Í N D I C E G E R A L. v i i A B R E V I A T U R A S E S I G L A S. v i i i L I S T A D E T A B E L A S E F I G U R A S ix

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Í N D I C E G E R A L. v i i A B R E V I A T U R A S E S I G L A S. v i i i L I S T A D E T A B E L A S E F I G U R A S ix"

Transcrição

1 Í N D I C E : Í N D I C E G E R A L. v i i A B R E V I A T U R A S E S I G L A S. v i i i L I S T A D E T A B E L A S E F I G U R A S ix R E S U M O. x A B S T R A C T... xi I - I N T R O D U Ç Ã O II- O B J E C T I V O S III- M A T E R I A L E M É T O D O S IV- F U N D A M E N T A Ç Ã O T E Ó R I C A : IV- I - E P I D E M I O L O G I A IV- II- F A C T O R E S D E R I S C O S IV- I II- E T I O L O G I A IV- IV- P A T O G É N E S E IV- V - H I S T O L O G I A E C L A S S I F I C A Ç Ã O IV- V - a - C O L I T E U L C E R O S A IV- V - b - D O E N Ç A D E C R O H N IV- VI- M A N I F E S T A Ç Õ E S C L Í N I C A S E L A B O R A T O R I A I S I V - VI- a - C O L I T E U L C E R O S A IV- V I - b - D O E N Ç A D E C R O H N IV- V I I - D I A G N Ó S T I C O D I F E R E N C I A L IV- V I I I - C O M P L I C A Ç Õ E S E M A N I F E S T A Ç Õ E S E X T R A - I N T E S T I N A I S IV- IX- DII E C A N C R O C O L O R E C T A L IV- X - T R A T A M E N T O I V - X - a - A M I N O S A L I C I L A T O S IV- X - b - C O R T I C Ó I D E S IV- X - c - I M U N O S U P R E S S O R E S E IMU N O M O D U L A D O R E S IV- X - d - T R A T A M E N T O D A C O L I T E L I G E I R A IV- X - e - T R A T A M E N T O D A C O L I T E M O D E R A D A I V - X - f - T R A T A M E N T O D A C O L I T E G R A V E IV- X - g - T R A T A M E N T O D A D C L I G E I R A IV- X - h - T R A T A M E N T O D A D C M O D E R A D A A G R A V E IV- XI- P R O G N Ó S T I C O V - R E S U L T A D O S E D I S C U S S Ã O VI- C O N C L U S Õ E S vii

2 SIGLAS USADAS POR ORDEM ALFABÉTICA AINES`s - Anti-inflamatórios não esteróides. ANCA - Anticorpos anti-citoplasma neutrófilo. APC - Células apresentadoras de antigénios. ASCA - Anticorpos anti-sccharomyces cerevisia. CCR - Cancro colo-rectal. CHCB - Centro Hospitalar da Cova da Beira. CI Colite Indeterminada. CU - Colite Ulcerosa. DC - Doença de Crohn. DII - Doença Inflamatória intestinal. EUA Estados Unidos da América. GEDII - Grupo de Estudo da Doença Inflamatória Intestinal. HLA - Antigénio Leucocitário Humano. IL Interleucina. INFγ Interferão-gama. TAC - Tomografia Axial Computorizada. TNF-α - Factor de necrose tumoral-alfa. PCR - Proteina C reactiva. VS Velocidade de sedimentação. viii

3 Í N D I C E D E T A B E L A S E G R Á F I C O S : Tabela IV-VI-1 Critérios de Truelove e Witts. Tabela IV-VII-1 Características clínicas no diagnóstico diferencial de CU e DC. Figura V-1 Histograma de idades presentes na amostra. Tabela V-1 Percentagens de DC, CU e CI na amostra populacional. Tabela V-2 Distribuição da DII por sexo. Gráfico V-2 Percentagens de doentes segundo o local de residência. Tabela V-3 Presença de eventos ateroembólicos em função do diagnóstico clínico. Tabela V-4 Presença de eventos ateroembólicos em função do sexo. Tabela V-5 Presença de alterações psiquiátricas segundo o diagnóstico. Tabela V-6 Tratamento dos doentes com corticoterapia. Tabela V-7 Presença de ANCA+ conforme o diagnóstico. Tabela V-8 Percentagem de ASCA+ conforme o diagnóstico. ix

4 R E S U M O A Doença Inflamatória Intestinal (DII) inclui a Doença de Crohn (DC), a Colite Ulcerosa (CU) e a Colite Indeterminada (CI). Os objectivos deste estudo retrospectivo são: caracterizar a população da área de influência do Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB), descrever as características epidemiológicas dos doentes com DII, avaliar se existe uma associação entre os doentes com DC e a facto de ser fumador, averiguar se existe uma associação entre a presença de manifestações extra-intestinais e o facto de ter DC. Para a realização deste estudo retrospectivo foram incluídos 36 doentes, escolhidos de forma aleatória sistemática, acompanhados na Consulta Externa de DII do Centro Hospitalar Cova da Beira com o diagnóstico de DII previamente estabelecido. O método de amostragem utilizado foi a amostragem aleatória sistemática. Procedeu-se ao levantamento de dados demográficos a partir do estudo dos processos clínicos dos respectivos pacientes. As idades apresentam uma distribuição assimétrica positiva registando-se uma média de 42,47 anos com desvio padrão de 17,252 anos. O estudo mostrou que 42,1% das mulheres sofrem de CU. A DC tem a mesma prevalência em ambos os sexos. Segundo a classificação por Concelhos, os 36 doentes pertenciam a 6 Concelhos: Fundão, Covilhã, Belmonte, Sabugal, Penamacor e Guarda. Neste estudo, os fumadores são mais frequentes no grupo que sofre de DC e evidenciou-se também que os doentes com CU fumam menos do que os doentes com DC. Ao nível de significância estatística de 5%, concluímos que não existe associação entre o facto de ter DII e ser fumador. (Teste do Quiquadrado p=0,392). Relativamente a presença de doença extraintestinal, identificaram-se 58,33% dos doentes com manifestações extra-intestinais sendo estas manifestações mais frequentes na DC. Com nível de significância estatística x

