Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 19 de julho de 2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 19 de julho de 2016"

Transcrição

1 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados em queda, resultados corporativos piores do que o esperado ditam a direção das bolsas, e são reforçados por indicadores piores do que o esperado e a expectativa de que o FMI cortará hoje a projeção de crescimento global. No Reino Unido a inflação avança, enquanto na Alemanha os indicadores de confiança recuam fortemente. No Brasil, Estado cita projeção do governo de levantar R$120 bi em desestatizações, novo presidente da Câmara diz ser favorável a cassação do último, Senado deve ter na pauta legalização dos jogos no retorno do recesso e estímulos na economia podem ser anunciados em breve. Fechamento Ibovespa, expectativas mais favoráveis em relação à economia também colaboraram, com Ibovespa engatando 9ª alta seguida. Alta de +1,6%, atingindo ,21. Índice Resumo Cotações Macroeconomia Painel Corporativo Proventos Carteiras Recomendadas Disclaimer Painel Corporativo Qualicorp: Fundos Carlyle, GIC e CVC Partners preparam oferta pela companhia Educação: FIES turbo? Banco do Brasil: Venda de ativos Financiamento Imobiliário: Caixa vai elevar teto de financiamento imobiliário para R$ 3 MM Usiminas: AGE Petrobras: Venda de ativos Light, Equatorial e Cemig: Governo Rumo: Aquisição de vagões Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. terça-feira, 05:00 EUR ECB Bank Lending Survey :00 EUR Pesquisa ZEW (Expectativas) Jul :30 EUA Construção de casas novas Jun 1170k 1164k Fontes dos textos: AE, Bloomberg, InfoMoney e Reuters. Celson Plácido Analista, CNPI

2 Cotações Mercado de Ações Mercado de Commodities Bolsa Origem Pontos Semana % Mês % P/L Commodity Cotação Dia % Semana % Mês % Ano % Ibovespa Brasil ,6 9,6 14,7x Soja ,9 0,9-7,5 20,0 Dow Jones EUA ,1 3,4 17,3x Milho 363 1,4 1,4-0,6-3,3 S&P 500 EUA ,2 3,2 18,4x Trigo 430 1,1 1,1-3,6-12,9 MEXBOL México ,5 2,2 20,4x Açucar 19 0,3 0,3-4,7 33,3 FTSE 100 Reino Unido ,4 2,9 17,3x Algodão 74-0,4-0,4 15,2 13,6 CAC 40 França ,3 2,8 14,7x Café 149 1,3 1,3 2,6 15,4 DAX Alemanha ,0 4,0 12,8x Petróleo (WT 45-1,5-1,5-6,3 10,4 IBEX Espanha ,1 4,4 15,3x RBOB Gasoli 139-2,4-2,4-7,6-5,0 NIKKEI 225 Japão ,6x Ouro ,2 0,2 0,7 25,2 SHASHR Shangai ,7 4,9 12,1x Prata 138-1,2-1,2-7,3 10,1 HANG SENG Hong Kong ,4 3,9 14,0x Cobre 139-2,4-2,4-7,6-5,0 Mercado de Ações - Índices Mercado de Câmbio Índice Pontos Dia % Semana % Mês % Ano % Divisa Ratio Dia % Semana % Mês % Ano % IBX ,6 1,6 9,5 29,0 Dólar/Real 3,25-1,0-1,0 1,1-17,9 SMLL ,9 1,9 11,0 30,6 Euro/Real 3,60-0,6-0,6 0,8-16,8 IMOB 643 2,2 2,2 8,1 48,0 Euro/Dolar 1,11 0,4 0,4-0,3 1,3 ICON ,8 0,8 8,1 19,5 Dólar/Yuan 6,70 0,1 0,1 0,9 3,1 INDX ,9 0,9 6,4-4,2 Dólar/Yen 106,15 1,2 1,2 2,8-13,6

