SÍNTESE TÉCNICA DE ageloc Vitality DESCRIÇÃO DO PRODUTO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SÍNTESE TÉCNICA DE ageloc Vitality DESCRIÇÃO DO PRODUTO"

Transcrição

1 SÍNTESE TÉCNICA DE ageloc Vitality DESCRIÇÃO DO PRODUTO O que é ageloc Vitality? ageloc Vitality é um suplemento dietético formulado para abordar as fontes de vitalidade. Mediante o suporte de um perfil de expressão dos Youth Gene Clusters (clusters de genes da juventude, YGC) relacionado com as mitocôndrias, é visada uma atividade ótima das mitocôndrias, daí resultando um nível de vitalidade adequado. Esta mistura exclusiva ageloc Vitality melhora as três principais áreas de vitalidade o vigor físico, a acuidade mental e a libido sexual. Quais são os benefícios da ageloc Vitality? Quando tomado regularmente ageloc Vitality, deverá observar os seguintes resultados: melhoria das capacidades físicas e de resistência, melhoria da acuidade mental e um aumento dos níveis de libido sexual. O que torna a ageloc Vitality única? A perda de vitalidade é um dos sinais do envelhecimento sentido pelas pessoas. Em primeiro lugar, ageloc Vitality é o único produto especificamente concebido tendo em vista as fontes da vitalidade e a promoção da atividade dos YGC. Segundo, ao contrário de outros produtos unidimensionais ou bidimensionais, ageloc Vitality melhora três aspetos importantes da vitalidade: vigor físico, perspicácia mental e libido. Além disso, ageloc Vitality contém uma mistura ideal de ingredientes que otimiza de diferentes formas as funções do cérebro, músculos e coração. Por último, quando utilizado consistentemente, ageloc Vitality visa níveis de base de energia mais elevados, evitando os altos e baixos provocados pelos estimulantes agressivos e pelos açúcares em excesso. (Ver imagem abaixo) pico de energia novo nível de base Nível de base de energia antigo nível de base Estimulantes agressivos (cafeína) Página 1

2 Quem deve tomar ageloc Vitality? ageloc Vitality destina-se a homens e mulheres, jovens e idosos, que se sentem preparados para ter uma vida vital ativa e que desejam ativar a sua vitalidade. Não é recomendado para crianças. Que pessoas devem evitar tomar ageloc Vitality? ageloc Vitality contém uma mistura de ingredientes bem estudada e é indicada para os adultos saudáveis. As pessoas que se encontrem doentes, ou a tomar medicamentos e as mulheres grávidas ou a amamentar devem consultar um médico antes de utilizar estes produtos. ageloc Vitality pode conter vestígios de soja e amendoim e, por isso, não é adequado para pessoas com alergia a estes alimentos. Qual é a dose recomendada para adultos? Tomar três (3) cápsulas duas vezes por dia. Pode ser tomado com ou sem alimentos. Em alternativa, poderá tomar seis (6) cápsulas numa tomada única diária. Não exceder as seis (6) cápsulas por dia. Poderei sentir imediatamente os resultados de ageloc Vitality? ageloc Vitality não se trata de um estimulante e foi criado para aumentar o nível global de energia desde que utilizado consistentemente. Se utilizar ageloc Vitality da forma indicada, deverá sentir os resultados totais dentro de duas a quatro semanas. Que YGC (Cluster de genes da juventude) está associado à vitalidade? Os cientistas da Pharmanex trabalharam para identificar alterações de expressão nos genes relacionadas com a idade, em tecidos associados à vitalidade física e mental relacionada com as funções dos músculos e do cérebro. Após meses de colaboração com a LifeGen Technologies, foi identificado um YGC mitocondrial, composto por 52 genes, cuja expressão se altera com a idade e os seus perfis de expressão são visados pelo ageloc Vitality. Quais são os ingredientes de ageloc Vitality? ageloc Vitality contém uma mistura de três extratos únicos: 1) Cordyceps sinensis Cs-4 Cogumelo Micelia; 2) Pharmanex Asian Ginseng (Panax ginseng) Root Extract um extrato de ginseng de marca protegida com um equilíbrio de atividade biológica não encontrado noutros extratos ginseng; e 3) extrato de romã único, patenteado (Punica granatum). Página 2

3 OUTRAS QUESTÕES RELACIONADAS COM ageloc Vitality Qual é a diferença entre vitalidade e energia? Em diferentes momentos da vida, todas as pessoas se inserem no espectro que se estende da vitalidade numa extremidade, à senescência na outra. A senescência é definida como o declínio de vitalidade e implica todas as alterações numa pessoa que afetam negativamente a sua vitalidade incluindo o vigor físico, a acuidade mental e a libido sexual. A vitalidade é muito mais do que energia física; engloba todos os aspetos do funcionamento físico e mental ótimo, incluindo a um aspecto exterior positivo e a apreciação da vida. ageloc Vitality baseia-se na investigação de Restrição Calórica? A nossa parceria com a LifeGen Technologies permite-nos ter acesso à sua compreensão avançada da expressão genética do envelhecimento incluindo uma vasta base de dados de genes. A LifeGen é provavelmente mais globalmente reconhecida pelo seu estudo longitudinal de 20 anos sobre os efeitos anti-envelhecimento da restrição calórica (CR) comparação da expressão genética de um grupo sujeito a CR com a expressão genética de um grupo não sujeito a CR. Os cientistas da Pharmanex e da LifeGen estão a investigar ativamente dados de CR para o desenvolvimento do futuro ageloc Vitality avançado; contudo, ageloc Vitality foi desenvolvido mediante uma avaliação das diferenças de expressão genética entre jovens e idosos, e não com base na restrição calórica. O que é expressão genética? Qualquer célula singular do seu corpo humano contém informação genética (DNA) suficiente para criar todos os outros tipos de células do corpo humano. Contudo, cada célula exprime apenas os genes necessários para a função dessa célula; por isso, diferentes genes são expressos a diferentes níveis dependendo se se trata de um fígado, de um músculoesquelético, do cérebro ou de outro tipo de célula. Exprimir um gene significa a informação desse gene que é utilizada para produzir uma molécula específica (proteínas funcionais, estruturais ou defensivas). Tal como os genes são expressos de forma diferente consoante o tipo de célula, a sua expressão também se altera ao longo do tempo. Genes com baixos níveis de expressão durante a juventude, poderão aumentar a sua expressão à medida que envelhecemos, enquanto que outros reduzem os seus níveis de expressão. É importante compreender que à medida que envelhecemos, a expressão genética não aumenta ou diminui de forma categórica; cada gene responde num grau diferente alguns num grau superior, outros num grau inferior e cada um a diferentes níveis. A base de dados da LifeGen Technologies de tecidos e genes sobre o envelhecimento permite aos cientistas da Pharmanex comparar os padrões de expressão genética associados à função mitocondrial relacionada com as três dimensões de vitalidade. Página 3

