AÇÃO TODO. CMA Mail - Soluções de Marketing Direto Corporativo COM UMA VOCÊ PODE ATINGIR O MERCADO. Solicite uma demonstração

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AÇÃO TODO. CMA Mail - Soluções de Marketing Direto Corporativo COM UMA VOCÊ PODE ATINGIR O MERCADO. Solicite uma demonstração"

Transcrição

1

2 COM UMA AÇÃO VOCÊ PODE ATINGIR TODO O MERCADO CMA Mail - Soluções de Marketing Direto Corporativo Sistema de e fax marketing que permite realizar campanhas comerciais e promocionais, ações de relacionamento e pesquisas interativas, com ampla mensuração de resultados, total privacidade e sigilo das informações. As ferramentas desenvolvidas internamente e a infraestrutura de datacenter própria garantem a agilidade e qualidade dos serviços prestados, gerando maior efetividade na entrega de mensagens e retorno para suas campanhas. Entrega rápida com tratamento em escala Serviços especializados e com foco em ações corporativas Solução customizada que pode ser integrada aos sistemas CRM e legados dos clientes Pesquisas online com planilhamento de respostas segmentadas Solicite uma demonstração Tel: (11) / Agende uma demonstração Tel: (11) / Empresa filiada à ABEMD - Associação Brasileira de Marketing Direto

3 Carta ao leitor V V V O morreu! Nos últimos tempos, ouvimos e lemos várias matérias que adotaram esse tom dramático para falar dessa ferramenta que nasceu com a internet. É até natural que tivesse sido assim, pois estamos presenciando a evolução vertiginosa das redes sociais, o que induziu muitos veículos a essa conclusão, pois deduziram eles que o relacionamento entre as pessoas deixaria de ser feito pelo . Porém, quem assistiu ao Evolution Conference EEC Miami 2011, lá nos EUA, ou acompanhou o evento da ABEMD aqui no Brasil, saiu deles com a absoluta certeza de que o não morreu. Muito pelo contrário. Basta ver que o contato que as redes sociais - qualquer uma delas, Orkut, Facebook, Linkedin, Quepasa etc, etc - fazem para te receber e se comunicar com você é justamente por . As palestras e cases, além de mostrarem as várias técnicas que se pode adotar para ter um melhor retorno nas ações de marketing, confirmam de forma concreta a importância do marketing, nas suas diversas aplicações, para o constante relacionamento das marcas com os clientes. Nesta edição, publicamos também o estudo Indicadores ABEMD de Marketing, realizado pela Simonsen Associados, outro conteúdo que não só reafirma a importância do nas relações comerciais, como aponta para um mercado ainda promissor, já que muitas empresas usam, mas uma parte expressiva não o faz por meio de fornecedores especializados. Também nesta edição, temos o gerente nacional de marketing da Caixa, Wolmar Vieira de Aguiar, contando como a instituição tem dado atenção crescente às ferramentas de Marketing Direto, usando e abusando de sofisticação e implantando um CRM poderoso para bem segmentar e se relacionar com seus mais de 54 milhões de clientes. Aproveite, porque o conteúdo desta edição é bastante rico em informações altamente relevantes para profissionais e empresas que precisam, e como, estar perto dos clientes! O Editor EXpEdiEntE Diretoria Presidente: Efraim Kapulski Vice-presidente: Pedro Renato Eckersdorff Diretor de CRM / Database: Eduardo W. Ramalho Diretor Financeiro: José Antônio Soler Diretor de Sucursais: Jeffrey Hanson Costa Diretor de Listas: Vicente Argentino Diretor de Marketing: Edson Carlo Barbieri diretor de alianças Estratégicas: Bernardo Zamijovsky Conselho de Administração Presidente do Conselho: Paulo F. B. Vasconcelos Vice-presidente: Fernando B. Cirne Alexandra Periscinoto, Alexandre Jau, Antonio Carlos Carletto, Antonio Rosa Neto, Danilo Vasconcelos, Edson Carlo Barbieri, Eduardo Souza Aranha, Eduardo W. Ramalho, Fabio Adiron, Fábio Mello, Fernando Alberto da Costa, Fernando B. Cirne, Fernando L. G. Guimarães, Henrique Mello, Jeffrey Hanson Costa, José Antônio Soler, Luis Henrique Fichman, Marcelo Lobianco, Marciliano Antônio Silva Jr., Márcio Ribeiro, Maria Luiza Vasques Piccioli, Murillo Boccia, Nelson Grunenberg Alves Reis, Odair Gutirres, Paulo F. B. Vasconcelos, Paulo Geraldo F. Cavalcanti, Pedro Renato Eckersdorff, Pio Borges, Priscila Pereira Gonçalves, Renato de Paula, Ricardo Musumeci, Roberto Saddy Chade, Sérgio Augusto R. Alves Jr., Vicente Argentino, Waldomiro R. Silva Jr., Wilmar Munhós. Conselho Fiscal Alexandre Souza Martins Case, Ana Maria Moreira Monteiro, Osvaldo Alvarenga. Associação Brasileira de Marketing Direto Avenida São Luís, 50 13º andar cj. 132 B Edifício Itália CEP São Paulo/SP Brasil Tel: (11) Comunicação, Imprensa, Comercial: Roberto Perrone Eventos: Fernanda Giannetti Administração e Finanças: Pedro Xavier Jorge Revista Marketing Direto é uma publicação da Associação Brasileira de Marketing Direto (ABEMD) Editor: Roberto Perrone Coordenadora Editorial: Janaina Basilio Arte e editoração eletrônica: Adriana Cassiano Pré-impressão, impressão e acabamento: RR Donnelley Escreva para a revista Marketing Direto. Mande seus comentários e sugestões para o Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 3

4 FrasEs Frases ditas durante o EEC no Brasil ÍndiCE ENTREVISTA: Wolmar Vieira conta como a Caixa está investindo em 06Mar keting Direto 10 EEC NO BRASIL: Evento realizado pela ABEMD trouxe o melhor do Marketing mundial INDICADORES: ABEMD lança primeira edição dos Indicadores ABEMD de 16 Marketing Mercado Novos Associados Deu na imprensa Causos do Marketing Direto Deixe o cliente escolher o melhor canal, mas sempre adicione valor ao canal que a empresa tem mais interesse, para atrair o público Ellen Briguenti, da Editora Abril Lembre-se que o e as redes sociais são para promover diálogos. Esteja aberto e sempre responda. Rodrigo Gonçalves, da Mailsender Com os testes aprendemos muito e quebramos alguns mitos que até então tínhamos como verdades absolutas. É por isso que não devemos nos basear apenas nas melhores práticas na hora de fazer um marketing. Temos que testar sempre Rodrigo de Almeida, da Dinamize Os provedores decidem se entregarão ou não sua mensagem. Esses provedores vão analisar as reclamações de spam que os usuários fazem quanto aos seus s, vão filtrar pelo conteúdo da mensagem, vão analisar os aspectos técnicos e os bounces. O UOL, por exemplo pode rejeitar as mensagens cujas listas tenham mais de 10% de erros, ou seja, mais de 10% das mensagens são destinadas a s que não existem Edson Barbieri, da Frontier É preciso diversificar as táticas de enriquecimento da base. Bases com mais de dois milhões de s, por exemplo, geralmente usam cinco táticas diferentes Silvio Hagui, da Assesso Muitas vezes a oferta pode ser idêntica, mas o tipo de criação aumenta o retorno de uma peça. Pequenas mudanças podem surtir grandes efeitos criatividade também está no pensar simples. Para saber o que funciona é preciso testar, há cases que ignoram as melhores práticas e têm retornos superiores Rodrigo Mesquita, da Editora Abril Fazer uma boa captação, ter estratégia de reativação vale a pena. Pode dar trabalho, mas certamente vale a pena Marcelo Fraga, do Grupo Virtual 4 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

5 Os tempos mudaram. O jeito de conquistar seu público, tam bém. Para acompanhar a evolução do mundo, sua estratégia de marketing direto precisa eleger e integrar as mais diferentes disciplinas. Trace o melhor caminho com uma agência especializada ou consultoria, valorize ao máximo o meio digital e a mala direta, use a força dos call centers e a inteligência do database, CRM e logística. Só com marketing direto você consegue chegar até seu cliente sem dispersão e mensurar resultados de forma precisa. É assim que cases incríveis vão entrar para a história da sua marca. Com marketing direto você pode muito mais.

