Bem-vindos à EPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bem-vindos à EPG 2013-2014"

Transcrição

1 Escola Profissional de Gondomar Edição n.º 7 Diretor: Vítor Brito Jornal editado por: Rosa Barroso Bem-vindos à EPG Tiago Fonseca Daniela Costa NOTÍCIA Uma escola azul, amarela e muito verde REPORTAGEM Comenius: Europe in EPG Receita Uma receita muito peculiar Nesta edição: Entrevista a um terrorista O RAP da turma

2 TEM A PALAVRA SR. DIRETOR!* DESTA VEZ FALO EU PARTE III Estamos finalmente de volta! Com o mesmo rigor, com a mesma preocupação em promover tudo o que é feito na Escola Profissional de Gondomar e com a mesma vontade de servi-la o melhor que podemos e sabemos. Todavia, e seria bem grave que assim não fosse, decidimos este ano alterar alguns pontos. Ponto 1: serão publicados muitos mais trabalhos realizados pelos alunos como poderão observar nas rubricas Entrevista, Ao Ritmo da EPG e Receita ; Ponto 2: haverá um prémio (simbólico) para quem adivinhar o segredo publicado em cada edição desde que nos cheguem via página de Facebook do Graffiti News; Ponto 3: haverá também um prémio (simbólico novamente) para aqueles cujo segredo venha a ser publicado; Ponto 4: serão aceites sugestões que nos cheguem pelo mesmo meio; Ponto 5: haverá um número de colaboradores bastante mais reduzido para que não se conte com o trabalho de pessoas contrariadas; Ponto 6: tentaremos que o jornal seja publicado mensalmente. Para que todo o nosso trabalho seja reconhecido, valorizado e bem-sucedido precisamos do feedback dos nossos leitores. E, nesta sociedade onde as redes sociais ocupam um lugar de destaque, a melhor forma de o poderem fazer será através do recurso à nossa página de Facebook. Neste número, destacaremos ainda o projeto Comenius. Não é todos os dias que temos a oportunidade de receber vinte alunos estrangeiros e cabe a cada um de nós transmitir uma imagem que os faça sentir-se o mais à vontade possível e nos deixe a todos orgulhos de fazermos parte da ESCOLA PROFISSIONAL DE GONDOMAR! *O nosso diretor, Dr. Agostinho Lemos costuma escrever um texto de opinião mas, nesta edição quem escreve é o diretor do jornal 2

3 ASSIM FALA MAHMUT. O Homem tem sete vidas Uma notícia propagada em eco pelos vários meios de comunicação social, há um mês atrás, relatava a história de um casal a entrar na idade da reforma, afogados pelo desespero da inevitabilidade decidiram em conjunto ver para lá deste mundo e silenciarem-se em comunhão. Assim foi, dois seres desesperançados pela doença que os corroía, ele acamado infatigado, há muito considerava-se ele próprio um inútil, porque o homem é muito mais do que um corpo que arrasta consigo e muito mais do que um conjunto de sensações que percecionam a realidade; ela empurrada pela avalanche de uma das doenças modernas - a depressão, que a cercava, diminuindo o seu mundo e reduzindo-a ao círculo circunspecto da sua limitada existência, tal como os lacraus que cercados por um círculo de fogo se suicidam. Os dois, apesar das inúmeras discussões que os tornavam dois estrangeiros na mesma habitação, sentaram-se, para à mesma hora, ao mesmo tempo, porem fim à vida. Conjeturas marginais são, saber quem morreu primeiro, quem dos dois sentiu o outro ir-se, quem foi o último que avistou o outro, que recordações ficaram do último que combateu o tempo e foi também o último que deixou de sentir. Mais do que saber isto, a questão que não deixa de pairar é se o amor é eterno, porque talvez esta forma sinistra de morrer é aquela que deixa escrita nas linhas da memória humana, esta possibilidade de amar na morte. E ainda mais do que isto é perceber porque deixaram estes dois seres de se agarrarem ao mundo, ainda que deles fosse esse mundo, porque desistiram de despeçarem as entranhas deles próprios e deixarem restar farrapos de si, mas estar aqui, lutando por aquilo que vale a pena fazer ainda, que valia a pena fazer ainda. A solidão tornou-se epidémica e a indiferença tornou-se viral. Estes dois indivíduos cujos nomes poderiam ser muitos, sofreram a preocupação de nenhuns. 3

4 ASSIM FALA MAHMUT. Ninguém esteve lá, apenas o cão que os acompanhava e que entregaram carinhosamente a alguém uns dias antes, poupando-o ao sofrimento de assistir às suas mortes, esteve lá sempre, mas ninguém respondeu à sua mudez. Esta história realça aquilo que nos acompanha toda a vida como o sangue que corre no interior destas canículas que nos mantém eretos. O Homem talvez numa fase mais tardia e não imediatamente quando nasce, é um ser que tem consciência da sua existência, que se confronta com um mundo que o desespera, que o afasta. O Homem, tal como afirmava Albert Camus, divorcia-se do mundo. E este sentimento não implica uma necessária constância deste sentimento, não somos eternamente seres desesperados, mas frequentemente entramos nesta sala da angústia da nossa existência. Desesperamos porque nos tratam mal no emprego, porque o patrão casmurro, nos ralha e raramente consegue ouvir, porque a empresa onde trabalhamos se torna asfixiante, mas a sobrevivência nos fala ao ouvido, desesperamos porque nos roubaram o carro, ou porque perdemos o telemóvel, desesperamos porque nos morreu o pai ou a mãe, porque nos morreu o filho com apenas dois anos e a vida acaba ali. Somos seres constamente divorciados ou talvez de forma exagerada somos seres que morremos muitas vezes. Mas ao sentir o apelo desse divórcio, ao homem apenas lhe resta lutar, que é o mesmo que dizer, ao Homem resta-lhe cumprir o castigo que Sísifo também cumpriu, empurrar uma enorme esfera de pedra por uma grande ravina, deixar que a gravidade fizesse o seu trabalho, descendo-a e repetir infinitamente esta tarefa. Ao Homem restalhe cumprir esse castigo. Ao Homem resta-lhe lutar sempre pela vida, porque afinal os seres de sete vidas estão em cada um de nós e amanhã como diria Virgilio Ferreira é um novo dia, em nome de terra até ao fim..., e tudo isto se repete de novo. A nós resta-nos viver e já não é pouco. Artigo redigido por Mahmut 4

5 NOTÍCIAS NA EPG FESTEJAMOS A COMIDA UM DIA ANTES! A atividade do Dia Mundial da Alimentação decorreu no dia 15 de outubro de 2013, apesar da sua comemoração mundial ser no dia 16 de outubro. Esta atividade foi desenvolvida durante as aulas de microbiologia, higiene e segurança alimentar, biologia e ciências naturais com a participação de todos os alunos das turmas de Técnico de Processamento e Controlo de Qualidade Alimentar (TPCQA) e Curso Vocacional de Hotelaria/ Qualidade Alimentar/ Artes Decorativas (CV). Estes participaram ativamente na atividade, ora com sugestões, ora na execução das tarefas. A turma de TPCQA sugeriu levar a comemoração do Dia Mundial da Alimentação para as ruas de S. Pedro da Cova, com o intuito de sensibilizar a população para hábitos alimentares saudáveis. Desta forma seria calculado o IMC da população, seriam realizados inquéritos sobre a alimentação e distribuídos panfletos alusivos ao tema. 5