4 Assim, quando testamos um ingrediente, podemos comparar a expressão genética com a base de dados e determinar se o perfil de expressão genética resultante visa a função mitocondrial associada à melhoria da vitalidade. Isto permite-nos examinar os ingredientes para determinar a sua capacidade de ativar a expressão genética desses tecidos para um nível de expressão ótimo. A nossa capacidade para utilizar a base de dados de tecidos como referência constitui uma das forças da tecnologia ageloc. ageloc Vitality aumenta os meus Índices de Carotenoides na Pele?. O envelhecimento é um processo multifatorial que ocorre quando a danificação dos tecidos excede a sua reparação. O BioPhotonic Scanner da Pharmanex oferece a medição do estado antioxidante específico de uma pessoa; e um estado antioxidante saudável ajuda a proteger os tecidos. Isto inclui tanto a proteção das mitocôndrias, relacionada com a produção de ATP, como a proteção de DNA, relacionada com a integridade do DNA e os padrões de expressão genética. Separadamente, ageloc Vitality visa a expressão de YGC associados à vitalidade. A expressão genética e a proteção antioxidante são componentes importantes do anti-envelhecimento. ageloc Vitality pode ser tomado com LifePak ou LifePak Essentials Super A para uma ótima nutrição e aquisição de antioxidantes (como as vitaminas C e E). No seu conjunto, ageloc Vitality e LifePak /LifePak Essentials Super A suporta a expressão genética associada à vitalidade e fornece proteção antioxidante, ajudando a otimizar a sua vitalidade. ageloc Vitality poderá ajudar-me a ter uma aparência mais jovem? Duas queixas normais do envelhecimento são o parecer e o sentir-se mais velho. Enquanto que o sistema de tratamento da pele ageloc Transformation se destina a obter uma pele jovem, ageloc Vitality promove a atividade saudável dos YGC associada à vitalidade. O que é a LifeGen Technologies? A LifeGen foi fundada em Novembro de 2000 pelo Dr. Richard Weindruch e pelo Dr. Tomas A. Prolla, professores na Universidade de Wisconsin-Madison e líderes nos domínios da gerontologia e da genética. A missão da LifeGen Technologies é descobrir a base genética do processo de envelhecimento. A investigação pioneira da LifeGen deu origem a diversas patentes pendentes e espera-se que a sua investigação em curso deverá produzir ainda considerável propriedade intelectual. Adicionalmente, a LifeGen possui um pedido de patente para o uso dessa criação de perfis de expressão genética como um método de medição da progressão do processo de envelhecimento ao nível molecular nos órgãos e tecidos individuais. A LifeGen é um Instituto de Investigação apoiado em mais de 30 anos de investigação clínica (em métodos de prolongamento da vida) cujos fundadores já produziram mais de 230 publicações científicas. Página 4

5 Estamos convencidos de que a colaboração com a LifeGen confere à Nu Skin e aos seus Distribuidores uma vantagem clara com um método exclusivo e cientificamente comprovado de identificação de YGC e a capacidade de desenvolver fórmulas patenteadas de produtos incorporando a ciência ageloc. A LifeGen está atualmente a colaborar com os cientistas de I&D da Pharmanex no desenvolvimento e validação científica dos próximos produtos nutricionais ageloc. ANTECEDENTES PERDA DE VITALIDADE RELACIONADA COM A IDADE O que é a perda de vitalidade relacionada com a idade? Quando a maior parte dos adultos chegam a metade ou aos últimos dos trinta e tantos anos, referem um declínio na vitalidade, ainda antes do aparecimento das primeiras rugas. Embora o declínio da energia seja normalmente o primeiro sinal indicado, a perda de vitalidade relacionada com a idade é muito mais do que a simples perda de energia. A vitalidade é descrita na literatura científica como um estado de juventude que afeta todos os tipos de célula e todos os tecidos. Porque cada tipo de célula ou de tecido tem a sua própria função única, o declínio da vitalidade é manifesto, de diferentes formas, em diferentes tecidos. Por exemplo, as células dos músculos são responsáveis pelo movimento, ao mesmo tempo que os neurões são responsáveis pelas funções mentais e emocionais. O declínio da vitalidade das células dos músculos está marcado pela perda do vigor físico, enquanto que o declínio da vitalidade das células do cérebro se manifesta na atenuação da acuidade mental e da libido sexual. Qual é o papel das mitocôndrias na vitalidade? As mitocôndrias (singular: mitocôndria) são pequenas estruturas subcelulares (organelas) responsáveis pela conversão da energia das calorias dos alimentos que consumimos numa forma de energia química que as nossas células podem utilizar: o ATP (trifosfato de adenosina) que aciona a vitalidade das células. O número de mitocôndrias por célula varia entre um número inferior a 100 e vários milhares, dependendo do tipo e função da célula (Pike 1984). A vitalidade de cada célula individual depende da produção de ATP. À medida que envelhecemos, o número de mitocôndrias por célula, a dimensão e a eficácia diminuem contribuindo para o declínio da vitalidade. É dentro das mitocôndrias de cada célula que o oxigénio que respiramos e o alimento que ingerimos são convertidos em energia celular (ATP). O ATP funciona como uma fonte de energia para a maior parte das reações fisiológicas e metabólicas do organismo; assim, toda a vida depende do ATP. Esta compreensão básica das mitocôndrias e do ATP levou os cientistas a investigar as alterações na função mitocondrial; os tipos de tecido e célula diretamente relacionados com a vitalidade física, mental e sexual foram particulares importantes. Página 5

6 À medida que as mitocôndrias de uma célula declinam na sua eficácia de produção de ATP, a perda de vitalidade dessa célula manifesta-se de diferentes formas. Por exemplo, as células dos músculos são responsáveis pelo movimento e influenciam o metabolismo da glicose e dos lípidos, enquanto que os neurões são responsáveis pelas funções mentais e emocionais. O declínio da vitalidade das células dos músculos está marcado pela perda do vigor físico, enquanto que o declínio da vitalidade das células do cérebro se manifesta na atenuação da acuidade mental e da libido sexual. Os casos de estudo e a investigação pré-clínica confirmam que ageloc Vitality visa os perfis de expressão da atividade ótima de YGC associada à função mitocondrial e, portanto, a vitalidade. SEGURANÇA ageloc Vitality é seguro? ageloc Vitality é seguro quando usado da forma indicada; os seus ingredientes têm uma história de uso nos humanos longa e segura. Para além da sua história de uso em segurança, Pharmanex realizou estudos clínicos e pré-clínicos para garantir a segurança. Visar a expressão genética é seguro? A modulação da expressão genética tem afetado a raça humana (e todos os organismos) desde o início dos tempos. Embora a nossa constituição genética (DNA) permaneça inalterada ao longo da nossa vida, a taxa de expressão dos genes individuais altera-se à medida que envelhecemos. Outros fatores também afetam a expressão genética ao longo da nossa vida incluindo os nutrientes que consumimos e fatores do estilo de vida, como o exercício físico, o stress e o tabaco, podem todos eles ter um impacto positivo ou negativo na expressão genética. Existem quaisquer contra-indicações ou interações medicamentosas? Se está a tomar medicamentos, deve consultar o seu médico antes de tomar qualquer suplemento dietético. A utilização simultânea de ageloc Vitality com medicamentos de prescrição médica não foi analisada; no entanto, pesquisas independentes sobre os ingredientes individuais oferecem informação importante para os médicos no que diz respeito ao aconselhamento dos seus pacientes. Em especial, as pessoas que tomam anticoagulantes (incluindo terapias com altas doses de aspirina), medicamentos antidiabéticos, inibidores MAO, medicamentos para a hipertensão, imunossupressores ou medicamentos metabolizados pela CYP3A4, devem consultar um médico antes de tomar este ou outros suplementos dietéticos. As pessoas que tomam quaisquer outros medicamentos também devem consultar um médico antes de tomar este ou outros suplementos dietéticos. A Pharmanex não se responsabiliza pelas recomendações dos médicos. Página 6