6 EntrEvista Wolmar Vieira de Aguiar Investimento crescente A Caixa Econômica Federal acaba de completar 150 anos de existência. Criada em 12 de janeiro de 1861, pelo Imperador Dom Pedro II, a instituição nasceu com a missão de conceder empréstimos e incentivar a poupança popular. Hoje, o banco é líder do segmento de poupança, com 34% de participação no mercado e, no ano de 2010, ultrapassou a marca de 40 milhões de contas ativas, com uma captação líquida de R$ 13,1 bilhões. O saldo total chegou a R$ 129 bilhões. A base de clientes supera os 54 milhões de contas. Atualmente, estende seu atendimento a toda a população brasileira ao financiar e gerenciar programas habitacionais e obras de saneamento, administrar o FGTS e as Loterias, patrocinar o esporte, a cultura e as iniciativas de responsabilidade socioambiental. A evolução no modelo de negócio acarretou também uma grande evolução na gestão de comunicação da Caixa, e se na propaganda ela já se destaca há muitos anos, não é diferente com relação ao Marketing Direto, já que a instituição passou a usar as técnicas mais sofisticadas dessa disciplina, conforme relata o gerente nacional de marketing, Wolmar Vieira de Aguiar. "O valor do investimento nas ações de Marketing Direto tem sido crescente nos últimos anos", acentua Aguiar, que trabalha na instituição há 21 anos e é Mestre em Gestão Empresarial pela FGV e Master em Marketing pela ESPM. nesta entrevista, ele conta como a Caixa faz uso das ferramentas de Marketing Direto. Acompanhe. 6 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

7 Desde quando a Caixa passou a fazer uso das ferramentas de Marketing Direto e, de forma geral, qual a importância do Marketing Direto para as estratégias de comunicação do banco? A Caixa vem intensificando suas ações de Marketing Direto há vários anos e, de acordo com o público que o banco pretende atingir, as ferramentas a serem utilizadas variam bastante de uma campanha para outra. O Marketing Direto tem demonstrado ser uma opção de comunicação com ótima relação custo-benefício para a Caixa, uma vez que temos conseguido uma eficácia muito grande em nossas abordagens, tanto pela segmentação de clientes que temos que abordar como pela nossa preocupação em fazermos a oferta mais adequada e pertinente para as pessoas. Praticamente todas as campanhas de up-sell e cross-sell com nossos clientes têm pelo menos uma ação específica de Marketing Direto, em que utilizamos um ou mais canais ou ferramentas, seja call center, internet, mala-direta, autoatendimento, sms ou marketing. Sempre que possível, buscamos incrementar ações de mala-direta fazendo personalização, o que permite fazer uma oferta pré-aprovada e consolidada mais adequada para nosso cliente, a fim de aumentarmos os níveis de resposta. "Os canais mais utilizados são o call center, a mala direta e a internet, não só pela efetividade que temos conseguido, atingindo índices de retorno muito interessantes, como também pela análise de custo-benefício dessas ações" Qual é o volume do investimento destinado ao Marketing Direto? Quanto representa com relação à verba de comunicação? Em que percentuais vem crescendo nos últimos anos? Por razões estratégicas, não divulgamos o valor do investimento de forma segmentada, nas diversas ações de Marketing que a Caixa realiza. No entanto, podemos dizer que o valor do investimento nas ações de Marketing Direto tem sido crescente nos últimos anos, sempre de acordo com as necessidades de incremento de nossa base de clientes ou do resultado econômico-financeiro projetado para cada tipo de ação. A Caixa determina regras para o uso do Marketing Direto em suas ações de comunicação? Por quê? Sim, porque nosso mercado é muito regulado, e além disso temos um compromisso com a ética e o respeito ao cliente em nossas ações. Em algumas campanhas, como por exemplo, aquelas que se utilizam de marketing, só utilizamos o canal quando expressamente autorizado pelo cliente. Isso, fundamentalmente, por razões de segurança do próprio cliente e em respeito às suas preferências. Em outros casos, como por exemplo, em mala direta, apenas nos utilizamos das informações fornecidas pelo próprio cliente, não adquirindo ou compartilhando mailings de outras empresas ou instituições. Também não compartilhamos, em qualquer hipótese, nosso mailing com outras empresas. Você disse acima que faz uso dos vários canais de Marketing Direto, como call center, mala direta, marketing, fulfillment entre outros. Quais são os mais utilizados e como têm variado com relação aos objetivos traçados? Os canais mais utilizados são o call center, a mala direta e a internet, não só pela efetividade que temos conseguido, atingindo índices de retorno muito interessantes, como também pela análise de custo-benefício dessas ações, que são Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 7

8 Entrevista Qual a importância da internet nas ações de Marketing Direto da empresa? Por quê? Sua importância tem crescido e se tornado mais relevante a cada dia. Temos utilizado a internet de maneira bastante criteriosa (mas ao mesmo tempo abrangente, uma vez que nosso site é um dos mais visitados do país), sempre tendo o cuidado de oferecer ao cliente informamaximizadas pelo fato de termos todas as informações de contato por esses canais atualizadas de forma frequente. Outro canal bastante utilizado no relacionamento com os clientes têm sido nossos terminais de auto-atendimento. Como o banco tem utilizado cada canal em termos de volumes? Como por exemplo, o números e os tipos de contatos feitos por call center; quantidade de malas diretas enviadas mensalmente; disparos de marketing. Quais objetivos de cada um? Cada ação planejada é avaliada previamente em termos de clientes impactados e expectativas de retorno. A partir desta avaliação, definimos os volumes e os canais utilizados, que variam a partir da análise do comportamento do cliente e do resultado esperado com a ação, sempre buscando o ponto de equilíbrio econômico-financeiro. Portanto, nossos volumes de disparos de mala direta variam muito em função das ações que temos programadas em cada mês, e também da campanha publicitária que estamos enfatizando em cada período. Em alguns meses se resume mesmo à manutenção das réguas de relacionamento já definidas, e em outros tem volumes bastante elevados em função das ações específicas. Quanto ao atendimento de call-center, entre ativo e receptivo, são aproximadamente 4,5 milhões por mês. Como avalia o atual estágio do uso da ferramenta de CRM na Caixa? Por quê? O projeto de CRM da Caixa está em " O projeto de CRM da Caixa está em fase de estruturação há pouco mais de um ano e prevê sua implantação ainda em 2011, de forma gradativa, de acordo com as definições estratégicas da instituição" fase de estruturação há pouco mais de um ano e prevê sua implantação ainda em 2011, de forma gradativa, de acordo com as definições estratégicas da instituição. O projeto prevê a implantação das várias funcionalidades de CRM, desde o CRM Analítico até a Automação da Força de Vendas. Temos uma expectativa muito grande quanto ao aumento da eficácia de nossas ações, que poderão se tornar, cada vez mais, assertivas e segmentadas, conforme a necessidade real do cliente, buscando ainda se utilizar do melhor canal e do momento mais adequado para oferecer o produto que lhe é pertinente. Como se dá a divisão dos diferentes públicos atendidos pela Caixa e quais são eles? A rigor, a Caixa tem na sua carteira de clientes praticamente todos os perfis de público, pessoas físicas de todas as classes sociais; micro, pequenas, médias e grandes empresas, além do segmento governo. A Caixa trabalha também a abordagem desses clientes em segmentos e nichos específicos, definidos em função de variáveis que nos permitem diferenciá-los e abordálos com ofertas de produtos e serviços específicos para o segmento ou nicho a que pertencem. Em que medida e como muda a comunicação por Marketing Direto com cada um desses públicos? A comunicação de Marketing Direto com esses públicos, tanto em termos de material utilizado quanto canais, é definida em cada campanha de marketing da Caixa de forma diferenciada e de acordo com suas características específicas, além do segmento a que pertence o cliente. Procuramos sempre realizar a oferta mais adequada às necessidades do cliente, com base nas informações cadastrais e das variáveis comportamentais, que sempre que possível são analisadas caso a caso. 8 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

9 ções acessíveis, pertinentes e adequadas às suas necessidades, além de só estabelecermos contato, enquanto canal de Marketing Direto, quando expressamente autorizado pelo cliente. Quais são as ações de captação que a empresa faz por meio de ferramentas de Marketing Direto e como avalia o retorno delas? Como temos uma quantidade de clientes bastante grande (mais de 53 milhões, entre pessoas físicas e jurídicas), temos desenvolvido diversas ações de crosssell e up-sell. Nas ações mais importantes, além da avaliação do custo-benefício, que ocorre antes da campanha ser iniciada, temos procurado avaliar o retorno, tanto em termos de clientes impactados e sensibilizados (de acordo com a taxa de resposta) como também do retorno econômicofinanceiro obtido após o término da ação. Já percebemos que quanto maior é a integração das ações de marketing, melhor têm sido nossos resultados. Ou seja, quando um estudo prévio da base de clientes nos permite selecionar aqueles mais propensos a aceitar a oferta, e utilizamos de forma coordenada as ferramentas que temos - da mala direta ao sms, passando pelo autoatendimento, internet, etc -, os resultados têm-se demonstrado mais interessantes. Na sua opinião, em quais aspectos o Marketing Direto brasileiro ainda está atrasado com relação às suas necessidades e com mercados mais evoluídos? Entendo que a utilização do Mar- keting Direto, de maneira integrada com as demais ações de marketing, ainda precisa ser aprimorada, tanto em termos de coordenação como de complementariedade. Além disso, ainda não se utiliza, no país, de maneira generalizada, todo o potencial que as técnicas de Database Marketing e as análises estatísticas, tanto quantitativas, quanto qualitativas, podem proporcionar, e que poderiam incrementar os retornos atualmente obtidos. E em quais aspectos você acredita que está mais avançado? Creio que em termos de criatividade, seja no uso ou na criação de peças, temos demonstrado um nível de maturidade comparável aos mercados que utilizam o Marketing Direto de forma mais abrangente e há mais tempo. Para onde tende a evoluir o uso do Marketing Direto de uma forma geral e especialmente no setor que a instituição atua? Por quê? Creio que a personalização crescente das ofertas, de acordo com as necessidades e preferências do cliente vai se tornar, a cada dia, um fator de diferenciação, principalmente quando vemos que o uso do Marketing Direto, por diversos canais - principalmente mobile e internet - se intensifica. Nesse aspecto, o projeto de CRM da Caixa tem muito a contribuir para oferecermos, a nossos clientes, um nível de prestação de serviços cada vez melhor e que atenda e supere suas expectativas. "Quando um estudo prévio da base de clientes nos permite selecionar aqueles mais propensos a aceitar a oferta, e utilizamos de forma coordenada as ferramentas que temos - da mala direta ao sms, passando pelo autoatendimento, internet, etc -, os resultados têm-se demonstrado mais interessantes" Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 9