5 de 5%, concluímos que não existe uma associação entre o facto de ter DC e apresentar mais frequentemente manifestações extra-intestinais (p=0,343 Teste do Quiquadrado). Este estudo retrospectivo populacional permitiu caracterizar a população com DII na área da Cova da Beira, podendo concluir-se que não existe associação entre o facto de ser fumador e de ter DC. Concluiu-se igualmente que não existe associação entre a presença de manifestações extra-intestinais e o facto de ter DC. A B S T R A C T The Intestinal (DII) Inflammatory Disease includes the Disease of Crohn (DC), the Ulcerative (ASS) Colitis and the Undeterminate (CI) Colitis. The goals of this retrospective study are: to characterize the population of the area of influence of Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB), to evaluate if an association exists among the patients with DC and the fact of being a smoker, to discover if an association exists between the presence of extra-intestinal manifestations and the fact of having DC. For the accomplishment of this retrospective study 36 persons were included, chosen in a random way, followed in External Consultation of DII of the Centro Hospitalar Cova da Beira with the diagnosis of DII previously established. The sampling method used was the systematic random sampling. We proceeded to the rising of demographic data from the study of the clinical processes of the respective patient. The ages present a positive asymmetrical distribution with a median of 42,47 year-old average with standard deviation 17,252 years old. The study showed that 42,1% of the women suffer of CU. xi

6 DC has the same prevalence in both sexes. According to the classification for Council the 36 patients belonged to 6 Council: Fundão, Covilhã, Belmonte, Sabugal, Penamacor and Guarda. In this study, the smokers are more frequent in the group that suffers from DC, it was also evidenced that the patients with CU smoke less than the patients with DC. At the level of statistical significance of 5%, we concluded that association doesn't exist among the fact of having DII and being smoker (Quiquadrado Test p=0,392). Relatively the presence of extra-intestinal disease, the study identified 58,33% of the patients with extra-intestinal manifestations have DC. With level of statistical significance of 5%, we concluded that an association doesn't exist among the facto of to have DC and to present extra-intestinal manifestations more frequently (p=0,343 Quiquadrado Test). This population retrospective study allowed characterization of the population with DII in the area of the CHCB and it can be concluded that association doesn't exist among the fact of being a smoker and having DC. We also concluded that association doesn't exist between the presence of extra-intestinal manifestations and the fact of having DC. xii

XV REUNIÃO SECÇÃO DE PEDIATRIA AMBULATÓRIA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PEDIATRIA. Doença Inflamatória Intestinal Pediátrica: cada vez mais comum

XV REUNIÃO SECÇÃO DE PEDIATRIA AMBULATÓRIA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PEDIATRIA. Doença Inflamatória Intestinal Pediátrica: cada vez mais comum XV REUNIÃO SECÇÃO DE PEDIATRIA AMBULATÓRIA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PEDIATRIA Doença Inflamatória Intestinal Pediátrica: cada vez mais comum João Nascimento 1, Filipa Neiva 1, Henedina Antunes 1,2 1 Unidade

Leia mais

Caracterização dos doentes toxicodependentes observados pela equipa de Psiquiatria de Ligação - análise comparativa dos anos de 1997 e 2004

Caracterização dos doentes toxicodependentes observados pela equipa de Psiquiatria de Ligação - análise comparativa dos anos de 1997 e 2004 Caracterização dos doentes toxicodependentes observados pela equipa de Psiquiatria de Ligação - análise comparativa dos anos de 1997 e 2004 Joana Alexandre *, Alice Luís ** Resumo Analisaram-se as características

Leia mais

Epidemiologia. Profa. Heloisa Nascimento

Epidemiologia. Profa. Heloisa Nascimento Epidemiologia Profa. Heloisa Nascimento Medidas de efeito e medidas de associação -Um dos objetivos da pesquisa epidemiológica é o reconhecimento de uma relação causal entre uma particular exposição (fator

Leia mais

The Indigenous Population of Brazil 1991 Population Census

The Indigenous Population of Brazil 1991 Population Census The Indigenous Population of Brazil 1991 Population Census Authors: Nilza Oliveira Martins Pereira (principal author), Tereza Cristina Nascimento Araujo, Valéria Beiriz, Antonio Florido- IBGE The definition

Leia mais

Rastreio em Saúde Mental a uma amostra de utilizadores da. consulta sem diagnóstico de perturbação mental

Rastreio em Saúde Mental a uma amostra de utilizadores da. consulta sem diagnóstico de perturbação mental Rastreio em Saúde Mental a uma amostra de utilizadores da consulta sem diagnóstico de perturbação mental JOSÉ AUGUSTO RODRIGUES SIMÕES Assistente Graduado de Clínica Geral, no Centro de Saúde de Góis MANUEL

Leia mais

II Curso de Atualização em Coloproctologia

II Curso de Atualização em Coloproctologia II Curso de Atualização em Coloproctologia Estratégias de Prevenção de Câncer nas Doenças Inflamatórias Intestinais Dr. Marco Zerôncio LIGA NRCC Considerações Iniciais As DII (RCUI e colite por Crohn)

Leia mais

Trabalho de farmaco economia em Drogas Biológicas

Trabalho de farmaco economia em Drogas Biológicas Unidade de Estudos de Procedimentos de Alta Complexidade UEPAC Dra. Claudia Cantanheda Dr. Vitor André Romão Dr. José Geraldo Amino Enfª. Quenia Dias Hugo Simas Trabalho de farmaco economia em Drogas Biológicas

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS

CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS Kamila Karoliny Ramos de Lima 1, Josimar dos Santos Medeiros 2. Resumo Entre as principais doenças de evolução

Leia mais

DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL PEDIÁTRICA Uma Patologia em Crescendo?

DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL PEDIÁTRICA Uma Patologia em Crescendo? ARTIGO ORIGINAL Acta Med Port 2011; 24(S2): 333-338 DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL PEDIÁTRICA Uma Patologia em Crescendo? Ana FERNANDES, Sílvia BACALHAU, José CABRAL R E S U M O Introdução: A Doença de

Leia mais

Pensamento crítico 20011/12. Aula 9, 9 e 11-11-11

Pensamento crítico 20011/12. Aula 9, 9 e 11-11-11 Pensamento crítico 20011/12 Aula 9, 9 e 11-11-11 Resumo Análise de modelos (revisão) Modelo de causalidade (revisão) Análise de hipóteses causais Tipos de experiência Erros, erro cognitivo Ciência e correcção

Leia mais

Conexão protética mais utilizada em implantes unitários por cirurgiões-dentistas que praticam implantodontia

Conexão protética mais utilizada em implantes unitários por cirurgiões-dentistas que praticam implantodontia ORIGINAL ORIGINAL Conexão protética mais utilizada em implantes unitários por cirurgiões-dentistas que praticam implantodontia Which is the highest preference related to abutments for unitary implants

