1 de 3 24/1/ :49

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1 de 3 24/1/2011 13:49"

Transcrição

1 Petrobras prepara blitz marítima para atender pré-sal - Indústria - ig 1 de 3 24/1/ :49 Último Segundo Economia Esporte TV ig Gente Delas ASSINE Vendas Acesso Internet Suporte Antivírus SAC Buscar Home Mercados Empresas Finanças Pessoais Colunas Artigos Carreiras Guilherme Barros Último Segundo Carros Estágio e Trainee Indústria Comércio e Serviços Agronegócio Infraestrutura Home ig Economia Empresas Indústria Temas do momento: Casa Própria Imposto de Renda Infográficos de Economia Todas as notícias Estatal vai mobilizar megahelicópteros, lanchas ultrarápidas e criar ilhas artificias para explorar a nova fronteira petrolífera André Vieira, enviado especial a Macaé (RJ) 21/01/ :49 A+ A- Compartilhar: O trabalhador sai de casa, pega duas a três conduções e demora até cinco horas para chegar ao local de trabalho. Nada muito fora da realidade que muitos brasileiros enfrentam no cotidiano das grandes cidades. A diferença está no fato de o escritório de trabalho estar situado a 300 quilômetros da costa brasileira: uma plataforma do pré-sal. Helicópteros de grande porte, lanchas ultra-rápidas e hubs marítimos espécie de ilhas artificiais estão sendo mobilizados pela Petrobras para o atendimento logístico da nova fronteira petrolífera. Há um plano da estatal para construção de novos aeroportos e portos, além da adoção de um sistema inteligente de rastreamento de todas as cargas embarcadas em direção às plataformas. VEJA MAIS INFOGRÁFICOS DE ECONOMIA VEJA TODOS OS INFOGRÁFICOS DO IG A locomoção de pessoas e cargas para explorar o petróleo no mar não é uma novidade. Mas o que se faz no mar sempre é mais difícil do que fazer em terra. A primeira exploração de petróleo no mar - em águas rasas - começou em 1947 na Louisiana, nos Estados Unidos. Desde meados dos anos 1970, quando a Petrobras começou a exploração de óleo na bacia de Campos, o vai-e-vem nas plataformas marítimas no Brasil é frenético. Leia também: Mas a estrutura que está sendo montada pela Petrobras não tem precedente na história da indústria

2 Petrobras prepara blitz marítima para atender pré-sal - Indústria - ig Para servir em alto-mar, é preciso fugir de helicóptero submerso Setor de helicópteros aguarda expansão da frota pela Petrobras petrolífera. A gente tem uma condição que só se repete aqui, diz o gerente-geral da unidade de serviços de logística da Petrobras, Ricardo Albuquerque Araújo. Em nenhum lugar do mundo, uma grande operação numa grande área offshore é feita por uma única empresa. De acordo com Araújo, no Golfo do México, há inúmeras plataformas administradas por inúmeras empresas e inúmeras logísticas. No Mar do Norte, há menos plataformas operadas por menos empresas e logísticas menores. E na Costa da África, é tudo bem fragmentado. Operação aérea entre os 20 maiores aeroportos Na sala em que ocupa no 9º andar de um prédio na praia de Imbetiba, no município fluminense de Macaé, com vista ao porto onde partem as embarcações de apoio para as plataformas da bacia de Campos, a grande descoberta da Petrobras até o advento do pré-sal, Araújo responde pela logística que atende a companhia. Para o deslocamento de pessoas, a Petrobras vai transportar o dobro de contingente para as plataformas até Atualmente, os helicópteros levam e trazem 70 mil passageiros por mês, o que dá uma oferta de cerca de 850 mil passageiros por ano. A previsão é chegar a 1,6 milhão de passageiros, o que colocaria a operação da Petrobras entre os 20 aeroportos com maior volume de passageiros do País. A nova demanda significará um aumento na oferta de helicópteros de grande porte contratados pela Petrobras. São aeronaves que transportam entre 18 a 20 pessoas, incluindo o piloto, co-piloto e um comissário de bordo. Foto: Fabrizia Granatieri Ampliar Ricardo Albuquerque, gerente-geral de logística da Petrobras: condição "sui generis" do litoral brasileiro hora como margem de segurança. No início da década, a Petrobras mapeou o uso de helicópteros no mundo offshore e sentiu-se confortável na escolha de dois modelos: o S92, fabricado pela americana Sikorsky, e o EC-225, da francesa Eurocopter, ambos inspirados em versões de modelos militares. Cada uma custa por volta de US$ 15 milhões a US$ 20 milhões, dependendo das opções de acessórios. Atingindo velocidade de até 280 quilômetros por hora, a grande vantagem das aeronaves de grande porte é a autonomia de voo. Pelas normas da Petrobras, um helicóptero com lotação completa tem de possuir capacidade de aterrisar numa plataforma do pré-sal, voltar ao continente e sobrar ainda meia Desde 2008, a empresa passou a contratar esse tipo de aeronave de empresas de taxi aéreo. Atualmente, há 15 contratadas, das quais 12 estão em operação. A gente pretende aumentar a quantidade destas aeronaves na nossa frota, diz Araújo. Mas faz segredo de quantos helicópteros serão contratados nos próximos anos, embora dê uma pista: A proporção do número de assentos será 50% de grande porte e 50% de médio porte. Hub marítimos No entanto, nem todos vão utilizar os helicópteros em viagens longas. A Petrobras planeja criar um hub marítimo, como se fossem ilhas artificiais. A ideia não é alguém numa ilha tomando água de coco, pegando sol, diz Araújo, brincando. A intenção é transformar uma plataforma ou um navio em um ponto intermédio no mar. No plano em estudo, os empregados chegarão de lanchas ultra-rápidas, farão o transbordo para o hub marítimo e, de lá, pegarão um helicóptero de médio porte que acomoda 12 passageiros até a plataforma do pré-sal. As lanchas, espécies de ferry-boats, terão velocidade de 30 nós o equivalente a 55 quilômetros por hora e as viagens não poderão durar mais do que cinco horas, a depender do bem estar e conforto oferecido ao passageiro. Foto: Fabrizia Granatieri Helicópteros de médio e grande porte serão mobilizados: meta de aumentar viagens para 1,6 milhão de passageiros até 2017 Na viagem, tempo para uma soneca ou assistir um filme. As lanchas poderão ter 400 a 500 passageiros bem acomodados em poltronas iguais as de cinemas. No caso das ilhas artificiais, a Petrobras estuda criar alojamentos e helipontos. A Petrobras ainda define o melhor formato da operação prevista para começar em 2014, mas Araújo acredita que a decisão sobre como fazer ainda pode sair ainda neste ano. Novos aeroportos e portos Para comportar as novas operações, a Petrobras planeja expandir sua base logística em terra até Hoje, a estatal opera em sete aeroportos e prevê mais três bases para decolagem e pouso de helicópteros: Um novo em Campos dos Goytacazes (RJ), outro novinho em Itaguaí (RJ) e um terceiro na Base Aérea de Santos, que fica, ironicamente, no Guarujá (SP). No caso dos portos, a ideia é construir também três novas bases para as atuais quatro operações portuárias: Anchieta (ES), Itaguaí (RJ) e Santos (SP). Para o gerente-geral de logística da Petrobras, engenheiro de formação e funcionário da companhia desde 1987, há exageros quando se fala nas dificuldades que a empresa enfrentará na nova fronteira petrolífera. A Petrobras tem 240 embarcações, dos quais metade com bandeira brasileira. E elas vêm para cá do Mar do Norte, da África, as plataformas chegam da China, da Coreia. Teoricamente, podemos atingir qualquer distância. Aliás, o pré-sal já é uma realidade. 2 de 3 24/1/ :49

