Sumário ABREVIATURAS... XLIII 1. INTRODUÇÃO FONTES DO DIREITO DO TRABALHO PRINCÍPIOS DO DIREITO DO TRABALHO...

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sumário ABREVIATURAS... XLIII 1. INTRODUÇÃO... 2. FONTES DO DIREITO DO TRABALHO... 3. PRINCÍPIOS DO DIREITO DO TRABALHO..."

Transcrição

1 Sumário ABREVIATURAS... XLIII 1. INTRODUÇÃO Conceito de Direito do Trabalho Fundamento de existência do Direito do Trabalho Evolução histórica do Direito do Trabalho Flexibilização, desregulamentação e limites Autonomia e subdivisão Deixadinha FONTES DO DIREITO DO TRABALHO Conceito e classificação Fontes formais Leis Decretos Portarias, instruções normativas e outros atos do Poder Executivo Tratados e convenções internacionais Sentenças normativas Convenções coletivas de trabalho e acordos coletivos de trabalho Usos e costumes Laudo arbitral Regulamento empresarial Jurisprudência Princípios Outras figuras que não constituem fontes Doutrina Equidade Analogia Cláusulas contratuais Importância do tema: cláusulas vs. normas Hierarquia das fontes normativas Deixadinhas PRINCÍPIOS DO DIREITO DO TRABALHO Generalidades Princípios Constitucionais relevantes para o estudo do Direito do Trabalho Princípio da dignidade humana Outros princípios constitucionais relevantes Princípios gerais do direito relevantes para o ramo justrabalhista Princípio da boa-fé Princípio da razoabilidade Princípios do Direito do Trabalho Princípio da proteção...

2 Princípio da norma mais favorável Princípio in dubio pro operario Princípio da condição mais benéfica Princípio da primazia da realidade Princípio da continuidade Princípio da inalterabilidade contratual lesiva Princípio da intangibilidade salarial Princípio da irrenunciabilidade Renúncia vs. Transação Deixadinhas INTERPRETAÇÃO, INTEGRAÇÃO E APLICAÇÃO DO DIREITO DO TRABALHO 4.1. Interpretação do Direito do Trabalho Métodos de interpretação Interpretação gramatical Método lógico ou racional Método sistemático Método teleológico Método histórico Qual método de interpretação deve ser utilizado? Interpretação e Direito do Trabalho Integração no Direito do Trabalho Base legal Recursos utilizados na integração (art. 8º da CLT) Jurisprudência Analogia Equidade Princípios e normas gerais de direito Usos e costumes Direito comparado Direito comum Aplicação do Direito do Trabalho Aplicação do Direito do Trabalho no tempo Aplicação do Direito do Trabalho no espaço Marítimo Trabalho do técnico estrangeiro no Brasil Normas coletivas e base territorial Aplicação do Direito do Trabalho quanto às pessoas Deixadinhas RELAÇÃO DE TRABALHO E RELAÇÃO DE EMPREGO Conceito de relação de trabalho Distinção entre relação de trabalho e relação de emprego Modalidades de relação de trabalho Relação de emprego Requisitos caracterizadores da relação de emprego Trabalho prestado por pessoa física Pessoalidade Não eventualidade Onerosidade...

3 Subordinação Alteridade Outras observações importantes para concursos Natureza jurídica da relação de emprego Teorias contratualistas tradicionais Teorias acontratualistas Teoria contratualista moderna Trabalho autônomo Trabalho eventual Trabalho avulso Avulso portuário Tipos de trabalhadores portuários Forma de ingresso nos quadros do Órgão Gestor de Mão de Obra Escalação de avulsos Pagamento dos avulsos Segurança e saúde do trabalhador portuário Avulso não portuário Regime jurídico da Lei nº / Direitos trabalhistas dos avulsos Trabalho voluntário Trabalho institucional Estágio Conceito Modalidades Vínculo de emprego Estagiário estrangeiro Agentes de integração Acompanhamento do estágio Da parte concedente Direitos do estagiário Da descaracterização do estágio Proporção entre estagiários e empregados regulares Trabalho cooperativado Amplitude do termo relações de trabalho após a EC 45/ Deixadinhas EMPREGADO Conceito e critérios de identificação Conceito Critério de identificação do empregado Tratamento legal diferenciado a determinados empregados Altos empregados Cargos ou funções de gestão ou de confiança (exceto bancários) Cargos ou funções de confiança do segmento bancário Diretor de sociedade anônima Sócio empregado Empregado doméstico Direitos constitucionalmente assegurados ao empregado doméstico Aplicação da CLT e de leis não consolidadas ao doméstico Legislação de regência: Lei nº 5.859/1972; Decreto nº /1973

4 Empregado rural (rurícola) Direitos constitucionalmente assegurados ao trabalhador rural Aplicação da CLT e de leis não consolidadas ao trabalhador rural Lei de Regência Lei nº 5.889/1973; Decreto nº / Mãe social Aprendiz Fundamento legal Especificidades do contrato de aprendizagem Cota para contratação de aprendizes Número insuficiente de vagas no Sistema S Jornada de trabalho do aprendiz Extinção do contrato de aprendizagem Férias Descumprimento das condições especiais para contratação do aprendiz Empregado público Outras figuras Deixadinhas EMPREGADOR Conceito e caracterização Características da figura do empregador Grupo econômico Caracterização do grupo econômico Grupo vertical (ou por subordinação) e grupo horizontal (ou por coordenação) Empregadores que podem formar grupo econômico Aspectos processuais Sucessão de empregadores Requisitos para caracterização da sucessão de empregadores Abrangência do instituto da sucessão de empregadores Casos especiais de incidência (ou não) da sucessão de empregadores Efeitos da sucessão trabalhista Posição do empregado frente à sucessão trabalhista Posição do empregador sucedido frente à sucessão trabalhista Posição do sucessor frente à sucessão trabalhista Consórcio de empregadores Deixadinhas TERCEIRIZAÇÃO Conceito Terceirização vs. princípio da não mercantilização do trabalho Fundamento legal genérico para a terceirização Natureza jurídica da terceirização Terceirização vs. intermediação de mão de obra Previsão legal de hipóteses de terceirização Art. 455 da CLT: empreitada e subempreitada Lei nº 6.019/1974: trabalho temporário Direitos do trabalhador temporário Hipóteses de rescisão justificada e injustificada Natureza da responsabilidade do tomador dos serviços Outras regras pertinentes ao temporário...

5 Lei nº 7.102/1983: serviços de vigilância Decreto-Lei nº 200/1967: terceirização na Administração Pública Lei nº 9.472/1997 serviços de telecomunicações Construção jurisprudencial acerca do tema Cooperativas de trabalho Critérios identificadores do verdadeiro cooperativismo Relação jurídica formada no âmbito da atividade cooperativa Requisitos para a licitude da cooperativa de trabalho Princípio da dupla qualidade Princípio da retribuição pessoal diferenciada Affectio societatis Capital próprio Divisão de resultados Realização de assembleias-gerais frequentes e conhecimento do cooperativismo Ausência dos requisitos da relação empregatícia Exigências formais legais Direitos assegurados aos sócios de cooperativas de trabalho (Lei nº /2012) Cooperativa e terceirização Terceirização e efeitos Deixadinhas IDENTIFICAÇÃO E REGISTRO PROFISSIONAL Carteira de Trabalho e Previdência Social CTPS Quem deve ter CTPS? A quem cabem as anotações na CTPS? O que deve e o que não deve ser anotado? E o que fazer quando o espaço para anotações da CTPS está esgotado? Processo de anotação Valor das anotações da CTPS Prescrição e anotação da CTPS Registro de Empregados Deixadinhas CONTRATO DE TRABALHO CONCEITO, CARACTERÍSTICAS, ELEMENTOS ESSENCIAIS E NULIDADES Conceito Características do contrato de trabalho Elementos essenciais do Contrato de Trabalho Agente capaz (ou capacidade das partes) Objeto lícito Forma prescrita ou não defesa em lei Nulidades no Direito do Trabalho Nulidade total vs. nulidade parcial Deixadinhas CONTRATO DE TRABALHO MODALIDADES Contrato expresso e contrato tácito Contrato individual ou contrato plúrimo (ou por equipe)...

6 11.3. Contrato por prazo indeterminado e contrato por prazo determinado Contrato por prazo indeterminado Contrato por prazo determinado Forma do contrato a termo Limites de prazo e renovação do contrato a termo Prorrogação de contrato a termo vs. sucessão de contratos a termo Efeitos da contratação a termo quanto à rescisão, à suspensão/interrupção do contrato e às estabilidades Contratos por prazo determinado em espécie Contrato de experiência Contrato de safra Contrato de obra certa Contrato provisório (Lei nº 9.601/1998) Contrato rural por pequeno prazo Deixadinhas CONTRATO DE TRABALHO EFEITOS E PODER EMPREGATÍCIO Efeitos contratuais próprios Efeitos contratuais conexos Direitos intelectuais Indenização por dano moral e material trabalhista Assédio moral Assédio sexual Dano patrimonial provocado pelo empregado Ressarcimento do empregador Poder empregatício Poder diretivo Poder regulamentar Poder fiscalizatório Poder disciplinar Infrações disciplinares Penalidades aplicáveis Revisão de sanções disciplinares pelo Poder Judiciário Critérios para aplicação da sanção disciplinar Deixadinhas DURAÇÃO DO TRABALHO JORNADA DE TRABALHO Conceito Natureza cogente das normas que versam sobre a duração do trabalho Tempo computado além do tempo efetivamente trabalhado Tempo em que o empregado se coloca à disposição do empregador (tempo à disposição) Horas in itinere Requisitos Tratamento diferenciado das microempresas e empresas de pequeno porte (art. 58, 3º) Possibilidade de flexibilização do tempo in itinere por ACT ou CCT Sobreaviso e prontidão Tempo residual à disposição do empregador...

