LIZANE SOARES FERREIRA. MBA em Gestão Empresarial - Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LIZANE SOARES FERREIRA. MBA em Gestão Empresarial - Fundação Getúlio Vargas (FGV)"

Transcrição

1 Brasileira, solteira, 39 anos LIZANE SOARES FERREIRA Formação: MBA em Gestão Empresarial - Fundação Getúlio Vargas (FGV) Especialista em Comércio Exterior com Ênfase em Pequenas Empresas PUC/DF Graduada em Administração de Empresas - CEULP/ULBRA Experiência Profissional: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) Assessora Especial da Secretária-Executiva do Mapa, através da Portaria N 944 de 27/7/2015 Membro Titular, representante do Mapa no Conselho Fiscal da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), através da Portaria N 157 de 6/8/2015. Membro Titular, representante do Mapa no Conselho Fiscal da Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais (CASEMG) Designada através da Portaria N de 21/8/2015 para desenvolver as atividades necessárias à criação e implementação do Sistema Único da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SUAGO) Membro Titular, representante do Mapa no Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT), através da Portaria N de16/7/2015 Diretora do Departamento de Cana-de-Açúcar e Agroenergia do Mapa, através da Portaria N 879 de 14/7/2015

2 Conselho de Inovação e Desenvolvimento Econômico de Palmas (CIDEP) Cargo: Secretária-Executiva Principais atividades: realizar estudos compilados e sistematizar informação, dando apoio às câmaras técnicas e ao plenário, elaborar projetos, planejar as ações do conselho, manter o controle e o funcionamento geral do Conselho, organizar as reuniões do Conselho e agenda da Presidência, planejar o orçamento do fundo e gerir equipe técnica IDEIA Serviços Públicos e Empresarial Ltda. Cargo: Proprietária Principais Atividades: Operacionalização do Projovem Trabalhador no Estado do Espírito Santo, elaboração de projetos públicos e privados, assessoria na elaboração de editais de licitações, elaboração de termo de referência e projetos básicos para a contratação de bens e serviços no setor público, gerenciamento de convênios e contratos, realização de feiras e eventos, elaboração, inclusão, acompanhamento e prestação de contas no SICONV, estudo de mercado e plano de negócios, estudo de análise de ambiente de trabalho, diagnóstico empresarial, pesquisa de análise e opinião, consultoria em gestão de negócios, gestão financeira, marketing e vendas, gestão empreendedora na microempresa, qualidade no atendimento, gestão de pessoas, plano de cargos e salários, etc Instituto Brasil Empreendedor Cargo: Superintendente Principais Atividades: Gestão estratégica e busca de novos negócios, elaboração de projetos, gestão financeira e operacionalização de projetos voltados à qualificação profissional, diagnósticos setoriais, plano de desenvolvimento municipal, elaboração e execução de programas voltados ao empreendedorismo e etc Instituto de Ensino e Pesquisa Objetivo Cargo: Professora Universitária Disciplinas: Plano de Negócios, Cultura e Comportamento Organizacional, Negociação e Administração de Conflitos, Planejamento Estratégico, Análise

3 Organizacional e de Processos, Pesquisa, Gestão da Qualidade, Consultoria Empresarial, Gestão de Recursos Humanos e Orientação de Monografia Instituto de Pesquisa, Desenvolvimento e Educação (IPDE) Cargo: Diretora-Administrativa e Financeira Principais Atividades: Análise e Planejamento Financeiro, Administração da Estrutura de Ativos da Instituição, Análise de Contratos e Convênios, Administração da Estrutura Financeira dos Projetos Local: Brasília - DF Instituto de Tecnologia, Educação, Administração e Política (ITEAP) Cargo: Diretora de Operação do Projovem Trabalhador em 14 Cidades do Estado o Maranhão. Principais Atividades: montagem de equipe, operacionalização de 15 escritórios e execução do Projovem trabalhador no estado do maranhão, qualificando jovens e inserção no mercado de trabalho de jovens Local: São Luís - MA Instituto Euvaldo Lodi (IEL/TO) Cargo: Gerente-Executiva Principais Atividades: Montagem de equipe, operacionalização das regionais de Araguaína e Gurupi, coordenação dos Cursos de Pós-Graduação da Fundação Getúlio Vargas no Tocantins, implantação da unidade de projetos e do núcleo de capacitação empresarial, gestora do núcleo de estudos e diagnósticos setoriais, planejamento orçamentário, gestão financeira, articulação junto aos órgãos públicos e privados para captação de recursos para projetos e gestora da Rede CIN Faculdades Objetivo Cargo: Professora Universitária Disciplinas: Plano de Negócios, Cultura e Comportamento Organizacional, Planejamento Estratégico, Análise Organizacional e de Processos, Pesquisa, Gestão da Qualidade, Consultoria Empresarial, Gestão de Recursos Humanos e Orientação de Monografia