7 Duas semanas antes e depois de qualquer cirurgia, deve suspender a tomada deste produto. O médico deve ser informado antes da cirurgia caso o suplemento tenha sido tomado durante o mencionado período de duas semanas. ageloc Vitality não se destina a mulheres grávidas ou a amamentar. REFERÊNCIAS 1. BOUMEZBEUR, F. et al. Altered brain mitochondrial metabolism in healthy aging as assessed by in vivo magnetic resonance spectroscopy. *metabolismo mitocondrial do cérebro alterado em envelhecimento saudável conforme avaliado em espetroscopia com ressonância magnética in vivo] J Cereb Blood Flow Metab., 2010 Jan, 30(1), pg HAUG, H. e EGGERS, R.: Morphometry of the human cortex cerebri and corpus striatum during aging. [morfometria do córtex cerebral humano e do corpo estriado durante o envelhecimento] Neurobiol Aging 1991, 12, pág PIKE, R. e BROWN, M.: Nutrition: An Intergrated Approach. NYC: Macmillian, Pg [nutrição: uma abordagem integrada]. 4. RESNICK, S.M. et al.: Longitudinal magnetic resonance imaging studies of older adults: a shrinking brain. J Neurosci., 2003, 23, pg RAZ, N. et al. Aging, sexual dimorphism, and hemispheric asymmetry of the cerebral cortex: replicability of regional differences in volume. Neurobiol Aging, 2004, 25, pg. 377 [envelhecimento, diformismo sexual e assimetria hemisférica do córtex cerebral: replicabilidade das diferenças regionais em volume]. 6. RAZ, N. et al.: Neuroanatomical correlates of cognitive aging: evidence from structural magnetic resonance imaging. Neuropsychology, 1998, 12, pg. 95 [correlações neuro-anatómicas do envelhecimento cognitivo: demonstração da imagética da ressonância magnética estrutural]. 7. SHORT, K.R.: et al. Decline in skeletal muscle mitochondrial function with aging in humans. Proc Natl Acad Sci USA, 2005 Apr 12, 102(15), pg [declínio na função mitocondrial no músculo esquelético com o envelhecimento nos humanos]. Página 7

Phycojuvenine INCI Name: Introdução: O processo de senescência Mitocôndrias O Centro Energético Celular

Phycojuvenine INCI Name: Introdução: O processo de senescência Mitocôndrias O Centro Energético Celular Phycojuvenine INCI Name: Water (and) Laminaria Digitata Extract. Introdução: O processo de senescência Diferente das outras partes do corpo quando a pele envelhece é visível externamente. A regeneração

Leia mais

EXPERIÊNCIA. Diretor do Instituto de Pesquisa Cutânea

EXPERIÊNCIA. Diretor do Instituto de Pesquisa Cutânea GUIA DE CUIDADOS DO ROSTO ORIFLAME FEVEREIRO 2015 A NOSSA EXPERIÊNCIA A nossa experiência em cuidados do rosto é o resultado de quase 50 anos de desenvolvimento de produtos e de pesquisa avançada nos cuidados

Leia mais

M E T B O L I S M O CATABOLISMO ANABOLISMO

M E T B O L I S M O CATABOLISMO ANABOLISMO METABOLISMO É o conjunto das reações químicas que ocorrem num organismo vivo com o fim de promover a satisfação de necessidades estruturais e energéticas. ...metabolismo Do ponto de vista físico-químico,

Leia mais

Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h)

Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h) Ementário: Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h) Ementa: Organização Celular. Funcionamento. Homeostasia. Diferenciação celular. Fisiologia

Leia mais

AA 2-G (Vitamina C estabilizada)

AA 2-G (Vitamina C estabilizada) AA 2-G (Vitamina C estabilizada) INCI NAME: Ácido ascórbico-2-glicosilado CAS Number: 129499-78-1 Descrição: O AA2G (Ácido Ascórbico 2-Glicosídeo) é a vitamina C (ácido ascórbico) estabilizada com glicose.

Leia mais

UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL PEDE AUTOCONHECIMENTO. PAINEL GENÔMICO DE NUTRIÇÃO E RESPOSTA AO EXERCÍCIO

UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL PEDE AUTOCONHECIMENTO. PAINEL GENÔMICO DE NUTRIÇÃO E RESPOSTA AO EXERCÍCIO UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL PEDE AUTOCONHECIMENTO. PAINEL GENÔMICO DE NUTRIÇÃO E RESPOSTA AO EXERCÍCIO A maioria da população quer conquistar uma vida mais saudável, ter mais energia, melhorar o desempenho

Leia mais

Hormônio do Crescimento

Hormônio do Crescimento Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Hormônio do Crescimento O Hormônio do Crescimento Humano é um dos muitos hormônios que tem sua produção

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO(ESPECIALIZAÇÃO)

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO(ESPECIALIZAÇÃO) CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO(ESPECIALIZAÇÃO) APRESENTAÇÃO, Os Cursos de Pós-Graduação da Faculdade La Salle de Manaus estão amparados pelo Art.34 de seu Regimento Interno

Leia mais

Será que doses elevadas de creatina "atrasam o início clínico" da doença de Huntington? Porquê a creatina?

Será que doses elevadas de creatina atrasam o início clínico da doença de Huntington? Porquê a creatina? Notícias científicas sobre a Doença de Huntington. Em linguagem simples. Escrito por cientistas. Para toda a comunidade Huntington. Será que doses elevadas de creatina "atrasam o início clínico" da doença

Leia mais

Perder Gordura e Preservar o Músculo. Michelle Castro

Perder Gordura e Preservar o Músculo. Michelle Castro Perder Gordura e Preservar o Músculo Michelle Castro 25 de Novembro de 2012 Principais Tópicos 1. Processos catabólicos associados a dietas hipocalóricas. 2. Contextualização/compreensão do porquê da existências

Leia mais

Oficina CN/EM 2012. Alimentos e nutrientes (web aula) H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo humano.

