado nos dois equipamentos com o mesmo valor, a nuvem acusará conflito, mas na pratica o dado não é perdido porque é idêntico. Prioridade na sincronização Existem dois casos que geram conflitos: quando o computador com Windows sincroniza primeiro, ou quando o aparelho móvel o faz primeiro. Em uma situação de conflito, quando o equipamento estiver desatualizado e fizer o envio de dados alterados para a nuvem, definimos que o aparelho móvel terá sempre prioridade na gravação dos dados. Ou seja, se o Windows e o aparelho móvel estiverem desatualizados, e o Windows sincronizar primeiro e o aparelho móvel sincronizar depois, os dados do aparelho móvel gravarão por cima do que o Windows gravou. Já se o aparelho móvel sincronizar primeiro e o Windows sincronizar depois, os campos que foram alterados simultaneamente no Windows e no aparelho móvel serão rejeitados e um será enviado listando-os. Exemplos de conflito Vamos ver alguns exemplos. Seja um computador com Windows, outro aparelho móvel com Android, e usaremos os campos fictícios 1, 2 e 3. Estamos assumindo que o laudo já está em ambos os equipamentos. Note também que não existem botões diferentes para sincronizar pra nuvem e da nuvem; o botão Sincronizar o faz nos dois sentidos, porém, escrevemos assim com fins didáticos. Exemplo 1: Windows sincroniza da nuvem, altera os campos 1 e 3, e sincroniza pra nuvem. Android não sincroniza da nuvem para pegar o que o Windows fez, altera o campo 2, e sincroniza pra nuvem. Resultado: não existe conflito, e os campos 1, 2 e 3 são gravados corretamente. Exemplo 2: Windows sincroniza da nuvem, altera os campos 1 e 3, e sincroniza pra nuvem. Android não sincroniza da nuvem, altera os campos 2 e 3, e sincroniza pra nuvem. Resultado: o valor do campo 2 é gravado mas ocorre conflito no campo 3; como o aparelho móvel tem prioridade, o valor do campo 3 é sobrescrito com o que o Android enviou. Exemplo 3: Android sincroniza da nuvem, altera os campos 1 e 3, e sincroniza pra nuvem. Windows não sincroniza da nuvem, altera os campos 2 e 3, e sincroniza pra nuvem. Resultado: o valor do campo 2 é gravado, mas ocorre conflito no campo 3; como o aparelho móvel tem prioridade, o campo 3 permanece com o valor anterior gravado pelo Android. Um é enviado avisando que o valor do campo 3 enviado pelo Windows foi ignorado na ultima sincronização. Se ocorrer um conflito e ambos os computadores forem Windows, como por exemplo um

43 6. Descrição do programa 43 na casa do avaliador e outro no escritório, quem gravou primeiro o campo é que ganha. Resolução de conflitos Evitar que conflitos ocorram é muito fácil. Basta que, sempre antes de modificar qualquer laudo, você efetue o passo 3 (conforme o exemplo do inicio do tópico) e sincronize o equipamento com a nuvem. Dessa forma, se alguém mais tiver alterado um laudo sem você saber, você receberá as alterações do laudo e evitará o conflito. A cada 5 minutos, se houver internet disponível, o LaudoMovel acessa a nuvem para saber se existe algum laudo alterado ou alguma nova demanda. Se houver um laudo alterado, a seguinte mensagem será exibida: Quando a mensagem aparecer, sincronize assim que possível para trazer as alterações que estão na nuvem. Não faça alteração em nenhum laudo, principalmente se estiver usando um equipamento com Windows. Quando ocorrer um conflito, a nuvem enviará um para você informando os campos que foram alterados simultaneamente pelo seu equipamento e pelos que sincronizaram anteriormente. Além disso, os campos que tiverem sido alterados na nuvem serão enviados de volta para o seu equipamento. Você tem, então, duas opções para resolver o conflito: 1. Refazer as modificações dos campos que deram conflito. Para isso, dê um clique duplo no título do campo para limpá-lo e reescreva o valor (ou simplesmente altere o campo). Faça isso para todos os campos, e, ao final, sincronize para a nuvem. 2. Se os dados que você fez forem mais importantes que os que estão na nuvem, a forma mais fácil de resgatar as suas alterações é recuperando uma cópia de segurança (backup). Mas, nesse caso, você sobrescreverá totalmente o laudo que estiver na nuvem. Veja o próximo capítulo que trata sobre recuperação das cópias de segurança Telas das Unidades Existem 3 telas de unidades: isolada com construção (casa), isolada sem construção (terreno) e unidade em prédio (apartamento).

44 6. Descrição do programa 44 Vamos detalhar o preenchimento de cada uma das unidades. Porém, como elas têm partes em comum, mostraremos cada campo, com uma letra indicando se é A(partamento)., C(asa), ou T(erreno). É importante a leitura das ORIENTAÇÕES BÁSICAS DE FUNCIONAMENTO E PREENCHIMENTO DE INFORMAÇÕES NO SIMIL RJ, publicado pela CAIXA e que se encontra no site LaudoMovel, no menu Links Úteis. Lembrando o que vimos no tópico Dicas de Uso, os campos em vermelho são campos essenciais sem eles, você não conseguirá exportar o laudo no site. As abas em vermelho indicam que existem campos essenciais não preenchidos. Quando as abas ficarem todas verdes ou azuis, seu laudo estará apto a gerar a planilha para ser entregue na agência Aba 0 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição DETALHES DA SOLICITAÇÃO Ordem de Serviço Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Ao clicar no campo, um menu é aberto com diversas opções para criação do número da OS (vide tópico 5.1 item 5). É o principal campo do laudo, sem ele as informações não podem ser gravadas. Solicitante Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS e não editável. Data da demanda Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS Contato Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Nome do Contato que deve ser acionado para marcar a entrevista. Telefone do Contato Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Telefone do Contato. (vide tópico 5.1 item 6c) Informações para dados de mercado Esses 3 campos transformam o laudo em um DADO DE MERCADO e, com isso, passará a fazer parte da pesquisa no site. O correto preenchimento desses campos é importantíssimo. Imóvel adjudicado ou não informado ou garantia de operação ou visita técnica Se o imóvel se enquadrar em um destes tipos, ou em qualquer outra situação em que o laudo não possa ser considerado um Dado de Mercado, marque essa opção. Dessa forma, os três próximos campos serão desabilitados e você não precisará preenchê-los, bem

