HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 10 A REVOLUÇÃO DE 1930

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 10 A REVOLUÇÃO DE 1930"

Transcrição

1 HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 10 A REVOLUÇÃO DE 1930

2 Presidente Washington Luís

3 Júlio Prestes

4

5 Como pode cair no enem (ENEM) É difícil encontrar um texto sobre a Proclamação da República no Brasil que não cite a afirmação de Aristides Lobo, no Diário Popular de São Paulo, de que o povo assistiu àquilo bestializado. Essa versão foi relida pelos enaltecedores da Revolução de 1930, que não descuidaram da forma republicana, mas realçaram a exclusão social, o militarismo e o estrangeirismo da fórmula implantada em Isto porque o Brasil brasileiro teria nascido em (MELLO, M. T. C. A República consentida: cultura democrática e científica no final do Império. Rio de Janeiro: FGV, 2007 [adaptado].) O texto defende que a consolidação de uma determinada memória sobre a Proclamação da República no Brasil teve, na Revolução de 1930, um de seus momentos mais importantes. Os defensores da Revolução de 1930 procuraram construir uma visão negativa para os eventos de 1889, porque esta era uma maneira de: a) valorizar as propostas políticas democráticas e liberais vitoriosas. b) resgatar simbolicamente as figuras políticas ligadas à Monarquia. c) criticar a política educacional adotada durante a República Velha. d) legitimar a ordem política inaugurada com a chegada desse grupo ao poder. e) destacar a ampla participação popular obtida no processo da Proclamação.

6 Fixação 1) (UFC) Texto I Em 1930, o Brasil estava maduro e pronto para alterações em suas lideranças políticas. A Nação brasileira vinha dando, desde 1916 e até mesmo antes, inequívocos sinais de que estava cansada das lideranças oligárquicas que a dirigiam (...). Percebia-se, ainda, uma profunda insatisfação com a incapacidade do governo central em corrigir os males de uma economia agrícola baseada em um único produto o café e voltada excessivamente para a exportação. (CABRAL, João B. P. IN: Gadelha, Marcondes [Org.] Anais da semana Comemorativa da Revolução de 30.) Texto II (...) talvez agora seja possível avaliar a força da ideia de revolução de 30 constituída no interior da luta de classes como marco divisor da história do Brasil, pelo qual os vencedores julgaram todo o passado, definindo desde o princípio, inclusive, o inimigo que essa revolução abateu: o fantasma da oligarquia. Lugar onde se ocultou a luta de classes, essa memória histórica de um processo político em curso pelo menos desde 1928 dificulta sobremaneira acompanhar o percurso percorrido pelas classes sociais e definir o conjunto dos vencedores da luta (...). (DECCA, Edgar de. 1930: O Silêncio dos Vencidos. São Paulo: Brasiliense, p.107) Compare as visões que os textos acima expressam sobre a Revolução de 1930.

7 Fixação 2) (FGV) O Partido Democrático (PD) surgiu na metade da década de 20, em oposição ao Partido Republicano Paulista (PRP). Em essência, o PD buscava: a) desperrepizar o Brasil, abolindo toda e qualquer influência do PRP e instituir o voto secreto, entre outras mudanças políticas; b) ser uma alternativa socialista para a juventude operária descrente nos velhos ideais republicanos; c) organizar o movimento operário e camponês para uma investida revolucionária e de caráter liberal no país; d) confundir o eleitorado, pois organizado, basicamente por membros do PRP, suas propostas em nada diferiam, modificando-se apenas a composição de jovens em sua fileira partidária; e) sensibilizar as camadas médias urbanas para uma ruptura com o tenentismo, o PRP e os socialistas que controlavam o movimento operário.

8 ixação ) (PUC ) A crise da Bolsa de Nova Iorque, em 1929/1930, refletiu-se nos Estados Unidos e m todo o mundo, com exceção dos países componentes da URSS. No Brasil, a consequência olítica foi o(a): ) revolução de 1930, que derrubou a República Oligárquica; ) início da política do Café com Leite ; ) surgimento do Movimento Tenentista; ) formação da Política dos Governadores; ) revolta dos posseiros do Contestado.

9 Fixação 4) (MACKENZIE) A respeito do clima político e articulações que antecederam a Revolução de 1930, podemos afirmar que: a) todas as oligarquias e oposições derrotadas nas eleições de 1930 aceitaram o resultado sem manifestar nenhuma reação; b) Washington Luís tratou com muita diplomacia os opositores políticos, respeitando os aliancistas vitoriosos; c) o Bloco Operário Camponês não foi atingido pela degola política praticada por Washington Luís; d) o assassinato de João Pessoa não trouxe desdobramentos que resultaram na Revolução de 1930; e) os tenentes e as lideranças civis da oposição contestaram o resultado das eleições, consideradas fraudulentas, articulando a revolução, que eclodiu após o assassinato de João Pessoa.