7 13.4. Controle da jornada de trabalho Jornadas controladas Jornadas não controladas Limitação legal da jornada de trabalho Jornada normal genérica Jornadas especiais de trabalho Bancários Turnos ininterruptos de revezamento Outras jornadas especiais Trabalho em sobrejornada Acordo de prorrogação de jornada Hipóteses de prestação de horas extras independentemente de acordo Análise do caput Análise do 1º Análise do 2º Análise do 3º Decorrência da prestação de horas extras Compensação de jornada Horas extras proibidas Jornada do menor em mais de um estabelecimento Sobrejornada em atividade insalubre Trabalho sob regime de tempo parcial Efeitos pecuniários do trabalho em sobrejornada Integração das horas extras à remuneração Jornada noturna Especificidades do rurícola Deixadinhas DURAÇÃO DO TRABALHO DESCANSOS Intervalos Intervalos intrajornada Intervalos computados e não computados na jornada de trabalho Intervalos intrajornada comuns e especiais Intervalos não previstos em lei Efeitos jurídicos da não concessão do intervalo intrajornada Intervalo intrajornada da mulher, do menor e do rurícola Intervalo interjornadas Tratamento legal da não concessão do intervalo interjornadas Descanso semanal remunerado (ou repouso semanal remunerado) Previsão legal Coincidência com o domingo Remuneração do descanso semanal Consequências da não concessão do DSR Feriados Deixadinhas FÉRIAS Duração das férias Duração das férias em contratos sob o regime de tempo parcial Aquisição do direito às férias e faltas justificadas Aquisição do direito às férias e serviço militar...

8 15.3. Perda do direito às férias Da concessão e da época das férias Das formalidades relativas à concessão das férias Da época de concessão das férias Concessão das férias fora do prazo (férias vencidas) Vedação ao trabalho durante o período destinado ao gozo de férias Férias coletivas Das formalidades relativas à concessão das férias coletivas Férias coletivas para empregados com período aquisitivo incompleto Férias e remuneração Abono pecuniário de férias Natureza jurídica do abono pecuniário Época do pagamento das férias Dos efeitos da cessação do contrato de trabalho Natureza jurídica das férias indenizadas Prescrição e férias Deixadinhas REMUNERAÇÃO Conceito de salário Distinção entre salário e remuneração Gorjetas próprias vs. gorjetas impróprias Gueltas Características do salário Terminologia: diferentes acepções de salário Formas de estipulação do pagamento do salário Salário por unidade de tempo Salário por produção (ou por unidade de obra) Salário por tarefa Composição do complexo salarial: integração e incorporação Parcelas salariais Abono Adicionais Adicional de insalubridade e hora extra Adicional de periculosidade Integração Adicional de periculosidade Integração no adicional noturno Adicional noturno Integração nas horas extras Integração das horas extras e adicionais no FGTS Cálculo da hora extra Gratificações Gratificação de função Gratificação semestral Gratificação de quebra de caixa Gratificação por tempo de serviço Décimo terceiro salário Prêmios ou bônus Comissões Parcelas não salariais Ajuda de custo...

9 Diárias para viagem Participação nos lucros ou resultados (PLR) Verba de representação Abono do PIS Stock options Salário-família Meios de pagamento do salário Salário-utilidade ou salário in natura Art. 458 da CLT: rol exemplificativo Parte paga em dinheiro Valor das utilidades Tratamento diferenciado do rurícola Tratamento diferenciado do doméstico Utilidades sem natureza salarial Tempo de pagamento do salário Mora contumaz e débito salarial Local e forma de pagamento do salário Sistemas de garantias salariais Proteção quanto ao valor (irredutibilidade salarial) Proteção quanto ao valor mínimo do salário Salário mínimo legal Pisos estaduais Salário profissional Salário normativo e salário convencional Política salarial Proteção quanto aos possíveis abusos do empregador Prazo para pagamento do salário Lugar do pagamento Meios de pagamento Quem deve receber Retenção do salário Descontos permitidos Proteção quanto a atos de terceiros Proteção quanto a atos do próprio empregado Deixadinhas EQUIPARAÇÃO SALARIAL Conceito Fundamento legal Requisitos Identidade de função Identidade de empregador Identidade de localidade de prestação dos serviços Simultaneidade do exercício da mesma função Fatos que inviabilizam a equiparação salarial Diferença de perfeição técnica (aspecto qualitativo) Diferença de produtividade (aspecto quantitativo) Diferença de tempo de serviço Existência de quadro de carreira homologado pelo MTE Paradigma em readaptação funcional...

10 17.5. Equiparação em cadeia Equiparação na hipótese de cessão de empregados Equiparação salarial e serviço público Salário de substituição Prescrição da pretensão à equiparação salarial Deixadinhas ALTERAÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO Generalidades e fundamento legal Requisitos para a alteração lícita do contrato de trabalho Jus variandi Situações-tipo de alteração contratual Rebaixamento de função Reversão Alteração de função em caso de extinção de cargo Readaptação Promoção Outras mudanças de função Redução da jornada de trabalho Transferência de turno de trabalho Alteração da jornada do bancário Alteração do horário de trabalho Uso de uniforme Forma de remuneração Alteração do regulamento da empresa Transferência Regra geral Exceções legais Adicional de transferência Despesas decorrentes da transferência Transferências vedadas por lei Transferência para o exterior Deixadinhas SUSPENSÃO E INTERRUPÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO Suspensão do contrato de trabalho Interrupção do contrato de trabalho Exceções à regra geral distintiva Hipóteses de suspensão (situações-tipo) Faltas injustificadas Suspensão disciplinar (art. 474 da CLT) Suspensão do empregado estável visando o ajuizamento de inquérito para apuração de falta grave (art. 494 c/c o art. 853 da CLT) Afastamento para participação em curso de qualificação profissional (art. 476-A da CLT) Afastamento para exercício de cargo de dirigente sindical (art. 543, 2º, da CLT) Afastamento de empregado eleito diretor de sociedade anônima...

11 Afastamento por doença, a partir do 31º dia (art. 60, 3º, da Lei nº 8.213/1991) Greve (art. 7º da Lei nº 7.783/1989) Licenças não remuneradas em geral Aposentadoria por invalidez (art. 475, caput, da CLT, c/c a Súmula 160 do TST e os arts. 43 e 47 da Lei nº 8.213/1991) Prisão provisória do empregado Afastamento para cumprimento de encargo público diferente do serviço militar (art. 483, 1º, c/c o art. 472 da CLT) Afastamento para prestação do serviço militar obrigatório (art. 472 da CLT) Afastamento por acidente de trabalho, a partir do 31º dia (art. 60, 3º, da Lei nº 8.213/1991) Efeitos jurídicos da suspensão contratual Retorno ao trabalho depois de cessada a suspensão Hipóteses de interrupção (situações-tipo) Art. 473 da CLT Férias (art. 7º, XVII, da CRFB) Feriados (art. 1º da Lei nº 605/1949) Repouso semanal remunerado RSR (art. 7º, XV, da CRFB) Licença-paternidade (art. 7º, XIX, da CRFB, c/c o art. 10, 1º, do ADCT) Primeiros 30 dias de afastamento por acidente de trabalho ou doença (art. 60, 3º, da Lei nº 8.213/1991) Licenças remuneradas em geral e outras faltas justificadas Atuação do empregado como conciliador em Comissão de Conciliação Prévia CCP (art. 625-B, 2º, da CLT) Lockout Participação em eleições em virtude de convocação da Justiça Eleitoral Participação como jurado em sessões do Tribunal do Júri Aborto comprovado por atestado médico oficial (art. 395 da CLT) Aviso prévio (art. 488 da CLT) Licença-maternidade (art. 7º, XVIII, da CRFB, c/c o art. 71 da Lei nº 8.213/1991 e o art. 392-A da CLT) Representação dos trabalhadores junto ao Conselho Curador do FGTS (art. 3º, 7º, da Lei nº 8.036/1990) Representação dos trabalhadores junto ao Conselho Nacional de Previdência Social CNPS (art. 3º, 6º, da Lei nº 8.213/1991) Efeitos jurídicos da interrupção contratual Retorno ao trabalho depois de cessada a interrupção Aplicação nos contratos por prazo determinado Deixadinhas EXTINÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO Princípios aplicáveis à extinção contratual Terminologia e verbas rescisórias Extinção normal do contrato de trabalho Extinção antecipada do contrato a termo Extinção antecipada por iniciativa do empregador Extinção antecipada por iniciativa do empregado...

