Comunicado 4 Credenciamento TSE nº 1/2015 QUESTIONAMENTOS DA EMPRESA ALIANÇA ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS DE SAÚDE S.A E RESPOSTAS EMITIDAS PELO TSE:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comunicado 4 Credenciamento TSE nº 1/2015 QUESTIONAMENTOS DA EMPRESA ALIANÇA ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS DE SAÚDE S.A E RESPOSTAS EMITIDAS PELO TSE:"

Transcrição

1 Comunicado 4 Credenciamento TSE nº 1/2015 QUESTIONAMENTOS DA EMPRESA ALIANÇA ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS DE SAÚDE S.A E RESPOSTAS EMITIDAS PELO TSE: 1. De acordo com a alínea f do item 1.3 do Edital em epígrafe c/c a alínea c do item 18.1 do Projeto Básico um dos documentos da habilitação técnica consiste na apresentação da Certidão expedida pela ANS de que a Licitante atende às exigências de ativos garantidores, constantes da Resolução Normativa nº 203/2009, relativa ao 4º trimestre de 2013, exigível na forma da lei. Ocorre que, já estarmos no 1º semestre de 2015, e considerando o calendário de cumprimento de obrigações da DIOPS estabelecido pela ANS, na presente data, já houve a emissão da certidão relativa ao 1º, 2º e 3º Trimestre/2014, pois, a data limite para entrega das informações referentes ao 3º trimestre/2014 expirou, 15/11/2014. Quanto à certidão referente à certidão do 4º Trimestre/2014 o prazo para envio dos dados a respeito do referido trimestre será até o dia 31/03/2015, conforme calendário da DIOPS, anexo, e encontrado no link a seguir: Assim, podemos entender que a certidão a ser apresentada para atender à exigência do citado item é a relativa ao 3º Trimestre/2014, já que a apresentação da certidão relativa ao 4º trimestre/2013 não será hábil para comprovar que na data da abertura do credenciamento em epígrafe a administradora está regular com a ANS, nesse quesito? Sim, conforme Comunicado n 3/2015, a certidão a ser apresentada deverá ser a do 3º trimestre/ De acordo com a alínea h do item 1.3 do Edital de Credenciamento em epígrafe deverá integrar a habilitação técnica da administradora: Declaração comprometendo-se a disponibilizar, durante todo o período de vigência do Termo de Acordo, adequada rede credenciada, nos termos do item 6 do Projeto Básico Anexo I deste Edital, bem como os serviços constantes no item 3 do Projeto Básico Anexo I deste Edital. Ocorre que, analisando o Projeto Básico se verifica que os serviços estão especificados no item 04 e a Rede Credenciada no item 07. Assim, podemos entender que na declaração supracitada devemos nos reportar aos itens 04 e 07, respectivamente, e não 03 e 06? Sim. Na alínea h do item 1.3 do Edital de Credenciamento, onde se lê: Declaração comprometendo-se a disponibilizar, durante todo o período de vigência do Termo de Acordo, adequada rede credenciada, nos termos do item 6 do Projeto Básico Anexo I deste Edital, bem como os serviços constantes no item 3 do Projeto Básico Anexo I deste Edital. Leia-se: 1

2 Declaração comprometendo-se a disponibilizar, durante todo o período de vigência do Termo de Acordo, adequada rede credenciada, nos termos do item 7 do Projeto Básico Anexo I deste Edital, bem como os serviços constantes no item 4 do Projeto Básico Anexo I deste Edital. 3. Ainda, no quesito rede credenciada, tendo em vista que a alínea h do item 1.3 não exige a apresentação de rede credenciada, mas de declaração comprometendo-se a disponibilizá-la na forma exigida no projeto básico, podemos entender que na fase de habilitação as administradoras não estarão obrigadas a apresentar a relação de credenciados das operadoras disponibilizadas, no entanto, na fase de execução dos serviços a área requisitante desse Tribunal irá verificar o cumprimento das exigências de Rede previstas no item 07 do Projeto Básico e, em caso de descumprimento, as Administradoras credenciadas serão responsabilizadas, na forma prevista no Instrumento Convocatório e legislação vigente? A alínea h do item 1.3 do Edital de Credenciamento, remete ao item 7, o qual exige que a (...) Pelo menos uma operada disponibilizada pela Administradora de Benefícios deverá comprovar atendimento de, no mínimo: (...). Logo, a Administradora deverá apresentar a rede credenciada mínima exigida do Edital na fase de habilitação. 4. Tendo em vista, que a disposição do item 1.3 não exige a apresentação de relação de rede credenciada na fase de habilitação, mas de simples declaração, devemos desconsiderar as respostas aos questionamentos 06 e 08 da operadora Unimed Seguros, disponibilizadas por esse Tribunal? Não. 5. O item 05 do Edital em epígrafe determina a forma de apresentação da proposta de preços, sem fazer referência à forma de cotação de preços. Assim, podemos entender que tendo em vista que o preâmbulo do Edital em epígrafe estabelece que o referido credenciamento será regido pelo disposto na Lei 9.656/98 e nas Resoluções da Agência Nacional de Saúde Suplementar, a cotação de preços deverá obedecer o disposto na RN 63/2003 da Agência Nacional de Saúde Suplementar que em seu art. 1º estabelece: Art. 1º A variação de preço por faixa etária estabelecida nos contratos de planos privados de assistência à saúde firmados a partir de 1º de janeiro de 2004, deverá observar o disposto nesta Resolução. Sim. A precificação deverá ser feita respeitando as normas da ANS. 6. Podemos entender que as regras de transferência de planos previstas nos itens 11.3 e 11.4 serão uma faculdade das operadoras e, por essa razão, a sua efetivação só será obrigatória se estiverem de acordo com as regras praticadas pelas operadoras disponibilizadas a esse Tribunal? 2