10 EEC no brasil Evento reuniu quase 100 pessoas nos dois dias de palestras Evento aconteceu nos dias 01 e 02 de março em São Paulo e trouxe as novidades do Evoluntion Conference, evento da DMA realizado em Miami de 31 de janeiro a 02 de fevereiro. EEC no Brasil trouxe o melhor do Marketing mundial Textos: Janaina Basilio. Fotos: Roberto Perrone Efraim Kapulski, presidente da ABEMD, fez a abertura do evento e falou sobre o estudo Indicadores ABEMD de Marketing Na primeira semana de março a ABEMD realizou o EEC Evolution Conference 2011 no Brasil, evento que trouxe para o país os principais ensinamentos do EEC Evolution Conference. O EEC é o principal evento mundial de Marketing e é organizado pelo Experience Council um órgão da Direct Marketing Association (DMA). Foram três dias de evento (de 31 de janeiro a 02 de fevereiro) em Miami e aproximadamente 500 participantes. Já a versão brasileira, organizada pela ABEMD, teve a duração de duas manhãs e reuniu quase 100 pessoas no auditório da ESPM, em São Paulo. Para apresentar os conteúdos, revezaram-se profissionais brasileiros que foram a Miami e conferiram de perto as novidades do marketing. É uma honra estarmos aqui realizando a segunda edição consecutiva do EEC. A ABEMD reconhece que o marketing é um canal de suma importância para o Marketing Direto, tanto que fizemos um estudo exclusivo sobre ele, o Indicadores ABEMD de Marketing (confira à página 22), lançado em fevereiro, afirmou o presidente da ABEMD, Efraim Kapulski, em seu discurso de abertura. A primeira palestra do dia 01 de março foi de Edson Barbieri, da Frontier, que apresentou um panorama da conferência em Miami. Neste ano, o grupo brasileiro no EEC era composto de 11 integrantes. Foram três dias de evento, com foco em anunciantes, agências, empresas enviadoras de marketing e profissionais das áreas de marketing e tecnologia. O programa geral do evento foi dividido nos temas Optimization Techniques, Acquisition & Retention e Innovations. Assuntos de destaque foram a importância de segmentação e do design no marketing, a integração com social mídia e mobile, otimização da entregabilidade e estratégia de testes, além das tendências tecnológicas e na utilização do . Confira nas páginas a seguir as demais apresentações do EEC Evolution Conference 2011 no Brasil. 10 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

11 Rodrigo Gonçalves, da Mailsender, usou como exemplo o case de Andrea Bocelli, que faz perfeita integração do com as redes sociais marketing a cola da convergência em um cenário multicanal marketing promove a união das mídias digitais, de modo a fomentar o diálogo ideal com os clientes Rodrigo Gonçalves, da Mailsender, falou sobre a importância do marketing na atual sociedade multicanal e multitarefa. Hoje, na comunicação, precisamos pensar sempre na mensagem certa, no canal certo e na hora certa, por isso que se tivermos obsessão em usar todas as mídias não faremos comunicação porque perderemos mito tempo planejando todos esses fatores. É preciso priorizar e usar os canais que apresentam maior retorno para o nosso público e é aí que o marketing se destaca. Ele é a chave do nosso diálogo diário e é quem lidera o processo de convergência de mensagens. É o maior ROI do mercado digital, por isso precisamos nos aperfeiçoar no seu uso. 93% dos consumidores utilizam todos os dias, explicou o palestrante. Para Gonçalves, integrar o marketing às redes sociais, e vice-versa, traz diversas vantagens. Sempre lembrando que o é quem promove a união das mídias digitais, de modo a fomentar o diálogo ideal com os clientes. O deve ser utilizado de forma inteligente, para promover as redes sociais. As ações devem ser cruzadas, usando o marketing como ponto de partida, pois estará falando diretamente com seus clientes sobre as possibilidades de comunicação disponíveis, explanou Gonçalves, que finalizou com uma valiosa dica: Lembre-se que o e as redes sociais são para promover diálogos. Esteja aberto e sempre responda. Vantagens da integração de com as redes sociais Promover compartilhamento de conteúdo em redes sociais Responder/postar comentários para clientes (ex. Facebook) Incentivar a visitação/assinatura de aplicativos do Facebook Promover visitação a diversos sites de mídias sociais (seu canal do Youtube, sua página no MySpace, seu fórum, blog, etc) Sua ferramenta de marketing pode ser integrada às redes sociais para realizar postagens ao mesmo tempo em que uma campanha é enviada Promove o aumento de seguidores nas redes sociais Vantagens da integração das redes sociais com o Promovem compartilhamento de informação em tempo real São excelentes fontes de opt-in São excelentes fontes de informações pessoais/comportamentais (alguns apps do Facebook permitem que seja feito um opt-in contando com todas as informações do perfil do usuário) Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 11

12 Capa Otimizando a venda de ingresso com marketing Case ATP World Tour mostra como utilizar poucos recursos e gerar grandes resultados Ellen Briguenti, da Editora Abril, apresentou o case ATP World Tour de 2010, que teve como foco a venda de ingressos para o Barclays torneio de tênis que acontece anualmente em Londres. O interessante desse torneio é que a ATP, que é uma associação, precisa vender os ingressos primeiro, receber e com este dinheiro fazer o torneio. A prévenda de ingressos começa em março, os jogos acontecem em novembro, e quem compra não sabe sequer o calendário do evento. Não havia qualquer informação sobre os possíveis consumidores, não havia ciclo promocional estruturado, mailing, datas... O foi escolhido como a principal ferramenta na estratégia de venda dos ingressos. A captação começou com um formulário simples na página inicial do torneio, indicando os benefícios do cadastramento (conteúdo exclusivo, prêmio, avisos de vendas dos ingressos, entre outros). O segundo passo foi criar o ciclo promocional que orientaria os disparos de s marketing: pré-venda de ingressos exclusiva para cadastrados, venda para o público, prospecção em outros torneios que reuniriam o público-alvo, divulgação dos jogadores classificados, agradecimento e início da divulgação do Barclays do ano seguinte. Em todo o ciclo foram enviados s com subjects diretos e conteúdos relevantes para os admiradores de tênis. A primeira fase da campanha foi dirigida exclusivamente para os cadastrados pelo site, que tiveram acesso exclusivo à pré-venda. Em seguida, outra mensagem foi enviada com código personalizado para participar desta pré-venda. Foram enviados s e a taxa de abertura foi de 35%. Foram vendidos tickets com um único , ou seja, foi gerado um faturamento de mais de US$ 1 milhão. Outros s foram enviados aos que não compraram os ingressos, lembrando que em breve começaria a venda para o público em geral. A venda começou com oferta no site e continuou até a data do evento. É da pré-venda que vem o melhor retorno. É também nesta fase que melhor trabalham o mailing. Também oferecem serviços bastante Ellen Briguenti, da Editora Abril, mostrou o case da ATP. Para atrair o público após a pré-venda a tática foi agregar valor às mensagens, com a cobertura de outros torneios de tênis e divulgação de facilidades como o Viagogo Aprendizados não esqueça quando termina um ciclo e começa outro. Fazer a ponte entre os dois é fundamental Estabeleça uma estratégia clara Crie um mailing qualificado Deixe o cliente escolher o melhor canal, mas sempre adicione valor ao canal que a empresa tem mais interesse, para atrair o público Evite distrações tenha foco na comunicação interessantes, como o ViaGogo, que é uma ferramenta de compra e venda de ingressos. Assim, conforme a agenda do torneio é divulgada, quem já tinha ingresso verifica o dia que seus jogadores preferidos se enfrentarão e, caso o ingresso comprado não seja para aquele dia o comprador pode vender e comprar outro ingresso. Só é permitido vender o ingresso pelo mesmo valor que comprou, detalha a palestrante. O último enviado foi de agradecimento, e já anunciando o torneio Aproximadamente 70% dos ingressos foram vendidos online, o restante nas bilheterias do próprio evento. 12 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