10 Proposto 1) (UNESP) Um periódico norte-americano apresentou uma fotografia de um homem, ao lado de um automóvel luxuoso, com o seguinte cartaz: $100 will buy this car. Must have cash. Lost all on the stock market. (Traduzindo: Cem dólares compram este carro. Pagamento à vista. Perdeu tudo no mercado de ações. ) Esta imagem traduz uma das maiores crises da história do capitalismo. a) Onde e quando teve início essa crise? b) Indique os efeitos históricos desta crise para o Brasil.

11 Proposto 2) (UERJ) A Grande Depressão eclodiu num mundo otimista que parecia caminhar na direção de uma prosperidade permanente. Ela iniciou-se com o crack da bolsa de Nova York em outubro de 1929, afetando todas as atividades econômicas dos Estados Unidos e se propagando através do mundo. a) Caracterize a Grande Depressão e indique o motivo pelo qual seus efeitos foram sentidos em diversas regiões do mundo. b) Indique e analise uma consequência da Grande Depressão para a economia brasileira.

12 Proposto 3) (MACKENZIE) Contribuíram para a eclosão da Revolução de 1930: a) o programa da Aliança Liberal, francamente favorável aos setores rurais e oligárquicos da República Velha; b) a oposição de João Pessoa aos políticos aliancistas, fato que culminou com seu assassinato; c) o apoio do Tenentismo ao governo de Washington Luís e a política oligárquica; d) a vitória de Getúlio Vargas nas eleições e a ameaça de golpe pelos situacionistas; e) a ruptura da Política do Café com Leite nas eleições de 1930, em decorrência da crise econômica que afetou o setor cafeeiro.

Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930

Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930 Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930 1. A crise atingiu o mundo inteiro. O operário metalúrgico de Pittsburgo, o plantador de café brasileiro, o artesão de Paris e o

Leia mais

Roteiro de Estudos. 2 trimestre Disciplina: História 3ª Série. O que devo saber: De quais materiais necessito para estudar: Professor: João Ricardo

Roteiro de Estudos. 2 trimestre Disciplina: História 3ª Série. O que devo saber: De quais materiais necessito para estudar: Professor: João Ricardo Roteiro de Estudos 2 trimestre Disciplina: História 3ª Série Professor: João Ricardo O que devo saber: A crise dos anos 1920 e a ascensão nazifascista The american way of life e a crise de 1929 O New Deal

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Colégio Santa Dorotéia Área de Ciências Humanas Disciplina: Ano: 3º - Ensino Médio Professora: Michelle Fialho Atividades para Estudos Autônomos Data: 4 / 9 / 2017 Nome: Nº Turma: INTRODUÇÃO Este estudo

Leia mais

A Revolução de 1930: Causas

A Revolução de 1930: Causas A Revolução de 1930: Causas Crise do Sistema Oligárquico +Crise de 29 nos EUA Política de valorização do café Movimento Tenentista = camadas médias urbanas e trabalhadores, descontentes com o predomínio

Leia mais

Campos Salles ( ), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores.

Campos Salles ( ), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores. Campos Salles (1898-1902), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores. Um compromisso político entre o governo federal e as oligarquias que governavam os estados tendo por objetivo acabar

Leia mais

Revolta do Forte de Copacabana O primeiro 5 de julho; Revolta de São Paulo O segundo de 5 de julho; A Coluna Prestes tinha como objetivo espalhar o

Revolta do Forte de Copacabana O primeiro 5 de julho; Revolta de São Paulo O segundo de 5 de julho; A Coluna Prestes tinha como objetivo espalhar o Revolta do Forte de Copacabana O primeiro 5 de julho; Revolta de São Paulo O segundo de 5 de julho; A Coluna Prestes tinha como objetivo espalhar o tenentismo pelo país; Defediam: Voto secreto; Autonomia

Leia mais

TENENTISMO ( ) Prof. OTTO TERRA

TENENTISMO ( ) Prof. OTTO TERRA TENENTISMO (1922-1926) TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL NA VIRADA DE 1920 Industrialização substitutiva de exportações Crescimento dos centros urbanos (São Paulo / Rio de Janeiro) Mudanças no cenário Nacional

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934 HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934 ixação ) (CESGRANRIO) Durante o Estado Novo, no campo da política salarial, foi introduzida, via ecreto-lei,

Leia mais

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio A Era do populismo Professor: Márcio Gurgel Os antecedentes da revolução de 1930 o Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, o O rompimento da república café-com-leite,

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL (1934-37) Manifesto da AIB Plínio Salgado Fixação 1) (UFV) Durante a Era Vargas, notadamente no período de 1934-37, houve uma polarização

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 )

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) Repressão do governo. Sem maiores consequências. REVOLTA DA VACINA: OSWALDO CRUZ Revolta dos Marinheiros ou Revolta da Chibata (RJ 1910): João Cândido (líder), posteriormente apelidado de Almirante Negro.