3 Não. As regras de transferência de plano devem seguir o disposto nos item 11.3 e 11.4 do Anexo I Projeto Básico. 7. Tendo em vista que a portabilidade prevista no item 12.1 do Edital está sujeita à condição de inexistência de internação ou tratamento de valor igual ou superior a R$ ,00 nos últimos 12 (doze) meses, podemos entender que essa portabilidade só poderá ser efetivada nas datas de aniversário do Termo de Acordo, uma vez que isso também irá contribuir para o equilíbrio econômico-financeiro do contrato? Sim. A portabilidade só poderá acontecer no aniversário do Termo de Acordo. 8. Podemos entender que a exceção prevista no item 10.5 do Termo de Referência se restringe à obediência ao cronograma de inclusões, já que nessa espécie de contratação é indispensável a manifestação expressa do titular junto a administradora de benefícios para efetivação de sua inclusão? Sim. A exceção a que se refere o item 10.5 refere-se apenas ao cronograma de inclusões. QUESTIONAMENTOS DA EMPRESA PREVQUALI E RESPOSTAS EMITIDAS PELO TSE: 1º Questionamento: 1) Solicitamos, primeiramente, o envio do anexo I ( projeto básico) que não consta do edital. O Anexo I consta no link 2) Solicitamos ainda a tabela contendo a distribuição dos beneficiários por faixa etária, para efeitos de cotação, inclusive pensionistas e agregados. QUANTIDADE DE BENEFICIÁRIOS POR FAIXA ETÁRIA FAIXA ETÁRIA SERVIDOR DEP. LEGAL DEP. ECONÔMICO PENSIONISTA DEP. ESPECIAL (AGREGADO) 00 a a a a a a

4 44 a a a ou mais ) Por último gostaríamos de saber se o plano de assistência à saúde será custeado pelos servidores beneficiários? Sim, de acordo com os itens 2.2 e 16 do Anexo I Projeto Básico 4) O Tribunal irá contribuir com algum subsídio que será repassado aos servidores para auxílio no pagamento do plano (auxilio ressarcimento)? Existe uma tabela com os valores do subsídio (por faixa salarial ou percentual)? Cabe ressaltar a importância da disponibilização dos valores às administradoras, pois tal informação impactará diretamente na formação dos preços dos planos, vez que quanto maior o subsídio, maior será o número de adesões, além de diminuir o risco de inadimplência. Isto posto, solicitamos por favor, que seja disponibilizado aos licitantes os valores que serão pagos a título de subsídio aos servidores beneficiários. O TSE irá conceder auxílio-saúde aos servidores, conforme item 2.2 do Anexo I Projeto Básico. Os valores estão em estudo e submetidos à aprovação da Diretoria- Geral, que expedirá ato próprio. 5) Os servidores atualmente têm algum plano? Caso positivo, qual é a operadora atual? Sim. Os servidores são atendidos pela AMIL (Contrato TSE nº 12/2013) 2º Questionamento: 1) Os servidores do TSE são atendidos atualmente por quantas operadoras de planos de saúde? Quais são? O TSE possui contrato apenas com a operadora AMIL. 2) Há quanto tempo essa (s) operadora (s) está (ão) prestando serviço no TSE? O contrato atual iniciou-se no dia 1º de março de ) A (s) operadora (s) atende (m) satisfatoriamente os beneficiários? Não temos pesquisa de satisfação recente. 4) De acordo com o item 2.2 do projeto básico, os titulares e dependentes, com exceção dos dependentes especiais, farão jus ao auxílio de caráter indenizatório. Questionamos se esse auxílio será pago apenas ao servidor que contratar com as operadoras 4

5 credenciadas através das Administradoras de Benefícios ou será pago também para o servidor que apresentar despesa com qualquer plano de saúde mesmo que não seja de operadora credenciada? As regras para concessão do auxílio-saúde serão estabelecidas por meio de Instrução Normativa a ser baixada pela Diretora-Geral. Brasília, 22 de janeiro de 2015 Maria Angélica Borges da Silva Presidente da CPL 5

PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO ALIANÇA ADMINISTRADORA

PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO ALIANÇA ADMINISTRADORA PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO ALIANÇA ADMINISTRADORA 1 O que é? 1.1 Por meio de acordo de parceria firmado entre o Ministério da Educação e a Aliança Administradora de Benefícios de Saúde LTDA., do qual

Leia mais

PLANO DE SAÚDE. Perguntas e Respostas

PLANO DE SAÚDE. Perguntas e Respostas PLANO DE SAÚDE Perguntas e Respostas Conteúdo 1. O que é?... 3 2. Quanto vou receber?... 3 3. Como vou receber?... 3 4. Onde devo solicitar o pagamento do auxílio?... 3 5. Há prazo para realizar a solicitação?...

Leia mais

Assunto: Comunicação sobre Resolução Normativa da Agência Nacional da Saúde Suplementar RN nº 412/2016, com vigência a partir de

Assunto: Comunicação sobre Resolução Normativa da Agência Nacional da Saúde Suplementar RN nº 412/2016, com vigência a partir de Brasília-DF, 25 de abril de 2017. Carta DIMC n. 105/2017 Ao Senhor JOSEMIR MARTINS DA SILVA Subsecretário de Assuntos Administrativos Ministério de Educação Com cópia para todas as Entidades Vinculadas

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 412, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2016 Dispõe sobre a solicitação de cancelamento do contrato do plano de saúde individual ou familiar, e de exclusão de beneficiário de contrato coletivo

Leia mais

IMPACTO DAS RESOLUÇÕES NORMATIVAS 195, 200 e 204 EDITADAS PELA ANS

IMPACTO DAS RESOLUÇÕES NORMATIVAS 195, 200 e 204 EDITADAS PELA ANS IMPACTO DAS RESOLUÇÕES NORMATIVAS 195, 200 e 204 EDITADAS PELA ANS RN 195 Vigência: 03.11.2009 (alterada pelas RNs 200 e 204); Objetivos: a) classificar e disciplinar as características dos planos privados

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx DE 2016

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx DE 2016 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx DE 2016 Dispõe sobre a contratação de planos coletivos empresariais de planos privados de assistência à saúde por microempreendedores individuais e por

Leia mais

Ministério da Saúde AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N.º 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009.