Leia mais

FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETO DE PESQUISA ENVOLVENDO SERES HUMANOS

FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETO DE PESQUISA ENVOLVENDO SERES HUMANOS Universidade Bandeirante de São Paulo Comitê de Pós-Graduação e Pesquisa COMISSÃO DE ÉTICA (Resolução CONSEPE-UNIBAN nº 17/06 de 11/02/2006) FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETO DE PESQUISA ENVOLVENDO

Leia mais

Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana

Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana Universidade Técnica de Lisboa Faculdade de Motricidade Humana O Método Pilates e os seus Efeitos em Termos de Autoeficácia na Musculatura do Pavimento Pélvico em Mulheres com Incontinência Urinária de

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 AGRAVOS POR MORDEDURAS DE CÃES EM CAMPUS UNIVERSITÁRIO, CURITIBA-PR INJURIES BY BITING DOGS IN UNIVERSITY CAMPUS, CURITIBA CITY, BRAZIL MAYSA PELLIZZARO 1, GRAZIELA RIBEIRO DA CUNHA 2, ANA CAROLINA YAMAKAWA

Leia mais

Finanças Comportamentais: Diferenças a tolerância de risco entre cônjuges Replicando uma pesquisa e propondo alternativas complementares

Finanças Comportamentais: Diferenças a tolerância de risco entre cônjuges Replicando uma pesquisa e propondo alternativas complementares Roberto Carneiro Gurgel Nogueira Finanças Comportamentais: Diferenças a tolerância de risco entre cônjuges Replicando uma pesquisa e propondo alternativas complementares Dissertação de Mestrado Dissertação

Leia mais

ATUALIZA ASSOCIAÇÃO CULTURAL ENFERMAGEM EM EMERGÊNCIA ÍRIA CRUZ PIMENTEL

ATUALIZA ASSOCIAÇÃO CULTURAL ENFERMAGEM EM EMERGÊNCIA ÍRIA CRUZ PIMENTEL ATUALIZA ASSOCIAÇÃO CULTURAL ENFERMAGEM EM EMERGÊNCIA ÍRIA CRUZ PIMENTEL RELAÇÃO DA ETNIA COM A HIPERTENSÃO ARTERIAL EM PACIENTES RESGISTRADOS NO PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO DE HIPERTENSOS E DIABÉTICOS

Leia mais

PROCEDIMENTO INTERNO

PROCEDIMENTO INTERNO 1. Objectivo Definir quais os procedimentos a adoptar nas práticas do funcionamento do Núcleo de Documentação do Centro Hospitalar Cova da Beira. 2. Aplicação Bibliotecas do Núcleo de Documentação do Centro

Leia mais

Avaliação Semanal Correcção

Avaliação Semanal Correcção Avaliação Semanal Correcção 1. Mulher de 32 anos, caucasiana. Antecedentes pessoais e familiares irrelevante. 11 Gesta, 11 Para, usa DIU. Recorreu ao S.U. por dor abdominal de início súbito, localizada

Leia mais

Diabetes e Hipogonadismo: estamos dando a devida importância?

Diabetes e Hipogonadismo: estamos dando a devida importância? Diabetes e Hipogonadismo: estamos dando a devida importância? por Manuel Neves-e-Castro,M.D. Clinica de Feminologia Holistica Website: http://neves-e-castro.pt Lisboa/Portugal Evento Cientifico Internacional

Leia mais

Lean Healthcare no Serviço de Urgência Geral Centro Hospitalar Cova da Beira (Portugal)

Lean Healthcare no Serviço de Urgência Geral Centro Hospitalar Cova da Beira (Portugal) Lean management nelle aziende sanitarie Lean Healthcare no Serviço de Urgência Geral Centro Hospitalar Cova da Beira (Portugal) Bruno Vaz Silva Anabela Almeida Miguel Castelo Branco Page 1 INTRODUÇÃO Objectivo

Leia mais

DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL NUMA CONSULTA DIFERENCIADA DE UM HOSPITAL CENTRAL: CLASSIFICAÇÃO DE MONTREAL E EVOLUÇÃO CLÍNICA

DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL NUMA CONSULTA DIFERENCIADA DE UM HOSPITAL CENTRAL: CLASSIFICAÇÃO DE MONTREAL E EVOLUÇÃO CLÍNICA Artigo de Investigação Médica Mestrado Integrado em Medicina DOENÇA INFLAMATÓRIA INTESTINAL NUMA CONSULTA DIFERENCIADA DE UM HOSPITAL CENTRAL: CLASSIFICAÇÃO DE MONTREAL E EVOLUÇÃO CLÍNICA Miguel Luciano

Leia mais

Exposição de Motivos

Exposição de Motivos Grupo Parlamentar PROJECTO DE LEI N.º 801/X/4.ª Altera o Decreto-Lei n.º 173/2003, de 1 de Agosto, isentando do pagamento das taxas moderadoras os portadores de Doença Inflamatória do Intestino - DII (Colite

Leia mais

AVALIAÇÃO DAS NECESSIDADES DOS SERVIÇOS OFICIAIS DE SAÚDE PÚBLICA PARA O MUNICÍPIO DE SÃO PAULO. A MÉDIO E LONGO PRAZO

AVALIAÇÃO DAS NECESSIDADES DOS SERVIÇOS OFICIAIS DE SAÚDE PÚBLICA PARA O MUNICÍPIO DE SÃO PAULO. A MÉDIO E LONGO PRAZO AVALIAÇÃO DAS NECESSIDADES DOS SERVIÇOS OFICIAIS DE SAÚDE PÚBLICA PARA O MUNICÍPIO DE SÃO PAULO. A MÉDIO E LONGO PRAZO João YUNES (1) Joaquim Francisco CARDOSO (2) Mário Laranjeira de MENDONÇA (2) YUNES,

Leia mais

Capítulo 7 Estudos sobre Causalidade e Etiologia

Capítulo 7 Estudos sobre Causalidade e Etiologia L E I T u R A C R í T I C A D E A R T I G O S C I E N T í F I CO S 105 Capítulo 7 Estudos sobre Causalidade e Etiologia 7.1 Introdução Relembrando o que foi dito no capítulo 1 os estudos randomizados,

Leia mais

Pensamento. Não se envelhece, enquanto buscamos." (Jean Rostand)

Pensamento. Não se envelhece, enquanto buscamos. (Jean Rostand) Pensamento Não se envelhece, enquanto buscamos." (Jean Rostand) AGRADECIMENTOS Os meus primeiros agradecimentos, vão para a minha mãe por estar sempre presente e acreditar em mim, para o meu pai, pelas