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 11 A ERA VARGAS: O ESTADO DE COMPROMISSO

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 11 A ERA VARGAS: O ESTADO DE COMPROMISSO HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 11 A ERA VARGAS: O ESTADO DE COMPROMISSO Como pode cair no enem (ENEM) A solução militar da crise política gerada pela sucessão do presidente Washington Luís em 1929-30 provoca

Leia mais

HISTÓRIA. Professor Orlando Stiebler. MÓDULO 13 A Era Vargas I

HISTÓRIA. Professor Orlando Stiebler. MÓDULO 13 A Era Vargas I HISTÓRIA Professor Orlando Stiebler MÓDULO 13 A Era Vargas I Ante à insistência do presidente Washington Luís em lançar como candidato o seu apadrinhado político, (o paulista Júlio Prestes) em detrimento

Leia mais

A República do Café - II. Prof. Thiago História C Aula 10

A República do Café - II. Prof. Thiago História C Aula 10 A República do Café - II Prof. Thiago História C Aula 10 Hermes da Fonseca (1910-1914) Política Salvacionista Enfrenta a Revolta da Chibata Criou a faixa presidencial; Único presidente a casar durante

Leia mais

HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 21 A CRISE DA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA

HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 21 A CRISE DA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 21 A CRISE DA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA Como pode cair no enem É difícil encontrar um texto sobre a Proclamação da República que não cite a afirmação de Aristides Lobo, no Diário

Leia mais

Prof. André Vinícius.

Prof. André Vinícius. 1 - Diferentes projetos republicanos: República Positivista: centralização política nas mãos do presidente. Postura predominante entre os militares. Prevaleceu entre 1889 e 1894, durante a chamada República

Leia mais

( ) ENSINO MÉDIO PROFESSOR: ABDULAH

( ) ENSINO MÉDIO PROFESSOR: ABDULAH Primeira República (1889-1930) ENSINO MÉDIO PROFESSOR: ABDULAH Brasil Império D. Pedro II Fonte: (desconhecida) REPÚBLICA DA ESPADA GOVERNO PROVIS. DE DEODORO (nov.1889/fev.1891) Militares + Cafeicultores

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales FINAL Nota: (valor 2,0) a) Introdução Neste ano, sua média global foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

A Primeira República ( )

A Primeira República ( ) A Primeira República (1889-1930) Foi conhecido como Primeira República, ou República Velha, o período de 1889 (Proclamação) até a Revolução de 1930. Em 15 de novembro de 1889 foi decretado o fim do Império

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales Nota: (valor 1,0) 3 o.bimestre a) Introdução Neste bimestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização Aula 39 e 40 A República Oligárquica (1889-1930): A Era Vargas (1930-1945): O Processo de Industrialização Setor 1601 1 A Presidência de Artur Bernardes (1922-1926) 2 A Presidência Washington Luís (1926-1930)

Leia mais

Brasil Republica parte 1 ( )

Brasil Republica parte 1 ( ) Brasil Republica parte 1 (1889-1945) O período que vai de 1889 a 1930 é conhecido como a República Velha. Este período da História do Brasil é marcado pelo domínio político das elites agrárias mineiras,

Leia mais

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 25 PRIMEIRO REINADO: RESISTÊNCIAS E RECONHECIMENTO DA INDEPENDÊNCIA

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 25 PRIMEIRO REINADO: RESISTÊNCIAS E RECONHECIMENTO DA INDEPENDÊNCIA HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 25 PRIMEIRO REINADO: RESISTÊNCIAS E RECONHECIMENTO DA INDEPENDÊNCIA Fixação 1) (UNIRIO) Ao compararmos os processos de formação dos Estados Nacionais no Brasil e na América Hispânica,

Leia mais

HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 22 O GOVERNO PROVISÓRIO DE VARGAS

HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 22 O GOVERNO PROVISÓRIO DE VARGAS HISTÓRIA - 3 o ANO MÓDULO 22 O GOVERNO PROVISÓRIO DE VARGAS Como pode cair no enem De março de 1931 a fevereiro de 1940, foram decretadas mais de 150 leis novas de proteção social e de regulamentação do

Leia mais

a) não afetou o desenvolvimento das economias dos países europeus.

a) não afetou o desenvolvimento das economias dos países europeus. ATIVIDADES TEST E 2 9º ANO HISTÓRIA 1-O "crack" da Bolsa de Valores de Nova Iorque, em 1929, provocou falências de centenas de indústrias, de bancos, de companhias de comércio e de transportes e um desemprego

Leia mais

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA Os últimos anos da República Velha Década de 1920 Brasil - as cidades cresciam e desenvolviam * Nos grandes centros urbanos, as ruas eram bem movimentadas, as pessoas