12 Extinção antecipada na vigência de cláusula assecuratória do direito recíproco de rescisão antecipada Rescisão antecipada do contrato a termo em virtude de força maior ou culpa recíproca Extinção por ato voluntário imotivado (resilição contratual) Pedido de demissão Dispensa sem justa causa Distrato Extinção por ato voluntário motivado (resolução contratual) Dispensa do empregado por justa causa Nomenclatura: falta grave vs. justa causa Requisitos para imposição de sanção disciplinar Faltas em espécie Efeitos da dispensa motivada Rescisão indireta Hipóteses legais de justa causa do empregador Assédio sexual Procedimento da dispensa indireta Direitos do empregado na dispensa indireta Situações especiais previstas no art Extinção do contrato por culpa recíproca Extinção atípica do contrato de trabalho por fato involuntário Rescisão (nulidade) Força maior Fato do príncipe (factum principis) Morte do empregado Morte do empregador pessoa física Extinção da empresa ou estabelecimento Falência da empresa Programa de Incentivo ao Desligamento Voluntário PIDV Questão da aposentadoria espontânea Pagamento das verbas rescisórias Assistência à rescisão e homologação Formalização dos pagamentos rescisórios e limites da quitação Limitações quanto à forma de pagamento das verbas rescisórias Limitação a descontos nas parcelas rescisórias Prazo para pagamento das verbas rescisórias Multa por atraso no pagamento das verbas rescisórias ( multa do art. 477 ) Prazo para pagamento e prazo para homologação Prazo para pagamento vs. modalidade da dispensa Massa falida Inaplicabilidade Pessoas jurídicas de direito público Aplicabilidade Depósito bancário e ação de consignação Existência de fundada controvérsia quanto à existência da obrigação Parcelamento das verbas rescisórias Formalização da extinção contratual na CTPS Deixadinhas AVISO PRÉVIO...

13 21.1. Conceito e características Finalidade Cabimento Fundamento legal e prazo Contagem do prazo e forma Reciprocidade da obrigação e irrenunciabilidade Aviso prévio concedido pelo empregador Aviso prévio concedido pelo empregado Base de cálculo do aviso prévio Natureza do aviso prévio e indenização do período respectivo Aviso prévio e garantias de emprego Reajustamento de salário e aviso prévio Jornada reduzida no curso do aviso prévio A quem cabe a decisão sobre a redução No caso da falta durante sete dias corridos, estes dias são concedidos sempre no final do aviso prévio? A redução do art. 488 e as jornadas já reduzidas Impossibilidade de substituição da redução da jornada pelo pagamento das horas Efeito do aviso prévio concedido sem a redução da jornada Tratamento diferenciado dispensado ao rurícola e ao doméstico Redução de jornada no aviso prévio proporcional Aviso prévio e retratação Aviso prévio e justa causa Aviso prévio indenizado e tempo de serviço Aviso prévio e prescrição Aviso prévio proporcional (Lei nº /2011) Eficácia temporal da nova Lei Contagem do acréscimo proporcional ao tempo de serviço Destinatários do direito O aviso prévio proporcional se aplica também ao empregado? Projeção do aviso prévio proporcional Redução da jornada durante o aviso prévio proporcional Deixadinhas ESTABILIDADE E GARANTIAS DE EMPREGO Generalidades e antecedentes históricos Terminologia e classificação Garantia de emprego do dirigente sindical Inquérito judicial para apuração de falta grave Comunicação ao empregador Limitação quanto ao número de dirigentes estáveis Empregado de categoria diferenciada eleito dirigente sindical Extinção da atividade empresarial Registro da candidatura durante o aviso prévio Destinatários da garantia Sindicato sem registro no MTE Representantes dos trabalhadores na CIPA (cipeiro)...

14 22.5. Gestante Doméstica gestante Renúncia ao direito à estabilidade Garantia de emprego vs. licença-maternidade Estabilidade relativa Responsabilidade objetiva do empregador Reintegração vs. indenização Contrato por prazo determinado (inclusive contrato de experiência) Aborto, nascimento sem vida e adoção Falecimento da genitora: estabilidade assegurada ao guardião Aviso prévio Empregado acidentado Constitucionalidade do art. 118 da Lei nº 8.213/ Requisitos para aquisição da garantia de emprego Aviso prévio e estabilidade acidentária Contratos a termo (inclusive contrato de experiência) Representantes dos trabalhadores no Conselho Nacional de Previdência Social CNPS Representantes dos trabalhadores no Conselho Curador do FGTS Empregado eleito diretor de cooperativa de consumo Representantes dos empregados nas Comissões de Conciliação Prévia CCPs Aprendiz Empregado reabilitado ou portador de necessidades especiais Empregado portador de doença grave Efeitos jurídicos da dispensa irregular Prazo para ajuizar ação em face de dispensa arbitrária Extinção da estabilidade Deixadinhas FGTS Generalidades e antecedentes históricos Conceito e natureza jurídica Cabimento e imperatividade do recolhimento Alíquotas Base de cálculo Prazos para recolhimento Afastamentos Contrato nulo por ausência de concurso público Atualização dos valores depositados Aposentadoria espontânea Prescrição do FGTS Movimentação da conta vinculada (saque) Fiscalização do FGTS Administração do Fundo Conselho Curador Ministério da Ação Social gestor da aplicação Caixa Econômica Federal CEF agente operador Deixadinhas...

15 24. PROTEÇÃO DO TRABALHO DA MULHER Tratamento celetista dispensado aos homens e às mulheres Duração do trabalho da mulher Proteção contra a discriminação Natureza jurídica das normas de proteção do trabalho da mulher Trabalho noturno da mulher Descansos trabalhistas Métodos e locais de trabalho Limites ao carregamento de peso Proteção à maternidade Vedação à discriminação em razão de casamento ou gravidez Licença-maternidade Direitos assegurados durante a gravidez Direitos assegurados ao adotante Remuneração durante a licença-maternidade Rompimento contratual por recomendação médica Aborto não criminoso Intervalos para amamentação Garantia de emprego conferida à gestante Deixadinhas PROTEÇÃO DO TRABALHO DO MENOR Conceito de menor para fins trabalhistas Idade para o trabalho e capacidade Trabalho vedado ao menor Trabalho noturno Trabalho insalubre ou perigoso Trabalho em locais prejudiciais à sua formação Limite de carregamento de peso Trabalho artístico de crianças e adolescentes Afastamento do menor por determinação da autoridade competente Rescisão pleiteada pelo responsável legal Limites à duração do trabalho do menor Admissão e desligamento Prescrição Deixadinhas SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHADOR Introdução Meio ambiente do trabalho Deveres do empregador Deveres do empregado Competência regulamentadora em matéria de saúde e segurança do trabalhador Competência da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego Comissão Interna de Prevenção de Acidentes CIPA Equipamentos de Proteção Individual EPI...

16 26.9. Atividades insalubres Atividades perigosas Adicional de periculosidade e base de cálculo Exposição intermitente e eventual Sistema elétrico de potência Radiação ionizante e substância radioativa Armazenamento de líquido inflamável em construção vertical Permanência de tripulação ou motorista durante o abastecimento da aeronave ou veículo Adicional de insalubridade ou adicional de periculosidade Regras comuns à insalubridade e à periculosidade Deixadinhas DIREITO ADMINISTRATIVO DO TRABALHO Generalidades Base legal Organização da fiscalização do trabalho Competência das autoridades de direção do SFIT Atividades auxiliares à inspeção do trabalho Atribuições do Auditor Fiscal do Trabalho Limites entre a fiscalização e a jurisdição Limites entre a inspeção do trabalho e a atuação do MPT Vedações impostas aos Auditores Fiscais do Trabalho Destinatários da inspeção do trabalho Rotina da inspeção do trabalho Modalidades de fiscalização Identificação do Auditor Fiscal Prerrogativas do Auditor Fiscal do Trabalho Orientação e dupla visita Procedimento especial para a ação fiscal Reiterada ação fiscal Lavratura do auto de infração Livro de Inspeção do Trabalho Processo de multas administrativas Defesa escrita Imposição de multa Recurso administrativo Depósito, inscrição e cobrança Combate ao trabalho infantil e às condições análogas à de escravidão Combate ao trabalho infantil Combate ao trabalho em condições análogas à de escravo Caracterização do trabalho em condições análogas às de escravo Sujeição do obreiro a trabalhos forçados Sujeição do trabalhador a jornada exaustiva Sujeição do trabalhador a condições degradantes de trabalho A restrição da locomoção do trabalhador, seja em razão de dívida contraída, seja por meio do cerceamento do uso de qualquer meio de transporte por parte do trabalhador, ou por qualquer outro meio com o fim de retê-lo no local de trabalho...

17 Retenção do trabalhador no local de trabalho, por meio de vigilância ostensiva por parte do empregador ou preposto Retenção de documentos do trabalhador Combate ao trabalho em condições análogas às de escravo pela fiscalização do trabalho Aspectos gerais da ação fiscal Medidas adotadas pelo Auditor Fiscal do Trabalho diante da constatação de trabalho escravo Sanções administrativas a que se sujeita o infrator Deixadinhas PRESCRIÇÃO Conceito A imprescritibilidade dos fatos Distinção entre prescrição e decadência Contagem do prazo prescricional Data de início da contagem da prescrição Data de término da contagem da prescrição Prescrição trabalhista Previsão legal e prazos Causas impeditivas, suspensivas e interruptivas Causas impeditivas Causas suspensivas Causas interruptivas Prescrição parcial e total Estudo avançado da prescrição Prescrição total e prescrição parcial: estudo avançado Supressão de comissões Desvio funcional e reenquadramento funcional Supressão das horas extras Equiparação salarial Gratificação semestral Alteração de regime jurídico (celetista para estatutário) Complementação de aposentadoria Prescrição aplicável ao trabalhador rural Prescrição aplicável ao doméstico Prescrição aplicável ao trabalhador avulso Prescrição aplicável ao estagiário Prescrição do FGTS Arguição da prescrição Prescrição intercorrente Deixadinhas DIREITO COLETIVO DO TRABALHO Introdução Princípios do Direito Coletivo do Trabalho Princípio da liberdade associativa e sindical Princípio da autonomia sindical Princípio da interveniência sindical na normatização coletiva Princípio da equivalência dos contratantes coletivos...