6 NOTÍCIAS No entanto, uma vez que estava a chover imenso, os nossos colegas tiveram que alterar os seus planos e a atividade passou a ser realizada dentro da escola. Os alunos vestiram-se de frutas e foram às salas distribuir panfletos e entregar um inquérito sobre os hábitos alimentares para os professores realizarem junto das turmas, foram afixados cartazes na escola realizados por TPCQA e CV abordando o IMC, a importância de ler os rótulos, os nutrientes constituintes dos alimentos. Alguns continham adivinhas e a roda dos alimentos. A turma de TPCQA realizou em tamanho A3 um folheto para ser colocado nos tabuleiros de almoço, a alertar para os cuidados de higiene alimentar, para a má alimentação, para os constituintes dos alimentos, para as funções dos nutrientes, através de palavras cruzadas e sopa de letras. As meninas decidiram enfeitar bandoletes com frutas para chamar a atenção para o dia comemorativo. A atividade dinamizada pela docente Isabel Martins foi muito proveitosa, para além de original, uma vez que pôs muita gente a pensar sobre a sua alimentação, ainda que tenha sido apenas por um dia. 6

7 NOTÍCIAS QUENTINHO E BOM No passado dia 11, decorreu o tradicional Magusto. Para esta ocasião foi realizada uma pequena festa que incluiu uma peça de teatro, um concurso de cartazes de São Martinho e um stand-up comedy. Mas, vamos por partes: o evento ficou, desta feita, a cargo do 1º ano do Curso Profissional de Técnico de Receção. Os apresentadores, Igor Soares e Soraia Martins, conduziram-no, pela primeira vez, de uma forma compreensivelmente nervosa, mas eficiente. A decoração estava impecavelmente tradicional e em perfeita sintonia com o tema da atividade. O primeiro momento da tarde foi de divertimento com a peça Afinal a história era outra que explicava as origens made in São Pedro da Cova da lenda de São Martinho. Os atores do 2º ano do Curso Profissional de Técnico de Turismo estiveram, como a isso já nos habituaram, em grande nível. O Fábio Castro (é dele a exclamação que deu origem ao título desta notícia) e a Joviniana Montôlha foram os vendedores que animaram esta pequena representação. Por seu lado, Jorge Vieira, Diana Sousa e Paula Abrantes interpretaram a preceito clientes muito difíceis de contentar. Mas como poderia haver regras (até numa peça) sem autoridade?! A agente Ana Vides tratou desta lacuna com muita eficácia. Isso tudo sob a excelente orientação do célebre encenador Joaquim Lemos. Parabéns a todos! Seguiu-se a competição e que competição! Todos os cartazes estavam de facto muito atraentes, expressivos e criativos. Os alunos não estavam preparados para a apresentação dos trabalhos mas todas as turmas foram representadas, em palco, por valentes mandatários. 7

8 NOTÍCIAS Num auditório cheio de alunos que não souberam respeitar os colegas que estavam em palco, subiu ao palco o aluno André Lopes para um stand-up comedy. Apesar de esta não ter sido a primeira vez que o fazia sozinho, o André demonstrou um nervosismo que marcou a sua atuação e fez com que a suas intervenções não tivessem o efeito cómico pretendido. O aluno demonstrou coragem tentando ultrapassar as dificuldades provocadas pelo seu estado de ansiedade. Resta ao André retirar as devidas conclusões e corrigir o que não correu tão bem na sua atuação. Concluída a intervenção individual do aluno do 1º ano de Técnico de Receção, foi conhecido o cartaz vencedor. A turma do 3º ano de Técnico de Turismo, um habitué nestas andanças, foi o feliz contemplado numa votação que terá sido, sem sombra de dúvida, muito renhida tal a qualidade dos trabalhos apresentados. São castanhas, são castanhas Sente-se o sabor e o cheiro! São os frutos das entranhas Que brotam do castanheiro. Esta quadra redigida pelos alunos vencedores e que ornamentava o seu cartaz é inquestionavelmente a melhor forma de introduzir o momento que se seguiu: a degustação de castanhas servidas pela turma organizadora. Acompanhadas por sumos de várias qualidades que os rececionistas, delicada e pacientemente, serviam as castanhas que estavam este ano muito saborosas. Uma ótima forma de concluir uma atividade para a qual os caloiros de Técnico de Receção, assim como a sua coordenadora, a professora Isabel Campos, tanto se esforçaram. 8

9 NOTÍCIAS Olá caloiros! No passado dia 27 de setembro, a Escola Profissional de Gondomar recebeu cerca de cem jovens alunos que ingressaram nas diferentes ofertas formativas da nossa escola. Os novos alunos foram recebidos em sala de aula pelos respetivos Diretores de Curso e Orientadores Educativos. De seguida, foram-lhes entregues umas pulseiras simbólicas referentes a cada um dos novos cursos pelos alunos finalistas do Curso Profissional de Técnico de Design, variante de Interiores/Exteriores. Todos os alunos se dirigiram ao auditório da Escola para dar início à sessão de abertura do novo ano letivo cujos apresentadores foram dois alunos finalistas do Curso Profissional de Técnico de Turismo, a aluna Marta da Silva e o aluno Filipe Dias. A primeira atividade foi da responsabilidade do Grupo de Teatro da EPG com a peça cómica Aula de Revisões. Depois de momentos hilariantes foi tempo de ouvir o depoimento dos alunos finalistas do ano letivo transato sobre a Viagem de Finalistas a Londres. Os alunos subiram ao placo, deixaram o seu testemunho e depois brindaram-nos com a apresentação de um pequeno vídeo referente à atividade. Subiu então ao palco o nosso Diretor, o Dr. Agostinho Lemos, para o habitual discurso de boas vindas da praxe. 9

10 NOTÍCIAS Sucedeu-se a entrega dos prémios de mérito, tendo a Diretora Pedagógica, a Dr.ª Mónica Guedes, entregue os prémios aos melhores alunos no que concerne à assiduidade. Depois, os diretores de curso fizeram a entrega dos prémios de melhor desempenho/aproveitamento e de melhor trabalho académico na área técnica/tecnológica. Seguiu-se a entrega dos 6 bilhetes duplos para a peça de teatro Balas e Bolinhos aos alunos vencedores dos passatempos divulgados na página do facebook da Escola. Posteriormente foram também entregues os prémios para os alunos dos Cursos de Educação e Formação que participaram na divulgação da Viagem Medieval II. A docente de Inglês, a Dr.ª Ana Dias, fez então a apresentação do Programa Comenius. Seguidamente, os alunos do Curso Profissional de Técnico de Energias Renováveis, variante de Sistemas Solares, apresentaram um vídeo sobre várias atividades que desenvolveram ao longo do ano letivo anterior, realizaram uma demonstração de um carrinho movido a energia solar e ainda divertiram os presentes com um interessante e pedagógico jogo da roleta sobre as energias renováveis. 10

11 NOTÍCIAS Depois de um curto intervalo, os alunos regressaram às salas de aula previamente preparadas para a divulgação dos cursos já existentes na nossa Escola. Assim, a sala 15 foi ocupada pelo Curso Profissional de Técnico de Controlo da Qualidade Alimentar que apresentou algumas experiências em laboratório mostrando como a ciência pode ser divertida; na sala 14, os alunos do Curso Profissional de Técnico de Design, variante de Interiores e Exteriores, realizaram uma exposição dos trabalhos que desenvolveram ao longo do curso e fizeram uma demonstração do programa de desenho Autocad; na sala 15, os alunos do Curso Profissional de Técnico de Energias Renováveis, variante de Sistemas Solares, fizeram uma exemplificação prática da Lei de Ohm, queimando algumas resistências e, finalmente, os alunos do Curso Profissional de Técnico de Turismo decoraram todo o átrio e algumas paredes da Escola com cartazes relacionados com o Dia Mundial do Turismo, fazendo seguidamente a apresentação dos seus trabalhos. Por fim, os novos alunos regressaram às respetivas salas de aula para lhes serem explicadas as regras de organização e de funcionamento da Escola e, concretamente, o Manual do Aluno, uma ferramenta indispensável para o sucesso escolar dos alunos. A sessão de abertura do novo ano letivo foi, portanto, como afirma a professora Inês Matos um acontecimento repleto de bons momentos que promoveu a integração dos novos alunos e permitiu o desenvolvimento das relações interpessoais entre todos os membros da comunidade escolar. 11