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 04 A REPÚBLICA DA ESPADA ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 04 A REPÚBLICA DA ESPADA ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 04 A REPÚBLICA DA ESPADA (1889-94) Marechal Deodoro Marechal Floriano Como pode cair no enem (PUC) Pode-se considerar o Exército como força política influente no movimento Republicano

Leia mais

Anos 20, anos de crise

Anos 20, anos de crise A UA UL LA MÓDULO 7 Anos 20, anos de crise Apresentação do Módulo 7 Atores sociais ou políticos: indivíduos que agem socialmente ou politicamente, interferindo nos rumos da sociedade. A partir da década

Leia mais

3º ANO A PRIMEIRA REPÚBLICA OU REPÚBLICA VELHA ( ) Professor: Eustáquio centroestrategia.com.br

3º ANO A PRIMEIRA REPÚBLICA OU REPÚBLICA VELHA ( ) Professor: Eustáquio centroestrategia.com.br 3º ANO A PRIMEIRA REPÚBLICA OU REPÚBLICA VELHA (1889-1930) Professor: Eustáquio centroestrategia.com.br Na origem, a palavra república (do latim, rés = coisa; publica = do povo) significa governo da coisa

Leia mais

REVOLUÇÃO DE 1930: RUPTURA OU CONTINUIDADE? Carlos André Santos Farias Faculdade Alfredo Nasser

REVOLUÇÃO DE 1930: RUPTURA OU CONTINUIDADE? Carlos André Santos Farias Faculdade Alfredo Nasser REVOLUÇÃO DE 1930: RUPTURA OU CONTINUIDADE? Carlos André Santos Farias Faculdade Alfredo Nasser Casfarias.cnn@gmail.com RESUMO: Este artigo tem como objetivo refletir acerca dos acontecimentos da chamada

Leia mais

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE/ TURMA: 1º ANO MÉDIO ABC BIMESTRE: 4º NÚMERO 1. Módulo 16 - Política e economia no Antigo Introdução do módulo, com aula em slides

Leia mais

Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R.

Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R. Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R. No início do período republicano no Brasil (final do século XIX e começo do XX), fortificou-se um sistema conhecido popularmente como coronelismo. Este nome foi dado

Leia mais

historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima

historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima 1930-1945 A era Vargas: 1930-1945 1930 2 de janeiro: publicação da plataforma da Aliança Liberal. 1 de março: vitória de Julio Preste

Leia mais

A República Velha ( )

A República Velha ( ) Capítulo 52 A República Velha (1889 1930) A CRISE DA REPÚBLICA (1889-1894) A República Velha (1889 1930) 1889 1891 Governo Provisório 1891 1894 República da Espada 1891 Mal. Deodoro Da Fonseca 1891-1894

Leia mais

Roteiro de Estudos 3ª s Séries

Roteiro de Estudos 3ª s Séries Roteiro de Estudos 3ª s Séries 2 trimestre Disciplina: História Professor: João Ricardo O que devo saber: Revolução Russa A Rússia às vésperas da revolução O ensaio geral 1905 O fim do regime czarista

Leia mais

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 9º História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

Proclamação da República e República das Espadas

Proclamação da República e República das Espadas Proclamação da República e República das Espadas 1. Caracteriza o processo eleitoral durante a Primeira República, em contraste com o vigente no Segundo Reinado: a) A ausência de fraudes, com a instituição

Leia mais

REPÚBLICA DAS OLIGARQUIAS ( )

REPÚBLICA DAS OLIGARQUIAS ( ) AVISO: O conteúdo e o contexto das aulas referem-se aos pensamentos emitidos pelos próprios autores que foram interpretados por estudiosos dos temas RUBENS expostos. RAMIRO Todo JUNIOR exemplo (TODOS citado

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 2º Ano: C21 Nº Professor: Roberto Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais

UFSC. História (Amarela)

UFSC. História (Amarela) Resposta: 01 + 16 = 17 01. Correto. 02. Incorreto. A Declaração dos Direitos estendia os direitos de cidadania a todos os franceses do gênero masculino, mas excluía as mulheres da participação política

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO:

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: História PROFESSORES: Carlão, Fred e Paula DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: Nº: Matéria da Prova: O conteúdo

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 61 A COMUNIDADE DOS ESTADOS INDEPENDENTES Fixação 1) (UERJ) Há duas semanas, comentei neste espaço o episódio do submarino russo que ficou preso no fundo do mar. Dizia que

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 03 O GOVERNO PROVISÓRIO ( ) E A CARTA DE 1891

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 03 O GOVERNO PROVISÓRIO ( ) E A CARTA DE 1891 HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 03 O GOVERNO PROVISÓRIO (1889-91) E A CARTA DE 1891 A 1 a República brasileira, nos seus primórdios, precisava constituir uma figura heroica capaz de congregar diferenças e sustentar