45 6. Descrição do programa Unidade Título 45 Descrição como os campos na cor laranja relativos a complementação das informações para a criação de um Dado de Oferta. Se você não marcar essa opção e não preencher os três próximos campos, não conseguirá gerar o Laudo no site. Informante Nome do comprador, do corretor ou do proprietário. Contato do informante Telefone do informante. Valor de venda informado É o valor de venda que o informante lhe passou. DADOS DE OFERTA Classificação do informante Escolha o tipo de informante na lista apresentada Data de inicio da Ficha Essa data é preenchida automaticamente quando você seleciona qualquer outro campo de cor laranja. Deve ser informada a data de início do preenchimento dos campos relativos à complementação do Laudo para Dado de Mercado. Tipo do negócio Escolha o tipo de negócio na lista apresentada Origem da informação Escolha a origem da informação na lista apresentada. Se você quiser usar o laudo como Oferta, marque o item Oferta. Percentual de financiamento Informe o percentual de financiamento do imóvel. Data do evento Informar a data a que se refere o dado de mercado pesquisado ou a que se refere o preço da OCV Aba 1 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição IDENTIFICAÇÃO UF Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Unidade da Federação (estado) Município Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Município onde se encontra o imóvel Distrito / Região administrativa O LaudoMovel coloca o município / UF. Altere se não for isso. Bairro Campo preenchido automaticamente com informação

46 6. Descrição do programa Unidade Título 46 Descrição proveniente da OS. Este campo pode ser modificado, escolhendo um novo bairro na lista apresentada. Tipo Logradouro Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado, escolhendo um novo bairro na lista apresentada. Endereço do imóvel Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. É importante que você coloque apenas o nome do logradouro e o número, sem colocar apartamento, casa (se for de vila) ou qualquer outra informação. Dessa forma, o endereço poderá ser localizado pelo Google Maps. (vide tópico 5.1 item 6a) Complemento do endereço Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. Coloque as outras especificações do endereço, que não foram colocadas no item anterior. Latitude Latitude das coordenadas geográficas, no formato GG MM SS.SSS D: Grau Minuto Segundo Direção (N[orte], S[ul], L[este], O[este]) Longitude Longitude das coordenadas geográficas, no formato GG MM SS.SSS D: Grau Minuto Segundo Direção (N[orte], S[ul], L[este], O[este]) Esse botão, que aparece somente no aparelho móvel, ativa o GPS do aparelho para capturar as coordenadas, e colocá-las diretamente nos 2 campos anteriores. Uma barra de progresso é exibida com uma animação enquanto se tenta capturar as coordenadas. Quando conseguir, ele ficará fixo. Se a obtenção das coordenadas falhar porque o GPS está desligado, a imagem de satélite ficará vermelha. Basta ligar o GPS do equipamento e clicar novamente no botão. Você pode ir preenchendo outros campos enquanto o GPS faz a procura. Variável Proxy Na Cidade do Rio de Janeiro, colocar o índice fiscal fornecido pela Prefeitura para 1998 (por ex.: VR98), em outras cidades em que este índice não seja disponível, deixar em branco. Produto Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. Especifique o produto da avaliação Linha Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado.

47 6. Descrição do programa Unidade Título 47 Descrição Especifique a linha da avaliação Fonte Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. Especifique a fonte da avaliação Número do Processo Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. Processos da GILIE e GICOT Nome do cliente Campo preenchido automaticamente com informação proveniente da OS. Este campo pode ser modificado. Nome completo do cliente DADOS DE OFERTA CPF do cliente Coloque o cpf do cliente, se pessoa física CNPJ do cliente Coloque o cnpj do cliente, se pessoa jurídica Identificador cadastral Nº. de Inscrição municipal do dado pesquisado ou imóvel avaliando Tratamento Escolher as correspondentes opções na lista apresentada e caso não haja a opção de tratamento adequada, informar no campo Nome do Logradouro Nome do logradouro, Número, Quadra, Setor, Lote, Bloco, Conjunto, Número da unidade, CEP, Nome do condomínio, Complemento Preencher com a devida acentuação ortográfica e Número, Bloco e Nº. da unidade Preencher com os respectivos números Polos valorizantes Escolher as correspondentes opções na lista apresentada. Caso opte-se pela opção 4 outros, especificar em observações. Polos desvalorizantes Escolher as correspondentes opções na lista apresentada. Caso opte-se pela opção 4 outros, especificar em observações Aba 2 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição CARERIZAÇÃO DA REGIÃO esses campos devem ser preenchidos no local da vistoria, e, portanto, estão desabilitados no computador de mesa.

