Abraão Moisés Davi. Jesus

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Abraão Moisés Davi. Jesus"

Transcrição

1 A natureza missionária da igreja Derivada da promessa de Deus de criar um Povo para Si dada para cada uma das três principais figuras : Abraão Moisés Davi Cumprida e exemplificada na pessoa de Jesus CTC 2005 A natureza missionária da igreja 1

2 A promessa para Abraão Ora, disse o SENHOR a Abrão: Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei; de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção! Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; em ti serão benditas todas as famílias da terra. Gênesis CTC 2005 A natureza missionária da igreja 2

3 A promessa para Abraão Dimensão Interna: Eleição = Vocação q Primeiros Imperativos: Ø Sai da tua terra... Ø Vai para a terra... q Primeira Promessa: Ø...a terra que te mostrarei Ø de ti farei uma grande nação... CTC 2005 A natureza missionária da igreja 3

4 A promessa para Abraão Dimensão Externa: Missão = Abençoar q Segundo Imperativo: Ø Sê tu uma bênção q Segunda Promessa: Ø em ti serão benditas todas as famílias da terra CTC 2005 A natureza missionária da igreja 4

5 Jesus cumpriu a promessa para Abraão Afirmação do cumprimento nas Escrituras q Mateus 1.1; cf q Lucas q Mateus 8.11; João 8.56 q Pedro, em Atos 3:25-26; Paulo, em Gálatas 3:1 CTC 2005 A natureza missionária da igreja 5

6 Jesus cumpriu a promessa para Abraão q De que maneira? Ø Quebrando barreiras geográficas: Lc 4.42 Ø Quebrando barreiras sociais Ø Quebrando barreiras étnicas e religiosas CTC 2005 A natureza missionária da igreja 6

7 Implicações para a natureza missionária da igreja q Igreja = Povo abençoador...que quebra todas as barreiras CTC 2005 A natureza missionária da igreja 7

8 A promessa para Moisés Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança, então, sereis a minha propriedade peculiar dentre todos os povos; porque toda a terra é minha; vós me sereis reino de sacerdotes e nação santa. São estas as palavras que falarás aos filhos de Israel. Êxodo 19:5-6 CTC 2005 A natureza missionária da igreja 8

9 A promessa para Moisés Dimensão Interna: Aliança = Compromisso q Primeira Condição: Se diligentemente ouvirdes a minha voz... q Primeira Promessa: Então sereis a minha propriedade peculiar...e nação santa CTC 2005 A natureza missionária da igreja 9

10 A promessa para Moisés Dimensão Externa: Missão = Serviço q Segunda Condição: Se...guardardes a minha aliança...dentre todos os povos q Segunda Promessa: Porque toda a terra é minha então...me sereis reino de sacerdotes CTC 2005 A natureza missionária da igreja 10

11 Jesus cumpriu a promessa para Moisés Afirmação do cumprimento nas Escrituras q João 1.17; 1.45 (cf. Deuteronômio 18.15); ; q Hebreus 3.1-6; 8.1-2; , 24-25, 27-28; 8.6; 9.15 q Paulo: Romanos 3.31; 10.4; Gálatas 3.24 CTC 2005 A natureza missionária da igreja 11

12 Jesus cumpriu a promessa para Moisés q De que maneira? através da morte em cruz (Gl ) Ø Ø Ø As leis de pureza e impureza A condição dos não-judeus diante da lei A crucificação e a ressurreição CTC 2005 A natureza missionária da igreja 12

13 Implicações para a natureza missionária da igreja Igreja = Povo intercessor...que vive pela graça, a via crux = Povo adorador e justo...que louva a Deus e vive o discipulado CTC 2005 A natureza missionária da igreja 13

14 A promessa para Davi Quando teus dias se cumprirem e descansares com teus pais, então, farei levantar depois de ti o teu descendente, que procederá de ti, e estabelecerei o seu reino. Este edificará uma casa ao meu nome, e eu estabelecerei para sempre o trono do seu reino. Eu lhe serei por pai, e ele me será por filho; se vier a transgredir, castigá-lo-ei com varas de homens e com açoites de filhos de homens. Mas a minha misericórdia se não apartará dele, como a retirei de Saul, a quem tirei de diante de ti. Porém a tua casa e o teu reino serão firmados para sempre diante de ti; teu trono será estabelecido para sempre. 2 Samuel Domine ele de mar a mar e desde o rio até aos confins da terra. Salmo 72.8 CTC 2005 A natureza missionária da igreja 14

15 A promessa para Davi Dimensão Interna: Soberania = Casa de Deus q Primeira Condição: q q Se vier a transgredir, castigá-lo-ei... Primeira Incumbência: será para Deus por filho Primeira Promessa: Deus lhe será por pai terá sempre a misericórdia de Deus CTC 2005 A natureza missionária da igreja 15

16 A promessa para Davi Dimensão Externa: Missão = Justiça q Segunda Incumbência: construirá a casa de Deus q Segunda Promessa: julgará com justiça e eqüidade reinará eternamente terá um domínio pelo mundo inteiro CTC 2005 A natureza missionária da igreja 16