Leia mais

A PRIMEIRA REPÚBLICA, AS ESCOLAS GRADUADAS E O IDEÁRIO DO ILUMINISMO REPUBLICANO:

A PRIMEIRA REPÚBLICA, AS ESCOLAS GRADUADAS E O IDEÁRIO DO ILUMINISMO REPUBLICANO: A PRIMEIRA REPÚBLICA, AS ESCOLAS GRADUADAS E O IDEÁRIO DO ILUMINISMO REPUBLICANO: 1889-1930 Jorge Uilson Clark Publicado em Navegando na História da Educação Brasileira: http://www.histedbr.fae.unicamp.br/navegando/index.html

Leia mais

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos A República Velha teve 13 Presidentes nesse período o poder foi dominado pela oligarquia cafeeira

Leia mais

Disciplina: História. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso

Disciplina: História. Período: I. Professor (a): Liliane Cristina de Oliveira Vieira e Maria Aparecida Holanda Veloso COLÉGIO LA SALLE BRASILIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Disciplina: História Período:

Leia mais

BOM TRABALHO E SUCESSO!!! RENATA, LEONARDO E CARLÃO!!!

BOM TRABALHO E SUCESSO!!! RENATA, LEONARDO E CARLÃO!!! DISCIPLINA: História PROFESSORES: Renata, Leonardo e Carlão. DATA: /12/2014 VALOR: 20,0 pts. NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: Nº: Matéria da Prova:

Leia mais

SUMÁRIO. INTRODUÇÃO 1 Maria Yedda Leite Linhares

SUMÁRIO. INTRODUÇÃO 1 Maria Yedda Leite Linhares MARIA YEDDA LINHARES (Organizadora) ORO FLAMARION SANTANA CARDOSO FRANCISCO CARLOS TEIXEIRA DA SILVA HAMILTON DE MATTOS MONTEIRO JOÀO LUÍS FRAGOSO SÔNIA REGINA DE MENDONÇA HISTÓRIA GERAL DO SUMÁRIO INTRODUÇÃO

Leia mais

Importante acontecimento do século XX. Surgimento do modelo socialista em oposição dominante Profundas transformações no país e no mundo

Importante acontecimento do século XX. Surgimento do modelo socialista em oposição dominante Profundas transformações no país e no mundo 03. REVOLUÇÃO RUSSA Importante acontecimento do século XX Surgimento do modelo socialista em oposição dominante Profundas transformações no país e no mundo ao capitalismo Rússia no início do século XX

Leia mais

Revolução Russa 1917

Revolução Russa 1917 Revolução Russa 1917 1 A RÚSSIA PRÉ-REVOLUCIONÁRIA Economia Predominantemente rural (latifúndios) com vestígios do feudalismo, muito atrasado economicamente. Mais da metade do capital russo provinha de

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016 8º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula Programada (As tensões na Colônia) Páginas Tarefa 1 As tensões na Colônia 10 e 11 Mapa Mental 2 A viradeira 12 Exerc. 1 a 5

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 9º Hitória Rafael Av. Mensal 24/03/16 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova contém

Leia mais

GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR

GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR GUIA DE AULAS - HISTÓRIA SITE: EDUCADORES.GEEKIELAB.COM.BR Olá, Professor! Assim como você, a Geekie também quer ajudar os alunos a atingir todo seu potencial e a realizar seus sonhos. Por isso, oferecemos

Leia mais

PROJETO DE RECUPERAÇÃO PARALELA 2º Trimestre Disciplina:História Ano/ Série: 9º ano do E. Fundamental II

PROJETO DE RECUPERAÇÃO PARALELA 2º Trimestre Disciplina:História Ano/ Série: 9º ano do E. Fundamental II PROJETO DE RECUPERAÇÃO PARALELA 2º Trimestre - 2017 2015 Disciplina:História Ano/ Série: 9º ano do E. Fundamental II Professor(a): Marina Furlan Objetivo: Retomar os conteúdos trabalhados no trimestre

Leia mais

Proclamação da República

Proclamação da República Proclamação da República 15 novembro de 1889 Império do Brasil - (1822-1889) Estados Unidos do Brasil (1891-1967) Formas de Governo República : O poder deriva/vem da vontade popular, é exercido em teoria

Leia mais

HISTÓRIA. Professor Orlando Stiebler. MÓDULO 16 Terceira República ( ) - II Governos Café Filho e Juscelino Kubitschek

HISTÓRIA. Professor Orlando Stiebler. MÓDULO 16 Terceira República ( ) - II Governos Café Filho e Juscelino Kubitschek HISTÓRIA Professor Orlando Stiebler MÓDULO 16 Terceira República (1946 1964) - II Governos Café Filho e Juscelino Kubitschek Com o suicídio de Vargas, em 1954, assumiu a Presidência, exercendo o cargo

