Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aulas 5 e 6 Eucaristia

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aulas 5 e 6 Eucaristia"

Transcrição

1 Mater Ecclesiae Liturgia 2 Aulas 5 e 6 Eucaristia

2 Fundamentação Bíblica

3 Categorias religioso-culturais prévias à Eucaristia Gn 14,17-20 Melquisedec oferece pão e vinho e bendiz ao Deus Altíssimo Is 25,6ss Antecipação da ceia messiânica Ex 12,1-14 A Ceia Pascal da saída do Egito

4 A fração do pão na comunidade apostólica 1Cor 11,17-22 A Ceia do Senhor se dá em um contexto de refeição 1Cor 10,16s Pela comunhão no Corpo e no Sangue do Senhor, os cristãos se unem a Cristo e entre si. At 2,42 A fração do pão é sinal dos cristãos desde o início da missão da Igreja Lc 24,13-35 A presença de Jesus ressuscitado é experimentada na escuta da Palavra e na fração do pão

5 A fração do pão na comunidade apostólica Fração do pão ou Ceia do Senhor Realizada em um contexto de refeição Celebração comunitária Antecedida por uma celebração da Palavra Ritmo semanal e não anual

6 Relatos da Instituição Duas tradições distintas Mt 26,26-29 e Mc 14,22-25 Lc 22,14-20 e 1Cor 11,23-27 O contexto de refeição aponta para o alimento, a união fraterna e a comunhão com Deus Por ter sido ceia de despedida, foi um testamento Autodoação sacramental de Cristo: no pão e na cruz

7 A Eucaristia em são João Discurso do pão da vida (Jo 6) Eu sou a verdadeira videira (Jo 15,1) Cristo é o pão da vida (primeira parte) Cristo dará o pão da vida (segunda parte) Objetivo claro: dar a VIDA Vinho como sinal da nova aliança Golpe da lança (Jo 19,33s)

8 Testemunho Patrístico

9 Testemunho de São Justino (séc. II) No dia que se chama do Sol, celebra-se uma reunião de todos os que habitam nas cidades e nos campos. Nela se leem, à medida que o tempo o permita, as Memórias dos Apóstolos ou os escritos dos profetas. Em seguida, quando o leitor termina, o presidente, em suas próprias palavras, faz uma exortação e um convite para que imitemos esses belos exemplos. Levantamo-nos seguidamente todos de uma vez e elevamos nossas preces; quando terminam, como já dissemos, oferecem-se pão, vinho e água e o presidente, segundo suas forças, também eleva a Deus suas preces e eucaristias e todo o povo aclama dizendo: Amém. Prosseguindo vem a distribuição e participação dos alimentos eucaristizados e o seu envio, por meio dos diáconos, aos ausentes. Os que tem bens e querem, cada um segundo sua livre determinação, dão o que bem lhe parece; e o que é recolhido é entregue ao presidente, que com ele socorre órfãos e viúvas, aos que, por enfermidades ou outras causas, estão necessitados, aos que estão nos cárceres, aos forasteiros de passagem. Em uma palavra, ele se constitui provedor dos quantos se acham em necessidade. Celebramos essa reunião no dia do Sol por ser o primeiro dia, no qual Deus, transformando as trevas e a matéria, fez o mundo, bem como por ser o dia em que Jesus Cristo, nosso Salvador, ressuscitou dentre os mortos.

10 Eucaristia: força no combate espiritual Santo Inácio de Antioquia (séc. II) Esforçai-vos por vos reunir mais frequentemente, para celebrar a eucaristia de Deus e o seu louvor. Pois quando realizais frequentes reuniões, são aniquiladas as forças de Satanás e se desfaz seu malefício por vossa união na fé. São Cipriano de Cartago (séc. III) Os fiéis bebem diariamente do cálice do Senhor, para que possam também eles derramar o seu sangue por Cristo.

11 Maneira de receber o Corpo do Senhor São Cirilo de Jerusalém (séc. IV) Ao te aproximares, não o faças com as mãos estendidas nem com os dedos separados. Faze com a esquerda como um trono na qual se assente a direita, que vai conter o Rei. E, no côncavo da palma, recebe o Corpo de Cristo, respondendo: Amém! Com segurança, então, depois de santificados teus olhos pelo contato do santo corpo, recebe-o, cuidando para nada perderes. Depois, aguardando a oração, dá graças a Deus que te fez digno de tão grandes mistérios.