17 Jesus cumpriu a promessa para Davi Afirmação do cumprimento nas Escrituras q Jesus construiu a casa de Deus (Mt 26.61; Hb 8.1-2; Jo ; Ap 21.10,22) q Jesus reina eternamente (Lc ; At ; 28.23; Cl 1.17; Ef 3.11; 2Pe 1.11; Jo 6.51; ; 11.26) q q q Jesus é o Filho de Deus e Deus é o seu pai (Mc 1.1; Lc 1.35; Mt 14.33; 27.54; Jo 1.34; 20.31) Jesus julga com justiça (Lc ; Hb 1.8-9; Rm 1.1-3,17; At 17.31; 2Tm 4.1) O reino de Jesus abrange o mundo inteiro (Ef 1.3; Gl ; Jo 1.5-9; 8.12; At ; 26.23; Ap ) CTC 2005 A natureza missionária da igreja 17

18 Jesus cumpriu a promessa para Davi De que maneira? pela sua ressurreição (Romanos 1.3-4; 2Timóteo 2.8; Atos ; ; ) o descendente ungido de Davi não permaneceria morto (Salmo ) CTC 2005 A natureza missionária da igreja 18

19 Implicações para a natureza missionária da igreja Igreja = Povo do reino de Deus,... Ø corpo de Cristo, templo do Espírito Santo! Ø com uma tarefa eterna! Ø filhos de Deus! Ø com os valores centrais da justiça e da graça! Ø numa missão universal! CTC 2005 A natureza missionária da igreja 19

20 Como entendermos HOJE A natureza missionária da igreja? CTC 2005 A natureza missionária da igreja 20

21 O alvo último da missão da igreja A glória de Deus! pelo corpo de Cristo (Efésios 1.12; 3.21) pela criação toda (Habacuque 2.14; Filipenses 2.11) CTC 2005 A natureza missionária da igreja 21

22 O alvo penúltimo da missão da igreja Crescimento do corpo de Cristo (Efésios 4.13) na unidade: da fé na maturidade: modelo de Cristo de tudo (Efésios 4.15) pela expansão do reino de Deus pelo conhecimento da glória de Deus CTC 2005 A natureza missionária da igreja 22

23 O alvo antepenúltimo da missão da igreja Ministério: edificar o corpo de Cristo para evangelizar o mundo para CTC 2005 A natureza missionária da igreja 23

24 Os ministérios da igreja Edificar o corpo pela maturidade pelo crescimento Evangelizar o mundo pelo impacto pelo cuidado Efésios 3.10; CTC 2005 A natureza missionária da igreja 24

25 Os ministérios de edificação Crescimento (auxano) Onde? no culto, nas células Como? pelo batismo e profissão de fé Ensino (didasco) Onde? no púlpito, na Escola Dominical, em retiros Como? pela leitura [lit. conhecendo de novo ] e pela exortação [lit. chamando para si ] Comunhão/oração (koinonia) Onde? no culto, nos lares e nas células Como? pelo partir o pão, pela oração Serviço (diaconia) Onde? no culto, nos lares e nas células Como? pelos dons e ministérios CTC 2005 A natureza missionária da igreja 25

26 Os ministérios de evangelização Proclamação (kerygma) no mundo Onde? no trabalho, na escola, no lazer Como? pela expressão verbal Testemunho (martyria) no mundo Onde? no trabalho, na escola, no lazer Como? pelos atos (misericórdia, justiça) de vida Discipulado (mathetes, lit. aprendiz ) Onde? no trabalho, na escola, no lazer Como? pela habilitação na vida cristã Treinamento (paideuo) Onde? no trabalho, na escola, no lazer Como? Pela disciplina junto com educador CTC 2005 A natureza missionária da igreja 26

27 A relação entre os ministérios para Edificar a igreja: Ensino Comunhão Serviço Crescimento Evangelizar o mundo: Testemunho Proclamação Discipulado Treinamento para CTC 2005 A natureza missionária da igreja 27

Nosso Ministério Sacerdotal

Nosso Ministério Sacerdotal As 3 pedras fundamentais para o ministério do povo de Deus são: O SACERDÓCIO de todos os discípulos de Jesus Os DONS DO ESPÍRITO SANTO manifestos em cada discípulo O EXEMPLO E MODELO de Jesus como servo

Leia mais

AS PROMESSAS DE DEUS.

AS PROMESSAS DE DEUS. AS PROMESSAS DE DEUS. Texto 2 Co 1.20 Introdução: Num tempo em que muitos cristãos se encontram abatidos e preocupados com vários problemas da vida, as promessas de DEUS são fundamentais. Essas promessas

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus Paulo Adolfo A Revelação e a Missão de Deus (Missio Dei) Objetivos da matéria: 1. Apresentar as bases bíblicas para o projeto

Leia mais

Porque a loucura de Deus é mais sábia que os homens. I Coríntios 1:25

Porque a loucura de Deus é mais sábia que os homens. I Coríntios 1:25 A Porque a loucura de Deus é mais sábia que os homens. I Coríntios 1:25 Vejamos o contexto: I Coríntios 1:18-31 Porque a palavra da cruz é deveras loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos,

Leia mais

Ensinos de Cristo O que Jesus Cristo ensinou?

Ensinos de Cristo O que Jesus Cristo ensinou? Introdução à 23/05/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Ensinos de Cristo O que Jesus Cristo ensinou? Ensinos de Cristo Jesus anunciou a chegada do reino, propôs altos padrões éticos àqueles

Leia mais

Classe Adultos. Obedecendo ao Ide do Senhor Jesus de levar as Boas-Novas a toda criatura

Classe Adultos. Obedecendo ao Ide do Senhor Jesus de levar as Boas-Novas a toda criatura Classe Adultos Obedecendo ao Ide do Senhor Jesus de levar as Boas-Novas a toda criatura OBJETIVOS OBJETIVO GERAL Saber que Deus exige de cada crente uma atitude evangelística responsável e amorosa.