4 Hospital Comunitário de Palmas Cargo: Gerente de Recursos Humanos Principais Atividades: Gerenciamento e elaboração de planos de cargos e salários, acompanhamento dos programas de treinamento, administração salarial, folha de pagamento, benefícios registros, controle de serviços prestados por terceiros, administração da rotina dos servidores, estudo e avaliação de novas práticas, gerenciando de processos de seleção, testes, entrevistas e integração de novos colaboradores Atividades Complementares: Palestrante Palestrante nas áreas de negociação e administração de conflitos, Licitações e Contratos, Lei 8.666/93 e Lei / Professora de Turmas de Pós-Graduação Disciplinas: Desenvolvimento de Oportunidades e Simulação de Negócios, Negociação e Administração de Conflitos e Empreendedorismo Voluntária junto à Associação Anjos & Luz Atividades: Visitas às casas de apoio de idosos e creches para desenvolver atividades criativas, cuidados pessoais e atividades lúdicas. Extracurriculares: Gestão Estratégica com foco na Administração Pública (2015) Direito Administrativo para Gerentes no Setor Público (2015) Curso Praticando uma Gestão Empreendedora na Microempresa (2014) Oficina Conhecendo a sua Potencialidade Empreendedora (2014) Curso de Gestão da Qualidade em Projetos Públicos (2014) Oficina de Conhecendo Práticas de Negociação (2014) Cursos de Elaboração de Editais para Aquisições no Setor Públicos (2013) Curso de Elaboração de Projetos Públicos (2013) Curso de Avaliação e Perícia (2013)

5 Curso do SICONV - Sistema de Convênios do Governo Federal (2013) Curso de Elaboração de Termo de Referência e Projetos Básicos para a Contratação de Bens e Serviços no Setor Público (2013) Curso de Aperfeiçoamento na Lei 8.666/1993 e na Lei /2002 (2012) Curso Complementar em Elaboração e Gerenciamento de Projetos (2010) Curso Complementar em Gestão Financeira (2009) Curso de Auditor Líder de Qualidade da Norma ISO 9001:2000 (2008) Curso de Interpretação e Implantação da Norma ISO 9001:2000 (2008) Curso Complementar em Gestão de Investimentos de Renda Variável (2007) Curso Complementar em Direito Empresarial (2006) Curso de Plano de Negócios e Estudos de Viabilidade Técnico e Econômico (2006) Curso de Agente de Comércio Exterior (2005) Informações Adicionais: Premiada com o título de Professora Destaque - Menção Honrosa (2006 e 2007)

QUADRO DE DISCIPLINAS

QUADRO DE DISCIPLINAS QUADRO DE DISCIPLINAS Disciplinas 1 Horas- Aula 2 1. Fundamentos do Gerenciamento de Projetos 24 2. Gerenciamento do Escopo em Projetos 24 3. Gerenciamento da Qualidade em Projetos 12 4. Gerenciamento

Leia mais

ESTRUTURA DA SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA SENASP (1/5) (Decreto nº de 12 de fevereiro de 2016)

ESTRUTURA DA SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA SENASP (1/5) (Decreto nº de 12 de fevereiro de 2016) ESTRUTURA DA SECRETARIA NACIONAL DE SENASP (1/5) SECRETARIA NACIONAL DE ASSESSOR DAS 102.4 DAS 101.6 Conselho Nacional de Segurança Pública CHEFE DE GABINETE DE INTELIGÊNCIA ENFRENTAMENTO ÀS AÇÕES CRIMINOSAS

Leia mais

ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC

ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional

Plano de Desenvolvimento Institucional Plano de Desenvolvimento Institucional Âmbito de atuação Missão Visão Elementos Duráveis Princípios Elementos Mutáveis (periodicamente) Análise Ambiental Objetivos Estratégicos Metas Planos de Ação PDI

Leia mais

Apoio: Conselho Federal de Contabilidade - CFC Embaixada Britânica Serviço de Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE

Apoio: Conselho Federal de Contabilidade - CFC Embaixada Britânica Serviço de Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE INFORMAÇÕES GERAIS Objetivo Geral: Discutir a estratégia de implantação, disseminação, elaboração e uso de informação de custos no setor público no Brasil, bem como intensificar a agenda de cooperação

Leia mais

22 e 24 FEVEREIRO CURITIBA/PR

22 e 24 FEVEREIRO CURITIBA/PR Tel/Fax: + 55 41 3376 3967 41 3376.3967 cursos@connectoncursos.com.br contato@contreinamentos.com.br www.contreinamentos.com.br facebook.com/contreinamentos CONVÊNIOS NOVA LEGISLAÇÃO!!! ELABORAÇÃO DE PROJETOS

Leia mais

Estrutura Organizacional da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Estrutura Organizacional da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo Estrutura Organizacional da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo Estrutura Básica - SEE GABINETE DO SECRETÁRIO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO - CEE FUNDAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO -

Leia mais

JÁDSON PIERRE MARTINS DE SOUZA

JÁDSON PIERRE MARTINS DE SOUZA JÁDSON PIERRE MARTINS DE SOUZA Santa Cruz do Capibaribe, PE pierrealmoxarifado@hotmail.com - 81 99219 3067 Disponibilidade de mudança para: Qualquer lugar EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL Encarregado de Almoxarifado

Leia mais

Gerência de Projetos de TI

Gerência de Projetos de TI Gerência de de TI Experiência da COPEL SIMPROS 2001 Paulo Henrique Rathunde phr@copel.com Agenda Introdução Gerência de Definição dos Processos Implantação Reflexões 2/33 São Paulo, Brasil 17-20/09/2001

Leia mais

2.1. Subcoordenador Técnico Operacional (Código STO) 1 vaga Atribuições:

2.1. Subcoordenador Técnico Operacional (Código STO) 1 vaga Atribuições: PRORROGAÇÃO DO EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS PROJETO CVDS Manaus, 24 de Novembro de 2014. 1. CONTEXTUALIZAÇÃO O Centro Vocacional para o Desenvolvimento Sustentável (CVDS), trata-se de um projeto piloto