Ministério da Saúde AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N.º 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009. Ministério da Saúde AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N.º 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009. Dispõe sobre a regulamentação da portabilidade das carências previstas

Leia mais

ANS divulga teto de reajuste autorizado para planos individuais

ANS divulga teto de reajuste autorizado para planos individuais ANS divulga teto de reajuste autorizado para planos individuais Publicado em: 03/06/2016 (ans.gov.br) A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) fixou em até 13,57% o índice de reajuste a ser aplicado

Leia mais

Reajuste anual de planos de saúde

Reajuste anual de planos de saúde Sindicato dos Laboratórios de Minas Gerais Nº : 204 Data: 08/06/2015 Fale conosco: (31) 3213-2738 - Fax (31) 3213-0814 - secretaria@sindlab.org.br - www.sindlab.org.br Reajuste anual de planos de saúde

Leia mais

REAJUSTE DO PLANO DE SAÚDE LINCX E CAMPANHA DE ADESÃO

REAJUSTE DO PLANO DE SAÚDE LINCX E CAMPANHA DE ADESÃO REAJUSTE DO PLANO DE SAÚDE LINCX E CAMPANHA DE ADESÃO - 2017 Prezado Associado Como ocorre todos os anos, no mês de janeiro temos o reajuste do contrato do plano de saúde da APMP. De acordo com o estabelecido

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx de 2017

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx de 2017 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº xxx, de xx de xxxxxx de 2017 Dispõe sobre a contratação de plano privado de assistência à saúde coletivo empresarial por empresário A Diretoria Colegiada da Agência Nacional

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL Universidade Federal da Fronteira Sul MANUAL DO SERVIDOR PROGESP RESSARCIMENTO À SAÚDE SUPLEMENTAR

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL Universidade Federal da Fronteira Sul MANUAL DO SERVIDOR PROGESP RESSARCIMENTO À SAÚDE SUPLEMENTAR RESSARCIMENTO À SAÚDE SUPLEMENTAR 1 O que é? 1.1 Auxílio de caráter indenizatório, pago mediante ressarcimento, a servidor ativo ou inativo e seus dependentes, ou pensionista, quando comprovada a contratação

Leia mais

Artigo 1º Esta resolução dispõe sobre a Administradora de Benefícios.

Artigo 1º Esta resolução dispõe sobre a Administradora de Benefícios. RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 196, DE 14 DE JULHO DE 2009. Dispõe sobre a Administradora de Benefícios. A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS, no uso das atribuições que lhes

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 365, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 365, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 365, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014 Dispõe sobre a substituição de prestadores de serviços de atenção à saúde não hospitalares. A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Saúde

Leia mais

FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279)

FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279) FORMULÁRIO DEMITIDO OU APOSENTADO (RN 279) I EXCLUSÃO COM CIÊNCIA DO DIREITO DE MANUTENÇÃO DO PLANO COMO EX-EMPREGADO 1. DADOS DA OPERADORA OPERADORA Unimed Chapecó Coop. de Trab. Méd. da Reg. Oeste Catarinense

Leia mais

Faça a sua adesão e tenha acesso ao que há de mais moderno em tecnologia de diagnósticos e tratamentos, pagando muito menos.

Faça a sua adesão e tenha acesso ao que há de mais moderno em tecnologia de diagnósticos e tratamentos, pagando muito menos. CRF-SP UNIMED FESP A parceria de sucesso entre a CRF-SP, UNIMED FESP e UNICONSULT - Administradora de Benefícios foi firmada para trazer a você, filiado do Conselho, todos os benefícios em saúde que você

Leia mais

Pregão º 004/17 Objeto: SEGURO DE VIDA EM GRUPO PARA OS EMPREGADOS DO SENAR/ADM. CENTRAL. CONSOLIDADO DE PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS E RESPOSTAS

Pregão º 004/17 Objeto: SEGURO DE VIDA EM GRUPO PARA OS EMPREGADOS DO SENAR/ADM. CENTRAL. CONSOLIDADO DE PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS E RESPOSTAS Pregão º 004/17 Objeto: SEGURO DE VIDA EM GRUPO PARA OS EMPREGADOS DO SENAR/ADM. CENTRAL. CONSOLIDADO DE PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS E RESPOSTAS Referente ao objeto do alusivo edital: Qual foi o valor da

Leia mais

Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO

Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO Disposições Gerais CARTILHA DE ORIENTAÇÃO MANUTENÇÃO DE DEMITIDOS E APOSENTADOS INTERODONTO 2 O aposentado e o ex-empregado, exonerado ou demitido sem justa causa, que contribuíam para o custeio do seu

Leia mais

TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS)

TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS) TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS) Contrato Coletivo Empresarial com até 29 (vinte e nove) beneficiários, e 30 (trinta) a 99 (noventa e nove) beneficiários e a partir de 100 (cem) beneficiários

Leia mais

Beneficiários da Unimed Paulistana poderão fazer portabilidade extraordinária

Beneficiários da Unimed Paulistana poderão fazer portabilidade extraordinária A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o Ministério Público Federal, o Ministério Público Estadual de São Paulo e o Procon/SP firmaram um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Unimed do Brasil,

Leia mais

Resolução Normativa nº279. Aposentados e Demitidos

Resolução Normativa nº279. Aposentados e Demitidos Resolução Normativa nº279 Aposentados e Demitidos Retrospectiva Lei nº 9656/98 Demitidos Art. 30 - Ao consumidor que contribuir para produtos de Planos Privados de Assistência à Saúde, em decorrência de

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 40/2014 ESCLARECIMENTO N. 1

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 40/2014 ESCLARECIMENTO N. 1 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento n. 1 Referência: Pregão Eletrônico n. 40/2014 Data: 15/10/2014 Objeto: Contratação de pessoa jurídica especializada na prestação de serviços de assistência médica, ambulatorial

Leia mais

TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS)

TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS) TERMO ADITIVO (RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 279 ANS) Contrato Coletivo Empresarial com até 29 (vinte e nove) beneficiários, e 30 (trinta) a 99 (noventa e nove) beneficiários e a partir de 100 (cem) beneficiários