12 NOTÍCIAS Uma visita às estrelas As turmas do terceiro ano dos Cursos Profissionais Técnico de Turismo e Técnico de Design variante de Interiores/Exteriores visitaram o Centro Multimeios de Espinho na manhã do dia 22 de outubro, no âmbito da disciplina Área de Integração. Supervisionada pela docente Joana Leite, a visita iniciou-se com uma sessão de planetário com o tema À volta do Sol. Durante a mesma, os alunos puderam estimular a sua visão crítica acerca do lugar ocupado pelo nosso planeta no Universo e reconhecer uma multiplicidade de informações sobre o sistema solar, assim como a existência de uma grande variedade de recursos disponíveis, para se poder ampliar esse conhecimento. Terminada a sessão, a turma de fusão do terceiro ano, participou na astroatividade do Centro Construção de um Planisfério. Nesta atividade os alunos perceberam como se podem localizar as constelações, testando o planisfério construído dentro da sala da sessão. Foi um dia diferente pois permitiu, a alguns desses alunos que costumam andar com a cabeça nas nuvens, passar a ver estrelas. 12

13 NOTÍCIAS À descoberta do mundo rural No passado dia 22 de outubro as turmas do segundo ano dos cursos profissionais de Técnico de Turismo, Técnico de Processamento e Controlo de Qualidade Alimentar e Técnico de Energias Renováveis - variante Sistemas Solares, visitaram a Quinta do Passal/Centro de Educação Ambiental, no âmbito da disciplina de Área de Integração. A Quinta constitui-se como um amplo espaço no qual os visitantes de todas as idades podem embarcar numa viagem de descoberta do mundo rural e da sustentabilidade ambiental. A visita foi dividida em duas partes. Na primeira, foi apresentado o espaço exterior às turmas, por um guia, enfatizando as hortas biológicas e as espécies de árvores locais. Na segunda parte, as três turmas dirigiram-se a três oficinas educativas para experimentação, aquisição e consolidação de conhecimentos. Os temas abordados nas oficinas foram: Rios, os seres vivos e contaminantes e Uma nova vida a objetos usados. Na última, foi realizado um Quiz sobre o Desenvolvimento Sustentável. Segunda a professora Joana Leite, a atividade foi interessantíssima e muito proveitosa. 13

14 NOTÍCIAS Um ouriço, dois ouriços um grande castanheiro No dia 8 de novembro o Curso Vocacional de Hotelaria/ Qualidade Alimentar/ Artes Decorativas montou um Castanheiro a partir de paus de salix e folhas artificiais. As folhas artificiais foram pintadas, pelos nossos colegas, com tinta em tons outonais: castanho, vermelho e amarelo. Após a secagem da tinta aplicaram cola em spray e gliter acobreado. Os paus de salix foram colocados num vaso com barro, para ficarem firmes e em forma de árvore. Os alunos, divididos em vários grupos, colaram todas as folhas pintadas e, seguidamente, transportaram o resultado final para o átrio da nossa escola. Com o intuito de criar um ambiente natural distribuíram ouriços de um castanheiro e castanhas. Ainda hoje podes ver essa árvore aqui exposta. Segundo a professora a atividade foi realizada para a festa popular de S. Martinho apresentando-se como um elemento decorativo e como forma de divulgar o trabalho dos alunos do Curso Vocacional. 14

15 NOTÍCIAS Um dia com muita cor e menos lixo! Na passada quinta feira, dia 7 de novembro, a escola dinamizou a III edição da iniciativa. Juntos por uma escola azul, amarela e muito verde". Trata-se de uma atividade de cariz ambiental, desenvolvida pela disciplina de Área de Integração, em articulação com os alunos dos 2º anos dos Cursos Profissionais (TT, TER e TPCQA), e com o incondicional apoio da junta de freguesia de S. Pedro da Cova/ Fânzeres. Os objetivos desta atividade centramse em: sensibilizar para a poupança de recursos; promover a consciência cívica para a necessidade de preservação ambiental; desenvolver o espírito de cooperação e fomentar o gosto pela escola, desenvolvendo o sentido de pertença. Nesse sentido destacam-se múltiplas atividades em que toda a comunidade escolar participou entusiasticamente: recolha do lixo na envolvente da escola, plantação de uma árvore no jardim da escola (Gingko Biloba), ateliês de reutilização de materiais e jogos de exterior de sensibilização ambiental. Um verdadeiro sucesso que pede uma IV edição! 15

16 NOTÍCIAS VEM CORRER (PEDALAR OU CAMINHAR) COM A EPG Ainda no ano letivo passado, durante o segundo período, o professor Tiago Ascenção teve a saudabilíssima ideia de convidar alguns alunos do curso de Técnico de Energias Renováveis para irem correr. Rapidamente a iniciativa tomou os contornos de ritual. E outros alunos se foram juntando ao professor. Foi assim que, numa sexta-feira de outubro se formou um grupo considerável, que correu, pedalou ou caminhou pela marginal, em Gramido, exibindo orgulhosamente as cores da nossa escola. O professor continua, juntamente com o grupo que sempre o acompanhou, a percorrer o passadiço de uma ponta a outra, sempre que o tempo assim o permite. 16

17 Captamos os primeiros momentos dos novos membros da NOSSA família. 17

18 18

19 REPORTAGEM COMENIUS: a EPG alarga os seus horizontes A EPG não falha, inova. Desta vez, não vamos limitar-nos à escola, nem a São Pedro da Cova. Gondomar? Porto? Portugal? Não! Vamos conquistar a Europa Alemanha, Itália, Espanha, Polónia e Bulgária: eis a lista dos países que se juntaram à nossa nação que será representada pela Escola Profissional de Gondomar no programa COMENIUS. Este visa melhorar a qualidade e reforçar a dimensão europeia da educação, desde o ensino pré-escolar até ao ensino secundário, bem como dos estabelecimentos e organizações que oferecem esses mesmos níveis de ensino, de modo a atingir todos os intervenientes e agentes da atividade educativa. Estas atividades desenvolvem-se nos 27 Estados-Membros da União Europeia, nos países EFTA-EEE (Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça), na Turquia e nos países e territórios ultramarinos pertencentes à Comunidade Europeia. Os objetivos passam por desenvolver o conhecimento e sensibilizar os jovens e o pessoal educativo para a diversidade e para o valor das culturas e das línguas europeias, bem como ajudar os jovens a adquirirem as aptidões e as competências básicas de vida, necessárias ao seu desenvolvimento pessoal, à sua futura vida profissional e a uma cidadania europeia ativa. Quem pode se candidatar ao programa? Alunos, escolas, professores e outro pessoal educativo da educação pré-escolar até ao ensino secundário; futuros professores; associações, organismos sem fins lucrativos, ONG e representantes destes organismos ligados à educação escolar; pessoas e organismos responsáveis pela organização e oferta de educação a nível local, regional e nacional; centros e organismos de investigação que se ocupem de assuntos relacionados com a aprendizagem ao longo da vida; estabelecimentos de ensino superior ligados à formação de professores e serviços de orientação, aconselhamento e informação. 19