12 Perspectivas Teológicas

13 Transubstanciação Conversão da substância do pão na substância do Corpo de Cristo e da substância do vinho na substância do Sangue de Cristo Transubstanciação não é: Aniquilação Criação Condução Mutação ou transformação Permanência dos acidentes

14 Presença real Presença real, verdadeira e substancial de Cristo na Eucaristia Isto é o meu Corpo; isto é o meu Sangue Fazei isto em memória de mim Corpo, Sangue, alma e divindade

15 Sacrifício Oferecimento a Deus de algo sensível, que se destrói ou imola, realizado por um ministro legítimo como reconhecimento supremo de Deus sobre as criaturas. Cristo é sacerdote e vítima ao mesmo tempo A Eucaristia não é renovação ou representação da Cruz A Eucaristia é a memória da Cruz e do Calvário

16 Efeitos da Recepção da Eucaristia Aumento da graça santificante Produção da graça sacramental Perdão dos pecados veniais Penhor da vida eterna Transformação da alma em Cristo Graça nutritiva, revigorando a alma Cura da fraqueza da alma Quem come a minha Carne e bebe o meu Sangue terá a vida eterna e Eu o ressuscitarei no último dia (Jo 6,54)

17 Perspectivas Canônicas

18 Elementos canônicos do sacramento Matéria Forma Sujeito Ministro

19 Elementos canônicos do sacramento Matéria remota: pão de trigo e vinho de uva (cân. 924) Matéria próxima: manducação No rito latino, o pão deve ser ázimo, ou seja, sem fermento, para a liceidade. Mastigar para mostrar o verdadeiro caráter de alimento que a Eucaristia é para o homem. O costume de misturar água ao vinho é provavelmente judaico, mas entre os cristãos assumiu a interpretação da união das naturezas humana e divina. As ocasiões para comunhão sob duas espécies são reguladas pelo Bispo local.

20 Elementos canônicos do sacramento Tomai, todos, e comei: isto é o meu Corpo, que será entregue por vós. Tomai, todos, e bebei: este é o cálice do meu Sangue, o Sangue da nova e eterna Aliança, que será derramado por vós e por todos, para a remissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim. 1) A consagração deve ocorrer dentro da Missa. 2) Não é lícito consagrar somente uma das espécies.

21 Elementos canônicos do sacramento Qualquer batizado não proibido pelo direito Conhecimento suficiente e preparação cuidadosa Não ostentar contraste obstinado à Igreja Recepção prévia do sacramento da Penitência Não repetir ilegitimamente a comunhão Jejum eucarístico

22 Elementos canônicos do sacramento Ministro da confecção ou da consagração Somente o sacerdote validamente ordenado (cân. 900) Celebram licitamente os não-impedidos por pena canônica (cân. 900) Assistidos por pelo menos um fiel (cân. 906) Ministro da administração do sacramento Ordinário: epíscopo, presbítero e diácono Extraordinário: acólito ou outro fiel designado (ad actum ou caráter habitual)

23 Bibliografia Catecismo da Igreja Católica Código de Direito Canônico AUGÉ, Matias. Liturgia. 3ª ed. São Paulo: Editora Ave Maria, BETTENCOURT, Estevão. Curso de Liturgia (EME CL). mimeo.. Curso sobre os Sacramentos (EME CL). mimeo. BOROBIO, Dionisio (org.). A Celebração na Igreja. Vol. 2. 2ª. ed. São Paulo: Loyola, SADA, Ricardo; MONROY, Alfonso. Curso de Teologia dos Sacramentos. 2ª. ed. Lisboa: Rei dos Livros, HORTAL, Jesus. Os Sacramentos da Igreja em sua Dimensão Canônico-Pastoral. 3ª ed. São Paulo: Edições Loyola, 2003.

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 4 Confirmação

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 4 Confirmação Mater Ecclesiae Liturgia 2 Aula 4 Confirmação Fundamentação Bíblica O Espírito de Deus é um dom transformador Juízes são fortalecidos Jz 6,34 Reis são consagrados para governar 1Sm 10,1; 16,13 Profetas

Leia mais

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 14 Sacramentais

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 14 Sacramentais Mater Ecclesiae Liturgia 2 Aula 14 Sacramentais Definição À imitação dos Sacramentos A santa mãe Igreja instituiu os sacramentais, que são sinais sagrados pelos quais, à imitação dos sacramentos, são significados

Leia mais

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20.

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Objetivo do encontro: Despertar amor a Eucaristia e a participação da santa missa, onde o sacramento é oferecido. Texto: Ë o sacramento pelo qual participamos,

Leia mais

A celebração da Eucaristia (São Justino) Sáb, 23 de Maio de :39 -

A celebração da Eucaristia (São Justino) Sáb, 23 de Maio de :39 - Caro(a) Amigo(a), apresento-lhe um pedacinho da Primeira Apologia em favor dos cristãos, de São Justino, mártir do início do século II Ele foi cristão da geração seguinte à geração apostólica Escreveu

Leia mais

o Sacrifício de Jesus

o Sacrifício de Jesus A Santa Missa o Sacrifício de Jesus Curso de Teologia Paróquia de Nossa Senhora da Assunção «A Liturgia é o cume para o qual se dirige a atividade da Igreja e, ao mesmo tempo, a fonte de onde provém toda

Leia mais

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aulas 9 e 10 Reconciliação

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aulas 9 e 10 Reconciliação Mater Ecclesiae Liturgia 2 Aulas 9 e 10 Reconciliação Fundamentação Bíblica A penitência é sinal de vida Moisés transmite ao povo o sacrifício de reparação Lv 5, 14-16 O bode expiatório Lv 16 Jonas e os

Leia mais

A Liturgia como comunicação do Amor de Deus

A Liturgia como comunicação do Amor de Deus A Liturgia como comunicação do Amor de Deus A Liturgia - O Que é a Liturgia - Quem se comunica pela Liturgia. Como comunicação do amor de Deus - Como se deu essa comunicação de Amor. - Como ela se realiza.

