Manual Sage Retail v2011 Fase 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "www.sage.pt Manual Sage Retail v2011 Fase 1"

Transcrição

1 Manual Sage Retail v2011 Fase 1

2

3 Versão Autor Data Observações 2011 Sage Portugal 12/11/

4 Índice MANUAL SAGE RETAIL V2011 FASE ÍNDICE... 1 CARACTERÍSTICAS GERAIS... 2 Licenciamento...2 Certificação...2 Upgrade Gespos...4 Layout s de documentos... 4 Séries de documentos... 5 Séries de documentos tipificação...6 Natureza de documentos...6 Assinatura de documentos...7 Layout s...8 GESTÃO COMERCIAL Diagnóstico de assinaturas de documentos Saf-t Documentos suspensos Anulação de documentos criação de cópia Assistente de criação de documento de crédito Impressão de documentos - nº de vezes que o documento foi impresso Impressão de documentos - logotipo Impressão de documentos motivo de isenção de IVA Cópias de segurança automáticas Impressão etiquetas com base na alteração de preços optimização FRONT-OFFICE Cópias de segurança automáticas Função SUSPEND (SUSPENDER) Função DELETEDOC (ANULADOC) criação de cópia Função DEV (RETURNSALE) Função VEND (SALESMAN) parâmetros UPGRADE Migração de dados Gestexper GPE Migração de dados Gestexper Tpv Migração de dados Gestexper Gco Migração de dados Primavera Express v. 6.x Migração de dados Linha 50 movimentos... 18

5 Características Gerais Licenciamento Processo de licenciamento por registo via Internet ou via ficheiro. Certificação Todos os sujeitos passivos de IRS/IRC que tenham a sua facturação informatizada, devem usar programas certificados pela DGCI, para emissão das respectivas facturas ou documentos equivalentes. Excepções: Sujeitos passivos que verifiquem uma das seguintes condições: Usam aplicações produzidas internamente, das quais são detentores dos respectivos direitos de autor Praticam operações exclusivamente com clientes que exercem actividades de produção, comércio ou prestação de serviços, incluindo os de natureza profissional (ou seja, não vendem ao consumidor final) 2

6 Número de facturas, ou documentos equivalentes, no ano anterior inferior a Volume de negócios no ano anterior inferior a /01/2011 obrigatoriedade de uso de aplicações certificadas, por parte dos sujeitos passivos com volume de negócios superior a em /01/2012 obrigatoriedade de uso de aplicações certificadas, por parte dos sujeitos passivos com volume de negócios superior a e inferior a em A aplicação Sage Retail está em conformidade com as regras estipuladas pela Portaria nº 363/2010 de 23 de Junho, que regulamenta a certificação prévia dos programas informáticos de facturação, a que se refere o nº 8 do artº 123 do Código do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas (Código IRC). Poderá consultar a referida portaria em: 3

7 Upgrade Gespos Se detectada uma instalação da aplicação Gespos na máquina, será apresentada ao utilizador a possbilidade de migrar as empresas. Optando pela migração, será efectuada a cópia dos dados da empresa para a nova pasta de dados. Terá então que licenciar a aplicação... O nº de posto definido na empresa Gespos será respeitado. Layout s de documentos Após upgrade, ao arrancar a primeira vez com a aplicação, será apresentado um wizard para associação dos novos layout s de documentos de forma a que a impressão respeite as regras da certificação. Cada layout default da aplicação Gespos será associado automaticamente ao respectivo layout de Sage Retail. Ainda que esta associação seja efectuada automaticamente pela aplicação, o utilizador poderá definir um mapeamento de layout s diferente se assim o entender. Caso algum dos layout s não seja um dos default, será assumido PTGFactura Retail(1).LST ou PTGTalao Retail.TPL, consoante se trate de um layout A4 ou talão, respectivamente. No caso dos layout s de talão de stub, caso esteja configurado um diferente de PTGLavandarias STUB Servico.TPL, PTGLavandarias STUB TM Matricial.tpl ou PTGLavandarias STUB.TPL, será assumido o layout PTGTalao Retail.TPL 4

8 Séries de documentos Este wizard ajudará ainda o utilizador a definir as novas séries de documentos a usar em substituição das existentes. Deverá ainda ser parametrizada a série default. As séries definidas serão criadas como Assinada interna. Para mais informações relativamente à tipificação das séries de documentos leia Certificação / Séries de documentos tipificação. 5

9 Séries de documentos tipificação Catalogação do tipo de série de documentos. Assinada interna: para registo de documentos que têm que ser assinados de acordo com a Portaria nº 363/2010 de 23 de Junho. Na conversão de documentos por wizard só é possível converter para series assinadas. Não assinada interna: para reposição de documentos de natureza fiscal perdidos ou gerados por outro sistema. As séries de documentos provenientes de upgrade à aplicação Gespos serão tipificadas como não assinadas internas. Para mais informações relativamente à natureza de documentos leia Certificação / Natureza de documentos. Não assinada externa: para registo de documentos importados de outras aplicações. Além desta tipificação, as séries poderão ainda ser definidas como inactivas, impedindo a emissão de novos documentos. Natureza de documentos Classificação de documentos natureza fiscal e natureza não fiscal. Os documentos são classificados em duas grandes categorias/naturezas. Fiscal: documentos com conotação contabilística Venda a Dinheiro, Factura, Nota de Débito, Nota de Crédito, Talão de Venda, Talão de Devolução, Talão de Reembolso, Guia de Transporte, Guia de Remessa, Guia de Consignação, Devolução Consignação, Guia de Devolução e Adiantamento de Clientes. 6

10 Não fiscal: documentos sem conotação contabilística Talão de Desconto, Consumo Contrato, Orçamento, Factura Pro Forma, Encomenda, Folha de Obra, Interno-Def.Utilizador, V/Factura, V/Venda a Dinheiro, V/Nota de Débito, V/Nota de Crédito, N/Nota de Débito, N/Nota de Crédito, V/Guia de Remessa, N/Guia de Devolução, N/Guia de Transporte, N/Encomenda, V/Guia de Consignação, N/Devolução de Consignação, Interno-Def.Utilizador, Stock Inicial, Entrada de Stock, Saída de Stock, Transferência de Armazém, Composição, Decomposição, Contagem, Acerto, Recebimento/Pagamento Cliente, Pagamento/Recebimento Fornecedor, Pagamento/Recebimento Vendedor, Entrada de Caixa, Saída de Caixa, Lançamento em Conta Corrente, Recibo Bancário, Remessa Bancária, Depósito e Factura Rectificativa Assinatura de documentos Assinatura de documentos de natureza fiscal. Os documentos de natureza fiscal de uma série tipificada como Assinada Interna, serão assinados através do algoritmo RSA com base na informação descrita no nº 1 do artigo 6.º da Portaria nº 363/2010, de 23 de Junho, e na n/ chave privada. Para mais informações relativamente à tipificação da natureza e séries de documentos leia Certificação / Natureza de Documentos e Certificação / Séries de Documentos-tipificação. As assinaturas dos documentos concatenam diversos campos, nomeadamente: Data de criação do documento Data e hora da última alteração do documento Número do documento Valor do documento Assinatura gerada no documento anterior da mesma série Caso se verifique que a assinatura do documento anterior não é válida, o utilizador será informado. Caso se trate do primeiro documento da série/tipo ou do primeiro documento do exercício daquele tipo, este campo será assumido como não preenchido. Poderá consultar as especificação das regras técnicas para certificação de software em: DCB2B19547C3/44379/Especificacao_regras_tecnicas_Certificacao_Softwar.pdf 1º Aditamento: 7