3 Macroeconomia Brasil Entrevista de Rodrigo Maia, R$120 bi em desestatizações e estímulos para a economia. Governo projeta levantar R$ 120 bi em desestatizações Segundo o Estado, as desestatizações previstas têm o potencial de levantar pelo menos R$ 120 bilhões. Esse reforço nas contas virá de concessões, privatizações, vendas de ativos, securitizações e aberturas de capital. O número ainda é incerto, por exemplo, não se sabe quais participações acionárias da Eletrobrás em empresas do setor elétrico, seriam colocados à venda. "Está tudo na mesa para a gente discutir", afirmou um integrante da equipe econômica. Maia diz que votaria a favor da cassação de Cunha No programa Roda Viva, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou que votaria a favor da cassação do deputado Eduardo Cunha. Por ser presidente da Câmara, Maia não pode votar. "O resultado na Comissão de Constituição e Justiça provou que a situação dele é muito difícil", afirmou o democrata, em referência à decisão da comissão de rejeitar o retorno do processo de cassação de Cunha ao Conselho de Ética, onde o procedimento foi aprovado. "O deputado (Cunha) foi derrotado no Conselho de Ética, na CCJ e, no meu ponto de vista, será derrotado em plenário". Senado deve votar legalização de jogos Após o recesso parlamentar, um dos projetos que deve ganhar atenção do Congresso é a legalização dos jogos de azar. Os parlamentares acreditam que conseguiriam atrair investimentos da ordem de R$1 bilhão, com cassinos e resorts, e desejam que os recursos sejam investidos em saúde, previdência e segurança. Temer quer lançar pacote de estímulos Em meio a discussão de um novo contingenciamento que pode atingir a casa dos R$ 20 bilhões, o presidente Michel Temer deseja lançar medidas de estímulo da economia. Dentre as medidas debatidas estão a liberação da venda de terras a estrangeiros e de dívidas ativas da União no mercado (securitização da dívida pública), além a implantação de visto eletrônico para turistas estrangeiros para estimular o turismo. Reunião do Copom em destaque - No primeiro de dois dias da reunião do Copom, a agenda local desta terça-feira traz o presidente, Michel Temer, se reunindo com o núcleo econômico do governo e pode anunciar medidas (11h00). À noite, Temer se reúne com o presidente do Congresso, senador Renan Calheiros, e com o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (20h00). O Banco Central faz leilão de até 10 mil contratos de swap cambial reverso (9h30). Temer afasta possibilidade de aumento de impostos Em entrevista à GloboNews, o presidente Michel Temer afirmou que o aumento de tributos para o equilíbrio das contas públicas do País é uma hipótese "distante". "Isso vamos ver no dia a dia. Se pudermos, não falaremos de aumento de impostos", disse. Sobre a trajetória da taxa de juros, Temer comentou que Não se pode sair de 14,25% para 7% só para praticar um gesto populista", comentou, em referência à presidente afastada, Dilma Rousseff, cujo governo atuou em 2012 parra derrubar a Selic para 7,25% ao ano, a menor da história até hoje. "Tenho pedido à equipe econômica que ao longo deste ano veja a possibilidade de se reduzir, mesmo que minimamente, os juros, porque isso causa uma ótima repercussão no mercado. Mas isso é o tempo que vai dizer", frisou Temer. Mercados Internacionais Bolsas em queda com resultados corporativos e indicadores piores que esperado. Bolsas de NY e Europa em queda Diversos pontos contribuem para a queda nas bolsas nesta terça-feira, começando por resultados corporativos piores que o esperado, passando pela oscilação nos preços de petróleo e chegando nas incertezas decorrentes da tentativa de golpe na Turquia, todos os elementos juntos impactam negativamente as bolsas europeias e os futuros de NY. Os resultados dos indicadores de sentimento econômico na Alemanha piores que o esperado também contribui para o clima negativo nas bolsas, além de existir a expectativa de que o FMI irá revisar para baixo suas projeções de crescimento global. Inflação no Reino Unido avança Foram apresentados hoje o PPI e o CPI do Reino Unido do mês de junho, ambos mostrando alta na comparação mensal. O CPI avançou 0,2% ante maio e 0,5% ante junho de 2015, surpreendendo analistas que aguardavam alta de 0,4% na comparação anual. O PPI registrou alta de 0,2% na comparação mensal e recuou 0,4% na anual, enquanto os analistas aguardavam um avanço de 0,5% ante junho de Expectativa econômica da Alemanha cai Atingindo o menor nível desde novembro de 2012, o índice de expectativas econômicas da Alemanha recuou de 19,2 em junho para -6,8 em julho. O resultado veio bem distante da expectativa dos analistas de 8,5. Segundo o ZEW, as incertezas criadas pela decisão do Reino Unido de votar por sua saída da União Europeia em plebiscito realizado dia 23 de junho, foram amplamente responsáveis pela deterioração do sentimento na Alemanha. Bolsas asiáticas recuam A maioria das bolsas asiáticas fechou o dia em queda. Na China, o Xangai Composto recou 0,23%, enquanto o Shenzhen Composto subiu 0,32%. O Hang Seng perdeu 0,60% em Hong Kong e o sul-coreano Kospi teve desvalorização de 0,21% em Seul. Na Oceania, a Bolsa de Sydney encerrou em baixa de 0,13%. No Japão, a Bolsa de Tóquio fechou em alta de 1,37%, com investidores otimistas com a possibilidade de estímulos fiscais e monetários. BC da Austrália deixa porta aberta para corte de juros A ata da reunião do dia 5 de julho mostrou que o Banco Central da Austrália está aberto a possibilidade de mais um corte das taxas de juros no próximo mês, o documento mostra que eles devem revisar sua inflação mensal, bem como os dados de emprego e moradia para verificar se uma mudança na política monetária é necessária. Petróleo sem direção definida - Às 9h05, o WTI para agosto avançava 0,44%, a US$ 45,44 por barril na Nymex, enquanto o Brent para setembro recuava 0,23%, a US$ 46,85 por barril na ICE.

4 Painel Corporativo Qualicorp: Fundos Carlyle, GIC e CVC Partners preparam oferta pela companhia. Segundo o Valor, os fundos Carlyle, GIC (fundo soberano de Cingapura) e CVC Capital estão em conversas com o fundador e presidente da Qualicorp, José Seripieri Junior, para uma possível oferta pública por 100% das ações da companhia. Júnior é o maior acionista, com 20,2% do negócio. O Carlyle e o GIC, que juntos detém 23,6% da Rede D'Or, querem fazer uma oferta em conjunto em nome do grupo hospitalar. Os dois fundos enxergam sinergias entre a maior rede hospitalar do país e a Qualicorp, que administra uma carteira com cerca de 5 MM de usuários de convênios médicos. Caso a transação seja efetivada, a Rede D'Or poderá aumentar ainda mais seu poder de negociação com as operadoras e seguradoras de planos de saúde, sem assumir os riscos de ser dona de um convênio médico. A Qualicorp é uma corretora e administradora de planos de saúde. O negócio das operadoras tem um risco elevado, uma vez que os sinistros de saúde não são totalmente previsíveis. Além disso, os custos médicos estão cada vez maiores. Apesar de o Carlyle e o GIG terem procurado a Qualicorp em nome da Rede D'Or, o desenho da participação societária do grupo hospitalar não está definido. A Rede D'Or pode ter uma fatia minoritária na Qualicorp ou uma participação indireta por meio dos fundos. Após a investida do Carlyle e do GIC, o fundo americano CVC Capital Partners e um investidor estratégico também bateram na porta da Qualicorp. Dono de uma fatia de 15,3% da Rede D'Or, o fundo soberano de Cingapura também é acionista da Qualicorp com uma participação de 5,13%. Um dos pontos que chamam atenção nessa transação é a presença de muitos interlocutores em comum. O Carlyle já foi um acionista relevante na Qualicorp e atualmente está na Rede D'Or. A unidade brasileira da CVC Partners, por sua vez, é liderada desde fevereiro por Fernando Pinto que, por muitos anos, esteve à frente do Carlyle. O atual presidente da Rede D'Or, Heráclito Brito, anteriormente era o principal executivo da Qualicorp. Não está definido qual seria o papel de Junior numa eventual venda da companhia. Muitos acreditam que sua saída por completo da Qualicorp seria prejudicial porque ele conhece profundamente o setor e foi o criador do negócio de plano de saúde por adesão. O mercado dessa modalidade de convênio médico ainda é pouco compreendido. Procuradas pela reportagem, Qualicorp, Rede D'Or e CVC Capital Partners informaram que não comentam rumores de mercado. Abaixo gráfico com o desempenho das ações da Qualicorp no ano de 2016, uma alta de quase 60% no período: Fonte: Bloomberg Educação: FIES turbo? Nos últimos 45 dias, representante do Ministério da Educação (MEC) e das instituições privadas de ensino superior já realizaram três reuniões para discutir um novo modelo de financiamento estudantil - chamado de "Fies turbo" pelo ministro Mendonça Filho. Na verdade, trata-se do Fies modelo de crédito estudantil desenhado pelos sete maiores grupos de ensino do país, Anima, DeVry, Estácio, Laureate, Kroton e Ser Educacional no ano passado, quando eclodiu a crise do Fies. Banco do Brasil: Venda de ativos. O Banco do Brasil está no meio de uma revisão do seu portfólio de investimentos, incluindo as participações que detém no Banco Votorantim e no argentino Banco Patagonia, diz o jornal Valor Econômico. O processo pode vir a incluir a venda das fatias que o banco público detém nessas instituições financeiras, afirma um executivo que participa do processo, mas ainda não há decisão final tomada. Por ora, o BB decidiu que vai evitar, a todo custo, fazer novos aportes de seu capital próprio nesses bancos. Seguimos otimistas com Banco do Brasil, devido a expectativa de melhor econômica e ao valuation do Banco.