Leia mais

Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica :

Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica : Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica : 1323. - O nosso Salvador Instituiu na Última Ceia, na noite em que foi entregue, o Sacrifício Eucarístico do seu Corpo e Sangue,

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

Capela Nª Sª Das Graças

Capela Nª Sª Das Graças Capela Nª Sª Das Graças Santa Missa Dominical 1-Saudação I PR: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. AS: Amém. PR: A vós, irmãos e irmãs, paz e fé da parte de Deus, o Pai, e do Senhor Jesus Cristo.

Leia mais

Encontro para pais de Crianças da Primeira Comunhão

Encontro para pais de Crianças da Primeira Comunhão SECRETARIADO DIOCESANO DE CATEQUESE DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA SANTARÉM Encontro para pais de Crianças da Primeira Comunhão Tema: A EUCARISTIA (Também se pode recorrer ao power point sobre a Eucaristia)

Leia mais

O sacramento da Eucaristia, raiz e centro da comunidade cristã. Ione Buyst Capítulo segundo

O sacramento da Eucaristia, raiz e centro da comunidade cristã. Ione Buyst Capítulo segundo O sacramento da Eucaristia, raiz e centro da comunidade cristã Ione Buyst Capítulo segundo 1 A Eucaristia não é apenas um sacramento de iniciação, mas é celebrada a cada domingo; É uma herança que recebemos

Leia mais

Solenidade de Corpus Christi Junho de 2017

Solenidade de Corpus Christi Junho de 2017 Solenidade de Corpus Christi Junho de 2017 Caríssimos Irmãos e Irmãs: Temos, com muita frequência, insistido sobre a realidade do espaço eclesial que cada batizado ocupa na Igreja. Porém, não obstante

Leia mais

Teologia Sistemática

Teologia Sistemática Teologia Sistemática Patriarcado de Lisboa Instituto Diocesano de Formação Cristã Escola de Leigos 1º Semestre 2014/2015 Docente: Juan Ambrosio Fernando Catarino Tema da sessão A eucaristia Meta da iniciação

Leia mais

Celebração Dominical da Palavra. Cap. 07 Ione Buyst

Celebração Dominical da Palavra. Cap. 07 Ione Buyst Celebração Dominical da Palavra Cap. 07 Ione Buyst A Igreja de Cristo, desde o dia de Pentecostes, após a descida do Espírito Santo, sempre se reuniu fielmente para celebrar o mistério pascal, no dia que

Leia mais

Igreja Batista Cidade Universitária Ministério de Educação Cristã Catolicismo à Luz da Bíblia Professor Guilherme Wood

Igreja Batista Cidade Universitária Ministério de Educação Cristã Catolicismo à Luz da Bíblia Professor Guilherme Wood 6) Missa e Culto Ceia do Senhor Jesus expressou de modo supremo a oferta livre de si mesmo na refeição que tomou com os Doze Apóstolos (Mt 6,0) na noite em que foi entregue (Cor,). Na véspera de sua Paixão,

Leia mais

Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA

Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA REVISTA PALAVRA VIVA Apoio didático Lição 3 Capítulo XXV da Confissão de Fé de Westminster DA IGREJA I. A Igreja Católica ou Universal, que é invisível, consiste do número total dos eleitos que já foram,

Leia mais

Slide 2

Slide 2 ( ) 8. Na Igreja, que é o corpo de Cristo, coluna e firmeza da verdade, uma, santa e universal assembleia dos fiéis remidos de todas as eras e todos os lugares, chamados do mundo pelo Espírito Santo para

Leia mais

D - Senhor, que nos mandastes perdoar mutuamente A antes de nos aproximarmos do vosso altar. D A/C# D Gmaj7 A D Senhor, tende piedade de nós!

D - Senhor, que nos mandastes perdoar mutuamente A antes de nos aproximarmos do vosso altar. D A/C# D Gmaj7 A D Senhor, tende piedade de nós! ATO PENITENCIAL Domingos da Quaresma OPÇÃO 1 D - Senhor, que nos mandastes perdoar mutuamente A antes de nos aproximarmos do vosso altar. D A/C# D Gmaj7 A D Senhor, tende piedade de nós! (bis) Bm E A -

Leia mais

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO Copyright 2005 - Libreria Editrice Vaticana «Motu Proprio» Introdução PRIMEIRA PARTE - A PROFISSÃO DA FÉ Primeira Secção: «Eu

Leia mais

BREVE CATAECISMO DE WESTMINSTER PERGUNTAS 96 E 97

BREVE CATAECISMO DE WESTMINSTER PERGUNTAS 96 E 97 BREVE CATAECISMO DE WESTMINSTER PERGUNTAS 96 E 97 PERGUNTA 96: O que é a Ceia do Senhor? RESPOSTA: A Ceia do Senhor é o sacramento no qual, através de pão e vinho, se anuncia a morte de Cristo, e aqueles