48 6. Descrição do programa Unidade Título 48 Descrição Usos predominantes Selecione uma ou mais opções que melhor definem a região. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. Infraestrutura urbana Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. Serviços disponíveis no Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou bairro desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título Aba 3 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção)

49 6. Descrição do programa Aba 4 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição EDIFICAÇÃO UNIDADE AVALIANDA Tipo Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) Uso da unidade Selecione somente uma opção. AC Número de pavimentos Preencha de 0 a 200 AC Idade aparente (anos) Preencha de 0 a 120 AC Posição Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) AC Padrão de acabamento Selecione somente uma opção. AC Estado de conservação Selecione somente uma opção. AC Teto da unidade Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) AC Fechamento das paredes Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) AC Número de vagas no estacionamento Informe o número de vagas no estacionamento para área coberta livre e presa, e descoberta livre e presa. AC Disponibilidade de estacionamento Caso não exista vaga escriturada, informe se a unidade dispõe de estacionamento. Áreas averbadas Informe as áreas privativas e de uso comum para a unidade, estacionamento e outros. Áreas não averbadas Informe o total em m2 para áreas não averbadas. Somatório Preenchido automaticamente. Exibe a soma das áreas averbadas com as não averbadas. AC Divisão interna Insira a descrição da divisão interna (vide tópico 5.1 item 8). AC Não foi possível fazer a Marcando essa opção, você desabilita a tabela de vistoria interna divisão interna e o LaudoMovel coloca automaticamente uma mensagem nesse campo ao exportar o laudo. AC Infraestrutura Selecione somente uma opção. PRÉDIO AO QUAL PERTENÇA A UNIDADE AVALIANDA

50 6. Descrição do programa 50 Unidade Título Descrição A Uso Selecione somente uma opção. A Número de pavimentos Indique o número de pavimentos do prédio, de 0 a 200 A Número de unidades por pavimento Indique o número de unidades por pavimento do prédio, de 0 a 200 A Número de unidades Indique o número de unidades, de 0 a 2000 A Número de elevadores Especifique o número de elevadores, de 0 a 200 A Posição Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) A Padrão construtivo Selecione somente uma opção. A Estado de conservação Selecione somente uma opção. A Pavimentos Essa tabela de pavimentos funciona da mesma forma que a da divisão interna (vide tópico 5.1 item 8). A Idade aparente (anos) Indique a idade aparente em anos do prédio, de 0 a 120 DADOS DE OFERTA DETALHAMENTO DO CONDOMÍNIO CT Equipamentos Selecione uma ou mais opções que melhor definem a região. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título A Orientação da face Selecione somente uma opção. A Vista panorâmica Selecione somente uma opção. A Quantidade de outros salões Informar o nº. de salões existentes no condomínio (se a unidade isolada estiver inserida em condomínio) A Número de unidades do condomínio Preencher a respectiva quantidade (se a unidade isolada estiver inserida em condomínio) A Equipamento bloco/prédio Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. A Andar Indique o andar, em relação ao solo, da unidade. A Área descoberta privativa da unidade Digite a área descoberta privativa da unidade A Apartamento e cobertura Indique se o apartamento é de cobertura. A Valor do condomínio Especifique o valor do condomínio A Equipamentos da unidade Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no

51 6. Descrição do programa 51 Unidade Título Descrição título. A Número de armários embutidos Indique o número de armários embutidos CT Fechamento do contorno do condomínio Selecione somente uma opção. CT Inserção do condomínio Selecione somente uma opção. CT Fechamento do lote dentro do condomínio Selecione somente uma opção. CT Quantidade de outros salões Especifique a quantidade de outros salões CT Infraestrutura Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. CT Número de unidades Indique o número de unidades do condomínio, de 0 a 2000 CT Valor do condomínio Digite o valor do condomínio TERRENO T Fechamento do lote Selecione somente uma opção. T Número de frentes Digite o número de frentes do terreno T Edificação Valor residual Informe o valor residual da edificação no terreno T Orientação da face Selecione somente uma opção. T Vista panorâmica Selecione somente uma opção. T Posição na quadra Selecione somente uma opção. T Vocação Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. POSTURA MUNICIPAL T Taxa de ocupação Indique a taxa de ocupação T Coeficiente de aproveitamento Especifique o coeficiente de aproveitamento T Gabarito Indique o gabarito T Área com restrição de uso Informe se a área tem restrição de uso. TERRENO E CONSTRUÇÃO DA UNIDADE

52 6. Descrição do programa Unidade Título 52 Descrição C Implantação Selecione somente uma opção. C Fechamento do lote Selecione somente uma opção. C Piso do lote Selecione somente uma opção. C Área de padrão diferente (m2) Indique a área com padrão diferente DETALHAMENTO DA UNIDADE C Equipamentos da unidade Selecione uma ou mais opções. Para marcar ou desmarcar todas as opções, dê um clique duplo no título. C Esquadrias da fachada Selecione somente uma opção. principal C Demais esquadrias Selecione somente uma opção. C Cobertura da unidade Selecione somente uma opção. Caso seja escolhida a opção outros, especificar a que se refere no campo observações (da aba 9) C Número de armários embutidos Especifique o número de armários embutidos Aba 5 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição AVALIAÇÃO Área global e itemizada Nessa tabela você deve colocar o somatório das áreas e o valor do metro quadrado obtido com a equação de regressão Visita técnica Marque essa opção se não tiver sido possível entrar no imóvel. Ela isenta o preenchimento do valor da avaliação e da equação de regressão. Valor da avaliação Coloque o valor da avaliação obtido. Valor por extenso O valor colocado acima aparece automaticamente aqui Equação de regressão Cole a equação obtida nesse campo, que só aparece no computador de mesa. Use control+v ou então aperte o botão ao lado do título para colar Precisão / Fundamentação Selecione somente uma opção. Metodologia Selecione somente uma opção.