20 REPORTAGEM No caso da nossa escola, a responsável pelo projeto é a professora Ana Dias. O GN conversou com a docente que confessou que esta participação no programa europeu Comenius é o resultado de várias tentativas. De facto, a professora, aquando de uma viagem à Bélgica, há dois anos, conheceu a equipa polaca que integra o programa. No ano passado, candidatou-se. Porém, sem parceiros suficientes, a candidatura não foi aceite. Este ano, a coordenadora da equipa polaca lembrou-se da professora e da nossa escola e endereçou-lhe o convite e assim se proporcionou uma oportunidade única de a nossa escola poder abrir os seus já largos horizontes. Para a professora, o programa permite aos seus integrantes aperceberem-se que, apesar das diferenças, existem imensas semelhanças entre as nossas culturas. Quer em contexto laboral, quer em situações de forro privado, as similitudes multiplicam-se e esta é uma oportunidade ímpar para todos, através da interação, poderem chegar a esta conclusão. Questionado pelo nosso jornal sobre a complexidade da organização da participação da escola neste programa referiu que este é exigente e requer muita organização. Todavia, a professora terminou afirmando que é uma tarefa árdua mas compensadora. Uma das maiores dificuldades com que se deparou está relacionada com a estada dos alunos estrangeiros. O espírito do programa implica que os mesmos sejam inseridos num ambiente que se aproxime o máximo possível da realidade portuguesa. Daí ter-se pedido a alunos e professores que acolhessem na sua habitação os alunos que vinham do exterior. Assim, os alunos Diana Sousa, 2º T.T., André Castro, 1º T.R., Fábio Ferreira, 2º T.P.C.Q.A., Daniela Costa, 3º T.D., Sofia Fernandes, 1º T.C., Filipa Machado,1º T.C., Miguel Silva, 2º T.T., Ana Rita Oliveira, 3º T.T. e Ana Castro, 3º T.T. foram os colegas que se disponibilizaram para fazê-lo. 20

21 REPORTAGEM Do lado dos professores, o David Sousa e o Vítor Brito receberão eles também dois alunos estrangeiros cada. De sublinhar que a psicóloga da escola, a Dra. Leonilde Ferreira, também acolherá alunos na sua residência. O GN falou com duas das alunas que fazem parte destes caridosos voluntários. Ana Rita Oliveira e Ana Castro, ambas alunas do 3º ano do curso de Técnico de Turismo, estão ansiosas que chegue o dia de poderem conhecer as colegas estrangeiras com quem conviverão ao longo da próxima semana. Uma semana recheada de atividades letivas e não letivas programadas ao pormenor. As alunas estão cientes que será uma semana complicada mas acreditam que será uma experiência enriquecedora a todos os níveis, principalmente se tivermos em conta o plano curricular do curso que as alunas estão prestes a concluir. O cronograma do projeto encontra-se já afixado no átrio da escola. Os alunos estrangeiros chegam no domingo. O que se pede à comunidade é que os receba da melhor forma possível e que os faça sentir na nossa escola como em casa. 21

22 ENTREVISTA ENTREVISTA A UM TERRORISTA* Ele é jovem, tem 16 anos, é estudante e tentou dar cabo de uma escola inteira Jornalista: - Porquê? Por que raio? E o que é que te passou pela cabeça? - Deixem que me apresente: sou um estudante e trazia comigo um plano para arrumar com sessenta pessoas. Infelizmente, só dei cabo de três Analisando os factos, eu tinha duas facas, duas garrafas de álcool e bombas de gás pimenta. Todo preparado, entrei na escola e, quando chegou finalmente o meu momento, por obra de não sei que raio, vindo sei lá de onde, só consegui esfaquear três pessoas! Nem uma morte! Com bombas de gás pimenta e tudo! Motivos? Se calhar, porque me deu na gana Se calhar, porque sou um expert em jogos de terroristas e lembrei-me, porque sou um idiota, que ter recordes só no computador não chega. Também é aceitável dizerem que posso sofrer de graves problemas mentais e que têm de ser expressos de alguma forma. É possível também que me tenha revoltado contra todo o mundo crises de adolescência! Porquê eu? E os meus pais? Eu não me eduquei sozinho Ainda consigo encontrar outro motivo: há fãs que imitam os seus ídolos copiando a sua aparência, eu imitei pelas atitudes. Sim, porque o meu ídolo abateu cerca de 80 pessoas num campo de férias! Se tenho problemas? Sim, tenho. Preciso de ajuda? Sim, preciso. Preciso eu e toda a gente que tem crises E toda a gente as tem! Há que olhar o mundo com olhos esbugalhados, crescer e saber fazê-lo porque o mundo tem problemas. Há que saber ser humano, há que saber ter atitudes porque, qualquer dia, sem sabermos, aparece-nos, no cérebro, um neurónio para provocar um massacre total! *Texto de opinião realizado pela aluna Cristina Ferreira sobre a tentativa de massacre na Escola Secundária Stuart Carvalhais, em Massamá, perpetrada por um jovem de 16 anos. 22

23 Na semana que antecede a receção aos alunos estrangeiros, nada melhor que dedicar este espaço à responsável do projeto na nossa escola 23

24 Uma Boa Cantora A deliciosa receita desta semana foi nos preparada por duas alunas do Curso Vocacional numa aula de Português Ficha técnica Custo: alto Grau de dificuldade: alto Tempo de preparação: anos Para: uma pessoa Ingredientes: 1 pessoa; Instrumentos; 1 microfone; 1 palco; Público; Letra da música; 1 produtor. Preparação: Junta-se o produtor a uma pessoa, até ficar a letra da música, mistura-se os instrumentos com microfone e leva-se ao palco. Para finalizar, juntamos um público louco pela cantora. Tentem e boa sorte! 24

25 Ao Ritmo da EPG. Música da Semana Nesta edição, não haverá o tradicional TOP da turma nem o TOP de qualquer rádio. Optamos por um texto desenvolvido pela turma de CEF Instalação e Reparação de Computadores na aula de Língua Portuguesa. O RAP DE IRC Isto, agora, vamos começar: E apresentar uma turma exemplar Aqui ninguém pensa em reprovar, Connosco o estudo é sempre a bombar. A escola é fixe, estamos sempre a rir, Quando o ano acabar, já temos pr onde ir! Entre nós não há acidente, Todos juntos fazemos um grupo altamente: Do motoqueiro ao bombeiro, Impossível que, de nós, não saia pelo menos um chapeiro! Os matrecos, nos intervalos, dominamos. Jogamos tanto que até brincamos! Do mais baixo ao mais alto, Parecíamos um grupo pronto para um assalto. Agora, já temos melhor aparência Pois somos estudantes com grande experiência. Nas visitas, todos elogiam o nosso comportamento Está visto que, juntos, temos talento Somos IRC E com este rap deixamos tudo à nossa mercê! 25

26 Filipe Pimenta, (19) 01 out. Daniel Vieira (16) 07 out. Rita Oliveira (18) 09 out. Cláudia Pinto (21) 10 out. Susana Martins (19) 14 out. Bruno Lima (17) 18 out. Hugo Nogueira (17) 25 out. Cristiana Soares (16) 26 out. 26

27 Valdemar Cunha (15) 03 nov. Pedro Paiva (19) 07 nov. Mónica Moreira (19) 11 nov. Ivo Santos (17) 12 nov. Hélder Durães (18) 13 nov. Celita Semedo (20) 15 nov. Rui Costa (20) 15 nov. Marta Ramos (18) 19 nov. Liliana Félix (18) 20 nov. Mariana Ramos (19) 22 nov. Cláudio Campos (20) 23 nov. Rui Neves (18) 26 nov. 27

28 É ASSIM QUE SE FAZ UMA CITAÇÃO A capacidade e gosto para a leitura, dá acesso a tudo o que já foi descoberto por outras pessoas. Ela é a chave, ou uma das chaves, dos problemas já resolvidos. Abraham Lincoln Abraham Lincoln* foi o décimo sexto presidente dos Estados Unidos da América (EUA). Nascido a 12 de fevereiro de 1809, Lincoln foi um dos presidentes mais influentes até aos dias de hoje. Cresceu numa família carente, em Hodgenville, no entanto, nunca baixou os braços, sendo autodidata e tornando-se posteriormente num advogado, no líder do Partido Whig, no deputado do estado de Illinois (EUA) e num membro da Câmara dos Representantes. Abraham Lincoln opunha-se à escravidão e conquistou os votos nortenhos do seu país. Reconhecido em todo o mundo, Lincoln foi assassinado a 15 de abril de 1865 (56 anos) por um ator que se opunha ao direito do voto da comunidade negra. *As informações são retiradas do site pt.wikipédia.org Frase escolhida e pesquisa realizada por Daniela Costa 28