13

14 Capa Boas práticas não substituem uma estratégia efetiva de testes Não se baseie apenas nas melhores práticas teste sempre! Você pode se surpreender. Rodrigo de Almeida, da Dinamize, começou sua apresentação com a seguinte frase: Acho que vim mais para confundir do que para explicar. Em sua apresentação, o palestrante mostrou uma relação das 10 melhores práticas para o marketing, pregadas por praticamente a totalidade de profissionais da área, e com cases de sucesso mostrou que, na prática, fazer um marketing seguindo esses mitos pode não trazer os melhores resul- Você sabia? Incluir a oferta inteira na linha do título aumenta em 14% o click through Os principais smarthphones do mercado ocultam a linha do título a partir do 35º caracter A taxa média de click through sobe 16% quando o é direcionado a você e seu ao invés de nós e nossos s com ofertas que direcionam todos os links à mesma página têm uma taxa de conversão 48% maior Rodrigo de Almeida, da Dinamize, mostrou os mitos de algumas das melhores práticas para o marketing tados. Com os testes aprendemos muito e quebramos alguns mitos que até então tínhamos como verdades absolutas. É por isso que não devemos nos basear apenas nas melhores práticas na hora de fazer um marketing. Temos que testar sempre, frisou Almeida, encerrando sua apresentação com um alerta: Fica claro que nem sempre a boa prática é aquela que traz mais retorno... afinal, boas práticas não são balas mágicas. 18% de todos os cliques acontecem depois da data em que sua oferta aconteceu, por isso é importante manter as imagens no ar Os horários de pico de leitura de s, via de regra, são das 8h00 às 10h00, das 12h00 às 14h00 e das 17h00 às 19h00 Mensagens de marketing que mencionam o Facebook no título têm uma taxa de abertura 32% maior do que as que não mencionam Alguns mitos das boas práticas Ao falar dos mitos que cercam as boas práticas nas campanhas de e- mail marketing, Rodrigo Almeida mostrou por meio de números que algumas regras não são exatamente uma verdade absoluta. Veja: Não use maiúsculas no título e na personalização do primeiro nome Testes realizados apontaram que um enviado com o uso de maiúsculas teve 34,2% de CTR e 23,3% de conversão, enquanto a mesma mensagem que usou tipologia mesclada de maiúsculas e minúsculas teve 30,9% de CTR e 20,2% de conversão. curto e com uso equilibrado de texto e imagem é melhor Mais uma vez vale sempre testar. nos Estados unidos, o com texto longo e poucas imagens teve 38,7% de CTR e 29,3% de retorno, contra 29,4% de CTR e 23,3% de retorno do com pouco texto e equilíbrio com imagens. Não faça s feios Aparência definitivamente não é tudo para o sucesso de um . uma mensagem considerada feia teve 37,7% de CTR e 31,3% de conversão, enquanto a mais trabalhada graficamente teve 26,4% de CTR e 20,2% de conversão. É claro que temos testes que indicam o contrário melhora de conversão com s mais elaborados, mais bonitos. Porém, esses resultados dos s feios provam que podemos nos enganar, comentou o palestrante. Não envie s com um bloco grande de texto, poucos links e um call to action confuso um com todas essas características foi testado bloco grande de texto, poucos links e call to action confuso. A surpresa foi que a taxa de abertura da mensagem foi superior a 50%, o compartilhamento nas redes sociais atingiu 2 dígitos e a empresa recebeu centenas de respostas de agradecimento e perguntas. 14 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

15 Além da segmentação: localização, target e criatividade Idéias simples podem trazer grandes resultados Rodrigo Mesquita, da Editora Abril, exibiu diversos cases para falar sobre criatividade. Lá no EEC vi cases que nunca vi no Brasil. Usam trigger, localização e diversas outras ferramentas que transformam ideias simples em peças bastante eficientes, disse o palestrante. Um exemplo é o case da Travelocity, que usa trigger para converter visitantes que pesquisam sobre viagens no site em compradores. A estratégia é o disparo automático de s personalizados para os internautas que visitam o site, assim, ele recebe conteúdo relevante e linkado com o que busca. A mensagem é mais ou menos assim: você estava no nosso site procurando x e temos um pacote no seu perfil com o preço y, mas a oferta só é válida se você comprar agora. Essa oferta é exclusiva, para aquele momento e, caso o internauta não a aproveite, não terá mais acesso a ela, explica Mesquita. Outro fator relevante é localização não como geomarketing, mas sim como ofertas específicas de acordo com a região. É o que os sites de compras coletivas fazem. Isso, temos no Brasil. Você seleciona suas ofertas por região, por cidade, etc. Por fim, o palestrante falou sobre a importância da criatividade nas ações de marketing. Muitas vezes a oferta pode ser idêntica, mas o tipo de criação aumenta o retorno de uma peça. Pequenas mudanças podem surtir grandes efeitos criatividade também está no pensar simples. Para saber o que funciona é preciso testar, e como disse o Rodrigo de Almeida, há cases que ignoram as melhores práticas e têm retornos superiores. Rodrigo Mesquita, da Editora Abril, mostrou o case da Travelocity, que usa trigger para converter visitantes em compradores Glossário Trigger ou gatilho: objeto de banco de dados associado a uma tabela definido para ser disparado respondendo a um evento em particular. Tais eventos são os comandos da DML (Data Manipulation Language): insert, replace, delete ou update. Fonte: Wagner Bianchi / imasters Geomarketing: ferramenta que possibilita a visão da distribuição geográfica de clientes e prospects, enriquecendo os bancos de dados voltados para marketing. Fonte: Glossário ABEMD. Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 15

16 capa Silvio Hagui, da Assesso, mostrou o case da Hydro Flask, como exemplo de evangelização e conversão de clientes em influenciadores Para onde caminha o marketing digital: integração e tendências Passos importantes para o ativação, evangelização, conversão e reativação Silvio Hagui, da Assesso, falou sobre as tendências do marketing. Para tanto, separou sua apresentação em quatro tópicos: aquisição, evangelização, conversão e reativação. Aquisição Captação de s é um dos maiores desafios para os profissionais desta área, e fato de extrema importância porque anualmente é expressivo o número de contas desativadas, opt-outs e spam report. É preciso diversificar as táticas de enriquecimento da base. Bases com mais de dois milhões de s, por exemplo, geralmente usam cinco táticas diferentes. Uma forma básica de aquisição e que traz bons resultados é o uso do site próprio ou de terceiros - para captação de s. Neste caso é essencial travar o relacionamento desde o recebimento do cadastro. O correto é enviar um de boas-vindas instantaneamente, explica Hagui. Outra forma de aquisição é o uso de SMS para captação, assim é possível ter o opt-in em canais offline como lojas, eventos, aeroportos. Geralmente o usuário tem a instrução de enviar o via SMS junto com um código para optin. O problema deste tipo de aquisição é que a chance de haver erro na digitação do é grande, por outro lado, caso verifique-se a ocorrência de bounce do de boas vindas pode-se, via SMS, pedir a confirmação do endereço, alerta o palestrante. Evangelização e conversão de clientes em influenciadores Hagui usou como exemplo o case Hydro Flask, do DJ Waldow, que fez um vídeo nas redes sociais para engajar as pessoas a não comprarem água em garrafas descartáveis. Com o sucesso do vídeo, a Hydro Flask - especializada na produção de garrafas térmicas - enviou para ele um de seus produtos, dando apoio a sua causa. Waldow gostou tanto da atitude da empresa que passou a divulgar a garrafa em seus vídeos e a levar em eventos nos quais era convidado. A Hydro Flask tem presença em várias redes sociais, nas quais distribui conteúdo, capta s e se torna presente na vida das pessoas. Tão presente que clientes transformamse em influenciadores da marca, conta o palestrante. Reativação Hagui listou quarto passos básicos para reativação: segmentar os s inativos, identificar o que deu errado no relacionamento, descobrir o que enviar para reconquistar e por fim como enviar esta mensagem. Verifique se este público está se relacionando através de outros canais e utilize estes canais para reconstruir seu relacionamento via , ensina. 16 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

17 o novo software de marketing da Dinamize Novas Features: 1. Criador de Templates 2. Integração com Redes Sociais 3. Teste A/B 4. Geolocalização Vem aí forma de comunicar.