5 Painel Corporativo Financiamento Imobiliário: Caixa vai elevar teto de financiamento imobiliário para R$ 3 MM. A Caixa vai facilitar o financiamento de imóveis pela classe média alta. Entre as medidas, que passarão a valer a partir da próxima segunda feira, está o aumento do valor máximo do imóvel a ser financiado pelo banco estatal: ele vai dobrar de R$ 1,5 MM para R$ 3 MM. Para unidades que valem mais de R$ 750 mil, o banco vai aumentar de 70% a 80% a parcela que pode ser financiada, por meio do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI). No caso dos imóveis usados, a cota que pode ser financiada subirá de 60% para 70%. Também será possível transferir para a Caixa uma parcela maior, de 50% para 70%, de empréstimos tomados em outros bancos. Segundo o vice presidente de Habitação da Caixa, Nelson Antonio de Souza, o banco decidiu melhorar as condições de financiamento para a alta renda depois de já ter feito modificações nas operações para imóveis populares. As medidas vêm beneficiar o setor da construção, que mais gera emprego e renda, e contribuir para a retomada do crescimento do País. Em março, o banco, o principal financiador de imóveis do País, adotou um conjunto de ações para estimular a compra de imóveis populares. O banco voltou a financiar 70% (para clientes trabalhadores do setor privado) e 80% (funcionalismo público) de um imóvel usado, menos de um ano após ter reduzido a parcela a 50%. A instituição também voltou com a linha para financiar o segundo imóvel, suspensa desde agosto de Essa decisão da Caixa ajudará o setor de real estate, porém, não resolverá, ainda, o problema do setor, com queda nos lançamentos, vendas ainda fracas e aumento nos distratos. O ciclo do setor é longo e o setor está passando por ajustes. Usiminas: AGE. Está marcada para às 13 h a AGE com os acionistas da companhia sobre o aumento de capital de R$ 1 bi. Na semana passada, a companhia informou que todas as 200 MM de ações emitidas para a operação foram subscritas pelos acionistas. A assembleia é importante também por conta dos conflitos societários da Usiminas. A Nippon Steel, sócia controladora, afirmou que irá entrar na Justiça contra as acusações tecidas pela CSN sobre os valores das transações entre partes relacionadas entre a japonesa e suas controladas com a siderúrgica mineira. A CSN tem argumentado que o crescimento dos valores desses contratos desde a chegada da Ternium ao capital da Usiminas expõe um pagamento de prêmio pelo controle da companhia. Petrobras: Venda de ativos. Ontem, a companhia informou que ainda não há decisão oficial sobre a alteração da modalidade de venda da BR Distribuidora. Informações dão conta de que a Petrobras poderia aceitar compartilhar o controle da sua subsidiária. "A expectativa, entretanto, é que o assunto seja apreciado pelos órgãos internos de governança e seja deliberado pelo conselho de administração da Petrobras ainda no mês de julho", afirma a empresa, em Fato Relevante. Light, Equatorial e Cemig: Governo. As ações da Cemig e da Light foram destaques de alta ontem. CMIG4 fechou em alta de 5,31% e LIGT3 em alta de 5,3%, depois da notícia sobre uma proposta da Equatorial para adquirir o controle da Light. Vale ressaltar que o STJ suspendeu o efeito de uma liminar que pode gerar um efeito dominó no setor elétrico. O pedido havia sido feito pela AGU, a Procuradoria da Aneel e a Consultoria Jurídica do Ministério de Minas e Energia (MME). A petição da força-tarefa do governo foi julgada na sexta-feira, mas só deve ser publicada em 2 de agosto. A liminar havia sido concedida à Associação Brasileira de Geração de Energia Limpa (Abragel). O processo diz respeito ao risco hidrológico, problema derivado da seca que atingiu o País nos últimos anos. Devido à escassez de água, as geradoras tiveram sua produção limitada, mas foram obrigadas a entregar os volumes de energia que haviam vendido em leilão. Isso impôs prejuízos a elas, que recorreram à Justiça para reverter o quadro. Dezenas de liminares ainda travam 40% do volume de contratos comercializados na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), o que soma uma inadimplência em torno de R$ 1 bi por mês. Rumo: Aquisição de vagões. O conselho de administração da Rumo aprovou a aquisição de 325 vagões graneleiros, da Amsted Maxion, com a opção, que pode ser exercida até 1º de dezembro, de adquirir outros 325. Os conselheiros aprovaram ainda a contratação de financiamento com o BNDES, para a aquisição dos 325 vagões graneleiros, no valor máximo de R$ 97 MM, e também a contratação de outro empréstimo com o banco de fomento na hipótese do exercício da opção de compras.