Leia mais

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA A Eucaristia é o sacramento que atualiza e faz a memória do sacrifício de Jesus: em cada Eucaristia temos a presença do Cristo que pela sua morte e ressurreição

Leia mais

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 1 Áudio da Mensagem de Manoel de Jesus, de 28.08.2017 convertido em texto, SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 21.08.2017 28.08.2017 Chamado de Amor e de Conversão do Coração Doloroso e Imaculado

Leia mais

Aula de Doutrina: Eucaristia e Santa Missa Campinas, 27/1/03

Aula de Doutrina: Eucaristia e Santa Missa Campinas, 27/1/03 1 Aula de Doutrina: Eucaristia e Santa Missa Campinas, 27/1/03 Bibliografia básica: CIC 1322-1344; 1373-1405; 1345-1372 1a parte: A Eucaristia 1. Natureza do sacramento da Santíssima Eucaristia CIC 1323

Leia mais

As celebrações serão presididas pelo Emmo. E Revmo. Sr. Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo.

As celebrações serão presididas pelo Emmo. E Revmo. Sr. Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo. As celebrações serão presididas pelo Emmo. E Revmo. Sr. Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo. A Semana Santa comemora e revive todo o Mistério Pascal, isto é, o mistério da redenção

Leia mais

Liturgia Eucarística

Liturgia Eucarística Liturgia Eucarística Na última Ceia, Cristo instituiu o sacrifício e banquete pascal, por meio do qual, todas as vezes que o sacerdote, representando a Cristo Senhor, faz o mesmo que o Senhor fez e mandou

Leia mais

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial Catedral Diocesana de Campina Grande Paróquia nossa Senhora da Conceição II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia Por suas chagas fomos curados, felizes aqueles que crêem sem terem visto.

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA 1 2 ORIENTAÇÕES PARA A CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS DOCUMENTO DA CNBB - 52 3 SENTIDO LITÚRGICO DA CELEBRAÇÃO

Leia mais

O BATISMO NÃO TEM FINALIDADE EM SI MESMO. (Proposição 38 do Sínodo)

O BATISMO NÃO TEM FINALIDADE EM SI MESMO. (Proposição 38 do Sínodo) I - OS SACRAMENTOS DE INICIAÇÃO CRISTÃ O que se realiza nos sacramentos da iniciação com o ser humano se dá pela graça de Deus Diante destas constatações podemos dizer que a teologia dos sacramentos de

Leia mais

Ano Jubilar e suas graças

Ano Jubilar e suas graças Ano Jubilar e suas graças O Jubileu é uma comemoração religiosa da Igreja Católica, celebrada dentro de um Ano Santo, mas o que difere deste é que a celebração jubilar é feita de 25 em 25 anos. A celebração

Leia mais

Sacramentos. Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Sacramentos. Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Sacramentos Aula 23/03/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Sacramentos O que são os sacramentos? Sacramento é derivado do latim sacramentum, era utilizado no meio militar correspondendo a juramento

Leia mais

É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o

É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o 3 - Eucaristia O que é a Eucaristia? É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o sacrifício da cruz no decorrer dos séculos até ao seu regresso, confiando

Leia mais

Unção dos Enfermos. Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante. A muito curto prazo

Unção dos Enfermos. Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante. A muito curto prazo Unção dos Enfermos Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante A muito curto prazo Para a salvação eterna! A Unção dos Enfermos é um dos

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO. ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS TEMA: OS RITOS E OS RITUAIS : OS SETE SACRAMENTOS DA IGREJA. CAPÍTULOS 9 AO 12 DO LIVRO DIDÁTICO (RSE). Professor: Roberto

Leia mais

Ano Jubilar e suas graças

Ano Jubilar e suas graças Ano Jubilar e suas graças O Jubileu é uma comemoração religiosa da Igreja Católica, celebrada dentro de um Ano Santo, mas o que difere deste é que a celebração jubilar é feita de 25 em 25 anos. A celebração

Leia mais

CURSO PARA FORMAÇÃO DE MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS DA SAGRADA COMUNHÃO

CURSO PARA FORMAÇÃO DE MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS DA SAGRADA COMUNHÃO 23 CURSO PARA FORMAÇÃO DE MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS DA SAGRADA COMUNHÃO 6 A ESTRUTURA DA MISSA 2: A LITURGIA EUCARÍSTICA E OS RITOS FINAIS Ementa: nesta formação estudaremos a partir da procissão das oferendas

Leia mais

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 2- TEMA: Liturgia 3- OBJETIVO GERAL Assessorar as 12 comunidades pertencentes à Paróquia Santo Antônio, motivando-as a celebrar com fé o Mistério

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 8: ECLESIOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

V. Sabendo Jesus que tinha chegado sua hora de passar deste mundo ao Pai, tendo amado os seus que estavam neste mundo, amou-os até o fim. Aleluia.