Oficina CN/EM 2012. Alimentos e nutrientes (web aula) H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo humano. Oficina CN/EM 2012 Alimentos e nutrientes (web aula) Caro Monitor, Ao final da oficina, o aluno terá desenvolvido as habilidade: H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo

Leia mais

Destaques brilhantes... xii. Introdução... xiii

Destaques brilhantes... xii. Introdução... xiii Destaques brilhantes... xii Introdução... xiii 1 Porque se envelhece?... 1 Estamos a assistir a uma lenta revolução na compreensão do processo de envelhecimento. Este pode não ser inevitável e é até possível

Leia mais

Suplemento alimentar com vitaminas, minerais e extratos botânicos

Suplemento alimentar com vitaminas, minerais e extratos botânicos LifePak + Suplemento alimentar com vitaminas, minerais e extratos botânicos DECLARAÇÃO DE POSICIONAMENTO Mantermo-nos saudáveis durante toda a vida começa com a boa alimentação. Existe um número crescente

Leia mais

Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão

Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons.

Leia mais

Resoluções, conquistas e desafios

Resoluções, conquistas e desafios Eventos pré-congresso Cuidados Paliativos Conselhos e Associações de Classe Demências - diagnóstico diferencial TNT Geriatria - Abbott GeriatRio2013 - Programação Preliminar Como responder às demandas

Leia mais

LITERATURA DE CREATINA

LITERATURA DE CREATINA Nome Científico: Ácido acético metilguanidina Fórmula Química: NH 2 -C(NH) - NCH 2 (COOH)-CH 3 Descrição: A creatina [NH 2 -C(NH) - NCH 2 (COOH)-CH 3 ], uma amina nitrogenada, é um composto de aminoácidos

Leia mais

TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia

TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia Disciplina A Disciplina B Código Disciplina C/H Curso Disciplina C/H Código Curso Ano do Currículo 64823 MICROBIOLOGIA GERAL 17/34 ODONTOLOGIA MICROBIOLOGIA

Leia mais

RELEPTIN Irvingia gabonensis extrato

RELEPTIN Irvingia gabonensis extrato RELEPTIN Irvingia gabonensis extrato Redução de peso, colesterol e glicemia. Reduz medidas pela queima de gordura ao mesmo tempo em que controla a dislipidemia, reduzindo o colesterol LDL e triglicérides

Leia mais

EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009)

EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009) INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009) Nome do Candidato Classificação Leia as seguintes informações com atenção. 1. O exame é constituído

Leia mais

DICAS DE SAÚDE E NUTRIÇÃO

DICAS DE SAÚDE E NUTRIÇÃO DICAS DE SAÚDE E NUTRIÇÃO Mais importante que evitar os alimentos demasiado calóricos é evitar as calorias inúteis provenientes dos açúcares. O importante é incluir na dieta os alimentos com maior aporte

Leia mais

A HORA É AGORA. na JEUNESSE A NOSSA ECONOMIA está a EXPLODIR

A HORA É AGORA. na JEUNESSE A NOSSA ECONOMIA está a EXPLODIR BEMVINDO(A) A HORA É AGORA. na JEUNESSE A NOSSA ECONOMIA está a EXPLODIR 32 Escritórios espalhados pelo Mundo Mais de 120 Países A EMPRESA Fundada a 09.09.2009 às 9:00 Lucrativa e sem dívidas Estabelecida

Leia mais

COMERCIALIZAÇÃO DE GÉNEROS ALIMENTÍCIOS DESTINADOS A UMA ALIMENTAÇÃO ESPECIAL

COMERCIALIZAÇÃO DE GÉNEROS ALIMENTÍCIOS DESTINADOS A UMA ALIMENTAÇÃO ESPECIAL COMERCIALIZAÇÃO DE GÉNEROS ALIMENTÍCIOS DESTINADOS A UMA ALIMENTAÇÃO ESPECIAL Direcção-Geral da Saúde Ministério da Saúde 14 de Outubro 2008 OBJECTIVOS 1. Definição 2. Exemplos de grupos de géneros alimentícios

Leia mais

Cellagon www.olabemestar.eu

Cellagon www.olabemestar.eu A minha energia é T.GO. Cellagon www.olabemestar.eu Após inúmeras conversas com atletas e Campeões de desportos de inverno, tenistas, jogadores de golfe, praticantes de atletismo, ciclistas, corredores

Leia mais

REGISTRO: Isento de Registro no M.S. conforme Resolução RDC n 27/10. CÓDIGO DE BARRAS N : 7898171287947(Frutas vermelhas) 7898171287954(Abacaxi)

REGISTRO: Isento de Registro no M.S. conforme Resolução RDC n 27/10. CÓDIGO DE BARRAS N : 7898171287947(Frutas vermelhas) 7898171287954(Abacaxi) Ficha técnica CHÁ VERDE COM CÓLAGENO, VITAMINA C E POLIDEXTROSE Pó para Preparo de Bebida a Base de Chá Verde, com Colágeno hidrolisado, vitamina C e polidextrose Sabor Abacaxi e frutas vermelhas REGISTRO:

Leia mais

A actividade física e o desporto: um meio para melhorar a saúde e o bem-estar

A actividade física e o desporto: um meio para melhorar a saúde e o bem-estar A actividade física e o desporto: um meio para melhorar a saúde e o bem-estar A actividade física e os desportos saudáveis são essenciais para a nossa saúde e bem-estar. Actividade física adequada e desporto

Leia mais

Recuperação. Células tecidos órgãos sistemas. - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões:

Recuperação. Células tecidos órgãos sistemas. - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões: Recuperação Capítulo 01 - Níveis de organização Células tecidos órgãos sistemas - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões: A- Membrana Plasmática - Revestimento da célula;

Leia mais

PERCEPÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS DO PONTO DE VISTA FÍSICO E NUTRICIONAL

PERCEPÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS DO PONTO DE VISTA FÍSICO E NUTRICIONAL PERCEPÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS DO PONTO DE VISTA FÍSICO E NUTRICIONAL Nilza Matias Oliver Cruz Faculdade Maurício de Nassau/CG nilzamoc31@hotmail.com Débora de Araújo Targino Faculdade Maurício

Leia mais

BIOLOGIA. ( ) ATPs adicionais necessários ao ciclo de Calvin são importados do citosol por translocadores presentes nas membranas tilacoides.

BIOLOGIA. ( ) ATPs adicionais necessários ao ciclo de Calvin são importados do citosol por translocadores presentes nas membranas tilacoides. BIOLOGIA 01. Unidades da vida de eucariotas e procariotas, as células desempenham múltiplas funções, algumas comuns a todas elas, outras diferentes para cada tipo celular. Portam o patrimônio gênico de

Leia mais

TERAPIA NUTRICIONAL NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO: UMA REVISÃO NA LITERATURA

TERAPIA NUTRICIONAL NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO: UMA REVISÃO NA LITERATURA TERAPIA NUTRICIONAL NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO: UMA REVISÃO NA LITERATURA Jéssica Lima de Morais (1); Irineu Pereira de Morais Júnior (2); Maria Elieidy Gomes de Oliveira(3) 1Universidade Federal da

Leia mais

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas.