Leia mais

Jesus: coroado entre as nações.

Jesus: coroado entre as nações. Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Pr Joaquim Costa Junior 1 Jesus: coroado entre as nações. Romanos 5:17b muito mais os que recebem a abundância da graça e o dom da justiça reinarão em

Leia mais

4 O que é uma igreja baseada em princípios?

4 O que é uma igreja baseada em princípios? 4 O que é uma igreja baseada em princípios? Essa igreja é uma comunidade local onde todos os membros, vivenciando os princípios apresentados na Palavra de Deus, têm por objetivo glorificar a Deus e cumprir

Leia mais

Os blocos que formam o. Pentateuco. Promessa Eleição. Livramento Aliança Lei Terra

Os blocos que formam o. Pentateuco. Promessa Eleição. Livramento Aliança Lei Terra Promessa Eleição Os blocos que formam o Livramento Aliança Lei Terra Pentateuco A Aliança de Yaweh com Abraão Ora, disse o Senhor a Abrão: Sai da tua terra, da tua parentela, e vai para a terra que te

Leia mais

Fatos: Acontecimentos: - A criação - O dilúvio - Formação do povo de Deus - Vida no deserto - Conquista da terra prometida - As dominações

Fatos: Acontecimentos: - A criação - O dilúvio - Formação do povo de Deus - Vida no deserto - Conquista da terra prometida - As dominações O Antigo Testamento é uma coleção de 39 livros onde encontramos a história de Israel, o povo que Deus escolheu para com ele fazer uma aliança. Portanto, o Antigo Testamento é a história de um povo: mostra

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus RELEMBRAR A MISSÃO NOS EVANGELHOS 1. Jesus Cristo homem é o exemplo padrão para o exercício da Missão de Deus (intimidade

Leia mais

1. DUAS SEMANAS SOBRE A VIDA E OS ENSINOS DE JESUS

1. DUAS SEMANAS SOBRE A VIDA E OS ENSINOS DE JESUS PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA PRIMEIRA SEQUÊNCIA: INTRODUÇÃO À BÍBLIA TEMPO NECESSÁRIO: Duas semanas OBJETIVO: Obter um conhecimento geral dos fundamentos bíblicos A Primeira Sequência é para quem está começando

Leia mais

As promessas da encarnação cronologia. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente. Na criação:

As promessas da encarnação cronologia. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente. Na criação: As promessas da encarnação cronologia vivendopelapalavra.com Por: Helio Clemente Na criação: Gênesis 3,15: Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá

Leia mais

A Oração. Egmon Pereira. 23 de Agosto de Igreja Presbiteriana do Brasil. A Oração. Egmon Pereira. Texto Bíblico. Introdução.

A Oração. Egmon Pereira. 23 de Agosto de Igreja Presbiteriana do Brasil. A Oração. Egmon Pereira. Texto Bíblico. Introdução. Igreja Presbiteriana do Brasil 23 de Agosto de 2016 Mateus 6.5-15 5 E, quando orardes, não sereis como os hipócritas; porque gostam de orar em pé nas sinagogas e nos cantos das praças, para serem vistos

Leia mais

Adão e Eva inicialmente violaram a Aliança das relações de amor e confiança que Deus tinha estabelecido entre eles.

Adão e Eva inicialmente violaram a Aliança das relações de amor e confiança que Deus tinha estabelecido entre eles. Uma Aliança é um compromisso feito por contrato entre duas pessoas ou dois grupos de pessoas. O seu sentido religioso é o de um Testa mento. No Antigo Testamento a Aliança estabelece uma nova relação,

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus Tema missiológico comum: Reino de Deus Mais de 70 vezes é referido por Jesus nos Evangelhos O tema destaca-se do começo ao

Leia mais

Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA

Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA Lição n.º 6 - A UNIDADE DA BÍBLIA Lição n.º 6 (Início) Objeto de estudo: Reconhecer o fato de que a unidade da Bíblia é uma das provas de sua autenticidade! 1 Versículo-chave: Cl 1.26-27 O ministério que

Leia mais

CRISTO CUMPRIU E ACABOU COM O REGIME DO ANTIGO TESTAMENTO

CRISTO CUMPRIU E ACABOU COM O REGIME DO ANTIGO TESTAMENTO CRISTO CUMPRIU E ACABOU COM O REGIME DO ANTIGO TESTAMENTO A glória de Jesus Cristo brilha ainda mais claramente quando O vemos em sua relação apropriada com o Antigo Testamento. Ele tem uma relação magnificente

Leia mais

LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA

LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA INTRODUÇÃO - Concluindo o estudo deste trimestre sobre evangelização, estudaremos a necessária integralidade desta atividade mais importante, da razão de ser da igreja. - A evangelização tem de ser integral.

Leia mais

Planejamento. 1. Introdução 2. Painel Histórico 3. Painel dos Livros 4. Painel Geográfico 5. Painel Temático

Planejamento. 1. Introdução 2. Painel Histórico 3. Painel dos Livros 4. Painel Geográfico 5. Painel Temático NOVO TESTAMENTO Planejamento 1. Introdução 2. Painel Histórico 3. Painel dos Livros 4. Painel Geográfico 5. Painel Temático Introdução Fatores que favoreceram ao Ministério de Jesus Língua e cultura globalizadas

Leia mais

Analisando Daniel 9:25, 26 e 27. Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: "Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo...