18 Capa Boas práticas que fazem a diferença As boas práticas aumentam os índices com a reputação, engajamento, entregabilidade e ROI das ações. São elas: Edson Barbieri, da Frontier, listou os fatores que levam a uma boa emtregabilidade Como maximizar a entregabilidade Práticas simples podem trazer grandes benefícios para sua empresa Edson Barbieri, da Frontier, fez uma profunda análise sobre os fatores que influenciam na entregabilidade dos s. Ter uma boa reputação, fazer aquisição de s de forma consistente, higienizar a base de dados, segmentar, analisar o comportamento do público e ter listas de descadastramento são itens fundamentais, explicou o palestrante. Confira a abordagem que Barbieri fez de cada assunto: Reputação Esse é o fator que, em última análise, será determinante para a entrega do seu . A reputação é determinada com base em métricas de comportamento de envio, explicou. Trata-se de um índice atribuído por cada ISP às origens de s (IPs e domínios), visando classificar cada origem quanto à sua aderência às boas práticas no envio de mensagens, como elemento que irá compor a decisão de classificação ou não dos s como spam. Os provedores decidem se entregarão ou não sua mensagem. Esses provedores vão analisar as reclamações de spam que os usuários fazem quanto aos seus s, vão filtrar pelo conteúdo da mensagem, vão analisar os aspectos técnicos e os bounces, ensinou Barbieri. Segundo a Symantec, cerca de 95% dos s enviados em todo o mundo são classificados como spams. Engajamento Os provedores também analisam como os usuários reagem com os s são as métricas de engajamento. São verificados o tempo que a mensagem fica na caixa de entrada, aberturas, cliques, reclamações de spam, se a mensagem foi deletada sem ser lida, se foi respondida, se foi lida e depois deletada. Aquisição uma lista limpa certamente vai interferir posteriormente na reputação. Boas listas começam com aquisição de qualidade. Algumas dicas para formar uma boa base de s são: usar doble opt-in e sempre verificar as informações cadastradas pelos usuários com rotinas como verificação de sintaxe e confirmação da existência do domínio. Pedir para o internauta digitar duas vezes o pode reduzir bastante a quantidade de erros. Higienização A higienização precisa ser frequente. Segundo pesquisas, nos Estados unidos, de 30% a 35% das pessoas trocam seu anualmente. Vale lembrar que s inativos geram custos desnecessários e reduzem a reputação. O correto é definir regras para a inativação de bounces temporários. Criar campanhas de reengajamento e reativação também podem ser uma boa idéia. Dados comportamentais Armazenar os dados das interações dos destinatários com as campanhas permite realizar novas ações mais relevantes. Os perfis coletados facilitam a classificação da lista em clusters para futuras segmentações e proporcionam maior engajamento. Segmentação e Personalização Ações segmentadas propiciam comunicações mais relevantes. Vale lembrar que a reputação é diretamente proporcional à relevância. O mesmo pode-se dizer quanto à personalização, que deve ser feita com atributos relevantes das listas. Listas de descadastramento Devem existir e ser respeitadas. Envio de mensagens para destinatários que solicitaram o descadastramento é extremamente prejudicial à imagem da empresa. Essas listas devem ser consolidadas e centralizadas, inclusive com opção para o usuário fazer o opt-out seletivo. 18 Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X

19 O design certo no marketing sob influência do social media e mobile Como integrar as mídias e otimizar s em dispositivos móveis Edson Barbieri também apresentou palestra sobre a importância do design para gerar bons retornos para o marketing. Sob esta ótica, dividiu o assunto em dois: como integrar as mídias sociais com o marketing e como otimizar s em aplicativos móveis. Sobre a integração de mídias sociais no , Barbieri explicou que existem três maneiras de fazer essa inserção: Linking, Sharing e Listing. Social Linking significa inserir ícones das mídias sociais no corpo do . É fácil de colocar e até funciona, porém há formas melhores de fazer essa integração, como veremos a seguir. O Social Sharing, por sua vez, é o compartilhamento de partes específicas do quem recebe pode compartilhar o conteúdo vindo no com seus amigos das redes sociais. E a última forma, e mais adequada, segundo o palestrante, é o Social Listing inserem-se fragmentos das redes sociais nos s. É interessante porque não pede simplesmente para a pessoa que recebeu o compartilhar ou aderir. Com essa estratégia você mostra fragmentos das suas redes sociais. Esse conteúdo pode ser disponibilizado de forma personalizada, de acordo com o perfil do receptor do . Assim, além de personalizar a mensagem do você personaliza também o fragmento da sua rede social indicada para aquela pessoa, explica o palestrante. Essa forma minuciosa de disponibilização de conteúdo é desafiante porque demanda trabalho para coletar as informações oferecidas de forma personalizada. O Social Listing traz um novo tipo de profissional ao mercado o editweetor. É ele quem procura, coleta, re-posta conteúdo do Twitter, Facebook, Youtube, Flickr ou qualquer outra rede social em campanha de marketing. Ele usa ferramentas específicas, classifica as informações e depois usas em ações específicas, explica o palestrante. design mobile Na segunda parte de sua apresentação Edson Barbieri falou sobre os usuários que acessam seus s de celulares e outros dispositivos móveis. Para se ter uma idéia da importância de adequar o a diferentes canais, só nos Estados Unidos, 28% dos telefones já são smartphones. Até o final de 2012 espera-se que esse número Exemplos de uso de Social Listing vá para 50%. No Brasil, hoje, temos cerca de 17% de usuários. Atualmente, existem três opções para abrir s em dispositivos móveis: incluir versão txt, criar uma versão para esses dispositivos ou redesenhar os layouts para serem escalonáveis. O ideal, segundo o palestrante, é a última opção, por manter uma versão única apenas auto-ajustando a mensagem a diferentes dispositivos. Para fazer essa versão o correto é usar sistemas de grades, coluna única, agrupamento de sessões, ajuste de escalas ou Viewport Meta Tag. Mas atenção: este é um trabalho para profissionais de design, essenciais no desenvolvimento dos layouts. Outro fator de extrema importância é o uso de ícones próprios das redes sociais nos s, quando estes levam conteúdos das redes. Mostra que o usuário não está em um comum, mas em uma mensagem integrada, explana Barbieri. Mar/11 - nº Ano X - Marketing Direto 19

20 Capa Marcelo Fraga, do Grupo Virtual, e o case Amazon: a análise do comportamento passado / recente é a melhor forma de prever o comportamento futuro de compras. Inovação e novas estratégias para aquisição de listas de s É importante saber como conquistar, manter e reativar os clientes de forma eficiente Marcelo Fraga, do Grupo Virtual, focou sua palestra em listas de s. Fazer uma boa captação, ter estratégia de reativação vale a pena. Pode dar trabalho, mas certamente vale a pena, reforçou o palestrante. O primeiro assunto abordado foi captação. Atualmente, uma das tendências é o uso de concursos e sorteios cobranded para incentivar o registro. As empresas que se valem dessa tática devem determinar o que motivará as pessoas a realizarem o cadastro e em seguida desenvolver formulários fáceis, seguros e que deixem claro os benefícios do registro. Todas as formas de contato on e offline devem ser utilizadas para incrementar a captação de endereços de dos clientes. Dê benefícios tangíveis e atraentes para quem concede os dados e envie imediatamente um de obrigado para maximizar o relacionamento, indica o palestrante. Vale lembrar que mais não é sempre melhor - forçar o cliente a dar seu 20 quando não quer receber conteúdo pode causar problemas futuros. Como exemplos bem-sucedidos de captação, Fraga citou a Catalogs. com (que faz sorteio como incentivo, utiliza mídias sociais para aquisição, faz double opt-in e envia imediatamente o obrigado ), a Amazon (que faz análise do comportamento passado/recente para prever as compras futuras) e a Orbit Report (que trata B2C e B2B de forma diferente, com s pessoais para uma função e profissionais para outra). Depois de captado o é preciso manter o relacionamento ativo fazendo algumas ações que atraiam o consumidor (veja Box dicas). Fraga também indica que antes de implementar a reativação, a empresa deve saber o quanto vale um (veja box métricas). Faça todas as análises de custo/ benefício necessárias, mas tenha em mente que a maioria das táticas para reativação de inativos gera ROI positivo, explica. Marketing Direto - Mar/11 - nº Ano X Dicas para manter relacionamento ativo Faça uma oferta inicial especial Incentive o compartilhamento nas redes sociais Facilite a atualização dos dados cadastrais Ofereça maneiras para os usuários alterarem a freqüência de envios ao invés de apenas se descadastrarem Principais métricas Custo de aquisição Receita gerada por intervalo de tempo (anual, etc) Oportunidades relacionadas (cross-channel, etc) LTV (lifetime value).

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

Uma nova Virtual Target

Uma nova Virtual Target A Virtual Target é uma ferramenta muito imediata. Ao dispararmos as campanhas, já começamos a receber os resultados de interação e identificar a conversão. A marca, para nós, é sinônimo de comprometimento.

Leia mais

Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL

Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL INTRODUÇÃO Já imaginou ter acesso a dados e estatísticas do website do concorrente? Com alguns aplicativos e ferramentas, isso já é possível. Com ajuda deles, você

Leia mais

Etapas de uma campanha de e-mail marketing

Etapas de uma campanha de e-mail marketing Etapas de uma campanha de e-mail marketing Conheça as principais etapas de uma campanha de e-mail marketing, desde o planejamento de ações, até a análise das métricas de resultados. Ao contrário do que

Leia mais

Esperamos que sua empresa faça bom aproveito!

Esperamos que sua empresa faça bom aproveito! À medida que mais e mais empresas aderem ao marketing de conteúdo, notamos que as expectativas são por vezes incompatíveis com a realidade quando se trata de um Blog Corporativo B2B. A maioria dos profissionais

Leia mais

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 REALIZAÇÃO TABULAÇÃO Quem Somos A WBI BRASIL é uma empresa especializada em planejamento de marketing digital, que presta

Leia mais

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing 3 Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing

Leia mais

MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR

MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR Introdução 02 A importância de calcular o ROI dos investimentos Capítulo 1 04 Aprendendo a definir os investimentos

Leia mais

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas edição 04 Guia do inbound marketing Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Há um tempo atrás o departamento de marketing era conhecido

Leia mais

*Todos os direitos reservados.

*Todos os direitos reservados. *Todos os direitos reservados. A cada ano, as grandes empresas de tecnologia criam novas ferramentas Para o novo mundo digital. Sempre temos que nos renovar para novas tecnologias, a Karmake está preparada.