Leia mais

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES

APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES APOSENTADOS E DEMITIDOS CARTILHA COM ORIENTAÇÕES A BIOVIDA SAÚDE com o intuito de informar e orientar seus beneficiários quanto ao PLANO CONTINUIDADE, resolveu criar e divulgar essa cartilha com explicações

Leia mais

ESCLARECIMENTO 1. Informamos a todos os licitantes interessados no PR 031/2012 as seguintes solicitações de esclarecimentos realizados por

ESCLARECIMENTO 1. Informamos a todos os licitantes interessados no PR 031/2012 as seguintes solicitações de esclarecimentos realizados por Página 1 de 5 ESCLARECIMENTO 1 Local: Porto Alegre Data: 01/08/2012 Ref. PREGÃO PRESENCIAL 031/2012 DE: Comissão de Licitação PARA: Os Licitantes Informamos a todos os licitantes interessados no PR 031/2012

Leia mais

TERMO DE ADESÃO/PROPOSTA DE ADMISSÃO CONTRATO COLETIVO POR ADESÃO MULTIPLO 1 ESTADUAL O

TERMO DE ADESÃO/PROPOSTA DE ADMISSÃO CONTRATO COLETIVO POR ADESÃO MULTIPLO 1 ESTADUAL O TERMO DE ADESÃO/PROPOSTA DE ADMISSÃO CONTRATO COLETIVO POR ADESÃO MULTIPLO 1 ESTADUAL O produto que faz parte do presente Contrato está de acordo com a Lei nº 9.656-98 e demais atos normativos que regulamentam

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA Processo Licitatório 029/2011 Pregão Presencial 014/2011 Empresa: Oi RESPOSTA A QUESTIONAMENTO Conforme recebidas por via eletrônica as seguintes questões, após consulta à área técnica do Conselho Regional

Leia mais

Memorando Circular N 11/PROGEP/IFCE/2017. Fortaleza, 10 de maio de Da: Pró-reitoria de Gestão de Pessoas Para: Servidores do IFCE

Memorando Circular N 11/PROGEP/IFCE/2017. Fortaleza, 10 de maio de Da: Pró-reitoria de Gestão de Pessoas Para: Servidores do IFCE Memorando Circular N 11/PROGEP/IFCE/2017 Fortaleza, 10 de maio de 2017 Da: Pró-reitoria de Gestão de Pessoas Para: Servidores do IFCE Assunto: Novos procedimentos na Assistência à Saúde Suplementar. Senhores

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO PREVI-RIO ATO DO PRESIDENTE. PORTARIA PREVI-RIO nº 961 Em 17 de maio de 2017.

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO PREVI-RIO ATO DO PRESIDENTE. PORTARIA PREVI-RIO nº 961 Em 17 de maio de 2017. INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO PREVI-RIO ATO DO PRESIDENTE PORTARIA PREVI-RIO nº 961 Em 17 de maio de 2017. Estabelece procedimentos para migração dos beneficiários

Leia mais

Especificação de Produtos do Plano Brasil de Saúde. Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Especificação de Produtos do Plano Brasil de Saúde. Universidade Federal de Uberlândia - UFU Especificação de Produtos do Plano Brasil de Saúde Universidade Federal de Uberlândia - UFU PLANOS COM ABRANGÊNCIA NACIONAL AMIL ASSISTÊNCIA MÉDICA INTERNACIONAL S.A. a) Plano Básico (Amil 120) Plano Ambulatorial

Leia mais

WEB CONFERÊNCIA REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS 01/ 03 / 2012

WEB CONFERÊNCIA REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS 01/ 03 / 2012 WEB CONFERÊNCIA REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS 01/ 03 / 2012 ASSUNTOS ABORDADOS: Programa de Conformidade Regulatória que dispõem sobre aceitação, registro, vinculação, custódia, movimentação

Leia mais

Localize na tabela de auxílio-saúde o valor de sua remuneração e a sua idade, este é o valor do seu auxílio-saúde:

Localize na tabela de auxílio-saúde o valor de sua remuneração e a sua idade, este é o valor do seu auxílio-saúde: ASSISTÊNCIA À SAÚDE SUPLEMENTAR DO SERVIDOR: Per-capta - saúde-suplementar (modalidade de ressarcimento) A assistência à saúde suplementar é um benefício compartilhado, tendo uma parte custeada pela União,

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N 416, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2016. Dispõe sobre o Monitoramento do Risco Assistencial sobre as operadoras de planos de assistência à saúde. [Índice][Correlações] A Diretoria Colegiada

Leia mais

REAJUSTE ANUAL DAS MENSALIDADES JULHO DE 2016 a JUNHO DE 2017

REAJUSTE ANUAL DAS MENSALIDADES JULHO DE 2016 a JUNHO DE 2017 PERGUNTAS E RESPOSTAS REAJUSTE ANUAL DAS MENSALIDADES JULHO DE 2016 a JUNHO DE 2017 REAJUSTE ANUAL 1. O que é um reajuste anual e qual é sua base legal? O reajuste anual é um mecanismo para corrigir os

Leia mais

MARGEM DE SOLVÊNCIA. Conceito e composição contábil/legal

MARGEM DE SOLVÊNCIA. Conceito e composição contábil/legal MARGEM DE SOLVÊNCIA Conceito e composição contábil/legal CONCEITO DE MARGEM DE SOLVÊNCIA Em termos contábeis solvência é quando os ativos são superiores ao passivo da entidade. A Margem de Solvência é

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 305, DE 9 DE OUTUBRO DE 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 305, DE 9 DE OUTUBRO DE 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1 de 7 24/10/2014 13:48 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 305, DE 9 DE OUTUBRO DE 2012 Esta Resolução estabelece o Padrão obrigatório para Troca de Informações na Saúde Suplementar - Padrão TISS dos dados de

Leia mais

VALEC: Desenvolvimento Sustentável para o Cerrado Brasileiro 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS EDITAL PREGÃO N.º 020/2008

VALEC: Desenvolvimento Sustentável para o Cerrado Brasileiro 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS EDITAL PREGÃO N.º 020/2008 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS EDITAL PREGÃO N.º 020/2008 1) A VALEC já firmou algum contrato de assistência odontológica? RESPOSTA: Sim. 2) Sendo a resposta positiva perguntamos: a. Qual a operadora?