Analisando Daniel 9:25, 26 e 27. Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo... Analisando Daniel 9:25, 26 e 27 Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: "Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo..." As semanas são semanas de anos: 1 semana = 7 anos e de acordo com

Leia mais

III TRIMESTRE 2015 LIÇÃO IONÁRIOS. Preparado por: Pr. Wellington Almeida

III TRIMESTRE 2015 LIÇÃO IONÁRIOS. Preparado por: Pr. Wellington Almeida III TRIMESTRE 2015 02 LIÇÃO MI S Preparado por: Pr. Wellington Almeida S IONÁRIOS ABRAÃO: O PRIMEIRO MISSIONÁRIO ESBOÇO ABRAÃO INTRODUÇÃO DOM - O Chamado SEG - O Testemunho TER - O Exemplo QUA - A Peregrinação

Leia mais

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre Maria e o mistério de Cristo Prof. Thiago Onofre A realidade da Encarnação A Encarnação do Verbo de Deus é obra do Espírito Santo; Não é vontade humana, mas divina; São Lucas apresenta Maria como mediação

Leia mais

A FESTA DAS TROMBETAS A FESTA DA RESSURREIÇÃO

A FESTA DAS TROMBETAS A FESTA DA RESSURREIÇÃO A FESTA DAS TROMBETAS A FESTA DA RESSURREIÇÃO 1 Tessalonicenses 4: 16 e 17 (partes)...ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus...,...seremos arrebatados juntamente com eles, entre as nuvens,

Leia mais

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES A MISSÃO NO SÉCULO XXI A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES Dr. ERICO T. XAVIER Os cinco textos da Grande Comissão. Mateus 28:18-20 Marcos 16:14-20 Lucas 24:44-53 João 20:19-23 Atos 1:8 Repetiu

Leia mais

DOMINGO IV DO ADVENTO

DOMINGO IV DO ADVENTO 65 DOMINGO IV DO ADVENTO LEITURA I 2 Sam 7, 1-5.8b-12.14a.16 O reino de David permanecerá eternamente na presença do Senhor Leitura do Segundo Livro de Samuel Quando David já morava em sua casa e o Senhor

Leia mais

Dinâmica e estrutura do discipulado. Ademir Ifanger

Dinâmica e estrutura do discipulado. Ademir Ifanger Dinâmica e estrutura do discipulado Ide, pregai o evangelho e fazei discípulos, constitui a essência do mandato de Jesus Cristo. Existem duas razões fundamentais no discipulado cristão: 1. Levar o discípulo

Leia mais

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

AULA -1 IGREJA: UMA INSTITUIÇÃO DIVINO-HUMANA IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira

AULA -1 IGREJA: UMA INSTITUIÇÃO DIVINO-HUMANA IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira AULA -1 IGREJA: UMA INSTITUIÇÃO DIVINO-HUMANA IGREJA E CULTO Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira CONSOLIDAÇÃO 2015, O ANO DA ADORAÇÃO A Bíblia retrata a igreja como

Leia mais

Os 5 Pontos do Calvinismo. Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os 5 Pontos do Calvinismo. Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os 5 Pontos do Calvinismo Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Origem Foi uma reação de discípulos de João Calvino (1509-1564) a um protesto dos seguidores de James Arminus (Jacob Hermann

Leia mais

Confie no poder de Deus Efésios 6.10,11 Pr. Vlademir Silveira Série Armadura de Deus Mensagem # 1 IBMC 07/10/12

Confie no poder de Deus Efésios 6.10,11 Pr. Vlademir Silveira Série Armadura de Deus Mensagem # 1 IBMC 07/10/12 Introdução Confie no poder de Deus Efésios 6.10,11 Pr. Vlademir Silveira Série Armadura de Deus Mensagem # 1 IBMC 07/10/12 Série de 5 mensagens sobre a Armadura de Deus no livro de Efésios. Efésios 1.1

Leia mais

4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros

4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros 4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros Ser CRISTÃO -> significa acreditar no Deus de Jesus Cristo; mas não é só acreditar -> é esforçar-se para vivenciar: a)

Leia mais

Mensagem #2 - As Origens. Da criação ao Judaísmo Quinta-feira, 17 de Março de 2016

Mensagem #2 - As Origens. Da criação ao Judaísmo Quinta-feira, 17 de Março de 2016 Conheça sua Bíblia - Uma visão panorâmica das Escrituras Mensagem #2 - As Origens. Da criação ao Judaísmo Quinta-feira, 17 de Março de 2016 Colocamos em sua folha um gráfico que ajuda a compreender a evolução

Leia mais

Os Outros Seis Dias. Aula 05/07/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os Outros Seis Dias. Aula 05/07/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os Outros Seis Dias Aula 05/07/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Recapitulando Nas aulas passadas vimos que muitas vezes a fé tem horário e local específico, na Igreja, no domingo, e no horário

Leia mais

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA 17-03-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze A Igreja no desígnio de Deus O que significa a palavra Igreja? Designa o povo que Deus convoca e reúne de todos os

Leia mais

19 DE MARÇO 119 A tua casa e o teu reino permanecerão diante de Mim eternamente e o teu trono será firme para sempre». Palavra do Senhor. SALMO RESPON

19 DE MARÇO 119 A tua casa e o teu reino permanecerão diante de Mim eternamente e o teu trono será firme para sempre». Palavra do Senhor. SALMO RESPON 118 MARÇO 18 de Março S. Cirilo de Jerusalém, bispo e doutor da Igreja Comum dos Pastores da Igreja: pp. 486 ss. ou Comum dos Doutores da Igreja: pp. 527 ss. LEITURA I 1 Jo 5, 1-5: p. 606 SALMO RESPONSORIAL

Leia mais

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos.