V. Sabendo Jesus que tinha chegado sua hora de passar deste mundo ao Pai, tendo amado os seus que estavam neste mundo, amou-os até o fim. Aleluia. Memória Facultativa O culto ao Coração Eucarístico de Jesus não difere substancialmente do culto que a Igreja tributa ao Sagrado Coração de Jesus. Ela venera com respeito, amor e gratidão, o símbolo do

Leia mais

«Jesus, lembra-te de mim quando entrares no Teu reino». Ele respondeu-lhe : «Em verdade te digo : Hoje estarás comigo no Paraíso».(Lc.23,42-43).

«Jesus, lembra-te de mim quando entrares no Teu reino». Ele respondeu-lhe : «Em verdade te digo : Hoje estarás comigo no Paraíso».(Lc.23,42-43). «Jesus, lembra-te de mim quando entrares no Teu reino». Ele respondeu-lhe : «Em verdade te digo : Hoje estarás comigo no Paraíso».(Lc.23,42-43). ********************** Como definição simples, a Graça é

Leia mais

1. Diálogo com os pais e Padrinhos. 2. Celebração da Palavra de Deus

1. Diálogo com os pais e Padrinhos. 2. Celebração da Palavra de Deus 1. Diálogo com os pais e Padrinhos Que nome dais ao vosso filho? Pais N. Que pedis à Igreja de Deus para N.? Pais - O Baptismo. Caríssimos pais: Pedistes o Baptismo para os vossos filhos. Deveis educá-los

Leia mais

Orientações para Leitores. Paróquia Nossa Senhora Rosa Mística - Montes Claros / MG

Orientações para Leitores. Paróquia Nossa Senhora Rosa Mística - Montes Claros / MG Orientações para Leitores Importância da Missa Estrutura, elementos e partes da Missa Documentos Instrução Geral do Missal Romano Documento 43 CNBB - Animação da vida litúrgica no Brasil 388. As adaptações

Leia mais

Orientação de como receber a comunhão durante a missa no Japão

Orientação de como receber a comunhão durante a missa no Japão Orientação de como receber a comunhão durante a missa no Japão Conferência Episcopal Japonesa Conferência Episcopal Japonesa A Conferência Episcopal Japonesa realizou a sua Assembleia Extraordinária Plenária

Leia mais

Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia

Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia Batismo O que é o Batismo? O Batismo é o caminho do reino da morte para a Vida, a porta da Igreja e o começo de uma comunhão duradoira

Leia mais

Missa: celebração do mistério pascal de Jesus

Missa: celebração do mistério pascal de Jesus Missa: celebração do mistério pascal de Jesus Coleção LITURGIA E TEOLOGIA Como estudar liturgia, Ione Buyst Orientações para ministros extraordinários da comunhão, Valter M. Goedert A celebração litúrgica

Leia mais

O que é a. Santa Missa?

O que é a. Santa Missa? O que é a Santa Missa? 2 Quando Nosso Senhor Jesus Cristo se entregou por nossos pecados e morreu na cruz, Ele foi imolado para que Deus Pai tivesse misericórdia de nós, homens pecadores, e as portas do

Leia mais

Jesus Cristo é o Sumo Sacerdote da Nova Aliança

Jesus Cristo é o Sumo Sacerdote da Nova Aliança EMBARGO ATÉ ÀS 11HORAS DO DIA 21 DE ABRIL DE 2011 Jesus Cristo é o Sumo Sacerdote da Nova Aliança Homilia da Missa Crismal Sé Patriarcal, 21 de Abril de 2011 1. Continuamos o desafio por mim proposto no

Leia mais

O Sacramento da Ordem - V Seg, 29 de Dezembro de :26 - Pe. Henrique Soares da Costa

O Sacramento da Ordem - V Seg, 29 de Dezembro de :26 - Pe. Henrique Soares da Costa Pe. Henrique Soares da Costa No artigo passado vimos em que sentido o sacramento da Ordem confere um modo especial de participar do único sacerdócio de Cristo. Veremos, agora como é celebrado este sacramento,

Leia mais

Formação para leitores e comentaristas. O Serviço da Palavra na Liturgia

Formação para leitores e comentaristas. O Serviço da Palavra na Liturgia Formação para leitores e comentaristas O Serviço da Palavra na Liturgia Os encontros oferecem um quadro geral do valor e importância da Palavra de Deus na liturgia. Elaboram indicações e sugestões de como

Leia mais

Confissão de fé de westminster. Por: Helio Clemente. 34 Capítulo XXIX - A CEIA DO SENHOR. Capítulo XIX, Seção I A origem da Santa Ceia

Confissão de fé de westminster. Por: Helio Clemente. 34 Capítulo XXIX - A CEIA DO SENHOR. Capítulo XIX, Seção I A origem da Santa Ceia Confissão de fé de westminster Por: Helio Clemente 34 Capítulo XXIX - A CEIA DO SENHOR Capítulo XIX, Seção I A origem da Santa Ceia Na noite em que foi traído, nosso Senhor Jesus instituiu o sacramento

Leia mais

Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma 10/02/2011. Crisma 2010/2011. Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma

Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma 10/02/2011. Crisma 2010/2011. Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma O Ano litúrgico é o período de doze meses, divididos em tempos litúrgicos, onde se celebram como memorial, os mistérios de Cristo, assim como a memória

Leia mais

Coleção Liturgia e teologia

Coleção Liturgia e teologia A MISSA DE PAULO VI Coleção Liturgia e teologia Dimensão estética da liturgia (A): arte sagrada e espaços para celebração, Dionísio Borobio Festas cristãs (As): história, sentido e tradição, Edith Momméja

Leia mais

Alfaias: São todos os objetos usados nos exercícios da liturgia como, por, exemplo, os vasos litúrgicos e os paramentos dos ministros.

