1. NOTA INTRODUTÓRIA. A Associação Desportiva e Recreativa do Loureiro, associação juvenil

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1. NOTA INTRODUTÓRIA. A Associação Desportiva e Recreativa do Loureiro, associação juvenil"

Transcrição

1 Relatório de Actividades 2009

2 1. NOTA INTRODUTÓRIA A Associação Desportiva e Recreativa do Loureiro, associação juvenil cujas as preocupações estatutárias são o bem estar, a promoção cultural, desportiva, social e recreativa dos seus associados desempenhou durante este ano civil actividades num objectivo de responder a estas intenções. Embora se depare quotidianamente com dificuldade de índole material e humano para a prossecução dos seus objectivos, a associação conseguiu desenvolver com sucesso a quase totalidade dos projectos enunciados no plano de actividades. Em seguida, procede-se a descrição daquilo realizado em consonância com o plano de actividades previamente proposto.

3 2. ANÁLISE POR SECÇÕES Acções Desenvolvidas

4 Acções Desenvolvidas: 2.1 SECÇÃO DE APOIO AGRÍCOLA A A.D.R.L. manteve o protocolo com a Cooperativa Agrícola de Coimbra, a fim de poder apoiar os seus associados no fornecimento de adubos. Responsável: Joaquim NETO

5 2.2. SECÇÃO DE APOIO À COMUNIDADE ACTIVIDADES DESENVOLVIDAS Ginástica de manutenção Mensalmente Avaliação da tensão arterial Anualmente Projecto Loureiro activo é com saúde Festa de Natal Pontualmente Curso de Reconhecimento, validação e certificação de competências 12º Ano (R.V.C.C.) Responsável: Cláudia OLIVEIRA

6 AVALIAÇÃO DA TENSÃO ARTERIAL Medição da tensão arterial no último domingo de cada mês a todos os interessados. Responsável: Cláudia OLIVEIRA ADRL-Relatório de Actividades 2009

7 LOUREIRO ACTIVO É COM SAÚDE Avaliação: - Tensão Arterial - Glicemia - Índice de massa corporal Controles Efectuados ( Sexo F. = 64 / Sexo M. = 46 ) Menos de 20 anos Dos 41 aos 60 anos Dos 21 aos 40 anos Mais de 60 anos Responsável: Cláudia OLIVEIRA

8 FESTA DE NATAL Festa de Natal com distribuição de prendas a todas as crianças até aos 10 anos Responsável: Cláudia OLIVEIRA

9 2.3. SECÇÃO AVENTURA PAINT-BALL - ÍNVIBORA Responsável: João AMADO

10 2.4. SECÇÃO CULTURAL E RECREATIVA Feira de Gastronomia de Cernache Festa de Natal Torneio de Sueca Festa Temática Responsável: Natércia FERREIRA ADRL-Relatório de Actividades 2009

11 II FEIRA DE GASTRONOMIA DE CERNACHE Responsável: Natércia FERREIRA

12 FESTA DE NATAL Teatro O Capuchinho Vermelho e o Segredo de Família Os Ídolos do Rural Responsável: Natércia FERREIRA

13 2.5. SECÇÃO DESPORTIVA Organização do Torneio de Futebol de Cinco Responsável: José VICENTE

14 2.6. SECÇÃO DE FEIRA A A.D.R.L. manteve a abertura mensal (no último domingo de cada mês) das 07 às 13 horas, com 4 equipas de trabalho. Equipa Nº 1 Equipa Nº 2 Equipa Nº 3 Equipa Nº 4 António Pedro Saúl Meneses Nuno Rodrigues Paulo Rajado Joaquim Neto José Adelino Marco Ferreira Paulo Amado Arménio de Oliveira Luís Amado Eduardo Pedroso Victor Vicente José Guiné José Bicho Narcindo Cunha Celestino Vicente Responsável: Marco FERREIRA

15 2.7. SECÇÃO DE OBRAS E MELHORAMENTOS Parque Desportivo: ACÇÕES DESENVOLVIDAS - Restabelecimento da Energia Eléctrica para Obras; - Execução dos trabalhos de alteração de arquitectura nos sanitários públicos; - Construção de muro de vedação de terreno e suporte de terras. Responsável: Paulo AMADO

16 Candidatura ao IDP OBRAS E MELHORAMENTOS Responsável: Paulo AMADO

17 Instalação Electrica & Pintura OBRAS E MELHORAMENTOS Responsável: Paulo AMADO

18 Muro de Vedação OBRAS E MELHORAMENTOS Responsável: Paulo AMADO

19 OBRAS E MELHORAMENTOS Caldeira para aquecimento de águas sanitárias Responsável: Paulo AMADO

20 Divisórias fixas entre urinóis OBRAS E MELHORAMENTOS Responsável: Paulo AMADO

21 OBRAS E MELHORAMENTOS Prolongamento da rede pública de drenagem de águas residuais Responsável: Paulo AMADO

22 OBRAS E MELHORAMENTOS Prolongamento da rede pública de drenagem de águas residuais Responsável: Paulo AMADO

23 OBRAS E MELHORAMENTOS Colocação de postes em cimento para iluminação do recinto de jogo Responsável: Paulo AMADO ADRL-Relatório de Actividades 2009

24 3. NOTA FINAL No desenvolvimento do nosso trabalho, os Órgãos Sociais da ADRL, mantiveram contactos regulares com diversas entidades no sentido de solucionarem ou encaminharem diversos assuntos e trabalhos que fizeram e fazem parte da nossa esfera de actuação nomeadamente: - Instituto Português da Juventude - Câmara Municipal - Pelouro da Cultura - Pelouro do Desporto - Departamento de Obras Municipais da CMC - Governo Civil de Coimbra - Executivo da Junta de Freguesia - INATEL

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA E RECREATIVA DO LOUREIRO

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA E RECREATIVA DO LOUREIRO ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA E RECREATIVA DO LOUREIRO PLANO DE ACTIVIDADES ANO DE 2011 Associação Desportiva e Recreativo do Loureiro Canto da rua Loureiro 3040-787 Cernache E-mail adr.loureiro@sapo.pt www.adrloureiro.com