Leia mais

Criando presença com as páginas do Facebook

Criando presença com as páginas do Facebook Páginas do 1 Criando presença com as páginas do Sua Página Todos os dias, milhões de pessoas em todo o mundo acessam o para se conectar com amigos e compartilhar coisas que gostam. Este guia foi desenvolvido

Leia mais

Os rumos do Email Marketing

Os rumos do Email Marketing Marketing Os rumos do Email Marketing Confira alguns pontos que podem fazer a diferença na utilização desta ferramenta, como um maior investimento na equipe De 1 a 3 de fevereiro, tive a oportunidade de

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

ESTRATÉGIA DIGITAL. Prof. Luli Radfahrer

ESTRATÉGIA DIGITAL. Prof. Luli Radfahrer ESTRATÉGIA DIGITAL Prof. Luli Radfahrer - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Morgana Hamester História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Contexto atual Modelização digital contemporaneidade;

Leia mais

MINI-CURSO MÉTRICAS DO EMAIL MARKETING

MINI-CURSO MÉTRICAS DO EMAIL MARKETING MINI-CURSO MÉTRICAS DO EMAIL MARKETING O que é Email Marketing afinal? E-mail marketing é a utilização do e-mail como ferramenta de marketing direto, respeitando normas e procedimentos pré-definidos(boas

Leia mais

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing)

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Transforme suas comunicações mais lidas em participações multicanais altamente direcionadas que reduzem custos, aumentam a satisfação do cliente e geram

Leia mais

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal?

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal? Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL O que é Marketing Multicanal? Uma campanha MultiCanal integra email, SMS, torpedo de voz, sms, fax, chat online, formulários, por

Leia mais

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL!

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL! O guia completo para uma presença online IMBATÍVEL! Sumário Introdução 3 Capítulo 1 - Produção de Conteúdo: Por que e Como produzir 5 Capítulo 2 - Distribuição e Divulgação 8 Capítulo 3 - Monitoramento

Leia mais

PARA QUE SERVE O CRM?

PARA QUE SERVE O CRM? Neste mês, nós aqui da Wiki fomos convidados para dar uma entrevista para uma publicação de grande referência no setor de varejo, então resolvemos transcrever parte da entrevista e apresentar as 09 coisas

Leia mais

O QUE FAZEMOS MISSÃO VISÃO QUEM SOMOS

O QUE FAZEMOS MISSÃO VISÃO QUEM SOMOS O QUE FAZEMOS Provemos consultoria nas áreas de comunicação online, especializados em sites focados na gestão de conteúdo, sincronização de documentos, planilhas e contatos online, sempre integrados com

Leia mais

Social Media. Criação Personalização Gerenciamento.

Social Media. Criação Personalização Gerenciamento. Criação Personalização Gerenciamento. A Cafuné Design trabalha com as principais mídias e plataformas digitais do momento: Facebook, Twiiter, Instagram, Youtube e LinkedIn. Novas ferramentas de mídia social

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

E-Book! O que é Inbound Marketing?

E-Book! O que é Inbound Marketing? E-Book! O que é Inbound Marketing? E-Book O que é Inbound Marketing? Estamos em um período de transição de modelos mentais e operacionais entre o Marketing Tradicional e o Inbound Marketing. Este e-book

Leia mais

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas.

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Transformação do call center Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Lucre com a atenção exclusiva de seus clientes. Agora,

Leia mais

VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter

VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter VOCÊ SABE O QUE É E-MAIL MARKETING? [[ ][ Aprenda como funciona e quais resultados você pode obter Vivemos a era do conteúdo na Internet. Um e-mail com o conteúdo certo, distribuído às pessoas certas é

Leia mais

Email marketing: os 10 erros mais comuns

Email marketing: os 10 erros mais comuns Email marketing: os 10 erros mais comuns Publicado em: 18/02/2008 Não ter permissão dos contatos para enviar mensagens Um dos princípios fundamentais do email marketing é trabalhar apenas com contatos

Leia mais

Quem é Ana Luiza Cunha?

Quem é Ana Luiza Cunha? Apresentação WSI Quem é a WSI? Fundada em 1995 Nascimento da Internet 1.100 Consultores de Marketing Digital 81 países 12 grandes Centros de Produção Receita estimada da rede: acima de US$160 milhões Parceiros:

Leia mais

A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores da Alegria

A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores da Alegria Agentes Financiadores Notícias e atualidades sobre Agentes Financiadores nacionais e internacionais página inicial A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores

Leia mais

www.boaspraticasnet.com.br

www.boaspraticasnet.com.br Destaque sua empresa no primeiro SISTEMA 360º DE COMUNICAÇÃO do país voltado exclusivamente para o controle de qualidade nos mercados farmacêuticos, veterinários, cosméticos e correlatos: o SISTEMA BOAS

Leia mais

Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora. São Paulo-SP Setembro/2013

Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora. São Paulo-SP Setembro/2013 Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora São Paulo-SP Setembro/2013 Introdução O Objetivo deste trabalho é criar uma estratégia de comunicação digital vencedora através do marketing por

Leia mais

Mas como você gera sua lista de e-mail? Listei abaixo algumas das formas de construir uma lista de email marketing eficaz;

Mas como você gera sua lista de e-mail? Listei abaixo algumas das formas de construir uma lista de email marketing eficaz; E-mail marketing, muitas vezes considerada uma forma de marketing pessoal, é uma das mais valiosas ferramentas de web marketing, uma das mais visadas e mais focada pelos marqueteiros. Vamos nos concentrar

Leia mais

Configurações de Campanha

Configurações de Campanha Guia rápido sobre... Configurações de Campanha Neste guia... Aprenda a criar campanhas e a ajustar as configurações para otimizar os resultados. Índice 1. Criar Nova Campanha! 4 1.1 Dar um nome à campanha!

Leia mais

Tabela de Preços Sugeridos

Tabela de Preços Sugeridos WEBSITE Estrutura básica Área institucional Área estática: quem somos, o que fazemos, onde estamos etc. Área de contato E-mail, telefone, formulário etc. Área core Gerenciador de conteúdo para cadastro

Leia mais

MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING

MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING WHITE PAPER MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING Como construir um relacionamento com seus contatos a partir de um conteúdo pensado para eles, por você. SUMÁRIO Introdução 3 O que é Marketing de Conteúdo?

Leia mais

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit Presskit Guia Rápido Release 2.0 Presskit 06/07/2009 Sumário 1 Login 2 Login e Senha...................................... 2 Esqueci minha senha.................................. 2 Fale Com o Suporte...................................

Leia mais

Como cultivar leads do Comitê de TI

Como cultivar leads do Comitê de TI BRASIL Como cultivar leads do Comitê de TI O marketing está ajudando ou atrapalhando? Confiança + Credibilidade devem ser CONQUISTADAS O profissional de marketing moderno conhece a importância de cultivar

Leia mais

GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO

GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO CONVERSA DE ELEVADOR Sendo um empreendedor social, você sabe como é importante ser capaz de descrever sua organização, definindo o que diferencia seu trabalho e detalhando o

Leia mais

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS!

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! 4 Introdução 5 Conheça seu público 5 Crie uma identidade para sua empresa 6 Construa um site responsivo 6 Seja direto, mas personalize o máximo possível

Leia mais

Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato

Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato através do e-mail: hit@hitdigital.com.br E-mail marketing

Leia mais

Plusoft Rua Nebraska, 443, 5º Andar, Brooklin São Paulo (SP) F.: 55 11 5091-2777 www.plusoft.com.br - @Plusoft -

Plusoft Rua Nebraska, 443, 5º Andar, Brooklin São Paulo (SP) F.: 55 11 5091-2777 www.plusoft.com.br - @Plusoft - Potencializando resultados com o SOCIAL CRM A CONSTRUÇÃO DE RELACIONAMENTOS SÓLIDOS NA MÍDIA SOCIAL A mídia social revolucionou os meios e o modelo de comunicação. Entre muitas transformações, as redes

Leia mais

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção.

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. estratégias online Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. serviços consultoria Benchmark Planejamento

Leia mais

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas.