53 6. Descrição do programa 53 Unidade Título Descrição DIAGNÓSTICO Desempenho do mercado Selecione somente uma opção. Absorção pelo mercado Selecione somente uma opção. Número de ofertas Selecione somente uma opção. Nível de demanda Selecione somente uma opção Aba 6 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES Garantia de estabilidade e solidez Selecione somente uma opção. Se clicar não, justifique no campo em anexo. Vícios de construção aparente Selecione somente uma opção. Se clicar sim, justifique no campo em anexo. Condições de habitabilidade Selecione somente uma opção. Se clicar não, justifique no campo em anexo. As informações são pertinentes somente à vistoria externa Marque essa opção se você não pôde entrar no imóvel para fazer a inspeção. A mensagem é colocada nos campos acima automaticamente. Liquidez e o valor do imóvel Selecione somente uma opção. Se for valorizantes ou desvalorizantes, justifique no campo em anexo Aba 7 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição IDENTIFICAÇÃO E VISTORIA Garantia do imóvel Indique se o imóvel pode ou não ser aceito como garantia. O imóvel foi vistoriado Indique se o imóvel foi vistoriado. Se não foi, justifique no campo em anexo. Data da vistoria Essa data é colocada automaticamente ao clicar no campo acima. Foto 1 a 4 Esses controles exibem as fotos que serão coladas

54 6. Descrição do programa 54 Unidade Título Descrição na planilha de laudo e ficha ao exportá-las (vide tópico 5.1 item 10d) Aba 8 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição DOCUMENTAÇÃO APRESENTADA Matrícula no RGI Coloque nesse campo a matrícula do imóvel no RGI. Ofício Indique o ofício do cartório. Comarca Escolha a comarca do cartório. Outros documentos Indique quais outros documentos serviram para a elaboração do laudo. Informação em conformidade com a documentação Selecione somente uma opção. justifique Se optar por não, Aba 9 A= apartamento (unidade em prédio), C= casa (unidade isolada com construção), T = terreno (unidade isolada sem construção) Unidade Título Descrição FINALIZAÇÃO Observações Digite observações pertinentes à vistoria. As seguintes são colocadas automaticamente, quando o laudo for exportado (somente o item 3 aparece no equipamento): 1. Latitude e longitude obtida -preenchimento automático. 2. A vistoria foi realizada em (data informada na aba 7) preenchimento automático 3. Digite aqui outras observações importantes Local da avaliação Indique o local da avaliação. Esse campo vem preenchido com o município do imóvel. Responsável técnico Escolha o nome do técnico que fez a vistoria. Representante legal da Escolha o representante legal da empresa. Se este empresa campo não estiver marcado, não será possível fazer a sincronização do laudo.

55 6. Descrição do programa Aba P Parecer Complementar de Imóveis Novos A partir do início de 2014, a Caixa passou a exigir um novo relatório para imóveis novos. Decidimos colocar esse relatório como uma aba opcional, após a aba 9. Se ele for preenchido, o laudo gerado pelo site terá duas abas a mais: Parecer Complementar Pg1 e Parecer Complementar Pg2. Unidade Título Descrição Ordem de serviço Essa é a ordem de serviço do parecer complementar. Se esse campo não for preenchido, o parecer não será gerado. Todo parecer deve ter uma OS, se você não a tiver, exija que a agência forneça uma. Modalidade Escolha a modalidade do imóvel. Se o imóvel não se enquadrar em um desses itens, o parecer não será aceito. Programa minha casa minha vida Infraestrutura do Terreno Se um campo for marcado, será considerado SIM no parecer; se o campo não for marcado, será considerado NÃO; se desejar deixar em branco o campo, marque a opção DEIXAR EM BRANCO. Características construtivas com boa qualidade e em condições de uso CT Características construtivas declaradas pelo responsável técnico na síntese do memorial descritivo Apenas para imóveis concluídos Documento Apenas para imóveis concluídos PMCMV Observações Digite as observações pertinentes Conclusão Complete com as conclusões.

56 7. Atividades complementares Atividades complementares 7.1. Recuperação de backup Na tela de sincronização existe um botão amarelo que permite recuperar uma cópia de segurança dos arquivos, também conhecido pelo termo backup. Isso é útil se você tiver apagado por engano o programa ou se tiver ocorrido um conflito e você deseja recuperar a sua versão do laudo. A cópia é feita nos seguintes momentos: 1. No Windows, sempre que alterar algum laudo e sair do programa 2. No Android e no ios, sempre que minimizar a aplicação ou atender uma ligação. A cópia de segurança é feita dentro do cartão de memória do aparelho móvel (ou diretório \sdcard\lmbak no Windows), guardando apenas os laudos. Por isso, sempre que recuperar uma cópia, é necessário sincronizar para trazer as demais tabelas. Se você já tiver recuperado alguma cópia, a janela a seguir vai informar a data da última cópia e perguntar se você deseja selecionar a data anterior. Fizemos isso para ajudar você a recuperar as cópias em ordem cronológica decrescente. Se você clicar Sim, a janela a seguir será aberta e a cópia posterior à última será selecionada. Se clicar não, ou se for a primeira vez que estiver recuperando uma cópia, a janela se abrirá sem selecionar cópia nenhuma, como abaixo:

57 7. Atividades complementares 57 A janela exibe a lista de backups realizados, em ordem cronológica decrescente, informando quantos laudos existem em cada cópia. Apenas as 30 últimas cópias são armazenadas. Você pode rolar a lista para baixo para ver se existem mais cópias. Ao selecionar uma cópia e clicar no botão Recuperar, a seguinte mensagem é exibida: Ou seja, você deverá recuperar apenas os laudos que deseja enviar novamente para a nuvem. Se desejar sincronizar apenas 1 laudo, os demais laudos que estiverem na nuvem serão transferidos de volta para o dispositivo quando sincronizar. Ao clicar em Fechar nessa janela de aviso, uma nova janela é exibida:

58 7. Atividades complementares 58 IMPORTANTE: se desejar transferir todos os laudos da nuvem, sobrescrevendo o que estiver no equipamento, basta não selecionar nenhum laudo e clicar Ok. Fazendo isso, a base de dados será zerada e todos os laudos que estiverem na nuvem serão transferidos de volta. Nessa janela, basta você selecionar os laudos e clicar Ok. Uma nova mensagem vai aparecer dizendo que os laudos foram recuperados e que você deverá sincronizar novamente para trazer as demais tabelas da nuvem, pois, ao recuperar o backup, todas as demais tabelas de dados são apagadas. Além disso, outra mensagem informará que, se o backup foi recuperado a partir de orientação da equipe de suporte, você deverá marcar a opção Enviar dados para o suporte para enviar os laudos para nós. As cópias de segurança são armazenadas no cartão de memória. Se você remover o programa e reinstalar ele, assim que abri-lo novamente uma mensagem informará que existem cópias de segurança, e perguntará se você quer recuperá-las. Clicando em sim, abrirá a janela com a listagem dos backups; clicando em não, você entrará no menu principal do programa. As cópias são gravadas com uma determinada versão de formato de tabela. Se nós mudarmos a versão, todos os backups da versão antiga serão automaticamente removidos. Isso ocorre muito raramente.

LaudoMovel 2. Guilherme Campos Hazan contato@laudomovel.com.br www.laudomovel.com.br

LaudoMovel 2. Guilherme Campos Hazan contato@laudomovel.com.br www.laudomovel.com.br LaudoMovel 2 Guilherme Campos Hazan contato@laudomovel.com.br www.laudomovel.com.br Skype: GUIHAZAN OI 85 98563-0326 TIM 85 99732-0435 CLARO 85 99238-1106 VIVO 85 98222-1652 Para Suporte Remoto, baixe

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 09 de novembro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.1 ExpressoMG 14/10/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5

Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5 Manual do Teclado de Satisfação Online Web Opinião Versão 1.0.5 09 de julho de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 18 de fevereiro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é

Leia mais

Sistemas Enturma: Manual de Ferramentas do Usuário

Sistemas Enturma: Manual de Ferramentas do Usuário versão do manual: 1 1 Apresentação A evolução da tecnologia vem provocando uma revolução no ensino. O acesso à Internet e a disseminação do uso do computador vêm mudando a forma de produzir, armazenar

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Manual de Configuração e Utilização TabFisc Versão Mobile 09/2013 Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE

Manual de Configuração e Utilização TabFisc Versão Mobile 09/2013 Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE Pag. 2 INTRODUÇÃO Esse documento contém as instruções básicas para a utilização do TabFisc Versão Mobile (que permite ao fiscal a realização do seu trabalho

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9 1. StickerCenter... 3 1.1. O que é?... 3 1.2. O que são Stickers?... 3 1.3. Como acessar o StickerCenter?... 3 1.4. Como atualizar o StickerCenter?... 3 2. Menu Broadcast Stickers... 4 2.1. O que é?...

Leia mais

Cartilha. Correio eletrônico

Cartilha. Correio eletrônico Cartilha Correio eletrônico Prefeitura de Juiz de Fora Secretaria de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Tecnologia da Informação Abril de 2012 Índice SEPLAG/Subsecretaria de Tecnologia da Informação

Leia mais

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Diário On-line Apresentação ----------------------------------------------------------------------------------------- 5 Requisitos Básicos

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Usando o Outlook MP Geral

Usando o Outlook MP Geral Usando o Outlook MP Geral Este guia descreve o uso do Outlook MP. Este guia é baseado no uso do Outlook MP em um PC executando o Windows 7. O Outlook MP pode ser usado em qualquer tipo de computador e

Leia mais

Índice. * Recursos a partir da IOS 4.1. Telefone (11)2762-9576 Email sac@iphonebest.com.br. www.iphonebest.com.br

Índice. * Recursos a partir da IOS 4.1. Telefone (11)2762-9576 Email sac@iphonebest.com.br. www.iphonebest.com.br 1 Índice Utilizando o Gerenciador Multi Tarefa... 3 Organização de aplicativos... 8 Configurar Gmail... 15 Página favorita em ícone... 18 Excluindo Aplicativos e Ícones Favoritos...21 Gerenciar Aplicativos

Leia mais

administração Guia de BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1

administração Guia de BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 Guia de administração Publicado: 16/01/2014 SWD-20140116140606218 Conteúdo 1 Primeiros passos... 6 Disponibilidade de recursos administrativos... 6 Disponibilidade

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 Guia do usuário Publicado: 09/01/2014 SWD-20140109134951622 Conteúdo 1 Primeiros passos... 7 Sobre os planos de serviço de mensagens oferecidos para o BlackBerry

Leia mais

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso Manual de Apoio ao Treinamento Expresso 1 EXPRESSO MAIL É dividido em algumas partes principais como: Caixa de Entrada: local onde ficam as mensagens recebidas. O número em vermelho entre parênteses refere-se

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Versão 1.0 Julho/2012 ÍNDICE 1 REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSTALAÇÃO... 4 1.1 Equipamento e Sistemas Operacionais 4 1.1.1

Leia mais

Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7

Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7 Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7 Conteúdo Etapa 1: Saiba se o computador está pronto para o Windows 7... 3 Baixar e instalar o Windows 7 Upgrade Advisor... 3 Abra e execute o Windows 7

Leia mais

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Elaboração: Equipe de Suporte Avançado do CPD SA/SRS/CPD/UnB suporte@unb.br Universidade de Brasília Brasília / 2014 Resumo A

Leia mais

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft O OneDrive é um serviço de armazenamento na nuvem da Microsoft que oferece a opção de guardar até 7 GB de arquivos grátis na rede. Ou seja, o usuário pode

Leia mais

Lotus Notes 8.5 para o Office 365 para empresas

Lotus Notes 8.5 para o Office 365 para empresas Lotus Notes 8.5 para o Office 365 para empresas Faça a migração O Microsoft Outlook 2013 pode parecer diferente do Lotus Notes 8.5, mas você rapidamente descobrirá que o Outlook permite fazer tudo o que

Leia mais

Expresso Livre Correio Eletrônico

Expresso Livre Correio Eletrônico Expresso Livre Correio Eletrônico 1. EXPRESSO LIVRE Para fazer uso desta ferramenta de correio eletrônico acesse seu Navegador de Internet e digite o endereço eletrônico expresso.am.gov.br. Figura 1 A

Leia mais

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal.