18 Princípio da lealdade e transparência nas negociações coletivas Princípio da criatividade jurídica da negociação coletiva Princípio da adequação setorial negociada Sindicato Conceito Natureza jurídica Unicidade vs. pluralidade sindical Registro do sindicato Categoria profissional, categoria econômica e categoria diferenciada Categoria profissional Categoria econômica Categoria diferenciada Limitação da base territorial dos sindicatos no Brasil Atribuições e prerrogativas do sindicato Representação dos trabalhadores Negociação coletiva Assistência aos integrantes da categoria Sistema de custeio da atividade sindical Estrutura sindical (sindicato, federação e confederação) Estrutura interna do sindicato Órgãos do sindicato Registro no MTE Garantias contra práticas antissindicais Negociação coletiva Convenção coletiva de trabalho vs. acordo coletivo de trabalho Natureza jurídica dos instrumentos coletivos de trabalho Legitimação para a negociação coletiva Conteúdo do instrumento coletivo Forma do instrumento coletivo Vigência do instrumento coletivo Duração dos efeitos do instrumento coletivo Prorrogação, revisão, denúncia, revogação e extensão da norma coletiva Efeitos do ACT e da CCT Hierarquia entre CCT e ACT Solução para a hipótese de sobreposição de normas Limites à negociação coletiva Jornada de trabalho e descansos Férias Alteração da natureza jurídica de parcelas Participação nos lucros e resultados Pagamento mensal Possibilidade Remuneração Quitação geral de parcelas Impossibilidade Estabilidade da gestante Restrições Impossibilidade Renúncia de ações judiciais Impossibilidade Norma regulamentar Alteração por norma coletiva Possibilidade Multa compensatória do FGTS Redução Impossibilidade Verbas rescisórias Parcelamento Impossibilidade Prazo para homologação do TRCT Flexibilização Impossibilidade...

19 Terceirização Proibição em atividade-fim Validade Hipóteses de flexibilização expressamente previstas Deixadinhas DIREITO DE GREVE Conceito legal Escopo da greve Efeitos da greve sobre o contrato de trabalho Limites impostos ao direito de greve Condutas associadas à greve Atos preparatórios e procedimentos indispensáveis Frustração da via negocial Aviso prévio Deliberação em assembleia-geral Garantia da manutenção de atividades mínimas na empresa Limites à greve em atividades essenciais Direito de greve e categorias tratadas de forma diferenciada Militares Servidores públicos Abuso do direito de greve Julgamento da greve Responsabilidade dos grevistas Lockout ou locaute Deixadinhas COMISSÕES DE CONCILIAÇÃO PRÉVIA Conceito e função Facultatividade de instituição vs. imperatividade de utilização Comissão constituída no âmbito da empresa Efeitos da conciliação na CCP Influência sobre a prescrição Homologação de rescisões de contrato de trabalho Deixadinhas DIREITOS CONSTITUCIONAIS DOS TRABALHADORES Destinatários dos direitos constitucionais dos trabalhadores Direitos constitucionalmente assegurados aos trabalhadores Relação de emprego protegida contra despedida arbitrária ou sem justa causa, nos termos de lei complementar que preverá indenização compensatória, dentre outros direitos (inciso I) Seguro-desemprego, em caso de desemprego involuntário (inciso II) Fundo de garantia do tempo de serviço (inciso III) Salário mínimo, fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender às necessidades vitais básicas do trabalhador e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim (inciso IV) Piso salarial proporcional à extensão e à complexidade do trabalho (inciso V)...

20 Irredutibilidade do salário, salvo o disposto em convenção ou acordo coletivo (inciso VI) Garantia do salário, nunca inferior ao mínimo, para os que percebem remuneração variável (inciso VII) Décimo terceiro salário com base na remuneração integral ou no valor da aposentadoria (inciso VIII) Remuneração do trabalho noturno superior à do diurno (inciso IX) Proteção do salário na forma da lei, constituindo crime sua retenção dolosa (inciso X) Participação nos lucros, ou resultados, desvinculada da remuneração, e, excepcionalmente, participação na gestão da empresa, conforme definido em lei (inciso XI) Salário-família pago em razão do dependente do trabalhador de baixa renda nos termos da lei (inciso XII) Duração do trabalho normal não superior a oito horas diárias e quarenta e quatro semanais, facultada a compensação de horários e a redução da jornada, mediante acordo ou convenção coletiva de trabalho (inciso XIII) Jornada de seis horas para o trabalho realizado em turnos ininterruptos de revezamento, salvo negociação coletiva (inciso XIV) Repouso semanal remunerado, preferencialmente aos domingos (inciso XV) Remuneração do serviço extraordinário superior, no mínimo, em cinquenta por cento à do normal (inciso XVI) Gozo de férias anuais remuneradas com, pelo menos, um terço a mais do que o salário normal (inciso XVII) Licença à gestante, sem prejuízo do emprego e do salário, com duração de cento e vinte dias (inciso XVIII) Licença-paternidade, nos termos fixados em lei (inciso XIX) Proteção do mercado de trabalho da mulher, mediante incentivos específicos, nos termos da lei (inciso XX) Aviso prévio proporcional ao tempo de serviço, sendo no mínimo de trinta dias, nos termos da lei (inciso XXI) Redução dos riscos inerentes ao trabalho, por meio de normas de saúde, higiene e segurança (inciso XXII) Adicional de remuneração para atividades penosas, insalubres ou perigosas, na forma da lei (inciso XXIII) Aposentadoria (inciso XXIV) Assistência gratuita aos filhos e dependentes, desde o nascimento até cinco anos de idade, em creches e pré-escolas (inciso XXV) Reconhecimento das convenções e acordos coletivos de trabalho (inciso XXVI) Proteção em face da automação, na forma da lei (inciso XXVII) Seguro contra acidentes de trabalho, a cargo do empregador, sem excluir a indenização a que este está obrigado, quando incorrer em dolo ou culpa (inciso XXVIII) Ação, quanto aos créditos resultantes das relações de trabalho, com prazo prescricional de cinco anos para os trabalhadores urbanos e rurais, até o limite de dois anos após a extinção do contrato de trabalho (inciso XXIX) Proibição de diferença de salários, de exercício de funções e de critério de admissão por motivo de sexo, idade, cor ou estado civil (inciso XXX) Proibição de qualquer discriminação no tocante a salário e critérios de admissão do trabalhador portador de deficiência (inciso XXXI) Proibição de distinção entre trabalho manual, técnico e intelectual ou entre os profissionais respectivos (inciso XXXII)...

Sumário ABREVIATURAS... 1. INTRODUÇÃO... 1 2. FONTES DO DIREITO DO TRABALHO... 5

Sumário ABREVIATURAS... 1. INTRODUÇÃO... 1 2. FONTES DO DIREITO DO TRABALHO... 5 Sumário ABREVIATURAS... 1. INTRODUÇÃO... 1 1.1. Conceito de Direito do Trabalho... 1 1.2. Fundamento de existência do Direito do Trabalho... 2 1.3. Evolução histórica do Direito do Trabalho... 2... 3 1.5.

Leia mais

Introdução ao Direito do Trabalho. Capítulo 4. Princípios do Direito do Trabalho. Capítulo 2. Fontes do Direito do Trabalho

Introdução ao Direito do Trabalho. Capítulo 4. Princípios do Direito do Trabalho. Capítulo 2. Fontes do Direito do Trabalho Sumário Capítulo 1 Introdução ao Direito do Trabalho 1.1. Conceito e denominação 1.2. Característica 1.3. Divisão 1.4. Natureza 1.5. Autonomia 1.6. Evolução no Brasil Capítulo 2 Princípios do Direito do

Leia mais

Sumário LISTA DE ABREVIATURAS... 17 CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO INTRODUÇÃO... 19

Sumário LISTA DE ABREVIATURAS... 17 CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO INTRODUÇÃO... 19 Sumário LISTA DE ABREVIATURAS... 17 CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO INTRODUÇÃO... 19 1.1 NATUREZA JURÍDICA DO DIREITO DO TRABALHO... 19 1.1.1 Teoria do Direito Público... 19 1.1.2 Teoria do Direito

Leia mais

2.2 Natureza jurídica do contrato de trabalho 2.2.1 Teoria acontratualista 2.2.2 Teoria institucionalista 2.2.3 Teoria neocontratualista 2.