Leia mais

Influência de adições na mitigação da reacção álcalis-sílica (RAS) em betão com agregados reciclados

Influência de adições na mitigação da reacção álcalis-sílica (RAS) em betão com agregados reciclados UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Engenharia Influência de adições na mitigação da reacção álcalis-sílica (RAS) em betão com agregados reciclados Duarte Miguel Figueira Pereira Fernandes Dissertação para

Leia mais

4.7. Freqüência ao Dentista

4.7. Freqüência ao Dentista 202 Estudo Epidemiológico de Saúde Bucal em Trabalhadores da Indústria. Brasil, 2002-2003 Epidemiologic Study of Oral Health in Industry Workers. Brazil, 2002-2003 Estudio Epidemiológico de Salud Bucal

Leia mais

Avaliação do padrão e número de sítios de fosforilação (EPIYA) da proteína CagA de H. pylori e risco de carcinoma gástrico e úlcera duodenal

Avaliação do padrão e número de sítios de fosforilação (EPIYA) da proteína CagA de H. pylori e risco de carcinoma gástrico e úlcera duodenal UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA Avaliação do padrão e número de sítios de fosforilação (EPIYA) da proteína CagA de H. pylori

Leia mais

ESTUDOS EPIDEMIOLÓGICOS. Roberto Esmeraldo R3 CCP

ESTUDOS EPIDEMIOLÓGICOS. Roberto Esmeraldo R3 CCP ESTUDOS EPIDEMIOLÓGICOS Roberto Esmeraldo R3 CCP SENSIBILIDADE capacidade de um teste diagnóstico identificar os verdadeiros positivos, nos indivíduos verdadeiramente doentes. sujeito a falso-positivos

Leia mais

Gastos com medicamentos para tratamento da Doença de Alzheimer pelo Ministério da Saúde, 2007-2011

Gastos com medicamentos para tratamento da Doença de Alzheimer pelo Ministério da Saúde, 2007-2011 Gastos com medicamentos para tratamento da Doença de Alzheimer pelo Ministério da Saúde, 2007-2011 Marina Guimarães Lima, Cristiane Olinda Coradi Departamento de Farmácia Social da Faculdade de Farmácia

Leia mais

Investigador português premiado nos EUA

Investigador português premiado nos EUA Investigador português premiado nos EUA DOENÇA DE CROHN O INVESTIGADOR Henrique Veiga-Femandes, que estuda o papel de células na defesa contra infeções intestinais, recebeu o prémio Sénior Research Award,

Leia mais

"ODDS RATIO": ALGUMAS CONSIDERAÇÕES

ODDS RATIO: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES "ODDS RATIO": ALGUMAS CONSIDERAÇÕES Davi Rumel * RUMEL, D. "Odds ratio": algumas considerações. Rev. Saúde públ., S. Paulo, 20 : 251-6, 1986. RESUMO: Tem sido grande o número de estudos retrospectivos

Leia mais

Relação entre as características ecográficas de um nódulo tiroideu e a sua benignidade/malignidade

Relação entre as características ecográficas de um nódulo tiroideu e a sua benignidade/malignidade Relação entre as características ecográficas de um nódulo tiroideu e a sua benignidade/malignidade Análise de 203 nódulos tiroideus do Hospital Geral de Coimbra Oliveira, C.M.; Costa, R.A.; Estêvão, A.;

Leia mais

AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE A AR E A DM TIPO II. Agenda: 1. INTRODUÇÃO 2. OBJECTIVOS 3. METODOLOGIA 4. PLANIFICAÇÃO DO PROJECTO

AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE A AR E A DM TIPO II. Agenda: 1. INTRODUÇÃO 2. OBJECTIVOS 3. METODOLOGIA 4. PLANIFICAÇÃO DO PROJECTO AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE A ARTRITE REUMATÓIDE E A DIABETES MELLITUS TIPO 2 Análise da Base de Dados de Doenças Reumáticas Norte-Americana National Data Bank for Rheumatic Diseases PROJECTO DE TESE

Leia mais

Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii

Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii Agradecimentos Um trabalho destes só é possível com a colaboração, participação e esforço conjugado de um elevado

Leia mais

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Catarina Isabel Fonseca Paulos Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses 2005 Esta dissertação

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007.

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007. REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA - ISSN 1679-7353 PUBLICAÇÃO CI ENTÍFICA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA DE GARÇA/FAMED ANO IV, NÚMERO, 08, JANEIRO DE 2007. PERIODICIDADE:

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS Envolvimento parental e nível sociocultural das famílias: Estudo comparativo num agrupamento escolar Marco Sérgio Gorgulho Rodrigues Dissertação

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS A ACESSIBILIDADE E UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SAÚDE NA ILHA DE SÃO MIGUEL Ana Rosa

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR ESTÁGIO DE MATURAÇÃO DAS CATARATAS DE CÃES ATENDIDOS NO SERVIÇO DE OFTALMOLOGIA VETERINÁRIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL TANISE CARBONI DA SILVA 1, MAÍRA HAASE PACHECO 1, MELINA BARBBARA

Leia mais

Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC)

Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC) ISSN 1806-7727 Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC) Evaluated the prevalence of dental caries

Leia mais

Análise Social, vol. XX (84), 1984-5.º, 701-706

Análise Social, vol. XX (84), 1984-5.º, 701-706 Edgar Rocha Análise Social, vol. XX (84), 1984-5.º, 71-76 Nota sobre a população activa agrícola do sexo feminino, segundo o Recenseamento e segundo o Inquérito Permanente ao Emprego : em busca de 3 mulheres

Leia mais

INTRODUÇÃO ARTIGO / ARTICLE. Ana Maria B. Menezes 1 ; Barnardo L. Horta 2 ; Asandro da Rosa 1 ; Fernando K. Oliveira 1 & Marcos Bonnann 1

INTRODUÇÃO ARTIGO / ARTICLE. Ana Maria B. Menezes 1 ; Barnardo L. Horta 2 ; Asandro da Rosa 1 ; Fernando K. Oliveira 1 & Marcos Bonnann 1 ARTIGO / ARTICLE Hábito de Fumar entre Estudantes de Medicina da Universidade Federal de Pelotas, Brasil: Comparação entre as Prevalências de 1986 e 1991 Smoking habits among Students at the Pelotas Medical

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: .