6 Proventos Fonte: Análise XP e Bloomberg 1 - Dividend Yield estimado da empresa no ano em questão, com base no consenso das previsões do Bloomberg. 2 - Yield do provento a ser distribuído (valor bruto do provento preço de fechamento) Atenção: A lista de empresa descrita acima tem caráter informativo, aconselhamos a verificação das informações junto a empresa (fato relevante) para a validação de qualquer informação. Próximos Proventos Empresa Código Data Ex Data de PGTO Líquido Bruto BANESTES BEES3 20/07/ /08/2016 0,00 0,00 JCP Anual 0,1% 7,8% SAO MARTINHO SMTO3 01/08/ /08/2016 0,49 0,49 Dividendo Anual 0,9% 1,1% Tipo Frequência Yield do Provento Dividend Yield (12m)

7 Carteiras Recomendadas Performance: Carteiras XP Portfólio Últimos 12 m Últimos 24 m Inicial* Carteira XP 21,5-4,2 0,7-1,5 37,5-12,1 15,9 76,5 14,1 5,8 174,7 dif. p.p. -8,8 p.p. 9,1 p.p. 3,6 p.p. 14,0 p.p. 30,1 p.p. 6,0 p.p. 14,8 p.p. 31,5 p.p. 3,1 p.p. 4,6 p.p. 155,2 p.p. Carteira XP Dividendos 33,8-4,2 7,7 14,1 16,4 3,6 29,3 41,8 20,4 20,6 247,8 dif. p.p. 3,5 p.p. 9,1 p.p. 10,6 p.p. 29,6 p.p. 9,0 p.p. 21,7 p.p. 28,3 p.p. -32,7 p.p. 9,4 p.p. 19,4 p.p. 204,1 p.p. Ibovespa 30,3-13,3-2,9-15,5 7,4-18,1 1,0 45,0 11,0 1,2 19,4 Portfólio jan/16 fev/16 mar/16 abr/16 mai/16 jun/16 jul/16 ago/16 set/16 out/16 nov/16 dez/16 Carteira XP -6,0 1,2 13,5 3,5-6,4 6,7 dif. p.p. 0,8 p.p. -4,7 p.p. -3,5 p.p. -4,2 p.p. 3,7 p.p. 0,4 p.p. Carteira XP Dividendos -2,7 5,2 19,2 3,4-7,0 5,5 dif. p.p. 4,1 p.p. -0,7 p.p. 2,2 p.p. -4,3 p.p. 3,1 p.p. -0,8 p.p. Ibovespa -6,8 5,9 17,0 7,7-10,1 6,3 *Inicial: Carteira XP 30/4/2009, Carteira XP Dividendos 2/1/2009, Carteira XP Small Caps 30/12/2010, Carteira XP Alpha 28/6/ ,0 20,0 15,0 10,0 5,0 0,0-5,0-10,0 DESEMPENHO ANUAL -15,0 jun-15 jul-15 ago-15 set-15 out-15 nov-15 dez-15 jan-16 fev-16 mar-16 abr-16 mai-16 jun-16 Carteira XP Dividendos XP Ibovespa

8 Disclaimer 1) O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos CCTVM S/A ( XP Investimentos ou XP ) ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. 2) Este relatório foi elaborado pela XP Investimentos e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. 3) Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. 4) O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos. 5) Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. 6) A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. 7) Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. 8) A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: ) O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: 10) A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. 11) A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de stops para limitar as possíveis perdas. 12) O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado, moderado-agressivo e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. 13) O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil moderado-agressivo e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura. As operações com derivativos apresentam altas relações de risco/retorno. Posições vendidas apresentam a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. 14) O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil moderado-agressivo e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. O patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento. 15) ESTA INSTITUIÇÃO É ADERENTE AO CÓDIGO ANBIMA DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS PARA ATIVIDADE DE DISTRIBUIÇÃO DE PRODUTOS DE INVESTIMENTO NO VAREJO.

Fechamento do Mercado

Fechamento do Mercado Análise Técnica Análise XP Fechamento do Mercado Visão Geral Em véspera de feriado, o índice Bovespa fecha em alta e interrompe uma queda acentuada dos últimos 3 pregões. Com as atenções voltadas para

Leia mais

Ajuste Diário Boi Gordo. 1 x R$ 150,00 x 330 = R$ ,00 1 x R$ 152,00 x 330 = R$ ,00. Ajuste Diário Milho. Dia 1-09:00 Dia 1-15:30

Ajuste Diário Boi Gordo. 1 x R$ 150,00 x 330 = R$ ,00 1 x R$ 152,00 x 330 = R$ ,00. Ajuste Diário Milho. Dia 1-09:00 Dia 1-15:30 XP - Análise Cálculo de Diário BM&F Diário Boi Gordo Dia 1-09:00 Dia 1-16:00 1 x R$ 150,00 x 330 = R$ 49.500,00 1 x R$ 152,00 x 330 = R$ 50.160,00 R$ 152,00 - R$150,00 = R$ 2,00 diário R$ 2,00 x 330 =

Leia mais

quarta-feira, 19 de julho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

quarta-feira, 19 de julho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão * Ibovespa * S&P-500 ** DAX-30 ** CAC-40 ** FTSE 100 *** Xangai *** Nikkei 225 65.337,67 2.460,61 12.427,00 5.178,50 7.389,50 3.230,98

Leia mais

terça-feira, 1 de agosto de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

terça-feira, 1 de agosto de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão * Ibovespa * S&P-500 ** DAX-30 ** CAC-40 ** FTSE 100 *** Xangai *** Nikkei 225 65.920,36 2.470,30 12.164,00 5.114,50 7.410,25 3.292,64

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 28 de dezembro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 28 de dezembro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura As atenções estarão voltadas para os dados sobre vendas pendentes de imóveis nos Estados Unidos. Em Wall Street, os índices futuros das bolsas de Nova York e algumas

Leia mais

sexta-feira, 26 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

sexta-feira, 26 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão Ibovespa S&P-500 DAX-30 CAC-40 FTSE 100 Xangai Nikkei 225 63.226,79 2.415,07 12.556,00 5.295,50 7.526,25 3.110,06 19.686,84-0,05% 0,44%

Leia mais

Pesquisa Eleições 2018

Pesquisa Eleições 2018 Análise XP Pesquisa Eleições 2018 Realizamos uma pesquisa com 168 investidores institucionais e mais 400 assessores, entre os dias 31 de julho e 02 de agosto, sobre as Eleições 2018. Faltando, praticamente,

Leia mais

sexta-feira, 30 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

sexta-feira, 30 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão * Ibovespa * S&P-500 ** DAX-30 ** CAC-40 ** FTSE 100 *** Xangai *** Nikkei 225 62.238,95 2.419,70 12.456,75 5.189,80 7.376,25 3.192,43

Leia mais

sexta-feira, 12 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

sexta-feira, 12 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão Ibovespa S&P-500 DAX-30 CAC-40 FTSE 100 Xangai Nikkei 225 67.537,62 2.394,44 12.730,00 5.387,50 7.404,05 3.083,36 19.883,90 0,28% -0,22%

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 4 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 4 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados avançam fortemente após decisão do Banco da Inglaterra surpreender positivamente, com estímulos ainda mais fortes do que os aguardados previamente pelo mercado,

Leia mais

quarta-feira, 21 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

quarta-feira, 21 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão * Ibovespa * S&P-500 ** DAX-30 ** CAC-40 ** FTSE 100 *** Xangai *** Nikkei 225 60.766,16 2.437,03 12.746,00 5.248,00 7.438,75 3.156,21

Leia mais

15/12/2016. Metodologia:

15/12/2016. Metodologia: O TRADEBOOK apresenta neste relatório as análises gráficas dos principais ativos do IBX-100, do índice, dólar e juros futuros da BMF e ainda a análise do mercado dos EUA, Dólar comercial e Euro/Dólar.