2.2 Natureza jurídica do contrato de trabalho 2.2.1 Teoria acontratualista 2.2.2 Teoria institucionalista 2.2.3 Teoria neocontratualista 2. Sumário 1. Direito individual do trabalho - introdução 1.1 Conceito e denominação do direito individual do trabalho 1.2 Divisão do direito do trabalho 1.3 Características 1.4 Natureza jurídica 1.5 Autonomia

Leia mais

Direito Constitucional. Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda

Direito Constitucional. Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda Direito Constitucional Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda Direitos fundamentais de segunda geração Surgimento: necessidade de intervenção estatal em

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 17 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO DIREITO DO TRABALHO... 19 QUESTÕES...

APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 17 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO DIREITO DO TRABALHO... 19 QUESTÕES... Sumário 7 Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 17 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO DIREITO DO TRABALHO... 19 QUESTÕES... 19 1. Parte Histórica... 19 2. Interpretação e Integração... 29 3. Fontes... 36 4.

Leia mais

Súmario. Súmario 5 APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 11 CAPÍTULO II SUJEITOS DA RELAÇÃO DE TRABALHO... 77 QUESTÕES... 77

Súmario. Súmario 5 APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 11 CAPÍTULO II SUJEITOS DA RELAÇÃO DE TRABALHO... 77 QUESTÕES... 77 Súmario 5 Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 11 APRESENTAÇÃO À 2ª EDIÇÃO... 13 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO AO DIREITO DO TRABALHO... 15 QUESTÕES... 15 1. Parte histórica... 15 2. Interpretação e integração...

Leia mais

1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil... 37 2. CARACTERIZAÇÃO DO DIREITO DO TRABALHO... 41

1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil... 37 2. CARACTERIZAÇÃO DO DIREITO DO TRABALHO... 41 SUMÁRIO 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO... 33 1.1 História Geral do Direito do Trabalho... 33 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil... 37 2. CARACTERIZAÇÃO DO DIREITO DO TRABALHO... 41 2.1 Denominação...

Leia mais

CAPÍTULO 2 CONTRATO DE TRABALHO 23 I. Noções """"'''' 23 2. Classificaçãodos contratos de trabalho """""""""""""""'''''' 24

CAPÍTULO 2 CONTRATO DE TRABALHO 23 I. Noções '''' 23 2. Classificaçãodos contratos de trabalho '''''' 24 CAPÍTULO 1 NOÇÕES DE DIREITO DO TRABALHO 1 I. Conceito................. I 2. Natureza e autonomia I Competência para legislar sobre Direito do Trabalho 2 Normas de Direito do Trabalho 3 1. Normas Trabalhistas

Leia mais

DOS DIREITOS DOS TRABALHADORES URBANOS E RURAIS. art. 7º da Constituição Federal

DOS DIREITOS DOS TRABALHADORES URBANOS E RURAIS. art. 7º da Constituição Federal DOS DIREITOS DOS TRABALHADORES URBANOS E RURAIS art. 7º da Constituição Federal ASPECTOS GERAIS 1) Os direitos trabalhistas previstos no art. 7º da CF, abrangem os trabalhadores urbanos e rurais; 2) A

Leia mais

Parte I - Direito do trabalho - parte geral, 1. 1 Evolução histórica, 3 1 Evolução mundial, 3 2 Evolução no Brasil, 4.

Parte I - Direito do trabalho - parte geral, 1. 1 Evolução histórica, 3 1 Evolução mundial, 3 2 Evolução no Brasil, 4. Parte I - Direito do trabalho - parte geral, 1 1 Evolução histórica, 3 1 Evolução mundial, 3 2 Evolução no Brasil, 4 2 Denominação, 6 3 Conceito e divisão da matéria, 8 4 Posição enciclopédica, 9 5 Fontes,

Leia mais

SUMÁRIO. 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil

SUMÁRIO. 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil SUMÁRIO 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil 2. TEORIA GERAL DO DIREITO DO TRABALHO 2.1 Denominação 2.2 Conceito 2.3

Leia mais

2.5.5 Contrato por prazo indeterminado 2.5.6 Contrato por prazo determinado 2.6 Contrato por prazo determinado da CLT 2.7 Terceirização 2.

2.5.5 Contrato por prazo indeterminado 2.5.6 Contrato por prazo determinado 2.6 Contrato por prazo determinado da CLT 2.7 Terceirização 2. SUMÁRIO 1. DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO INTRODUÇÃO 1.1 Fontes do Direito do Trabalho 1.1.1 Classificação 1.1.2 Hierarquia entre as fontes justrabalhistas 1.2 Princípios do direito do trabalho 1.2.1 Princípio

Leia mais

AS MUDANÇAS NO ESTATUTO JURÍDICO DOS DOMÉSTICOS EC 72/13 Gáudio R. de Paula e José Gervásio Meireles

AS MUDANÇAS NO ESTATUTO JURÍDICO DOS DOMÉSTICOS EC 72/13 Gáudio R. de Paula e José Gervásio Meireles AS MUDANÇAS NO ESTATUTO JURÍDICO DOS DOMÉSTICOS EC 72/13 Gáudio R. de Paula e José Gervásio Meireles A aprovação do projeto de Emenda Constitucional 66/2012, e a subsequente edição da EC 72/13, relativo

Leia mais

Professor André Vieira. Direitos Sociais. Curso de Oficial de Justiça de 1º Instância 1

Professor André Vieira. Direitos Sociais. Curso de Oficial de Justiça de 1º Instância 1 Direitos Sociais 01. NÃO é considerado um direito social, expressamente previsto na Constituição Federal Brasileira de 1988, a: a) Segurança; b) Educação; c) Livre concorrência; d) Saúde. 02. Os que percebem

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO. O Art. 8º da CLT autoriza expressamente a aplicação dos princípios: 1.3. Presentação da condição mais benéfica: Súmula 51 TST

DIREITO DO TRABALHO. O Art. 8º da CLT autoriza expressamente a aplicação dos princípios: 1.3. Presentação da condição mais benéfica: Súmula 51 TST 1 DIREITO DO TRABALHO PONTO 1: Princípios de Direito do Trabalho PONTO 2: Relação de Emprego e Relação de Trabalho PONTO 3: Litisconsórcio passivo facultativo 1. PRINCÍPIOS DE 1. Proteção: Esse princípio

Leia mais

PROFESSORA: Déborah Paiva. Prova: (FCC TST Analista Judiciário 2012)

PROFESSORA: Déborah Paiva. Prova: (FCC TST Analista Judiciário 2012) Direito do Trabalho: 41. A descaracterização de uma pactuada relação civil de prestação de serviços, desde que no cumprimento do contrato se verifiquem os elementos fáticos e jurídicos da relação de emprego,

Leia mais

Trabalho Doméstico: as mudanças e os impactos da nova lei. Zilma Aparecida da Silva Ribeiro Abril de 2013

Trabalho Doméstico: as mudanças e os impactos da nova lei. Zilma Aparecida da Silva Ribeiro Abril de 2013 Trabalho Doméstico: as mudanças e os impactos da nova lei Zilma Aparecida da Silva Ribeiro Abril de 2013 Legislação Aplicável * LEI Nº 5.859, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1972 * CONSTITUIÇÃO FEDERAL ART. 7º, PARÁGRAFO

Leia mais

INFORMATIVO AS ALTERAÇÕES NA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL A EMPREGADOS DOMÉSTICOS. Flavio Aldred Ramacciotti W W W. M F R A. C O M. B R

INFORMATIVO AS ALTERAÇÕES NA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL A EMPREGADOS DOMÉSTICOS. Flavio Aldred Ramacciotti W W W. M F R A. C O M. B R INFORMATIVO AS ALTERAÇÕES NA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL A EMPREGADOS DOMÉSTICOS Flavio Aldred Ramacciotti W W W. M F R A. C O M. B R ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 OS NOVOS DIREITOS... 4 DIREITOS DE EFICÁCIA IMEDIATA...

Leia mais

15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA

15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA 15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA 15.1 - Integram a remuneração para fins de cálculos dos valores devidos à Previdência Social e a serem recolhidos para o FGTS, dentre outras, as seguintes parcelas:

Leia mais

SUMÁRIO. 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História Geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil

SUMÁRIO. 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História Geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil SUMÁRIO 1. HISTÓRIA DO DIREITO DO TRABALHO 1.1 História Geral do Direito do Trabalho 1.2 História do Direito do Trabalho no Brasil 2. CARACTERIZAÇÃO DO DIREITO DO TRABALHO 2.1 Denominação 2.2 Conceito

Leia mais

RELAÇÃO DE EMPREGO DOMÉSTICO

RELAÇÃO DE EMPREGO DOMÉSTICO RELAÇÃO DE EMPREGO DOMÉSTICO FELIPE VASCONCELLOS CAVALCANTE Universidade Federal de Goiás UFG Pró-Reitoria de Desenvolvimento Institucional e Recursos Humanos Departamento de Desenvolvimento de Recursos

Leia mais

O trabalhador pode começar a trabalhar sem dispor de CTPS? Não. O empregado não poderá ser admitido se não dispuser de CTPS.

O trabalhador pode começar a trabalhar sem dispor de CTPS? Não. O empregado não poderá ser admitido se não dispuser de CTPS. Direitos básicos dos Profissionais de Educação Física PERGUNTAS E RESPOSTAS CTPS Para que serve a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS)? A CTPS serve como meio de prova: a ) da relação de emprego;

Leia mais

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE www.departamentopessoalonline.com - 3 -

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE www.departamentopessoalonline.com - 3 - ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL INTRODUÇÃO... 008 DISPOSIÇÕES GERAIS... 009 Conceito de empregador... 009 Conceito de empregado... 009 Direitos do empregado... 010 ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO TRABALHO...