29 ORA DIGA SRª. DIRETORA!* Começou um ano com muitas novidades Desejar um ano cheio de sucessos e excelentes resultados a todos em novembro é muito estranho mas todos sabem que os nossos jornalistas se esforçam ao máximo para levar avante este projeto que tem dinamizado a escola. Este ano que já leva dois meses promete ser um ano de revolução na nossa escola. Como sempre a nossa direção tudo fez, tudo faz e tudo fará para que a taxa de sucesso seja a mais alta possível. É nesse sentido que foi pensado e criado um novo sistema de avaliação extraordinária. De facto, nos últimos anos, temos vindo a observar uma tendência perigosa de aumento do insucesso. Ora, este não é o caminho a que a nossa escola se traçou. Queremos jovens que cumpram o seu percurso escolar de forma eficiente para que aumentem exponencialmente as suas probabilidades de entrada no mercado do trabalho, aquando da sua saída do nosso estabelecimento de ensino. O objetivo deste ano é que TODOS os nossos finalistas concluam com êxito o seu curso. Uma meta utópica?! Talvez mas o futuro dirá se não é permitido à EPG sonhar bem alto Uma coisa, no entanto, é certa: para concretizar esta ambição o elemento essencial são vocês: os alunos! Sem o vosso esforço, sem a vossa dedicação, todas as medidas tomadas serão vãs. O meu conselho para este ano letivo é apenas um: TRABALHEM CONNOSCO POIS O VOSSO SUCESSO É O NOSSO! *A nossa Diretora Pedagógica, Dra. Mónica Guedes, redige quinzenalmente um editorial no GN. 29

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor.

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor. Um futuro melhor Várias vezes me questiono se algum dia serei capaz de me sentir completamente realizada, principalmente quando me encontro entregue somente aos meus pensamentos mais profundos. E posso

Leia mais

Parlamento dos Jovens

Parlamento dos Jovens Parlamento dos Jovens Nos passados dias 4 e 5 de maio, jovens do 3º ciclo de todo o país e fora da Europa encontraram-se no Palácio de São Bento, em Lisboa, no seguimento dos trabalhos relativos ao projeto

Leia mais

1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas.

1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas. C O N H E C E R P E S S O A S U n i d a d e 1 5 U N I D A D E 1 1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas. 1. Os meus colegas estão insatisfeitos com o trabalho. 2. Fui com um amigo à agência de

Leia mais

José Epifânio da Franca (entrevista)

José Epifânio da Franca (entrevista) (entrevista) Podemos alargar a questão até ao ensino secundário Eu diria: até à chegada à universidade. No fundo, em que os jovens já são maiores, têm 18 anos, estarão em condições de entrar de uma maneira,

Leia mais

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades Externato Cantinho Escolar Plano Anual de Atividades Ano letivo 2014 / 2015 Pré-escolar e 1º Ciclo Ação Local Objetivos Atividades Materiais Recursos Humanos Receção dos Fomentar a integração da criança

Leia mais

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE CONCURSO SOBRE OS DIREITOS DAS CRIANÇAS 1. Apresentação TEMA GERAL DIREITO À DIFERENÇA EU MAIS TU REGULAMENTO DO CONCURSO O IAC-CEDI, Centro de Estudos, Documentação e Informação

Leia mais

JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62. Editorial. competências. Por exemplo: dizemos que os jovens devem ser empreendedores,

JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62. Editorial. competências. Por exemplo: dizemos que os jovens devem ser empreendedores, Associação Nacional de Docentes de Educação Especial Newsletter JUNHO 2013 (2ª QUINZENA) Nº62 Editorial Não é normal Quando eu fui professor do ensino básico, costumava propor aos meus alunos um jogo que

Leia mais

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar CATEGORIAS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS S. C. Sim, porque vou para a beira de um amigo, o Y. P5/E1/UR1 Vou jogar à bola, vou aprender coisas. E,

Leia mais

6 Estimular a Criatividade

6 Estimular a Criatividade OZARFAXINARS N.2 DEZEMBRO 2005 121 6 Estimular a Criatividade Como aspecto menos valorizado pela Escola, a criatividade pode estimular novas formas de o jovem se relacionar com o mundo, desenvolvendo atitudes

Leia mais

É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia

É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia Entrevista a Carlos Amaral Dias É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia Andreia Sanches 04/05/2014 O politicamente correcto implica pensar que a praxe é uma coisa horrível.

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

O ENSINO ESPECIAL A LENDA DA SERRA DA ESTRELA DATA DO BOLETIM: DEZEMBRO DE 2007 A MARIA CASTANHA A TURMA DO O DIA DE S.MARTINHO O PÃO NA NOSSA

O ENSINO ESPECIAL A LENDA DA SERRA DA ESTRELA DATA DO BOLETIM: DEZEMBRO DE 2007 A MARIA CASTANHA A TURMA DO O DIA DE S.MARTINHO O PÃO NA NOSSA VOLUME 1, EDIÇÃO 1 DATA DO BOLETIM: DEZEMBRO DE 2007 NESTA EDIÇÃO: A MARIA CASTANHA 2 A TURMA DO 2.º 2.ª 3 O DIA DE S.MARTINHO 4 O PÃO NA NOSSA ALIMENTAÇÃO A TURMA DO 1.º 2.ª 5 6 O ENSINO ESPECIAL 7 SOLIDARIEDADE

Leia mais

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 O Agrupamento de Escolas N.º2 de Abrantes tem como um dos seus objetivos a plena integração na comunidade de que faz parte. Surge assim como natural a divulgação das

Leia mais

SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA

SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA PROJETOS DE VOLUNTARIADO CRID MIMAR As professoras: Ana Paula Ramalho Paula Cristina Baptista Maria João Coelho Pinto Susana Costa 5.º ANO A 6.º ANO B 7.º ANO A SAIR DE NÓS

Leia mais

Como conversar com possíveis iniciadas

Como conversar com possíveis iniciadas Como conversar com possíveis iniciadas Convidar outras mulheres a tornarem-se consultoras é uma atividade chave para quem quer tornar-se diretora. Aprenda como fazer a entrevista de iniciação, ou seja:

Leia mais

Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita

Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita 1 Clube de Teatro Escola EB - 2,3 de Perafita Ana Moreira, Coordenadora O Clube de Teatro da Escola E.B. 2,3 de Perafita apresentou-se em cena nos dias 21 e 24 de Maio, com o seu mais recente trabalho

Leia mais

Ana Maria Be encourt 1

Ana Maria Be encourt 1 ABERTURA Ana Maria Be encourt 1 Senhor Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Senhor Embaixador Presidente da Comissão Nacional da UNESCO, Senhora Secretária Regional da Educação

Leia mais

INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA CONVERSA SOBRE EMOÇÕES

INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA CONVERSA SOBRE EMOÇÕES INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA CONVERSA SOBRE EMOÇÕES INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA CONVERSA SOBRE EMOÇÕES O que é insuficiência renal A insuficiência renal é como se fosse um defeito, uma falha no

Leia mais

Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO. newsletter E I P D A AGENDA. copywright Escola Intercultural, empresa municipal

Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO. newsletter E I P D A AGENDA. copywright Escola Intercultural, empresa municipal Nº 22 - Agosto 2013 - GRATUITO newsletter copywright Escola Intercultural, empresa municipal E I P D A ENSINO INTERVENÇÃO PARCERIAS DESENVOLVIMENTO AGENDA 01 EDITORIAL Somos o que fazemos É tempo de férias

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

Índice. - Introdução. 3. - Cronograma 4-5. - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38

Índice. - Introdução. 3. - Cronograma 4-5. - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38 1 2015-2016 Índice - Introdução. 3 - Cronograma 4-5 - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38 2 Introdução O Município de Paços de Ferreira, assumindo-se como uma Cidade Educadora, respeitando um

Leia mais

Genialidade, Fernando Pessoa

Genialidade, Fernando Pessoa Um homem de génio é produzido por um conjunto complexo de circunstâncias, começando pelas hereditárias, passando pelas do ambiente e acabando em episódios mínimos de sorte. Genialidade, Fernando Pessoa

Leia mais

Ano 14 N.º 22 Sector de Educação Junho de 2010. Jornal da Pediatria. Centro Hospitalar Barreiro Montijo, E.P.E.