Leia mais

terça-feira, 13 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

terça-feira, 13 de junho de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão * Ibovespa * S&P-500 ** DAX-30 ** CAC-40 ** FTSE 100 *** Xangai *** Nikkei 225 61.700,23 2.429,39 12.757,00 5.263,50 7.508,00 3.153,74

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados ainda com baixa volatilidade, com alguma movimentação maior nos Estados Unidos, por conta de indicadores como a confiança do consumidor que serão apresentados

Leia mais

17/11/2016. Metodologia:

17/11/2016. Metodologia: O TRADEBOOK apresenta neste relatório as análises gráficas dos principais ativos do IBX-100, do índice, dólar e juros futuros da BMF e ainda a análise do mercado dos EUA, Dólar comercial e Euro/Dólar.

Leia mais

sexta-feira, 5 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão

sexta-feira, 5 de maio de 2017 Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão ÍNDICES MUNDIAIS Brasil EUA Alemanha França Reino Unido China Japão Ibovespa S&P-500 DAX-30 CAC-40 FTSE 100 Xangai Nikkei 225 64.862,61 2.389,52 12.609,25 5.374,48 7.249,00 3.103,36 19.445,70-1,86% 0,06%

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados cautelosos por conta da maior certeza de que o Fed subirá juros nos Estados Unidos, e em parte positivos com PIB da Alemanha e Espanha vindo em linha com esperado.

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 27 de julho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 27 de julho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Bolsas no Ocidente avançam, resultados corporativos na Europa e nos EUA ajudam, junto aos indicadores melhores que esperado anunciados hoje e o anúncio informal de um

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados iniciam semana em queda, com investidores cautelosos antes de discursos da primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, na terça-feira, e do novo presidente

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Atividade oficial dá sinais de emprego positivos dos com Estados IBC-Br de Unidos julho (payroll) surpreendendo cria expectativas positivamente, de alta Congresso

Leia mais

Ibovespa ampliou alta após declarações da presidente do Fed repercutirem positivamente nos mercados emergentes por

Ibovespa ampliou alta após declarações da presidente do Fed repercutirem positivamente nos mercados emergentes por Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório com oficial foco de na emprego divulgação dos Estados PIB, que Unidos deve (payroll) confirmar cria a expectativas maior recessão de alta da história em empregos,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 8 de julho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 8 de julho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados atentos ao resultado do mercado de trabalho dos Estados Unidos em junho, após resultado muito abaixo do esperado em maio. Resultados de balanças comerciais

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados com viés positivo em semana de reuniões do Fed e do BoJ. Investidores voltam a colocar maior probabilidade do Fed não realizar uma nova alta de juros nesta

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 9 de janeiro de 2017

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 9 de janeiro de 2017 Análise XP Reunião Matinal Abertura Semana cheia na agenda doméstica, com reunião do Copom, IPCA de dezembro, Vendas no Varejo e IBC-Br em destaque. No exterior, agenda com dados da China, fala de membros

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 4 de março de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 4 de março de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados asia ticos avançaram no aguardo do Congresso Nacional do Povo da China, onde sera a meta de crescimento do ano, e tambe m estímulos para atingir o crescimento

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 3 de janeiro de 2017

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 3 de janeiro de 2017 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados operam em alta, motivados por indicadores positivos na Europa e na Ásia, em particular o PMI Industrial chinês acima do esperado, além do acordo da Opep puxar

Leia mais

Resumo do dia 29 de outubro de 2009

Resumo do dia 29 de outubro de 2009 Resumo do dia 29 de outubro de 2009 Se os dois últimos dias foram de pessimismo, hoje foi diferente. Os investidores mostraram apetite ao risco, impulsionando altas valorizações na Bovespa. A principal

Leia mais

O Ibovespa retomou os pontos, beneficiado por combinações de viés mais positivo de noticiário envolvendo as

O Ibovespa retomou os pontos, beneficiado por combinações de viés mais positivo de noticiário envolvendo as Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Produção oficial Industrial de emprego segue avançando, dos Estados reunião Unidos do (payroll) Copom cria começa, expectativas governo de faz alta ofensiva

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 23 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 23 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Dados de PMI surpreendendo na Europa impulsionam bolsas da região, futuros de NY também avançam, mas com cautela na por conta do simpósio de Jackson Hole. No Brasil,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 8 de junho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 8 de junho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Banco Mundial revisou projeção de crescimento mundial para baixo, o que desanima mercados pelo mundo. A balança comercial chinesa trouxe um resultado melhor do que o

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados aguardam payroll nos Estados Unidos e operam com cautela, em parte avançando por conta do petróleo interromper os quatro dias de queda. No exterior PIB da Coréia

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados seguem cautelosos com alta dos yields e dos treasuries e recuo de ações europeias, metais e petróleo. No Japão, CPI avança, e agenda externa tem PIB britânico

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 23 de fevereiro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 23 de fevereiro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercado volta a ter desempenho cauteloso, depois da recuperação de ontem. Bolsas na Ásia recuaram mostrando preocupação com o setor bancário, e com os preços de petróleo.