Leia mais

O IMPACTO NA CONTABILIZAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS COM A ALTERAÇÃO DOS SEUS DIREITOS PELA PEC DAS DOMÉSTICAS

O IMPACTO NA CONTABILIZAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS COM A ALTERAÇÃO DOS SEUS DIREITOS PELA PEC DAS DOMÉSTICAS O IMPACTO NA CONTABILIZAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS COM A ALTERAÇÃO DOS SEUS DIREITOS PELA PEC DAS DOMÉSTICAS Linha de pesquisa: Gestão Empresarial João Paulo dos Santos Ribeiro

Leia mais

INFORMATIVO 14/2015 LEI COMPLEMENTAR REGULAMENTA DIREITO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS

INFORMATIVO 14/2015 LEI COMPLEMENTAR REGULAMENTA DIREITO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 Digite o título aqui INFORMATIVO 14/2015 LEI COMPLEMENTAR REGULAMENTA DIREITO DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS Lei Complementar nº 150, de 1º de junho de 2015 -

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação.

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. DISCIPLINA: I PROFESSOR: FRANCISCA JEANE PEREIRA DA SILVA MARTINS TURMAS: 7º AM / BM PLANO DE CURSO 2013/01 UNIDADE

Leia mais

Seguro Desemprego : art. 7º, II da CRFB

Seguro Desemprego : art. 7º, II da CRFB AULA 10: Seguro Desemprego : art. 7º, II da CRFB Amparo legal: art. 7º, II da CRFB. * urbanos e rurais: Lei nº 7.998/90, Lei nº 8.900/94 e Resolução do CODEFAT 467/05. * domésticos: artigo 6º-A da Lei

Leia mais

Tabela Prática de Verbas que compõem a Base de Cálculo para incidência de INSS, FGTS e IRRF

Tabela Prática de Verbas que compõem a Base de Cálculo para incidência de INSS, FGTS e IRRF Tabela Prática de Verbas que compõem a Base de Cálculo para incidência de INSS, FGTS e IRRF Discriminação INSS Fundamento legal FGTS Fundamento legal IRRF Fundamento legal Abono de férias - pecuniário

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL CRISTINA LUNA. Direitos e Garantias Fundamentais Sociais (Arts. 6º ao 11)

DIREITO CONSTITUCIONAL CRISTINA LUNA. Direitos e Garantias Fundamentais Sociais (Arts. 6º ao 11) Direitos e Garantias Fundamentais Sociais (Arts. 6º ao 11) (1) Art. 6º - São direitos sociais a educação a saúde a alimentação EC 64/2010 o trabalho a moradia EC 26/2000 o lazer a segurança a previdência

Leia mais

DIREITOS E DEVERES:TRABALHADOR E EMPREGADOR

DIREITOS E DEVERES:TRABALHADOR E EMPREGADOR DIREITOS E DEVERES:TRABALHADOR E EMPREGADOR Por intermédio destas informações, o SITRIVESCH tem por finalidade informar o trabalhador de seus direitos/deveres. Importante destacar que o não cumprimento

Leia mais

Menor Aprendiz Perguntas Frequentes

Menor Aprendiz Perguntas Frequentes Menor Aprendiz Perguntas Frequentes A aprendizagem é regulada pela CLT e passou por um processo de modernização com a promulgação das Leis nºs. 11.180/2005, 10.097/2008 e 11.788/2008. O Estatuto da Criança

Leia mais

MÉTODOS DE PREVENÇÃO CONTRA AÇÕES TRABALHISTAS PREVENÇÃO CONTRA AUTUAÇÕES FISCAIS TRABALHISTAS AUDITORIA INTERNA TRABALHISTA

MÉTODOS DE PREVENÇÃO CONTRA AÇÕES TRABALHISTAS PREVENÇÃO CONTRA AUTUAÇÕES FISCAIS TRABALHISTAS AUDITORIA INTERNA TRABALHISTA MÉTODOS DE PREVENÇÃO CONTRA AÇÕES TRABALHISTAS PREVENÇÃO CONTRA AUTUAÇÕES FISCAIS TRABALHISTAS AUDITORIA INTERNA TRABALHISTA Fiscalização do Trabalho Finalidade: tem por finalidade assegurar, em todo o

Leia mais

Relações do Direito do Trabalho com outros Ramos do Direito. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Relações do Direito do Trabalho com outros Ramos do Direito. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Relações do Direito do Trabalho com outros Ramos do Direito Introdução Para fins didáticos o estudo do Direito deve ser feito de forma fragmentada, pois tal separação não existe. "O Direito é único e não

Leia mais

Pós-Graduação Direito e Processo do Trabalho Conteúdo Programático

Pós-Graduação Direito e Processo do Trabalho Conteúdo Programático MÓDULO I - Direito do Trabalho I - Evolução Histórica do Direito do Trabalho - Princípios Constitucionais e Infraconstitucionais do Direito Individual do Trabalho - Fontes e Hermenêutica do Direito do

Leia mais

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº ÍNDICE DO MANUAL DE ROTINAS TRABALHISTAS TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº INTRODUÇÃO 6 SIGLAS UTILIZADAS 7 ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL E GERÊNCIA DE REC HUMANOS 8 ABANDONO DE EMPREGO 19 ACIDENTE NO

Leia mais

13º SALARIO Posteriormente, a Constituição Federal de 1988, em seu art. 7º,

13º SALARIO Posteriormente, a Constituição Federal de 1988, em seu art. 7º, 13º SALARIO Trabalhadores beneficiados Farão jus ao recebimento do 13º salário os seguintes trabalhadores: a) empregado - a pessoa física que presta serviços de natureza urbana ou rural à empresa, em caráter

Leia mais

EMPREGADO DOMÉSTICO INOVAÇÕES LEGISLATIVAS DA LEI COMPLEMENTAR 150 CAPÍTULO I PRINCIPAIS EVOLUÇÕES LEGISLATIVAS A categoria dos empregados domésticos tem como principais regulamentações legislativas, por

Leia mais

ROTINAS TRABALHISTAS. MÓDULO 2 f Preencher ficha de salário-família Valor da Cota Início do Pagamento

ROTINAS TRABALHISTAS. MÓDULO 2 f Preencher ficha de salário-família Valor da Cota Início do Pagamento ROTINAS TRABALHISTAS MÓDULO 1 Conceitos Introdutórios Empregador Grupo de Empresas Empresas Terceirizadas Franquia Cooperativa de Trabalho Empregador Rural Documentação do Empregador Empregado Demais Trabalhadores

Leia mais

Os novos direitos dos empregados domésticos: análise da Emenda Constitucional n o 72/2013

Os novos direitos dos empregados domésticos: análise da Emenda Constitucional n o 72/2013 Os novos direitos dos empregados domésticos: análise da Emenda Constitucional n o 72/2013 SériE Atualização Legislativa Os novos direitos dos empregados domésticos: análise da Emenda Constitucional n

Leia mais

EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO

EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO ATUALIZAÇÕES - NOVA SÚMULA 426 DO TST DEPÓSITO RECURSAL. UTILIZAÇÃO DA GUIA GFIP.

Leia mais

PONTO CERTO OAB por ISADORA ATHAYDE E THIAGO ATHAYDE

PONTO CERTO OAB por ISADORA ATHAYDE E THIAGO ATHAYDE PONTO CERTO OAB por ISADORA ATHAYDE E THIAGO ATHAYDE O nosso item do edital de hoje será: EMPREGADO DOMÉSTICO Algo que devemos atentar de início é ao fato de não aplicarmos a CLT ao empregado doméstico,

Leia mais

Férias Coletivas: AULA 7: terço constitucional

Férias Coletivas: AULA 7: terço constitucional AULA 7: Férias Coletivas: ART. 7º, XVII, CRFB gozo de férias anuais remuneradas com, pelo menos, ⅓ a + do que o salário normal. FÉRIAS = SALÁRIO + ⅓ terço constitucional férias coletivas art. 139 a 141

Leia mais

MATERIAL DE APOIO PROFESSOR. a.1) normal: 06 horas por dia e 30 horas por semana 224, caput e 226 CLT

MATERIAL DE APOIO PROFESSOR. a.1) normal: 06 horas por dia e 30 horas por semana 224, caput e 226 CLT TURMA EXTENSIVA SEMANAL Prof. Otavio Calvet Data: 09.11.2009 Aula nº 31 MATERIAL DE APOIO PROFESSOR Contratos de Trabalho Especiais: I. Bancário a) Duração do trabalho - art. 224 CLT a.1) normal: 06 horas

Leia mais

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO ANOTAÇÃO CTPS NA EMPREGADO DISPENSADO, SEM JUSTA CAUSA, NO PERÍODO DE 30 DIAS QUE ANTECEDE A DATA DE SUA CORREÇÃO SALARIAL MULTA DO

Leia mais

II - Termo de Homologação sem ressalvas - Anexo III; e. III - Termo de Homologação com ressalvas - Anexo IV.