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: <http://www.pubvet.com.br/texto.php?id=581>. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: . Herdabilidade para idade a primeira parição em éguas Mangalarga Raul Sampaio de Almeida

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 RELAÇÃO DO FENÓTIPO DE GATOS COM O COMPORTAMENTO CATS PHENOTYPE RELATIONSHIP WITH THE BEHAVIOR JHÉSSICA LUARA ALVES DE LIMA 1, MARCELO FARIAS CAVALCANTE 1, NILZA DUTRA ALVES 2, FRANCISCO MARLON CARNEIRO

Leia mais

CORRELAÇÃO ENTRE VELOCIDADE DE HEMOSSEDIMENTAÇÃO E PROTEÍNA C REATIVA EM UM GRUPO DE IDOSOS.

CORRELAÇÃO ENTRE VELOCIDADE DE HEMOSSEDIMENTAÇÃO E PROTEÍNA C REATIVA EM UM GRUPO DE IDOSOS. CORRELAÇÃO ENTRE VELOCIDADE DE HEMOSSEDIMENTAÇÃO E PROTEÍNA C REATIVA EM UM GRUPO DE IDOSOS. Autor: ANA LUIZADA SILVA Orientador: Sâmia Macedo Queiroz Mota Castellão Tavares Coautor(es): Ana Luiza da Silva,

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO E COMPARAÇÃO DA POPULAÇÃO INTERNADA EM DOIS HOSPITAIS DE DIA DO CENTRO HOSPITALAR PSIQUIÁTRICO DE LISBOA Gustavo Jesus 1 ; Rui Durval 2

CARACTERIZAÇÃO E COMPARAÇÃO DA POPULAÇÃO INTERNADA EM DOIS HOSPITAIS DE DIA DO CENTRO HOSPITALAR PSIQUIÁTRICO DE LISBOA Gustavo Jesus 1 ; Rui Durval 2 CARACTERIZAÇÃO E COMPARAÇÃO DA POPULAÇÃO INTERNADA EM DOIS HOSPITAIS DE DIA DO CENTRO HOSPITALAR PSIQUIÁTRICO DE LISBOA Gustavo Jesus 1 ; Rui Durval 2 1 Médico interno de psiquiatria no Centro Hospitalar

Leia mais

Somatropina no adulto. Fernando Baptista Serviço de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo. Hospital de Santa Maria. Lisboa

Somatropina no adulto. Fernando Baptista Serviço de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo. Hospital de Santa Maria. Lisboa Somatropina no adulto Fernando Baptista Serviço de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo. Hospital de Santa Maria. Lisboa Secreção de GH Concentração integrada de GH nas 24h em 173 indivíduos de ambos

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DA HANSIENÍESE NO MUNICÍPIO DE TERESINA, CONSIDERANDO A RENDA MÉDIA POR BAIRROS E A DENSIDADE POPULACIONAL.

DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DA HANSIENÍESE NO MUNICÍPIO DE TERESINA, CONSIDERANDO A RENDA MÉDIA POR BAIRROS E A DENSIDADE POPULACIONAL. DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DA HANSIENÍESE NO MUNICÍPIO DE TERESINA, CONSIDERANDO A RENDA MÉDIA POR BAIRROS E A DENSIDADE POPULACIONAL. SPATIAL DISTRIBUTION OF HANSIENÍESE IN TERESINA, CONSIDERING THE AVERAGE

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE MEDICINA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MEDICINA TROPICAL. Ana Wieczorek Torrens

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE MEDICINA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MEDICINA TROPICAL. Ana Wieczorek Torrens UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE MEDICINA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MEDICINA TROPICAL Ana Wieczorek Torrens EFETIVIDADE DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NA CURA DA TUBERCULOSE BRASÍLIA 2015 I EFETIVIDADE

Leia mais

Vigilância Epidemiológica. Meio Ambiente e Saúde Pública Prof. Adriano Silva

Vigilância Epidemiológica. Meio Ambiente e Saúde Pública Prof. Adriano Silva Vigilância Epidemiológica Meio Ambiente e Saúde Pública Prof. Adriano Silva EPIDEMIOLOGIA Epidemiologia é o estudo da frequência, da distribuição e dos condicionantes e determinantes dos estados ou eventos

Leia mais

Análise de Variância simples (One way ANOVA)

Análise de Variância simples (One way ANOVA) Análise de Variância simples (One way ANOVA) Análise de experiências com vários grupos de observações classificados através de um só factor (por exemplo grupos de indivíduos sujeitos a diferentes tratamentos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ODONTOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ODONTOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ODONTOLOGIA GEISA BADAUY LAURIA SILVA USO DO LASER DE BAIXA INTENSIDADE (GaAlAs) NA PREVENÇÃO DE MUCOSITE BUCAL EM PACIENTES SUBMETIDOS A TRANSPLANTE DE MEDULA

Leia mais

Restrições intrapessoais para o lazer em turismo

Restrições intrapessoais para o lazer em turismo Renato das Chagas Benevenuto Restrições intrapessoais para o lazer em turismo por idosos no Rio de Janeiro Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 1 ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 CAIO FERNANDO GIMENEZ 1, TATIANE MORENO FERRARIAS 1, EDUARDO FERNANDES BONDAN 1 1 Universidade

Leia mais

Humberto Brito R3 CCP

Humberto Brito R3 CCP Humberto Brito R3 CCP ABSTRACT INTRODUÇÃO Nódulos tireoideanos são achados comuns e raramente são malignos(5-15%) Nódulos 1cm geralmente exigem investigação A principal ferramenta é a citologia (PAAF)

Leia mais

Bioestatística Aula 3

Bioestatística Aula 3 Aula 3 Castro Soares de Oliveira Probabilidade Probabilidade é o ramo da matemática que estuda fenômenos aleatórios. Probabilidade é uma medida que quantifica a sua incerteza frente a um possível acontecimento

Leia mais

A COMUNICAÇÃO NA TRANSIÇÃO PARA CUIDADOS PALIATIVOS:

A COMUNICAÇÃO NA TRANSIÇÃO PARA CUIDADOS PALIATIVOS: BIOÉTICA ANA BERNARDO SEARA CARDOSO A COMUNICAÇÃO NA TRANSIÇÃO PARA CUIDADOS PALIATIVOS: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO DA REALIDADE PORTUGUESA Resumo da dissertação apresentada para a obtenção do grau de Mestre

Leia mais

ANEXO PAPRU Resiestrela

ANEXO PAPRU Resiestrela 0 RESIESTRELA, SA Situação Actual 1. Universo de Intervenção O Sistema Multimunicipal de Valorização e Tratamento dos Resíduos Sólidos da Cova da Beira, criado pelo Decreto-Lei n.º 128/2008, de 21 de Julho,