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. (Salmo 119:105) 0 PROGRAMA DE LEITURA DA BÍBLIA A leitura da Bíblia Sagrada é de suma importância para todos os estudantes da Palavra

Leia mais

APÓCRIFOS LIVROS APÓCRIFOS. Aula 1 Introdução. Guilherme A. Wood. Guilherme Wood

APÓCRIFOS LIVROS APÓCRIFOS. Aula 1 Introdução. Guilherme A. Wood. Guilherme Wood LIVROS APÓCRIFOS Aula 1 Introdução Guilherme A. Wood Perguntas: Por que a Bíblia contém estes livros? Por que a Bíblia Católica contém alguns livros a mais? Por que alguns outros livros despertam o interesse

Leia mais

OS TRÊS OFÍCIOS DE CRISTO

OS TRÊS OFÍCIOS DE CRISTO VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 CRISTOLOGIA OS TRÊS OFÍCIOS

Leia mais

Desça da Arquibancada...

Desça da Arquibancada... Desça da Arquibancada... como Família! Desça da Arquibancada... Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas... corramos com perseverança a carreira que nos está proposta

Leia mais

Ano Bíblico Sequencial

Ano Bíblico Sequencial Ano Bíblico Sequencial Janeiro 01/01 - Gênesis Cap: 1-3 02/01 - Gênesis Cap. 4-7 03/01 - Gênesis Cap. 8-11 04/01 - Gênesis Cap. 12-15 05/01 - Gênesis Cap. 16-19 06/01 - Gênesis Cap. 20-22 07/01 - Gênesis

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo,

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo, ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 Leitura dos Actos dos Apóstolos No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, até ao dia em que foi elevado

Leia mais

Prefácio aos alunos...7 APRESENTAÇÃO À IGREJA...9. Lição 25 A identidade da Igreja Lição 28 As celebrações da Igreja Batismo nas Águas...

Prefácio aos alunos...7 APRESENTAÇÃO À IGREJA...9. Lição 25 A identidade da Igreja Lição 28 As celebrações da Igreja Batismo nas Águas... SUMÁRIO Prefácio aos alunos...7 APRESENTAÇÃO À IGREJA...9 Lição 25 A identidade da Igreja... 10 Lição 26 As marcas da Igreja... 15 Lição 27 Os ministérios da Igreja...19 Lição 28 As celebrações da Igreja

Leia mais

Paracletologia SEFO 2013

Paracletologia SEFO 2013 Paracletologia SEFO 2013 2 ª Aula Fabio Codo Fábio Codo - http://teologiaaservicoevangelho.wordpress.com Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes Conteúdo Programático

Leia mais

LIÇÃO 9 A MISSÃO ENSINADORA DA IGREJA. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 9 A MISSÃO ENSINADORA DA IGREJA. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 9 A MISSÃO ENSINADORA DA IGREJA Prof. A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO O MINISTÉRIO TRÍPLICE DE JESUS Jesus Cristo em seu ministério tríplice pregou, curou e ensinou, mas o ensino foi a atividade mais

Leia mais

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e irmãos uns dos outros; identifica-nos com Jesus-Verdade,

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida ~ USA Missões Lição 20 (volte para as páginas 4, e 5) O que são missões e que é o que isto significa na minha vida cristã 1 Missões é a pulsação de Deus. Sem missões não existiria redenção para a humanidade;

Leia mais

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 1. Antes de entregar a lei, Deus já havia feito uma aliança com o povo. Em Êxodo 19.1-4, Deus lembra o povo do seu pacto, confirmado demonstrado em um fato. Qual é o

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ. CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas

DECLARAÇÃO DE FÉ. CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas DECLARAÇÃO DE FÉ CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas DAI-AMTB Departamento de Assuntos Indígenas, Associação de Missões Transculturais Brasileiras Campo Grande, MS: 2016

Leia mais

Sacramentos. Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Sacramentos. Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Sacramentos Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Sacramentos O que são os sacramentos? Sacramento é derivado do latim sacramentum, era utilizado no meio militar correspondendo a juramento

Leia mais

É TEMPO DE RESTAURAR. Efésios Pra. Deisy Costa

É TEMPO DE RESTAURAR. Efésios Pra. Deisy Costa É TEMPO DE RESTAURAR Efésios 5.1-16 Pra. Deisy Costa v.1 Portanto, sede imitadores de Deus, como filhos amados... Qual era a missão de Jesus na terra? I Timóteo 2:4 que, deseja que todos os homens sejam

Leia mais

Slide 2

Slide 2 ( ) 8. Na Igreja, que é o corpo de Cristo, coluna e firmeza da verdade, uma, santa e universal assembleia dos fiéis remidos de todas as eras e todos os lugares, chamados do mundo pelo Espírito Santo para

Leia mais

JANEIRO / x Lucas 5:27-39 x Gênesis 1-2 x Salmos x Lucas 6:1-26 x Gênesis 3-5 x Salmos x Lucas 6:27-49 x Gênesis 6-7 x Salmos 3