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas. GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 3º ano ALUNO(a): Lista de Exercícios NOTA: No Anhanguera você é + Enem Questão 01) Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas

Leia mais

Mitocôndrias e Cloroplastos

Mitocôndrias e Cloroplastos Universidade Federal de Sergipe Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Departamento de Morfologia Biologia Celular Mitocôndrias e Cloroplastos Características gerais de mitocôndrias e cloroplastos Mitocôndrias

Leia mais

Centríolos. Ribossomos

Centríolos. Ribossomos Ribossomos Os ribossomos são encontrados em todas as células (tanto eucariontes como procariontes) e não possuem membrana lipoprotéica (assim como os centríolos). São estruturas citoplasmáticas responsáveis

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR Retículo endoplasmático Invólucro nuclear Núcleo Mitocôndria Procarionte fotossintético Cloroplasto Procarionte ancestral Eucariote ancestral

Leia mais

Nutrição. tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º. Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista

Nutrição. tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º. Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista A Enfermagem e o Serviço de Nutrição e Dietética tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista 1 A enfermagem e o Serviço

Leia mais

sinta a beleza... . Ativos na Pele. Concentração Máxima QUEM SOMOS COMPRIMIDOS de colágeno Suplemento de Vitamina C www.sunflower.com.

sinta a beleza... . Ativos na Pele. Concentração Máxima QUEM SOMOS COMPRIMIDOS de colágeno Suplemento de Vitamina C www.sunflower.com. QUEM SOMOS A Sunflower é uma indústria brasileira com mais de 15 anos de experiência no desenvolvimento, produção e comercialização de alimentos funcionais, nutracêuticos e suplementos alimentares. Consolidada

Leia mais

ENERGIA: ASPECTOS INTRODUTÓRIOS

ENERGIA: ASPECTOS INTRODUTÓRIOS ENERGIA: ASPECTOS INTRODUTÓRIOS FTC NUTRIÇÃO HUMANA GERAL Prof. Esp. Manoel Costa Neto Conceitos fundamentais ALIMENTAÇÃO NUTRIÇÃO ALIMENTOS NUTRIENTES Porque Alimentar-se? Visão lúdica (prazer); Obter

Leia mais

B-PROTEIN. Proteína Isolada da Carne Hidrolisada

B-PROTEIN. Proteína Isolada da Carne Hidrolisada Informações Técnicas B-PROTEIN Proteína Isolada da Carne Hidrolisada INTRODUÇÃO A proteína da carne é reconhecidamente uma das melhores fontes de proteínas existente no mundo. Apresenta um papel fundamental

Leia mais

PROBOVI PROGRAMA DE NUTRIÇÃO PARA BOVINOS

PROBOVI PROGRAMA DE NUTRIÇÃO PARA BOVINOS 1 PROBOVI PROGRAMA DE NUTRIÇÃO PARA BOVINOS www.kerabrasil.com.br Fone:(54)2521-3124 Fax:(54)2521-3100 2 INTRODUÇÃO PROGRAMA KERA PARA BOVINOS DE LEITE E CORTE Com o acelerado melhoramento genético dos

Leia mais

Teoria da EVA mitocondrial e a utilização do DNA mitocondrial em estudos genéticos

Teoria da EVA mitocondrial e a utilização do DNA mitocondrial em estudos genéticos Teoria da EVA mitocondrial e a utilização do DNA mitocondrial em estudos genéticos 1. Diferentes tipos celulares Estudos de microscopia eletrônica demonstraram que existem fundamentalmente duas classes

Leia mais

Questões complementares

Questões complementares Questões complementares 1. Definir célula e os tipos celulares existentes. Caracterizar as diferenças existentes entre os tipos celulares. 2. Existe diferença na quantidade de organelas membranares entre

Leia mais

VALOR NUTRITIVO DA CARNE

VALOR NUTRITIVO DA CARNE VALOR NUTRITIVO DA CARNE Os alimentos são consumidos não só por saciarem a fome e proporcionarem momentos agradáveis à mesa de refeição mas, sobretudo, por fornecerem os nutrientes necessários à manutenção

Leia mais

VITAMINA B2. Riboflavina. Informações Técnicas. INCI NAME: Riboflavin ou Lactoflavin CAS NUMBER: 83-88-5

VITAMINA B2. Riboflavina. Informações Técnicas. INCI NAME: Riboflavin ou Lactoflavin CAS NUMBER: 83-88-5 Informações Técnicas VITAMINA B2 Riboflavina INCI NAME: Riboflavin ou Lactoflavin CAS NUMBER: 83-88-5 INTRODUÇÃO A vitamina B2 faz parte de vários sistemas enzimáticos (oxidases e desidrogenases); participa

Leia mais

Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle?

Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle? Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle? Tenho diabetes: o que isso significa, afinal? Agora que você recebeu o diagnóstico de diabetes, você começará a pensar em muitas

Leia mais

NUTRIÇÃO INFANTIL E AS CONSEQUENCIAS NOS CICLOS DA VIDA. Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo

NUTRIÇÃO INFANTIL E AS CONSEQUENCIAS NOS CICLOS DA VIDA. Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo NUTRIÇÃO INFANTIL E AS CONSEQUENCIAS NOS CICLOS DA VIDA Profª Ms. Ana Carolina L. Ottoni Gothardo Infância -Promoção e consolidação dos hábitos alimentares - Incremento das necessidades nutricionais para

Leia mais

ageloc GALVANIC SPA SYSTEMS Um brilhante passo em frente

ageloc GALVANIC SPA SYSTEMS Um brilhante passo em frente ageloc GALVANIC SPA SYSTEMS Um brilhante passo em frente Descubra o segredo de um aspeto mais jovem. Alguma vez se perguntou porque é que, em termos de aparência, para algumas pessoas o tempo parece não

Leia mais

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final Laís Cruz Nutricionista CRN 3 18128 2013 Período de transição entre infância e vida adulta (dos 10 aos 19 anos de idade) Muitas transformações físicas, psicológicas e sociais Acelerado crescimento e desenvolvimento:

Leia mais

Idade, ela pesa 07/07/ 2015. Minhavida.com.br

Idade, ela pesa 07/07/ 2015. Minhavida.com.br Todo mundo quer viver muitos anos, não é mesmo? Mas você já se questionou se está somando mais pontos contra do que a favor na busca pela longevidade? Por isso mesmo, um estudo da Universidade da Califórnia,

Leia mais

THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI

THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI 2 THOMSON REUTERS INTEGRITY DIREITOS DA IMAGEM: istockphoto

Leia mais

QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO. Prof.

QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO. Prof. Questão 01 QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO Prof. Cláudio Góes O mundo vivo é construído de tal forma que podemos estabelecer

Leia mais

Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos

Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS - FUPAC FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS DE UBERLÂNDIA Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos Prof. MSc Ana Paula

Leia mais

Como este guia pode melhorar a sua vida

Como este guia pode melhorar a sua vida Guia de Bem-Estar Álcool Como este guia pode melhorar a sua vida Benefícios positivos Dieta mais equilibrada: - em quantidade - em conteúdo Melhoria da auto-imagem Capacidade maior/mais prolongada de concentração

Leia mais

Eliane Petean Arena Nutricionista - CRN 3257. Rua Conselheiro Antônio Prado 9-29 Higienópolis Bauru - SP Telefone : (14) 3243-7840

Eliane Petean Arena Nutricionista - CRN 3257. Rua Conselheiro Antônio Prado 9-29 Higienópolis Bauru - SP Telefone : (14) 3243-7840 Músculos Ok Eliane Petean Arena Nutricionista - CRN 3257 Rua Conselheiro Antônio Prado 9-29 Higienópolis Bauru - SP Telefone : (14) 3243-7840 Conhecendo seu corpo e seus músculos Proteínas e o ganho de

Leia mais

Conceito InflammAging

Conceito InflammAging Conceito InflammAging Em cosméticos, inflamação e envelhecimento normalmente são tratados separadamente. Pesquisas recentes tem mostrado que o envelhecer está acompanhado por um pequeno grau de inflamação

Leia mais

Ingredientes: Óleo de açaí e vitamina E. Cápsula: gelatina (gelificante) e glicerina (umectante).

Ingredientes: Óleo de açaí e vitamina E. Cápsula: gelatina (gelificante) e glicerina (umectante). Registro no M.S.: 6.5204.0095.001-3 Concentração: 500 mg Apresentação: Embalagem com 1000 cápsulas; Embalagem com 5000 cápsulas; Embalagem pet com 500 cápsulas envelopadas; Refil com 2000 cápsulas envelopadas.

Leia mais

Beta-alanina. GAMMA COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO & EXPORTAÇÃO LTDA. Avenida Santa Catarina, 66 - Aeroporto- 04635-000 - São Paulo SP - Brasil

Beta-alanina. GAMMA COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO & EXPORTAÇÃO LTDA. Avenida Santa Catarina, 66 - Aeroporto- 04635-000 - São Paulo SP - Brasil Beta-alanina Fórmula Estrutural: Fórmula Molecular: C3H7NO2 / NH 2 CH 2 CH 2 COOH Peso Molecular: 89.09 g/mol CAS: 107-95-9 Sinonímia: β-ala; AI3-18470; beta-aminopropionic acid; 3-Aminopropanoic acid;

Leia mais

47 Por que preciso de insulina?

47 Por que preciso de insulina? A U A UL LA Por que preciso de insulina? A Medicina e a Biologia conseguiram decifrar muitos dos processos químicos dos seres vivos. As descobertas que se referem ao corpo humano chamam mais a atenção

Leia mais

Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes

Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Procariontes Eucariontes Localização Organização Forma Disperso no citoplasma

Leia mais

Bioenergética. Profa. Kalyne de Menezes Bezerra Cavalcanti

Bioenergética. Profa. Kalyne de Menezes Bezerra Cavalcanti Bioenergética Profa. Kalyne de Menezes Bezerra Cavalcanti Natal/RN Fevereiro de 2011 Substratos para o exercício O corpo utiliza nutrientes carboidratos, gorduras e proteínas consumidos diariamente para

Leia mais

Diretor: Gabriel de Carvalho Nutricionista funcional Farmacêutico Bioquímico Introdutor da Nutrição Funcional no Brasil em 1999 Presidente de Honra

Diretor: Gabriel de Carvalho Nutricionista funcional Farmacêutico Bioquímico Introdutor da Nutrição Funcional no Brasil em 1999 Presidente de Honra Diretor: Gabriel de Carvalho Nutricionista funcional Farmacêutico Bioquímico Introdutor da Nutrição Funcional no Brasil em 1999 Presidente de Honra do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional Origens do

Leia mais

OS SEGREDOS DA LONGEVIDADE. palavras-chaves: longevidade, saúde, nutrição, exercício físico, anti-oxidante, fé.

OS SEGREDOS DA LONGEVIDADE. palavras-chaves: longevidade, saúde, nutrição, exercício físico, anti-oxidante, fé. OS SEGREDOS DA LONGEVIDADE Marta Botelho D INESUL - LONDRINA PR Autora: Ms. Marta Botelho COMUNICAÇÃO ORAL e-mail: martab772003@yahoo.com.br palavras-chaves: longevidade, saúde, nutrição, exercício físico,

Leia mais

Introdução. Conceitos aplicados a alimentação animal. Produção animal. Marinaldo Divino Ribeiro. Nutrição. Alimento. Alimento. Nutriente.

Introdução. Conceitos aplicados a alimentação animal. Produção animal. Marinaldo Divino Ribeiro. Nutrição. Alimento. Alimento. Nutriente. Conceitos aplicados a alimentação animal Introdução Produção animal Marinaldo Divino Ribeiro EMV Depto de Produção ão Animal - UFBA Genética Sanidade Nutrição Alimento Susbstância que, consumida por um

Leia mais

VI CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM DIABETES DIETOTERAPIA ACADÊMICA LIGA DE DIABETES ÂNGELA MENDONÇA

VI CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM DIABETES DIETOTERAPIA ACADÊMICA LIGA DE DIABETES ÂNGELA MENDONÇA VI CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM DIABETES DIETOTERAPIA ACADÊMICA ÂNGELA MENDONÇA LIGA DE DIABETES A intervenção nutricional pode melhorar o controle glicêmico. Redução de 1.0 a 2.0% nos níveis de hemoglobina

Leia mais

Biomassa de Banana Verde Integral- BBVI

Biomassa de Banana Verde Integral- BBVI Biomassa de Banana Verde Integral- BBVI INFORMAÇÕES NUTRICIONAIS Porção de 100g (1/2 copo) Quantidade por porção g %VD(*) Valor Energético (kcal) 64 3,20 Carboidratos 14,20 4,73 Proteínas 1,30 1,73 Gorduras

Leia mais

Pode ser velhice ou carência de B12

Pode ser velhice ou carência de B12 Por Jane E. Brodyre, The New York Times News Service/Syndicate Pode ser velhice ou carência de B12 Ilsa Katz tinha 85 anos quando sua filha, Vivian Atkins, começou a notar que ela estava ficando cada vez

Leia mais

Atividade Física e Alimentação Protéica

Atividade Física e Alimentação Protéica Atividade Física e Alimentação Protéica Para obter um bom desempenho o atleta não necessita somente de um bom treinamento, precisa de uma dieta balanceada que contenha quantidades adequadas de proteína,

Leia mais

Chá Verde. 25 Razões para começar a tomar agora mesmo. Hacer click para continuar