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DA QUALIDADE Cultura Religiosa O fenômeno religioso, sua importância e implicações na formação do ser humano e da sociedade. As principais

Leia mais

Governança em TI na UFF. Modelo de Gestão da STI. Henrique Uzêda

Governança em TI na UFF. Modelo de Gestão da STI. Henrique Uzêda Governança em TI na UFF Modelo de Gestão da STI Henrique Uzêda henrique@sti.uff.br 2011-2013 Universidade Federal Fluminense 122 cursos de graduação e 359 de pós-graduação ~ 45.000 alunos de graduação

Leia mais

2004 ago. de 2007 Coordenadora da Área de Estudos Sociais do Instituto de Apoio á Pesquisa e ao Desenvolvimento Jones dos Santos Neves- IJSN

2004 ago. de 2007 Coordenadora da Área de Estudos Sociais do Instituto de Apoio á Pesquisa e ao Desenvolvimento Jones dos Santos Neves- IJSN 1. FORMAÇÃO ACADÊMICA 1995-1997 Mestrado em Demografia ( conclusão de créditos ) Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Minas Gerais, Brasil 1987-1993 Graduação em Ciências Econômicas Universidade

Leia mais

PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos.

PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos. PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de 2011 Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos. O MINISTRO DE ESTADO DA JUSTIÇA, no uso de suas atribuições que lhes

Leia mais

introdução ao marketing - gestão do design

introdução ao marketing - gestão do design introdução ao marketing - gestão do design Universidade Presbiteriana Mackenzie curso desenho industrial 3 pp e pv profa. dra. teresa riccetti Fevereiro 2009 A gestão de design, o management design, é

Leia mais

SÍNTESE DO PERFIL E DAS ATRIBUIÇÕES DOS COORDENADORES DAS UNIDADES SOCIOASSISTENCIAIS. Perfil e principais atribuições do Coordenador do CREAS

SÍNTESE DO PERFIL E DAS ATRIBUIÇÕES DOS COORDENADORES DAS UNIDADES SOCIOASSISTENCIAIS. Perfil e principais atribuições do Coordenador do CREAS SÍNTESE DO PERFIL E DAS ATRIBUIÇÕES DOS COORDENADORES DAS UNIDADES SOCIOASSISTENCIAIS Perfil e principais atribuições do Coordenador do CREAS Escolaridade de nível superior de acordo com a NOB/RH/2006

Leia mais

SERVIÇOS DE CONSULTORIA

SERVIÇOS DE CONSULTORIA SERVIÇOS DE CONSULTORIA Apresentação Ao longo de 16 anos de atuação no mercado, viemos acompanhando a evolução das necessidades de evolução dos negócios de nossos clientes, e a evolução das necessidades

Leia mais

Relatório de avaliação da 1a Oficina do Projeto Esplanada Sustentável

Relatório de avaliação da 1a Oficina do Projeto Esplanada Sustentável Relatório de avaliação da 1a Oficina do Projeto Esplanada Sustentável 1. Introdução A 1ª Oficina do Projeto Esplanada Sustentável foi realizada na ESAF, entre os dias 06 e 09 de fevereiro de 2012, em caráter

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS Art. 1º O Centro de Processamento de Dados, Órgão Suplementar

Leia mais

Ciclo de Capacitação em Exportação

Ciclo de Capacitação em Exportação Ciclo de Capacitação em Exportação Unidade de Atendimento às Empresas Apex-Brasil CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Exportação Primeiros Passos; Formação de preço de exportação e Análise da competitividade Internacional;

Leia mais

DIRETORIA DE PESQUISAS SO- 1 Diretor 101.5

DIRETORIA DE PESQUISAS SO- 1 Diretor 101.5 1 ANEXO I REMANEJAMENTO DE CARGOS CÓDIGO DA FUNDAJ p/ a SEGES DA SEGES p/o MEC DA SEGES p/o FNDE DAS- (a) (b) (c) UNITÁRIO QTDE VA L O R QTDE VA L O R QTDE VA L O R TO TA L TO TA L TO TA L DAS 101.4 3,23

Leia mais

Diretor Administrativo e Financeiro na LIGA ÁLVARO BAHIA CONTRA MORTALIDADE INFANTIL - HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA

Diretor Administrativo e Financeiro na LIGA ÁLVARO BAHIA CONTRA MORTALIDADE INFANTIL - HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA Robson Amorim Diretor Administrativo e Financeiro na LIGA ÁLVARO BAHIA CONTRA MORTALIDADE INFANTIL - HOSPITAL ESTADUAL DA CRIANÇA amorim@eaconsultoria.com Resumo Carreira desenvolvida com sólida experiência

Leia mais

20/11/2013. Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO

20/11/2013. Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO PROF. ÉRICO VALVERDE Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO 1 Regimento Interno CAPITULO IV DO CONTRATO DE ADESÃO COM

Leia mais

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 17/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

IV Encontro 26 de outubro de 2012 Grupo Abril

IV Encontro 26 de outubro de 2012 Grupo Abril IV Encontro 26 de outubro de 2012 Grupo Abril Comitê Diretor 1 Empresas do Grupo Diretor Comitê Diretor 2 Empresas Integrantes da Rede Comitê Diretor 3 Maio Junho Julho Agosto Nascimento da Rede Empresarial