Leia mais

COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE UVA DE MESA EM CAMPO GRANDE-MS CUSTOMER BEHAVIOR OF TABLE GRAPE IN CAMPO GRANDE- MS

COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE UVA DE MESA EM CAMPO GRANDE-MS CUSTOMER BEHAVIOR OF TABLE GRAPE IN CAMPO GRANDE- MS COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE UVA DE MESA EM CAMPO GRANDE-MS eluizawatanabe@yahoo.com.br POSTER-Trabalhos de Iniciação Científica SUSI AKEMI MASUNAGA; AMANDA MICHEL STEFANELLO; DANIELA HARUMI MITSUYASU;

Leia mais

SOLOS SOB VITICULTURA NO VALE DOS VINHEDOS (RS) E SUA RELAÇÃO COM O TEOR DE RESVERATROL EM VINHOS PEDRINHO SPIGOLON QUÍMICO -PUCRS

SOLOS SOB VITICULTURA NO VALE DOS VINHEDOS (RS) E SUA RELAÇÃO COM O TEOR DE RESVERATROL EM VINHOS PEDRINHO SPIGOLON QUÍMICO -PUCRS SOLOS SOB VITICULTURA NO VALE DOS VINHEDOS (RS) E SUA RELAÇÃO COM O TEOR DE RESVERATROL EM VINHOS PEDRINHO SPIGOLON QUÍMICO -PUCRS SOLOS SOB VITICULTURA NO VALE DOS VINHEDOS (RS) E SUA RELAÇÃO COM 0

Leia mais

Agrárias (CCA) da Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Areia, PB, Brasil; Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Areia, PB, Brasil;

Agrárias (CCA) da Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Areia, PB, Brasil; Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Areia, PB, Brasil; 1 MARIA DA CONCEIÇÃO GONÇALVES MACÊDO 1, NATAN MEDEIROS GUERRA 2, SEBASTIÃO RODRIGO DE LIMA NASCIMENTO 1, LUDMILA DA PAZ GOMES DA SILVA 3. 1 Graduanda (o) em Medicina Veterinária pelo Centro de Ciências

Leia mais

LIMIAR DE FUSÃO BINAURAL MASCARAMENTO

LIMIAR DE FUSÃO BINAURAL MASCARAMENTO 27 Maio de 2011 AUDIOLOGIA LIMIAR DE FUSÃO BINAURAL MASCARAMENTO FUSION AT INFERRED THRESHOLD (FIT) - MASKING Jorge Humberto Martins. Audiologista Mestre em Ciências da Fala e da Audição Correspondência:

Leia mais

Bullying: causas e consequências na perspetiva dos agentes educativos

Bullying: causas e consequências na perspetiva dos agentes educativos UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Ciências Sociais e Humanas Bullying: causas e consequências na perspetiva dos agentes educativos Um estudo de caso Paulo Alexandre Freitas Agostinho Dissertação para obtenção

Leia mais

AVALIAÇÃO DO USO DA FOTOGRAMETRIA NO POSICIONAMENTO DOS VÉRTICES DE IMÓVEIS RURAIS PARA FINS CADASTRAIS CONFORME PRECISÃO DETERMINADA PELO INCRA

AVALIAÇÃO DO USO DA FOTOGRAMETRIA NO POSICIONAMENTO DOS VÉRTICES DE IMÓVEIS RURAIS PARA FINS CADASTRAIS CONFORME PRECISÃO DETERMINADA PELO INCRA AVALIAÇÃO DO USO DA FOTOGRAMETRIA NO POSICIONAMENTO DOS VÉRTICES DE IMÓVEIS RURAIS PARA FINS CADASTRAIS CONFORME PRECISÃO DETERMINADA PELO INCRA Ronaldo Aparecido de Oliveira, MSc. ENGEFOTO Engenharia

Leia mais

HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA: HÁ DIFERENÇA NA DISTRIBUIÇÃO ENTRE IDOSOS POR SEXO?

HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA: HÁ DIFERENÇA NA DISTRIBUIÇÃO ENTRE IDOSOS POR SEXO? HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA: HÁ DIFERENÇA NA DISTRIBUIÇÃO ENTRE IDOSOS POR SEXO? Enelúzia Lavynnya Corsino de Paiva China (1); Lucila Corsino de Paiva (2); Karolina de Moura Manso da Rocha (3); Francisco

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO PRÉVIA DE MEDICAMENTO PARA USO HUMANO EM MEIO HOSPITALAR DCI RALTITREXEDO Medicamento PVH PVH com IVA Titular de AIM TOMUDEX Embalagem contendo 1 frasco com pó para solução injectável

Leia mais

ARTIGO ORIGINAL. Resumo

ARTIGO ORIGINAL. Resumo 12 Arquivos 0004-2773/09/38 Catarinenses de Medicina - 03/12 Vol. 38, n o. 3, de 2009 Arquivos Catarinenses de Medicina ARTIGO ORIGINAL Estado nutricional e prevalência de dislipidemias em idosos Tathiely

Leia mais

Vasco A. Valadares Teixeira

Vasco A. Valadares Teixeira Vasco A. Valadares Teixeira A/453103 COMIDAS E PRÁTICAS DO SISTEMA ALIMENTAR NA REGIÃO DO FUNDÃO Edições Colibri Instituto de Estudos de Literatura Tradicional GERAL Nota da Edição. 11 Agradecimentos 13

Leia mais

PERFIL DO CONSUMO DE ÀLCOOL EM MULHERES DE UM NÚCLEO DE SAÚDE DA FAMÍLIA

PERFIL DO CONSUMO DE ÀLCOOL EM MULHERES DE UM NÚCLEO DE SAÚDE DA FAMÍLIA PERFIL DO CONSUMO DE ÀLCOOL EM MULHERES DE UM NÚCLEO DE SAÚDE DA FAMÍLIA AGNES MERI YASUDA; Juliana Maria Marques Megale, Quitéria de Lourdes Lourosa; Aldaísa Cassanho Forster; Clarissa Lin Yasuda HOSPITAL

Leia mais

Exotropia consecutiva a cirurgia de endotropia

Exotropia consecutiva a cirurgia de endotropia Oftalmologia - Vol. 38: pp.7- Artigo Original Exotropia consecutiva a cirurgia de endotropia Mónica Franco, Cristina Pereira, Luisa Colaço, Raquel Seldon 2, Ana Vide Escada 2, Gabriela Varandas 3, Maria