3 Petrobras prepara blitz marítima para atender pré-sal - Indústria - ig 3 de 3 24/1/ :49 Mas ele admite existir um esforço adicional para o atendimento da nova logística. As sondas e plataformas do pré-sal estão situadas a 300 quilômetros da costa, o dobro da distância dos atuais poços da bacia de Campos. Como os equipamentos de perfuração são caros, eles precisam chegar just in time, afirma Araújo. Numa distância maior da origem ao destino, a margem de erro é estreita. E errar gera um custo maior. Sistema de rastreamento Foto: Fabrizia Granatieri Ampliar Porto de Imbetiba, em Macaé: atividade portuária ampliada distâncias que o pré-sal impõe. Para mitigar o erro no alcance da longa distância, a empresa está testando um sistema que permite rastrear toda a carga. Desde o armazém no porto, passando pelas embarcações até chegar as plataformas, os equipamentos e mercadorias, entre outros, receberão um chip com código de barras. À distância, eles poderão ser rastreados por meio de rádio freqüência (RFID). Saber com antecedência o que chega e na hora exata que chega ajuda a administrar a falta de espaço numa plataforma, a parte mais vulnerável em qualquer instalação em alto-mar. Não se ocupa um convés com carga desnecessária, diz Araújo. É preciso sincronizar a logística para diminuir bastante as longas Leia mais sobre: petrobras logística pré-sal petróleo plataforma hub Compartilhar Imprimir Corrigir Enviar por Notícias SMS Fale conosco Últimas notícias do Economia GM fica pouco atrás da Toyota na liderança mundial em 2010 Philips termina trimestre e ano com lucro maior Toyota amplia produção no Brasil e na Argentina AkzoNobel vai construir nova fábrica no Brasil Sanofi-Aventis volta a ampliar prazo de oferta pela Genzyme Nenhum comentário. Seja o primeiro. ANTES DE ESCREVER SEU COMENTÁRIO, LEMBRE-SE: o ig não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade! Seu nome: * Seu * Mensagem: * Enviar comentário *Campos obrigatórios Sites ig Expediente Fale Conosco Indique o Site Serviços Twitter RSS Assine Acelerador Antivírus Banda Larga Filmes Todos os Serviços Central do Cliente Sites ig Anuncie Crimes Virtuais Trabalhe no ig Política de Privacidade Topo Copyright , Internet Group - Portais: ig, ibest e BrTurbo

4

5

6

Cadeia logística segura aplicada a portos e petróleo (mobilidade e rastreabilidade) Prof. Dr. Paulo Roberto Schroeder de Souza

Cadeia logística segura aplicada a portos e petróleo (mobilidade e rastreabilidade) Prof. Dr. Paulo Roberto Schroeder de Souza Cadeia logística segura aplicada a portos e petróleo (mobilidade e rastreabilidade) Prof. Dr. Paulo Roberto Schroeder de Souza Petrobras fará verdadeira revolução na Logística da Indústria do Petróleo

Leia mais

Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público

Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público nº 345 novembro 2014 Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público Odebrecht 70 anos: histórico e perspectivas em Óleo e Gás Foz Saneatins passa a se chamar Odebrecht Ambiental Saneatins

Leia mais

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 COMUNICADO No: 58 Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 10 de dezembro de 2015 (Genebra) - A International Air Transport Association (IATA) anunciou

Leia mais

VSat em alto-mar Desafios e Perspectivas. SSPI VSat Day 30/11/2010 Márcio Esteves

VSat em alto-mar Desafios e Perspectivas. SSPI VSat Day 30/11/2010 Márcio Esteves VSat em alto-mar Desafios e Perspectivas SSPI VSat Day 30/11/2010 Márcio Esteves VSAT EM ALTO-MAR Breve introdução Navegar é uma operação arriscada e difícil. Até não muito tempo atrás a tripulação ficava

Leia mais

Que políticas de transportes

Que políticas de transportes Que políticas de transportes 8º ciclo de seminários - Transportes e negócios J. Paulino Pereira (Instituto Superior Técnico Universidade Técnica de Lisboa) Professor Universitário e Consultor Aeroportos

Leia mais

PLATAFORMAS MARÍTIMAS Desenvolvimento das estruturas offshore Plataformas Fixas Parte 1

PLATAFORMAS MARÍTIMAS Desenvolvimento das estruturas offshore Plataformas Fixas Parte 1 PLATAFORMAS MARÍTIMAS Desenvolvimento das estruturas offshore Plataformas Fixas Parte 1 INTRODUÇÃO Com o declínio das reservas onshore e offshore em águas rasas, a exploração e produção em águas profundas

Leia mais

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis!

