4. Aumento de capital protege Banif de OPA. Operação levou à queda acentuada das acções do banco liderado por Marques Santos. (pág.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "4. Aumento de capital protege Banif de OPA. Operação levou à queda acentuada das acções do banco liderado por Marques Santos. (pág."

Transcrição

1 RESUMO DE IMPRENSA Terça-feira, 26 de Outubro de 2010 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Finanças querem subida de 5% nos transportes públicos. Governo propõe aumento que é mais do dobro da inflação. Corte nos salários já está a gerar ameaças de greve e protestos. Estudantes vão pagar mais pelos passes com Estado a pagar menos. CMVM faz petição e Banco de Portugal fala em ingerência política. Investidores acreditam em acordo para aprovar Orçamento. (págs. 1, 8 a 11, 26 e 27 e editorial) 2. Recibos verdes. Novas contribuições penalizam rendimentos mais elevados. Mais IRS menos deduções juntam-se à subida dos descontos para a Segurança Social. Saiba o que vai mudar nas contribuições e nos impostos de quem passa recibo verde. (págs. 1 e 4 a 7) 3. EDP conquista todos os dias 150 clientes no mercado livre. Endesa, Iberdrola e Unión Fenosa têm focado a sua aposta em Portugal em clientes empresariais. (págs. 12 e 13) 4. Aumento de capital protege Banif de OPA. Operação levou à queda acentuada das acções do banco liderado por Marques Santos. (pág. 17) 5. Acções. Bolsa sobe à cinco semanas com aposta na resolução da crise. (págs. 18) 6. Queda da moeda dos EUA puxa pelo petróleo. Barril da matéria-prima negoceia acima dos 83 dólares em Londres. (pág. 22) 7. Eleições presidenciais. Cavaco avança para Belém com as mesmas promessas de estabilidade de Cavaco deixa 1

2 esta noite de ser apenas Chefe de Estado para ser o candidato da direita às eleições de Janeiro. (págs. 27) 8. Transparência no processo orçamental. É mais fácil perceber o orçamento na Mongólia do que em Portugal. Estudo coloca Portugal na cauda do ranking face aos vizinhos europeus, por falta de documentos e insuficiência de informação na proposta do Orçamento. (págs. 28 e 29) 9. Impostos. Meio milhar apanhados com contas escondidas no estrangeiro. Fisco já está a avisar os contribuintes apanhados em falta para apresentarem declarações de substituição do IRS. (pág. 30) 10. Justiça. Em Portugal são precisos dias para cobrar uma dívida em tribunal. Magistrados contestam relatório europeu dizendo que os números variam com o sistema de justiça de cada país. (pág. 31) 11. Portugal sobe no ranking da competitividade. Portugal melhorou no ranking de competitividade do Euro Monitor. A economia nacional atingiu a 13.ª posição a nível europeu, subindo um lugar relativamente a 2005 e ultrapassando a Espanha. (pág. 32) 12. Construção. Confederação quer dar prioridade à reabilitação. A concretização das medidas de apoio à reabilitação podem criar 110 mil empregos. Reis Campos, presidente da CPCI. (última pág.) 13. Competitividade. Empreender na internacionalização. O que somos? Somos um parceiro de negócios para as empresas, Helena Paula Pires, AICEP. Exportações portuguesas cresceram mais de 350% nos últimos 20 anos. (suplemento n+, pág. VI) DIÁRIO ECONÓMICO 14. Falta de entendimento arrasta negociações do Orçamento para hoje. Mais um dia sem fumo branco na negociação do 2

3 Orçamento para Abertura e rapidez são palavras de ordem. Pressão dos mercados impede Portugal de adiar metas do défice. Encargos com PPP sobem para mais de 1,2 mil milhões em (págs. 1 e 4 a 8) 15. Luís Amado pede acordo alargado entre principais partidos. O ministro diz que sem este acordo entre os principais partidos não será possível mudar o País. (págs. 1 e última) 16. Editorial. A vitória dos consumidores. Em 1996, a polémica à volta da abertura ou não dos hipermercados ao domingo fez cair o ministro da Economia, Daniel Bessa, e o secretário de Estado do Comércio, Manuel Santos. A CCP teve então um papel importante na proibição de abrir os espaços comerciais com mais de metros quadrados aos domingos e feriados depois das 13h00, à excepção dos meses de Novembro e Dezembro. (pág. 3) 17. Gastos com excedentários do Estado caem em 2011 apesar do corte de serviços. Despesa com excedentários cai 15,5% em Em causa estão os cortes salariais e maior recurso ao quadro de mobilidade devido ao congelamento das admissões. Estado paga salário a trabalhadores inactivos. Mais de já passaram pela mobilidade especial. (págs. 10 e 11) 18. Portugal chumba sanções políticas aos países com défices elevados. A proposta da Alemanha será debatida no final da semana em Bruxelas. Só a França está a favor. (pág. 12) 19. Amado quer saída da crise na agenda da cimeira UE-EUA. (pág. 12) 20. Encomendas à indústria subiram 9,2%, o aumento mais baixo na Europa. Em termos mensais, os pedidos à indústria portuguesa cresceram 2,3% em, Agosto. (pág. 14) 21. Magistrados contestam relatório da Justiça e falam em manipulação. Oficias de justiça em greve parcial até Outubro de (págs. 16 e 17) 22. Eu não me resigno. Cinco anos depois Cavaco replica o mote com o País financeiramente mais fragilizado, mais pobre, mais 3