Leia mais

INCLUSÃO DE UMA ALUNA COM AUTISMO PERTENCENTE À COMUNIDADE CIGANA NO ENSINO REGULAR ESTUDO DE CASO NUMA ESCOLA DE VIANA DO CASTELO

INCLUSÃO DE UMA ALUNA COM AUTISMO PERTENCENTE À COMUNIDADE CIGANA NO ENSINO REGULAR ESTUDO DE CASO NUMA ESCOLA DE VIANA DO CASTELO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS CENTRO REGIONAL DE BRAGA INCLUSÃO DE UMA ALUNA COM AUTISMO PERTENCENTE À COMUNIDADE CIGANA NO ENSINO REGULAR ESTUDO DE CASO NUMA ESCOLA DE

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ LUIZ SASSO FILHO PERFIL DOS PORTADORES DO VÍRUS HIV ATENDIDOS NO HOSPITAL DIA AIDS EM BRASÍLIA D.F.

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ LUIZ SASSO FILHO PERFIL DOS PORTADORES DO VÍRUS HIV ATENDIDOS NO HOSPITAL DIA AIDS EM BRASÍLIA D.F. UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ LUIZ SASSO FILHO PERFIL DOS PORTADORES DO VÍRUS HIV ATENDIDOS NO HOSPITAL DIA AIDS EM BRASÍLIA D.F. BRASÍLIA DF 2009 PERFIL DOS PORTADORES DO VÍRUS HIV ATENDIDOS NO HOSPITAL

Leia mais

Resumo. Determinantes Sociais e Comportamentais do Consumo de Álcool

Resumo. Determinantes Sociais e Comportamentais do Consumo de Álcool Resumo Introdução: O álcool é actualmente um dos factores de risco com maior impacto na ocorrência de doenças crónicas não transmissíveis relacionadas com os estilos de vida. De acordo com a Organização

Leia mais

O CHCB emprega mais de 1400 colaboradores;

O CHCB emprega mais de 1400 colaboradores; Inaugurado em 17 Janeiro de 2000, o CHCB foi construído segundo padrões de alta qualidade, sujeito às mais rigorosas exigências tecnológicas. É a maior e mais sofisticada Unidade de Saúde de toda a Região

Leia mais

COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto

COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto 1 COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto Resumo da monografia apresentada no curso de especilização em Ortodontia da Universidade

Leia mais

Avaliação do Índice Apoptótico em Adenomas Pleomórficos de Glândulas Salivares

Avaliação do Índice Apoptótico em Adenomas Pleomórficos de Glândulas Salivares PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Faculdade de Odontologia Avaliação do Índice Apoptótico em Adenomas Pleomórficos de Glândulas Salivares Paulo César de Lacerda Dantas Belo Horizonte- MG

Leia mais

Fracturas osteoporóticas do colo do fémur: consequência inevitável do envelhecimento?

Fracturas osteoporóticas do colo do fémur: consequência inevitável do envelhecimento? Fracturas osteoporóticas do colo do fémur: consequência inevitável do envelhecimento? Uma análise de epidemiologia espacial INEB - Instituto de Engenharia Biomédica Maria de Fátima de Pina Instituto de

Leia mais

EPIDEMIOLOGIA E SERVIÇOS DE SAÚDE: USO DE INQUÉRITOS DE BASE POPULACIONAL

EPIDEMIOLOGIA E SERVIÇOS DE SAÚDE: USO DE INQUÉRITOS DE BASE POPULACIONAL EPIDEMIOLOGIA E SERVIÇOS DE SAÚDE: USO DE INQUÉRITOS DE BASE POPULACIONAL Chester Luiz Galvão Cesar Departamento de Epidemiologia Faculdade de Saúde Pública - USP A ESTRATÉGIA DA EPIDEMIOLOGIA E OS SERVIÇOS

Leia mais

A mutação de diagnósticos em psiquiatria

A mutação de diagnósticos em psiquiatria Editorial / Editorial Saúde Mental Mental Health A mutação de diagnósticos em psiquiatria Diagnosis shifting in psychiatry A questão resultante da ambiguidade fundamental em psiquiatria (quem é doente

Leia mais

Dissertação realizada sob a orientação de. Carlos Manuel Pereira Cabrita

Dissertação realizada sob a orientação de. Carlos Manuel Pereira Cabrita i Dissertação realizada sob a orientação de Carlos Manuel Pereira Cabrita Professor Catedrático do Quadro Departamento de Engenharia Electromecânica Universidade da Beira Interior ii Dedico esta dissertação

Leia mais

ANÁLISE DO NÍVEL DE ESTRESSE E ANSIEDADE EM BAILARINAS DO 28º FESTIVAL DE DANÇA DE JOINVILLE

ANÁLISE DO NÍVEL DE ESTRESSE E ANSIEDADE EM BAILARINAS DO 28º FESTIVAL DE DANÇA DE JOINVILLE ANÁLISE DO NÍVEL DE ESTRESSE E ANSIEDADE EM BAILARINAS DO 28º FESTIVAL DE DANÇA DE JOINVILLE Fernanda Almeida Gutierrez (UNIDERP) Fernanda Almeida Gutierrez, Licenciatura plena em Educação Física UNIDERP

Leia mais

Estudo de prevalência de UPP Açores, Madeira e Canárias 2006

Estudo de prevalência de UPP Açores, Madeira e Canárias 2006 Estudo de prevalência de UPP Açores, Madeira e Canárias 2006 Estudo Publicado na Colectânea: Enfermagem e Úlceras por Pressão: Da reflexão da disciplina às evidências nos cuidados MUITO OBRIGADO! MUCHAS

Leia mais

Idosos em um hospital universitário e em um hospital geriátrico*

Idosos em um hospital universitário e em um hospital geriátrico* ARTIGO ORIGINAL Arq Med Hosp Fac Cienc Med Santa Casa São Paulo 2011; 56(1):7-11 Idosos em um hospital universitário e em um hospital geriátrico* Elderly: in a university hospital and in a geriatric hospital

Leia mais

2 Fase conceptual da investigação. 2.1. Objectivos e perguntas de partida

2 Fase conceptual da investigação. 2.1. Objectivos e perguntas de partida 2 Fase conceptual da investigação 2.1. Objectivos e perguntas de partida Investigação científica Deve iniciar-se com a formulação de um problema O objectivo da investigação é a solução desse problema.