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Page 1 of 5 Home Notćias Esportes Entretenimento V deos Todososites RSS Mobile Favoritos Twitter Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Maio de 2010 Ampliar capa HOME Agenda Calendário Fiscal Colunistas

Leia mais

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Gerente de Relações Institucionais Marcio Mendonça Cruz Revitalização Revitalização da da indústria indústria

Leia mais

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea.

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea. ÍNDICE Sumário Apoios Media Partners Dados Gerais Conferência Expositores Visitantes Campanha de Marketing Mídia Espontânea Imagens 2 Sumário O Evento A 7ª Edição da BRASIL OFFSHORE - Feira e Conferência

Leia mais

A Visão do Transporte Aéreo sobre as Fontes Renováveis de Energia

A Visão do Transporte Aéreo sobre as Fontes Renováveis de Energia A Visão do Transporte Aéreo sobre as Fontes Renováveis de Energia Seminário DCA-BR - Fontes Renováveis de Energia na Aviação São José dos Campos 10 de junho de 2010 Cmte Miguel Dau Vice-Presidente Técnico-Operacional

Leia mais

CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO

CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO 23 de junho de 2012 CÂMARA DE COMÉRCIO AMERICANA VAI DEBATER ASPECTOS TÉCNICOS E LEGAIS DE ACIDENTES COM VAZAMENTO DE ÓLEO A Câmara de Comércio Americana

Leia mais

CLIPPING DE NOTÍCIAS

CLIPPING DE NOTÍCIAS EDITORIAL: Caros Leitores, Os destaques desta edição! TRIBUNAL MARÍTIMO TM Justiça e Segurança para Navegação 80 Anos a Serviço da Comunidade Marítima Brasileira Biblioteca Almirante Adalberto Nunes Centro

Leia mais

Consórcio quer 'popularizar' compra de helicóptero e avião

Consórcio quer 'popularizar' compra de helicóptero e avião 17/05/2011 09h06 - Atualizado em 17/05/2011 09h06 Consórcio quer 'popularizar' compra de helicóptero e avião Grupo lançado no fim do ano passado já tem 240 cotas vendidas. Financiamento livre de juros

Leia mais

SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS. Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro

SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS. Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro ROTEIRO Operação em Plataformas Petrolíferas Corredores de Helicópteros Procedimentos

Leia mais

Renda agropecuária dos Estados Unidos deve cair 13,8% em 2014, di... Página 1 de 10

Renda agropecuária dos Estados Unidos deve cair 13,8% em 2014, di... Página 1 de 10 Renda agropecuária dos Estados Unidos deve cair 13,8% em 2014, di... Página 1 de 10 RuralBR Agricultura Pecuária Canal Rural Tempo Cotação Blogs Especiais Últimas Notícias C2Rural Lance Rural Agricultura

Leia mais

AÇÃO ANTIDUMPING NOS EUA VISA AÇO BRASILEIRO

AÇÃO ANTIDUMPING NOS EUA VISA AÇO BRASILEIRO Página 1 de 7 tualizado às 06:08, 3-08-2015 Pesquisar... h cib ENTRR Destaques Notícias Geral ÇÃO NTIDUMPING NOS EU VIS ÇO BRSILEIRO 03-08-2015 02:08 Escrito por CLIPPING Publicado em Geral 0 Tweetar 0

Leia mais

A INDÚSTRIA DE PETRÓLEO & GÁS NO ESTADO DO RJ. CAMPUS 2014 Brésil Internacional

A INDÚSTRIA DE PETRÓLEO & GÁS NO ESTADO DO RJ. CAMPUS 2014 Brésil Internacional A INDÚSTRIA DE PETRÓLEO & GÁS NO ESTADO DO RJ CAMPUS 2014 Brésil Internacional Agenda PetróleoeGásNaturalnoBrasileRiodeJaneiro Situação da Indústria Naval Sistema FIRJAN: Soluções para Indústria de P&G

Leia mais

A costa da África pode ser um foco da indústria no futuro próximo;

A costa da África pode ser um foco da indústria no futuro próximo; Fleury Pissaia * Entre 2011 e 2015, investimento previsto no setor industrial é de R$ 600 bilhões. Desse montante, indústria do petróleo representa 62%. No mesmo período, R$ 750 bilhões serão alocados

Leia mais

BHS inaugura novo hangar em Cabo Frio

BHS inaugura novo hangar em Cabo Frio BHS inaugura novo hangar em Cabo Frio Nova instalação representa um investimento de R$ 40 milhões em base de grande importância estratégica. A simplificação da operação oferece suporte aos clientes na

Leia mais

Inovação Aberta na Petrobras

Inovação Aberta na Petrobras Inovação Aberta na Petrobras Open Innovation Seminar São Paulo, 12 de Novembro de 2012 Maria Cristina Espinheira Saba Gerente de Estratégia Tecnológica Centro de Pesquisas e Desenvolvimento (CENPES) Motivadores