II - Termo de Homologação sem ressalvas - Anexo III; e. III - Termo de Homologação com ressalvas - Anexo IV. PORTARIA N o 1621 DE 14 DE JULHO DE 2010 Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe

Leia mais

NOME: MATRÍCULA: CURSO: SEMESTRE: UNIDADE: ENTREGA / / - PRAZO LIMITE AV1. 1ª ATIVIDADE:

NOME: MATRÍCULA: CURSO: SEMESTRE: UNIDADE: ENTREGA / / - PRAZO LIMITE AV1. 1ª ATIVIDADE: MATRÍCULA: CURSO: SEMESTRE: UNIDADE: ENTREGA / / - PRAZO LIMITE AV1. 1ª ATIVIDADE: Pesquisar um tema referente a matéria na biblioteca e redigir um artigo nos termos da ABNT. Obs.: tema livre; obrigatória

Leia mais

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial ANEXO I TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE

Leia mais

Desde 2013, nove direitos já estavam valendo, como hora extra e jornada de trabalho de 8 horas diárias (veja mais detalhes abaixo).

Desde 2013, nove direitos já estavam valendo, como hora extra e jornada de trabalho de 8 horas diárias (veja mais detalhes abaixo). 02/06/2015 07h40 - Atualizado em 02/06/2015 13h01 Regulamentação dos direitos das domésticas é publicada Trabalhadoras terão adicional noturno, seguro-desemprego e mais 5 direitos. Emenda constitucional

Leia mais

2 - Quais são os direitos que entraram em vigor imediatamente após a publicação da Emenda Constitucional n.º 72, de 2013?

2 - Quais são os direitos que entraram em vigor imediatamente após a publicação da Emenda Constitucional n.º 72, de 2013? TRABALHADOR DOMÉSTICO 1 - Quem pode ser considerado trabalhador doméstico? Resposta: É considerado trabalhador doméstico aquele que presta serviços de natureza contínua e de finalidade não lucrativa à

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO Prof. Rodolpho Bacchi www.facebook.com/direitodotrabalhobatista www.rodolphobacchi.com.br

DIREITO DO TRABALHO Prof. Rodolpho Bacchi www.facebook.com/direitodotrabalhobatista www.rodolphobacchi.com.br DIREITO DO TRABALHO Prof. Rodolpho Bacchi www.facebook.com/direitodotrabalhobatista www.rodolphobacchi.com.br Interrupção e Suspensão do Contrato de Trabalho A interrupção e a suspensão do contrato de

Leia mais

EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2013 ESPECIALIZAÇÃO EM CLT e PREVIDÊNCIA (Custeio)

EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2013 ESPECIALIZAÇÃO EM CLT e PREVIDÊNCIA (Custeio) EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2013 ESPECIALIZAÇÃO EM CLT e PREVIDÊNCIA (Custeio) OBJETIVOS DO CURSO: Proporcionar aos participantes instruções e conhecimento da Legislação Trabalhista e Previdenciária (custeio).

Leia mais

- CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL -

- CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL - - CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL - Copyright -Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada destes materiais, no todo ou em parte, constitui violação do direitos autorais. (Lei nº 9.610). 4.

Leia mais

Manual Prático Trabalhista e Previdenciário

Manual Prático Trabalhista e Previdenciário Manual Prático Trabalhista e Previdenciário Qual é o prazo para pagamento dos salários dos empregados? R: O pagamento deve ser realizado até o 5º dia útil do mês seguinte. Esta deve ser a data em que deve

Leia mais

DEPARTAMENTO PESSOAL

DEPARTAMENTO PESSOAL DEPARTAMENTO PESSOAL DÚVIDAS MAIS FREQUENTES 1 1. Documentos necessários para admissão Para o processo de admissão, o novo funcionário deverá apresentar a relação de documentos abaixo: *Carteira de Trabalho

Leia mais

PONTO 1: Suspensão do Contrato de Trabalho PONTO 2: Interrupção do Contrato de Trabalho SUSPENSÃO E INTERRUPÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO

PONTO 1: Suspensão do Contrato de Trabalho PONTO 2: Interrupção do Contrato de Trabalho SUSPENSÃO E INTERRUPÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO 1 DIREITO DO TRABALHO PONTO 1: Suspensão do Contrato de Trabalho PONTO 2: Interrupção do Contrato de Trabalho SUSPENSÃO E INTERRUPÇÃO DO CONTRATO DE TRABALHO Exceção ao princípio da continuidade, ao trato

Leia mais

Direito do Trabalho CARACTERÍSTICAS. Empregados urbanos e rurais contratados a partir de 1988 inserem-se automaticamente no sistema do FGTS.

Direito do Trabalho CARACTERÍSTICAS. Empregados urbanos e rurais contratados a partir de 1988 inserem-se automaticamente no sistema do FGTS. CARACTERÍSTICAS Empregados urbanos e rurais contratados a partir de 1988 inserem-se automaticamente no sistema do FGTS. O FGTS consiste em recolhimentos pecuniários mensais feitos pelo empregador em uma

Leia mais

DO TRABALHO DA MULHER E DO MENOR

DO TRABALHO DA MULHER E DO MENOR Direito do da Mulher e do Menor Maria Inês Gerardo TRABALHO DA MULHER E DO MENOR DO TRABALHO DA MULHER ART 7º, XX: proteção do mercado de trabalho da mulher, mediante incentivos específicos, nos termos

Leia mais

Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico.

Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico. RESUMO INFORMATIVO SOBRE TRABALHO DOMÉSTICO Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico. Lei Complementar n. 150/2015 Jul 2015 Este resumo informativo

Leia mais

OAB 1ª FASE- EXTENSIVO VESPERTINO Disciplina: Direito do Trabalho Prof. Leone Pereira Data: 08.09.2009 Aula nº 02

OAB 1ª FASE- EXTENSIVO VESPERTINO Disciplina: Direito do Trabalho Prof. Leone Pereira Data: 08.09.2009 Aula nº 02 OAB 1ª FASE- EXTENSIVO VESPERTINO Disciplina: Direito do Trabalho Prof. Leone Pereira Data: 08.09.2009 Aula nº 02 TEMAS TRATADOS EM AULA 1. JORNADA DE TRABALHO (art. 4º, CLT) O instituto tem origem na

Leia mais

Parágrafo Único -- Não serão compensados os aumentos decorrentes de promoção, transferência, equiparação salarial e término de aprendizagem.

Parágrafo Único -- Não serão compensados os aumentos decorrentes de promoção, transferência, equiparação salarial e término de aprendizagem. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDIMVET SINDICATO DOS MÉDICOS VETERINÁRIOS DO ESTADO DE SÃO PAULO e SINPAVET SINDICATO PATRONAL DOS MÉDICOS VETERINÁRIOS DO ESTADO DE SÀO PAULO PERÍODO

Leia mais

Instruções de Impressão

Instruções de Impressão Instruções de Impressão 1. O modelo deverá ser plano e impresso em papel A4, na cor branca, com 297 milímetros de altura e 210 milímetros de largura em papel com, ao menos, 75 gramas por metro quadrado.

Leia mais

Férias Proporcionais Até 5 faltas 6 a 14 faltas 15 a 23 faltas 24 a 32 faltas

Férias Proporcionais Até 5 faltas 6 a 14 faltas 15 a 23 faltas 24 a 32 faltas FÉRIAS ASPECTOS GERAIS Férias é o período de descanso anual, que deve ser concedido ao empregado após o exercício de atividades por um ano, ou seja, por um período de 12 meses, período este denominado

Leia mais

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 Altera a Portaria nº 1.621 de 14/07/2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato de Trabalho

Leia mais

RELAÇÕES DE TRABALHO LATO SENSU

RELAÇÕES DE TRABALHO LATO SENSU RELAÇÕES DE TRABALHO LATO SENSU O trabalhador temporário é pessoa física contratada por empresa de trabalho temporário, para prestar serviços pessoalmente e mediante salário e subordinação, a empresa tomadora

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011 DOU Nº 131, segunda-feira, 9 de julho de 2012 Seção 1 Página 108 GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos

Leia mais

Petições Trabalhistas 3.0

Petições Trabalhistas 3.0 Contestações 1. Contestação - ação de cobrança de contribuição sindical 2. Contestação - ação rescisória trabalhista 3. Contestação - adicional de insalubridade - limpeza de banheiro - empresa 4. Contestação

Leia mais

CONTRATO DE TRABALHO. (ART. 442 ao 456, CLT)

CONTRATO DE TRABALHO. (ART. 442 ao 456, CLT) Direito do Trabalho Aula 02 Contrato de Trabalho; Terceirização e afins; alteração contratual Maria Inês Gerardo CONTRATO DE TRABALHO (ART. 442 ao 456, CLT) CONTRATO DE TRABALHO Requisitos de validade

Leia mais

Aula 2 - Princípios de Direito do Trabalho: da proteção, da

Aula 2 - Princípios de Direito do Trabalho: da proteção, da Aula 2 - Princípios de Direito do Trabalho: da proteção, da irrenunciabilidade dos direitos trabalhistas, da primazia da realidade, da continuidade da relação empregatícia e outros A História do Direito

Leia mais

PLANO DE ENSINO EMENTA:... OBJETIVOS:... BIBLIOGRAFIA BÁSICA: -... BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR: -... METODOLOGIA:

PLANO DE ENSINO EMENTA:... OBJETIVOS:... BIBLIOGRAFIA BÁSICA: -... BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR: -... METODOLOGIA: CURSO: ADMINISTRAÇÃO PERÍODO: 4º SEMESTRE/ANO: 2º/2011 DISCIPLINA: LEGISLAÇÃO SOCIAL C/H: 36/ 2 h/s PROFESSOR RESPONSÁVEL: RAYMUNDO LÁZARO VELLANI JÚNIOR EMENTA:... OBJETIVOS:... BIBLIOGRAFIA BÁSICA: -...