11 Layout s Novos layout s de impressão de documentos. A impressão de um documento assinado terá obrigatoriamente que mencionar quatro caracteres da assinatura e a expressão Processado por programa certificado nº <Número do certificado atribuído pela DGCI/DGCI Sage Retail> em substituição da frase Processado por computador. Notas importantes: No caso de upgrade à aplicação Gespos, o utilizador poderá optar por um dos novos layout s que respeitam estas regras, ou, se preferir, alterar os layout s anteriormente em uso actualizando-os com as novas variáveis Se o documento não está assinado na base de dados e não tem número de documento atribuído, por se tratar de um documento de em preparação (documento suspenso), será impresso Documento Em preparação - NÃO PODE SER ENTREGUE AO CLIENTE Para mais informações relativamente a documentos em preparação leia Documentos Suspensos. Se o documento não está assinado na base de dados e tem um número atribuído, numa série de documentos tipificada como não assinada, será impresso "CÓPIA DO DOCUMENTO ORIGINAL ou DOCUMENTO NÃO CERTIFICADO" No caso da utilização do programa com uma licença do tipo formação ou em modo de demonstração, os documentos emitidos mencionam no cabeçalho os dados identificativos da Sage em vez da empresa cliente e será mpressa a expressão: Documento Emitido para Fins de Formação Se o documento está assinado na base de dados e apresenta uma natureza diferente das abaixo listadas será impresso Este documento não serve de factura Factura Venda a Dinheiro Nota de Débito Nota de Crédito Talão de Venda Talão de Devolução Talão de Reembolso Adiantamento de Cliente Na impressão de documento anulado é mencionado Este documento não serve de factura Na impressão de documento com assinatura inválida é mencionado Assinatura não confere 8

12 Na impressão de um documento são mencionados todos os documentos que estiveram na sua origem, nomeadamente documentos temporários e suspensos variável Cabecalho.Documento.ReferenciaOrigem Apenas será impressa a informação dos documentos temporários que tenham sido impressos (função IMPRIMETEM). Na impressão do documento é mencionado o modo de emissão do mesmo variável Rodape.Documento.Certificado Na impressão de um documento é mencionada a natureza do mesmo variável Cabecalho.Documento.Natureza Os novos layout s incluem ainda a informação da série e natureza do documento, bem como o Iva descriminado. Contemplam ainda uma secção para impressão das propriedades, componente e cores e tamanhos que estejam eventualmente associados aos produtos registados. Nos talões - *.TPL - é mencionada, em cabeçalho, a variável relativa ao logotipo - Empresa.Imagens.LogoImpTaloes e, em rodapé, uma secção para o cliente multibanco. No caso de descrições de produtos longas, será efectuada automaticamente a quebra de linha. 9

13 Gestão Comercial Diagnóstico de assinaturas de documentos Rotina de verificação de assinaturas de documentos. O utilizador poderá, a qualquer momento, listar os documentos cuja assinatura é inválida de acordo com as regras estipuladas pela Portaria nº 363/2010 de 23 de Junho Sistema Diagnóstico de Assinaturas de Documentos. Saf-t Exportação Saf-t de acordo com a Portaria nº 363/2010 de 23 de Junho. É exportada para os campos Hash e HashControl, de cada estrutura Invoice, a assinatura e a versão (números inteiros sequenciais) da chave privada respectiva, gravada previamente na base de dados quando se desencadeou o processo de gravação do documento São exportados todos os documentos, independentemente de estarem em séries assinadas ou não assinadas Relativamente às facturas criadas com base em documentos de conferência de mercadoria (guia de remessa, guia de transporte), mencionam a identificação dos referidos documentos no campo da linha do documento de venda com o índice Referência à encomenda (OrderReferences) 10

14 São mencionados os detalhes dos documentos anulados Documentos suspensos Gravação temporária de documentos em preparação para posterior reposição. Durante a emissão de um documento, este poderá ser suspenso sendo finalizado mais tarde. Ao emitir um novo documento para o mesmo cliente, o utilizador será avisado da existência do documento suspenso, podendo proceder então à sua reposição. A resposição de documentos suspensos poderá apenas ocorrer aquando emissão de novo documento do mesmo tipo, série e para o mesmo cliente. Caso haja mais do que um documento suspenso será apresentada uma lista podendo o utilizador seleccionar qual pretende repor no momento. Confirmando a reposição do documento, o utilizador poderá continuar a sua emissão até que esteja concluído podendo então ser gravado. 11

15 Anulação de documentos criação de cópia Criação de cópia de documento anulado. Aquando anulação de documento o utilizador pode optar por efectuar uma cópia do mesmo. Ao seleccionar a opção Sim, criando uma cópia será criado um novo documento com base no que está a ser anulado. Desta forma, o utilizador poderá efectuar as rectificações que pretende gravando à posteriori o novo documento. 12

16 O novo documento será criado na série default respeitando a numeração da mesma. Assistente de criação de documento de crédito Assistente para emissão automática de devoluções e notas de crédito. Possibilidade de emitir devoluções (talão de reembolso ou devolução) e notas de crédito com base em facturas, vendas a dinheiro, vendas a balcão ou notas de débito. Impressão de documentos - nº de vezes que o documento foi impresso Impressão de documentos contempla nº de vezes que documento é impresso. Disponibilizada a variável relativa ao nº de vezes que o documento foi impresso - Cabecalho.Documento.CopiasImpressas em todas as linhas de licenças. Impressão de documentos - logotipo Impressão de documentos contempla variável para identificação do logotipo da empresa. Disponibilizada a variável relativa ao ficheiro logotaloes.bmp - Empresa.Imagens.LogoImpTaloes Impressão de documentos motivo de isenção de IVA Disponibilizada variável relativa ao motivo de isenção de IVA - Corpo.IVA.MotivoIsencao 13