JANEIRO / x Lucas 5:27-39 x Gênesis 1-2 x Salmos x Lucas 6:1-26 x Gênesis 3-5 x Salmos x Lucas 6:27-49 x Gênesis 6-7 x Salmos 3 PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA EM 365 DIAS PÁGINA 1 / 9 JANEIRO / 2009 01 x Lucas 5:27-39 x Gênesis 1-2 x Salmos 1 02 x Lucas 6:1-26 x Gênesis 3-5 x Salmos 2 03 x Lucas 6:27-49 x Gênesis 6-7 x Salmos 3 04

Leia mais

A NECESSIDADE DE ORAÇÃO DA IGREJA

A NECESSIDADE DE ORAÇÃO DA IGREJA A NECESSIDADE DE ORAÇÃO DA IGREJA I - O QUE É ORAÇÃO? Biblicamente falando, oração é a comunhão expressa do ser criado para com o seu Criador, como a manifestação de dependência carinhosa do filho ao seu

Leia mais

SUMÁRIO 1º ANO DO CURSO APRENDIZES DO EVANGELHO 2017

SUMÁRIO 1º ANO DO CURSO APRENDIZES DO EVANGELHO 2017 1º ANO DO CURSO APRENDIZES DO EVANGELHO 2017 CURSO DE RESPONSABILIDADE DO DEPARTAMENTO DE ENSINO DO CENTRO ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES DE CATANDUVA DIRIGENTE NAZIK BAUAB DE ALMEIDA SILVA SUMÁRIO 1ª AULA

Leia mais

Se alguém pensa que é profeta ou espiritual, reconheça que o que lhes estou escrevendo é mandamento do Senhor. 1 Coríntios 14:37

Se alguém pensa que é profeta ou espiritual, reconheça que o que lhes estou escrevendo é mandamento do Senhor. 1 Coríntios 14:37 Por meio dele vocês crêem em Deus, que o ressuscitou dentre os mortos e o glorificou, de modo que a fé e a esperança de vocês estão em Deus 1 Pedro 1:21 Se alguém pensa que é profeta ou espiritual, reconheça

Leia mais

PLANO DE LEITURA CRONOLÓGICA DA BÍBLIA EM 1 ANO

PLANO DE LEITURA CRONOLÓGICA DA BÍBLIA EM 1 ANO PLANO DE LEITURA CRONOLÓGICA DA BÍBLIA EM 1 ANO Janeiro DIA LIVRO/CAPÍTULOS 01 ( ) Gênesis 1,2 02 ( ) Gênesis 3-5 03 ( ) Gênesis 6-9 04 ( ) Gênesis 10,11 05 ( ) Gênesis 12-15 06 ( ) Gênesis 16-19 07 (

Leia mais

AULA 02. Pr. Wellington Almeida

AULA 02. Pr. Wellington Almeida Pr. Wellington Almeida RELATÓRIOS DE LEITURAS LIVRO AUTOR pg / cap ENTREGA 1º Atos dos Apóstolos Ellen White cap. 1, 2, 3 12/04 2º Teologia e metodologia da missão Elias Brasil de Souza pag. 3-27 31/07

Leia mais

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA NASCIMENTO Pb. Márcio Tarcísio Mendonça Ferreira 5º) NA NECESSIDADE ABSOLUTA DO PELA GRAÇA DE

Leia mais

A SANTA TRINDADE LIÇÕES DO DISCIPULADO Nº 3

A SANTA TRINDADE LIÇÕES DO DISCIPULADO Nº 3 LIÇÕES DO DISCIPULADO Nº 3 A SANTA TRINDADE A doutrina da Trindade não é fácil de ser compreendida, mas é um tema apaixonante. Ao lermos as Escrituras encontramos que há três pessoas que possuem os atributos

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO]

ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO] OS DONS ESPIRITUAIS ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO] Êx 18.13-27; At 27.11; 1Co 12.28, Entender os objetivos a curto e a longo prazo de uma determinada parte do trabalho da igreja e elaborar planos eficientes

Leia mais

Lição 11. Garotos Adultos & É o Coração. Page 1

Lição 11. Garotos Adultos & É o Coração. Page 1 Lição 11 Garotos Adultos & É o Coração Page 1 LIÇÃO 11 GAROTOS ADULTOS & É O CORAÇÃO I. Garotos Adultos (capítulo 16) A. A maldição de nossos dias é. Mais do que estar ausente da família, existe a ausência

Leia mais

Importância da Ressurreição de Cristo

Importância da Ressurreição de Cristo Introdução à 22/08/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Importância da Ressurreição de Cristo O que as escrituras afirmam sobre a ressurreição de Cristo? 1. Doutrina fundamental do Cristianismo:

Leia mais

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO I - A ORIGEM DO PECADO 1. Em relação a Deus. Em Seu plano permitiu que suas criaturas (anjos e homens) tivessem a liberdade (livre arbítrio) de viver em amor e obediência

Leia mais

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Introdução Almejamos uma nova compreensão da espiritualidade, que nos impulsione a realizar o projeto integral de Deus, expressando assim genuína adoração (Jo 4.23-24).