Leia mais

RESOLUÇÃO N º 22, DE 09 DE JUNHO DE 2011.

RESOLUÇÃO N º 22, DE 09 DE JUNHO DE 2011. RESOLUÇÃO N º 22, DE 09 DE JUNHO DE 2011. ALTERA Resolução de nº. 01 de 30 de março de 2004, que estabelece critérios e documentação necessários á inscrição no Plano Fisco A Diretoria da CASSIND-CAIXA

Leia mais

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 256/2017

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 256/2017 ESCLARECIMENTO I EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 256/2017 O SESI/SENAI-PR, através de sua Comissão de Licitação, torna público o ESCLARECIMENTO referente ao edital de licitação acima relacionado, conforme

Leia mais

* C) Para solicitar: no item 2 (Dados Cadastrais do Titular), independente de estarem assinaladas com *. - No item 3. Importante: Importante: *

* C) Para solicitar: no item 2 (Dados Cadastrais do Titular), independente de estarem assinaladas com *. - No item 3. Importante: Importante: * I * C) Para solicitar: no item 2 (Dados Cadastrais do Titular), independente de estarem assinaladas com *. No item 3 Importante: Importante: * Importante: CANCELAMENTO DO PLANO (titular e dependentes)

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DE COBRANÇA Perguntas e respostas frequentes

MANUAL PRÁTICO DE COBRANÇA Perguntas e respostas frequentes MANUAL PRÁTICO DE COBRANÇA 1 MANUAL PRÁTICO DE COBRANÇA É possível condicionar a nova contratação de plano ao pagamento da dívida pelo ex beneficiário contratante de plano individual/ familiar? Não. É

Leia mais

Publicações Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS e

Publicações Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS e Publicações Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS 19.12.2013 e 20.12.2013 Dia 19.12.2013 DECISÕES DE 6 DE DEZEMBRO DE 2013 janeiro de 2000, aprovou o voto relator pelo conhecimento e não provimento

Leia mais

Oficina ANS realizada em Brasília

Oficina ANS realizada em Brasília Oficina ANS realizada em Brasília A Unimed Federação Minas marcou presença na Oficina de Regulação de Planos coletivos e outros temas, realizada pela ANS, em Brasília (DF), no dia 25 de maio, ocasião em

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA

MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN No- 195, DE 14 DE JULHO DE 2009 Dispõe sobre a classificação e características dos planos privados

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA Resolução UNESP nº 64 de 18/08/2016. TÍTULO I Do Programa Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia, Cursos de MESTRADO

Leia mais

TISS PADRÃO DE TROCA DE INFORMAÇÕES NA SAÚDE SUPLEMENTAR. Regras de negocio. JORNADA NACIONAL de SAÚDE SUPLEMENTAR para HOSPITAIS E OPERADORAS

TISS PADRÃO DE TROCA DE INFORMAÇÕES NA SAÚDE SUPLEMENTAR. Regras de negocio. JORNADA NACIONAL de SAÚDE SUPLEMENTAR para HOSPITAIS E OPERADORAS JORNADA NACIONAL de SAÚDE SUPLEMENTAR para HOSPITAIS E OPERADORAS Regras de negocio TISS PADRÃO DE TROCA DE INFORMAÇÕES NA SAÚDE SUPLEMENTAR CONCEITO As funções de Estado são fundamentais para a regulação

Leia mais

Encontro Nacional Unimed de Vendas 19 de maio de 2016

Encontro Nacional Unimed de Vendas 19 de maio de 2016 Encontro Nacional Unimed de Vendas 19 de maio de 2016 CENTRAL NACIONAL UNIMED Dr. Aiodair Martins Junior Diretor Superintendente Unimed de Ribeirão Preto CONTRATOS COLETIVOS POR ADESÃO Conceito São contratados

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO. CHAMAMENTO PÚBLICO... nº 01/2016 CPL/DR/PI CREDENCIAMENTO DE INSTITUIÇÃO DE ENSINO ENTIDADE PROMOTORA

EDITAL DE CREDENCIAMENTO. CHAMAMENTO PÚBLICO... nº 01/2016 CPL/DR/PI CREDENCIAMENTO DE INSTITUIÇÃO DE ENSINO ENTIDADE PROMOTORA EDITAL DE CREDENCIAMENTO CHAMAMENTO PÚBLICO... nº 01/2016 CPL/DR/PI CREDENCIAMENTO DE INSTITUIÇÃO DE ENSINO ENTIDADE PROMOTORA EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS, Empresa Pública, criada pelo

Leia mais

CONCORRÊNCIA Nº 01/2016 PROCESSO SESI-CN 0201/2016 SESSÃO DE ABERTURA: 16/12/2016 às 10h00 SESI - CONSELHO NACIONAL ESCLARECIMENTO 1

CONCORRÊNCIA Nº 01/2016 PROCESSO SESI-CN 0201/2016 SESSÃO DE ABERTURA: 16/12/2016 às 10h00 SESI - CONSELHO NACIONAL ESCLARECIMENTO 1 CONCORRÊNCIA Nº 01/2016 PROCESSO SESI-CN 0201/2016 SESSÃO DE ABERTURA: 16/12/2016 às 10h00 SESI - CONSELHO NACIONAL ESCLARECIMENTO 1 A Comissão de Licitação do Conselho Nacional do SESI vem por meio desta

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO SENAC PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE TRANSFERÊNCIAS

CENTRO UNIVERSITÁRIO SENAC PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE TRANSFERÊNCIAS 1 - Para a inscrição no processo seletivo transferência é cobrada alguma taxa? Resposta: Sim. Atualmente o valor da taxa de inscrição para o processo seletivo de transferência é de R$ 20,00 (vinte Reais).