17 Cópias de segurança automáticas Execução automática de cópia de segurança ao sair da aplicação. Possibilidade de activar, por posto, a execução automática de cópias de segurança ao sair da aplicação Diversos Configurações Configurações de Postos Diversos Tenta cópia de segurança automática ao sair de. Poderá ser parametrizada a execução apenas ao sair de back-office ou front-office, como de ambos. No caso de base de dados MDB, não será efectuada a cópia de segurança caso, ao sair da aplicação, outro posto ou processo possuir a base de dados aberta. Em SQL é sempre efectuado o Backup. Caso já tenha sido efectuado o backup automático por esse posto nesse dia, mesmo que saia novamente da aplicação, não será executada nova segurança. Impressão etiquetas com base na alteração de preços optimização Aceleração da emissão de etiquetas com base na alteração de preços. A optimização da rotina de impressão de etiquetas de produtos com base na alteração de preços torna todo o processo muito mais rápida. Esta informação é contemplada nas comunicações via Gesfiliais, permitindo assim que a impressão das etiquetas não esteja limitada apenas à sede. 14

18 Front-Office Cópias de segurança automáticas Execução automática de cópia de segurança ao sair da aplicação. Possibilidade de activar, por posto, a execução automática de cópias de segurança ao sair da aplicação Diversos Configurações Configurações de Postos Diversos Backup automático ao encerrar. Função SUSPEND (SUSPENDER) Gravação temporária de documentos em preparação para posterior reposição. Para mais informações leia Documentos suspensos. Função DELETEDOC (ANULADOC) criação de cópia Criação de cópia de documento anulado. Para mais informações leia Anulação de documentos - criação de cópia. Função DEV (RETURNSALE) Assistente para emissão automática de devoluções e notas de crédito. Para mais informações leia Assistente de criação de documento de crédito. 15

19 Função VEND (SALESMAN) parâmetros Inserção da password como parâmetro da função. 16

20 Upgrade Migração de dados Gestexper GPE Migração de base de dados da aplicação Sage Gestexper GPE tabelas, stock e saldos de c/c Migração de dados Gestexper Tpv Migração de base de dados da aplicação Sage Gestexper Tpv tabelas, stock e saldos de c/c 17

21 Migração de dados Gestexper Gco Migração de base de dados da aplicação Sage Gestexper Gco tabelas e documentos de venda. Migração de dados Primavera Express v. 6.x Migração de base de dados da aplicação Primavera Express v. 6.x Substitui o script específico. Migração de dados Linha 50 movimentos Migração de dados Linha 50 inclui movimentos. 18

22 19

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas Certificação de Software Impacto nas operações das empresas Perguntas e respostas sobre o impacto da nova legislação relativa à certificação de software Page 2 of 5 Introdução A Portaria n.º 363/2010 de

Leia mais

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas Certificação de Software Impacto nas operações das empresas Perguntas e respostas sobre o impacto da nova legislação relativa à certificação de software Page 2 of 5 Introdução A Portaria n.º 363/2010 de

Leia mais

Funcionalidades Standard Premier Prestige Produto

Funcionalidades Standard Premier Prestige Produto FactuPlus Evolução Funcionalidades Standard Premier Prestige Produto base* Funcionalidades gerais dos produtos Nº de postos 1 3 5 1 Nº de empresas 2 25 50 2 Muti-Utilizador Base de Dados MDB MDB MDB MDB

Leia mais

Índice. 1. Enquadramento

Índice. 1. Enquadramento 1 Índice 1. Enquadramento 2. Enquadramento Legal a. Certificação Programas Facturação b. Requisitos c. Obrigações d. Emissão Certificado e. Sistema de Identificação f. Alterações SAF-T g. Especificações

Leia mais

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas Certificação de Software Impacto nas operações das empresas Perguntas e respostas sobre o impacto da nova legislação relativa à certificação de software Page 2 of 9 Introdução A Portaria nº 363/2010, de

Leia mais

FAQ S Certificação Software GM

FAQ S Certificação Software GM FAQ S Certificação Software GM Macwin - Sistemas Informáticos S.A. A Portaria nº 363/2010, de 23 de Junho de 2010, regulamentou o processo de certificação dos programas informáticos de facturação tendo

Leia mais

Manual Gespos Passagem de Dados Fecho de Ano

Manual Gespos Passagem de Dados Fecho de Ano Manual Gespos Passagem de Dados Fecho de Ano ÍNDICE PASSAGEM DE DADOS / FECHO DE ANO... 1 Objectivo da função... 1 Antes de efectuar a Passagem de dados / Fecho de Ano... 1 Cópia de segurança da base de

Leia mais

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas

Certificação de Software. Impacto nas operações das empresas Certificação de Software Impacto nas operações das empresas Perguntas e respostas sobre o impacto da nova legislação relativa à certificação de software Page 2 of 10 Introdução A Portaria nº 363/2010,

Leia mais

What s New Multi 2011. Certificação de Software Publicação da Portaria 363/2010

What s New Multi 2011. Certificação de Software Publicação da Portaria 363/2010 Certificação de Software Publicação da Portaria 363/2010 À Semelhança de medidas tomadas por administrações Fiscais de outros países, foi publicada em Portugal a portaria a regulamentar a Certificação

Leia mais

DR nº 17/2012 Ser. I Supl. 1. Portaria nº 22-A/2012 de 24-01-2012

DR nº 17/2012 Ser. I Supl. 1. Portaria nº 22-A/2012 de 24-01-2012 BDJUR - Vista de Impressão Imprimir Fec har DR nº 17/2012 Ser. I Supl. 1 Portaria nº 22-A/2012 de 24-01-2012 A Portaria n.º 363/2010, de 23 de junho, regulamentou o processo de certificação dos programas

Leia mais

SUPLEMENTO I SÉRIE ÍNDICE. Ministério das Finanças. Terça-feira, 24 de janeiro de 2012 Número 17

SUPLEMENTO I SÉRIE ÍNDICE. Ministério das Finanças. Terça-feira, 24 de janeiro de 2012 Número 17 I SÉRIE Terça-feira, 24 de janeiro de 2012 Número 17 ÍNDICE SUPLEMENTO Ministério das Finanças Portaria n.º 22-A/2012: Altera a Portaria n.º 363/2010, de 23 de junho, que regulamenta a certificação prévia

Leia mais

Certificação do Software

Certificação do Software - RUA PADRE ALEXANDRE,117-4100 037 PORTO - PORTUGAL Tel 226 003 662 - Fax 226 003 760 - Email gestware@gestware.pt ÍNDICE 1 NOVA VERSÃO... 3 1.1 NOME DAS APLICAÇÕES... 3 1.2 GAMA DAS APLICAÇÕES... 4 1.3