Alfaias: São todos os objetos usados nos exercícios da liturgia como, por, exemplo, os vasos litúrgicos e os paramentos dos ministros. Oração inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Objetivo do Encontro: Explicar a missa parte por parte e levar os catequizandos a amar a eucaristia e a serem fiéis na partição desse sacramento. Texto: Objetos

Leia mais

Encontros com pais e padrinhos Batismo

Encontros com pais e padrinhos Batismo ARQUIDIOCESE DE TERESINA Batismo PASTORAL DO BATISMO 3º Momento Palavra de Deus (Leitura na Bíblia) Mt. 28,18-20 MISSÃO UNIVERSAL. Jesus aproximando-se deles, falou: Toda a autoridade sobre o céu e sobre

Leia mais

Hino do Ano Sacerdotal

Hino do Ano Sacerdotal Hino e Comentário Pe. Ney Brasil Pereira* * O autor é Mestre em Ciências Bíblicas e Professor no ITESC., p. 167-171. 1 Hino 168 Ney Brasil Pereira Refrão: Ano sacerdotal, ano presbiteral, ano vocacional:

Leia mais

SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO

SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO Objetivo geral do encontro: Ao final deste encontro, o grupo deverá ser capaz de compreender o Matrimônio como uma instituição elevada à categoria de Sacramento por Jesus Cristo,

Leia mais

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos.

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos. Nas quintas-feiras do mês de Maio, decorreram na Igreja de Oliveira de Azemeis, encontros de formação litúrgica, organizados pela vigararia sul da Diocese do Porto e orientados pelo P. Frei Bernardino

Leia mais

PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I.

PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I. ÍNDICE GERAL Uma palavra do autor... p. 3 Lista de abreviatura... p. 7 PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I. Por amor a Liturgia A importância de se amar a Liturgia... n. 1 Necessidade de deixar

Leia mais

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal ITINERÁRIO CATEQUÉTICO Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal COMO É PROPOSTO O PROCESSO CATEQUÉTICO NO ITINERÁRIO? O Itinerário orienta a construção do processo catequético conforme

Leia mais

Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017

Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017 Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017 Caríssimos Irmãos e Irmãs: Hoje chegamos ao término do ciclo litúrgico pascal com a solenidade de Pentecostes. Após 50 dias, o Espírito Santo prometido por

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

1. Qual a necessidade de uma aliança?

1. Qual a necessidade de uma aliança? 1 Aliança, segundo Jesus de Nazaré Essência #3 (fim da série) Lc 22:14-20 (14) Quando chegou a hora, Jesus e os seus apóstolos reclinaram- se à mesa. (15) E disse- lhes: "Desejei ansiosamente comer esta

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA 17-03-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze A Igreja no desígnio de Deus O que significa a palavra Igreja? Designa o povo que Deus convoca e reúne de todos os

Leia mais

José Fernando Caldas Esteves José Manuel Garcia Cordeiro. Liturgia da Igreja

José Fernando Caldas Esteves José Manuel Garcia Cordeiro. Liturgia da Igreja José Fernando Caldas Esteves José Manuel Garcia Cordeiro Liturgia da Igreja UNIVERSIDADE CATÓLICA EDITORA Lisboa, 2008 In t ro d u ç ã o Liturgia da Igreja é o título que nos foi confiado para apresentar

Leia mais

Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento

Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento 14 1 INTRODUÇÃO CÂNTICO DE COMUNHÃO É o Meu Corpo Possivelmente estamos habituados a procurar Deus nas grandes coisas da vida, boas ou menos boas, e esquecemo-nos

Leia mais

Domingo, dia do Senhor

Domingo, dia do Senhor Domingo, dia do Senhor Como está o domingo hoje? Atualmente o Domingo não está mais sendo o centro da vida cristã, mas está relegando para segundo plano, a gratuidade, o dia do serviço ao Senhor, o Culto,

Leia mais

Missa no Dia de Páscoa

Missa no Dia de Páscoa Missa no Dia de Páscoa LEITURA I Actos 10, 34a.37-43 «Comemos e bebemos com Ele, depois de ter ressuscitado dos mortos» Leitura dos Actos dos Apóstolos Naqueles dias, Pedro tomou a palavra e disse: «Vós

Leia mais

Propriedades essenciais da Igreja: a unidade, a catolicidade, a santidade e a apostolicidade

Propriedades essenciais da Igreja: a unidade, a catolicidade, a santidade e a apostolicidade O Instituto de Educação a Distância, IEAD RCCBRASIL, oferece aos carismáticos a oportunidade de se aprofundarem na História da Igreja. O curso tem o objetivo de estudar os modelos eclesiológicos e missionários,

Leia mais

O que é a Eucaristia?