4 dependente do Estado e politicamente mais instável. Análise, recandidatura de Cavaco Silva. Segundo mandato mais exigente. Cavaco ou o preconceito da ordem. (págs. 18 e 19) 23. Brasil investe três vezes o PIB português em infraestruturas. O governo brasileiro está a avançar com mias de projectos, num investimento total de 510 mil milhões de euros, até (págs. 20 e 21) 24. Jerónimo Martins segue Sonae e abre ao domingo a partir de Janeiro. Distribuição começa a pagar a 30 dias. O presidente da CAP, João Machado, aplaude esta medida como forma de evitar problemas de tesouraria na sequência da renegociação de prazos mais alargados dos contratos, para 90 ou 120 dias. (págs. 24 e 25) 25. Entrevista a Nobuo Tanaka, director da Agência Internacional de Energia. Quando fazemos previsões de preço do petróleo, saem sempre erradas. As opções da política energética portuguesa revelam bom senso. (págs. 28 e 29) 26. Turismo. Espanhola Marsans avalia o valor das participadas para avançar com liquidação. (pág. 32) 27. Sign dá cartas na impressão de grandes formatos. Entrevista a Jorge Nogueira, presidente. Vamos facturar um milhão em Espanha dentro de um ano. (págs. 34 e 35) 28. Maior fundo soberano da Europa reforça aposta na bolsa portuguesa. O Fundo Soberano da Noruega, gerido pelo Norges Bank, elevou a participação em quatro cotadas nacionais desde o início do segundo semestre. (pág. 36) 29. Montepio com o caminho livre para a fusão com o Finibanco. (pág. 38) PÚBLICO 30. Contas do défice atrasam acordo p0ara Orçamento do Estado. Cavaco Silva anuncia hoje recandidatura com discurso centrado na crise. Negociações atenuam pressão dos mercados 4

5 sobre a dívida nacional. Socialista Vera Jardim questiona constitucionalidade de retirar benefícios fiscais a instituições não-católicas. (págs. 1 e 2 a 7) 31. Estado não fiscaliza contratos que existem no portal oficial dos concursos públicos. (pág. 8) 32. Hugo Chávez só comprou uma parte daquilo que já tinha prometido comprar. As 50 mil casas anunciadas estavam no contrato-promessa. O contrato final ficou-se pelos fogos. (pág. 9) 33. Siza Vieira entre os apoios de Francisco Lopes a Belém (págs. 9) 34. Juízes e procuradores poderão ver salários reduzidos em mais de 750 euros. (pág. 10) 35. O mercado português de arte está enxameado de quadros falsos. A apreensão, pela PJ, de 130 quadros falsos de pintores de topo mostra que Portugal está nas rotas internacionais de falsificação. (pág. 12) 36. UE. Procurador português no Conselho da Europa. João Silva Miguel. (pág. 14) 37. Grandes retalhistas obrigados a pagar horas a partir de Janeiro. Hiper e supermercados terão de pagar no prazo máximo de 30 ou de 60 dias às pequenas empresas que lhes fornecem produtos alimentares. As medidas agora publicadas vêm responder aos apelos dos pequenos fornecedores da indústria agro-alimentar e da própria CAP, que antes do Verão tinha pedido ao Governo que impusesse às grandes superfícies um prazo máximo de pagamento mais curto. (pág. 20) 38. Preço do algodão dispara nos mercados. (pág. 21) 39. Países torcem o nariz à revisão do Tratado de Lisboa para reforçar a disciplina do euro. (pág. 22) 40. Greves em França custam até 400c milhões por dia. (pág. 23) 5

6 JORNAL DE NOTÍCIAS 41. Retratos do meu país. Reformas preocupam mais os idosos do que as doenças. Manuel Gama, médico em municípios envelhecidos. (págs. 1 e 10) 42. Juros da dívida pública a descer em Portugal e na Europa. Endividamento. (pág. 5) 43. Até sexta-feira para entregar propostas. Concurso dos blindados. (pág. 8) 44. Câmara do Porto foi lesada em seis milhões de euros. Rui Rio acusou anterior autarquia, presidida por Nuno Cardoso, de favorecer o F.C. Porto com permuta de terrenos. (pág. 12) 45. Espanhóis desesperam com portagens nas SCUT. Obtenção do chip é o que tem levantado mais dúvidas aos automobilistas. (pág. 42) 46. Timeless Brands em foco na Marketing Show. (...) Marketing Show Feira de Marketing, Publicidade, Media e Comunicação, que decorre na Exponor sexta feira e sábado próximos (dias 29 e 30). (suplemento JN Classificados, pág. 1) DIÁRIO DE NOTÍCIAS 47. Ex-deputado do PS acusado de 19 crimes de corrupção. Processo. Carlos Lopes é suspeito de angariar dinheiro para financiar campanha autárquica. (págs. 1 e 10) 48. Ministério da Justiça vai gastar mais 5,6 milhões em horas extras. (pág. 2) 49. Portugal termina o ano com défice inferior ao de Espanha. (pág. 3) 50. Federação Nacional dos Médicos adere à greve geral. (pág. 5) 6

7 51. Notáveis do PSD à espera de mandato interventivo. Cavaco anuncia esta noite a sua recandidatura à Presidência da República. (pág. 8) 52. Mineiros pedem mais trabalho. Cotação. Cobre valorizou quase 300% desde o ano passado mas Portugal não lucra com este boom do mercado. (pág. 29) 53. Português discursa ao patronato britânico. Banca. O português António Horta Osório, chief executive do Banco Santander no Reino Unido, foi um dos oradores do congresso da Confederação da Indústria Britânica (CBI). (pág. 32) CORREIO DA MANHÃ 54. Governo e PSD acertam cabaz com IVA reduzido. Negociações sobre conjunto de bens essenciais que escaparão a aumento de impostos. Impasse arrasta reunião. Hoje há nova ronda. (págs. 1, 8 e 9) 55. Educação. Autarquias temem não ter capacidade financeira. Câmaras pagam ADSE de 10 mil não-docentes. (pág. 18) 56. Banco tóxico tem 2,3 mil milhões. Administração do BPN teve ontem uma reunião no Ministério das Finanças para escolher os bens que serão eliminados do balanço do banco. (pág. 23) 57. Revelação. Documentos secretos da Polícia Política da ditadura sobre Sá Carneiro. As escutas da PIDE a Sá Carneiro e Marcelo. (págs. 26 e 27) 58. Paulo Portas apoia Cavaco. (pág. 28) i 59. Justiça. Relatório do Conselho da Europa abre nova guerra entre juízes e advogados. (págs. 1 e 20) 60. Reputação. Na avaliação dos estrangeiros Portugal anda pelo meio da tabela. (págs. 1 e 18) 7