Chá Verde. 25 Razões para começar a tomar agora mesmo. Hacer click para continuar Chá Verde 25 Razões para começar a tomar agora mesmo Hacer click para continuar O chá verde converteu-se numa bebida cada vez mais popular em nível mundial, devido aos seus poderosos benefícios para a

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE Adolescência 11 aos 20 anos Mudanças: Amadurecimento biológico Sexual Psicológico Social Características Adolescência Mudança de interesses Conflitos com a família Maior

Leia mais

Perspectivas legais de alegações de propriedades funcionais e ou de saúde

Perspectivas legais de alegações de propriedades funcionais e ou de saúde Perspectivas legais de alegações de propriedades funcionais e ou de saúde 4º Simpósio de Segurança Alimentar Gramado/RS, 29 e 30/05/2012 Antonia Maria de Aquino GPESP/GGALI/ANVISA Missão da Anvisa Promover

Leia mais

FITOTERAPIA. Uma alternativa para a saúde... As terapias alternativas e complementares são consideradas holísticas.

FITOTERAPIA. Uma alternativa para a saúde... As terapias alternativas e complementares são consideradas holísticas. FITOTERAPIA Uma alternativa para a saúde... < Entenda mais um pouco sobre orientação alimentar > As terapias alternativas e complementares são consideradas holísticas. Derivadas da palavra holos, que significa

Leia mais

Nestas últimas aulas irei abordar acerca das vitaminas. Acompanhe!

Nestas últimas aulas irei abordar acerca das vitaminas. Acompanhe! Aula: 31 Temática: Vitaminas parte I Nestas últimas aulas irei abordar acerca das vitaminas. Acompanhe! Introdução O termo vitamina refere-se a um fator dietético essencial requerido por um organismo em

Leia mais

3ªsérie B I O L O G I A

3ªsérie B I O L O G I A 3.1 QUESTÃO 1 Três consumidores, A, B e C, compraram, cada um deles, uma bebida em embalagem longa vida, adequada às suas respectivas dietas. As tabelas abaixo trazem informações nutricionais sobre cada

Leia mais

Tome uma injeção de informação. Diabetes

Tome uma injeção de informação. Diabetes Tome uma injeção de informação. Diabetes DIABETES O diabetes é uma doença crônica, em que o pâncreas não produz insulina em quantidade suficiente, ou o organismo não a utiliza da forma adequada. Tipos

Leia mais

NUTRIÇÃO APLICADA À FARMÁCIA

NUTRIÇÃO APLICADA À FARMÁCIA NUTRIÇÃO APLICADA À FARMÁCIA METABOLISMO BASAL GASTO ENERGÉTICO TOTAL Profª. Alcinira Furtado Farias METABOLISMO BASAL Conjunto de processos por meio dos quais o organismo vivo recolhe e transforma as

Leia mais

ANEXO. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Para candidatos que desejam entrar na 2ª etapa do curso

ANEXO. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Para candidatos que desejam entrar na 2ª etapa do curso ANEXO Para candidatos que desejam entrar na 2ª etapa do Metabolismo (anabolismo x catabolismo) Metabolismo de Carboidratos Metabolismo de Lipídeos Motilidade no trato gastrointestinal Introdução ao Metabolismo

Leia mais

objetivos Complexidade dos genomas II AULA Pré-requisitos

objetivos Complexidade dos genomas II AULA Pré-requisitos Complexidade dos genomas II AULA 31 objetivos Ao final desta aula, você deverá ser capaz de: Explicar os fatores envolvidos com a complexidade dos genomas de eucariotos. Descrever as principais características

Leia mais

(2) converter as moléculas dos nutrientes em unidades fundamentais precursoras das macromoléculas celulares;

(2) converter as moléculas dos nutrientes em unidades fundamentais precursoras das macromoléculas celulares; INTRODUÇÃO AO METABOLISMO Metabolismo é o conjunto das reações químicas que ocorrem num organismo vivo com o fim de promover a satisfação de necessidades estruturais e energéticas. O metabolismo tem quatro

Leia mais

A descoberta da célula

A descoberta da célula A descoberta da célula O que são células? As células são a unidade fundamental da vida CITOLOGIA A área da Biologia que estuda a célula, no que diz respeito à sua estrutura e funcionamento. Kytos (célula)

Leia mais

SINERGIA DE TRATAMENTO PRÓ-LIFTING COM NEURO PEPTÍDEO BIOMIMÉTICO: tratamento completo para os sinais do envelhecimento

SINERGIA DE TRATAMENTO PRÓ-LIFTING COM NEURO PEPTÍDEO BIOMIMÉTICO: tratamento completo para os sinais do envelhecimento SINERGIA DE TRATAMENTO PRÓ-LIFTING COM NEURO PEPTÍDEO BIOMIMÉTICO: tratamento completo para os sinais do envelhecimento Isabel Luiza Piatti isabel@buonavita.com.br Cuidados com o rosto Divisão por segmento

Leia mais

DESVENDANDO 8 MITOS SOBRE A INTOLERÂNCIA À LACTOSE

DESVENDANDO 8 MITOS SOBRE A INTOLERÂNCIA À LACTOSE 1 DESVENDANDO 8 S SOBRE A INTOLERÂNCIA À LACTOSE 2 3 Conhecendo a INTOLERÂNCIA À LACTOSE DESVENDANDO S Contém lactose A lactose, encontrada no leite e seus derivados é um carboidrato, e é conhecida popularmente

Leia mais

NANOMATERNITY QUAIS SÃO OS ATIVOS?

NANOMATERNITY QUAIS SÃO OS ATIVOS? NANOMATERNITY QUAIS SÃO OS ATIVOS? Ø Nanomaternity care Óleo de Amêndoas Doce Óleo de Semente de Uva Óleo de Linhaça Vitamina E Ø Colágeno Hidrolisado Ø Plantec Olive Active Ø Óleo de Rosa Mosqueta Ø Manteiga

Leia mais

Importante reserva energética; são as gorduras.

Importante reserva energética; são as gorduras. Importante reserva energética; são as gorduras. 1g de lipídio libera 9kcal contra 4kcal por 1g de carboidrato. Podem ser armazenados de forma mais concentrada que os carboidratos. O excesso do consumo

Leia mais

EPIGENÉTICA E NUTRIÇÃO MATERNA. Augusto Schneider Faculdade de Nutrição Universidade Federal de Pelotas

EPIGENÉTICA E NUTRIÇÃO MATERNA. Augusto Schneider Faculdade de Nutrição Universidade Federal de Pelotas EPIGENÉTICA E NUTRIÇÃO MATERNA Augusto Schneider Faculdade de Nutrição Universidade Federal de Pelotas EPIGENÉTICA Estudo da variação herdável que ocorre sem mudança na sequência do DNA Mudanças de longo

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA Prof. Salomão profsalomao@gmail.com PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM Sem Mês Início Término CH 1ª FEV 7 11 3 ASSUNTO: ASPECTOS

Leia mais

A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam.