Leia mais

LINHA DO TEMPO DE EVENTOS BÍBLICOS IMPORTANTES. Esta breve linha do tempo representa os eventos-chave cobertos pela Bíblia:

LINHA DO TEMPO DE EVENTOS BÍBLICOS IMPORTANTES. Esta breve linha do tempo representa os eventos-chave cobertos pela Bíblia: Você se sentirá mais confiante sobre seus estudos bíblicos quando vir a linha do tempo dos eventos importantes narrados na Bíblia, tiver uma compreensão dos livros que a compõem e como eles são organizados,

Leia mais

PANORAMA GERAL DA BÍBLIA

PANORAMA GERAL DA BÍBLIA PANORAMA GERAL DA BÍBLIA ETERNIDADE FINAL DO NT CRIAÇÃO GÊNESIS 1-2 REDENÇÃO GÊNESIS 3 ATÉ APOCALIPSE 22 VT = O SALVADOR VIRÁ NT = O SALVADOR JÁ VEIO E VOLTARÁ DEUS REVELOU SEU PLANO E SUA VERDADE AO LONGO

Leia mais

18 de Março S. Cirilo de Jerusalém, bispo e doutor da Igreja. 19 de Março S. JOSÉ, ESPOSO DA VIRGEM SANTA MARIA

18 de Março S. Cirilo de Jerusalém, bispo e doutor da Igreja. 19 de Março S. JOSÉ, ESPOSO DA VIRGEM SANTA MARIA 118 MARÇO 18 de Março S. Cirilo de Jerusalém, bispo e doutor da Igreja Comum dos Pastores da Igreja: pp. 486 ss. ou Comum dos Doutores da Igreja: pp. 527 ss. LEITURA I 1 Jo 5, 1-5: p. 606 SALMO RESPONSORIAL

Leia mais

CAMPANHA DE ORAÇÃO E CRESCIMENTO ESPIRITUAL

CAMPANHA DE ORAÇÃO E CRESCIMENTO ESPIRITUAL CONGREGAÇÃO DO SETOR PEDROSO CAMPANHA DE ORAÇÃO E CRESCIMENTO ESPIRITUAL Período: 15 de agosto a 30 de setembro de 2017 Tema: A minha vida é para a Glória de Deus. Texto Bíblico: Efésios, 1: 3-12 Horários:

Leia mais

TABERNÁCULOS 2013 VENHA O TEU REINO!

TABERNÁCULOS 2013 VENHA O TEU REINO! TABERNÁCULOS 2013 VENHA O TEU REINO! Venha Teu reino e faça- se a tua vontade aqui na terra como no céu. Mateus 6: 10 Tabernáculos 2013 O leão, o bezerro, o homem é a águia Os Quatro Seres Viventes As

Leia mais

Escrito por Hélio Clemente Seg, 10 de Outubro de :13 - Última atualização Seg, 14 de Novembro de :50

Escrito por Hélio Clemente Seg, 10 de Outubro de :13 - Última atualização Seg, 14 de Novembro de :50 BREVE CATECISMO DE WESTMINSTER A ENCARNAÇÃO Pergunta 22: Como Cristo, sendo o Filho de Deus, se fez homem? Resposta: Cristo, o Verbo de Deus, fez-se homem tomando um verdadeiro corpo e uma alma racional,

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

UM P G. chamado. Remanescente

UM P G. chamado. Remanescente UM P G chamado Remanescente CONCEITO Irou-se o dragão contra a mulher e foi pelejar com os restantes da sua descendência, os que guardam os mandamentos de Deus e têm o testemunho de Jesus; e se pôs em

Leia mais

IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira

IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira AULA 7 CULTO: CRESCENDO JUNTOS NA ALEGRIA, NA COMUNHÃO E NA ADORAÇÃO A DEUS IGREJA E CULTO Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira EBD CONSOLIDAÇÃO 2015 O Ano da Adoração

Leia mais

O Espírito Santo. Ontem e Hoje

O Espírito Santo. Ontem e Hoje O Espírito Santo Ontem e Hoje E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco, o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes SALVAÇÃO 2 Devocional Céus Abertos Pastor Carlito Paes 3 ROTEIRO Salvação Parte 1 Introdução O problema: A necessidade de salvação A providência: A solução para o pecado Três aspectos da salvação Salvação

Leia mais

LIÇÃO 13 UM CHAMADO PARA EVANGELIZAR. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 13 UM CHAMADO PARA EVANGELIZAR. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 13 UM CHAMADO PARA EVANGELIZAR Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO A MISSÃO DE EVANGELIZAR O discípulo de Cristo tem a nobre missão de evangelizar o mundo proclamando a Palavra de Deus

Leia mais

Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA

Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA REVISTA PALAVRA VIVA Apoio didático Lição 3 Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA I. A Igreja Católica ou Universal, que é invisível, consiste do número total dos eleitos que já foram,

Leia mais

1.! Quem'somos?' 2.! Visão'

1.! Quem'somos?' 2.! Visão' 1. Quem'somos?' Perspectivas é um movimento internacional que une cristãos no propósito de pensarepotencializarseuenvolvimentonatarefadeglorificaradeusentretodosos povos. Oferecemos12temposdereflexãosobreaMissioDei,nasperspectivasBíblica,

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 6: SOTERIOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

O Novo Testamento reivindica inspiração divina

O Novo Testamento reivindica inspiração divina O Novo Testamento reivindica inspiração divina Temos 2 fatores que comprovam a inspiração divina do Novo Testamento: A promessa de Jesus de que o Espírito Santo guiaria os discípulos a toda verdade; Cumprimento

Leia mais

Conhecendo a minha Bíblia Antigo Testamento

Conhecendo a minha Bíblia Antigo Testamento Conhecendo a minha Bíblia Antigo Testamento 1ª Igreja Presbiteriana Independente de Londrina Área de Apoio de Educação Cristã Escola Bíblica Esperança Examinai as Escrituras... porque são elas que testificam

Leia mais

Jesus Cristo e o Evangelho Eterno: Leituras Sugeridas aos Alunos

Jesus Cristo e o Evangelho Eterno: Leituras Sugeridas aos Alunos Jesus Cristo e o Evangelho Eterno: Leituras Sugeridas aos Alunos Curso de Religião 250 Publicado por A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias Salt Lake City, Utah Agradecemos os comentários

Leia mais

Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013

Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013 Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013 Análise da Eclesiologia Batista Nacional Manual Básico dos Batistas

Leia mais

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo...