8 61. Scut: Menezes diz que há empresários a ir para Espanha. (pág. 7) 62. Encomendas a fábricas portuguesas têm a subida mais baixa na UE. (pág. 10) 63. Gasóleo sobe em 2011 com o fim da isenção fiscal ao biodisel. Aumento do preço pode chegar aos quatro cêntimos por litro com a subida do IVA para 23%. (pág. 10) 64. Seguro obrigatório contra sismos vais custar entre 13 e 56 euros. Quem tem crédito à habitação será obrigado a aderir. Nova lei entre em vigor em (pág. 11) 65. Pedro Carneiro. Basta uma sucessão de asneiras para deitar a reputação de um país por terra. Pedro Carneiro, partner do Reputation Institute em Portugal. (pág. 18) 66. Justiça portuguesa perde credibilidade no panorama internacional. Portugal tem um dos piores índices de percepção de corrupção na Europa, ocupando a 19.ª posição em 30 lugares possíveis. (pág. 19) 67. Investir na China. Mercado chinês encaixa naquilo que os portugueses fazem bem. A segunda maior economia mundial é o comboio gigante que nenhuma empresa quer perder. As portuguesas podem também ter o seu espaço. (págs. 24 e 25) OJE 68. Juros baixam em véspera de emissão. Dívida pública. (págs. 1) 69. Espanha vai ter a maior rede de TGV da Europa. (pág. 7) O DIABO 70. PS trava fecho de institutos por causa dos boys. A proposta do PSD ia poupar mais de mil milhões de euros, mas os socialistas recusaram tudo na negociação do Orçamento. Em 8

9 vez disso, extinguiram departamentos do Estado que já nem sequer existem... (págs. 1, 4 e ) 71. RTP cobre-se de dívidas para pagar ordenados milionários. (pág. 3) 72. José Pinto Coelho o único candidato à direita de Cavaco. (págs. 6 e 7) 9

RESUMO DE IMPRENSA. Quinta-feira, 31 de Julho de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Quinta-feira, 31 de Julho de 2008 RESUMO DE IMPRENSA Quinta-feira, 31 de Julho de 2008 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Queda nos lucros da banca retira 80 milhões ao Fisco. Resultados dos quatro maiores bancos privados caíram mais de 40% no primeiro

Leia mais

Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão. Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão

Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão. Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão Diário de noticias, por Hugo Filipe Coelho 17-10-11 Direita admite mudanças na lei para criminalizar a má gestão Dinheiro público. PSD e CDS

Leia mais

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 12 e 13 de Julho de 2008

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 12 e 13 de Julho de 2008 Resumo de Imprensa Sábado e domingo, 12 e 13 de Julho de 2008 DIÁRIO DE NOTÍCIAS (domingo, 13) 1. Código do Trabalho. Empresas vão poder impor período de férias a trabalhadores (pág. 1 e 40) Patrões livres

Leia mais

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 1 de Abril de 2008

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 1 de Abril de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO Resumo de Imprensa Terça-feira, 1 de Abril de 2008 1. Prestação da casa atinge máximos (págs. 1, 24 e 25) A prestação mensal do crédito à habitação voltou a subir: Em Março, a Euribor

Leia mais

Resumo de Imprensa. Segunda-feira, 14 de Abril de 2008

Resumo de Imprensa. Segunda-feira, 14 de Abril de 2008 Resumo de Imprensa Segunda-feira, 14 de Abril de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Crise custa 860 milhões aos bancos portugueses (págs. 1, 4 a 6) Quase mil milhões. É este o custo da crise internacional para os

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008 Resumo de Imprensa Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Indústria automóvel ganha novos apoios financeiros (págs. 1, 4 a 7) José Sócrates e Manuel Pinho avançam hoje com um plano para

Leia mais

1. Fisco cobra mais IMI do que devia a senhorios. IMI depende da subida das rendas (manchete, págs. 28 e 29)

1. Fisco cobra mais IMI do que devia a senhorios. IMI depende da subida das rendas (manchete, págs. 28 e 29) RESUMO DE IMPRENSA Segunda-feira, 14 de Junho de 2010 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Fisco cobra mais IMI do que devia a senhorios. IMI depende da subida das rendas (manchete, págs. 28 e 29) 2. Certificados do

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Escolher os melhores depósitos vai ser mais fácil (págs. 1, 20 e 21). Saiba o que muda com as novas regras do Banco de Portugal.

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Sábado e domingo, dias 18 e 19 de Abril de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Sábado e domingo, dias 18 e 19 de Abril de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Sábado e domingo, dias 18 e 19 de Abril de 2009 PÚBLICO (SÁBADO, 18) 1. Crise. Cavaco alerta Governo para perigos da ocultação da realidade. Cavaco duro como nunca para Governo e empresários.

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008 Resumo de Imprensa Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Constâncio tem saída para salvar BPP (págs. 1, 6 a 11) Banco de Portugal indica administradores para o banco de João Rendeiro

Leia mais

3. Energia. Concursos para mini-hídricas já foram lançados e somam 128 MW. Empresas têm até 25 de Novembro para apresentar projectos. (pág.

3. Energia. Concursos para mini-hídricas já foram lançados e somam 128 MW. Empresas têm até 25 de Novembro para apresentar projectos. (pág. RESUMO DE IMPRENSA Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Salário de trabalhadores das empresas do Estado com cortes acima de 20%. Rendimentos menores são os mais afectados. Saiba tudo

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008 Resumo de Imprensa Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Não espero mais surpresas no BCP (págs. 1, 4 a 9) A nova administração pede 1,3 mil milhões de euros aos accionistas e cancela

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Segunda-feira, 22

RESUMO DE IMPRENSA. Segunda-feira, 22 RESUMO DE IMPRENSA Segunda-feira, 22 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Novos reformados do Estado recebem em média 1.428 euros por mês. Este ano já se reformaram 16.200 funcionários públicos. As pensões médias estão

Leia mais

RESUMO IMPRENSA. Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009

RESUMO IMPRENSA. Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009 RESUMO IMPRENSA Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Gabinete de Sócrates acusado de ameaçar gestor do PSD. Houve abordagens do gabinete de Sócrates para que Alexandre Relvas medisse

Leia mais

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 18 e 19 de Outubro de 2008

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 18 e 19 de Outubro de 2008 Resumo de Imprensa Sábado e domingo, 18 e 19 de Outubro de 2008 PÚBLICO (domingo, 19) 1. Bastaram 20 minutos de chuva intensa para criar o caos em Lisboa (pág. 1 e 25) 2. Contestação ao Governo. Manifestação

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 9 de Setembro de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 9 de Setembro de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, 9 de Setembro de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Bancos voltam a dar mais crédito às empresas (manchete, pág. 17). Malparado em alta nos empréstimos a famílias e sociedades.