Leia mais

O Ibovespa teve 2º recuo seguido, após ter caído 1,3% na mínima, a pontos, com piora das bolsas americanas e

O Ibovespa teve 2º recuo seguido, após ter caído 1,3% na mínima, a pontos, com piora das bolsas americanas e Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Investidores oficial mais de cautelosos emprego aguardando dos Estados o Unidos desdobramento (payroll) cria da expectativas Reforma Tributária de alta nos

Leia mais

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%)

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%) Carteira: CARTEIRA MODELO - CONSERVADORA Patrimônio: R$300.000,00 Índice de comparação: Extrato Carteira CDI Data Início: 30/08/2013 (melhor data) Data Referência: 29/09/2016 SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE

Leia mais

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%)

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%) Carteira: CARTEIRA MODELO - MODERADA Patrimônio: R$300.000,00 Índice de comparação: Extrato Carteira CDI Data Início: 31/10/2013 (melhor data) Data Referência: 11/11/2016 SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR

Leia mais

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%)

SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR PERÍODO (%) Carteira: CARTEIRA MODELO - AGRESSIVA Patrimônio: R$300.000,00 Índice de comparação: Extrato Carteira CDI Data Início: 30/08/2013 (melhor data) Data Referência: 28/09/2016 SIMULAÇÃO DE RENTABILIDADE POR

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercado no exterior questiona se acordo da OPEP será concluído, em paralelo aguarda ata da última reunião do Fed, em busca de informações sobre a trajetória dos juros

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Agenda do Dia. 31 de outubro de 2017.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Agenda do Dia. 31 de outubro de 2017. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Dia com muitos oficial indicadores de emprego internos dos Estados e externos Unidos em (payroll) destaque. cria No expectativas quadro interno, de alta Ata

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercado aguarda fala de Draghi e Fischer, com algum destaque maior para o presidente do Banco Central Europeu, após as falas mais duras de dirigentes da instituição

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Fala de Yellen ontem e decisão do Banco Central Europeu hoje deixam mercados apreensivos, além da expectativa em torno da posse de Trump amanhã. Ainda hoje na agenda

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 17 de outubro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 17 de outubro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados no exterior cautelosos, aguardando falas de Mario Draghi e Stanley Fischer. Na Europa dados de inflação vem em linha com a expectativa. No Brasil, TCU identifica

Leia mais

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 28 DE NOVEMBRO DE 2016

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 28 DE NOVEMBRO DE 2016 dez-08 mar-09 jun-09 set-09 dez-09 mar-10 jun-10 set-10 dez-10 mar-11 jun-11 set-11 dez-11 mar-12 jun-12 set-12 dez-12 mar-13 jun-13 set-13 dez-13 mar-14 jun-14 set-14 dez-14 mar-15 jun-15 set-15 dez-15

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de julho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de julho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Postura do Banco da Inglaterra, disposto a realizar estímulos monetários no curto prazo, provoca impacto positivo nos mercados, que também reagem aos dados positivos

Leia mais

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 22 DE DEZEMBRO DE 2016

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 22 DE DEZEMBRO DE 2016 dez-08 mar-09 jun-09 set-09 dez-09 mar-10 jun-10 set-10 dez-10 mar-11 jun-11 set-11 dez-11 mar-12 jun-12 set-12 dez-12 mar-13 jun-13 set-13 dez-13 mar-14 jun-14 set-14 dez-14 mar-15 jun-15 set-15 dez-15

Leia mais

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF.

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Dia com muitos oficial indicadores de emprego sendo dos Estados apresentados Unidos ao (payroll) redor do cria mundo. expectativas PIB do Japão, de alta investimento

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 3 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 3 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados seguem em queda, cautelosos com preços do petróleo em patamares baixos e aguardando indicadores importantes dos Estados Unidos. Foram conhecidos hoje dados

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 9 de novembro de Resumo.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 9 de novembro de Resumo. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório A volta da oficial esperança de emprego de que a dos reforma Estados da Unidos Previdência (payroll) seja cria aprovada expectativas este ano, de em alta meio

Leia mais

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 19 de dezembro de Destaques na Agenda

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 19 de dezembro de Destaques na Agenda Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Sem trocas para esta semana Portfólio final: ITUB4 (30%), BBAS3 (15%), PETR4 (15%), BBSE3 (15%), ELET6 (10%), FIBR3 (10%) e GGBR4

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 24 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 24 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados seguem operando com cautela, aguardando o discurso de Janet Yellen na sexta-feira. O PIB da Alemanha, confirmando a leitura preliminar e a expectativa dos mercados

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Governo acorda oficial de votar emprego Reforma dos da Estados Previdência Unidos até (payroll) o dia 06 de cria dezembro, expectativas novo de ministro alta

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Falas mais oficial duras de do emprego presidente dos dos Estados Unidos Unidos, (payroll) Donald cria Trump, expectativas aumenta de temores alta de empregos,

Leia mais

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 2 de janeiro de Destaques na Agenda

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 2 de janeiro de Destaques na Agenda Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Sem trocas para esta semana Portfólio final: ITUB4 (30%), BBAS3 (15%), PETR4 (15%), BBSE3 (15%), ELET6 (10%), FIBR3 (10%) e GGBR4

Leia mais

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 6 DE JANEIRO DE 2017

DESTAQUES DIÁRIOS RESEARCH 6 DE JANEIRO DE 2017 dez-08 mar-09 jun-09 set-09 dez-09 mar-10 jun-10 set-10 dez-10 mar-11 jun-11 set-11 dez-11 mar-12 jun-12 set-12 dez-12 mar-13 jun-13 set-13 dez-13 mar-14 jun-14 set-14 dez-14 mar-15 jun-15 set-15 dez-15

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Incerteza sobre disputa entre Hillary e Trump faz com que bolsas pelo mundo operem em queda, e dólar sobe ante principais moedas. No exterior, dados da Europa vem positivos,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercado avança surpreendido com BC japonês mudando foco para curva de yield, em seu mais novo esforço para elevar a inflação e estimular a economia. Petróleo em alta

Leia mais

INDX apresenta queda de 4,07% em junho

INDX apresenta queda de 4,07% em junho 1-jun-11 2-jun-11 3-jun-11 4-jun-11 5-jun-11 6-jun-11 7-jun-11 8-jun-11 9-jun-11 10-jun-11 11-jun-11 12-jun-11 13-jun-11 14-jun-11 15-jun-11 16-jun-11 17-jun-11 18-jun-11 19-jun-11 20-jun-11 21-jun-11

Leia mais

Trocas: Retirada de BBSE3 (15%). Redução de ELET6 (5%). Entrada de VALE5 (10%). Aumento FIBR3 (3%), BBAS3 (2%) e GGBR4 (5%).

Trocas: Retirada de BBSE3 (15%). Redução de ELET6 (5%). Entrada de VALE5 (10%). Aumento FIBR3 (3%), BBAS3 (2%) e GGBR4 (5%). Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio A principal mudança da semana é a introdução de VALE5 no portfólio (+10%), com o objetivo de capturar o movimento de curto prazo

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Bolsas no exterior com reação negativa para os lucros industriais chineses desacelerando, além de uma expectativa maior de elevação de juros pelo Fed em dezembro. Outros

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 1 de junho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 1 de junho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados no exterior apreensivos com possível alta de juros do Fed em breve, aguardam reunião do BCE e Livro Bege nos Estados Unidos. Dados de PMI na Europa e na China

Leia mais

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF.