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo... ESTUDO DO BATISMO : O objetivo deste estudo é levar ao irmão(a), o conhecimento da verdade bíblica sobre o batismo ensinado por Jesus Cristo, que nestes dias possamos abrir nossa mente e coração para absorvermos

Leia mais

Introdução à 26/05/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Divindade de Cristo O que a história da igreja fala sobre o assunto? A Igreja Primitiva No início do século II, o cristianismo era uma

Leia mais

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura.

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. - A Igreja foi criada para dar seguimento ao ministério

Leia mais

IGREJA. Sua Natureza

IGREJA. Sua Natureza IGREJA Sua Natureza A igreja é a comunidade de todos os cristãos de todos os tempos. Wayne Grudem A igreja é o novo Israel de Deus que revela nesse tempo Sua glória Thiessen A igreja é a a assembléia dos

Leia mais

ESBOÇOS DO ESTUDO-CRISTALIZAÇÃO

ESBOÇOS DO ESTUDO-CRISTALIZAÇÃO Mensagem Onze O templo santo e a cidade santa na terra santa Leitura bíblica: Ez 47:13-20; 48:8-20, 31-35; Ap 21:12-13 I. O templo santo e a cidade santa, que tipificam a igreja (Ez 47:13; 1Co 3:16-17),

Leia mais

Projeto de Vida Ano 2017 O Ano de Abraão. Sê tu uma bênção

Projeto de Vida Ano 2017 O Ano de Abraão. Sê tu uma bênção Projeto de Vida Ano 2017 O Ano de Abraão Sê tu uma bênção Gênesis 12:2 diz: Deus disse a Abraão: Farei de ti uma grande nação, e te abençoarei e engrandecerei o teu nome. Sê tú uma bênção. A pergunta aqui

Leia mais

Paróquia de Nossa Senhora da Lapa. Póvoa de Varzim. Leituras Dominicais. Tempo da Quaresma. Ano C

Paróquia de Nossa Senhora da Lapa. Póvoa de Varzim. Leituras Dominicais. Tempo da Quaresma. Ano C Paróquia de Nossa Senhora da Lapa Póvoa de Varzim Leituras Dominicais Tempo da Quaresma Ano C Paroquia da Lapa Póvoa de Varzim Ano 2016 DOMINGO I DA QUARESMA LEITURA I Deut 26, 4-10 Leitura do Livro do

Leia mais

Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4).

Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4). Leitura: Romanos 12.1-8 Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4). O plano é perfeito e inclui a salvação em Cristo (2 Ts 2.13) e a capacitação para lhe servirmos (2

Leia mais

1. Qual a necessidade de uma aliança?

1. Qual a necessidade de uma aliança? 1 Aliança, segundo Jesus de Nazaré Essência #3 (fim da série) Lc 22:14-20 (14) Quando chegou a hora, Jesus e os seus apóstolos reclinaram- se à mesa. (15) E disse- lhes: "Desejei ansiosamente comer esta

Leia mais

Hino do Ano Sacerdotal

Hino do Ano Sacerdotal Hino e Comentário Pe. Ney Brasil Pereira* * O autor é Mestre em Ciências Bíblicas e Professor no ITESC., p. 167-171. 1 Hino 168 Ney Brasil Pereira Refrão: Ano sacerdotal, ano presbiteral, ano vocacional:

Leia mais

Festa do Batismo do Senhor Ano C Dom, 17 de Maio de :24 - Última atualização Dom, 10 de Janeiro de :07

Festa do Batismo do Senhor Ano C Dom, 17 de Maio de :24 - Última atualização Dom, 10 de Janeiro de :07 Is 42,1-4.6-7 Sl 28 At 10,34-38 Lc 3,15s.21-22 A Festa de hoje encerra o sagrado tempo do Natal: o Pai apresenta, manifesta a Israel o Salvador que ele nos deu, o Menino que nasceu para nós: Tu és o meu

Leia mais

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os Outros Seis Dias Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira S Vivendo Teologicamente S O que a teologia tem a ver com a vida diária? S A teologia geralmente é considerada como algo abstrato.

Leia mais

1- O Messianismo entre os judeus - Gênesis 1.31; 3.17; 3.15

1- O Messianismo entre os judeus - Gênesis 1.31; 3.17; 3.15 Notei que foram feitas modificações na formatação do texto, e quando os nomes dos livros da Bíblia foram mudados de abreviados para por extenso ficaram faltando acentos, como os de Isaías e Gênesis. Também

Leia mais

O ESPIRITO SANTO Sua Pessoa, Sua Vinda e Sua Obra

O ESPIRITO SANTO Sua Pessoa, Sua Vinda e Sua Obra O ESPIRITO SANTO Sua Pessoa, Sua Vinda e Sua Obra H. E. Hayhoe PREFÁCIO Este breve estudo a respeito do Espírito Santo não busca apresentar qualquer novidade, mas é fruto do desejo de colocar diante dos

Leia mais