Leia mais

4. Síria. Repressão aumenta e EUA agravam sanções (págs. 1 e 14)

4. Síria. Repressão aumenta e EUA agravam sanções (págs. 1 e 14) RESUMO DE IMPRENSA Domingo, 01 de Maio de 2011 PÚBLICO (DOMINGO, 01) 1. Uma multidão em nome de João Paulo II. A beatificação de um papa obscurantista, ou do obreiro de um renascimento católico? (manchete,

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008 RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Funcionários públicos antecipam reforma usando a mobilidade. Redução de trabalhadores à espera de decisão do ministro (págs.

Leia mais

1. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 1. 2. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 2

1. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 1. 2. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 2 Radios_25_Maio_2015 Revista de Imprensa 1. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 1 2. Greve no Metro de Lisboa, Antena 1 - Notícias, 25-05-2015 2 3. PS quer alterar o Código do IVA,

Leia mais

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 10 e 11 de Janeiro de 2009

Resumo de Imprensa. Sábado e domingo, 10 e 11 de Janeiro de 2009 Resumo de Imprensa Sábado e domingo, 10 e 11 de Janeiro de 2009 PÚBLICO (Sábado, 10) 1. Mobilidade. Obra no Pomarão evita deslocações de centenas de quilómetros. Ponte vai ligar Alentejo à Andaluzia e

Leia mais

ECONOMIA. Esquema financeiro provoca buraco de 3 mil milhões em empresas públicas. Gostava muito que as gentes não se resignassem

ECONOMIA. Esquema financeiro provoca buraco de 3 mil milhões em empresas públicas. Gostava muito que as gentes não se resignassem JOÃO DUQUE Fundos de arrendamento podem ajudar as famílias E14 LUÍS MARQUES Estamos a caminho de um caos, de um caos político E12 JOÃO VIEIRA PEREIRA Constituição: mais que mudar é preciso incluir limites

Leia mais

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 28 de Outubro de 2008 Resumo de Imprensa Terça-feira, 28 de Outubro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Euribor deve cair para 3,5% em Janeiro (págs. 1, 4 a 10) Mercados apostam que a taxa de referência dos empréstimos da casa vai

Leia mais

tem Soares dos Santos mais dinheiro na bolsa que China e Angola juntos - P3O

tem Soares dos Santos mais dinheiro na bolsa que China e Angola juntos - P3O tem Soares dos Santos mais dinheiro na bolsa que China e Angola juntos - P3O Soares dos Santos tem mais dinheiro na bolsa que China e Angola juntos A subida das acções da Jerónimo Martins levou a família

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, dia 29 de Abril de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, dia 29 de Abril de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, dia 29 de Abril de 2009 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Moody s em Lisboa para avaliar o risco da economia portuguesa. Fernando Ulrich diz que Portugal tem argumentos para evitar uma

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 23 de Abril de 2008

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, 23 de Abril de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO Resumo de Imprensa Quarta-feira, 23 de Abril de 2008 1. BCE ameaça subir juros para controlar preços (págs. 1 e 16) Com a subida dos preços, há uma viragem nas expectativas: em vez de

Leia mais

1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1

1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1 Tv's_25_Janeiro_2016 Revista de Imprensa 1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1 2. Conversa com Marisa Matias, RTP 2 - Página 2, 25-01-2016

Leia mais

2 1,2 1,3 2,5 2 3,2 3 0,5-4,2 1,8 1,3% 1,9 0,9 0,8 2,2 1,7 3,1 2,9 0,4-4,1 1,8 1,16%

2 1,2 1,3 2,5 2 3,2 3 0,5-4,2 1,8 1,3% 1,9 0,9 0,8 2,2 1,7 3,1 2,9 0,4-4,1 1,8 1,16% A SITUAÇÃO ACTUAL É MAIS GRAVE DO QUE EM 1977/78 E EM 1983/84 POR PORTUGAL PERTENCER À ZONA EURO E NESTA DOMINAR UMA POLITICA NEOLIBERAL DE SUBMISSÃO AOS MERCADOS. Um erro grave é confundir a situação

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, dia 30 de Janeiro de 2008

Resumo de Imprensa. Quarta-feira, dia 30 de Janeiro de 2008 Resumo de Imprensa Quarta-feira, dia 30 de Janeiro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Exportações para Angola atingem valores recorde (págs.1, 12 e 13) As empresas portuguesas já vendem quase tanto para aquele

Leia mais

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA --- EMBARGO DE DIVULGAÇÃO ATÉ ÀS 21:00 HORAS DE 01.01.13 --- Palácio de Belém, 1 de janeiro de 2013 --- EMBARGO DE DIVULGAÇÃO ATÉ ÀS 21:00

Leia mais

Debate Quinzenal Economia Intervenção do Primeiro-Ministro José Sócrates

Debate Quinzenal Economia Intervenção do Primeiro-Ministro José Sócrates Debate Quinzenal Economia Intervenção do Primeiro-Ministro José Sócrates 11.02.2009 1. A execução da Iniciativa para o Investimento e o Emprego A resposta do Governo à crise económica segue uma linha de