Leia mais

CULTURSOL Apresentação e Plano de Actividades 2010

CULTURSOL Apresentação e Plano de Actividades 2010 CULTURSOL Apresentação e Plano de Actividades 2010 I. APRESENTAÇÃO 2 Objectivos...2 Âmbito de Actuação..3 Projectos para 2010..4 II. PLANO DE ACTIVIDADES PARA 2010.. 5 Actividades de Intervenção Social

Leia mais

E N T I D A D E P L A N O D E A C T I V I D A D E S M U N I C I P A L DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE MONTALEGRE DO ANO 2008

E N T I D A D E P L A N O D E A C T I V I D A D E S M U N I C I P A L DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE MONTALEGRE DO ANO 2008 PÁGINA : 1 1. Funções gerais 1.179.500,00 1.179.500,00 1.179.500,00 1.1. Serviços gerais de 1.080.000,00 1.080.000,00 1.080.000,00 administração pública 1.1.1. Administracao geral 1.080.000,00 1.080.000,00

Leia mais

Praznik Formação Monitores 2016

Praznik Formação Monitores 2016 Praznik Formação Monitores 2016 Índice: 1 Programa 1.1 Objectivos 1.2 A quem se destina 2 O Formando 2.1 Direitos e deveres 2.2 Assiduidade 2.3 Avaliação 3 Plano de Formação 3.1 Áreas de formação e formador

Leia mais

1. Animar Sénior 2 2. Refrescar Sénior 3 3. Movimentar Sénior 4. PROJECTOS SUPRAMUNICIPAIS Cuidar de Quem Cuida e cidades Amigas das Pessoas Idosas 9

1. Animar Sénior 2 2. Refrescar Sénior 3 3. Movimentar Sénior 4. PROJECTOS SUPRAMUNICIPAIS Cuidar de Quem Cuida e cidades Amigas das Pessoas Idosas 9 PLANO DE ACÇÃO DE GERONTOLOGIA 2011 1 ÍNDICE PROJECTOS CONCELHIOS Lazer, Cultura e Desporto 2 1. Animar Sénior 2 2. Refrescar Sénior 3 3. Movimentar Sénior 4 Intergeracionalidade 5 4. Troca de Saberes

Leia mais

PLANO DE PORMENOR DA ÁREA DE EQUIPAMENTOS DA FRENTE MARÍTIMA DA COSTA NOVA - ÍLHAVO

PLANO DE PORMENOR DA ÁREA DE EQUIPAMENTOS DA FRENTE MARÍTIMA DA COSTA NOVA - ÍLHAVO PLANO DE PORMENOR DA ÁREA DE EQUIPAMENTOS DA FRENTE MARÍTIMA DA COSTA NOVA - ÍLHAVO PROGRAMA DE EXECUÇÃO E PLANO DE FINANCIAMENTO janeiro de 2012 ÍNDICE 1 PROGRAMA DE EXECUÇÃO... 3 1.1 IMPLEMENTAÇÃO DO

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE GUADALUPE OPÇÕES DO PLANO ACTIVIDADES PARA ANO 2011

JUNTA DE FREGUESIA DE GUADALUPE OPÇÕES DO PLANO ACTIVIDADES PARA ANO 2011 JUNTA DE FREGUESIA DE GUADALUPE OPÇÕES DO PLANO E ACTIVIDADES PARA ANO 2011 Largo Abel Augusto nº 4 7000-222 Nª. Srª. Guadalupe Tel. 266 781 165 Tel. 266 747 916 Fax : 266 747 917 Email: jfguadalupe@mail.evora.net

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE MANGUALDE PLANO DE ACTIVIDADES

ASSOCIAÇÃO DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE MANGUALDE PLANO DE ACTIVIDADES ASSOCIAÇÃO DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE MANGUALDE PLANO DE ACTIVIDADES 2007 PLANO DE ACTIVIDADES PARA O ANO 2007 INTRODUÇÃO No cumprimento das disposições estatutárias, a Direcção da Associação dos Bombeiros

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 17.386.702,11 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 15.054.941,72 Operações de Tesouraria 2.331.760,39 49.493.536,78 Receitas Correntes 42.907.516,01

Leia mais

Espaço Actual. Proposta

Espaço Actual. Proposta Esta proposta tem como principal objectivo valorizar o Parque Desportivo da Soalheira permitindo instalar nesta zona um novo espaço de desporto, passeio e lazer. O Parque Desportivo, em que esta proposta

Leia mais

Informação Escrita. 1. Actividades de Representação e participação externas

Informação Escrita. 1. Actividades de Representação e participação externas Informação Escrita Nos termos da alínea o) do artº.17º da Lei nº.5-a/2002 de 11 de Janeiro, e no âmbito das suas competências, a Junta de Freguesia de Portimão apresenta à Assembleia de Freguesia, a informação

Leia mais

ASSOCIAÇÃO UNIDOS DE AVIDOS PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO

ASSOCIAÇÃO UNIDOS DE AVIDOS PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO ASSOCIAÇÃO UNIDOS DE AVIDOS PLANO DE ACTIVIDADES E ORÇAMENTO 2014 Índice 1. Introdução...3 2. Direcção (Triénio 2014-2016)...3 3. Relações institucionais...4 4. Objectivos Gerais...4 5. Objectivos por

Leia mais

CLUBE DE EMPREGO SOCIOHABITAFUNCHAL PLANO DE ACTIVIDADES

CLUBE DE EMPREGO SOCIOHABITAFUNCHAL PLANO DE ACTIVIDADES PLANO DE ACTIVIDADES 2010 2011 Identificação Entidade: Sociohabitafunchal, E.M Animadora: Célia Dantas Localização: Centro Cívico de Santo António Designação O Clube de Emprego é um serviço promovido pelo

Leia mais

Última alteração Página 1 de 8

Última alteração Página 1 de 8 01 Despesas com o pessoal * 01 01 Remunerações certas e permanentes * 01 01 01 01 01 02 Órgãos sociais * 01 01 03 Pessoal dos quadros - Regime de função pública * 01 01 04 Pessoal dos quadros - Regime