Leia mais

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 4º Semestre - 2011 Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula. 15º Ponto Aviso Prévio.

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 4º Semestre - 2011 Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula. 15º Ponto Aviso Prévio. Aviso Prévio 1. Conceito 2. Cabimento 3. Prazo 4. Início da contagem do prazo 5. Ausência do aviso prévio 6. Anotação na CTPS da data do encerramento do contrato de trabalho 7. Renúncia do período de aviso

Leia mais

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO FUNDAMENTAÇÃO LEGAL APLICÁVEL NAS RESCISÕES DOS CONTRATOS DE TRABALHO ANOTAÇÃO CTPS NA EMPREGADO DISPENSADO, SEM JUSTA CAUSA, NO PERÍODO DE 30 DIAS QUE ANTECEDE A DATA DE SUA CORREÇÃO SALARIAL MULTA DO

Leia mais

Lição 11. Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS

Lição 11. Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS Lição 11. Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS (Lei nº 8.036, de 11/5/90, e Decreto nº 99.684, de 8/11/90). 11.1. CONSIDERAÇÕES GERAIS O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é uma conta

Leia mais

RENATA TIVERON DIREITO DO TRABALHO

RENATA TIVERON DIREITO DO TRABALHO RENATA TIVERON DIREITO DO TRABALHO TEORIA 657 Questões Gabaritadas da FCC por Tópicos (2013 2003) A apostila abrange o conteúdo programático cobrado nos concursos púbicos, organizados pela FCC, para diversos

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001621/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/05/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR020706/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.008089/2011-29 DATA DO

Leia mais

A A CIRCULAÇÃO D O CD OU E-MAIL. receber por e-mail. UTORAIS

A A CIRCULAÇÃO D O CD OU E-MAIL. receber por e-mail. UTORAIS ROTEIRO DO CURSO ROTINAS TRABALHISTAS A A CIRCULAÇÃO O Curso de Rotinas Trabalhistas é composto de 7 módulos que serão remetidos aos cursandos de 15 em 15 dias. AUTORA VERA HELENA PALMA Advogada trabalhista,

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS

INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS Abonos de qualquer natureza Evento Descrição INSS FGTS IRRF Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença Laboral Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença

Leia mais

Dispensa Sem Justa Causa. Dispensa com Justa Causa. (**) Culpa Recíproca ou Força Maior. Rescisão Indireta. Pedido de Demissão

Dispensa Sem Justa Causa. Dispensa com Justa Causa. (**) Culpa Recíproca ou Força Maior. Rescisão Indireta. Pedido de Demissão RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO VERBAS RESCISÓRIAS (Antes de qualquer procedimento rescisório, importante ler os cuidados especiais ao final Verbas adicionais) Dispensa Sem Justa Causa AvisoPrévio Dispensa

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE 09 CNPJ/CEI

Leia mais

HORAS EXTRAS E SEUS REFLEXOS TRABALHISTAS

HORAS EXTRAS E SEUS REFLEXOS TRABALHISTAS CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO RIO GRANDE DO SUL MINÁRIO DE ASSUNTOS CONTÁBEIS DE PORTO ALEGRE SEMINÁRIO ASSUNTOS CONTÁBEIS DE PORTO ALEGRE SEMINÁRIO DE ASSUNTOÁBEIS DE PORTO ALEERIO PALESTRA HORAS

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências

INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências Evento Descrição INSS FGTS IRRF Abonos de qualquer natureza Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença Laboral Acidente de Trabalho -

Leia mais

Atuação do Gestor. no Departamento de Pessoal. Gestão de Pessoas. Fernando Silva da Paixão

Atuação do Gestor. no Departamento de Pessoal. Gestão de Pessoas. Fernando Silva da Paixão Atuação do Gestor no Departamento de Pessoal Atuação do Gestor Férias E 13º Salário Sistema Integrado de Gestão de Pessoas no Dep. Pessoal PLR Férias Todo empregado adquire o direito às férias após 12

Leia mais

Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013

Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013 Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013 A PEC n 66 de 2012 Veio com O OBJETIVO de alterar a redação do parágrafo único do art. 7º da Constituição Federal para estabelecer a

Leia mais

FGTS Nome: Vilma Toshie Kutomi 14/08/2013

FGTS Nome: Vilma Toshie Kutomi 14/08/2013 FGTS Nome: Vilma Toshie Kutomi 14/08/2013 (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço)? Foi instituído em 1966 (Lei 5.107) e é atualmente regulado pela Lei nº 8.036/90 e pelo Decreto 99.684/90. Qual o objetivo

Leia mais

quinta-feira, 17 de outubro de 13 Me. Ariel Silva

quinta-feira, 17 de outubro de 13 Me. Ariel Silva Me. Ariel Silva Pedido de demissão - ato unilateral O empregado pode desvincular-se do empregador e do trabalho quando quiser (liberdade individual), sem justificativas ou concordância do empregador. Trata-se

Leia mais

PARTE I ROTINAS TRABALHISTAS

PARTE I ROTINAS TRABALHISTAS PARTE I ROTINAS TRABALHISTAS Capítulo 1 Recrutamento... 3 1.1 Possíveis ocorrências de recrutamento... 4 1.1.1 Ampliação do quadro de pessoal... 4 1.1.2 Desligamento de empregado... 5 1.1.3 Promoção...

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2012

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2012 FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2012 Disciplina: Direito do Trabalho I Departamento: Direito Social e Coletivo Docente Responsável: Anselmo Domingos da Paz Junior Carga Horária Anual: 100 h/a Tipo:

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Página 1 de 7 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002511/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR053502/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.005004/2012-32 DATA

Leia mais

Contratos de trabalho por tempo determinado, previstos na CLT

Contratos de trabalho por tempo determinado, previstos na CLT Contratos de trabalho por tempo determinado, previstos na CLT O contrato de trabalho por prazo determinado é aquele cuja duração dependa de termo prefixado ou da execução de serviços específicos ou ainda

Leia mais

INQUÉRITO PARA APURAÇÃO DE FALTA GRAVE

INQUÉRITO PARA APURAÇÃO DE FALTA GRAVE ESTABILIDADE ESTABILIDADE DEFINITIVA X ESTABILIDADE PROVISÓRIA (GARANTIA DE EMPREGO) DIRIGENTE SINDICAL Art. 8, VIII CF + Art. 543, 3º CLT + Súmula 369 TST Tanto titulares como SUPLENTES (dirigentes sindicais)

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL Página 1 de 6 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RN000390/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/10/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR060523/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46217.008181/2013-19

Leia mais

DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 3 OUTROS TIPOS DE CONTRATOS DE TRABALHO

DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 3 OUTROS TIPOS DE CONTRATOS DE TRABALHO DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 3 OUTROS TIPOS DE CONTRATOS DE TRABALHO Índice 1. Outros Tipos de Contratos de Trabalho...3 1.1. Trabalho Rural... 3 1.2. Estagiário... 4 1.3. Trabalho Temporário... 5 1.4.

Leia mais

ATUALIZAÇÃO DE DIREITO CONSTITUCIONAL EMENDA CONSTITUCIONAL N. 72/2013 DOS DIREITOS SOCIAIS 1. INTRODUÇÃO 2. ENUMERAÇÃO DOS DIREITOS SOCIAIS

ATUALIZAÇÃO DE DIREITO CONSTITUCIONAL EMENDA CONSTITUCIONAL N. 72/2013 DOS DIREITOS SOCIAIS 1. INTRODUÇÃO 2. ENUMERAÇÃO DOS DIREITOS SOCIAIS Atualização - 1 ATUALIZAÇÃO DE DIREITO CONSTITUCIONAL EMENDA CONSTITUCIONAL N. 72/2013 DOS DIREITOS SOCIAIS 1. INTRODUÇÃO Os direitos sociais são direitos coletivos, passíveis de supressão ou alteração

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PB000202/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/06/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR021878/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46224.002474/2009-17 DATA

Leia mais

Questões fundamentadas Art. 6º ao 11 da CF

Questões fundamentadas Art. 6º ao 11 da CF 1 Para adquirir a apostila de 200 Questões Fundamentadas Dos Direitos Sociais Art. 6º a 11 da CF acesse o site: www.odiferencialconcursos.com.br ESSA APOSTILA SERÁ ATUALIZADA ATÉ A DATA DO ENVIO. S U M

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 1/5 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, DE ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, NO ESTADO DO PARANÁ SENALBA/PR, CNPJ 75.992.446/0001-49,

Leia mais

Trabalhador Domestico

Trabalhador Domestico Trabalhador Domestico Trabalhador Domestico 3 Brasília/DF - 2013 Trabalhador Domestico Considera-se trabalhador doméstico aquele maior de 18 anos que presta serviços de natureza contínua (frequente,

Leia mais

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS 2 de abril de 2013 CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS Hoje foi promulgada uma Emenda Constitucional que amplia os direitos trabalhistas dos empregados domésticos. Alguns direitos

Leia mais