Leia mais

Têxteis: Pinho enaltece recuperação competitiva do sector

Têxteis: Pinho enaltece recuperação competitiva do sector MEDIA: Agência Lusa Data publicação: 23Out Página: Jornalista: Data Recolha: 23Out Data Evento: 23 Out Têxteis: Pinho enaltece recuperação competitiva do sector 23 de Outubro de 20, 17:15 Famalicão, 23

Leia mais

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 20 de Outubro de 2009

Resumo de Imprensa. Terça-feira, 20 de Outubro de 2009 Resumo de Imprensa Terça-feira, 20 de Outubro de 2009 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Patrões querem travar aumentos salariais em 2010 (págs.1, 4 a 7) A confederações patronais argumentam que salários mais elevados,

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quinta-feira, 19 de Junho de 2008

Resumo de Imprensa. Quinta-feira, 19 de Junho de 2008 Resumo de Imprensa Quinta-feira, 19 de Junho de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Setenta respostas sobre as mudanças na função pública. Últimas medidas arrancam em Janeiro (págs. 1, 14 a 21) Aumentos, reformas,

Leia mais

Portugal 2020 O Financiamento às Empresas. Empreender, Inovar, Internacionalizar. Speaking Notes. Fevereiro 10, 2015. Vila Nova de Famalicão

Portugal 2020 O Financiamento às Empresas. Empreender, Inovar, Internacionalizar. Speaking Notes. Fevereiro 10, 2015. Vila Nova de Famalicão Portugal 2020 O Financiamento às Empresas Empreender, Inovar, Internacionalizar Speaking Notes Fevereiro 10, 2015 Vila Nova de Famalicão Casa das Artes Miguel Frasquilho Presidente, AICEP Portugal Global

Leia mais

SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014)

SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014) SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014) 1. Taxa de Desemprego O desemprego desceu para 14,3% em maio, o que representa um recuo de 2,6% em relação a maio de 2013. Esta é a segunda maior variação

Leia mais

1. (PT) - TVI 24 - Política Mesmo, 25/06/2014, Discurso de António José Seguro: Direto 1

1. (PT) - TVI 24 - Política Mesmo, 25/06/2014, Discurso de António José Seguro: Direto 1 Tv's_25_Junho_2014 Revista de Imprensa 26-06-2014 1. (PT) - TVI 24 - Política Mesmo, 25062014, Discurso de António José Seguro: Direto 1 2. (PT) - RTP Informação - Grande Jornal, 25062014, Consultas no

Leia mais

Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico

Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico Boletim Econômico Edição nº 87 outubro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Os bancos públicos e o financiamento para a retomada do crescimento econômico 1 O papel dos bancos

Leia mais

NOS@EUROPE. Anexo I. O Desafio da Recuperação Económica e Financeira. Prova de Texto. Gestoras Escola Secundária com 3º CEB do Fundão

NOS@EUROPE. Anexo I. O Desafio da Recuperação Económica e Financeira. Prova de Texto. Gestoras Escola Secundária com 3º CEB do Fundão Anexo I NOS@EUROPE O Desafio da Recuperação Económica e Financeira Prova de Texto Gestoras Escola Secundária com 3º CEB do Fundão Ana Maria Ribeiro da Cruz Diana Patrícia Henriques Fernandes Joana Catarina

Leia mais

NEWSLETTER Nº 9 SETEMBRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES

NEWSLETTER Nº 9 SETEMBRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES NEWSLETTER Nº 9 SETEMBRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES O Novo Regime Jurídico do Sector Empresarial Local O novo regime jurídico do sector empresarial

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, dia 9 de Maio de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, dia 9 de Maio de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO RESUMO DE IMPRENSA Sexta-feira, dia 9 de Maio de 2008 1. Sonangol avalia entrada na Portucel (pág. 1, 14 e 15) O braço financeiro de Luanda quer ajuda da papeleira de Queiroz Pereira para

Leia mais

Lições para o crescimento econômico adotadas em outros países

Lições para o crescimento econômico adotadas em outros países Para o Boletim Econômico Edição nº 45 outubro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Lições para o crescimento econômico adotadas em outros países 1 Ainda que não haja receita

Leia mais

COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS

COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS REFORMAS FISCAIS A CIP lamenta que a dificuldade em reduzir sustentadamente a despesa pública tenha impedido que o Orçamento do Estado

Leia mais

Quadro 1 Dimensão do controlo da EDP e da GALP por capital estrangeiro

Quadro 1 Dimensão do controlo da EDP e da GALP por capital estrangeiro RESUMO DESTE ESTUDO O sector da energia é estratégico em qualquer país, em termos de desenvolvimento e de independência nacional. Os governos, desde que tenham um mínimo de dignidade nacional e se preocupem

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, 17 de Junho de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, 17 de Junho de 2008 RESUMO DE IMPRENSA Terça-feira, 17 de Junho de 2008 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Portugueses poupam no preço para manterem nível de consumo. Como os consumidores estão a lidar com a crise. Para evitar cortar

Leia mais

Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas econômicas do governo

Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas econômicas do governo Cliente: Trade Energy Veículo: Portal R7 Assunto: Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas Data: 21/01/2015 http://noticias.r7.com/economia/saiba-o-que-vai-mudar-no-seu-bolso-com-as-novas-medidaseconomicas-do-governo-21012015

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Fisco intima advogados e consultores a revelarem planeamento fiscal. Até Novembro, só 20 empresas comunicaram esquemas adoptados

Leia mais

A DÍVIDA PAGA-SE SEMPRE 1

A DÍVIDA PAGA-SE SEMPRE 1 A Dívida Paga-se Sempre Teodora Cardoso A DÍVIDA PAGA-SE SEMPRE 1 Teodora Cardoso As Duas Faces da Dívida Usada com moderação e sentido do risco, a dívida é um factor de desenvolvimento e promove o bem-estar.