Leia mais

Especificação das Regras Técnicas para Certificação de Software Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho

Especificação das Regras Técnicas para Certificação de Software Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho Classificação: 070.05.01 DSPCIT-DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE PLANEAMENTO E COORDENAÇÃO DA INSPECÇÃO TRIBUTÁRIA Especificação das Regras Técnicas para Certificação de Software Portaria n.º 363/2010, de 23 de

Leia mais

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho Classificação: 070.05.01 DSPCIT-DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE PLANEAMENTO E COORDENAÇÃO DA INSPECÇÃO TRIBUTÁRIA FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho 1. ÂMBITO DE APLICAÇÃO

Leia mais

Certificação AT Portaria 22-A/2012 Página 2 de 9

Certificação AT Portaria 22-A/2012 Página 2 de 9 Certificação AT Portaria 22-A/2012 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 APLICABILIDADE... 4 1.2 IMPACTO DA INTRODUÇÃO DA LICENÇA CERTIFICADA EM SISTEMAS NÃO CERTIFICADOS... 4 1.3 ASSINATURA DE DOCUMENTOS EMITIDOS PELO

Leia mais

Configuração inicial para gestão de contas correntes bancárias

Configuração inicial para gestão de contas correntes bancárias Página 1 de 11 Configuração inicial para gestão de contas correntes bancárias Deverá iniciar a utilização criando as tabelas relacionadas com bancos. Note que no GESPOS estão previamente configurados uma

Leia mais

INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS

INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS Só os Técnicos Oficiais de Contas estão habilitados técnica e legalmente a responsabilizarem-se pela sua contabilidade.

Leia mais

As novas regras de facturação para 2013 Novidades no Software PHC CS. Principais alterações em todas as gamas da versão 2013 do PHC CS.

As novas regras de facturação para 2013 Novidades no Software PHC CS. Principais alterações em todas as gamas da versão 2013 do PHC CS. As novas regras de facturação para 2013 Novidades no Software PHC CS Principais alterações em todas as gamas da versão 2013 do PHC CS. Índice 1. Documentos que deixam de ser utilizados... 3 2. Factura

Leia mais

Sistema de Gestão WINTOUCH. Boletim técnico v2011

Sistema de Gestão WINTOUCH. Boletim técnico v2011 Sistema de Gestão WINTOUCH Boletim técnico v2011 Pág. 2 CERTIFICAÇÃO Pág. 3 De modo ir ao encontro das disposições definidas na Portaria 363/2010 de 23 de Junho, a versão 2011 incorpora um conjunto de

Leia mais

Resumo. As novas regras de Faturação para 2013

Resumo. As novas regras de Faturação para 2013 Resumo As novas regras de Faturação para 2013 Fontes: Decreto-Lei n.º 197/2012 Decreto-Lei n.º 198/2012 Ofícios Circulados 30.136 OE 2013 e restantes comunicações da AT Resumo 1. Regras de Faturação 2.

Leia mais

Certificação de Programas Informáticos de Facturação. Alterações:

Certificação de Programas Informáticos de Facturação. Alterações: Certificação de Programas Informáticos de Facturação Alterações: Lei nº 64 B/2011 de 30 de Dezembro (OE 2012) Portaria nº 22-A/2012 de 24 de Janeiro Ofício circulado nº 50.000/2012 de 26 de Janeiro 1 O

Leia mais

A simplicidade do seu funcionamento permite ser utilizado por qualquer pessoa mesmo sem conhecimentos de informática.

A simplicidade do seu funcionamento permite ser utilizado por qualquer pessoa mesmo sem conhecimentos de informática. O WinAvenças Pro é um software destinado a faturação de serviços e produtos. A quem se destina: para todas as empresas que necessitem de um programa de faturação completo e certificado e fácil de utilizar.

Leia mais

Certificação de Software de Facturação. A nova versão do PHC CS vai estar preparada para a nova lei da Certificação de Programas de Facturação.

Certificação de Software de Facturação. A nova versão do PHC CS vai estar preparada para a nova lei da Certificação de Programas de Facturação. Certificação de Software de Facturação A nova versão do PHC CS vai estar preparada para a nova lei da Certificação de Programas de Facturação. Índice Mudanças nesta nova lei para 2012... 3 Saiba o que

Leia mais

NOVAS REGRAS DE FATURAÇÃO

NOVAS REGRAS DE FATURAÇÃO NOVAS REGRAS DE FATURAÇÃO DOCUMENTOS DE FATURAÇÃO E COMUNICAÇÃO À AT W: www.centralgest.com E: comercial@centralgest.com 1987-2013 CentralGest - Produção de Software S.A. T: (+351) 231 209 530 Todos os

Leia mais

4200-314 PORTO 1250-102 LISBOA Telef. 22 5512000 Telef. 21 3976961/2 Fax 22 5512099 Fax 21 3962187

4200-314 PORTO 1250-102 LISBOA Telef. 22 5512000 Telef. 21 3976961/2 Fax 22 5512099 Fax 21 3962187 Gestão Definição A Gestão determina as características da actividade da empresa no mercado, controlando as relações entre a tesouraria, o potencial e a rotação de produtos, os vendedores, os clientes,

Leia mais

Módulo de CRM. Customer Relationship Management [VERSÃO 1.0] [APRESENTAÇÃO DE FUNCIONALIDADES]

Módulo de CRM. Customer Relationship Management [VERSÃO 1.0] [APRESENTAÇÃO DE FUNCIONALIDADES] Módulo de CRM Customer Relationship Management [VERSÃO 1.0] [APRESENTAÇÃO DE FUNCIONALIDADES] Um software com cada vez mais funcionalidades a pensar no seu negócio! A quem se destina As empresas que pretendem

Leia mais

As novas regras de Facturação para 2013 e o sistema PHC FX

As novas regras de Facturação para 2013 e o sistema PHC FX Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o sistema PHC FX Quais as empresas que estão obrigadas a enviar os elementos das Facturas à AT? As pessoas, singulares ou colectivas,

Leia mais

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 120/2010, Série I, de 23/06, Páginas 2221-2223.