Leia mais

CONSELHO CONSULTIVO DA JUVENTUDE REGULAMENTO 1º OBJECTIVOS E ENQUADRAMENTO

CONSELHO CONSULTIVO DA JUVENTUDE REGULAMENTO 1º OBJECTIVOS E ENQUADRAMENTO CONSELHO CONSULTIVO DA JUVENTUDE REGULAMENTO 1º OBJECTIVOS E ENQUADRAMENTO Os jovens são considerados como um dos pilares fundamentais para o desenvolvimento de uma política de juventude devidamente estruturada,

Leia mais

Normas de utilização do Pavilhão Desportivo

Normas de utilização do Pavilhão Desportivo CÂMARA MUNICIPAL DE REDONDO Normas de utilização do Pavilhão Desportivo CAPÍTULO I DA ADMINISTRAÇÃO, DO FUNCIONAMENTO, DA UTILIZAÇÃO E DA CEDÊNCIA Artigo 1º. O Pavilhão Desportivo é um meio que tem como

Leia mais

AGENDA UNIÃO CULTURAL DESPORTIVA RECREATIVA

AGENDA UNIÃO CULTURAL DESPORTIVA RECREATIVA 1 TODO O DIA EXIBIÇÃO DE FILMES PARA ESCOLA DO 1º CICLO PADRE MANUEL CASTRO (TODO O DIA) 5 ACTUAÇÃO VÍTOR MANUEL 6 15H00 PARQUE DO CARRIÇAL COMEMORAÇÃO DO DIA DA CRIANÇA (CKSM, APSH, CLUBE BTT MATOSINHOS,

Leia mais

União das Freguesias de Lagoa e Carvoeiro

União das Freguesias de Lagoa e Carvoeiro III Informação do Presidente acerca da sua atividade e da Junta de Freguesia (período compreendido entre 22 de Abril de 2014 e 20 de Junho de 2014) SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS III Informação do Presidente

Leia mais

ORÇAMENTO DE 2007 Receitas/Despesas

ORÇAMENTO DE 2007 Receitas/Despesas CORRENTES 13.767.023,00 CORRENTES 13.767.023,00 01 Impostos directos 3.742.060,00 01 Despesas com o pessoal 6.715.760,00 01.02 Outros 3.742.060,00 01.01 Remunerações certas e permanentes 5.503.000,00 01.02.02

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 342.505,09 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 291.458,83 Operações de Tesouraria 51.046,26 13.407.175,15 Receitas Correntes 7.217.689,82 01 Impostos

Leia mais

E N T I D A D E DATA : 2014/03/31 EXECUÇÃO DO PLANO DE ACTIVIDADES MUNICIPAL ANO CONTABILÍSTICO 2013 MUNICIPIO DE BEJA HORA : 09:47:45

E N T I D A D E DATA : 2014/03/31 EXECUÇÃO DO PLANO DE ACTIVIDADES MUNICIPAL ANO CONTABILÍSTICO 2013 MUNICIPIO DE BEJA HORA : 09:47:45 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2013/12/31 Pagina : 1 1. Funções gerais 692.793,77 700.893,77 502.238,97 494.714,37 442.264,06 425.619,24 425.619,24 198.654,80 69.095,13 60.73 60.73 100.00 1.1. Serviços gerais

Leia mais

BISCOITOS FREGUESIA EM MOVIMENTO

BISCOITOS FREGUESIA EM MOVIMENTO Localiza-se entre o parque de estacionamento da Piscina e a Fonte das Pombas. Terá a largura de 2,50m, numa extensão ligeiramente superior a 1Km. Com pequenas bolsas para descanso e estacionamento, incluirá

Leia mais

União das Freguesias de Lagoa e Carvoeiro

União das Freguesias de Lagoa e Carvoeiro I Informação do Presidente acerca da sua atividade e da Junta de Freguesia (período compreendido entre 28 de Dezembro de 2013 e 22 de Abril de 2014) SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS Atendimento dos fregueses duas

Leia mais

Iluminação Pública e Sistema de Gestão de Energia

Iluminação Pública e Sistema de Gestão de Energia Iluminação Pública e Sistema de Gestão de Energia 14 Março 2006 Auditório da Câmara Municipal de Mirandela Vítor Lopes EDV ENERGIA Agência de Energia do Entre o Douro e Vouga Região constituída por 5 municípios:

Leia mais

PONTO 1 APROVAÇÃO DA ACTA DA REUNIÃO ANTERIOR...

PONTO 1 APROVAÇÃO DA ACTA DA REUNIÃO ANTERIOR... PONTO 1 APROVAÇÃO DA ACTA DA REUNIÃO ANTERIOR.... PONTO 2 PERÍODO DE ANTES DA ORDEM DO DIA ASSUNTOS DE INTERESSE CONCELHIO... Reunião de Câmara de 14.04 09 1 6 PONTO 3 RELATÓRIO DE GESTÃO DE 2008,, DOCUMENTOS

Leia mais

Município de Tábua - Câmara Municipal

Município de Tábua - Câmara Municipal (6)=+- 01 Administração Autárquica 1.609.831,55.44.563,03 1.00.450,30 13.653.944,8 0101 Assembleia Municipal 30.319, 30.319, 0101 DESPESAS CORRENTES 30.319, 30.319, 010101 s com o pessoal 6.69, 6.69, 0101010

Leia mais

F L U X O S D E C A I X A ANO 2006 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S

F L U X O S D E C A I X A ANO 2006 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 809.124,29 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 550.398,68 OPERAÇÕES DE TESOURARIA... 258.725,61 RECEITAS ORÇAMENTAIS...