Leia mais

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 AÇÕES E PROJETOS HABITAÇÃO - 150 mil novas moradias nos próximos quatro anos, para atender a famílias que ganham até 5 salários mínimos, triplicando a produção de moradias no

Leia mais

20 de agosto de 2013. Xisto muda geopolítica da energia

20 de agosto de 2013. Xisto muda geopolítica da energia 20 de agosto de 2013 Xisto muda geopolítica da energia A "revolução do xisto" em curso nos Estados Unidos, que já despertou investimento de US$ 100 bilhões na indústria americana, vai resultar em uma nova

Leia mais

Perspectivas para o Setor de petróleo e gás natural no Brasil

Perspectivas para o Setor de petróleo e gás natural no Brasil Perspectivas para o Setor de petróleo e gás natural no Brasil Comissão de Minas e Energia Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio Câmara dos Deputados João Carlos de Luca Presidente

Leia mais

Oportunidades para a cadeia de suprimentos em E&P

Oportunidades para a cadeia de suprimentos em E&P Oportunidades para a cadeia de suprimentos em E&P Seminário BNDES: Desenvolvimento da cadeia de fornecedores de petróleo e gás Guilherme Estrella Diretor de E&P Rio Rio de de Janeiro, 1º 1º de de setembro

Leia mais

PROJETO OCEANOP INFORMAÇÕES METEOROLÓGICAS PARA REGIÃO OCEÂNICA DO BRASIL

PROJETO OCEANOP INFORMAÇÕES METEOROLÓGICAS PARA REGIÃO OCEÂNICA DO BRASIL PROJETO OCEANOP INFORMAÇÕES METEOROLÓGICAS PARA REGIÃO OCEÂNICA DO BRASIL Angelo Barcelos BARBARIOLI 1, César Henrique de Assis RIBEIRO 1 & Luiz Silva do COUTO 1 RESUMO O monitoramento permanente de parâmetros

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015?

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? Luís Artur Nogueira Jornalista e economista Editor de Economia da IstoÉ DINHEIRO Comentarista econômico da Rádio Bandeirantes Atibaia 17/05/2014 Qual

Leia mais

http://www.investnews.com.br/in_news.aspx?parms=2396439,29,1,1

http://www.investnews.com.br/in_news.aspx?parms=2396439,29,1,1 Página 1 de 5 Usuários cadastrados São Paulo, quinta-feira, 19 de março de 2009. - 12:12 RSS PDA Mobile Loja InvestNews TV Destaques de Administração & Serviços, Caderno C 18/03-01:08 Programa Madeira

Leia mais

1º Workshop Tecnológico PLATEC Sondas de Perfuração Marítima Vitoria/ES

1º Workshop Tecnológico PLATEC Sondas de Perfuração Marítima Vitoria/ES 1º Workshop Tecnológico PLATEC Sondas de Perfuração Marítima Vitoria/ES FEV - 2013 Mercado de atuação do EEP descobertas do pré-sal: o Brasil se transformou no grande mercado para diversos equipamentos

Leia mais

Táxi Aéreo Dezembro de 2012

Táxi Aéreo Dezembro de 2012 Táxi Aéreo Dezembro de 2012 Os números do taxi aéreo no Brasil 188 empresas atuando em todo Brasil 1237 aviões 325 helicópteros 1.500.000 passageiros transportados por ano 80.000 empregos diretos e indiretos

Leia mais

Desafios na. Operação em Águas. Profundas no Brasil. Click to edit Master text styles. Second level Third level

Desafios na. Operação em Águas. Profundas no Brasil. Click to edit Master text styles. Second level Third level 29 de agosto de 2012 Desafios na Click to edit Master text styles Operação em Águas Second level Third level Profundas no Brasil Fourth level» Fifth level Jacques Braile Saliés, Ph.D. Agenda Motivação

Leia mais

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 1 Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 O Conselho de Administração aprovou o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totais de US$ 224 bilhões, representando a média de US$ 44,8 bilhões

Leia mais

Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore

Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore Condições de Financiamento Luiz Marcelo Martins (luizmarcelo@bndes.gov.br) Março 2011 Crescimento Brasileiro e Investimentos Crescimento

Leia mais

DESCRIÇÃO DE CURSOS E TREINAMENTOS

DESCRIÇÃO DE CURSOS E TREINAMENTOS Empresas Prestação Serviços e Escaladores em Plataformas Navios AV. Luiz Lírio, 519, Barra Macaé Macaé RJ DESCRIÇÃO DE CURSOS E TREINAMENTOS Aulas ministradas pelo SINDPRESP-BR em parceria com a UNILAGOS

Leia mais

1. Informações Institucionais

1. Informações Institucionais 1. Informações Institucionais Nossa Empresa Líder mundial em eventos de negócios e consumo, a Reed Exhibitions atua na criação de contatos, conteúdo e comunidades com o poder de transformar negócios Números

Leia mais

TIC em Grandes Eventos - Brasil. Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved.

TIC em Grandes Eventos - Brasil. Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. TIC em Grandes Eventos - Brasil Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. As Mega Tendências de TI no Brasil para 2011 se aplicam também para a Copa Consolidação,

Leia mais

A evolução no setor da hotelaria e turismo. Qual é o espaço para os websites dos hotéis

A evolução no setor da hotelaria e turismo. Qual é o espaço para os websites dos hotéis ÍNDICE Introdução A evolução no setor da hotelaria e turismo Qual é o espaço para os websites dos hotéis Como garantir que o consumidor irá visitar o website de um hotel As vantages que um bom website

Leia mais

EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos

EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos São José dos Campos, 7 de novembro de 2008 A Embraer (BOVESPA:

Leia mais

Segundo Helen Deresky, (2004, p. 55), as alianças estratégicas não acionárias ocorrem:

Segundo Helen Deresky, (2004, p. 55), as alianças estratégicas não acionárias ocorrem: O modelo supply chain As empresas de hoje atuam segundo algumas correntes, ou modelos econômicos. Dentre estes se pode citar a cadeia de suprimentos ou supply chain, modelo das grandes corporações, e a

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR SP CEP: 12236-660 www.unianhanguera.edu.br ADMINISTRAÇÃO Colaborativa Disciplina: DPP Prof º. Tutor Presencial Trabalho, emprego e empregabilidade Área de atuação pesquisada 1. Engenheiro Petroquímico

Leia mais

OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO

OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO Seminário A competitividade do comércio exterior capixaba: infraestrutura logística e controle aduaneiro Cristina Vellozo Santos Subsecretária de Estado de Desenvolvimento

Leia mais

A navegação de cabotagem no Brasil

A navegação de cabotagem no Brasil A navegação de cabotagem no Brasil Um imenso potencial com grandes desafios e barreiras João Guilherme Araujo Diretor de Desenvolvimento de Negócios ILOS - Instituto de Logística e Supply Chain Ultimamente

Leia mais

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE (TURISMO)

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE (TURISMO) OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE (TURISMO) São Tomé e Príncipe é um arquipélago constituído por duas ilhas principais e pequenas ilhotas, localizado no Golfo da Guiné, no Oceano Atlântico,

Leia mais

Logística e Infra-estrutura

Logística e Infra-estrutura Siderurgia Mineração Cimento Logística e Infra-estrutura CSN apresenta Plataforma Logística CSN em Itaguaí Plataforma Logística CSN em Itaguaí Um projeto alinhado às necessidades do Brasil Plataforma Logística

Leia mais

VIAJE LEGAL. www.viajelegal.turismo.gov.br

VIAJE LEGAL. www.viajelegal.turismo.gov.br Aqui você encontra dicas para viajar sem problemas. Afinal, uma viagem legal é aquela que traz boas recordações. Palavra do Ministro Prezado leitor, O turismo é uma atividade que envolve expectativas e

Leia mais

Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010. Tribuna da Bahia. Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha

Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010. Tribuna da Bahia. Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010 Tribuna da Bahia Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha Assistência médica e mecânica nas rodovias Os motoristas que trafegam pelas

Leia mais

Home Amor e Sexo Beleza Comportamento Saúde da Mulher Filhos Noivas Casa Horóscopo Colunistas Bem-Estar Comida Moda

Home Amor e Sexo Beleza Comportamento Saúde da Mulher Filhos Noivas Casa Horóscopo Colunistas Bem-Estar Comida Moda 1 de 6 5/7/2011 07:09 Último Segundo Economia Esporte TV ig Gente Delas ASSINE Vendas 0800 644 1331 Acesso Internet Suporte Antivírus SAC Buscar Home Amor e Sexo Beleza Comportamento Saúde da Mulher Filhos

Leia mais

Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia

Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia Pós-Graduação Stricto Sensu Pós-Graduação Lato Sensu Extensão Graduação Diagnósticos Tecnológicos Soluções de Problemas Empresariais

Leia mais

RESGATE AEROMÉDICO OFFSHORE. Antônio Bento da Costa Borges de Carvalho Medico Coordenador do Resgate Aeromédico PETROBRAS E&P-SERV/US-AP/CC

RESGATE AEROMÉDICO OFFSHORE. Antônio Bento da Costa Borges de Carvalho Medico Coordenador do Resgate Aeromédico PETROBRAS E&P-SERV/US-AP/CC RESGATE AEROMÉDICO OFFSHORE Antônio Bento da Costa Borges de Carvalho Medico Coordenador do Resgate Aeromédico PETROBRAS E&P-SERV/US-AP/CC OBJETIVOS Atender no menor tempo possível os agravos à saúde dos

Leia mais

MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014)

MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014) MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014) 1 - INTRODUÇÃO O grande desenvolvimento verificado atualmente no transporte aéreo através de helicópteros tem como razões: as facilidades

Leia mais

Jornal do Brasil - O primeiro jornal brasileiro da internet

Jornal do Brasil - O primeiro jornal brasileiro da internet 1 de 8 7/6/2010 13:48 ir direto para o conteúdo buscar notícias ir direto para as editorias Jornal do Brasil - O primeiro jornal brasileiro da internet Capa País Rio Economia Internacional Esportes Ciência

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços Sumário Rio de Janeiro em números Energia Petróleo Carteira de Investimentos Rio de Janeiro em números Comércio Exterior Rio bate

Leia mais

Macaé Desenvolvimento e Incorporação: Construção: Arrendamento:

Macaé Desenvolvimento e Incorporação: Construção: Arrendamento: Macaé Desenvolvimento e Incorporação: Construção: Arrendamento: Um lugar, todas as oportunidades Imagine um lugar onde tudo acontece ao mesmo tempo. Um lugar que chama a atenção do mundo como o novo Eldorado.

Leia mais

Pré-Sal O petróleo que pode mudar o Brasil

Pré-Sal O petróleo que pode mudar o Brasil Pré-Sal O petróleo que pode mudar o Brasil Tarsila do Amaral (Carnaval em Madureira -1924) Cândido Protinari (Samba, óleo sobre tela.1956) Mar O Pré-Sal é Leito oceânico uma dádiva de Deus Arte Petrobras

Leia mais

A autossuficiência brasileira

A autossuficiência brasileira Fonte: Estadão Online 09/11/07, 18h25 Por Daniel Lima Transcrito por RH para o Site do GDPAPE Grupo em Defesa dos Participantes da Petros História: A Exploração do Petróleo no Brasil Das primeiras perfurações

Leia mais

Edição 3 - Dezembro 2009

Edição 3 - Dezembro 2009 Edição 3 - Dezembro 2009 Indicadores Categorias + vistas na internet (usuários únicos) 33,7 Telecomunicações e Serviços de Internet -10,5% +13% Buscadores, Portais e Comunidades 33,5 Ocasiões Especiais

Leia mais

Venha fazer negócios conosco e saia Feliz a Bessa e tenha a irmandade que você pode escolher.