Leia mais

Resumo de Imprensa. Quinta-feira, 13 de Novembro de 2008

Resumo de Imprensa. Quinta-feira, 13 de Novembro de 2008 Resumo de Imprensa Quinta-feira, 13 de Novembro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Governo reforça poderes do Banco de Portugal (págs. 1, 4 a 10) O Ministério das Finanças e o PS estão a alterar as leis para

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

1. Emprego criado entre Outubro de 2013 e junho deste ano é precário, diz CGTP, TSF - Notícias, 02-09- 2015

1. Emprego criado entre Outubro de 2013 e junho deste ano é precário, diz CGTP, TSF - Notícias, 02-09- 2015 Radios_2_Setembro_2015 Revista de Imprensa 1. Emprego criado entre Outubro de 2013 e junho deste ano é precário, diz CGTP, TSF - Notícias, 02-09- 2015 1 2. António Costa acusa o Governo de não ter sabido

Leia mais

UM ANO DEPOIS: PRESTAR CONTAS

UM ANO DEPOIS: PRESTAR CONTAS UM ANO DEPOIS: PRESTAR CONTAS Há um ano, o XIX Governo constitucional iniciou funções com o País submetido a um Programa de Ajustamento Financeiro e Económico (PAEF) tornado inevitável perante a iminência

Leia mais

Resumo de Imprensa. Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Resumo de Imprensa. Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008 Resumo de Imprensa Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Ambiente chumba investimentos de 14 mil milhões (págs. 1 e 44) A AICEP, liderada por Basílio Horta, juntamente com outras entidades,

Leia mais

2. (PT) - TSF - Notícias, 17/07/2013, PS acusa maioria de «intransigência» no corte de 4,7 ME na despesa do Estado

2. (PT) - TSF - Notícias, 17/07/2013, PS acusa maioria de «intransigência» no corte de 4,7 ME na despesa do Estado Rádios _17 Julho Revista de Imprensa 18-07-2013 1. (PT) - - Notícias, 17072013, Personalidades assinam manifesto a pedir entendimento entre os partidos 1 2. (PT) - - Notícias, 17072013, PS acusa maioria

Leia mais

Sociedade de Geografia de Lisboa

Sociedade de Geografia de Lisboa Sociedade de Geografia de Lisboa Tema A internacionalização das empresas portuguesas para os Países da Europa Central e Oriental (PECO) Autor Rui Paulo Almas Data Lisboa, 25 de Junho de 2012 1 A internacionalização

Leia mais

4. Luta pela Vivo. Telefónica afasta Governo português das negociações. César Alierta reitera que só manterá oferta até 16 de Julho. (pág.

4. Luta pela Vivo. Telefónica afasta Governo português das negociações. César Alierta reitera que só manterá oferta até 16 de Julho. (pág. RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, 14 de Julho de 2010 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Governo está a viabilizar rescisões amigáveis. Desde 2007 foram aprovados pedidos que envolvem mil trabalhadores. Sete de treze

Leia mais

A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando

A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando INFORMATIVO n.º 42 NOVEMBRO de 2015 A despeito dos diversos estímulos monetários e fiscais, economia chinesa segue desacelerando Fabiana D Atri - Economista Coordenadora do Departamento de Pesquisas e

Leia mais

Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente, Senhora e Senhores membros do Governo.

Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente, Senhora e Senhores membros do Governo. Intervenção proferida pelo Deputado Luís Henrique Silva, na Sessão Plenária de Novembro de 2006 Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente, Senhora e Senhores membros

Leia mais

CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA. 22 de junho de 2015

CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA. 22 de junho de 2015 CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA UMA UNIÃO EUROPEIA MAIS FORTE 22 de junho de 2015 A União Europeia deve contar com um quadro institucional estável e eficaz que lhe permita concentrar-se

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Setembro 2011 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Geografia A. * Análise de Notícias. Escola ES/3 de Carvalhos Março 2007

Geografia A. * Análise de Notícias. Escola ES/3 de Carvalhos Março 2007 Escola ES/3 de Carvalhos Março 2007 Geografia A * Análise de Notícias Natureza das notícias: socio-económica Localização temporal: actualidade Localização espacial: Europa Jornal: Expresso Data de edição:

Leia mais

1º FÓRUM UNIÃO DE EXPORTADORES CPLP 26 E 27 DE JUNHO DE 2015 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA. JUNTOS IREMOS LONGE www.uecplp.org

1º FÓRUM UNIÃO DE EXPORTADORES CPLP 26 E 27 DE JUNHO DE 2015 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA. JUNTOS IREMOS LONGE www.uecplp.org 1º FÓRUM UNIÃO DE EXPORTADORES CPLP 26 E 27 DE JUNHO DE 2015 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA JUNTOS IREMOS LONGE www.uecplp.org CONCEITO Realização do 1º Fórum União de Exportadores CPLP (UE-CPLP) que integra:

Leia mais

07/01/2009 OJE Economia contrai 0,8% este ano e terá entrado em recessão em 2008 A crise financeira e a recessão mundial vão provocar este ano uma contracção de 0,8% na economia nacional, penalizada pela

Leia mais

1. (PT) - i, 02/10/2012, Construção civil. Empresas "fogem" para o estrangeiro 1

1. (PT) - i, 02/10/2012, Construção civil. Empresas fogem para o estrangeiro 1 Tema de Pesquisa: Construção 02 de Outubro de 2012 Revista de Imprensa 02-10-2012 1. (PT) - i, 02/10/2012, Construção civil. Empresas "fogem" para o estrangeiro 1 2. (PT) - i, 02/10/2012, Precários lançam

Leia mais

Marinho Pinto. O Ministério da Justiça está a ser usado para ajustes de contas

Marinho Pinto. O Ministério da Justiça está a ser usado para ajustes de contas Cavaco Silva convoca mandões da Justiça para Belém Marinho Pinto. O Ministério da Justiça está a ser usado para ajustes de contas De acordo com a Ordem dos Advogados, apenas 2238 processos estavam irregulares

Leia mais

CRONOLOGIA DA INTEGRAÇÃO EUROPEIA

CRONOLOGIA DA INTEGRAÇÃO EUROPEIA CRONOLOGIA DA INTEGRAÇÃO EUROPEIA 1950 9 de Maio Robert Schuman, Ministro dos Negócios Estrangeiros francês, profere um importante discurso em que avança propostas inspiradas nas ideias de Jean Monnet.