Leia mais

Desenvolvimento de Negócios. Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal

Desenvolvimento de Negócios. Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal Desenvolvimento de Negócios Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal Gestão Estratégica Para quê? Por Quê? Para fazer acontecer e trazer

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN 3.1.6 - MCT 1 VAGA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Prestação de serviços de pessoa física para a elaboração de documento

Leia mais

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica

EDITAL N.º 16/2016 ANEXO I TRILHAS DE APRENDIZAGEM DO PFGC. Competência: Visão Estratégica 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS JOÃO PESSOA PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE GESTORES

Leia mais

Estrutura Remuneratória SENAI (PCCR*)

Estrutura Remuneratória SENAI (PCCR*) Auxiliar de Cozinha 1 Contínuo 1 880 Garçom 1 Atendente de Telemarketing 2 Auxiliar Administrativo 2 Auxiliar de Disciplina 2 Auxiliar de Laboratório 2 Auxiliar de Saúde Bucal 2 926 Motorista I 2 Recepcionista

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Regente Feijó 08/08

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Regente Feijó 08/08 P D E P P Plano de Desenvolvimento Econômico Regional e Local para os Municípios do Pontal do Paranapanema APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Regente Feijó 08/08 Sumário 1. Motivação 2. Viabilização do projeto

Leia mais

Instituto Sindipeças de Educação Corporativa

Instituto Sindipeças de Educação Corporativa Instituto Sindipeças de Educação Corporativa 2016 Instituto Sindipeças de Educação Corporativa Missão Oferecer soluções educacionais para elevar a competitividade e a sustentabilidade do setor de autopeças.

Leia mais

CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO. O Planejamento e a Elaboração do Termo de Referência nas Contratações de TI

CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO. O Planejamento e a Elaboração do Termo de Referência nas Contratações de TI CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO O Planejamento e a Elaboração do Termo de Referência nas Contratações de TI Visão ampliada e diversificada dos processos, documentos e ações envolvendo a contratação

Leia mais

Estrutura Remuneratória SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário

Estrutura Remuneratória SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário Estrutura Remuneratória SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário Auxiliar de Cozinha 1 Contínuo 1 Garçom 1 Atendente de Telemarketing 2 Auxiliar Administrativo 2 Auxiliar de Disciplina 2 Auxiliar de Laboratório

Leia mais

Evolution News - Edição 4

Evolution News - Edição 4 Evolution News - Edição 4 Publicação Informativa SMG - Share Marketing Group Clube de Marketing O blog Clube de Marketing foi criado no final de 2008, numa iniciativa do SMG Share Marketing Group. Seu

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO E RELAÇÕES INSTITUCIONAIS

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO E RELAÇÕES INSTITUCIONAIS ANEXO II A LEI Nº 1.954, DE 1º DE ABRIL DE 2013 Quantitativos dos Cargos Comissionados e Funções Gratificadas da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo QTD CARGO SÍMBOLO 16 Secretário Municipal

Leia mais

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos Gestão de Processos na Saúde Marcelo.Aidar@fgv.br 1 Gestão de Processos Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos 2 O Ambiente de Negócios e os Stakeholders AMBIENTE DE AÇÃO INDIRETA

Leia mais

Prioridades da Agenda de Marco Institucional da MEI

Prioridades da Agenda de Marco Institucional da MEI 2ª REUNIÃO DO COMITÊ DE LÍDERES DA MEI DE 2016 Prioridades da Agenda de Marco Institucional da MEI Gilberto Peralta GE 13 de maio de 2016 MARCO INSTITUCIONAL Emenda Constitucional nº 85 Inserção da inovação

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANEXO II EDITAL N 01/2016, DE 19 DE MAIO DE 2016 PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO A-01 - ASSESSOR TECNICO III COORDENADOR/SUPERVISOR PEDAGOGICO SAÚDE UNIDADE TERESINA; B-01 - ASSESSOR TECNICO

Leia mais

PROJETO START EXPORT/PAIIPME. Florianópolis, 28/11/2008

PROJETO START EXPORT/PAIIPME. Florianópolis, 28/11/2008 PROJETO START EXPORT/PAIIPME Florianópolis, 28/11/2008 Estrutura da Apresentação ü Histórico ü Fundamentos ü Público-alvo ü Descrição do produto ü Etapas de desenvolvimento na empresa ü Principais benefícios

Leia mais

Marcelo Henrique dos Santos

Marcelo Henrique dos Santos Marcelo Henrique dos Santos Mestrado em Educação (em andamento) MBA em Marketing e Vendas (em andamento) Especialista em games Bacharel em Sistema de Informação Email: marcelosantos@outlook.com TECNOLOGIA

Leia mais

Estrutura Remuneratória SESI e SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário Auxiliar de Cozinha 1 Auxiliar de Disciplina 1 Contínuo 1

Estrutura Remuneratória SESI e SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário Auxiliar de Cozinha 1 Auxiliar de Disciplina 1 Contínuo 1 Estrutura Remuneratória SESI e SENAI (PCCR*) Cargo Grupo Salário Auxiliar de Cozinha 1 Auxiliar de Disciplina 1 Contínuo 1 660 Garçom 1 Afiador de Ferramentas 2 Assistente da Central de Laudos 2 Atendende

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Médio Código: 262 ETEC ANHANGUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Planejamento Empresarial e Empreendedorismo Série: 1º Eixo Tecnológico:

Leia mais

Eventos RPPS. Palestra de Investimentos com foco em Bolsa de Valores realizado no auditório do Hotel Brisamar.