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO DO AGRUPAMENTO VERTICAL IRENE LISBOA

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO DO AGRUPAMENTO VERTICAL IRENE LISBOA RELATÓRIO DE ACTIVIDADE ANO LECTIVO 2012/2013 Porto, 16 de Dezembro de 2013 A. Órgãos Sociais B. Órgãos Sociais / Núcleos C. Pais Representantes no Conselho Geral Transitório D. Pais Representantes no

Leia mais

DESIGNAÇÃO DESPESAS CORRENTES. Titulares de órgãos de soberania e membros de órgãos autárquicos *

DESIGNAÇÃO DESPESAS CORRENTES. Titulares de órgãos de soberania e membros de órgãos autárquicos * DESPESAS CORRENTES 01 Despesas com o pessoal * 01 01 Remunerações certas e permanentes * 01 01 01 01 01 02 Órgãos sociais * Titulares de órgãos de soberania e membros de órgãos autárquicos * 01 01 03 Pessoal

Leia mais

Plano Anual de Actividades Associação Cultural e Desportiva do Clã de Vilar Formoso

Plano Anual de Actividades Associação Cultural e Desportiva do Clã de Vilar Formoso 2010 Plano Anual de Actividades Janeiro de 2010 Página 0 de 9 Índice Resumo e Calendarização do Plano Anual 2010... 2 Actividades... 4 Carnaval Rural... 4 Torneio de Futsal de Páscoa... 4 FotoGame... 5

Leia mais

EXECUTIVO MUNICIPAL

EXECUTIVO MUNICIPAL EXECUTIVO MUNICIPAL 2009-2013 Presidente da Câmara Municipal de Sintra FERNANDO Jorge Loureiro de Roboredo SEARA COLIGAÇÃO "MAIS SINTRA" Departamento de Planeamento Urbano e Departamento de Urbanismo Departamento

Leia mais

18º TORNEIO CONCELHIO DE FUTSAL SUB-13 GONDOMAR 2015

18º TORNEIO CONCELHIO DE FUTSAL SUB-13 GONDOMAR 2015 A Escola Desportiva e Cultural de Gondomar vai, uma vez mais e pelo 18º ano consecutivo, em colaboração com a Câmara Municipal de Gondomar, levar a efeito o 18º. Torneio Concelhio de Futsal Sub-13 (Jovens

Leia mais

1ª Revisão Orçamental ao Orçamento 2007

1ª Revisão Orçamental ao Orçamento 2007 1ª Revisão Orçamental ao Orçamento Construir com e para os Marvilenses uma freguesia de futuro Proposta para aprovação em Assembleia de Freguesia de 31 de Maio de. Ilustres membros da Assembleia de Freguesia,

Leia mais

Plano de Ação Plano de Ação 2012

Plano de Ação Plano de Ação 2012 Plano de Ação PLANO DE AÇÃO DOCUMENTO ELABORADO PELO: da Rede Social do Concelho do CONTACTOS: Câmara Municipal do Rede Social do Concelho do Av. Dr. Francisco Sá Carneiro 2550-103 Tel. 262 690 100/262

Leia mais

PLANO DE ACTIVIDADES ANO SOCIAL 2008/2009

PLANO DE ACTIVIDADES ANO SOCIAL 2008/2009 PLANO DE ACTIVIDADES ANO SOCIAL 2008/2009 As associações de pais visam a defesa e a promoção dos interesses dos seus associados em tudo quanto respeita à educação e ensino dos seus filhos e educandos que

Leia mais

INSTALAÇÕES DESPORTIVAS

INSTALAÇÕES DESPORTIVAS INSTALAÇÕES DESPORTIVAS Lei nº 5/2007 de 16 de Janeiro Lei de Bases da Actividade Física e do Desporto Artigo 8º Política de infra-estruturas e equipamentos desportivos 1 O Estado, desenvolve uma política

Leia mais

Praznik Formação Monitores 2017

Praznik Formação Monitores 2017 Praznik Formação Monitores 2017 Índice: 1 Programa 1.1 Objectivos 1.2 A quem se destina 2 O Formando 2.1 Direitos e deveres 2.2 Assiduidade 2.3 Avaliação 3 Plano de Formação 3.1 Áreas de formação e formador

Leia mais

Associação de Moradores do Bairro das Calvanas PLANO DE ACTIVIDADES

Associação de Moradores do Bairro das Calvanas PLANO DE ACTIVIDADES PLANO DE ACTIVIDADES 2012 INTRODUÇÃO O ano de 2011 foi extremamente proveitoso para a Associação de Moradores de Calvanas (AMC) e, nesse sentido, foi possível terminar a primeira fase das obras referentes

Leia mais

PROTOCOLO Setúbal, 15 de Fevereiro de 2006

PROTOCOLO Setúbal, 15 de Fevereiro de 2006 PROTOCOLO Setúbal, 15 de Fevereiro de 2006 I Introdução A ACADEMIA MORANGOS é uma marca nacional de Academias Infantis. Através de espaços pensados especialmente para crianças dos 4 aos 12 anos, dotados

Leia mais

ENTIDADE ORÇAMENTO DA DESPESA DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE MONTALEGRE ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2008

ENTIDADE ORÇAMENTO DA DESPESA DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE MONTALEGRE ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2008 ENTIDADE ORÇAMENTO DA DESPESA DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE MONTALEGRE ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2008 PÁGINA : 1 01 ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL 1.431.200,00 01.01 ASSEMBLEIA MUNICIPAL

Leia mais

PROJECTO DE REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE APOIOS PARA ACÇÕES PEDAGÓGICO - CULTURAIS

PROJECTO DE REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE APOIOS PARA ACÇÕES PEDAGÓGICO - CULTURAIS PROJECTO DE REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE APOIOS PARA ACÇÕES PEDAGÓGICO - CULTURAIS CAPÍTULO I GENERALIDADES ARTIGO 1º (DEFINIÇÕES ) O presente Regulamento, disciplina a concessão de apoios a prestar, pelas

Leia mais

PLANO DE ACTIVIDADES PARA O ANO FINANCEIRO DE 2007

PLANO DE ACTIVIDADES PARA O ANO FINANCEIRO DE 2007 PARA O ANO FINANCEIRO 2007 SCRIÇÃO DA CLASSIFICAÇÃO FINIDA 01 EDUCAÇÃO 01 01 EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR 01 02 ENSINO BÁSICO - 1º CICLO DO PROGRAMA 01 0 0 0 56 Refeitórios escolares 0701-020104/05/06-04050102-040701-05010102