Leia mais

República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira

República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira Formato ABNT, para citação desta apostila em trabalhos acadêmicos: PEREIRA, L. M. A. República

Leia mais

Aula 15- A Crise do Império de Novembro de 1889

Aula 15- A Crise do Império de Novembro de 1889 Aula 15- A Crise do Império 1870-1889 15 de Novembro de 1889 Silêncio! Dom Pedro está governando o Brasil. z z z Proclamação da República A Questão Militar A Questão Religiosa Questão Abolicionista A

Leia mais

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto Tribunal de Contas do Município de São Paulo Escola Superior de Gestão e Contas Públicas Conselheiro Eurípedes Sales Curso: Direito Constitucional I Aula 1 História das Constituições Brasileiras Professor:

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro LINHA DO TEMPO Módulo I História da Formação Política Brasileira Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro SEC XV SEC XVIII 1492 A chegada dos espanhóis na América Brasil Colônia (1500-1822) 1500 - A chegada

Leia mais

Segundo Reinado 2ª Fase e Crise. Prof. Thiago Aula 07 Frente C

Segundo Reinado 2ª Fase e Crise. Prof. Thiago Aula 07 Frente C Segundo Reinado 2ª Fase e Crise Prof. Thiago Aula 07 Frente C O Ouro Verde Inicialmente produzido no Vale do Paraíba (RJ/SP) depois se expande ao Oeste de São Paulo; Estrutura semelhante à da cana de Açúcar:

Leia mais

Prezados Companheiros

Prezados Companheiros Prezados Companheiros Devido ao grande número de equívocos no tocante a servidão comparar, o Curso de Preparação e Seleção decidiu disponibilizar uma solução de um oficial-aluno. A questão em pauta foi

Leia mais

Primeira República: 1 A Crise da República. 2 Governo do Mal. Deodoro da Fonseca. 3 Governo do Mal. Floriano Peixoto. Aula 15 Primeira República

Primeira República: 1 A Crise da República. 2 Governo do Mal. Deodoro da Fonseca. 3 Governo do Mal. Floriano Peixoto. Aula 15 Primeira República Aula 15 Primeira República: A República da Espada 1 A Crise da República Setor 1605 2 Governo do Mal. Deodoro da Fonseca 3 Governo do Mal. Floriano Peixoto Aula 15 Primeira República A República da Espada

Leia mais

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas O PODER DE VARGAS ERA : PROVISÓRIO, CONSTITUCIONAL e ESTADO

Leia mais

prefeitos das capitais, Os futuros governadores seriam submetidos à aprovação das Os futuros prefeitos seriam indicados pelos governadores.

prefeitos das capitais, Os futuros governadores seriam submetidos à aprovação das Os futuros prefeitos seriam indicados pelos governadores. A ditadura militar Prof.:Márcio Gurgel O regime militar Duração ( 1964 1985 ), Presidentes generais do exército brasileiro, i Apoiaram o golpe: (políticos vindos da UDN e do PSD), Governo Castello Branco

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales Nota: (valor 2,0) FINAL a) Introdução Neste ano, sua média global foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

A Revolução de 30. No início de seu governo, com a centralização do poder, Vargas iniciou a luta contra o regionalismo. A

A Revolução de 30. No início de seu governo, com a centralização do poder, Vargas iniciou a luta contra o regionalismo. A A Revolução de 30 A Revolução de 1930, que pôs fim à Primeira República, foi, para muitos historiadores, o movimento mais importante da história do Brasil do século XX. Foi ela quem, acabou com a hegemonia

Leia mais

UDESC 2016/2 HISTÓRIA. Comentário

UDESC 2016/2 HISTÓRIA. Comentário HISTÓRIA Questão tratou sobre movimentos que emergiram nos EUA dos anos 1960 e suas consequências na Europa e até mesmo no Brasil. I. Verdadeira. 1 II. Falsa. Os movimentos LGBT ocorreram a partir dos

Leia mais

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 64 EUA NO SÉCULO XIX: A GUERRA DE SECESSÃO ( )

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 64 EUA NO SÉCULO XIX: A GUERRA DE SECESSÃO ( ) HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 64 EUA NO SÉCULO XIX: A GUERRA DE SECESSÃO (1861-65) Como pode cair no enem A Ku Klux Klan foi organizada para segurança própria... o povo do Sul se sentia muito inseguro. Ha-via

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 9 o ano Unidade 2

Sugestões de avaliação. História 9 o ano Unidade 2 Sugestões de avaliação História 9 o ano Unidade 2 5 Nome: Data: Unidade 2 1. Veja um dos artigos da Constituição de 1891: Art 1º - A Nação brasileira adota como forma de Governo, sob o regime representativo,