Leia mais

COMISSÃO PARITÁRIA CUSTEIO DO PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017. Novembro/2016

COMISSÃO PARITÁRIA CUSTEIO DO PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017. Novembro/2016 COMISSÃO PARITÁRIA CUSTEIO DO PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017 Novembro/2016 SUMÁRIO Evolução do CorreiosSaúde Situação Atual do Plano Comparativo do Mercado Estudo Atuarial Projeção Atuarial 2017 Evolução

Leia mais

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE Foi publicada no Diário Oficial da União - DOU de 11/11/16 a RN 412/16 que dispõe sobre a solicitação de cancelamento do contrato do

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal

Universidade Federal de Minas Gerais Pró-Reitoria de Recursos Humanos Departamento de Administração de Pessoal ASSISTÊNCIA À SAÚDE SUPLEMENTAR Cód.: ASS Nº: 141 Versão: 01 Data: 17/07/2017 DEFINIÇÃO A assistência à saúde do servidor, ativo ou inativo, e de sua família compreende assistência médica, hospitalar,

Leia mais

4. Se Prestador de serviço ou fornecedor de bem tipo PESSOA FÍSICA:

4. Se Prestador de serviço ou fornecedor de bem tipo PESSOA FÍSICA: INSTRUÇÃO NORMATIVA PROAD Nº 001/2017 Estabelece novos procedimentos para formalização de processos de Reconhecimentos de Débito para PRESTADORES DE SERVIÇO ou FORNECEDORES DE BENS e OUTROS SEM VÍNCULO

Leia mais

Porque aderir ao Unafisco Saúde

Porque aderir ao Unafisco Saúde Porque aderir ao Unafisco Saúde O Unafisco Saúde foi fundado em 1992 por Auditores Fiscais do Sindifisco Nacional com o objetivo de oferecer os melhores serviços e benefícios para a categoria. A Instituição

Leia mais

COMISSÃO PARITÁRIA CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DE BENEFICIÁRIOS NO CORREIOSSAÚDE

COMISSÃO PARITÁRIA CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DE BENEFICIÁRIOS NO CORREIOSSAÚDE COMISSÃO PARITÁRIA CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DE BENEFICIÁRIOS NO CORREIOSSAÚDE 29 de novembro de 2016. Beneficiários do CorreiosSaúde BENEFICIÁRIOS COM DIREITO AO PLANO CORREIOSSAÚDE Titulares 1. Empregados

Leia mais

MANUAL DO SERVIDOR E DA GESTÃO DE PESSOAL DO IFTO AUXÍLIO PER CAPITA SAÚDE SUPLEMENTAR RESSARCIMENTO DE PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO

MANUAL DO SERVIDOR E DA GESTÃO DE PESSOAL DO IFTO AUXÍLIO PER CAPITA SAÚDE SUPLEMENTAR RESSARCIMENTO DE PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO MANUAL DO SERVIDOR E DA GESTÃO DE PESSOAL DO IFTO Atualização em 7/4/2017. AUXÍLIO PER CAPITA SAÚDE SUPLEMENTAR RESSARCIMENTO DE PLANO DE SAÚDE/ODONTOLÓGICO Definição O Auxílio Per Capita Saúde Suplementar

Leia mais

Cancelamento de Registro de Operadoras. Junho/2016

Cancelamento de Registro de Operadoras. Junho/2016 Cancelamento de Registro de Operadoras Junho/2016 Diretoria de Normas e Habilitação das Operadoras DIOPE Gerência Geral de Regimes Especiais GGRE Coordenadoria de Cancelamento de Registro COCRE Cancelamento

Leia mais

FAQ - RN 412, de 10 de novembro de 2016

FAQ - RN 412, de 10 de novembro de 2016 FAQ - RN 412, de 10 de novembro de 2016 Disposições Preliminares 1- Qual é o objeto de regulamentação da RN nº 412/2016? R: A RN 412 regulamenta o cancelamento do contrato de plano de saúde individual

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCEDIMENTO LICITATÓRIO Nº 4/2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 4/2013 RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO REALIZADO PELO BANCO ITAÚ UNIBANCO S/A. PERGUNTA 01: Está correto o entendimento de que as certidões

Leia mais

Índice. Informação é poder. Conforme amplamente divulgado, a CAPESESP desde janeiro de 2016 encontra-se

Índice. Informação é poder. Conforme amplamente divulgado, a CAPESESP desde janeiro de 2016 encontra-se 1 2 3 Informação é poder Conforme amplamente divulgado, a CAPESESP desde janeiro de 2016 encontra-se em Regime Especial de Direção Fiscal por parte da Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS, órgão regulador

Leia mais

Plano de saúde coletivo por adesão SINTUFSC - AGEMED

Plano de saúde coletivo por adesão SINTUFSC - AGEMED Plano de saúde coletivo por adesão SINTUFSC - AGEMED Com o objetivo de levar vantagens e alternativas de qualidade e economia para os filiados do SINTUFSC e fortalecer nossas parcerias, a Agemed disponibiliza

Leia mais

1. Art. 17, caput: Formas de comunicação ao beneficiário

1. Art. 17, caput: Formas de comunicação ao beneficiário Contribuições do SINOG Sindicato Nacional das Empresas de Odontologia de Grupo para discussão na 2ª reunião do Grupo Técnico da Regulamentação da Lei nº 13.003/2014. Contribuições sobre pontos relevantes

Leia mais

º 3 S - n N A

º 3 S - n N A ANS - nº 31234-7 Portabilidade de carências 1) O que é a Portabilidade de Planos de Saúde? É a possibilidade de mudança de um plano de saúde, Individual, ou Familiar, ou Coletivo, por adesão, com registro

Leia mais

Visão da ANS e o Sistema Unimed: perspectivas para o futuro

Visão da ANS e o Sistema Unimed: perspectivas para o futuro V Fórum Nacional de Cooperativismo Médico Visão da ANS e o Sistema Unimed: perspectivas para o futuro Brasília,26 junho de 2012 Agência Nacional de Saúde Suplementar Agência reguladora do Governo Federal,

Leia mais

3. PROCEDIMENTOS DO CORRETOR CREDENCIADO

3. PROCEDIMENTOS DO CORRETOR CREDENCIADO MANUAL DO CORRETOR ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 5 2. OBJETIVO... 5 3. PROCEDIMENTOS DO CORRETOR CREDENCIADO... 5 3.1 VENDA DE PLANO DE SAÚDE... 5 3.1.1 Preenchimento do contrato... 6 3.1.2 Pagamentos... 7 3.1.3