Eventos RPPS. Palestra de Investimentos com foco em Bolsa de Valores realizado no auditório do Hotel Brisamar. 1 º Curso de Formação de Gestores RPPS realizado na FAMEM em janeiro de 2013, pela primeira vez na história do Maranhão os gestores dos RPPS se reúnem. I Seminário de Sustentabilidade da Previdência Social

Leia mais

Escrito por Administrator Seg, 22 de Novembro de :55 - Última atualização Seg, 22 de Novembro de :09

Escrito por Administrator Seg, 22 de Novembro de :55 - Última atualização Seg, 22 de Novembro de :09 MISSÃO O Serviço Social tem como missão dar suporte psico-social e emocional ao colaborador e sua família. Neste sentido, realiza o estudo de casos, orientando e encaminhando aos recursos sociais da comunidade,

Leia mais

Apresentação. Ideograma japonês que significa ser humano;

Apresentação. Ideograma japonês que significa ser humano; Apresentação Ideograma japonês que significa ser humano; Apresentação As barras significam a necessidade de se construir uma sociedade mais justa com cidadãos conscientes das suas obrigações. Não devemos

Leia mais

SELECIONA Assistente RH - Chapecó/SC Tipo de contrato: Remuneração: Benefícios: Descrição: Turno: Requisitos:

SELECIONA Assistente RH - Chapecó/SC Tipo de contrato: Remuneração: Benefícios: Descrição: Turno: Requisitos: SELECIONA Assistente RH - Chapecó/SC Remuneração: R$ 1000,00 até 1500,00 Plano de Saúde Restaurante Próprio Seguro de vida em grupo Vale transporte: somente para o trabalho Descrição: Responsável por programas

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA Agosto de 2015 INTRODUÇÃO O Ministério de Educação (MEC) através do Sistema Nacional

Leia mais

PROPOSTA DE PLANO DE AÇÃO DA NOVA GESTÃO. Presidente Joilson Barcelos

PROPOSTA DE PLANO DE AÇÃO DA NOVA GESTÃO. Presidente Joilson Barcelos PROPOSTA DE PLANO DE AÇÃO DA NOVA GESTÃO Presidente Joilson Barcelos RESGATANDO NOSSA HISTÓRIA 1963 1964 a 2015 2016 Fundada em 30 de maio, fruto de um movimento nacional, com a finalidade de fortalecer

Leia mais

PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS

PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÌPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA PROGREDIR BOM JESUS PROGRAMA DE REVITALIZAÇÃO EMPRESARIAL E DESENVOLVIMENTO INTEGRADO RURAL PROJETO: PROMOVER O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro Prefeitura de São Paulo União Européia Histórico do Projeto Cooperação técnica bilateral da Prefeitura de São Paulo com a União Européia com duração de quatro

Leia mais

CORPO TÉCNICO PROGRAMAS DE FORMAÇÃO: SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO, TECNOLOGIA E GESTÃO AMBIENTAL E GESTOR DA QUALIDADE

CORPO TÉCNICO PROGRAMAS DE FORMAÇÃO: SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO, TECNOLOGIA E GESTÃO AMBIENTAL E GESTOR DA QUALIDADE EDUARDO ANDRADE GESTOR TÉCNICO GESTÃO INTEGRADA Formado em tecnologia Mecânica especialidade em processos de produção. Pós graduado em Administração Industrial, Tecnologia Ambiental e Higiene Ocupacional.

Leia mais

esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA

esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA 27.11.2015 OBRIGADO! EU VOLTEI! Currículo Sou Diretor de Negócios da Convite I Convite II Cadastre seu currículo no nosso

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS-UNITINS PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL. Matriz Curricular

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS-UNITINS PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL. Matriz Curricular O Curso de Bacharelado em Administração Pública terá a seguinte distribuição curricular: As disciplinas que integram a matriz curricular estão distribuídas em oito Módulos e são de natureza: I. que garantem

Leia mais

O MINISTRO DE ESTADO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso II, da Constituição Federal;

O MINISTRO DE ESTADO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso II, da Constituição Federal; Portaria nº 1.276, de 9 de setembro de 2003 Publicada no Diário Oficial da União de 11.09.2003 O MINISTRO DE ESTADO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 87, parágrafo único,

Leia mais

Instituto Sindipeças de Educação Corporativa

Instituto Sindipeças de Educação Corporativa Instituto Sindipeças de Educação Corporativa Maio 2014 Instituto Sindipeças de Educação Corporativa Missão Oferecer soluções educacionais para elevar a competitividade e a sustentabilidade do setor de

Leia mais

ORGANOGRAMA IFTM - REITORIA

ORGANOGRAMA IFTM - REITORIA ORGANOGRAMA IFTM - REITORIA CONSELHO SUPERIOR - Reitoria COLÉGIO DE DIRIGENTES REITOR CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - CEPE COORDENAÇÃO GERAL DE AUDITORIA INTERNA COORDENAÇÃO DE APOIO AOS SERVIÇOS

Leia mais

Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas?

Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas? Quais as vantagens da contratação de um escritório específico para empresas? Trata-se da criação do departamento jurídico da empresa sem qualquer ônus inicial. Empresas que já utilizam os nossos serviços:

Leia mais

1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho

1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho 1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho Consultivo. a) Somente I e II estão erradas b) Somente I e

Leia mais

Cadastro de Fornecedores. de Bens e Serviços da Petrobras

Cadastro de Fornecedores. de Bens e Serviços da Petrobras Cadastro de Fornecedores de Bens e Serviços da Petrobras Plano Estratégico PETROBRAS Missão Atuar de forma segura e rentável, com responsabilidade social e ambiental, nos mercados nacional e internacional,

Leia mais

O BPC Trabalho. XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012

O BPC Trabalho. XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012 O BPC Trabalho XIV ENCONTRO NACIONAL DO CONGEMAS Oficina de Operacionalização do BPC Trabalho e BPC na Escola Fortaleza, março de 2012 Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome - MDS Secretaria

Leia mais

DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES

DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES DEZEMBRO/2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES ADESITA Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Itabirito NEGÓCIO: Desenvolvimento Econômico, Social e Cultural Sustentável MISSÃO: Promover e fortalecer

Leia mais

Identidade Digital do Governo Federal

Identidade Digital do Governo Federal Identidade Digital do Governo Federal Identidade Digital do Governo Federal Direcionamentos Barra de Governo Redes Sociais Portal Padrão Instrução Normativa Fluxo de desenvolvimento de projetos digitais

Leia mais

R.H - Descrição de Cargos

R.H - Descrição de Cargos CARGO: Auxiliar Contábil Sumário: R.H - Descrição de Cargos Desenvolver trabalhos na área de contabilidade especificamente na tarefa de contabilização dos documentos, levantando requisitos, obedecendo

Leia mais

CONTRATAÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO COMO PLANEJAR E JULGAR AS LICITAÇÕES E FISCALIZAR OS CONTRATOS DE ACORDO COM A IN N 04/10 E O DECRETO N

CONTRATAÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO COMO PLANEJAR E JULGAR AS LICITAÇÕES E FISCALIZAR OS CONTRATOS DE ACORDO COM A IN N 04/10 E O DECRETO N SEMINÁRIO NACIONAL CONTRATAÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO COMO PLANEJAR E JULGAR AS LICITAÇÕES E FISCALIZAR OS CONTRATOS DE ACORDO COM A IN N 04/10 E O DECRETO N 7.174/10 MACEIÓ - AL 19 E 20 DE AGOSTO

Leia mais

Gerenciamento de Projetos na Prática Uma Abordagem Sistêmica

Gerenciamento de Projetos na Prática Uma Abordagem Sistêmica Gerenciamento de Projetos na Prática Uma Abordagem Sistêmica Introdução Abordagem diferenciada da prática de gerenciamento de projetos através de uma visão sistêmica, envolvendo Organização, Processos

Leia mais

PEDAGOGIA NORMAL SUPERIOR E COMPLEMENTAÇÃO DE ESTUDOS/ MÓDULO II OFERTA ESPECIAL DE DISCIPLINAS DISCIPLINAS EQUIVALENTES POR TURMA E CURSO

PEDAGOGIA NORMAL SUPERIOR E COMPLEMENTAÇÃO DE ESTUDOS/ MÓDULO II OFERTA ESPECIAL DE DISCIPLINAS DISCIPLINAS EQUIVALENTES POR TURMA E CURSO DISCIPLINAS PEDAGOGIA NORMAL SUPERIOR E COMPLEMENTAÇÃO DE ESTUDOS/ MÓDULO II OFERTA ESPECIAL DE DISCIPLINAS DISCIPLINAS EQUIVALENTES POR TURMA E CURSO PEDAGOGIA 2004 PEDAGOGIA 2006 PEDAGOGIA 2007 PEDAGOGIA

Leia mais

Atividades Introdutórias. Coordenação, articulação e monitoramento de políticas públicas. Beto Ferreira Martins Vasconcelos

Atividades Introdutórias. Coordenação, articulação e monitoramento de políticas públicas. Beto Ferreira Martins Vasconcelos Atividades Introdutórias Coordenação, articulação e monitoramento de políticas públicas Beto Ferreira Martins Vasconcelos Casa Civil da Presidência da República: coordenação, articulação e monitoramento

Leia mais

Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul

Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul Marcelo De Nardi Porto Alegre, 04 de julho de 2011. CONTEXTUALIZAÇÃO Poder Judiciário no Contexto da Gestão Pública Nacional Processos

Leia mais

Padrão de Vencimento. João Pessoa, de maio de Cargo

Padrão de Vencimento. João Pessoa, de maio de Cargo INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA FICHA DE INSCRIÇÃO Curso: Excelência na Prestação de Serviços na Administração Pública Módulo I Excelência no Relacionamento e Atendimento

Leia mais

ESTRUTURA REMUNERATÓRIA SESI E SENAI

ESTRUTURA REMUNERATÓRIA SESI E SENAI Superintendente Corporativo Superintendente do Diretor Regional do Executivo Superintendentes e Diretoria Regional 23.668,00 Gerências Corporativas Assessorias I e II Gerente Corporativo de Adm. Controle