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal. MANUAL DO SISCOOP Sumário 1 Menu de Navegação... 3 2 Gerenciar País... 5 3- Gerenciamento de Registro... 8 3.1 Adicionar um registro... 8 3.2 Editar um registro... 10 3.3 Excluir um registro... 11 3.4

Leia mais

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com.

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com. Sumário Principais Características...5 Configuração necessária para instalação...6 Conteúdo do CD de Instalação...7 Instruções para Instalação...8 Solicitação da Chave de Acesso...22 Funcionamento em Rede...26

Leia mais

Principais Característic

Principais Característic Principais Característic Características as Software para agendamento e controle de consultas e cadastros de pacientes. Oferece ainda, geração de etiquetas, modelos de correspondência e de cartões. Quando

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 5 3 Vivo Sync Web... 6 3.1 Página Inicial... 6 3.1.1 Novo Contato... 7 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com.

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com. Sumário Principais Características... 5 Configuração necessária para instalação... 6 Conteúdo do CD de Instalação... 7 Instruções para Instalação... 8 Solicitação da Chave de Acesso... 22 Funcionamento

Leia mais

Recursos do Outlook Web Access

Recursos do Outlook Web Access Recursos do Outlook Web Access Este material foi criado pela Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação (SETIC) do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região. Seu intuito é apresentar algumas

Leia mais

Introdução ao X3. Exercício 1: Criando um registro de Contato

Introdução ao X3. Exercício 1: Criando um registro de Contato Introdução ao X3 Exercício 1: Criando um registro de Contato Inicie por adicionar um novo registro de Contato. Navegue para a tabela de Contato clicando na aba de Contato no alto da página. Existem duas

Leia mais

inux Sistemas Ltda. MANUAL DO USUÁRIO www.inux.com.br

inux Sistemas Ltda. MANUAL DO USUÁRIO www.inux.com.br 2013 inux Sistemas Ltda. s MANUAL DO USUÁRIO www.inux.com.br Sumário 1 Introdução... 2 2 Visão Geral do Sistema... 2 3 Tela de Configuração... 3 4 Tela de Mensagens... 5 5 Tela de Importação... 8 6 Tela

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

MANUAL PARA INSCRIÇÃO online EM EDITAIS. Versão 1.0

MANUAL PARA INSCRIÇÃO online EM EDITAIS. Versão 1.0 MANUAL PARA INSCRIÇÃO online EM EDITAIS Versão 1.0 1 >> 1º Passo: Para acessar o SalicWeb Para inscrever a sua iniciativa cultural nos editais do Ministério da Cultura acesse o Sistema SalicWeb no endereço

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 4 3 Vivo Sync Web... 5 3.1 Página Inicial... 5 3.1.1 Novo Contato... 6 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 2014 Manual Laboratório ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Acesso ao Sistema... 2 Menu Cadastros... 4 Cadastro de usuários... 4 Inclusão de Novo Usuário... 5 Alteração de usuários...

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

Manual Simulador de Loja

Manual Simulador de Loja Manual Simulador de Loja Índice Início Menu Loja Modelo Loja Modelo Menu Criar Minha Loja Criar Minha Loja Abrir Projeto Salvo Teste Seu Conhecimento 0 04 05 08 09 8 9 0 Início 5 4 Figura 00. Tela inicial.

Leia mais

Google Drive: Acesse e organize seus arquivos

Google Drive: Acesse e organize seus arquivos Google Drive: Acesse e organize seus arquivos Use o Google Drive para armazenar e acessar arquivos, pastas e documentos do Google Docs onde quer que você esteja. Quando você altera um arquivo na web, no

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário BlackBerry Desktop Software Versão: 7.1 Guia do usuário Publicado: 2012-06-05 SWD-20120605130141061 Conteúdo Aspectos básicos... 7 Sobre o BlackBerry Desktop Software... 7 Configurar seu smartphone com

Leia mais

Manual da AGENDA GRACES 2011

Manual da AGENDA GRACES 2011 1 Agenda Graces Manual da AGENDA GRACES 2011 O Sistema Agenda Graces integrada ao Sistema Graces e Agenda Graces Grátis foi desenvolvido pela empresa Quorum Informática. Este Manual tem por objetivo atender

Leia mais

DOWNLOAD DO APLICATIVO: INSTALAÇÃO DO APLICATIVO

DOWNLOAD DO APLICATIVO: INSTALAÇÃO DO APLICATIVO DOWNLOAD DO APLICATIVO: O aplicativo deve ser baixado pelo endereço: http://www.estudeadistancia.com/avamobile/ A partir do dia 03/06 será disponibilizado dois links para download: 1 download do aplicativo

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Iniciando o Windows XP...2 Desligar o computador...3 Área de trabalho...3

Leia mais

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário MANUAL DO USUÁRIO 2 ÍNDICE 1. PRÉ REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB 04 2. PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA 04 3. INSTALANDO O SIGEP WEB 07 4. CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA 09 COMPARTILHANDO O BANCO

Leia mais

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica Conteúdo iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica... 3 1. Feedback do Cliente...3 1.1 Feedback do Cliente no Email da Pesquisa Dinâmica... 3 1.2 Página de

Leia mais

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados.