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Autoatendimento Digital Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Oferece aos clientes as repostas que buscam, e a você,

Leia mais

A compra de TI e as redes sociais

A compra de TI e as redes sociais Solicitada por A compra de TI e as redes sociais Como as redes sociais transformaram o processo de compras B2B e as melhores práticas para adaptar as suas estratégias de marketing à nova realidade BRASIL

Leia mais

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Menu Cenário Menu + + Cenário RI hoje: uma operação indiferenciada Comunicação muito limitada com foco quase

Leia mais

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Redesenhando a forma como empresas operam e envolvem seus clientes e colaboradores no mundo digital. Comece > Você pode construir de fato uma

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL. De: Nitrodev Sistemas de Informação LTDA

PROPOSTA COMERCIAL. De: Nitrodev Sistemas de Informação LTDA PROPOSTA COMERCIAL De: Nitrodev Sistemas de Informação LTDA 1. SOBRE A NITRODEV A Nitrodev é uma empresa com 10 anos de atuação no mercado de Internet, conhecida em todo o país por possuir uma das melhores

Leia mais

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa Como implementar Social Media na empresa 1 As razões: Empresas ainda desconhecem benefícios do uso de redes sociais Das 2,1 mil empresas ouvidas em estudo do SAS Institute e da Harvard Business Review,

Leia mais

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões MÍDIA KIT INTERNET Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões Segundo pesquisa da Nielsen IBOPE, até o 1º trimestre/2014 número 18% maior que o mesmo período de 2013. É a demonstração

Leia mais

MOBILE MARKETING. Prof. Fabiano Lobo

MOBILE MARKETING. Prof. Fabiano Lobo MOBILE MARKETING Prof. Fabiano Lobo - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br

JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ www.diariodaconstrucao.com.br PROPOSTA DE PROPAGANDA - ANUNCIE NO JDC Apresentação de Plano de Publicidade Online no Site O JORNAL DIÁRIO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO PARÁ atende com o nome de JDC, porque é uma empresa que tem como sua atividade

Leia mais

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA

MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA MANUAL DE TRANSIÇÃO DE MARCA Mudança da Marca e Posicionamento Esse boletim explicativo tem o objetivo de esclarecer suas dúvidas sobre a nova marca Evolua e de que forma ela será útil para aprimorar os

Leia mais

S IM O N S E N ASSOCIADOS INDICADORES ABEMD DE E-MAIL MARKETING 2010

S IM O N S E N ASSOCIADOS INDICADORES ABEMD DE E-MAIL MARKETING 2010 INDICADORES ABEMD DE E-MAIL MARKETING 2010 ABEMD ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE MARKETING DIRETO CENÁRIO DO E-MAIL MARKETING DE ACORDO COM A ÓTICA DAS EMPRESAS Dezembro de 2010 e Janeiro de 2011 APOIO TECNOLÓGICO

Leia mais

Como sua empresa pode

Como sua empresa pode Como sua empresa pode [ O guia de segmentação por IP ] Tecnologia de Inteligência de IP e de geolocalização O método de encontrar a localização física e geográfica de um usuário com base unicamente em

Leia mais

Mídias sociais como apoio aos negócios B2B

Mídias sociais como apoio aos negócios B2B Mídias sociais como apoio aos negócios B2B A tecnologia e a informação caminham paralelas à globalização. No mercado atual é simples interagir, aproximar pessoas, expandir e aperfeiçoar os negócios dentro

Leia mais

Agenda. 1 Absoluto Web. 2 - E-mail Marketing. - quem somos

Agenda. 1 Absoluto Web. 2 - E-mail Marketing. - quem somos E-mail Marketing Agenda 1 Absoluto Web - quem somos Você irá ver nas próximas páginas: 2 - E-mail Marketing - o que é - nossa base - vantagens - nossa base - tipos de e-mail marketing - teste, envio e

Leia mais

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas.

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. 2 INTRODUÇÃO Em um curto espaço de tempo, vimos o Facebook ir do zero ao status de uma das

Leia mais

Web Analytics (Google analytics, Web trafic XITI, Coremetrics, etc.); Ferramentas de gestão de listas de e-mails (Mailchimp, constant contact, etc.

Web Analytics (Google analytics, Web trafic XITI, Coremetrics, etc.); Ferramentas de gestão de listas de e-mails (Mailchimp, constant contact, etc. Nos dias de hoje a geração de Leads na internet se tornou uma grande responsabilidade, entretanto, devido as diversas opções de ferramentas e de canais como email marketing, web site, CRM, redes sociais,

Leia mais

VOLUME Mala Direta e-book Postal

VOLUME Mala Direta e-book Postal VOLUME 7 Mala Direta e-book Postal Parceria que fortalece as micro e pequenas empresas Mala-direta é a propaganda impressa preferida do varejo. Fonte: Valor Econômico - Linear Clipping, 29/08/2014 - Edição

Leia mais

Richard Portela Site:fullweb.com.br. Facebook para Empresa

Richard Portela Site:fullweb.com.br. Facebook para Empresa Richard Portela Site:fullweb.com.br Facebook para Empresa Índice 1º Introdução 2º Construir uma página 3º Conquistar e engajar fãs 4º Amplificar sua comunicação 5º Case 6º Mensurar Porque o Facebook -

Leia mais

e-book E-MAIL MARKETING Como alavancar suas vendas utilizando o de forma eficaz. por Paula Tadeu

e-book E-MAIL MARKETING Como alavancar suas vendas utilizando o de forma eficaz. por Paula Tadeu e-book Como alavancar suas vendas utilizando o E-MAIL MARKETING de forma eficaz. por Paula Tadeu ÍNDICE INTRODUÇÃO... O QUE É E-MAIL MARKETING?... PRÉ-REQUISITOS INDISPENSÁVEIS... MÃOS À OBRA: TRANSFORMANDO

Leia mais

Introdução ao GetResponse

Introdução ao GetResponse Guia rápido sobre... Introdução ao GetResponse Neste guia... Aprenda a construir sua lista, a criar envolventes e-mails e a converter contatos em clientes em GetResponse, com acesso aos melhores recursos

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS O que você vai encontrar nesta proposta: Problemas comuns em empresas que usam Google Adwords A solução está mais perto do que imagina Por que a Dynamo é a empresa

Leia mais

www.marketingdigitalexpress.com.br - Versão 1.0 Página 1

www.marketingdigitalexpress.com.br - Versão 1.0 Página 1 www.marketingdigitalexpress.com.br - Versão 1.0 Página 1 Remarketing é um recurso utilizado para direcionar anúncios personalizados para as pessoas que visitaram uma determinada página do seu site ou clicaram

Leia mais

Mídias sociais como apoio aos negócios B2C

Mídias sociais como apoio aos negócios B2C Mídias sociais como apoio aos negócios B2C A tecnologia e a informação caminham paralelas à globalização. No mercado atual é simples interagir, aproximar pessoas, expandir e aperfeiçoar os negócios dentro

Leia mais

Realização e Organização. www.vamaislonge.com.br

Realização e Organização. www.vamaislonge.com.br Realização e Organização www.vamaislonge.com.br Quem somos... Leonardo Alvarenga, tenho 23 anos, sou criador do Não Tenho Ideia e do #VáMaisLonge. Sou formado em Educação Física mas larguei tudo logo após

Leia mais

Sistemas de Gerenciamento do Relacionamento com o Cliente (Customer Relationship Management CRM)

Sistemas de Gerenciamento do Relacionamento com o Cliente (Customer Relationship Management CRM) CRM Definição De um modo muito resumido, pode definir-se CRM como sendo uma estratégia de negócio que visa identificar, fazer crescer, e manter um relacionamento lucrativo e de longo prazo com os clientes.

Leia mais

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) dynam publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca Av. Carlos Gomes 141 Suite 411 - Porto Alegre. RS Tel. +55(11) 3522-5950 / (51)

Leia mais

O varejo e a era da disrupção

O varejo e a era da disrupção 10Minutos Varejo Total Retail 2015 - Pesquisa anual da PwC com os consumidores O varejo e a era da disrupção Destaques Os consumidores estão definindo sua própria abordagem de relacionamento com o varejo,

Leia mais

APRESENTAÇÃO. (63) 3225.6565 103 Norte, Avenida JK, Lote 147 Ed. Plaza Center, 1 Andar, Sala 05 Palmas/TO

APRESENTAÇÃO. (63) 3225.6565 103 Norte, Avenida JK, Lote 147 Ed. Plaza Center, 1 Andar, Sala 05 Palmas/TO APRESENTAÇÃO (63) 3225.6565 103 Norte, Avenida JK, Lote 147 Ed. Plaza Center, 1 Andar, Sala 05 Palmas/TO 1 A ArtemSite A ArtemSite é uma agência digital especializada em serviços para internet, com o foco

Leia mais

Aumente o valor do ciclo de vida de cada cliente

Aumente o valor do ciclo de vida de cada cliente Engajamento com o Cliente Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente Informativo Torne cada interação relevante e envolvente Aumente o valor do ciclo de vida de cada cliente Gerenciamento do ciclo de vida

Leia mais

Por muitos anos, investir cifras. Venda diferenciada. marketing conteúdo

Por muitos anos, investir cifras. Venda diferenciada. marketing conteúdo Venda diferenciada Para fechar negócios e estreitar relação com clientes, corretoras de seguros aderem ao Marketing de Conteúdo Lívia Sousa Por muitos anos, investir cifras altíssimas em ações publici-

Leia mais

A LB Comunica desenvolve estratégias e ações de marketing e comunicação, feitas sob medida para a realidade e as necessidades de cada cliente.