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO. Introdução

RELATÓRIO DE GESTÃO. Introdução RELATÓRIO DE GESTÃO Introdução O relatório de gestão enquadra-se no âmbito da prestação de contas relativa ao exercício de 2010 e foi elaborado de acordo com os procedimentos estabelecidos no Plano Oficial

Leia mais

ACTIVIDADES DESPORTIVAS E CULTURAIS

ACTIVIDADES DESPORTIVAS E CULTURAIS ACTIVIDADES DESPORTIVAS E CULTURAIS As obras no âmbito da Candidatura Cidade Para Todos vão ter início no mês de Outubro. De modo a assinalar o arranque das intervenções e informar a população sobre o

Leia mais

ENTIDADE JF AVINTES - JUNTA DE FREGUESIA DE AVINTES ANO 2006 PAG. 1

ENTIDADE JF AVINTES - JUNTA DE FREGUESIA DE AVINTES ANO 2006 PAG. 1 PAG. 1 01 ORGÃOS DA AUTARQUIA 0102 ASSEMBLEIA DE FREGUESIA 010204 Ajudas de custo 100,00 100,00 100,00 010213 Outros suplementos e prémios 2.100,00 1.076,40 1.076,40 1.076,40 1.023,60 1.023,60 51.26 010309

Leia mais

Apresentação: Objecto social: Visão, Missão e valores:

Apresentação: Objecto social: Visão, Missão e valores: Apresentação: A RUTIS (Associação Rede de Universidades da Terceira Idade) é uma Instituição Particular de Solidariedade Social e de Utilidade Pública de apoio à comunidade e aos seniores, de âmbito nacional

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE SÃO JACINTO

JUNTA DE FREGUESIA DE SÃO JACINTO 1 Acta nº 06/2007 JUNTA DE FREGUESIA DE SÃO JACINTO Acta da Reunião ordinária de 26 de Abril de 2007 -------No dia vinte e seis de Abril de dois mil e sete, nesta freguesia de São Jacinto, edifício da

Leia mais

PROCESSO DE CANDIDATURA À LICENCIATURA EM ARQUITECTURA NA UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA

PROCESSO DE CANDIDATURA À LICENCIATURA EM ARQUITECTURA NA UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA PROCESSO DE CANDIDATURA À LICENCIATURA EM ARQUITECTURA NA UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA CURRICULUM PROFISSIONAL DE. (Nome) Bacharel ou Licenciado em Engenharia Civil ÍNDICE 1. DADOS BIOGRÁFICOS 2. GRAU

Leia mais

Câmara Municipal de Elvas. Plano de Acção. Conselho Local de Acção Social de Elvas

Câmara Municipal de Elvas. Plano de Acção. Conselho Local de Acção Social de Elvas Câmara Municipal de Elvas Plano de Acção 2007 Julho de 2006 Conselho Local de Acção Social de Elvas PROGRAMA REDE SOCIAL Co-financiado pelo Estado Português, Ministério da Segurança Social PLANO DE ACÇÃO

Leia mais

Câmara Municipal de Grândola Divisão de Desenvolvimento Social Setor de Envelhecimento Ativo Programa Viver Solidário

Câmara Municipal de Grândola Divisão de Desenvolvimento Social Setor de Envelhecimento Ativo Programa Viver Solidário Câmara Municipal de Divisão de Desenvolvimento Social Setor de Envelhecimento Ativo Programa Viver Solidário De Janeiro a Dezembro de 2013 1 1. Breve Caracterização do Programa Viver Solidário : O Programa

Leia mais

41º Aniversário do 25 de Abril PROGRAMA GERAL

41º Aniversário do 25 de Abril PROGRAMA GERAL 41º Aniversário do 25 de Abril 1974-2015 PROGRAMA GERAL Dia 01 /Qua. 09:30 - Férias Equestres Até 20 de Abril Inscrições e informações - contacto: 966 114 787 Público dos 6 aos 18 anos I Aljustrel - Picadeiro

Leia mais

Cooperação LEADER Balanço e Perspetivas de Futuro

Cooperação LEADER Balanço e Perspetivas de Futuro Cooperação LEADER Balanço e Perspetivas de Futuro Fatores facilitadores, condicionantes, boas práticas, e o seu contributo para o desenvolvimento dos territórios. 1 - OBJECTIVOS DA ELD DO RIBATEJO NORTE

Leia mais

NIPC código postal - localidade. data da fundação número de identificação bancária (NIB) série data. telefone. telefone. telefone. telefone.

NIPC código postal - localidade. data da fundação número de identificação bancária (NIB) série data. telefone. telefone. telefone. telefone. DIVISÃO DE EDUCAÇÃO CULTURA E DESPORTO inquérito às associações gabinete de apoio ao associativismo data 01 CARACTERIZAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO / COLETIVIDADE designação morada / sede freguesia localidade NIPC

Leia mais

Plano de actividades e Orçamento para 2011

Plano de actividades e Orçamento para 2011 Plano de actividades e Orçamento para 2011 Sumário Actualização da quota Acções estratégicas Plano de actividades para 2011 Receitas previsionais Aplicação das receitas Donativos (não orçamentados) Actualização

Leia mais

Plano Estratégico para a Terceira Idade do Concelho de Santa Maria da Feira ( ) Programa

Plano Estratégico para a Terceira Idade do Concelho de Santa Maria da Feira ( ) Programa Seminário: Os desafios do Envelhecimento Activo Inovar no presente e planear o futuro Plano Estratégico para a Terceira Idade do Concelho de Santa Maria da Feira (2008-2011) Programa e-mili@ Cristina Ribeiro

Leia mais

CANDIDATURA AO PROGRAMA

CANDIDATURA AO PROGRAMA CANDIDATURA AO PROGRAMA CIDADES AMIGAS DAS CRIANÇAS Modelo de Caracterização do Município O documento deve ser preenchido em PDF, utilizando a funcionalidade de preenchimento de campos do presente formulário.