Venha fazer negócios conosco e saia Feliz a Bessa e tenha a irmandade que você pode escolher. A empresa, com larga experiência no setor imobiliário, tem infra-estrutura e equipe especializada pronta para atendê-lo. Firma fundada em 1975 registrada pelo PJ: 183. Corretor Responsável com CRECI: 669

Leia mais

EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO

EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO Objetivo Maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, em bases competitivas e sustentáveis, na implantação de projetos de óleo e gás no Brasil e no exterior. 1 Desafios Históricos:

Leia mais

O Globo 09/01/2011 Desmatobrás Construção de 61 hidrelétricas provocará desmatamento de 5,3 mil km2, equivalente à área do Grande Rio Liana Melo e

O Globo 09/01/2011 Desmatobrás Construção de 61 hidrelétricas provocará desmatamento de 5,3 mil km2, equivalente à área do Grande Rio Liana Melo e O Globo 09/01/2011 Desmatobrás Construção de 61 hidrelétricas provocará desmatamento de 5,3 mil km2, equivalente à área do Grande Rio Liana Melo e Henrique Gomes Batista Ogoverno planeja desmatar 5,3 mil

Leia mais

APIMEC- Seminário de Petróleo e Gás Rio de Janeiro, Agosto 2011

APIMEC- Seminário de Petróleo e Gás Rio de Janeiro, Agosto 2011 Desafios Logísticos para a Exploração e Produção do Pré-Sal APIMEC- Seminário de Petróleo e Gás Rio de Janeiro, Agosto 2011 Aviso Legal Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas

Leia mais

As Descobertas de Petróleo no Brasil Trazem Novos Desafios

As Descobertas de Petróleo no Brasil Trazem Novos Desafios As Descobertas de Petróleo no Brasil Trazem Novos Desafios A descoberta de grandes reservas de petróleo na costa do Brasil representa a possibilidade de elevar a classificação do país no mercado energético

Leia mais

PROSUMERODY. É possível sobreviver em um mercado com consumidores cada vez mais insatisfeitos, criativos e poderosos? PRODUCER CONSUMER PARODY

PROSUMERODY. É possível sobreviver em um mercado com consumidores cada vez mais insatisfeitos, criativos e poderosos? PRODUCER CONSUMER PARODY PROSUMERODY PRODUCER CONSUMER PARODY É possível sobreviver em um mercado com consumidores cada vez mais insatisfeitos, criativos e poderosos? 01 O que é? PROSUMER? O termo PROSUMER foi originado da junção

Leia mais

Um fenômeno chamado big data

Um fenômeno chamado big data Um fenômeno chamado big data A possibilidade de analisar um volume inédito de dados digitais chamado de big data é, para as empresas, uma revolução comparável à popularização da internet. São Paulo - Dois

Leia mais

Região fornece para o setor naval 5º Seminário de Petróleo e Gás aponta oportunidades para empresários locais

Região fornece para o setor naval 5º Seminário de Petróleo e Gás aponta oportunidades para empresários locais Região fornece para o setor naval 5º Seminário de Petróleo e Gás aponta oportunidades para empresários locais Wôlmer Ezequiel Jéferson Bachour falou sobre as demandas do mercado de construção naval Atualmente,

Leia mais

NAGI PG. As Oportunidades do Pré-sal: Como minha indústria pode participar deste mercado. Eng. Virgilio Calças Filho Sorocaba 27/02/2014

NAGI PG. As Oportunidades do Pré-sal: Como minha indústria pode participar deste mercado. Eng. Virgilio Calças Filho Sorocaba 27/02/2014 NAGI PG NÚCLEO DE APOIO À GESTÃO DA INOVAÇÃO NA CADEIA DE PETRÓLEO E GÁS As Oportunidades do Pré-sal: Como minha indústria pode participar deste mercado Eng. Virgilio Calças Filho Sorocaba 27/02/2014 Em

Leia mais

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras Diretoria de Engenharia - DE Cidades candidatas e seus aeroportos Aeroportos da INFRAERO primeira e última imagem que o turista estrangeiro

Leia mais

Estudo A INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES NO BRASIL

Estudo A INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES NO BRASIL Estudo A INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES NO BRASIL Índice Introdução...03 Copa de 2014 e Olimpíadas 2016...06 Infraestrutura de transportes...09 Imprensa e relevância sobre o tema...13 O que esperar da malha

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS DA PETROBRAS PROJETOS DA BACIA DE SANTOS. José Luiz Marcusso E&P / UN-BS. São Paulo, 11 de maio de 2010

PLANO DE NEGÓCIOS DA PETROBRAS PROJETOS DA BACIA DE SANTOS. José Luiz Marcusso E&P / UN-BS. São Paulo, 11 de maio de 2010 PLANO DE NEGÓCIOS DA PETROBRAS PROJETOS DA BACIA DE SANTOS José Luiz Marcusso E&P / UN-BS São Paulo, 11 de maio de 2010 1 1 AVISO As apresentações podem conter previsões acerca de eventos futuros. Tais

Leia mais

Plano de Negócios e Gestão 2013-2017

Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS Companhia Aberta FATO RELEVANTE Plano de Negócios e Gestão 2013-2017 Rio de Janeiro, 15 de março de 2013 Petróleo Brasileiro S.A. Petrobras comunica que seu Conselho

Leia mais

Então, é difícil para a gente afirmar um número ainda, mas vai estar nesse intervalo entre estabilidade e alguma coisa perto de 2% ou 3%.