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 120/2010, Série I, de 23/06, Páginas 2221-2223. MOD. 4.3 Classificação: 0 6 0. 0 1. 0 1 Segurança: P úbl i c a Processo: Direção de Serviços de Comunicação e Apoio ao Contribuinte Diploma Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho Estado: vigente Legislação

Leia mais

Gestix Certificação DGCI Gestix Business, POS, Life e Enterprise. Gestix.com

Gestix Certificação DGCI Gestix Business, POS, Life e Enterprise. Gestix.com Gestix Certificação DGCI Gestix Business, POS, Life e Enterprise Gestix Certificação DGCI A quem é exigido A utilização de versões Gestix certificadas pela DGCI é exigida a partir de 1 de Janeiro de 2011

Leia mais

IVA 2013. Novas regras na facturação e na circulação de mercadorias. Janeiro - 2013. 1 J. Gante

IVA 2013. Novas regras na facturação e na circulação de mercadorias. Janeiro - 2013. 1 J. Gante IVA 2013 Novas regras na facturação e na circulação de mercadorias Janeiro - 2013 1 J. Gante Legislação Dir. 2008/08/CE Dir. 2010/45/UE DL 197/2012 DL 198/2012 ( 24 de Agosto ) Ofício 30.136/2012 Ofício

Leia mais

Vantagens da solução Starter Easy

Vantagens da solução Starter Easy Vantagens da solução Starter Easy Software certificado A solução Starter Easy obedece às regras de certificação dos programas informáticos de faturação definidos pela Autoridade Tributária, conforme o

Leia mais

Certificação facturação

Certificação facturação NOVAS REGRAS DE FACTURAÇÃO Formador: Maria Mestra Carcavelos, Janeiro de 2013 SEDE AVª General Eduardo Galhardo, Edificio Nucase, 115 2775-564 Carcavelos tel. 214 585 700 fax. 214 585 799 www.nucase.pt

Leia mais

Gescom Enterprise 8.9. Questões legais

Gescom Enterprise 8.9. Questões legais Gescom Enterprise 8.9 A versão GESCOM Enterprise 8.9 sofreu várias alterações com o intuito de permitir uma maior usabilidade, cumprir com as obrigações legais (despacho n.º 8632/2014) e garantir uma maior

Leia mais

aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC

aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC No POS posso continuar a utilizar os talões de venda? Não. Passa

Leia mais

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Manual básico do Utilizador Software de Facturação e Gestão Comercial On-line Level 7 Basic, Light & Premium Este Software é fornecido com um número de

Leia mais

NOVAS REGRAS SOBRE UTILIZAÇÃO DE PROGRAMAS INFORMÁTICOS DE FATURAÇÃO

NOVAS REGRAS SOBRE UTILIZAÇÃO DE PROGRAMAS INFORMÁTICOS DE FATURAÇÃO NOVAS REGRAS SOBRE UTILIZAÇÃO DE PROGRAMAS INFORMÁTICOS DE FATURAÇÃO Direção de Serviços de Comunicação e Apoio ao Contribuinte Legislação: Portaria n.º 363/2010, de 23 de junho, após a primeira alteração

Leia mais

www.sage.pt Manual Sage Retail/Gestão Comercial/Gespos/POS Plus/FactuPlus Evolução v2013.02.01

www.sage.pt Manual Sage Retail/Gestão Comercial/Gespos/POS Plus/FactuPlus Evolução v2013.02.01 www.sage.pt Manual Sage Retail/Gestão Comercial/Gespos/POS Plus/FactuPlus Evolução v2013.02.01 Versão Autor Data Observações 2013 Sage Portugal Maio 2013 2013.02.01 www.sage.pt Índice ALTERAÇÕES PARA ADEQUAÇÃO

Leia mais

Novas Regras de Facturação 2013. Legislação: Decreto-Lei n.º197/2012, de 24/8/12 Decreto-Lei n.º198/2012, de 24/8/12. Oficio circulado 30136 da DSIVA

Novas Regras de Facturação 2013. Legislação: Decreto-Lei n.º197/2012, de 24/8/12 Decreto-Lei n.º198/2012, de 24/8/12. Oficio circulado 30136 da DSIVA Legislação: Decreto-Lei n.º197/2012, de 24/8/12 Decreto-Lei n.º198/2012, de 24/8/12 Oficio circulado 30136 da DSIVA Portaria 382/2012 (SAF-T) OE 2013 Este documento não responsabiliza a Sage por qualquer

Leia mais

Saudade e Silva - Serviços de Contabilidade, Lda

Saudade e Silva - Serviços de Contabilidade, Lda Saudade e Silva - Serviços de Contabilidade, Lda Email: ssgeral@saudadeesilva.com NOVO REGIME DE FATURAÇÃO Alterações para 2013, em matéria de faturação e transporte de mercadorias. Legislação aplicável:

Leia mais

Acesso ao Comercial. Ajudas para trabalhar mais eficientemente com o programa

Acesso ao Comercial. Ajudas para trabalhar mais eficientemente com o programa Acesso ao Comercial Ajudas para trabalhar mais eficientemente com o programa Neste Manual são apresentados écrans preenchidos com dados para melhor exemplificar as funcionalidades do programa. O uso do

Leia mais

INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 41/2013. Certificação de Programas de Faturação

INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 41/2013. Certificação de Programas de Faturação INFORMAÇÃO TÉCNICA N.º 41/2013 Certificação de Programas de Faturação A presente informação técnica substitui a informação n.º 6/2012 e a n.º 22/2010, introduzindolhe as atualizações resultantes da Portaria

Leia mais

CERTIFICAÇÃO DO SOFTWARE DE FACTURAÇÃO

CERTIFICAÇÃO DO SOFTWARE DE FACTURAÇÃO CERTIFICAÇÃO DO SOFTWARE DE FACTURAÇÃO A SoftNova vai garantir a Certificação do Software de Facturação em conformidade com as regras da Direcção-Geral dos Impostos (DGCI). A partir de 1 de Janeiro de

Leia mais

Alterações Fiscais. XD Rest/Pos. Portaria nº 160/2013 de 23 de Abril

Alterações Fiscais. XD Rest/Pos. Portaria nº 160/2013 de 23 de Abril Alterações Fiscais XD Rest/Pos Portaria nº 160/2013 de 23 de Abril 1 Alterações Fiscais Tendo em conta as alterações previstas na Portaria n.º 160/2013 de 23 de Abril com entrada em vigor prevista a partir

Leia mais

FAQ s PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE ÓTICA DO UTILIZADOR PRINCIPAIS ALTERAÇÕES

FAQ s PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE ÓTICA DO UTILIZADOR PRINCIPAIS ALTERAÇÕES Classificação: 000.01.09 Seg.: P ú b l i c a Proc.: 1 6 / 2 0 1 2 GABINETE DO SUBDIRETOR-GERAL DA INSPEÇÃO TRIBUTÁRIA FAQ s PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE ÓTICA DO UTILIZADOR (Em vigor após 1 de

Leia mais

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho Classificação: 070.05.01 DSPCIT-DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE PLANEAMENTO E COORDENAÇÃO DA INSPECÇÃO TRIBUTÁRIA FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho 1. ÂMBITO DE APLICAÇÃO

Leia mais

VERSÃO 4.22.08 [ 14.10.2008 ]

VERSÃO 4.22.08 [ 14.10.2008 ] ( R E L A T Ó R I O D F R - S O F T ) P á g. 1 VERSÃO 4.22.08 [ 14.10.2008 ]..:: NOTAS IMPORTANTES PARA A INSTALAÇÃO ::.. 1. Imprimir o documento RELATORIO 4.22 no cliente. 2. Se a versão que está instalada

Leia mais

Depois de instalado o software Gestix 5.0 Certificado AT o sistema fica pronto para comunicar as guias de transporte.