Leia mais

11ª REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS 22/05/2014

11ª REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS 22/05/2014 11ª REUNIÃO DE ESCLARECIMENTOS REGULATÓRIOS INSTÂNCIAS DE PARTICIPAÇÃO CÂMARAS E GRUPOS TÉCNICOS - Câmara de Saúde Suplementar - CAMSS Representante: Dr. Geraldo Almeida Lima - Câmara Técnica sobre Qualificação

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL Resolução UNESP nº 02, de 11 de janeiro de 2016 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil e Ambiental,

Leia mais

EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014

EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014 EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014 O Diretor da Faculdade de Tecnologia de São Roque no uso de suas atribuições legais torna público que estão abertas as inscrições para participação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 009/2011 Secretaria Municipal de Administração Processos: 100094/2011 ROMILDO BOLZAN

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS

SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS SOLICITAÇÃO DE CANCELAMENTO DO CONTRATO OU EXCLUSÃO MOTIVADA PELO BENEFICIÁRIO TITULAR/RESPONSÁVEL NOS TERMOS DA RN 412/2016/ANS Prezado(a) beneficiário(a), conforme determina o artigo 17 da RN 412, cumpre-nos

Leia mais

Carla de Figueiredo Soares Diretora Adjunta. Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos Agosto de 2011

Carla de Figueiredo Soares Diretora Adjunta. Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos Agosto de 2011 Carla de Figueiredo Soares Diretora Adjunta Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos Agosto de 2011 Eixo 1 Modelo de Financiamento do Setor; Eixo 2 Garantia de Qualidade e Acesso Assistencial; Eixo

Leia mais

CONSIDERAÇÕES PARA A ASSEMBLEIA DE 22/06/2016

CONSIDERAÇÕES PARA A ASSEMBLEIA DE 22/06/2016 CONSIDERAÇÕES PARA A ASSEMBLEIA DE 22/06/2016 1 INFORMES 1.1- Demonstrações contábeis 2015: Na reunião do Conselho Curador, ocorrida em Brasília/DF no período de 01 e 03 de março de 2016, os Conselheiros

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE Obs.: Período de inscrições 30/05/16 a 10/06/2016 (exceto 04 e 05/06/16), no horário das 15h30 às 17h30h e 18h30 as 20h30. EDITAL FATEC DA ZONA LESTE Nº. 05/2016 de 25 de maio de 2016. O Diretor da Faculdade

Leia mais

1ª) A lei de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a):

1ª) A lei de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a): 1ª) A lei 12.550 de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a): A) Poder Legislativo. B) Poder Executivo C) Poder Judiciário D)

Leia mais

TERMO DE ADESÃO. RG nº Órgão expedidor Data de Emissão / / CNS Estado Civil Declaração de nascido vivo nº. Banco Agência Nº Conta Corrente

TERMO DE ADESÃO. RG nº Órgão expedidor Data de Emissão / / CNS Estado Civil Declaração de nascido vivo nº. Banco Agência Nº Conta Corrente ( )Plano GEAPSaúde II ( )Plano GEAP-Referência ( )Plano GEAPEssencial ( )Plano GEAPClássico Registro ANS n 458.004/08-4 Registro ANS n 455.830/07-8 Registro ANS n 455.835/07-9 Registro ANS n 456.093/07-1

Leia mais

REAG GESTORA DE RECURSOS LTDA.

REAG GESTORA DE RECURSOS LTDA. REAG GESTORA DE RECURSOS LTDA. POLÍTICA DE SELEÇÃO, CONTRATAÇÃO E SUPERVISÃO DE GESTORES E FUNDOS DE TERCEIROS PARA ALOCAÇÃO MAIO DE 2017 Página 1 de 5 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO APRESENTAÇÃO 1.1. A REAG Gestora

Leia mais

Porque aderir ao Unafisco Saúde

Porque aderir ao Unafisco Saúde Porque aderir ao Unafisco Saúde O Unafisco Saúde foi fundado em 1992 por Auditores Fiscais do Sindifisco Nacional com o objetivo de oferecer os melhores serviços e benefícios para a categoria. A Instituição

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA- RN Nº 413, DE 11 DE NOVEMBRO DE 2016.

RESOLUÇÃO NORMATIVA- RN Nº 413, DE 11 DE NOVEMBRO DE 2016. RESOLUÇÃO NORMATIVA- RN Nº 413, DE 11 DE NOVEMBRO DE 2016. Dispõe sobre a contratação eletrônica de planos privados de assistência à saúde. A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Saúde Suplementar

Leia mais

Caros servidores com Convênio Unimed,

Caros servidores com Convênio Unimed, Caros servidores com Convênio Unimed, O reajuste anual do Convênio com a Unimed ocorre sempre no mês de julho de cada ano. Para os planos individuais a Agência Nacional de Saúde (ANS) define o reajuste.

Leia mais

COMISSÃO PARITÁRIA MODELO DE GESTÃO DE PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017. Novembro/2016

COMISSÃO PARITÁRIA MODELO DE GESTÃO DE PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017. Novembro/2016 COMISSÃO PARITÁRIA MODELO DE GESTÃO DE PLANO DE SAÚDE ACT 2016/2017 Novembro/2016 Contexto Autogestão por RH Plano CorreiosSaúde (31/12/2013) 405 mil Beneficiários aproximadamente Força de Trabalho: 840

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - FCT/UNESP CAMPUS DE PRESIDENTE PRUDENTE REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGE)

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - FCT/UNESP CAMPUS DE PRESIDENTE PRUDENTE REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGE) FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - FCT/UNESP CAMPUS DE PRESIDENTE PRUDENTE REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGE) Resolução UNESP nº de / /2012 Aprova o Regulamento do Programa de

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO (A) BENEFICIÁRIO (A) TITULAR (Preencher com letra de forma ou letra manuscrita legível) Nome completo: Matrícula/CB:

IDENTIFICAÇÃO DO (A) BENEFICIÁRIO (A) TITULAR (Preencher com letra de forma ou letra manuscrita legível) Nome completo: Matrícula/CB: IDENTIFICAÇÃO DO (A) BENEFICIÁRIO (A) TITULAR (Preencher com letra de forma ou letra manuscrita legível) Nome completo: Matrícula/CB: CPF: Nº do documento de Identificação: Unidade de Lotação/Vinculação:

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Fundo Municipal de Saúde de Joinville. Edital de Chamamento Público nº 001/2013 Credenciamento Universal

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Fundo Municipal de Saúde de Joinville. Edital de Chamamento Público nº 001/2013 Credenciamento Universal SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Fundo Municipal de Saúde de Joinville Edital de Chamamento Público nº 001/2013 Credenciamento Universal A Prefeitura Municipal de Joinville/SC, através da Secretaria Municipal

Leia mais

Diretoria de Governo. Gerência de Negócios com o Setor Público. - Junho/2009 -

Diretoria de Governo. Gerência de Negócios com o Setor Público. - Junho/2009 - Diretoria de Governo Gerência de Negócios com o Setor Público - Junho/2009 - AGENDA OPERAÇÕES DE CRÉDITO Modalidades: PROVIAS CAMINHO DA ESCOLA FLUXO OPERACIONAL MANUAL PARA INSTRUÇÃO DE PLEITOS: PARCERIAS

Leia mais

Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017

Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017 Of. N 128/2017 APUFPR-SSIND Curitiba, 2 de junho de 2017 Assunto: Esclarecimentos sobre Reajuste 2017 Plano de Saúde Corporativo Unimed Curitiba para a APUFPR-SSind Prezado(a) associado(a), Em nome da

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 50, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2016, DA DIRETORIA DE NORMAS E HABILITAÇÃO DOS PRODUTOS Regulamenta a Resolução Normativa - RN nº 417, de 22 de dezembro de 2016, para dispor, em especial,

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO

NOTA DE ESCLARECIMENTO PREGÃO PRESENCIAL SESC/AR-PE Nº. 004/2011 (C/S) 06/05/2011 PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PARA OS FUNCIONÁRIOS DO SESC/PE, SENAC/PE E FECOMÉRCIO/PE, SEUS RESPECTIVOS DEPENDENTES E AGREGADOS.

Leia mais

NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHOS DE CAMPO Universidade Federal de Itajubá

NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHOS DE CAMPO Universidade Federal de Itajubá NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHOS DE CAMPO Universidade Federal de Itajubá Art. 1º- Esta norma estabelece os critérios para o

Leia mais

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde Diferenças entre planos individuais e coletivos Operadora: Caixa Seguradora Especializada em Saúde CNPJ: 13.223.975/0001-20 Nº de registro da ANS:

Leia mais

JUNTA MÉDICA: ORIENTAÇÕES PARA A ANÁLISE DAS DEMANDAS NIP ASSISTENCIAIS

JUNTA MÉDICA: ORIENTAÇÕES PARA A ANÁLISE DAS DEMANDAS NIP ASSISTENCIAIS JUNTA MÉDICA: ORIENTAÇÕES PARA A ANÁLISE DAS DEMANDAS NIP ASSISTENCIAIS Junta médica: normativos CONSU 8/98 De acordo com o Art. 4º, inciso V, da Resolução CONSU 08/1998, as operadoras de planos privados

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 006/2012

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 006/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 006/2012 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar ASCOOB, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ sob nº 03.425.488/0001 97, com sede na Avenida

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 02/2016

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 02/2016 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 02/2016 ESTADO DO RIO DE JANEIRO CRF/RJ - CNPJ 33661414-0001-10, Autarquia Federal, criada pela Lei 3820, de 11.11.1960, dotada de personalidade jurídica de direito publico,

Leia mais

AUXÍLIO TRANSPORTE ORIENTAÇÕES E PERGUNTAS FREQUENTES

AUXÍLIO TRANSPORTE ORIENTAÇÕES E PERGUNTAS FREQUENTES AUXÍLIO TRANSPORTE ORIENTAÇÕES E PERGUNTAS FREQUENTES Definição: É o benefício de natureza indenizatória, concedido em pecúnia pela União, destinado ao custeio parcial das despesas realizadas com transporte

Leia mais

LIQUIDAÇÃO EXTRAJUDICIAL Encerramento Compulsório das Atividades

LIQUIDAÇÃO EXTRAJUDICIAL Encerramento Compulsório das Atividades LIQUIDAÇÃO EXTRAJUDICIAL Encerramento Compulsório das Atividades Clique para editar o nome do autor Diretoria de Normas e Habilitação Clique para das editar Operadoras o cargo do - DIOPE autor Gerência-Geral

Leia mais

MANUAL EMPRESARIAL BIOVIDA SAU DE

MANUAL EMPRESARIAL BIOVIDA SAU DE MANUAL EMPRESARIAL BIOVIDA SAU DE I ndice de Abertura Apresentação... Pág. 3 ADMINISTRAÇÃO DE CONTRATO Orientações Gerais... Pág. 4 1. Movimentação Cadastral... Pág. 4 2. Reajuste/Pool de Risco Exclusivo

Leia mais

EMPRESA (RAZÃO SOCIAL): UNIMED BELO HORIZONTE COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO REPRESENTANTE LEGAL: Sr. Claudney Gonçalves Guimarães

EMPRESA (RAZÃO SOCIAL): UNIMED BELO HORIZONTE COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO REPRESENTANTE LEGAL: Sr. Claudney Gonçalves Guimarães 1 EDITAL DE LICITAÇÃO Nº: 003/2014 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL PROCESSO Nº: 0013/2014 ATA DE REALIZAÇÃO DE PREGÃO PRESENCIAL Às 15:00 horas do dia 25 (vinte e cinco) de abril do ano de dois mil e quatorze

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE Operadora: S.P.A. SAÚDE Sistema de Promoção Assistencial CNPJ: 69.259.356/0001-40 Nº de registro na ANS: 32449-3 Nº de registro do produto: SPA GOLD

Leia mais