Ano 14 N.º 22 Sector de Educação Junho de 2010. Jornal da Pediatria. Centro Hospitalar Barreiro Montijo, E.P.E. Ano 14 N.º 22 Sector de Educação Junho de 2010 Jornal da Pediatria Centro Hospitalar Barreiro Montijo, E.P.E. Serviço de Pediatria do Hospital Nossa Senhora do Rosário Olá amiguinhos. 2010 tem sido um

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Objetivos Atividades Responsáveis Datas Recursos Avaliaçõe s Promover o convívio entre os elementos da comunidade educativa Proporcionar momentos de alegria e partilha Recepção

Leia mais

INTRODUÇÃO. Projecto Curricular de Turma SALA DO ATL

INTRODUÇÃO. Projecto Curricular de Turma SALA DO ATL INTRODUÇÃO A Educação não formal distingue-se, nas últimas décadas da Educação formal ou ensino tradicional, uma vez que confere outro tipo de reconhecimento, organização, qualificação e estrutura. A Educação

Leia mais

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra?

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra? Rádio Web Saúde dos estudantes de Saúde Coletiva da UnB em parceria com Rádio Web Saúde da UFRGS em entrevista com: Sarah Donetto pesquisadora Inglesa falando sobre o NHS - National Health Service, Sistema

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012

PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012 PROPOSTAS PARA O PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2011/2012 PROJETO EDUCAR PARA A SAÚDE Atividades a desenvolver Dia mundial da alimentação - Disponibilizar fruta grátis no bar da escola. - Disponibilizar

Leia mais

Vamos todos celebrar o Dia do Leite,

Vamos todos celebrar o Dia do Leite, Vamos todos celebrar o Dia do Leite, que só podia ser no dia da Criança! DIA DO Leite E DA Criança amigos para a vida No âmbito da celebração do Dia do Leite e da Criança e da festa de encerramento do

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO SALA CURIOSOS

PROJETO PEDAGÓGICO SALA CURIOSOS PROJETO PEDAGÓGICO SALA CURIOSOS Ano letivo 2012/2013 PROJETO PEDAGÓGICO SALA DOS CURIOSOS INDICE 1- Caracterização do grupo 2- Tema do projeto pedagógico da sala dos Curiosos: A Brincar vamos descobrir

Leia mais

Olhar de Novo. Espetáculo de Teatro Fórum sobre bullying. Dirigido ao ensino secundário. 35.ª produção Baal17 Companhia de teatro

Olhar de Novo. Espetáculo de Teatro Fórum sobre bullying. Dirigido ao ensino secundário. 35.ª produção Baal17 Companhia de teatro Olhar de Novo Espetáculo de Teatro Fórum sobre bullying Dirigido ao ensino secundário 35.ª produção Baal17 Companhia de teatro Olhar de Novo - Sinopse e ficha técnica Na vida, como no Facebook, os gostos

Leia mais

Palavras Soltas II. Projeto Pedagógico 2015/2016. Equipa Educativa:

Palavras Soltas II. Projeto Pedagógico 2015/2016. Equipa Educativa: Palavras Soltas II Equipa Educativa: Ana Maria Lopes; Ana Paula Neves; Daniela Bonito; Sandra Silva; Tathiana Germano; Teresa Ouro 2 13 Índice Introdução... 3 I. Justificativa/ Tema... 4 II. Caracterização

Leia mais

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com 5Passos fundamentais para Conseguir realizar todos os seus SONHOS Autora: Ana Rosa www.novavitacoaching.com O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza dos seus sonhos! Eleanor Roosevelt CONSIDERA

Leia mais

Despertar os sentidos!

Despertar os sentidos! Despertar os sentidos! Tudo o que conhecemos chega-nos, de uma forma ou de outra, através de sensações sobre as realidades que nos rodeiam. Esta consciência sensorial pode e deve ser estimulada! Quanto

Leia mais

O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter

O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter Aos 24 anos Ricardo Pesqueira tem já um longo percurso andebolístico. Cresceu para o desporto no Águas Santas, mas no currículo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA LUZ E AMOR AELA

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA LUZ E AMOR AELA PSÍCÓGRAFA A Paz! Estou aqui presente para ajudar em teu trabalho! Minha irmã, estou sempre presente, mas nem sempre me é possível fazer comunicação contigo, pois existem outros irmãos que estão contigo

Leia mais

BOAS FÉRIAS, LÊ, JOGA E DIVERTE-TE!

BOAS FÉRIAS, LÊ, JOGA E DIVERTE-TE! JUNHO 2014 BOAS FÉRIAS, LÊ, JOGA E DIVERTE-TE! Caros leitores e leitoras, A presente edição é a última do Jornal Caça Notícias do Agrupamento de Escolas Roque Gameiro, mas não se preocupem, continuarão

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Entrevista à artista plástica Sofia Areal: "Faz-se muito, erra-se muito, aprende-se muito"

Entrevista à artista plástica Sofia Areal: Faz-se muito, erra-se muito, aprende-se muito lazer // Entrevista à artista plástica Sofia Areal: "Faz-se muito, erra-se muito, aprende-se muito" A pintora vai inaugurar uma exposição, em Setembro. O pretexto ideal para nos lançarmos à conversa com

Leia mais

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil APCOI lança 4ª edição do projeto que incentiva os alunos a comer mais fruta no lanche escolar Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil Depois do sucesso das edições anteriores

Leia mais

By Dr. Silvia Hartmann

By Dr. Silvia Hartmann The Emo trance Primer Portuguese By Dr. Silvia Hartmann Dra. Silvia Hartmann escreve: À medida em que nós estamos realizando novas e excitantes pesquisas; estudando aplicações especializadas e partindo

Leia mais

Dalcídio Jurandir inspira projeto teatral Por Luciana Medeiros, colaboradora do Guiart

Dalcídio Jurandir inspira projeto teatral Por Luciana Medeiros, colaboradora do Guiart Dalcídio Jurandir inspira projeto teatral Por Luciana Medeiros, colaboradora do Guiart Ponta de Pedras, ilha do Marajó, Pará, 10 de janeiro de 1909. Nasce ali e naquela data uma das maiores expressões

Leia mais

Discurso do concluinte do Ensino Médio Gabriel Mansur Colação 2011. Excelentíssimo Senhor Manoel de Medeiros Brito, Presidente da Liga de

Discurso do concluinte do Ensino Médio Gabriel Mansur Colação 2011. Excelentíssimo Senhor Manoel de Medeiros Brito, Presidente da Liga de Discurso do concluinte do Ensino Médio Gabriel Mansur Colação 2011 Excelentíssimo Senhor Manoel de Medeiros Brito, Presidente da Liga de Ensino do RN, Excelentíssima Senhora Angela Guerra, diretora do

Leia mais

O início de minha vida...