Leia mais

ORÇAMENTO DA RECEITA

ORÇAMENTO DA RECEITA Código ORÇAMENTO DA RECEITA Designação Ano : 24 Montante RECEITAS CORRENTES Impostos directos 28.500,00 02 Outros 28.500,00 02 02 Imposto Municipal sobre imoveis 28.500,00 02 Impostos indirectos 62.500,00

Leia mais

no Outras Entidades Cofinanciamento Município de Ribeira de Pena 2º Semestre 1º Semestre

no Outras Entidades Cofinanciamento Município de Ribeira de Pena 2º Semestre 1º Semestre MECANISMO DE FINANCIAMENTO Programa Operacional Regional do Norte ON.2, DESIGNAÇÃO DA OPERAÇÃO NORTE-10-0156-FEDER-000132 - Rede Desportiva de Ribeira de Pena- Requalificação do pavilhão Municipal EIO

Leia mais

DIREÇÃO DE SERVIÇOS DO DESPORTO ESCOLAR

DIREÇÃO DE SERVIÇOS DO DESPORTO ESCOLAR DIREÇÃO DE SERVIÇOS DO DESPORTO ESCOLAR 1 INTRODUÇÃO O Desporto Escolar (DE) tem de ser entendido como uma responsabilidade da comunidade escolar e é à escola, que compete criar as condições necessárias

Leia mais

MINUTA DA ACTA Nº 1/2010

MINUTA DA ACTA Nº 1/2010 1 MINUTA DA ACTA Nº 1/2010 ---- Reunião Ordinária de 4 de Janeiro de 2010 no Auditório da Câmara Municipal ----- ---- Hora de abertura da reunião: 15 horas -------------------------------------------------

Leia mais

ANTES DA ORDEM DO DIA

ANTES DA ORDEM DO DIA Agenda da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Lamego "Sexta-Feira, 17 de julho de 2015" ANTES DA ORDEM DO DIA 01- Listagem mensal das despesas e ordens de pagamento autorizados em junho/2015 Informação

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 674.613,26 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 268.351,04 Operações de Tesouraria 406.262,22 12.859.762,56 Receitas Correntes 9.296.958,84 01 Impostos

Leia mais

Programa Oficial. Introdução. Recinto

Programa Oficial. Introdução. Recinto Introdução O Instituto Português do Sangue, IP (IPS) no âmbito do evento alusivo ao Dia Mundial do Dador de Sangue (DMDS) e das comemorações do seu 50º Aniversário, desenvolveu um programa alargado com

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO VALE DE OVIL. Plano de Actividades /

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO VALE DE OVIL. Plano de Actividades / ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO VALE DE OVIL Plano de Actividades 2013-14 / 2015-16 ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUC AÇÃO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO VALE

Leia mais

Plano anual de atividades

Plano anual de atividades Plano anual de atividades Ano lectivo: 2014-2015 A Direção Pedagógica da Escola Profissional de Tecnologia e Eletrónica ESTEL, perseguindo o seu objetivo fundamental de contribuir para a educação, formação

Leia mais

CARTA DO DESPORTO DO CONCELHO DE PONTA DELGADA. CÂMARA MUNICIPAL DE PONTA DELGADA Dezembro de 2007

CARTA DO DESPORTO DO CONCELHO DE PONTA DELGADA. CÂMARA MUNICIPAL DE PONTA DELGADA Dezembro de 2007 CARTA DO DESPORTO DO CONCELHO DE PONTA DELGADA CÂMARA MUNICIPAL DE PONTA DELGADA Dezembro de 2007 INDICE NOTA INTRODUTÓRIA METODOLOGIA APRESENTAÇÃO DO CONCELHO DE PONTA DELGADA Geografia... 2 Mapa do Concelho...

Leia mais

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS CÂMARA MUNICIPAL DO / SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE TRANSPORTES COLECTIVOS DO RECEBIMENTOS Saldo da gerência anterior 2.164.836,98 Execução Orçamental 1.506.708,02 Operações de Tesouraria 658.128,96 Total

Leia mais

Fluxos de Caixa SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR 5.317,21 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,72 DESPESAS ORÇAMENTAIS ,33. Receitas Correntes

Fluxos de Caixa SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR 5.317,21 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,72 DESPESAS ORÇAMENTAIS ,33. Receitas Correntes SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR 5.317,21 Execução Orçamental 4.566,90 Operações de tesouraria 750,31 Pág.: 1 RECEITAS ORÇAMENTAIS 233.046,72 DESPESAS ORÇAMENTAIS 229.148,33 01 Impostos directos 01.02 Outros

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.082.354,28 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 521.480,07 Operações de Tesouraria 560.874,21 10.258.992,46 Receitas Correntes 8.628.274,56 01 Impostos

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.671.626,66 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 1.541.850,60 Operações de Tesouraria 129.776,06 19.053.938,41 Receitas Correntes 8.176.200,31 01

Leia mais

BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014

BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014 BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014 1.º PERÍODO Elaboramos e distribuímos o Jornal da Associação de Pais; Dinamizamos o protocolo com a Casa da Luz, que permite aos alunos dos 2.º e 4.º ano, usufruírem

Leia mais

Projecto de Regulamento de Apoio a Associações. Juvenis, Associações de Estudantes e Grupo de. Jovens do Concelho de Vila Nova de Famalicão

Projecto de Regulamento de Apoio a Associações. Juvenis, Associações de Estudantes e Grupo de. Jovens do Concelho de Vila Nova de Famalicão Projecto de Regulamento de Apoio a Associações Juvenis, Associações de Estudantes e Grupo de Jovens do Concelho de Vila Nova de Famalicão Preâmbulo Capítulo I -Definições e Objectivos Artigo 1.º - Definição

Leia mais

REDE SOCIAL DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO PLANO DE ACÇÃO PARA 2010

REDE SOCIAL DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO PLANO DE ACÇÃO PARA 2010 REDE SOCIAL DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO PLANO DE ACÇÃO PARA 2010 EIXO I Promoção da Inclusão das famílias com especial enfoque às necessidades dos idosos OBJECTIVO GERAL Melhorar as condições de vida de