Então, é difícil para a gente afirmar um número ainda, mas vai estar nesse intervalo entre estabilidade e alguma coisa perto de 2% ou 3%. Q&A de Teleconferência Resultado 3T08 ALL América Latina Logística 13 de novembro de 2008 Na redução de guidance de vocês, essa expressão interessante, um crescimento marginal de yield. Em um crescimento

Leia mais

MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS.

MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS. MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS. TELA DE LOGIN DO PORTAL LOGÍSTICA RASTREAMENTO Digite o endereço www.gruponewvision.com.br/rastreamento em seu navegador

Leia mais

Universidade Federal de Alagoas Eixo da Tecnologia Campus do Sertão Programa de Educação Tutorial

Universidade Federal de Alagoas Eixo da Tecnologia Campus do Sertão Programa de Educação Tutorial Grandezas, Unidades de Medidas e Escala 1) (Enem) Um mecânico de uma equipe de corrida necessita que as seguintes medidas realizadas em um carro sejam obtidas em metros: a) distância a entre os eixos dianteiro

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Prova de Informática Petróleo e Gás PROVA DE INFORMÁTICA BÁSICA PETRÓLEO & GÁS

Prova de Informática Petróleo e Gás PROVA DE INFORMÁTICA BÁSICA PETRÓLEO & GÁS PROVA DE INFORMÁTICA BÁSICA PETRÓLEO & GÁS 1 Sumário 1.0 - Curso de Petróleo e Gás...3 1.1 O Profissional...3 1.2 Mercado De Trabalho...3 1.3 O Curso...4 2.0 Informações sobre Petróleo e Gás...5 2.1 Dados

Leia mais

O Marco Regulatório do Pré-Sal e a Cadeia Produtiva da Industria: Desafios e Oportunidades

O Marco Regulatório do Pré-Sal e a Cadeia Produtiva da Industria: Desafios e Oportunidades O Marco Regulatório do Pré-Sal e a Cadeia Produtiva da Industria: Desafios e Oportunidades Construção de uma Política Industrial Setorial Eloi Fernández y Fernández Diretor Geral ONIP Brasilia, 3 de outubro

Leia mais

Fabrício Aparecido Breve INTERNET E MUNDIALIZAÇÃO

Fabrício Aparecido Breve INTERNET E MUNDIALIZAÇÃO Fabrício Aparecido Breve INTERNET E MUNDIALIZAÇÃO Piracicaba, 2000 Fabrício Aparecido Breve INTERNET E MUNDIALIZAÇÃO Este trabalho se destina a avaliação da disciplina de Teoria da Comunicação Piracicaba,

Leia mais

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis!

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! 1 de 5 12/3/2010 10:12 RSS Mobile Favoritos Twitter Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Março de 2010 Ampliar capa HOME Agenda Calendário Fiscal Colunistas Eu, Empreendedor Notícias Newsletter ABRA

Leia mais

2 Descrição da Empresa Focal

2 Descrição da Empresa Focal 2 Descrição da Empresa Focal 2.1 Origem e história da DNV A Det Norske Veritas 2 (DNV) é uma fundação global e independente, com o objetivo de salvaguardar a vida, a propriedade e o meio ambiente. Fundada

Leia mais

Sapato Velho (acústico)

Sapato Velho (acústico) Page 1 of 8 Home ig Último Segundo Economia Esporte TV ig Gente Delas ASSINE E-mail Acesso Internet Suporte Antivírus SAC login cifras e tablaturas entrevistas notícias dicionário de acordes fórum Digite

Leia mais

DESTAQUES DESTA EDIÇÃO

DESTAQUES DESTA EDIÇÃO revistacobertura123.p65 1 DESTAQUES DESTA EDIÇÃO ENTREVISTA Exposição a riscos de inundações pode atingir 43 milhões de pessoas no Brasil em 2030 Utilização de resseguro abre oportunidade para que seguradoras

Leia mais

PLATEC FPSO. 1º WORKSHOP TECNOLÓGICO Campinas 24 e 25/04/2012. Floating Production Storage and Offloading. Realização: Apoio:

PLATEC FPSO. 1º WORKSHOP TECNOLÓGICO Campinas 24 e 25/04/2012. Floating Production Storage and Offloading. Realização: Apoio: Floating Production Storage and Offloading 1º WORKSHOP TECNOLÓGICO Campinas 24 e 25/04/2012 Realização: Apoio: Brasil - mundo Demanda brasileira nos estaleiros do mundo PLATEC FPSO 2 Plataformas Tecnológicas

Leia mais

AEROPORTO INTERNACIONAL DE CABO FRIO UMA NOVA OPÇÃO LOGÍSTICA

AEROPORTO INTERNACIONAL DE CABO FRIO UMA NOVA OPÇÃO LOGÍSTICA AEROPORTO INTERNACIONAL DE CABO FRIO UMA NOVA OPÇÃO LOGÍSTICA Conferência Internacional sobre Capital Privado em Aeroportos FIESP / CIESP 23/Abril/2009 A Costa da Sol Operadora Aeroportuária S.A. é uma

Leia mais

Número 52 (23 de março de 2009) Publicação periódica do Clube Brasileiro-Catalão de Negócios. Com o apoio de:

Número 52 (23 de março de 2009) Publicação periódica do Clube Brasileiro-Catalão de Negócios. Com o apoio de: Clube Brasileiro-Catalão de Negócios (CB-CN) Av. Juscelino Kubitschek, 1726 conj. 111 sala 9 Vila Olímpia São Paulo SP Brasil CEP: 04543-000 www.cb-cn.com E-mail: info@cb-cn.com Número 52 (23 de março

Leia mais

De entre vários direitos que o diploma contém destacamos os seguintes:

De entre vários direitos que o diploma contém destacamos os seguintes: NATAL. UMA ÉPOCA FESTIVA ONDE AS FRONTEIRAS NÃO TÊM LUGAR... Uma vez que se aproxima mais um Natal, é importante não descurar e conhecer os seus direitos. Esta quadra, ainda que nos acompanhe por poucos

Leia mais

OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO Fórum de Desenvolvimento do Turismo Náutico

OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO Fórum de Desenvolvimento do Turismo Náutico OPORTUNIDADES NO ESPÍRITO SANTO Fórum de Desenvolvimento do Turismo Náutico Duarte Aquino Secretaria de Desenvolvimento do Estado do Espírito Santo Vitória, 22/09/2011 POR QUE INVESTIR NO ESPÍRITO SANTO?