O que é a Eucaristia? Início - Perguntas e Respostas - O que é a Eucaristia? O que é a Eucaristia? 30.5.2013 1. O que é a Eucaristia? Jesus, antes da Sua Paixão e Morte, ao celebrar a Páscoa com os apóstolos, disse-lhes: Desejei

Leia mais

Igreja. Formação do Módulo Básico Ministério de Formação - RCC Viçosa

Igreja. Formação do Módulo Básico Ministério de Formação - RCC Viçosa Igreja Formação do Módulo Básico Ministério de Formação - RCC Viçosa Nossa agenda Aspectos Gerais da Igreja A Economia Sacramental Visão Histórica da Igreja A Igreja no Século XX Estrutura e Organização

Leia mais

O Espírito Santo. Ontem e Hoje

O Espírito Santo. Ontem e Hoje O Espírito Santo Ontem e Hoje E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco, o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem

Leia mais

OS TRÊS OFÍCIOS DE CRISTO

OS TRÊS OFÍCIOS DE CRISTO VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 CRISTOLOGIA OS TRÊS OFÍCIOS

Leia mais

PARÁBOLA DO PÃO E VINHO

PARÁBOLA DO PÃO E VINHO PARÁBOLA DO PÃO E VINHO 1) JESUS E AS PARÁBOLAS Linguagem pedagógica Mensagem transcendente Elementos do cotidiano O símbolo material das parábolas é compreensível a todos, mas a compreensão do símbolo

Leia mais

4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros

4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros 4.1 IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM DOS SACRAMENTOS Autoria de Luiz Tadeu Dias de Medeiros Ser CRISTÃO -> significa acreditar no Deus de Jesus Cristo; mas não é só acreditar -> é esforçar-se para vivenciar: a)

Leia mais

O Papa João Paulo II Magno afirma no número 34 da Ecclesia de

O Papa João Paulo II Magno afirma no número 34 da Ecclesia de Côn. Henrique Soares da Costa A Eucaristia faz a Igreja ser corpo de Cristo. Neste corpo, formado por muitos membros, nem todos fazem a mesma coisa, mas cada um tem sua função, seu dom, seu modo específico

Leia mais

Santo Hipólito( ) a eleição e consagração dos bispos :

Santo Hipólito( ) a eleição e consagração dos bispos : Santo Hipólito(160 235) a eleição e consagração dos bispos : Seja ordenado bispo quem for irrepreensível e tiver sido eleito por todo o povo. Uma vez designado e aceito por todos, reuna se o povo juntamente

Leia mais

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 Senhor Jesus, Tu tens palavras de vida eterna e Tu revelas-te a nós como Pão da vida

Leia mais

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo...

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo... ESTUDO DO BATISMO : O objetivo deste estudo é levar ao irmão(a), o conhecimento da verdade bíblica sobre o batismo ensinado por Jesus Cristo, que nestes dias possamos abrir nossa mente e coração para absorvermos

Leia mais

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico?

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico? O ANO LITÚRGICO Chama-se Ano Litúrgico o tempo em que a Igreja celebra todos os feitos salvíficos operados por Deus em Jesus Cristo. "Através do ciclo anual, a Igreja comemora o mistério de Cristo, desde

Leia mais

Dom Vilson Dias de Oliveira, DC Bispo Diocesano de Limeira (SP)

Dom Vilson Dias de Oliveira, DC Bispo Diocesano de Limeira (SP) Apresentação Que a paz do Cristo esteja com você e todos os seus. A mim pelo ofício do dever, apresento este Manual do Ministro Leigo, preparado e organizado pelo Revmo. Pe. Pedro Leandro Ricardo, Reitor

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus RELEMBRAR A MISSÃO NOS EVANGELHOS 1. Jesus Cristo homem é o exemplo padrão para o exercício da Missão de Deus (intimidade

Leia mais

Quem vive na graça é santo

Quem vive na graça é santo CAPA Quem vive na graça é santo A viagem apostólica do Papa Bento XVI à Alemanha 22-25 de setembro de 2011 30 30DIAS Nº 9-2011 PITADAS DE CATECISMO O Senhor ressuscitado: perdão e novo início Neste tempo,

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

Saiba o que deve e o que não deve ser feito na celebração da Missa. No Capítulo I sobre a ordenação da Sagrada Liturgia afirma que:

Saiba o que deve e o que não deve ser feito na celebração da Missa. No Capítulo I sobre a ordenação da Sagrada Liturgia afirma que: Saiba o que deve e o que não deve ser feito na celebração da Missa VATICANO, 23 Abr. 04 (ACI).- A instrução Redemptionis Sacramentum, descreve detalhadamente como se deve celebrar a Eucaristia e o que

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 6: SOTERIOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

Módulo III O que anuncia a Catequese?