Depois de instalado o software Gestix 5.0 Certificado AT o sistema fica pronto para comunicar as guias de transporte. Comunicação documentos de transporte Gestix 5.0 Depois de instalado o software Gestix 5.0 Certificado AT o sistema fica pronto para comunicar as guias de transporte. É Facil e rapido. Comunicação dos Documentos

Leia mais

Sobre a WISEDAT. A Wisedat Software Solutions é uma empresa dedicada. ao desenvolvimento de soluções em software, que sejam

Sobre a WISEDAT. A Wisedat Software Solutions é uma empresa dedicada. ao desenvolvimento de soluções em software, que sejam Catálogo Sobre a WISEDAT A Wisedat Software Solutions é uma empresa dedicada ao desenvolvimento de soluções em software, que sejam bem desenhadas, amigáveis, com uma ótima relação qualidade/preço e que

Leia mais

XXXX xxxxxxx Assembleia da República n.º 124/2011

XXXX xxxxxxx Assembleia da República n.º 124/2011 Quarta alteração à Portaria n.º 363/2010, de 23 de junho que regulamenta a certificação prévia dos programas informáticos de faturação do Código do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas A Portaria

Leia mais

GM Light GM POS GESTÃO COMERCIAL. O parceiro ideal nas tecnologias de Informação

GM Light GM POS GESTÃO COMERCIAL. O parceiro ideal nas tecnologias de Informação GM As soluções de Gestão comercial GM são uma ferramenta essencial e indispensável para a correcta gestão de negócio e fomentador do crescimento sustentado das Empresas. Criado de raiz para ser usado em

Leia mais

GUIA DE PROCEDIMENTOS E CONFIGURAÇÕES. Inclui informações sobre Cópias de Segurança e Comunicação do Inventário de Existências

GUIA DE PROCEDIMENTOS E CONFIGURAÇÕES. Inclui informações sobre Cópias de Segurança e Comunicação do Inventário de Existências GUIA DE PROCEDIMENTOS E CONFIGURAÇÕES Inclui informações sobre Cópias de Segurança e Comunicação do Inventário de Existências Alidata Versão 1.0 Data de Criação: 15.12.2014 INTRODUÇÃO Este documento inclui

Leia mais

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio!

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio! Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP Otimize a Gestão do Seu Negócio! Universo da Solução de Gestão SENDYS ERP Financeira Recursos Humanos Operações & Logística Comercial & CRM Analytics & Reporting

Leia mais

www.sysdevsolutions.com Driver Eticadata Versão 1.0 de 07-03-2011 Português

www.sysdevsolutions.com Driver Eticadata Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Driver Eticadata Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Índice Configuração dos documentos no Backoffice.... 3 Driver ERP Eticadata... 5 Configurações principais... 5 Configurações do vendedor... 6 Configurações

Leia mais

G e s t ã o C o m e r c i a l

G e s t ã o C o m e r c i a l Gabinetes de Contabilidade Pequenas e Médias Empresas Contabilistas Software LogiWin G e s t ã o C o m e r c i a l GENERALIDADES Este software destina-se a todas a áreas de actividade. Trata-se de uma

Leia mais

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho

FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho Classificação: 07 0. 0 5. 0 1 DSPCIT-DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE PLANEAMENTO E COORDENAÇÃO DA INSPECÇÃO TRIBUTÁRIA FAQs PORTARIA DE CERTIFICAÇÃO DE SOFTWARE Portaria n.º 363/2010, de 23 de Junho 1. ÂMBITO

Leia mais

sage Infologia50 Contabilidade

sage Infologia50 Contabilidade Contabilidade Nova Versão SAFT-PT Sage 2008 e Analisador SAFT: Validação, consulta e exploração de dados do ficheiro SAFT. Automatização do CMVMC: Automatização do CMVMC, permitindo a introdução da existência

Leia mais

Facturação (Questões a Abordar)

Facturação (Questões a Abordar) 1 ção (Questões a Abordar) 1. Emissão de facturas Normas fiscais aplicáveis Quem está obrigado; Quais os tipos de documentos a emitir; Elementos obrigatórios dos documentos; Quais as formas de emissão

Leia mais

Manual Upgrade para a Versão 6

Manual Upgrade para a Versão 6 Manual Upgrade para a Versão 6 Gabinete de Manutenção Informática Unipessoal, Lda. Rua Rui de Pina, 1B 2805-241 Almada Tel. 21 274 34 41 Fax. 21 274 34 43 www.gmi.co.pt * geral@gmi.mail.pt -1- Conteúdo

Leia mais

Manual do GesFiliais

Manual do GesFiliais Manual do GesFiliais Introdução... 3 Arquitectura e Interligação dos elementos do sistema... 4 Configuração do GesPOS Back-Office... 7 Utilização do GesFiliais... 12 Outros modos de utilização do GesFiliais...

Leia mais

prodj Condições Gerais de Venda On-line

prodj Condições Gerais de Venda On-line Índice 1. Contactos da prodj... 2 2. Processo de compra na loja on line da prodj... 2 2.1. Registo introdução, correcção e eliminação de dados pessoais... 2 2.2. Segurança no registo... 2 2.2. Compra...

Leia mais

Manual Gespos Talões de Reembolso Cheques Prenda

Manual Gespos Talões de Reembolso Cheques Prenda Manual Gespos Talões de Reembolso Cheques Prenda ÍNDICE O MANUAL DE TALÕES DE REEMBOLSO/CHEQUES PRENDA... 1 Introdução... 1 Objectivos... 1 Condições de Utilização... 1 TALÕES DE REEMBOLSO/CHEQUE PRENDA...