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Bolsas operam oficial em de emprego alta puxadas dos Estados por indicadores, Unidos (payroll) mas cautela cria expectativas com parte política de alta em

Leia mais

INDX apresenta alta de 2,67% em março

INDX apresenta alta de 2,67% em março INDX apresenta alta de 2,67% em março Dados de Março/11 Número 51 São Paulo O Índice do Setor Industrial (INDX), composto pelas ações mais representativas do segmento, encerrou o mês de março de 2010,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 20 de janeiro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 20 de janeiro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura A queda no preço de petróleo impacta fortemente as bolsas pelo mundo, as bolsas asiáticas fecharam em queda, na Europa somando-se a indicadores piores do que o esperado

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados iniciam a semana de maneira distinta, com bolsas asiáticas encerrando o início da semana em alta, ainda reagindo ao PIB dos Estados Unidos mais fraco, e as

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 19 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 19 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados no campo negativo, impactados por falas de dirigentes do Fed, revivendo as reuniões da instituição de 2016. Petróleo voltando para bull Market também interfere

Leia mais

Crise de confiança. Roberto Padovani Setembro 2013

Crise de confiança. Roberto Padovani Setembro 2013 Crise de confiança Roberto Padovani Setembro 2013 jan/92 nov/92 set/93 jul/94 mai/95 mar/96 jan/97 nov/97 set/98 jul/99 mai/00 mar/01 jan/02 nov/02 set/03 jul/04 mai/05 mar/06 jan/07 nov/07 set/08 jul/09

Leia mais

REUNIÃO MATINAL 22 de outubro de 2015

REUNIÃO MATINAL 22 de outubro de 2015 REUNIÃO MATINAL 22 de outubro de 2015 Reunião Matinal Índices Mundiais Bullets: Índices Internacionais Último Dia Mês Ano CHINA 3.368,74 1,45% 10,35% 4,14% HONG KONG 22.845,37-0,63% 9,59% -3,22% JAPÃO

Leia mais

Ibovespa encerra o dia com alta de 0,49%

Ibovespa encerra o dia com alta de 0,49% DICA DO ANALISTA Com a chegada do final de ano, é hora de readequar sua carteira de investimentos conforme as novas premissas do mercado. É importante aplicar em ativos que possam beneficiar-se do aumento

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 14 de outubro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 14 de outubro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Bolsas voltam a avançar com dados de inflação da China surpreendendo positivamente, além de melhora na balança comercial da zona do euro. Dia ainda conta com discurso

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 13 de janeiro de 2017

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 13 de janeiro de 2017 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercado externo mostra comportamento indefinido, puxado por fala de Yellen e balança comercial chinesa. Brasil segue repercutindo o corte da Selic. Ações europeias sobem

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de novembro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 1 de novembro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Bolsas avançam impulsionadas por dados chineses melhores do que o esperado, dando mais segurança em relação ao pais. Decisão do BoJ, e véspera de decisão do Fomc deixa

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 20 de junho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 20 de junho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Pesquisas do Brexit mudam, e apontam vitória para a permanência, impulsionando bolsas pelo mundo que avançam fortemente, além do euro e da libra ganharem força. Referendo

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura Análise XP Reunião Matinal Abertura Índice Bolsas operam em queda, aguardando discurso da primeira-ministra britânica, Theresa May, que dará detalhes de como ocorrerá o Brexit. Ainda no exterior, dados

Leia mais

Riscos Crescentes. Roberto Padovani Junho 2017

Riscos Crescentes. Roberto Padovani Junho 2017 Riscos Crescentes Roberto Padovani Junho 2017 Política volta a ser crítica 1. Política duração da crise - voltou a ser variável de controle; 2. Há impasse político: Economia ajuda manter governabilidade

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Indicadores positivos na Europa e no Japão passam sinal positivo para as bolsas, junto com resultados corporativos bons pelo mundo. No exterior, a semana tem como destaque

Leia mais

No cenário externo, ambiente segue estável; no Brasil, o governo interino tomou posse e propõe reformas fiscais

No cenário externo, ambiente segue estável; no Brasil, o governo interino tomou posse e propõe reformas fiscais 1- Overview Macroeconômico No cenário externo, ambiente segue estável; no Brasil, o governo interino tomou posse e propõe reformas fiscais Internacional Nos EUA, dados mais fracos do mercado de trabalho

Leia mais

Ibovespa cai na semana contrariando comportamento das bolsas internacionais.

Ibovespa cai na semana contrariando comportamento das bolsas internacionais. 28 de Outubro de 2013 Juros encerram a semana em queda seguindo comportamento da Treasury; Dólar encerrou a semana em alta de 0,5%, cotado a R$ 2,189; Ibovespa cai na semana contrariando comportamento

Leia mais

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 26 de dezembro de Destaques na Agenda Agenda

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 26 de dezembro de Destaques na Agenda Agenda Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Sem trocas para esta semana Portfólio final: ITUB4 (30%), BBAS3 (15%), PETR4 (15%), BBSE3 (15%), ELET6 (10%), FIBR3 (10%) e GGBR4

Leia mais

Terça-feira, 10 de Janeiro de DESTAQUES

Terça-feira, 10 de Janeiro de DESTAQUES DESTAQUES Ações de consumo e siderurgia fecham em alta e puxam Ibovespa Dólar cai abaixo de R$ 3,20 com expectativa de fluxo Petrobras abre mercado de bônus e capta US$ 4 bilhões BRF se une a fundo do

Leia mais

Ibovespa perdeu fôlego ao longo da sessão, apesar de contribuições positivas de Vale e Itaú. Alta de 0,3%, atingindo ,13.