Leia mais

Reflexões sobre Reforma Política

Reflexões sobre Reforma Política Reflexões sobre Reforma Política Texto Faculdade Assis Gurgacz Cascavel Paraná 27.Set.2013 Roteiro da Apresentação 1a. Parte: Circunstâncias Históricas 2a. Parte: Identificado os caminhos (doutrina de

Leia mais

A crise do café e a revolução de 1930

A crise do café e a revolução de 1930 A crise do café e a revolução de 1930 Em 1929 ocorreu a quebra da bolsa de New York. Grande crise econômica nos EUA que atingiu o Brasil ( EUA maior comprador do café brasileiro). Colapso na economia cafeeira:

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA. Professor Marcelo Pitana

REVOLUÇÃO FRANCESA. Professor Marcelo Pitana REVOLUÇÃO FRANCESA Professor Marcelo Pitana REVOLUÇÃO FRANCESA (1789 Queda da Bastilha) Antecedentes: - Ideais iluministas (liberais); - Abuso de poder da nobreza; - Pompa das cortes; - Déficit orçamentário;

Leia mais

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada.

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada. República Velha (1889-1930) - Proclamação da República em 15 de novembro de 1889. A monarquia é derrubada. - A República da Espada abrange os governos dos marechais Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto.

Leia mais

A Era Vargas M Ó D U L O 1 0. Prof. Alan Carlos Ghedini

A Era Vargas M Ó D U L O 1 0. Prof. Alan Carlos Ghedini A Era Vargas M Ó D U L O 1 0 Prof. Alan Carlos Ghedini www.inventandohistoria.com Governo Provisório (1930 1934) Formado de um agrupamento de membros da Aliança Liberal, tenentes e outros. É a fase de

Leia mais

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo Era Vargas Do Governo Provisório ao Estado Novo Períodos Governo provisório (1930-1934) Tomada de poder contra as oligarquias tradicionais Governo Constitucional (1934-1937) Período legalista entre dois

Leia mais

1-As imagens abaixo fazem referência a duas das mais ativas agremiações políticas brasileiras da década de 1930.

1-As imagens abaixo fazem referência a duas das mais ativas agremiações políticas brasileiras da década de 1930. ATIVIDADES ON LINE 1-As imagens abaixo fazem referência a duas das mais ativas agremiações políticas brasileiras da década de 1930. Sobre as agremiações políticas às quais essas imagens estão vinculadas,

Leia mais

Os Movimentos Sociais

Os Movimentos Sociais 1) (ENEM 2011) Na década de 1990, os movimentos sociais camponeses e as ONGs tiveram destaque, ao lado de outros sujeitos coletivos. Na sociedade brasileira, a ação dos movimentos sociais vem construindo

Leia mais

Jimboê. História. Avaliação. Projeto. 5 o ano. 2 o bimestre

Jimboê. História. Avaliação. Projeto. 5 o ano. 2 o bimestre Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao segundo bimestre escolar ou à Unidade 2 do Livro do Aluno. Projeto Jimboê História 5 o ano Avaliação 2 o bimestre 1 Avaliação História NOME: ESCOLA:

Leia mais

"Não nos basta acabar com a escravidão; é preciso acabar com a obra da escravidão."

Não nos basta acabar com a escravidão; é preciso acabar com a obra da escravidão. PARA A VALIDADE DO QiD, AS RESPOSTAS DEVEM SER APRESENTADAS EM FOLHA PRÓPRIA, FORNECIDA PELO COLÉGIO, COM DESENVOLVIMENTO E SEMPRE A TINTA. TODAS AS QUESTÕES DE MÚLTIPLA ESCOLHA DEVEM SER JUSTIFICADAS.

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO SEMESTRAL DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO SEMESTRAL DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO SEMESTRAL DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales 2 o semestre Nota: (valor 2,0) a) Introdução Neste semestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou

Leia mais

A RÚSSIA IMPERIAL monarquia absolutista czar

A RÚSSIA IMPERIAL monarquia absolutista czar A RÚSSIA IMPERIAL Desde o século XVI até a Revolução de 1917 a Rússia foi governada por uma monarquia absolutista; O rei era chamado czar; O czar Alexandre II (1818-1881) deu início, na metade do século

Leia mais

a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento.

a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento. Atividades on line: 1- São aspectos do Governo de Floriano Peixoto: a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento. b) a grande naturalização de estrangeiros, Revolta

Leia mais

ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA NO SÉCULO XIX. Prof. Lincoln Marques

ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA NO SÉCULO XIX. Prof. Lincoln Marques ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA NO SÉCULO XIX Prof. Lincoln Marques ORIGENS COLONIAIS INTRODUÇÃO A primeira metade do século XIX para os EUA foi marcada: pela conquista de territórios em direção ao Oceano Pacífico,