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados. Bem Vindo GDS TOUCH Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO O GDS Touch é um painel wireless touchscreen de controle residencial, com design totalmente 3D, interativo

Leia mais

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários...

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários... Sumário Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1 Instalar e desinstalar... 1 Abrir, Criar, Fechar, Salvar e Sair... 1 Definir o estilo da interface e da aparência... 4 Veja todas as diferentes ferramentas...

Leia mais

Excel 2010 Modulo II

Excel 2010 Modulo II Excel 2010 Modulo II Sumário Nomeando intervalos de células... 1 Classificação e filtro de dados... 3 Subtotais... 6 Validação e auditoria de dados... 8 Validação e auditoria de dados... 9 Cenários...

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP O cliente de e-mail web utilizado pela UFJF é um projeto OpenSource que não é desenvolvido pela universidade. Por isso, pode ocorrer que alguns

Leia mais

WF Processos. Manual de Instruções

WF Processos. Manual de Instruções WF Processos Manual de Instruções O WF Processos é um sistema simples e fácil de ser utilizado, contudo para ajudar os novos usuários a se familiarizarem com o sistema, criamos este manual. Recomendamos

Leia mais

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br

Manual do Usuário Nextel Cloud. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Nextel 2014. http://nextelcloud.nextel.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Nextel 2014 http://nextelcloud.nextel.com.br 1 Nextel Cloud... 4 2 Nextel Cloud Web... 5 2.1 Página Inicial... 6 2.1.1 Meu Perfil... 7 2.1.2 Meu Dispositivo...

Leia mais

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar WINDOWS XP Wagner de Oliveira ENTRANDO NO SISTEMA Quando um computador em que trabalham vários utilizadores é ligado, é necessário fazer login, mediante a escolha do nome de utilizador e a introdução da

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Treinamento Outlook Express

Treinamento Outlook Express Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS Treinamento Outlook Express Série A. Normas e Manuais Técnicos Brasília DF 2003 1 2003. Ministério da Saúde. É permitida a reprodução

Leia mais

Samsung Mobile Business Manual do Usuário

Samsung Mobile Business Manual do Usuário Samsung Mobile Business Manual do Usuário Sumário 1. INTRODUÇÃO 4 2. FUNCIONALIDADES 4 2.1 INICIAR O SAMSUNG MOBILE BUSINESS 4 2.2 CONFIGURAÇÕES INICIAIS 4 2.2.1 Configurações do usuário 5 2.2.2 Selecionar

Leia mais

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit Presskit Guia Rápido Release 2.0 Presskit 06/07/2009 Sumário 1 Login 2 Login e Senha...................................... 2 Esqueci minha senha.................................. 2 Fale Com o Suporte...................................

Leia mais

Atualizando do Windows XP para o Windows 7

Atualizando do Windows XP para o Windows 7 Atualizando do Windows XP para o Windows 7 Atualizar o seu PC do Windows XP para o Windows 7 requer uma instalação personalizada, que não preserva seus programas, arquivos ou configurações. Às vezes, ela

Leia mais

BlackBerry Link para Windows. Versão: 1.1. Guia do usuário

BlackBerry Link para Windows. Versão: 1.1. Guia do usuário BlackBerry Link para Windows Versão: 1.1 Guia do usuário Publicado: 18/04/2013 SWD-20130418120704789 Conteúdo Noções básicas... 5 Sobre BlackBerry Link... 5 Conheça BlackBerry Link... 5 Conectando a BlackBerry

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE

CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE Life Sistemas Manual do Professor 1. Introdução O Centro Universitário Geraldo Di Biase apresenta, neste manual, os serviços do Sistema Life Educacional que você,

Leia mais

Android. 10 vantagens do sistema Android em relação ao iphone

Android. 10 vantagens do sistema Android em relação ao iphone Android Android é um sistema operacional do Google para smartphones, TVs e tablets. Baseado em Linux e de código aberto, o sistema móvel é utilizado em aparelhos da Samsung, LG, Sony, HTC, Motorola, Positivo,

Leia mais

Como configurar e-mails nos celulares. Ebook. Como configurar e-mails no seu celular. W3alpha - Desenvolvimento e hospedagem na internet

Como configurar e-mails nos celulares. Ebook. Como configurar e-mails no seu celular. W3alpha - Desenvolvimento e hospedagem na internet Ebook Como configurar e-mails no seu celular Este e-book irá mostrar como configurar e-mails, no seu celular. Sistemas operacionais: Android, Apple, BlackBerry, Nokia e Windows Phone Há muitos modelos

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual

UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ. Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM. Manual UNIVERSIDADE TECNOLOGIA FEDERAL DO PARANÁ Owncloud SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO EM NUVEM Manual DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIRGTI 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acessando o serviço...

Leia mais

Guia de Conexão à Web

Guia de Conexão à Web Guia de Conexão à Web Versão 0 BRA-POR Modelos aplicáveis Este Guia do Usuário aplica-se aos modelos a seguir: ADS-2500W e ADS-2600W Definições das observações O ícone a seguir é utilizado ao longo deste

Leia mais

Volpe Enterprise Resource Planning

Volpe Enterprise Resource Planning Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado, reproduzido, traduzido ou reduzido a qualquer mídia eletrônica ou máquina de leitura, sem a expressa

Leia mais

Questão - 01. Essência do Excel 2003...