A LB Comunica desenvolve estratégias e ações de marketing e comunicação, feitas sob medida para a realidade e as necessidades de cada cliente. .a agência A LB Comunica desenvolve estratégias e ações de marketing e comunicação, feitas sob medida para a realidade e as necessidades de cada cliente. Nosso compromisso é auxiliar empresas e organizações

Leia mais

#10 PRODUZIR CONTEÚDO SUPER DICAS ATRATIVO DE PARA COMEÇAR A

#10 PRODUZIR CONTEÚDO SUPER DICAS ATRATIVO DE PARA COMEÇAR A #10 SUPER DICAS PARA COMEÇAR A Pantone 715 C 100% Black 80% Black C: 0 M: 55 Y: 95 K: 0 C: 0 M: 0 Y: 0 K: 100 C: 0 M: 0 Y: 0 K: 80 PRODUZIR CONTEÚDO ATRATIVO DE Confira estas super dicas para você produzir

Leia mais

APRESENTAÇÃO da Empresa

APRESENTAÇÃO da Empresa APRESENTAÇÃO da Empresa EMPRESA ÍNDICE - Sobre a empresa - Política de Qualidade e Código de ética - Comprometidos com a qualidade e satisfação do cliente 04 05 06 SERVIÇOS - Desenvolvimento de Sites -

Leia mais

Proposta Revista MARES DE MINAS

Proposta Revista MARES DE MINAS SATIS 2011 Proposta Revista MARES DE MINAS 21/03/2011 A SATIS Índice 1 A Satis 1 A Proposta 1 Serviços 2 Mapa do Site 2 SEO 3 Sistema de gerenciamento de conteudo 4 Cronograma e Prazos 5 Investimento 6

Leia mais

Navegando no produto e utilizando esse material de apoio, você descobrirá os benefícios do IOB Online Regulatório, pois só ele é:

Navegando no produto e utilizando esse material de apoio, você descobrirá os benefícios do IOB Online Regulatório, pois só ele é: 1. CONCEITO Completo, prático e rápido. Diante do aumento da complexidade da tributação e do risco fiscal, pelos desafios de conhecimento e capacitação e pela velocidade para acompanhar mudanças na legislação,

Leia mais

Conheça as soluções que irão transformar sua comunicação por email e trazer resultados expressivos.

Conheça as soluções que irão transformar sua comunicação por email e trazer resultados expressivos. Conheça as soluções que irão transformar sua comunicação por email e trazer resultados expressivos. O que é email marketing? Email marketing é o conceito de usar o e-mail como ferramenta de marketing direto.

Leia mais

Imagem corporativa e as novas mídias

Imagem corporativa e as novas mídias Imagem corporativa e as novas mídias Ellen Silva de Souza 1 Resumo: Este artigo irá analisar a imagem corporativa, mediante as novas e variadas formas de tecnologias, visando entender e estudar a melhor

Leia mais

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado

Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Mídias sociais nas empresas O relacionamento online com o mercado Maio de 2010 Conteúdo Introdução...4 Principais conclusões...5 Dados adicionais da pesquisa...14 Nossas ofertas de serviços em mídias sociais...21

Leia mais

O QUE É AUTOMAÇÃO DE MARKETING?

O QUE É AUTOMAÇÃO DE MARKETING? O QUE É AUTOMAÇÃO DE MARKETING? AUTOMAÇÃO DE MARKETING AJUDA A Fechar mais negócios Atrair mais potenciais clientes Entregue mais clientes já qualificados para a equipe de vendas e feche mais negócios

Leia mais

.net. Convidar. Eventos e Convites. www.convidar.net

.net. Convidar. Eventos e Convites. www.convidar.net www.convidar.net.net Convidar Eventos e Convites Convidar.net Eventos e Convites Junho/2013 Anuncie no Convidar.Net e receba mais visitas no seu site Capa ------------------------------------------------

Leia mais

Feimafe Informações Gerais

Feimafe Informações Gerais Líder Mundial na Organização de Eventos Qualquer que seja o setor de atuação......criamos contatos, conteúdos e comunidades com o poder de transformar seus negócios. Feimafe Informações Gerais Sumário

Leia mais

E-books. E-mail marketing. Sebrae. E-mail 1.0 vs E-mail 2.0. Formatos de conteúdo 2.0. Crescimento da base de contato. Ser mobile é ser 2.0.

E-books. E-mail marketing. Sebrae. E-mail 1.0 vs E-mail 2.0. Formatos de conteúdo 2.0. Crescimento da base de contato. Ser mobile é ser 2.0. E-books Sebrae Marketing e Vendas E-mail marketing E-mail 1.0 vs E-mail 2.0 Formatos de conteúdo 2.0 Crescimento da base de contato Ser mobile é ser 2.0 Métricas Autor Felipe Orsoli 1 SUMÁRIO 1 - Introdução...

Leia mais

PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS

PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS PROPOSTA MICRO-FRANQUIAS ON-LINE Plano Promo ADQUIRA JÁ O SEU! Até dia 01/05/2015 Alterada dia 26/02/2015-16h00 Venha fazer parte do sucesso de vendas de camisetas que mais cresce na Internet... Já são

Leia mais

Os serviços de Campanha Digital são oferecidos pelo Portal BRASIL POSTOS COMERCIO DE MAQUINAS E EQUIPAMENTOS LTDA ME. CNPJ : 08.242.

Os serviços de Campanha Digital são oferecidos pelo Portal BRASIL POSTOS COMERCIO DE MAQUINAS E EQUIPAMENTOS LTDA ME. CNPJ : 08.242. 1 2 Apresentação O Portal Brasil Postos é uma plataforma digital desenvolvida para a geração de negócios, relacionamento e informação para o segmento de postos de combustíveis, lubrificação e Lojas de

Leia mais

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. www.docpix.net

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. www.docpix.net APRESENTAÇÃO COMERCIAL www.docpix.net QUEM SOMOS Somos uma agência digital full service, especializada em desenvolvimento web, de softwares e marketing online. A Docpix existe desde 2010 e foi criada com

Leia mais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais Os desafios do Bradesco nas redes sociais Atual gerente de redes sociais do Bradesco, Marcelo Salgado, de 31 anos, começou sua carreira no banco como operador de telemarketing em 2000. Ele foi um dos responsáveis

Leia mais

Série Manuais. Tudo o que você deve saber sobre SPAM

Série Manuais. Tudo o que você deve saber sobre SPAM Série Manuais Tudo o que você deve saber sobre SPAM www.allinmail.com.br introdução Com o objetivo de instruir cada vez mais nossos clientes, criamos este documento que esclarece as dúvidas mais comuns

Leia mais

DIFERENCIAIS SERVIÇOS. 1. Desenvolvimento De Sites Personalizados

DIFERENCIAIS SERVIÇOS. 1. Desenvolvimento De Sites Personalizados DIFERENCIAIS Acredito que o desenvolvimento de soluções para Internet não é um trabalho qualquer, deve-se ter certa experiência e conhecimento na área para projetar sistemas que diferenciem você de seu

Leia mais

Um conjunto de soluções para sua empresa se comunicar e vender mais! Guia de Produtos e Serviços. Abril de 2011

Um conjunto de soluções para sua empresa se comunicar e vender mais! Guia de Produtos e Serviços. Abril de 2011 Um conjunto de soluções para sua empresa se comunicar e vender mais! Guia de Produtos e Serviços Abril de 2011 1 2 Plural Consultoria 3 Plural Tecnologia Menu A plural se organizou em três divisões para

Leia mais

Cross-Channel Marketing Platform. Aproximando marcas e consumidores em tempo real.

Cross-Channel Marketing Platform. Aproximando marcas e consumidores em tempo real. Cross-Channel Marketing Platform Aproximando marcas e consumidores em tempo real. Integração de dados muito mais completa. Obtenha visão panorâmica dos clientes por meio de insights relevantes. Tudo começa

Leia mais

Mercantil do Brasil: retendo clientes pelo atendimento nas redes sociais

Mercantil do Brasil: retendo clientes pelo atendimento nas redes sociais Mercantil do Brasil: retendo clientes pelo atendimento nas redes sociais Os bancos nas redes sociais Os bancos, assim como grande parte das empresas, vêm se tornando cada vez mais presentes nas redes sociais,

Leia mais

Portfolio de Produtos

Portfolio de Produtos Introdução O Guia de Produtos e Serviços da Assessoria de Comunicação (ASCOM) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi elaborado com o objetivo de apresentar os produtos e serviços prestados

Leia mais

É POSSIVEL GERAR VENDAS COM EMAIL MARKETING?

É POSSIVEL GERAR VENDAS COM EMAIL MARKETING? 1 2 É POSSIVEL GERAR VENDAS COM EMAIL MARKETING? Por que algumas empresas vendem milhões utilizando estratégias de e-mail marketing, enquanto outras não conseguem alcançar suas metas em vendas? É sobre

Leia mais

A confluência dos vídeos e a Internet

A confluência dos vídeos e a Internet WHITEPAPER A confluência dos vídeos e a Internet Por que sua empresa deveria investir em vídeos em 2013 e como a Construção Civil pode utilizar os vídeos como diferencial competitivo. 1 Saiba como os vídeos

Leia mais

Como gerar Relacionamentos MÍDIAS SOCIAIS

Como gerar Relacionamentos MÍDIAS SOCIAIS Como gerar Relacionamentos MÍDIAS SOCIAIS REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA 50 milhões de usuários IDADE MÍDIA 90 milhões de brasileiros na WEB, 70 milhões na rede social Facebook e mais de 30 milhões no Twitter ADEUS

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda, uma

Leia mais

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1 LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 Visão Brasil As cinco principais tendências em atração de talentos que você precisa saber 2013 LinkedIn Corporation. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Como Criar uma Nova Campanha. Série Manuais

Como Criar uma Nova Campanha. Série Manuais Como Criar uma Nova Campanha Série Manuais Como Criar uma Nova Campanha de Email 2 INTRODUÇÃO Para melhorar a qualidade de envio e o gerenciamento das campanhas de email marketing de nossos clientes, estamos

Leia mais