Leia mais

Seminário Rugby Juvenil

Seminário Rugby Juvenil Seminário Rugby Juvenil Lisboa, 29 Outubro 2005 Escola de Rugby Projecto Operacional Formar e competir, sem formação todos os projectos futuros serão postos em causa. Sem competição não poderá haver progresso

Leia mais

- vila do porto freguesia

- vila do porto freguesia www.facebook.com - vila do porto freguesia RELATÓRIO DE ACTIVIDADES 2011 De acordo com a alínea o) do nº1 do art.º 17º da Lei nº 169/99 de 18 de Setembro, com as alterações introduzidas pela Lei nº 5-A/2002

Leia mais

M U N I C Í P I O D E C Â M A R A D E L O B O S C Â M A R A M U N I C I P A L

M U N I C Í P I O D E C Â M A R A D E L O B O S C Â M A R A M U N I C I P A L 75 54 M U N I C Í P I O D E C Â M A R A D E L O B O S ---------------------------- ACTA NÚMERO 24/2011 --------------------------- ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE CÂMARA DE LOBOS REALIZADA

Leia mais

EDITAL N.º ED.AG DELIBERAÇÕES DA DÉCIMA SEGUNDA REUNIÃO ORDINÁRIA E PÚBLICA DA CÂMARA MUNICIPAL

EDITAL N.º ED.AG DELIBERAÇÕES DA DÉCIMA SEGUNDA REUNIÃO ORDINÁRIA E PÚBLICA DA CÂMARA MUNICIPAL EDITAL N.º 0033.08.ED.AG DELIBERAÇÕES DA DÉCIMA SEGUNDA REUNIÃO ORDINÁRIA E PÚBLICA DA Para efeitos do disposto no artigo 91º, da Lei 169/99, de 18 de Setembro, com as alterações e revogações introduzidas

Leia mais

PROTOCOLO. Colaboração entre o Município de Setúbal e Núcleo de Bicross de Setúbal

PROTOCOLO. Colaboração entre o Município de Setúbal e Núcleo de Bicross de Setúbal PROTOCOLO Colaboração entre o Município de Setúbal e Núcleo de Bicross de Setúbal Entre A Câmara Municipal de Setúbal, adiante designada por CMS, na qualidade de 1.º Outorgante, representada pela Presidente,

Leia mais

Reunião Conselho Municipal de Educação 1 Julho 2011, às 18h00

Reunião Conselho Municipal de Educação 1 Julho 2011, às 18h00 Reunião Conselho Municipal de Educação 1 Julho 2011, às 18h00 Ordem de Trabalhos 1. Aprovação da Acta nº 12 da reunião de 23 de Março 2011 2. Informações sobre o Sistema Educativo Local a) Direcção Regional

Leia mais

Programa 2013 FICHA DE CANDIDATURA. Refª: 092 Escolinha Crescer na Maior

Programa 2013 FICHA DE CANDIDATURA. Refª: 092 Escolinha Crescer na Maior Programa 2013 FICHA DE CANDIDATURA Refª: 092 Escolinha Crescer na Maior Grupo de Trabalho dos Bairros e Zonas de Intervenção Prioritária (BIP/ZIP) Rua Nova do Almada, nº 2-3º Andar 1100-060 Lisboa Telefone:

Leia mais

TORNEIOS DESPORTIVOS INTER-ESCOLAS SECUNDÁRIAS DO CONCELHO DE MATOSINHOS

TORNEIOS DESPORTIVOS INTER-ESCOLAS SECUNDÁRIAS DO CONCELHO DE MATOSINHOS TORNEIOS DESPORTIVOS INTER-ESCOLAS SECUNDÁRIAS DO CONCELHO DE MATOSINHOS PLANO COMUM DE ACTIVIDADES DESPORTIVAS Escola Secundária Abel Salazar Escola Secundária Augusto Gomes Escola Secundária Boa Nova

Leia mais

[Título do documento] [Escrever o subtítulo do documento] [Escolher a data] [Escrever o nome da empresa] Vitor

[Título do documento] [Escrever o subtítulo do documento] [Escolher a data] [Escrever o nome da empresa] Vitor [Título do documento] [Escrever o subtítulo do documento] [Escolher a data] [Escrever o nome da empresa] Vitor ACTIVIDADES PARA 2015 VÍTOR RESSURREIÇÃO Email. vitoressurreicao@gmail.com Telem: (+351) 916303334

Leia mais

DATA ATIVIDADE TIPO DE ATIVIDADE LOCAL

DATA ATIVIDADE TIPO DE ATIVIDADE LOCAL Janeiro Todo o mês Preparação para o carnaval Artística Lar (jardim de inverno) e Centro de Dia 29 (6ª feira) Festa mensal de confraternização com a apresentação do grupo coral e grupo de teatro Fevereiro

Leia mais

1.1 Enquadramento da pretensão nos planos municipais e especiais de ordenamento do território vigente

1.1 Enquadramento da pretensão nos planos municipais e especiais de ordenamento do território vigente 1. Existente - Descrição e justificação 1.1 Enquadramento da pretensão nos planos municipais e especiais de ordenamento do território vigente O arruamento é caraterizado na rede viária do Plano Diretor

Leia mais

VOLEIBOL SENTADO. Associação Salvador e Voleibol Sentado 20 setembro 2015

VOLEIBOL SENTADO. Associação Salvador e Voleibol Sentado 20 setembro 2015 VOLEIBOL SENTADO Actividades - Ano 2015 Associação Salvador e 20 setembro 2015 14 O foi uma das modalidades que contribuiu, com a sua ação de divulgação e promoção, para o sucesso do Dia do Desporto Adaptado,

Leia mais

Apresentação. Tu és uma estrela!