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quinta-feira, 26 de Junho de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Quinta-feira, 26 de Junho de 2008 RESUMO DE IMPRENSA Quinta-feira, 26 de Junho de 2008 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Governo paga novos empregos antes das eleições. Contratar desempregados entre Janeiro e Junho de 2009 dá isenção de taxa social

Leia mais

Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO?

Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO? Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO? Desde a crise económica e financeira mundial, a UE sofre de um baixo nível de investimento. São necessários esforços coletivos

Leia mais

Resumo de Imprensa. Dos dias, 5 e 6 de Abril de 2008

Resumo de Imprensa. Dos dias, 5 e 6 de Abril de 2008 Resumo de Imprensa Dos dias, 5 e 6 de Abril de 2008 JORNAL DE NOTÍCIAS (dia, 6) 1. Teixeira dos Santos não partilha pessimismo sobre crise económica (pág. 25) Ministro das Finanças acompanha a crise internacional

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, dia 14 de Abril

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, dia 14 de Abril DIÁRIO ECONÓMICO RESUMO DE IMPRENSA Terça-feira, dia 14 de Abril 1. Egípcios querem comprar negócio da PT em Marrocos. Os Egípcios da Orascom Telecom pretendem ficar com a operação da PT em Marrocos. Está

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 11 Pronunciamento sobre a questão

Leia mais

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL 1 São muitas e variadas as soluções e medidas de apoio à competitividade empresarial. Na intervenção de abertura o Presidente da

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 18 de Março de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 18 de Março de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, 18 de Março de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Teresa Ter-Minassian, Conselheira Especial do FMI analisa a economia portuguesa. Preocupa-me o défice externo elevado e o baixo

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

Assembleia Nacional. Lei 17/92

Assembleia Nacional. Lei 17/92 REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE Assembleia Nacional Lei 17/92 A Assembleia Nacional, no uso das faculdades que lhe são conferidas pela alínea g) do artigo 86.º da Constituição Política, para

Leia mais

EconoWeek Relatório Semanal. EconoWeek 18/05/2015

EconoWeek Relatório Semanal. EconoWeek 18/05/2015 18/05/2015 EconoWeek DESTAQUE INTERNACIONAL Semana bastante volátil de mercado, com uma agenda mais restrita em termos de indicadores macroeconômicos. Entre os principais destaques, os resultados de Produto

Leia mais

Resumo de Imprensa. Dos dias, 20 e 21 de Junho de 2009

Resumo de Imprensa. Dos dias, 20 e 21 de Junho de 2009 Resumo de Imprensa Dos dias, 20 e 21 de Junho de 2009 JORNAL DE NOTÍCIAS (dia 21) 1. Turistas low-cost podem gerar mais emprego (pág. 32) Estudo indicam que por cada passageiro nos cruzeiros turísticos

Leia mais

Declaração ao país. António José Seguro. 19 de Julho de 2013. Boa tarde. Durante esta semana batemo-nos para que:

Declaração ao país. António José Seguro. 19 de Julho de 2013. Boa tarde. Durante esta semana batemo-nos para que: Declaração ao país António José Seguro 19 de Julho de 2013 Boa tarde. Durante esta semana batemo-nos para que: Não houvesse mais cortes nas reformas e nas pensões Não houvesse mais despedimentos na função

Leia mais

Famílias falidas esquecem-se do perdão do resto da dívida

Famílias falidas esquecem-se do perdão do resto da dívida Famílias falidas esquecem-se do perdão do resto da dívida ENDIVIDAMENTO DAS FAMÍLIAS Tem meio ano para pedir insolvência Nem sempre é fácil perceber quando se entra em insolvência. Raul Gonzalez dá um

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, 25 de Agosto de 2009

RESUMO DE IMPRENSA. Terça-feira, 25 de Agosto de 2009 RESUMO DE IMPRENSA Terça-feira, 25 de Agosto de 2009 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Fusões disparam entre fundos de investimento (págs. 1, 18 e 19). BBVA e BES são os bancos que mais fundos juntaram. 2. Eleições

Leia mais

PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO

PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO PROPOSTA DE PROGRAMA E DE TEMAS PARA DISCUSSÃO 2. INOVAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO O objectivo está adquirido, como está adquirida a consciência da sua importância. O que não está adquirido é a forma de

Leia mais

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 11 de Junho de 2008

RESUMO DE IMPRENSA. Quarta-feira, 11 de Junho de 2008 RESUMO DE IMPRENSA Quarta-feira, 11 de Junho de 2008 JORNAL DE NEGÓCIOS 1. Multas às empresas sobem 28% no primeiro trimestre. Inspecção do Trabalho arrecadou 4,9 milhões de euros. Suspensões de obras

Leia mais

Máquinas e Equipamentos de Qualidade

Máquinas e Equipamentos de Qualidade Máquinas e Equipamentos de Qualidade 83 A indústria brasileira de máquinas e equipamentos caracteriza-se pelo constante investimento no desenvolvimento tecnológico. A capacidade competitiva e o faturamento

Leia mais

NOS ÚLTIMOS 4 ANOS TIVEMOS DE RESPONDER A UMA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA. A UM PROGRAMA DE EMERGÊNCIA FINANCEIRA, SOUBEMOS RESPONDER COM A CRIAÇÃO DE UM

NOS ÚLTIMOS 4 ANOS TIVEMOS DE RESPONDER A UMA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA. A UM PROGRAMA DE EMERGÊNCIA FINANCEIRA, SOUBEMOS RESPONDER COM A CRIAÇÃO DE UM DISCURSO PROGRAMA DE GOVERNO 9.11.2015 MSESS PEDRO MOTA SOARES - SÓ FAZ FÉ VERSÃO EFECTIVAMENTE LIDA - SENHOR PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS NOS ÚLTIMOS 4 ANOS TIVEMOS

Leia mais

Comunicação social Jornalismo, Relações Públicas, Assessoria e Comunicação de Marketing.