Leia mais

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa Como implementar Social Media na empresa 1 As razões: Empresas ainda desconhecem benefícios do uso de redes sociais Das 2,1 mil empresas ouvidas em estudo do SAS Institute e da Harvard Business Review,

Leia mais

Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018

Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018 Plano Estratégico Petrobras 2030 e Plano de Negócios e Gestão 2014 2018 A Petrobras comunica que seu Conselho de Administração aprovou o Plano Estratégico Petrobras 2030 (PE 2030) e o Plano de Negócios

Leia mais

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis!

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! 1 de 6 6/8/2010 09:14 RSS Mobile Favoritos Twitter Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Agosto de 2010 Ampliar capa HOME Agenda Calendário Fiscal Colunistas Divã do Empreendedor Divã do Inventor Eu,

Leia mais

Brasil não pode emperrar pré-sal, diz presidente do World Petroleum Council Qua, 19 de Setembro de 2012 08:08

Brasil não pode emperrar pré-sal, diz presidente do World Petroleum Council Qua, 19 de Setembro de 2012 08:08 Dirigindo uma das principais entidades de petróleo do mundo, o World Petroleum Council, mas também presidente da brasileira Barra Energia, Renato Bertani acha que o Brasil não pode se dar ao luxo, como

Leia mais

Petróleo e Meio Ambiente

Petróleo e Meio Ambiente Instituto Superior de Tecnologia de Paracambi Petróleo e Meio Ambiente Curso:Tecnólogo em Gestão Ambiental Professora: Raquel Simas Pereira Teixeira Acidentes na Indústria de Petróleo Acidentes com Plataformas

Leia mais

Empresa de Pesquisa Energética abre concurso para 156 vagas

Empresa de Pesquisa Energética abre concurso para 156 vagas Page 1 of 5 globo.com notícias esportes entretenimento vídeos e-mail Globomail Pro Globomail Free Criar um e-mail central globo.com assine já todos os sites Concursos e Emprego 10h03 - Atualizado em 11h08

Leia mais

O grande. desafio da margem. MA Teresina BACIA DA FOZ DO AMAZONAS BACIA DO PARÁ-MARANHÃO BACIA DE BRAGANÇA-VIZEU BACIA DE BARREIRINHAS BACIA DE MARAJÓ

O grande. desafio da margem. MA Teresina BACIA DA FOZ DO AMAZONAS BACIA DO PARÁ-MARANHÃO BACIA DE BRAGANÇA-VIZEU BACIA DE BARREIRINHAS BACIA DE MARAJÓ BM-FZA-4 O grande ipo r é desafio da margem BM-PAMA-3 Macapá BACIA DA FOZ DO AMAZONAS BM-PAMA10 BM-PAMA-11 BM-PAMA-12 BM-PAMA-8 BACIA DO PARÁ-MARANHÃO BM-PAMA-13 BM-PAMA-14 BM-PAMA-15 Rio Amazonas BM-PAMA-16

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2013 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 26 % da

Leia mais

Falta um projeto estruturante para o setor de aeroportos

Falta um projeto estruturante para o setor de aeroportos Falta um projeto estruturante para o setor de aeroportos Josef Barat Segundo dados do Instituto de Estudos Estratégicos e de Políticas Públicas em Transporte Aéreo, nos últimos vinte anos o tráfego de

Leia mais

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br Inovação Tecnológica Frente aos Desafios da Indústria Naval Brasileira Isaias Quaresma Masetti Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br ... O maior obstáculo à indústria

Leia mais

SMIT, SERVIÇOS MARÍTIMOS DE MOÇAMBIQUE, LIMITADA PARCEIRO MOÇAMBICANO DE SOLUÇÕES MARÍTIMAS

SMIT, SERVIÇOS MARÍTIMOS DE MOÇAMBIQUE, LIMITADA PARCEIRO MOÇAMBICANO DE SOLUÇÕES MARÍTIMAS SMIT, SERVIÇOS MARÍTIMOS DE MOÇAMBIQUE, LIMITADA PARCEIRO MOÇAMBICANO DE SOLUÇÕES MARÍTIMAS 2 QUEM SOMOS 3 UMA EMPRESA LOCAL QUE REÚNE REQUESITOS INTERNACIONAIS A Smit Serviços Marítimos de Moçambique

Leia mais

B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12

B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12 B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12 TELECONFERÊNCIA 3T12 Quarta-feira, 14 de novembro de 2012 Horário: 13:00 p.m. (Brasil) - 10:00 a.m. (US EST) Telefone: +55 (11) 4688.6361

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL

A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL 04/05/2011 Senado Federal - Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo O BRASIL EM NÚMEROS BASE PARA O CRESCIMENTO Os investimentos nas áreas

Leia mais

Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária. Coordenação de Meio Ambiente MERJ TERMO DE REFERÊNCIA

Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária. Coordenação de Meio Ambiente MERJ TERMO DE REFERÊNCIA Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária Superintendência Regional do Rio de Janeiro - SRRJ Coordenação de Meio Ambiente MERJ TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA REALIZAÇÃO

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.951

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.951 ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.951 A ATIVIDADE TURÍSTICA E O SEGMENTO DE EVENTOS. PERSPECTIVAS DE CRESCIMENTO GRAÇAS À COPA

Leia mais