Leia mais

PLANIFICAÇÃO OPERACIONAL DA PESQUISA

PLANIFICAÇÃO OPERACIONAL DA PESQUISA Laboratório de Psicologia Experimental Departamento de Psicologia UFSJ Disciplina: Método de Pesquisa Quantitativa TEXTO 8: PLANIFICAÇÃO OPERACIONAL DA PESQUISA Autora: Prof. Marina Bandeira,Ph.D. 1. POPULAÇÃO-

Leia mais

O USO DA ONICOABRASÃO COMO MÉTODO DE AUXÍLIO NA OBTENÇÃO DE AMOSTRAS PARA O DIAGNÓSTICO DA ONICOMICOSE

O USO DA ONICOABRASÃO COMO MÉTODO DE AUXÍLIO NA OBTENÇÃO DE AMOSTRAS PARA O DIAGNÓSTICO DA ONICOMICOSE HOSPITAL DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL DE SÃO PAULO O USO DA ONICOABRASÃO COMO MÉTODO DE AUXÍLIO NA OBTENÇÃO DE AMOSTRAS PARA O DIAGNÓSTICO DA ONICOMICOSE ANA FLÁVIA NOGUEIRA SALIBA São Paulo 2012 ANA

Leia mais

Incerteza, exatidão, precisão e desvio-padrão

Incerteza, exatidão, precisão e desvio-padrão 1 Incerteza, exatidão, precisão e desvio-padrão Incerteza ( uncertainty or margin of error ) A incerteza, segundo a Directiva Comunitária 2007/589/CE, é: parâmetro associado ao resultado da determinação

Leia mais

Estudo de Fatores Associados à Ocorrência de Abandono do Tratamento do HIV/AIDS

Estudo de Fatores Associados à Ocorrência de Abandono do Tratamento do HIV/AIDS Estudo de Fatores Associados à Ocorrência de Abandono do Tratamento do HIV/AIDS Autoras: Louise Bastos Schilkowsky/ ENSP/UFRJ Margareth Crisóstomo Portela/ENSP Marilene de Castilho Sá/ENSP 1 Contextualização

Leia mais

Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no CEO Cidade Tiradentes - Município de

Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no CEO Cidade Tiradentes - Município de Perfil epidemiológico dos pacientes atendidos no CEO Cidade Tiradentes - Município de São Paulo - na especialidade de Estomatologia. Epidemiologic profile of the patients treated at Stomatology Service

Leia mais

Dossier Informativo. Osteoporose. Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal

Dossier Informativo. Osteoporose. Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal Dossier Informativo Osteoporose Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal 2008 1 Índice 1. O que é a osteoporose? Pág. 3 2. Factores de risco Pág. 4 3. Prevenção Pág. 4 4. Diagnóstico

Leia mais

Título: Comparação dos cuidados de saúde oral numa população com Trissomia 21 e seus irmãos

Título: Comparação dos cuidados de saúde oral numa população com Trissomia 21 e seus irmãos Título: Comparação dos cuidados de saúde oral numa população com Trissomia 21 e seus irmãos Viviana Macho 1, Mariana Seabra 1, Cristina Areias 2, Orquídea Ribeiro 3, David Casimiro de Andrade 4 1 Médicas

Leia mais

Universidade da Beira Interior Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Psicologia e Educação

Universidade da Beira Interior Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Psicologia e Educação Universidade da Beira Interior Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Psicologia e Educação DISSERTAÇÃO DE MESTRADO APRESENTADA À UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR COMO REQUISITO PARA A OBTENÇÃO

Leia mais

Victor Silvano Resende. Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica

Victor Silvano Resende. Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica Victor Silvano Resende Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica Brasília 2014 Victor Silvano Resende Estabilidade da margem gengival após cirurgia

Leia mais

FATORES RELACIONADOS COM O NÍVEL DE ANSIEDADE EM ATLETAS DE FUTEBOL FEMININO

FATORES RELACIONADOS COM O NÍVEL DE ANSIEDADE EM ATLETAS DE FUTEBOL FEMININO FATORES RELACIONADOS COM O NÍVEL DE ANSIEDADE EM ATLETAS DE FUTEBOL FEMININO (FACTORS RELATED TO THE ANXIETY LEVEL IN FOOTBALL FEMALE ATHLETES) Marcos Vinicius Dias Munhóz 1 ; Claudia Teixeira-Arroyo 1,2

Leia mais

ESTATÍSTICAS DEMOGRÁFICAS 2001-2008 DISTRITO DE VIANA DO CASTELO E SEUS CONCELHOS. F e v e r e i r o d e 2 0 1 0

ESTATÍSTICAS DEMOGRÁFICAS 2001-2008 DISTRITO DE VIANA DO CASTELO E SEUS CONCELHOS. F e v e r e i r o d e 2 0 1 0 ESTATÍSTICAS DEMOGRÁFICAS 2001-2008 DISTRITO DE VIANA DO CASTELO E SEUS CONCELHOS U n i d a d e d e S a ú d e P ú b l i c a d o A l t o M i n h o F e v e r e i r o d e 2 0 1 0 U n i d a d e d e S a ú d

Leia mais

Da Classificação de Viena para a Nova Classificação de Montreal: Caracterização Fenotípica e Evolução Clínica da Doença de Crohn

Da Classificação de Viena para a Nova Classificação de Montreal: Caracterização Fenotípica e Evolução Clínica da Doença de Crohn Artigo Original I Classificação da Doença de Crohn Da Classificação de Viena para a Nova Classificação de Montreal: Caracterização Fenotípica e Evolução Clínica da Doença de Crohn From the Vienna Classification

Leia mais

2 - to raise awareness of the nature, extent, complexity and consequences of misuse of alcohol and other drugs occorring among doctors

2 - to raise awareness of the nature, extent, complexity and consequences of misuse of alcohol and other drugs occorring among doctors Working Group on the Misuse of Alcohol and Other Drugs by Doctor - British Medical Association - 1998 Ênfase : "...the protection of patients by recognising and dealing firmly and fairly with dysfunctional

Leia mais

Importância atual da IL28B: Carcinogênese, HCV, HBV

Importância atual da IL28B: Carcinogênese, HCV, HBV Importância atual da IL28B: Carcinogênese, HCV, HBV VI WORKSHOP INTERNACIONAL DE ATUALIZAÇÃO EM HEPATOLOGIA Centro de Convenções David Carneiro - Pestana Hotel 3 e 4 de agosto de 2012 - Curitiba - PR Brasil

Leia mais

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE LETRAS DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios Sandra Sofia Brito da Silva Dissertação

Leia mais