Comunicação social Jornalismo, Relações Públicas, Assessoria e Comunicação de Marketing. Comunicação social Comunicação social A Comunicação Social é um campo de conhecimento académico que estuda a comunicação humana e as questões que envolvem a interação entre os sujeitos em sociedade. Os

Leia mais

Resumo de Imprensa. Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009

Resumo de Imprensa. Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009 1 Resumo de Imprensa Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009 DIÁRIO ECONÓMICO 1. Privatização do BPN estará pronta até final de 2010. Francisco Bandeira, presidente do banco, disse ao Diário Económico esperar

Leia mais

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015?

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? Luís Artur Nogueira Jornalista e economista Editor de Economia da IstoÉ DINHEIRO Comentarista econômico da Rádio Bandeirantes Atibaia 17/05/2014 Qual

Leia mais

Relatório Econômico Mensal Agosto 2011

Relatório Econômico Mensal Agosto 2011 Relatório Econômico Mensal Agosto 2011 Tópicos Economia Americana: Confiança em baixa Pág.3 EUA X Japão Pág. 4 Mercados Emergentes: China segue apertando as condições monetárias Pág.5 Economia Brasileira:

Leia mais

POR QUE INVESTIR EM LISBOA? ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU

POR QUE INVESTIR EM LISBOA? ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU POR QUE INVESTIR EM LISBOA? ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU Introdução Portugal está começando a emergir da crise financeira. Nos últimos anos, o governo reestabeleceu suas estruturas organizacionais e,

Leia mais

GOVERNO UTILIZA EMPRESAS PUBLICAS PARA REDUZIR O DÉFICE ORÇAMENTAL, ENDIVIDANDO-AS E ARRASTANDO-AS PARA A SITUAÇÃO DE FALENCIA TÉCNICA

GOVERNO UTILIZA EMPRESAS PUBLICAS PARA REDUZIR O DÉFICE ORÇAMENTAL, ENDIVIDANDO-AS E ARRASTANDO-AS PARA A SITUAÇÃO DE FALENCIA TÉCNICA GOVERNO UTILIZA EMPRESAS PUBLICAS PARA REDUZIR O DÉFICE ORÇAMENTAL, ENDIVIDANDO-AS E ARRASTANDO-AS PARA A SITUAÇÃO DE FALENCIA TÉCNICA RESUMO DESTE ESTUDO Os principais jornais diários portugueses divulgaram

Leia mais

Resumo de Imprensa. Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008. 1. 148 mil reformados da função pública vão ter um aumento adicional (pág.

Resumo de Imprensa. Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008. 1. 148 mil reformados da função pública vão ter um aumento adicional (pág. JORNAL DE NEGÓCIOS Resumo de Imprensa Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008 1. 148 mil reformados da função pública vão ter um aumento adicional (pág. 1, 22 e 23) 2. BCE rompe fronteiras do euro e concede

Leia mais

Glossário da crise financeira

Glossário da crise financeira Glossário da crise financeira Focus A crise financeira que teve início em 2008 com a falência do banco de investimento norte-americano Lehman Brothers alastrou-se a todo o mundo e transformou-se na pior

Leia mais

Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA. Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora. www.omnitrade.

Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA. Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora. www.omnitrade. Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora www.omnitrade.pt Quality Media Press O que representa a empresa o mercado português? R.

Leia mais

O processo de abertura comercial da China: impactos e perspectivas

O processo de abertura comercial da China: impactos e perspectivas O processo de abertura comercial da China: impactos e perspectivas Análise Economia e Comércio / Desenvolvimento Carolina Dantas Nogueira 20 de abril de 2006 O processo de abertura comercial da China:

Leia mais

6º Congresso Nacional da Administração Pública

6º Congresso Nacional da Administração Pública 6º Congresso Nacional da Administração Pública João Proença 30/10/08 Desenvolvimento e Competitividade: O Papel da Administração Pública A competitividade é um factor-chave para a melhoria das condições

Leia mais

Aumento do Custo de Vida Degradação das condições económicas e sociais para a generalidade dos portugueses

Aumento do Custo de Vida Degradação das condições económicas e sociais para a generalidade dos portugueses Aumento do Custo de Vida Degradação das condições económicas e sociais para a generalidade dos portugueses O ano de 2011 é marcado por um acentuado aumento do custo de vida, concretizado pela subida da

Leia mais

Calçado português reforça aposta no mercado alemão

Calçado português reforça aposta no mercado alemão Calçado português reforça aposta no mercado alemão O mercado alemão é uma prioridade estratégica para a indústria portuguesa de calçado. Por esse motivo, a presença nacional na GDS, o grande evento do

Leia mais

Argumentos Contra e a Favor da Valorização O que é o IOF Medidas Adotadas Resultados. Câmbio X IOF Resumo da Semana

Argumentos Contra e a Favor da Valorização O que é o IOF Medidas Adotadas Resultados. Câmbio X IOF Resumo da Semana Câmbio X IOF Nesta apresentação será exposto e discutido parte do debate sobre a valorização do real frente outras moedas, em especial o dólar. Ao final será apresentado um resumo das notícias da semana.

Leia mais

Percepção de Portugal no mundo

Percepção de Portugal no mundo Percepção de Portugal no mundo Na sequência da questão levantada pelo Senhor Dr. Francisco Mantero na reunião do Grupo de Trabalho na Aicep, no passado dia 25 de Agosto, sobre a percepção da imagem de

Leia mais

AS RELAÇÕES ECONÓMICAS PORTUGAL ANGOLA E A ESTRATÉGIA DO BANCO BIC PORTUGUÊS*

AS RELAÇÕES ECONÓMICAS PORTUGAL ANGOLA E A ESTRATÉGIA DO BANCO BIC PORTUGUÊS* ASRELAÇÕESECONÓMICASPORTUGAL ANGOLA I. ACRISEFINANCEIRAEAECONOMIAMUNDIAL EAESTRATÉGIADOBANCOBICPORTUGUÊS* Acrisecomeçounosistemafinanceiroejáatingiuaeconomiareal.O Creditcrunch estáaprovocara contracçãodoprodutonaseconomiasocidentais,reduzindoaprocuranosmercadoseaumentandoo

Leia mais