Leia mais

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA

CARGO E REQUISITO DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA CARGO E REQUISITO Advogado Completo em Direito com inscrição na OAB DESCRIÇÃO DOS CARGOS DE CARREIRA Representar e defender judicialmente e extra judicialmente a Fundação. Analisar e elaborar pareceres

Leia mais

IMPLEMENTAÇÃO DO SUAS AVANÇOS E DESAFIOS

IMPLEMENTAÇÃO DO SUAS AVANÇOS E DESAFIOS SECRETARIA DE ESTADO DO TRABALHO, EMPREGO E PROMOÇÃO SOCIAL Núcleo de Coordenação da Assistência Social IMPLEMENTAÇÃO DO SUAS AVANÇOS E DESAFIOS POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO VIII CONFERÊNCIA ESTADUAL DE

Leia mais

Pesquisa de Clima Organizacional

Pesquisa de Clima Organizacional Pesquisa de Clima Organizacional As pessoas representam alto investimento para as organizações. É evidente que o sucesso de um empreendimento não depende somente da competência dos gestores em reconhecer

Leia mais

Programa FIC+Feliz. Maio/2016 Belo Horizonte - MG. Maria Lúcia Rezende Milhorato

Programa FIC+Feliz. Maio/2016 Belo Horizonte - MG. Maria Lúcia Rezende Milhorato Programa FIC+Feliz Maio/2016 Belo Horizonte - MG Maria Lúcia Rezende Milhorato CONTEXTO A Credicom foi piloto no projeto do Índice de Felicidade Interna do Cooperativismo FIC, promovido pelo SESCOOP Nacional

Leia mais

AS RELAÇÕES GOVERNAMENTAIS NA ERA DIGITAL

AS RELAÇÕES GOVERNAMENTAIS NA ERA DIGITAL CONFIDENCIAL AS RELAÇÕES GOVERNAMENTAIS NA ERA DIGITAL ESTADO, EMPRESAS, PODER E A OPINIÃO PÚBLICA DIGITAL 1 DATA E LOCAL CONFIDENCIAL REALIZAÇÃO APOIO DATA E HORÁRIO INSCRIÇÕES 17 de novembro de 2015

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA. Projeto Integrado Multidisciplinar VII e

UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA. Projeto Integrado Multidisciplinar VII e UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA Projeto Integrado Multidisciplinar VII e VIII Manual de orientações - PIM Cursos superiores de Tecnologia em: Recursos Humanos 1. Introdução Os Projetos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 49, de 09

Leia mais

ANEXO IV FORMULÁRIO DE PONTUAÇÃO POR CRITÉRIO. Fator de pontuação

ANEXO IV FORMULÁRIO DE PONTUAÇÃO POR CRITÉRIO. Fator de pontuação RECONHECIMENTO DE SABERES E COMPETÊNCIAS RSC I ANEXO IV FORMULÁRIO DE PONTUAÇÃO POR CRITÉRIO Fator de pontuação Unidade Quantidade Máximas de unidades Quantidade de unidades comprovadas obtida I - Experiência

Leia mais

Projeto Extensão Produtiva e Inovação

Projeto Extensão Produtiva e Inovação Projeto Extensão Produtiva e Inovação Núcleo de Extensão Produtiva e Inovação - NEPI UNILASALLE Dez/2013 Projeto Extensão Produtiva e Inovação Política Industrial Ações Transversais Programa de Fortalecimentodas

Leia mais

Anexo 7 - Despesa por Projeto e Atividade - Detalhado

Anexo 7 - Despesa por Projeto e Atividade - Detalhado Folha N. 1 01 LEGISLATIVA 120.000,00 4.543.000,00 4.848.000,00 01.031 AÇÃO LEGISLATIVA 120.000,00 4.543.000,00 4.848.000,00 01.031.0001 PROCESSO LEGISLATIVO 4.543.000,00 4.728.000,00 01.031.0001.0125 INATIVOS

Leia mais

SEBRAE SEBRAE DA LEI GERAL DAS. Quem são os Pequenos Negócios?

SEBRAE SEBRAE DA LEI GERAL DAS. Quem são os Pequenos Negócios? A IMPLEMENTAÇÃO DA LEI GERAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS EM MATO GROSSO Quem são os Pequenos Negócios? PRODUTOR RURAL Pessoa física ou jurídica que explora a terra, com fins econômicos ou de subsistência

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSU Nº. 41/2013 DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013

RESOLUÇÃO CONSU Nº. 41/2013 DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013 RESOLUÇÃO CONSU Nº. 41/2013 DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013 A Presidente do Conselho Superior Universitário da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas, no uso de suas atribuições regimentais, considerando

Leia mais

ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX

ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX DISPÕE SOBRE O PLANO MUNICIPAL DE APOIO E INCENTIVO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA NO MUNICÍPIO DE ARACRUZ E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009

PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009 PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009 Estabelece orientações para a implementação do Plano Nacional de Promoção das Cadeias de Produtos da Sociobiodiversidade, e dá outras

Leia mais

Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba

Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba Utilização de Critérios de Excelência como Referência no Desenvolvimento da Gestão de Águas do Paraíba Viviane Lanunce Paes Supervisora da Gestão Integrada - CAP Carlos Eduardo Tavares de Castro Superintendente

Leia mais

Programa. Especialização em Planejamento e Estratégias de Desenvolvimento. Pós-graduação Lato Sensu 1º edição (2017/2018)