Módulo III O que anuncia a Catequese? Módulo III O que anuncia a Catequese? Diocese de Aveiro Objectivos Tomar consciência da realidade complexa do ser humano a quem levamos, hoje, uma Boa Nova. Compreender a importância da Sagrada Escritura

Leia mais

O Ano Santo é um tempo de paz, reconciliação e perdão. Ele começa quando o Papa abre a

O Ano Santo é um tempo de paz, reconciliação e perdão. Ele começa quando o Papa abre a Neste mês ocorrerá a abertura do Ano Santo da Misericórdia: O jubileu dedicado à misericórdia de Deus. O rosto da misericórdia é o título da bula pela qual o Santo Padre convoca toda a Igreja para viver

Leia mais

Por que nem toda a Verdade está na Bíblia? Provaremos pela Bíblia e pela Sagrada Tradição

Por que nem toda a Verdade está na Bíblia? Provaremos pela Bíblia e pela Sagrada Tradição Igreja e Bíblia Por que nem toda a Verdade está na Bíblia? Provaremos pela Bíblia e pela Sagrada Tradição A palavra de Deus é a fonte que alimenta a alma dos cristãos e é nosso dever conhecê-la e praticá-la

Leia mais

Sacramento do Matrimônio. Cap. 03 Dom Manoel João Francisco

Sacramento do Matrimônio. Cap. 03 Dom Manoel João Francisco Sacramento do Matrimônio Cap. 03 Dom Manoel João Francisco A aliança matrimonial, pela qual o homem e a mulher constituem entre si uma comunhão para toda a vida, recebe da criação seu vigor e sua força,

Leia mais

O MISSAL ROMANO. Missale Romanum

O MISSAL ROMANO. Missale Romanum O MISSAL ROMANO A reforma da Liturgia latina, decidida pelo Concílio Vaticano II, encontra a sua expressão concreta nos livros litúrgicos ou rituais. Os livros são oficialmente publicados pela Congregação

Leia mais

TRÍDUO PASCAL DA PAIXÃO E MORTE, SEPULTURA E RESSURREIÇÃO DE JESUS. Quinta-Feira Santa, 21h30 Missa da Ceia do Senhor, com rito do lava-pés

TRÍDUO PASCAL DA PAIXÃO E MORTE, SEPULTURA E RESSURREIÇÃO DE JESUS. Quinta-Feira Santa, 21h30 Missa da Ceia do Senhor, com rito do lava-pés Como Paulo e com Cristo, subamos a Jerusalém!...Gal.1,18; Mc.10,33 Semana Santa 2009 na Paróquia de Nossa Senhora da Hora DOMINGO DE RAMOS 09h45 (Bênção dos Ramos) e Missa (10h00) na Igreja Paroquial 11h00

Leia mais

Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento

Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento Imersão progressiva na onda do Espírito, acompanhada por testemunhas feita de escuta, encontros e experiências no coração do REINO/COMUNIDADE

Leia mais

INTRODUÇÃO AOS SACRAMENTOS E SACRAMENTO DO BATISMO

INTRODUÇÃO AOS SACRAMENTOS E SACRAMENTO DO BATISMO INTRODUÇÃO AOS SACRAMENTOS E SACRAMENTO DO BATISMO (PARÓQUIA DE SANTA SUZANA - ESCOLA SANTO AGOSTINHO) O QUE É SACRAMENTO? 1 IDÉIA BÁSICA DEUS NÃO QUER VIVER LONGE DO HOMEM; AO CONTRÁRIO, QUER FICAR UNIDO

Leia mais

AGOSTINHO AUGUSTO II ANO DE TEOLOGIA MAIO DE A. O, Braga, 1992, p 16.

AGOSTINHO AUGUSTO II ANO DE TEOLOGIA MAIO DE A. O, Braga, 1992, p 16. INTRODUÇÃO Comer é um acto biológico e social. É através da comida que reactivamos as energias perdidas nos nossos trabalhos. O comer é também um elo de união entre as pessoas, portanto, um acto social,

Leia mais

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A

DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EIS O CORDEIRO DE DEUS QUE TIRA O PECADO DO MUNDO DOMINGO II DO TEMPO COMUM Ano A EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 10º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial: Filho de Deus 1. Somos

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA. Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA. Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015 1 PARÓQUIA NOSSA SENHORA DESATADORA DOS NÓS E SÃO JOSÉ DE ANCHIETA Discípulos missionários a partir do Evangelho de João - Mês da Bíblia 2015 Permanecei no meu amor, para dar muitos frutos (Jo 15,8-9)

Leia mais

FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É?

FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É? Escola de Maria: Escola da Fé FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É? Formação Litúrgica: Liturgia: conceito O que é Liturgia? Termo de origem grega. ERGON (OBRA, AÇÃO, EMPREENDIMEN TO) (PÚBLICO) LEITON

Leia mais

MISSA COM A CATEQUESE - XXVIII DOMINGO COMUM C

MISSA COM A CATEQUESE - XXVIII DOMINGO COMUM C MISSA COM A CATEQUESE - XXVIII DOMINGO COMUM C Cântico de Entrada Participação especial da Catequese do 3º ano Saudação e Monição Inicial: P- Reunimo-nos, uma vez mais, em Eucaristia. A palavra «Eucaristia»

Leia mais