O início de minha vida... Relato 1 Memórias de minha vida Juliana Pedroso 1 O início de minha vida... Perceber com clareza é o mesmo que ter a visão iluminada pela Luz da Alma. Podemos ficar livres da ignorância e ver corretamente

Leia mais

Exame unificado de acesso (Línguas e Matemática) às 4 Instituições do Ensino Superior (2017)

Exame unificado de acesso (Línguas e Matemática) às 4 Instituições do Ensino Superior (2017) Exame unificado de acesso (Línguas e Matemática) às 4 Instituições do Ensino Superior (2017) Português B 澳 門 四 高 校 聯 合 入 學 考 試 ( 語 言 科 及 數 學 科 )2017 Exame unificado de acesso (Línguas e Matemática) às

Leia mais

INFLUÊNCIAS NO PROCESSO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL

INFLUÊNCIAS NO PROCESSO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL INFLUÊNCIAS NO PROCESSO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL 2011 Bruno Fernandes Carla Brasilino Juliano Fávero Mariabile Túlio Email: bruno.fergon@hotmail.com RESUMO O objetivo deste artigo é discutir a questão

Leia mais

Resposta Social de Creche

Resposta Social de Creche Plano Anual de Avenida da Quinta da Prata, Edifício 2, 7150-154 Borba Telefone: 268 891 607 Telemóvel: 967 178 675 Fax: 268 891 608 Correio eletrónico: geral@scmborba.pt Facebook: www.facebook.com/scmborba

Leia mais

O acesso a uma plataforma online "recheada" de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto.

O acesso a uma plataforma online recheada de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto. CARTAS Caros colegas, um professor não é apenas aquele que ensina, mas também o que se deixa aprender. E ainda há tanto para aprender... Com o NPP e metas curriculares, urge adquirirmos ferramentas para

Leia mais

Keyla Ferrari. Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi. ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães

Keyla Ferrari. Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi. ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi Keyla Ferrari ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães Agradecemos aos parceiros que investem em nosso projeto.

Leia mais

Palavras Soltas. Projeto Pedagógico 2014/2015. Equipa Educativa:

Palavras Soltas. Projeto Pedagógico 2014/2015. Equipa Educativa: Palavras Soltas Equipa Educativa: Ana Maria Lopes; Ana Paula Neves; Daniela Bonito; Sandra Silva; Tathiana Germano; Teresa Ouro Índice Palavras Soltas 2 14 pág. Introdução... 5 I. Justificativa/ Tema...

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

Versículo Biblíco Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável. Salmos 139:14 (NVI)

Versículo Biblíco Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável. Salmos 139:14 (NVI) Versículo Biblíco Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável. Salmos 139:14 (NVI) Objetivos O QUE? (GG): As crianças ouvirão a história de Marcinelo, um boneco de madeira que não se sentia

Leia mais

SETEMBRO EXTERNATO DO PARQUE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014. Data Ações a desenvolver Turmas envolvidas. Local

SETEMBRO EXTERNATO DO PARQUE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014. Data Ações a desenvolver Turmas envolvidas. Local SETEMBRO Ao longo Oração da manhã Pré-escolar e 1º do ano ciclo 12 set. Receção aos alunos: Convívio de alunos, pais/ee, prof./educ. e vigilantes no campo de jogos Desejo das boas vindas pela direção e

Leia mais

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Uma Cidade para Todos Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Colaboração Nuno Oliveira, coordenador do Serviço de Psicologia do 1º ciclo do Ensino Básico da EMEC - Empresa Municipal

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

ÍNDICE: Janeiro de 2009

ÍNDICE: Janeiro de 2009 ÍNDICE: 1. Votos de Bom Ano 2. Formações Modulares Certificadas 2008 / 2009 3. Entrega dos Diplomas aos Formandos do Curso Intensivo de Análises Químicas da SONANGOL 4. Recolha de Alimentos 5. On the Wall

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens

Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens Rotary International Distrito 4570 Programa de Intercâmbio Internacional de Jovens Depoimentos de Intercambistas Brasileiros 2 Carolina Castro foi aos Estados Unidos em 2011 Programa Longa Duração O ano

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS JOÃO DANILO BATISTA DE OLIVEIRA E CARLOS ALEXANDRE ANDRADE DOS SANTOS (depoimento)

Leia mais

Projeto Linguístico de Francês. Visita de Estudo Cultural

Projeto Linguístico de Francês. Visita de Estudo Cultural Projeto Linguístico de Francês Ano lectivo 2011-12 Visita de Estudo Cultural 1- PORQUÊ ESTUDAR FRANCÊS? A língua francesa é importante para o estudo e pesquisa em várias áreas do conhecimento, incluindo

Leia mais

Projeto aler+ 2014-16. Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is!

Projeto aler+ 2014-16. Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is! Projeto aler+ 2014-16 Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is! O projeto que apresentamos, apesar de se centrar nos nossos alunos, desde o ensino préescolar ao secundário, envolve toda a comunidade escolar e

Leia mais

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicas-para-jovens Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos As dinâmicas de grupo já fazem parte do cotidiano empresarial,

Leia mais

Conhecer, sentir e viver a Floresta

Conhecer, sentir e viver a Floresta Projeto de Sensibilização e Educação da População Escolar Conhecer, sentir e viver a Floresta 2011-12 Floresta, Fonte de Vida Guia das Atividades - - Dia de S. Martinho, Castanhas e Castanheiros - Dia

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

NA BATALHA DE ATOLEIROS

NA BATALHA DE ATOLEIROS NA BATALHA DE ATOLEIROS Passaram 627 anos, desde que os Portugueses e os Espanhóis, se defrontaram na batalha de Atoleiros. Mais uma vez se comemorará na Vila de Fronteira, a vitoria dos Portugueses, que

Leia mais

PLANO DE AÇÃO OFICINA DE SENSIBILIZAÇÃO DOS PROFESSORES SOBRE O CONCURSO TEMPOS DE ESCOLA

PLANO DE AÇÃO OFICINA DE SENSIBILIZAÇÃO DOS PROFESSORES SOBRE O CONCURSO TEMPOS DE ESCOLA PLANO DE AÇÃO OFICINA DE SENSIBILIZAÇÃO DOS PROFESSORES SOBRE O CONCURSO TEMPOS DE ESCOLA PROPOSTA DE AÇÃO Sensibilizar os professores sobre a importância de incentivar seus alunos a participarem do Concurso

Leia mais

Aldeia de Santa Margarida

Aldeia de Santa Margarida Aldeia de Santa Margarida Agenda Cultural Cultural Edição Especial - Nov Dez 2013 Agenda Cultural Propriedade: Junta de Freguesia de Aldeia de Santa Margarida Edição Especial Nov. Dez. 2013 Distribuição

Leia mais

Em Março de 2007 começa a história que mudou a minha vida para sempre.

Em Março de 2007 começa a história que mudou a minha vida para sempre. D.F., 25 anos, solteira, psicóloga, cancro da mama em 2007 Em Março de 2007 começa a história que mudou a minha vida para sempre. Certo dia senti uma dor suave da mama para a axila e na apalpação descobri

Leia mais

Aprender sonhando Nilbo Nogueira (Transcrição da entrevista 1 )

Aprender sonhando Nilbo Nogueira (Transcrição da entrevista 1 ) Aprender sonhando Nilbo Nogueira (Transcrição da entrevista 1 ) Projetar é sonhar, garante o educador Nilbo Nogueira. Afinal, tem coisa melhor que planejar e pôr em prática, na sala de aula, atividades

Leia mais

Dados sobre o grupo de Balanço de Competências (Reunião com a Dra. Emília)

Dados sobre o grupo de Balanço de Competências (Reunião com a Dra. Emília) Dados sobre o grupo de Balanço de Competências (Reunião com a Dra. Emília) No balanço de competências temos um manual que foi feito em conjunto e em parceria com as entidades locais, em que discutimos

Leia mais

Pedagogia in Foco. Faculdade Polis das Artes. Faculdade Polis das Artes na construção do Plano Municipal de Educação