Ibovespa perdeu fôlego ao longo da sessão, apesar de contribuições positivas de Vale e Itaú. Alta de 0,3%, atingindo ,13. Análise XP Reunião Matinal Abertura Índice Investidores reagem de forma negativa a falta de novidades na reunião do Fed de ontem, e tem impacto negativo de novas falas de Trump. Na Europa, dados de inflação

Leia mais

02/08/2017. Indicadores. Mínimo Movimentação - em R$ Tax. Adm. a.a. Mínimo Aplicação - em R$ Perfil de Risco. Resgate. Opções de Investimento

02/08/2017. Indicadores. Mínimo Movimentação - em R$ Tax. Adm. a.a. Mínimo Aplicação - em R$ Perfil de Risco. Resgate. Opções de Investimento Opções de Investimento Perfil de Risco Rentabilidade (1) (%) Tax. Adm. a.a. Performance Benchmark Mínimo Aplicação - em R$ Mínimo Movimentação - em R$ Mês Ano 12 meses Ações (2 ) GALT Fundo de Investimento

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Agenda fraca faz mercados andarem de lado, após os índices Dow Jones e Nasdaq terem fechado ontem em novas máximas históricas. No Brasil, IPCA-15 de dezembro é o menor

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 7 de outubro de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 7 de outubro de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Exterior cauteloso com payroll de setembro dos Estados Unidos. Destaque também para dados de reservas chinesas. No Brasil, IPCA surpreende positivamente e coloca mais

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Semana com oficial destaque emprego para dos Copom, Estados Brexit Unidos e ata (payroll) do Fomc. cria expectativas Sendo que de o primeiro alta em empregos,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Agenda do Dia. 1 de novembro de 2017.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Agenda do Dia. 1 de novembro de 2017. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Investidores oficial de olho de emprego na decisão dos do Estados Fed, na Unidos qual o mercado (payroll) cria aguarda expectativas a manutenção de alta da

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 6 de janeiro de 2017

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 6 de janeiro de 2017 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados cautelosos, aguardando indicadores dos Estados Unidos, em especial o Relatório de Emprego do mês de dezembro. Na Europa, indicadores em direções contrárias,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados com baixa volatilidade, levemente inclinados para o campo negativo, e aguardando os indicadores dos Estados Unidos que serão apresentados hoje, como PIB e rendas

Leia mais

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF.

representando força do governo sobre o avanço da agenda econômica no Congresso, e Edson Fachin sorteado novo relator da ação da Lava Jato no STF. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Mercados oficial avançam, de emprego impulsionados Estados por recordes Unidos registrados (payroll) cria ontem expectativas em NY, também de alta em contribui

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 8 de agosto de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 8 de agosto de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados seguem em alta, com as bolsas asiáticas reagindo bem aos dados de payroll da última sexta-feira, e desprezando o fato de a balança comercial chinesa trazer

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados mais cautelosos com discurso de Donald Trump na quarta feira. No exterior, indicadores positivos da França e da China ajudam a amenizar o sentimento. No Brasil,

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 15 de junho de 2016

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. 15 de junho de 2016 Análise XP Reunião Matinal Abertura Expectativa de estímulos na reunião do BoJ interrompem quedas nas bolsas globais, mesmo com MSCI adiando decisão de adicionar ações chinesas no índice, e com reunião

Leia mais

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 9 de janeiro de Destaques na Agenda

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 9 de janeiro de Destaques na Agenda Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Decidimos reduzir em 5 p.p. a participação de Banco do Brasil na carteira essa semana, devido à recente comunicação da revisão

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Hora Local Indicador Data Exp. Ant. Análise XP Reunião Matinal Abertura Mercados no Ocidente são movidos por razões diferentes, com dados positivos vindos da Zona do Euro impulsionando as bolsas da região, enquanto os futuros de NY operam

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Cenário local oficial é de de tensão emprego política dos e Estados receio em Unidos relação (payroll) às reformas, cria expectativas Temer entrega de alta

Leia mais

Disclaimer Trocas: Redução em FIBR3 (5%). Aumento em ITUB4 (1%). Aumento em PETR4 (1%). Aumento em VIVT4 (2%). Aumento em VALE5 (1%).

Disclaimer Trocas: Redução em FIBR3 (5%). Aumento em ITUB4 (1%). Aumento em PETR4 (1%). Aumento em VIVT4 (2%). Aumento em VALE5 (1%). Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Nessa semana optamos por retirar Fibria da carteira, cuja participação estava em 5%. Ainda temos uma visão positiva sobre a condução

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia.

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Fechamento. Painel Corporativo. Painel Corporativo. Agenda do Dia. Análise XP Reunião Matinal Abertura Relatório Investidores oficial aguardam de emprego resultado dos Estados Payroll Unidos nos Estados (payroll) Unidos cria expectativas após os furacões de alta atingirem

Leia mais

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 20 de março de Destaques na Agenda

Panorama Semanal. Análise Fundamentalista. Análise XP. Top Picks. Índice. Estratégia & Portfólio. 20 de março de Destaques na Agenda Análise Fundamentalista Análise XP Panorama Semanal Estratégia & Portfólio Aproveitando a alta expressiva das ações da Vale na semana passada, optamos por realizar marginalmente as posições em VALE5 e

Leia mais

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 19 de outubro de 2015

Reunião Matinal. Análise XP. Abertura. Índice. Fechamento. Painel Corporativo. Agenda do Dia. 19 de outubro de 2015 Análise XP Reunião Matinal Abertura O resultado do PIB do terceiro trimestre da China mostrou uma desaceleração controlada e veio acima do esperado pelos analistas, mas apontou desaceleração, o que levou

Leia mais

RESEARCH 11 DE JANEIRO DE Macroeconomia. Rentabilidade mensal Carteiras ATIVA. Para ter acesso ao relatório detalhado, clique aqui.

RESEARCH 11 DE JANEIRO DE Macroeconomia. Rentabilidade mensal Carteiras ATIVA. Para ter acesso ao relatório detalhado, clique aqui. dez-08 mar-09 jun-09 set-09 dez-09 mar-10 jun-10 set-10 dez-10 mar-11 jun-11 set-11 dez-11 mar-12 jun-12 set-12 dez-12 mar-13 jun-13 set-13 dez-13 mar-14 jun-14 set-14 dez-14 mar-15 jun-15 set-15 dez-15

Leia mais

Dólar Futuro S S Fluxo de Investimentos. Dolar Futuro

Dólar Futuro S S Fluxo de Investimentos. Dolar Futuro Panorama Gráfico 5 de setembro de 211 Tendência do Mercado Suportes e Resistências DI Jan/12 Pág 2 Dólar Futuro Pág 3 Índice Futuro Pág 4 Ibovespa Pág 5 SP5 Futuro Pág 6 DI Dólar Futuro Índice Futuro Ibovespa

Leia mais