Apresentação. Tu és uma estrela! Apresentação Programa Tu és uma estrela! Fundação de Solidariedade Social Aragão Pinto IPSS Pontos da Apresentação Fundação de Solidariedade Social Aragão Pinto Programa Tu és uma estrela! Conceitos Parceiro

Leia mais

RESUMO DE APOIOS ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO ÉPOCA 2013/2014

RESUMO DE APOIOS ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO ÉPOCA 2013/2014 RESUMO DE APOIOS ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO ÉPOCA 2013/2014 Câmara Municipal de Cascais Departamento de Educação e Desporto Divisão de Desporto Rua José Joaquim de Freitas 2 2750-404 Cascais t. 214815530/31

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae Europass-Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada Correio(s) electrónico(s) Maria Neves Rua do Passal, Nº 46, 1º D, 9500-096 Ponta Delgada Telemóvel 936602762 / 926592751

Leia mais

ÍNDICE. Sistema de Certificação Energética. Revisão da Legislação. Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação

ÍNDICE. Sistema de Certificação Energética. Revisão da Legislação. Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação Edifícios Sustentáveis. A importância da legislação Congresso LiderA 2011 IST Lisboa, 25 e 26 de Maio de 2011 ADENE Agência para a Energia Nuno Baptista sce@adene.pt ÍNDICE Sistema de Certificação Evolução

Leia mais

Freguesia de Requeixo, Nª Sra de Fátima e Nariz. Relatório de atividades a apresentar na reunião Ordinária de Assembleia de Freguesia a 30 de Junho

Freguesia de Requeixo, Nª Sra de Fátima e Nariz. Relatório de atividades a apresentar na reunião Ordinária de Assembleia de Freguesia a 30 de Junho Relatório de atividades a apresentar na reunião Ordinária de Assembleia de Freguesia a 30 de Junho (Período de Maio a Junho de 2015) Ex.ma Srª Presidente, Ex.mos Senhores Membros da Assembleia de Freguesia,

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE REDONDO

CÂMARA MUNICIPAL DE REDONDO CÂMARA MUNICIPAL DE REDONDO Normas de utilização do Pavilhão Desportivo CAPÍTULO I DA ADMINISTRAÇÃO, DO FUNCIONAMENTO, DA UTILIZAÇÃO E DA CEDÊNCIA Artigo 1º. O Pavilhão Desportivo é um meio que tem como

Leia mais

Municipio de Alcácer do Sal Resumo da Despesa por Classificação Económica (2013)

Municipio de Alcácer do Sal Resumo da Despesa por Classificação Económica (2013) 01 Despesas com o pessoal 6.392.932,56 0101 Remunerações certas e permanentes 4.901.979,56 010101 Titulares órgãos soberania e memb. órgãos autárq. 152.035,00 010104 Pessoal quadros-regime contrato individ.

Leia mais

ENTIDADE M A P A G E R A L D E B E N S I M Ó V E I S - Com Localização e Importâncias Data : 2014/04/04 MUN ESTARREJA Ano : Página: 1

ENTIDADE M A P A G E R A L D E B E N S I M Ó V E I S - Com Localização e Importâncias Data : 2014/04/04 MUN ESTARREJA Ano : Página: 1 Página: 1 301 01 02 74086 2 070101 42.1 AQUISIÇÃO PRÉDIO P/ECO-PARQUE EMPRESARIAL 2013/02/28 20100 8401 Eco-Parque - 3.458,00 3.458,00 3.458,00 3.458,00 301 02 04 74914 2 07010305 42.2.1.06 Proj.55/2009

Leia mais

DATA ATIVIDADE TIPO DE ATIVIDADE LOCAL

DATA ATIVIDADE TIPO DE ATIVIDADE LOCAL Janeiro Todo o mês Preparação para o carnaval Artística Lar (jardim de inverno) e Centro de Dia 27 (6ª feira) Festa mensal de confraternização com a apresentação do grupo coral e grupo de teatro PPCC.080.0

Leia mais

TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO PROGRAMA DE FORMAÇÃO-ACÇÃO PARA PME Matriz Referencial de Análise das Entidades Beneficiárias Critérios de selecção

TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO PROGRAMA DE FORMAÇÃO-ACÇÃO PARA PME Matriz Referencial de Análise das Entidades Beneficiárias Critérios de selecção TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO 3.1.1.PROGRAMA DE FORMAÇÃO-ACÇÃO PARA PME Matriz Referencial de Análise das Entidades Beneficiárias Critérios de selecção Parte A - da Entidade Beneficiária Valorização Pontuação

Leia mais

Comissão de Atletas Olímpicos

Comissão de Atletas Olímpicos Comissão de Atletas Olímpicos Semana Olímpica 2010 O Projecto Para Todos Para os Atletas Operacionalização Contactos Semana Olímpica Complexo Desportivo do Jamor Semana Olímpica Escolas e comunidade em

Leia mais

ACTA 23/2005 Reunião Extraordinária de 08 de Novembro de 2005

ACTA 23/2005 Reunião Extraordinária de 08 de Novembro de 2005 Início da reunião: 20,30 horas Términus da reunião: 23,30 horas Membros da Câmara Municipal que compareceram à reunião: Presidente: José Manuel Dias Custódio Vereadores: Raul Jorge Morais Leitão João Duarte

Leia mais

PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005

PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005 PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005 O ano de 2005 é o último ano de vigência do I Plano Estratégico para o Desenvolvimento da. Assim sendo, este Plano de Acção constitui, de certa forma, o encerrar de um ciclo

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONTALEGRE

MUNICÍPIO DE MONTALEGRE MUNICÍPIO DE MONTALEGRE CÃMARA MUNICIPAL N.I.P.0 506 149 811 EDITAL N 0212012/DAGF Regulamento de Apoio a Iniciativas Sociais, Culturais, Recreativas, Educativas, Humanitárias, Desportivas, Cooperativas

Leia mais

04 Abril 05 Maio 06 Junho acontece

04 Abril 05 Maio 06 Junho acontece 04 Abril 05 Maio 06 Junho 2010 acontece 2 Armamar acontece ABrIl/MAIO/JuNhO 3 04 Abril 05 Maio 06 Junho Durante o mês de Abril A campanha Pão com Memória, integrada nas comemorações do Aniversário do Ilustre

Leia mais