Pedagogia in Foco. Faculdade Polis das Artes. Faculdade Polis das Artes na construção do Plano Municipal de Educação Pedagogia in Foco Faculdade Polis das Artes Volume 1, edição 1 2º Semestre de 2015 Destaques Faculdade Polis das Artes na construção do Plano Municipal de Educação O Plano Municipal de Educação PME, é

Leia mais

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil APCOI lança 5ª edição do projeto que incentiva os alunos a comer mais fruta no lanche escolar Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil Depois do sucesso das edições anteriores

Leia mais

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo Era uma vez a família Rebolo, muito simpática e feliz que vivia na Amadora. Essa família era constituída por quatro pessoas, os pais Miguel e Natália e os seus dois filhos Diana e Nuno. Estávamos nas férias

Leia mais

Escrita Eficiente sem Plágio

Escrita Eficiente sem Plágio Escrita Eficiente sem Plágio Produza textos originais com qualidade e em tempo recorde Ana Lopes Revisão Rosana Rogeri Segunda Edição 2013 Direitos de cópia O conteúdo deste livro eletrônico tem direitos

Leia mais

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA Do Autor: ficção Não te deixarei morrer, David Crockett (Contos e Crónicas), 2001 Equador (Romance), 2003 Premio Grinzane Cavour Narrativa Straniera (Itália) Rio das Flores

Leia mais

Projeto Educativo 02 02-V R 01-P D O M

Projeto Educativo 02 02-V R 01-P D O M Projeto Educativo Colégio do Sagrado Coração de Maria - Lisboa Projeto Educativo V02 i ÍNDICE I. CARACTERIZAÇÃO FÍSICA...1 1. O meio envolvente...1 2. O Colégio...2 3. Organização Estrutural...2 3.1. Órgãos

Leia mais

CQEP Centro para a Qualificação e Ensino Profissional

CQEP Centro para a Qualificação e Ensino Profissional CQEP Centro para a Qualificação e Ensino Profissional Em março de 2014, o Centro para a Qualificação e o Ensino Profissional (CQEP) da Escola Secundária de Felgueiras iniciou a sua missão de informar,

Leia mais

Lista Ordenada. Ponderação da Avaliação do Portefólio - 30%

Lista Ordenada. Ponderação da Avaliação do Portefólio - 30% Técnicos Especializados da Escola : Agrupamento de Escolas de Santo António, Barreiro Nº Escola : 121216 Data final da candidatura : 214-1-29 Nº Horário : 41 Disciplina Projeto: Gabinete GISP Nº Horas:

Leia mais

Regulamento dos Concursos

Regulamento dos Concursos Prosepe - Projecto de Sensibilização e Educação Florestal da População Escolar 1 Projecto Prosepe Projecto de Sensibilização e Educação Florestal da População Escolar Ciclo: Olhar Pela Floresta Regulamento

Leia mais

Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2012/2015 : Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2011/2014 :

Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2012/2015 : Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2011/2014 : Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2012/2015 : Empresas parceiras das Bolsas Sociais EPIS 2011/2014 : 1 INTRODUÇÃO A Associação EPIS Empresários Pela Inclusão Social foi criada em 2006 por empresários

Leia mais

PROJETO DE INTERVENÇÃO

PROJETO DE INTERVENÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES CANDIDATURA A DIRETOR PROJETO DE INTERVENÇÃO (2013-2017) Pedro Paulo da Costa Cerqueira Amares, maio de 2013 As organizações, tal como os organismos vivos, têm os seus

Leia mais

Prova Escrita de Português

Prova Escrita de Português EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Português Alunos com deficiência auditiva de grau severo ou profundo 12.º Ano de Escolaridade Prova 239/2.ª

Leia mais

Catálogo Livros. Editora: Minutos de Leitura REF: LB08 PVP: 12 euros (IVA incluído)

Catálogo Livros. Editora: Minutos de Leitura REF: LB08 PVP: 12 euros (IVA incluído) Crocodilo e Girafa Este livro aborda temáticas fundamentais para o desenvolvimento da criança tais como aceitação das diferenças, tolerância à frustração, regras de convivência em grupo; o respeito pelos

Leia mais

GUIA DO PROFESSOR 2014-2015

GUIA DO PROFESSOR 2014-2015 GUIA DO PROFESSOR 2014-2015 Exmo(a). Senhor(a) Professor(a), Este documento procura ser um roteiro útil, que sistematiza as principais etapas e prazos a que os professores responsáveis pelo desenvolvimento

Leia mais

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes Consciencializar toda a Comunidade Escolar para a Preservação do Meio Envolvente; Sensibilizar a comunidade para a poupança de recursos, promovendo a reutilização e a reciclagem. Valorizar a Educação para

Leia mais

Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI)

Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI) Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI) II 1 Indicadores Desqualificação Não poder fazer nada do que preciso, quero fazer as coisas e não posso ; eu senti-me velho com 80 anos. Aí é que eu já

Leia mais

Anexo A. Organização do edifício de Creche

Anexo A. Organização do edifício de Creche Anexo A. Organização do edifício de Creche Rés-do-chão: Berçário Copa do leite Sala de atividades Refeitório para crianças Casa de banho para crianças Casa de banho para adultos Refeitório para adultos

Leia mais

Organizando o dia a dia

Organizando o dia a dia 1 Organizando o dia a dia GENTE TEM SOBRENOME TODAS AS COISAS TÊM NOME, CASA, JANELA E JARDIM. COISAS NÃO TÊM SOBRENOME, MAS A GENTE SIM. SOBRENOME: NOME QUE VEM DEPOIS DO NOME PRINCIPAL. TODAS AS FLORES

Leia mais

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil No ano letivo 2013-2014, a APCOI lançou 3ª edição do projeto que incentiva os alunos a comer mais fruta no lanche escolar Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil Depois do sucesso

Leia mais

Debate Nacional sobre a Educação. Como vamos melhorar a educação nos próximos anos?

Debate Nacional sobre a Educação. Como vamos melhorar a educação nos próximos anos? Debate Nacional sobre a Educação Como vamos melhorar a educação nos próximos anos? A Assembleia da República decidiu promover, conjuntamente com o Governo, um Debate Nacional sobre Educação, por ocasião

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012 Plano Anual de Actividades Jardins de Infância Organização do Ambiente Educativo e espaços comuns. (de 4 a 09-09-2011) Cada educadora prepara a sua sala Organizar o Ambiente Educativo educadoras. Observação

Leia mais

Escola de Evangelização Maria de Nazaré. SEFUARTE Semeando o Futuro com Arte - 2003. Tema: Nas Pegadas do Mestre

Escola de Evangelização Maria de Nazaré. SEFUARTE Semeando o Futuro com Arte - 2003. Tema: Nas Pegadas do Mestre Escola de Evangelização Maria de Nazaré SEFUARTE Semeando o Futuro com Arte - 2003 Tema: Nas Pegadas do Mestre Oficina de Artes Plásticas 1 Bel e Maria Isabel 2 Ludmila e Cristiane Portella Parábola: Semeador

Leia mais

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Criar ambientes de partilha; Proporcionar momentos de incentivo à leitura e ao relevo das ilustrações; Facilitar e promover a criatividade e imaginação;

Leia mais

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Caro professor, Este link do site foi elaborado especialmente para você, com o objetivo de lhe dar dicas importantes para o seu

Leia mais

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Fundação Centro Social de S. Pedro de, FCSR Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Atividade Objetivos Recursos Calendarização Local Receção e acolhimento das crianças que vão

Leia mais

dobrar pelo tracejado para dentro furo ÁLBUM de aventuras furo dobrar pelo tracejado para dentro pôr cola no outro lado

dobrar pelo tracejado para dentro furo ÁLBUM de aventuras furo dobrar pelo tracejado para dentro pôr cola no outro lado Você acha que consegue plantar uma floresta inteirinha? E de transformar o seu bairro? Ah, mas criar uma ação em conjunto com o mundo inteiro, você consegue? Claro que sim! Todos têm super poderes, e o

Leia mais