Programa. Especialização em Planejamento e Estratégias de Desenvolvimento. Pós-graduação Lato Sensu 1º edição (2017/2018) Programa Especialização em Planejamento e Estratégias de Desenvolvimento Pós-graduação Lato Sensu 1º edição (2017/2018) Especialização em Planejamento e Estratégias de Desenvolvimento (2017/2018) Programa

Leia mais

A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais

A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais A implantação de uma consultoria interna de RH pelo TCMSP, em cooperação com outros órgão municipais Luiza Correia Hruschka Gestora das Relações do Trabalho e Professora da Escola de Contas SET/2015 luiza.correia@tcm.sp.gov.br

Leia mais

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Comunicação. Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº /06 e Nº

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Comunicação. Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº /06 e Nº - REGIMENTO INTERNO Secretaria de Comunicação Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº 12.659/06 e Nº 15.052 I - Secretaria Executiva: - assessorar o Secretário Municipal no exercício de suas atribuições;

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL DO PCCV

RELATÓRIO TRIMESTRAL DO PCCV RELATÓRIO TRIMESTRAL DO PCCV Período: Janeiro a Março/2014 Projeto: Órgão Executor: 1. INTRODUÇÃO PLANO DE CARGOS, CARREIRAS E VENCIMENTOS E O MODELO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO PARA OS SERVIDORES DO QUADRO

Leia mais

Andréa Gonçalves Mariano Souza

Andréa Gonçalves Mariano Souza Andréa Gonçalves Mariano Souza Conselho Científico na Abrade - Associação Brasileira de Direito Educacional andreagmariano@bol.com.br Resumo A minha trajetória Acadêmica e Profissional esta alicerçada

Leia mais

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil

Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Gestão de Desempenho: a experiência do Grupo Águas do Brasil Agenda Objetivos da G. Desempenho Conceitos estruturantes O Modelo concebido para o grupo Águas do Brasil Relato da Experiência e dos Resultados

Leia mais

Integrantes da CHAPA 2 CHA - Competência, Habilidade e Ação

Integrantes da CHAPA 2 CHA - Competência, Habilidade e Ação Integrantes da CHAPA 2 CHA - Competência, Habilidade e Ação Economista Ana Claudia de Azevedo Monteiro - Registro CORECON nº. 1277. Graduada em Economia e Direito (CIESA), Especialista em Administração

Leia mais

RSFG. Nos últimos dezesseis anos vem atuando na assessoria a empresas de grande notoriedade no mercado imobiliário da

RSFG. Nos últimos dezesseis anos vem atuando na assessoria a empresas de grande notoriedade no mercado imobiliário da S I N O P S E Engenheiro civil formado em 1981 pela Faculdade de Engenharia da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), com experiência profissional inicialmente desenvolvida no segmento da construção

Leia mais

PRECISA MELHORAR O SEU NEGÓCIO?

PRECISA MELHORAR O SEU NEGÓCIO? PRECISA MELHORAR O SEU NEGÓCIO? PROGRAMAÇÃO 1º Trimestre - e Região PARA MICROEMPREENDEDORES INDIVIDUAIS, MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE Importante! As vagas para cada evento são limitadas A

Leia mais

China: Oportunidades e Desafios. O Caso EMBRAER. Henrique Rzezinski Vice-Presidente Sênior de Relações Externas

China: Oportunidades e Desafios. O Caso EMBRAER. Henrique Rzezinski Vice-Presidente Sênior de Relações Externas China: Oportunidades e Desafios O Caso EMBRAER Henrique Rzezinski Vice-Presidente Sênior de Relações Externas Evento: Desafios Emergentes: A Ascenção econômica de China e índia e seus efeitos para o Brasil

Leia mais

CEPUERJ CENTRO DE PRODUÇÃO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

CEPUERJ CENTRO DE PRODUÇÃO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CEPUERJ CENTRO DE PRODUÇÃO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MISSÃO DA UNIDADE: Fomentar a atividade acadêmica, promover o intercâmbio da Universidade com órgãos públicos, empresas privadas e

Leia mais

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração Coordenação-Geral de Recursos Humanos

MINISTÉRIO DA FAZENDA Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração Coordenação-Geral de Recursos Humanos ÓRGÃO: GRA-PR QUADRO GERAL DO PLANO SETORIAL DE APRENDIZAGEM PERMANENTE - 2007 Campos de Conhecimento Número de Carga Custo Total Participante Horária FINANÇAS PÚBLICAS 23 180 15.980,00 TÉCNICO-COMPLEMENTAR

Leia mais

Analista em ACREDITAÇÃO EM SAÚDE

Analista em ACREDITAÇÃO EM SAÚDE Analista em ACREDITAÇÃO EM SAÚDE Focada na formação intelectual e no desenvolvimento de pessoas para integrarem e inovarem a nova cultura de negócios do XXI, a FAN oferece cursos para graduação e especialização

Leia mais

DEPARTAMENTO DE OPERAÇÃO / SENARC / MDS

DEPARTAMENTO DE OPERAÇÃO / SENARC / MDS ÍNDICE DE GESTÃO DESCENTRALIZADA IGD DEPARTAMENTO DE OPERAÇÃO / SENARC / MDS INDICE DE GESTÃO DESCENTRALIZADA CARACTERÍSTICAS Fortalecimento da Gestão Municipal e Estadual do PBF e do Cadastro Único Fortalecimento

Leia mais