Leia mais

Obrigação de comunicação à AT

Obrigação de comunicação à AT Obrigação de comunicação à AT Perguntas e respostas sobre o impacto das novas regras de comunicação à AT nas empresas Page 2 of 10 Introdução A Publicação do Decreto-Lei nº 197/2012, de 24 de agosto introduz

Leia mais

ZSRest. Manual Configuração. Permissões Empregados. V2011 - Certificado

ZSRest. Manual Configuração. Permissões Empregados. V2011 - Certificado Manual Configuração Permissões Empregados V2011 - Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Permissões Empregados/Operadores... 3 2 2. Introdução O presente manual foi criado com o objectivo de ajudar

Leia mais

SCORE Product Technician

SCORE Product Technician Coordenação PRIMAVERA Academy Destinatários Este programa de formação destina-se a técnicos ou potenciais técnicos que pretendam enveredar por uma carreira nas TIs, obtendo as competências básicas para

Leia mais

Regime de bens em circulação e SAF-T

Regime de bens em circulação e SAF-T Regime de bens em circulação e SAF-T Novas regras Julho 2013 Legislação Quem está abrangido Emissão de documentos transporte Comunicação de documentos à AT SAF-T Oportunidades comerciais Sage Portugal

Leia mais

Princalculo Contabilidade e Gestão

Princalculo Contabilidade e Gestão COMUNICAÇÃO EXTERNA Junho/2013 REGIME DOS BENS EM CIRCULAÇÃO A obrigação é a partir de quando? 1 de Julho de 2013 Quem está obrigado? Os que no ano anterior tiveram um volume de negócios superior a 100.000

Leia mais

TESOURARIA. Âmbito. Avisos a Clientes Proposta e emissão de avisos de débitos em atraso de clientes.

TESOURARIA. Âmbito. Avisos a Clientes Proposta e emissão de avisos de débitos em atraso de clientes. Página1 TESOURARIA Âmbito Recibos O módulo de recibos do Multi permite associar os valores recebidos de terceiros aos documentos regularizados, registar os meios de liquidação e emitir o Recibo. O recibo

Leia mais

A comunicação obrigatória da faturação. Regime dos Bens de Circulação. O paradigma em mudança

A comunicação obrigatória da faturação. Regime dos Bens de Circulação. O paradigma em mudança Lisboa, 16 de Abril de 2013 União das Associações de Comércio e Serviços A comunicação obrigatória da faturação Regime dos Bens de Circulação O paradigma em mudança 1 Parte I A FATURAÇÃO 2 A COMUNICAÇÃO

Leia mais

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest/ZSPos FrontOffice... 4 4. Produto... 5 Activar gestão de stocks... 5 5. Armazém... 7 a) Adicionar Armazém... 8 b) Modificar Armazém... 8 c)

Leia mais

Facturação (Questões a Abordar)

Facturação (Questões a Abordar) Alterações Legislativas "E-" Dr. Manuel Gonçalves Cecílio ISG Instituto Superior de Gestão 10 Janeiro 2013 1 ção (Questões a Abordar) 1. Emissão de facturas Quem está obrigado; Quais os tipos de documentos

Leia mais

Transformamos Informação em Conhecimento

Transformamos Informação em Conhecimento Transformamos Informação em Conhecimento Contabilidade Parametrização automática de uma estrutura para centros de custo. Automatização de tipos de lançamentos. Tratamento automático do final do exercício.

Leia mais

MANUAL ARTSOFT Mobile AutoSales

MANUAL ARTSOFT Mobile AutoSales MANUAL ARTSOFT Mobile AutoSales INDÍCE O que é?... 3 Como se configura?... 3 ARTSOFT... 3 ANDROID... 3 Login... 4 Home... 5 Funcionalidades... 6 Sincronização... 6 Contas... 7 Consultas... 7 Resumos...

Leia mais

Parte I - A FATURAÇÃO

Parte I - A FATURAÇÃO Assuntos a tratar: o A Comunicação Obrigatória de Faturação o Regime dos Bens em Circulação Parte I - A FATURAÇÃO A COMUNICAÇÃO OBRIGATÓRIA DA FATURAÇÃO Criada pelo DL 198/2012 de 24 de Agosto em vigor

Leia mais

Regime dos Bens em Circulação (RBC)

Regime dos Bens em Circulação (RBC) 1 Regime dos Bens em Circulação (RBC) Decreto-Lei n.º 147/2003, de 11/7 Alterado pelo Decreto-Lei n.º 198/2012, de 24/8 Alterado pela Lei n.º 66-B/2012 (OE/2013) Portaria 160/2013 de 23 de Abril Portaria

Leia mais

aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC

aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC aprenderphc - Sessão de esclarecimentos online Perguntas mais frequentes sobre As novas regras de Facturação para 2013 e o Software PHC No POS posso continuar a utilizar os talões de venda? Não. Passa

Leia mais

Passagem de Ano Primavera Software

Passagem de Ano Primavera Software Passagem de Ano Primavera Software Linha Profissional v 7 Manual Dezembro 2009 Procedimentos Fim de Ano A finalidade deste documento é, essencialmente, clarificar os procedimentos a considerar antes da

Leia mais

Menu Geral! 5. Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5. Como configurar o FactWeb e os Dados da Empresa?! 6

Menu Geral! 5. Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5. Como configurar o FactWeb e os Dados da Empresa?! 6 Índice Menu Geral! 5 Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5 Como configurar o FactWeb e os Dados da Empresa?! 6 Envio de documentos via Email! 10 Ligação com Loja online "oscommerce"! 10 Configurações

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS Departamento: Fiscalidade, Direito Comum e do Trabalho MANUAL DE PROCEDIMENTOS 01 de Janeiro de 2013 NOVO REGIME DE FACTURAÇÃO 2013 ASPETOS A TER EM CONTA NA FATURAÇÃO VIA INFORMATICA Pedro Moreira Fiscalista

Leia mais

Certificação de software para a emissão de Documentos de Transporte:

Certificação de software para a emissão de Documentos de Transporte: Certificação de software para a emissão de Documentos de Transporte: A 1 de Julho de 2013 entraram em vigor as novas regras para os Documentos de Transporte. Passa a ser obrigatório a comunicação, de todos

Leia mais

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo,

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, Módulo POS Loja O que é um POS? Para que serve? POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, uma Loja que efetue venda ao público. Por outras palavras,

Leia mais

PHC InterOp CS. O aumento da produtividade da área financeira

PHC InterOp CS. O aumento da produtividade da área financeira PHC InterOp CS O aumento da produtividade da área financeira A solução para o aumento significativo da produtividade da área financeira, através da execução simplificada e rápida de tarefas e operações

Leia mais

A comunicação da faturação As alterações ao SAFT-PT Regime de Bens em Circulação

A comunicação da faturação As alterações ao SAFT-PT Regime de Bens em Circulação Lisboa, 04 de Junho de 2013 União das Associações de Comércio e Serviços A comunicação da faturação As alterações ao SAFT-PT Regime de Bens em Circulação 1 Parte I A FATURAÇÃO 2 A COMUNICAÇÃO OBRIGATÓRIA

Leia mais

Manual Gestix Personalização de Documentos. Gestix.com

Manual Gestix Personalização de Documentos. Gestix.com Manual Gestix Personalização de Documentos Gestix.com Objectivo Este manual tem por objectivo ajudar o profissional e o utilizador com conhecimentos técnicos a personalizar o layout das facturas e outros

Leia mais

Alterações fiscais Julho 2013. Boletim técnico

Alterações fiscais Julho 2013. Boletim técnico Alterações fiscais Julho 2013 Boletim técnico ÍNDICE Conteúdo ÍNDIC E... 2 Introdução... 3 Pré-requisitos... 3 Recomendações... 3 PORTAL DAS FIN ANÇAS... 4 WGES... 5 Configuração... 5 Envio dos documentos...