A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam. Dieta durante o tratamento O que comer e o que evitar de comer Após a cirurgia A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam.

Leia mais

N o 36. Abril 2015. Insulina com duração de até 42 horas: nova opção para os insulinodependentes

N o 36. Abril 2015. Insulina com duração de até 42 horas: nova opção para os insulinodependentes N o 36 Abril 2015 Centro de Farmacovigilância da UNIFAL-MG Site: www2.unifal-mg.edu.br/cefal Email: cefal@unifal-mg.edu.br Tel: (35) 3299-1273 Equipe editorial: prof. Dr. Ricardo Rascado; profa. Drª. Luciene

Leia mais

Análise de técnicas de selecção de atributos em Bioinformática

Análise de técnicas de selecção de atributos em Bioinformática Análise de técnicas de selecção de atributos em Bioinformática Rui Mendes 100378011 Bioinformática 10/11 DCC Artigo Base Yvan Saeys, Inaki Inza and Pedro Larranaga. A review of feature selection techniques

Leia mais

Ingredientes: Óleo de castanha do pará e vitamina E. Cápsula: gelatina (gelificante) e glicerina (umectante).

Ingredientes: Óleo de castanha do pará e vitamina E. Cápsula: gelatina (gelificante) e glicerina (umectante). Registro no M.S.: 6.5204.0093.001-2 Concentração: 1000 mg Apresentação: Embalagem com 1000 cápsulas; Embalagem com 5000 cápsulas; Embalagem pet com 500 cápsulas envelopadas; Refil com 2000 cápsulas envelopadas.

Leia mais

O Mito dos Antioxidantes

O Mito dos Antioxidantes A VIDA DE DAVID GEMS VIROU DE CABEÇA PARA BAIXO EM 2006 DEVIDO A UM GRUPO DE vermes que continuou vivendo quando deveria morrer. Corno diretor assistente do Institute of Healthy Aging da University College

Leia mais

Escola Secundária do Monte de Caparica Disciplina de Biologia 10 º Ano

Escola Secundária do Monte de Caparica Disciplina de Biologia 10 º Ano Escola Secundária do Monte de Caparica Disciplina de Biologia 10 º Ano Teste de avaliação Nome ----------------------------------------------------------------------- Numero -------------------------------

Leia mais

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável.

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável. Transtornos mentais: Desafiando os Preconceitos Durante séculos as pessoas com sofrimento mental foram afastadas do resto da sociedade, algumas vezes encarcerados, em condições precárias, sem direito a

Leia mais

ESPECTROSCOPIA DE PRÓTONS POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NO DIAGNÓSTICO DO MAL DE ALZHEIMER

ESPECTROSCOPIA DE PRÓTONS POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NO DIAGNÓSTICO DO MAL DE ALZHEIMER ESPECTROSCOPIA DE PRÓTONS POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NO DIAGNÓSTICO DO MAL DE ALZHEIMER Tecnólogo Ronaldo Maria Radialista Prof. Curso Técnico Sistema único Especialista em RM pela rede CDPI ALOYSIUS ALZHEIMER

Leia mais

O modelo biomédico da medicina pode ser entendido partir do nível das respostas que dá às seguintes questões:

O modelo biomédico da medicina pode ser entendido partir do nível das respostas que dá às seguintes questões: Ogden, J.(1999). Psicologia da Saúde. Lisboa: Climepsi Editores, Capitulo 1. Capítulo 1. Uma Introdução a Psicologia da Saúde Antecedentes da Psicologia da Saúde O século XIX Foi no decorrer do século

Leia mais

PORTARIA N 29, DE 13 DE JANEIRO DE 1998

PORTARIA N 29, DE 13 DE JANEIRO DE 1998 PORTARIA N 29, DE 13 DE JANEIRO DE 1998 A Secretária de Vigilância Sanitária, do Ministério da Saúde, no uso de suas atribuições legais, considerando a necessidade de constante aperfeiçoamento das ações

Leia mais

A SAÚDE DO OBESO Equipe CETOM

A SAÚDE DO OBESO Equipe CETOM A SAÚDE DO OBESO Dr. Izidoro de Hiroki Flumignan Médico endocrinologista e sanitarista Equipe CETOM Centro de Estudos e Tratamento para a Obesidade Mórbida. Diretor do Instituto Flumignano de Medicina

Leia mais

cuidar PT Como combater do tempo as marcas constipações hábitos N.14 de higiene A SAÚDE NUNCA É DEMAIS powered by

cuidar PT Como combater do tempo as marcas constipações hábitos N.14 de higiene A SAÚDE NUNCA É DEMAIS powered by REVISTA FEVEREIRO 2015 N.14 c cuidar PT A SAÚDE NUNCA É DEMAIS Como combater as marcas do tempo 5 FALHAS hábitos de higiene íntima PREVENIR O ENVELHECIMENTO CEREBRAL DE MEMÓRIA constipações PREVENIR ANTES,

Leia mais

Nº 1 8º ANO Nº 1. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 12 www.liessin.com.br. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 1 www.liessin.com.

Nº 1 8º ANO Nº 1. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 12 www.liessin.com.br. Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 1 www.liessin.com. 2015 Nº 1 8º ANO Nº 1 Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 12 www.liessin.com.br Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem 1 www.liessin.com.br MATEMÁTICA I O pensamento é uma coisa à-toa, mas como é que a gente

Leia mais

Questões frequentemente colocadas

Questões frequentemente colocadas Questões gerais 1. Porque é que a Nu Skin é única no seu setor? 2. O que são arsupermarkers? 3. Quais são os sinais de envelhecimento visíveis no meu corpo? 4. Porque é que o ageloc Galvanic Body Trio

Leia mais

Orientações para o uso do Poly-MVA

Orientações para o uso do Poly-MVA Orientações para o uso do Poly-MVA Poly-MVA é seguro. Testes extensos, tanto em laboratório quanto em clínicas ao longo dos últimos dez anos, tem provado isso. Não existe um nível conhecido do Poly-MVA,

Leia mais

APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES HOJE EU APRENDI. AULA: 5.2 Conteúdo: Atividade Física e Saúde

APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES HOJE EU APRENDI. AULA: 5.2 Conteúdo: Atividade Física e Saúde A AULA: 5.2 Conteúdo: Atividade Física e Saúde A AULA: 5.2 Habilidades: Compreender os benefícios dos exercícios físicos na promoção da saúde e qualidade de vida A BENEFÍCIOS DA ATIVIDADE A Benefícios

Leia mais

JUSTIFICATIVA OBJETIV OS:

JUSTIFICATIVA OBJETIV OS: JUSTIFICATIVA Para termos um corpo e uma mente saudável, devemos ter uma alimentação rica em frutas, verduras, legumes, carnes, cereais, vitaminas e proteínas. Sendo a escola um espaço para a promoção

Leia mais