Questão - 01. Essência do Excel 2003... Valdir Questão - 01 Como deve proceder o usuário do Microsoft para que sejam atualizados os cálculos das funções ou fórmulas utilizadas nas planilhas? a) Pressionar a tecla F9 no teclado b) Pressionar

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Cadastramento de Usuário (a partir da versão 12.08.01 ) Conteúdo Introdução... 2 Cadastramento... 2 Desvendando a tela inicial... 4 Completando seus dados cadastrais... 5 Não lembro

Leia mais

Usar o Office 365 no iphone ou ipad

Usar o Office 365 no iphone ou ipad Usar o Office 365 no iphone ou ipad Guia de Início Rápido Verificar o email Configure o seu iphone ou ipad para enviar e receber emails de sua conta do Office 365. Verificar o seu calendário onde quer

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

Manual do Usuário Integra Amazonas Versão 4.0 Data de revisão 01/06/2016

Manual do Usuário Integra Amazonas Versão 4.0 Data de revisão 01/06/2016 MANUAL DO USUÁRIO Documento Manual do Usuário Integra Amazonas Versão 4.0 Data de revisão 01/06/2016 Equipe Técnica José Carlos Torres Adriana dos Santos Alessandro Melo Páginas 71 Páginas 2 Índice Introdução...

Leia mais

Manual de Utilização Chat Intercâmbio

Manual de Utilização Chat Intercâmbio Manual de Utilização Chat Intercâmbio 1 INDICE 1 Chat Intercâmbio... 6 1.1 Glossário de Termos Utilizados.... 6 1.2 Definições de uma Sala de Chat... 7 1.3 Como Acessar o Chat Intercâmbio... 8 1.4 Pré-requisitos

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Microsoft Windows XP William S. Rodrigues APRESENTAÇÃO WINDOWS XP PROFISSIONAL O Windows XP, desenvolvido pela Microsoft, é o Sistema Operacional mais conhecido e utilizado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG Página 1 de 26 Sumário Introdução...3 Layout do Webmail...4 Zimbra: Nível Intermediário...5 Fazer

Leia mais

Grifon Alerta. Manual do Usuário

Grifon Alerta. Manual do Usuário Grifon Alerta Manual do Usuário Sumário Sobre a Grifon Brasil... 4 Recortes eletrônicos... 4 Grifon Alerta Cliente... 4 Visão Geral... 4 Instalação... 5 Pré-requisitos... 5 Passo a passo para a instalação...

Leia mais

ÍNDICE BLUELAB A UTILIZAÇÃO DO BLUELAB PELO PROFESSOR RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06

ÍNDICE BLUELAB A UTILIZAÇÃO DO BLUELAB PELO PROFESSOR RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06 ÍNDICE BLUELAB RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06 ELEMENTOS DA TELA INICIAL DO BLUELAB PROFESSOR guia Meu Espaço de Trabalho...07 A INTERFACE DO BLUELAB...07 INICIANDO

Leia mais

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I APRESENTAÇÃO... 1 AMBIENTE DE TRABALHO... 2 A folha de cálculo... 2 O ambiente de trabalho do Excel... 3 Faixas de Opções do Excel... 4 - Guia

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI

SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI AUTOR: MÁRIO SÉRGIO CINTRA CAMARGO ÍNDICE ACESSANDO O WEBMAIL... 04 TRABALHANDO COM O CORREIO ELETRÔNICO... 09 CONCEITOS BÁSICOS... 09 O VISUAL DO CORREIO ELETRÔNICO... 10 CONHECENDO A JANELA INICIAL DO

Leia mais

Prova dos Correios - Comentada

Prova dos Correios - Comentada Unidade Zona Sul - (84) 3234-9923 Unidade Zona Norte (84) 3214-4595 www.premiumconcursos.com 1 Texto para as questões de 1 a 3 A figura abaixo ilustra uma janela do Microsoft Office Excel 2007 com uma

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A

Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A Manual Digifort Evidence Versão 1.0.1 Rev. A Índice ANTES DE VOCÊ COMEÇAR... 4 PRÉ-REQUISITOS... 4 SCREEN SHOTS... 4 A QUEM SE DESTINA ESTE MANUAL... 4 COMO UTILIZAR ESTE MANUAL... 4 Introdução... 5 INSTALANDO

Leia mais

BlackBerry Link para Mac OS. Versão: 1.1.1. Guia do usuário

BlackBerry Link para Mac OS. Versão: 1.1.1. Guia do usuário BlackBerry Link para Mac OS Versão: 1.1.1 Guia do usuário Publicado: 15/08/2013 SWD-20130815094443327 Conteúdo Noções básicas...5 Sobre BlackBerry Link...5 Conheça BlackBerry Link... 5 Conectando a BlackBerry

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas Prefeitura de Rio Verde GO SEFAZ - Secretaria da Fazenda DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas DMS e Notas Fiscais Eletrônicas Rio Verde, GO, setembro 2009 1 Sumário INTRODUÇÃO... 03 LEGISLAÇÃO...

Leia mais

Manual Sistema de Autorização Online GW

Manual Sistema de Autorização Online GW Sistema de Autorização Online GW Sumário Introdução...3 Acesso ao sistema...4 Logar no sistema...4 Autorizando uma nova consulta...5 Autorizando exames e/ou procedimentos...9 Cancelamento de guias autorizadas...15

Leia mais

Introdução... 1. Instalação... 2

Introdução... 1. Instalação... 2 ONTE DO Introdução... 1 O que é IPP?... 1 Qual é a função de um software Samsung IPP?... 1 Instalação... 2 Requisitos do sistema... 2 Instalar o software Samsung IPP... 2 Desinstalar o software Samsung

Leia mais

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL ATENÇÃO! Para utilizar este tutorial não se esqueça: Onde estiver escrito seusite.com.br substitua pelo ENDEREÇO do seu site (domínio). Ex.: Se o endereço do seu site é casadecarnessilva.net

Leia mais

Preparativos iniciais

Preparativos iniciais Manual Stone Mobile ÍNDICE 03 03 04 04 05 06 07 07 08 08 09 11 Preparativos iniciais Instalação do Aplicativo Realizando seu cadastro Funções do Aplicativo Enviando uma transação Lista de Transações Realizadas

Leia mais