Leia mais

PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto

PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto Como efetuo a mudança de ano do Ponto de Venda? No Programa Express aceda a Tabelas Pontos de Venda Postos de Venda abrir o separador Movimentos Caixa e: -

Leia mais

Paula Teixeira Manuel Fernandes. 15 de Janeiro de 2015. www.sage.pt 1

Paula Teixeira Manuel Fernandes. 15 de Janeiro de 2015. www.sage.pt 1 Paula Teixeira Manuel Fernandes 15 de Janeiro de 2015 www.sage.pt 1 Sage Portugal Apresentação www.sage.pt 2 Agenda 1.0 Comunicação de inventários à AT 1.1 Breve resumo legal 1.2 Boas práticas 1.3 A solução

Leia mais

Índice. Menu Gestão 49 Como posso fazer um Plano de Orçamento Anual? 49 Como posso analisar todos os Documentos não liquidados? 51. Menu Relatórios 52

Índice. Menu Gestão 49 Como posso fazer um Plano de Orçamento Anual? 49 Como posso analisar todos os Documentos não liquidados? 51. Menu Relatórios 52 Índice Menu Geral 5 Como obter uma análise rápida do meu negócio? 5 Como configurar o KeyInvoice e os Dados da minha Empresa? 5 Como criar e gerir os Utilizadores? 9 Como posso alterar a minha Senha de

Leia mais

Ficha de Fornecedor. Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida

Ficha de Fornecedor. Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida Ficha de Fornecedor Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida Consulta de todas as entradas de material deste Fornecedor Poderá realizar Notas de Encomenda, Devoluções,

Leia mais

Notas de upgrade para a versão 4.2 do MSS Português

Notas de upgrade para a versão 4.2 do MSS Português Português Índice 1-Cliente Consumidor Final... 3 2-Guias de transporte... 3 3-Guias de remessa... 3 4-Guias de Devolução e Notas de Crédito... 4 5-Documentos de Stock... 4 6-Exportação de documentos de

Leia mais

PHC Faturação CS. Chegou o software de faturação para todos

PHC Faturação CS. Chegou o software de faturação para todos PHC Faturação CS Chegou o software de faturação para todos Simples e fácil de usar para pequenos negócios, PME e trabalhadores independentes. Tudo o que precisa para começar a faturar. BUSINESS AT SPEED

Leia mais

www.sysdevsolutions.com Driver Artsoft Versão 1.0 de 07-03-2011 Português

www.sysdevsolutions.com Driver Artsoft Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Driver Artsoft Versão 1.0 de 07-03-2011 Português Índice Configuração dos documentos no Backoffice.... 3 Driver ERP Artsoft... 5 Configurações principais... 5 Configurações do vendedor... 6 Configurações

Leia mais

Menu Geral! 5. Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5. Como configurar o POWERFACT e os Dados da Empresa?! 7

Menu Geral! 5. Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5. Como configurar o POWERFACT e os Dados da Empresa?! 7 Índice Menu Geral! 5 Como obter uma análise rápida do meu negócio?! 5 Como configurar o POWERFACT e os Dados da Empresa?! 7 Envio de documentos via Email! 10 Ligação com Loja online "oscommerce"! 10 Configurações

Leia mais

FACTURAS E DOCUMENTOS DE TRANSPORTE *** ÚLTIMAS ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO TRABALHO

FACTURAS E DOCUMENTOS DE TRANSPORTE *** ÚLTIMAS ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO TRABALHO FACTURAS E DOCUMENTOS DE TRANSPORTE *** ÚLTIMAS ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO TRABALHO FACTURAS E DOCUMENTOS DE TRANSPORTE Decreto-Lei 197/2012, de 24/8: Transpõe artº 4º da Directiva 2008/8/CE, de 13/2, e Directiva

Leia mais

A gestão da loja ou cadeia de lojas

A gestão da loja ou cadeia de lojas PHC POS CS A gestão da loja ou cadeia de lojas A solução para o controlo total sobre a actividade da loja ou cadeia de lojas, através da reunião de um conjunto de informações relevantes para as tomadas

Leia mais

Documento de actualização funcional. Refª JURI-DEV-20121221-v1

Documento de actualização funcional. Refª JURI-DEV-20121221-v1 Documento de actualização funcional Refª JURI-DEV-20121221-v1 21 de Dezembro de 2012 Índice 1 Certificação com envio de ficheiro SAFT-PT para AT... 3 1.1 Sobre a Certificação... 3 1.2 Novas regras para

Leia mais

Quando extrair o ficheiro SAFT

Quando extrair o ficheiro SAFT Conheça o seu ficheiro SAFT Quando extrair o ficheiro SAFT A partir de Janeiro de 2014 muitas empresas que não eram obrigadas a utilizar software de faturação certificado passaram a ser, tendo assim de

Leia mais

SCORE Senior Technician

SCORE Senior Technician Coordenação PRIMAVERA Academy Destinatários Este programa de formação destina-se a técnicos ou potenciais técnicos que pretendam enveredar por uma carreira nas TIs, obtendo as competências básicas para

Leia mais

GestoFinal Travessa da Barrosa Nº 225 11C 4400-042 Vila Nova de Gaia Tel.. 93 256 45 85 96 264 07 38 www.gestofinal.com info@gestofinal.

GestoFinal Travessa da Barrosa Nº 225 11C 4400-042 Vila Nova de Gaia Tel.. 93 256 45 85 96 264 07 38 www.gestofinal.com info@gestofinal. Projeto de Informatização Ginásio GestoFinal Travessa da Barrosa Nº 225 11C 4400-042 Vila Nova de Gaia Tel.. 93 256 45 85 96 264 07 38 www.gestofinal.com info@gestofinal.com Versão 2011 Data: 14 / 01 /

Leia mais

Restauração e Similares

Restauração e Similares software certificado DGCI nº 196 Portaria n.º 363/2010 Restauração e Similares eficiência, segurança e funcionalidade um produto Restaurantes Cafetarias & Pastelarias Discotecas & Bares conheça as funcionalidades

Leia mais