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 23 O GOVERNO CASTELO BRANCO ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 23 O GOVERNO CASTELO BRANCO ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 23 O GOVERNO CASTELO BRANCO (1964-67) Fixação 1) (PUC) O desenvolvimento econômico nacional foi um tema central dos debates políticos que, no início dos anos sessenta, mobilizaram

Leia mais

Rev. Liberais do Século XIX e Período Regencial

Rev. Liberais do Século XIX e Período Regencial Rev. Liberais do Século XIX e Período 1. (PUC-RJ) O Congresso de Viena, concluído em 1815, após a derrota de Napoleão Bonaparte, baseou-se em três princípios políticos fundamentais. Assinale a opção que

Leia mais

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II 7.1 Conteúdo: Era Vargas II Habilidades: Contextualizar governo Vargas durante seu segundo mandato como Presidente A Volta da Democracia: Constituição de 1946; Influências da Guerra Fria; Marechal Dutra

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO (1990-94) Fixação 1) (PUC) As eleições presidenciais brasileiras, ocorridas neste ano, envolveram oito candidatos, concorrendo por partidos

Leia mais

PLANO DE ENSINO EMENTA OBJETIVOS. Geral

PLANO DE ENSINO EMENTA OBJETIVOS. Geral PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome do Componente Curricular: História III Curso: Técnico de Nível Médio Integrado em Mineração Série/Período: 3º ano Carga Horária: 2 a/s - 80 h/a - 67

Leia mais

A República das Oligarquias

A República das Oligarquias A República das Oligarquias MÓDULO 08 - BRASIL Prof. Alan Carlos Ghedini www.inventandohistoria.com O que foi? Primeira fase civil da República, foi marcada por um domínio hegemônico do Partido Republicano

Leia mais

REVOLUÇÃO RUSSA. Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar.

REVOLUÇÃO RUSSA. Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar. Antecedentes: REVOLUÇÃO RUSSA Situação Política: Até início do séc. XX a Rússia ainda era um país Absolutista, governada por um Czar. Situação Econômica: era um país extremamente atrasado, economia agrária,

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA A ERA NAPOLEÔNICA

IDADE CONTEMPORÂNEA A ERA NAPOLEÔNICA ERA NAPOLEÔNICA (1799 1815) Prof. João Gabriel da Fonseca joaogabriel_fonseca@hotmail.com 1 - O CONSULADO (1799 1804): Pacificação interna e externa. Acordos de paz com países vizinhos. Acordo com a Igreja

Leia mais

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições.

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Revolução de 1930 Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Responsável pelo fim da chamada Política café com leite Política café com leite

Leia mais

PRIMEIRO REINADO ( )

PRIMEIRO REINADO ( ) PRIMEIRO REINADO (1822 1831) 7 de setembro de 1822 Independência ou morte? O grito do Ipiranga. Pedro Américo. 1888. A proclamação da Independência. François- René Moreaux. 1844. Os desafios após a independência

Leia mais

DISCIPLINA. CRÉDITOS: 04 (T-04 P- ) Cada Crédito corresponde a 15h/ aula

DISCIPLINA. CRÉDITOS: 04 (T-04 P- ) Cada Crédito corresponde a 15h/ aula UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO DECANATO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS E REGISTRO GERAL DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS PROGRAMA ANALÍTICO DISCIPLINA CÓDIGO: IH

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 43 II GUERRA MUNDIAL: AS CONFERÊNCIAS ENTRE OS TRÊS GRANDES Fixação 1) (UNIFESP) Uma das ironias deste estranho século XX é que o resultado mais duradouro da Revolução de Outubro

Leia mais

Res. por Silvia Levi-Moreira Mestre em História Social USP

Res. por Silvia Levi-Moreira Mestre em História Social USP ANTONACCI, Maria Antonieta. RS: as oposições & a Revolução de 1923. Porto Alegre, Mercado Aberto, 1981, 120p. VIZENTINI, Paulo Gilberto Fagundes. Os liberais e a crise da República Velha. São Paulo, Brasiliense,

Leia mais

SEGUNDO REINADO D. PEDRO II

SEGUNDO REINADO D. PEDRO II SEGUNDO REINADO D. PEDRO II 1840 1889 Golpe da Maioridade Proclamação da República GOVERNO = MONARQUIA PARLAMENTARISTA Segundo Reinado, a estrutura e a organização política, econômica e social do Brasil,

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 )

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) 3.4 Conflitos sociais: Movimentos Messiânicos: Líderes religiosos. Guerra de Canudos (BA 1896 1897): Antônio Conselheiro (líder). Causas: miséria crônica da população nordestina, má distribuição de terras,

Leia mais

Era Vargas e República Liberal

Era Vargas e República Liberal Era Vargas e República Liberal Era Vargas e República Liberal 1. (Unicamp) Diferenças significativas distinguem o sindicalismo operário brasileiro das primeiras décadas do século 20, do sindicalismo criado

Leia mais